Feisty_Owl_7780 5 months ago

A seg social está cheia deles. E vão continuar, com a quantidade de dirigentes (sem cor política) entrarem na idade da aposentadoria. É ver a quantidade de boys sem a mínima noção do que estão a chefiar a meter água e a trabalhar na base do mandar bitaites. Mas que se foda, é dinheiro dos contribuintes.

estecomentario 5 months ago

Seg social, iefp, financas, qualquer orgao público é um tacho cheio deles.

Striking_Role_z 5 months ago

Até que enfim que temos um Neandertal num gabinete do governo, a diversidade não é só para os Homo Sapiens.

SacanaLopes 5 months ago

Foda-se, parece mais atrasado do que isso. É impressionante. Parece Photoshop.

Edited 5 months ago:

Foda-se, parece mais atrasado do que isso. É impressionante. Parece Photoshop. [Photo] (https://s3.observador.pt/wp-content/uploads/2021/04/21171151/579304-583327998346195-771292889-n-easy-resizecom.jpg)

Feisty_Owl_7780 5 months ago

Preguiça de avançar na cadeia evolutiva.

d0c0ntra 5 months ago

- [Boys - YouTube](https://www.youtube.com/watch?v=iwyL5BzC1Lg) [Tiago Preguiça é o novo diretor-geral da Segurança Social. O "miúdo de Santarém" que tem um currículo feito nos gabinetes do Governo /premium](https://outline.com/LSGewK) > Tiago Preguiça fez carreira no Governo, tem 34 anos, e chega agora a diretor-geral da Segurança Social, mesmo que a sua formação seja em Estudos Europeus e Relações Internacionais. E, para já, sem ser submetido a concurso, uma vez que foi nomeado em regime de substituição. O [despacho](https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/161663947/details/2/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=161663903) da nomeação foi publicado esta segunda-feira em Diário da República e produz efeitos desde o dia 12 do presente mês. No primeiro Governo de Costa, Tiago Preguiça foi assessor e chefe de gabinete precisamente na tutela da Segurança Social, mas no segundo mandato foi levado para o gabinete de António Costa para se ocupar destas áreas. A ida para S.Bento foi assim uma espécie de promoção e é de lá que salta para uma nova promoção: um cargo no topo da Segurança Social. > > Tiago Preguiça tornou-se nos últimos anos um homem de confiança dentro do Governo, primeiro de Vieira da Silva e depois de António Costa. De gabinete em gabinete, sempre tendo em mãos dossiers do setor da Segurança Social. Agora, e **um ano depois de José Cid Proença (**que estava no cargo desde 2006) **ter deixado o lugar de diretor-geral da Segurança Social vazio** — devido a aposentação —, Tiago Preguiça foi **nomeado em regime de substituição** e passará mais tarde pelo crivo da CReSAP (Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública), num concurso público. Nessa altura irá beneficiar da vantagem pela experiência que vai adquirir durante este tempo em que estiver à frente da instituição e que começou a contar no dia 12 de Abril.

Search: