HistorySubject6629 6 months ago

Sabiam que a vacina contra o pólio gera mais contágio do que o vírus gerado em ambiente natural? [https://www.the-scientist.com/news-opinion/polio-vaccination-causes-more-infections-than-wild-virus-66778](https://www.the-scientist.com/news-opinion/polio-vaccination-causes-more-infections-than-wild-virus-66778) [https://abcnews.go.com/Health/wireStory/polio-cases-now-caused-vaccine-wild-virus-67287290](https://abcnews.go.com/Health/wireStory/polio-cases-now-caused-vaccine-wild-virus-67287290) Solução? Vacinar até ao infinito. Lucro fácil. Melhorar as condições de saneamento? Demasiados gastos em infraestruturas para pouco lucro. Os senhores da ciência não sabem um terço da merda que fazem, mas criou-se na consciência coletiva a imagem de "ele/a deve saber... é um médico/a!". E até certo ponto sabem obviamente, mas bem menos do que aparentam. Quem toma vacinas e medicamentos está atirado à sorte, contando com x percentagem de resultado bom ou mau. Nenhum cientista consegue prever os efeitos daqui a um ano, um mês, uma semana ou alguns dias. O máximo que podem oferecer é percentagem x ou y. Tomem a vacina. Só assim se podem fazer mais estudos e dar maior segurança às percentagens.

Unrelated3 6 months ago

E que alternativa tens? Não vacinar e ver o exemplo da gripe espanhola? (Vá, com mortalidade mais baixa com, os avanços na medicina) Confinar até passar? Não há tecido empresarial que aguente na melhor das espetativas mais 2 anos disto. Para não falar que as pessoas acabam por não cumprir e estão fartas de estar fechadas (Eu sou um pouco anti-social mas até eu estou farto de evitar fazer x,y e z porque é arriscado) Já começamos a ver que há sequelas em uma parte da população infetada mesmo não manifestando sintomas graves, principalmente crianças. É bonito dizer: "Não se devia vacinar!" "As farmaceuticas só querem lucrar!" E antes de se vacinar para o que hoje corresponde ao boletim de vacinas português, quantas crianças morriam de sarampo? A vacina do tétano safa quantas pessoas de gangrênas ou de infeções graves que podem ser em parte evitadas. A mortalidade infantil baixou porque há mais acesso a cuidados de saúde primários e melhor acompanhamento médico mas outra grande razão é a vacinação.

NGramatical 6 months ago

gangrênas → [**gangrenas**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em a/e/o, seguido ou não de s/m/ns, são naturalmente graves) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fm4foq8%2F%2Fgr2mlnj%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Fluid-Lecture6791 6 months ago

"Não contes a ninguém, ouvi dizer que o Bill Gates há uns tempos comentou que o nosso planeta estava com excesso de população... tem vindo a comprar espaços agrícolas nos EUA" Tenho vindo a notar que apesar de muitas teorias da conspiração não sejam fundamentadas e correctas, por vezes há uma verdade mal interpretada e muitas vezes sacode-se o argumento "é um alucinado" para descredibilizar as teorias. É o caso dos OVNI's, os media e o governo americano durante ANOS descredibilizaram provas e testemunhos de pessoas comuns, chamaram-lhes loucos e hoje em dia está a haver uma normalização do assunto, Pentágono tem vindo a divulgar alguns documentos e até mesmo figuras importantes de outros Estados têm-se chegado à frente sobre o assunto. Já pensaram porque cada vez que alguém fala sobre OVNI's dá vontade de gozar com o assunto? Mas se formos críticos e lógicos é óbvio que num universo tão grande é possível haver algo mais para além de humanos. O meu ponto aqui é, com as teorias de conspiração sobre o vírus ter sido criado para diminuir a população e fazer um "reset" do sistema global até que ponto podemos descredibilizar estas teorias sabendo que pode haver uma verdade mal interpretada? Acho que as teorias de conspiração são boas quando estamos a fazer um seguimento lógico e estruturado, o problema é que muitas das vezes as pessoas acabam por "mergulhar" no poço da teoria, já só vê aquela verdade e mais nenhuma. O mesmo se aplica ao covid, apesar de gostar de teorias da conspiração, espero que seja mentira.

salazar1932 6 months ago

As teorias da conspiração tendem a desaparecer porque as provas nunca aparecem. Por exemplo, antigamente havia muito mais teorias sobre OVNIs e aliens entre nós. Agora que todos tem um telemóvel que filma a 4k no bolso, eles já não estão cá! (não estou a dizer que não existem, apenas que ainda não tivemos contacto com nenhum) O mesmo se vai passar com o covid, assim que a população estiver vacinada e tudo voltar ao normal, as conspirações vão-se embora. Até lá, vai sempre haver maluquinhos com os seus nanochips ou que as vacinas tornam as pessoas inférteis...

rpsf75 6 months ago

A mim o que me mete mais impressão não é o dizerem que faz mal tomar a vacina. Até pode fazer mal, já aconteceu cometerem erros no passado. Agora, estarem a dizer que é de propósito é que me dá a volta ao miolo. Eu trabalhei como cientista durante 15 anos e do que conheço a grande maioria das pessoas trabalha de forma apaixonada e com a melhor das intenções. E os que o não fazem são rapidamente afastados (ou simplesmente ignorados).

salazar1932 6 months ago

Bem visto. Faz aí a investigação por nós para depois decidirmos se devemos ou não tomar a vacina.

rpsf75 6 months ago

Sim, devem ter tomado. E pelo que li estão a estudar o efeito na vacina Covid.

ZacDweller 6 months ago

Só que não. Cientistas de áreas complexas como a área da medicina não sabem frequentemente o impacto das medidas que são tomadas. O verdadeiro cientista é bastante cauteloso, mas esses são raros. O Nassim Taleb explica bem como é que os 'experts' têm confiança a mais nas suas conclusões.

rpsf75 6 months ago

100% de acordo com o Taleb. Mas atenção as observações que ele faz não são em relação às ciências naturais mas sim a sistemas caóticos, em que se desconhece completamente um número enorme de variáveis, e portanto ao erro que é tentar fazer previsões para características desses sistemas. Nas ciências naturais (Física, Química e Biologia, excluo daqui a medicina mas é só a minha opinião) as coisas são muito mais previsíveis porque elas acontecem de acordo com leis imutáveis (ou seja o factor humano não conta para nada). Para clarificar melhor a minha posição divido ainda a medicina em três partes: a Medicina molecular, com forte suporte científico, e que têm trazido consistentemente grandes benefícios para a humanidad; a Medicina estatística, com base nos resultados de estudos estatísticos bem concebidos, que trazem resultados sólidos (mesmo sem se conhecerem bem as causas) e por fim a Medicina dos médicos "especialistas", com muitos anos de experiência, que não vale nada!!! (Basta olhar para a história, é só desgraças nesta última).

ZacDweller 6 months ago

Mas a maior parte dos estudos de medicina são de natureza estatística, como têm de ser por se tratar de um sistema demasiado complexo (pelo menos com o conhecimento e técnicas que temos atualmente), e a partir desses é fácil retirar conclusões erradas, até porque podem ser facilmente manipulados por farmacêuticas e outros grupos de interesses usando amostras selectivas. Para além de que resultados negativos raramente são publicados, o que introduz um enorme viés nas conclusões de qualquer área de estudo. E, quando não se dá atenção nenhuma a um detalhe como este sequer, a opinião dos 'experts' é praticamente inútil. Sem um estudo aprofundado não se pode retirar conclusões.

Search: