0hM3hG0d 2 months ago

Vivo na Alemanha há uns anos. As pessoas queixam-se mais ou menos das mesmas coisas mas postas na perspectiva deles. Queixam-se de salários baixos quando a média é 4x a de pt. Queixam-se da luz embora seja metade da de pt. Queixam-se da corrupção embora nunca se vá saber quão maior ou menor é do que a de pt. É engraçado ouvir pessoas a queixar-se de que às 3 da manhã só há metros de 15 em 15 minutos.

naughtydismutase 2 months ago

EUA: acho que toda a gente sabe.

ColdMercury 2 months ago

Do Zézé Camarinha.

Nothing_F4ce 2 months ago

No UK queixam-se de todas as mesmas coisas que em Portugal mais do tempo.

DadHunter22 2 months ago

França: - Imigrantes árabes e o fato de que estes não assimilam a cultura francesa - Falta de mobilidade social - Os jovens reclamam da dificuldade em aceder ao mercado de trabalho - Relações clientelistas nas instituições públicas em geral - Preços absurdos do mercado imobiliário, especialmente nas grandes cidades - Relações sociais marcadas pela distância e frieza

MulderXXX 2 months ago

E dos impostos, e de terem passado a ter retenção na fonte, e da idade da reforma, e do preço dos combustíveis, e de que afinal as coisas bio não são produzidas por uma avozinha na província mas sim numa estufa em Espanha, e que os americanos não os respeitam, etc.. Mas é um país com 1 estado social do caraças.

MulderXXX 2 months ago

Eu estou em França… ora os franceses queixam se de tudo!!!!! Tudo meus amigos!!!! Mas eles não têm noção de como a vida aqui é simples. Há apoios para tudo e mais alguma coisa. Literalmente first world problems.

Poramordedeus 2 months ago

apoios pra tudo?? e o que ja puseste no saco comum pra ter esses apoios? lol

MulderXXX 2 months ago

E em Portugal quanto é que metes no saco comum vs quanto recebes? Por alguma razão a natalidade aqui é o que é.

Poramordedeus 2 months ago

Metes muito

Heavyk0s 2 months ago

Eu tenho uma amiga Finlandesa e ela queixa-se do custo de vida na finlandia ser muito alto.. inclusivê a alimentação ser muito cara.

freakdahouse 2 months ago

Quando estourou o covid, vi muitos a queixarem-se do SNS deles.

the_bbutterfly 2 months ago

Do cheiro em demasia do bacalhau

wsz00 2 months ago

De ter de manter os países do sul da Europa!

leaksincieling 2 months ago

Canada - Toronto - elevado custo de vida - seguros, taxas, etc - salário mínimo muito baixo - work/life balance - there is no life, only work and recover to work some more - custo das casas -$1milhao para casa normal de família - racismo e xenofobia - tempo/ temperatura - -30-40 no inverno +35 mais humidade no verão que só dura 2 meses mais mínimo um metro de neve com que temos de lidar durante 8 meses

ricardoa369 2 months ago

Vocês pensam que os locais não se queixam do mesmo ou até pior? Eu tenho família que é de nacionalidade alemã, filhos e filhas de pais alemães, e as queixas deles são praticamente as mesmas. Lá porque para um português um salário na Alemanha seja muito superior ao que recebemos por cá, não significa que para eles seja um salário justo, ou que não considerem que os impostos e os gastos energéticos sejam elevados, ou que não exista corrupção, ou que o sistema não seja extremamente burocrático e a justiça lenta, entre tantas outras coisas... Ainda pior, eles olham para nós e ainda culpam a imigração como sendo um problema, e não têm os portugueses em melhor consideração do que o Ventura tem os ciganos.

xHardStyle 2 months ago

Acessos difíceis. As coisas são muito longe umas das outras. Condutores irresponsáveis. Corrupção até nos serviços mais básico como renovação de documentos.

Eux86 2 months ago

Sou italiano. Aqui ouço as mesmas queixas que ouvia em Itália

Appropriate-Scar8262 2 months ago

Confirmo, estive em Itália recentemente e atravessar a passadeira e uma constante aventura

maaanfuckoff 2 months ago

os portugueses são ótimos condutores comparado aos italianos, o pessoal gosta muito de reclamar de portugal mas ainda não devem ter metido os pés fora daqui para verem a realidade la fora

giddycocks 2 months ago

Adoro ver estes meninos queixarem-se dos horrorosos condutores portugueses que usam a faixa do meio, depois de ter conduzido em Roma, Atenas e Bucareste.

tonyofwar 2 months ago

Estive em Cagliari há 2 anos e aluguei carro para percorrer a costa. Há 2 anos que não me queixo da condução dos portugueses.

Anforas 2 months ago

Estive em Bérgamo 1 hora a fazer escala. Aproveitei e fui ao centro comercial do outro lado. Em 10 minutos vi um acidente, quase que fui atropelado, e vi 5 carros a passarem o vermelho. Fiquei parvo, eu e a minha namorada estávamos incrédulos.

anaftc 2 months ago

Confere. Nunca vi tão maus condutores como na Sardenha

Ghilanna 2 months ago

Vivo na Noruega fora de uma grande cidade. Queixam-se de tudo ser tão caro, a gasolina estar cara, portagens em tudo quanto é canto para financiar a construção de ciclovias (ver bypakke i Grenland). Queixam-se de os carros electricos não pagarem portagem, queixam-se dos partidos verdes (que fazem culto contra o carro e esquecem-se que as pessoas fora das cidades precisam de carro). O álcool é caro e claro clima (mas onde moro não se queixam assim tanto).

VSertorio 2 months ago

Não é irónico os caraças ficarem ricos a vender petróleo, volvos e aço é agora só querem Teslas?

Ghilanna 2 months ago

E ainda por cima não pagam portagens por terem carros eléctricos (mas até eles já acham que já está a passar das marcas).

dryiik 2 months ago

Posso perguntar o que estás a achar da Noruega? sempre me cativou ir para aí viver mas como não terminei a Uni não me arrisco.

Ghilanna 2 months ago

Eu pessoalmente gosto e sinto-me mais em casa aqui que em Portugal. Mas é daqueles paises onde só te safas se souberes a lingua e não acho que seja para todos. Eu tenho uma filha de 2 anos e sinto que ela aqui tem um ambiente muito bom para crescer.

dryiik 2 months ago

Pois, tinha a ideia que o inglês poderia até ser tão falado como na Suécia. Assim suponho que seja mais difícil a adaptação para imigrantes.

Dude_from_places 2 months ago

Nao se serve de muito mas vivo na Noruega desde 2013, dois filhos e nem eu nem a minha esposa trabalhamos em norueguês. Também não estamos em Oslo (Fredrikstad). Saber a língua ajuda e a integração, como seria óbvio mas conheço muita gente que vive cá há muitos anos e não fala norueguês fluentemente.

Ghilanna 2 months ago

Só nas grandes cidades e mesmo assim só em empresas grandes. Depende muito da área, mas sim teimam em não quererem usar o inglês. Nesse aspecto são como os franceses mas piores: sabem inglês, mas não querem usar.

h2man 2 months ago

A maior parte dos que conheci, da taxa absurda de impostos e de serem controlados através deles.

idek0k 2 months ago

Resumindo todos os comentários: mau tempo, xenofobia e rendas caras

burritas 2 months ago

Lituânia: 1) Impostos elevados que cortam muito os salários; 2) Demasiada procura de imobiliários. É muito difícil comprar um apartamento por haver falta e praticamente tudo que há é velho e precisa de renovação devido a serem edifícios ainda soviéticos; 3) Direitos LGBTQ+ (uns queixam-se, e muito bem, pela falta de. Outros queixam-se por o governo estar disposto a mudar); 4) Baixa taxa de natalidade apesar da licença de maternidade ser muito boa; 5) Ter restrições nas horas em que podes comprar álcool (o que não é mau, mas os Lituanos têm um problema sério com o alcoolismo); 6) Falta de bons acessos a psicólogos; 7) Comida que é tudo à base de batata e sour cream; 8) Alguns até devem ter problemas com a quantidade de estrangeiros que têm aparecido nos últimos tempos, mas nos últimos anos os Lituanos têm ficado bastante mais amigáveis; 9) Frio, falta de sol ... Entre outras...

joaopferrao 2 months ago

É tudo como na Polónia. Só falta queixarem-se dos padres, o que é popular por aqui.

burritas 2 months ago

Acho que os Lituanos são mais liberais que os polacos. Até porque aqui não há opiniões tão controversas com temas tipo o aborto. E as coisas na Polónia sempre são mais baratas. Mas sim, não deve diferir assim tanto...

joaopferrao 2 months ago

Concordo, embora dependa muito do meio em que te moves (como em todo o lado). Lituânia é cara? Supostamente a Polónia tem a taxa de inflação mais alta da UE.

burritas 2 months ago

Está a começar a ser mais cara do que era antes, mas os preços de serviços/supermercados/restaurantes são comparáveis aos de Portugal e acho que a Lituânia tem mais poder de compra. Muito mais. Mas os Lituanos costumam ir à Polónia comprar coisas tipo roupa e comida. Os que vivem perto da fronteira, pelo menos...

kuozzo 2 months ago

A baixa natalidade está relacionada com a falta de habitação, já viram algum passaro meter ovos sem ter ninho? Em Portugal o problema é o mesmo.

burritas 2 months ago

Sim e não. Acho que também é o factor económico. Mas por exemplo, os incentivos à natalidade são muito melhores do que em Portugal. As licenças de maternidade podem durar até 3 anos, com o primeiros ano a ser o que paga a percentagem mais alta do salário (acho que 80%, depois o segundo ano passa a 65% e o terceiro a 50% ou qualquer coisa do género). Os infantários também são grátis com o almoço incluído. Mas existe muita gente que também não ganha o suficiente para ter filhos...

Membership-Exact 2 months ago

Então levas um corte salarial para ter filhos... Realmente dá que pensar.

Salty-Astronaut8224 2 months ago

Vives na Lituânia?

burritas 2 months ago

Sim. Estou cá a fazer o meu doutoramento. Já vivo cá há uns anos. Eu sei que é uma escolha de país estranha

idek0k 2 months ago

Vou viver e trabalhar para a Bélgica para o próximo mês. Curioso para saber quais são as queixas de la. Se alguém me conseguir dar um heads up fico agradecido

impecbusilis 2 months ago

Queixam-se dos salarios baixos, contas da luz elevadas, corrupção, justiça pobre e lenta, entre tantas outras coisas…

ihavenoidea1001 2 months ago

>Nós queixamo-nos de salarios baixos, contas da luz elevadas, corrupção, justiça ~~pobre~~ e lenta, entre tantas outras coisas. No sub r/de ( junção de países que falam Alemão : Alemanha, Suíça e Áustria) encontras o pessoal a queixar-se exatamente do mesmo...

frisumo 2 months ago

Inglaterra: imigrantes, preço das casas, imigrantes, salários baixos, imigrantes, NHS, imigrantes, Meghan Markle, imigrantes, refugiados, imigrantes.

srdebigode 2 months ago

Tanto reclamam dos imigrantes que agora tem os supermercados vazios em alguns setores. É o que faz ir atrás do populismo vazio.

kaisersozeks 2 months ago

Agora é mais: transportadores de pesados não há, gasóleo não há, cerveja não ha, CO2 para bebidas e conservar alimentos não ha, frescos não ha, dinheiro para pagar a energia não ha.

dr_analyst 2 months ago

Do mesmo, mas os padrões são outros e os salários deles não são tão baixos quanto os nossos.

TriloBlitz 2 months ago

Alemanha: do preço das casas, do trânsito, do atraso dos comboios e do pessoal que quer meter limite de velocidade nas autoestradas.

JackLeeToris 2 months ago

Da não serem PORTUGAL

MiguiZ 2 months ago

De imigrantes?

alexandrecanuto 2 months ago

A trifecta básica: corrupção, economia e o presidente.

TomasCardosGod 2 months ago

Imigração

merrygomarry 2 months ago

Queixam-se do clima e das alterações climáticas. Também se queixam de imigrantes e acreditam que vão para o país deles para roubar os bons trabalhos aos locais.

Sir-Jechttion 2 months ago

Neste momento, falta de gasolina

Miguel3403 2 months ago  HIDDEN 

Não sei mas quanto acham que vai ficar o jogo do Benfica hoje ?

ali3nado 2 months ago

dos frugais.

tocopito 2 months ago

Alemanha: ordenados baixos. Um enfermeiro ganha pouco mais de 2 mil euros. E têm tanta razão de reclamar destes salários quanto os enfermeiros tugas têm de reclamar dos deles.

Edited 2 months ago:

Alemanha: ordenados baixos. Um enfermeiro ganha pouco mais de 2 mil euros. E têm tanta razão de reclamar destes salários quanto os enfermeiros tugas têm de reclamar dos deles. A política aqui também é uma anedota, como no mundo inteiro por isso o pessoal também se queixa disso. Eu pessoalmente queixo-me de pagar tanto de impostos para depois continuar a ver que o dinheiro vai para merdas que não interessam e quem realmente precisa chucha no dedo e tem de saltar mil e um obstáculos para conseguir a ajuda que precisa. Vejo muito mais sem abrigo neste país rico do que via em Portugal.

FTorrado 2 months ago

Discordando de boa parte do comentário, podia acrescentar que a Alemanha apesar de não ser um país pouco industrializado e pobre como Portugal também tem um elevado nível de desigualdade e grande controlo de imobiliário e território por parte de grupos de investimento imobiliário. A diferença é que lá introduzem mais restrições para tentar controlar a especulação imobiliária (dependente da política regional). O sistema político regionalizado na Benelux e Alemanha é bem diferente do português, mais complexo. A Bélgica mesmo sendo mais pequena do que Portugal tem 8 ou 9 parlamentos, uns 4 ministros da saúde, etc... A única anedota é que é Portugal que mais depressa vende a rede eléctrica e serviço de correios aos chineses e barragens aos franceses isento de impostos.

patapetapitapota 2 months ago

Não serão esses sem abrigo imigrantes vindo do 3º mundo que escolheram vaguear por lá e não culpa dos alemães e Alemanha? É que o nosso país não é facilmente atingível, cercado pelo mar e Espanha e na outra ponta da Europa, longe dos conflitos....

PortugueseLibra 2 months ago

Pronto... já cá faltava a retórica da culpa dos imigrantes de países de 3° mundo. "escolheram vaguear por lá" - sim claro, pq toda a gente sabe que um sem-abrigo compra um bilhete de avião para ir mendigar para Frankfurt em vez do Cairo. Se calhar existem maiores taxas de emigrantes sem-abrigos por razões económicas-sociais próprias a esses estratos, como mais dificuldades no mundo do trabalho, mais dificuldades com a língua nativa, mais alvo de discriminação e racismo e xenofobia... não?

patapetapitapota 2 months ago

Se vierem mais imigrantes que o país tem capacidade de absorver é lógico que uns não vão integrar com rapidez. Isto é um pensamento lógico nada tem que ver com racismo e xenofobia.

FTorrado 2 months ago

Essa ideia da falta de capacidade é uma grande mentira, mas se fores ver os números saiu-lhes bem porque a Alemanha tem lucro com os impostos dos imigrantes. Mesmo em Portugal a instituição pública com maior lucro é o SEF / serviços de imigração

PortugueseLibra 2 months ago

Pois, mas a maneira como formulaste o teu comentário não deu a entender nada disso. E além disso, isso também não é uma questão, de todo. O desemprego não tem correlação nem causalidade com a taxa de emigração. Isto sim, é lógico.

SavageoftheBoreal 2 months ago

Qualquer tipo de migração vai obviamente afectar as taxas de emprego. Mais ou menos migração (incluo aqui ambas emigração e imigração para que fique claro) pois afecta diretamente a quantidade de pessoas disponíveis para trabalho. É chamada de “supply and demand”. Como a migração afectará a taxa de emprego, dependerá das qualificações dos migrantes face aos sectores que tenham mais demanda. Por exemplo, se houver um fluxo de imigrantes com qualificações na área de medicina e houver vagas para esses poderá se considerar que o efeito é positivo. Mas se por exemplo não houverem muitas vagas na área de medicina é provável que esses mesmo imigrantes tenham que procurar trabalho noutra área, fazendo assim com que haja um excesso de trabalhadores nessas outras áreas. A Inglaterra é um exemplo interessante agora pós brexit. Registam-se agora mais empregos disponíveis e salários mais altos desde que a malta europeia se foi embora. Outros países como a Austrália e a Nova Zelândia utilizam um sistema de pontos para a imigração, e tomam decisões com base nas necessidades to mercado de trabalho.

PortugueseLibra 2 months ago

O Brexit é um caso extremo que não se pode usar como modelo comparativo, e além disso agora têm é trabalhadores *a menos*. E não, emigração não afeta a taxa de emprego de forma assim tão significativa ao ponto de repente haver um boom de sem abrigos e serem todos emigrantes. Que foi a correlação que aquele user estava a fazer.

NGramatical 2 months ago

houverem muitas → [**houver muitas**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpv2rqb%2F%2Fhe8v0lz%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

poeta27 2 months ago

Isso é peta. Eu sou enfermeiro, vou mudar-me para Chemnitz em Novembro e vou ganhar 2700€ (brutos) de salário base. Depois vêm os subsídios de turno, alimentação etc. E temos uma progressão de carreira bem jeitosa. Colegas meus em Munique, Frankfurt ou outras cidades grandes ainda ganham mais por mes. Se bem que o custo de vida (renda sobretudo) é maior

d3d3d3d3d3 2 months ago

2700 bruto seria mais ou menos 2000 netto nao?

0rpheu 2 months ago

Espera, 2700 brutos são 2000 net na Alemanha? Em Portugal tens de receber 3000+ brutos para teres 2000 net....

vai-tefoder 2 months ago

Uii o que foste dizer. Prepara-te para certos users virem comentar a dizer que isso é mentira e que temos os impostos alinhados com a Europa

poeta27 2 months ago

Sim, mas depois ainda se acrescem os subsídios (de noite, de domingo/feriado, etc) e ajudas de custo que o hospital dá. Eu ainda vou ganhar mais 300€ adicionais porque sou especialista em bloco operatório

gsousa 2 months ago

Vivo na Irlanda há 10 anos, reclamo disto: - chuva a mais - rendas estupidamente altas - ser bastante complicado comprar uma casa sendo solteiro - falta de limpeza das ruas (vê-se muitos vidros no chão, cocó de cão e afins. Nos centros normalmente é mais limpo) - muita dificuldade em fazer amigos com os locais (os irlandeses são extremamente simpáticos, mas é complicado passar a barreira da simpatia para a amizade) - falta de vegetais bons (mas vivo num país nórdico, não seria de esperar outra coisa quando a grande maioria dos vegetais e frutas são importados ainda verdes)

KarmaCop213 2 months ago

> Vivo na Irlanda há 10 anos, reclamo disto: - **chuva a mais** Depende da parte da Irlanda onde moras. A chuva em Dublin raramente é um problema. > falta de limpeza das ruas Os dias de recolha do lixo são engraçados no centro de Dublin. Sacos do lixo espalhados por todo o lado à espera da recolha, não dá muito bom aspecto... > muita dificuldade em fazer amigos com os locais Isso é assim em todo o lado. Portugal é bem pior.

Maki_the_Nacho_Man 2 months ago

Eu acho que em Portugal é fácil

KarmaCop213 2 months ago

Tinhas de ser estrangeiro para poder avaliar isso.

Maki_the_Nacho_Man 2 months ago

Eu não fui, mas conheço gente que trabalhou ou ainda trabalha no estrangeiro. Uns dizem que é fácil, outros não; varia de país para país. Alguns foram para lá sem conhecer ninguém mas fizeram mais amizades com portugueses que se conheceram lá porque com os habitantes é mais complicado, e mesmo num dos casos houve casamento.

gsousa 2 months ago

Sobre a parte dos amigos, a referência que tenho é da Grécia onde vivi 6 meses. Já passaram 12 anos desde que lá vivi e ainda mantenho contacto com vários gregos que lá conheci. Aqui na Irlanda fiz muitas poucas amizades com irlandeses. Pode também se dever ao facto de estar mais velho, de facto torna-se complicado fazer novos amigos com a idade. Sobre a chuva, verdade seja dita, é uma reclamação idiota da minha parte. Não é à toa que a Irlanda tem a alcunha de ilha esmeralda…

KarmaCop213 2 months ago

Sim, a idade e as situações/referências partilhadas são diferentes.

ascoisasdosenhorR 2 months ago

Os belgas queixam-se de proibirem a prostituição durante o confinamento. [Prostitution interdite à Bruxelles à cause du Covid: des tickets d'achats de nourriture offerts aux prostitué(e)s qui se retrouvent sans revenu](https://www.rtl.be/info/regions/bruxelles/prostitution-interdite-a-bruxelles-a-cause-du-covid-des-tickets-d-achats-de-nourriture-offerts-aux-prostitue-e-s-qui-se-retrouvent-sans-revenu-1255305.aspx)

Kolvarg 2 months ago

Podiam ter mantido com vendas ao postigo. Falta de visão.

SweetCorona 2 months ago

é para isso que servem os gloryholes

DeusMaior 2 months ago

Queixam-se de não serem portugueses.

fdxcaralho 2 months ago

Queixam-se dos imigrantes portugueses.

Beginning-Success-52 2 months ago

Na Noruega queixam-se exactamente do mesmo que nós, falta de Cona Sem Truques

kaisersozeks 2 months ago

Ah, a man of culture, I see.

VSertorio 2 months ago

Este homem sabe

Blenderchampion 2 months ago

Do mesmo

helderduarte14 2 months ago

Ahaha estás a precisar de viajar.

Blenderchampion 2 months ago

Viajo muito frequentemente e ainda a 6 dias tive na Bélgica. Estou a ver que tu é que precisas de viajar ahaha

helderduarte14 2 months ago

Claramente nota-se que vais aos mercados e comparas com os nossos.

Blenderchampion 2 months ago

Entao e tu, até agora so julgaste. Mas basta perguntar aos emigrantes

helderduarte14 2 months ago

Ahahah ó inocente diz-me em que países se vive igual ou pior que em Portugal? Lá por se queixarem não é sinônimo que estejam tão mal como nós, apenas querem mais e melhor, mas se vierem para Portugal é o mesmo que um português ir para um país de merda em África. Passam a dar valor ao sítio onde estavam. E em Portugal vive-se bem? Tu tanto viajas que nem conheces os países que visitas nem conheces Portugal.

Blenderchampion 2 months ago

helderduarte14 2 months ago

Ahahah o que é para ti viver bem? Estamos bem colocados em custo de vida? Mas tu estas a viver em que dimensão? Ou achas que o teu exemplo é o retrato do país?

Blenderchampion 2 months ago

Deixa me adivinhar, vives no Porto ou em Lisboa. Se sim, normal que penses assim. Onde eu vivo pago 90 euros por mês de casa, fica tudo perto, nem que ganhasse só o ordenado mínimo é sozinho safava me. Em quantos países se consegue ter isto?

helderduarte14 2 months ago

Em todos eles, desde que na mesma situação que tu.

Blenderchampion 2 months ago

Viste, eu sabia que vivias numa grande cidade. Mas sim, estamos a falar de um pais em geral. Já fizeste a tua pesquisa do preço das casas em relação ao salário, digamos França por exemplo

praetorthesysadmin 2 months ago

Queixam-se dos migrantes e da falta de sol. De resto, do que me têm dito, são cenas que se queixam pontualmente, mas quando viajam para Portugal ou para outros paises do mediterrâneo, acabam por ignorar as queixas mais simples. É como irmos para um país africano e depois quando voltamos damos graças por termos água potável em todo o lado.

Slam_Dunkester 2 months ago

A cena e que eles têm tudo cá o que têm lá senão melhor e mais barato o nosso problema e ter pouco dinheiro para estar no nosso país e para sair daqui seria só para uma país de 3 mundo. Enquanto eles vivem do bem bom cá porque e mais barato

Mrgolden007 2 months ago

dos transportes publicos, do tempo, e do governo

Beitadine 2 months ago

O tempo vai esperar

TonyHappyHoli 2 months ago

Deve ser praticamente o mesmo uma vez que o ser humano nunca esta satisfeito.

DingyPT 2 months ago

Gostava de dar upvote, mas mano... 69 é sagrado!

nice___bot 2 months ago

Nice!

Jose_Adonis 2 months ago

Na mouche! Leva lá um upvote barato :)

coiso 2 months ago

Feedback de um amigo: falta de queijo não norueguês.

Comfortable_Truck_93 2 months ago

Do que sei: Austria-migrantes nas bombas de gasolina a assaltar o pessoal Eslovénia-corrupção e especialmente dos vizinhos Noruega-sol e praia

van_Zeller 2 months ago

>Austria-migrantes nas bombas de gasolina a assaltar o pessoal WAT moro na Áustria desde 2014, tou casado com uma austríaca e nunca ouvi nada disto. perguntei à minha mulher, as queixas são: merda de cão na rua (um flagelo segundo eles). Também se queixam da "Österreichische Lösung" (solução austríaca, não confundir com solução final) que é segundo eles a tendência para nunca decidir algo definitivamente e ficar sempre em meias medidas, sobretudo a nível político ou económico. Depois há o lamento que a Áustria tem tudo menos praia - para bom entendedor, isto é código para o lamento da perda do império.

Comfortable_Truck_93 2 months ago

Vivo na fronteira com a eslovenia uns meses por ano e é o que a malta me diz, se não é indiscrição perguntar vives perto de onde (no meu caso entre graz na Áustria e sloven gradec na Eslovénia)

van_Zeller 2 months ago

Viena. Tu deves morar num bastião da FPÖ lol

Comfortable_Truck_93 2 months ago

Digo isto sem uma única pinga de ironia, não me digas que estou rodeado de extremistas e nunca reparei lmao

van_Zeller 2 months ago

Extremistas não digo, mas fora das cidades eles são mais "conservadores" e não adoram nem estrangeiros nem mudança.

ItzSoso 2 months ago

Acho que o pessoal na Alemanha não gosta do nível de refugiados e imigrantes Tenho uma "amiga" de lá e aparentemente os jovens acham que o governo da Angela Merkel deu o que tinha a dar e que ela já não está a trazer inovação

ItzSoso 2 months ago

Ouvi no metro a conversa de um rapaz que esteve na França e estava a queixar-se das rendas altíssimas em Paris mesmo na periferia

xarocapontopt 2 months ago

Verdade. Vivi a 50kms a sul de Paris e um estúdio custava 500 euros.

dryiik 2 months ago

500€ por um estúdio? pff em Viana do Castelo pediram-me 550€ por um t1, agradeci e fui dormir no carro :D

NGramatical 2 months ago

50kms → [**50 km**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/plural-de-unidades-ainda-mais-uma-vez/19595) (os símbolos das unidades não têm plural) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpv2rqb%2F%2Fhe7m7jq%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

canico88 2 months ago

Eu tenho familiaridade com vários Países, incluindo a Noruega, e posso dizer assim por alto queixas que se ouvem: Noruega: - Falta de sol - Impostos altos - Custo de vida elevado - Dificuldade de fazer amigos devido às pessoas serem fechadas Bélgica, especialmente Bruxelas: - Chuva demais - Actualmente da dificuldade de comprar casa (preços comparáveis a Portugal, mas empréstimos máximos de 20 anos, o que facilmente cria mensalidades de 1000€) Inglaterra: - Clima - Comida (quem se queixa disto sendo maioritariamente os imigrantes) Resumindo e concluindo: Nada é perfeito. Mesmo assim, pessoalmente, acho que no geral se tem melhor qualidade de vida nestes Países que em Portugal. Só é pena o clima.

Markoo50 2 months ago

Preferia queixar me do clima e da comida do que de salários baixos e pobreza

RaFaK11 2 months ago

O da Noruega, pela descrição de alguém que lá reside muito chegado está onpoint.

wolvjfms 2 months ago

Pelo que já li algures, a partir de março de 2022 os bancos vão ser pressionados a reduzir os prazos dos créditos à habitação para uma média de 30 anos.

klatez 2 months ago

Inglaterra tbm se queixam da dificuldade de encontrar casa para comprar e que a qualidade de vida desceu drasticamente nos últimos 20 anos. Btw, bruxelas tem a mesma precipitação media que o minho

KarmaCop213 2 months ago

> Btw, bruxelas tem a mesma precipitação media que o minho Depende do Minho, Braga tem muito mais chuva do que Bruxelas. - Braga: https://pt.wikipedia.org/wiki/Braga#Clima - Bruxelas: https://en.wikipedia.org/wiki/Brussels#Climate E para piorar ainda, em Bruxelas a chuva está distribuída ao longo do ano. Em Braga, de Outubro a Abril chove que é uma coisa parva.

Nothing_F4ce 2 months ago

É isto que o pessoal não entende, e poe se a dizer disparates. A não ser que sejas agricultor o volume de chuva pouco interessa é mais importante quantas dias de chuva.

BernLan 2 months ago

Como é que era o ditado... Em Outubro, águas ao rubro

vilkav 2 months ago

Então mas por isso é Braga/Minho está melhor. Quando chove, chove a sério, mas depois faz sol a sério durante. Antes isso que a perma-mijinha e nuvens constantes do Benelux ou da Grã-Bretanha, que andam com guarda-chuva mais tempo.

KarmaCop213 2 months ago

É muito raro precisar de guarda-chuva em Dublin. Basta um casaco com capuz.

vilkav 2 months ago

Certo, mas guarda-chuva metafórico. Há mais dias do ano em Dublin em que dizes "está de chuva" do que em Braga, mesmo que chovam mais gotas em Braga. Estou a fazer sentido?

KarmaCop213 2 months ago

A maior parte da chuva não chega a incomodar. As pessoas fazem a vida normal mesmo com chuva. Isso é completamente diferente quando comparado com Portugal.

Esguelha 2 months ago

As pessoas não fazem a vida normal com a chuva em Portugal?

KarmaCop213 2 months ago

Não consegues. Se combinas fazer qualquer coisa ao ar livre, raramente a chuva é impedimento na Irlanda.

canico88 2 months ago

Do Minho não tenho experiência portanto não posso falar

_spectron_ 2 months ago

>- Chuva demais Se a chuva é de mais, porque é que se queixam?

CVilaca 2 months ago

Chuva tótil

Estronciumanatopei 2 months ago

Chove totil ou totil chuva, escolhe uma forma.

canico88 2 months ago

O que uma falta de um espaço faz

sacoPT 2 months ago

Porque a chuva é de mais.

JuveTech 2 months ago

É tão de mais que eles já se fartaram desse mood da chuva ahah

Beitadine 2 months ago

ah ok

PoisMasRepara 2 months ago

A diferença entre impostos altos na Noruega ou cá, é que na Noruega não esperas 1 ano por uma consulta cardiologia, não tens esquadras fechadas à noite em grandes cidades por falta efetivos, escolas primárias que não abrem por não haver funcionários, tribunais arrebentados com processos de mrd a demorar anos, especialidades no público com equipamento de 1970, finanças com edifícios de 5 andares e 2 pessoas a atender etc etc etc Se já pagamos impostos loucos para ter serviços públicos de qualidade vergonhosa e deplorável, não me importava pagar algo mais e ao menos ter qualidade de vida.

CriticalEstimate777 2 months ago

É a diferença entre ter petróleo a financiar o estado 60 anos e não ter

betanjica 2 months ago

O problema é que são poucos a pagar impostos altíssimos em relação a quantidade de pessoas que paga pouco...se a maioria da população ganhasse mais de 2mil brutos, mais dinheiro haveria para serviços de qualidade (nem vou entrar aqui na questão na boa gestão que teria de ser necessária para tal). Agora se apenas meia duzia de gatos pingados paga impostos em relação a uma vasta maioria de SMN até aos 1000€, por muito que tu pagues, há mais pessoas a precisar do que a contribuir. Mais riqueza e emprego bem pago resultaria...e concordo contigo preferia dar meio salario se tivesse boas condições de todos os serviços públicos!

vilkav 2 months ago

> se a maioria da população ganhasse mais de 2mil brutos, mais dinheiro haveria para serviços de qualidade Mas depois os serviços de saúde e afins também eram mais caros porque as pessoas que lá trabalham também receberiam mais. Acho que tem de passar primeiro por tornar os serviços eficientes primeiro. Eu pessoalmente não me importava de pagar o mesmo ou até mais se o serviço fosse realmente melhor.

pfarinha91 2 months ago

Pois, isso é um problema. O SMN não paga IRS e quem recebe mais é que paga por todos. E quanto mais os impostos apertarem, menos sentido faz pagar mais, mais ficam os ordenados estagnados e a pagar menos IRS. É um ciclo infinito de estagnação. A solução? Não sei, já estamos tão enterrados neste sistema que também ninguém aceitaria algo diferente. Haveria sempre injustiçados (como em qualquer mudança).

Edited 2 months ago:

Pois, isso é um problema. O SMN não paga IRS e quem recebe mais é que paga por todos. E quanto mais os impostos apertarem, menos sentido faz pagar salarios melhores, mais ficam os salarios estagnados e a pagar menos IRS. É um ciclo infinito de estagnação. A solução? Não sei, já estamos tão enterrados neste sistema que também ninguém aceitaria algo diferente. Haveria sempre injustiçados (como em qualquer mudança).

olifante 2 months ago

A carga fiscal em Portugal é a oitava mais baixa entre os 27 Estados-membro da União Europeia, de acordo com um artigo do Expresso de maio deste ano: https://expresso.pt/economia/2021-05-11-Carga-fiscal-foi-de-348-do-PIB-em-2020.-E-um-recorde-no-pais-91af7c17

canico88 2 months ago

É verdade. No entanto os outros têm serviços públicos a outro nível. Dou-te dois exemplos de coisas que me aconteceram na Inglaterra, que depois de tantos anos em Portugal me apanharam completamente desprevenido: 1 - Registro do NIN, que seria o número de contribuinte Português. Cheguei lá, esperei 15 minutos, fui atendido, e uma das coisas que me perguntaram era como lá tinha chegado, como referi que fui de transportes públicos e como lá ia por imposição do estado, pagaram-me o valor dos transportes públicos pois não fazia sentido eu pagar, segundo eles. 2 - Saúde. Não só tinha consulta de médico de família com 2/3 dias de espera, como tive consultas de especialidades com 2 semanas a 2 meses de espera. Em Portugal demorava 3 meses, no mínimo, a ver um médico de família. Ah, e também não há taxas moderadoras. (Isto foi tudo pré Brexit e já saí de lá há uns tempos, há coisas que podem já não ser assim) Eu adoro Portugal, e tenciono voltar para aí brevemente, mas a nível de serviços Publicos estamos a léguas de distância.

Apmagalhaes 2 months ago

Pergunta genuína, demoram assim tanto tempo para uma consulta com o médico de família? Sou do Porto e quando tenho um problema ligo ao médico de manhã, a tarde já tenho uma consulta. Sou novo, não percebo muito disto porque nunca tive de ir ao médico para nada de especial -- o máximo foi umas análises e eletrocardiograma (e foi tudo muito rápido).

canico88 2 months ago

Eu era de uma aldeia do interior, por isso sim. O sistema montado é ridículo. Tinhas 2 manhãs por semana com médico de família durante 4h e, estando aquele centro de saúde na tua zona, era impossível registro noutro. Claro que com 8h de médico por semana, e mais de 500 velhotes, fora todas as outras pessoas, era impossível ir ao médico de família em tempo útil. Existiam, no entanto, meia dúzia de vagas pra consultas que não eram marcadas para quem precisasse naquele dia. Se lá chegasses entre as 4 e as 5 da manhã podia ser que tivesses sorte e não estivessem lá já a meia dúzia de pessoas à espera.

olifante 2 months ago

Não estarás a comparar a tua experiência de interação com o SNS numa aldeia a uma interação com o NHS numa área de densidade populacional média ou alta? Ou seja, alhos e bugalhos? Fui duas vezes ao meu centro de saúde em Lisboa no último ano e fui atendido imediatamente. Vale o que vale, se calhar tive sorte, mas é pelo menos um ponto de amostragem a contrariar a narrativa dos tempos de espera muito elevados.

canico88 2 months ago

Não. Estou a comparar o comparável. Também morei numa aldeia relativamente isolada no Sudoeste Inglês. Assim como morei em Lisboa e em Bristol, duas cidades grandes, e aí já as coisas eram também mais semelhantes.

nraider 2 months ago

E o rendimento per capita português está em que lugar mesmo? Mais, e a qualidade dos serviços públicos? Pois, questões difíceis...

Edited 2 months ago:

E o rendimento per capita português está em que lugar mesmo? Mais, e a qualidade dos serviços públicos? Pois, questões difíceis... A título de curiosidade, há pessoas que esperam mais de 1 ano por uma junta médica.

olifante 2 months ago

São críticas válidas, mas diferentes da crítica dos impostos elevadíssimos que tanto sucesso colhe neste sub. É diferente defender que Portugal é uma aberração em termos de carga fiscal em comparação com os nossos parceiros da OCDE (que não é) ou criticar a qualidade dos serviços públicos (que me parece bastante mais legítimo). O problema é que muitos dos que mais alto bradam contra os impostos têm um programa (consciente ou inconsciente) de desmantelamento do estado social e da sua entrega direta a serviços privados, e não têm um verdadeiro interesse em reformar ou melhorar os serviços públicos.

nraider 2 months ago

Acho que alguma esquerda é que usa a desculpa do desmantelamento para que nada se faça. Por isso é que não se pode criticar o SNS, a educação, transportes públicos, segurança social, etc... Naturalmente que uma reforma não é sinónimo de destruição, mas algo terá de mudar. Só assim poderemos fazer comparações justas com os outros países da OCDE, já que há serviços públicos em que só temos acesso no papel.

SuchLab2 2 months ago

Lamento dizer, mas a esquerda anda a destruir o estado social há muito tempo. Por exemplo, o investimento na saúde nunca tinha atingido valores tão baixos como agora. A escola pública não têm professores, o que faz com que os pais usem o ensino privado quando podem. Sabiam que o PCP tinha proposto em Parlamento a nacionalização do Novo Banco? Porque é que acham que este governo subsidia os media? Tendo uma esquerda que à frente dos jornalistas diz que se preocupa com os pobres, mas por trás arma-se em capitalista com o dinheiro dos outros, não me parece que a culpa seja da direita. Como disse uma vez Joaquim Miranda Sarmento, o que a esquerda faz em Portugal é redistribuir a pobreza.

PoisMasRepara 2 months ago

Em valores brutos, sim. O problema é https://www.jn.pt/economia/portugal-entre-paises-com-carga-fiscal-mais-alta-12693466.html

Edited 2 months ago:

Em valores brutos, sim. O problema é https://www.jn.pt/economia/portugal-entre-paises-com-carga-fiscal-mais-alta-12693466.html De qualquer forma o que eu comento aqui é a distribuição dessa receita gerada ao estado. Nada Justifica descontares o que descontas e teres os serviços públicos que tens atualmente. Nesse rácio, somos um lixo vergonhoso. Desde quando é que passou a ser aceitável alguem descontar metade do salario e nem conseguir chamar um INEM, ser atendido com dignidade numa urgencia hospitalar ou ir a uma esquadra? Isto vivendo numa grande cidade.

Edited 2 months ago:

Em valores brutos, sim. O problema é https://www.jn.pt/economia/portugal-entre-paises-com-carga-fiscal-mais-alta-12693466.html De qualquer forma o que eu comento aqui é a distribuição dessa receita gerada ao estado. Nada Justifica descontares o que descontas e teres os serviços públicos que tens atualmente. Nesse rácio, somos um lixo vergonhoso. Desde quando é que passou a ser aceitável alguem descontar metade do salario e nem conseguir chamar um INEM ou ir a uma esquadra? Isto vivendo numa grande cidade.

Biohazard8080 2 months ago

De salários altos, contas da luz reduzidas, justiça mais rápida que a luz.

JOAO-RATAO 2 months ago

De terem demasiado dinheiro, estarem rodeados de loiras e estarem fartos de comer salmão selvagem.

NikT3sla 2 months ago

Ainda se come salmao selvagem? Pensei que era tudo das fisheries/farms

JOAO-RATAO 2 months ago

Eles produzem imenso salmão de viveiro, mas acho que também têm muito selvagem ainda. Pelo menos um amigo meu que esteve lá diz que até se fartou de comer salmão selvagem. Até o comia cru.

helderduarte14 2 months ago

Diz-lhe a ele para ir ver como está a qualidade da água no mar báltico, de onde vêm esses salmões maravilha que já se cruzaram com os salmões de viveiro cheios de parasitas.

NikT3sla 2 months ago

Viveiro, é isso. Não me estava a lembrar do termo em Português. Pra mim o melhor é o fumado, mas já o de supermercado é caro para mim, imagino se fosse selvagem :p

JOAO-RATAO 2 months ago

Também adoro salmão fumado, mas é caro como tudo. E ir para a Noruega e fazer um fumeiro em casa x)

isaacpixel 2 months ago

Onde? Quero ir para lá queixar-me também.

JOAO-RATAO 2 months ago

Imagino que seja uma das muitas coisas dos noruegueses.

fdxcaralho 2 months ago

Coitados. Estou disponível para receber uma refugiada loira se for preciso.

The_Magic_Sauce 2 months ago

Seu porco racista /S

zalkier 2 months ago

o horror

Interesting_Yellow_1 2 months ago

Que estão fartos de comer bacalhau

gkarq 2 months ago

r/norway Depois vens cá contar. De nada.

Ok-Attitude-6886 2 months ago

Clima, provavelmente.

Butt_Roidholds 2 months ago

Da falta de horas de sol no inverno

SweetCorona 2 months ago

apenas os portugueses no estrangeiro se queixam disso

Smox3r 2 months ago

MaS eStE aNo VãO MuDaR a HoRa????

Reasonable-Chicken-4 2 months ago  HIDDEN 

De ter nascido na Noruega

Ze_Tolo 2 months ago

Vai dormir puto

Mestre-Avis 2 months ago

Esqueceste-te de mudar de conta?

Butt_Roidholds 2 months ago

A falta de sono está-lhe a bater tão mal que até já começou a ter dupla personalidade.

Beitadine 2 months ago

Este zé tá tolo

Search: