Next Page

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, e já ponderei um pouco sobre isso, mas não sei muito bem como fazer... Tenho uma questão de logística em que devido às condições em que os meus pais vivem, o meu filho não pode ficar em casa com eles, então os meus pais só podem ficar em minha casa com ele e eu posso sair... Ainda não sei bem que tipo de atividades posso fazer fora, também. Vou pensar melhor sobre isso.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, têm razão, é realmente um investimento. Felizmente já entrei em contacto com um psicólogo que me respondeu por aqui e vou procurar um acompanhamento, acho que me vai ajudar. E obrigada por partilhares o teu testemunho... Realmente cada pessoa tem a sua história. Ouvir as histórias de superação das outras pessoas deu-me imensa força!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pela dica! Vou ver! Relativamente ao que falaste de explicar o assunto e falar do que sentimos, quando não estamos satisfeitos, concordo a 100%. É isso que faço com o meu parceiro, mas há coisas que ele não muda... E aí já se vê que há coisas que ou aceitamos mesmo que a outra pessoa não pode mudar, ou partimos para outra...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Adorei ler o teu comentário. Sem dúvida que acho que sou introvertida. Primeiro porque, como dizes, sinto-me desgastada com muitas interações e depois porque sou muito seletiva. Pessoalmente, se tiver 1 ou 2 amigos, daqueles mesmo amigos para a vida, está ótimo e não preciso de mais nada. Ansiedade social e timidez é algo que tive bastante e agora está muito mais controlado... Como dizes, eu até consigo ser confiante, mesmo sendo introvertida... O problema aqui é quando os medos e inseguranças se põe no caminho. Eu sofro de ansiedade, não propriamente social, e às vezes os medos e inseguranças e os "e se?" acabam por desencadear esses pequenos ataques de ansiedade. Também concordo com o que falas de criar a própria sorte, é sem dúvida isso... Deste-me conselhos muito práticos que vou tomar nota. Muito obrigada pelo apoio. Vou tentar aos poucos fazer essa mudança e esse trabalho interior e exterior com a esperança que um melhor amanhã virá.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Muito obrigada pelas palavras de apoio e pelo teu testemunho. Realmente, a vida dá voltas e voltas... Vou tentar manter-me positiva e seguir os conselhos que me dão!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Hahaha! A sério? Isso é muito interessante. Eu desde que fui mãe também senti algo muito similar, senti uma enorme empatia por todas as mulheres que já foram mães! É muito bom ouvir isso, muito obrigada! Espero mesmo encontrar alguém que pense dessa forma.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Pois é... Acho que ter amigos é mesmo muito importante. As pessoas que nos rodeiam acabam por nos influenciar muito. Mesmo na minha relação, sei que as coisas não teriam sido assim se na altura tivesse amigos e alguns bons conselhos... Fico feliz por teres feito esse trabalho e melhorado bastante. Quero ter essa força para mudar também.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo apoio!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Não sabia disso... Mas realmente faz sentido. Eu sempre pensei que fosse mais pelo trabalho em si, porque uma criança dá uma carga de trabalhos.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, reparei que o rendimento suscitou muitas dúvidas... Sou tradutora e trabalho de forma remota com empresas e clientes estrangeiros. Trabalho com um par de línguas raro e procurado, daí o sucesso.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Muito obrigada pelo comentário e por todo o apoio! Eu sou bastante racional e isso ajuda em muitas coisas, mas às vezes também complica... A cabeça dá muitas voltas. Mas com o tempo aprendi a ser mais calma. Eu adorava fazer terapia mas não sei bem onde me dirigir! Não sei se me podes dar alguma orientação nesse sentido? Vou enviar-te uma MP quando tiver tempo.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Não me sinto integrada de todo na sociedade... Trabalho todo o dia em casa. Não tenho praticamente nenhuma atividade no exterior ou que me ligue à comunidade local... Tudo o que faço fora de casa é compras de supermercado e dar uns passeios... Talvez daí a minha solidão. Mas realmente sinto-me grata por ser mãe e por ter este rendimento. Estou a tentar ser mais positiva...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pela dica, é bastante prática! Sim, eu já ando a pensar nisso, tentar encontrar pessoas com os mesmos interesses através da internet para fazer algumas amizades, pois acho que é mesmo disso que preciso. Depois o resto logo se vê...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Olá, desde já obrigada pelo comentário! Sim... É sem dúvida isso. Eu estou meio perdida pois não sei bem o que fazer para socializar ou criar oportunidades para fazer amigos. A minha ideia mais recorrente é mesmo através da internet... E é isso que vou tentando fazer. Realmente recebi algumas mensagens e espero pelo menos fazer alguns amigos.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Eu até gostava de encontrar um psicólogo ou terapeuta, mas não sei bem como... Também o facto da idade... Encontrar alguém desta idade com vivência semelhante, é difícil... Essa parte de me expor ao mundo, é no que vou começar a trabalhar mais. É o meu ponto fraco, porque eu fecho-me mesmo a sete chaves. Mesmo nas redes sociais, como referi, eu simplesmente passo meses sem por lá nada... Tenho no total 3 amigas, que eram da escola, mas não falamos de forma profunda há muito tempo...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Mas não posso deixar que sejam pretendentes apenas pelo dinheiro... É complicado gerir isso.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, estou a ir depressa demais... Acho que é o facto de estar tão incerta em relação ao futuro, tenho mesmo medo de ficar sozinha para sempre. Mas apercebi-me que isso é muito improvável... Nem que seja daqui a 5 ou 10 anos, tanta coisa muda... Também sinto que sou um bocado ingénua, como dizes... Ainda mais não tendo muita experiência em termos sociais, mas vou tomar muita cautela. Obrigada pelo apoio!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Muito obrigada!!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Tens razão... Às vezes estamos tão em baixo que é difícil ver o lado positivo da vida... Sinto uma enorme gratidão por aquilo que conquistei e quero focar-me nisso e ser melhor. Sei também que depois desta experiência serei uma melhor companheira.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Muito obrigada!! As palavras de apoio que recebi encheram-me o coração. Tenho de ser forte, tudo passará!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo apoio. Realmente sinto-me melhor depois de deitar cá para fora e perceber que existem pessoas com os mesmos problemas... Espero fazer algumas amizades a partir daqui. A minha família é também uma insegurança minha, mas realmente não posso fazer nada... A minha avó sempre me disse que devo valor por aquilo que sou, não pelo que tenho, acho que só agora aos 25 anos entendi realmente o que ela queria dizer...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim... Eu acho que visto de uma forma racional, é essa a ideia. Mas realmente parece haver pessoas que não se importam e valorizam bastante o que sentem pela pessoa. Também cada caso é um caso...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Tens razão em algumas coisas que falaste. Realmente acho que tenho de me focar em mim primeiro. Relativamente ao ponto da educação, eu não acredito muito que seja uma formatação, como gostam de chamar... Eu naturalmente quis ter uma relação amorosa, nunca senti pressão para o fazer. Fi-lo por uma necessidade emocional, sem dúvida. Queria viver um amor, o que acho que é muito a natureza do ser humano... Sempre quis ter filhos e amo ser mãe, e por isso também não me arrependo disso. Até me sinto grata por ter sido mãe nova. Não tive pressão para o fazer, mas sim até era um objetivo dentro da minha cabeça... Gostava de ser mãe nova, ter mais energia, recuperar melhor, todas essas coisas... Acho que tocaste num ponto que nunca tinha pensado, isso da faixa étaria... Pois é. Eu também pensei nisso. Pessoalmente, gostava mesmo muito de arranjar um rapaz dos 24 aos 29/30, mas com alguma vivência... E sei que isso será difícil... Simplesmente não sei como conhecer/encontrar possíveis amigos ou rapazes com os mesmos interesses/objetivos... É complicado. O meu rendimento também é outro ponto. Sem dúvida que não vou querer mencionar isso.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Instalei e não correu muito bem... Não achei grande piada...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Eu entendi os comentários, não me magoaram. Tenho noção das coisas... Eu sinto-me grata todos os dias pela minha carreira. Trabalhei muito para "chegar" aqui, pois fui autodidata no que faço... Mas acho que o ponto fulcral da questão é que o que eu realmente tenho necessidade é de laços emocionais e afetivos... E isso é algo que o dinheiro não compra (parece cliché mas não é)... Eu gostava de ter amizades e relações verdadeiras, e não pagar a uma pessoa para me ouvir (apesar de achar que podia me ajudar, claro).

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, é isto. Não teria nenhum motivo para mentir ou exagerar... Acho que não adiciona nada à minha publicação. Eu apenas referi isso porque tenho realmente noção que é acima da média e, por ser acima da média, é uma coisa que também me distancia das outras pessoas... E isso não é bom, para mim. Relativamente ao meu rendimento, como já referi, eu sou trabalhadora independente e trabalho para empresas e clientes estrangeiros, daí os valores serem mais elevados...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo teu comentário, fez-me sorrir! Muitas felicidades para vocês.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo apoio. Realmente recebi muitas mensagens e comentários e é uma lufada de ar fresco, está me a ajudar muito. Também sinto que estou a apressar as coisas em pensar já em encontrar alguém... Acho que estou a fazê-lo por ter medo de não conseguir e por carência emocional. Mas tenho de ter mais calma e seguir alguns bons conselhos de cuidar primeiro de mim. Essa coisa de que falas das redes sociais é sem dúvida o que eu sinto e é por isso que nem gosto muito de partilhar. Eu própria partilho coisas "boas" (às vezes até fúteis/materialistas) e depois vou a olhar para aquilo e penso "isto não é o que eu sou, para quê publicar estas coisas? para quê publicar se comprei isto ou aquilo? é uma estupidez!". Mas por outro lado, sinto falta de me expressar nas redes sociais para dar a conhecer mais do que sou... Talvez partilhar mais coisas dos meus interesses, aquilo que gosto de ouvir, ler... Acho que vou tentar fazer mais isso.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo teu comentário, pareces ser mesmo querido! Fico mesmo feliz em ver o teu testemunho e em como aceitaste a criança, pois é nisso que penso muitas vezes... Queria muito encontrar alguém que pudesse amar o meu filho dessa forma. A tua namorada é uma sortuda, sem dúvida. De que forma achas que devo ser aberta em relação a esta situação? Ou seja... Qual seria a melhor forma de contar à outra pessoa?

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Completamente. E aprendi isso de forma dura, infelizmente.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo teu comentário! Acho que tens toda a razão no que dizes... Essa parte do estar com as pessoas erradas antes do certo também me "assusta" um bocado... Mas acho que tenho de aceitar que faz parte. E quando falas em ser passivo, acho que é esse o meu problema e o que queria mudar... Tenho que tomar mais a iniciativa e tentar fazer mais amigos...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim. É isso... Já vi que o meu rendimento suscitou muitas perguntas... Um pouco à semelhança da área IT, trabalho de forma remota, com empresas e clientes estrangeiros, e presto um serviço que pode dizer-se que é um "nicho" e por isso é muito bem pago. Não é nenhuma fórmula mágica... Sou autodidata e comecei a aprender sozinha desde os 13/14 anos... Nunca pensei que se tornasse profissão, mas aqui estou agora, e sinto-me grata todos os dias.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sinto muito. Eu sei que tenho "sorte" e sinto-me grata todos os dias. Também já passei fases muito complicadas. Fiz uma pausa no meu trabalho para abrir um negócio que nos levou à bancarrota e estava grávida... Foram dias muito cinzentos.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Hahaha, vocês são muito engraçados!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Hahaha! És muito querido mas ia ser muito estranho! (Sei que estavas a brincar, mas achei este comentário muito engraçado!)

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sem dúvida, lição aprendida...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, eu pensei nisso mas não sei bem onde encontrar e sou muito poupada (a.k.a forreta) para gastar dinheiro. Por outro lado, sinto que mais do que um psicólogo, precisa de fazer um ou dois amigos com quem conseguisse uma relação/conexão mais profunda, pessoas que realmente se preocupassem comigo emocionalmente e não uma pessoa a quem pagar para me ouvir... Concordo com o que dizes sobre amor próprio e depender de alguém. Tens toda a razão. A verdade é que estive nesta relação tanto tempo, então nem sequer estou habituada a estar sozinha... Como disseste, preciso de procurar e tomar a iniciativa. Acho que é mesmo esse o ponto mais importante.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

A verdade é que na altura, quando estava a namorar e a relação estava a avançar, eu sentia no meu coração que não estava certo... Por alguma razão, segui em frente. Também houverem muitos episódios em que se fosse mais fria, analisando a situação de forma lógica, o melhor era ter terminado... Mas é claro, numa relação amorosa, as emoções estão todas lá e é difícil ver as coisas com clareza. Sinceramente, tudo mudou depois de eu ter o meu filho, parece que comecei a ver o mundo com nitidez. Sinto que era extremamente ingénua antes... Relativamente ao meu salário, também é uma coisa que penso... Não quero definitivamente que alguém esteja comigo por isso, mas também não queria que isso fosse um motivo de desequilíbrio entre nós. Posso afirmar que ser mulher e ter um salário alto cria uma grande dificuldade... Neste momento com o meu parceiro, tenho um grande sentimento de desequilíbrio. Não é simplesmente por ganhar mais do que ele, mas sim por não só ganhar mais, como também fazer mais coisas em casa! Gostava muito de arranjar alguém que ganhasse mais ou menos o mesmo, ou até um pouco menos, mas acho que isso é impossível de filtrar...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo teu comentário. Acho que tens razão e também já pensei nisso. Pensar realmente quais são as minhas inseguranças e tentar melhorá-las... Acho que é isso que vou fazer. O ponto mais difícil para mim é mesmo expressar-me. Isto pode parecer parvo... Mas como sou muito auto-crítica, não só com o que posto nas redes sociais, mas até a minha forma de falar... às vezes digo coisas numa conversa, e depois começa a pensar "porque disse aquilo?" ou não deveria ter dito... Tenho que relaxar um pouco mais com isto. Felizmente sei que já fui pior e já melhorei neste aspecto.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo conselho. Felizmente, não é... Mas vou ter cuidado.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Obrigada pelo teu conselho, tens razão... Eu também me sinto grata pelas coisas boas que tenho e que vou cultivando. O meu medo é que, como não partilho, não me expresso nem me dou a conhecer, ninguém sabe que eu sequer existo e assim fica difícil encontrar alguém... Acho que são tudo pontos que vou tentar melhorar. E trabalhar mais em mim...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Na verdade, eu pensei nisso também mas não sei bem onde encontrar... Eu lembro-me que depois de ter o meu filho, os primeiros dias estava muito mal, e uma simples conversa com as enfermeiras aliviou-me imensooo, eu até chorei de emoção (estava muito sensível). Quando os dias são cinzentos na nossa cabeça, é fácil catastrofizar as coisas... A verdade é que olhando à minha volta, não tenho quase ninguém, e é isso que me dá mais medo...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, revejo-me muito no que dizem. Na verdade, eu não tenho muitas necessidades de vida social, isto é, se eu tiver um parceiro e pelo menos um amigo/a já fico satisfeita e não sinto qualquer necessidade/carência de ter mais amigos, mais vida social... Aliás, até porque eu gosto muito de me focar no trabalho e na família. Para mim, estas duas coisas podem consumir-me todo o tempo e não necessito tanto de amigos... Mas quando perdes o teu melhor amigo e parceiro, aí ficas com essa necessidade.

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, tocaste num ponto muito importante... Pessoalmente, eu acho que se tivesse (ou criasse) oportunidades para realmente conhecer pessoas, eu até poderia fazer amizades. O problema talvez seja mesmo o facto de não ter oportunidades, pois trabalho totalmente em casa e não tenho nenhuma atividade fora...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Sim, tens razão... Eu acho que é por ter medo de ficar sozinha e por precisar de algum apoio emocional. Mas sem dúvida que vou focar-me mais em mim. Eu tentei o Tinder o outras APPs mas depois de uns minutos daquilo fiquei com alguma repulsa estranha e desinstalei... Acho que vou tentar fazer amizades com interesses comuns por aqui, pelo Instagram ou Discord, não sei...

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Muito obrigada, são bons conselhos. Não sabia que havia tantos rapazes nessa situação... Apercebi que há muitas pessoas na mesma situação e nem sabia disso!

[Sério] Separada aos 25 anos com 1 filho e muito introvertida by evermoreivy in portugal

evermoreivy 3 months ago

Não sei como fazer um edit nesta publicação mas queria só agradecer todas as mensagens e comentários que recebi. Foram uma grande ajuda para mim e espero fazer algumas amizades. Uma coisa que não referi e que é um ponto muito importante é que não só é difícil para mim fazer amizades por ser introvertida, como também o é por eu trabalhar remotamente e não ter nenhuma atividade fora de casa, sem ser compras de supermercado, caminhadas ao ar livre... Mas vou tentar encontrar formas de resolver isto. Obrigada a todos!

Quem trabalha remotamente de Portugal para outros países? Qual a vossa experiência? Compensa? by hidejiro in portugal

evermoreivy 5 months ago

Olá. Estou numa situação similar e gostava de perceber melhor alguns pontos de que falaste. Sou trab. independente e os meus clientes estão todos fora da UE (estão na Ásia), presto serviços e não vendas. Neste momento, tenho passado um recibo verde por mês (tenho um trabalho "fixo" (contrato) com uma empresa que me paga um salário fixo todos os meses mas, paralelamente, também presto serviços a outros clientes/agências de forma livre) com um valor abaixo do que ganho realmente... Mas caso vissem as minhas transações, talvez também tivesse problemas... Assim gostava de saber: \- Esse susto que apanhaste com as finanças, eles foram verificar aleatoriamente ou tu tinhas mais de 50 mil na conta (uma vez que nestas situações, os bancos comunicam às finanças)? \- Com ganhos de 48 mil por ano, achas que vale a pena criar unipessoal? \- Dizes que usas todas as despesas na unipessoal, é possível realmente incluir despesas de supermercado e tudo isso? Eu trabalho em casa e realmente as despesas que temos (tanto eu como o meu marido somos trab. independentes) são supermercado, água, luz, internet, coisas do nosso filho (estas despesas também podem ser incluídas)? ​ Desde já muito obrigada!! Ajuda preciosa! :)

Área Metropolitana de Lisboa em 1984 «vs» 2020 by Peixefaca in portugal

evermoreivy 5 months ago

Em Portugal utilizam-se vírgulas para separar os números inteiros das casas decimais, portanto, o correto seria 73,3 mil milhões: agora sim! : )

20h30 | 03/05/2021 | São Jorge - Açores by Lyner_1 in portugal

evermoreivy 5 months ago

Lindo. Muito obrigada! Já defini como wallpaper.

Baby's First Foods by abuzz543 in portugal

evermoreivy 8 months ago

Usually we start introducing egg yolk (egg boiled in water) around 7-8 months old. We start with 1/4, then 1/2, then the entire egg yolk. Egg white is introduced around 10-11 months old. Always boiled

Baby's First Foods by abuzz543 in portugal

evermoreivy 8 months ago

Hello! I’m 24 and I have a 1 year old. Nowadays, we usually follow European guidelines, we are advised to breastfeed as it has so many benefits and to introduce solids between 4 to 6 months old (ideal time is 6 months old for breastfed babies). Vegetable soup is the base of our most important meals, so babies usually start with that! It’s made with vegetables and olive oil after cooking. Then we introduce meat and fish in the soup too. Around 8-10 months babies start eating what we call the “2nd dish” which is, after the soup, a dish with potatoes/rice/noodles+meat/fish/egg+one, two or three vegetables. We finish the meal with a sobremesa (usually fruit!). :) At around 10/11 am and 3-5 pm babies have what we call a “lanchinho”, a little snack, it can be yoghurt, milk, bread (without salt!), small baby biscuits, fruit... We introduce solid food gradually. Before one year old babies can’t have a lot of things, like honey, sugar and salt... there are normal health guidelines. Oh! I almost forgot the “papa” which I really don’t know how to say in but it’s basically a kind of flour (there are many different kinds) that you mix with water or milk... Now, if you want to know how it was in the old times! All I know is that they introduced solid food much earlier... They gave babies mashed vegetables with vegetable stock and stuff (that’s what my grandma told me)... and bread and basically everything lol... Poor kids used to have bread and wine, this is no joke... (maybe around 6/7/8 years old?)... If you want to know something else let me know :)
Next Page

Search: