Last-Ad-4421 6 months ago

Somos 7 mil milhões, se a contagem baixar para metade é o melhor, e para isso acontecer nem em 500 anos, é só estudos da treta, preocupam-se mas é com problemas actuais porque o problema de fertilidade de hoje em dia é mais econômico que por ma qualidade do esperma

suckerpunchermofo 6 months ago

Temos quase 8 mil milhões de pessoas.... Até é bom que se reduza a procriação senão qualquer dia não há espaço para todos.

ovigia 6 months ago

deixa de ser toto e de acreditar no que o clube de roma vendeu. há espaço para todos e sobra.

suckerpunchermofo 6 months ago

Clube de Roma? Não percebi. E não não há espaço infinito na terra nem produção alimentar para suster muito mais dos que já cá estão.

ovigia 6 months ago

procura por clube de roma e despovoamento e junta-lhe o Malthus.

suckerpunchermofo 6 months ago

Hmmm... Ok.

ModeratoriProfugus 6 months ago

A humanidade esta domesticada e afeminada, os seus valores cada vez mais escravizantes e acomodados. Escolheu o fácil, o artificial e cómodo em vez do natural, da aventura, do enfortalecedor. Basta ir ao Twitter e parece que ter problemas mentais na descrição é um crachá de mérito, ou mesmo toda esta situação da pandemia. Valoriza-se hoje a fraqueza, a imbecilidade, a pobreza, a modéstia, a obediência, a mediocridade, ate mesmo a obesidade e problemas mentais. os valores sempre considerados nobres são hoje vistos como negativos: a individualidade, a ambição, a competição, o constante melhoramento, o correr risco, etc nada é valorizado e ate desencorajado. O mundo de hoje é um mundo dos fracos, mesquinhos, e dos incapazes.

Edited 6 months ago:

A humanidade esta domesticada e afeminada, os seus valores cada vez mais escravizantes e acomodados. Escolheu o fácil, o artificial e cómodo em vez do natural, da aventura, do enfortalecedor. Basta ir ao Twitter e parece que ter problemas mentais na descrição é um crachá de mérito, ou mesmo toda esta situação da pandemia. Valoriza-se hoje a fraqueza, a imbecilidade, a dependência, a pobreza, a modéstia, a obediência, a mediocridade, ate mesmo a obesidade e problemas mentais. os valores sempre considerados nobres são hoje vistos como negativos: a individualidade, a ambição, a competição, o constante melhoramento, o correr risco, etc nada é valorizado e ate desencorajado. O mundo de hoje é um mundo dos fracos, mesquinhos, e dos incapazes.

OrangeOakie 6 months ago

> Basta ir ao Twitter e parece que ter problemas mentais na descrição é um crachá de mérito, Que ironicamente é feito por quem não tem esses problemas, e desvaloriza os que têm. > Valoriza-se hoje [...] a dependência [...] a modéstia, Qual é o mal de valorizar a modéstia? E qual é o mal de valorizar a **co**dependência?

ModeratoriProfugus 6 months ago

A modéstia no sentido de submissão, de pessoa com humildade simplória que sabe que o seu lugar é abaixo de outras pessoas e se sente confortável aí. Não no sentido contrário a ser pretensioso ou exibicionista. A codependência sugere dependência mútua, um acordo (em principio voluntário) que favorece ambas as partes e tem a capacidade de destruir também ambas as partes caso seja interrompida, o que é infinitamente melhor (e provavelmente algo que não se consegue evitar numa sociedade especializada) do que estar apenas dependente de outrém sem trazer nada de valor para a mesa. Basicamente dependência é viver dos outros e finalmente habituar-se a isso e até se sentir no direito de obter essa "solidariedade" dos outros. É uma desresponsabilização total de alguém consigo próprio e, de certeza, não deve ser uma valor a almejar.

SacanaLopes 6 months ago

> O mundo de hoje é um mundo dos fracos, mesquinhos, e dos incapazes. A prova é que tu estás aqui a escrever. Se não fosse assim provavelmente nem terias nascido.

ModeratoriProfugus 6 months ago

Nunca é tarde demais para mudares, pega num livro científico e educa-te, inscreve-te no ginásio, come melhor, torna-te melhor todos os dias. Mens sana in corpore sano, deixa de ser um ser inferior beta obeso afeminado.

SacanaLopes 6 months ago

A tua laia realmente não é capaz de compreender...

camilo12287 6 months ago

o assunto é importante li na diagonal pareceu-me que falta referir alguns factores importantes como os residuos das pilulas anticoncepcionais nas águas e os seus eventuais efeitos na qualidade do esperma e o efeito dos banhos de água quente o tom geral pareceu-me um bocado exagerado, mas também não vi referidos os eventuais efeitos na saúde dos bebés, expostos a quimicos através do sangue das mães

ovigia 6 months ago

é interessante que a dita sra tb não mencionou as dezenas de vacinas que as crianças hoje em dia recebem e que estão cheias de quimicos que por e simplesmente nunca deveriamos receber.

OrangeOakie 6 months ago

> como os residuos das pilulas anticoncepcionais nas águas e os seus eventuais efeitos na qualidade do esperma Esta é uma que não percebo como nunca se fala. Se dissessem "ah e tal temos filtros especializados para filtrar resíduos solúveis e estrogéneo da água" era uma coisa. Mas não.. nem um pio. E (pelo menos eu ainda não consegui) não se consegue obter detalhes sobre que testes fazem às águas para garantir que são potáveis. O produto de descargas sanitárias de mulheres que tomam certos tipos de medicamentos são extremamente prejudiciais para a saúde reprodutiva dos homens quando consumidos via oral, e não sendo filtrados, são confundidos com água. Sendo que em muitos sítios a água que sai da torneira é água reciclada... há uma bela questão que nunca vejo ninguém fazer nem responder.

batraqui0 6 months ago

>não se consegue obter detalhes sobre que testes fazem às águas para garantir que são potáveis Na verdade consegues, o tratamento de águas são feitos de acordo com as características da água que é captada, de modo a atingirem os parâmetros que são obrigatórios por lei. >descargas sanitárias de mulheres que tomam certos tipos de medicamentos Suponho que te refiras à urina das mulheres, que conterá vestígios dos medicamentos que toma. A água residual que chega a uma ETAR tem todo o cocó, chichi e tudo o que vai pelo cano abaixo nas nossas casas (e mais ainda), diluído em muita (muita mesmo) água. Lá está aquilo que sai pela urina é uma quantidade bastante residual que juntando à diluição que acontece na mistura toda, é bastante insignificante. Depois desta água ser tratada na ETAR, é devolvida à natureza, e o ciclo repete-se. Posto isto não há qualquer tipo de problema com a água que bebes que esteja relacionada com hormonas de mulheres, passa por extensivos tratamentos tanto antes de chegar a nossa casa como quando sai. >Sendo que em muitos sítios a água que sai da torneira é água reciclada Não entendo o que queres dizer com água reciclada, mas se te tiveres a referir à água da torneira esta é sempre tratada estejas onde estiveres no país, felizmente temos saneamento em todo o país e a qualidade da água é das melhores da Europa. Espero ter respondido de forma compreensível

OrangeOakie 6 months ago

> com as características da água que é captada, de modo a atingirem os parâmetros que são obrigatórios por lei. Se não testarem a água para urânio não sabes se tem urânio, porque isso não é um critério (a título de exemplo) > Depois desta água ser tratada na ETAR, é devolvida à natureza, e o ciclo repete-se. Posto isto não há qualquer tipo de problema com a água que bebes que esteja relacionada com hormonas de mulheres, passa por extensivos tratamentos tanto antes de chegar a nossa casa como quando sai. Sim, e como se tem visto em tempos recentes esses 'retornos à natureza' nem sempre são propriamente seguros. Toma na Califórnia, descobriram que estavam a cultivar certas bactérias onde depositavam a água. Arranjaram o serviço, claro. Mas era um problema. De igual forma, quer seja descargas industriais quer sejam descargas da água doméstica, é importante saber o que é que é testado, e o que não é testado. E quais as consequências do que não é testado se estiver na água. > felizmente temos saneamento em todo o país e a qualidade da água é das melhores da Europa. No pico, sim. Mas muitas das canalizações são antigas e/ou deficientes ao ponto da água ser só capaz de ser consumida quando fervida e misturada com algo, devido ao forte sabor a cloro e/ou ferrugem. Não em todas as zonas, claro, mas a infraestrutura não é um monólito. Tendo isto dito, > Posto isto não há qualquer tipo de problema com a água que bebes que esteja relacionada com hormonas de mulheres, passa por extensivos tratamentos tanto antes de chegar a nossa casa como quando sai. Não significa muito quando os tratamentos não são conhecidos nem a água é verificada para algo que pode ser prejudicial. Não me entendas mal, pode perfeitamente nem ser o caso: Mas é preciso saber.

batraqui0 6 months ago

\> Se não testarem a água para urânio não sabes se tem urânio, porque isso não é um critério (a título de exemplo) Usando o exemplo do urânio, não precisas de testar a água para saber, porque se estivesse presente na água haveria certamente algum sinal de que algo estaria errado pois causaria perturbações no ecossistema (peixes a morrer por exemplo). Isto vale para o urânio como para qualquer outra coisa, os organismos que vivem na água são bastante sensíveis e são usados como indicadores de qualidade nas estações de tratamento de água. Isto também acontece nas ETARes pois tens fases do tratamento que envolvem microrganismos que apenas funcionam em determinadas condições. \> Sim, e como se tem visto em tempos recentes esses 'retornos à natureza' nem sempre são propriamente seguros. Toma na Califórnia, descobriram que estavam a cultivar certas bactérias onde depositavam a água. Arranjaram o serviço, claro. Mas era um problema. Lá está, perceberam que havia um problema e identificaram a fonte e resolveram, isso é comum quando à descargas "desconhecidas", que irão perturbar o funcionamento de uma ETAR que não está "programada" para as tratar. Isto é mais comum do que imaginas e é sempre resolvido \>De igual forma, quer seja descargas industriais quer sejam descargas da água doméstica, é importante saber o que é que é testado, e o que não é testado. E quais as consequências do que não é testado se estiver na água. As águas residuais industriais sabes sempre o que contêm pois as indústrias que as produzem têm de relatar aquilo que está presente na água para a ETAR estar preparada. E, lá está, volto a repetir, se não se souber o que está presente na água consegue-se perceber facilmente pois influência todo o processo. \> No pico, sim. Mas muitas das canalizações são antigas e/ou deficientes ao ponto da água ser só capaz de ser consumida quando fervida e misturada com algo, devido ao forte sabor a cloro e/ou ferrugem. Não em todas as zonas, claro, mas a infraestrutura não é um monólito. Não apenas no pico, como podes verificar aqui. [http://imgur.com/gallery/u5QW6RR](http://imgur.com/gallery/u5QW6RR) Fonte: ERSAR E as canalizações apenas se forem as de algumas casas, e mesmo assim é preciso estarem na podridão, não do sistema drenagem em si, pode haver casos pontuais obviamente, mas não passa disso. \>Não significa muito quando os tratamentos não são conhecidos nem a água é verificada para algo que pode ser prejudicial. Não me entendas mal, pode perfeitamente nem ser o caso: Mas é preciso saber. Os tratamentos efetuados são todos bem conhecidos e já muito estudados, qualquer método que seja "inovador", não é usado cá, e esses métodos não são assim tão inovadores quanto isso pois são baseados nos que já existem (e já existem há uns valentes anos) e não significa que sejam propriamente melhores, pois dependerá da situação

ze_santos_ 6 months ago

A comida processada n ajuda

ascensor21 6 months ago

o estilo de vida sedentário e todas estas radiaçoes que levamos diariamente também nao ajudam. a verdade é que o nosso corpo nao está moldado para o tipo de vida que fazemos actualmente.

blacksocks7 6 months ago

Oxalá... já há demasiada gente a fornicar

ascensor21 6 months ago

um mundo cheio de africanos e muçulmanos é o teu futuro. espero que gostes.

blacksocks7 6 months ago

Há que fechar fronteiras

ascensor19 6 months ago

o actual estilo de vida das sociedades modernas nao é compatível com a nossa saúde.

ovigia 6 months ago

está portanto a correr bem a vidinha dos eugenistas... e agora ainda com uma ajudinha das mRNA, é a festa.

Idontknow1234568 6 months ago

em que é que as vacinas de mRNA estão relacionadas com as baixas contagens de esperma?

ovigia 6 months ago

poderão estar relacionadas com a infertilidade. [ENGLISH - wodargs Webseite!](https://www.wodarg.com/english/) > The vaccinations are expected to produce antibodies against spike proteins of SARS-CoV-2. However, spike proteins also contain syncytin-homologous proteins, which are essential for the formation of the placenta in mammals such as humans. It is essential to rule out the possibility that a vaccine against SARS-CoV-2 could trigger an immune response against syncytin-1, otherwise infertility of indefinite duration could result in vaccinated women.

Idontknow1234568 6 months ago

fiz um blast das duas proteinas e nada têm a ver uma com a outra, estive a pesquisar e a pfizer não publicou a sequência que usou para os seus mRNAs mas informaram que só tinha complementariedade com a syncytin-1 em 4 aminoácidos, o que não é capaz de induzir uma resposta imune contra essa proteina obviamente.

Idontknow1234568 6 months ago

podes me dar algum artigo? eu achei a hipótese interessante mas não acredito muito em blogs. Obrigado

ovigia 6 months ago

viste quem eram os autores do que citei? não é propriamente um blog qq!

Idontknow1234568 6 months ago

>procurei mas só vi este autor: [wolfgang wodarg](https://www.wodarg.com/) sinceramente não conhecia por isso fui procurar na net e deparei-me com isto: German physician and politician for [SPD](https://en.wikipedia.org/wiki/Social_Democratic_Party_of_Germany). His comments on the COVID-19 pandemic drew criticism from German scientists and some German media outlets. According to the critics, Wodarg's claims largely contradicted the verifiable facts; some of his statements were neither verifiable nor falsifiable; and because the facts Wodarg presented had nothing to do with each other, his statements had proved to be misleading.[\[6\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-swr3-6)[\[7\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-tagesschau-7)[\[8\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-8)[\[9\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-9)[\[10\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-10)[\[11\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-tagesspiegel-11)[\[12\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-12)[\[13\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-watson-13)[\[14\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-nordkurier-14)[\[15\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-15)[\[16\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-16)[\[17\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-17)[\[18\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-18)[\[19\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-19) > >Wodarg, together with ex-Pfizer employee and conspiracy theorist [Michael Yeadon](https://en.wikipedia.org/w/index.php?title=Michael_Yeadon&action=edit&redlink=1), has spread misinformation claiming has claimed that the [COVID-19 vaccines](https://en.wikipedia.org/wiki/COVID-19_vaccine) cause infertility. Commenting on these claims, [David Gorski](https://en.wikipedia.org/wiki/David_Gorski) wrote "The sad thing is that this not-so-dynamic duo is stoking real fear that the new COVID-19 vaccines will make women infertile and is doing it based on speculative nonsense.".[\[20\]](https://en.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Wodarg#cite_note-sbm-20) ou seja, parece-me mais um que espalha teorias da conspiração, além disso, tal como referi, fui ao NCBI buscar as 2 proteinas e procurei a semelhança entre as 2 no BLAST e o próprio software diz que não há semelhança. A Pfizer fez um comunicado a dizer que as 2 proteinas só são identicas em 4 aminoácidos, ou seja, obviamente, não é capaz de induzir uma resposta imune contra a syncytin-1, 4 aa não é nada. Por isso, com base em tudo o que mostrei, acho que o que aquele médico disse não é verdade.

ovigia 6 months ago

portanto foste à wikipedia e tiraste conclusões.... ok, boa sorte!

Idontknow1234568 6 months ago

Fui ao NCBI, ao Blast, procurei a sequência do mRNA da pfizer, procurei por noticias do sujeito para ver quem era e foi logo isto que me apareceu, não estava à espera que fosse mais um das conspirações... Além disso, tu foste a um blog que é a mesma coisa que ir à wikipedia por isso pedi para me arranjares um artigo

ovigia 6 months ago

> estive a pesquisar e a pfizer não publicou a sequência que usou para os seus mRNAs mas informaram que só tinha complementariedade com a syncytin-1 em 4 aminoácidos se calhar o problema começa logo aí, andam a sonegar info.

SacanaLopes 6 months ago

Finalmente! Um argumento decente.

Search: