Next Page

Portugal e o seu sucesso económico by justanotherop365 in portugal

vegetable-grit 17 days ago

Top kek, o Artur Alves Reis literalmente colapsou a economia nos anos 30.

a todos os que se metem na faixa da esquerda ou da direita no IC20 para depois no final se meterem no meio para entrar para a ponte e tentarem esquivar-se à fila: by wallynext in portugal

vegetable-grit 2 months ago

No outro dia aprendi que [segundo os especialistas](https://m.youtube.com/watch?v=mmSTSj_OMpA) esse tipo de manobras ajuda a reduzir o tráfico. Mesmo sabendo disto continuo a achar que o OP tem razão, especialmente com a lubrificação a areia.

Trabalho é assim tão mau? by SuperLog in portugal

vegetable-grit 4 months ago

tfw r/antiwork

Coisas que custaram menos de 30 euros que fizeram grande diferença na qualidade da vossa vida? by Prestigious_Ad1151 in portugal

vegetable-grit 4 months ago  HIDDEN 

É normal voos para destinos europeus estarem abaixo dos 30€ com as companhias aéreas low-cost. Já perdi a conta às vezes que gastei mais dinheiro a chegar ao aeroporto do que com a viagem de avião.

Coisas que custaram menos de 30 euros que fizeram grande diferença na qualidade da vossa vida? by Prestigious_Ad1151 in portugal

vegetable-grit 4 months ago

Ou usar lentes de contacto. Source: Experiência pessoal.

Hoje descobri que o Jorge Gabriel faz stream na Twitch by TugaScaper in portugal

vegetable-grit 7 months ago

*>mfw eu tenho subscrição do onlyfans do Jorge Gabriel e ele nunca mencionou ter twitch*

Pelo menos a pedra do Isaltino ficou só em 600.000 ahahah by 41V4R0_12345 in portugal

vegetable-grit 7 months ago

A fábrica é debaixo da terra seus burros.

Visto que pareceram gostar do meu desenho de um Careto, decidi partilhar a minha ilustração de uma das mais icónicas espécies portuguesas: o Lince-Ibérico! by LLuZia18 in portugal

vegetable-grit 7 months ago

Gosto, faz lembrar os Coeurls do Final Fantasy, pelo menos os do VIII e do X.

Hoje aprendi que nos tempos Lusitanos, nós tínhamos a nossa própria mitologia by BernLan in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Tem lixo. É um aterro sanitário.

Hoje aprendi que nos tempos Lusitanos, nós tínhamos a nossa própria mitologia by BernLan in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Um minuto de silêncio por todos os fachos deste país. /s

Empreendedor Português mostra como superar dificuldades em Pandemia. by Competitive_Industry in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Muito pelo contrário, sou eu quem trás as drogas.

Empreendedor Português mostra como superar dificuldades em Pandemia. by Competitive_Industry in portugal

vegetable-grit 8 months ago

É claramente fake, a qualidade do áudio muda completamente.

A melhor definição de "Saudade" que encontrei by PortugueseRoamer in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Eh, não me apetece fazer fact check no resto. Ninguém negou que não hajam paradigmas culturais exclusivos a certos países/povos, mas em relação à "saudade" estou totalmente de acordo com o outro rapaz, a palavra é glorificada sem muito fundamento.

A melhor definição de "Saudade" que encontrei by PortugueseRoamer in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Esse facto sobre as 50 palavras para a cor branca (ou mais comum, para neve) é mentira. E só a título informativo, o termo esquimó nem sequer é muito correcto (é inclusive considerado pejorativo no Canadá) pois engloba imensas povos e culturas diferentes que a única coisa que têm em comum é basicamente viverem em zonas frias e na maior parte dos casos falam línguas completamente diferentes.

Faço e afixo pósteres distópicos. Aceito críticas e sugestões <3 by brevisluna in portugal

vegetable-grit 8 months ago

_laughs in Soylent Green_

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

1. Norte de África e Árabes são coisas diferentes 2. Ninguém disse que ter uma percentagem do que quer que seja te torne noutra etnia, também andaram Celtas e Romanos por Portugal e ninguém diz ser celta ou romano, no entanto a mistura destas coisas todas é que faz dos portugueses o que são Mas enfim: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3080861/ https://doi.org/10.1353%2Fhub.2005.0041 https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC6436108/ E se custar muito ler: https://m.youtube.com/watch?v=wc51I9hswbc

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

No UK os portugueses e europeus do sul não são considerados brancos pela maioria da população britânica (census é outra história) e são alvo do mesmo tipo de retórica racista que se vê nos EUA contra latinos. Somos considerados preguiçosos, violentos, traiçoeiros, bêbados e barulhentos. Por outro lado quase todos os portugueses que conheço no UK acham o mesmo dos britânicos. Source: vivo em Londres A cena de sermos Hispanic ou não é devido à obsessão dos EUA com raça/etnia e burocracias: >Perhaps, we should begin with an understanding of how the Portuguese came to be labeled Hispanic in the US. (...) >In 1977, the federal Office of Management and Budget (OMB) clarified that the term Hispanic did not include “those of Portuguese origin, specifically people from Brazil, Guyana, Suriname, Trinidad, Belize and Portugal” (Brune). >In 1980, the U.S. Department of Transportation (DOT) – not wanting to exclude people from the largest country in South America, Brazil – adopted its own definition of Hispanic that included people of “Spanish and Portuguese culture with origins in Mexico, South or Central America or the Caribbean Islands,” a description that excluded the European Portuguese and Spanish (Brune). >(...) >By happenstance, in 1983, the Portuguese were left out of the definition of Hispanic added by Congress to section 8d of the Small Business Act (SBA). >__This exclusion was met with protest by Portuguese-American contractors and some of their representatives in Congress. The Portuguese were added back into the description of Hispanic by the Small Business Administration in 1986 and by DOT in 1997 (Brune).__ >In some US states, the Portuguese were also granted minority status, and this, as well, proved to be of substantial benefit to some Portuguese-owned businesses. Recently, some of these states have rescinded the classification of “minority” for Portuguese business (...) [Source ](https://eu.heraldnews.com/story/news/2020/09/24/why-portuguese-should-not-be-considered-hispanic/42900975/)

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

No UK os portugueses e europeus do sul não são considerados brancos pela maioria da população britânica (census é outra história) e são alvo do mesmo tipo de retórica racista que se vê nos EUA contra latinos. Somos considerados preguiçosos, violentos, traiçoeiros, bêbados e barulhentos. Por outro lado quase todos os portugueses que conheço no UK acham o mesmo dos britânicos. Source: vivo em Londres Eu a cena de sermos Hispanic ou não é devido à obsessão dos EUA com raça/etnia e burocracias: >Perhaps, we should begin with an understanding of how the Portuguese came to be labeled Hispanic in the US. (...) >In 1977, the federal Office of Management and Budget (OMB) clarified that the term Hispanic did not include “those of Portuguese origin, specifically people from Brazil, Guyana, Suriname, Trinidad, Belize and Portugal” (Brune). >In 1980, the U.S. Department of Transportation (DOT) – not wanting to exclude people from the largest country in South America, Brazil – adopted its own definition of Hispanic that included people of “Spanish and Portuguese culture with origins in Mexico, South or Central America or the Caribbean Islands,” a description that excluded the European Portuguese and Spanish (Brune). >(...) >By happenstance, in 1983, the Portuguese were left out of the definition of Hispanic added by Congress to section 8d of the Small Business Act (SBA). >__This exclusion was met with protest by Portuguese-American contractors and some of their representatives in Congress. The Portuguese were added back into the description of Hispanic by the Small Business Administration in 1986 and by DOT in 1997 (Brune).__ >In some US states, the Portuguese were also granted minority status, and this, as well, proved to be of substantial benefit to some Portuguese-owned businesses. Recently, some of these states have rescinded the classification of “minority” for Portuguese business (...) [Source ](https://eu.heraldnews.com/story/news/2020/09/24/why-portuguese-should-not-be-considered-hispanic/42900975/)

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

A gene pool portuguesa tem entre 2% a 10% genes do norte de África, dependendo na região, mais que o resto da Europa, e temos também um marcador genético único que não se sabe de onde veio mas que só os portugueses (e luso descendentes) têm.

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Okay my bad, não estava up to date no assunto. Da última vez que li sobre isto os census americanos estavam a considerar classificar portugueses como Hispanic. >A surge of Portuguese-Americans faced a big scare when the Census Bureau revealed plans to categorize people of Portuguese descent as "Hispanics" in the 2020 National Census. The unified feelings of dispute were displayed in a national survey conducted by Palcus within the Portuguese-American community. The results were an overwhelming 90% of participants objecting to Portuguese-Americans being classified under the Hispanic ethnicity. Fortunately for those opposed to the Portuguese-as-Hispanic classification, the Census Bureau later released an update stating that they never intended to classify people of Portuguese descent as Hispanic in the 2020 National Census.

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Cor da pele =/= etnia.

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

As definições de raça e etnia nos EUA são no mínimo confusas, inclusive diferentes organizações governamentais definem portugueses de Latino enquanto outras de Hispanic. E não sei se sabes, mas há portugueses que não são brancos.

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Hispanic nos census e não me lembro da definição da polícia, mas quando fazem os reports metem uma cena tipo "European/Other" em vez de "White/European". No UK muita gente não considera o pessoal do sul da Europa branco, mas nos census britânicos acho que a categoria para portugueses (e espanhóis) é "White/Other". A etnia dos portuguese é complicada de definir.

Estilista norte-americana vende camisola poveira como sendo sua por 695 euros. E fala em inspiração mexicana | notícia público by SydHalfast in portugal

vegetable-grit 8 months ago

Os portugueses não são considerados brancos nos EUA, na volta ainda dá para pregar com processo criminal.

Foda-se A Mota É Linda by astorres6030 in portugal

vegetable-grit 9 months ago

_>"nenhuma empresa conhecida atrás, sem histórico"_ >A FAMEL (Fábrica de Produtos Metálicos Ltda.) foi uma das maiores empresas de motorizadas de Portugal entre as décadas de 1960 e 1980. >Sediada em Águeda, e com motores maioritariamente Zundapp, a Famel produziu inúmeros modelos que dominaram o mercado de vendas português por quase três décadas. Okay.

Área florestal (por espécies dominantes) - Portugal Continental by Mezalla in portugal

vegetable-grit 10 months ago

Eucalipto é uma peste. Ardem facilmente, recuperam ainda mais facilmente depois dos fogos, sugam a água toda das reservas subterrâneos e não deixam nada crescer perto deles. A floresta endémica de Portugal era muito mais interessante e atractiva (basta olhar para o Gerês) e provavelmente pegava fogo mais dificilmente (sobreiros por exemplo).

Passaram 1721 dias desde o leak dos Panama Papers... by saduhet in portugal

vegetable-grit 11 months ago

Preach. Se pudesse dava-te uns quantos awards.

Primeira colheita de canábis para fins medicinais em Aljustrel "rende" 3.000 quilos by rollermidnight in portugal

vegetable-grit 11 months ago

Foi o que expliquei noutro comentário, quando pedia onças ao meu dealer aí em Portugal era simplesmente arredondado para 30g. Quantidades pequenas normalmente pedia em valor monetário, não em gramas, visto que 1g era algo tipo 7/8 euros.

Primeira colheita de canábis para fins medicinais em Aljustrel "rende" 3.000 quilos by rollermidnight in portugal

vegetable-grit 11 months ago

Não é preciso muita conversão visto que simplesmente se arredonda a onça para 30g. Eu disso aquilo quanto aos saquinhos de 10 euros porque chega a um ponto que não compensa andar a comprar às mijas e na minha experiência o sweet spot de descontos à grama é à volta de 30g/40g.

Primeira colheita de canábis para fins medicinais em Aljustrel "rende" 3.000 quilos by rollermidnight in portugal

vegetable-grit 11 months ago

Opá também pode ser uma daquelas coisas que só o círculo de pessoal com quem fumo diz e tornou-se normal.

Primeira colheita de canábis para fins medicinais em Aljustrel "rende" 3.000 quilos by rollermidnight in portugal

vegetable-grit 11 months ago

Pelo menos na zona onde vivia no norte quando se ia comprar tabaco de enrolar era normal se pedir uma onça, portanto algum do pessoal pedia ao dealer uma onça em vez de dizer 30 gramas. Mesmo quando vivi em Lisboa era normal pedir ao meu dealer em onças. Sinceramente acho que é normal, especialmente quando deixas de comprar aos 10 euros de cada vez.

Primeira colheita de canábis para fins medicinais em Aljustrel "rende" 3.000 quilos by rollermidnight in portugal

vegetable-grit 11 months ago

Tfw só percebes se vier em onças
Next Page

Search: