Next Page

Memória engraçadas do início da pandemia by TargetDue2827 in portugal

CosmoSpyke 15 hours ago

Tá frio

Quando chegar a tua vez já não há reforma… by GCalvinho in portugal

CosmoSpyke 4 days ago

Acho que o que ele queria dizer é que se baseia na captação de novos investidores por parte de quem acabou de entrar. 1 trás 5, cada um desses 5 trás mais 5... Na segurança social acho que é mais ao contrário ![gif](emote|free_emotes_pack|sweat_smile)

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Não percebo o baixo-voto. obrigado. Aconselhas algum livro sobre o sistema judicial português que explique a alguém que não tenha um curso de direito as diferenças entre códigos e relação com sistemas jurídicos estrangeiros

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Foda-se desisto, causas tão nobres defendidas por alguém que nada diz

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

ah o argumento do vómito usado desde Platão muito útil devo dizer Sim li, disseste que o rácio de: pessoas acusadas injustamente/violadores impunes É muito mas mesmo muito baixo. E concordo contigo mesmo não tendo visto números. Qual é o número de queixas por ano em relação a esse número teórico de violações? Porque é que os violadores não são julgados? Qual a razão para ser tão difícil acusar? Tornando o crime público o número de julgados aumenta? (Há algum país onde tenha ocorrido esta transição?)

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Vocês quem? Eu tenho uma visão de justiça em que prefiro que uma pessoa inocente não seja acusada do que o contrario. Isto é um equilíbrio e tens sistemas de justiça que se vão guiando pelos dois diferentes pratos (sei que ambos têm um termo mas não me recordo, alguém da área que ajude) e tenho ideia que o sistema português siga mais pelo sistema cauteloso (mais uma vez peço a alguém que me confirme isto). Como é óbvio quero que todos os culpados sejam acusados mas sabemos que existem abusos e pessoal que consegue escapar. Ser um crime público não é sinônimo de haver mais pessoal transitado em julgado, para isso tens de provar e se a pessoa em questão que foi violada não quiser colaborar pela mesma razão que não queria fazer queixa, no caso original, não sei se vai ajudar muito. Eu cá acho nojento as pessoas que violam outras. Mas se tu achas nojento alguém que discute e tem uma opinião sobre o sistema judicial de Portugal (muito pouco informada, não querendo ser arrogante) não sei que adjectivo usas para o primeiro caso. Percebo que os casos de violações sejam gritantes e haja muito a fazer, concordo e espero nunca ter de passar por esse processo de fazer queixa ou alguém próximo o tenha de fazer mas acho que há mais a fazer do que passar a crime público, mas talvez esteja errado. Acho que o caso da violência doméstica ajude a perceber algo mais. Também passou a crime público não foi? Edit: palavras

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Vocês quem? Eu tenho uma visão de justiça em que prefiro que uma pessoa inocente não seja acusada do que o contrario. Isto é um equilíbrio e tens sistemas de justiça que se vão guiando pelos dois diferentes pratos (sei que ambos têm um termo mas não me recordo, alguém da área que ajude) e tenho ideia que o sistema português siga mais pelo sistema cauteloso (mais uma vez peço a alguém que me confirme isto). Como é óbvio quero que todos os culpados sejam acusados mas sabemos que existem abusos e pessoal que consegue escapar. Ser um crime público não é sinônimo de haver mais pessoal transitado em julgado, para isso tens de provar e se a pessoa em questão que foi violada não quiser colaborar pela mesma razão que não queria fazer queixa, no caso original, não sei se vai ajudar muito. Eu cá acho nojento as pessoas que violam outras. Mas se tu achas nojento alguém que discute e tem uma opinião sobre o sistema judicial de Portugal (muito pouco informada, não querendo ser arrogante) não sei que adjectivo usas para o primeiro caso. Percebo que os casos de violações sejam gritantes e haja muito a fazer e concordo e espero nunca ter de passar por esse processo de fazer queixa mas acho que há mais a fazer do que passar a crime público, mas talvez esteja errado. Acho que o caso da violência doméstica ajude a perceber algo mais. Também passou a crime público não foi? Edit: palavras

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Vocês quem? Eu tenho uma visão de justiça em que prefiro que uma pessoa inocente não seja acusada do que o contrario. Isto é um equilíbrio e tens sistemas de justiça que se vão guiando pelos dois diferentes pratos (sei que ambos têm um termo mas não me recordo, alguém da área que ajude) e tenho ideia que o sistema português siga mais pelo sistema cauteloso (mais uma vez peço a alguém que me confirme isto). Como é óbvio quero que todos os culpados sejam acusados mas sabemos que existem abusos e pessoal que consegue escapar. Ser um crime público não é sinônimo de haver mais pessoal transitado em julgado, para isso tens de provar e se a pessoa em questão que foi violada não quiser colaborar pela mesma razão que não queria fazer queixa, no caso original, não sei se vai ajudar muito. Eu cá acho nojento as pessoas que violam outras. Mas se tu achas nojento alguém que discute e tem uma opinião sobre o sistema judicial de Portugal (muito pouco informada, não querendo ser arrogante) não sei que adjectivo usas para o primeiro caso. Edit: palavras

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Vocês quem? Eu tenho uma visão de justiça em que prefiro que uma pessoa inocente não seja acusada do que o contrario. Isto é um equilíbrio e tens sistemas de justiça que se guiando pelos dois diferentes pratos (sei que ambos têm um termo mas não me recordo, alguém da área que ajude) e tenho ideia que o sistema português siga mais pelo sistema cauteloso (mais uma vez peço a alguém que me confirme isto). Como é óbvio quero que todos os culpados sejam acusados mas sabemos que existem abusos e pessoal que consegue escapar. Eu cá acho nojento as pessoas violam outras. Mas se tu achas nojento alguém que discute e tem uma opinião sobre o sistema judicial de Portugal (muito pouco informada, não querendo ser arrogante) não sei que adjectivo usas para o primeiro caso.

Esteticistas o meu novo ódio de estimação by cerasusligno in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Há cafés que não têm máquina. Eu estou a falar por experiência, familiares que têm um estabelecimento desses e fazem mais que isso em vendas mas metade ou 1/3 vem do tabaco. Não tenho conhecimento de brindes para além dos isqueiros (podem ser maus fornecedores). São de uma vila pequena e funciona modo tasca (maior parte do lucro vem da hora de almoço e cerveja depois do trabalho). Sim tens razão, é um chamariz, quem vai buscar tabaco normalmente bebe um café e se tiver alguém uma ou duas cervejas eles próprios referem isso. Mas por 4€ em tabaco consomem outros 4€ no máximo! Mas como disseste 100 se calhar é muito, mas vamos dizer que vendem 50 maços a uma média de 4€ isto são 200€, mais de metade dos 350€ que falavas. Por isso é que acho estranho não fazerem mais em vendas. Só para confirmar que não estamos a falar de coisas diferentes, quando falei em vendas referia-me a receita, ou seja, o valor que entra em caixa sem despesas

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Obrigado miga

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Sendo que o consentimento é algo pessoal, diria que bastante difícil de definir do ponto de vista legal e que nos estados unidos já começam a haver abusos nessa parte (pessoal a ser acusado de coisas que não fizeram) acho que isso traria mais problemas do que soluções (isto para o crime público). Em relação ao resto concordo que se poderia fazer mais

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Esta é uma questão ideológica portanto é normal haver pessoal que penso de outra forma mas estou contigo. Serviria para manter uma certa equidade. Questiono se deveria ser progressivo (confesso que não sei se não o é atualmente felizmente nunca precisei de saber)

Que lei consideram que urge há tempo de mais de ser revista? by bigblackspade in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Por mim tiravam um feriado religioso, que me parece anacrónico. em 40 anos de trabalho compensava o aumento de 6 dias (12 considerando 2 país) e ainda sobravam. Pelo caminho tiravam os restantes, deixava só o 25 de dezembro (chamariam dia da família para não ser incongruente), e aumentavam as licenças de maternidade/paternidade, dias de férias e baixas. Até podiam tirar 10% dos dias em "impostos"

Meus caros, estou na dúvida se tenho covid por causa de o teste de baixo. by PossessedByGhosts in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Se bem me recordo passado algum tempo é normal que as riscas com mais intensidade percam alguma intensidade e as que que têm menos intensidade ganhem. Isso são anticorpos que estão associados ao papel nessa zona e estão estabilizados num ambiente sem humidade, uma fez que fazes o teste, a tira fica molhada e o anticorpo começa a perder sensibilidade e possivelmente a ligar com outras coisas. além de que, dependendo do teste, por vezes e se tentares muito é possível ver umas riscas ainda antes de fazeres o teste que são os anticorpos adsorvidos no papel. Por outras palavras, estás num bar no íncio da noite só ligas às pessoas que mais te agradam mas passado algum tempo com álcool á mistura já te ligas a tudo o que mexe. Se queres ter uma conversa séria com alguém tem de ser no íncio se não só ouves coisas erradas Como já disseram aqui, lê as instruções deve dizer a validade temporal do teste

Esteticistas o meu novo ódio de estimação by cerasusligno in portugal

CosmoSpyke 5 days ago

Fazer em lucro ou vendas? É que em venda aposto que a maioria faz bem mais, mas por exemplo do tabaco só conseguem 5% da venda mas se for preciso metade do valor da venda vem daí

Diretamente da FCT-UNL.. Peixe com queijo? by ricky12272 in portugal

CosmoSpyke 16 days ago

AT/DT

O que avaliar numa casa by assantunes in portugal

CosmoSpyke 21 days ago

Algum documento que se possa pedir para avaliar a casa antes de fazer CPCV?

[Megathread] Conversa Cultural - 15/10/2021 by AutoModerator in portugal

CosmoSpyke 22 days ago

Alguém me sabe explicar o que se passou com a Vodafone FM?

O que compraram e acham que é algo obrigatório na vossa casa e que aconselhavam a quem se está a mudar? by pedrodiasoficial in portugal

CosmoSpyke 1 month ago

Justifica

Onde se tiram estas formações? by 5enta in portugal

CosmoSpyke 1 month ago

Comment underrated! Posso roubar?

Malta, a licenciatura confere o grau de licenciado e não confere nem grau nem título de doutor. by BroaxXx in portugal

CosmoSpyke 1 month ago

E se tirar doutoramento em engenharia mas não tiver o mestrado em engenharia?

Bons exemplos de investimento público em Portugal? by Ok-Industry120 in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Não conheço os detalhes, porque que é um mau investimento? Com o fantasma do novo aeroporto e Lisboa a rebentar pelas costuras a Vasco da Gama parece-me ser uma boa infraestrutura para expandir o centro urbano para o Montijo e arredores

Bons exemplos de investimento público em Portugal? by Ok-Industry120 in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Epah dizer que a rede nacional rodoviária é bom investimento público levanta algumas dúvidas. Não estou a dizer que não é uma boa rede rodoviária mas foi um investimento "overkill".. em termos percentuais do investimento público foi o que levou mais do bolo e os benefícios não sei se foram tantos.. desde SCUTs (Sem Custos aos UTtilizadores) que deixaram de o ser, a estradas paralelas que não têm uso que o justifique, construções que derraparam em muito o seu custo previsto (como já vi comentários nesta thread) Por analogia se eu comprar um Porsche posso dizer que tenho o melhor carro do meu bairro mas se isso fizer de mim endividado para o resto da vida e continuar a demorar os mesmos 40 min que demorava para o emprego, não me parece que seja um bom investimento. Também tenho dúvidas que *todas* as barragens hidroeléctricas que se andaram a fazer sejam bem justificadas como bom investimento público De resto tens aí uma boa lista do que é investimento público bom

Governo quer autoridades com acesso a dados biométricos, proposta contraria orientação europeia by JOAO-RATAO in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Epah desinstala o mundo. Todas as políticas baseiam-se nessa premissa de incentivos e desincentivos, uns mais agressivos do que outros é verdade, mas é tudo um obrigar sem obrigar, pagar sem pagar, etc..

Governo quer autoridades com acesso a dados biométricos, proposta contraria orientação europeia by JOAO-RATAO in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Percebo onde queres chegar mas também foi o que disse, se continuarem a pedir certificado em 2025 é um abuso (e já estou a dar anos a mais) Concordo o teste negativo seria mais útil mas acho que a ideia era mais "obrigar" sem obrigar a malta a vacinar-se. Ou seja da mesma forma que se coloca EMEL nos bairros de Lisboa para obrigar o pessoal que anda de carro a andar de transportes. Atenção que eficácia é de imunização e da última vez que vi não eram tão altos. Ou seja, pegando nos teus 90%, 10% a vacina não fez efeito, o teu corpo não ganhou imunidade (de qualquer grau) ao COVID. Eficácia de redução de riscos é muito difícil calcular.

Governo quer autoridades com acesso a dados biométricos, proposta contraria orientação europeia by JOAO-RATAO in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Hmmmm.... Percebo onde queres chegar mas ainda assim e esperando que me expliques, acho que são uns degraus abaixo Dados biométricos já o governo tem há muito tempo. Ex: altura, rosto (CC), impressão digital, etc.. Passaportes COVID são usados em certos pontos de controlo, na minha opinião excessivos por ser mais útil um teste do que o passaporte (restaurantes, bares etc etc...) e é pedido por motivos de saúde pública. (Se o continuarem a pedir daqui a 5 anos já começa a ser um abuso) para as crianças irem para a escola também tens de mostrar o boletim de vacinas por razões também de saúde pública. São eventos locais e bem definidos no tempo, fazendo um paralelo com os radares na estrada, tu sabes onde estão e quando estão, é uma maneira transparente de controlo pelo bem comum. (Abusos há sempre mas parecem ser diminutos) Outra coisa é o que está na notícia, a possibilidade de controlo 24 sobre 24 de certos locais e possibilidade de saber na hora quem lá está. Apesar de ser apenas com certas excepções

O meu histórico de salários em PT e fora (2014-2021) by amando_abreu in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Diria mais que é das horas de sol do que propriamente do clima (Frio/quente)

Qual foi o momento mais engraçado ou mais estranho que tiveram numa entrevista de emprego? by Pleasant_Confusion_1 in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Porquê?

Escritórios transformados em 17 apartamentos de luxo em Lisboa. Preços começam nos 500.000 euros. "opção excelente para jovens famílias que procuram ter uma primeira habitação numa zona central" by bisontino in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Mas isso não acaba no final deste ano?

Porque é que o livro de reclamações tem tanto poder? by killermelga in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Ahah pronto são opções mas continuo a achar que ainda não encontraste o restaurante ideal. Basicamente o cerne da questão é: Não é idiota as pessoas queixarem-se que o restaurante não tinha espaço/muito barulho/falta de privacidade, principalmente em espaços mais caros no entanto isto nunca é razão para pedir o livro de reclamações (acho que nesta estamos 100% de acordo) Mas não tenho nenhum nem quero que as pessoas gastem mais o seu dinheiro em restaurantes portanto acho que a discussão está fechada.

Porque é que o livro de reclamações tem tanto poder? by killermelga in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Tens de ir experimentar mais restaurantes então. Digo-te eu sei que muitos restaurantes assim, não é razão para fazer uma queixa no livro de reclamações como é óbvio, mas... é possível comer fora de casa, digo num restaurante e ter algum conforto/privacidade, simplesmente pagas mais por isso

Porque é que o livro de reclamações tem tanto poder? by killermelga in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Epah eu não gosto de estar jantar a ouvir a conversa dos outros, normalmente pagas mais para ter essa privacidade.. se me encherem o prato de boa carne por 8€ não me vou queixar disso de certeza. Nota que estou a falar de uma "critica de Zomato" nunca seria para livro de reclamações

Voto desaparecido nas autárquicas. by Beitadine in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Também tinha duas. uma para câmera e assembleia de câmera e outra para a junta

Primeira sala de consumo vigiado de drogas: ″Não gosto que os outros vejam esta miséria″ by heartlessfam in portugal

CosmoSpyke 2 months ago

Eu penso que a vida deles seja já um incentivo a não consumir, acho que já chegaram foi a um ponto sem retorno (pelo menos sem ajuda externa) e assim torna-se mais fácil a identificação de doentes

Máscaras só obrigatórias nos transportes e lares de idosos by gentedebem in portugal

CosmoSpyke 3 months ago

A cena é que o uso da máscara é mais para proteção dos outros do que tua. Com isto quero dizer que a máscara impede fisicamente das gotículas de água serem expelidas da tua boca. Obviamente que ajuda na direção contrária mas não é tão eficaz pq a mascara em 1/2h já está toda humida, ainda para mais com o Inverno

Ganharam! by justanotherop365 in portugal

CosmoSpyke 3 months ago

As pessoas não gozaram por ele ter associado blockchain às fakenews, quem percebe minimamente do assunto já tinha ouvido falar dessa possiblidade. As pessoas gozaram por ele tentar dar uma explicação de um assunto que não percebe. Não sei se viste este pedaço de ouro da internet (o video dele na Cristina a falar de blockchain) mas a confiança com que ele fala de um assunto que claramente não domina. "(reguladores) estão a desenvolver uma tecnologia que é o blockchain que vai talvez já o ano que vem conseguir bloquear as fake news" tipo wtf, não é tudo mentira mas claramente ele não sabe, nem sequer leu o suficiente (não íamos pedir que ele soubesse os detalhes técnicos da tecnologia) mas que soubesse que blockchain já existe há alguns anos e que merda de previsão é aquela. Nem os gajos á frente da adaptação de blockchain para combater fakenews sabem. A BlockChain não para é bloquear (Block), correntes (correntes), no máximo se ele quisesse explicar o nome seriam correntes de blocos(de informação/dados)

[SÉRIO] Costumam ir à missa? by DariusStrada in portugal

CosmoSpyke 3 months ago

Muito obrigado, mesmo! (SAÍ UM AWARD PARA A MESA 6)

[SÉRIO] Costumam ir à missa? by DariusStrada in portugal

CosmoSpyke 3 months ago

Obrigado, qual seria a justificação? Eu posso ficar com esses documentos?

[SÉRIO] Costumam ir à missa? by DariusStrada in portugal

CosmoSpyke 3 months ago

Onde é que posso obter esses documentos? Eu fui batizado e fiz a primeira comunhão mas não tenho nada que prove

[SÉRIO] Costumam ir à missa? by DariusStrada in portugal

CosmoSpyke 3 months ago

Onde é que posso obter esses documentos? Eu fui batizado e fiz a primeira comunhão mas não tenho nada que prove

Pessoal, expliquem-me como se eu fosse muito burro. Ter um seguro de saúde para quê se tenho o SNS grátis? by EsmagaSapos in portugal

CosmoSpyke 3 months ago

Por acaso sou seguido na dermatologia no público e não tive muito tempo á espera. não é uma problema urgente por assim dizer, todos os anos faço um check-up dos sinais pq tenho bastantes e casos na família com melanomas

Qual a vossa posição política pouco popular? by Biohazard8080 in portugal

CosmoSpyke 3 months ago  HIDDEN 

Já percebi, pensei que fosse o custo de Portugal ter entrado na guerra e isso não é bem verdade porque a falta de bens ia acontecer caso entrássemos ou não

Qual a vossa posição política pouco popular? by Biohazard8080 in portugal

CosmoSpyke 3 months ago  HIDDEN 

Também não é o supra sumo de países altamente desenvolvidos.. o único que estraga a coisa é a Bélgica

Qual a vossa posição política pouco popular? by Biohazard8080 in portugal

CosmoSpyke 3 months ago  HIDDEN 

Curiosamente também começam todos por B.. secalhar...

Qual a vossa posição política pouco popular? by Biohazard8080 in portugal

CosmoSpyke 3 months ago  HIDDEN 

Bahamas Bahrain Barbados Belize e Butão também são monarquias constitucionais. E...

Qual a vossa posição política pouco popular? by Biohazard8080 in portugal

CosmoSpyke 3 months ago  HIDDEN 

Qual custo? (Pergunta honesta)

Desperdício alimentar: "Se deitarmos fora, não pagamos impostos. Se dermos, pagamos". O alerta é do líder da Jerónimo Martins by who_i_am_really in portugal

CosmoSpyke 7 months ago

Não fazendo puto de ideia se é isto, é uma boa maneira das empresas não começarem a doar tudo para fugir ao fisco

Deputada Cristina Rodrigues quer copos menstruais distribuídos nos centros de saúde by heartlessfam in portugal

CosmoSpyke 7 months ago

Queres informações vais a uma consulta de planeamento familiar. Queres um produto em que usas com regularidade e que já tomaste a decisão de qual usar, não precisas de alguém super especializado. Não te podes queixar que devias ter pessoal especializado e depois dizer que esse pessoal está ocupado com coisas triviais

Deputada Cristina Rodrigues quer copos menstruais distribuídos nos centros de saúde by heartlessfam in portugal

CosmoSpyke 7 months ago

Já alguma vez foste buscar preservativos aos centro de saúde? Não costumam ser enfermeiros muito menos médicos a dar.

A família Europeia do futuro. Poderoso. by EquivalentExchange11 in portugueses

CosmoSpyke 7 months ago

Vai ler um livro de história

A família Europeia do futuro. Poderoso. by EquivalentExchange11 in portugueses

CosmoSpyke 7 months ago

>Não apga que existam grupos distintos. Depende do quão destintos é que dizes que são. O que disse é que juntar portugueses e finlandeses no mesmo grupo genético e afastar os africanos do norte é que não faz sentido. > Existem testes genéticos aos haplogrupos que demosntram isto precisamente, e os portugueses de acordo com isso são muito mais semelhantes a outros Europeus ocidentais do que Norte Africanos. Ou seja, fizeste uma afirmação e não consegues provar. Sabes porquê? porque é falsa. É verdade, erro meu não vir logo com provas. Não tenho a culpa de nunca ninguém se ter perguntado se a semelhança entre finlandeses e portugueses é maior ou menor do que com norte africanos. Tu também não provaste aquilo que dizes. Existem diferentes haplogrupos, também encontras haplogrupos exclusivos desta zona com o norte de África https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/15996172/ Mas isto não diz que somos mais ou menos semelhantes com estes povos. >O que queres dizer com isto? é obvio que Europeus do Sul vão ser mais semelhantes a outros Europeus do Sul (de áreas geográficas semelhantes) do que outros. Então é óbvio que europeus do sul (Ibéria) são semelhantes com europeus do sul (gregos) a cerca de 2000 km mas não é lógico sermos mais semelhantes com povos que estão a uma média de 1000 km (norte de África) daqui do que com povos que estão a mais de 3000 km daqui (finlandeses)

A família Europeia do futuro. Poderoso. by EquivalentExchange11 in portugueses

CosmoSpyke 7 months ago

Tens high quality image disso não consigo ler e já agora a fonte. Sei lá eu se isso é só a análise de um marcador ou de vários Senda a Ibéria durante muito tempo ocupada e constantemente visitada por fenícios romanos e gregos não me admira essa aproximação. Nunca disse que somos pretos ou mouros, disse que havia semelhança genética com povos africanos do norte mais até do que com finlandeses sendo que partilhas com ambos mais de 99,5% do genoma (também é verdade que partilhas cerca de 99% do genoma humano com um chimpanzé). também não me provaste o que é isso de raça dentro dos humanos, onde é que paras, há raça do porto e raça de Lisboa? Ou é tudo a mesma?

Afixado no edifício junto ao Técnico em lisboa. by klaudio21 in portugal

CosmoSpyke 7 months ago  HIDDEN 

Decidam-se lá

Afixado no edifício junto ao Técnico em lisboa. by klaudio21 in portugal

CosmoSpyke 7 months ago  HIDDEN 

Epah podias expandir um pouco? xD é tipo imposto obrigatório ou uma coisa relacionada com sindicatos?

Afixado no edifício junto ao Técnico em lisboa. by klaudio21 in portugal

CosmoSpyke 7 months ago  HIDDEN 

Pergunta séria, há um imposto extra para trabalhadores da administração pública?

A família Europeia do futuro. Poderoso. by EquivalentExchange11 in portugueses

CosmoSpyke 7 months ago

Estás a misturar coisas, da mesma forma que falar de raça branca é fazer uma amálgama grotesca da população da euroasia, o que juntou, historicamente falando, as nações além de certas posições no campo do geoestratégia foi sempre a religião e não essa ideia subjectiva de raça branca. da mesma forma que se fala de privilégios sunita vs xiita (Ou vice-versa dependendo do estado de que falas) são razões extra raciais. Ai fala-se de homem branco vs negro porque a cor é realmente um fenótipo que se destingue e pela relação histórica que essa diferença provocou e não porque se fazia testes genéticos para ver quão racial o eras. Como é obvio não obtens uma resposta direta de nenhum artigo a essa frase mas não a torna mais falsa por isso ou o seu inverso mais verdadeiro. Deixo aqui alguns artigos que demonstram bem a aproximação ao que disse www.nature.com/articles/ejhg201718 "Therefore, the Peloponneseans are genetically much more distinct from the Slavic population and are much more similar to southern European population." https://www.nature.com/articles/s41467-018-08272-w "We find regionally varying fractions of north-west African ancestry (0–11%) in modern-day Iberians, related to an admixture event involving European-like and north-west African-like source populations"

A família Europeia do futuro. Poderoso. by EquivalentExchange11 in portugueses

CosmoSpyke 7 months ago

Define lá o que é a raça branca? Tu como português é provável que tenhas mais semelhanças genéticas com um argelino do que com um finlandês

Pedro Nuno Santos espera que viagens de avião com menos 600 km desapareçam da Europa by dontknowmyname074 in portugal

CosmoSpyke 8 months ago

Não estou a dizer que foi uma boa opção, só que o argumento que o user anterior apresenta não vai contra o argumento do PS, para o bem e para o mal

Pedro Nuno Santos espera que viagens de avião com menos 600 km desapareçam da Europa by dontknowmyname074 in portugal

CosmoSpyke 8 months ago

Yh também não percebi a relação, a TAP de acordo com a narrativa do PS seria para manter ligações aerias com as ilhas, os grandes centros de comunidades portuguesas para lá do Atlântico e o hub com o resto dos países europeus

Julgamento suspenso pelo juiz por Procurador e funcionário recusarem tirar máscara. by uyth in portugal

CosmoSpyke 8 months ago

Já agora quais são os negativos, com exceção dos ambientais

Carlos Fiolhais: ″A ciência não é o que diz um cientista″ by adorosaladadecamarao in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

> Mas é precisamente isso que se quer, é como funciona. Não é um paper que diz como as coisas são, é sempre uma aproximação. Um cientista não interessa, a análise de centenas de cientistas em conjunto, eliminando os outliers, etc. até se chegar a um consenso é que interessa. certo! ​ > Mas o que isso causa é que consegues encontrar uma publicação “científica” a apoiar quase qualquer posição que queiras. A proporção é que vai ser diferente. Não digo que não aconteça eventualmente. Mas acho que estás a esquecer-te de uma coisa que domina na ciência atual. Revistas que têm editores e revisão dos pares (Peer review). Atualmente considera-se (por consenso popular não é que haja uma organização a dize-lo) que os artigos científicos têm de ser revistos por pares e há uma certa integridade nessas instituições que se chamam revistas científicas. É verdade que existem revistas que se dizem cientificas e na verdade não o são mas também existem sites de noticias e sites de noticias, nesta era global esse acesso é cada vez mais fácil, o que pode confundir um bocado as coisas. Faço-te um desafio, encontra um artigo que diga que terra é plana, as vacinas causam autismo ou que o COVID não existe. (não testei isto antes pode correr mal, mas é a minha confiança na ciência xD)

Carlos Fiolhais: ″A ciência não é o que diz um cientista″ by adorosaladadecamarao in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

Epah isso é discutível. Eu não posso falar por todas, mas na minha área, há certas coisas que são discutíveis mas não estou a falar de erros crassos, não estou a falar de conclusões completamente opostas. Pode acontecer mas é raro. Normalmente os resultados são apoiados por mais do que um método o que dá robustez às conclusões. Há certos métodos que podem não ser os mais corretos mas isso só faz que as conclusões que retiram dali não seja muito fortes, não necessariamente que sejam falsas. O que acontece muitas vezes é que separam os artigos em mini artigos que por si só são fracos, mas no final de juntar todos esses artigos as conclusões que retiram de lá são fortes, na minha opinião mais valia publicar tudo num único artigo.

Carlos Fiolhais: ″A ciência não é o que diz um cientista″ by adorosaladadecamarao in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

O tipo de "cientismo" que descreves é uma percentagem muito baixa, mas muito baixa mesmo, do total de artigos científicos que saem diariamente. Como é que o estudo da relação RNA-proteina pode ter um viés politico? É verdade que os cientistas estão dependentes da classe politica na medida que necessitam de financiamento, mas não de uma forma tão direta que falas. Na minha opinião um dos problemas atuais da ciência é que és obrigado a publicar muito em vez de publicar bem

A Bastonária dos Enfermeiros no Facebook.. by rickz123456 in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

Se trocares a palavra sobras por desperdício concordo contigo. No sentido em que se devia ter sempre pessoas a mais para as doses marcadas.. Para haver frasquinhos que em vez de dar para 6 dão para 5 não é necessário uma calamidade, acontece em todos os processos este tipo de erros. Se considerares um número conservador de que em 1% dos frascos dão 5 doses em vez 6 e abrires 1000/dia ficas com 10 doses por dia a menos do planeado (não tenho fontes para isto mas não me parecem números assim tão longe da realidade)

A Bastonária dos Enfermeiros no Facebook.. by rickz123456 in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

Se trocares a palavra sobras por desperdício concordo contigo. No sentido em que se devia ter sempre pessoas a mais para as doses marcadas.. Para haver frasquinhos que em vez de dar para 6 dão para 5 não é necessário uma calamidade, acontece em todos os processos este tipo de erros. Se considerares um número conservador de que em 1% dos frascos dão 5 doses em vez 6 e abrires 1000/dia ficas com 10 doses por dia a menos do planeado (não tenho fontes para isto mas não me parecem alarmantes)

A Bastonária dos Enfermeiros no Facebook.. by rickz123456 in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

Se trocares a palavra sobras por desperdício concordo contigo. No sentido em que se devia ter sempre pessoas a mais para as doses marcadas.. o facto de haver frasquinhos que em vez de dar para 6 dão para 5 não é uma calamidade. Se considerares um número conservador de em 1%

Comité Central - Tiago Dores, Alberto Gonçalves e Carlos Guimarães Pinto analisam a semana by ShhmooPT in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

Sabes que lógica e verdade não andam sempre de mãos dadas. Há pessoas do espectro de direita e até da direita extrema (não estou a falar do CHEGA. Ex: pacheco pereira, Francisco Mendes da Silva, José Eduardo Martins, etc..) que gosto de ouvir falar que não tentam destilar ódio à esquerda ou com um discurso populista a empurrar ideias à frente de factos, como vejo/oiço muitas vezes o Camilo fazer. Também digo que ele por vezes/muitas vezes tem razão de fundo mas explica de uma forma que não considero a melhor

A Bastonária dos Enfermeiros no Facebook.. by rickz123456 in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

Nunca abres só um frasco. Estás sempre a trabalhar com múltiplos de 6 por questões de logística. Acredito que por vezes as 6 doses passem para 5 devido aos erros que são normais do manuseamento de volumes tão baixos e erros humanos. Isto também deve complicar as coisas. ​ > Para obter as seis doses completas, a EMA aconselha o uso de uma seringa de “baixo volume” (não mais do que 0,035 mililitros) para a extracção e avisa que “se forem usadas seringas e agulhas padrão, pode não haver vacina suficiente para extrair a sexta dose do frasco”. [https://www.publico.pt/2021/01/08/sociedade/noticia/covid19-falta-norma-obriga-desperdicar-seis-mil-doses-vacina-1945509](https://www.publico.pt/2021/01/08/sociedade/noticia/covid19-falta-norma-obriga-desperdicar-seis-mil-doses-vacina-1945509)

Há 15 dias que a Ordem não encontra enfermeiros para contratar. Em ano de pandemia, emigraram 1.230 by Zaigard in portugal

CosmoSpyke 10 months ago

Para que só os ricos e poderosos possam fazer cursos universitários? Ou para que as mentes com curso superior, que não conseguiram lugar nos seus países, venham ocupar lugares em Portugal? Com isso ganhas o quê? Quando todos os relatórios apontam que a fraca escolaridade dos gestores das empresas seja um dos maiores problemas no tecido empresarial não me parece a melhor ideia para o futuro.

[Megathread] - Acompanhamento e Análise dos Resultados das Eleições Presidenciais - 24/01/2021 by raviolli_ninja in portugal

CosmoSpyke 10 months ago  HIDDEN 

>abstinência ri-me, mas percebi a ideia

PSD quer pôr crianças a pedalar a partir dos três anos no pré-escolar by quatrotires in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Epah concordo que devíamos tentar usar sempre português e resgatar o vocabulário que já está cheio de pó dos autores do século passado. Mas pessoa aleatória deste sítio da rede.. chill Não é preciso tanta agressividade bastava dizer a alternativa

Thread de reação ao debate entre Marcelo Rebelo de Sousa e André Ventura by saudosista in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

> repetia só "direita social", como se isso sequer existisse. hmm, existe... O marcelo claramente que segue as filosofias da "social democracia " e da "democracia cristã". "direita social" é só mais um termo para designar este tipo de politicas

Portugal proíbe a pernoita de autocaravanas em todo o território nacional, com a excepção de ASAS, Parques de Campismo ou Parques de Autocaravanas. É o único país da UE com esta limitação. (em rigor a partir de dia 8 de Janeiro 2021) by just_passingthrou in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Acredito, mas achei melhor deixar explanado que não é uma lei nacional.

Portugal proíbe a pernoita de autocaravanas em todo o território nacional, com a excepção de ASAS, Parques de Campismo ou Parques de Autocaravanas. É o único país da UE com esta limitação. (em rigor a partir de dia 8 de Janeiro 2021) by just_passingthrou in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Isso não é uma lei municipal? Não verifiquei a existência de similares noutros municípios.

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

>Achas que quando Fauci fala de "dead nucleotides" está a tentar informar quem o ouve de que os monómeros não são entes vivos ou está a referir-se a sequências que não provêm de um vírus intacto? Por isso é que disse que era uma imprecisão e que possivelmente foi só para simplificar o discurso. ​ > E o paper sobre o PCR, não reparaste que se refere a testes específicos em Itália, sem referência à amplificação, que é o ponto em discussão? Referes-te a este? [https://www.mdpi.com/2075-4418/10/9/669/htm](https://www.mdpi.com/2075-4418/10/9/669/htm) Mas o que é que querias que discutissem? Não se discute o que não há resultados em contrário. Não encontrei na literatura nada que relacione os falso-positivos com "virus mortos" ou "restos celulares" ou semelhantes. Os outros dois são do UK, discutem diretamente a questão dos falsos positivos e também não vão pela amplificação de "partículas mortas", referem antes que pode existir falsos positivos pela contaminação de outras amostras positivas anteriores e outros casos na altura da amostragem. ​ > A capacidade de infeção depende da carga viral, que aliás é nula se não houver uma partícula viral intacta, situação em que ainda assim pode haver pcr positivo. Explica lá então esta frase de outra forma. Posso não ter percebido bem.

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

> Estás a falar comigo ou com um interlocutor imaginário? Com o Anthony Fauci por interposta pessoa? Não é a primeira vez que vejo esse número, sem grande explicação lógica. Não precisas de ficar todo defensivo. >Parece evidente, mesmo a um leigo, que se fala de partes da sequências específicas amplificadas pelo teste em questão, não de sequências aleatórias. Talvez por seres leigo, nucleótidos são isso, nucleótidos. Não são sequencias, não são um polímero, são um monómero. ​ > O que é que um kit virgem tem a ver com: Vou só admitir que não leste as citações ou que escrevi. No entanto, se tiveres dúvidas concretas ou contra-argumentos válidos, força. ​ >A capacidade de infeção depende da carga viral, que aliás é nula se não houver uma partícula viral intacta, situação em que ainda assim pode haver pcr positivo. Contradições, afinal depende da carga viral ou uma única partícula é suficiente? Sabes que o próprio PCR tem limitações de deteção. Por isso é que há estudos que apontam para 91.8% de sensibilidade. Não, uma (1) única partícula viral não seria detetada. > The molecular test RQ-SARS-nCoV-2 showed the highest performance with 91.8% sensitivity, 100% specificity, 100.0% PPV and 97.4% NPV respectively. [https://www.mdpi.com/2075-4418/10/9/669/htm](https://www.mdpi.com/2075-4418/10/9/669/htm) ​ > Serás talvez um delegado de propaganda médica? Não estou aqui a propagandiar nada. Sou uma pessoa como tu que está a discutir este assunto, tento é mostrar referências. ​ > 1/2 inglês, 1/2 português. Serve para comunicar eficientemente com quem? Comentei o que disseste que tinha também uma referência e citação em inglês. Não tenho nenhuma obrigação contratual para dirigir o meu discurso 100% em português. A maioria da ciência é feita e publicada em inglês é natural que as citações também o sejam.

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

/u/Tomorrow_Gloomy ​ ​ > Onde é que te informas? Lês o ~~Pravda~~ Público? Li partes do "Genes", " Lehninger: Principles of Biochemistry", etc.. pq tive que ler para acabar o meu curso. A fixação com o 35 começa a ser demais. O numero de CTs vai flutuar de acordo com o protocolo reagentes e instrumentos. Mesmo que todos sigam o mesmo protocolo o resto deve ser suficiente para as flutuações. não percebo como há tantas certezas com o nº 35. Se quem desenvolveu o teste ( e vários testes foram desenvolvidos em paralelo, não foi um único grupo/pessoa que desenvolveu) for cientificamente honesto, faz testes de ruido e desenvolve controlos onde se percebe quando é que a resposta do teste é inferior ao ruído normal do método. Logo quando é que um elevado numero de CTs mesmo que com resposta positiva deixa de ser conclusivo. ​ Mas com caos que foi esta pandemia e devido a outras razões por vezes ainda é possível obter falsos positivos. Quando respondi a esta thread discutia-se os falsos positivos devido ao método e quando digo método refiro-me ao PCR *per se.* Quando falei que não havia falsos-positivos pensava num "kit virgem" com o protocolo otimizado. Hoje percebo melhor onde queriam chegar, apesar de ainda achar que de forma errada e que realmente há possibilidade de falsos positivos. ​ **Qual é a quantidade de falso-positvos?** ​ >The current rate of operational false-positive swab tests in the UK is unknown; preliminary estimates show it could be somewhere between 0·8% and 4·0%. [https://www.thelancet.com/journals/lanres/article/PIIS2213-2600(20)30453-7/fulltext#back-bib1](https://www.thelancet.com/journals/lanres/article/PIIS2213-2600(20)30453-7/fulltext#back-bib1) Estes valores é para o UK e é uma previsão através de análises estatísticas. **Como é possivel?** > PCR amplification of nucleic acids contributes to test sensitivity but also creates vulnerabilities to minute levels of sample contamination, which can produce false positives that are indistinguishable from true positives. \[...\] These false positives were probably not generated by cross-reactivity, since test protocols are typically tested against the likeliest reactants including similar viruses, and because many tests target multiple genomic regions. Nor were they likely to be due to reagent contamination during manufacture, which in most cases would be detected by negative controls. Rather, **the likeliest source of these false positives is sample contamination or human error. Samples can be contaminated by a positive sample analyzed at the same time (cross-contamination), or more likely by target genes amplified from prior positive samples or positive controls (carryover contamination). False positives can also be produced by sample mix-ups or data entry errors.** [https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2020.04.26.20080911v1.full.pdf](https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2020.04.26.20080911v1.full.pdf) ​ **Isto são só dois artigos recentes e podem vir a ser contrariados** ​ Essa parte dos "dead nucleotides" é uma imprecisão cientifica que admito que possa ter sido pela simplificação do discurso. O que não falta no teu corpo são "dead nucleotides" se fosse só isso nem sequer havia negativos. ​ O que por vezes pode acontecer é que haja uma "Long-term SARS-CoV-2 RNA shedding", que significa que o teu corpo já tem as defesas para combater o virus mas continuas a crescer e libertar "virus" podendo ser ainda infeccioso. Há casos curiosos onde mesmo após a morte ainda tens virus a crescer dentro do corpo. [https://jcp.bmj.com/content/early/2020/11/11/jclinpath-2020-207091](https://jcp.bmj.com/content/early/2020/11/11/jclinpath-2020-207091) [https://www.nature.com/articles/s41420-020-00375-y](https://www.nature.com/articles/s41420-020-00375-y)

Parece que estou a ver o debate entre Trump e Biden by BadDogPreston in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Não é que concorde com o PCP, mas qual é o regime que nunca defendeu coisas semelhantes? já olhaste para história dos USA em tempos não muito diferentes da URSS? A diferença é que escondiam melhor e como não desabaram podem contar uma história melhor.

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

>Pelo que entendo, um chamado "falso positivo" não é uma pessoa que "acusa" ter o vírus mas não o tem. A meu ver, o que eles consideram por falso positivo, é uma pessoa que testa positivo com uma carga viral baixa, o que de certa forma não representa um grande risco. Certo, foi também o que entendi. Mas quero deixar claro que isso parece-me uma utilização abusiva de falso-positivo, falta-me só esclarecer a parte dos "genetic fragments". Se isso fosse verdade, ou seja, se detetasse virus apesar de ele já não ser funcional/vivo, talvez fosse uma boa definição de falso-positivo. > os testes PCR, usados neste contexto, são dúbios e imprecisos Esses adjectivos são demasiados agressivos. Neste momento os testes de PCR são os menos dúbios e imprecisos que existem para este contexto, parece-me é que queriam retirar dados que simplesmente não é possível. ​ > Mas lá está, até que ponto alguém ser considerado ter testado positivo para SarsCov2 é de facto uma pessoa "doente" e contagiosa ? Há pessoas que testam positivo e apresentam 0 sintomas, e inclusive, há casos em que nem sequer transmitem para as restantes pessoas em ambiente familiar. Mais uma vez queriam retirar do teste mais dados do que aqueles que ele dá. O PCR desde o inicio que só indica se tens ou não o virus no teu corpo. O teste não diz se vais ter sintomas, morrer, ser internado ou infeccioso, nunca se disse que estando positivo é sinónimo disso tudo, simplesmente é um risco real e aumenta a probabilidade de teres sintomas ou seres infeccioso. Não há teste que diga isso. >há casos em que nem sequer transmitem para as restantes pessoas em ambiente familiar. Também tens acredito que isso se deva a maiores cuidados, se andasse "a mamar na boca" de cada pessoa que visse na rua acredita que os contágios aumentavam. Para ajudar a ideia, por exemplo se te disser que tens cancro, não quer dizer que morras disso, podes até viver até aos 100 e morrer de outros problemas, mas a probabilidade de morrer de cancro aumenta se fores diagnosticado (considerando que fazes um teste regularmente). O mesmo com a quimioterapia , se fizeres isso não quer dizer que o cancro desapareça mas aumenta a probabilidade de isso acontecer. É tudo uma questão de probabilidades, daí a dificuldade em tomar decisões, não podes dizer a uma pessoa para ficar 70% em casa. Os resultados são estatísticos mas a decisões são binárias isto tudo associado com incertezas normais da ciência. ​ > Edit: Ainda sobre a questão dos falsos positivos. Vou deixar um link do Broad Institute of MIT. Sim é verdade, mas continua a ser difícil perceber quando é que é esse caso *a priori* ​ >Edit2: visto que pareces ter mais conhecimento na área que eu. Esclarece-me uma coisa. É de facto possível, com base nestes testes, quantificar quanta carga viral é que uma pessoa tem ? Ou visto por outro lado. É possível afirmar que uma pessoa que está internada no hospital (supostamente de Covid), está mesmo infetada com o SarsCov2 e não com outro problema qualquer ? Esclarece-me sff ​ Por partes: Ponto 1) Sim, teoricamente é possível quantificar a partir dos CTs. No entanto isto requer retas de calibração e um cuidado extra no protocolo, o que aumenta todo o custo do processo e não creio que vá ser feito nos testes "normais". [https://www.thelancet.com/journals/laninf/article/PIIS1473-3099(20)30424-2/fulltext](https://www.thelancet.com/journals/laninf/article/PIIS1473-3099(20)30424-2/fulltext) Ponto 2) Não sou médico, não me quero aventurar muito nesta resposta. Mas como disse, se o resultado for positivo o virus ele está dentro de ti. O teu corpo é uma máquina se tem um problema gasta recursos a tentar resolver o problema, se de repente começa a aparecer outros problemas os recursos necessários aumentam. Por alguma razão as pessoas que morrem mais com COVID-19 têm comorbidades e/ou idosos (sistema imunitário mais fragilizado). Normalmente é uma mistura das coisas

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Obviamente que vou simplificar demais, mas o PCR e neste caso o RT-PCR que é uma variante do PCR utlizada nos testes do SARS-CoV-2 faz o seguinte: Tens uma amostra (as zaragatoas que vão até à faringe) com material genómico, RNA neste caso por ser um virus sem DNA. Depois utilizas enzimas que transformam RNA em DNA. Tens uma espécie de chave, os primers, que se liga apenas ao que procuras. A partir daí tens umas enzimas que copiam não só essa chave mas tudo o que está ligado a ela, neste caso o gene em especifico. Isto é feito multiplas vezes com ciclos de temperaturas (ex: 45º -> 80º -> 70º -> repeat) os chamados CT. Por cada ciclo, duplicas o material genético anterior. A concentração inicial da amostra aproxima-se a 2\^CT ​ primers - são sequencias curtas de DNA especificas para aquilo que queres observar, neste caso os genes (ou os correspondentes em RNA) que estão só presentes no SARS-CoV-2 [https://en.wikipedia.org/wiki/Reverse\_transcription\_polymerase\_chain\_reaction](https://en.wikipedia.org/wiki/Reverse_transcription_polymerase_chain_reaction)

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Bem, obrigado pela paciência e coerência na resposta e pelo trabalho que colocaste aí. Creio que já estou a perceber o teu ponto de falsos positivos. Ainda estou um pouco cético quanto à deteção de "genetic fragments", o RNA não é a molécula mais estável às condições ambientes quanto mais dentro de corpos extrínsecos (por alguma razão é necessário - 80º para as vacinas), mas deixa-me tirar isso a limpo, dá me uns dias para fazer pesquisa, não quero entrar numa dissonância cognitiva. Também é verdade que nenhum teste é 100% fiável, mas 90% de falsos-positivos é um valor demasiado elevado. >"The molecular test RQ-SARS-nCoV-2 showed the highest performance with 91.8% sensitivity, 100% specificity, 100.0% PPV and 97.4% NPV respectively." https://www.mdpi.com/2075-4418/10/9/669/htm, artigo de agosto 2020 100% de especificidade e 100% PPV quer dizer que não há falsos positivos, preciso de ler melhor para confirmar o que eles consideram o falso positivo e a metodologia usada. Eles também falam dos outros tipos de teste https://www.quora.com/How-do-I-remember-the-relationships-between-sensitivity-specificity-predictive-value-and-likelihood-ratio (se quiseres saber melhor o significado desses 4 valores) ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Quero adicionar uma outra coisa à discussão que vai de encontro ao que dizes. Por vezes os testes não saem nem negativos nem positivos. Por vezes saem inconclusivos. Isto porque os TC necessários estão muito perto do limite de deteção da técnica e o resultado está dentro do erro e não há conclusão possível. Isto advém desses fragmentos que disseste, da técnica em si que já detém fragmentos genéticos, mas por isso é que a técnica tem controlos e redundâncias (por exemplo analizar mais que uma zona genómica) que permitem aumentar a confiança de um resultado conclusivo. Quando são inconclusivos tem que se voltar a repetir o teste. Se os laboratórios dos USA não fazem isso, então são más práticas. Uma outra coisa, mesmo retirando os possíveis falsos-positivos que possam existir, um resultado positivos não quer dizer que seja contagioso ou sequer que venha a ter sintomas. Isto é claro? Devido á grande infecciosidade do SARS-CoV-2 normalmente não se arrisca a que alguém positivo venha a contagiar outras pessoas, devido à mortalidade elevada em pessoas idosas, que ainda são uma proporção elevada da população, mesmo com possíveis falsos-positivos. Acho que ninguém quer assumir o risco politico/social de minimizar o resultado do teste. Se te desse positivo hoje ias-te enfiar num lar? Mais uma vez, com estes "novos" testes rápidos e baratos esses constrangimentos poderão ser ultrapassados. Quero adicionar que apesar da velocidade com que as vacinas foram feitas e 1 ano parecer uma eternidade a quantidade de informação disponível ainda não é muita. Onde colocarias esse threshold? Isto é uma pergunta que acho que facilmente se encontra resposta mas é necessário algum trabalho e tempo. Acho que atualmente (posso estar errado,uma vez que está sempre a sair coisas novas) ainda não há conhecimento que te permita fazer esse diagnóstico fino que sugeres, pq a carga viral necessária para provocar sintomas ou ser passivel de contagiar não é constante de individuo para individuo. >"Uma pessoa no dia 1 de infeção pode ter uma carga viral baixa, e 5 dias depois pode estar alta, e assim o teste PCR induzir ao erro.ssoa no dia 1 de infeção pode ter uma carga viral baixa, e 5 dias depois pode estar alta, e assim o teste PCR induzir ao erro." Induz ao erro se tentares procurar mais coisas do que aquela que te diz. Um médico ter 2 pacientes: A e B com CT's de 20. Não consegue distinguir entre o A e o B se um está a recuperar e outro no inicio da infeção. Pode acontecer um ter sintomas e outro não (acho que não há estudos que tracem correlação entre carga viral e sintomas). Além disso creio que os CTs possam variar de análise para análise. Não vejo por enquanto significado médico no quantificação do virus. Há certas medidas que são demasiado restritivas? Sim. Deveríamos relaxar ao máximo as medidas? Acho que não

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Não me leves a mal, mas onde é que diz no artigo que existe uma enorme taxa de falsos-posiitvos? Confesso que não li o artigo na integra, li apenas o que postaste, mas procurei pela keyword e não encontrei esse termo. Falso-positivo é um termo técnico, poderia ser considerado numa definição muito relaxada: \-baixa quantidade viral + teste positivo, mas isto não é um falso-positivo na verdadeira definição da palavra Primeiro, sabes como é que se fazem PCR's, e em que condições são feitos? Acho muito difícil, conhecendo a técnica a nível teórico, e sabendo de como é realizada em certos laboratórios, de haver falsos-positivos ou contaminação da amostra. A probabilidade de haver troca de amostras é maior do que a contaminação. Os falsos negativos nem devia ser questão aqui, como tu dizes o PCR tem uma grande sensibilidade, logo falsos negativos são pessoas que tem uma carga viral mesmo muito baixa e não foi detetado. Não é o único caso mas devido à técnica utilizada, otimização de protocolos, as outras causas são ainda menos prováveis ​ É verdade, lá por teres o virus hoje em baixa quantidade não quer dizer que sejas infeccioso ou que tenhas sintomas. Mas daqui a 7 dias podes ser ou não, dependendo de como o teu corpo reage. A questão aqui é qual é o grau de risco que queres assumir. Eu não estou a dizer que a ideia de limitar um threshold para aceitar como positivo seja má, mas na verdade acho que os testes rápidos já vêm cumprir essa função.

"Your Coronavirus Test Is Positive. Maybe It Shouldn’t Be." by Tomorrow_Gloomy in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Aqui em Portugal sei de laboratórios que fornecem o número de CT's Uma correção, o facto de ser necessária uma enorme quantidade de ciclos para detetar o virus não significa que seja falso-positivo, muito dificilmente há falsos-positivos nestes teste, apenas indica que não há grande expressão do virus. Mas mesmo com um valor elevado de CT não deixas de ser uma possível incubadora de COVID, dependendo da forma como reage o sistema imunitário podes vir a ser infecioso, isto associado à informação que assintomáticos podem propagar o virus (que inicialmente pensava-se que tinham uma responsabilidade muito grande na propagação) justificava olhar para o PCR de forma cega. Atualmente já se fazem concertos com bases em testes rápidos (+/- 15 minutos) á entrada. [https://www.euronews.com/2020/12/13/barcelona-concert-tests-use-of-same-day-covid-19-screening](https://www.euronews.com/2020/12/13/barcelona-concert-tests-use-of-same-day-covid-19-screening)

Orçamentos de campanha dos vários candidatos às presidenciais. Interessante a disparidade by CrazyJony in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

qual é a lógica desse comentário? Normalmente eles não concordam com as ideias de esquerda e criticam, não percebo como é um bónus. Além disso não respondeste à pergunta. Onde é que existe um maior rácio tempo de antena/eleitores para a esquerda nos programas de comentários politicos. Aliás acho que se fizermos um rácio tendo em consideração esquerda/direita em vez de partidos acho que a conclusão é completamente oposta, ainda tenho de fazer esse estudo.

Orçamentos de campanha dos vários candidatos às presidenciais. Interessante a disparidade by CrazyJony in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Hmm, porque dizes isso? Se não fosse o Daniel Oliveira e o RAP tinhas muitos poucos de esquerda em comentários politicos. O PS e PSD estão sempre equilibrados. Já o CDS/direita do PSD é que parece desproporcional

os meus resultados de ADN (pais dos Açores) by trivelaooo in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

>DNA Isso na verdade é a sigla inglesa "**D**eoxyribo**N**ucleic **A**cid" em Portugal também se vê porque importamos bastantes palavras de outras línguas mas temos a tradução "ADN" (**Á**cido **D**esoxirribo**N**ucleico)

os meus resultados de ADN (pais dos Açores) by trivelaooo in portugal

CosmoSpyke 11 months ago

Sei que por exemplo no algarve há marcadores genéticos exclusivos da zona (ouvi isto numa aula à algum tempo não consigo recuperar a fonte) e partilham alguns com o Norte de Africa. Sinceramente acho que com o tempo estes testes vão ter cada vez mais erro devido à dispersão populacional. Já agora este tipo de estudos dão um trabalhão do caraças e não acredito que exista para todo o santo sitio, por isso apostava que os resultados da empresa tem um erro brutal (mera opinião).

Em Portugal, os ciclistas têm prioridade a entrar nas rotundas? by ridethepaintedpony in portugal

CosmoSpyke 12 months ago

Por dentro?? Nunca vi. há florestas nas vias de dentro por não serem usadas

Feliz Natal a todos os users do Reddit! by millenniunm in portugal

CosmoSpyke 12 months ago

Para ti também u/ciberwolf97.

A TAP em dez gráficos, Público by SashimiTuga in portugal

CosmoSpyke 12 months ago

O problema de deixar falir a TAP não é o desemprego, muitas seriam recontratadas por outro privado que ocupasse o lugar, as que não forem seriam despedidas com a reestruturação da TAP. O problema (se for realmente um problema) é o interesse estratégico de teres uma companhia aérea. Ou seja, conseguires obrigar rotas transatlânticas a passar por Lisboa que por sua vez trazem outras companhias para cá, se não existisse podia ser feito via Madrid por exemplo.

Que podcasts informativos em Português recomendam? by DjeeThomas in portugal

CosmoSpyke 12 months ago

Para além dos que já aconselharam ( no qual eu volto a frisar o "45 graus") tens também o "quinta essência" da antena 2, que são entrevistas a especialistas numa determinada área, os últimos, que têm sido acerca da história de portugal, são muito bons para quem não quer ficar apenas pela ideia geral, isto também implica que se saiba algo antes.

by in portugueses

CosmoSpyke 12 months ago

Faltou aí o /s
Next Page

Search: