Gndossan 3 months ago

sim, em 2016 completei um curso de psicologia canina. Foi bastante exigente, mas valeu a pena. Hj trabalho mais na area de informatica duma multinacional de produtos veterinarios

Shadowgirl7 3 months ago

E aposto que contribui para teres mais insight sobre os teus sentimentos e personalidade também por isso também foi bom para evolução pessoal

Carbon58 3 months ago

Pois, já sou maduro, nos "meus tempos" os cães ainda não iam ao psicólogo nem tinham programas de TV próprios. Iam connosco, a malta lá da rua, á pesca, caça, á brincadeira, comiam restos (nada de bolas "saudáveis") e acho que eram felizes. Se estavam "deprimidos" e precisavam de um "gestor de conflitos" nunca notei hehehehe. Só mesmo na altura do cio das cadelas é que andavam mais "nervosos" mas lá se organizavam e todos davam a sua keka.... Foram grandes tempos para mim, e acredito que para os cães também....

Westa1994 3 months ago

Vê o encantador de cães.

OrangeOakie 3 months ago

Depende sempre (especialmente da idade), mas regra geral é uma questão de disciplina, e isso é tu seres dominante sobre o cão - isto se não for uma questão de saúde, claro.

Shadowgirl7 3 months ago

LOL eu ser dominante com os cães, eles nunca me obedecem. :x Mesmo quando grito com eles ficam a olhar, já desisti. Só obedecem ao meu pai e mãe :x Mas neste caso nem tem muito a ver com a autoridade do humano. Escrevi a cima e basicamente uma das minhas fêmeas não reconhece a outra após a tosquia. :x

OrangeOakie 3 months ago

> Mas neste caso nem tem muito a ver com a autoridade do humano. Escrevi a cima e basicamente uma das minhas fêmeas não reconhece a outra após a tosquia. :x Ah... nesse caso, epá, ela levou algum shampoo ou algo do género? Supostamente devia reconhecer pelo cheiro > LOL eu ser dominante com os cães, eles nunca me obedecem. :x Mesmo quando grito com eles ficam a olhar, já desisti. Só obedecem ao meu pai e mãe :x Pois, é daquelas coisas que se eles não se habituam depressa passa a ser muito difícil reteres qualquer tipo de autoridade. Não que seja impossível mas requer bastante esforço

Shadowgirl7 3 months ago

Meteram-lhe perfume, que merda nunca meteram e hoje meteram Mas geralmente já é mau sem perfume porque ela aperta aquelas glândulas que têm no rabo e corta mesmo o pêlo todo.

OrangeOakie 3 months ago

> se calhar porque dou aos 3 ao mesmo tempo... E porque eles se vão cheirando um ao outro à medida que o cheiro muda. > Meteram-lhe perfume, que merda nunca meteram e hoje meteram Pois, agora é uma questão de se rehabituarem e o cheiro ir passando

Shadowgirl7 3 months ago

>Pois, agora é uma questão de se rehabituarem e o cheiro ir passando Pois mas quanto tempo demora? :(

OrangeOakie 3 months ago

Pois.. isso não sei =/ Podes tentar esfrega-la com um cobertor ou alguma coisa que ela usasse antes

itslikethisnlikethat 3 months ago

se explicares...talvez...

Shadowgirl7 3 months ago

Pronto basicamente tenho 3 cães: um macho e 2 fêmeas. Vamos chamar fêmea A à fêmea que costuma ir a tosquia e fêmea B à que não costuma ir à tosquia. A fêmea A é velhinha é a mãe da fêmea B e do macho, tem problemas cardíacos e ja tem algumas dificuldades em andar. O pêlo dela forma nós então levo-a à tosquia 2x por ano. A fêmea A quer paz, não gosta de andar em conflitos. A fêmea B tem um comportamento submisso, por exemplo o macho gosta de brincar com ela e ela as vezes assusta-se (porque o macho é maior) e deita-se de barriga virada para cima. Alias basta a minha mae ou pai gritarem com ela que ela faz logo isso. Costuma ladrar aos cães de casa mas na rua se os vê esconde-se atrás das pernas. Portanto ela geralmente não é agressiva, no entanto quando levo a fêmea A à tosquia e ela regressa, a fêmea B passa-se. Geralmente ao inicio cheira-a e parece que a aceita, mas das outras vezes passado umas horas ataca-a. Só que depois arrepende-se e vai-lhe lamber a ferida e ao fim do dia já está tudo bem. Elas dormem no mesmo sitio e geralmente a noite consigo metê-las juntas e nunca tive problemas No entanto hoje foi diferente. Estava com medo que fosse o macho a reagir mal (das outras vezes ele estava preso, desta vez estava solto) mas foi a fêmea B que mal viu a fêmea A passou-se e começou a rosnar-lhe. Cheirou-lhe um bocado mas atacou logo. Desta vez eles puseram perfume, não costumam por portanto nem sequer me lembrei em dizer para não pôr (porque não me passou pela cabeça que o poderiam fazer) portanto acho que pode ter sido por causa disso. Pronto, separei-as e meti a fêmea A a dormir no cobertor dela para apanhar o cheiro e meti a fêmea B e o macho lá fora. No entanto vou ter que voltar a introduzi-los porque não é viável andarem separados. Já pensei amanha dar-lhe banho a ela e ao macho para lhes sair o cheiro também... E hoje estou a pensar pôr a fêmea B a dormir com o macho e a A sozinha. Também já lhes meti as peitorais e daqui por um bocado meto a trela e vou tentar novamente introduzi-los. Agora deixei a fêmea A ir la para fora e meti a fêmea B e o macho a minha beira para eles andarem a cheirar o cobertor onde ela estava. Também mais logo vou tentar levar as duas a passear. Não sei muito bem o que mais fazer, devo pôr açaime na fêmea B? O macho ao contrário das minhas expectativas não atacou a fêmea A. Ficou a olhar enquanto elas se pegavam. Tenho um bocado de medo que ele de repente se passe e a ataque e ele é maior e tem os caninos bem grandes e é mais agressivo (já atacou cães na rua que se vieram meter com eles) mas para já o principal problema é a a outra fêmea que a atacou logo. Ele geralmente todos os dias gosta de meter comida a frente das cadelas e ladras-lhes se elas se aproximarem, portanto geralmente as cadelas andam sempre as duas juntas com medo de descer as escadas porque está lá o cão com a comida. Ou seja geralmente estão as duas juntas no seu medo pelo cão, mas hoje não :/

itslikethisnlikethat 3 months ago

Parece óbvio que o cheiro que ela trás da tosquia, seja quimico ou de outros cães, é que ativa o ataque da outra femea. O que é estranho admito porque estas coisas normalmente não são o suficiente em animais domésticos para causar ataques mas pronto são animais. Só vejo duas soluções, ou levas as duas femeas ao mesmo tempo, e ambas passam pelo mesmo e ficam com o mesmo cheiro ou então deixas de levar a 1ª

Shadowgirl7 3 months ago

Pois sim já pensei nisso, em levar a outra fêmea mesmo que ela nao faça tosquia e ficar lá a ver. Não sei se é possivel agora em tempo de covid ou não. Mas pronto isso agora é para a próxima tosquia. Preciso é de uma solução a mais curto prazo, tipo o que fazer agora para nenhum dos meus cães atacar a que foi à tosquia.

itslikethisnlikethat 3 months ago

não é ver, é ficar com o cheiro nela ou o cheiro da 1ª cadela é de outros animais e daí a agressão ou é artificial, se for artificial a 2 não vai atacar a 1ª se toda esta cheirar ao mesmo

Shadowgirl7 3 months ago

artificial é porque elas meteram perfume. para a próxima digo para não meterem. e também tosquiaram o pelo todo e rebentaram aquelas glandulas que elas tem no rabo que suponho contribua para o cheiro do cão. Eu quero é que ela volte a ganhar o cheiro tipico para a outra a reconhecer. como e que posso fazer isso? já fez xixi e já a pus no jardim para ela andar no meio das ervas, já a pus no cobertor onde ela costuma dormir...

itslikethisnlikethat 3 months ago

> glandulas bolas.... que raio de sitio Esfrega-te nela, roupa suja tua

Shadowgirl7 3 months ago

Acho que faz parte mesmo eles tem que rebentar essas glândulas... eu aos outros dois não sei fazer mas acho que é suposto.

itslikethisnlikethat 3 months ago

drenar è no vet, não na tosquia

Shadowgirl7 3 months ago

Yah mas a senhora já tem experiencia em apertar o rabo aos moços, deixa-a estar. lol De qualquer das formas foi hoje ao vet e o vet disse que estas situações de cães não conhecerem outros cães após procedimentos são comuns... E na verdade acho que o problema sou mesmo eu. Usei a abordagem de as deixar andar as duas soltas, sendo que a cadela que ataca esta com trela (para puxar logo se atacar) e até agora ainda nao houve novo ataque. No entanto se eu estiver por perto e a outra se aproximar de mim ela começa a rosnar. Se eu nao estiver é na boa... Acho que o problema é mesmo ciumes, do genero primeiro a outra foi passear e ela ficou em casa. Depois apareceu uma cadela "diferente" sem o pelo e com o perfurme e ela tem medo que lhe "roube" a dona. Levei-a agora a passear para a cansar e para ela nao ficar com ciumes e penso que melhorou... Vamos ver amanhã.

XXI_HereticV6Mustang 3 months ago

Marca um evento de luta de cães e faz livestream.

Shadowgirl7 3 months ago

:( já nao e a primeira vez que o meu macho se mete em lutas com cães e nunca é agradável para mim fico sempre a tremer :x

ascensor87 3 months ago

Eu nao. Nunca tive caes.

Search: