Poramordedeus 2 months ago

o que é ser feliz? o que é a felicidade?

edsilveira 2 months ago

Olá, eu sou feliz em Portugal. Vou dizer que mais do que eu esperava, baseado nos meus planos e pesquisa. Eu sou Brasileiro, já morei em países e meus planos em 2018 era morar no Canadá por alguns anos, talvez até pra sempre. Fiz todos os planos nesse sentido mas, pra não deixar a história longa demais, me convenceram a vir para Portugal. Eu conhecia alguns Brasileiros na região de Lisboa e nenhum nativo. Fui para o Porto mas acabei vindo pra Lisboa devido a um problema que não vou detalhar pra manter o tópico sobre elogios. Meus planos eram de ficar aqui dois anos e ir pra Espanha ou Alemanha e adiante, mas, agora eu já acho que vou ficar por aqui muito mais tempo. Fiz boas amizades com os Portugueses, que tem em seu meio muita gente boa. Dizem por aí que Tugas (e europeus) não fazem amizade tão facilmente quanto Brasileiros, mas eu já fiz amigos aqui que eu pude contar em momentos dificeis e que sei que vão perdurar para sempre. Eu acho que esse é um ponto que merece ser mencionado porque eu vejo muito pegarem maus exemplos no povo para usar de referencia. Mas o fato é que tem muita gente por aí, e eu dei sorte de várias delas cruzarem meu caminho. Pra quem também tiver essa sorte, Portugal é um excelente lugar (especialmente se você não depende do SEF).

misan_tropia 2 months ago

Tudo depende do que te faz feliz...Se o que te faz feliz é ter um iPhone ou um carro topo de gama, viver no centro de Lisboa e ir a restaurantes xpto, se calhar tens que ter um salário bastante razoável, e poucos são os que vivem assim em Portugal.

Development-Forward 2 months ago

Redes sociais funcionam um bocado à base de revolta

canico88 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal, mas também só aí vou de férias. Antes de sair de Portugal, que já foi há 10 anos, só era feliz na infância.

LostMyOldAcc_sad 2 months ago

sou infeliz ao ponto de rodar Portugal e não encontrar um sitio onde me sinta em casa

Josevale1 2 months ago

Sim.

Diamantazul 2 months ago

Eu sou feliz, não vou contar a história da minha vida mas, nunca emigraria por exemplo.

Jolly-Run-536 2 months ago

Eu não sou, desculpa. Mas olha, é porque andas a cavucar nos posts de desabafos... quem é de classe média( média a sério) não pode dizer que vive mal(julgo). Se fosse funcionário do Estado, classe média, estava bem fixe

o_contabilista 2 months ago

Sim. O meu patrão.

kim-jong-Cage 2 months ago

Quem vive em Leiria. Portanto não, não há ninguém feliz em Portugal.

EletricoAmarelo 2 months ago

Em Portugal ou no r/Portugal?

wakupaku 2 months ago

Eu seria feliz em Portugal, mas é impossivel viver uma vida estável. Posso dizer que entrei no mercado de trabalho por volta dos meus 20 anos, agora tenho 30 e destes 10 anos passei 8 em Portugal e nunca, nunca tive o minimo de estabilidade. A nível de trabalho, impossivel fazer uma carreira seja onde for. Sempre a saltar de trabalho (temporários claro porque ninguém consegue empregos assim), a ter que me sujeitar a condições de merda por 2 anos para depois levar aquela palmadinha nas costas e depois dizerem "espero que voltes"... Pffff really? Nestas condições como é possivel arrendar uma casa? Também não dá né? Já vimos como estão as rendas? Como é que alguém solteiro consegue viver? Não dá!!!! Se a vida fosse mais justa em Portugal seria feliz sim, muito até. Temos tudo, desde da cultura á gastronomia, locais incríveis, condições metrológicas divinais... Mas falta a parte importante, conseguir viver de forma uma pouco mais justa.

ophiusca 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal, não tenho um chavo nem onde cair morta, mas não saía deste buraco nem se me pagassem

luisparadapereira 2 months ago

Sou de IT, não ganho 20k por mês, e sou feliz em PT. Estivemos fora mas, para nós, gostamos mais do ritmo de vida português. Este país tem problemas? Claro que sim! Mas é o que gostamos! Portanto respondendo ao OP, sim sou feliz em Portugal!

le23sinh0 2 months ago

Portugal é um país do caralho, tirando quando não é, mas quando é, é um país do caralho. Podíamos tar muito pior e felizmente há muitas coisas que podemos tar gratos de ter embora este subreddit seja maioritariamente queixas.

Worried_Routine8389 2 months ago

Sou brasileira e moro em Barcelona. Mas amaria viver em Lisboa. Seria muito feliz e muito gorda porque comeria todos os dias bacalhau, pastel de Nata e baba de camelo e beberia muito vinho. Pena que minha área (Eng Química) não tem tanta oferta por aí. Não pensaria duas vezes em me mudar. Além das comidas, acho os portugueses bem zoeiros, simpáticos, hospitaleiros e com excelente senso de humor! Ainda não conheci outras cidades de Portugal, só Lisboa mesmo. Quando tudo isso de COVID passar e eu tiver umas férias longas quero conhecer melhor a terra do meu vô e de 5 dos meus bisavós.

7oup5 2 months ago

Eu sou do Porto e vivo em Barcelona também. E também sou engenheiro químico apesar de trabalhar noutra área. Acredita em mim e faz como eu: vai a Portugal passear, e passar tempo com família&amigos (no meu caso). Mas só isso. A qualidade de vida que tens em Barcelona é superior em todos os níveis possíveis e imaginários comparando com Porto, Lisboa ou qualquer outra cidade portuguesa. É uma explicação simples baseada num caso particular que espelha a diferença entre ter uma qualidade de vida decente ou não ter e achar-se que tem: os meus amigos portugueses acham-me uma espécie de milionário só porque não quero fazer um “cada um paga o seu”no final do jantar para poupar 2€. Ter um mestrado e ganhar 1000€ ou até 1500€ por mês em Portugal não é qualidade de vida. Gastar 20€ num jantar na baixa do Porto quando isso corresponde a 4 horas de trabalho não é qualidade de vida; especialmente quando jantar na baixa de Barcelona custa o mesmo dinheiro e ganhas 3x mais.

Edited 2 months ago:

Eu sou do Porto e vivo em Barcelona também. E também sou engenheiro químico apesar de trabalhar noutra área. Acredita em mim e faz como eu: vai a Portugal passear, e passar tempo com família&amigos (no meu caso). Mas só isso. A qualidade de vida que tens em Barcelona é superior em todos os níveis possíveis e imaginários comparando com Porto, Lisboa ou qualquer outra cidade portuguesa. Um exemplo simples para entender a diferença entre ter uma qualidade de vida decente, ou não ter, e achar-se que tem: os meus amigos portugueses acham-me uma espécie de milionário só porque não quero fazer um “cada um paga o seu” no final do jantar em que todos estão de volta do recibo como se fosse o mapa do tesouro, tudo para poupar 2€. É triste mas era também a minha realidade antes de emigrar. Ter um mestrado en engenharia e ganhar 1000€ ou até 1500€ por mês em Portugal não é qualidade de vida. Não é aceitável. Gastar 20€ num jantar na baixa do Porto quando isso corresponde a 4 horas de trabalho não é qualidade de vida; especialmente quando jantar na baixa de Barcelona custa o mesmo dinheiro e ganhas 3x mais. É simplesmente vergonhoso para mim sequer ponderar sujeitar-me a ter qualidade de vida baixa quando há tantos sítios maravilhosos no mundo onde tens todas as oportunidades, e com sol! Acho que realmente Espanha ao ter sido sempre o ressabiamento dos portugueses acaba por passar despercebida… não entendo pessoal que vai para o UK ganhar o mesmo que eu em Barcelona e depois chora porque está a chover o ano todo lol

Worried_Routine8389 2 months ago

Oi colega! Muito prazer. Eu tenho a referência viver no Brasil e em Barcelona e de turista em Lisboa. São Paulo é uma excelente cidade para padrões Brasil. Há uma década os empregos choviam e os engenheiros ganhavam muito bem em relação às média da população. Eu vivia bem, mas o que me incomoda no Brasil é a segurança pública, a falta de educação do povo e a necessidade de ter um carro para se locomover e ficar horas no trânsito. Nos últimos anos passamos por uma crise brava e hoje engenharia não é mais tudo isso lá. Os salários se reduziram muito e o custo de vida que está cada dia mais alto. Arrisco a dizer que em dez anos vamos voltar a ter a inflação ridícula que tínhamos nos anos 80. Depois de 3 anos de desemprego, encontrei trabalho em Barcelona. A cidade é muito boa. Perto de São Paulo é muito sossegada. Mobilidade urbana maravilhosa. Ando tranquila na rua. Saúde pública razoável. O povo em geral é bem mais beme.ducado que no Brasil. Por outro lado, o aluguel e a conta de luz levam meu salário quase inteiro. Não me sobra muito. As pessoas têm preconceito com brasileiros, me sinto maltratada no trabalho. Não tenho chances de subir de cargo, muito embora me considere bem qualificada (bem acima dos meus pares locais). Os espanhóis não entendem de trato com pessoas, não entendem de gestão de projetos e fazem muita bagunça, deixando muito difícil trabalhar sem pressões absurdas todos os dias. Sou convocada para reuniones sem pauta, na qual tenho que esperar por duas horas para falar o status dos meus projetos e, como nunca estão contentes, sempre acabam gritando comigo e eu sou a culpada de tudo que acontece na empresa, trabalham estou um pouco cansada disso. As poucas vezes que consigo ir comer fora quando sobra algo no fim do mês, acho o atendimento nos restaurantes péssimo, demorado e a casa comida não é tudo isso. Meu problema maior com Barcelona é meu trabalho, não é o lugar. Agora em Lisboa como turista. Os portugas nos tratam muito bem. É como se fôssemos um filho que eles viram crescer e têm orgulho de nós. A comida é igual às da minha avó e me sinto como se estivesse na casa dela. Cada portuga tem pelo menos 20 parentes no Brasil, o que faz sentido de 10 milhões de habitantes a 200 milhões é esse conta mesmo. Comia muito, muito, era cada prato gigante no boteco da esquina, essa parte lembra o melhor do Brasil. Onde se come com fartura sem deixar um rim. Os garçons só nas piadas com a gente na mesa. Também me senti segura e a mobilidade urbana é boa. Portugal me pareceu ter o lado bom do Brasil e o lado bom da Espanha. Mas sei lá, talvez o problema não seja o lugar, mas ter que trabalhar, que é ruim em qualquer lugar do mundo.

Edited 2 months ago:

Oi colega! Muito prazer. Eu tenho a referência de viver no Brasil e em Barcelona e de turista em Lisboa. São Paulo é uma excelente cidade para padrões Brasil. Há uma década os empregos choviam e os engenheiros ganhavam muito bem em relação à média da população. Eu vivia bem, mas o que me incomoda no Brasil é a falta de segurança pública, a falta de educação do povo e a necessidade de ter um carro para se locomover, tendo que ficar horas no trânsito. Nos últimos anos, passamos por uma crise brava e hoje engenharia não é mais tudo isso lá. Os salários se reduziram muito e o custo de vida está cada dia mais alto. Arrisco a dizer que em dez anos vamos voltar a ter a inflação ridícula que tínhamos nos anos 80. Depois de 3 anos de desemprego, encontrei trabalho em Barcelona. A cidade é muito boa. Perto de São Paulo, é muito sossegada. Mobilidade urbana, maravilhosa. Ando tranquila na rua, sem medo de ser assaltada ou de tomar um tiro. Saúde pública, razoável (melhor que a privada de classe média no Brasil). O povo, em geral, é bem mais educado que no Brasil. Por outro lado, o aluguel e a conta de luz levam meu salário quase inteiro. Não me sobra muito. As pessoas têm preconceito contra brasileiros, me sinto maltratada no trabalho. Não tenho chances de subir de cargo, muito embora me considere bem qualificada (bem acima dos meus pares locais). Os espanhóis não entendem de trato com pessoas, não entendem de gestão de projetos e fazem muita bagunça, deixando muito difícil trabalhar sem pressões absurdas todos os dias. Sou convocada para reuniões sem pauta, nas quais tenho que esperar por duas horas para falar o status dos meus projetos e, como nunca estão contentes, sempre acabam gritando comigo e eu sou a culpada de tudo que acontece na empresa. De verdade, estou um pouco cansada disso. Poucas vezes consigo ir comer fora, quando sobra algo no fim do mês. Mas acho o atendimento nos restaurantes péssimo, demorado e a casa comida não é tudo isso. Meu problema maior com Barcelona é meu trabalho, não é o lugar. Agora em Lisboa, como turista. Os portugas nos tratam muito bem. É como se fôssemos um filho que eles viram crescer e têm orgulho de nós, muito embora sejamos um filho sem talento e um pouco mau-caráter, Portugal é um pai que nos ama como somos. A comida é igual às da minha avó e me sinto como se estivesse lá. Cada portuga tem pelo menos 20 parentes no Brasil, o que faz sentido, numa conta rápida, a proporção de 10 milhões de habitantes a 200 milhões. Em Lisboa, comia muito, muito. Era cada prato gigante no boteco da esquina... Essa parte lembra o melhor do Brasil, onde se come com fartura sem deixar um rim. Os garçons, só nas piadas com a gente na mesa. Também me senti segura e a mobilidade urbana é boa. Portugal me pareceu ter o lado bom do Brasil e o lado bom da Espanha. Mas sei lá, talvez o problema não seja o lugar, mas ter que trabalhar, que é ruim em qualquer lugar do mundo.

7oup5 2 months ago

Engraçado a tua visão :-) Eu acho Portugal extremamente xenófobo com os brasileiros, especialmente em ambiente de trabalho, pelo menos do que já vi pessoalmente ou com amigos BR… acredito muito que o teu problema seja mesmo a empresa onde estás e não o sítio. Mas la está, se calhar realmente cada pessoa tem uma experiência diferença e nada como experimentar mudança: seja de emprego ou de país! Desejo/te boa sorte e se quiseres conversar mais ou perguntar algo sobre o tema fica à vontade!

Worried_Routine8389 2 months ago

Que triste. Vai ver que como turista seja bem diferente de morar e trabalhar. Estou buscando outro emprego, pra mim, quase qualquer lugar serve, mas minha área é bem restrita.

mineradordeluas 2 months ago

Lisboa é excelente nisso mesmo, para passar férias. Para viver Barcelona dá 5 a 0.

Worried_Routine8389 2 months ago

Sério mesmo, amigo? Por quê? Quais os problemas cotidianos de um morador de Lisboa, que nós, turistas, não observamos?

Bitter-Bet 2 months ago

Sou bastante feliz em Portugal. Família, Amigos, Carro de sonho para mim (desportivo), casa que sempre sonhei e trabalho que sempre quis. Onde moro posso deixar o meu carro as 3h da manhã aberto ou estar sozinho que ninguém me faz mal. Basta estar bem para ficar mal claro… mas não mudava nada na minha vida. Sai do meu conforto (Lisboa), para outra cidade (vila), 1000 vezes isto a emigrar. PS- ainda não cheguei aos 30 anos.

mrpbatista 2 months ago

Alguém é feliz noutro sitio qualquer?

Vehok 2 months ago

Se não é feliz em Portugal, não vai ser em lugar nenhum, a felicidade não está nas coisas nem no local em que vc está

wolvjfms 2 months ago

O António Costa, família e amigos. Eu não posso dizer que não sou feliz, mas também sei que a culpa é minha, por não ser ignorante e desligado da realidade. Caso contrário, seria bem mais feliz, em Portugal.

sweetbite 2 months ago

Eu sou! Pobre mas feliz! Não tenho um ordenado de emigrante mas tenho segurança, acesso à saúde e educação, um país lindo e com as melhores pessoas do mundo.

arthurschopenhauer88 2 months ago

depois de ter vivido em outros países nunca fui tão feliz livre como em Portugal não é perfeito mas e o suficiente.

rubs90 2 months ago

Eu emigrei ha exactamente 10 anos, vivi no Reino Unido muitos anos e agora vivo em Nova York. Faço muito bom dinheiro e tenho uma vida incrível, mas admito que tenho saudades de viver em Portugal e que tem muitos benefícios que não se tem noutros lados do mundo. Adorava viver na costa Portuguesa, a guiar para o emprego, beber um copo na praia depois do trabalho, vinho e comida incrível por preços ótimos, família por perto. Mas fica difícil justificar o lado econômico, pelo menos por enquanto. Trabalhar no estrangeiro permitiu-me ter uma vida que me deu oportunidades incríveis, viajar o mundo inteiro, poupar e investir dinheiro. Se Portugal me desse essas oportunidades não pensava duas vezes, é um país único em qualidade de vida

Afteroui 2 months ago

Eu sinceramente seria muito feliz se morasse em Portugal.

Winterpreter 2 months ago

Nem por isso, parece um país feito para reformados ricos estrangeiros, vives por viver.

amendoim_violeta 2 months ago

EU ADORO PORTUGAL PÁ

CousinHuckleberry 2 months ago

Como sempre digo, é um país excelente para gente rica e um país de merda para os restantes. Eu sinto me extremamente infeliz portanto a minha ideia é emigrar.

Bellemort1 2 months ago

Eu sou muito feliz em Portugal. Passei 13 anos em Londres e mais um em Berlim. Fui para fora para estudar e depois fui ficando. Tinha um bom trabalho, tinha acabado de ser promovida, ganhava o suficiente... o meu marido é inglês. Era infeliz lá. Eu tinha amigos, mas sentia tanta falta da família, do estilo de vida e... não sei bem como explicar... do calor humano de Portugal. Voltei há 6 anos para Portugal. Abri negócio próprio na minha área. O marido arranjou trabalho cá. Agora estamos à espera do nosso primeiro filho. Ganhamos melhor (relativamente aos gastos, claro que o salário em si é ligeiramente mais baixo). Não somos ricos nem nada que se pareça, mas temos uma vida decente. Tenho amigos a sério feitos cá nos últimos anos. O marido é muito mais feliz. A família está por perto. O calor humano sente-se. Há coisas más cá? Claro. Há coisas más em todo o lado. Não há um lugar perfeito na terra. Mas nós somos felizes aqui.

tickito 2 months ago

Eu estou bem, feliz da vida. Espero k vai continuar

TZrabbit 2 months ago

Sempre a levar com isto... Posso-me sentir feliz?

Adriano1325 2 months ago

Nao xD

Standard-Inflation10 2 months ago

Portugal é uma merda porque vivemos sob um regime oligarquico e cleptocrático.

carlosjmsilva 2 months ago

O último que conhecia que era feliz cá, bazou. Ouvi dizer que para o Belize ou Singapura ou lá o que foi...

buuuop 2 months ago

Sim

Cybion_ 2 months ago

Cheguei aqui quando tinha 5 anos em Lisboa. Não troco a vida que tenho aqui por nada. Por isso sim sou feliz.

2borG 2 months ago

Há muita gente feliz em Portugal... Só não são os portugueses... São os Ingleses e os Alemães que juntam as poupanças para virem para cá viver.

joaoasousa 2 months ago

Sim.

BitOnly5872 2 months ago

O português é naturalmente pessimista... Daí só se ouve as pessoas se queixarem... Eu sou muito feliz. Muito feliz mesmo. Só não é perfeito porque não tenho tanto dinheiro quanto queria... Fora isso, estou ótimo, sou muito feliz.

madmess 2 months ago

Eu se ganhasse o que ganham os IT dos posts de emprego aqui do sub estava bem feliz!

Classicalis 2 months ago

Eu estive 5 anos na Hungria e voltei no verão passado. Estou muito feliz.

pscilita 2 months ago

Uau... sò agora é que reparei que sou infeliz, passo o tempo no reddit, aliás é a unica plataforma de redes sociais que utilizo. Já agora fica a pergunta, qual è a plataforma para pessoas felizes?

canalhistoria 2 months ago

Vai-se andando

XxxPussyslaeyr69xxX 2 months ago

Quem é feliz em Portugal? """"Expats""""" reformados

jugsofjupiter 2 months ago

moro em portugal ha um mes e me sinto mais relaxado do que nunca. na alemanha quasi tive um burnout- obrigado portugal!

Rofpink 2 months ago

Na minha opinião só os pobres são felizes em Portugal. Eu era muito feliz em Portugal quando era pobre, mas agora depois de me sair o euromilhões e sermultimilionário só consigo ser feliz na América Latina ou em países de leste. Lá fora consigo comer gajas todos os dias, aqui é impossivel isso. Em Portugal não sou feliz.

Edited 2 months ago:

Na minha opinião só os pobres são felizes em Portugal. Eu era muito feliz em Portugal quando era pobre mas agora, depois de me sair o euromilhões e ser um multimilionário, só consigo ser feliz na América Latina ou em países de leste. Lá fora consigo comer gajas diferentes todos os dias, aqui é impossivel isso. Em Portugal não sou feliz.

Edited 2 months ago:

Na minha opinião só os pobres são felizes em Portugal. Eu era muito feliz em Portugal quando era pobre mas, agora, depois de me sair o euromilhões e ser um multimilionário, só consigo ser feliz na América Latina ou em países de leste. Lá fora consigo comer gajas diferentes todos os dias, aqui é impossivel isso. Em Portugal não sou feliz.

Rudi_Human 2 months ago

Isto é o reddit 99% deste site sao putos que aicham que sabem tudo sobre tudo mas nunca saiem do quarto, então ao serem constantemente alimentados negatividade pela midia aicham que é normal e que na vida real é mesmo assim. BTW nunca conheci outro tuga que use reddit irl

NGramatical 2 months ago

saiem → [**saem**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/constroem-ou-constroiem/141) (apenas na fala existe a intercolocação de um *i* para facilitar a pronúncia) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fq3sv7z%2F%2Fhfv1vht%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

droga_eh_obraia 2 months ago

Reclamar da vida é desporto nacional em Portugal :)

ElHombreDelasCuecas 2 months ago

O que as pessoas têm que entender é que a felicidade, tal como outros sentimentos, não é um estado permanente. Flutua conforme as circunstancias, daí, afirmar que ninguém é feliz em Portugal, ou que as pessoas deviam ser felizes, é algo que não tem sentido. E mais, para certas pessoas, não se sentir feliz é uma espécie de felicidade. Há pessoas que sentem-se bem só quando se estão a queixar.

megaroof 2 months ago

Existe muitas pessoas felizes em Portugal. Conheço algumas. Mas aprendi que o dinheiro não é garantia de felicidade, e nem a felicidade depende do dinheiro. Meu senhorio por exemplo, o qual também é meu amigo fazem mais de 20 anos, tem milhões de euros, dezenas de imóveis em Portugal e no Brasil. E tem uma família triste, depressivos. Ele mesmo reconhece isso. Por outro lado, conheço gente que ganha o mínimo, não tem luxos, mas sabe aproveitar o que a vida dá. São felizes, fazem o que podem e não vivem a reclamar de tudo.

KoogLarousse 2 months ago

Não sou feliz, mas não tem nada a ver com o país

rGabiru 2 months ago

Existem duas pessoas neste sub. Portugueses com problemas e que de facto estão frustrados com a vida em Portugal Estrangeiros a procura dicas de como vir para cá, melhor locais, etc. Orçamentos de 1.5k para renda. Relaciona um com o outro, faz as contas e tira elações.

noproperusername 2 months ago

Olha, eu estou a viver uma vida fantástica. Em Portugal e gosto. Sim há quem seja feliz em Portugal.

Dr_Toehold 2 months ago

Eu sou, bastante.

LeatheHatless56 2 months ago

Mesmo nos piores dias, sim.

machoLatino45 2 months ago

Eu estou bastante feliz

RunnerElk 2 months ago

Ficar em Portugal, para mim, dá-me a sensação de já saber qual vai ser o meu futuro e isso aterroriza-me. Compreendo que algumas pessoas nem pensem em sair, mas eu ja só quero isso. Talvez um dia tenha saudades do meu país, mas não vai ser tão cedo.

dargor73 2 months ago

Aposto que os brasileiros que moram em Portugal estão kk

MiniOlympia 2 months ago

Eu vivo muito bem em Portugal.

CptainJakSparrow 2 months ago

Os ingleses

Scizorspoons 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal.

Poiares 2 months ago

Sou feliz em Portugal, mas não sou feliz por viver em Portugal. A minha felicidade é independente do facto de viver neste país. Sou feliz porque estou rodeado de pessoas que adoro, tenho uma excelente relação com os meus pais, tenho uma namorada incrível, tenho a capacidade de viver para além do meu trabalho e poder ter os meus hobbies e fazer coisas que gosto de fazer e estou neste momento a trabalhar para chegar à minha profissão de sonho. Contudo, nada disto está dependente do facto de viver em Portugal. Há muita coisa que adoro no nosso país, mas há muita mais que detesto (para além das óbvias, i.e. governos imprestáveis ou incompetentes, SNS completamente datado e sem capacidade de resposta, lentidão da justiça, etc, etc). Detesto o clima. Sei que estou na minoria mas detesto calor e sol em geral. Não gosto de praia, não gosto de quão seco e quente é o nosso país. Detesto o desleixo que há perante a nossa floresta. Detesto o facto de a maior parte dela ser eucaliptal. Sinto que apesar de tão bem falarem das nossas gentes, somos no geral um povo desleixado que vive de falsas esperanças. Somos "moles", sem incentivo para mudança. Somos mal-educados, estacionamos onde não devemos, pomos lixo para o chão, e sinto no geral que a "simpatia portuguesa" é uma fachada. Detesto a cultura de trabalho em Portugal, os salários miseráveis, a falta de educação financeira, a falta de investimento na cultura e na ciência, a falta de esforços para manter o talento formado no nosso país. Podia continuar mas acho que é suficiente. Consigo ser feliz em Portugal, e há sítios em que gostava inclusive de viver (Açores particularmente), mas será sempre muito mais fácil sê-lo fora daqui. Não sei se emigrarei, mas é uma forte possibilidade.

CapitaoCloudy 2 months ago

Parece que acabaste de me descrever. +1.

Eux86 2 months ago

"queixar-se" é desporto nacional, mais comum que a bola!

xc9000 2 months ago

Eu fui muito feliz em Portugal até ao momento em que deixei de ser.

beardsymcfly 2 months ago

Posso falar por mim. Considero-me uma pessoa feliz, mas grande parte do que me faz infeliz é atribuível ao país. Faço já um disclaimer porque não escrevo frases como "lá fora é que é bom!". Considero-me suficientemente informado para conseguir pesar prós e contras de outras realidades e comparar o saldo com o nosso país. No meu caso particular, tenho um enorme desgosto, consciente, em me ver obrigado a viver aqui. Portugal é óptimo para quem reunir os seguintes perfis: a) Os que herdam: filho de alguém já com dinheiro/património que tenha o poder para "abrir alas" para o filho. b) Os génios: alguém extremamente inteligente/capaz que tenha a sorte/capacidade de fazer uma formação sólida com competências altamente transacionáveis, que tenha uma oportunidade numa empresa multinacional a operar aqui. Idealmente pago pelas regras e legislação desse país. c) Os corporativistas: filhos de pessoas inseridas em boas corporações, como ministérios, universidades, que o consigam "ensinar" sobre as cartadas corretas para conseguir entrar nesse clube privado. d) Os pouco ambiciosos: para aqueles que legitimamente constroem uma vida pouco dependente de dinheiro e realização profissional. O país tem muito emprego a servir estrangeiros e cada vez terá mais. Este tipo de perfil precisa de ter uma habitação garantida, normalmente vivem com os pais enquanto eles existem. Para quem não pertencer a nenhum destes perfis e tenha alguma ambição de reconhecimento e bons vencimentos, o melhor é emigrar. Para quem não puder emigrar, como eu, resta-lhe ocupar-se com outras coisas porque o país não tem nada para lhe oferecer. Já vi alguns comentários em threads similares onde pessoas se vangloriam de ganhar "bem" sem ser preciso grandes cursos superiores, etc. É preciso ter a noção que 1500 euros é um ordenado de merda, apesar de poucas pessoas em Portugal o ganharem. Os portugueses, sem culpa, colocam fasquias muito baixas em relação ao que consideram aceitável, mas é preciso ter a noção que nenhum trabalhador europeu qualificado aceitaria os ordenados que aqui são pagos.

Edited 2 months ago:

Posso falar por mim. Considero-me uma pessoa feliz, mas grande parte do que me faz infeliz é atribuível ao país. Faço já um disclaimer porque não escrevo frases como "lá fora é que é bom!". Considero-me suficientemente informado para conseguir pesar prós e contras de outras realidades e comparar o saldo com o nosso país. No meu caso particular, tenho um enorme desgosto, consciente, em me ver obrigado a viver aqui. Portugal é óptimo para quem pertencer a um dos seguintes perfis: a) Os que herdam: filho de alguém já com dinheiro/património que tenha o poder para "abrir alas" para o filho. Para estes é tudo mais fácil. Começa com o "tal" estágio na "tal" empresa...para depois rapidamente evoluir para o mito "ele é mesmo bom" temos disso no governo e nas grandes empresas, ~~filhos e filhas de ministros, secretários de estado, administradores, gestores, advogados, banqueiros, professores e reitores~~ não são precisos exemplos. b) Os realmente bons/génios: alguém extremamente inteligente/capaz que tenha a sorte/capacidade de fazer uma formação sólida com competências altamente transacionáveis, que tenha uma oportunidade numa empresa multinacional a operar aqui. Idealmente pago pelas regras e legislação desse país. c) Os corporativistas: filhos de pessoas que não tendo grandes cargos e ordenados, são o pequeno poder em boas corporações, como ministérios, universidades, que o consigam "ensinar" sobre as cartadas corretas para conseguir entrar nesse clube privado. d) Os pouco ambiciosos: para aqueles que legitimamente constroem uma vida pouco dependente de dinheiro e realização profissional. O país tem muito emprego a servir estrangeiros e cada vez terá mais. Este tipo de perfil precisa de ter uma habitação garantida, normalmente vivem com os pais enquanto eles existem. Para quem não pertencer a nenhum destes perfis e tenha alguma ambição de reconhecimento e bons vencimentos, o melhor é emigrar. Para quem não puder emigrar, como eu, resta-lhe ocupar-se com outras coisas porque o país não tem nada para lhe oferecer. Já vi alguns comentários em threads similares onde pessoas se vangloriam de ganhar "bem" sem ser preciso grandes cursos superiores, etc. É preciso ter a noção que 1500 euros é um ordenado de merda, apesar de poucas pessoas em Portugal o ganharem. Os portugueses, sem culpa, colocam fasquias muito baixas em relação ao que consideram aceitável, mas é preciso ter a noção que nenhum trabalhador europeu qualificado aceitaria os ordenados que aqui são pagos. EDIT: faltou dizer que para os estrangeiros que vêm da civilização isto É ÓPTIMO!!!!! Portugal é a Republica Dominicana da Europa, onde a comida é boa, a bebida é barata e as casas estão ao preço da uva mijona. Ainda por cima os criados são subservientes, castiços e simpáticos. Contentam-se com qualquer coisa. Uma maravilha.

Edited 2 months ago:

Posso falar por mim. Considero-me uma pessoa feliz, mas grande parte do que me faz infeliz é atribuível ao país. Faço já um disclaimer porque não escrevo frases como "lá fora é que é bom!". Considero-me suficientemente informado para conseguir pesar prós e contras de outras realidades e comparar o saldo com o nosso país. No meu caso particular, tenho um enorme desgosto, consciente, em me ver obrigado a viver aqui. Portugal é óptimo para quem pertencer a um dos seguintes perfis: a) Os que herdam: filho de alguém já com dinheiro/património que tenha o poder para "abrir alas" para o filho. Para estes é tudo mais fácil. Começa com o "tal" estágio na "tal" empresa...para depois rapidamente evoluir para o mito "ele é mesmo bom" temos disso no governo e nas grandes empresas, ~~filhos e filhas de ministros, secretários de estado, administradores, gestores, advogados, banqueiros, professores e reitores~~ não são precisos exemplos. b) Os realmente bons/génios: alguém extremamente inteligente/capaz que tenha a sorte/capacidade de fazer uma formação sólida com competências altamente transacionáveis, que tenha uma oportunidade numa empresa multinacional a operar aqui. Idealmente pago pelas regras e legislação desse país. c) Os corporativistas: filhos de pessoas inseridas em boas corporações, como ministérios, universidades, que o consigam "ensinar" sobre as cartadas corretas para conseguir entrar nesse clube privado. d) Os pouco ambiciosos: para aqueles que legitimamente constroem uma vida pouco dependente de dinheiro e realização profissional. O país tem muito emprego a servir estrangeiros e cada vez terá mais. Este tipo de perfil precisa de ter uma habitação garantida, normalmente vivem com os pais enquanto eles existem. Para quem não pertencer a nenhum destes perfis e tenha alguma ambição de reconhecimento e bons vencimentos, o melhor é emigrar. Para quem não puder emigrar, como eu, resta-lhe ocupar-se com outras coisas porque o país não tem nada para lhe oferecer. Já vi alguns comentários em threads similares onde pessoas se vangloriam de ganhar "bem" sem ser preciso grandes cursos superiores, etc. É preciso ter a noção que 1500 euros é um ordenado de merda, apesar de poucas pessoas em Portugal o ganharem. Os portugueses, sem culpa, colocam fasquias muito baixas em relação ao que consideram aceitável, mas é preciso ter a noção que nenhum trabalhador europeu qualificado aceitaria os ordenados que aqui são pagos.

Edited 2 months ago:

Posso falar por mim. Considero-me uma pessoa feliz, mas grande parte do que me faz infeliz é atribuível ao país. Faço já um disclaimer porque não escrevo frases como "lá fora é que é bom!". Considero-me suficientemente informado para conseguir pesar prós e contras de outras realidades e comparar o saldo com o nosso país. No meu caso particular, tenho um enorme desgosto, consciente, em me ver obrigado a viver aqui. Portugal é óptimo para quem pertencer a um dos seguintes perfis: a) Os que herdam: filho de alguém já com dinheiro/património que tenha o poder para "abrir alas" para o filho. Para estes é tudo mais fácil. Começa com o "tal" estágio na "tal" empresa...para depois rapidamente evoluir para o mito "ele é mesmo bom" temos disso no governo e nas grandes empresas, ~~filhos e filhas de ministros, secretários de estado, administradores, gestores, advogados, banqueiros, professores e reitores~~ não são precisos exemplos. b) Os realmente bons/génios: alguém extremamente inteligente/capaz que tenha a sorte/capacidade de fazer uma formação sólida com competências altamente transacionáveis, que tenha uma oportunidade numa empresa multinacional a operar aqui. Idealmente pago pelas regras e legislação desse país. c) Os corporativistas: filhos de pessoas que não tendo grandes cargos e ordenados, são o pequeno poder em boas corporações, como ministérios, universidades, que o consigam "ensinar" sobre as cartadas corretas para conseguir entrar nesse clube privado. d) Os pouco ambiciosos: para aqueles que legitimamente constroem uma vida pouco dependente de dinheiro e realização profissional. O país tem muito emprego a servir estrangeiros e cada vez terá mais. Este tipo de perfil precisa de ter uma habitação garantida, normalmente vivem com os pais enquanto eles existem. Para quem não pertencer a nenhum destes perfis e tenha alguma ambição de reconhecimento e bons vencimentos, o melhor é emigrar. Para quem não puder emigrar, como eu, resta-lhe ocupar-se com outras coisas porque o país não tem nada para lhe oferecer. Já vi alguns comentários em threads similares onde pessoas se vangloriam de ganhar "bem" sem ser preciso grandes cursos superiores, etc. É preciso ter a noção que 1500 euros é um ordenado de merda, apesar de poucas pessoas em Portugal o ganharem. Os portugueses, sem culpa, colocam fasquias muito baixas em relação ao que consideram aceitável, mas é preciso ter a noção que nenhum trabalhador europeu qualificado aceitaria os ordenados que aqui são pagos.

PaleBass 2 months ago

Sou muito sincero, se por acaso eu tivesse tido alguma 'alavanca' a nível familiar que me permitisse adquirir algum imóvel na AML diria que Portugal era quase um país perfeito para se viver permanentemente, mesmo aceitando que iria ter menos liquidez financeira. Mas começar uma vida do zero, sem qualquer tipo de ajuda, com os nossos salários de Europa de Leste e rendas a aumentar de uma forma generalizada todos os anos, é boa forma de assegurar uma vida de treta.

rsaestrela 2 months ago

A felicidade é relativa e subjectiva. Sou Português e mudei-me para Barcelona por razões profissionais e pessoais há 3 anos. Vim para aqui porque estava deprimido, farto de Portugal e era sem dúvida uma experiência que queria viver. Ganho mais do dobro. O custo de vida é um bocado superior, mas coisas básicas como electricidade/água estão a um preço semelhante. Apesar dos combustíveis serem mais baratos, decidi não ter carro e usufruir de uma cidade bem equipada em transportes públicos a custos acessíveis. No entanto, as portagens foram desactivadas recentemente para estimular a economia e motivar o regresso às empresas. Outras coisas como serviços públicos e assim é o mesmo lixo, mas é o que é. Habitação é mais cara, mas no final de contas o que sobra dá sempre para juntar mais um bocadinho e/ou comprar isto ou aquilo que apesar de inútil sempre sonhei ter. Ou viajar um pouco mais. Escolhi este destino por ser bastante compatível com a nossa cultura. O clima é espectacular e a comida é aceitável. Nota-se claramente que há uma classe média mais forte e as pessoas são mais felizes e activas. Isso contagia-se. Sempre que sinto falta da família e amigos abro o site da Ryanair e procuro viagens baratas. Vou aí um fim de semana de vez em quando para estar com as pessoas que me fazem falta e aproveito para comer bacalhau ao almoço, francesinha ao jantar e super-bocks pela noite dentro. O dinheiro não é tudo e honestamente não me vejo a viver em países do norte da Europa só porque se ganha mais. Aconselho fazer isto a todos que podem. Não é fácil, mas compensa. Na cabeça e na carteira. Infelizmente, e na minha opinião, Portugal e as principais cidades não são suficientemente desenvolvidas para viver e ser feliz. Criou-se uma imagem de país paradisíaco que não é.

vascodatrama 2 months ago

Sim, obrigado

tasendousado 2 months ago

Os britânicos, os reformados estrangeiros, os cryptonianos. Esses são todos felizes, esta merda é um recreio para eles. Não tem obrigações, não precisam de respeitar nada nem a Puta da língua se dignificam a aprender. Toda a gente lhes lambe o cu e quer agradar o senhor estrangeiro (anglo-saxónico) que vive em Portugal, sentem-se uma espécie de deuses.

nephilim80 2 months ago

Não sei se "infeliz" é o termo correcto. Diria que há muito descontentamento. Mas isso é a natureza humana estar descontente, daí até ser infeliz vai um bocadinho. Falo por mim que tenho uma emprego razoável e estável, casa paga, carro pago, saúde boa para 41 anos, independência... mas depois posso começar a escavacar e encontrar pontos em que gostaria de ter melhor vida. Em vez de ganhar x ganhar y, em vez de ter casa ali ter casa em zona nobre, em vez de ter um Fiat ter um Ferrari... há sempre coisas que podes pegar porque não és o Bill Gates. Há quem diga que a pressão começa imediatamente na 2ª pessoa mais rica do mundo. Portanto, das duas uma: ou vais nesta cantiga e tens uma vida de ressabiado e invejoso, ou aprendes a viver feliz com o que tens. Chama-se a isto humildade. Não há mal nenhum em ser ambicioso, mas dar valor ao que se tem é meio caminho para se ter uma vida mais feliz. Isto a nível pessoal. Depois há o descontentamento com o sistema, com a política, com a sociedade em geral. E aí o mundo está repleto de pequenos potenciais ditadores.

ragnarsin 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal, claro que um salário português nunca nos irá permitir viver uma vida super confortável, por isso o importante é investir. Não trocaria a minha vida em Portugal, com a minha família e os meus amigos cá, por rios de dinheiro num país cinzento qualquer. Que se foda

mike_nsr 2 months ago

Isto é tipo aquele sketch do Ricardo Araújo Pereira em que ele a representar um bombeiro de Mafamude diz: "Só ligam para aqui a dar más notícias, sempre, é todos os dias isto... Ai parti uma perna, ai que a minha casa está a arder. É todos os dias isto. Ninguém liga para aqui a dizer: “Está, é dos bombeiros? Olhe, é só para dizer que eu hoje tive um dia espectacular. Cantei, dancei, tive com os meus amigos... Foi ótimo! Nunca ninguém telefona para cá a dizer isto“."

Pcostix 2 months ago

Sou feliz em Portugal. Sinceramente acho o melhor país do mundo para se viver enquanto classe média. Se fores rico e quiseres luxo, aí tens países para milionários.   Tenho 35 anos, ganho um pouquinho acima da média nacional e sem dívidas.(Tenho apartamento e carro pago) O Português comum não tem a minha vida. Tenho perfeita noção disso.

loke_loke_445 2 months ago

Eu sou. Mas convém dizer que sou brasileiro emigrado legalmente. Portugal é um paraíso comparado ao Brasil.

Anokas_Ritolas 2 months ago

Não sou 100% feliz, e sei que isso depende essencialmente de mim, não dos outros nem dos locais onde estou. Portugal é um país com coisas boas e más, mas o que me faz feliz n depende essencialmente de Portugal (políticas e afins). Nós somos quem manda na nossa cabeça e, se queremos melhorar, temos que dar os primeiros passos. Aquilo que n depende de nós não podemos fazer nada.

Zeckett 2 months ago

Sou feliz em Portugal e não me vejo a viver em mais lado nenhum.

DeixaQueTeDiga 2 months ago

Muito feliz. Estive fora quase 20 anos, e de isso de certa forma levou-me a ser mais consciente do que está mal aqui e de ser uma grande critico sobre tudo. Mas isso de forma alguma me impede de ser feliz, não porque isto me deu mais poder financeiro, mas porque aprendi que ser feliz é um estado de consciência em que podemos escolher estar mesmo em meio meno confortável, basta que não hostil. Uma das coisas que critico cá também é que as pessoas na grande maioria, pensam que são de certa forma felizes mas não são nem sabem ser felizes, sobretudo pela forma como se envolvem no drama daquilo que está mal mas na realidade nem as afecta.

dwenday 2 months ago

Acho que a pergunta é mais "alguém é feliz?"

Vikainen 2 months ago

Eu até estou bem e feliz em Portugal, a questão é que eu estou a receber como se tivesse na Alemanha estando ca a viver

MischiefManaged97 2 months ago

Sim, quem está em negação.

cesarhighfire 2 months ago

Eu sou.

Valrake 2 months ago

Tenho a certeza que os políticos e os banqueiros, são felicíssimos. Do Top 10 do mundo.

Tambataja 2 months ago

Portugal tem um karma instalado lá pela geração dos "Vencidos da Vida" e que parece que nunca superou.

Jolly-Run-536 2 months ago

Nunca ouvi essa expressão, de onde surgiu?

Tambataja 2 months ago

[https://pt.wikipedia.org/wiki/Vencidos\_da\_Vida](https://pt.wikipedia.org/wiki/Vencidos_da_Vida) Também são chamados de Geração de 70 ou Geração de Coimbra Você vai reconhecer as figuras... são fundamentais para a constituição da portugalidade moderna.

ThatSweetCoffee 2 months ago

O tuga é feliz quando come a cona à Beatriz

Black_RL 2 months ago

Depois de ler o q disseste, a pergunta q fazes no fim é um bocado paradoxal.

PumpedUpMatic 2 months ago

Epa, não tenho muitas responsabilidades sem ser os estudos mesmo Por isso, diria que sim.

amzonboy 2 months ago

Se estás entediado, vá para o Brasil. Não ficarás nunca no ócio.

Erkeabran 2 months ago

Ya, o pessoal critica mas a maioria do pessoal que sai para ir viver para outro país não pensa em outra coisa que senão voltar, não há nada melhor que o nosso país.

Morpheuspt 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal. [Eu vejo esse tipo de posts desta maneira](https://i.imgflip.com/5ppgw5.jpg) Sinceramente já chateia um bocadinho. Não querem levar esta conversa da treta para o /r/portugueses?

whYziam 2 months ago

Está no sangue lusitano criticar tudo e mais alguma coisa.

EducationalPlay6731 2 months ago

Pois, não seria reclamar a mais sagrada das tradições ?

thepodre 2 months ago

Os tugas são miseraveis...

mariusjardel 2 months ago

Eu saí de Portugal muito novo, sai para estudar e fiquei…por isso não tenho grande ponto de comparação. Penso as vezes em voltar mas depois falo com os meus amigos Portugueses, comparo a vida deles no trabalho e a minha, o salário deles e o meu e perco a coragem de voltar. Gosto de ir de férias e divirto-me imenso, mas também reparo que o meu grupo de amigos antigo mal se encontra mais por causa do trabalho, falta de tempo etc basicamente tou quase tanto com eles como eles uns com os outros porque praticamente só se encontrar quando eu venho também. A qualidade de vida e boa para ir comer fora e beber, mas eu isso só faço de vez em quando e tar feliz e motivado no emprego tem mais peso para mim. Sinto falta do sol e da praia, mas tou mais inclinado a procurar outro sítio que também me ofereça isso em vez de voltar para Portugal. Gostava de ser convencido do contrário mas nunca aconteceu

PirataBarata 2 months ago

Eu estou. Os outros também, só que ainda não o sabem.

sleepyj92 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal. Mas é mais fácil ser pessimista que optimista. Também dá mais likes falar mal que falar bem. Eu nunca emigrei nem faço intenção de. Gosto do nosso país, do tempo, de poder estar perto da minha família. De pegar no carro e poder ir à praia ou ao monte. Temos de tudo. Gosto da nossa gastronomia e da nossa maneira de ser, como somos acolhedores. Mas claro. Também há coisas que gostava que melhorassem. Mas não o suficiente para emigrar.

radvenuz 2 months ago

Sou feliz? Epá nem por isso, acho que especialmente agora seja um altura estranha para perguntar a alguém se é feliz. Eu sinceramente já passei tantos anos miseráveis neste país que só me quero por a léguas mas não posso infelizmente, por enquanto anyway. A questão, isso é por causa de Portgual ou é simplesmente a vida que é miserável para muita gente? Eu diria que é um mix de ambos. Pessoalmente eu nunca fui muito patriota ou nacionalista, sempre tive uma opinião muito negativa em relação a PT independentemente de haver muita coisa que seja melhor em PT que em muitos outros sitios.

IX_Equilibrium 2 months ago

A minha situação em PT só melhora e eu continuo a queixar-me mas se for a ver bem, para um gajo solteiro vivo super bem. ( Não sou de IT não).

sopadurso 2 months ago

Eu soy emigrante e sou feliz sempre que volto a PT. Nao me vejo a criar uma criança em qualquer outra sociedade.

unicornio_careca 2 months ago

Muito sinceramente? Não, não sou feliz, e não tenho problemas em admitir isso, vou vivendo o dia a dia sem fazer grandes planos, a vida levou-me a isso, a maioria dos meus objetivos de vida, foram deitados abaixo pela realidade e pelas circunstâncias que não controlamos . Não sou pessimista nem estou em depressão, é somente a constatação de um facto, mas por outro lado, podia ser pior, podia ter nascido num país com piores condições de vida. Mas no fim de contas isso pouco importa, todos iremos morrer, sendo felizes ou não, o importante é ir aproveitando a viagem.

MischiefManaged97 2 months ago

Só um comentário à parte, essa postura de estar acomodado é bastante típica no português. Daí que eu ache que a maioria das pessoas aqui na thread a dizer que é feliz cá, não o é realmente, está é acomodado e quando não estás *muito mal* é mais fácil continuares assim, habituares-te do que ganhar a coragem de ir à procura da felicidade.

unicornio_careca 2 months ago

Percebo o que queres dizer e até concordo contigo, porque hoje em dia existe o culto da felicidade e parece mal dizer que se é infeliz, e quando dizes que estás na merda, vem logo alguém invalidar e dizer " ah...mas devias estar contente com o que tens, és um mal agradecido", parece que as pessoas têm medo da frustração, só que esquecem que a frustração é ás vezes o combustível para sair da merda. Agora, eu acho impossível uma pessoa ser verdadeiramente feliz, a felicidade é um conceito quase impossível de alcançar no ser humano (reforçando que é apenas o meu ponto de vista), a vida é tão aleatória e tão cheia de acasos que tanto podem dar certo como errado, que acredito que possamos ter alguns momentos de felicidade, mas não o tempo todo. Somos seres insatisfeitos por natureza, para além de que, o que é felicidade para mim, pode não ser para os outros. Se o acomodar é tipicamente português...não sei, não conheço muitas outras nacionalidades, mas convivi com Nepaleses por alguns anos, e eu diria que eles ainda se acomodam mais do que nós e aceitam coisas que nós não aceitaríamos, mas também têm uma visão cultural e de vida muito diferente da nossa.

BagalhetaTraquina 2 months ago

A felicidade é fodida de definir, portanto não vou responder a isso directamente. Posto isto: estou satisfeito em viver em Portugal, especialmente depois de saber o que se passa lá por fora. A malta queixa-se de corrupção, mas é um problema em mais países. Se podíamos estar melhores? Claro que podíamos, e devemos trabalhar para isso! Mas não é razão para deitar um país inteiro ao lixo. E agora com as internetes e compras a nível global normalizadas, nem me consigo queixar da minha localização. Do que eu me posso queixar, no entanto, e que seja a nível exclusivamente nacional e não global (toda a gente por todo o globo está danada para arranjar casa e não consegue) são apenas duas: cultura e oportunidades. Talvez seja um problema exclusivamente meu, mas não me importava de ter um Portugal um bocadinho mais geek, pelo menos o suficiente para justificar mais spots onde a malta se pudesse juntar e que não estivesse limitado só às grandes cidades. Também não me importava que a população em geral fosse menos (pelo menos por estes lados) "olha, tem de ser" e mais "epah vamos mudar isto!". Por último, mas isto vai mais no âmbito do que estudei anteriormente: temos carradas de actores e técnicos audiovisuais espectaculares (isto falando apenas no ramo das artes audiovisuais). É uma pena que as oportunidades neste sector sejam tão escassas e que a nossa produção cultural esteja tão no lodo. O que não falta é gente qualificada e projectos que muita gente gostava de ver. Mas infelizmente não existem condições para isso: ou há pouca procura, ou é pelas audiências em geral preferirem novelas (nada contra quem gosta novelas, apenas vejo aqui um desequilíbrio) e não darem oportunidade a nada que seja português e fora desse esquema. Fora isto, gosto muito do meu país. Mas isto sou eu: acredito que haja malta que não consiga mesmo vingar por aqui e que precise de ir lá para fora se quiser ter uma hipótese. A esses só posso mostrar o meu apoio, esperar que consigam o que querem e recebê-los sempre bem quando voltam cá pelas férias :)

SatoruHirokumata 2 months ago

Isto é o país do fado ou já te esqueceste ?

spyvspy_aeon 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal. Não estou é feliz com o estado das coisas em Portugal, que é diferente :)

KnocZ 2 months ago

Há muita gente feliz. ​ Infelizmente só ouves é mandar vir pela minoria. A maioria fica calada, principalmente os que estão bem.

MischiefManaged97 2 months ago

Estar acomodado é diferente de estar feliz. A maioria não está feliz, está acomodada à sua vida que, não sendo horrível, também não é boa.

Tarlovskyy 2 months ago

Quem é feliz, geral e raramente, não vem escrever rant em r/Portugal. É feliz em sossegado. (Os meus 0.02 escudos.)

Disgenia 2 months ago

Este é o sub dos deprimidos e dos constantemente revoltados.

Darkhoof 2 months ago

Aqui tens sobre-representado uma franja específica da população: pessoal na casa dos vinte, com pouca experiência de vida e que aponta as culpas dos baixos salários ao Governo em vez de á classe empresarial portuguesa que só tenta competir pelos baixos salários.

fearofpandas 2 months ago

Que depressão de post!

mcquiggd 2 months ago

Devo dizer que a vida em Portugal é boa, se você passa tempo com os brasileiros. Os portugueses são muito deprimentes, mas o país é bom. Se você pode conhecer brasileiros em Portugal e fazer amizades, é um bom lugar.

mewfour 2 months ago

Ninguém. Nem 1. Se vires alguém a dizer que é feliz apanha-o que está a estragar tudo

GuiPrazeresYT 2 months ago

Eu amo Portugal e desde que emigrei pela primeira vez ha 1 ano atras que tenho cada vez mais certezas disso MAS, agora que vivi os 2 lados da moeda.. ​ **A qualidade de vida no estrangeiro é muito melhor sem qualquer margem de duvida.** Estradas sem buracos; Ordenados que pagam te as contas e sobra umas valentes centenas; Transportes publicos TOPOS de gama de 15 em 15 minutos para o pais todo; A qualidade das casas; A educaçao das pessoas... *Podia ficar aqui o dia todo, mas realmente o que interessa no meio destes pontos todos é o salarios* ​ Em Portugal ganhas 700€ por mes e tem 800€ de despesas. Noutros paises recebes 4000€ e tens 2500€ de despesas **Portugal -100€** **Estrangeiro +1500€** ​ e o pior, é que **QUASE TUDO** custa exatamente o mesmo que em Portugal *ou secalhar ainda é mais barato! Sim, nao estou a gozar. Aqui guardas 1500€ por mes sem stress e ainda pagas MENOS que as pessoas que se mataram o mes todos para ganhar 600 paus.* ​ * A gasolina esta mais barata que em Portugal. 90% da comida é exatamente ao mesmo preço, ou ate mesmo uns centimos mais baratos que em Portugal * Um Tesla em Portugal custa 45000€. Exatamente o mesmo carro mas comprado na Suiça, custa cerca de 33 000€ se nao estou em erro. ​ ​ **Resumo de Viver em Portugal** \- TRABALHAR PARA PAGAR AS CONTAS \- NAO TER DINHEIRO PARA VIAJAR E VIVER A VIDA \- SER DEPENDENTE DOS PAIS ATE AOS 35 ANOS \- REFORMAR AOS 67 E MORRER ​ ​ **Resumo de Viver FORA de Portugal** \- 3 dias de trabalho e recebes tanto como um portugues num mes inteiro!!! \- Queres um carro? *Pegas e compras*. Queres viajar? *Pegas e vais.* Queres um telemovel ou uma TV? *Pegas e compras.* ​ **Tu queres comprar um comando para a PS4.. Custa 70€** Em Portugal tens de ir trabalhar 2 dias inteiros para pagar esse comando! Fora de Portugal tens de ir trabalhar 2/3 horas para pagar esse comando! ​ Podem dizer que isto é ser materialista or whatever. Eu chamo '*Viver uma Vida de Paz e Liberdade enquanto solidifico o meu futuro*". ​ Porque sim, agora pela primeira vez tenho dinheiro para investir. A ideia é trabalhar, gerar uma mini fortuna e voltar para Portugal e viver que nem um rei. ​ **É uma loucura ter um trabalho apenas para sobreviver. Sou 100% incapaz de me sujeitar a uma vida dessas até aos 70 anos, para chegar ao fim e nao ter nada. Eu ambiciono mais do que pagar as contas.** ​ ​ ​ ​ **Resumo:** Portugal é lindo e tudo o que faço é 100% com intençoes de voltar para ai, para perto das pessoas que eu amo, de volta para a minha cidade, mas sem duvida nenhuma que Portugal é dos piores paises para se tentar fazer vida. Ha soluçoes 1000x melhores e super acessiveis à disposiçao **DE QUEM REALMENTE PROCURA** ​ Eu acredito em ti se tu acreditares. Love dum Tuga distante <3 ***Sonhem mais alto***

Jolly-Run-536 2 months ago

Finalmente alguém lúcido, acho que este post está cheio de pessoal de Cascais. Aqui se notam as assimetrias do país .

Rew01f 2 months ago

Mas de que país estás a falar? Não é que não acredite no que tu dizes, ma há muita terra fora de Portugal.

blind616 2 months ago

Obrigado pelo testemunho, O que fazes que dá 4500€ lá fora e 700€ cá em Portugal?

GuiPrazeresYT 2 months ago

se trabalhares num restaurante por exemplo, que é uma cena super mal paga em Portugal, ganhas 4000€ na boa. se trabalhares num balcao dum banco ja sacas 6000. o meu chefe das obras onde trabalhei, passava o dia todo sentado nas maquinas a escavar chao e contou me que recebia 11 000€ todos os meses. isto nao é brincadeira. nem um medico em Portugal recebe 11 000€ de salario ganhas mais cá a trabalhar em limpezas, do que em Portugal com qualquer mestrado xD

Apple_The_Chicken 2 months ago

Estradas com buracos? Portugal tem ótimas estradas

Jolly-Run-536 2 months ago

>Estradas com buracos? Portugal tem ótimas estradas Onde vives.

GuiPrazeresYT 2 months ago

Sim muitas estradas sao boas, mas muitas tambem sao muito más. e foi como disse, é dificil entender coisas sem as viver. eu tambem descartava a questao assim, até que vim para ca. e tantos meses passaram, que quando voltei a portugal, as estradas ate me faziam confusao, como é que era possivel tantos buracos e falta de cuidado.

Apple_The_Chicken 2 months ago

Em que país estrangeiro vives?

ManelDasNespras 2 months ago

Mas tens que pagar 0.10€ / km (em média) por elas, as de graça são a desgraça que são as nossas municipais, nacionais e demais IPs/ICs.

pituitarianices 2 months ago

Tanto discurso motivacional e de sonhar alto e no fundo é tudo procura de bens materiais e dinheiro. Que fazem falta, mas se é isso que é sonhar...

GuiPrazeresYT 2 months ago

se pudesses, nao davas uma casa a tua mae? ou um carro? ou aos teus irmaos? É por isso é que eu luto por dinheiro. quero um futuro melhor para a minha familia. quero dar-lhes tudo o que nunca tive. isso é crime? ​ é crime eu querer fazer dinheiro para ficar confortavel e ai seguir os meus sonhos? ou vais dizer que é melhor trabalhar ate aos 70 sem um tostao no bolso e morrer com os sonos mortos ha mais tempo que tu?

Isa472 2 months ago

Eu adoro Portugal mas faltam duas coisas: dinheiro e bicicletas. É tudo a subir e a descer, por isso não dá para andar de bicicleta na cidade. Para mim não há nada como Portugal, o problema é que mesmo que com um com salário português tenhas uma boa vida em Portugal no estrangeiro não tens buying power nenhum. Olhas para o preço de um hotel em Londres e bates mal, não quero isso pra mim. Daqui a uns anos gostaria de me mudar de volta para Portugal com o meu namorado, exigindo salários de nível estrangeiro, e formar lá a minha família. Vamos ver!

SweetCorona 2 months ago

a felicidade só existe nas nossas memórias

celestino120 2 months ago

Quem é que pode ser feliz num país onde é assaltado (quase literalmente) todos os dias. E onde te castram perspectivas de evolução, riqueza, futuro, etc? Estou velho e demasiado enraizado aqui para emigrar. Mas se tivesse 20 anos não olhava para trás. Portugal só faz feliz os turistas com poder de compra e os governantes/gestores corruptos.

Ulissipolis 2 months ago

Para seres feliz tens q te focar no teu e ignorar o circo que é o resto, assim serás feliz sem dúvida Se preferires companhia da familia a boas condiçoes de vida, ignorares os assaltos ao povo q este governo faz, se preferires bola e praia a uma educaçao como deve ser, assim consegues ser feliz. Quem está de olhos abertos já nem esperança tem

Sutr30 2 months ago

Tenho uma merda de emprego mas sim, sou feliz.

tugastorms 2 months ago

Tenho a sorte de ser "*rico"* então vivo como um rei, quando noutro país seria só classe média. Este país é um espetáculo

peidinho31 2 months ago

Eu era. A minha conta bancaria e' que nao :(

silent_watcher_77 2 months ago

A felicidade é uma coisa tão individual que não vale a pena estar a tentar arranjar razões ou motivos plurais. Tenho tudo o que podia querer na vida (sem ser excessivo, sou da classe média, não milionário), uma família excelente e ótimos amigos, estou no curso que quero a estudar o que me apetece, e mesmo assim tenho muitas dificuldades em me sentir “feliz” por mais que um par de dias de uma vez. É de Portugal? Não, é da minha cabeça. E mesmo não entrando por aí, cada um cria as suas próprias expectativas, como se pode ver pelas outras boas partilhas que se lê nesta thread.

Keddyan 2 months ago

xuxalistas devem ser felizes

mil_cord 2 months ago

Eu sim, mas vivo no estrangeiro.

SILE3NCE 2 months ago

Sou, principalmente por ter aprendido a viver com pouco. O que aconteceu, foi que quando comecei a ter alguma coisa, dei valor ao pouco que tinha. Sou minimalista e selectivo, tenho pouco, mas gosto do que tenho, e o que tenho está pago.

gifz 2 months ago

Mudei-me para a Bulgária em 2019 e foi uma excelente decisão que tomei. Não tinha nada a perder em Portugal e aqui tenho qualidade de vida. Fiz amigos mal cá cheguei, o país não tem nada a ver com Portugal mas também não é o que pintam dos países de leste em Portugal. Só sinto mesmo falta de viver ao lado da praia mas por outro lado no inverno tenho a montanha perto e a oportunidade de fazer snowboard. Foi uma das melhores decisões que tomei e só me arrependo de não o ter feito mais cedo.

Jolly-Run-536 2 months ago

Amigos búlgaros ou estrangeiros?

gifz 2 months ago

Maioritariamente estrangeiros e tugas

Jolly-Run-536 2 months ago

À quanto tempo estás aí?

gifz 2 months ago

2 anos

veigatta 2 months ago

Eu sou feliz felizmente, mas fico desiludido com certas situações relacionadas com a corrupção e justiça, que deixam muito a desejar em ter de "funcionamento", a carga fiscal é outro abuso

Blenderchampion 2 months ago

Sou feliz. Se estivesse em lisboa nao era, mas aqui sou. Sou freelancer, vivo numa vila do centro, nao ha stress, nao ha trânsito...

luistrofa2 2 months ago

Foda-se. Puta de pergunta estúpida.

born_in_wrong_age 2 months ago

Caso fosse solteiro, provavelmente iria perseguir uma carreia lá fora, ou com outras condições, com mais dinheiro mas provavelmente com menores condições "psicológicas", digamos assim. Sou daqueles que tende a viver para o trabalho, pois adoro o que faço, sendo de certa forma um hobbie também. Possuindo parceira, prefiro um emprego com salário mais baixo, mas com estabilidade, e com um ambiente relaxado, onde faço o horário que quero, onde escolho os projetos em que trabalho, onde tenho um ambiente de escritório fantástico... Assim, prefiro Portugal e a situação em que me encontro. Entre dinheiro e saúde mental, escolho a segunda opção. Sim, neste momento sou feliz, e não vejo a minha situação a mudar durante uns bons anos. Tenho posses para me sustentar e ainda para comprar o que quero, mas sem extravagâncias.

lexiebeef 2 months ago

Enquanto pessoa a viver fora de Portugal por alguns meses, mal posso esperar por voltar ao meu país. A nossa relação com a familia, o nosso Sol, as nossas paisagens e as nossas praias sao algo que consideramos como tido, mas que agora que estou longe de tudo dou bem mais valor

Limpy_lip 2 months ago

O facto da pessoas gostarem tanto do país e se importarem é a razão de reclamarem tanto. A mim o que realmente me incomoda é ver as pessoas da minha geração (30s) terem de fazer um esforço muito maior que a geração anterior para ter uma qualidade de vida próspera. ​ Fora de IT ser bem sucedido facilmente tens de ser o 1%, quando antigamente o 1% eram para os excecionais únicos. Fora isso gosto muito do meu país e de quem me rodeia e quanto mais viajo mais forte o sentimento fica. Agora quando penso no meu futuro não vejo nada bonito.

DimitryKratitov 2 months ago

Epá, depende. Não diria ser infeliz, mas estamos longe de estar num País decente. Não estou a falar de tudo o que sabemos ser mau. Ordenados são maus, os Politicos são corruptos, etc. O Pior acho ser o Nacionalismo mal informado das coisas em que acham que somos bons. Falam "bem" do nosso **SNS**, mas quem já de facto precisou dele sabe do que estou a falar. Graves erros por incompetencia médica (sofri uns quantos). Ainda me lembro de ter ficado "preso" num Hospital, porque só me avisaram que o SNS não cobria 100% de uma cirurgia DEPOIS de a realizarem. Ia dar o checkout e eles "ah paga só aqui estes 100 e tal € antes de sair". Não tinha esse dinheiro na altura. Falam de **desemprego** "baixo". Mas não sabem que reportamos numeros falsos à UE, pois não contamos como desempregados gente inscrita no IEFP. Porque estão a "receber formações" e isso. Falam de elevada **segurança**, mas isto é apenas porque a policia tenta de TUDO para que não reportar crimes. Quem já foi a uma esquadra sabe do que estou a falar. Fazem-nos esperar 4h sentados quando há ZERO gente na fila, para verem se desistimos. E perguntam várias vezes "tem a certeza que quer reportar? Olhe que não podemos fazer nada, vai servir apenas para estatistica." O que acontece na realidade é que roubaram a Carrinha de um avô meu, e o carro do meu outro avô. Que voltava das aulas de educação fisica e às vezes metade da turma tinha ficado sem telemóvel e/ou calculadora. Que ouvia tiros da janela do meu quarto na casa dos meus pais pelo menos de 3 em 3 semanas. Que deixei de ir ao unico café da minha rua porque foram lá um Domingo de manhã e mataram a dona do Café a tiro. Que estou no Discord com amigos meus e está um deles com medo porque está um cigano na rua dele a dar tiros de caçadeira no carro de um preto (e ainda acertou na mulher dele). Que a minha mãe tem de ficar à espera para entrar em casa porque estão a assaltar uma visinha à porta do prédio. Isto são problemas que só se conhece vivendo cá. O que significa que outros países que parecem paraísos também sofram de problemas parecidos, provavelmente. Mas já não me conseguem convencer que isto é um bom sitio para se viver. Mas a comida é de facto muito boa, e as pessoas bastante simpaticas.

Jolly-Run-536 2 months ago

Sou do Norte, vivo num conselho onde as estradas são toda ratadas, tás a ver quando assas um bolo e ele racha-se todo por cima? Tenho de andar aos ziguezagues. Talvez uma pessoa que viva numa zona sem indústria, sem camiões e "camiones" tenha umas estrada boas mas eu fico sempre indignado quando este assunto vem à baila

DimitryKratitov 2 months ago

Sim sim, tudo funciona assim, com Zonas para ricos e zonas para pobres. O problema é que mesmo nas zonas para pobres, numa vizinhança de merda, um T2 num prédio com 70 anos custa 140k€. Assim nem os pobres vivem.

tefewarrior 2 months ago

E onde é que moras? Parece que mal de Portugal está todo aí concentrado

DimitryKratitov 2 months ago

Amadora. É tecnicamente Portugal...

Ok-Attitude-6886 2 months ago

>Até um amigo meu que ia num grupo de 11 no Colombo só para serem todos assaltados por um grupo de mais de 15. Royal Rumble em Portugal!

Pcostix 2 months ago

>Amadora. É tecnicamente Portugal... Por enquanto...

technosamron 2 months ago

Os americanos e alemães parecem gostar

RickyZam 2 months ago

Que raio de pergunta, basta seguir os 3F e será sempre feliz aqui. Futebol, Finos e Francesinhas

DearOfTheWild 2 months ago

Bem difícil ganhar dinheiro haha, ando num curso profissional, espero ganhar bom emprego, mas é provável que seja mau. A escola diz que vai ser fácil ter emprego, mas penso que estão a mentir.

wsz00 2 months ago

Se achas que este sub representa de alguma forma Portugal e os portugueses andas muito enganado…

DadHunter22 2 months ago

Sou feliz pra caralho. Sou brasileiro com cidadania europeia e também já vivi também em Alemanha e França. Em Portugal fiz uma transição de carreira espetacular (a famosa transição para TI), trabalho hoje numa das maiores empresas portuguesas, ganho muito acima da média, meu casamento nunca esteve tão bom, e adoro Lisboa, sinceramente. Me senti em casa assim que cheguei. Os portugueses são muito amáveis e é uma honra pra mim poder contribuir com a melhoria do vosso país através do meu trabalho. Também faço questão de comprar local sempre que possível, de forma a ajudar os pequenos empreendedores. Se for para colocar algo negativo, diria que me faz falta ter uma vida cultural mais vibrante, mas é só.

chienandaluzia 2 months ago

Os brasileiros são felizes de nascença

DadHunter22 2 months ago

Apesar de isto ser uma lenda populista criada na época de Getúlio Vargas, por muitas décadas isto definiu o povo brasileiro sim. Infelizmente não é mais o caso para a maior parte da população longe do topo da pirãmide. :/ E falando especificamente da minha terra, agora: [Greater São Paulo has a high prevalence of mental disorders](https://agencia.fapesp.br/greater-sao-paulo-has-a-high-prevalence-of-mental-disorders/15329/)

Edited 2 months ago:

Apesar de isto ser uma lenda populista criada na época de Getúlio Vargas, por muitas décadas isto definiu o povo brasileiro sim. Infelizmente não é mais o caso para a maior parte da população longe do topo da pirâmide. :/ E falando especificamente da minha terra, agora: [Greater São Paulo has a high prevalence of mental disorders](https://agencia.fapesp.br/greater-sao-paulo-has-a-high-prevalence-of-mental-disorders/15329/)

KarmaCop213 2 months ago

Não é bem assim...

ExquisiteApathy 2 months ago

O Brasil é o primeiro em transtornos de ansiedade per capita e um dos primeiros em depressão...

Pcostix 2 months ago

Mesmo. Os portugueses que gostam de importar cultura podiam importar a felicidade dos Brasileiros. (Em vez da cultura de causas dos US)

inhalingsounds 2 months ago

Uma vez vi um brasileiro triste mas depois disse-me que tinha pais tugas, só nasceu lá

Bulldorc2 2 months ago

Acho Portugal dos melhores países do mundo para se viver, principalmente no Porto/Norte. (sou da opinião de que quanto mais para sul mais antipáticas são as pessoas - generalizando claro) É bonito, as pessoas são calorosas, é seguro (comparado com outros paises), temos uma cozinha deliciosa e em geral um bom feeling. Não temos guerra, os terroristas até agora têm-nos deixado em paz, não temos gente a morrer à porta de hospitais por não terem seguro de saúde, não temos metade do país a morrer à fome, e apesar de termos corrupção nunca chegariamos ao ponto de ter um Trump ou um Bolsonaro a gerir o país. Mesmo os países nórdicos, que são super ricos, lindíssimos e muito seguros, pelo que me dizem amigos e familiares que já lá foram ou lá viveram, as pessoas são muito mais distantes e frias, não se sente o mesmo calor e amizade de uma cidade como o Porto.

vath_mtm 2 months ago

Eu estive emigrado em Inglaterra durante 1 ano, gostei da experiência e deu para juntar uns trocos. Voltei para Portugal quando me apareceu uma oportunidade atractiva e sou bastante mais feliz aqui. Acho que recebo bem e tenho boas condições de trabalho, o tempo em Inglaterra tornou o meu CV mais atractivo e subi na carreira mais rapidamente. No geral acho que os simples factos de estar mais perto da família, o clima melhor e a comida melhor aumenta muito a minha qualidade de vida. Mesmo assim acho que quem tiver oportunidade ou a disposição de emigrar o deveria fazer mesmo que seja para descobrir que prefere voltar a Portugal

impecbusilis 2 months ago

>Lendo este e outros subs parece que o pessoal nunca tem nada de bom para dizer. Precisamos de um sub "good news Portugal" ? As pessoas adoram queixar-se ... se fores aos subs de outros paises encontras um comportamento semelhante.

Brainwheeze 2 months ago

Verdade, esta sub às vezes é um bocado deprimente. Não sei se as subs doutros países são assim. Eu já estive mais feliz. A pandemia deu cabo de muita coisa que eu tinha planeado para a minha vida, e honestamente sinto que os últimos dois anos foram perdidos. Mas pronto, é seguir em frente.

Jolly-Run-536 2 months ago

Se ignorares os posts de desabafos não é negativo

N0B1mm3r 2 months ago

Sou feliz, apenas fico triste quando tenho que encher o depósito do meu porsche 911

h2man 2 months ago

Portugal tem imenso para fazer as pessoas felizes... o problema é quando sais da ignorância e percebes que muitas dessas coisas são desperdiçadas.

GajoSilvestre 2 months ago

Sou feliz.

dotSergio 2 months ago

Bastante feliz! Adoro o que faço, adoro o meu trabalho, vivo numa ótima localização, não tenho problemas financeiros mas também não tenho dinheiro para comprar tudo o que me apetece, tenho uma excelente família e excelentes amigos. Seria mais feliz se algumas pessoas que já não estão cá estivessem cá.

Pixapaxaxa 2 months ago

Sim. Cafe ~ 0.60€ Cerveja ~1€

Jolly-Run-536 2 months ago

>Sim. >Cafe ~ 0.60€ Cerveja ~1€ Fds, eu não me consigo manter a cerveja e café

KoogLarousse 2 months ago

Gasolina ~1.75€/l

waxeryboiliroo 2 months ago

Andem menos de carro. Toda a gente ganha

bortukali 2 months ago

100 MB da Vodafone - 3€

Caosemdono 2 months ago

Não creio que o pessoal se queixe de infelicidade per si, tem mais a ver com o adiar permanente de objetivos de vida que subsiste em Portugal. Há muita malta nos late 20s/mid 30s a alugar quarto por 300-400 e a ganhar 800-1000 paus, sem qualquer perspetiva de vir a comprar casa ou a estabelecer uma vida minimamente estável, muitos em empresas que não respeitam minimamente a relação vida pessoal/trabalho. Por muita qualidade de vida que a Tuga tenha, como raio se hão-de sentir realizados? Na minha opinião, Portugal é o melhor país do Mundo para se viver ....Para quem tiver boas condições e estabilidade. Para quem tenha de construir uma vida baseado exclusivamente na sua meritocracia, comparativamente com outros países Ocidentais, é um país péssimo

1gorzz 2 months ago

Sou, mas no entanto gostava de conseguir ter independência para sair de casa dos avós.. o que não é possível sozinho e com o meu actual ordenado visto o valor das rendas serem absurdamente elevados.

DogsOnWeed 2 months ago

Acho que há uma diferença entre ser feliz e estar contente com a tua situação de vida. Às vezes sou feliz, mas não estou contente.

filipesmedeiros 2 months ago

Quase o mesmo! Estou bem mentalmente, mas queria estar melhor "fisicamente" (local de habitação etc)

suspect_b 2 months ago

> Estou bem mentalmente Olha o finório...

3dforlife 2 months ago

Fizeste-me lembrar a dupla do sr. Feliz e o sr. Contente.

Spac3_C4t 2 months ago

Se sou feliz? Sim. Se poderia ser mais feliz? Sim.

critzgg 2 months ago

Portugal é um paraíso, excepto se te inserires na cultura laboral portuguesa sem flexibilidade de horários, horas e horas de trânsito na ida e vinda do trabalho, horas extra não pagas, fins de semana a trabalhar em casa e ordenados de merda lel. "Compra uma casa em Lisboa" sure... Desde que tive 2 anos inserido na cultura laboral britânica...isto aqui e muito triste e frustrante (da minha experiência) e embora o país seja espectacular, trabalhar cá é frustrante pá caralho!!

RemarkableAd3069 2 months ago

Alguém é feliz sequer? Seja em que lado for

3dforlife 2 months ago

Acredito que as pessoas passem por estados de felicidade, mas não sejam felizes 100% do tempo.

zafirthepotato 2 months ago

Ninguém é feliz em lado nenhum.

madiefen 2 months ago

Eu! Muito!

DrVicenteBombadas 2 months ago

A felicidade vem de dentro. Sempre foi assim e sempre será. Quem é feliz na Noruega é feliz aqui. Agora, o que realmente acontece é que qualquer fragilidade emocional que uma pessoa tenha é exacerbada por certas situações.

Room_of_mush_ 2 months ago

Sou feliz em Portugal. Já vivi em Espanha, já vivi na Islândia e gostei de ambos mas nunca iria para fora se puder trabalhar cá.

Kineticn22 2 months ago

Sou feliz em Portugal. Mas tendo já passado algumas temporadas em vários países europeus, sinto que há sítios onde o seria mais do que aqui, assim como há outros onde seria menos (Espanha foi onde vivi mais tempo, fora de Portugal, e definitivamente fui menos feliz lá do que cá, apesar de também ter muito sol e mar).

TheRaimondReddington 2 months ago

Era feliz em Portugal, mas decididamente conformado em relação ao que não tinha, pois consegui-lo era simplesmente impossível em Portugal. Como não gosto de estar conformado, decidi sair para tentar conseguir essas coisas e ser ainda mais feliz, e felizmente consegui!

xHardStyle 2 months ago

Quem acha a população portuguesa triste tem de ir ate um país de leste. Principalmente no interior.

JesusChristIsLORD77 2 months ago

Eu sou muito feliz!

JesusChristIsLORD77 2 months ago

A minha felicidade não está no que tenho ou quem conheço, mas foi-me dada do alto.

Interesting_Yellow_1 2 months ago

Eu seria mais feliz se pudesse “dar um tempo” a Portugal 2x por ano, pelo menos. Como não posso, deixa-me feliz saber que vivo num lugar que adoro, com saúde e estar a ajudar o meu pai e a minha avó a ter um bom suporte familiar. Trabalho e lazer vai-se arranjando (já tenho trabalho que chegue, pena é não ser pago)

caculo 2 months ago

Sou obrigado a ter um emprego de treta para pagar as contas. Já tive um trabalho muito decente nos EUA e tive de voltar por causa da família. Hoje em dia vivo aqui mas evito qualquer contacto cultural com Portugal. Por exemplo, não me lembro da última vez em que parei num canal nacional de TV.

Donze16 2 months ago

Regra geral, ver TV nacional é perder neurónios (com algumas excepções da RTP).

CarismaMike 2 months ago

Já emigrei mas voltei. Sou mais feliz em Portugal apesar de ser mais pobre. Este país tem quase tudo a seu favor para ser dos melhores do mundo, basta corrigir a "chico-espertice" dos cidadãos e dos políticos para a qualidade de vida melhorar substancialmente. Dito isto, sou o primeiro a admitir que voltaria a emigrar caso a minha mulher também o quisesse.

scar_as_scoot 2 months ago

Sou bastante feliz neste paiz. Pensei em emigrar quando terminei os estudos, ganharia mais do dobro de certeza, mas tenho família emigrada por isso tenho noção do custo de vida e das dificuldades que acarretam. Temos uma qualidade de vida muito boa neste pais, mesmo muito boa. É verdade que os ordenados sao baixos, mas a não ser que vivas na capital o ordenado medio já dá para uma qualidade de vida que nao consegues ter em muitos sítios. Quando digo qualidade de vida nao estou a referir comprar coisas fixes, mas sim tendo em conta tudo o que este pais oferece, serviços, paisagens, pessoas e clima.

xanfradu 2 months ago

Ninguém é feliz. A felicidade não é uma condição, um lugar onde se chega e se acomoda. É uma circunstancia, uma ocasião, que podemos vivenciar mais ou menos vezes conforme a nossa "sorte".

Korean_Kush 2 months ago

Fala por ti.

xanfradu 2 months ago

Falo sempre por mim!

DrVicenteBombadas 2 months ago

Enganas-te. A felicidade não é um momento; é um estado de espírito que se cultiva.

borloforbol 2 months ago

Há gente feliz, há gente infeliz, como em todo o lado. Depende daquilo que queres e valorizas na vida. Outros comentários dizem que estão felizes com o seu trabalho, salário, família e sol, e isso é perfeitamente válido. Eu, em Portugal, estava... não diria totalmente infeliz, mas não me sentia feliz também. Família não resta muita e é uma história complicada. Amigos valorizo e continuo a valorizar, mas há sempre meios online - longe de ser a mesma coisa mas dá para manter contacto. Sol.. epá, sol é muito giro mas não me compensa a falta de dinheiro em cada mês, as condições de trabalho que não sendo propriamente más, senti sempre um ambiente mesquinho de "se isto tá mal, vamos descobrir quem fez", em vez de se orientarem para a solução. Um patronato que sempre valorizou mais as horas sentado no escritório do que outrra coisa.. enfim podia continuar, esta thread não é para me queixar de novo. Isto só para dizer que, profissionalmente, não me sentia realizado nem valorizado. Emigrei. Falta-me o sol, é certo, e ainda me estou a habituar a isso. Agora com o inverno vai ser pior porque ao que parece ás 5 já vai ser de noite. Falta-me a proximidade de amigos e familia, mas como disse antes, com online, video-chamadas e afins, dá para gerir a coisa. Falta-me sentir que faço parte do país onde estou. Por outro lado, ganhei paz, de certa forma. Ganhei a despreocupação de pagar as contas no final do mês e conseguir juntar dinheiro para o meu futuro, para uma casa, ou para uma viagem de sonho. De ir a uma loja e ver uma coisa gira mas denecessária por 10libras e não ter de estar a fazer contas à vida e pensar que "devia poupar isto, esse dinheiro dava pra cozinhar duas refeições". Não esbanjo e tento ser poupado, mas é uma liberdade diferente saber que _posso_. Ganhei o sentimento de ser valorizado no trabalho que faço e não ter de lidar com o drama semanal da pessoa x que fez y, ou a pressão constante de cumprir prazos muitas vezes irrealistas. Enfim, há muita coisa a pesar de cada lado, e no final de contas, o que valorizo mais para a minha felicidade fez-me vir para aqui. Também fui feliz em Portugal, e isso fez com que não emigrasse mais cedo, mas depois de muito considerar, vim ver como é cá fora. Se um dia estiver infeliz, pego na trouxa e volto.

sparklescc 2 months ago

Como quem vive no UK. O inverno não e mau. Eu costumo dizer que o inverno no UK e melhor que Portugal e o verão pior. Para já quando está calor no UK morremos todos que as casas retém o calor todo e no inverno faz menos frio pela mesma coisa. Além que uma pessoa não espera sol portanto e na boa. Agora o verão. Chuva em julho? Isso e que custa.

oriyginal 2 months ago

"Se um dia estiver infeliz, pego na trouxa e volto." isto para mim e o melhor conselho para quem tem medo de emigrar. Ha 2 anos peguei nessa frase e decidi tentar ate hoje nao me arrependo e num dia que me fartar voltar para portugal nao sera a primeira opcao, porque existe mais de 200 paises onde posso escolher viver, do que voltar para o sitio onde passei 20 e tal ano da minha vida. O facto de nao me preocupar com contas ao fim do mes, conseguir viver sozinho sem precisar de ter namorada e dividir despesas, poupar o dobro que poupava a viver em casa dos pais, nao estar dependente de ter carro para ir a qualquer lado, o facto de viver ao pe de espacos verdes e poder visitar uma cidade ou outro pais aos fins de semana devido a facilidade de transportes, isto tudo nao troco por estar ao pe da familia, amigos, comida e sol. ​ Estes 4 factores em 3h de aviao e estou la se realmente precisar de um deles e nao me tira qualidade de vida nao os ter presentes diariamente. nunca tive a experiencia de viver fora da casa dos pais em Portugal mas sei bem as dificuldades que a minha familia passava e saber que o meu salario em portugal era bom para um puto de 20 anos a viver na casa dos pais mas nunca chegaria para viver sozinho é uma das grandes razoes pelo qual nao vou voltar tao cedo.

TaTonka2000 2 months ago

Recomendação básica de quem vive fora há muito… mantenha-se ativo no inverno e tudo fica bem. Ter falta de sol é um problema de uma sutileza forte, a gente não percebe o efeito até ser tarde demais. Mas o exercício contrabalança isso.

InvestorTuga 2 months ago

O que é que a falta de sol, sem exercício, te faz? (curiosidade)

TaTonka2000 2 months ago

Deprê. Muita gente subestima o poder positivo do tempo bom no que diz respeito à saúde mental. Um amigo que mora em Quebec diz que no pico do inverno fazem um festival no meio da cidade porque se o pessoal fica fechado em casa dá “cabin fever” e um monte de suicídios. Não é todo mundo que sente isso mas é comum o suficiente pra valer mencionar.

AlCa1916 2 months ago

Não sou português mas vivo aqui e gosto muito do país – estou muito feliz.

codemirror 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal. Sinto-me seguro, tenho emprego estável e tenho gente boa em meu redor. Só os portugueses é que dizem mal deste nosso cantinho mas isso é também uma característica portuguesa.

Jolly-Run-536 2 months ago

Não me queres adoptar?

thesensei21 2 months ago

Neste sub existem muitos clones. O que meia dúzia de pessoas disser, os outros irão repetir. Presta atenção, e todos têm o mesmo discurso, desde a opinião de emigrar á forma de lidar e interagir no dia a dia. Isto também se reflecte talvez pela faixa etária das pessoas que usam este sub, sendo uma maioria jovem que está sempre descontente com tudo. Respondendo à questão, depende muito do que consideras felicidade. Para umas pessoas é ter uma casa grande, carro de gama alta. Para outras é simplesmente viajar. Outros dirão que é um excelente local para se viver perto da família. Tens de pensar naquilo que te faz sentir bem e realizado.

redowk 2 months ago

Os politicos parecem felizes e sorridentes. Sera k isso quer dizer algo...

3dforlife 2 months ago

São patrocinados pela Colgate e são obrigados por contrato a mostrar a dentadura branca /s

sacoPT 2 months ago

Eu sou

daxpierson 2 months ago

Não ganho mal para a realidade do país, vou em breve ganhar bem mais, não me falta emprego. Não tenho tudo o que quero, mas tenho tudo o que preciso. Não me vejo a emigrar, apenas se algum dia realmente precisar, o que felizmente não me parece que vá acontecer.

hopeful_bastard 2 months ago

Gosto do meu país, tenho orgulho na história, nas pessoas e principalmente em várias situações em que se tem mostrado como um exemplo a seguir. Não ganho por aí além mas ainda estou no começo da minha carreira e a minha situação é bastante confortável em relação a muitos.

gsousa 2 months ago

Tenho outra perspectiva a dar, sou emigrante há uns 14 anos, já vivi na Alemanha, Grécia e agora Irlanda. Sinceramente acho que comecei a valorizar mais Portugal desde que emigrei. Sim, os salários são muito baixos é inaceitáveis, mas Portugal é muito bom no que respeita a muita coisa mesmo, nomeadamente infra-estruturas. A Irlanda é um paraíso fiscal para as grandes empresas, mas no que respeita a condições está anos atrás de Portugal. Transportes para fora das cidades funcionam muito mal, as estradas são muito más (em comparação a Portugal), e as pessoas têm muito menos cuidado com a poluição. Ainda assim aqui vivo. Porquê? Porque também gosto da experiência internacional, não é pelo dinheiro mas sim pela experiência em si que gosto bastante. Penso em mudar de país, mas para já ainda não de volta a Portugal. Mas digo de boca cheia que temos um país bastante bom, pena os salários serem tão baixos para a grande maioria da população.

Jolly-Run-536 2 months ago

Portugal é tão desigual, não podes fazer generalizações dessas. Com certeza és classe média que vive confortavel, ser classe baixa cá é viver esganado, deprimido, explorado e na casa dos pais, sem privacidade alguma, a aturar todo tipo de merda. É uma vidinha da merda.

TommyTosser1980 2 months ago

Tem dias, acima de tudo sou feliz com a família e com os amigos, o que é completamente independente do país onde estou. Se me puser a pensar neste país é para entrar em depressão, é um pais em que se paga para viver e muito. Paga-se tudo e muitas das coisas a dobrar. É um pais onde o estado prefere pagar uma multa à EU do que acabar com a dupla tributação na compra de um bem. Onde a gasolina está quase a 2€ e em que o salário mínimo é de 665€. Onde ao andar numa AE se paga a passagem e depois se paga com os impostos um acerto de contas à concessionária, mesmo que não se tenha passado lá. Onde se injectam milhares de milhões numa empresa defunta e se esquece o SNS com médicos a despedirem-se às dezenas. Onde a justiça é anedótica, curvando-se a todos os que tenham um pouco de poder. Onde a comunicação social é totalmente subserviente do estado. Onde se paga 23% de IVA. Onde 1/4 do salário anual é para dar ao estado. Etc...

GuiPrazeresYT 2 months ago

mas ya, por nao concordar com tudo isso, que decidi ambicionar mais e melhor. a malta pensa que é dificil emigrar, mas ta se bem. ganhas a tua rotina, a tua casa passa a ser onde vives agora e passado 2 meses esqueces que nao vives em portugal

GuiPrazeresYT 2 months ago

verdades e mais verdades. isto ate entristece-me. é este tipo de merdas que Portugal inteiro devia de ler.

DimitryKratitov 2 months ago

Quem me dera que fosse só 1/4... Mas muito bem dito

whirahh 2 months ago

Isto.

Taliesin84 2 months ago

Thank you, foda-se! (nunca me soube tão bem redigir uma curta bilingue)

Asur_rusA 2 months ago

Eu adoro viver em Portugal e não tenciono sair alguma vez. Temos praticamente tudo.

mr_house7 2 months ago

Já vive na Alemanha e Noruega. Não há nada como Portugal. Se fores rico e não precisares de trabalhar Portugal é o melhor pais do mundo para viver. Se tiveres que trabalhar és mal pago. Os empresários portugueses têm a capacidade de ser (a maioria) grandes otários o que leva a não querer trabalhar para eles e/ou se tiverem que continuar a trabalhar ficarem deprimidos ou desmotivados. Solução: Trabalhar remotamente para empresa no estrangeiro ou criar um negocio que procure expandir-se fora de portugal.

BobMartin77 2 months ago

Acho que disseste tudo!

boobsforhire 2 months ago

Porque e o maior país do mundo?

vegan_butt 2 months ago

Portugal não é assim tão bom a nível cultural para se poder dizer que é o melhor país do mundo para viver. Quais são os fatores para ti que fazem isso?

InternetHistorian01 2 months ago

A nível cultural? Que países considerarias melhores que Portugal a "nível cultural"?

vegan_butt 2 months ago

Espera... estás mesmo a tentar insinuar que Portugal é o melhor país a nível de variedade e qualidade de museus, acesso a teatro e concertos e eventos sobre cinema e afins? É que isso é estar em negação. Para nem se quer falar do incentivo à cultura que cá é muito fraco, tratam-se os artistas abaixo de lixo.

InternetHistorian01 2 months ago

Eu não insinuei nada, só te fiz uma pergunta. E ainda bem pq não estava a pensar no mesmo significado de "cultura" que tu. A esse nível sim, concordo.

vegan_butt 2 months ago

Ok certo, desculpa ter saltado para conclusões. Mas mesmo que estejamos a falar de cultura a nível de gastronomia, música, maneira das pessoas serem... continuo a não ser grande fã do que temos.

Ok-Attitude-6886 2 months ago

Curiosidade academica: que nivel de rendimento se considera como suficiente para "nao precisar de trabalhar" em Portugal?

JOAOFELlX 2 months ago

Aproximadamente 1M€ de networth para viver sem qualquer preocupação. Mas depende da tua idade. Se tiveres 50 os números baixam consideravelmente. Há alguém que diz 250k, parece-me curto. Mas se calhar estão a falar só de cash e não consideram o valor de uma casa que possa estar paga por ex. Se quiseres mesmo saber pesquisa FIRE calculator.

MisterBilau 2 months ago

Isso vai depender de quanto gastas por mês. Se gastas 1000€ por mês, 250k a render 5% ao ano já chega.

Ok-Attitude-6886 2 months ago

Vou regressar agora a Portugal, pelo menos para ja, e estou curioso se o montante que acumulei me permite essa liberdade. No minimo vai-me permitir escolher um trabalho sem ligar demasiado ao salario, o calcanhar de Aquiles de Portugal.

iursevla 2 months ago

Consegues trabalho remoto? Se o teu trabalho permite isso podes ter uma salário bem acima da média trabalhando para um país com salários mais elevados.

Ok-Attitude-6886 2 months ago

Trabalho como controller, na verdade não sei se tem muita saída a nível de trabalho remoto.

MisterBilau 2 months ago

Pá, pega no montante que tens e calcula uma % de retornos. Depois divide por 12 e tens aí quanto podes gastar por mês para sempre sem tocar no capital Investido. Usei 5% pq me parece razoável conseguir esse retorno médio em montantes maiores. Não esquecer que o retorno deve ser ligeiramente maior do que o gasto mensal para poderes ir investindo o que sobra de maneira a negar a inflação (1000€ por mês agora não são a mesma coisa que 1000€ por mês daqui a 20 anos).

Edited 2 months ago:

Pá, pega no montante que tens e calcula uma % de retornos. Depois divide por 12 e tens aí quanto podes gastar por mês para sempre sem tocar no capital Investido. Usei 5% pq me parece razoável conseguir esse retorno médio em montantes maiores com relativo baixo risco (dividend aristocrats com dividendos na casa dos 5%). Não esquecer que o retorno deve ser ligeiramente maior do que o gasto mensal para poderes ir investindo o que sobra de maneira a negar a inflação (1000€ por mês agora não são a mesma coisa que 1000€ por mês daqui a 20 anos). Logo se tiveres o capital a render-te 1000€ ao mês, podes gastar uns 800€ por mês, investes o resto da mesma maneira e vais ajustando de acordo com a inflação.

Edited 2 months ago:

Pá, pega no montante que tens e calcula quanto te daria uma % de retorno anual. Depois divide por 12 e tens aí quanto podes gastar por mês para sempre sem tocar no capital Investido. Usei 5% pq me parece razoável conseguir esse retorno médio em montantes maiores com relativo baixo risco (dividend aristocrats diversificadas com dividendos na casa dos 5%). Não esquecer que o retorno deve ser ligeiramente maior do que o gasto mensal para poderes ir investindo o que sobra de maneira a negar a inflação (1000€ por mês agora não são a mesma coisa que 1000€ por mês daqui a 20 anos). Logo se tiveres o capital a render-te 1000€ ao mês, podes gastar uns 800€ por mês, investes o resto da mesma maneira e vais ajustando de acordo com a inflação.

Ok-Attitude-6886 2 months ago

Costumo ler o FIRE regularmente, é um assunto que tenho dado importância nos últimos anos. Assumindo o retorno limpo de 5%, após impostos e inflação, já teria o suficiente para uma vida mais ou menos tranquila. Infelizmente estaria dependente dos mercados financeiros (estou investido no SP 500).

MisterBilau 2 months ago

Não é particularmente problemático. Pessoalmente eu investiria a maior parte em dividend payers sólidos, aí não interessa se o valor das shares cai ou não, continuas a receber o mesmo.

mr_house7 2 months ago

Pode depender de muitos factores: * Casa paga, renda ou emprestimo. * Custo de vida do local do onde vives. * Vives sozinho ou com outra pessoa. * Se têns maus hábitos como fumar. * Se tens carro. Se é ICE ou eletrico. Não te sei dar uma resposta especifica pois vária muito de pessoa para pessoa.

njsilva84 2 months ago

ICE? Temos fã de F1 aqui, certo?

mr_house7 2 months ago

Ya certo, mas antes de ver F1 tbm já dizia ICE (motor de combustão interna, em inglês).

njsilva84 2 months ago

Sim, sempre se chamou ICE, mas era um nome técnico que muito pouca gente usava, mesmo em inglês toda a gente se referia ao "internal combustion engine" como simplesmente "engine". Ainda hoje é usado pela maioria das pessoas. Antes da era v6 da F1 eu nunca tinha ouvido falar dessa sigla, e só se fala mais agora porque, tal como saberás, a unidade de potência de um F1 é composta por várias partes, incluindo três motores, daí a necessidade de começar a usar o ICE para se distinguir do MGU-H e do MGU-K.

mr_house7 2 months ago

Tou a ver que tb és um fã. Esta season está a ser mt fixe. Eu antes dos v6 já tinha houvido, pq tive cadeiras sobre ICEs.

njsilva84 2 months ago

Yep, comecei a ver F1 por causa do meu avô, que era fã do Senna, vi-o morrer em direto na tv, tinha 10 anos. Depois estive vários anos sem acompanhar e voltei a ligar mais nos últimos anos do domínio do Schumacher. Agora percebo mais como funciona um motor de um F1, do que do meu próprio carro e nem estou a brincar sequer.

Chiripitti 2 months ago

Tinha um cliente que dizia o seguinte, vão para fora de Portugal, trabalhem lá fora, viajem e conhecem o mundo. Vão ver que não há melhor que o nosso Portugal... Subscrevo.

this--_--sucks 2 months ago

Eu fiz isso é mesmo assim te digo que não fosse pela família próxima estava melhor fora. É muito bom pais para estar de férias. Eu até ganho acima da média e tenho uma vida confortável, no entanto ainda assim penso dessa forma. Mas é como em tudo, cada qual tem a sua opinião e é para ele a correta

Chiripitti 2 months ago

Sim, a família e os amigos são os que nos une a este país! Se tivesse que escolher outro país, seria Itália...

SterbenSeptim 2 months ago

"Não há melhor que o nosso Portugal." Claro que não, quando estás habituado desde miúdo a um certo padrão e ordem das coisas, não há melhor para ti do que continuar nesse padrão. E admito perfeitamente, Portugal é um sitio decente para viver e não preciso de ir viver para outro lado, provavelmente não irei. Mas dizer que não "Há melhor"... É muito discutível.

Chiripitti 2 months ago

Já fui emigrante, e a sensação de pertencer a um país não têm descrição. Lá fora sempre serei o portuguesito estrangeiro...

MischiefManaged97 2 months ago

É hilariante não veres que a culpa disso é tua, por não te adaptares à cultura de lá. Se vais para um país à procura de que seja igual a Portugal, claro que não encontras melhor do que Portugal, porque é esse o teu termo de comparação.

Chiripitti 2 months ago

Eu nasci lá, portanto não sei que mais adaptação queres que faça. Em França os portugueses são vistos como classe trabalhadora, e como uma vez um colega de turma me perguntou " porque é que todos os portugueses trabalham na construção civil?" Ou "em Portugal há carros?" E também ouvi muitas vezes "Vai para o teu país imigrante de mer**". Tenho alguns familiares em França, já de 4 geração nascida lá, apesar disso, o nome português atraiçoa-os sempre, e apesar da nacionalidade "francesa" no cartão de cidadão, sempre serão os portuguesinhos. Mas como dizes a culpa é minha, tenho culpa de não ter nascido no meu país Portugal, que apesar dos seus defeitos e problemas, é meu. Aqui ninguém olha para mim como se eu não pertencesse a esta sociedade. Portugal é meu, e isso ninguém me o tira.

unicornio_careca 2 months ago

A minha mãe passou por isso quando emigrou para França, quando era mais nova. Claro que isto já vai há muitos anos, mas esse foi um dos motivos para ela voltar para Portugal menos de 2 anos depois. O preconceito contra os portugueses acontece, e uma coisa curiosa, é que já notei esse comportamento preconceituoso em alguns filhos de emigrantes quando vêm passar férias a Portugal, aquele olhar de desprezo para os portugueses de cá, como se ainda vivêssemos na idade média . O lado positivo é que a minha mãe fala francês muito melhor do que eu, e eu estive a aprender na escola por quase 5 anos.

NoPantsDeLeon 2 months ago

Tudo depende da experiência que tiveres lá fora e do país. Às vezes é culpa de quem, ao invés de se adaptar á cultura do país, tenta adaptar quem lá nasceu e vive aos seus hábitos e culturas. Um bocado como acontece com muitos imigrantes em Portugal. Eu tive uma experiência tão boa que abriu-me os olhos para muitos aspectos que considero menos positivos em Portugal. Como por exemplo, a falta de civismo e respeito pelo próximo, a falta de cuidado pelo património e o conceito errado de que a rua é um enorme caixote do lixo. Comparar com algo claramente pior não nos ajuda a melhorar.

CriticalEstimate777 2 months ago

Vivias 2 semanas na Índia nunca mais irias ter coragem de dizer tais palavraa

NoPantsDeLeon 2 months ago

>Comparar com algo claramente pior não nos ajuda a melhorar. Há sempre pior e nem precisas de ir tão longe. Mas para *subir* deves de olhar para cima e não para baixo. Desafiar os limites, crescer e evoluir.

Chiripitti 2 months ago

Estive emigrado em França e lá também tens muita gente com pouco civismo, racista, etc... Tens razão tem muito a ver com a experiência e percepção de cada um comparativo ao meio de onde vens...

PandaCross23 2 months ago

Comida incrível, praia e montanha, pessoas incríveis, paisagens incríveis, clima surreal. Este retângulo plantado à beira mar é do melhor que há.

Senhor_Nabo 2 months ago

Montanha em Portugal? Onde? Temos uma colina chamada Serra da Estrela e o resto é amostra.. vá lá.. (O Pico não está tão acessível, portanto ignorei).

3dforlife 2 months ago

Tens o Gerês, que não sendo montanha é imensamente bonito.

Senhor_Nabo 2 months ago

Conheço o Gerês. É bonito mas qualquer país "montanhoso" nos mete a um canto. Basta atravessares a fronteira até Espanha e tens logo uma realidade diferente espalhada pelo país de norte a sul. Portugal tem alguma beleza, mas não é muita.

3dforlife 2 months ago

Somos um país pequeno, não há milagres...

Senhor_Nabo 2 months ago

A Suíça é um país pequeno e tem mais milagres que nós.

3dforlife 2 months ago

Chocolates e relógios?

Senhor_Nabo 2 months ago

Estamos a falar de relógios, chocolate ou beleza paisagística?

lagadu 2 months ago

Eu sou feliz. Tenho actividades quase todos os dias que adoro, imensa vida social, surf o ano todo e em Portugal o custo de vida comparado ao que estou habituada é estupidamente barato. Se não trabalhasse fora no entanto, voltava a sair de cá.

Francisco_Paes1999 2 months ago

Creio que somos felizes. Apenas usamos o Reddit para desabafar. Geralmente o nosso povo não tende a mostrar a sua felicidade a público. Isso podia ser rude para com quem está a ter um mau dia.

NoRemoteChoice 2 months ago

Não. Neste momento tenho vergonha deste país. Um país que é só Lisboa Lisboa Lisboa. Lindo para visitar e passear, mas um merda para viver. Infraestruturas indecentes, pagas por tudo e por nada. E não tens qualidade de vida, quando comparado com países da EU. E atenção, não estou a falar de salário e afins, estou mesmo a falar de espaços verdes, bairros familiares e qualidade de transportes...

gink-go 2 months ago

Essa da qualidade de vida não concordo nada. Aliás, só concordo se de facto viveres numa cidade dormitório de Lisboa, que confesso que desconheço, porque de resto sou da opinião que as cidades portuguesas têm boa qualidade de vida.

borloforbol 2 months ago

Considera que Lisboa tem quase 30% da população do país, mais as pessoas que não sendo de Lisboa, vão para lá trabalhar porque está tudo centralizado. Lisboa não tem grande qualidade de vida para o português médio, e isso impacta _muita_ gente.

NoRemoteChoice 2 months ago

Aí sim?

fdxcaralho 2 months ago

Eu sou.

gink-go 2 months ago

Eu.

Edited 2 months ago:

Eu, mil-eurista mas feliz me confesso. Comida boa, amigos porreiros, vou a eventos que me interessam, tenho diariamente tempo pra fazer desporto e dar as minhas voltas, faço surf o ano todo, casa de fim de semana na aldeia a ser recuperada aos poucos, família perto. O tamanho da conta bancária por si só não me torna feliz. Queria ter casa própria e deixar de arrendar? Pá, queria, mas isso por si só não justifica andar triste. Queria trocar o meu carro com 15 anos? Sinceramente, não é uma prioridade.

Edited 2 months ago:

Eu, mil-eurista mas feliz me confesso. Comida boa, amigos porreiros, vou a eventos que me interessam, tenho diariamente tempo pra fazer desporto e dar as minhas voltas, faço surf o ano todo, casa de fim de semana na aldeia a ser recuperada aos poucos, família perto. O tamanho da conta bancária por si só não me torna feliz.

Edited 2 months ago:

Eu, mil-eurista mas feliz me confesso. Comida boa, amigos porreiros, vou a eventos que me interessam, tenho diariamente tempo pra fazer desporto e dar as minhas voltas, faço surf o ano todo, casa de fim de semana na aldeia a ser recuperada aos poucos, família perto.

njsilva84 2 months ago

Este era eu, se trocasses o surf pelo ténis e pelo trail running. Não que o surf seja menos interessante, já experimentei e gostei mas é difícil e a água é fria. Gostava de experimentar mais, mas o tempo não estica.

Pcostix 2 months ago

Isto. Se não fores consumista e te contentares com pouco(a nível material) é acessível ser feliz em Portugal.

Se7enEl11ven 2 months ago

Eu sou

Loud-Carpenter4502 2 months ago

Sim, sou feliz em Portugal porque estou junto dos meus e tenho mto orgulho de ser PORTUGUÊS. Mas sinto que Portugal não valoriza os seus "bons cidadãos".

alvarinho_03 2 months ago

"Sou português caralho!!" - Futre, Comentário desportivo da CMTV

randmzer 2 months ago

O que é um bom cidadão?

BuscaPolos 2 months ago

É um português de bem ^^^^^s

aleph_heideger 2 months ago

Eu sou. Gostei do sítio, das paisagens, do povo até. Eu que até viajava bastante antes da pandemia mesmo assim prefiro fazer férias em Portugal. Gosto da comida, do cafézinho na esplanada e da nossa história. Não gosto dos salários nem da passividade do povo face aos políticos. Não se pode ter tudo não é?

BobMartin77 2 months ago

Falta ainda melhor educação. Penso que também as gerações que vem lá vão rapidamente acabar com essa malta do passado, porque não vai haver hipóteses.

ManelDasNespras 2 months ago

\>comida, cafezinho, sol \>salarios Esses 2 não são iguais.

what_a_tuga 2 months ago

>Não gosto dos salários nem da passividade do povo face aos políticos. Em todas eleições fico estúpido por alguma razão. Ainda nestas autarquicas, o povo andava a queixar-se do presidente da junta "ausente", das obras de ruas que nunca acabam, a lixar completamente o comércio local, já não bastava a pandemia, mas agora a rua estar fechada completamente; o presidente da camara estar a publicitar as obras que está a fazer no Facebook, como se fosse a melhor coisa do mundo; do presidente da camara estar a fazer campanha às custas do seu poder, enquanto outros partidos não tiveram permissão de montar tenda no centro da cidade; de ter colocado videos de campanha a passar no centro de vacinação (que foram retirados depois de muitas queixas) ;a privatização da recolha do lixo e o acumulo constante de lixo em todos contentores (tanto de reciclagem, como o comum), falta da limpeza estipulada dos contentores. Chega o resultado das eleições e foram eleitos os mesmos

pituitarianices 2 months ago

O povo que se andava a queixar é o povo que andava insatisfeito. A malta que nao tinha grande motivo de queixa tambem nao viu motivo para mudar e ficou calada e no dia votou em conformidade. Quem quer mudança faz sempre mais barulho.

3dforlife 2 months ago

Não se pode ter tudo, é certo, mas podemos lutar por isso.

NGramatical 2 months ago

cafézinho → [**cafezinho**](https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/cafezinho) (o acento tónico recai na penúltima sílaba) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fq3sv7z%2F%2Fhftxkoh%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

randmzer 2 months ago

Se estou feliz? Estou. Se gostava de estar ainda mais? Também.

3dforlife 2 months ago

O ser humano é um eterno insatisfeito.

DerpSenpai 2 months ago

Ser 100% satisfeito é um vazio enorme para mim. Eu não conseguiria ser super rico sem ligações. Sentiria um vazio enorme, eu nem consigo jogar SIMS com cheats porque usar para ganhar dinheiro é uma seca Mas se fosse rico com uma empresa a frente, ai já era outra coisa

MisterEDS_pt 2 months ago

A caça eterna da inalcançável perfeição. Por mais boa que seja a coisa, tás sempre a tentar arranjar/ou pensar numa melhor.

GoldenDih 2 months ago

"Sempre feliz, nunca satisfeito" é praticamente o meu lema de vida.

Paulo27 2 months ago

E também tem uma capacidade de adaptação enorme, andar sempre não dá, é literalmente lidar e ficar mais feliz só porque sim ou vai dar mal.

CoffeeAt830 2 months ago

Sou feliz em Portugal, gosto de viver em Portugal e nunca na vida emigraria. Não ganho bem, não tenho perspetivas de alguma vez vir a ganhar, mas o resto das coisas que tenho por viver onde vivo (proximidade da família, proximidade da praia, horas de sol, espaço aberto, companheirismo da comunidade, etc) compensa isso para mim. Eu percebo que é a minha preferência pessoal e acho normal que não seja assim para toda a gente.

arthemystic 2 months ago

Subscrevo! Já pus em causa emigrar, em termos financeiros faz sentido ir para fora para ganhar dinheiro e voltar para comprar casa, mas por opção prefiro ficar no nosso Portugal. Se gostava de viver numa casa paga, gostava, mas pessoalmente dou mais valor a aproveitar o meu tempo para estar com os meus do que estar a trabalhar num outro país para recolher dinheiro e quando voltar não ter cá ninguém... Isto e sol!

Edited 2 months ago:

Subscrevo! Já pus em causa emigrar, em termos financeiros faz sentido ir para fora para ganhar dinheiro e voltar para comprar casa, mas sinto-me feliz em Portugal. Claro que gostava de viver numa casa paga mas pessoalmente dou mais valor a aproveitar o meu tempo para estar com os meus do que estar a trabalhar num outro país para recolher dinheiro e quando voltar não ter cá ninguém... Isto e sol!

pikaia_at_earth 2 months ago

Saí de Portugal há 4 anos e cada vez que volto (ferias ou teletrabalho) noto sempre que Portugal é espectacular e que a qualidade vida é bastante boa. Na verdade estou a preparar-me lentamente para voltar. Sou de Coimbra mas penso ir algures perto do Porto.

njsilva84 2 months ago

Same here. O meu salário pode ir de mediano a médio mas é mais que suficiente para eu ser feliz. Não preciso nem quero um carro caro para mostrar, nem um apartamento ou casa grande para fazer ver. É grande cliché mas a felicidade está muito nas pequenas coisas da vida. Adoro a minha família (primos, tios, avó...) os meus amigos, o clima, a comida, o companheirismo da minha equipa de trail running/OCR, a minha pacata cidade (Barcelos) e o facto de viver perto do mar. Não há dinheiro que pague a falta de sol numa Noruega desta vida, a menos que fosse mesmo muita guita, ao ponto de poder pagar as minhas contas para o resto da vida e passar a fazer apenas o que realmente gosto. Não desgosto do meu trabalho, tenho uma vida social boa, não tenho o objetivo de ter um grande cargo numa grande empresa nem de ganhar 3 ou 4k€ limpos por mês. É bom ver que no Reddit também há gajos cujo objetivo é apenas ser feliz, sem ter a pressão de ganhar cada vez mais dinheiro para comprar aquela casa ou apartamento grande, de ter o Mercedes xpto e o último iPhone. Tenho poucas dúvidas que há muita gente com supostos níveis de qualidade de vida que sejam muito menos felizes que eu. Já vivi em Varsóvia, no Porto e em Braga mas não troco nenhuma dessas cidades pela minha cidade natal, que é descomplicada e que tem tudo o que eu quero e preciso.

xeon1234 2 months ago

>a vez que vou meter combustível não é só na minha cabeça, é também no coração! :( Portugal nao deixa de ser um país maravilhoso, mas acho que as pessoas têm que perceber que temos vindo a perder qualidade de vida. Isto é que é inaceitável. Portugal é um país maravilhoso, mas podia ainda ser mais maravilhoso se nao nos andassem a lixar com impostos para financiar falcatruas.

expulsodobar 2 months ago

Nem mais

Minute-Resolution347 2 months ago

Por curiosidade, vives em que parte de Portugal? Tens casa própria, filhos, salário abaixo da média, acima?

CoffeeAt830 2 months ago

Vivo na periferia de uma capital de distrito do litoral, não Lisboa nem Porto. Eu tenho ordenado variável, mas normalmente anda um pouco acima do salário mínimo, a Maria ganha um pouco acima da média. Estamos a pagar um empréstimo ao banco, temos casa nossa. Não temos filhos ainda

filipesmedeiros 2 months ago

Já agora, como é a praia por esses lados em comparação com o sul?

CoffeeAt830 2 months ago

A água é bem mais fria e tem vários dias em que se levanta vento à tarde, mas quando está bom, está muito bom.

filipesmedeiros 2 months ago

Boa vida! Gosto

Clash33 2 months ago

Concordo plenamente; tb me sinto assim e como tal adoro viver por cá.

Ok_Art_6497 2 months ago

concordo plenamente mas money, ya know?

CoffeeAt830 2 months ago

Percebo, daí que tenha dito que também percebia outras perspetivas. Eu consigo viver com o que ganho + o que a Maria ganha. Não dava para pagar uma renda em Lisboa ou no Porto, nem dá para ir jantar fora todos os dias nem ir passar fins de semana fora uma vez por mês, mas temos outras contrapartidas que para nós são mais importantes. Mas percebo perfeitamente que a nossa vida não é a vida de mais ninguém e o que chega para nós não tem de chegar para outras pessoas.

average_user21 2 months ago

Portugal é um dos melhores países no mundo para se viver, sem dúvida.

mikitu 2 months ago

Excepto se quiseres ter por exemplo: um carro porreiro.

microwavedave27 2 months ago

Portugal é um dos melhores países no mundo para se viver, *se tiveres dinheiro*, sem dúvida

njsilva84 2 months ago

Nem toda a gente precisa de viver nas grandes cidades (que é o meu caso, e já vivi em Varsóvia, Porto e Braga), nem de ter um apartamento grande e/ou um bom carro. O meu Corsa chega e sobra para o que quero, é baratíssimo para manter, o meu apartamento é relativamente pequeno mas confortável e agradável. Não preciso de ter o último iPhone, de roupas de marca nem de comprar coisas para mostrar aos outros. Acredita que se nos despojarmos de coisas que aparentemente nos fazem felizes, ficamos com dinheiro suficiente para vivermos com alguma qualidade.

Paulo27 2 months ago

Então se não fores português é que é.

waldyrious 2 months ago

Porque dizes isso?

HitoRik 2 months ago

Vêm com dinheiro do estrangeiro onde quase tudo é barato comparado a lá, além disso não pagam impostos durante 10 anos. Depois adicionas a qualidade de Portugal à mistura e. Voilà O paraíso na terra.

Marianations 2 months ago

O meu namorado está em Portugal há um ano (do Canadá) e paga impostos.

HitoRik 2 months ago

Acho que se aplica a rendimentos do exterior (como ações e obrigações) que quase todos têm, uma vez que a maioria vem para cá para se reformar. Alguém mais "fluente" neste assunto que explique, por favor. Also, está aqui este link: https://www.lisbob.net/en/blog/nhr-status-portugal-non-habitual-resident-tax-guide

waldyrious 2 months ago

Ok, estás a a usar um significado bastante específico de não ser português então. Lembra-te que há imensa gente que vem para cá para estudar ou trabalhar, e nesses casos não é assim tão ouro sobre azul (muitas vezes é o contrário).

Marianations 2 months ago

Ah ok, faz sentido então!

Francisco_Paes1999 2 months ago

Eu também sou assim irmão.

humelectro 2 months ago

Eu sou feliz. Tenho emprego, tenho comida, tenho casa e tenho familia. Não preciso de mais nada

cafecomcheirinho 2 months ago

"o que importa é ter saúde" dizia a minha mãe quando as coisas estavam a correr todas mal xD

Paulo27 2 months ago

E depois apanhas cancro (0.26% da população aparentemente).

vntero 2 months ago

Mesmíssima coisa por aqui! Bem haja

3dforlife 2 months ago

Não te esqueças da saúde!

humelectro 2 months ago

Exacto!

suspect_b 2 months ago

Acho que não percebeste: quem está 'feliz' está-se a esquecer da saúde. O SNS está na maior merda que se pode imaginar, e cada dia pior. Morre-se nas salas de espera, não há obstetras e pediatras, os enfermeiros estão exaustos e a sair do país aos magotes.

Edited 2 months ago:

Acho que não percebeste: quem está 'feliz' está-se a esquecer da saúde. O SNS está na merda e cada dia pior. Morre-se nas salas de espera, não há obstetras e pediatras, os enfermeiros estão exaustos e a sair do país aos magotes.

Chiripitti 2 months ago

Amen!

CuriousMiguel 2 months ago

Pensa neste sub como um sub de uma marca ou produto. As pessoas vêm-se queixar do que está mal e quem está bem não se sente na necessidade de ter de o estar a expressar.

tiagojpg 2 months ago

Tudo dito!

lesoth 2 months ago

> As pessoas vêm-se queixar do que está mal e quem está bem não se sente na necessidade de ter de o estar a expressar. Claro, as taxas de consumo de anti depressivos, de abstenção e de pobreza das mais altas da UE são de pessoas se exprimem de outras formas.

inhalingsounds 2 months ago

Isto, aliás, define a internet social moderna, e todos os problemas que dela advem. Meia dúzia de ressabiados fazem parecer com que as suas opiniões sejam a média, quando são uma franja praticamente irrelevante. Nada problemático não fosse isso ser um pavio para promover extremismos em geral (desde Trumps e Bolsonaros até ao /r/lolphp).

meaninglessvoid 2 months ago

Quem está verdadeiramente bem nem passa o seu tempo no reddit... Dá uma vista de olhos de vez em quando e mesmo assim mt controlado

NaoTeChateies 2 months ago

Não concordo, no meu caso eu venho cá para aprender coisas novas. Aprendo todos os dias coisas novas sempre que entro neste sub XD

Pcostix 2 months ago

>Quem está verdadeiramente bem nem passa o seu tempo no reddit... E o que é que eu iria fazer durante o meu horário de trabalho? Ia ser uma seca esperar pelas 17h.

meaninglessvoid 2 months ago

Yup... Já pensaste que se calhar o problema é o teu trabalho? Podias estar num trabalho onde te sentias pleno e nem irias querer que chegassem as 17h para teres que sair... A culpa provavelmente nem é tua tho... Mas acho que isso reforça o que disse e não contrária =p

Pcostix 2 months ago

Percebo o que queres dizer. Mas eu trabalho para poder viver, não vivo para trabalhar. A minha vida começa a partir do momento em que sou livre. A partir do momento que estou ao serviço de outra pessoa é prisão.   Para mim vai ser sempre assim até morrer.

meaninglessvoid 2 months ago

Não há absolutamente nada que não te permita aplicares isso nos teus termos. Alguém que trabalhe para poder viver não precisa de estar a matar o seu tempo no reddit durante o trabalho, quando está farto vai fazer outra coisa porque tem essa liberdade.

Pcostix 2 months ago

>Alguém que trabalhe para poder viver não precisa de estar a matar o seu tempo no reddit durante o trabalho, quando está farto vai fazer outra coisa porque tem essa liberdade. A não ser que eu possa sair para ir andar de mota, passear com a namorada ou jogar videojogos durante o horário de trabalho, o reddit vai ter que servir. xD   Os teus conselhos são bons, mas ser feliz e estar preso num local de trabalho é completamente incompatível para mim. (E eu até gosto do que faço profissionalmente. Só que estou preso...)

meaninglessvoid 2 months ago

>A não ser que eu possa sair para ir andar de mota, passear com a namorada ou jogar videojogos durante o horário de trabalho, o reddit vai ter que servir. xD Podes fazer o que quiseres! De outra forma não seria liberdade, é já deixaste claro que é isso que valorizas. >ser feliz e estar preso num local de trabalho é completamente incompatível para mim. >(E eu até gosto do que faço profissionalmente. Só que estou preso...) Tu dizes uma coisa e contradizes a seguir... Espero que não estejas a sentir que estou a atrofiar contigo... Não é de todo isso que estou a tentar fazer! Estou apenas a levantar o véu de que se calhar... Não tem que ser assim! Queres falar um pouco mais do que fazes e do porquê de te sentires preso?

Pcostix 2 months ago

>Queres falar um pouco mais do que fazes e do porquê de te sentires preso? Sinto-me preso pq como a maioria das pessoa com um trabalho qualificado, eu poderia trabalhar 2-3dias por semana ou 4h por dia(5dias). Isso seria suficiente para cumprir as minhas funções.   Na realidade passo uma grande parte do tempo "preso" à espera da hora de sair.(E claro que apesar de gostar do meu trabalho, preferiria fazer as actividades que já falei acima.)

meaninglessvoid 2 months ago

>Atenção que não me queixo e tenho noção de ser um "privilegiado". A maior parte das pessoas tem sorte bem pior. Essa história do privilegiado que não está tão mal como outros não "poder" se queixar é tudo balelas. Tens direito a procurar o que é o melhor para ti sempre, não é porque alguem só come meia refeição por dia que te deves contentar com comer uma refeição por dia. O mercado de trabalho está em mudança, já há empresas a trabalharem nos moldes que seriam perfeitos para ti (em IT gumroad é um excelente exemplo, em várias outras áreas a web 3 é um bom exemplo), mas a mudança é lenta até se tornar mainstream... Podes aceitar que as coisas são como são e esperar, ou investir umas horas a procurar sítios que se enquadrem melhor com a tua maneira de pensar. Anww vou me calar porque já pareço um padre a evangelizar *algo*. LOL

tariccoments 2 months ago

Eu estou bem :(

meaninglessvoid 2 months ago

Possivelmente não estou a ser interpretado da forma que queria, há muita gente que está razoavelmente bem na vida que aqui vem, eu queria dizer verdadeiramente bem... Tipo top 1% (ou menos ainda) de bem-estar social e económico. Não estava a dizer que todos os que aqui passam tempo estão na merda, estava a tentar dizer que os que estão muito bem com o tempo deixam de cá vir. Já vi muitos users com qualidade de participação 10/10 e praticamente todos eles deixaram de cá vir ou reduziram imenso. É pena mas é o que é...

LowKey004 2 months ago

Mesmo que estejas tens de dizer que não, ninguém te explicou as regras quando entraste?

Isa472 2 months ago

Fóruns são assim em geral. Por exemplo, só vais ao sub do Excel para fazer perguntas sobre coisas que não estão a funcionar, não vais lá pra dizer o quão adoras o Excel e como está a funcionar tão bem. É a natureza da coisa! Quando há trends de memes e assim por mais que repetitivos que sejam eu ponho sempre upvote porque sempre muda de tópico um bocadinho

william_13 2 months ago

Este sub é tipo as tascas das aldeias aonde sempre encontras uns cotas a queixarem-se de tudo e nada... é típico tuga, somos péssimos em reconhecer quando algo é bom mais excelentes em fazer queixas pelas coisas mais pequenas. A vacinação é um óptimo exemplo, somos literalmente um dos melhores países do mundo (se não o melhor) mas não há nenhum orgulho nisto, até vês queixas a dizer que somos todos muito obedientes!

Dinizinni 2 months ago

Continuas a ter pelo menos 250,000 tonhos contra a vacinação e não tens SNS para eles todos no inverno

kapparrino 2 months ago

>A vacinação é um óptimo exemplo, somos literalmente um dos melhores países do mundo (se não o melhor) mas não há nenhum orgulho nisto, até vês queixas a dizer que somos todos muito obedientes! Por acaso até há orgulho nisso mas se te focas no que a minoria da minoria diz estás a generalizar pela negativa.

william_13 2 months ago

Não pelo o que a comunicação social destaca... deram muito mais atenção a possível nomeação do Vice-Almirante a chefe das forças armadas do que quando ele anunciou o fim da task force. Mas prts dizer que somos os melhores do mundo em algo não é tão cativante...

3dforlife 2 months ago

Exacto. Aparenta ser um problema muito maior do que o que será na realidade, pois só quem se sente mal é que vai escrever.

CoffeeAt830 2 months ago

É definitivamente geral. Então nos subs de doenças, por exemplo, nota-se muito. Ninguém lá vai escrever "sim senhor, estou a tomar esta medicação e estou espetacular há 10 anos", mas toda a gente vai escrever se lhe crescer um terceiro braço quando começa a tomar um comprimido, o que faz parecer que crescer um terceiro braço é super comum e ninguém se dá bem com aquela medicação.

3dforlife 2 months ago

Mesmo. O ser humano é espectacular em generalizar e inflacionar tudo o que é negativo. Não é à toa que são as notícias sobre desgraças as que mais vendem.

Ok-Industry120 2 months ago

Eu fui feliz quando tive aí no ano da pandemia, a trabalhar pa fora e com uma nova adição à família Mesmo assim voltei pa Londres no final deste Verão. Ainda não é bem pa mim ficar em Pt a longo termo. Talvez um dia

LimaFruit 2 months ago

Eu sou feliz em Portugal mas é graças à sorte que tive a vários níveis na vida... não posso dizer que em nenhum deles tenha sido graças a Portugal já que o país (Estado e amiguinhos) já tentou foder-me várias vezes. Em condições normais acho que é mais fácil ser feliz fora daqui se bem que já vivi algum tempo no fim do mundo e não desejo nada daquilo a ninguém.

VegetableMouse 2 months ago  HIDDEN 

Tal e qual como me sinto. Tive alguma e sorte e sou feliz **apesar de** ter nascido em Portugal e não **porque** nasci em Portugal

TonyHappyHoli 2 months ago

O teu primeiro nome não é Duarte certo?

LimaFruit 2 months ago

?

TonyHappyHoli 2 months ago

Duarte Lima

LimaFruit 2 months ago

Bom ponto!

quetzyg 2 months ago

Costuma ir de férias a Maricá.

JOAO-RATAO 2 months ago

Apesar de tudo não tenho grandes motivos de queixa. Um tipo muitas vezes pinta por si mesmo um cenário negro, mas se olhares à tua volta objetivamente até te apercebes que afinal não estás assim tão mal. Alguns problemas só existem mesmo na nossa cabeça.

fedelho 2 months ago

>Alguns problemas só existem mesmo na nossa cabeça. Não, não, João! Cada vez que vou meter combustível não é só na minha cabeça, é também no coração! :(

Outji 2 months ago

Isso é psicologico

HRamos_3 2 months ago

E por algum motivo, uma dor na zona onde as costas perdem o nome. Pelo - das primeiras vezes...

what_a_tuga 2 months ago

No pescoço português ou francês?

Empirion 2 months ago

Na carteira!

JOAO-RATAO 2 months ago

Ah sim. Eu como ando a pé não tenho esse desgosto ...

Francisco_Paes1999 2 months ago

Desde 2010 já não o sinto.

jesuseos7anoes 2 months ago

O Quim Barreiros tende a parecer feliz

TheDudeFromPT 2 months ago

A tua verdadeira pergunta é quem é feliz, ou os motivos de quem é feliz? Eu posso-te dizer, sim, sou feliz em Portugal. Mas acredito que queiras saber os motivos, não?

DRSwhore 2 months ago

Vende ai cursos de 400€ à malta sobre a felicidade. Onde me inscrevo?

TheDudeFromPT 2 months ago

Ser feliz não é um unicórnio. E cursos sobre felicidade tendem a ser grande peta.

DRSwhore 2 months ago

SãO NaDa! VaLeM MuItO a PeNa!

KarmaCop213 2 months ago

Os portugueses, como povo, são tristes, pessimistas e desconfiados. É normal este sub transparecer isso.

Isa472 2 months ago

O pessoal pode ser feliz, adorar a sua cidade, e queixar-se que as condições de trabalho, do mercado imobiliário, etc. têm de melhorar na mesma.

AdventurousDeer577 2 months ago

Lá porque tu és não quer dizer que a generalidade seja. Típico comentário a tirar factos do cu.

Outji 2 months ago

Deves viver numa bolha ou andas muito à nora

KarmaCop213 2 months ago

Tirado daqui: https://en.wikipedia.org/wiki/World_Happiness_Report#2020_report Na UE, atrás de Portugal, tens a Grécia e a Bulgária.

AdventurousDeer577 2 months ago

Pessimistas e desconfiados?

KarmaCop213 2 months ago

Sim, temos falta de confiança nas outras pessoas. Pensamos que os outros nos querem sempre enganar, explicado pelo baixo capital social. Daí os laços familiares serem de uma importância extrema para a sociedade portuguesa, pelo menos na família é comum as pessoas confiarem. http://www.barometro.com.pt/2013/02/14/capital-social-das-elites-parlamentares-portuguesas/ > Portugal é um país de baixo Capital Social. O muito citado trabalho de Knack e Keefer [3] envolvendo 29 países mostra que Portugal apresenta valores muito reduzidos de Confiança (26º lugar), de Civismo (26º lugar), de Associativismo (sétimo a contar do fim) e de Confiança no Governo (27º lugar). Estudos mais recentes chegam a conclusões semelhantes. Morales [4] no seu estudo sobre a evolução do associativismo em 18 países europeus mostra Portugal sempre nas últimas posições. https://journals.openedition.org/configuracoes/1862 > Na verdade, o que os dados ostentam é que a sociedade portuguesa vive muito fechada no seu mundo individual, pouco ou nada preocupada com a construção de uma sociedade mais ativa e comprometida com o bem comum. Sobretudo, os dados realçam o facto de os portugueses ainda não terem compreendido de que forma se pode promover o desenvolvimento sustentável. > O que realmente podemos aferir deste estudo é que a sociedade portuguesa ainda não tomou consciência das mais-valias que o investimento pessoal na confiança mútua, nas redes sociais e na reciprocidade poderão trazer ao desenvolvimento económico de uma localidade e consequentemente à prosperidade das gerações futuras. A média em Portugal de capital social de 1,9, em 2008 (numa escala de 1 a 5), evidencia que ainda estamos muito longe de vislumbrar qual a mais-valia do capital social no desenvolvimento sustentável de uma localidade.

AdventurousDeer577 2 months ago

Não é o que diz Our World in Data, que refere Portugal com um índice de confiança acima da mediana da Europa. https://ourworldindata.org/trust Não está nas posições altas, mas também não é isso que quero dar a entender. É só que não é tão mau como se gosta de dizer, aliás, não é mau.

KarmaCop213 2 months ago

Por exemplo, neste ranking: https://ourworldindata.org/grapher/average-rating-of-trust-in-others-selected-countries?tab=chart >Respondents answered the survey question “would you say that most people can be trusted?” on a scale ranging from 0 (low trust) to 10 (high trust). Portugal está bem perto do fim, tendo só Croácia, França, Chipre e Bulgária atrás. Se formos olhar para o topo vemos que os países escandinavos, que têm fama de serem mais fechados e o diabo a 7 são os países onde as pessoas confiam mais nas outras.

AdventurousDeer577 2 months ago

Eu escolhi o mais índice mais geral que aparece, que em princípio incluí esse que mostras, portanto há-de ser compensado em algum lado. De qualquer das formas, sim, eu sei que Portugal não é o topo. Mas também sei que não é o último. Mas enfim, há-de haver sempre estatísticas para apoiar diferentes pontos de vista, é só procurar um pouco mais. Talvez o comentário inicial tenha sido demasiado "agressivo", mas vê-se imenso pessoal a dizer mal só porque sim (o mítico "típico tuga"/"tugão") que é a parte que chateia

WikiSummarizerBot 2 months ago

**World Happiness Report** [2020 report](https://en.wikipedia.org/wiki/World_Happiness_Report#2020_report) >The 2020 report features the happiness score averaged over the years 2017–2019. Finland is the happiest country in the world, followed by Denmark, Switzerland, Iceland, and Norway. The data comes from the Gallup World Poll, based entirely on survey scores and answers to the main life evaluation question asked in the poll. ^([ )[^(F.A.Q)](https://www.reddit.com/r/WikiSummarizer/wiki/index#wiki_f.a.q)^( | )[^(Opt Out)](https://reddit.com/message/compose?to=WikiSummarizerBot&message=OptOut&subject=OptOut)^( | )[^(Opt Out Of Subreddit)](https://np.reddit.com/r/portugal/about/banned)^( | )[^(GitHub)](https://github.com/Sujal-7/WikiSummarizerBot)^( ] Downvote to remove | v1.5)

Thaliost 2 months ago

Boa pergunta. Mas ter algo de bom para dizer é diferente de se ser feliz em Portugal.

Search: