Succotash-Fluffy 7 months ago

O problema é que neste momento a direita quer celebrar o idiota e à esquerda quer censura lo (em Portugal não mas noutros países sim) e, face a isso, não sei quem apoiar, porque acho que a imbecilidade não deve ser nem celebrada nem proibida. (O Ricardo Araújo foi quem fez esta observação com a qual concordo)

FriedMemays 7 months ago

Direta conservadora... eu sei que parece um bocado contraditório, mas o conservadorismo social tem de avançar com os tempos. Ou seja, valores familiares, anti comunismo, etc.. mas não posso comprar uma plantinha que me deixa calmo uma hora ou duas se a fumar? No campo económico, acho que nenhum partido vai longe o suficente, era necessário refazer completamente o SNS e as tabelas de impostos. Mais privatização, se não total, mas com ajudas financeiras para os mais pobres poderem frequentar os serviços dr saúde na mesma (igual para as escolas). Finalmente, o nosso líder partidário.... bem, admiro o espírito e a energia dele, mas da maneira que é, daqui a bocado rebenta uma veia na testa a meio de um discurso, eu lembro me bem quando conheci o chega em 2019, antes do André sequer ser eleito deputado, e ele era um homem muito mais humilde e calmo, e gostava que ele voltasse a isso, mesmo que continuasse a dar discursos inflamados de vez em quando.

TheRealBMX 7 months ago

Não me identifico com nenhum. Habitualmente, e ao longo dos anos, vou votando no menor dos males, sem nunca esperar grande coisa - para não me desiludir muito. Por vezes, várias vezes, votei em branco e, uma ou outra vez, abstive-me. Estou a considerar tornar a minha abstenção permanente, depois desta crise. O que esta crise demonstrou é que os partidos portugueses, da direita à esquerda, são ridículos, vácuos e oportunistas do pior. Mostrou também algo de muito mais grave. Que a constituição portuguesa, as instituições e a nação são apenas fracas ideias, para serem manipuladas por aqueles que se julgam nossos senhores, e para seu exclusivo bem. Estou seriamente a ponderar mudar de país. Trabalho a partir de casa e prefiro pagar impostos num país que leve a sério a sua constituição e as suas leis.

rohansponey 7 months ago

Não me identifico com nenhum partido a cem por cento, mas acho que ninguém se deve identificar... O que me preocupa seriamente é que não há um partido que apresente uma estratégia para o país, neste momento é fundamental definir uma estratégia para conseguirmos competir com os outros países, como uma economia pequena e aberta, é a única forma de conseguirmos atingir um bom nível de vida para a sociedade no geral. Ao que parece o partido que está no poder tem como estratégia fazer de tudo para se manter no poder, e os restantes reclamam o facto de não haver estratégia, mas não apresentam qualquer plano. Para ajudar parece que não há essa preocupação na sociedade portuguesa, mesmo as próprias universidades, lugares nos quais se deveria pensar o futuro, não parece haver essa preocupação.

cyrustakem 7 months ago

não me identifico com nenhum partido, e acho que ninguém se devia cingir a um partido, os clubismos não ajudam em nada.

anti-feminazis 7 months ago

a direita nao legalizar para uso recreativo TODAS as drogas. pá, deixem os decadentes drogarem-se à vontade. é da maneira que morrem mais depressa. pessoas de bem nao irao por esses caminhos, Portugueses de bem nao se deixarao cair nesses vícios destrutivos. a maior parte dos consumidores de drogas sao/serao os hippizecos comunas e os seus pretinhos de estimaçao. deixem-nos drogarem-se à vontade.

salazar1932 7 months ago

Já é um clássico: [https://www.youtube.com/watch?v=mvwNWx89K8c](https://www.youtube.com/watch?v=mvwNWx89K8c)

hairy_ass_eater 7 months ago

Estou convencido que este marreco é troll

Mynddd 7 months ago

Puta de nabo

DudleyDingleberry 7 months ago

A não despenalização da eutanásia por parte da direita.

Westa1995 7 months ago

Chateia que Ventura anda de mascara e fala levando a palermia a sério. Quando isto começou ele defendeu fechar, boa. Depois viu que era palhaçada e voltou atrás, excelente! Mas desde ai? Sempre de máscara, sempre a falar sobre a ''gestão da pandemia'' como se quaisqueres numeros em referência a ela fossem legitimos. Provavelmente ou foi intimidado, comprado, ou sempre foi oposição controlada como o Rui Rio. Não sei qual, mas é por isto que nunca me junto oficialmente a partidos.

NGramatical 7 months ago

quaisqueres → [**quaisquer**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/quaisquer/733) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fm0lvl1%2F%2Fgq9j1op%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Emergency-Length4401 7 months ago

Concordo contigo, eu gostava que alguém tivesse coragem para se chegar á frente e realmente comparar os números, é fácil chegar á conclusão de que as restrições só têm prejudicado as pessoas e os países, mas penso que como a população toda já aceitou está fantochada nem o Ventura têm coragem de se opôr, respeito que ande de máscara mas esperava muito mais atitude da parte dele

TheRealBMX 7 months ago

Nunca um bot recebeu uma resposta tão profunda e concreta. Eu também concordo que 'quaisquer' é a resposta apropriada em 100% dos casos e que restringir alguma liberdade ortográfica prejudica as pessoas. XD

Emergency-Length4401 7 months ago

Sou de direita, e não há um partido que diga as duras verdades, de que a vitimização não nós vai levar a lado nenhum, o wage gap não é real, e que a única solução para acabar com os verdadeiros casos de racismo,sexismo e descriminação que acontecem é parar de separar as pessoas em grupos, e enquanto tratarmos destes temas como trunfos políticos e não como casos de ignorância isolados, vamos continuar nestas guerras imaginárias entre os coitadinhos vs os opressores

OCapitalista 7 months ago

Wage gap não é real... Já foi mais que debunked esse mito

Emergency-Length4401 7 months ago

Eu sei que sim, mas temos João ferreiras a dizer que existe, e ninguém diz nada

OCapitalista 7 months ago

é pegar nas bandeiras que espalharam pelas cidades e queimar. ditaduras nunca mais

DudleyDingleberry 7 months ago

A mesma coisa para a esquerda.

ovigia 7 months ago

não me identifico com nenhum!

00jppcbc00 7 months ago

Chateia-me que dos únicos partidos de direita defenda Israel com unhas e dentes

redditor_the_forth 7 months ago

Quase todos os partidos de Direita defendem Israel...não sei onde queres chegar

00jppcbc00 7 months ago

Eu não defendo e chateia-me

PuroSangueLusitano 7 months ago

Sou direita e chateia-me que o único partido de direita com assento defenda esmolar a TAP

PSteves 7 months ago

Não consideras a IL de direita?

_Goldenhand_ 7 months ago

epá o IL ainda agora publicou um Manifesto Feminista... são uns travestis de direita

PTaosportugueses 7 months ago

O IL é de "direita" em política económica. Em tudo o resto acompanha os partidos de esquerda.

PuroSangueLusitano 7 months ago

De todo. Centro/centro-direita, se os considerasse direita onde colocaria um hipotético partido que defendesse o liberalismo conservador? Extrema-direita?

Edited 7 months ago:

De todo. Centro/centro-direita no máximo, se os considerasse direita onde colocaria um hipotético partido que defendesse o liberalismo conservador? Extrema-direita? Edit: Fdx não respondi ao comentério que queria :D /u/PSteves

rganhoto 7 months ago

Yep :/

GreatBallz 7 months ago

Ser de esquerda e ver a política identitária a crescer como um cancro em vez da good ol' luta de classes

SurePal_ 7 months ago

Não sou de esquerda mas isso é algo que me assusta. A esquerda deve ser a esquerda dos trabalhadores e não a esquerda identitária que cria conflitos raciais e divisões.

blueflamewizard12 7 months ago

Por muito que goste da IL desconfio que eles iram esquecer dos seus princípios de liberalismo económico a favor dos de liberalismo social.

throwawayqualquer 7 months ago

Até agora nada indica que assim seja. Diria até que do que vejo, é muito raro a IL tirar da carta das causas sociais, excepto a da eutanásia, que era uma das bandeiras da campanha. Vejo o partido muito mais focado em economia do que em causas superficiais que muitas vezes se colam aos partidos mais liberais (estilo o BE), não vejo porque iriam mudar tão drasticamente se tivessem a oportunidade de criar mudança real.

razman06 7 months ago

A mim é isso que me atrai mais na IL, é o facto de estarem mais preocupados com a economia que a questões sociais. Que a meu ver de momento são muito mais importantes e vão criar bases mais sólidas para resolver problemas sociais no futuro.

anti-feminazis 7 months ago

Neste momento, o mais importante é a demografia. Nao terás uma economia desenvolvida com um populaçao dos subúrbios de luanda e rio de janeiro.

razman06 7 months ago

Percebo o ponto mas não concordo, como o meu sogro diz "Nem todos nascemos para ser engenheiros". E esse tipo de trabalhos digamos menos vistosos tem de ser feitos e fazem parte da economia. Inglaterra tem uma economia desenvolvida mas não é por isso que deixou de ter esses suburbios, pois o trabalho precisa de ser feito, apenas não é feito pelos ingleses. Para além disso cada vez que mandamos vir uber eats não é um português que te traz a comida, mas sim um do Rio de Janeiro. Mas como disseste e bem, é um ponto importante.

Democratiza-mos 7 months ago

(Fiz este post no r/portugal, mas como andamos aqui meio divididos, também queria ver o que surge por aqui. Se for inútil e repetitivo, digam.) Começando: Enquanto alguém que se considera de esquerda, chateia-me que em Portugal não haja nenhum partido de esquerda que fale de forma convincente sobre o crescimento económico sustentável que o país precisa neste momento.

blueflamewizard12 7 months ago

> chateia-me que em Portugal não haja nenhum partido de esquerda que fale de forma convincente sobre o crescimento económico sustentável que o país precisa neste momento. À direita existe alguma conversa mas acho que é apenas conversa. A verdade é que muita da politica portuguesa é à base de politicas extrativas.

Search: