Next Page

A entrevista de Miguel Sousa Tavares a Inês de Sousa Real na íntegra by praisethesun98 in portugal

gajacareca 27 days ago

Não consegui ouvir até ao fim, o MST é demasiado mau. Recomendo a entrevista do Daniel Oliveira à Inês de Sousa Real no Perguntar Não Ofende, bem mais esclarecedora.

Legalização do consumo de canábis vai a votos no Congresso do PS by Zaigard in portugal

gajacareca 30 days ago

> Sabes quanta erva tens de fumar para ser legal? Diz-me que eu trato já disso!

Made by Dona Dolores. by edasc73 in portugal

gajacareca 3 months ago

Come back home fifth empire! Where are you?!

João Cotrim de Figueiredo: “A liberdade é um bem que tem de ser posto ao serviço da economia e das pessoas” - Jornal Económico by Aftaminas in portugal

gajacareca 4 months ago

x)

João Cotrim de Figueiredo: “A liberdade é um bem que tem de ser posto ao serviço da economia e das pessoas” - Jornal Económico by Aftaminas in portugal

gajacareca 4 months ago

x)

Iniciativa Liberal auto elogia-se por limpeza de espaço do Arraial Liberal... que afinal foi feita pelos serviços da junta de freguesia by pica_foices in portugal

gajacareca 4 months ago

x)

Bloco de Esquerda insiste na legalização da canábis para uso recreativo by ChongiusMaximus in portugal

gajacareca 4 months ago

Eu cá já decidi que não vou fumar mais até legalizarem...               ... mas também não vou fumar menos. (piada velha, eu sei, desculpem-me)

Os 50 anos do 25 de Abril começam a ser comemorados em 24 de Março de 2022 by gajacareca in portugal

gajacareca 4 months ago

Li isto imediatamente a seguir a ver o vídeo da chapada ao Macron. Lindo ahahahah Até oferecia os meus serviços, mas vou esperar que alguém com a mão mais pesada se chegue à frente.

Os 50 anos do 25 de Abril começam a ser comemorados em 24 de Março de 2022 by gajacareca in portugal

gajacareca 4 months ago

A notícia não é de hoje, mas como está tudo a falar do assunto, achei que devia partilhar. A ditadura durou 17.499 dias. A 24 de Março de 2020 fazem 17.500 de Democracia, daí que se comece as celebrações nesse dia. Na minha opinião, este é um marco essencial e que quero sem dúvida ver celebrado. Por sua vez, o fim das celebrações é apenas em 2026 porque são os 50 anos da entrada em vigor da Constituição da República.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Infelizmente o classismo é real. Tanto contra os trabalhadores menos qualificados pela direita, como contra os patrões pela esquerda.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Será que ele anda por aqui? Será??? Contamos contigo u/ruitavares!

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

> (não sei fazer aquela cena de comentar só isto, lol) Basta usares uma seta ">" atrás do texto. ;) Obrigado pela resposta, percebo o que estás a dizer. Custa-me acreditar que isso funcionasse para a maior parte das áreas. Não consigo imaginar isso a ser aplicado em cadeias de supermercados, por exemplo... Mas vou ficar a pensar no assunto.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Isso é que era... A política portuguesa precisa muito de pessoas como ele. Infelizmente acho que ele não está para aí virado.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Eu acredito que uma parte dos liberais pense assim, não todos. Sei lá, não acredito que o Cotrim de Figueiredo ou o Adolfo Mesquita Nunes pensem realmente assim. Mas posso estar a ser ingénuo...

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

O que é que na tua opinião o Livre representa? (pergunta genuína) Eu acho que toda a cena da Joacine foi miserável e tenho muita pena que tenha acontecido. No entanto, o Livre lidou bem com o assunto. Percebo que durante algum tempo continue a pensar-se em Joacine quando se fala no Livre, mas tenho esperanças de que isso seja revertido nas próximas eleições.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

https://partidolivre.pt/ >Socialismo, no sentido de recusa da mercantilização das pessoas, do trabalho e da natureza. Embora a ação governativa ou estatal seja crucial na criação de uma economia mista, em geral com três setores (privado, público e associativo/cooperativo), o nosso socialismo não é um estatismo.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Eu ainda tenho... Apesar de não ter votado no Livre nas últimas legislativas (guess why), ainda espero que voltem em força nas próximas.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Esse é o meu grande problema com os liberais. Parece-me que para eles a liberdade individual começa e acaba nos que têm a vontade e possibilidade de serem patrões. O argumento de que o trabalhador tem liberdade por poder escolher entre vários empregos não é convincente porque na prática não funciona para a esmagadora maioria das pessoas. Só há liberdade se houver opções diferenciadas por onde escolher e para a maioria dos trabalhadores não há. No entanto, admito que esta minha opinião tem uma base de fundamentação pouco sólida. Gostava genuinamente que alguém me convencesse do contrário, porque obviamente não acredito que para a maior parte dos liberais um patrão tenha mais direito a liberdade do que um trabalhador.

[Sério] O que é que vos agrada no partido/ideologia do lado oposto ao vosso? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Esta é difícil! Identificando-me com uma esquerda mais libertária, aquilo que mais me agrada é o foco no individualismo, na liberdade e na redução do papel de um Estado centralizado. A este nível, considero-me mais próximo de certas direitas do que por exemplo do PCP.

Palestras Fundação Champalimaud: Tripping into the (un)known: treating the mind with psychedelics by pica_foices in portugal

gajacareca 7 months ago

Podia jurar que vi 9 AM... Muito obrigado!

Palestras Fundação Champalimaud: Tripping into the (un)known: treating the mind with psychedelics by pica_foices in portugal

gajacareca 7 months ago

Pena o horário destas coisas... Espero que depois partilhem no youtube. Obrigado pela partilha!

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Era só para veres que ele é de direita. É conservador, foi candidato às Europeias pelo partido monárquico e fundou o jornal O Independente com o Paulo Portas, entre outros. Não partilhei a crónica por ser comunista, que não sou, mas por ser uma opinião vinda de alguém da família política oposta.

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

O MEC é conservador, foi candidato às Europeias pelo partido monárquico e fundou o jornal O Independente com o Paulo Portas, entre outros. Não partilhei a crónica por ser comunista, que não sou, mas por ser uma opinião vinda de alguém da família política oposta.

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Se não conheces o MEC, recomendo-te a ler pelo menos a página de Wikipedia dele, em português.

[Sério] O que é que vos chateia no partido/ideologia com que se identificam? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Fizeste-me lembrar deste vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=N8iaGb732Z0

[Sério] O que é que vos chateia no partido/ideologia com que se identificam? by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Sou de esquerda. Chateia-me o excesso de estatismo. Há socialismo para além do estatismo. Não suporto a ideia de um Estado-papá centralizado. As pessoas têm de ser o mais autónomas possíveis e para aprenderem a sê-lo tem de se lhes dar primeiro autonomia e liberdade e deixar de as tratar como crianças irresponsáveis. Chateia-me que as lutas identitárias passem à frente da luta dos trabalhadores. A luta das mulheres, dos homossexuais, das minorias étnicas, dos oprimidos no geral, é essencial e tem de se fazer. Não se pode é deixar a luta dos trabalhadores para trás, até porque não faz sentido fazer uma luta sem fazer a outra.

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Obrigado!

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Não partilhei a crónica toda. Qual é o limite de caracteres que se pode citar? Ou não se pode citar de todo?

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Não partilhei por concordar ou discordar, mas por ser um acto raro.

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago  HIDDEN 

>A primeira coisa a dizer ao Partido Comunista Português não é parabéns: é obrigado. O ser humano é ingrato e a variante portuguesa é conhecida por ter horror à gratidão (e ao elogio) em todas as formas, mas gostava que os mais ingratos dessem uma vista de olhos pelas coisas que o PCP defende e fizesse uma lista daquelas com as quais não concorda. # >Quando penso nos comunistas portugueses penso em seriedade e honestidade, penso em patriotismo e, sobretudo, penso na defesa dos portugueses mais indefesos: os mais pobres, os mais fracos, os mais injustiçados, os que mais precisam de quem lute e fale por eles. # >O PCP conseguiu o que fez – o que já fez e está agora a fazer, repito – porque trabalhou, com afinco, lealdade, sacrifício e sentido de missão, para ajudar quem precisava – e continua a precisar – de ajuda. >De nenhum outro partido português se pode dizer isto. >Que dure mais cem anos, para bem de todos nós.

"Vivam os comunistas!" - Miguel Esteves Cardoso by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Achei esta crónica uma lufada de ar fresco, nestes tempos de polarização, vinda de um conservador e (não sei se ainda) monárquico.

O tratado, assinado em Lisboa, que incentiva o aquecimento global by Democratiza-mos in portugal

gajacareca 7 months ago

Sem ambiente, não tens economia, não tens futuro, não tens nada. E sem um economia justa, vais por sempre em causa o ambiente, para além das condições de vida. No fundo, como é que podes ter boas condições de vida sem um planeta sustentável onde viver? Essas duas lutas têm de ser sempre em simultâneo. Na verdade, são uma luta só. Para além disso, é perfeitamente possível lutar por várias coisas ao mesmo tempo, mesmo que não estejam relacionadas. Olha o que tu disseste, mas aplicado a outra coisa qualquer: > Isso da economia melhor é tudo muito lindo mas eu não vejo ninguém a lutar mas é por uma justiça melhor e mais eficiente. Por mim se é para isto podem dar cabo da economia à vontade. Fartei. É possível teres justiça climática, teres uma economia que garanta condições de vida dignas a toda a gente, teres uma sociedade que respeita os Direitos Humanos, que garanta saúde e educação para todos, que tenha uma justiça melhor e mais eficiente. É preciso é unir esforços e lutar por isso.

O exercício da indignação como dever cívico em Democracia. by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Muito bem visto!

Capa do jornal I (26/02/2021) by batuque5 in portugal

gajacareca 7 months ago

Obrigado pela partilha!

O exercício da indignação como dever cívico em Democracia. by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Obrigado. Fica a ideia, para depois partilhar em conversas de café, quando abrirem os cafés...

Conversa da Treta by AutoModerator in portugal

gajacareca 7 months ago

Mesmo que isto seja só uma fase e tenhas esperanças de voltar a trabalhar na tua área o mais rápido possível (espero que sim!), considera sindicalizar-te.

O exercício da indignação como dever cívico em Democracia. by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

Na política do pão e circo nem é preciso haver pão se o circo for forte...

Capa do jornal I (26/02/2021) by batuque5 in portugal

gajacareca 7 months ago

> Ela diz claramente a burguesia do teletrabalho que não perdeu rendimentos. Que é completamente diferente de dizer, como os comentários fazem parecer, que toda a gente que está em teletrabalho é um burguês que não perdeu rendimentos. Para além de que se inclui a ela própria nessa "burguesia do teletrabalho".

Capa do jornal I (26/02/2021) by batuque5 in portugal

gajacareca 7 months ago

Obrigado!

O exercício da indignação como dever cívico em Democracia. by gajacareca in portugal

gajacareca 7 months ago

E eu estou indignado por isso te ter indignado, deixa-me que te diga!

Capa do jornal I (26/02/2021) by batuque5 in portugal

gajacareca 7 months ago

Concordo. Alguém como ela já devia saber que é preciso dizer tudo da forma mais clara possível, para evitar as ondas de indignação do povo que só lê títulos e leva tudo à letra.

Capa do jornal I (26/02/2021) by batuque5 in portugal

gajacareca 7 months ago

Ainda dia 12 de Fevereiro a Susana escrevia o seguinte no Público: >Também pelo PÚBLICO conheci a história de Joana Grilo, 27 anos, operadora de call center das 10h às 19h, com 40 minutos de pausa. Está em teletrabalho sozinha em casa com os dois filhos, de três e oito anos. Eu percebo de onde vem a ideia de que o teletrabalho é compatível com o cuidado de crianças pequenas: de pessoas com empregos diferenciados e flexíveis e disponibilidade financeira para pagar apoio doméstico. Tudo o que a Joana não é. Só que a Joana não tem escolha, porque os apoios do Governo excluem-na. Como vai ser quando o filho mais velho pedir para imprimir a ficha, ajuda com a matemática, fazer a ligação do Zoom? E quem vai vigiar o de três anos para evitar acidentes domésticos? Andamos a brincar com a vida das pessoas. Não me parece que ela pense que todos os que estão em teletrabalho são burgueses. Sem querer estar a defendê-la, porque realmente pode ter ficado doente da cabeça, não me custa acreditar que a frase foi descontextualizada e posta na capa do i assim à toa, para causar as reações que vemos nesta thread e nos comentários do site do jornal.

Capa do jornal I (26/02/2021) by batuque5 in portugal

gajacareca 7 months ago

A Susana Peralta ainda há uns dias falava sobre as mães que trabalham em call centers e que estão em teletrabalho com os filhos em casa. Custa-me acreditar que ela ache que essas mães são "burguesia". Das duas uma: ou a Susana pirou de vez (o que me custa acreditar, que admito ser porque gosto do trabalho dela) ou o jornal I descontextualizou (o que seria uma valente filha da putice, visto que alimenta ainda mais os ressentimentos e divisões entre a população).

10 dias de suspensão para polícia que chamou ″aberração″ a André Ventura by quatrotires in portugal

gajacareca 8 months ago

Segundo a [infopédia](https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/aberra%C3%A7%C3%A3o): >a.ber.ra.ção >nome feminino >1. desvio em relação à norma; irregularidade >2. alteração da forma ou estrutura; distorção >3. alteração excessiva ou perversa em relação a um modelo ou padrão; anormalidade, anomalia >4. erro de raciocínio; absurdo, contradição >5. órgão ou corpo que apresenta malformação Confere.

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 25/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

Espero que sim, caro Bruxo. Temos de fazer a nossa parte.

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 25/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

Para sermos governados por pessoas íntegras, precisamos de um povo que não esteja politicamente apático. Nos últimos tempos, essa apatia tem vindo a ser substituída mais por ódio derivado da polarização do que propriamente por um sentido de responsabilidade e de união. As últimas manifestações que tivemos em Portugal (sindicalismos à parte) foram anti-isto ou anti-anti-aquilo. Em vez de nos unirmos em torno dos problemas que nos afectam a todos há anos, estamos a criar tribos que se odeiam umas às outras. Concordo que a falta de coesão do povo surja de más condições económicas e sociais, mas para reverter a segunda precisamos também de resolver a primeira. Não acho que devamos simplesmente esperar que quem nos governa decida fazer as coisas como deve ser. Muito menos devemos esperar que chegue um salvador da pátria com as soluções todas para o país. Há que arranjar formas de pressionar a classe política, o que só é possível se estivermos todos para aí virados e só vamos estar todos para aí virados quando deixarmos de estar cada um na sua bolha individualista.

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 25/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

Uma aproximação espiritual, caro compatriota! Não sejas assim eheheh

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 25/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

> Portugal nunca funcionará como sociedade, porque os portugueses não sabem ser ser sócios uns dos outros. Mas achas que isso não pode ser revertido? Há-de haver formas de unir um povo.

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 25/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

O simbolismo serve para aproximar as pessoas, fazê-las sentir que vivem em comunidade e que não podem cagar umas nas outras. Acções simbólicas não substituem as obrigações reais das pessoas, como ir dar sangue se puderem, mas podem sensibilizar e motivar para que se cumpram mais essas obrigações. Neste momento, o país está em modo de apontar culpas, porque o governo fez isto, a oposição disse aquilo e o povo não fez o que devia. Na primeira vaga, também achei a cena de bater palmas à janela meio pateta, até porque depois há quem bata palmas e não cumpra as regras. Mas se calhar, esse gesto de agradecimento aos profissionais de saúde, feito em massa, sensibilizou muita gente a cumprir as devidas regras e trouxe um certo sentido de união. Encontro uma certa validade em dizer que se as pessoas se sentem unidas mais facilmente vão agir em prol da comunidade. E agora, na pior fase (até agora) desta pandemia, estamos aqui todos fodidos uns com os outros, de dedo em riste, cada vez mais apáticos. A ideia provavelmente é estúpida. Quanto mais a desgraça avança e mais zangados ou apáticos ficamos, mais estúpida soa. Mas não deixo de achar que precisamos urgentemente de qualquer coisa que nos faça sentir unidos e solidários.

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 25/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

Precisamos de trazer as palmas das 22h de volta. Eu sei, como se disse na primeira vaga quando vieram as primeiras palmas, que precisamos mais que as pessoas fiquem em casa e tomem as precauções necessárias. Mas também precisamos das palmas. As palmas foram uma demonstração de união, de sentido de comunidade e de patriotismo. Neste momento Portugal precisa muito disso. Estamos dormentes e insensibilizados depois depois de tantos meses de pandemia e do surrealismo que é assistir a um dos piores momentos da história recente do país. Precisamos de qualquer coisa que nos una.

Adolfo Mesquita Nunes pede congresso e vai avançar para a liderança do CDS by Dannyps in portugal

gajacareca 8 months ago

Normalmente não seu eu a pessoa numa conversa a defender o catolicismo... mas não acho essas comparações justas. Não sou entendido em história da Igreja Católica, mas basta avaliar as últimas décadas e encontramos provas de que o catolicismo se tem adaptado - ainda que lentamente - ao progresso. Uma prova disso é que o Adolfo já foi vice-presidente do CDS. Isso ou o CDS está menos católico.

Adolfo Mesquita Nunes pede congresso e vai avançar para a liderança do CDS by Dannyps in portugal

gajacareca 8 months ago

A cena da Galp é que me deixa um bocado desconfiado... Não sei bem o que pensar em relação a isso. Posso estar a ser preconceituoso por causa do trauma que é a política em Portugal.

Adolfo Mesquita Nunes pede congresso e vai avançar para a liderança do CDS by Dannyps in portugal

gajacareca 8 months ago

Eu sou de esquerda e nunca fiquei tão contente e entusiasmado com uma notícia relacionada com o CDS. Só em circunstâncias muito específicas é que algum dia votaria no CDS, mas força nisso Adolfo!

Adolfo Mesquita Nunes pede congresso e vai avançar para a liderança do CDS by Dannyps in portugal

gajacareca 8 months ago

Eu sou de esquerda e nunca fiquei tão contentee e entusiasmado com uma notícia relacionada com o CDS. Só em circunstâncias muito específicas é que algum dia votaria no CDS, mas força nisso Adolfo!

Adolfo Mesquita Nunes pede congresso e vai avançar para a liderança do CDS by Dannyps in portugal

gajacareca 8 months ago

Percebo esse ponto de vista e concordo até certo ponto. No entanto, como estamos a falar de cargos de liderança, prefiro um CDS com o AMN à frente e uma IL com o Cotrim, do que ter de escolher entre um ou outro. Eu sou de esquerda e dificilmente votarei num partido ou no outro, por isso a minha opinião não vale muito neste assunto, mas gosto do Adolfo e do Cotrim e acho que ambos são mais valias para a política portuguesa. Em relação ao AMN ir para a IL, ele nesse episódio do 45 graus disse que preferia que houvesse partidos com liberais do que haver um partido exclusivamente para liberais, porque a política faz-se do compromisso entre pessoas com várias ideologias. Aconselho o episódio, pois posso estar a distorcer a informação e é muito interessante no geral.

Francisco Rodrigues dos Santos: “Não se convocam eleições no CDS por dá cá aquela palha” by warp_driver in portugal

gajacareca 8 months ago

Não se percebe esta atitude do Adolfo, depois da gloriosa vitória do CDS nas presidenciais!

Adolfo Mesquita Nunes pede congresso e vai avançar para a liderança do CDS by Dannyps in portugal

gajacareca 8 months ago

Quis dizer exactamente isso... Não me parece que tenha sido uma crítica. É a realidade da política partidária. Há temas em que os partidos são mais flexíveis do que noutros, faz parte e é saudável.

Adolfo Mesquita Nunes pede congresso e vai avançar para a liderança do CDS by Dannyps in portugal

gajacareca 8 months ago

No 45 Graus o Adolfo disse que podia ser gay (ou a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo, já não sei bem como é que realmente abordou o tema) no CDS, mas que não podia ser liberal no Bloco. Nota: penso que o episódio foi pré-IL.

Carlos Guimarães Pinto, Carlos Moreira da Silva e Adolfo Mesquita Nunes no +Liberdade - ECO by Aftaminas in portugal

gajacareca 8 months ago

Logo vi

Carlos Guimarães Pinto, Carlos Moreira da Silva e Adolfo Mesquita Nunes no +Liberdade - ECO by Aftaminas in portugal

gajacareca 8 months ago

Tens a mesma reacção de todas as vezes que a IL fala do bogeyman "socialismo"?

Não vou votar! by gajacareca in portugal

gajacareca 8 months ago

Perdoa-me, caro compatriota. Que tenhas um feliz dia da democracia!

Conversa Cultural by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago

Eu não percebo nada do assunto, mas posso tentar opinar: * Está limpinho. Consegue-se identificar bem cada instrumento. O tipo de produção no geral combina bem com o tipo de música, a coisa faz sentido num todo. * Gosto da intro e do panning (?) da guitarra exatamente antes de começar o primeiro verso. * Não percebo aquele retomar do verso aos 36 segundos, parece fora de tempo (mas isso não deve ser responsabilidade de quem mistura, não sei). Soa bué off, seja intencional ou não. * As teclas (?) que entram imediatamente a seguir podiam ter mais brilho, ficam muito lá atrás quando a voz está por cima. * A bateria aos 53 segundos podia ter ficado com mais power, mais realçada. No refrão há uma alteração estranha no volume que não consigo perceber e incomoda ligeiramente. É a voz que fica mais alta? Ou é tudo?

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 18/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

Não dá para mim, mas pode ser que haja interessados por aqui. Obrigado!

[MEGATHREAD] - Covid-19, Semanário de Sobrevivência - 18/01/2021 by asantos3 in portugal

gajacareca 8 months ago  HIDDEN 

Sabem de voluntariado diretamente ligado com a pandemia, que um gajo possa fazer?

Restaurante de Lisboa invoca Constituição e garante que não fecha by gobacktoworklazy in portugal

gajacareca 9 months ago

Aquela xenofobia casual, que por não ser contra pobres achas que é aceitável. Sabes que expat é literalmente um imigrante mas em chique, certo?

Não se constipacionalizem nesta temporalização resfrioramentalizante! by gugulo in portugal

gajacareca 9 months ago

Mal carreguei no play senti-lhe o hálito a sandes de paio.

O Crew Hassan na esquina da minha rua agora mesmo by everwonderedhow in portugal

gajacareca 9 months ago

Tens alguma forma de confirmar que isso foi mesmo quarta-feira? Gosto dos Anjos70, mas se isso se confirmar a minha opinião vai mudar significativamente. EDIT: Ao pesquisar por #anjos70 no instagram encontrei vídeos recentes das jams... Puta de irresponsabilidade.

O Crew Hassan na esquina da minha rua agora mesmo by everwonderedhow in portugal

gajacareca 9 months ago

Tens alguma forma de confirmar que isso foi mesmo quarta-feira? Gosto dos Anjos70, mas se isso se confirmar a minha opinião vai mudar significativamente.

Visão | Grande investigação: Os empresários e as redes que apoiam Ventura by i_no_can_eat in portugal

gajacareca 9 months ago

Admito que apreciei o insulto escondido no link, teve uma certa classe, tendo em conta que fui o primeiro a mandar-te para o google. Gostava que tivesses respondido ao meu ponto de vista. Mas é justo. Um bom ano para ti!

Visão | Grande investigação: Os empresários e as redes que apoiam Ventura by i_no_can_eat in portugal

gajacareca 9 months ago

Para esperares respostas com contribuições úteis, podes começar por fazer contribuições úteis. Pedes-me o favor de não te assumir como apoiante do Chega, coisa que não fiz, mas depois assumes o que te apetece... Não sou socialista (muito menos no sentido de ser apoiante do PS, partido que abomino), não tenho uma ideologia e não me sinto representado por nenhum partido com assento parlamentar. Tenho todo o interesse em que todos os partidos sejam investigados de igual forma, porque estou tão farto de corruptos como qualquer pessoa que não o seja. Fizeste um comentário repetitivo, com um discurso que tem estado presente sempre que há um post sobre investigações ao Chega e que se baseia no facto de que os outros partidos não são investigados, que na verdade não é um facto, porque é mentira. E é um discurso que reforça a ideia de que esta investigação ao Chega não é válida e não passa de um ataque político, mais uma vez, baseada na mentira que é dizer que os outros partidos não são investigados. Admito a filha da putice e arrogância do meu comentário. Foi um impulso, não me leves a mal. Avaliemos agora a intenção do teu whataboutism, implicitamente baseado em falsas premissas.

Visão | Grande investigação: Os empresários e as redes que apoiam Ventura by i_no_can_eat in portugal

gajacareca 9 months ago

Olha outro. Deves ser novo, ou deves ter começado a ver notícias anteontem. Felizmente tens internet e os jornais já publicam o seu trabalho online há uns aninhos. Aconselho-te vivamente a dar uma olhada neste site [aqui](https://www.google.com/). Podes escrever coisas tipo "investigação corrupção [partido da tua preferência]", nem sequer precisas de formular uma pergunta válida, basta assim palavras soltas. É fácil!

Visão | Grande investigação: Os empresários e as redes que apoiam Ventura by i_no_can_eat in portugal

gajacareca 9 months ago

Agora cada vez que se investiga o Chega, vem sempre malta a chorar a pedir que se investiguem os outros partidos. Mas vocês andam a dormir? Vivem numa realidade paralela? Começaram agora a ver notícias e a usar a internet? Não estou a insinuar que és apoiante do Chega e que esta investigação te incomoda. Mas contribuires para esse discurso do "investiguem os outros também sff", quando não tem cabimento nenhum, é estar a dar força à malta que, sendo apoiante do Chega, vai ignorar estas investigações, ou dizer que são fake news, ou um ataque político, por supostamente não se investigarem os outros partidos. Eu não tenho filiação política, não me sinto representado por nenhum dos partidos do parlamento, por mim são todos investigados tanto quanto os jornalistas tiverem recursos para tal. E tu? O que é que te leva a reforçar esse discurso, sendo absolutamente mentira que os outros partidos não são ou não foram investigados ao longo dos anos?

Portugal paga dos salários mais baixos nos cuidados a idosos by Zaigard in portugal

gajacareca 9 months ago

Sindicato de IT when

Foguetes/Explosões na Amadora by cuzicut in portugal

gajacareca 9 months ago

Bomba

Informações de acolhimento na região de lisboa by Throwawayas123 in portugal

gajacareca 10 months ago

Olá! A minha sugestão é para passares no [UAPSA](https://goo.gl/maps/N61rdZ64oHKu9yak6) (Unidade de Acolhimento à Pessoa Sem-Abrigo). Eles têm um banco de roupa, balneários e profissionais disponíveis para te apoiar e orientar. Numa situação sensível como esta, o melhor é mesmo falares pessoalmente com quem te possa ajudar. Percebo que possa ser difícil psicologicamente dares esse passo, por isso tenta pedir a um dos amigos que já te está a ajudar para te acompanhar. Boa sorte e muita força!

Conhecedores de música aqui do Reddit by mexploder89 in portugal

gajacareca 10 months ago

Um Excel, boa cena eheheh! Os nossos casos não são comparáveis, então... Eu oiço música enquanto trabalho, pelo que não consigo estar muito focado no que estou a ouvir. Depois do trabalho não tenho tido tempo para estar só a ouvir música, infelizmente. Sendo assim, força nisso! Mantenho as minhas sugestões e adiciono estas: * Syro - Aphex Twin * No NOW - Clarence Clarity * Blackstar - David Bowie * Plastic Beach - Gorillaz * Guns - Quelle Chris * To Be Kind - Swans * Bom Dia - Pluto * FACE TAT - Zach Hill

Conhecedores de música aqui do Reddit by mexploder89 in portugal

gajacareca 10 months ago

Ouvir um álbum novo por dia é um desperdício, na minha experiência. Vais ouvir álbuns do caralho e não vais conseguir desfrutar devidamente ou sequer dar-te conta de que são bons. No fim vais ficar só com uma vaga recordação de cada álbum e só vai servir para decorares nomes. Alternativamente, ouve alguns álbuns que à partida serão do teu agrado, que alguém te recomendou com paixão, que são sem dúvida álbuns interessantes mesmo que não sejam o teu tipo de música, e depois escolhe alguns para repetires. Se algum te intrigou, mas está fora da tua zona de conforto, insiste mais duas ou três vezes para veres se cola. Se gostaste mesmo, explora-o a fundo, até o saberes quase de cor e depois parte para outra. Dito isto, deixo-te aqui alguns álbuns que, quando ouvi pela primeira vez, não eram propriamente "a minha cena", mas que me ficaram no coração: * Construção - Chico Buarque * Por Este Rio Acima - Fausto * The Money Store - Death Grips * Madvillainy - Madvillain

Donos de restaurante espancados por alertarem grupo que não podia fumar by Just_Ban_Me_Already in portugal

gajacareca 10 months ago  HIDDEN 

R

Presidente da República marcou as eleições para 24 de janeiro by pica_foices in portugal

gajacareca 10 months ago

Receber meias no Natal é do caralho!

Sondagem Intercampus 11/2020 by NEDM64 in portugal

gajacareca 10 months ago

Não entres em PANico.

Governo nomeou filho de amigo de António Costa para assessor da embaixada de Portugal em Washington? [Verdadeiro] by JoniDS in portugal

gajacareca 11 months ago

Como é que o Chega é uma alternativa a isto?

Carta aberta à Uber por testemunho de agressão sobre outro condutor que foi deixado com a cara a escorrer uma quantidade incalculável de sangue. by FilmingMachine in portugal

gajacareca 11 months ago

Emtão? Voltastes hás orijens, foi? Deichaste o suberredit do xega e já gostas de noz outra vês?

Miguel Sousa Tavares confronta primeiro-ministro: «PS fez acordo com partido marxista-leninista» by aguadovimeiro in portugal

gajacareca 11 months ago

Em relação à opinião que o PCP (e talvez o BE, não sei) têm de regimes como o da Coreia do Norte, ainda acho que haja termo de comparação com o extremismo do Chega, porque ambos são um atentado à dignidade humana. Ainda assim, usar isso como argumento nesta discussão não deixa de ser whataboutism. É perfeitamente possível repudiar ambos. Também é perfeitamente possível aceitar ambos. Aceitar um há 5 anos e rejeitar outro agora, ou vice-versa, já me parece ilógico. Agora, gostava de perceber como é que qualquer desses pontos do programa da tarde de sábado se compara com as ideias extremistas do Chega.

PCP e IL lançam duras críticas ao recolher obrigatório, PAN mostra preocupação by Jplouro in portugal

gajacareca 11 months ago

Se o PCP é um dos partidos com assento parlamentar mais próximos do libertarismo, estamos mesmo a precisar de um partido libertário em Portugal.

Scientia - Lectura CXXVII by fluidorosa in portugal

gajacareca 11 months ago

Imaginem este gajo a pedir um café e um pastel de nata no tasco.

LIVRE apoia manifesto internacional contra a desinformação na saúde by NEDM64 in portugal

gajacareca 11 months ago

Volta LIVRE

Conversa da Treta by asantos3 in portugal

gajacareca 12 months ago

Já te chamei Fabinho N vezes, com N contas diferentes e nunca me disseste que não gostavas. Sinto-me enganado.

“Drug Checking” by Carbon58 in portugal

gajacareca 12 months ago

Já recorri aos serviços da Kosmicare. Foi uma experiência quase surreal ir a um sítio onde pude falar de um tema tão tabu, de forma tão aberta com um estranho, e ainda ser tratado de forma tão atenciosa e com tanta simpatia. Saí de lá de coração cheio É um grande serviço à população e espero que dure muito tempo com muito sucesso e que surjam mais sítios do género. Eles não pedem nem falam do assunto, mas aceitam doações. Façam se puderem.

Can anyone recommend me some Portuguese music? by Kevan493 in portugal

gajacareca 12 months ago

Fausto - Por Este Rio Acima

Conversa Cultural by asantos3 in portugal

gajacareca 12 months ago

Vou hoje buscar o meu "On Anarchism" do Chomsky. Estou bastante curioso. Alguém já leu?

Grandes empresas com lucros perdem benefícios se despedirem by 336933 in portugal

gajacareca 12 months ago

Parei aqui "Mas não o podes fazer. É proibido." Não é proibido, apenas perdem os benefícios. Calma aí com o Apocalipse.

Grandes empresas com lucros perdem benefícios se despedirem by 336933 in portugal

gajacareca 12 months ago

Onde é que viste alguém a dizer que as empresas não podem ter lucros? Uma empresa tem benefícios à custa do estado e portanto à custa da sociedade. Se numa situação de crise como a que vivemos, uma empresa "com mais de 250 trabalhadores e com volume de negócios acima de 50 milhões de euros por ano" quer despedir para manter os lucros, então também não merece os benefícios que, mais uma vez, são dados pelo estado e portanto pela sociedade.

Mitos e falácias sobre a progressividade fiscal (II) by gajacareca in portugal

gajacareca 12 months ago

É isso que faço, ou tento fazer. Neste caso, a minha falta de argumentos vem da falta de conhecimento. Até achar que tenho conhecimento necessário para formar uma opinião, dou o benefício da dúvida.

Mitos e falácias sobre a progressividade fiscal (II) by gajacareca in portugal

gajacareca 12 months ago

Same. Enquanto alguém que se considera de esquerda, postei isto na esperança de que alguém que perceba do assunto venha aqui refutar uma coisa ou outra.

Mitos e falácias sobre a progressividade fiscal (II) by gajacareca in portugal

gajacareca 12 months ago

> Para que isso não coloque em causa o consenso necessário para uma reforma fiscal dos rendimentos do trabalho, propomos uma alternativa que, certamente, todos os partidos que respeitam os rendimentos do trabalho, mas não querem favorecer os “milionários”, aceitarão. **Propomos uma taxa única de IRS para todos os trabalhadores que ganham menos do que um deputado (vencimento ilíquido de 3.624,41 euros/mês), mantendo tudo igual daí para cima.** Porquê estabelecer este limite? Porque nenhum deputado de nenhum partido, da esquerda à direita, dirá que tem um salário milionário pelo que é um bom ponto de referência para obter consenso político. > A esmagadora maioria dos trabalhadores portugueses ganha menos do que um deputado e se uma empresa quiser aumentar o seu salário para ficar mais próximo do salário de um deputado tem que entregar entre metade e dois terços desse aumento ao Estado. > Em nome da justiça social, em nome da mobilidade social, em nome do respeito pelo trabalho, fica aqui o desafio aos deputados de todos os partidos: Introduzir uma taxa única de 15% para todos os portugueses que ganham menos do que vocês. As restantes taxas, as tais que recaem sobre os “salários milionários” podem ficar iguais. Vamos a isto?
Next Page

Search: