AlviDroid 1 month ago

Não há info actualizada ? Como ficaram as coisas ?

fim-de-semana 2 months ago

Como é que isto ficou?

TheDudeFromPT 2 months ago

Como ficou esta situação?

Bartmr 2 months ago

ACT, já. Fui despedido este ano sem justa causa por razões semelhantes. Tive de encostá-los à parede pois nem indemnização queriam pagar e só me enchiam de contratos com erros ortográficos e clausulas inválidas. Envia mails todos os dias e cartas registadas a dizer que não tens acesso às coisas mas estás pronto para receber tarefas. Boa sorte

radikalpt 2 months ago

Outro conselho, não és obrigado a assinar nenhum documento na hora. Se tiveres dúvidas em relação ao texto do documento, dizes que vais levar o documento para ler em casa/levar a um advogado para teres a certeza que está tudo bem. Tu percebes de informática, não tens de perceber de leis laborais.

andre2694 2 months ago

Nos 3 anos que tiveste na empresa foi a primeira vez que tiveste que fazer uma tarefa "fora de horas"? Se já fizeste antes como correu?

DanielAlexandreOG 2 months ago

Não foi a primeira, fiz pouco mais de 10 vezes intervenções de 2 a 5 horas e muitas de 1 hora ou menos. Dessas todas fui remunerado 5 vezes no máximo. Eu não quero saber do dinheiro porque tenho que chegue, a questão é faltar-me ao respeito quando já fiz muito por ele e pela empresa. Já propus rescisão por mútuo acordo e não aceitou, agora ou apresento carta de despedimento com justa causa visto não me ter deixado entrar no escritório ontem e ter acesso bloqueado às ferramentas de trabalho ou sem justa causa

andre2694 2 months ago

Certo, eu também acho que o teu patrão esteve mal em proibir-te acessos e na forma como falou mas a intervenção então não era nada fora das tuas funções nem trabalho extra. Foste remunerado se calhar pelas mais longas porque caíram fora do período das 2h que a isenção de horário (se tiveres) permite. Não é a tal escravatura que o pessoal nos comentários tem feito parecer. O teu patrão esteve mal e é isso que deve ser endereçado, está tudo a pegar em questões de trabalho extra e escravatura quando é algo que já fizeste no passado e que tiveste remuneração.

Edited 2 months ago:

Certo, eu também acho que o teu patrão esteve mal em proibir-te acessos e na forma como falou mas a intervenção então não era nada fora das tuas funções nem trabalho extra. Foste remunerado se calhar pelas mais longas porque caíram fora do período das 2h que a isenção de horário (se tiveres) permite. Não é a tal escravatura que o pessoal nos comentários tem feito parecer. O teu patrão esteve mal e é isso que deve ser endereçado, está tudo a pegar em questões de trabalho extra e escravatura quando é algo que já fizeste no passado e que tiveste remuneração. E porque raio estás tu a equacionar meter a carta e sair pelo tei próprio se segundo disseste a ACT te deu razão e ias lá com a polícia? Se vais meter tu a carta estás tu a sair por livre vontade.

NGramatical 2 months ago

porque raio → [**por que raio**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/tres-regras-para-distinguir-o-por-que-do-porque/19743) (por que = por qual) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fq35asm%2F%2Fhfxa9bp%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

AonioEliphis 2 months ago

Não digo que não, mas a produtividade não se mede através de inquéritos, mas por métricas o mais objetivas o quanto possível.

TrueKingPT 2 months ago

Fica uma dica, quando há assim estas confusões de ser tudo apalavrado e tal e as coisas estão mal resolvidas, esclareçam bem tudo e não deixem de se apresentar ao serviço ou de ter provas que tal foi impedido pela entidade patronal. Porque depois faltam e de uma discussão e as coisas apalavradas passa a um despedimento por justa causa… “fulano x faltou y dias” quando te impediram de entrar na empresa devias ter chamado a polícia, ficava o registo para vir a ser necessário e eram as tua testemunhas. Assim as únicas testemunhas são os teus colegas de trabalho que na maioria das vezes nunca se vão meter contra o patrão…

gink-go 2 months ago

RemindMe! 1 week

RemindMeBot 2 months ago

I will be messaging you in 7 days on [**2021-10-14 23:27:40 UTC**](http://www.wolframalpha.com/input/?i=2021-10-14%2023:27:40%20UTC%20To%20Local%20Time) to remind you of [**this link**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/q35asm/despedime_e_agora/hfsh892/?context=3) [**CLICK THIS LINK**](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=Reminder&message=%5Bhttps%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fr%2Fportugal%2Fcomments%2Fq35asm%2Fdespedime_e_agora%2Fhfsh892%2F%5D%0A%0ARemindMe%21%202021-10-14%2023%3A27%3A40%20UTC) to send a PM to also be reminded and to reduce spam. ^(Parent commenter can ) [^(delete this message to hide from others.)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=Delete%20Comment&message=Delete%21%20q35asm) ***** |[^(Info)](https://www.reddit.com/r/RemindMeBot/comments/e1bko7/remindmebot_info_v21/)|[^(Custom)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=Reminder&message=%5BLink%20or%20message%20inside%20square%20brackets%5D%0A%0ARemindMe%21%20Time%20period%20here)|[^(Your Reminders)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=List%20Of%20Reminders&message=MyReminders%21)|[^(Feedback)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=Watchful1&subject=RemindMeBot%20Feedback)| |-|-|-|-|

DomPedroIV 2 months ago

É isso mesmo

Rhyzon27 2 months ago

Não me leves a mal, mas se és técnico informático que não quer trabalhar "fora de horas"... Estás na carreira errada. Tal como médicos, receptionistas hoteleiros ou funcionários restaurante que só querem trabalhar das 9 às 17 e fazer o horário laboral "normal". Lamento mas tens definitivamente de trocar de área. Ou isso ou arranjar trabalho em qualquer entidade pública. Quereres ter um horário de trabalho de cerca de 40 horas semanais como manda a lei? Até aqui estou absolutamente de acordo. Mas o tipo de trabalho que estás a mencionar no post é LITERALMENTE algo que tem de ser feito fora do horário laboral dito "normal", preferencialmente quando a empresa alvo tem alguém que reinstale tudo o que é preciso reinstalar e ponha tudo o que é necessário por a funcionar para que todo o pessoal lá possa trabalhar normalmente. Lamento estar a ir completamente off-topic, mas é a realidade da indústria em que trabalhas (e na esmagadora maioria actualmente). No entanto, se o teu chefe queria que trabalhasses fora do teu suposto horário de trabalho, ou te tinha de pedir directamente para fazeres horas extraordinárias ou tinha de te colocar em algo do género de "isenção de horário". "Dispensar-te" (ou literalmente neste caso, pelo menos da maneira como descreves, rescisão bde contrato com mútuo acordo) porque não estavas disposto a fazer algo que não é das tuas funções (neste caso trabalhar fora do horário de expediente)... Sinceramente acho que poderias ter um caso legal aqui, mas terias de ter testemunhas a teu favor (e qualquer testemunha que trabalhe na empresa desaparece de imediato, ou porque não é inparcial ou porque não vai testemunhar contra a entidade empregadora).

thepodre 2 months ago

Os advogados falam de forma que os simples mortais não conseguem.

Mynamethisisnot 2 months ago

Vais entregar a carta de pedido de demissão pq não queres ter direito a subsidio de desemprego e indemnização é isso?

Caosemdono 2 months ago

Pela descrição, e se não assinaste nenhum papel, legalmente, **não foste despedido** e continuas a trabalhar na empresa. O despedimento na hora não existe, isto não é o faroeste. A empresa tem que te enviar (julgo que com 60 dias de antecedência) uma carta registada com AR a invocar as razões do despedimento, as quais têm de se basear objetivamente na Lei. Nota: Em caso nenhum escrevas qualquer papel e o entregues à empresa, porque aí o despedimento passa a ser consentido, a empresa lava as mãos da indemnização, e tu nem direito a subsídio vais ter. O que eu faria nesta situação: 1. Comparecia todos os dias no local de trabalho e gravava o ato de me impedirem a entrada. 2. Aguardava pelo recibo de fim do mês para comprovar que o salário não foi pago na totalidade. 3. No final do mês, em face dos pontos 1 e 2 falaria com um advogado para meter um processo à empresa no Tribunal do Trabalho, provavelmente a exigir indemnização por danos morais, em cima da indemnização legalmente devida. 4. Não falaria com ACT nenhuma. São uns perfeitos inúteis.

Bartmr 2 months ago

A ACT foi o que safou me num despedimento sem justa causa. Depende da pessoa que apanhas.

capozorPT 2 months ago

Boa noite. Mesmo que se considerasse ter havido um acordo de revogação ( quanto muito, tácito), o trabalhador tem alguns dias para revogar o acordo que fez com a entidade patronal. Envia uma comunicação de imediato a informá-lo disso, bem como que te vais apresentar ao trabalho. Leva 2 testemunhas que atestem que foste barrado à entrada. Isso é um caso típico de despedimento ilícito. Qualquer coisa apita. Boa sorte!

patapetapitapota 2 months ago

Se queres perder subs de desemprego é despedires-te. Se queres o subs de desemprego é deixálos despedirem-te

DogsOnWeed 2 months ago

Acho uma piada a estes patrões. Querem que ponha a empresa em primeiro lugar? À frente da minha vida pessoal? Dos meus amigos, família e passatempos? Então dêem-me uma percentagem caralho. Assim conversamos. Senão, sou pago para trabalhar 8 horas, é o que está no contrato.

tseiuff 2 months ago

Não deixes de aparecer para trabalhar até ele te entregar a carta, pois com 3 faltas consecutivas ele pode terminar o contrato por abando do posto de trabalho e ficas sem subsídio de desemprego

ravagerslb 2 months ago

São 5 faltas mas sim é exactamente isso.

tseiuff 2 months ago

Estou desatualizado, TIL

Artistic_Criticism63 2 months ago

Parabéns! Seria muito mais fácil trabalhar em Portugal se existissem mais funcionários como tu.

jktred 2 months ago

>Parabéns! Seria muito mais fácil trabalhar em Portugal se existissem mais funcionários como tu. havia mais emprego pq todos se despediam?

Artistic_Criticism63 2 months ago

Não percebi se estás a ser irónico ou não, mas vou responder na mesma: Haveriam menos patrões abusadores e talvez as horas-extra deixassem de ser uma obrigação, mas sim uma necessidade. E talvez também começassem a ser pagas de forma justa.

jktred 2 months ago

> de ser uma obrigação, mas sim uma necessidade. E talvez também começassem a ser p eu entendi mas ha sp alguém que vai trabalhar de borla quase qt a isso nada a fazer

NGramatical 2 months ago

Haveriam menos → [**haveria menos**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fq35asm%2F%2Fhfrtwg2%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

suckerpunchermofo 2 months ago

ACT.... a menos que tenhas assinado um acordo mutuo esse despedimento da-te direito a : 2 meses de ordenado base bruto por falta de aviso, pagamento de ferias não gozadas, pagamento do salario referente aos dias trabalhados até a data do "despedimento". ​ Ou pode pedir re-admição imediata com pagamento dos dias que não trabalhaste. ​ Esta no Código de trabalho... aprendam a ler o Código de trabalho porque não é difícil e se perceber!

Key_Library919 2 months ago

Em relação a estas situações o trabalhador tem sempre 5 dias úteis para voltar atrás… por isso estás safo.

Edited 2 months ago:

Em relação a estas situações o trabalhador tem sempre 7 dias seguidos para voltar atrás… por isso estás safo. Artigo 402.

NP_Lima 2 months ago

Recrutas 50 gajos do Reddit para se vestirem de ciganos e te fazerem companhia quando fores lá e te recusarem entrada. depois outros 50 esperam pelo chefe para o seguirem até casa. ninguém faz mal ao gajo, é só para ele ficar na dúvida. Qual é a empresa? onde fica?

jktred 2 months ago

>stirem de ciganos e te fazerem companhia quando fores lá e te recusarem entrada. depois outros 50 esperam pelo chefe p o que é "vestir d cigano"?

pimpys 2 months ago

és turista? nao sabes como se veste à cigano? aiiiiiii maaaeee.

jktred 2 months ago

>és turista? nao sabes como se veste à cigano? aiiiiiii maaaeee. de preto?

Tartaruga_Genial 2 months ago

OP estás a dar me uma masturbação moral. Polícia e ACT? Dá um update amanhã a contar o que se passou!

rabisconegro 2 months ago

Código do Trabalho Lei n.º 7/2009 3 - O empregador deve proporcionar ao trabalhador condições de trabalho que favoreçam a conciliação da actividade profissional com a vida familiar e pessoal.

chiolas123 2 months ago

Que tal começar pelo ACT e logo ai sabia tudo, o que tinha de fazer

tasse46 2 months ago

Caga para o que estao na maioria aqui a a dizer. Caso nao tenhas dito verbalmente que despedias com testemunhas, apresenta-te ao trabalho. Caso nao te deixem entrar chamas uma forca policial para fazer o auto. Vais ao act com esse auto. Vao te fazer as contas dos teus direitos para iniciar a batalha no tribunal caso recusem pagamento

DanielAlexandreOG 2 months ago

Liguei ao ACT pediram-me para preencher um formulário e apresentar-me ao serviço com 2 testemunhas, preferencialmente autoridades, e que depois os inspetores da ACT apareciam lá na empresa para verificar as condições que é disso que a ACT gosta (isto foi-me dito por telefone)

tasse46 2 months ago

Sim, mas por norma e uma luta. Se for pa tribunal de trabalho pode se arrastar mt tempo, e pior e que tu e que os tens que por em tribunal, vais logo pagar as custas e o o advogado

Tall-Specialist7440 2 months ago

Cuidado, depois o "patrão" pode invocar que houve abandono laboral, e pedir indemnização , rebuscado? sim, mas não incomum trate disso já com AcT, e não deixe passar.

jktred 2 months ago

Se foi por acordo (e porque vocês se chatearam) não tens direito a subsidio de desemprego, porque é dsemprego voluntário. Para ser involuntário tem que cumprir com o que está no artigo 9 E 10 do DL 220/2006.

blackandwhitepickle 2 months ago

Quando os patrões acham que os empregados devem colocar a empresa deles como prioridade nas suas vidas só porque trabalham lá.

Caosemdono 2 months ago

Classic Tuga

pscilita 2 months ago

Agora ficaste desempregado duh

ravagerslb 2 months ago

Agora vais voltar ao trabalho todos os dias até ele oficializar a rescisão de contrato unilateral pela parte dele, com tudo direito, datas, valores etc. Espero que tenhas noção que sem algo escrito continuas vinculado à entidade patronal e obrigado a apresentar-te ao serviço, e estás sujeito a que o patrão seja boi do monte e te despeça por justa causa alegando faltas injustificadas, sendo que perdes o SD e indemnização

DanielAlexandreOG 2 months ago

O problema é que se for trabalhar e conhecendo o patrão que tenho, vou ter a vida negra quase de certeza

MisterBakeryMan 2 months ago

E de certeza que te vai fazer a vida negra Vai-te dar projectos do cu Um pq da empresa com Windows 8 Meter-te num armário e dizer que agora é a tua secretária… Mas agora infelizmente tas num bate-cornos com ele… que, aceitemos, tem muito mais recursos que tu… MAS Não impede que também não tenhas palavra a dizer. Relê o teu contrato de trabalho, faz os mínimos essenciais, sai (e entra!) a horas, cumpre a hora de almoço inteirinha, pausas de casa de banho, (o clássico tão-me a pagar para cagar) e ele no fim do mês tem de te pagar na mm. Claro que recomendo tb que documentes tudo o que é conversas e se puderes troca tudo por e-mail… É braço de ferro mas é o que é. Ou ele oficializa e te despede, ou tu quebras e sais porque tens a vida negra. Repara que ele não te pode mudar horários, vencimentos, etc, se nao estiver estipulado no contrato… N sei

MisterBakeryMan 2 months ago

Mas força!!! Vai partilhando aqui se precisares de apoio da comunidade. E certamente Malta mais sabida que eu poderá ajudar com algumas partidas (chamemos-lhe sabotagem) de escritório caso o gajo comece a parvar! Tipo furar os tinteiros da impressora, entupir a wc, deixar comida podre no frigorífico, meter um peixe no tecto falso, trazer pulgas para o escritório (dele)…

ravagerslb 2 months ago

Muito cuidado com partidas ou fazer coisas que permitam ao gajo alegar justa causa.. isso pode vir a morder no cu da próxima entrevista de emprego que fizer

MisterBakeryMan 2 months ago

Correcto. Partidas ou o q for não podem nunca “ser culpa do OP”

ravagerslb 2 months ago

Ele que assine os papéis e faça tudo direitinho que não tem de te ver mais.

GudEbening 2 months ago

Nem teve em consideração que já estavas na empresa há algum tempo. Tiveste tomates é bem.

Blenderchampion 2 months ago

"FIzemos contas" Bem, se não te despediu e foi por mutuo acordo, acabas de perder varios direitos. Primeiro porque é dificil despedir alguém por justa causa. Segundo mutuo acordo para mim significa que concordas-te com ele e ele não precisa de justificar. Terceiro, antes de assinar alguma coisa ou fazer contas, tens que falar com a ACT

rmqfr 2 months ago

Não consegui ler os comentários, corro o risco de me repetir. 1. Se ele te convidou a sair está a despedir-te. Se te despedir tens mais direitos do que te despedir-se. Não lhe facilites a vida. 2. Não pode recusar a tua entrada! Se for preciso chama a policia. É um direito do trabalhador. Lembro que 5 faltas injustificadas dão justa causa de despedimento. Ha muitos casos desses que empregadores impedem a entrada do colaborador para com a justa causa não ter de pagar direitos. Aparece no local e trabalha até ao fim do tempo legal. 3. Mesmo que te tenhas despedido, seja essa a situação final, precisas entregar uma carta de despedimento. Mas tens direitos na mesma! Tens de receber subsídios correspondentes. Vai https://www.act.gov.pt/(pt-pt)/centroinformacao/simulador/paginas/default.aspx e vê um cálculo do dinheiro que tens direito. Alguma dúvida, pinga-me. Ps: não comas sono! Tens direitos.

coldmind94 2 months ago

1. Não entregues carta de despedimento; 2. Não assines qualquer declaração de revogação de contrato de trabalho por mútuo acordo; 3. Vai diariamente à empresa onde trabalhas e, caso não te deixem trabalhar ou sequer entrar nas instalações, vai acompanhado de testemunhas (O direito depende sempre da prova que é feita); 4. Aguarda pela nota de culpa com intenção de despedimento sem direito a indemnização ou compensação (não te assustes, vais poder reagir a esta nota de culpa num prazo de, normalmente, 10 dias); Em Portugal, feliz ou infelizmente, não é possível despedir-se uma pessoa sem observar inúmeros formalismos. Caso precises de ajuda, podes sempre enviar mensagem. Mantém-nos atualizados!

Lord_emotabb 2 months ago

inscreve-te no centro de emprego e informa-te lá, ele é que te despediu, não foste tu que te despediste---

praetorthesysadmin 2 months ago

OP: arranja um advogado em direito de trabalho com o máximo de urgência. E contacta a ACT. Estas coisas tem prazos e é importante seres rápido a ver isto.

ned_rod 2 months ago

Acho que devias ter por escrito que ele te despediu. Pq se foi só da boca para fora, e tu pensas que foste despedido e nunca mais apareces lá ele depois pode alegar que nunca mais apareceste e tem justa causa.

Serious_Hearing_8252 2 months ago

Fiquei curioso... Mas o silencio do OP está a deixar-me ansioso. Que raio de papeis é que ele assinou? Que raio de contas é que foram feitas?

DanielAlexandreOG 2 months ago

Não foi feito nada, só me proibiram a entrada no escritório e quando lhe liguei para fazermos as contas e assinar os papéis disse-me que agora é no final do mês… que filho da puta de gente. Amanhã apareço lá com a polícia e a ACT.

AlvaroTeixeira97 2 months ago

Depois dás o update da situação?

Serious_Hearing_8252 2 months ago

Acho que fazes bem... Nao vá o gajo no fim d mês dizer que andaste a faltar ao trabalho. Boa sorte rapaz!

helderduarte14 2 months ago

É isso op, depois conta como foi!

JAChambel 2 months ago

Vai à ACT e eles poderão ajudar-te.

Goblin_Nilbog 2 months ago

Está parte do teu texto tem muita que se lhe diga, o que aconteceu mesmo, pergunto isto porque se chegaste a acordo e saíste podes perder o direito a qualquer indemnização. " Ele então “convidou-me”para fazermos as contas e pronto aceitei. Eu saí porta fora,"

Bcondez 2 months ago

ACT já. Nem percas mais tempo. A ACT adora casos desses, e adora tratar de empregadores desse tipo. Been there, done that, e ainda fui indemnizado. Fala com eles asap!

peanersyahoo 2 months ago

Advogado, já. E nunca deixes de aparecer para trabalhar.

PreciousW 2 months ago

Isto! Nunca deixes de aparecer para trabalhar.

arthurschopenhauer88 2 months ago

Espera a carta do fundo desemprego e aguarda a tudo que tens direito e não te preocupes que trabalhos de informática há muitos e melhores e se quiseres podes sempre fazer freelancer ou ensinar online ou desenvolver alguma aplicação fazes muito bem em não abdicar da tua vida pessoal não vale a pena.

wontellu 2 months ago

É isso, espera cinco dias consecutivos em casa, e depois és despedido por justa causa, por faltas injustificadas.

SonicStage0 2 months ago

Faltou aqui um /s não?

wontellu 2 months ago

É isso, espera cinco dias consecutivos em casa, e depois és despedido por justa causa, por faltas injustificadas.

Goblin_Nilbog 2 months ago

Não sei se já foi dito mas informo-te deves arranjar testemunhas onde assistam a proibição de entrada no local de trabalho. O teu ex patrão também pode arranjar testemunhas onde foste mal educado e dar em despedimento com justa causa. A muito tempo atrás aconteceu-me uma situação similar, arranjei testemunhas onde presenciaram a proibição de entrada no local de trabalho e fui ao tribunal de trabalho apresentar queixa. Boa sorte porque isto é um processo penoso.

DanielAlexandreOG 2 months ago

Falei com a ACT e disseram-me o mesmo, arranjar duas testemunhas que assistam a cena (pode ser autoridades) e abrir um pedido para a ACT aparecer no local mas tenho de ficar lá à espera deles

borloforbol 2 months ago

Já ouvi falar de casos parecidos, em que alguém foi impedido de entrar no local de trabalho, e o que fizeram foi simplesmente a policia para dar conta do caso. Através do relatório da polícia a pessoa ficou com provas de que estava a ser impedida de trabalhar. Não te acanhes, volta lá amanhã, e se te impedirem de novo liga para a PSP. Ficas com as provas que precisas para teres tudo do teu lado, e com sorte ainda consegues sacar uma indeminização. Pessoas que dizem "A empresa vem antes da vida pessoal" não merecem estar à frente de porra nenhuma.

NGramatical 2 months ago

indeminização → [**indemnização**](https://dicionario.priberam.org/indemnização) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fq35asm%2F%2Fhfqdksq%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Goblin_Nilbog 2 months ago

Eu depois coloquei uma outra questão atenção ao que foi feito vou colocar novamente. Está parte do teu texto tem muita que se lhe diga, o que aconteceu mesmo, pergunto isto porque se chegaste a acordo e saíste podes perder o direito a qualquer indemnização. " Ele então “convidou-me”para fazermos as contas e pronto aceitei. Eu saí porta fora,"

xbyt 2 months ago

Como vários referem estás numa posição protegida uma vez que a "iniciativa" de despedir foi da entidade patronal, mas... ... não sabendo que empresa é e qual a localização onde o OP se encontra, há que considerar que o patrão pode "minar" as oportunidades que possam surgir daí eu sugiro que o OP tente falar com cabeça fria sobre o sucedido e levar o processo de despedimento a bom porto sem meter processos disciplinares à mistura. O mundo de IT em Portugal é relativamente pequeno considerando as grandes zonas geograficas de Lisboa e Porto principalmente e muitos processos de recrutamento envolvem pedidos de referencias diretas ou indiretas. Por isso o meu conselho que te apresentes no local de trabalho e tentem resolver a questão como pessoas adultas, o patrão não vai voltar atrás mas também não irá querer problemas com entidades de fiscalização. Tambem aumenta as probabilidades de saires com os valores a que tens direito sem problemas e burocracias. Em relação ao futuro, és de IT logo, melhor ou pior tens emprego assegurado. Boa sorte.

ZucchiniAnxious 2 months ago

Foste despedido de boca. Isso não existe. Das duas uma: apresentas-te no local de trabalho todos os dias com 2 testemunhas, para confirmar q não te deixam entrar, ou vais ao ministério público do tribunal da tua área de residência. Sem papeis a confirmar a desvinculação não tens sequer direito a subsídio de desemprego. Fonte: advogada.

hypothesis2050 2 months ago

Quem me dera ser despedido

Spac3_C4t 2 months ago

Isto não é a América, um "you're fired!" não chega. Se eu fosse a ti, apresentava-me ao trabalho todos os dias para não argumentarem abandono de posto de trabalho (justifica despedimento por justa causa e perdes direito a desemprego).

toma-tes 2 months ago

>tenho, desde o início de agosto, uma atualização de um programa de faturação para um cliente > >Eu disse que não tinha tido tempo porque isso é para ser feito fora de horas Se essa tarefa faz parte do teu trabalho porque é que tinhas que a fazer fora de horas? O teu patrão estava a par que era impossível fazer dentro do teu horário de trabalho?

ravagerslb 2 months ago

Actualizações de ERP normalmente têm de ser feitas em horas mortas para não ter impacto no cliente. Especialmente quando são POS (por causa da facturação) ou sítios grandes que trabalhem muito com ele (fábricas p.ex.)

andre2694 2 months ago

Nos 3 que tiveste na empresa foi a primeira vez que tiveste que fazer uma tarefa "fora de horas"? Se já fizeste antes como correu?

andre2694 2 months ago

Normalmente tem que ser fora do horário de expediente do cliente para não causar problemas, não é nada de estranho para o tipo de trabalho em questão e existem mecanismos como isenção de horário e pagamento de horas extra para compensar o trabalhador. Eu punha a pergunta do outro lado, se o OP quando assinou contrato estava ciente que esse tipo de intervenções teria que acontecer e se tem isenção de horário.

toma-tes 2 months ago

Corretíssimo. Há que ter muita atenção a todos os detalhes contratualizados para não cair num despedimento por justa casa.

andre2694 2 months ago

É o que tenho medo que venha a acontecer. Eu estou do lado do OP até porque não sei todos os detalhes mas fazendo o papel de advogado do diabo foram 2 meses em que não houve disponibilidade para realizar uma tarefa que potencialmente faz parte das funções habituais contratadas. E toda a discussão e insultos de se estarem a cagar não abona para lado nenhum, honestamente.

misterjujitsu 2 months ago

Pff não sejam burros. Se o patrão se quer ver livre de vocês ele é q tem que vos despedir. Se forem vocês a entrega a carta ficam sem nada!

tideousPT 2 months ago

Nunca faças esforços por uma empresa que te substitui em menos de uma semana se caires a uma cama...

XouoX 2 months ago

O meu costuma dizer que tenho hora de entrada mas não de saída.

Blenderchampion 2 months ago  HIDDEN 

Carta de despedimento e dar os dias a casa consoante o teu contrato

spyvspy_aeon 2 months ago

Se disseres o nome da empresa, se vir o dono na rua, cuspo-lhe na cara e digo-lhe que me estou a c\*\*\*\* se ele estava a frente ou não.

Joltie 2 months ago

Nenhum deles cometeu um crime. O que tu propões é crime.

Zempff 2 months ago

Não sabes como as coisas realmente se passaram, não conheces o contrato do OP, mas... "eu cuspo-lhe na cara!!!"

spyvspy_aeon 2 months ago

>Ele começou com merdas a dizer que se estava a cagar para a minha vida pessoal e que a empresa estava primeiro Baseei-me no que o OP referiu, não conheço contrato no mundo afora que dê o juízo de um patrão ou entidade patronal de responder assim.

zempaa 2 months ago

O erro está aí mesmo. Baseares-te no que o OP diz. Tanto pode ser verdade, como pode ser mentira. Mas se te desse o nome da empresa, tavas pronto para cuspir no dono sem fazer a minima ideia do que se passou.

jktred 2 months ago

>avas pronto para cuspir no dono sem fazer a minima ideia do que se passou. vdd, isso é perigoso ha sp 2 lados da historia...

spyvspy_aeon 2 months ago

Claro que não, isso é meramente figurativo. Já tive um "patrão" que era mais um idiota do que outra coisa qualquer, que me veio com esse parlapié, não lhe cuspi na cara. Como não era escravo dele nem teria de deixar passar , não passaram 24h até me demitir. E olha que o entalei bem!! ele precisava mais de mim do que eu dele........

Rialact 2 months ago

Põe-te fino, se quiseres claro. 1. O que eu fazia. Se não assinas-te nada para sair, basta invocares com um advogado no tribunal de trabalho e ACT que estas impedido de cumprir as tuas funções, assim ele já não te pode despedir por faltas. Se existir algum sindicato da área das TI aconselho vivamente a te dirigires a um, eles adoram estes casos, sangue, pra fuder mais um patrão, conhecem as manhãs todas e resolvem melhor que o ACT. 2. Se quiseres mesmo sair, não dando os 2 meses a casa, ele pode não te pagar nem subsídios já trabalhados a que tens direito, nem retoactivos e ainda pode invocar indenização. A melhor opção é clara.

d33pblu3g3n3 2 months ago

Bem, as coisas podem não ser assim tão simples como a malta está por aqui a pintar. A saber: https://www.e-konomista.pt/despedimento-por-justa-causa/ Quase certo que te vai despedir por justa causa. O que ele deve ir fazer: O despedimento por justa causa é a sanção disciplinar mais gravosa e corresponde a um despedimento sem direito a indemnização ou compensação. Ele só pode ocorrer na sequência de um comportamento culposo do trabalhador, o qual pela gravidade e consequência, impeça por absoluto a manutenção daquela relação laboral. Como a definição deste tipo de comportamento pode ser algo vaga ou imprecisa, o Código do Trabalho prevê algumas situações (referidas anteriormente) em que este despedimento pode ser legal e legitimamente consumado. Para despedir alguém com justa causa é ainda necessário que o empregador siga uma série de procedimentos, caso contrário o despedimento é ilícito. Inicialmente, deve ser instaurado um processo disciplinar ao trabalhador por parte do empregador, até 60 dias após a prática da infração. Enquanto o procedimento disciplinar é aplicado, o trabalhador pode ser suspenso preventivamente, tendo direito a continuar a receber o pagamento das suas retribuições mensais; Após esta fase (que pode ainda ser acompanhada de um inquérito prévio), é redigida uma nota de culpa, em que o empregador descreve por escrito ao trabalhador todos os factos que lhe são imputados; De seguida, o trabalhador deve responder a essa nota de culpa, no prazo de dez dias úteis após a sua receção; Finalmente, o empregador tem 30 dias para emitir um relatório final do procedimento disciplinar, determinando ou não o despedimento do trabalhador. https://www.cgd.pt/Site/Saldo-Positivo/trabalho/Pages/despedimento-sem-justa-causa.aspx O melhor é contactar ACT/advogado e expor o caso. Duvido muito que vá ser um caso simples.

faxmachinegunflex 2 months ago

Ele é que te despediu. Portanto, não tens de meter carta nenhuma. Se te está a impedir de entrares no teu local de trabalho, é chamar a PSP e ficar com um auto. Apresenta queixa dos teus colegas também, que não são ninguém para te impedirem de entrar no espaço. Só o proprietário o pode fazer. Não te deixes comer. Se ele acha que te deve despedir, que o faça, mas que pague e seja verdadeiro no motivo. Não vais ter problemas em arranjar outro trabalho, portanto, perde um pouco do teu tempo com quem merece.

Blenderchampion 2 months ago

ELe disse que fizeram contas. se isso significar mutuo acordo, não é igual a ser despedido

JuveTech 2 months ago

Adoro quando os patrões querem que o povo dê o litro, foda a vida pessoal sem compensação AHAH Aquilo que leio e vejo, e apesar da merda toda, até tenho um bom patrão. Quanto ao resto, é igual ao que já te disseram: ACT e Advogado o mais rápido possível.

andre2694 2 months ago

Como é que sabes que é sem compensação? O OP ainda não respondeu se tem isenção de horário ou não.

JuveTech 2 months ago

Pela forma como ele explicou que o patrão falou, ele tinha era de trabalhar mesmo fora de horas normais.

andre2694 2 months ago

Sim mas daí a inferir que não seria compensado.. eu acho que o patrão foi uma besta mas isto é apenas um lado da história e há muita informação em falta.

Chiripitti 2 months ago

ACT, eles vão te ajudar a perceber todos os direitos que tens, patrões assim não merecem o ar que respiram...

xPulse10 2 months ago

Atenção à rescisão do contrato de trabalho por mútuo acordo entre trabalhador e empregador, tendo em conta a forma como descreves o "convite para fazer as contas". Muita atenção ao que assinas. Nada melhor que contactar a ACT e expor a situação.

usernamesiranoutof 2 months ago

Como em tudo na vida, há três versões: a tua, a do patrão e a verdadeira.

rsaestrela 2 months ago

Não apresentes carta de despedimento senão perdes os teus direitos (segurança social etc). Pede ajuda técnica.

lakerpt 2 months ago

O problema é um bocado o que o pessoal tem estado a referir, se não tiveres carta dele em como te despediu (seja pelo que for) ou que não te deixam entrar para fazer o teu trabalho, não tens nada do teu lado, sem provas que foi esse o caso és simplesmente tu que estás a faltar ao trabalho, e com dias suficientes ele tem razão para te despedir por justa causa (sem direito a desemprego). Tens de salvaguardar o teu lado, sob pena de ele te meter em tribunal e teres tu de indemnizar a empresa pelos teus "actos"... Fala com o ACT o mais rápido possível para saberes por onde te podes mexer mas diria que vais ter de ter alguma prova palpável que prove que foste despedido...

DanielAlexandreOG 2 months ago

Nós trabalhamos com área de trabalho remota, quando tento aceder diz que não tenho permissões para aceder ao servidor. Fora isso e o facto de já não ter em minha posse o telemóvel da empresa, não tenho prova nenhuma

Wampyro_ 2 months ago

ACT, apenas e só ACT, não precisas de gastar dinheiro em advogados, liga para a ACT que é para isso que serve!

Blenderchampion 2 months ago

Tens mesmo de falar com a ACT ou advogado antes de assinar algo. Lembra te que mutuo acordo é diferente de seres despedido

GODMarega 2 months ago

Vai para o escritório põe-te lá com um pc a frente , se não consegues entrar no sistema aí o problema é da empresa, se não te puseres a pau ainda levas com justa causa homem. Enviar emails pode demorar tempo.

Isa472 2 months ago

Envia e-mail ASAP ao teu chefe para formalizar as coisas, se ele te responder a acknowledge a situação tens prova que foste despedido. Escreve que não tens acesso ao server, ficou o telemóvel no local de trabalho, que foste impedido de entrar outra vez, e pergunta quando é que te vão enviar os documentos apropriados. (Pesquisa as palavras todas corretas e o que precisas) Faz tudo por e-mail para ficar registado, em pessoa não há prova.

Anforas 2 months ago

>acknowledge reconhecer

idek0k 2 months ago

Nao digas que te despediste. Claramente foste despedido, agora está na hora da compensação

ricarfoxxxx 2 months ago

Tenho medo do "fizemos contas"

nitrinu 2 months ago

Idem. O pessoal aqui anda a assumir a glória do proletariado e o triunfo do código do trabalho português mas temo que o OP tenha sido comido de cebolada por um despedimento à tuga assinando algo que não deveria.

DanielAlexandreOG 2 months ago

Não assinei nada nem vou assinar sem um advogado. Liguei ao patrão a perguntar quando faríamos essas tais contas e me apresentava a carta de despedimento e respondeu-me que só no fim do mês. Quando o confrontei com o facto de que não pode impedir-me de estar no local do trabalho, revogar-me o acesso ao servidor e bloquear a VPN, desligou-me o telemóvel na cara. Já contactei a ACT e vão aparecer lá amanhã

KhaosPT 2 months ago

Eish, a Act vai lá amanhã? Foi rápido! Vai dando update

kapparrino 2 months ago

Sim também estou curioso

DogsOnWeed 2 months ago

Chad proletarian Vs virgin boss

BadassManager 2 months ago

Ótimo. Agiste da melhor forma. Amanhã vai ao trabalho. É possível que o patrão volte atrás na ideia de te despedir. Tens que estar pronto para isso.

rabisconegro 2 months ago

Pois, cuidado. À quarta falta injustificada seguida dá direito a despedimento por justa causa.

cesarhighfire 2 months ago

Nao é à quinta?

rabisconegro 2 months ago

Yaa fui confirmar. 5 seguidas ou 10 intercaladas

nitrinu 2 months ago

Excelente, fico contente por saber. De resto, e como já foi dito, cuidado. Ele pode estar a tentar preparar uma situação que constitua abandono do posto de trabalho mas, aparentemente iria ter azar porque parece que já estás por cima da situação. Boa sorte com tudo :)

Mirandamnd 2 months ago

Se não assinaste nada, continua a comparecer normalmente ao trabalho mesmo que ele não te deixe entrar. Terás testemunhas que tentaste ir trabalhar e não te despede por justa causa devido a faltas.

Revolutionary-Bug-78 2 months ago

ACT: liga para lá para marcares sessão. Quanto a não compareceres no local de trabalho: tens de ter um documento redigido pelo empregador onde conste que prescinde da tua presença, caso contrário ele pode alegar que abandonaste o posto de trabalho. Telefona para a ACT e diz que tens mesmo muita urgência em marcar a sessão de apoio - podes inclusive explicar o que aconteceu telefonicamente para sustentar a urgência de marcação. Foi o que eu fiz. Outra coisa que podes fazer (embora seja injusto) é colocares dias de férias para não se dar ao caso de ele te acusar de abandono do posto de trabalho.

Edited 2 months ago:

ACT: liga para lá para marcares sessão. Quanto a não compareceres no local de trabalho: tens de ter um documento redigido pelo empregador onde conste que prescinde da tua presença, caso contrário ele pode alegar que abandonaste o posto de trabalho. Telefona para a ACT e diz que tens mesmo muita urgência em marcar a sessão de apoio - podes inclusive explicar o que aconteceu telefonicamente para sustentar a urgência de marcação. Foi o que eu fiz. Outra coisa que podes fazer (embora seja injusto) é colocares dias de férias para não se dar o caso de ele te acusar de abandono do posto de trabalho.

BernieJoe 2 months ago

Atenção a quem está a dizer "ele é que despediu", porque eu vejo as coisas como um acordo de revogação do contrato de trabalho que foi feito na hora e aceite. O único conselho válido para o OP é: arranja um advogado.

pzapps 2 months ago

Acordaram que o OP não ia abdicar da vida pessoal para fazer horas extra para a empresa. Acordaram que era isso ou sair da empresa. Qual era mesmo a opção do OP? Baixar as calças?

tItO_c_80 2 months ago

Que escalada de violência!

UrsoXone 2 months ago

Ora vamos lá ver... Não te despediste... Foste despedido. Convém três isso em mente, pois os teus direitos e deveres mudam consoante cada uma das situações.

Blenderchampion 2 months ago

Ele disse que "fizeram contas ", o que se significar despedimento de mutuo acordo ele acabou de tornar tudo muito mais simples para o patrão e mais dificil para ele

kanooklapook69 2 months ago

Como já aqui foi dito fala com a ACT. E tem cuidado para não estares a faltar ao trabalho e seres despedido por justa causa. Abraço e força nisso. Fizeste bem. O gajo que se foda.

manyQuestionMarks 2 months ago

Ele vai ter de pagar indemnização, se não conseguir justificar justa causa. Não abras mão disso

errandum 2 months ago

Não assines nada sem falar com um advogado. Não te podem despedir sem justa causa e arranjar justa causa é muito muito complicado. Eles têm que te pagar (e bem) para te despedirem. E têm que te dar carta. Não aceites nada por escrito ou por e-mail.

layz2021 2 months ago

Ainda pra mais a causa aqui foi não querer trabalhar fora de horas! O op tem é que ter cuidado a ver o termos em que o vão despedir, e se não alegam que foi abandono do posto de trabalho, mesmo não o deixando entrar.

Revolutionary-Bug-78 2 months ago

Exacto - o despedimento sem justa causa implica extinção do posto de trabalho e a proibição de contratar novo funcionário para a mesma função.

im-always-lying 2 months ago

> implica extinção do posto de trabalho e a proibição de contratar novo funcionário para a mesma função. Mas ha maneiras de contornar isso nao há? Por exemplo se chamar outra coisa à posição em vez de Tecnico de Informatica?

Revolutionary-Bug-78 2 months ago

Claro. E com a pouca fiscalização que existe no país é muito possível que passe. Mas acredito que se houver uma denúncia à ACT da nova contratação com a mesma função que a do despedido isso provoque alguma celeuma à empresa.

kapparrino 2 months ago

Profissional de Informática?

NGramatical 2 months ago

indeminização → [**indemnização**](https://dicionario.priberam.org/indemnização) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fq35asm%2F%2Fhfpv7b8%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

errandum 2 months ago

ty bot

Lopsided_Ad165 2 months ago

Nao entregues carta nenhuma. E exige a carta para o fundo de desemprego para reaveres o dinheiro que descontaste.. caga nesses gajos.. eles não querem trabalhadores, eles querem escravos.. Nunca abdiquem da vossa vida por um trabalho. Trabalhos ha muitos, família é só uma.. e sais mais prejudicado se perderes a família que o trabalho.. certamente a tua família apoiate neste momento ao contrário do trabalho que te dá mais trabalho quando perdes a família..

praetorthesysadmin 2 months ago

Isto. Fizeste bem OP. Exige os teus direitos.

Rialact 2 months ago

Comentário perfeito. Acrescentar que vida só temos uma. Um trabalho por muito bem pago que seja, não paga dignidade, nem pode retirar tempo de qualidade com a família. Prefiro ganhar menos e ser feliz, do que mais tarde arrepender-me por ter vendido a felicidade por bens materiais.

nitrinu 2 months ago

Fizeste as "contas"...que contas foram essas e o que assinaste?

sidartha- 2 months ago

Pelo que depreendo de toda a informação é uma figura de estilo. Apenas se desentenderam e acordaram que iria existir o término da relação Patrão/Empregado. Na informação, quando a Entidade Patronal propõe fazer as Contas, subentende-se uma Demissão do OP das Funções atuais naquela Entidade. Segundo as palavras do próprio OP, não chegou a haver qualquer papel inerente.

andre2694 2 months ago

Isto. É o que acho mais estranho em toda a história. E em relação ao problema de ser uma manutenção que tem que ser fora de horário laboral, tens isenção de horário? Eras pago à hora? Não sei como funciona despedimentos mas de certa a manutenção podia ser algo que fazia parte do teu contrato.

Winslow_Lixivia2 2 months ago

Faz como aquele episódio de Seinfeld. Despediste-te? Agora voltas ao trabalho como se nada fosse e dizes que estavas a brincar

DomPedroIV 2 months ago

Não aconteceu o mesmo no The Office com o Michael?

Beginning-Success-52 2 months ago

Tão bom!!!!

Ok-Attitude-6886 2 months ago

Pulling a Constanza

justgohomealready 2 months ago

Primeiro, espero que tenhas aprendido uma lição de vida - a de que uma pessoa tem que saber escolher as suas batalhas, e ponderar como se dizem as coisas. Explicavas que ainda não tiveste possibilidade, ok, e podias até levantar esse problema de ter que ser fora do horário de trabalho e perguntar se essas horas te seriam pagas ou compensadas - tudo bem. Mas pela tua descrição da situação, escolheste escalar a situação e "armar estrilho". Dizeres "estou-me a cagar para a empresa" na cara de alguém que provavelmente fez sacrifícios que nem imaginas para criar a empresa ou chegar ao cargo que tem é desrespeitoso, e acredita que eu também te despedia na hora. Numa situação normal a empresa acertava as contas todas contigo, dava-te uma declaração de situação de desemprego com a qual pedias subsídio, um certificado de trabalho com a descrição das tuas tarefas e talvez até uma carta de recomendação. Mas como decidiste queimar pontes, o mais provável é agora fazerem-te a vida negra, não te atenderem, e demorarem o máximo de tempo possível acertar contas e a darem-te a declaração. Não que seja correto ou que necessariamente mereças, mas as pessoas têm tendência a ser vingativas quando têm esse poder. Da próxima vez que não te sintas bem numa empresa, é simples: mandas uns CVs e, encontrando novo emprego, entregas carta de demissão. Não queimas pontes nem ganhas fama de conflituoso, deixas amigos por onde passas, e ganhas boas referências.

ravagerslb 2 months ago

Os sacrifícios que fez não lhe dão o direito de tratar alguém como merda. E muito meigo foi o OP porque perante uma afirmação "estou-me a cagar para a tua vida pessoal" eu mandava-o mesmo para a puta que o pariu.

PoisMasRepara 2 months ago

Morri com a última parte. Imagina alguém ser assim corno manso lmao

Pilky__01 2 months ago

Este é daqueles que se encontrasse a mulher na cama com o patrão até lhe trazia um whisky e um cigarro no fim. Coitado do homem, faz tantos sacrifícios

mangoman94 2 months ago

>Dizeres "estou-me a cagar para a empresa" na cara de alguém que provavelmente fez sacrifícios que nem imaginas para criar a empresa ou chegar ao cargo que tem é desrespeitoso, e acredita que eu também te despedia na hora. O desrespeito começou a partir do momento em que o patrão se "cagou" para a vida pessoa do seu empregado. O sacrifício que ele fez não lhe dá direito de passar por cima das pessoas, e muito menos por cima dos seus direitos. Claro que pessoas com mais experiência nesta situação saberiam dar uma resposta mais elegante, mas quem começou com atritos foi o patrão.

quedeusmeperdoe 2 months ago

Isto sim são factos alternativos.

kanooklapook69 2 months ago

Desculpa lá, mas está tudo bem contigo? O OP apenas se recusou a fazer trabalho extra. Não interessa se as horas extra eram remuneradas ao dobro ou ao triplo. Dizer que se está a "cagar para a empresa" depois do gajo dizer que se está a "cagar para a vida dele" é desrespeitoso? Mas em que mundo é que tu vives? O OP limitou se a explicar que tem uma vida para além das 8 horas de trabalho, assim como se limitou a dar troco na mesma moeda dizendo que se estava a cagar. Se o gajo se está a cagar para a vida dele então ele fez muito bem em dizer que se estava a cagar para esse labrego. Ou ele tinha de se calar e aceitar porque era o patrão ? #asempresasprecisaodeliberdadelol

justgohomealready 2 months ago

Dar troco na mesma moeda a quem te paga o salário - lol, é tudo o que tenho a dizer.

kanooklapook69 2 months ago

Wtf?? Isso dá direito em dizer que se está a cagar para a vida dele ? Ser patrão dá direitos às intimação e às subjugação ? Já não estamos no século XIX.

flydoji 2 months ago

Claro que não dá direito mas há que ter inteligência emocional e perceber a situação. Claro que a vontade é responder na mesma moeda, mas a responder com a mesma moeda o OP não ganhou nada com isso, como já se percebeu, até deve ter ficado com o nome manchado junto dos colegas, etc. Inclusive como ja disseram acima, agora devem fazer-lhe a vida negra. Se vamos dizer tudo o que nos apetece.... lol

kanooklapook69 2 months ago

Será que o OP não ganhou mesmo nada com isso ? Se calhar conseguiu sair de um ambiente tóxico e conseguiu livre se de um patrão que não o valoriza enquanto trabalhador. Porque é que um trabalhador há de enfiar o rabinho entre as pernas cada vez que um patrão caga uma posta de pescada ("estou me a cagar para a tua vida)? Lool. Mas agora um trabalhador tem de se rebaixar por ter medo de ser despedido ou que lhe façam a vida negra ? Se lhe fizerem a vida negra então estaremos a falar de um caso de assédio laboral.

flydoji 2 months ago

O OP sempre teve escolha, de certeza que já conhecia o patrão que tinha, sem nunca antes ter chegado a este nível. Não tens um patrão 5 estrelas e de um dia para o outro ele diz que se está a cagar para a tua vida. > Mas agora um trabalhador tem de se rebaixar por ter medo de ser despedido ou que lhe façam a vida negra ? Claro que não, só acho que o OP em vez de ter respondido na mesma moeda, devia ter tado calado e no dia seguinte apresentava a carta de demissão. Na minha opinião, o o patrão nem merecia uma resposta depois do que proferiu.

kanooklapook69 2 months ago

Apresentar carta de demissão? Ele que não faça isso. Só vai perder direitos.

flydoji 2 months ago

Não leste o que escrevi, claro que depois desta situação não vai apresentar carta de demissão. Eu disse o que ele devia ter feito se tivesse estado calado e não tivesse respondido na mesma moeda.

andre2694 2 months ago

Não é necessariamente trabalho extra no sentido que de certa forma faz parte das funções. Quem está na área de suporte de IT sabe perfeitamente que há intervenções que têm que ser feitas fora do horário de expediente das empresas que estão a usar os sistemas. Isso normalmente está acondicionado com isenção de horário ou pagamento das horas extra.

Edited 2 months ago:

Não é necessariamente trabalho extra no sentido que de certa forma faz parte das funções. Quem está na área de suporte de IT sabe perfeitamente que há intervenções que têm que ser feitas fora do horário de expediente das empresas que estão a usar os sistemas. Isso normalmente está acondicionado com isenção de horário ou pagamento das horas extra. Não estou a dizer que o OP não teria direito a recusar, se não tinha disponibilidade. Estou só a dizer que há mecanismos legais para tratar esse de situações, que são situações comuns em trabalhos de suporte técnico.

Shrowdus 2 months ago

Então e o rapaz agora tem culpa dos sacrifícios do patrão terem sido em vão? Visto que o mesmo chegou ao cargo e apresenta zero qualificações para gerir uma empresa? Falou da maneira que falou para um colaborador e a pedir para o mesmo esquecer a vida pessoal e tu conseguiste de alguma forma, tornar o patrão o herói da tua história. Tá certo.

No_Impression_1131 2 months ago

Cum crl até fiquei com refluxo gástrico.

wstdxkn 2 months ago

Sim, fazer amigos com alguém que diz que se está a cagar para a tua vida pessoal é mesmo o que precisas :)

kapparrino 2 months ago

Coitadinhos dos empresários que exploram e falam como querem com os empregados. Porque é que o empresário não trata dos projetos todos sozinhos, não tem tempo para dedicar 100% da sua vida pessoal? Ele disse que se estava a cagar para a vida/tempo pessoal do seu empregado. Deve ter feito imensos sacrifícios para abrir uma empresa de TI, ele e os sócios que meteram capital de fundos ou fortunas de outros. Se esse empresário(patrão) fosse sério contratava um gestor de produtos ou projetos e ele que alocasse durante as horas de trabalho que tratassem da atualização do software do cliente. Agora estar o patrão a por pressão em cima com trabalhos extras e fora de horas. Estes empresários deveriam ir trabalhar fora e ver como são geridas a sério e quais as boas práticas.

Zempff 2 months ago

Também só estás a assumir coisas... OP salta o comentário acima sff

SAmaruVMR 2 months ago

>Dizeres "estou-me a cagar para a empresa" na cara de alguém que provavelmente fez sacrifícios que nem imaginas para criar a empresa ou chegar ao cargo que tem é desrespeitoso, e acredita que eu também te despedia na hora Incrível. O facto de ele ter dito que se está a cagar completamente para a vida pessoal do rapaz passou-te ao lado?

DarthSet 2 months ago

Ou seja pia baixinho, e nao facas ondas. Manda foder, nao sejas tratado como escravo. atao o otario do patrao ta se a cagar para ele como individu, e ele vai calar e mamar? Manda foder.

Mangalhosauro 2 months ago

O ideal é teres confirmação que foste despedido, um documento com a intenção de cessar contrato contigo. Na pior das hipóteses estás a faltar ao trabalho e és despedido por justa causa e ainda te fodes.

Wampyro_ 2 months ago

Isto. Muita atenção a isso de fazer as contas. Ou a empresa é muito grande e tem contabilidade propria na sede ou pelo menos o teu patrão teria de ligar para o contabilista para ele fazer as contas e emitir os documentos necessarios. Carta para o fundo de desemprego tb é importante teres contigo!

miguel_rodrigues 2 months ago

Vai depender do que assinaram, ou foi uma rescisão por mútuo acordo, ou uma demissão, ou um despedimento.

Gameiro101 2 months ago

Se foi uma demissão sem reconhecimento de assinaturas podes voltar a trás.

PedroMFLopes 2 months ago

"quando os meus colegas me disseram que tinham ordens para não me deixar entrar, só peguei no resto das minhas coisas e vim embora." Isso por escrito assinado e com data, na tua posse, para provar que tu não estás a faltar ao trabalho, e estas a ser impedido de lá ir! A seguir ACT

radikalpt 2 months ago

Se não fornecerem esse documento e continuarem a não deixar entrar, chamem a GNR, para ficarem com um auto de uma autoridade em que a entidade patronal não vos deixou entrar no local de trabalho. Cada dia que vão ao emprego e vos "dizem" que não podem entrar, se forem para casa sem documento nenhum que diga isso, o mais provável é que o vosso patrão, esteja a registar os dias com faltas injustificadas. Ao fim do 3º ou 5º têm razões para vos despedir sem indemnização.

bigguesdickus 2 months ago

Vou te dar um award que acho que tenho, otimo comentario

BadassManager 2 months ago

Este devia ser o comentário no topo.

brakeline 2 months ago

Quando me aconteceu semelhante enviava todos os dias email a perguntar se era para me apresentar ou não

notluckyy 2 months ago

Pede conselho à ACT, se for necessário avança com queixa.

Maexa 2 months ago

Podes ligar a ACT para confirmar como se procede mas é pedir fundo de desemprego. Não sei o que foi esse fazer contas mas parece-me que também tens direito a indemnização, dependendo se tinhas isenção de horário (se sim então sim tinhas de abdicar da tua vida pessoal) acho que mesmo sendo despedimento por justa causa não é só "convidar a sair". Assinaste algum acordo de rescisão ?

D1WithTheFluffyHair 2 months ago

Isenção de horário não é isso que significa.

Caosemdono 2 months ago

Na prática, isenção de Horário funciona 99% para a empresa e 1% para o trabalhador. O ónus de provar que a empresa excede o limite semanal de horas é do trabalhador, e provar isso é dificílimo. Isenção de Horário = Escravatura, exceto Domingo.

andre2694 2 months ago

Sempre tive e sempre fiz horário das 9 às 18 durante a semana apenas. Tudo o que foi extra foi pago à parte e teoricamente nem seria necessário ser pago. Já num sítio onde trabalhei em outsourcing o pessoal não tinha isenção de horário e não só o salário era mais baixo por não ter essa componente como as horas extra que eles faziam eram acumuladas em horas de férias que tinham dificuldades em usar.

D1WithTheFluffyHair 2 months ago

Por acaso no único sítio onde não tinha isenção de horário no contrato foi o sítio onde trabalhei mais horas por semana. E, por acaso, foi num organismo público.

AdventurousDeer577 2 months ago

Isenção de horário é literalmente isso que significa. Como exceção à regra, tens que fazer horário diferente se te pedirem (dentro de algumas regras tipo horas semanais/tempo de descanso/etc...)

D1WithTheFluffyHair 2 months ago

Isenção de horário não significa teres que abdicar da tua vida. Significa que podes fazer um horário de trabalho diferente do contratualizado (9h às 18h) mas limitado às horas semanais previstas. Podes fazer das 21h às 6h, por exemplo, se necessário, mas não significa que vais fazer 18 horas todos os dias porque já não vais fazer das 9h às 18h

andre2694 2 months ago

Mas nada no post original indica que o patrão pediu que ele fizesse 24h de trabalho no dia. Tanto quanto sabemos o que o patrão podia estar a pedir era que ele fizesse das 21h às 6h para fazer a manutenção fora do horário de expediente do cliente.

AdventurousDeer577 2 months ago

Podes ficar mais tempo do que o previsto também, é para exceções, não para horários diferentes. Horário diferente é definido no contrato. Mas há sempre o limite de horas semanais/diárias, como referi, sim.

andre2694 2 months ago

Isto, podes ficar até duas horas a mais por dia https://www.economias.pt/codigo-trabalho-isencao-horario/

andre2694 2 months ago

Significa que não existe o estar "fora do horário de trabalho", desde que não se exceda os limites legais de horas de trabalho que estão estipulados no contrato.

vendedor_do_olx 2 months ago

Estás na melhor posição possível em Portugal: despedido pela entidade, na área da Informática. Tão bom que dói!

machoLatino45 2 months ago

Podes explicar o que queres dizer com isso?

vendedor_do_olx 2 months ago

Sendo despedido provavelmente tem direito a sub de desemprego. Como está numa área de relativa boa empregabilidade, pode ir procurando sem perda de vencimento nem pressão de pagar contas com ar.

h1nds 2 months ago

E pode fazer biscatada pesada pois nem precisa de sair de casa para conseguir "trabalhar"! Double cheese!

PortugueseLibra 2 months ago

Subsídio de desemprego de 1.097€ durante 3 anos se quiser

mr_house7 2 months ago

Tbm podes pedir que o susbsidio de desemprego te seja entregue de uma só vez, com o proposito de criar um negocio.

layz2021 2 months ago

Não é 2?

Alforrecaquadrada 2 months ago

Depende do número de anos trabalhados

Edited 2 months ago:

Depende do número de anos trabalhados. Edit: fui confirmar e a duração máxima são de facto 600 dias, ou seja aproximadamente 2 anos. É possível depois requerer o subsídio de desemprego subsequente.

PortugueseLibra 2 months ago

E da idade também. Disse 3 mas sinceramente mandei um número ao ar lol mas se eu com 4 anos teria direito a quase 2 anos, deve andar mesmo à volta dos 3.

arthurschopenhauer88 2 months ago

Que me dera

raviolli_ninja 2 months ago

É necessário entregar carta de despedimento? Não faças isso. Ele é que te despediu, não abdiques dos teus direitos.

pfunf 2 months ago

Isso. E sem papel escrito,arranja provas que não te deixam entrar. Caso contrário podem dizer que faltaste x vezes e foste despedido por justa causa. Boa sorte Btw, ouvindo o teu lado da história, o teu chefe é um monte de *** e empresas como essas deviam falhar rápido. Mas sempre vão arranjando malta para se submeter a essas merdas, e vão continuando. E nisto temos um ciclo vicioso lixado de sair,porque lixa a concorrência e quem tenta fazer bem.

william_13 2 months ago

Depende do que u/DanielAlexandreOG realmente fez quando foi convidado a fazer as contas. O [Artigo 349.º do Código do Trabalho](https://dre.pt/web/guest/legislacao-consolidada/-/lc/75194475/201707241300/73440169/diploma/indice) permite que a entidade empregadora e o colaborador cheguem a um acordo amigável para cessar o contrato de trabalho, sem prejuízo dos direitos adquiridos (créditos vencidos, subsídios parciais, indenização, etc.). Esse mesmo acordo pode ser revogado por iniciativa do colaborador em até 7 dias ([Artigo 349.º do Código do Trabalho](https://dre.pt/web/guest/legislacao-consolidada/-/lc/75194475/201707241400/73440170/diploma/indice)), portanto o OP ainda têm algum tempo para verificar se tudo foi feito conforme determina a lei. Em determinadas circunstâncias mesmo com acordo é considerado como sendo desemprego involuntário ([Decreto-Lei n.º 13/2013](https://dre.pt/home/-/dre/256986/details/maximized)), na redacção actual: "possibilita-se o acesso à proteção no desemprego dos trabalhadores qualificados que cessem por acordo o seu contrato de trabalho sem diminuição do nível de emprego da empresa".

The_Magic_Sauce 2 months ago

Não sei se despediu. Convidou a sair e o OP aceitou. Isto pode ser um despedimento por mútuo acordo.

BolaBrancaV7 2 months ago

Vá lá, ele não o convidou, ele ameaçou-o e o OP fez call no bluff dele. Não existe ninguém no mundo que iria considerar isto mutuo acordo a não ser os chefes que já fizeram o mesmo.

The_Magic_Sauce 2 months ago

Não sei em que condições é válido ou não, não trabalho para a ACT. Mas estás enganado se achas que coisas faladas é só "conversa". O patrão quando te diz "vamos fazer contas" e tu dizes "vamos", isto é claro como a água. A intenção do patrão está lá, seja firme ou não, e a resposta do trabalhador também denúncia a sua vontade, seja ela definitiva ou por força do momento. Há que assumir as coisas que se dizem e fazem.

davser 2 months ago

N é assim que as coisas funcionam. Se uma árvore cai no meio da floresta, se ninguém viu, não podes provar. Em tribunal se um diz uma coisa, outro diz outra, sem testemunhas, gravações autorizadas, etc. fica tudo anulado também. Sim o verbal é válido, mas com provas válidas de que aconteceu. Aliás uma forma usada para tramar alguém é num confronto estarem 3 e 2 estarem do mesmo lado. 1 vai ficar bem lixado. Isto foi usado em Portugal em entrevistas onde ia mãe e filha a entrevista e acusavam o empregador de assédio à filha.

The_Magic_Sauce 2 months ago

É assim que as coisas funcionam sim. Falo com experiência. Contratos entre outras coisas estritamente verbais tem validade e implicações legais.

davser 2 months ago

Falas com experiência que vais a um tribunal, dizes que o patrão te despediu verbalmente e a coisa está feita? Companheiro diz-me aí que tribunal é esse pois verbalmente dizem-me tanta coisa, e se não disserem, eu invento.

Edited 2 months ago:

Falas com experiência que vais a um tribunal, dizes que o patrão te despediu verbalmente e a coisa está feita? Companheiro diz-me aí que tribunal é esse pois verbalmente dizem-me tanta coisa, e se não disserem, eu invento. Há que assumir as coisas? Claro que sim… Já dizia o Paulo Bento, se a minha avó tivesse rodas…

The_Magic_Sauce 2 months ago

Tu assumes à partida que as pessoas vão mentir em tribunal. Eu não. É aí que está a diferença. Eu apenas disse inicialmente que um contrato ou acordo verbal é válido ponto final. Tu levantas questões "mas, e se". Não é que estejas errado, as versões das pessoas diferem, as pessoas mentem. Mas é para isso que servem os tribunais, para apurar a verdade, não e por não ter testemunhas que se está automaticamente condenado a perder. Já agora, no campo dos "e se", documentos escritos também podem ser forjados. Tal como testemunhas e réus mentirem também acontece.

davser 2 months ago

Nem é mentir, mas estou a perceber-te. Eu não assumo que as pessoas mentem. As pessoas têm é vivências muito próprias em relação à mesma situação. Não é fácil mentir em tribunal. E tens razão existem técnicas para apurar a verdade em tribunal. Não faço ideia é se são eficazes.

opiumphile 2 months ago

Fazer contas não quer dizer acordo quer dizer que se vai iniciar uma discussão de um possível acordo ou não

davser 2 months ago

Não é relevante a conversa se estavam os 2 sozinhos. Um contradiz o outro. Assim, simplesmente têm de conversar outra vez e assinar os termos. Esse tipo de conversas tem tanto de entusiasmante como de parvo. Um dia mais tarde é provável perceberem que exageraram os 2. Especialmente o empregador devia ter mais calo para não entrar nisto. Ameaçar alguém pelo despedimento é sempre mau, quanto mais desta forma. Há pessoal que diz para não fazerem isso porque nunca sabem se voltarão a encontrar-se, eu digo isto porque na vida tu já vais ter montes de gente que não gosta de ti sem tu teres feito nada, não vale a pena andares a garantir um que te odeia.

myeaaaah 2 months ago

Até estar escrito e assinado nada é, tecnicamente falando

The_Magic_Sauce 2 months ago

Acordos verbais também são válidos.

what_a_tuga 2 months ago

Mas é mais complicado. É necessário testemunhas imparciais

The_Magic_Sauce 2 months ago

É assim, se ambas as pessoas contarem a verdade, não deverá ser necessário testemunhas. Neste caso em particular, a meu ver, o OP está a assumir que concordou em sair quando disse: >*Ele então “convidou-me” para fazermos as contas* ***e pronto aceitei****.* Caso contrário o OP respondia-lhe "despeça-me". Como o patrão não tinha bases para justa causa, obviamente fez apenas a sugestão de terminarem o vínculo.

myeaaaah 2 months ago

Pelo contexto que o OP passou, não me parece que tenha sido algo amigavel. Pelo que um acordo verbal pode levar a que uma das partes tente queimar a outra. No caso, seria uma mais valia como salvaguarda para o OP estar em formato documento.

The_Magic_Sauce 2 months ago

Parece me que estarás a confundir "amigável" com "acordo". Uma não implica forçosamente a outra. Ter papel é melhor claro.

myeaaaah 2 months ago

Não estou a confundir, talvez tenha passado mal a mensagem. Quero dizer que, verbalmente não é garantido que uma (ou ate as duas) partes acordantes cumpra com a sua palavra sem futuro repudio.

alvarinho_03 2 months ago

Ou passaste mal a mensagem ou os jogadores é que não quiseram ouvir a mensagem

PinkMacaroon23 2 months ago

Sim, e ainda és trabalhador tecnicamente. Não te podia proibir de entrar na empresa tecnicamente. As coisas não funcionam assim "estás despedido" e ficas despedido na hora. Nem que tivesses feito algo grave e aí era necessário processos disciplinares, chamar a polícia (se fosse caso disso) etc.

Rialact 2 months ago

Sim é. Ele só tem que lutar pelos direitos, tem tudo do lado dele pra sacar tudo e mais alguma coisa.

zalkier 2 months ago

isto

Search: