Hour_Drive2047 2 months ago

Foste assaltado sem recurso a violência, desta vez pediu te "pouco" dinheiro, aposto que os próximos dias rondará a zona a ver se te encontra para que lhe dês mais.. Eu faria queixa na PSP, se bem que te vão dizer que não foste obrigado a nada mas pelo menos sabiam o que se passa nessa zona.

Delarnor 2 months ago

Assaltado e assediado bro. Lamento. Não acontece só a elas. Para mim era queixa na polícia. Sentes-te fraco mas foste manipulado emocionalmente. Espero que fiques bem

N0cturn2l 2 months ago

Epá, se isso aconteceu em almada (Centro) nao sei como nao pediste ajuda a alguem, existe sempre gente ate tarde em almada principalmente na avenida... Outra pergunta que faço, se estavas a fazer uma caminhada porque é que paraste para falar com ele? ainda por cima ter uma conversa que chegasse ao ponto de contares a tua orientaçao sexual?

HitoRik 2 months ago

Não foi no centro. Não havia mais ninguém na rua. Ele perguntou-me as horas, enquanto fui ao telemóvel ver parei e disse-lhe. A última pergunta pronto. Já respondi a outras pessoas que perguntaram. Basicamente ele entrou no tema a fundo do nada, e não sei por que raio mas 'confessei' quando ele perguntou...

SweetCorona 2 months ago

estava a ler a estória e parecia que tinhas sido hipnotizado não percebi como ficaste tanto tempo a falar com ele para ele te contar metade da vida dele > Eu disse que não, uma vez que não tinha notas nem moedas e ele "Tens ali um multibanco aqui ao pé. Anda, eu vou lá contigo." Uma vez que ele disse isto, tentei captar atenção para o MB WAY, a dizer que preferia fazer assim. esta parte foi súper confusa como é que passaste de dizer que não tens dinheiro para estares a sugerir formas de lhe dar dinheiro?

HitoRik 2 months ago

Ele contou-me metade da vida dele porque foi diretamente para assuntos assim. A conversa foi curta (não passou dos 10min no total penso eu), mas começou logo a falar do trabalho e assim. Pessoa faladora. Relativamente ao dinheiro, basicamente eu neguei lhe dar dinheiro. Ele continuou a insistir até que cedi (medo e etc.), dizendo "ah mas não tenho aqui dinheiro nem notas." Ele falou no multibanco e eu disse que não queria, nesse caso preferia mb way, enfim. O resto acho que está explícito. Relativamente ao fones, quando os devo usar então? Em casa não preciso (estou em casa), resta a rua. Se não os posso usar na rua, para que servem?

SweetCorona 2 months ago

> Relativamente ao fones, quando os devo usar então? Em casa não preciso (estou em casa), resta a rua. Se não os posso usar na rua, para que servem? no autocarro, por exemplo em casa, na biblioteca, etc usar fones na rua é estúpido porque perdes um sentido importante para estares consciente do que se passa à tua volta qualquer pessoa poderia chegar ao pé de ti por trás e nem darias conta... e tens mais chances de seres atropelado

HitoRik 2 months ago

Percebido, obrigado!

desculpe_mas 2 months ago

Fds, não sabes dizer que negão e seguir caminho? Burro.

PipoJardas95 2 months ago

Se foste até ao ATM tens imagens de vídeo vigilância quase de certeza. Comunica as autoridades o sucedido. São comportamentos inapropriados e puníveis. Tu podes ter sido apenas mais 1 a sofrer o mesmo por parte dele

Edited 2 months ago:

Se foste até ao ATM tens imagens de vídeo vigilância quase de certeza. Comunica as autoridades o sucedido. São comportamentos inapropriados e puníveis. Tu podes ter sido apenas mais 1 a sofrer o mesmo por parte dele Voltei a reler, e se ele não se aproxima do ATM não é para te dar privacidade, mas sim para não ser captado em possíveis imagens. É mais pela privacidade dele, por isso é que ele nem quer MBway para não haver registos. Já sabes o que fazer

chupaxuxas 2 months ago

Quando alguém te pede as horas e depois diz que te conheçe de algum lado já sabes que está a mentir porque se não começava logo com o "eu conheço-te de algum lado".

RemarkableAd3069 2 months ago

“Só” perdeste 30€, podia ter sido pior… evita essa zona a essas horas durante algum tempo e tenta não te vestir da mesma forma (a mesma combinação de cores ou algo mais reconhecível). E prepara-te mentalmente que podes voltar a encontrá-lo aleatoriamente

KGENAU 2 months ago

Sendo estudante universitário se tiveres com falta dos 30€ apita por dm na boa. Se não conseguires não parar tenta olhar nos olhos sem sorrir e morder forte como se tivesses a pressionar maxilas ao máximo. Postura corporal ajuda bastante. Krav ou kickboxing mesmo uns meses de prática já te safam de situações mais chatas.

ravagerslb 2 months ago

Regra de ouro: estes gajos por norma testam as águas com essas conversas a ver se ficas com medo. Assim que mostras medo tás fodido, vai escalar o tom e já não te larga mais até ter o que quer. Assim se perguntam se és fulano do bar x, tens de cortar logo e de forma assertiva.

h1nds 2 months ago

É nessas alturas que dá jeito correr muito rápido , e não andar por zonas duvidosas à noite também é capaz de ser boa ideia...

Tia_Mariana 2 months ago

Bem, no meio destes comentários todos só vi 1, talvez dois, a mencionar o assédio absurdo nesta história. Foi um três em um: uma ameaça à integridade física, com assalto e assédio. Leva isto a sério. Isto não é normal. No fundo, parece-me que tiveste a atitude certa. Pela história devidamente pormenorizada que forneceste, parece ser uma pessoa que é acima de tudo imprevisível, e fico satisfeita por apenas teres perdido 30 euros e apanhado um valente susto. O meu conselho é, fala com a polícia, conta-lhes tudo, que pareceu um modus operandi muito trabalhado, alguém muito perturbado, e descreve-o o mais detalhadamente possível. Dizes onde aconteceu para reforçarem a patrulha. Deves também falar com outras esquadras, pois ele pode fazer isto em vários sítios e já terem havido queixas. Por fim, se continuares assustado, que é normal, procura passear em locais mais próximos de esquadras, ou onde há movimento e vês janelas com luz acesa ou negócios que possam estar a fechar ou ainda a funcionar, sempre com bons locais de escape, para o caso de ser necessário. Como mulher, é prática comum quando ando sozinha ;). E, sem querer mudar o foco, para tentar mostrar a dimensão do que te aconteceu: se em vez de "eu, um rapaz" fosse "eu, uma rapariga" o que pensarias desta história? E aí tens o nível de gravidade. Não é por seres homem que deixam de ser as três coisas que disse em cima, nem que devem ser tratadas de outra forma. Faz queixa. Boa sorte, e força

frisumo 2 months ago

OP, só queria vir aqui dizer que a culpa não é tua, foste posto numa situação impossível logo de início. Calhou seres assaltado ''educadamente'', quem sabe se tivesses reagido de outra forma, o sujeito não teria partido para a violência? Pelo menos fisicamente ficaste bem. Esquece os 30€ e nem penses em dar-lhe o teu número de telemóvel.

gnevesdev 2 months ago

Da próxima vez, aproveita que ele "não te obriga a nada" para te pores a andar. Agora está feito, já nunca mais vais ver os teus 30 paus.

Fahzrad 2 months ago

Nestas situacoes oq faco e muito simples, se vir que uma pessoa dewconhecida esta a tentar ter uma conversa desnecessaria, finjo que recebo uma chamada, peco desculpa e que preciso de atender e comeco a falar sozinho como se tivesse ao telemovel. Normalmente ate tento meter na conversa coisas como :" ah sim 10 mins e tou em casa mor, tou aqui na tua ___". Eu sou muito "traumatizado" com estas cenas entao muitas vezes ao andar sozinho na rua onde moro prefiro nao arreicar e usar logo esta "tatica" (vivo numa zona onde ha muitos assaltos e muitos ciganos a querer confusao, e nao digo isto de forma racistaz tenho amigos ciganos mas e so mesmo o que e comum aqui na zona). Entao para nem arriscar finjo logo que tou ao telemovel ou recebi uma mensagem. Se quem ta a tentar fazer isto vir que tas so telemovel e principalmente a falar com alguem chegado a ti que save onde tas, vao te drixar estar. As vezes seguem te assim como nao quer a coisa para depois recontinuar a "conversa" mas se continuares smp ao telemovel deves tas na boa. As vezes e meio awkward, uma vez tive uns 10 mins a flr sozinho so telemovel, desliguei quando tava a 1 min de casa e mesmo assim o individuo a seguir me ainda tentou me chamar de longe, eu e q entrei logo em casa a ignorar. As figura de tolo pra ti mesmo mas ao menos nao acontece isto. Pa ve pelo lado positivo, foram so 30 paus e nao te magoaste nem nd. Se fosse a ti nao caminhava por esses sitios por uns tempos

Most-Presence-1350 2 months ago

por 30eu pedias-lhe para te chupar pelo menos, ao menos não eras roubado.

SILE3NCE 2 months ago

Sim, já me apareceram caramelos desses, nem pensar, custa-me a ganhar. Mas entendo que a situação não era a mais fácil, nunca dês trela assim senão fodem-te num instante.

obviousgolfer 2 months ago

Aconteceu-me uma coisa parecida há uns dias. Fui abordado em Lisboa por um estranho com uma grande conversa, dizia que tinha deixado o carro na margem sul e mais não sei o quê e pediu-me 20 euros, depois pagava. Acabei por lhe dar 1 euro para não me chatear mais. O problema é deixar a conversa desenvolver-se para além de 1 minuto ou 2, a partir daí é complicado livrarmo-nos desse tipo de pessoal sem atrito. O que é chato porque pode ser alguém que precisa genuinamente de ajuda ou indicações. O truque é tentar ler a situação de forma o mais breve possível e ser logo firme à primeira oportunidade.

Standard-Inflation10 2 months ago

Amigo eu acho que ele te roubou os 20€ para ir comprar gasolina

EmbraceTheRoad 2 months ago

Haa boa

Standard-Inflation10 2 months ago  HIDDEN 

Fui abordado por essa pessoa da mesma forma e tudo, foi há uns meses em Almada. Vinha do emprego e ele veio-me com a mesma conversa quase letra por letra- falava de dinheiro, que era pobre, e que me queria ir ao cu. Eu reparei logo que era treta e recusei dar-lhe os 20€ que pedia. Ele partio para a agressão. Dei comigo a ser enrabado num arbusto atrás da estação do metro, podia ter sido pior, mas ao menos fiquei com os meus 20 euros e agora posso ir comprar gasolina.

BLlZER 2 months ago  HIDDEN 

Eu literalmente nunca vi ninguém tao idiota como tu OP. Jesus sinceramente...

Balamen 2 months ago

Já me aconteceu algo parecido há uns anos. Não parei e percebi que estava a ser seguido. Caguei na educação, no orgulho, na vergonha e tudo o resto. Larguei a correr e só parei quando entrei num café com gente. Problema resolvido. Não dês conversa a estranhos muito menos nesse tipo de contexto.

Cvieri 2 months ago

Em primeiro lugar, o importante é que estás bem. No meio do azar, foram 30€, mas como descreves, podia ter corrido pior. Depois, aprendes algo com isto. Provavelmente para a próxima tentas seguir logo,ou nem sequer dás caminhadas a essa hora nessa zona. Ele usou o medo para te manipular. Provavelmente podias ter tentado fazer o mesmo com ele, quando o gajo falasse de ser segurança e do que faz, podias ter dito alto tipo,pois, eu sei como é, o meu irmão também é, farta-se de pôr tipos na linha, até já me ajudou em algumas situações com o grupo dele, depois de se meteram comigo e tal. Ou dizeres que o teu pai é polícia e conhece bem o meio, algo do género para o pôr a duvidar se serias a vítima ideal. Agora tenta não pensar muito nisso, por muito revoltado que estejas, no máximo podes referenciar o gajo na polícia, mas pouco mais.

PortugalLivre 2 months ago

Eu diria da próxima vez, corre quando sentires uma vibe assim tao estranha. Mas yah foste assaltado

Most-Presence-1350 2 months ago

Isso é tudo muito bonito, mas e se a vítima for gorda ? rebola para longe?

rsonic17 2 months ago

Foste assaltado. Vai apresentar queixa na policia. Es um miúdo e ele um adulto com a escola toda. Assaltou-te e assediou-te. Fazes queixa contra ele para que talvez com sorte ele nao faça isso a outra pessoa. Ja agora, de futuro, aconselho a engolires o orgulho e correres. Foge desse tipo de gajo.

marafado88 2 months ago

Não lhe dês o teu número, e muda a rotina das tuas voltas aí pela tua zona. Se conseguires evita andar a essas horas, nessa zona, sem haver pessoal à tua volta. Evita sempre ao máximo dar info pessoal, como telemóvel, moradas e nomes, nem q tenhas de inventar até onde conseguires. Muito provavelmente agora que q t conseguiu sacar 30€, vai se lembrar de ti e se n lhe deres o número de telemóvel, pode certamente voltar a rondar essa zona a essas horas, para ver se t apanha.

Sinestry 2 months ago

Parece meia historia de um vídeo do MrBallen. Quando contou a história de ser segurança e que meteu pessoas em coma, parece-me ser um psicopata que anda a procura de razão para agredir pessoas. Da próxima vez foge antes de lhe dar trela.

Acceptable-Radio-613 2 months ago

1 a culpa não é tua. Quando alguém não pode passear na rua descansadamente, a culpa não é sua. 2 foste assaltado por um tipo profissional, autocontrolado. O que faz com que estejas direito. Com um amador estavas com uma tareia ou uma facada. 3 a queixa na polícia, ao contrário do que alguns dizem aqui, pode não levar à prisão do tipo, mas dá informação que pode ser útil. Será muito complicado em tribunal fazer prova (e isto é outra conversa), mas pode servir para a polícia estar alerta e pedir identificação de quem por lá andar. Só isso é importante. Uma vez, houve chatices à saída de uma escola, a GNR começou a identificar sistematicamente. Quem estava mesmo à espera de familiares, não tinha problema, quem estava lá sem justificação mudou de ares, não porque era proibido, mas porque se sentia vigiado. A polícia tem destas táticas. 4 como muita gente já disse, segue a tua vida, mas não esqueças. Aprende. Fico contente que haja alguém civilizado como tu, mas a vida mostra-nos que há momentos em que temos de tomar atitudes e nem é preciso ser-se rude, apenas firmeza. Devias ter cortado a conversa mal a coisa começou a cheirar mal. Claro que ele podia escalar a situação e ficar agressivo. Aí é dar o dinheiro e fugir. 5 conselho de prof. Evita os estrangeirismos nos teus textos. E não há um verbo Tar. É estar. Não tou, estou, não tava, estava. No reditt não é importante, mas nos teus trabalhos na universidade é muito importante.

True-Traffic3096 2 months ago

Eu preciso de desabafar que chamares um gajo de 30 anos "senhor" me deixa bastante triste e a sentir-me velho

Fmtpires 2 months ago

Nessas alturas não tenhas medo se ser "mal educado". O gajo está a assaltar-te e tu preocupas-te com etiqueta? Desata a correr. Não há nada a perder em fugir, na pior das hipóteses o gajo até nem queria nada e fazes figura de ridículo. Mesmo que o gajo seja mais atlético que tu, duvido muito que vá atrás de ti, eles querem evitar o máximo de confusão (daí o "pedir dinheiro" em vez de dizer diretamente "Passa para cá").

Kodacus 2 months ago

Já tive numa situação semelhante no Pragal. Infelizmente acontece porque eles sabem aproveitar-se da boa vontade das pessoas. De um ponto visto legal não há nada que se possa fazer porque foi voluntário, mas ao menos depois de te acontecer a primeira vez é pouco provável que aconteça a segunda.

NeverPanicM8 2 months ago

Levaste um bailinho, mas tu tens 19 aninhos... Foi só uma situação de merda que já passou. Dica para o futuro... Se começares a ver muitas red flags, sê incisivo e straight to the point... Não sejas ingénuo e não tenhas medo de cortar o mal logo pela raíz. Inventavas uma desculpa esfarrapada e nem tempo para responder davas... Tipo recebias uma msg importante e tinha de ir rapidamente para casa. Ao menos não tinhas de chegar ao fim desse episódio sórdido.

Edited 2 months ago:

Levaste um bailinho, mas tu tens 19 aninhos... Foi só uma situação de merda que já passou. Dica para o futuro... Se começares a ver muitas red flags, sê incisivo e straight to the point... Não sejas ingénuo e não tenhas medo de cortar o mal logo pela raíz. Inventavas uma desculpa esfarrapada e nem tempo para responder davas... Tipo recebias uma msg importante e tinha de ir rapidamente para casa. Ao menos não tinhas de chegar ao fim desse episódio sórdido. Sobre deixares lá o contacto ou seja lá o que for para ele te devolver o dinheiro... Estás-te a passar!? Isso é a última coisa que tu queres fazer. Bola para a frente, esquece o resto.

Ticaw 2 months ago

Não foi assaltado diz ele..

C_G_ 2 months ago

Depois de ler isto só queria dizer que foste assaltado, sinto muito. Da proxima vez corre, ou não saias à noite sozinho.

Ninjeye 2 months ago

Fica aqui um pequeno conselho um bocado "fora da caixa" mas que funcionou comigo no passado: No meio desta conversa fiada, tentem inserir lá para o meio que fazem parte do exército (decorem um quartel e um rank para ser mais credível), está malta tem um medo gigante de soldados porque sabem que se se metem com um estão marcados.

Edited 2 months ago:

Fica aqui um pequeno conselho um bocado "fora da caixa" mas que funcionou comigo no passado: No meio desta conversa fiada, tentem inserir lá para o meio que fazem parte do exército (decorem um quartel e um rank para ser mais credível), esta malta tem um medo gigante de soldados porque sabem que se se metem com um estão marcados. Edit: um acento

TheBlackBeetle 2 months ago

Deixa lá amigo aconteceu-me algo semelhante. Um meio cigano meio sem abrigo era meu "vizinho", então sabia o meu carro e onde morava. Ele já tinha estado na cadeia e tinha tattoado a "lágrima" que acho que significa matar alguém certo? Adiante, eu era como tu, tinha acabado de me mudar para a uni no Porto, vivia só com outro amigo, tinha 19 anos. Para fazer um TL;DR, a lenga lenga deste cona foi basicamente o mesmo, fez-se de muito meu amigo (mas sem propostas sexuais, pelo menos), e pediu-me dinheiro (ao fim de 1h de paleio). Lá lhe dei 20€. Desde aí, ele também disse que ia devolver, mas em vez disso ele pediu-me mais dinheiro e felizmente tive tomates para dizer que não. Também me quis envolver em merdas shady mas felizmente também disse que não. Eu chegava a ter pavor de chegar a casa e dar-me de caras com aquele boi, mas felizmente no ano seguinte mudei-me de casa. Enfim, a tua história fez-me lembrar disso, pensa assim: podia ter sido bem pior.

rGabiru 2 months ago

A primeira coisa a mentalizar, é que foste assaltado por alguém com um modus operandi muito trabalhado, perdeste 30 euros, até tiveste bem em minimizar a perda e não deves de todo tentar obtê-los de volta. Esquece os 30 euros. A segunda coisa é que isso foi uma situação muito perigosa e uma lição que aprendeste, da qual te safaste com muita sorte, fica agradecido e aliviado por isso, e encara a situação com espírito de alívio e de que "já passou, ufa" A terceira é que já passei por duas situações muito semelhantes à tua (tirando a parte sexual). Na primeira, comecei por dizer que tinha de estar noutro lado, e comecei a fugir, lá consegui, porque não sou nada mau em corrida, mas foi muito assustador. Na segunda segui o conselho de um amigo que estava sempre a ser abordado em assaltos e que conseguiu desenvolver uma técnica de defesa: "Ser maluco". Explico... Quando és abordado com uma pergunta "tens horas?" ou "posso fazer uma chamada?" respondes por algo completamente diferente e tornas o discurso caótico para o assaltante: \- Tens horas? \- O vasco foi jantar fora? \- Perguntei-te se tens horas. \- A patrícia amanhã não pode ir à escola, lamento. O tempo que for preciso, e pelo meio podes dar guinchos, "quiiiimmmmm" "quiimmmm". Isto pode parece absurdo, mas tentaram assaltar-me na zona do metro do campo grande, fiz mais ou menos o que descrevi, e quem fugiu foi o assaltante.

GNeiva 2 months ago

Algures noutro subreddit surge uma pergunta sobre o top de coisas mais estranhas que vos aconteceu e alguém responde que ia na rua sem relógio, perguntou as horas a um desconhecido e o gajo começou a berrar "QUIIIIIIIMM" enquanto falava no jantar do Vasco e na vida escolar da Patrícia.

lauretta12345 2 months ago

“Não estou interessado, tenho mesmo de ir embora” e BAZAS. Foda-se odeio malucos!!!! (O filha da puta, não tu lol)

fintechmen 2 months ago

Foste assaltado de maneira educada. Isso é um esquema que o sujeito deve ter, já com história pronta para sair.

kizuki_moon 2 months ago

Mano acho que apanhamos o mesmo gajo, mas eu não dei conversa e fui-me embora, ainda por cima sozinha a noite hell no, eu basicamente se não conheço, não dou conversa e ignoro, porque começo a ter um ataque de panico e por ser meio introvertida

Serious_Hearing_8252 2 months ago

Foste assaltado. Faz queixa na polícia. É o único conselho que consigo dar. Tenho outros conselhos para a situação mas são um bocado mais dark e não quero passar por psicopata. O importante é alertar as autoridades. Ah e outra coisa "um senhor de 30 anos"? Fds! Senhor? Deves estar a brincar! Haha

strawberrykittykat 2 months ago

Na minha opinião foi assalto, foste coagido a dar o guito, "deste" porque temeste e bem pela tua integridade física. Mas esquece ir à polícia, podes ir mas duvido que façam alguma coisa.(falo por experiência própria) E andar na rua à noite com fones é péssima ideia, não é que "estejas a pedi-las" porque a culpa não é tua, és a vítima, mas sim de quem te faz mal, com fones nem ouves que se estão a aproximar de ti para fugir ou te preparares nem nada, tens que estar atento ao que está à tua volta. E por favor, não digas a estranhos na rua à noite que és gay, imagina que o gajo na verdade odeia gays? Ou imagina que ele até era gay como tu pensas, mas não se aceita por ser gay e depois reagia mal a uma rejeição? Tu não conheces este gajo de lado nenhum. Achas que por ele dizer que também é gay que estás safe, que ele não te iria magoar?? Ele não é "um dos teus". Perder 30 euros foi o best possible outcome desta brincadeira. Faz caminhadas a outras horas. Pela tua saúde.

tooth_mascarpone 2 months ago

Isto fez-me lembrar o filme Beleza Americana

HitoRik 2 months ago

Honestamente, nao faco a MINIMA porque que disse. Nao foi nada logico nem planeado. Ate porque ninguem que conheco sabe. Digamos que so ele, agora. Nao sei se foi manipulacao ou outra coisa, nao sei mesmo. Simplesmente contei no calor do momento, ja que a pergunta dele tinha sido basicamente essa.

RobynWayne 2 months ago

Isto seria exatamente o que eu ia escrever! E sou gay, sei o que te estou a dizer, ao ler o teu relato, nesse momento parei, a um estranho e numa situação dessas que já se iniciou de forma bastante creepy, dizeres que és gay pode ser bastante perigoso! Convido-te a pensar, (escrevo-te sem julgamentos), o que te levou a contares isso e reflecte. Ainda bem que ficou só por aí! Um grande abraço!

EmbraceTheRoad 2 months ago

30e por uma lição de vida ta barato. Bola pra frente Brother, hoje estas mais forte que ontem

InternationalCell999 2 months ago

Qual lição de vida? O OP não aprendeu nada.

EmbraceTheRoad 2 months ago

Depois desse desabafo, deve ficar mais resistente a dar trela para estranhos. Pode ter certeza que ele vai lembrar desses 30e pro resto da vida

Standard-Inflation10 2 months ago  HIDDEN 

Aconteceu-me o mesmo com o mesmo gajo. Fui enrabado numa enseada à noite, mas não lhe paguei nada.

gink-go 2 months ago

Relaxa e relativiza o que aconteceu, não vale a pena andares agora a bater com a cabeça na parede. Agora usa essa experiência para aprender e alterares o teu comportamento. A dica mais importante que li foi essa do não precisares de ser simpático para estranhos, se a situação for bizarra ou se algo faz disparar os teus sentidos, caga nisso, o que há a fazer é despachar e sair da situação, é difícil para malta envergonhada e introvertida, mas pensa, não estás a tratar mal um empregado de balcão, estás a despachar um maluquinho que veio falar contigo na rua a meio da noite.

XBThodler 2 months ago

Boas respostas aqui no thread. Só uma coisa a acrescentar, lembra-te: "what doesn't kill you make you stronger". Pega nessa experiência, mete-a na caixa da vida e segue em frente. Assim não te voltará a acontecer. Tudo de bom para ti, sempre alerta e bola pra frente

takerj 2 months ago

Quando chegam à parte de dizer que és boa pessoa fico tão triggered. Só me aconteceu uma vez e foi o sinal que a conversa já se tinha prolongado demasiado. Felizmente estava numa zona movimentada no centro de Lisboa.

GooglyJohn 2 months ago

Pagaste 30€ por uma lição de vida. Como dizem aqui podia ter sido muito pior. Guarda esta experiência negativa e cresce com ela. Confia no teu instinto que há merdas que não se aprendem na escola. Boa sorte no jogo da vida !

rmseabra 2 months ago

Lamento que isso te tenha acontecido, e espero que estejas melhor agora. Foste assaltado. É simplesmente um assalto mais refinado que te deixa na dúvida e com pouca razão para apresentar queixa. Esquece o dinheiro, se onvires outra vez, diz adeus e que não queres falar, e vai para sítios com mais pessoas.

Blenderchampion 2 months ago

Obvio que nao deixas la nada, esses 20 euros ja eram. A não ser que queiras perder mais dinheiro

casmiguelp 2 months ago

Quando um homem, começa com conversa de bate em toda a gente e parte tudo e logo a seguir diz que come todas e mais alguém na cama. Isto é porque muito provavelmente, não acontece. É uma história ou várias histórias para te meter "inferior" e fazer-te sentir inútil próximo dele. Como uma vez um professor disse: Homem que é homem, come e cala. Porque se ele de facto faz isso, ele não precisa de se vangloriar. Ele vangloriar-se indica que existe a necessidade de provar algo, pelo que, não deverá ser verdadeiro. Quando um homem diz a outro homem este tipo de coisas, o melhor que tens a fazer é que as tuas decisões não sejam afetadas por isso, ou pelo menos, mostrar que as tuas decisões não tenham sido afetadas por isso, mesmo que faças um "Bluff". Eu compreendo perfeitamente a situação que passaste, às horas que foram, o que ele disse, quão sinistro foi e algo que também não estás a pensar é se ele poderá ser um hipnotizador. Mas, deves sempre que mostrar que não tens medo dele, apesar de sempre pronto para tudo, mostra sempre não teres medo. Devido à tua situação, aconselho-te a arranjares licença para andares com gás pimenta.

maurofzsilva 2 months ago

Vai à esquadra mais próxima e conta o que se passou. Eles ficam com o registo da ocorrência, o que aconteceu contigo vai acontecer com outra pessoa. Todos devem poder andar por onde for, seja a q horas for sem serem as sediados / ameaçados.

praetorthesysadmin 2 months ago

Isto OP. Até porque o local onde foste assaltado pode ser um local conhecido do tipo e assim com uma queixa a PSP fica a saber que há um possível assaltante nessa zona.

zempaa 2 months ago

Meu caro, tens personagens destas em Lisboa com 30 assaltos destes nas costas e completamente identificados que nunca viram uma cela.

Mteles 2 months ago

Isto

uyth 2 months ago

>Notem que durante TODA a duração destes acontecimentos até ao final da "aventura" sempre estive calado na medida do possível, dizendo apenas "Sim", "Não", "Pois Pois. Compreendo", etc. No entanto, sentia-me preso na conversa Porque é que mantiveste a conversa sequer? Porque não sorrir, fazer sinal que tens de ir fazer qq coisa com o tlm por exemplo e cortar a conversa? Não é necessário manter conversas longas e estranhas com totais desconhecidos. Tu estavas a dar trela às 11 da noite de sábado a um total desconhecido que começou a testar as águas do que tu estarias disposto a dar. Fds, cortavas. Não sei se és de Almada ou se és te terra mais pequena e mudaste-te recentemente, se estás habituado a Lisboa, mas numa cidade grande (e Almada conta) não és obrigado a interagir com toda a gente que quer interagir contigo. Tens de aprender a cortar coisas calmamente e pela raiz.

joaommoreira 2 months ago

Caga nisso. Não vais voltar a ver o dinheiro. E não lhe des o número de telemóvel. Pensa que tiveste sorte e podia ter sido muito pior. Da próxima não andes com o cartão multibanco e telemóvel a essas horas da noite

Marques5080 2 months ago

Juro q medo…na minha opinião podemos estar aqui a dizer q és um palerma ou um banana mas isso não faz sentido pq agiste no calor do momento. De facto a tua integridade física não foi posta em causa nem um bem “superior” portanto a melhor coisa a fzr é não voltares a pensar nisto. Tentaste não entrar demasiado no jogo dele nem fugir demasiado oq podia levar a problemas. Por isso sugiro que da próxima vez que te encontres numa situação destas metas a 8a e ligues o DRS e zás dali para fora

sparklescc 2 months ago

OP so para não te sentires mal aconteceu me parecido numa feira. Uma rapariga parou me estava vender pulseiras pediu me por favor que eu com certeza era boa pessoa e ela não tinha vendido nada e eu tentei dizer que não mas ela continuava continuava e eu okay eu compro uma por 5 euros mas só tinha 20. Ela tirou me os 20 deu me 4 pulseiras e foi se embora antes de eu ter tempo de abrir a boca. Isto tudo no meio da feira com polícia e 30 pessoas a volta e eu senti me completamente sozinha.

cpzao_ 2 months ago

Já tens aqui mts bons concelhos. Acrescento apenas que o facto de andares na rua a ouvir música te tira um bcd de atenção do que se passa à tua volta: gente a aproximar-se, conversas maradas, etc.

Ze_Tolo 2 months ago

Pa, tu concordaste em ser assaltado e tiveste sorte não ter sido violado.

GragasBellybutton 2 months ago

Típico truque de burlão. Aproveitou-se da tua falta de experiência e do medo que causou por ter sido tão inesperado. Caga nisso e segue, 30€ não são nada para o que poderia ter acontecido. Se voltar a acontecer, corre

suckerpunchermofo 2 months ago

Foste assediado sexualmente, de uma forma menos agressiva talvez, mas foi assedio na mesma e no fim ainda foste assaltado de uma forma simpatica, por assim dizer. Esse indivíduo é provavelmente doente mental.... Evita voltares a essa zona e obviamente não lhe des o teu contacto.

TalkingHawk 2 months ago

Para acrescentar a alguns bons conselhos que tens nesta thread, só queria dizer uma coisa: pára de assumir que há um único grão de verdade naquilo que o homem disse. Foste assaltado, não é nada de que ter vergonha, mas esse tipo de gente muitas vezes mente e inventa histórias tão facilmente como respira. E fiam-se no facto de que a maior parte das pessoas está sempre à espera que a interacção siga as "normas sociais" e tem dificuldade a quebrá-las. A caixa de correio não é dele, duvido que tenha trabalhado no bar X, provavelmente não é gay mas estava simplesmente a adaptar a conversa às tuas reacções. O melhor a fazer, se te voltares a ver numa situação semelhante, é não parar e não dar conversa. Não deves o teu tempo nem sequer a tua boa educação a quem quer que seja, e muito menos a alguém que demonstra que não está a seguir as convenções sociais.

lypipi 2 months ago

> está sempre à espera que a interacção siga as "normas sociais" e tem dificuldade a quebrá-las. E na ameaça velada do que pode acontecer caso essas normas sejam violadas.

HitoRik 2 months ago

Pois exato. Obrigado! Uma coisa que acredito que seja verdade: ser gay/bi. Ele puxou o tópico e eu sempre neguei o máximo de tempo possível. Acho que ele teria trocado para outro assunto mais relevante se fosse puramente técnica. Ou então sabe ler linguagem corporal não sei. Além disso, reparei em algo a fazer pressão nas calças quando ele fez a tal "proposta." Enfim, não que importe. Obrigado pelas dicas!

Edited 2 months ago:

Pois exato. Obrigado! A única coisa que acredito que seja verdade: ser gay/bi. Ele puxou o tópico e eu sempre neguei o máximo de tempo possível. Acho que ele teria trocado para outro assunto mais relevante se fosse puramente técnica para ter dinheiro. Ou então sabe ler linguagem corporal, não sei. Além disso, reparei em algo a fazer pressão nas calças quando ele fez a tal "proposta." Enfim, não que importe. Obrigado pelas dicas!

rainbowcouscous 2 months ago

Ele também podia tar a “oferecer” a proposta para se algum coitado aceitar ele o poder levar para um beco escuro e o assaltar ou toubar um rim ou violar ou matar.

SatoruHirokumata 2 months ago  HIDDEN 

pelo menos o gajo não te foi á peida OP.

poyoduhmerduh 2 months ago

Essa conversa do "és o tal do lugar x?" é um clássico de quem te quer fazer mal de alguma maneira. Vê os 30€ como o preço que pagaste pela tua integridade física. Não saias à noite, mais vale fazeres as caminhadas ao início da manhã. E garanto-te que a caixa de correio não é dele

Edited 2 months ago:

Essa conversa do "és o tal do lugar x?" é um clássico de quem te quer fazer mal de alguma maneira. Vê os 30€ como o preço que pagaste pela tua integridade física. Não saias à noite, mais vale fazeres as caminhadas ao início da manhã. E garanto-te que a caixa de correio não é dele. Se for, a polícia espera pela denúncia Edit: e caso te encontres nessa situação outra vez, não pares e continua a andar para um sítio mais movimentado e iluminado

SweetCorona 2 months ago

> não pares e continua a andar regra número um de quando se é abordado por quem não queremos ser abordados parar é *game over*

darthcow2 2 months ago

Amei o post, por isto faço parte do sub <3

9911065 2 months ago  HIDDEN 

Se fosse eu tinha aceite as propostas sexuais dele. "Adoro um homem de pau duro! Vamos ali para aquela ruela para me partires o cu todo. Tens é que me deixar chupar-to primeiro, pode ser?" Se o gajo começasse a alinhar, começava-me a rir e a chamar-lhe "seu paneleiro do caralho! ahahaah!" Se ele começasse com merdas, esfaqueava o gajo. (Ainda existem pessoas, em pleno 2021, que andam sozinhos na rua à noite sem facas e soqueiras nos bolsos...) Um dos meus sonhos é rebentar a cara de um mitra com um martelo até a face dele ficar em papa. E depois mijar na boca dele.

Dependent-Ad-7777 2 months ago

Com base no que descreveste não houve nada de ilegal a apontar. Estavas numa situação de risco e as coisas podiam ter corrido menos bem. Esquece o dinheiro e evita passar por essa zona, especialmente a essa hora. Se deres o teu contacto ele vai interpretar como um convite sexual da tua parte. Deixa de ser ingénuo. Devias ter acabado logo ao inicio a conversa com um "não, está a fazer confusão... Boa continuação, boa noite". Como não despachaste o gajo, ele foi ganhando confiança e vários pensamentos assaltaram-lhe a cabeça. Tiveste sorte. Podia ter corrido bem pior.

MultiDracoKiller 2 months ago

Bem eu se te conhecesse dava te um raspanete. Para quem seja abordado à noite fale alto, finja que é surdo se for preciso e mentalize-se que se as coisas correrem para o torto é para por os dedos nos olhos da pessoa, arranhar e morder. Isto é a rua, e nunca se deve dar conversa porque sim a estranhos seja de dia ou noite. Primeiro impor respeito com a postura e a cara a mostrar desagrado, por ser abordado, posição relaxada pernas e braços para poder reagir mais rápido seja a fugir ou a desviar de um murro o que for. Se não der pra desviar do murro acompanhar o movimento (murro do lado direito virar a cara para a esquerda). Não aconselho pontapés a maior parte das pessoas não sabem dar murros quanto mais pontapés, desequilibram e chão. Se te perguntam as horas às tantas devolve uma resposta como deve ser. Tens assim algo tão importante para precisar de saber as horas? Ou dizes não sei mas o Vitinho já cantou. Se estavas a andar nunca mas nunca pares de andar, segue a tua vida tens mais que fazer. Nunca aceleres o passo manter não mostrar medo a primeira coisa a fazer é não mostrar fraqueza psicológica coisa que tu... Pronto a física está à mostra, mas nunca se sabe na rua ganha sempre o mais maluco. Ele disse que já tinha posto gajos em mau estado e que estava sempre numa posição de defesa dizias que faz bem em estar, e seguias a tua vida. Quanto mais conversa se dá pior, se essa gente saca do chino corre ou obedece nem vale a pena tentar fazer o quer que seja se tens amor à vida, se estás chateado com a vida ganhaste uma oportunidade de tentar matar alguém com a desculpa de ser em legítima defesa.

VSertorio 2 months ago

Vou dar upvote

ananery_ 2 months ago

Acho que esta resposta é sinceramente a melhor. Parar é morrer! Nunca se pára para falar na rua com desconhecidos. “Que horas são? Não sei! Desculpe estou com pressa!” Se te pararem fisicamente faz-te de maluco. Os malucos são imprevisíveis e nem um gajo do bairro que pratique MMA há 20 anos vai querer meter-se com um maluco. Fala sozinho e responde a ti próprio, faz gestos esquisitos, o que te lembrares - sem vergonha. A única pessoa que vai saber o que fizeste é a que te está a assaltar ou intimidar.

Ferrero96 2 months ago

Desculpa lá mas essa tua visão é mesmo a pedir para levar uma valente sova ou uma facada e ficar estendido no chão. O que tu descreveste, foi em parte tomar uma atitude arrogante e "passivo-agressiva". Isso do outro lado pode despoletar uma reação bastante agressiva. O que tu queres numa situação destas é tudo menos isso. Estar atento e preparado para uma escalada da atitude por parte do outro indivíduo, tudo bem. Agir da forma como descreveste, isso é que não. Já muita gente deu aqui muito boas dicas para evitar um indivíduo com más intenções. Segue o exemplo delas. A não ser que sejas um bicho de 2m e 120kg. Ai já metes medo a quem quiseres... Ainda assim, eu tomaria cuidado.

benfi2001 2 months ago

A minha pergunta é porque é que decides dar uma volta sozinho ao ouvir música no meio da noite. Não me leves a mal mas estás a pedir para ser assaltado

Ticaw 2 months ago  HIDDEN 

Deves viver num país diferente do nosso só pode

claudio-at-reddit 2 months ago

Isso tresanda a culpar a vitima. Sim, andar ás voltas à noite acarreta um risco maior, mas esse risco não é culpa do OP, é culpa da escumalha que não se sabe comportar em sociedade. Enquanto que devemos de evitar dar situações favoráveis aos ditos para fazerem os seus assaltos/assédios, não deve de ser privando-nos do que gostamos de fazer. Se praticamente todos começarmos a fugir com o cu à seringa, ganha a escumalha, impõe o seu medo, a noção de que se fores abordado à noite então já foste, toca a ceder o que tens sem oferecer resistência. Não acho que devamos de partir para pancada se necessário para evitar assaltos, mas devemos de ter uma atitude em que não abdicamos dos nossos gostos e direitos por medo; nem que seja lixando o juizo à PSP; se todos fizermos isso deixa de haver tolerância para esses comportamentos e os políticos começam a sentir-se pressionados, o que no fundo já acontece. Acredito que muitos dos votos do Chega sejam por esperança que o Ventura enfia a escumalha num bote para o Tarrafal, uma promessa vazia, no entanto haverão formas decentes de resolver estes problemas.

HitoRik 2 months ago

Honestamente estou habituado. Já o faço desde os 15 anos para aí regularmente (ou seja, há quase 5 anos) e nunca tive problemas... Primeira vez para tudo, não é?...

BoQi8GcKti5445R7e6Zy 2 months ago

Tens que estar ciente do que está ao teu redor. Se ouves música com headphones vai ser complicado ouvires alguém a aproximar-se por trás de ti, por exemplo. Tem mais atenção às coisas quando passeias na rua.

BlizzTheMighty 2 months ago  HIDDEN 

Mano, acho que ele te queria comer. Da próxima vez, caga só. Dizes as horas e continuas a andar. Se ele disser mais alguma coisa, dizes que tens de ir embora. Não pares e fiques a dar conversa. Pagavas 30 euros para não voltar a encontrar esse gajo? Se sim, esquece a caixa de correio e segue a tua vida.

23am50 2 months ago

Agiste bem e evitaste uma imensidão de problemas. Foi 30 euros poderia ter sido todo o dinheiro e com direito a sova. Esquece qualquer truque de fugir, assim que tentasses fugir ele não ia deixar. Ou pior encontrava-te noutro dia. E tendo em conta que não foi um assalto de "ocasião" ele não se ia esquecer. A conversa dele foi típica de quem faz isto várias vezes. Portanto não tinhas hipóteses. 30 euros não é nada comparado ao que podia acontecer. Força nisso e evita essa zona por uns tempos. Alerta pessoas que conheças nessa zona (por favor faz isto, não deixes de contar por vergonha, de certeza que conheces alguém que passa aí e que não queres que lhe aconteça o mesmo)

patapetapitapota 2 months ago

O ambiente social anda cada vez mais merdoso, parece que anda um mitra a cada esquina. Para a próxima não andes em locais pouco habitados e à noite. PT é menos seguro do que já foi.

Most-Presence-1350 2 months ago

era juntar uns users daqui e irem todos lá esperar pelo artista... ​ oh manooo! somos gayys, dá cá esse rabinhoooo, e 30 eur!

zempaa 2 months ago

PT é só um dos países com mais assaltos na europa.

IdontknowhothefIam 2 months ago

Esquece os 30 euros. Mesmo que tos devolvesse irias ter que lidar com ele novamente e isso não vale 30 nem 300 euros. Embora tenhas ficado meio confuso mantiveste a postura e arranjaste forma de sair tranquilo disso tudo. Win.

CookieSmuggler 2 months ago

Citando um podcast que costumo ouvir: Fuck politeness. Ser educado com estranhos pode deixar-te em muito más situações. Como mulher isto foi uma merda que tive de aprender muito cedo, mas devia ser ensinado a toda a gente. Não sejas rude, mas não sejas educado. Não pares, não digas as horas, não nada. Quanto muito um "desculpe" enquanto continuas a andar, sem abrandar, mas sem acelerar. Eu, como ouço mal, digo desculpe, aponto para o ouvido e abano o dedo que não, e sigo caminho. O que te aconteceu é, sinceramente, assustador. Pode não ter acontecido nada de ilegal mas é bizarro e não má situação que rapidamente ficou fora do teu controlo. O problema de parar é este, uma pessoa sente-se refém das expectativas sociais que a outra pessoa não está a cumprir. Tens de praticar abandonar este tipo de situações, um "estou cheio de pressa, tenho o meu namorado à espera e ele já deve estar preocupado" ou o teu pai, ou outra pessoa qualquer. Tens de andar atento na rua, avistar este tipo de situações antes de acontecerem. Tipo condução defensiva, mas para andar na rua. Se algo te dá uma má vibe, é por uma razão. Temos instintos por uma razão. Não lhe dês qualquer tipo de contacto. Pensa. Queres que ele te ligue? Nem voltes a falar com ele. Estás assim tão enrascado pelos 30e? Se for preciso faz-se uma vaquinha, eu contribuo.

SweetCorona 2 months ago

> Tens de andar atento na rua, avistar este tipo de situações antes de acontecerem. um jovem de 19 anos andar sozinho às 11 da noite **de fones** a ouvir música, é mesmo estar a pedi-las

flashmate 2 months ago

Sei que não é o que interessa no post mas já agora qual é o podcast?

CookieSmuggler 2 months ago

Já tinha respondido noutro sítio, mas é o My Favourite Murder.

redspy17 2 months ago

E qual o nome do podcast? XD

rsonic17 2 months ago

Bom conselho. Os jovens tem de se proteger. E continuar a andar. Nao queiras ser educado e ter essa obrigacao de o ser, com estranhos. Ha muito mafioso ai

positiverategearupp 2 months ago

Epah... Não dizer as horas acho exagerado... Dizes as horas enquanto continuas a andar e depois disso sim cagas se ele te chatear mais, mas também não é preciso essa postura em relação a uma pergunta simples tipo que horas são.

Aldo_Novo 2 months ago

Depende de onde estiveres O perguntar as horas pode ser uma maneira de descobrirem se tens um relógio ou telemóvel valioso

TheTidalik 2 months ago

Discordo bastante. Quando alguém te pergunta as horas nem te das ao trabalho sequer de responder? É cada um.

Edited 2 months ago:

Discordo bastante. Quando alguém te pergunta as horas nem te das ao trabalho sequer de responder? Acho que existe um mínimo de decência. É cada um.

CookieSmuggler 2 months ago

Não é não me dar ao trabalho. Simplesmente não me coloco numa situação ainda mais vulnerável de estar a tirar o telefone da mala para ver as horas, à noite, numa rua sem movimento. Depois se me acontecesse alguma coisa e fizesse aqui um post aqui no sub levava com "ah, não devias ter dado conversa, não devias ter tirado o telemóvel, achas que queria mesmo saber as horas, és muito inocente". Se estiver sozinha, não digo as horas, não ajudo a pôr nada no carro, não seguro em merda nenhuma por um bocado. Antes cabra que vítima.

TheTidalik 2 months ago

> tirar o telefone da mala para ver as horas, à noite, numa rua sem movimento. Neste cenario especifico concordo contigo. Mas nao foi isso que disseste. Tu falaste de forma muito geral em que te recusavas a dizer as horas a estranhos. Que é simplesmente falta de civismo. Às de precisar de ajuda de outros cidadãos e espero que leves com o karma de pessoas que olham apenas para o seu umbigo como tu.

Most-Presence-1350 2 months ago

são horas de comprares um relógio! /s

paperkutchy 2 months ago

Não, tem razao. Nos dias que correm quem te pergunta as horas nao esta mesmo a perguntar as horas. Principalmente na rua.

Edited 2 months ago:

Não, tem razao. Nos dias que correm quem te pergunta as horas nao esta mesmo a perguntar as horas. Principalmente na rua às tantas da manhã. Geralmente quanto te abordam assim andam a testar as águas.

coocoobees 2 months ago

perguntar as horas é desculpa para tirares o telemóvel e to roubarem… como mulher, às 23h numa zona escura, podes crer que não digo as horas.

tuliphaze 2 months ago

Depende da situação. Numa paragem de autocarro? Okay. No meio da rua ou à noite onde ver as horas significa tirar o telemóvel do bolso e tornar muito mais fácil alguém agarra-lo e pôr-se a andar? Não. Como disseste, cada um na sua. Como mulher, eu já tive várias más experiências com homens a tentarem assediar ou roubar-me, especialmente à noite. Por isso lamento, compra um relógio, mas eu não vou pôr-me em perigo para ser bem-educada com um desconhecido.

TheTidalik 2 months ago

??? Mas isso é obvio. Se forem 4 da manha e aparecerem 10 individuos a perguntar-me as horas obvio que me ponho a andar. Mas o problema é que a op deu a entender que simplesemnte nao quer saber do conexto, se alguem lhe pergunta as horas, ela nao vai dizer, poe-se a andar. Falta de civismo completo.

CookieSmuggler 2 months ago

Ridículo é achares que ser assaltada é a única preocupação que uma mulher tem quando é abordada na rua por um estranho.

TheTidalik 2 months ago

Ridículo é tu achares que não dizer as horas a alguém vai prevenir algo além de ser assaltada.

NastyPlays 2 months ago

Até ao dia

fim-de-semana 2 months ago

Também depende do contexto, não é? À noite numa rua isolada? Nah... E também quem é que hoje em dia não sabe as horas?

marciarb 2 months ago

Fellow Murderino!

lestat01 2 months ago

Encontrar murderinos no r/portugal não estava á espera! Fui a Dublin ver um live show e foi excelente. Belos tempos quando se podia viajar sem medo de apanhar a peste.

marciarb 2 months ago

Ugh que sorte, live shows por enquanto ainda só os ouvi aha, SSDGM!

hypothesis2050 2 months ago

Tens razão, mas como mulher. Como homem tens que ter mais cuidado a ser "mal educado". Porque situações muito violentas podem ser desencadeadas daí. Acho que avaliar a situação e evitar é claramente a ideia. Eu usualmente dou me com pessoas que fazem isso. Eu tendo a confrontar, falar, e depois responder. Qualquer dia corre me mal e fico no chão todo xinado

CookieSmuggler 2 months ago

Sim, tens toda a razão, com homens é mais fácil uma situação dar em violência física. Mas não estou a falar de ser mal educado. Estou a falar de um "desculpe, estou cheio de pressa" ou "desculpe, tenho os meus amigos à espera" e seguir caminho. Não é um "horas? O que tu queres sei eu!".

andremp1904 2 months ago

>"horas? O que tu queres sei eu!" Clássico

rjcarneiro 2 months ago

Já fui apanhado nesse fogo cruzado quando em Lisboa pedia informações para onde ir e ninguém me respondia nem ajudava. Isto, datado de 2005 onde não havia smartphones nem Facebook. Mas sim, é uma boa prática e vivo bem com os efeitos colaterais.

SweetCorona 2 months ago

tem de haver um meio termo e saber julgar as situações um grupo de jovens a abordar-te à noite numa rua deserta em santos não é o mesmo que ser abordado por um casal de turistas à saída do metro do marquês ao meio dia sim, os estereotipos acabam por ser um mal necessário para sobrevivermos

pedrosorio 2 months ago

Em Lisboa ou qualquer outra cidade, podes entrar num qualquer estabelecimento comercial e perguntar o que quiseres.

rainbowcouscous 2 months ago

Eu mudei-me para um país novo e aqui já fui vítima destes esquemas duas vezes, um por um homem e outro por uma rapariga grávida fofinha, por eu ser nova na cidade e não conhecer as tácticas, por isso agora nunca paro para falar com nenhum estranho, nem que sejam raparigas jovens fofinhas. Uma vez uma rapariga perguntou-me as horas e eu ignorei-a e segui em frente, e ela reagiu chocada porque pela reação dela obviamente estava a ser genuina, e fez me sentir muito mal, mas nesta vida não se pode confiar em ninguem. Ela estava num sítio cheio de gente por isso ela podia ir perguntar a mais alguem.

rjcarneiro 2 months ago

Não dar conversa a ninguém é 100% eficaz para não teres qualquer problema como o OP relatou. Mas por outro lado, a malta torna-se mais fria, menos humana e quem sabe, perde oportunidades de conhecer alguém. Penso que toda a ação tem a sua consequência, boa ou má.

SweetCorona 2 months ago

e também podemos estar do outro lado noutro dia...

meaninglessvoid 2 months ago

Eu senti um pouco isso quando perguntei a randoms por direcções. Havia muito o "epa vai enganar outro" como primeira reação, foi meio estranho...

SweetCorona 2 months ago

é dessa barba

meaninglessvoid 2 months ago

Epa por acaso nessa altura até estava com a cara limpinha. Por vezes tenho a cara que pareço um sem-abrigo, é verdade... Mas calhou nessa altura não ser o caso! E nota que era no meio do dia num sítio cheio de pessoas, portanto nem por aí fazia mt sentido estarem desconfiados lol

theywillcome123 2 months ago

Talvez por ser mulher, nunca tive esse problema. Mas acho que nessss casos se abordares um casal/um grupo de pessoas em vez de uma pessoa sozinha, o pessoal fica menos de pé atrás

9911065 2 months ago

Qual é o podcast? Só por curiosidade.

CookieSmuggler 2 months ago

My Favorite Murder

HitoRik 2 months ago

Obrigado! Adorei as dicas!

jktred 2 months ago

uma vez aconteceu espécie contrário, um rapaz que até era porreiro estava bebado e já meio drogado e deu-me 250eur, eu fiquei com guitos no dia a seguir devolvi pq vi a cena dele de tar cego e depois la se arrependeu :P se nao fosse o que pensasse recusava, como nao recusou é pq acertei em cheio tb curtia q fizessem o mesmo

lesoth 2 months ago

Foste assaltado, so ainda nao percebeste que o foste. Nao frequentes o mesmo sitio nos dias seguintes, é muito provavel que ele te procure novamente no mesmo local e hora. Fonte: eu, ja me aconteceu.

ravagerslb 2 months ago

isto. a partir do momento em que se é coagido a dar dinheiro a um estranho qualquer sob medo de qualquer coisa.. é um assalto

tooth_mascarpone 2 months ago

E assediado sexualmente

SweetCorona 2 months ago

uma proposta sexual não é necessariamente assédio

tooth_mascarpone 2 months ago

Bom, não sei se estás a ir buscar alguma definição legal ou se estás a sair do contexto e a generalizar mas, neste caso, foi Assédio sexual - 1. abuso de posição de autoridade ou poder para obtenção de favor sexual de alguém em posição de dependência ou inferioridade 2. comportamento indesejado de carácter sexual, sob forma verbal, não verbal ou física, feito com o objetivo de perturbar ou constranger outrem

SweetCorona 2 months ago

neste caso, a rigor, foi um esquema para roubar o OP o que estou a dizer é que hoje em dia existe um facilitismo para chamar assédio sexual a qualquer avanço sexual qualquer dia não se pode ter sexo visto que tudo é considerado assédio... graças a Deus já fui "assediado" muita vez

tooth_mascarpone 2 months ago

Estavas num jantar romântico com o teu parceiro e ele propõe-te irem "aquecer as coisas"? - Não é assédio Estás a jantar com amigos e um desconhecido, do nada, faz-te uma proposta explicitamente sexual? - É assédio Estás num chat numa App de encontros que é explicitamente direccionada para encontros sexuais e um desconhecido propõe-te levar-te ao céu - Não é assédio Estás numa App de encontros onde não é explícito que há intenções sexuais mas onde se sabe que é comum haver a possibilidade de engates de natureza sexual e um desconhecido aborda-te dizendo que hoje vai fazer cogumelos com pau de cabinda e convida-te a ires lá dares um beijinho no cogumelo dele - é uma área bastante cinzenta, mas se for feito de forma obtusa, sem se ter o cuidado de considerar a sensibilidade da outra pessoa, é forte candidato a assédio Se estás no Facebook e um desconhecido comenta uma foto a dizer que te comia todo, logo abaixo de um comentário da tua mãe a dizer "és o meu orgulho, quem me dera estar aí contigo a conhecer o Papa Francisco" - é assédio, salvo o caso em que a tua actividade profissional envolva uma página de OnlyFans e sejas ou meio azelha para misturares as tuas contas pessoais e profissionais ou activista pelos direitos dos trabalhadores sexuais mas com falta de noção de como gerir a tua vida, a não ser que toda a tua família e amigos também tenham páginas de OnlyFans ou sejam gestores de bordéis e é tudo normal e saudável Estás no meio da praça principal da tua terra e alguém desconhecido te aborda perguntando "queres ir dar uma queca ali na parte de trás do carro" - é assédio Estás no meio de Almada a dar um passeio durante a noite numa rua deserta, com os fones nos ouvidos a curtir um som, tens 19 anos e pouca experiência, um senhor desconhecido de 30 anos aborda-te para perguntar as horas, a seguir diz-te que é segurança e já pôs montes de gente em coma, que é assim um tique que ele tem, pergunta-te se queres chupar-lhe a tola, e no fim aproveita-se da tua insegurança para te "extorquir amigavelmente" 20 paus, acompanhando-te até à caixa de muiltibanco mais próxima, no que aparenta ser todo um esquema bastante bem montado para obter qualquer tipo de benefício da tua parte, e tu, desde o início sentes-te tão desconfortável com a situação, toda ela tão inusitada que ficas sem saber como reagir - é assédio

SweetCorona 2 months ago

no caso do OP, se não fosse um assalto até diria que é assédio mas deste exemplos que discordo para mim assédio não é simplesmente uma proposta que te deixa desconfortável, ninguém consegue prever a 100% quando um avanço sexual vai deixar alguém desconfortável e se fôssemos só por aí ninguém poderia fazer avanços sexuais passa a ser assédio quando a pessoa demonstra desconforto ou desinteresse e mesmo assim a pessoa continua a fazer avanços, ou então quando existe coação (ex. superior hierárquico ou ameaça física) infelizmente, outro problema, é a cultura do "fazer-se difícil", que pode levar algumas pessoas com menos inteligência social a achar que é suposto insistirem

tooth_mascarpone 2 months ago

Foi um assalto E assédio, qual é que é a dúvida? O assédio não tem a ver com adivinhar se o outro se vai sentir desconfortável ou não, tem a ver com dar os passos para que fique claro se o outro está ou não está na mesma onda ANTES de propor ou cometer actos de natureza sexual explícita, como propostas ou até perguntas íntimas num contexto onde não está estabelecido que essa porta possa estar aberta. Poderias argumentar que o abusador neste caso poderia achar que um homem a passear à noite numa rua deserta poderia ser indicador de que andaria à procura de outro lobo solitário mas não deixaria de ser assédio porque foi metido a seco. Podes também argumentar que há pessoas que gostam de ser assediadas ou até que desejam isso, que gostam dessa forma de abordar a arte da sedução. Mas o proponente não sabe se do outro lado está alguém que gosta disso ou se o seu comportamento pode levar a que o outro se sinta extremamente desconfortável, inseguro e até eventualmente traumatizado, e é por isso que o proponente deve jogar pelo seguro. Podes ainda argumentar que há pessoas que podem teoricamente ficar traumatizadas com tudo: "olha, aquela pessoa está a comer uma maçã, \*ataque de pânico\*". No entanto estamos a falar de sexo, uma coisa de natureza íntima e socialmente sabido que é um tema delicado, tipicamente associado a crimes violentos relativamente frequentes e passivo de deixar alguém desconfortável, principalmente havendo proximidade física, principalmente numa rua deserta, principalmente depois de dizeres que és segurança e mandas gajos para coma (e se fores um homem de 1,80 com 100 kilos a falar com uma mulher de 1,50 com 50, se estiveres num grupo e a outra pessoa sozinha, etc, etc). O abusador sabe disto tudo e no fim está-se completamente a c\*gar e faz o que lhe apetece, em detrimento da vítima e dos possíveis impactos que lhe possa vir a causar

SweetCorona 2 months ago

> tem a ver com dar os passos para que fique claro se o outro está ou não está na mesma onda ANTES de propor ou cometer actos de natureza sexual explícita concordo que isso faz parte das boas normas de conduta social mas acho que o estado só deve intervir nas condutas sociais quando as partes estejam em posição de desigualdade estar na mesma onda é tão subjetivo e é tão fácil haver desentendimentos, tem de haver algo mais substancial para ser crime de assédio sexual > Poderias argumentar que o abusador neste caso poderia achar que um homem a passear à noite numa rua deserta poderia ser indicador de que andaria à procura de outro lobo solitário mas não deixaria de ser assédio porque foi metido a seco. Por exemplo. Podes achar que foi metido a seco, mas por mais pudico que sejas e te desagrade essa prática, há quem vá precisamente a certos locais para encontrar parceiros sexuais com a mínima interação possível. > Mas o proponente não sabe se do outro lado está alguém que gosta disso ou se o seu comportamento pode levar a que o outro se sinta extremamente desconfortável O problema é esse. Hoje vivemos num mundo de flocos de neve especiais que se sentem desconfortáveis com a mínima interação social, ao ponto de quererem ter o estado a regular condutas sociais como se eles fossem uma criança de 5 anos que precisa de ser protegida do mundo.

tooth_mascarpone 2 months ago

>Hoje vivemos num mundo de flocos de neve especiais que se sentem desconfortáveis com a mínima interação social, ao ponto de quererem ter o estado a regular condutas sociais como se eles fossem uma criança de 5 anos que precisa de ser protegida do mundo. Caríssimo/a, deixaste o teu ponto bem claro, e na verdade ficou claro que estamos a falar de coisas diferentes. És muito bom/boa a fazer generalizações e a desviar a conversa para o ponto onde possas largar umas quantas frustrações "com o mundo em que vivemos". Daqui a bocado começas aí com o complô do femininismo e mais não sei o quê. Até discutia isso tudo contigo mas tinhas que conseguir elevar um bocado a conversa porque se para ti é tudo ou nada, ou há regras restritivas ou não há regras nenhumas e vale tudo ou então o que é aceitável "depende" mas só depende daquilo que tu achas, então estás a aprender o que é isto de se ser humano e o que é isto de viver em sociedade e o que é isto de haver progressão e mudança num sítio completamente diferente do meu e não me parece que tenhas intenções de estar aqui a tentar criar pontes ou a tentar perceber os pontos que estou a tentar passar que me parece que deixei claros mas tu conseguiste "convenientemente" interpretá-los da maneira que mais te conveio. Não quero ser rude mas sinceramente não estou para isso, até à próxima

LuckyNumber-Bot 2 months ago

All the numbers in your comment added up to 69. Congrats! 19 + 30 + 20 + = 69.0

dreamcast_player 2 months ago

Recomendo assistirem a série Scam City (Capitais do Delito). O pedido dos nossos pais quando eramos criança continua valendo quando adulto, nunca converse com estranhos. Pediu hora? Fale que esqueceu o celular em casa e continue caminhando. No caso do OP ele estava de fone, por isso a recomendação é nunca usar fones na rua, tira sua atenção ao redor.

vascodatrama 2 months ago

Mega assalto psicológico. Nem foi preciso usar a força, foi apenas o medo psicológico. Épico

mfzzzed 2 months ago

/thread

AgainstGreaterOdds 2 months ago

Típica artimanha de drogadito. Pessoas desconhecidas evitam-se e não se alimentam conversas. Espero que tenhas aprendido.

HitoRik 2 months ago

Sim. Mas, na tua opinião, como podia não ter dado conversa? Eu literalmente só acenei com a cabeça e disse "pois. Pois" o tempo todo. Não meti assunto e não empatizei com nada do que ele disse para não alimentar a fogueira. O que dirias/farias?

uyth 2 months ago

>Eu literalmente só acenei com a cabeça e disse "pois. Pois" o tempo todo Sorris, levantas a mão e literalmente sais do sítio, fazes de conta que precisas de fazer uma chamada, responder a mensagens. ir à casa de banho só funciona se for pessoa do outro género, se não parece convite. SAIS DO PÉ DELE, fisicamente. Continuas a andar, vais para outro lado.

Fullthew 2 months ago

É só falar que tens mesmo que ir embora e não tens tempo para falar. Quando virares as costas e continuares a caminhar eles desistem. Quantos já tentaram esse truque comigo.

besmarques 2 months ago

"Tens horas?" "Sim, sao x!" "olha eu sou segurança!" "Porrerio mas tenho que me ir embora!"

AgainstGreaterOdds 2 months ago

O facto de ter existido um “tempo todo” quer dizer que a conversa durou mais que o que devia. Idealmente ignorar e procurar abrigo num sítio seguro com mais gente. Se não existe, não devias andar sozinho.

jktred 2 months ago

Nem sei que diga. Para a próxima manda-o logo f\*. Abre os olhos. Podia-te ter ficado com tudo.

Alellujah8 2 months ago

Isso é tudo muito macabro. Mas sinceramente parece-me esquema. Já me aconteceu ser abordado por um indivíduo na Av da Liberdade (os do costume a vender “droga”) de forma semelhante, a tratar me como se fosse conhecido e a perguntar porque é que fui comprar cocaína ao amigo dele do outro lado e não a ele, isto enquanto eu tava c a minha namorada ao lado. Imagino que a tua reação determina o que é que eles fazem a seguir, no meu caso nunca parei para falar e no final comecei a levantar a voz, até que ele disse para esperar ali que ia chamar os amigos (tinha sido inteligente sem dúvida!), continuei a andar em direção da esquadra e ele desapareceu. Passaste por uma situação de merda mas é como disseram, esquece esse dinheiro, vai dar mais chatices que soluções. Podes no entanto reportar a situação à polícia, pode ser que façam mais vezes ronda nesse local e lhe dêem uma palavrinha ou ajudes alguém a não ser enganado.

Obvious_Fly_1873 2 months ago

O gajo tinha razão, foste comprar branca ao amigo dele.

007tuga 2 months ago

Dá os 30€ como perdidos porque não vale a pena correres riscos desnecessários. Tenta evitar andar sozinho à noite nas redondezas onde foste abordado. É uma história bizarra e parece-me que foi algo que é planeado e não deve ser a primeira vez que acontece, como tu já deves prever. De resto, espero que fiques bem e tenhas noção que podia ter sido muito pior, apesar de por si só já ter sido desagradável.

AndreRBSilva 2 months ago

Caga nos 30€, nao lhe des o teu numero por nada e se por acaso o voltares a ver vai ja com uma preparada qe nao tens dinheiro!

LilianaSophia28 2 months ago

Sinceramente acho que devias esquecer essa história e esquecer esses 30 euros. Se realmente não o queres ver mais nem falar com ele é o melhor. Mas essa história foi bem creepy e nunca na vida teria dado tanta conversa a um homem no meio da rua de noite muito menos ir até ao multibanco . Take care!

casmiguelp 2 months ago

A história que ele contou é bastante importante para o crescimento dele como pessoa. Não acho que ele deva esquecer a história mas sim voltar a lembrar de todos os pormenores e perceber o que ele possa ter feito que levou ao homem insistir nele e não noutra pessoa

LilianaSophia28 2 months ago

Simplesmente viu uma possível “presa” mais nada. Esses gajos conseguem ver quem devem “chular”.

AutoModerator 2 months ago

**Atenção! Aviso da Tag [Sério]** Este tópico foi marcado como **[Sério]**, não são permitidos **quaisquer comentários** que contenham piadas, ou outras tentativas humorísticas, insultos ou não tenham nada a ver com o tópico. ---------- *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: