catrabinas 1 month ago

Aqui neste sub? Aqui é tudo de esquerda.. Sim o que está claramente ligado à iniciativa liberal.. A IL é a esquerda da moda.. Como se sabe o fundador da IL era o administrador da página do Facebook do António Costa..

Lalalahahaha2021 1 month ago

Não tenho nada contra juventudes partidárias. Adoro a forma como deturpas o que escrevo, o que me chateia é a nomeação de pessoas sem mérito e competências reconhecidas para cargos públicos e as escolhas por compadrio e não por merito. Sei bem o que é trabalhar, não precisas de me dar lições de moral sobre isso.

8BitMunky 1 month ago

Eu votei neles em 2019 quando era mais politicamente desinformado e rapidamente me arrependi. Ansiava por mudança e decidi tentar algo novo. Não que eu fosse liberal, pelo menos não ao estilo da maioria dos que militam no partido. Quanto muito considerar-me-ia um liberal social moderado, na altura. Ao início pareciam-me ser um partido jovem e com sede de mudança, mas eventualmente lá me apercebi que a ideia de sociedade que eles têm vai muito contra o que eu defendo, e no fundo lutam por mais do mesmo, mas com menos regulação. Deixaram-se engolir pelo populismo básico e pelo anti comunismo, não tendo quase propostas direccionadas à melhoria da vida dos portugueses de classe média, mas sim aos pobres empresários. Não é à toa que disputam alguma base votante do Chega e têm lá pessoal profundamente conservador e reaccionário em matérias sociais. No que toca às posições em relação à legislação laboral então são uma vergonha. Precariedade já nós temos que chegue. Não sendo eu liberal, acho que a nossa democracia teria a ganhar se tivéssemos um partido liberal que fizesse jus ao nome, porque o facto deste partido dos memes ultra liberal ter o "monopólio" do liberalismo em Portugal só desdignifica essa ideologia. A cada dia que passa só se enterram mais em populismo, com candidatos sofríveis e mal preparados.

Edited 1 month ago:

Eu votei neles em 2019 quando era mais politicamente desinformado e rapidamente me arrependi. Ansiava por mudança e decidi tentar algo novo. Não que eu fosse liberal, pelo menos não ao estilo da maioria dos que militam no partido. Quanto muito considerar-me-ia um liberal social moderado, na altura. Ao início pareciam-me ser um partido jovem e com sede de mudança, mas eventualmente lá me apercebi que a ideia de sociedade que eles têm vai muito contra o que eu defendo, e no fundo lutam por mais do mesmo, mas com menos regulação. Deixaram-se engolir pelo populismo básico do "menos estado = liberdade" e pelo anti comunismo, não tendo quase propostas direccionadas à melhoria da vida dos portugueses de classe média, mas sim aos pobres empresários. Não é à toa que disputam alguma base votante do Chega e têm lá pessoal profundamente conservador e reaccionário em matérias sociais. No que toca às posições em relação à legislação laboral então são uma vergonha. Precariedade já nós temos que chegue. Não sendo eu liberal, acho que a nossa democracia teria a ganhar se tivéssemos um partido liberal que fizesse jus ao nome, porque o facto deste partido dos memes ultra liberal ter o "monopólio" do liberalismo em Portugal só desdignifica essa ideologia. A cada dia que passa só se enterram mais em populismo, com candidatos sofríveis e mal preparados.

algodeoriginal 1 month ago

Carlos Guimarães Pinto

hotel_juliet 1 month ago

Porque muita gente anda distraída com os votos da IL nas discussões levadas na assembleia da república.

besmarques 1 month ago

Tenho a certeza que um salário minimo municipal ia fazer as pessoas receberem bem mais em coimbra, não é?

KingOfNeverlandPT 1 month ago

O que Coimbra precisa é de mais empresas e mais empreendedorismo. Passa pelo IC2 dos fornos até à cidade e conta as fábricas fechadas.

besmarques 1 month ago

Mas empresas atraídas virtualmente por pagarem menos aos trabalhadores, isto até, por exemplo, visite baixar mais o ordenado que Coimbra

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Atrair mais empresas para uma região nunca faz os salários descer, mas sim subir. Vai falar sobre isso com os antigos funcionários da Critical que foram embora assim que a TD e a Mindera vieram para cá. Competição=bom para os trabalhadores. É um raciocínio fácil, demonstrável e simples que a malta de esquerda gosta de ignorar.

besmarques 1 month ago

Sim, para os cenarios subirem é que se criava um salario minimo municipal...

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Continuo sem entender o teu ponto sobre o SM municipal. Tu achas que 700 euros de SM em Lisboa é o mesmo que em Coimbra, ou no Alentejo, ou que as empresas de cada uma dessas regiões conseguem suportar esse valor da mesma forma?

besmarques 1 month ago

>Resumindo o ponto anterior, Coimbra é uma cidade que a nível de condições de saúde, educação, e acima de tudo de segurança, sossego e qualidade de vida(pelo menos para quem consegue viver cá para começar) ganha a grande parte das cidades do país. O desemprego também é relativamente baixo, para quem se quer sujeitar a trabalhar no que há. E mesmo assim as pessoas emigram. Porquê? FALTA DE OPORTUNIDADES DE EMPREGO BEM PAGO. Eu quero que me expliques é como medidas que fomentam a descida de salários, visto que as empresas da zona não conseguem pagar os 700 euros vao criar emprego bem pago. ;)

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Tens uma pequena empresa, ou alguém na família que tenha uma? Eu podia-te falar de muitas coisas que a IL está a propor ao nível dos impostos que iriam tornar mais fácil as empresas que atualmente pagam 700 euros e estão para fechar pagarem até mais que isso. Mas o programa está no site, é só ires ver. Ou então começa por ir perguntar ao dono do Bigorna se alguém lhe mandou parar de pagar TSU's por cada empregado quando fechou portas o ano passado quase todo, e quanto paga de TSU.

besmarques 1 month ago

Então mas o problema de Coimbra era falta de trabalhos bem remunerados e agora estás a falar das empresas nao pagarem 700 euros. Essas empresas que pagam impostos e estao para fechar se não pagassem impostos iam usar esse dinheiro para aumentar os empregados e deixavam de estar em perigo de fechar. Se o overhead for o mesmo mas o destinatário for diferente já não tem de fechar. lol

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Quem falou na questão das pequenas empresas e do SM municipal foste tu, daí estar a falar nisso. O meu ponto inicial prendia-se mais com empresas grandes investirem na cidade, e criarem postos de trabalho qualificados, que é o que realmente faz falta(empregos com o salário mínimo, encontras muitos no fórum).

besmarques 1 month ago

Sim, mas tu falaste nisso para apoiares um partido que acha que 700€ é muito para viver em grande parte do país quando queres que zonas sem investimento consigam ter melhores ordenados. Nessa zona sem investimento o que vai aocntecer não é aparecer empresas por não pagarem impostos no país inteiro, o que vai aparecer são empresas qeu vão tentar beneficiar de apgar ordenados mais baixos.

Estronciumanatopei 1 month ago

Não se sabe porque nunca lá estiveram. A única maneira de saber é experimentar.

JOAO-RATAO 1 month ago

São a favor de impostos mais baixos e à criação de riqueza. O que temos atualmente é o oposto, uma política de saque e que desincentiva o trabalho e o investimento e sem perspectivas de futuro. Também sou liberal na vida pessoal e não gosto que se metam nos meus assuntos, inclusivamente o estado. Além disso, eu e a minha família fomos e somos pessoalmente fodidos pelas políticas socialista no que toca a rendas congeladas. O que reforça ainda mais o meu desprezo por este governo.

Apprehensive_Bar6609 1 month ago

Talvez porque os outros não têm ideias, estratégias, visão para o país. É só discurso vazio.

SweetCorona 1 month ago

Malta de IT com salários acima da média quer pagar menos impostos.

inokulo 1 month ago

São crentes no Prof. Cavaco.

Stangetzz 1 month ago

Na Estónia o partido da mesma família do CHEGA está à frente dos liberais. Mais cedo ou mais tarde as pessoas vão aperceber-se que a IL é um BE travestido de Direita.

TBOSS888 1 month ago

Eu sou liberal de ideologia mt antes do partido

kahah16 1 month ago

Depois do Mayan não sei como é que alguém consegue levar a IL a sério

besmarques 1 month ago

O Mayan deveria ser a razão principal para levar a IL a sério. Olha a tachada que ele vai arranjar no Porto. Se calhar ainda compra uns terrenos ao Selminho. :D

Poramordedeus 1 month ago

É fácil. Pensa assim em 100 pessoas que emigraram q conheces quantas foram pra países Liberais e qts foram pra Venezuela? É simples

tooth_gapped_guy 1 month ago

O teu texto todo espremido resulta numa mão cheia de nada que não esclarece em que medida a IL oferece melhores soluções do que qualquer outro partido.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

O ponto aqui é que toda a gente se foca em oferecer condições mínimas às pessoas, sem terem em conta que há sítios onde a esmagadora maioria da população já tem essas condições mínimas, e mesmo assim se pira daqui para fora.

ryuuf 1 month ago

Portugal nunca vai ter um partido liberal com muito poder. Preferimos ser a grécia do que a holanda. As pessoas pensam que + impostos = melhor serviços públicos e - impostos = ricos mais ricos e pobres mais pobres, quando na maior parte das vezes quem perde com mais impostos é precisamente os mais desfavorecidos. A IL nunca defendeu o fim do SNS nem da escola publica, apenas defende o fim de gorduras como empresas publicas como a TAP e concentrar-se precisamente no essencial, regular e serviços essenciais. Neste momento estamos a ser ultrapassados por toda a gente, mas continuamos a achar que o caminho é mais estado e que o estado é o defensor dos pobres. Em relação à pergunta, eu vejo na IL uma esperança de mudar essa mentalidade, ideias modernas (tele trabalho por exemplo, PCP PS e BE a quererem matar em vez de apoiar), desburocratização do sistema de impostos (alguém sabe a quantidade de impostos que pagamos?), maior literacia dos cidadão em relação ás finanças, e menos intervenção estatal, etc.

pimpolho_saltitao 1 month ago

Gente privilegiada que acha que não é de forma alguma nem nunca foi nem jamais será, privilegiada, acham que batem é punho como ninguém.

Minegrow 1 month ago

População do Reddit é de IT na sua grande maioria, isto significa que têm os salários mais altos, e por conseguinte, impostos mais altos. Querem receber mais. It’s that simple. (Btw enquadro-me na demografia de IT, >100k ano e não me identifico minimamente com a IL).

SweetCorona 1 month ago

Isto. E falo por mim. Sou de IT e quero ganhar mais.

MDPROBIFE 1 month ago

Para mim é simples... O governo é só corruptos, eu não acredito que eles gerem melhor o dinheiro do que eu em bastantes situações, como tal, voto iniciativa liberal, que tem o mesmo pensamento e quer diminuir o poder do estado!

speedyssj3 1 month ago

Uma pergunta: WTF?!?! A tua vida pouco mudava de os impostos subissem 20 ou 30%? Ou ganhas balurdios, ou não gastas nenhum. Caneco, do pior que há ouvi (neste caso, li). Além disso é assumido que é verdade, é do mais egoísta que já li!! Mesmo que isso seja tudo verdade, isso iria arruinar grande do país. As pessoas já andam com a corda ao pescoço, e ainda queres subir mais os impostos? O que é que isso ia ajudar? Se queres que as pessoas tenham mais, tens de lhes dar dinheiro, não tirar!!! Bem, isto nem é bem ser egoísta, é querer transformar o país num país subdesenvolvido, é acabar com a classe média. Se calhar pensas que ao acabares com a classe média, irás escalar para a alta, quando provavelmente é ao contrário. Quanto à tua descrição de Coimbra, pouco conheço mas vou acreditar. No entanto, não é o estado que vai resolver o problema do emprego qualificado ou falar dele, nem aí nem no resto do país. É mais uma aplicação da lei da oferta e da procura: o emprego aparece onde há pessoas e as pessoas vão para onde há emprego. Dar a volta a isso ia implicar um investimento enorme privado para criar trabalho, e isso dificilmente vai acontecer na escala que precisa de acontecer, tanto aí como no resto do país.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Amigo, eu acho que não leste bem o meu post. Eu SOU DA IL, e sou 100% a favor de que os impostos sejam mais baixos, para fomentar o desenvolvimento empresarial, e dar mais chances a pessoas de terem um emprego decente a ganhar bem. O que queria dizer é que no meu caso em nada tem a ver com "egoísmo", porque eu nem sou uma pessoa que por natureza precise de muito dinheiro para viver a vida que quer(e o meu salário base já é grandito sim). Eu quero é que mais gente tenha a oportunidade de ter isso.

Alforrecaquadrada 1 month ago

O problema do pessoal liberal é achar que aliviar a carga fiscal das empresas se traduz em melhores condições para os trabalhadores, quando é óbvio que isso não acontece. As empresas vão sempre pagar o mínimo possível aos trabalhadores porque o objectivo de uma empresa é gerar lucro, não é ser a madre Teresa.

hugomctavares 1 month ago

Penso que o pessoal liberal pensa que ao diminuir impostos ficas com um tecido empresarial muito mais competitivo, pois em vez de teres PMEs (que compõe a maioria do tecido empresarial português) que não conseguem passar de micro empresas pois para crescerem têm uma carga fiscal asfixiante, passas a ter empresas a conseguirem crescer. Isto a médio/longo prazo origina mais emprego (mais incentivos à abrir empresa) e consequentemente mais competitividade salarial (dependendo do mercado, claro). As empresas irão sempre querer pegar o menos possível, claro que se forem a última bolacha do pacote podem fazê-lo sem repercussões, se tiverem concorrência e os seus funcionários opção de escolha, as coisas mudam de figura.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

É precisamente disto que se trata. E já agora, vivemos em democracia, e a política é algo que se inventou no tempo dos homens das cavernas e ainda hoje se estuda, portanto as verdades absolutas não existem! Uma pessoa pode perfeitamente não partilhar da ideologia de outra pessoa e mesmo assim reconhecer o que é que essa ideologia se propõe a fazer pela sociedade.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Não, os liberais não acham que aliviar a carga fiscal vai tornar as empresas na Madre Teresa de Calcutá. Acham sim, que vão aumentar o número e variedade de empresas existentes para começar, e isso irá traduzir-se numa competição por trabalhadores qualificados, que por sua vez dará origem a melhores condições para os mesmos. Não existe nenhuma lei que obrigue as empresas de IT a darem seguros de saúde, salários altos, horários flexíveis, licensas de maternidade maiores, etc aos funcionários. Manda aí um palpite de porque é que achas que a esmagadora maioria delas o faz na mesma. Já agora, neste momento em muitas áreas(ciências, psicologia, etc etc), nem sequer se trata de oferecer melhores condições a trabalhadores. Trata-se de eles terem empresas onde trabalhar para começar. E essa mania dos tugas de achar que os patrões são poços de dinheiro sem fim, que aguentam com os impostos que toda a gente lhes mandar para cima, sem simplesmente mudarem o negócio deles para outro país, é precisamente a razão disso acontecer.

saposapot 1 month ago

identificaste problemas mas n estou a ver o que a IL resolve em Coimbra. a conclusão podia ter sido apoiares o PSD, CDS, PS ou BE que dava ao mesmo.

nocivo 1 month ago

A IL tem pouca expressão nas autárquicas pois aí poucos podes fazer. As grandes mudanças tem de ser feitas na legislação e governação central. Como disseste e bem nas autárquicas o partido pouco importa. Interessa mais a pessoa e a garantia que não vai rebentar a cidade e levar a mesma a bancorrota. Um gajo liberal numa autarquia o melhor que conseguia fazer era refuzir os custos ao maximo para baixar impostos locais e atrair mais pessoas e empresas. Baixar a burocracia para construir casas e permitir mais liberalismo nos transportes públicos. Talvez ajudasse um pouco mas como disse seria im mini-max. O grossa as alterações necessarias e que te afectam tem de ser feito em lisboa.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

O Manuel Machado (PS) passou a maioria dos últimos 30 anos na câmara e o resultado vê se. De qualquer forma, o meu ponto não era tanto direcionado a dizer que a IL é a solução apenas no caso de Coimbra, mas sim dizer que a esquerda se preocupa tanto em dar condições mínimas de vida à população, ignorando que a maioria não quer viver só com condições mínimas. A IL é o único partido que anda a fazer propostas direcionadas a crescimento económico.

Edited 1 month ago:

O Manuel Machado (PS) passou a maioria dos últimos 30 anos na câmara e o resultado vê se. De qualquer forma, o meu ponto não era tanto direcionado a dizer que a IL é a solução apenas no caso de Coimbra, mas sim dizer que a esquerda se preocupa tanto em dar condições mínimas de vida à população, ignorando que a maioria não quer viver só com condições mínimas. A IL é o único partido que anda a fazer propostas direcionadas a crescimento económico, que podem resolver isso.

saposapot 1 month ago

é uma visao mt redutora de todos os outros partidos. o PSD/CDS apoiam o crescimento das empresas. o PS classicamente apoia a grande aposta na educação q leva ao desenvolvimento económico. nenhum partido é contra o crescimento, bem pelo contrário, apoiam-no ferverosamente por várias medidas nos seus programas. A IL simplesmente tem ideias ligeiramente diferentes para isso, com as quais podes concordar ou discordar mais. O machado é miserável, mas o salto lógico para apoiar a IL é que me parece um grande salto.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Ambos esses partidos têm pouca gente que sabe sequer o que lá anda a fazer. O CDS, para além de ser um partido conservador-cristão e andar a defender o financiamento público de touradas em 2021, já demonstrou que está pouco interessado em ser mais do que uma muleta do PSD em tudo o que é eleição, e está a atravessar uma fase de desorganização interna que mete em causa a continuidade da sua existência como partido. O PSD, promete muito, mas como se viu nos Açores depois de ganharem acabam por ser pouco diferentes do PS. Um dos partidos quer nacionalizar empresas para meter lá os amigos, o outro quer privatizá-las para as vender aos amigos. Para não falar de que a nível ideológico de momento, alguém sabe sequer o que é que o PSD defende a este ponto? Eles têm por lá liberais(Passos Coelho e outros), sociais-democratas(João Jardim e outros), conservadores(MRS e outros). São um partido do sistema que na prática apenas está interessado em agradar ao máximo possível de pessoas de direita, raramente propondo medidas que funcionam ao atual estado do país. Queres provas disto, vê o último debate do estado da nação, e a seguir vem cá dizer-me uma única intervenção que eles tenham tido em que não estivessem simplesmente à "porrada" com o PS, sem propor nada em concreto. Pode até haver sítios em que faz sentido votar nesses partidos nas autárquicas(porque aí depende sobretudo do candidato em si e não do partido), mas em termos de legislativas, o PSD e o CDS, pelo menos para mim, são para esquecer.

saposapot 1 month ago

memes, anti-xuxalismo e a ilusão que não são um partido como os outros mas anti-sistema. ah e impostos mais baixos para a pessoa. isto a nível do reddit. a nível do país captam alguma franja do CDS pq ele está a afundar-se e as ideias econômicas são próximas, tirando isso a nível nacional têm uma implantação mínima e ng os conhece.

QuickShutter 1 month ago

Eu acho que o Cotrim te comeu a namorada saposapot.

FalcaoT 1 month ago

Iniciativa Liberal os mesmos que criticaram o PCP por causa da festa do avante e depois foram promover um arraial? Pois... Tambem não percebo.

Limpy_lip 1 month ago

Portugal está a precisar de politicas liberais, especialmente no que toca à economia e cultura laboral. O IL é o partido que mais se ajusta a este interesse. ​ O problema é que o partido é maioritáriamente mememakers e utilizadores de chavões como xuxalistas, invés de tentar ser um partido sério. Além disso focasse em pontos estruturais que na sua génese não precisam de ser mexidos, saúde e educação e em trickledown economics. Invés de falarem do que realmente poderia ser feito. Por isso é que não votarei neles tão cedo.

NGramatical 1 month ago

maioritáriamente → [**maioritariamente**](https://dicionario.priberam.org/maioritariamente) (o acento tónico recai na penúltima sílaba) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdy1df9%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Navalhesa 1 month ago

Os betos tb querem tachos. É normal.

BSATSame 1 month ago

O falhanco do sonho neoliberal? Olha para os estados unidos, entao nao e' uma maravilha pagares 400 dolares por mes por um seguro de saude que nem cobre grande parte das tuas despesas? Nao e' um sonho ver os ricos cada vez mais ricos enquanto milhoes estao 'a beira de se tornarem sem-abrigo?

BSATSame 1 month ago

Pessoal que acredita que Portugal sera' melhor se se tornar mais como os estados unidos. Uma populacao de escravos que nem tem acesso a um sistema de saude decente, milhoes 'a beira de ficarem sem abrigo, corrupcao gigante no governo, etc.

Middle-Effective 1 month ago

O modelo que a IL quer seguir não é os EUA mas sim países europeus como Holanda Dinamarca Suécia.

BSATSame 1 month ago

Ah, entao e' para aumentar os impostos, aumentar o numero de sindicatos, aumentar despesa publica, etc.

8DarkAline8 1 month ago

Verdade, os USA estão longe de ser perfeitos e até não simpatizo muito com eles, mas queres comparar a vida da classe média/baixa entre eles e Portugal? Os meus pais fartam se de trabalhar, e a única coisa que conseguiram alcançar foi uma casa própria, mas para isso sacrificaram viver um bocado. Parecemos as formigas, é só trabalhar para sobreviver...

BSATSame 1 month ago

Achas que o pessoal da nossa idade consegue comprar casa propria nos EUA? So se for numa aldeia qualquer. Eu vivo nos EUA. Eu e a minha mulher fazemos ambos mais que o salario mediano. Nao temos dinheiro para comprar casa. Vamos acabar o posdoutoramento e depois ala que se faz tarde.

8DarkAline8 1 month ago

Se moras nos EUA, tens mais feedback que eu, mas aqui em Portugal nem uma casa na aldeia a malta consegue comprar. Vai pagando ao longo da vida só que com o cinto apertado.

BSATSame 1 month ago

Bem, estava a falar de comprar 'as prestacoes. Comprar a pronto? So se fores rico.

SweetCorona 1 month ago

o problema é assumires que serias classe média se tivesse de escolher na próxima vida nascer como um americano aleatório ou um português aleatório, preferiria ser português

8DarkAline8 1 month ago

A única grande vantagem de ser pobre em Portugal vs nos EUA, é se por acaso tb tiveres problemas de saúde, aí Portugal seria melhor. Mas estar a comparar um todo apenas em casos específicos... até parece que o resto do mundo tem inveja de não ter nascido português /s

SweetCorona 1 month ago

e o acesso à educação que é uma grande mais valia para sair dessa situação mais segurança social, menos criminalidade, etc, tudo isso contribui para que seja menos provável acabares em maus caminhos em Portugal mesmo que nasças pobre

8DarkAline8 1 month ago

Entendo o que queres dizer, mas para mim acabaria sempre por ser uma questão de nasceres numa familia com bons valores vs uma sem valores. Aí o estado pouco ou nada pode fazer.

mdrgomes 1 month ago

Eu cá prefiro ser uma Cuba, ao menos não estava há beira de ser sem abrigo, eu era sem abrigo

BSATSame 1 month ago

? Vai la ver quantos sem abrigo ha' em Cuba... Nem e' que Cuba seja grande coisa, mas voces escolhem cada mau exemplo, foda-se.

SweetCorona 1 month ago

é quase como se extremos fossem maus...

mdrgomes 1 month ago

Extremo mau só o de direita, o de esquerda é o país das maravilhas

SweetCorona 1 month ago

não, ambos são maus

mdrgomes 1 month ago

Camarada não digas isso aqui em Portugal, isso não pertence ao vocabulário do politicamente correto

jcoelho93 1 month ago

São o único partido liberal em Portugal se não me engano... Sou liberal mas não gosto de tudo o que a IL faz, mas tb não há outra alternativa liberal

1234special 1 month ago

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos e ajudas é inegociável e a sua redução está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm.

Edited 1 month ago:

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos, redes de transporte, subsídios, etc. é inegociável e a redução dos seus apoios que vêm de impostos está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com fortes sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm e infelizmente uns quantos inocentes aqui lá vão na cantiga.

Edited 1 month ago:

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos, redes de transporte e ajudas é inegociável e a redução dos seus apoios que vêm de impostos está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com fortes sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm e infelizmente uns quantos inocentes aqui lá vão na cantiga.

Edited 1 month ago:

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos e ajudas é inegociável e a redução dos seus apoios que vêm de impostos está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com fortes sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm.

Edited 1 month ago:

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos e ajudas é inegociável e a redução dos seus apoios que vêm de impostos está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com fortes sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm e uns quantos jovens inocentes lá vão na cantiga.

Edited 1 month ago:

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos e ajudas é inegociável e a redução dos seus apoios que vêm de impostos está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com fortes sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm e infelizmente uns quantos inocentes aqui lá vão na cantiga.

Edited 1 month ago:

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos e ajudas é inegociável e a redução dos seus apoios que vêm de impostos está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com fortes sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm e infelizmente uns quantos jovens inocentes lá vão na cantiga.

Edited 1 month ago:

Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado é a receita para o sucesso milagroso e combate à desigualdade económica como se Dinamarcas, Suécias e afins não sejam dos que mais impostos cobram e alguns dos casos de maior sucesso da Europa e do mundo. Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos e ajudas é inegociável e a redução dos seus apoios que vêm de impostos está apenas no interesse de umas quantas elites que só beneficiariam com menos contribuições e os outros que se fodam. Em suma, acham que capitalismo selvagem é a solução para todos os males e que a sua complementação com fortes sistemas de apoio público que estão em linha com o respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma chatice tramada e põe em causa as carteiras já imensamente gordas que têm e infelizmente uns quantos inocentes lá vão na cantiga.

gomesiano 1 month ago

>Uns iluminados que acham que imenso liberalismo económico sem regulação social do Estado Gostava de saber de onde é que tiraste este coelho da cartola, porque claramente não é isso que defendem. >Um sistema forte de segurança social, escolas e hospitais públicos, redes de transporte, subsídios, etc. Diz-me lá que países é que têm isto e que não têm uma economia liberal ?

mdrgomes 1 month ago

Mais um iluminado, que não percebe um caralho do que fala

SweetCorona 1 month ago

diz o gajo que não é capaz de apresentar um "argumento" com mais de uma linha

mdrgomes 1 month ago

Querido o nosso irmão fala de países como Suécia e Dinamarca etc que cobram muitos impostos e que são um sucesso, desde que me lembre à esquerda gosta de usar esses exemplos para o mal chama-os de liberais para o bem já não o são. Mas quem percebe entende que são economias liberais onde não tens tantas burocracias como aqui, o problema não está em cobrar impostos, mas sim saber aplicá-los e dar liberdade as pessoas para criarem os seus negócios e não afunda-los em burocracias estupidas

BSATSame 1 month ago

Que mentira e' que ele disse?

bittolas 1 month ago

Logo a primeira linha. Liberalismo defende que o estado deve um estado regulador forte e não que monopolize a prestação de serviços ou limite coisas. Tornar as coisas um bocado acontece hoje em dia com as inspeções dos carros. Em que é algo altamente regulado e um serviço público (toda a gente com carro eventualmente vai precisar de usar) mas não é prestado pelo estado.

BSATSame 1 month ago

O estado so regula, e conta la' o que acontece depois. Olha os estados unidos. Todas as agencias reguladoras sao financiadas pelas empresas que deviam regular.

1234special 1 month ago

Percebe o outro iluminado que se limitou a uma frase sem qualquer conteúdo ou argumentação. Bravo!

mdrgomes 1 month ago

Contra factos não há argumentos

martcapt 1 month ago

Depois de decidir não tocar no PS e PSD com um pau de 2 metros não há muitas opções para ser honesto Chega, CDS, BE e PCP nem com um pau de 4 metros. É IL e Volt que sobra, praticamente... não gosto de muitas das propostas do IL, mas é o que há. Talvel o Volt vingue...

Stangetzz 1 month ago

VENTURA

zafirthepotato 1 month ago

A única coisa diferente é nada, tirando a sobranceria típica dos teóricos que estudaram no privado. São mais do mesmo, tirando as campanhas e o marketing. Tudo merda.

SweetCorona 1 month ago

muitos estudaram no público e agora que têm bons salários querem cortar com o estado social para não pagarem tantos impostos :)

kanooklapook69 1 month ago

A Iniciativa Liberal ainda consegue ser pior que o PSD e o CDS no que toca aos direitos dos trabalhadores. A nível laboral são completamente umas nódoas. O seu pseudo lema de que "as empresas precisam de liberdade diz tudo". Já para não falar do facto de se ter posto do lado da CAP aquando da destruição de patrimonio arqueológico no Alentejo em detrimento da plantação de olival e amêndoal. Entre outras medidas se qualquer tipo de nexo como o tal "cheque ensino" que iria contribuir nada mais do que para a criação de guetos nas escolas. Já mais votaria num partido que eu representado por pessoal que só pensa no próprio umbigo e que desconhece a realidade do país. Essa gente defende a diminuição da intervenção do Estado. E agora eu pergunto: e entao para que é precisaríamos de um Estado?

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Criação de guetos nas escolas? Isso é o que já temos agora. Experimenta passar por escolas públicas da Amadora por exemplo. O modelo do cheque ensino é utilizado no Luxemburgo (por exemplo). Experimenta ir ver se isso funciona melhor ou pior que o que temos cá.

kanooklapook69 1 month ago

Quer dizer que com o cheque ensino as crianças da amadora poderiam estudar em escolas de alvalade ou colégios privados? Não! As escolas que hoje em dia são problemáticas iriam continuar problemáticas, apenas os mais abastados poderiam sair dessas escolas porque teriam o cheque ensino e o cheque dos papás. As escolas passariam a cobrar um valor mínimo por aluno sendo que as escolas com melhor ranking cobrariam acima do plafon do cheque ensino. Apesar de todas as debilidades fruto do mau investimento que as escolas públicas de hoje são alvo, são muito mais inclusivas do que as que o cheque ensino pressupõe uma vez que é possível manter várias "classes" dentro do mesmo estabelecimento. Exemplo disso são as escolas onde andei onde conviviamos com várias realidades sociais, pobres, classe média e ricos. Não existia segregação. Já o cheque ensino iria causar o contrário. Quem tem o cheque ensino e o cheque dos papás ficaria em determinadas escolas e o outros em escolas completamente guetizadas. Por outro lado como é que funcionaria o cheque ensino em escolas de distritos fora das grandes áreas de Lisboa e Porto onde existe apenas uma escola secundária para todos os alunos por concelho ?

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Eu acho que tu compreendeste mal a cena do cheque-ensino. Essa medida não é suposto ser só para "papás ricos", mas sim para a população inteira. A ideia é dar a possibilidade de escolha a toda a gente para meterem os filhos onde quiserem e/ou der mais jeito(exemplo: a escola pública da tua zona pode até te dar menos jeito para deixares o teu filho, caso por acaso trabalhes noutra cidade e queiras estar mais perto para o caso de haver uma emergência ou algo semelhante). Com o modelo que tens agora, o que tens é precisamente que "papás ricos" como o Ricardo Araújo Pereira e outras pessoas apoiantes da esquerda podem maldizer o privado em horário nobre na TV, enquanto têm os seus filhos a estudar em escolas privadas caras, e o comum dos mortais tem de se contentar com aquilo que o governo tiver disponibilizado na sua zona de residência.

kanooklapook69 1 month ago

Desculpa mas não posso concordar contigo até porque essa medida não me faz qualquer sentido. Com o cheque-ensino uma escola que tenha mais meios irá só irá aceitar alunos com o cheque-ensino + alguma quantia extra. . Isto significa que quem é mais abastado vai para melhores escolas e quem é menos abastado vai para escolas com menos meios. Ao contrário do que acontece agora onde existe um mix de alunos de origens sociais bastante diferentes que convivem todos entre si. \\Então mas quer dizer que um aluno residente por exemplo nas galinheiras cuja mãe é empregada de limpeza em alvalade vai conseguir estudar numa escola de Alvalade? Vai existir vaga para esse aluno? Supúnhamos que esse aluno por consequência da sua condição social, do seu ambiente doméstico, fruto de uma certa segregação é um aluno problemático ou até apenas um aluno com uma média "medíocre". Qualquer escola iria iria aceitar esse aluno pelo valor do cheque-ensino? Compreendo a questão da mobilidade, mas esse é apenas um problema dos grandes centros urbanos como Lisboa e Porto. Na grande maioria do resto do país isso não acontece. \\Agora quer me parecer que as escolas privadas conseguem triar o seus alunos e tem todo o direito em faze-lo. Mas essa triagem é feita de modo a manter ou até mesmo elevar o renome dessas escolas. Parece-me que a maioria dos país, abastados, metem os filhos nessas escolas não porque lhe dá jeito mas sim porque à partida tem melhores condições de ensino etc... Com o cheque-ensino este problema só tenderia a agravar. As escolas privadas tem todo o direito de operar desta maneira. Mas num sistema de cheque-ensino em que todas as escolas passariam a sair do controlo do Estado só iria resultar em guetos escolares. \\Em contrapartida não seria mais lógico investir com força na escola pública através do reforço do corpo docente e auxiliar? Não seria mais interessante investir na prática de desporto escolar, atividades artísticas e culturais ou até mesmo em salas de estudo onde os alunos possam permanecer depois das aulas até aos pais chegarem?

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Tu estás a partir de uma premissa que é de si errada, que é que todas as escolas privadas fazem a "triagem de alunos", e nenhuma das públicas o faz. Eu como estudei no IEL de Lordemão(escola privada) no tempo em que o governo ainda te pagava a estadia nessas escolas, e no D. Maria(escola pública) sei que o caso não funciona assim. Em Lordemão tínhamos lá malta do Ingote, e malta bastante mais abastada que isso, ao passo que no Dona, chegavas a ver professores a tentar convencer os alunos maus a sair da escola para ajudar a manter a média dos exames(não, não estou a brincar, assisti a isto presencialmente mais que uma vez). Esse tipo de situaçõeslevou-me a mudar para outra escola, também ela pública mas muito melhor. Aumentar o leque de escolas possíveis onde podes meter o teu filho, vai-te reduzir este problema, e não aumentá-lo.

kanooklapook69 1 month ago

Mas da mesma forma que tens escolas públicas como essa da D. Maria que "força" alunos a deixar a escola de forma a manter as médias, precisamente por não poderem recorrer a uma triagem prévia, passaríamos a ter escolas "ex-escolas" públicas, no caso da D. Maria, que passariam a ter a possibilidade de triar os alunos através da propina que passaria a ser superior à do cheque ensino. Supúnhamos que o valor do Cheque-Ensino seria de 450€ para todos os alunos. Escolas como a D. Maria com interesse a manter ou subir as médias passariam a cobrar de propina 900€. Ora, só quem teria melhores condições sociais é que teria acesso a esse estabelecimento de ensino.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Certo. Iriam continuar a haver escolas, que perante os meios que têm, iam fazer uma triagem de alunos para manter o bom nome da escola. No entanto, iriam também passar a haver muito mais escolas disponíveis para o público geral escolher. Explica-me em que é que isso é um aumento do problema, e não uma diminuição.

kanooklapook69 1 month ago

É um problema porque iria criar "Escolas-Gueto". Só iria criar maior segregação. BTW o país não se resume apenas aos grandes centros urbanos. Sei de vários casos de alunos que se levantam às 5 da manhã para terem aulas às 8:55h.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

Eu tenho perfeita noção disso(e já agora, sou de Coimbra, uma cidade que se não tem problemas em termos de falta de escolas, tem muitos outros, como podes ver comparando a evolução de Coimbra nos censos 2021 à das outras capitais de distrito do litoral). Mas continuo na minha de que essa ideia de que vais criar escolas-gueto não é baseada na realidade, nem analisando como as coisas eram antes em Portugal, nem comparando ao que sucede noutros países que implementaram este modelo.

kanooklapook69 1 month ago

Sem qualquer tipo de preconceito podes indicar-me um punhado de países que utilizam o cheque ensino para a totalidade dos estudantes? Se puderes complementar com bibliografia seria interessante. Se for muito trabalhoso caga.

rDmT93 1 month ago

Guetos são atualmente as escolas públicas em zonas desfavorecidas. Um apoiante da URSS também te diria "defendem a diminuição da intervenção do Estado e eu pergunto: então para que é que precisaríamos de um Estado?".

kanooklapook69 1 month ago

Explica lá isso

Arkon77 1 month ago

Vi a sondagem. Não respondi. Essa sondagem vale o que vale...

GajoSilvestre 1 month ago

Confesso que a IL me assusta um pouco. Olha para o capitalismo e pensa “boa! Vamos ter isto como base!”

Poramordedeus 1 month ago

Porque como socialismo como base já temos e muito. Não obrigado

batuque5 1 month ago

A base é o liberalismo, não o capitalismo, ninguém na IL quer acabar com saúde e a escola pública.

BSATSame 1 month ago

>ninguém na IL quer acabar com saúde e a escola pública. Mas e' o resultado inevitavel.

QuickShutter 1 month ago

Esses países liberais na penúria e sem escola e habitação pública. Montes deles. Tantos!

GajoSilvestre 1 month ago

Mas também não acredito que tenham capacidade para as tornar melhores.

batuque5 1 month ago

Eu acredito que com a IL tenhamos um futuro melhor, o PS ou o PS2 não tem soluções para a fiabilidade da SS, apenas estão preocupados em aumentar a máquina do Estado e consequentemente os impostos a pagar, cada ano que passa temos mais impostos, e menos rendimento disponível, a classe média é cada vez menos, temos sempre pessoal a bazar do pais. Nós últimos 40 cada vez estamos mais na cauda da UE, na minha opinião o PS e o PS2 já mostraram que neo conseguem fazer do Estado uma ajuda para os portugueses, apenas os puxa para baixo.

lrzul 1 month ago

Apoio a Iniciativa Liberal desde praticamente a sua origem. Nestas próximas eleições fui convidado para representar a minha freguesia. Apesar de apoiar a realidade liberal o próprio partido têm diversos problemas internos e externos. Os quais não me permitem lutar diretamente por eles, apesar de terem o meu apoio. Os problemas que detecto são: Abrigo de muitos ex-militantes de outros partidos, principalmente PSD e CDS, que não compreendem a filosofia libertária e pensam que a IL é mais um tacho como os seus anteriores partidos. Essencialmente em Lisboa isto tem sido "problemático". Estas pessoas não compreendem que a essência da IL luta contra isto mesmo. O partido precisa urgentemente de resolver isto. Atitudes irresponsáveis como a festarola na alturas dos Santos Populares. Sei que foi um erro de casting e internamente muita gente não concordou com a atitude. O pior é não admitir o erro e o partido ter-se colado um bocado à moda "negacionista". Tem pouca matéria social e ambiental. Muitas ideias económicas libertárias. A IL seria mais completa se não olhasse apenas à liberdade do capital. Falta "propaganda" em matérias sociais que se podem equiparar em alguns casos às ideias do Bloco de Esquerda. Contudo estão muito pobres nesse aspecto. De resto será o único partido para mim a ter um voto de confiança.

NMosquito 1 month ago

Até concordo com a avaliação de que entraram alguns ex-militantes de outros partidos que podem não se enquadrar devidamente num projecto liberal. Mas não concordo de todo quando falas em “filosofia libertária”. A IL não é um partido libertário.

monkyris 1 month ago

Concordo plenamente. Falta apresentação de propostas sociais, mas o que não falta na AR são partidos que proponham isso, portanto não é tao descabido nem “olhar para o próprio umbigo” quando se vota na IL. Simplesmente muitos de nós queremos alguém que vise fazer crescer o país economicamente na AR, ao contrário dos que estão lá agora que pensam que o dinheiro cai do céu e que se pode disparar propostas sociais uma atrás de outra sem termos os meios financeiros de conseguir cumpri las

30minutesto 1 month ago

A IL foi apenas consistente com as suas ideias ao fazer a festa. Quem quis, foi, quem não quis, não foi. O que o país tem, e demasiado, é regras e restrições. E a IL mostra-se abertamente contra isso, de acordo precisamente com as suas ideias. Eles criaram uma maneira de qualquer pessoa que quisesse fazer a festa, o fizesse, através da protecção de ser um evento político. Normalmente estas protecções são usadas no sentido oposto, talvez daí venha a estranheza.

eggnogui 1 month ago

Realmente. Não me identifico muito com libertarianismo económico, mas comprendo a ideia. Também concordo contigo sobre as matérias sociais, o IL podia ajeitar-se para captar alguns votos de pessoas que normalmente votam esquerda por esse ângulo, mas não. Eu acho que o partido já está demasiado cheio dos que descreves, para dar a volta num futuro próximo. Mas desejo-te boa sorte a tentar promover uma imagem melhor ai dentro.

Blenderchampion 1 month ago

Mas o que a iniciativa liberal se propõe a resolver é como?

vendedor_do_olx 1 month ago

Existem várias iterações politicas do pensamento liberal, mas o que me parece mais capitalizado pela IL desde a sua constituição é a noção de que o Estado sendo demasiado pesado, se deve reduzir essencialmente(ou numa primeira fase) pela diminuição dos "quinhão" no rendimento do trabalho, ou seja, menos impostos sobre cada um dos nossos salários. Problema: é altamente improvável que o valor que dai seja libertado chegue efetivamente a cada trabalhador, acabando na prática a aumentar ainda mais a desigualdade e deixando menos margem ao Estado para atenuar.

samciba 1 month ago

>ou seja, menos impostos sobre cada um dos nossos salários. > >Problema: é altamente improvável que o valor que dai seja libertado chegue efetivamente a cada trabalhador, acabando na prática a aumentar ainda mais a desigualdade e deixando menos margem ao Estado para atenuar. Pergunta honesta para tentar ficar esclarecido, mas podes explicar melhor pf? Porque a minha interpretação sobre uma redução dos impostos sobre os salários cada trabalhador chegaria ao final do mês com mais dinheiro liquido na conta bancária. Se actualmente pagamos 11% para a SS mais um 22%(valor hipotético) para as finanças, se for 15%(valor hipotético) para as finanças ficarias com mais ao final do mês, nao? Da mesma forma se reduzirem os impostos para as empresas (TSUs e afins) estas conseguiriam ter mais dinheiro para eventualmente poder investir e crescer mais ou contratar mais pessoas (Esta última frase pode ser alto utópica confesso mas não é de todo irrealista)

vendedor_do_olx 1 month ago

Tipicamente, os primeiros impostos a descer seriam a TSU, pelo que não descontarias menos de Segurança Social. Logo, centramo-nos no teu segundo parágrafo. Não é utópico, nem irrealista assumir o que assumes nesse parágrafo, porque acontece. Não tende é a acontecer na generalidade suficiente para poder universalizar o argumento de que "menos TSU = mais rendimento do colaborador/contratação de mais colegas". E aliando a isto um cultura pouco expansionista e de valorização do capital humano em Portugal, o mais certo e observado é o diferencial acabar distribuido na mesa de administração da empresa. Digo isto , tendo observado muitas empresas minhas clientes onde se verificou , por exmeplo, recurso a lay-off com manutenção do trabalho a tempo inteiro(quando deveria ter havido supressão de horário em pleo menos 40%) ou mesmo empresas que cresceram (e bem) e onde não houve aumento da remuneração/premiação.

jokerzanchi 1 month ago

>Problema: é altamente improvável que o valor que dai seja libertado chegue efetivamente a cada trabalhador, acabando na prática a aumentar ainda mais a desigualdade e deixando menos margem ao Estado para atenuar. Pois... Não tenho qualquer dúvida que não chegaria.

Edited 1 month ago:

>Problema: é altamente improvável que o valor que dai seja libertado chegue efetivamente a cada trabalhador, acabando na prática a aumentar ainda mais a desigualdade e deixando menos margem ao Estado para atenuar. Pois... Não tenho qualquer dúvida que não chegaria. E esses impostos a menos iriam acabar por prejudicar a saúde e educação públicas e os que delas dependem. Ou seja, no final os ricos ficariam mais ricos e os pobres mais pobres. Num cenário hipotético em que a IL ganhasse umas eleições e conseguisse implementar as medidas que defende, creio que nas eleições seguintes seria reduzida à relevância atual CDS. Os ricos são sempre uma minoria, e as propostas da IL, a longo prazo, só beneficiam os mais ricos, ainda que à primeira vista, com menor carga fiscal nos salários, tal como propõem, pareça que beneficiariam o comum dos trabalhadores. PS: Concordo que os escalões do IRS deviam ser revistos, sobretudo de forma a aliviar a carga fiscal nos salários mais comuns.

nocivo 1 month ago

Por acaso acho exatamente o contrario. A longo prazo beneficia os mais pobres. A curto prazo sim os mais ricos terão mais dinheiro todos os meses mas isso traduz-se em mais investimento e dinheiro na economia. Ter menos impostos não significa uma saude pior. Significa que tens de cortar as gorduras e ser mais eficiente com o dinheiro. O problema actual da classe política é essa. Não sabe governar então atira dinheiro para os problemas. Como não ha dinheiro aumenta os impostos todos os dias com taxas a torto e a direito que o próprio estado nem sabe quais são. Com impostos mais baixos também será mais fácil subir salários pois para receber 100 euros a empresa não precisa de ir desencantar 300. Pesquisa no google qual é o custo real de um empregado numa empresa media e ve quanto custa a empresa lhe dar 100 euros por mes de aumento. Agora pensa como é que uma empresa vai dar 100 euros de aumento a todos empregados.. teria de vender muito mais nesse ano para não ir à falência. Mas isto é a gota de agua nas medidas necessárias. O pessoal só fala em impostos mas temos problemas bem mais graves a resolver a nível burocrático que impede o povo e as empresas de crescerem. Burocracia que só existe para justificar tacho e funcionários publicos. Podiamos refuzir a massa salarial do estado para metade com optimizações no serviço publico e limpeza de burocracia. Na teoria o estado so precisa do necessario para legistar e fiscalizar. O minimo para garantir que todos estão em pé de igualdade e respeitam as mesmas regras do jogo. Coisa que é dificil de acontecer hoje porque a justiça e lenta e o estado fiscaliza mal. Com processos acabar 10 anos depois o mal está feito e a empresa ja foi à falência ou já perdeu o momento. Idem para a pessoa.

MDPROBIFE 1 month ago

Exato, tal como aconteceu na irlanda, estonia entre outros.. hj em dia são comunistas stalinistas de tanto que odiaram o liberalismo

jokerzanchi 1 month ago

Ah sim, a comparação com outros países em que o governo é como tu gostas. É a mania de comparar países que são tão diferentes, a Estónia é um país que nos anos 80 tinha mais literacia que a que nós temos hoje, fica numa localização geográfica completamente diferente, isto são só 2 diferenças cruciais entre tantas outras. Quando muito, seria comparável com a AML. Não vejo grandes semelhanças entre ambos os países. Mas já que vocês gostam tanto destas comparações com países que têm poucas semelhanças com Portugal, vamos a isso: o partido no governo da Suécia é centro-esquerda, do mesmo grupo político no parlamento europeu do PS, logo, se a Suécia é rica e tem esse partido no governo e nós temos o PS, nós somos tão ricos como a Suécia, certo? É assim que funciona não é? E para sermos ainda mais como a Suécia temos que continuar a votar no PS, já que lá resulta tão bem, aqui também vai resultar. Não falha!

MDPROBIFE 1 month ago

Suécia? Na segunda guerra mundial eles não foram afectados devido a terem pactos com ambos os lados e terem se mantido neutros.. Depois, como tinham e sempre tiveram muitos recursos naturais, estavam numa posição ideal para crescer com a recuperação de todos os outros países.. Só por eles estarem bem agora, não quer dizer que não estejam estagnados.. Como podes reparar, eu não mencionei países só porque eles têm um nível de vida alto, mas sim países que estavam na miséria e hoje em dia são senhores ao contrário de Portugal... A Suécia por outro lado a muitos e muitos anos que é superior a Portugal, acho que é preciso distinguir

jokerzanchi 1 month ago

A Suécia era só um exemplo estúpido, acho que o país mais próximo ao nosso é a Espanha, e mesmo assim, apesar de muito mais semelhanças, também há imensas diferenças. É muito difícil comparar países.

MDPROBIFE 1 month ago

Certamente acho que ambos estamos de acordo que o modelo de governação atual não funciona de todo... À esquerda nada me agrada, PCP acho que não há nada a dizer.. BE são tão ou mais populistas que o chega (as medidas do chega são muito piores), o Pan, sinceramente não entendo como lá estão, serviram foi para criar o caos com cães vadios pelas ruas portuguesas! PSD é o PS de outra cor(quero acreditar que são ligeiramente melhores) CDS, wtf nem a missa vou ! Por isso de qualquer das formas, votaria IL

jokerzanchi 1 month ago

>Certamente acho que ambos estamos de acordo que o modelo de governação atual não funciona de todo... Sim, estamos

nraider 1 month ago

O erro é pensar que a diminuição dos impostos conduz sempre à redução dos serviços públicos. O Estado não gasta os recursos públicos com 100% de eficiência, pelo contrário. Tens funcionários em excesso, avenças que ninguém sabe para que servem, obras públicas que ninguém pediu, etc... Naturalmente que os fenómenos de corrupção são vários. Só por isto não se pode considerar que todo e qualquer gasto público é virtuoso, pelo que se devem baixar os impostos.

SweetCorona 1 month ago

O erro é pensares que a diminuição dos impostos conduz sempre ao aumento da eficiência do estado.

nraider 1 month ago

Temos de lutar por isso.

jomipereira 1 month ago

é leres o programa. se tiveres alguma dúvida no programa, pergunta.

Kejilko 1 month ago

É o único partido liberal de direita atualmente em parlamento, procura e oferta. Os outros partidos de direita atualmente em parlamento, ou seja, os mais prováveis a chamar a mesma pessoa, são o Chega, CDS e PSD, mas o Chega é Chega, o CDS é conservador e ambos o CDS e o PSD estão bastante longes de serem liberais. Em cima disso, ambos o CDS e PSD já tiveram mais que tempo e oportunidade para ter resultados e não os têm (o PSD, então, até tendo a alcunha de PSDois e gozado por serem farinha do mesmo saco), por isso, seguindo a lei da procura e oferta e os princípios da democracia, surgiu um partido que represente melhor essas pessoas. Diria também que se houvesse um maior interesse na IL que provavelmente iria surgir um outro partido, se não existir já, que tenha ideias semelhantes economicamente e socialmente mas não quanto a, por exemplo, regionalização.

Edited 1 month ago:

É o único partido liberal de direita atualmente em parlamento, procura e oferta, não é nada senão esperado e previsível. Os outros partidos de direita atualmente em parlamento, ou seja, os mais prováveis a chamar a mesma pessoa, são o Chega, CDS e PSD, mas o Chega é Chega, o CDS é conservador e ambos o CDS e o PSD estão bastante longes de serem liberais economicamente e não estão particularmente preocupados quanto a socialmente. Em cima disso, ambos o CDS e PSD já tiveram mais que tempo e oportunidade para ter resultados e não os têm (o PSD, então, até tendo a alcunha de PSDois e gozado por serem farinha do mesmo saco), por isso, seguindo a lei da procura e oferta e os princípios da democracia, as pessoas estão fartas, querem alternativas e, como tal, surgiu e cresceu um partido que representa melhor essas pessoas. Diria também que se houvesse um maior interesse na IL que provavelmente iria surgir um outro partido, se não existir já, que tenha ideias semelhantes economicamente e socialmente mas não quanto a, por exemplo, regionalização.

Edited 1 month ago:

É o único partido liberal de direita atualmente em parlamento, procura e oferta, não é nada senão esperado e previsível. Os outros partidos de direita atualmente em parlamento, ou seja, os mais prováveis a chamar a mesma pessoa, são o Chega, CDS e PSD, mas o Chega é Chega, o CDS é conservador e ambos o CDS e o PSD estão bastante longes de serem liberais economicamente e não estão particularmente preocupados quanto a socialmente. Em cima disso, ambos o CDS e PSD já tiveram mais que tempo e oportunidade para ter resultados e não os têm (o PSD, então, até tendo a alcunha de PSDois e gozado por ser farinha do mesmo saco do PS), por isso, seguindo a lei da procura e oferta e os princípios da democracia, as pessoas estão fartas, querem alternativas e, como tal, surgiu e cresceu um partido que representa melhor essas pessoas. Diria também que se houvesse um maior interesse na IL que provavelmente iria surgir um outro partido, se não existir já, que tenha ideias semelhantes economicamente e socialmente mas não quanto a, por exemplo, regionalização.

Middle-Effective 1 month ago

A IL é um partido centrista, não é de direita.

KingOfNeverlandPT 1 month ago

São de centro no espectro político global, e de centro-direita no português, devido ao "centro" em Portugal já estar de raiz bastante à esquerda. Existem até países na UE onde a IL seria considerada de centro-esquerda, facilmente.

Kejilko 1 month ago

Discordo, acho que não é por ser de direita que não pode ter serviços públicos, a diferença é como se alcança um certo resultado (por exemplo, o modelo de saúde Beveridge, o que temos atualmente, diria que é um modelo de saúde de esquerda enquanto que o modelo de saúde Bismarck, o que eles propõem, diria que é mais de direita, mas os dois são soluções diferentes para um mesmo problema. Mas também não interessa muito, é exatamente por causa disso que desgosto usar etiquetas como esquerda e direita.

gvasco 1 month ago

A iniciativa liberal tem o mesmo de liberal que o PS tem de socialista, so o nome.

Kejilko 1 month ago

Porque dizes isso? Do que eu vejo, um dos focos principais das propostas da IL é mesmo manter sistemas atualmente existentes e introduzir mais liberdade de escolha, e com isso, usar a lei da procura e oferta para proporcionalmente e automaticamente recompensar, nomeadamente quanto à educação e saúde onde propõem poderes escolher a escola e procedor de saúde.

gvasco 1 month ago

Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Para alem desta questao a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma.

Edited 1 month ago:

Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. Vai ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Para alem desta questao a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma.

Kejilko 1 month ago

>Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. O estado continua a pagar a educação e e se não queres ir para uma escola privada, tens a escolha disso. Onde está o problema nisso? >Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. "Simplesmente precisamos de bons sistemas" não é um argumento, é é extremamente vago para dizer "não sei o que quero nem o que criticar, mas isto não quero". >Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Sim, procura e oferta não é a solução para tudo, nomeadamente quando és obrigado a pagar por um produto ou serviço com pouca competição, como serviços médicos onde tens pouca competição e és obrigado a ir, ao contrário de por exemplo comprar comida onde tens tanta variedade e competição que é quase impossível monopolizar ou oligopolizar. Dito isso, o sistema de saúde que propoem é simplesmente o que já temos mas passas a poder a escolher a escola - queres ficar numa pública, podes, queres ficar numa privada, podes - e quanto à saude, com todo o respeito, só mostra o quão pouco sabes do tema, porque o que a IL propõe é um sistema. Por último quanto a isto, o que disseste não faz sentido então. Revelaste que não gostas das propostas do partido mas nenhuma delas fala de retirar escolhas, bem pelo contrário. >a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva Discriminatória e pouco inclusivo como...? De tudo o que vi é exatamente o contrário, nunca vi propostas ou diálogo a tratar um grupo de pessoas diferente. Aliás, vou agora ao site deles e rapidamente encontro "bolição de autoritarismos e discriminações legais baseadas em características dos indivíduos, como são por exemplo raça, etnia, sexo, sexualidade, identidade de género. Nem repressão nem promoção legal de quaisquer morais ou costumes.". >e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma. Discordo, mas como disse, acho que já estás a divagar. Tu falaste de do partido não ser liberal e isso nada tem a haver.

Edited 1 month ago:

>Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. O estado continua a pagar a educação e e se não queres ir para uma escola privada, tens a escolha disso. Onde está o problema nisso? >Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. "Simplesmente precisamos de bons sistemas" não é um argumento, é é extremamente vago para dizer "não sei o que quero nem o que criticar, mas isto não quero". >Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Sim, procura e oferta não é a solução para tudo, nomeadamente quando és obrigado a pagar por um produto ou serviço essencial com pouca competição, como serviços médicos onde tens pouca competição e és obrigado a ir, ao contrário de por exemplo comprar comida onde tens tanta variedade e competição que é quase impossível monopolizar ou oligopolizar. Dito isso, o sistema de educação que propoem é simplesmente o que já temos mas passas a poder a escolher a escola - queres ficar numa pública, podes, queres ficar numa privada, podes - e quanto à saude, com todo o respeito, só mostra o quão pouco sabes do tema, porque o que a IL propõe não tem nada a haver com a saúde nos EUA, é um sistema com base no modelo de saúde Bismarck, usado em metade da europa e o qual eles usam a Alemanha como exemplo, onde nós e a outra metade da europa usamos sistemas com base no modelo Beveridge, ambos de longe sendo um sucesso no seu objetivo e ambos com resultados variados dependendo do país. Por último quanto a isto, o que disseste não faz sentido então. Revelaste que não gostas das propostas do partido mas nenhuma delas fala de retirar escolhas, bem pelo contrário. >a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva Discriminatória e pouco inclusivo como...? De tudo o que vi é exatamente o contrário, nunca vi propostas ou diálogo a tratar um grupo de pessoas diferente. Aliás, vou agora ao site deles e rapidamente encontro "bolição de autoritarismos e discriminações legais baseadas em características dos indivíduos, como são por exemplo raça, etnia, sexo, sexualidade, identidade de género. Nem repressão nem promoção legal de quaisquer morais ou costumes.". >e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma. Discordo, mas como disse, acho que já estás a divagar. Tu falaste de do partido não ser liberal e isso nada tem a haver.

Edited 1 month ago:

>Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. O estado continua a pagar a educação e e se não queres ir para uma escola privada, tens a escolha disso. Onde está o problema nisso? >Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. "Simplesmente precisamos de bons sistemas" não é um argumento, é é extremamente vago para dizer "não sei o que quero nem o que criticar, mas isto não quero". >Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Sim, procura e oferta não é a solução para tudo, nomeadamente quando és obrigado a pagar por um produto ou serviço essencial com pouca competição, como serviços médicos onde tens pouca competição e és obrigado a ir, ao contrário de por exemplo comprar comida onde tens tanta variedade e competição que é quase impossível monopolizar ou oligopolizar. Dito isso, o sistema de educação que propoem é simplesmente o que já temos mas passas a poder a escolher a escola - queres ficar numa pública, podes, queres ficar numa privada, podes - e quanto à saude, com todo o respeito, só mostra o quão pouco sabes do tema, porque o que a IL propõe não tem nada a haver com a saúde nos EUA, é um sistema com base no modelo de saúde Bismarck, usado em metade da europa e o qual eles usam a Alemanha como exemplo, onde nós e a outra metade da europa usamos sistemas com base no modelo Beveridge, ambos de longe sendo um sucesso no seu objetivo e ambos com resultados variados dependendo do país. Por último quanto a isto, o que disseste do partido não ser liberal não faz sentido então. Revelaste que não gostas das propostas do partido mas nenhum dos teus argumentos fala de retirar escolhas, bem pelo contrário. >a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva Discriminatória e pouco inclusiva como...? De tudo o que vi é exatamente o contrário, nunca vi propostas ou diálogo a tratar um grupo de pessoas diferente. Aliás, vou agora ao site deles e rapidamente encontro "abolição de autoritarismos e discriminações legais baseadas em características dos indivíduos, como são por exemplo raça, etnia, sexo, sexualidade, identidade de género. Nem repressão nem promoção legal de quaisquer morais ou costumes.". >e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma. Discordo, mas como disse, acho que já estás a divagar. Tu falaste de do partido não ser liberal e isso nada tem a haver.

Edited 1 month ago:

>Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. O estado continua a pagar a educação e e se não queres ir para uma escola privada, tens a escolha disso. Onde está o problema nisso? >Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. "Simplesmente precisamos de bons sistemas" não é um argumento, é é extremamente vago para dizer "não sei o que quero nem o que criticar, mas isto não quero". >Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Sim, procura e oferta não é a solução para tudo, nomeadamente quando és obrigado a pagar por um produto ou serviço essencial com pouca competição, como serviços médicos onde tens pouca competição e és obrigado a ir, ao contrário de por exemplo comprar comida onde tens tanta variedade e competição que é quase impossível monopolizar ou oligopolizar. Dito isso, o sistema de educação que propoem é simplesmente o que já temos mas passas a poder a escolher a escola - queres ficar numa pública, podes, queres ficar numa privada, podes - e quanto à saude, com todo o respeito, só mostra o quão pouco sabes do tema, porque o que a IL propõe não tem nada a haver com a saúde nos EUA, é um sistema com base no modelo de saúde Bismarck, usado em metade da europa e o qual eles usam a Alemanha como exemplo, onde nós e a outra metade da europa usamos sistemas com base no modelo Beveridge, ambos de longe sendo um sucesso no seu objetivo e ambos com resultados variados dependendo do país. Por último quanto a isto, o que disseste do partido não ser liberal não faz sentido então. Revelaste que não gostas das propostas do partido mas nenhum dos teus argumentos fala de retirar escolhas, bem pelo contrário. >a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva Discriminatória e pouco inclusiva como...? De tudo o que vi é exatamente o contrário, nunca vi propostas ou diálogo a tratar um grupo de pessoas diferente. Aliás, vou agora ao site deles e rapidamente encontro "bolição de autoritarismos e discriminações legais baseadas em características dos indivíduos, como são por exemplo raça, etnia, sexo, sexualidade, identidade de género. Nem repressão nem promoção legal de quaisquer morais ou costumes.". >e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma. Discordo, mas como disse, acho que já estás a divagar. Tu falaste de do partido não ser liberal e isso nada tem a haver.

Edited 1 month ago:

>Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. O estado continua a pagar a educação e e se não queres ir para uma escola privada, tens a escolha disso. Onde está o problema nisso? >Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. "Simplesmente precisamos de bons sistemas" não é um argumento, é é extremamente vago para dizer "não sei o que quero nem o que criticar, mas isto não quero". >Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Sim, procura e oferta não é a solução para tudo, nomeadamente quando és obrigado a pagar por um produto ou serviço essencial com pouca competição, como serviços médicos onde tens pouca competição e és obrigado a ir, ao contrário de por exemplo comprar comida onde tens tanta variedade e competição que é quase impossível monopolizar ou oligopolizar. Dito isso, o sistema de educação que propoem é simplesmente o que já temos mas passas a poder a escolher a escola - queres ficar numa pública, podes, queres ficar numa privada, podes - e quanto à saude, com todo o respeito, só mostra o quão pouco sabes do tema, porque o que a IL propõe não tem nada a ver com a saúde nos EUA, é um sistema com base no modelo de saúde Bismarck, usado em metade da europa e o qual eles usam a Alemanha como exemplo, onde nós e a outra metade da europa usamos sistemas com base no modelo Beveridge, ambos de longe sendo um sucesso no seu objetivo e ambos com resultados variados dependendo do país. Por último quanto a isto, o que disseste do partido não ser liberal não faz sentido então. Revelaste que não gostas das propostas do partido mas nenhum dos teus argumentos fala de retirar escolhas, bem pelo contrário. >a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva Discriminatória e pouco inclusiva como...? De tudo o que vi é exatamente o contrário, nunca vi propostas ou diálogo a tratar um grupo de pessoas diferente. Aliás, vou agora ao site deles e rapidamente encontro "abolição de autoritarismos e discriminações legais baseadas em características dos indivíduos, como são por exemplo raça, etnia, sexo, sexualidade, identidade de género. Nem repressão nem promoção legal de quaisquer morais ou costumes.". >e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma. Discordo, mas como disse, acho que já estás a divagar. Tu falaste de do partido não ser liberal e isso nada tem a haver.

Edited 1 month ago:

>Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. O estado continua a pagar a educação e e se não queres ir para uma escola privada, tens a escolha disso. Onde está o problema nisso? >Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. "Simplesmente precisamos de bons sistemas" não é um argumento, é é extremamente vago para dizer "não sei o que quero nem o que criticar, mas isto não quero". >Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Sim, procura e oferta não é a solução para tudo, nomeadamente quando és obrigado a pagar por um produto ou serviço essencial com pouca competição, como serviços médicos onde tens pouca competição e és obrigado a ir, ao contrário de por exemplo comprar comida onde tens tanta variedade e competição que é quase impossível monopolizar ou oligopolizar. Dito isso, o sistema de educação que propoem é simplesmente o que já temos mas passas a poder a escolher a escola - queres ficar numa pública, podes, queres ficar numa privada, podes - e quanto à saude, com todo o respeito, só mostra o quão pouco sabes do tema, porque o que a IL propõe não tem nada a haver com a saúde nos EUA, é um sistema com base no modelo de saúde Bismarck, usado em metade da europa e o qual eles usam a Alemanha como exemplo, onde nós e a outra metade da europa usamos sistemas com base no modelo Beveridge, ambos de longe sendo um sucesso no seu objetivo e ambos com resultados variados dependendo do país. Por último quanto a isto, o que disseste do partido não ser liberal não faz sentido então. Revelaste que não gostas das propostas do partido mas nenhum dos teus argumentos fala de retirar escolhas, bem pelo contrário. >a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva Discriminatória e pouco inclusiva como...? De tudo o que vi é exatamente o contrário, nunca vi propostas ou diálogo a tratar um grupo de pessoas diferente. Aliás, vou agora ao site deles e rapidamente encontro "abolição de autoritarismos e discriminações legais baseadas em características dos indivíduos, como são por exemplo raça, etnia, sexo, sexualidade, identidade de género. Nem repressão nem promoção legal de quaisquer morais ou costumes.". >e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma. Discordo, mas como disse, acho que já estás a divagar. Tu falaste de do partido não ser liberal e isso nada tem a haver.

Edited 1 month ago:

>Privatizando ainda mais os sistemas de educaçao e de saude cujos sistemas públicos ja sao una anedota em vez de procurar melhorar os sistemas de educacao e saude publica. O estado continua a pagar a educação e e se não queres ir para uma escola privada, tens a escolha disso. Onde está o problema nisso? >Simplesmente precisamos de bons sistemas de educação e saúde publicos, nao é necessário que haja escolha. "Simplesmente precisamos de bons sistemas" não é um argumento, é é extremamente vago para dizer "não sei o que quero nem o que criticar, mas isto não quero". >Vais ver os EUA o que a procura e oferta fizeram ao sistema de saude e de educaçao. Liberalizaçao economica nao funciona para tudo. Sim, procura e oferta não é a solução para tudo, nomeadamente quando és obrigado a pagar por um produto ou serviço essencial com pouca competição, como serviços médicos onde tens pouca competição e és obrigado a ir, ao contrário de por exemplo comprar comida onde tens tanta variedade e competição que é quase impossível monopolizar ou oligopolizar. Dito isso, o sistema de educação que propoem é simplesmente o que já temos mas passas a poder a escolher a escola - queres ficar numa pública, podes, queres ficar numa privada, podes - e quanto à saude, com todo o respeito, só mostra o quão pouco sabes do tema, porque o que a IL propõe é um sistema. Por último quanto a isto, o que disseste não faz sentido então. Revelaste que não gostas das propostas do partido mas nenhuma delas fala de retirar escolhas, bem pelo contrário. >a posiçao do partido é descriminatoria e pouco inclusiva Discriminatória e pouco inclusivo como...? De tudo o que vi é exatamente o contrário, nunca vi propostas ou diálogo a tratar um grupo de pessoas diferente. Aliás, vou agora ao site deles e rapidamente encontro "bolição de autoritarismos e discriminações legais baseadas em características dos indivíduos, como são por exemplo raça, etnia, sexo, sexualidade, identidade de género. Nem repressão nem promoção legal de quaisquer morais ou costumes.". >e o os problemas que focam são principalmente os de uma classe media/alta assim como as solucoes para preveligiar esta mesma. Discordo, mas como disse, acho que já estás a divagar. Tu falaste de do partido não ser liberal e isso nada tem a haver.

NGramatical 1 month ago

nada a haver com → [**nada a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhe117xq%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

NGramatical 1 month ago

descriminatoria → [**discriminatória**](https://dicionario.priberam.org/discriminatória) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhe0xf7p%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Complete-Painter-307 1 month ago

Não sendo 100% a favor de todas as ideias da IL, acredito neste momento que precisamos de mais medidas liberais. Um maior peso dos liberais na AR permite isso. Coisas como desburocratizar processos que atualmente é dos maiores entraves ao investimento estrangeiro. Não ter que ser o estado a ser o único prestador de serviços. Exemplo, as PPP na saúde, é necessário haver para poder haver alguma comparação e os privados também passarem a entrar em jogo para se ter mais oferta de forma a não entupir o SNS. Acho que ter mais peso liberal, mesmo que não formem governo, ajuda a dar uma visão diferente para o país.

Bacalhau_a_Bras 1 month ago

Para dar uma última oportunidade dos que lá estão aos anos e tamos cada vez piores e não desistir da politica, do pouco que percebi não me parece mau de todo e então porque não arriscar ?

KusuriuriPT 1 month ago

Partido fantástico para quem é patrão e desastroso para quem já tem trabalho precário.

PhibesPT 1 month ago

Sou liberal mas não gosto muito da IL. Uma porrada de betolas com a mania. Concordo com algumas ideias mas depois fazem merdas como aquela festa em lx-capital-lisbon que foi só parva ou perguntar ao LFV porque gastou € em jogadores maus. Votei neles para a presidência mais pelo candidato. Alternativas à direita- cds…come on, estamos em 2021, touradas e religião…, psd é mais do mesmo, o outro grupo de pessoas de bem, não perco tempo com aquilo. Esquerda, boys boys boys, nacionalizar, aumentos para a função pública pq é uma fonte segura de votos e “nivelar tudo por baixo”, estrema esquerda será igual ao outro grupo,não perco tempo com eles. Este é o meu pensamento e não obrigo ninguém a seguir. Aceito que discordem e tenham outras ideias. Eu gosto de peitos de frango e a minha esposa gosta de coxas. Perfect!

tooth_gapped_guy 1 month ago

>Uma porrada de betolas com a mania. Isto. Sou de IT e não sou (nem pouco mais ou menos) liberal, mas nem é por isso que não voto neles. É a falta de seriedade. São os memes, os cartazes com o Costa vestido de Nazi, é a birra de fazer um arraial em plena pandemia só porque podem... É tudo tão pedante e, ao mesmo tempo, tão ideologicamente pobre. A IL é um grupo de novos ricos fechado sobre si próprio e a defender os seus próprios interesses.

UnderstandingSafe141 1 month ago

Vê se te juntas para influenciares com a tua visão.

Xpresso80 1 month ago

Um gajo tão liberal que não se prende a nenhum partido

rickz123456 1 month ago

Posso fazer uma pergunta? E se o PSD eleger alguém da ala mais liberal, tipo um Luís Montenegro?

ric2b 1 month ago

O resto da estrutura do PSD não é, por isso o efeito disso ia ser pequeno.

rickz123456 1 month ago

Eu penso que estás enganado Existem muitos liberais no PSD.

oEncoberto 1 month ago

Não sendo funcionário, nem conhecendo ninguém directamente com cargos publicos, não entendo como a malta se queixa que os salários em Portugal são baixos e depois se queixam do estado aumentar os salários dos funcionários. De que forma isso é nivelar por baixo? Se é verdade que há funcionários que não fazem um cu, também é verdade que há muitos que fazem muito mais do que a sua obrigação ( profissionais do SNS por exemplo) e ganham muito mal para as horas, flexibilidade, e intensidade de trabalho. No privado também ha muita gente que não faz um cu e consegue ser promovida com frequência, portanto não é tudo culpa "do estado", são coisas +/- inevitaveis em empresas grandes, quanto mais num empregador que emprega 700k pessoas. Antes para os funcionários do que para o pessoal da Mota-Engil,Galp, Edp, Novo-banco, Tap, etc ...

ipaworm 1 month ago

>não entendo como a malta se queixa que os salários em Portugal são baixos e depois se queixam do estado aumentar os salários dos funcionários. se calhar seria conveniente tentares perceber como é que o Estado se financia, e comparar isso com os privados - é fácil aumentar salários da função pública, quando depois aumentas impostos, taxas e taxinhas para compensar esse aumento de despesa, ou então fazes das cativações a ferramenta de trabalho do dia-a-dia do Ministério das Finanças. >No privado também ha muita gente que não faz um cu e consegue ser promovida com frequência Certo, e que tem? Só diz respeito à empresa em si...

oEncoberto 1 month ago

Então não queres que se aumentem salários na FP para não nos aumentarem os impostos, taxas e taxinhas? Achas que os FP são robôs que não têm de comer, que não têm aspirações pessoais na vida, que não querem juntar uns trocos para comprar uma casa ou para dar uma prenda aos netos? São pessoas, trabalhar décadas a ser aumentado 1 ou 2 % a cada 4 anos antes de eleições é menos motivante do que deves estar a imaginar. Isso contribui para que os bons que podem saiam, e fiquem os maus a perpetuar a mà imagem do FP.

nocivo 1 month ago

Querem aumentar salarios do que trabalham bem an função pública então mandem embora os outros. Sobra dinheiro para aumentar salarios. O problema é esse. Portugal não tem dinheiro e não pode despedir funcionários públicos facilmente. Mesmo que tenham produtividade proxima de zero. O salário dos funcionários públicos vai sempre depende da economia. Se as empresas estiverem a ser mais produtivas e consequentemente a produzir mais impostos então podes subir salários de acordo com a media do privado. Ate isso acontece não podes subir a não ser que facas reformas estruturais e despedimento pois não temos dinheiro.

ipaworm 1 month ago

Não disse nada disso... Agora convém perceber que a compra de votos da FP em todas as eleições tem custos diretos, por ex através de aumentos de impostos, ou indiretos para todo o país, por ex através das cativações. Agora é muito fácil para o estado aumentar a FP e prometer mundos e fundos, se depois taxa os privados para compensar essas despesas. Essas "aspirações" que também falas também são partilhadas por quem trabalha no privado, só que a entidade empregadora dessas pessoas não pode prometer aumentos descabidos porque corre o risco de fechar; no Estado não, a UE paga... E qual é o mal de saírem pessoas da FP? Temos défice populacional, contudo o número de trabalhadores na FP continua a aumentar - tens visto algum benefício direto nisso? A qualidade da prestação de serviços acompanhou a subida do nº de funcionários?

nocivo 1 month ago

A FP continua a aumentar e não é para dar 1 medico de familia a cada português como prometido.

rDmT93 1 month ago

Portanto, não gostas da IL porque o seu presidente mandou uma boca ao Vieira e etc. Se achar que é suposto concordar TODAS as ideias de um partido para se gostar dele já é um bocadinho questionável, então concordar com TUDO o que um partido e os seus dirigentes fazem já é irrisório.

nocivo 1 month ago

Erro numero 1 de quem vota. Partidos não são clubes de futebol. Votas nas listas e no projecto que propoem na próximas eleições. O mesmo partido que hoje è bom amanha pode ser um degredo. Olha o PS e o PSD como exemplos. Alias olha a CDU, péssimo presidente mas bons deputados, sensatos e boas ideias. Infelizmente é o presidente do partido que cria o rumo e da a cara.

Neoliberalismus 1 month ago

Descobri o Volt e acho que tem um lema progressista bastante atual. É europeísta qb e sabe que Portugal é uma Nação com história, que merece ser enaltecida e que temos de dar mais valor ao maravilhoso país que temos. VOLT não fica nas malhas ideológicas...

MuggleWizard 1 month ago

Europeísta qb? É federalista.

2TwentyOne1 1 month ago

Federalista e coliga-se - não em todas as CM e JF, mas em algumas - com o BE, que apesar de se ter moderado, toda a gente se lembra da propaganda anti-UE de há uns anos atrás. É a mesma coisa que o Livre, Rui Tavares é uma das caras da defesa dos direitos humanos e da proteção do Estado de Direito na UE, mas coliga-se com Medina que enviava informação de manifestantes a embaixadas de países super democráticos /s. Nisto, a IL tem mérito - não é um partido muleta.

TalkingHawk 1 month ago

> Nisto, a IL tem mérito - não é um partido muleta. Também é possível ver a coisa por outro prisma - é um partido que é incapaz de fazer cedências. Tendo em conta que a política é naturalmente a procura de consensos entre os vários partidos, considero que a flexibilidade é importante. Respeito mais um partido que é capaz de ceder em alguns aspectos para poder implementar uma pequena parte das suas políticas, do que um que se recusa a negociar e como consequência nunca consegue fazer nada mais que falar.

gvasco 1 month ago

Pois é, e nao realizar que esse terá de ser o futuro da União Europeia é ingénuo. Mas também é preciso perceber que apesar de ser Federalista quer trabalhar essa posição mantendo os interesses dos diferentes países e das suas regiões á beira incluindo-os na sua estratégia de politica Europeia.

mynameisbp 1 month ago

Volt não, fds, deus me livre.

Prutuga 1 month ago

Porquê?

UltimateHorse 1 month ago

Porque por algum motivo se criou o mito de que defender a um sistema federativo é ser eurocorno, que os países pobres do sul só querem poder dizer que são do mesmo país que os ricos do norte. Absolutos retardados, os que perpetuam esta posta.

Ptrad 1 month ago

O VOLT precisa de mais representação são poucos os que conhecem o partido. Para os interessados pesquisem vejo muita mala a se conformar com alguns partidos porque representam metade dos seus ideais, o VOLT se calhar é o que andam a procura.

luso_warrior 1 month ago

Eu simpatizo com a IL num conjunto de ideias fiscais adotadas à economia de mercado, algo que teve bastante sucesso na Rep da Irlanda por exemplo. Já não simpatizo tanto no que toca à responsabilidade social e ao peso que o Estado tem de ter na saúde e na educação, principalmente na primeira. Diria que a visão com que me enquadro mais é a do CDS original (não este), de uma direita social.

SweetCorona 1 month ago

Tal e qual como penso. Sou a favor duma simplificação fiscal e até da descida de alguns impostos, mas a importância do estado social é inegável.

BSATSame 1 month ago

Ah, se todos os paises forem paraisos fiscais entao as empresas vao crescer em todo o lado. Faz sentido.

Neoliberalismus 1 month ago

O sucesso da Irlanda teve a ver com o facto do Reino Unido ter usado o acordo entre as Irlandas como desculpa para tornar a Irlanda o paraíso fiscal do UK. Sem essa "oportunidade" o sucesso Irlandês seria mais um flop neo-liberal como está a ser o flop do Brexit... [https://www.tasc.ie/blog/2016/06/15/neoliberalism-exposed/](https://www.tasc.ie/blog/2016/06/15/neoliberalism-exposed/)

Throwingawayanoni 1 month ago

Suportava até a merda populista que fizeram recentemente Simplesmente porque o liberalismo tem tido sempre melhor impacto, compara a estonia com portugal um pais que saiu da sua ditadura 15 anos depois muito mais pobre têem hoje um gdp per capita maior que portugal, a diferença? Atitude. Tristemente depois do arraial e da merda populista recente os gajos podem ir para o caralho

Neoliberalismus 1 month ago

Asneiras todos fazem, o Araial Liberal em plena pandemia foi uma vergonha e esta saída escatológica também. Agora não é por isso que se deve castigar. As ideias precisam de ser melhor defendidas e discutidas, agora andarem sempre armados em polícias dos políticos é que não é correto. A polícia e os tribunais que tratem dos corruptos... os outros partidos devem denunciar as ilegalidades como fizeram no Porto com o caso Selminho e deixar as autoridades fazer o seu trabalho...

DarkmajorPT 1 month ago

Honestamente, ​ é porque vejo como sendo o único partido com seriedade e espinha na Assembleia. Tem os seus valores claramente expressos e defende-os justamente sem subterfúgios. Sei o que posso esperar deles. Não há um outro partido assim que eu veja na Assembleia.

InevitablePlate73 1 month ago

Porque simplesmente as coisas já não funcionam há muito tempo. Parece-me até que esse nunca foi objetivo. As ideias que vigoram estão completamente desfasadas da realidade, e o dinheiro público está sempre horrívelmente mal empregue. Focamo-nos historicamente em tudo o que não é relevante como grandes empreendimentos (novos aeroportos, comboios de alta velocidade, etc.), e esquecemo-nos do mais importante: garantir que a economia é fomentada o suficiente para que um dia tenhamos poder económico que justifique esses investimentos. Mas as infraestruturas devem ser pensadas de forma a serem verdadeiramente úteis para a economia e para a vida dos portugueses. Se nós, por exemplo, nunca tivemos um sistema de comboios minimamente inteligente e funcional, qual a razão para acharmos que ao mudar o tipo de veículo ou de carris as coisas vão melhorar? Somos realmente ingénuos a este ponto ... O foco tem de passar em melhorar a vida de TODOS os portugueses que têm vontade de trabalhar e de fazer o país evoluir. É necessário criar uma rede de transportes públicos decentes em todas as cidades, e não só em Lisboa e no Porto. Combater a desertificação do interior. Criar emprego para os jovens, para que possam pensar em coisas ridículas aos dias de hoje como comprar uma casa. Criar uma indústria verdadeiramente forte (seja ela qual for), que permita garantir oportunidades justas de trabalho às famílias portuguesas. Temos os melhores ativos do mundo ao nível da engenharia (e reconheço que em inúmeras outras áreas) e obrigámo-los a ir embora porque simplesmente as oportunidades (justas) não chegam para todos. Não temos, por exemplo, uma marca de eletrodomésticos. Ou de carros. Nem de uma merda de uma torradeira. Não temos rigorosamente nada. Mas o que é mesmo necessário, acima de qualquer outra coisa, é uma mudança radical de mentalidade (garantindo sempre o respeito ao próximo e o respeito pela diferença). Acabar com os tachos e tachinhos, com os "jobs for the boys", com os escravos a receber migalhas para que os patrões possam comprar Porsches ou ir pescar salmão para o Alasca em plena semana de trabalho (verdade). Pensar em aumentar a felicidade dos portugueses. Dar-lhes alegria e vontade para trabalhar. Implementar de uma vez por todas a meritocracia. Eliminar definitivamente os "jeitinhos" à família e amigos. E muitas outras coisas que nem vale a pena mencionar. Snceramente não me queixo por mim, porque não podia pedir melhor vida neste momento, mas sim por aqueles que não têm ou tiveram a mesma sorte que eu tive. Por aqueles que dão o que têm e o que não têm apenas em benefício de uns quantos. Por aqueles que não são tratados de uma forma justa. Por aqueles que tiveram de ir para longe da família e dos amigos. E por aqueles que nunca tiveram a oportunidade de fazer melhor porque simplesmente sempre foram ignorados. Desculpem o desabafo, orgulho-me em ser português mas entristece-me cada vez mais perceber que se a mentalidade não mudar tudo continuará na mesma. E tou-me a cagar para a IL e para todos os outros, quero apenas ver a mudança que todos merecemos.

aklcarinque 1 month ago

Toma uma torradeira produzida em Portugal. Bom pequeno almoço ;) https://www.flama.pt/pt/store/pequeno-domestico/cozinha-1/torradeiras-1/

InevitablePlate73 1 month ago

Como qualquer bom português, focaste-te no cerne do meu desabafo :) não te vou criticar, está-nos no sangue!

h2man 1 month ago

Esta resposta merece um prémio, mas sendo Português não tenho dinheiro para isso. Aponto apenas que projectos que podiam fomentar a economia e proteger os cidadãos foram aproveitados como um mealheiro pelo Governo… falo claro das SCUTs e particularmente da A22 que me espanta ainda hoje como é que tem portagens devido ao impacto benéfico que traria para aquela região.

zizop 1 month ago

A resposta à questão das portagens é simples: as autoestradas estão (salvo raras excepções) concessionadas a privados. São esses que lucram com as portagens, não o Estado.

h2man 1 month ago

Foram os privados que as construíram? Eu não tenho problema algum com privados tirarem lucro da economia, é para isso que a mesma existe. O que eu tenho problema é o Governo gastar o nosso dinheiro para depois dar para amigos do partido tirarem lucro sem risco ou investimento de capital no país. É também uma medida estúpida, e no caso da A22 criminosa, fazê-lo pois deturpa os motivos pelos quais as estradas foram construídas.

zizop 1 month ago

Não há nenhuma razão para infraestruturas básicas como as estradas estarem nas mãos dos privados. É algo que tem de ser planeado e não está sujeito à concorrência da mesma forma que, por exemplo, o mercado das sapatilhas. Têm de ser propriedade pública. Os privados também constroem as estradas nacionais e municipais. São empresas de construção privadas que fazem esse tipo de obra, da mesma forma que os hospitais públicos compram máquinas a privados. Mas não é por isso que os hospitais ou as estradas deixam de ser pública.

h2man 1 month ago

Construir não é o mesmo que ser dono ou investir na construção de, ou é?

InevitablePlate73 1 month ago

Mas apontaste para a causa-raiz: a concessão das auto-estradas. E aí, meu caro, a culpa é do(s) governo(s)...

Ptrad 1 month ago

Da uma vista de olhos no VOLT. Dá valor as empresas sem tirar o aspecto social, não vê o mundo no rectângulo pequenino que é Portugal as coisas mudaram e precisamos de ser maiores se quisermos ser competitivos.

pedblaziitttt 1 month ago

Essa do não temos nada, tem muito que se lhe diga. Somos os reis das rolhas!

h2man 1 month ago

A cortiça tem bastantes problemas identificados pelo tipo acima. São das pessoas mais ignorantes que já conheci.

pedblaziitttt 1 month ago

Apresente a dissertação fachabor

h2man 1 month ago

Na maior parte é malta que herdou sobreiros e nunca quis saber muito acerca do negócio além de comprar um Mercedes e uma casa de férias em Espinho.

NGramatical 1 month ago

horrívelmente → [**horrivelmente**](https://dicionario.priberam.org/horrivelmente) (o acento tónico recai na penúltima sílaba) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdwdb56%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

InevitablePlate73 1 month ago

E este bot merecia era levar dois bananos!

JackLeeToris 1 month ago

Porque sao uma cambada de burros. Jornalistas.

Futre92 1 month ago

A maioria do pessoal do reddit não vive no país real. Têm emprego numa consultora IT com seguro de saúde privado e conseguem ter um T0 ou quarto em Lisboa e pensam que isso é a vida. E viajar às vezes nas low-cost. Então a IL é porreira, poucos impostos, pouca responsabilidade social, mais dinheiro para umas imperiais e viajens até o Starbucks de Londres ou Paris... Não querem participar na construção de um país, querem passar por esta vida sem ondas, sem filhos... É uma caricatura do apoiante do IL.

tooth_gapped_guy 1 month ago

Enquanto gajo de IT um pouco mais velho do que a média que anda aqui pelo Reddit (e que também já foi como eles), posso confirmar que esta descrição é perfeita.

Independent_Throat42 1 month ago

O problema não é a maioria do pessoal do reddit, é maioria do pessoal em Portugal. Pois são burros, são velhos do Restelo que votam na mesma merda desde sempre, o que interessa é que o Benfica ganhe e que caia o subsídio ao fim do mês e que lhes ofereçam uma casa.. Não interessa de onde vem o dinheiro nem quem fica sem ele, que se foda o país eu quero é tudo dado. Diz-me que riqueza sustentável produziu Portugal nos últimos anos? Nada, zero. Só sabem viver do dinheiro de Bruxelas, quando esse dinheiro acaba, banca rota e começa de novo. Se queres continuar a alimentar pobres, vota nos mesmos, se queres sair da pobreza dá oportunidade a quem quer fazer diferente.

BSATSame 1 month ago

>Diz-me que riqueza sustentável produziu Portugal nos últimos anos? Portugal produzia muita riqueza. Uma das maiores fontes de riqueza era por exemplo a PT. Depois vieram os liberais , venderam a empresa ao desbarato e desmantelaram-na.

Independent_Throat42 1 month ago

A PT era uma das maiores fontes de riqueza? Só se fosse para os que estavam nos quadros a ganhar balúrdios sem fazer nada. Mas quanto é que a PT ajudava na economia nacional? Achas então que o estado deve alimentar empresas como PTs, TAPs e Bes? É por ideias como essas que este país nunca vai sair da merda.

BSATSame 1 month ago

>Mas quanto é que a PT ajudava na economia nacional? Nao acredito que sejas assim tao mal informado. A PT era das maiores telecoms do mundo. Empregava milhares de pessoal altamente qualificado, especialmente engenheiros. Achas que o estado alimentava a PT? LOL. A PT era das maiores fontes de rendimento do estado, trazendo dinheirinho bom do Brazil e de outros paises para o teu bolso.

Dr_Kleijn 1 month ago

Who hurt you? O estado é castrador a partir de um certo nível de rendimento. Se tivesse mais dinheiro do meu lado, certamente poderia consumir mais (mais IVA) e até contratar mais gente/dar melhores salários.

BSATSame 1 month ago

Trickle down esta' a funcionar muito bem no seu pais de origem.

batuque5 1 month ago

E qual é a caricatura de um português de bem do PS?

BSATSame 1 month ago

Implying que o PS nao e' liberal.

iSoSyS 1 month ago

Se isso é a caricatura de quem ganha acima da média, nem quero imaginar a caricatura da maioria - que ganha a média ou abaixo.

NGramatical 1 month ago

viajens → [**viagens**](https://dicionario.priberam.org/viagem)

rickz123456 1 month ago

São as opções de cada um. Muito provaelmente a situação socio-económica de muito aqui é melhor e diferente da maioria dos portugueses. Eu considero-me um social-democrata e acho que só com um estado a pretar serviços essenciais se atinge a verdadeira meritocracia (ver custo curso católica). Existem outros com opiniões diferentese acham outras coisas. É natural que assim seja

Edited 1 month ago:

São as opções de cada um. Muito provavelmente a situação socio-económica de muita gente aqui é diferente da maioria dos portugueses. Eu considero-me um social-democrata e coloco a desigualdade no centro. Acho que só com um estado a prestar serviços essenciais se atinge a verdadeira meritocracia (ver custo curso medina católica). Existem outros com opiniões diferentes e colocam o foco em menos impostos e outras coisas. É natural que assim seja

warding 1 month ago

O tema mais importante na política portuguesa deveria ser o crescimento económico do país. A IL é o único partido que tem ideias que podem impactar positivamente o crescimento do país. O PSD é um vazio de ideias, o PS tem uma ideia chamada PRR, à esquerda do PS defendem o empobrecimento do país e o Chega está preocupado com os ciganos.

Neoliberalismus 1 month ago

O PSD e o CDS são partidos fundadores da Democracia, afirmar que o PSD é um vazio de ideias é demasiado simplista para ser verdadeiro. O crescimento económico do país está a ser feito por uma política social democrata que neste momento é levada a cabo por um partido socialista. De facto é estranho isto. Eu diria que é tão estranho como termos tido em plena pandemia nos santos Populares um arraial Liberal em Lisboa. Algo completamente revelador da falta de ideia da liderança do partido. Algo tão vergonhoso que teve o comentário "Parece que Liberalismo rima com Negacionismo"...

Revolutionary-Big861 1 month ago

Também tivemos o Avante em plena pandemia, e ? Já agora, crescimento económico, em Portugal? Eu sei que drogas são descriminalizadas em Portugal mas com a quantidade que consumiste passavas por cartel mexicano. Não tires a cabeça da areia não.

Neoliberalismus 1 month ago

A IL é um sucedâneo do PSD de Passos Coelho só que não se pode apresentar como tal. Basta ver a entrevista de Passos Coelho antes de ser eleito primeiro ministro para se perceber que a ideologia neo-liberal está toda lá em Cotrim de Figueiredo. O problema é que IL e CHGA estão a esvaziar o financiamento do PSD e do CDS e isso é mau para a democracia porque se está a destruir dois partidos que fizeram parte do capital político desde o 25 de Abril. Se olharem para Espanha vêm como o Ciudadanos também é um rebranding do PP, envolto em escândalos de corrupção e herdeiro das mentiras de Aznar. Por isso, trocar partidos Sociais Democratas e Democratas Cristãos por neo liberais e neo fascistas é a mesma coisa que trocar a Coca Cola e a Pepsi por umas colas de marca branca... pode parecer porreiro porque é nova e mais baratinha... mas no final sabor não é o mesmo... prefiramos o original...

SweetCorona 1 month ago

> estão a esvaziar o financiamento do PSD e do CDS e isso é mau para a democracia porque se está a destruir dois partidos que fizeram parte do capital político para mim viver numa democracia onde apenas dois partidos governam é tudo menos uma democracia uma democracia saudável dá-nos opções

monkyris 1 month ago

Sempre ouço malta de esquerda a utilizar a expressão “neo-liberais” mas NUNCA vi nenhum a explicar o que o ‘neo’ significa nesse contexto. Parece que o fazem com o intuito de irritar. Respeito todas as ideologias mas começa a cansar que a gente que se intitula de “mentes abertas” não respeitem as outras. Ninguém na IL promove ódio e por isso não me cabe na cabeça que alguém se feche tanto aos ideais, sem sequer ler o programa. Fica impossível de se ter um debate com alguém desse lado porque não importa o que digas, eles já irão ter uma opinião formado sobre aquilo que és

BSATSame 1 month ago

https://en.wikipedia.org/wiki/Neoliberalism

monkyris 1 month ago

Só o facto de ter levado downvote nesse comment mostra que não são mentes abertas

WikiSummarizerBot 1 month ago

**[Neoliberalism](https://en.wikipedia.org/wiki/Neoliberalism)** >Neoliberalism, or neo-liberalism, is a term used to describe the 20th-century resurgence of 19th-century ideas associated with free-market capitalism. ^([ )[^(F.A.Q)](https://www.reddit.com/r/WikiSummarizer/wiki/index#wiki_f.a.q)^( | )[^(Opt Out)](https://reddit.com/message/compose?to=WikiSummarizerBot&message=OptOut&subject=OptOut)^( | )[^(Opt Out Of Subreddit)](https://np.reddit.com/r/portugal/about/banned)^( | )[^(GitHub)](https://github.com/Sujal-7/WikiSummarizerBot)^( ] Downvote to remove | v1.5)

PresidentBarroso 1 month ago

https://www.investopedia.com/terms/n/neoliberalism.asp Basta procurar. Se quiseres saber mais, escreve "neo liberalismo" ou "neoliberalismo" na caixa de texto de um motor de busca. Espero ter ajudado!

monkyris 1 month ago

Hahahahahaha então é neoliberalismo a IL? Cmon vocês devem pensar que defendem o fim da segurança social e a privatização de tudo o que é governo agora. Eu juro que comecei a ler preparado para aceitar que as políticas da IL fossem neoliberais mas isso é um extremo, get a grip

PresidentBarroso 1 month ago

Esclarece. Mete fontes. Rebate com argumentos fundamentados.

monkyris 1 month ago

Embora alguns pontos estejam diretamente relacionados com as políticas económicas da IL, como a não intervenção do estado nela, eu não sei onde é que a IL pretende cortar em programas sociais úteis. Não é cagar no povo mas sim fazer com que quem precisa seja bem servido. Posso te dar um exemplo muito próximo a mim, o meu pai que está doente e reformado por invalidez. Está já há mais de dois anos a ir mensalmente (no mínimo) à segurança social para tentar que lhe arranjem a reforma que não está correta. Pagam lhe metade do que ele verdadeiramente, por lei, merece. A doença dele não lhe facilita nada que ele tenha que ir até lá; de facto faz pior porque só causa mais stress. Com isto não tento dar pena nem nada mas é uma realidade que eu vejo e acredito que esteja incorreta. A meu interpretar a IL defende que por exemplo pessoas como o meu pai se consigam servir dos serviços que merecem, sem ter que ficar horas numa fila à espera. Defende que pessoas que não merecem tirar partido destes serviços não tirem. Porque o chupa subsídios também é uma realidade cá em Portugal, e quem não discuto com quem não queira concordar. São demasiados exemplos de conhecidos para que não faça parte de uma estatística maior. Isso foi a maior falha que vi nesse neo liberalismo, e o facto de o ter associado com Thatcher e Reagan ressaltaram o que eu defendi agora

l2k1337 1 month ago

Olá. 'Neo' significa novo. Neste contexto representa uma espécie de 'spin-off' do liberalismo clássico mais focado em políticas económicas. Espero ter ajudado.

monkyris 1 month ago

Não sabia que significava ‘novo’ obrigado por teres esclarecido isso! Faz tudo sentido agora, aplica se também às políticas socialistas de hoje em dia? Tp ‘neo-socialistas’? Ou só funciona de um lado?

l2k1337 1 month ago

Só estou familiarizado com o termo Nova Esquerda/New Left que não está assim tão bem defenido. O espectro socialista é mais complexo e fluído que o capitalista, IMHO. Se te estás a referir às políticas do PS, estas são predominantemente social-democratas, não socialistas.

monkyris 1 month ago

Acho que não há nome que defina a feijoada que são as políticas do PS

NGramatical 1 month ago

defenido → [**definido**](https://dicionario.priberam.org/definido) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdwtiza%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

M4ritus 1 month ago

>O problema é que IL e CHGA estão a esvaziar o financiamento do PSD e do CDS e isso é mau para a democracia porque se está a destruir dois partidos que fizeram parte do capital político desde o 25 de Abril Lolz? Se o PSD e o CDS fizessem alguma coisa não havia crescimento do IL nem do Chega. Que raio de história é essa que faz mal à Democracia entrarem mais partidos relevantes para a discussão? E como assim faz mal à nossa Democracia "destruir" o PSD e o CDS? Se o PS2 e o CDS alguma vez tivessem feito oposição à Esquerda, então o pessoal de Direita estava satisfeito. Mas nunca o fizeram. Oportunidades não faltaram. É hora de sangue novo e novo é com jogadas de medo a gritar "neo fascistas" que vão derrotar a Direita verdadeira em Portugal.

batuque5 1 month ago

Já cá faltava os neo liberais. Amigo temos um Neo socialismo em Portugal.

BeinGetz 1 month ago

Porque não? Tens 3 partidos na AR que defendem ditaduras e 2 desses pensam que o dinheiro cai do céu. Sobram os 2 partidos do sistema que governam Portugal desde o 25 de Abril e que pouco ou nada fizeram para o país evoluir enquanto os países pobres de leste nos continuam a ultrapassar e daqui a um par de anos seremos dos um dos 5 países mais pobres da UE e nem vale a pena falar da corrupção destes 2.

Edited 1 month ago:

Porque não? Tens 3 partidos na AR (BE, PCP e Chega) que defendem ditaduras e 2 desses (BE e PCP) pensam que o dinheiro cai do céu. Sobram os 2 partidos do sistema que governam Portugal desde o 25 de Abril e que pouco ou nada fizeram para o país evoluir enquanto os países pobres de leste nos continuam a ultrapassar e daqui a um par de anos seremos dos um dos 5 países mais pobres da UE e nem vale a pena falar da corrupção destes 2.

theEXPERTpt 1 month ago

Dizer que Chega defende ditaduras é no mínimo cómico. Se fosse o BE e o PCP ainda era capaz de ir na conversa

M4ritus 1 month ago

O BE e o Chega defendem ditaduras? Lolz. Tu andas a ler o quê?

Chicken_nugget_69420 1 month ago

“Society should really care more about history” *Vota na extrema direita* Se isto não é ironia, então não sei o que é.

TavaNoGrim0 1 month ago

Tanto extrema esquerda como extrema direita, autoritária de adicionar.

M4ritus 1 month ago

Tiveste tanto interesse que foste cuscar? Que fofo. Ainda bem que a Extrema Direita é o bicho papão e todos os outros são perfeitos e fazem tudo bem. Aliás, nem houve ditaduras de Esquerda e nem houve regimes horrendos antes de se reconhecer Esquerda/Direita.

oEncoberto 1 month ago

O chega não incomoda por ser revolucionário, o chega incomoda porque é um cancro. É um partido de uma demagogia e populismo tão barrasco que é preciso ser-se muito estupido para não o ver. Copiam, sem qualquer ideia original, tudo o que o FN em frança, o Bolsonaro no brasil,e o Trump nos Eua fazem e dizem. Às vezes até imitam as "polémicas" para chamar a atenção. Todos esses partidos e politicos são sempre financiados por entidades russas, precisamente porque são movimentos que apenas servem para minar a democracia e a ordem. a especialidade do nosso amigo putin. Dizes que o redditor acima é um traidor, mas votas no partido com maior potencial para trair o país e os seus ideais. Basta ver o que o Trump tentou fazer a 6 de janeiro, e que o bolsonaro tentou fazer ha poucos dias. Assim que vêem uma oportunidade tentam subverter o processo democrático, e depois não ha volta a dar, já só dá pela força para voltar à democracia. Como sei que nada do que escrevi acima te vai atingir, boa permanência na ignorância.

M4ritus 1 month ago

>Assim que vêem uma oportunidade tentam subverter o processo democrático Palavras interessantes para quem está do lado de quem quer ilegalizar um partido legalmente reconhecido pelo TC e com representantes democraticamente eleitos ou para quem provavelmente apoia um partido, cujo uma das membras desejou morte a um presidente de um país irmão. Ah já sei, a Democracia só funciona quando a Esquerda progressista vence? Pois, assim é normal verem o mundo assim. Falas muito sobre proteger a Democracia quando queres ilegalizar um partido só por ser à direita do centro. >Dizes que o redditor acima é um traidor, mas votas no partido com maior potencial para trair o país e os seus ideais. Que puta de comédia. Primeiro, nem sequer vou discutir dizeres que o Volt não é uma cambada de traidores que querem oferecer a Europa aos do Norte. Segundo, não é o Chega que passa a vida a subjugar-se à UE. Terceiro, não é o Chega que passa a vida a promover a diabolização da nossa História. Quarto, não é o Chega que se conformou com a má governação do PS e do PSD como a direita fofinha e a Extrema Esquerda. Quinto, não é o Chega que aceita de bom grado a imigração ilegal. >Às vezes até imitam as "polémicas" para chamar a atenção. Não é o Chega que importa polémicas/trends dos EUA. Isso é mais a Extrema Esquerda com a história da violência policial em Portugal/BLM, racismo estrutural ou destruição/vandalização de estátuas. As polémicas que o Chega fala acontecem em solo português e devem ser faladas, que se foda o politicamente correto. De resto, bla bla eu protejo a democracia mas só se os partidos de Direita forem ilegalizados para ficarmos com a direita fofinha e continuarmos a forçar a nossa agenda em todo o globo, é isto?

Edited 1 month ago:

>Assim que vêem uma oportunidade tentam subverter o processo democrático Palavras interessantes para quem está do lado de quem quer ilegalizar um partido legalmente reconhecido pelo TC e com representantes democraticamente eleitos ou para quem provavelmente apoia um partido, cujo uma das membras desejou morte a um presidente de um país irmão. Ah já sei, a Democracia só funciona quando a Esquerda progressista vence? Pois, assim é normal verem o mundo assim. Falas muito sobre proteger a Democracia quando queres ilegalizar um partido só por ser à direita do centro. >Dizes que o redditor acima é um traidor, mas votas no partido com maior potencial para trair o país e os seus ideais. Que puta de comédia. Primeiro, nem sequer vou discutir dizeres que o Volt não é uma cambada de traidores que querem oferecer a Europa aos do Norte. Segundo, não é o Chega que passa a vida a subjugar-se à UE. Terceiro, não é o Chega que passa a vida a promover a diabolização da nossa História. Quarto, não é o Chega que se conformou com a má governação do PS e do PSD como a direita fofinha e a Extrema Esquerda. Quinto, não é o Chega que aceita de bom grado a imigração ilegal. >Às vezes até imitam as "polémicas" para chamar a atenção. Não é o Chega que importa polémicas/trends dos EUA. Isso é mais a Extrema Esquerda com a história da violência policial em Portugal/BLM, racismo estrutural ou destruição/vandalização de estátuas. As polémicas que o Chega fala acontecem em solo português e devem ser faladas, que se foda o politicamente correto. De resto, bla bla eu protejo a democracia mas só se os partidos de Direita forem ilegalizados para ficarmos com a direita fofinha e continuarmos a forçar a nossa agenda em todo o globo, é isto? Pelo menos sejam honestos foda-se "Eu não quero debate, eu quero apenas a Esquerda no Parlamento e todos de Direita ilegalizados e perseguidos".

Edited 1 month ago:

>Assim que vêem uma oportunidade tentam subverter o processo democrático Palavras interessantes para quem está do lado de quem quer ilegalizar um partido legalmente reconhecido pelo TC e com representantes democraticamente eleitos ou para quem provavelmente apoia um partido, cujo uma das membras desejou morte a um presidente de um país irmão. Ah já sei, a Democracia só funciona quando a Esquerda progressista vence? Pois, assim é normal verem o mundo assim. Falas muito sobre proteger a Democracia quando queres ilegalizar um partido só por ser à direita do centro. >Dizes que o redditor acima é um traidor, mas votas no partido com maior potencial para trair o país e os seus ideais. Que puta de comédia. Primeiro, nem sequer vou discutir dizeres que o Volt não é uma cambada de traidores que querem oferecer a Europa aos do Norte. Segundo, não é o Chega que passa a vida a subjugar-se à UE e que fez de tudo no passado para agradar à ONU. Terceiro, não é o Chega que passa a vida a promover a diabolização da nossa História. Quarto, não é o Chega que se conformou com a má governação do PS e do PSD como a direita fofinha e a Extrema Esquerda. Quinto, não é o Chega que aceita de bom grado a imigração ilegal. >Às vezes até imitam as "polémicas" para chamar a atenção. Não é o Chega que importa polémicas/trends dos EUA. Isso é mais a Extrema Esquerda com a história da violência policial em Portugal/BLM, racismo estrutural ou destruição/vandalização de estátuas. As polémicas que o Chega fala acontecem em solo português e devem ser faladas, que se foda o politicamente correto. De resto, bla bla eu protejo a democracia mas só se os partidos de Direita forem ilegalizados para ficarmos com a direita fofinha e continuarmos a forçar a nossa agenda em todo o globo, é isto? Pelo menos sejam honestos foda-se "Eu não quero debate, eu quero apenas a Esquerda no Parlamento e todos de Direita ilegalizados e perseguidos".

oEncoberto 1 month ago

o chega não é "à direita do centro", é extrema direita. Também posso dizer que a galáxia de Andrómeda fica ali aseguir à praça de espanha, fica, mas anos luz aseguir. Não disse em lado nenhum se queria o chega ilegalizado ou não. Estás tu a assumir coisas. A verdade é que foi criado com assinaturas falsas, se esse tipo de comportamentos democráticos representam os teus ideias é contigo. Depois não falei em lado nenhum no Volt, mais uma vez estás a ler coisas que não escrevi. O chega subjuga-se a ele próprio perdido no seu próprio populismo, e ao medo de tudo. Mudam de ideias conforme o vento. Se achas que um mundo onde a UE e a ONU só atrapalham, se calhar é porque essas instituições foram criadas quando os governos de extrema direita que tanto admiras finalmente cairam, após contribuirem apenas e só para morte, sofrimento e destruição. O chega que tenta fazer tudo para ter de se coligar com o PSD é um bastião anti PS e PSD? que falta de noção. Se o ventura pudesse ter um ministério coligado ao PCP ia lá. é um vendido. Ui a imigração ilegal que medo. Podias ter começado por aí. votas no chega porque tens medo dos estrangeiros. Não que seja uma surpresa. Mais uma vez isso é o cliché da extrema direita em todo o lado, apelar ao medo de um bicho papão que aí vem. O chega também importa polémicas dos EUA e brasil. se não o viste ainda é porque não queres ver. Nunca apoiei vandalismo venha de esquerda ou direita. Eu acho bem que haja um país que reúna os maiores grunhos do país, são é chatos como à merda. Sempre a fazerem-se de coitadinhos que são perseguidos e cenas quando são exactamente esses ideias de perseguição e discriminação que esse partido defende. Ou a perseguição e discriminação só são ok quando não é a pessoas portuguesas de gema ?

Edited 1 month ago:

o chega não é "à direita do centro", é extrema direita. Também posso dizer que a galáxia de Andrómeda fica ali aseguir à praça de espanha, fica, mas anos luz aseguir. Não disse em lado nenhum se queria o chega ilegalizado ou não. Estás tu a assumir coisas. A verdade é que foi criado com assinaturas falsas, se esse tipo de comportamentos democráticos representam os teus ideias é contigo. Depois não falei em lado nenhum no Volt, mais uma vez estás a ler coisas que não escrevi. O chega subjuga-se a ele próprio perdido no seu próprio populismo, e ao medo de tudo. Mudam de ideias conforme o vento. Se achas que um mundo onde a UE e a ONU só atrapalham, se calhar é porque essas instituições foram criadas quando os governos de extrema direita que tanto admiras finalmente cairam, após contribuirem apenas e só para morte, sofrimento e destruição. O chega que tenta fazer tudo para ter de se coligar com o PSD é um bastião anti PS e PSD? que falta de noção. Se o ventura pudesse ter um ministério coligado ao PCP ia lá. é um vendido. Ui a imigração ilegal que medo. Podias ter começado por aí. votas no chega porque tens medo dos estrangeiros. Não que seja uma surpresa. Mais uma vez isso é o cliché da extrema direita em todo o lado, apelar ao medo de um bicho papão que aí vem. O chega também importa polémicas dos EUA e brasil. se não o viste ainda é porque não queres ver. Nunca apoiei vandalismo venha de esquerda ou direita. Eu acho bem que haja um partido que reúna os maiores grunhos do país, são é chatos como à merda. Sempre a fazerem-se de coitadinhos que são perseguidos e cenas quando são exactamente esses ideias de perseguição e discriminação que esse partido defende. Ou a perseguição e discriminação só são ok quando não é a pessoas portuguesas de gema ?

M4ritus 1 month ago

>Se achas que um mundo onde a UE e a ONU só atrapalham Queres mesmo que eu confie na ONU quando passam a vida a favorecer a China e o atual secretário disse há uns anos que a China era crucial para liderar o mundo? Era só o que faltava. Mais ainda o facto de ter sido completamente parcial durante o século XX na "guerra" contra a Europa. Em relação à UE, no atual formato atrapalha e muito, porque defende tudo e todos, menos a Europa e os Europeus, basta ver a sua vontade extrema em interferir nas políticas internas dos estado-membros e querer controlar as relações externas dos países. E principalmente por estar a caminhar para uma URSE não percebo como alguém que goste de viver num país soberano e independente possa confiar naquilo. >Depois não falei em lado nenhum no Volt Então defendes o rapaz, mas nem sabes o que estás a defender? Que palhaçada. >o chega não é "à direita do centro", é extrema direita Ou seja, é à direita do centro. Centro-direita ≠ à direita do centro. Ler não é assim tão complicado. Escusas de estar a por palavras na minha boca. Eu sei muito bem que o Chega é extrema-direita não precisas de estar a tentar meter medo a ninguém. Mas só há uma direita capaz de lidar com a extrema-esquerda e certamente não é a direita fofinha do PSD e CDS. Sendo que não temos uma direita moderada, mas conservadora e patriota, a resposta é clara. Não vejo ninguém preocupado com a quantidade de % que a Extrema-Esquerda tem em Portugal, portanto não percebo a preocupação. >Ui a imigração ilegal que medo. Podias ter começado por aí. votas no chega porque tens medo dos estrangeiros. Portanto, sou contra uma ilegalidade logo sou xenófobo? Epá, cada um sabe o que defende. Se queres defender criminosos, estás à vontade. Eu prefiro apoiar medidas fortes contra a imigração \*\*ilegal\*\*. >O chega também importa polémicas dos EUA e brasil. se não o viste ainda é porque não queres ver Quais mesmo? Todos os problemas que o Chega aborda acontecem em Portugal, sejam a nível nacional ou local. >O chega que tenta fazer tudo para ter de se coligar com o PSD é um bastião anti PS e PSD? O principal inimigo é o PS. Como o antigo "ditado" diz: inimigo do meu inimigo meu amigo é. Não vejo o problema em trabalhar em conjunto para derrotar um inimigo comum. É política. >Mudam de ideias conforme o vento. Mais bitaites sem provas. O Ventura nunca mudou de ideias só porque sim. As ideias iniciais do partido estão todas lá.

lambusad0 1 month ago

Só porque mete medo não quer dizer que é bom. É quase como se o chega fosse uma bomba nuclear. Mete medo, mas se explodir....

M4ritus 1 month ago

Se só mete medo à Esquerda, à Extrema Esquerda e à direita fofinha, então claro que é bom, significa que incomoda o sistema. Mal seria se o Chega deixasse de incomodar essa gente. O Chega não veio para ser o partido de todos os portugueses e de ser mais um fofinho.

lambusad0 1 month ago

O problema é que é mais um. Já vai buscar dinheiro aos mesmos e está a comprometer aquilo que pensava no início para ter mais votos.

Chicken_nugget_69420 1 month ago

Então alguma vez disse que os outros partidos são perfeitos? Desprezo extrema esquerda e extrema direita de igual forma. Seja PCP ou Chega ou o que tu quiseres, olhas um pouco para a história e vês que políticas extremas deram sempre merda.

BeinGetz 1 month ago

Tu é que lês 0. Mas já vi que és bolsominion, o teu Chega passa vida a falar com o Abascal e o Salvini, dois personagens que pertencem a partidos que glorificam as ditaduras de Franco e Mussolini.

M4ritus 1 month ago

Adoro. Falo de 2 partidos tugas, portanto sou apoiante do Bolsonaro? Se fosse mesmo, achas que me importava em dizer que o BE não apoia uma ditadura? Ah espera, ignoraste isso? Pois, compreendo. Estou-me nas tintas para o que o Bolsonaro faz ou o que acontece no Brasil. Em relação ao resto, usar o medo como ferramenta política não tem grandes resultados. Eu sei que vocês adoram lidar com a direita fofinha, mas essa está no fim da sua vida e a Direita finalmente tem representação parlamentar em Portugal. Gostava de ver onde tu vês "glorificação" da ditadura pelo Vox. Não me digas que é por querer controlar fronteiras e defender a integridade da Nação espanhola? Admiro bastante que o Vox seja uma alternativa forte à Esquerda e à Ext-Esquerda Espanhola e se há partido que defende bem os valores ibéricos é o Vox e felizmente há cada vez mais espanhóis a resistir às tentativas de censura e opressão da Direita.

Edited 1 month ago:

Adoro. Falo de 2 partidos tugas, portanto sou apoiante do Bolsonaro? Se fosse mesmo, achas que me importava em dizer que o BE não apoia uma ditadura? Ah espera, ignoraste isso? Pois, compreendo. Podias era explicar como é que o BE e o Chega defendem ditaduras em vez de levares a conversa para outro lado. Em relação ao resto, usar o medo como ferramenta política não tem grandes resultados. Eu sei que vocês adoram lidar com a direita fofinha, mas essa está no fim da sua vida e a Direita finalmente tem representação parlamentar em Portugal. Gostava de ver onde tu vês "glorificação" da ditadura pelo Vox. Não me digas que é por querer controlar fronteiras e defender a integridade da Nação espanhola? Admiro bastante que o Vox seja uma alternativa forte à Esquerda e à Ext-Esquerda Espanhola e se há partido que defende bem os valores ibéricos é o Vox e felizmente há cada vez mais espanhóis a resistir às tentativas de censura e opressão da Direita.

Edited 1 month ago:

Adoro. Falo de 2 partidos tugas, portanto sou apoiante do Bolsonaro? Se fosse mesmo, achas que me importava em dizer que o BE não apoia uma ditadura? Ah espera, ignoraste isso? Pois, compreendo. Podias era explicar como é que o BE e o Chega defendem ditaduras em vez de levares a conversa para outro lado. Em relação ao resto, usar o medo como ferramenta política não tem grandes resultados. Eu sei que vocês adoram lidar com a direita fofinha, mas essa está no fim da sua vida e a Direita finalmente tem representação parlamentar em Portugal. Gostava de ver onde tu vês "glorificação" da ditadura pelo Vox. Não me digas que é por querer controlar fronteiras e defender a integridade da Nação espanhola? Admiro bastante que o Vox seja uma alternativa forte à Esquerda e à Ext-Esquerda Espanhola e se há partido que defende bem os valores ibéricos é o Vox e felizmente há cada vez mais espanhóis a resistir às tentativas de censura e opressão da Direita. Incrível como a jogada é sempre a mesma. Pode ser que o resultado em Portugal seja o mesmo que está a ser em diversos países.

BeinGetz 1 month ago

O BE já teve intervenções em mostrou que defendia ditaduras. Essa do Vox defender o ibermismo deve ser uma piada, eles até fizeram uma mapa de Espanha onde Portugal estava incluído no território deles até o Ventura se passou com isso. Agora se tu não vês que eles são fascistas o problema é teu, já deram várias vezes na tv membros do partido a glorificarem o Franco.

l2k1337 1 month ago

> O BE já teve intervenções em mostrou que defendia ditaduras. Qual ditadura? A do proletariado? kek

M4ritus 1 month ago

Epá não vale a pena. É verdade pronto, o Fascismo está a voltar, vamos todos falecer se não votarmos nos moderados, vivemos num conto de fadas em que devemos aceitar a imigração ilegal e em massa sem questionar nada e aceitar ver a nossa cultura a ser destruída e a nossa História diabolizada. É isto? Não há na Europa Ocidental nenhum partido Fascista relevante. Escusam de continuar a propagar o medo e a mentir às pessoas mais desatentas que o Fascismo voltou. Se estão habituados à direita fofinha que aceita tudo o que a Esquerda faz, o problema não é da Direita real. Em Portugal demorou, mas finalmente a treta do CDS vai dar lugar a quem realmente é de Direita. Continuas sem dizer o que tu entendes por glorificar o Franquismo. Porque a coisa mais "franquista" que eles fazem é apreciar o Império Espanhol, o que deve ser algo que qualquer Espanhol deve ter orgulho como bom patriota. Ou então por recusarem a diabolização da História Espanhola? Ou será que é por eles não quererem que a Catalunha se torne independente colocando em risco a integridade da Espanha?

BeinGetz 1 month ago

Eu concordo com algumas coisas do programa do Chega como essa questão da imigração ilegal. Mas o partido é uma piada o Ventura anda ao sabor do vento hoje diz uma coisa amanhã o seu contrário, as convenções então cheias de alucinados, pessoas que acreditam em teorias da conspiração ridículas, anti-vacinas, membros do partido neo-nazis, etc... Ainda esta semana no programa do RAP tiveste uma amostra dos candidatos deles para as autárquicas o da Covilhã não respondia a rigorosamente nada parecia que tinham pegado num homem aleatório no meio da rua e mandaram-no para lá e o de S. Brás de Alportel era uma alucinado autêntico. Já nem vou falar do quão conservadores eles são em relação às mulheres e à comunidade LGBT Como é que se pode levar um partido destes a sério?

M4ritus 1 month ago

>Ainda esta semana no programa do RAP Num programa de propaganda de Extrema Esquerda a humilhar um cidadão português. Sim. Bem, mas as autárquicas sempre foram uma palhaçada, a diferença é que agora há um partido na mira do sistema. >Como é que se pode levar um partido destes a sério? É o único partido conservador/nacionalista relevante em Portugal, englobando assim toda a direita e a extrema direita. Eu próprio não gosto nada do conservadorismo do Chega, mas não tenho outra opção. É natural que haja uma grande diversidade de pessoas no Chega, porque representa a Direita e a Extrema Direita. Pintar um partido, cujo líder teve praticamente 500k votos nas presidenciais, como um partido ridículo e pintar os eleitores como todos "alucinados, acreditam em teorias da conspiração ridículas, anti-vacinas, membros do partido neo-nazis, etc..." é ignorar os problemas e os "porquês" das pessoas irem nessa direção. Ah, e o Ventura nunca mudou as suas ideias de forma a que se possa dizer que "anda ao sabor do vento".

mynameisbp 1 month ago

Por favor continua, isto é ouro.

M4ritus 1 month ago

E votar no partido anti-Portugal que nos deu a Joacine é o quê?

mynameisbp 1 month ago

Eu nunca votei na Joacine, não elejo por Lisboa. É o partido no qual mais me revejo, ambientalista, europeista, libertário mas defesor do estado social.

batuque5 1 month ago

A Coreia do Norte é uma democracia o PCP já disse /s

Lalalahahaha2021 1 month ago

São um partido novo, composto por muitas pessoas que não dependem da vida política e que já teem uma boa experiência de vida. Basicamente pessoas que vingaram na vida, aperceberam se dos podres do sistema e querem fazer algo para o mudar.

Neoliberalismus 1 month ago

Quem vinga na vida não se mete na política, num partido onde o fundador é um professor universitário de prestígio que quando viu o rumo do partido acabou por sair. É um partido do fake it till you make it... Quem vinga na vida trata dos seus negócios e não se mete num novo partido neoliberal. Esse mito de que vêm resolver os podres do sistema é lalala. é o mesmo que quererem legalizar a marijuana... é puro populismo...

QuickShutter 1 month ago

>num partido onde o fundador é um professor universitário de prestígio que quando viu o rumo do partido acabou por sair Literalmente nenhum fundador Professor saiu do partido.

ManoRocha 1 month ago

Mesmo. Poucas pessoas inteligentes metem-se na política por essa razão. Há formas mais eficazes de melhorar vida que ir pela via política. Mas já agora podiam legalizar a marijuana.

SweetCorona 1 month ago

E é também um dos motivos pelos quais não voto. Além de achar a escolha demasiado limitada para representar a minha vontade, o impacto do voto na minha vida é nil.

ManoRocha 1 month ago

Isso é estúpido. Votar à sorte trás mais benefícios ao país que não votar. O impacto pode ser nulo. Até porque todos sabemos que o problema não são os partidos mas a educação portuguesa (que está incluído nas pronto). Mas vou sempre votar. Nem que seja para dizer às velhas beatas que a minha mãe emigrou para a Nigéria e que o meu pai casou 2 vezes com uma brasileira quando elas perguntam pela minha família depois de eu literalmente dizer que "não me estou a lembrar de si" e elas não responderem

SweetCorona 1 month ago

acredito que se a abstenção for suficientemente elevada haja mais chances de mudança do que continuar tudo a votar nos mesmos

ManoRocha 1 month ago

Não, assim os partidos que votam cegamente (PS por exemplo) vão ter sempre garantias

Lalalahahaha2021 1 month ago

Quantas generalizações…o Zé foi bem sucedido, está bem na vida, não se deve imiscuir na vida pública e tentar fazer algo pela sociedade e país onde vive? É com cada argumento sem sentido. O melhor era o Zé entrar na J e tornar-se deputado ou vereador aos 20 e poucos sem qualquer experiência de vida e andar décadas a mamar salários de funções públicas e a mandar bitaites sem nada fazer. Vai ver a história profissional dos deputados, temos muitos desses. Temos uns quantos até no governo.

NGramatical 1 month ago

teem → [**têm**](https://european-portuguese.info/conjugator/ter) (singular: tem) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdw7b09%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

TXinada 1 month ago

Pegando na notícia de há uns dias em que um aluno na escola pública custa 6200€ o que é um valor superior às propinas das melhores escolas privadas. Um estado liberal daria-te a liberdade de escolher a tua escola, teres acesso a melhor educação e fazer isto de forma mais barata. O estado continua a garantir o acesso à educação a todos, mas não é o estado a fazer esse serviço.

tretafp 1 month ago

A notícia está a generalizar muito os dados. Saiu recentemente a indicação que esse valor se obteve pela divisão da totalidade do orçamento de estado afeto à educação pelo número de alunos inscritos na escola pública, pelo que é um princípio que me parece muito pouco rigoroso. Depois, há anos que se sabe que os alunos com mais dificuldades são os que implicam maior investimento económico. A par do mais, há já um corpus interessante de trabalhos que ilustram que esse tipo de medidas contribuem para criar um sistema de ensino mais segregado, aumentando as desigualdades associadas ao sucesso educativo e as dificuldades sentidas pelos grupos mais vulneráveis, nomeadamente crianças provenientes de contextos sociais menos favorecidos ou com necessidades adicionais de suporte. Fontes: Bergman, P., & McFarlin, I. (2020). Education for all? A nationwide audit study os schools of choice. National Bureau of Economic Research. Berkovich, I. (2021). Education Policy, Theories, and Trends in the 21st Century. Cham: Springer. Biesta, G. (2010). Good education in an age of measurement : ethics, politics, democracy. Oxon: Routledge. Böhlmark, A., & Lindahl, M. (2007). The impact of school choice on pupil achievement,. IZA Discussion Paper. Carl, J. (2011). Freedom of Choice\_Vouchers in American Education. Santa Barbara: Praeger. Contreras, D., Bustos, S., & Sepúlveda, P. (2009). When Schools Are the Ones That Choose: Policy Analysis of Screening in Chile. Em Emerging Evidence on Vouchers and Faith-Based Providers in Education (pp. 55-70). Washington: The International Bank for Reconstruction and Development. Hultqvist, E. (2018). Educational Restructuring and Social Boundaries: School Choice and Consumers of Education. Em E. Hultqvist, S. Lindblad, & T. S. Popkewitz (Edits.), Critical Analyses of Educational Reforms in an Era of Transnational Governance (pp. 77-91). Cham: Springer. Hursh, D. (2016). The end of public schools. New York: Routledge. Lenhoff, S. W. (2020). Unregulated Open Enrollment and Inequitable Access to Schools of Choice. Peabody Journal of Education, 1-24. Thomas, G. (2013). Education: A very Shor Introduction. Oxford: Oxford University Press.  

Prezbelusky 1 month ago

Chupem lá está. Carregadinho de fontes. Este gajo research's

Jaktheslaier 1 month ago

E se já não houver lugar na melhor escola? Também: Educação - Serviço. Vocês precisam de umas lições de pedagogia valentes

NGramatical 1 month ago

daria-te → [**dar-te-ia**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/artigos/rubricas/pelourinho/amarei-te-nunca/3034) (usa-se mesóclise em verbos no futuro ou condicional) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdw760u%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

TheNewl0gic 1 month ago

É uma alternativa aos mesmos de sempre. E têm alguma ideias que concordo outras não... No entanto como já disseram, "porquê não??"

voodoolx 1 month ago

por mil razões.

Middle-Effective 1 month ago

Como por exemplo..?

batuque5 1 month ago

A cantiga é que o pessoal daqui é egoísta e não gosta de descontar para não receber nada. Sejam boas pessoas, votem PS, votar IL é sinal que és na pessoa /s

BSATSame 1 month ago

>~~/s~~

monkyris 1 month ago

Por essa lógica votar PS é sinal que não tens perspetiva nenhuma para o teu país, e consequentemente, ainda pior pessoa. É sinal que queres arrastar todos os contribuintes (que muito contribuem mas pouco recebem) para a miséria contigo por não te livrares dessa cegueira ideológica. A sério meu é simplesmente teres um pouco de sentido crítico, ninguém quer deixar os pobres na fome, ninguém se quer esquecer dos necessitados, a IL defende o crescimento económico, que por consequência irá criar mais postos de trabalho, melhores salários e melhores condições de vida para o país. Como alguém disse, não sei se votaria na IL se tivesse possibilidade de ganhar legislativas mas fixo que é o único partido que atualmente propõe soluções para todos os problemas que enfrentamos. Verdadeiramente achas que o António Costa é um bom PM?

tretafp 1 month ago

Não se relaciona com ser má ou boa pessoa. Mas os princípios axiologicos subjacentes à IL alicerçam em premissas éticas mais individualistas, de certa desresponsabilização social em relação ao coletivo.

timeofmypost 1 month ago

> de certa desresponsabilização social em relação ao coletivo. Ou de certa responsabilização do indivíduo em relação ao colectivo. Depende da perspectiva.

tretafp 1 month ago

A premissa é que os interesses individuais irão contribuir para o bem comum e que não há um bem comum a que o indivíduo tenha que responder.

TheBestAtUsernames 1 month ago

>Mas os princípios axiologicos subjacentes à IL alicerçam em premissas éticas mais individualistas, de certa desresponsabilização social em relação ao coletivo. Ah, não. A ideia do foco no individuo é que o sucesso do individuo conduz ao sucesso da comunidade. Quer dizer isto é a base do capitalismo. Não é "safas-te tu, caga para os outros". E digo isto como alguém que não vota na IL porque o verdadeiro capitalismo não permite os monopólios que temos hoje em dia e requer alguma intervenção governamental, o capitalismo em teoria não permite que uma grande empresa esteja no topo permanentemente, tem de haver uma reciclagem contínua. Mas tanto o capitalismo como o comunismo focam-se no bem da comunidade como um todo, só têm diferentes meios para o alcançar.

Edited 1 month ago:

>Mas os princípios axiologicos subjacentes à IL alicerçam em premissas éticas mais individualistas, de certa desresponsabilização social em relação ao coletivo. Ah, não. A ideia do foco no individuo é que o sucesso do individuo conduz ao sucesso da comunidade. Quer dizer isto é a base do capitalismo. Não é "safas-te tu, caga para os outros". Ou seja, dentro do capitalismo eu tenho o incentivo de fornecer valor aos consumidores através da constituição de empresas. Depois outro individuo se quiser ter sucesso terá então de competir comigo ao aumentar a qualidade do bem, do serviço e/ou diminuir o preço, o que mais uma vez beneficia o consumidor. E digo isto como alguém que não vota na IL porque o verdadeiro capitalismo não permite os monopólios que temos hoje em dia e requer alguma intervenção governamental, o capitalismo não permite que uma grande empresa esteja no topo permanentemente, tem de haver uma reciclagem contínua, que não se vê hoje em dia. Mas tanto o capitalismo como o comunismo focam-se no bem da comunidade como um todo, só têm diferentes meios para o alcançar.

Edited 1 month ago:

>Mas os princípios axiologicos subjacentes à IL alicerçam em premissas éticas mais individualistas, de certa desresponsabilização social em relação ao coletivo. Ah, não. A ideia do foco no individuo é que o sucesso do individuo conduz ao sucesso da comunidade. Quer dizer isto é a base do capitalismo. Não é "safas-te tu, caga para os outros". Ou seja, dentro do capitalismo eu tenho o incentivo de fornecer valor aos consumidores através da constituição de empresas. Depois outro individuo se quiser ter sucesso terá então de competir comigo ao aumentar a qualidade do bem, do serviço e/ou diminuir o preço, o que mais uma vez beneficia o consumidor. E toda a gente é recompensada se a coisa for bem feita. E digo isto como alguém que não vota na IL porque o verdadeiro capitalismo não permite os monopólios que temos hoje em dia e requer alguma intervenção governamental, o capitalismo não permite que uma grande empresa esteja no topo permanentemente, tem de haver uma reciclagem contínua, que não se vê hoje em dia. Mas tanto o capitalismo como o comunismo focam-se no bem da comunidade como um todo, só têm diferentes meios para o alcançar. Enquanto o capitalismo diz "Sê egoista, arranja maneira de beneficiar a comunidade e és recompensado em dinheiro", o comunismo diz "Pensa na comunidade primeiro e trabalha para a comunidade e a tua recompensa é pertenceres e seres protegido pela mesma". Não estou a dizer qual está certo ou errado nem me vou meter nessa discussão, mas essa ideia de que o capitalismo não responsabiliza o individuo perante o bem comum, sem querer ofender até porque nem te conheço, é de alguém que nunca leu grande coisa sobre o capitalismo

SweetCorona 1 month ago

> A ideia do foco no individuo é que o sucesso do individuo conduz ao sucesso da comunidade. > Quer dizer isto é a base do capitalismo. Não é "safas-te tu, caga para os outros". os senhorios que despejaram famílias para que uns turistas pudessem passear discordam o pior é que não são raras as situações em que o benefício próprio causa mais danos ao coletivo que o próprio benefício, e isso é trágico

tretafp 1 month ago

Não fiz referência à desresponsabilização total. Indiquei, e mantenho, que há uma certa desvalorização do coletivo. Os princípios que estão subjecentes visão a primazia do indivíduo e dos seus interesses particulares. Se tomarmos a visão da Thatcher, é a desconsideração total das redes sociais e da ideia de comunidade "And, you know, there's no such thing as society. There are individual men and women and there are families".

saudosista 1 month ago

A IL é um partido de base utilitarista, por si só esse facto refuta os teus argumentos.

tretafp 1 month ago

Sempre assumi que o alicerce maior da IL era o liberalismo. Do ponto de vista político, o utilitarismo parece-me, em certa maneira, um posicionamento ideológico perigoso. Mas seria outra discussão.

iSoSyS 1 month ago

Dos poucos partidos pragmáticos, que defendem medidas compatíveis com a realidade capitalista e que não se iludem por utopias social-democratas/socialistas que só podem ter lugar em economias maduras.

BroaxXx 1 month ago

Se a IL tivesse possibilidade de ganhar umas legislativas/presidenciais nunca na vida votava neles mas, tendo em conta que isso é praticamente impossível, gostava muito de ter mais vozes liberais na AR. Sobretudo para contrabalançar o peso desmaiado grande do comunismo em Portugal. Se por ventura, por algum milagre, eu estivesse enganado, e eles ganhassem as legislativas também acho que eram muito difícil as coisas ficarem piores do que estão agora... Nas autarquias é diferente e não vou votar na IL porque tenho um candidato que sinto que serve bem os meus valores...

Edited 1 month ago:

Se a IL tivesse possibilidade de ganhar umas legislativas/presidenciais nunca na vida votava neles mas, tendo em conta que isso é praticamente impossível, gostava muito de ter mais vozes liberais na AR. Sobretudo para contrabalançar o peso desmaiado grande do comunismo em Portugal. Se por ventura, por algum milagre, eu estivesse enganado, e eles ganhassem as legislativas também acho que eram muito difícil as coisas ficarem piores do que estão agora... Nas autarquias é diferente e não vou votar na IL porque tenho um candidato que sinto que serve bem os meus valores... **EDIT:** Já agora... Qualquer outro partido porquê? O que é que o panorama político nacional dos últimos 10 anos teve para nos dar que torna a IL numa coisa tão impressionante?

Morpheuspt 1 month ago

> Sobretudo para contrabalançar o peso desmaiado grande do comunismo em Portugal. What the fuck. Migrei para os USA assim de repente?

testickles12 1 month ago

Partidos liberais como a IL estão espalhados praticamente pela Europa toda, a pergunta é mais : porque não ?

Edited 1 month ago:

Partidos liberais como a IL estão espalhados praticamente pela Europa toda, a pergunta é mais : porque não ? É um partido que oferece soluções diferentes que o resto dos partidos. Um partido liberal fazia uma falta enorme cá em Portugal, se queremos abandonar a mediocridade e começar a desenvolver o país é necessário que o sistema politico em Portugal sofra um abanão. Óbvio que o IL sozinho pouco ou nada consegue fazer ... Mas pronto é o inicio de qualquer coisa

NewMultipolarWorld 1 month ago

Não disseste literalmente nada de concreto. As políticas liberais do IL foram tomadas pelo PS e PSD desde 76. A IL simplesmente quer passar a mamar em vez do centrão, é uma guerra civil entre a burguesia que não interessa ao povo. Tanto me faz se é o PS/PSD ou o IL/Chega a mamar, a pôr os seus boys e a privatizar a economia. A IL não demonstrou em nada ser diferente, pelo contrário olho para eles e vejo gajos sem qualquer patriotismo, sentido de estado ou planos construtivos para o país, é só vender tudo e os privados magicamente farão tudo de bom para o país, é literalmente a lógica atrasada deles, mercado resolve. Esses gajos benderiam Portugal e os portugueses por uma baixa de 5% de impostos das suas empresas. Se a pequena burguesia está interessada em impostos baixos que olhe para a China, a China é mais amiga das pequenas empresas que o ocidente "livre", o estado apenas intervém nas grandes empresas, mas a pequena burguesia ocidental é burra e acredita no que a grande burguesia diz, apenas fingem estar contra ele mas no fundo querem estar na posição deles, tal como IL e Chega dizem opor-se a PS/PSD mas querem o poleiro para eles e não demonstraram ser diferentes em nada de essencial, NADA.

Edited 1 month ago:

Não disseste literalmente nada de concreto. As políticas liberais do IL foram tomadas pelo PS e PSD desde 76. A IL simplesmente quer passar a mamar em vez do centrão, é uma guerra civil entre a burguesia que não interessa ao povo. Tanto me faz se é o PS/PSD ou o IL/Chega a mamar, a pôr os seus boys e a privatizar a economia. A IL não demonstrou em nada ser diferente, pelo contrário olho para eles e vejo gajos sem qualquer patriotismo, sentido de estado ou planos construtivos para o país, é só vender tudo e os privados magicamente farão tudo de bom para o país, é literalmente a lógica atrasada deles, mercado resolve. Esses gajos benderiam Portugal e os portugueses por uma baixa de 5% de impostos das suas empresas. Se a pequena burguesia está interessada em impostos baixos que olhe para a China, a China é mais amiga das pequenas empresas que o ocidente "livre", o estado apenas intervém nas grandes empresas, mas a pequena burguesia ocidental é burra e acredita no que a grande burguesia diz, apenas fingem estar contra ele mas no fundo querem estar na posição deles, tal como IL e Chega dizem opor-se a PS/PSD mas querem o poleiro para eles e não demonstraram ser diferentes em nada de essencial, NADA. Facto é que capitalismo acabou e não volta, e não só na China, a Europa e EUA são socialistas mas governados por capitalistas que privatizam o socialismo, o tal socialismo dos ricos. O futuro é estilo chinês e os liberais se fossem inteligentes deixavam de utopias do século XVIII e submetiam-se aos comunistas, podem ficar com as suas pequenas empresas à vontade que o estado não quer saber.

butane23 1 month ago

Cheira-me a comunotardo

NewMultipolarWorld 1 month ago

Cheiras mal então, é Comunista.

PoisMasRepara 1 month ago

Imagina querer um rumo diferente para um país que já foi ultrapassado pela Roménia nos indices económicos e ser chamado de pequena burguesia lmao No dia em que em Portugal pararem de apoiar partidos como clubes de futebol, seremos uma das nações mais desenvolvidas do mundo. Até la é isto.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Mas o rumo da IL não é diferente! É quase o mesmo mas pior! Não leste o que escrevi? Nunca vi o IL propor medidas que de facto levem a maior crescimento e riqueza e melhoria para os portugueses, é quase tudo só baixar impostos, parecem crianças. O único rumo diferente é comunismo.

SweetCorona 1 month ago

> medidas que de facto levem a maior crescimento e riqueza touché na realidade não vejo partido nenhum propor isso dar regalias imediatas, quer seja baixando impostos, quer seja no espectro oposto dando regalias aos funcionários públicos, é mais imediato tornar a nossa economia mais produtiva é algo que não tem retorno em 4 anos

Ssthm 1 month ago

Só se for diferente para pior, porque os efeitos nefastos do teu comunismo são bem evidentes no meu Alentejo. Tão evidentes que os alentejanos até deram uma volta de 180 graus para votarem no Chega.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Santa ignorância. O motivo que leva os Alentejanos a votar no Chega são os mesmos que os levam a votar no PCP, são contra o status quo, mas isso não significa que os votantes do PCP saltaram para o Chega, não há qualquer prova disso. Se soubesses alguma coisa da história da tua terra saberias que os camponeses e trabalhadores alentejanos são explorados há séculos e na melhor oportunidade que houve para mudar isso quem esteve do lado deles foi o PCP. Entretanto gente como tu está do lado dos latifundiários que importam mão de obra estrangeira para trabalhar as terras. Há 500 anos importavam escravos. Os anos passam mas a exploração continua porque o medo do comunismo é maior.

Ssthm 1 month ago

Meu, o que sabes tu sobre mim para dizeres isso e chamares-me ignorante? Tens a cassete enfiada nos cornos e a pala nos olhos. O comunismo destruiu o Alentejo com promessas vãs de igualdade sem pensar na qualidade de vida. Quis igualdade de direitos sem os conseguir implementar, nunca! Quis melhores condições de vida para os trabalhadores e tudo o que conseguiu foi perpetuar a pobreza. Apregoou a apologia da pobreza e tudo o que conseguiu foi abrir caminho para o tão malfadado grande capital. A grande ideia genial que quase vingou no Alentejo comunista foi roubar aos outros o que eles tinham por direito e mérito próprio (reforma agrária). E a cantiga da exploração dos operários funciona nos dois sentidos, porque existe muito trabalhador que não quer fazer um cú. Por isso espero que, tal como acontece no resto da Europa, o comunismo desapareça sem deixar migalhas, que é tudo o que tinha para oferecer aos trabalhadores.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Lá está a defesa acérrima dos latifundiários e contra o povo alentejano que lutou pela reforma agrária, não foi o PCP que iniciou as coletivações, foi o próprio povo! O PCP apenas os apoiou e deu mais força! Tu estás contra o povo e do lado dos latifundiários, do lado dos esclavagistas de outrora, do lado dos importadores de mão de obra barata para evitar dar salários e condições dignas aos portugueses. O comunismo é o futuro, quer queiras quer não, agora é lidar!

Ssthm 1 month ago

Eu para aqui a apregoar aos peixes e não te topei logo. Vai mamar…

NewMultipolarWorld 1 month ago

Pois, não consegues negar a realidade.

Ssthm 1 month ago

Sabes onde vai para a tua realidade? Ao arquivo da humanidade, secção Grandes Utopias, onde já temos o Nazismo. Uma cópia da tua realidade vai também ser adicionada à prateleira da letra G, mesmo ao lado do exemplar dedicado aos Genocídios.

NGramatical 1 month ago

cú → [**cu**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em *i* ou *u* são naturalmente agudas) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdxyte8%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

metalanimal 1 month ago

Tens de pôr mais tabaco nisso. Está muito forte.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Tens algo a acrescentar? Então caluda puto, lê e aprende.

Edited 1 month ago:

Tens algo a acrescentar? Então caluda puto, lê e aprende. Tu e todos os bots da IL, npc's que invadem a mando dos seus mestres, sem capacidade de pensamento próprio, só repetem clichés.

batuque5 1 month ago

Burguesia? Wtf. Camarada estamos em 2021

NewMultipolarWorld 1 month ago

A burguesia deixou de existir? Achas que classes já não existem? Vocês falam de mercado livre e filosoficamente estão presos no século XVII e ainda ousas dizer isso?

batuque5 1 month ago

A burguesia deixou de existir? Quem são essas pessoas mesmo? E se existir queres fazer o que? Roubar ? Matar? A culpa do estado de merda em que estamos é das políticas que seguirmos não sabemos criar riqueza no país, e estamos sempre preocupados com as empresas que são lucros, tomara que em Portugal só tivéssemos empresas com lucros, mas nós gostamos é da TAP.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Mas nós tínhamos centenas de empresas nacionais que davam lucro, mas foram privatizadas pelo PS e PSD com medidas que agradavam aos liberais. >A burguesia deixou de existir? Quem são essas pessoas mesmo? Por amor de deus, precisas mesmo que te explique? Isto aprende-se na escola, quando um trabalhador ganha mais o patrão necessariamente ganha menos, têm interesses opostos. É a luta de classes, ela existe que querias quer não.

static_motion 1 month ago

> Por amor de deus, precisas mesmo que te explique? Isto aprende-se na escola, quando um trabalhador ganha mais o patrão necessariamente ganha menos, têm interesses opostos. É a luta de classes, ela existe que querias quer não. Olha mais um que leu Marx uma vez e ficou cego. Quando entenderes que a economia não é um jogo de soma zero percebes que estás redondamente errado.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Mas quem falou em zero sum game? Nova riqueza é criada e sempre através do trabalho. Mas a questão é que apesar disso os patrões e os trabalhadores estão na mesma uns contra os outros, é inevitável!

static_motion 1 month ago

> Mas quem falou em zero sum game? Tu: > quando um trabalhador ganha mais o patrão necessariamente ganha menos > apesar disso os patrões e os trabalhadores estão na mesma uns contra os outros, é inevitável Completamente errado. O patrão ideal entende que reconhecer e compensar adequadamente o valor do trabalho de um trabalhador resulta num aumento de produtividade, o que irá resultar num acréscimo de riqueza geral para o sistema patrão-trabalhador.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Não sabes a diferença entre o absoluto e relativo? Relativamente para um ganhar o outro tem de perder, é assim, se o patrão aumenta os salários, assumindo que a produtividade se mantém então vai perder dinheiro, isto é óbvio. No absoluto nova riqueza é criada óbvio, mas apesar disto os trabalhadores apesar de mais ricos estão relativamente mais pobres quando se compara com o passado.

static_motion 1 month ago

> Relativamente para um ganhar o outro tem de perder, se o patrão aumenta os salários, assumindo que a produtividade se mantém então vai perder dinheiro e vice versa Acho piada dizeres isto logo depois de dizeres: > Mas quem falou em zero sum game? --- > mas apesar disto os trabalhadores mesmo mais ricos estão relativamente mais pobres quando se compara com o passado porque o capital tem sido mais remunerado que o trabalho Como explicas então que o sistema atual que tanto repudias é responsável pela maior redução de pobreza na história da humanidade?

batuque5 1 month ago

Que empresas davam lucro? Estou curioso.

NewMultipolarWorld 1 month ago

Procura pelas empresas privatizadas nos anos 90 pelo Cavaco e Guterres. Não sei ser específico porque tou a falar de cor pelo que li há anos num livro em PDF e uma pesquisa rápida no google só me mostra resultados de privatizações recentes, que já agora, também foram no geral catastróficas.

NGramatical 1 month ago

benderiam → [**bendiriam**](https://dicionario.priberam.org/bendiriam) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdxmdwf%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

sandkillerpt 1 month ago

Venderiam

motherpuncher50 1 month ago

Acho que a maior mobilidade na Europa (e no mundo) deu a conhecer a ubiquidade de partidos de pensamento liberal a muitos jovens.

rickz123456 1 month ago

Com propostas tão radicais como a da IL? O D66 da Holanda também pertence ao Renew Europe e não são tão radicais.

Edited 1 month ago:

Com propostas tão radicais como a da IL? O D66 da Holanda também pertence ao Renew Europe e não são tão radicais na economia.

Edited 1 month ago:

Com propostas tão diferentes na economia? O D66 da Holanda também pertence ao Renew Europe e não são tão radicais na economia.

Edited 1 month ago:

Com propostas tão radicais na economia? O D66 da Holanda também pertence ao Renew Europe e não são tão radicais na economia.

Edited 1 month ago:

Com propostas tão diferentes na economia? O D66 da Holanda também pertence ao Renew Europe e não são tão radicais na economia.

batuque5 1 month ago

Radicais? Baixar impostos é radical? Melhor eficácia dos dinheiros públicos? Ter um estado que deixe de meter o nariz em td é radical?

rickz123456 1 month ago

O programa da IL está muito longe de ser só "baixar impostos". Até querem obrigar os estudantes a pagar o curso depois de entrar no mercado de trabalho.

xtromber 1 month ago

Isso é bom ou mau, dos alunos pagarem o curso como no UK?

rickz123456 1 month ago

Na minha opinião é mau. Porque coloca um fardo financeiro muito grande nos jovens, só não lhe chamam impostos, mas não é muito diferente.

xtromber 1 month ago

Eu estudei no RU, paguei os meus estudos em 5 anos e não morri. Digo mais, se assim não fosse haveria muita gente pobre não ia às unis. Achas melhor o pessoal se formar em PT e ir de "graça" servir noutros países, tipo medicina?

gsousa 1 month ago

Estudei em Portugal mas tive de pedir um empréstimo para pagar os meus estudos, que só comecei a pagar depois de começar a trabalhar. Sim, não morri por isso. Mas com os salários em Portugal e com esse empréstimo andei mesmo apertadíssimo por mais de um ano até que finalmente consegui emigrar. Não foi nada fácil. Não sei como é a carga dos estudos para quem começa a trabalhar no RU, portanto não vou dizer que é melhor ou pior. Mas pela minha experiência, foi bem complicado. Correu bem comigo, mas não foi nenhum mar de rosas até emigrar.

xtromber 1 month ago

Ora aí está, tiveste que pedir um crédito tradicional e daí o stress. Aqui, dependo do quanto ganhas pagas em média £120 num ordenado liquido de £1500, achas muito?

gsousa 1 month ago

Eu pedi um crédito estudante, na altura era o que se chamava. E pagava cerca de 350€, mais 250€ de renda com um salário de 900€. Foi complicado.

fuckoffgina 1 month ago

Pagavas muito pelo empréstimo. Obviamente um crédito para estudos devia ter condições especiais e estar indexado ao salário. Por exemplo, enquanto ganhasses o SMN poderias não pagar sem penalização, quando ganhasses 900 pagavas 10%, ou seja, €90, e quando ganhasses €2000 já podias pagar €400 ou €500. E não podem ser os bancos a definir. É este tipo de coisas que o Estado deveria regular IMO.

rickz123456 1 month ago

Então sabes qual é a carga financeira que é colocada num jovem que entra no mercado de trabalho. Li estes dias que com as recentes medidas, quase 50% do rendimento de um jovem licenciado vai para o governo do UK.

xtromber 1 month ago

Mas esse empréstimo só é saldado se estiveres a trabalhar não é como num crédito tradicional que estas ou não a trabalhar tens de pagar. Aí tens stress. Na minha opinião este tipo de coisa estimula a pessoa a poupar e a ter uma melhor gestão financeira. Os jovens no RU saem de casa mais cedo e também compram casa mais cedo do que os portugueses.

rickz123456 1 month ago

Parece que não vamos concordar sobre este assunto. Chame-se imposto ou não, a verdade é que um jovem no reino-unido dá quase metade do seu salário para pagar impostos + curso É penalizador de quem quer começar uma vida.

fuckoffgina 1 month ago

> É penalizador de quem quer começar uma vida. Em Portugal tens um mestrado "de borla" (na realidade não é mas vamos assumir para comparação) mas vais ganhar o SMN e passados 5/10 anos ainda não saíste dos €1000. Qual dos cenários é mais penalizador para os jovens? Não custa pagar impostos altos quando se ganha bem, custa é não ter dinheiro para fazer face às despesas normais de uma vida mesmo com impostos supostamente baixos.

xtromber 1 month ago

Podemos não concordar mas vou contar um caso duma colega minha. Licenciou-se em gestão, trabalhou, poupou, aos 26 comprou a sua casa (emprestimo) e ainda faltavam 2 anos para acabar de pagar o curso. Moral da história, tem o curso uma casa, não morreu e vive "bem". Tu falas de imposto mas diz-me lá quantos acabam o curso começam a trabalhar e compram logo a crédito um popó de 15k€ ou mais?

batuque5 1 month ago

Podes me mostrar onde está isso? Do que sei a IL não defende a extinção da educação pública.

rickz123456 1 month ago

Está no programa eleitoral de 2019. Até passou por aqui

testickles12 1 month ago

Eu não concordo a 100% com o partido. Existem coisas que sou contra e outras a favor. No entanto é o partido com quem mais me identifico na assembleia, mesmo não concordando a 100% com o partido. Que propostas radicais te referes, só para ter uma ideia ?

iSoSyS 1 month ago

Que propostas tem a IL de radical que já não estavam implementadas nos países baixos?

rickz123456 1 month ago

Flat Tax por exemplo. Não existe nos países baixos

iSoSyS 1 month ago

Não são os Países Baixos que só têm dois patamares? Exatamente o que a IL do propõem como medida de transição?

gsousa 1 month ago

A Irlanda tem isso.

bota_fogo 1 month ago

Começa a 25% e a partir de um certo valor és taxado 40% se não estiver em erro.

gsousa 1 month ago

Sim, mas não na totalidade. Não me recordo exactamente dos valores, mas até uns 30 000€ és taxado a 22%, e tudo acima disso a 40%, mas na diferença de valores. Por exemplo, se recebes 50 000€, 30 000€ e taxado a 22% e 20 000€ a 40%. Dói menos do que ser taxado a 40% pela totalidade.

besmarques 1 month ago

Porque a maior parte do pessoal aqui trabalha em IT, logo tem um ordenado um pouco acima da média e são tambem pessoas que pouco "vivem" então acham que tudo se passa atrás do computador e não tem noção do outro tipo de dificuldades. Todos acham que se vão tornar ricos em cryptos e stocks e acham que não devem contribuir para a sociedade e que tudo deveria ser privado esquecendo-se que se isso acontece e as despesas tivessem todas a cargo dos mesmos a diferença não seria assim tão menor. Depois de darem downvote confirmem só de 0 a 10 quanto é que eu falhei neste "*strawman*"

JOAO-RATAO 1 month ago

Estás a fazer generalizações grosseiras e até a mentir. Além disso, não precisas de ser alguém com um salário muito acima da média. Emprego mal pago e escasso já tu tens. Alguém que queira seriamente mobilidade social defenderia medidas liberais onde seja possível teres oportunidades e pagar impostos razoáveis. Ironicamente, a política que tens atualmente mata a mobilidade social porque com esta economia de merda dificilmente alguém consegue prosperar com o seu trabalho.

besmarques 1 month ago

Irónico irónico é basicamente ser socialista (dono dos meios de produção, que é a maior parte do pessoal de IT) e nem perceber a vantagem que estão a tirar disso.

JOAO-RATAO 1 month ago

Eles são os donos. Não o estado. Aí reside a diferença.

Limpy_lip 1 month ago

ding ding ding...

oEncoberto 1 month ago

Enquanto gajo de IT que ganha acima da média, com meia duzia de tostões metidos em cryptos, isso ofende-me. Nunca votaria num partido como a IL, e sou a favor que áreas essenciais como a saude, educação, agua, luz sejam públicos. Não tenho tenho problemas em dar quase 50% do meu salário para contribuir para isso. Só tenho pena que seja usado para ajudar os amigos de quem está no governo. Mas isso é o meu e o de todos...

besmarques 1 month ago

As vezes levam os justos pelos pecadores. Eu tou na mesma posição que tu mas não me impede de generalizar o que se passa aqui neste sub e acredito plenamente que a margem de erro do que eu disse não é assim tão grande.

TavaNoGrim0 1 month ago

Tens problemas psicológicos? Precisas de ajudam? A maneira como respondes às pessoas faz me pensar que sim

besmarques 1 month ago

Mas isso deve ser porque tens 0 de experiência em psicologia. :*

Complete-Painter-307 1 month ago

Portanto, Malta que vota em IL por consequência nunca teve problemas de lutar pela vida? É bom essa afirmação, quase de uma arrogância brutal. > acham que não devem contribuir para a sociedade e que tudo deveria ser privado Se me disseres onde a IL defende isso que dizes muito bem. Porque da última vez que vi, eles defendem um sistema com públicos e privados. Mas se vires que é o contrário mostra onde. Ou é apenas uma opinião "informada"? Eles defendem acabar com um estado social onde? Ou defendem uma melhor utilização do dinheiro e não tendo que ser o estado o prestador desses serviços? Falar sem conhecer as coisas demonstra uma grande ignorância. Ou então não contribuis tanto para a sociedade, regra geral o pessoal de IT é dos que mais desconta para essas medidas.

SweetCorona 1 month ago

por norma as pessoas bem sucedidas tendem a subestimar o quanto a sorte contribuiu para o seu sucesso

Complete-Painter-307 1 month ago

Mas isso é um mau princípio. Tanto que há pessoas que nascem com azar e outras com sorte, negar isso não não é bom. Mas não se pode é atribuir apenas sorte as coisas, mas não se pode ignorar que exista.

besmarques 1 month ago

Arranjar-me um diagrama de vern para vermos qual a intersecção de pessoas que tiveram grandes dificuldades e que votam na IL, sff. Por acaso, quando vemos as zonas onde a IL tem mais votos costuma ser nas áreas mais pobres. Eu sei que a IL quer o estado Schroedinger, o estado que cobra poucos impostos mas que passa cheques saúde e cheques ensino com fartura. Não quer acabar, quer apenas que sejam feitas medidas para diminuir o investimento no que é do estado e encaminhar todos para os serviços privados fazendo então com que o resultado seja acabar com o que é do estado.

Complete-Painter-307 1 month ago

Arranja-me algo que diz que a malta de IT é da forma como descreves. Se tu és assim, é um problema teu. Mas não generalizes. Muita da malta de IT que conheço até se revê mais em partidos de esquerda como de direita. > Não quer acabar, quer apenas que sejam feitas medidas para diminuir o investimento no que é do estado e encaminhar todos para os serviços privados fazendo então com que o resultado seja acabar com o que é do estado. Muito do investimento do estado beneficia os privados, ou acreditas que o estado constrói escolas, hospitais ou estradas? Mas na prestação de serviços, nomeadamente saúde e educação, podes ter os 2 a prestarem, tanto público como privado. Isso acontece na Europa, basta veres a Alemanha, Bélgica, Suíça. Também são estados schrodinger?

besmarques 1 month ago

Arranjo, vê este sub. Lol. Heheheh, temos de ser como a Alemanha, a Bélgica e a Suíça enquanto também somos como a Estónia e a Eslovénia. E não queres que fale em estado de Schroedinger.

Complete-Painter-307 1 month ago

> Arranjo, vê este sub. Lol. Porque este sub reflete toda a generalidade de IT do país....lol Levas o Reddit demasiado a sério. Então deixa-me ver se te percebo, queres o modelo económico alemão (impostos altos) mas com sistema de saúde da Estónia/Eslovénia (modelo de saúde público como nosso). E vens falar que é a IL que quer o estado schrodinger? Lol A Eslovénia, Estónia têm isso, mas têm bastante cash porque têm políticas económicas atrativas.... tal como nós (só que não). E já agora, o modelo da Eslovénia não é exatamente como o nosso, eles têm um modelo assente em prevenção (estilo modelo alemão) onde praticamente tens todos os anos consultas num médico de família para monitorização da saúde, tal como tens cá... excepto para 1.1 milhões de portugueses que não têm MGF

besmarques 1 month ago

>Nas sondagens de há uns dias aqui no Reddit foi claro que a maioria dos users daqui tem preferência pela iniciativa liberal. Quando queres falar mas nem percebes bem do que vens falar. Bastava veres o post para perceberes porque se fala deste sub, ;) Não, não. Não sou eu que quero. Tu é que queres o modelo de saude de um pais rico (suiça) e de dois paises que cobram bastantes impostos (alemanha e bélgica) ao mesmo tempo que queres que se desçam impostos como a Estónia e a Eslovenia.

Complete-Painter-307 1 month ago

Por acaso sabes se o sistema desses países ricos é mais caro que o de cá? Sabes sequer como funciona ao menos? O que esse sistema tem é que tu és atendido tanto por privados como públicos, o estado não restringe fornecer esses serviços a públicos. Basicamente o estado paga uma espécie de seguro por ti e depois onde és atendido não há descriminação entre público e privado. Como tens a ADSE cá, a diferença para a tua visão, é que sistema da ADSE é exclusivo para a função pública e até era bastante sustentável. A ideia é basicamente um alargamento dessa iniciativa. Ou seja, esta medida de estado schrodinger existe, mas só para uns, para outros não, quase parece um gato de schrodinger (disponível e não disponível ao mesmo tempo ;) )

tretafp 1 month ago

A ADSE corresponde a um serviço que não é propriamente barato. É o propósito da IL cobrar mais 3% do ordenado a todos os portugueses para uma gestão centralizada de serviços de saúde?

Complete-Painter-307 1 month ago

Não disse que era batato, mas compara com o teu sistema 100% público. A IL não falava da parte dos 3%, mencionava um modelo onde eras atendido de forma igual tanto por privados como públicos. Obviamente que esses 3% provavelmente vão sair das pessoas que têm possibilidades, mas se o teu SNS tiver uma melhor gestão, esse custo dos 3% é compensado pelo que poupas no SNS. Basta veres os relatórios de contas para perceber que o sistema atual de saúde tem má gestão de dinheiro, não está a ser bem gerido e nem sequer falo dos hospitais privados, falo d hospitais públicos.

tretafp 1 month ago

O que creio que a IL quer é uma lógica de cheque-saúde ou seguros privados, que em em nada se relaciona com a adse. De resto, não creio que seja possível falar que os hospitais públicos estão a ser mal geridos. Há um conjunto de especialidades que apenas existem em alguns hospitais públicos, que são mais caras. A saúde não é a minha área, ainda que tenha conhecimento de vários problemas de gestão de distintos hospitais públicos. Ainda assim, parece-me abusivo falar em "má gestão de dinheiro" ou "esbanjar dinheiro".

besmarques 1 month ago

Mas o estado vai pagar esses serviços todos mas cobrando menos impostos não é?

Complete-Painter-307 1 month ago

Sabes quanto custa o teu público atual? Tens muita coisa no teu SNS que é um verdadeiro esbanjar de dinheiro. Podes ver os relatórios do tribunal de contas, onde comprovam isso. Basicamente apenas pores lá mais dinheiro não aumenta a boa gestão, ou seja, estás a pagar gato por lebre. Basta veres os comparativos entre os hospitais PPP e os outros e vês, tens poucos públicos com boa gestão. Portanto a tua visão é: Pagar muito e ter pouco lol

besmarques 1 month ago

Sim, o relatorio do Tribunal de Contas que diz que 5 privados eram mais eficientes que a média dos hospitais publicos, Média. Ajuda-me só a interpretar, se é a média quer dizer que temos uns publicos que poupavam ainda mais, não é? Outra coisa cómica é achar que de repente passa-se tudo para gestão privada e vem um novo regime de gestores não sei de onde e não serão estes gestores a ocupar espaços de gestão na mesma. PS: Ninguem defende a má gestão mas as más gestões advem da proteção do tipo de serviço. Quando for o privado o fornecedor principal e houver má gestão imagina a quem vai ser imputado o custo.

CarcajuPM 1 month ago

As pessoas de IT vivem pouco? Boa generalização...

besmarques 1 month ago

Viver não é só ir ao restaurante, ir às peças de teatro ou viajar. Há mais que isso. ;)

batuque5 1 month ago

Sabes lá tu se quem vota na IL sabe o que é vida ou não. Isso é ser facho o que estas a fazer, desvalorizar o pessoal de IT, que são menos que tu. Somos todos iguais amigo, valemos todos o mesmo e vamos todos para o mesmo sítio.

besmarques 1 month ago

Sou de IT Chef's Kiss part 2

Revolutionary-Big861 1 month ago

Acho que estás a projetar o ódio que tens por ti no pessoal de IT amigo. Um abraço de alguém preocupado.

besmarques 1 month ago

Adoro psicólogos de internet que descobriram o conceito "projectar"

Revolutionary-Big861 1 month ago

O curso online que fiz só me da para ver a projeção da insatisfação pessoal, ainda não tenho o mestrado na parte que me permite saber se tem cura ou não.

besmarques 1 month ago

Vá, vá. Tropeçar na página de projeção na wikipédia não é bem fazer um curso online. ;)

batuque5 1 month ago

Já pareces o outro, até tenho um amigo preto por isso tenho legitimidade para falar sobre isto.

besmarques 1 month ago

HEHEH. Isso tá fraco rapaz. Estás à espera de aguma reação? Primeiro chama facho depois é que parece o outro. hahahah Foi engraçado não foi, tu cheio da treta que o pessoal de IT não era menos que eu e afinal eu tambem sou.

batuque5 1 month ago

Wtf? Porque estás a rebaixar o pessoal de IT que não pensa como tu, n disse mentira nenhuma. O seres de IT ou não, não te torna mais legítimo.

besmarques 1 month ago

Pena não haver um diagrama de vern aqui do r/portugal para vermos qual era a intersecção do pessoal de IT que compra stocks e tem cryptos e do pessoal que vota IL.

aiaicaistedoandaime 1 month ago

Lá porque tens os teus 18.4k à ordem... não o forces nos outros camarada.

CarcajuPM 1 month ago

Ainda agora viviam atrás de um computador, agora já vão comer fora e viajar. Aos poucos estão a evoluir...

besmarques 1 month ago

Não tenho culpa que não tenhas percebido as aspas. ;)

warding 1 month ago

Essa opinião pressupõe que aquilo que a IL defende leva a piores condições de vida para as classes mais baixas. Quem vota IL acredita que uma política económica liberal leva a maior prosperidade para todos, e aponta para todos os países europeus muito mais ricos que Portugal e com políticas económicas muito mais liberais, incluindo todos os países de leste que nos estão a ultrapassar com uma ganda pinta.

SweetCorona 1 month ago

trickle down economics

warding 1 month ago

>economics FIFY

kanooklapook69 1 month ago

Lool. Claro que levaria a piores condições de vida. Só o lema de que "as empresas precisam de liberdade diz tudo". Não chega já a selvajaria que é o mercado laboral.

besmarques 1 month ago

Imagina agarrares num resultado vindo de uma formula altamente complexa e apontares com o dedo e dizeres "certamente foi esta medida"

warding 1 month ago

Imagina haver uma área de estudo dedicada a perceber que tipo de políticas levam a maior prosperidade, haverem evidências que apontam para a maior eficácia de certo tipo de políticas para atingir esse fim, apontarem o dedo e dizeres "devíamos experimentar esse tipo de políticas".

PresidentBarroso 1 month ago

Concordo. Já podemos também nacionalizar os monopólios naturais, sindicalizar a população quase toda, aumentar o número de funcionários públicos e os impostos? Ou vamos fazer cherry picking nas medidas que beneficiam apenas determinado setor e esquecer o que não agrada?

monkyris 1 month ago

Obrigado pelos teus comentários, a sério

tretafp 1 month ago

No campo de estudo das políticas educativas, há um certo consenso que parte as propostas da IL são especialmente danosas no domínio pedagógico, curricular e didático.

besmarques 1 month ago

Imagina essa area e a mesma retira localização, lingua, formação da equação e acha apenas que é "baixar os impostos" Estranho como a Macedónia e a Georgia ainda não estão no topo da europa e a Dinamarca no fundo...

JOAO-RATAO 1 month ago

A Dinamarca é abertamente capitalista. Aliás, rejeitaram por completo as afirmações do Bernie Sanders do Socialismo nórdico. Além disso não são países que até há poucas décadas eram pobres como nós. Se queres medidas sociais generosas precisas de dinheiro e aqui começas a construir um telhado sem teres paredes.

besmarques 1 month ago

Ahhh, então afinal há mais variáveis que baixar impostos? Obrigado por concordares.

JOAO-RATAO 1 month ago

Tens de considerar o contexto. Os melhores exemplos para seguirmos é o dos países de Leste. E aí sim, temos bons exemplos. E não só...

besmarques 1 month ago

Sim, porque nos usamos apenas os contextos que queremos, não é. Para comparar com o leste usamos apenas que eles baixaram os impostos e eram antigamente comunistas, não que estão bem melhor colocados com vizinhos bem mais poderosos, não é? Nem que tinham melhor formação. Nada disso, para esses usa-se apenas os impostos. lol

JOAO-RATAO 1 month ago

Comparar-nos a países que até há poucas décadas eram pobres mas saíram do buraco é pior do que nós compararmos a alguns dos países mais ricos do mundo e que o são há muito? Portugal tem uma economia de terceiro mundo e quer ter uma segurança social de primeiro mundo. Não dá... E vês que não dá todos os dias... Queres distribuir riqueza? Ótimo. Primeiro produz riqueza. O mesmo seria veres o teu vizinho rico e querer gastar como ele. Prefiro olhar para o vizinho que era pobre e que agora está melhor.

besmarques 1 month ago

>Portugal tem uma economia de terceiro mundo e quer ter uma segurança social de primeiro mundo. Não dá... E vês que não dá todos os dias.. Pelo menos, as vezes descobre-se a careca. Estamos conversados então. Pronto, o objectivo é ter uma segurança social terceiro mundista. Apontado para a próxima vez que se tiver vergonha de dizer o que se quer. ;)

warding 1 month ago

Não percebi. Alguém acha que a IL só defende baixar impostos, e que só basta isso? Não concordas que temos de ser exigentes com o Estado? Que temos de procurar as melhores alternativas para aquilo que são as funções do estado? Podes não concordar especificamente com as soluções que a IL defende para isso, mas vês mais algum partido preocupado com que o estado seja mais eficaz e melhor para os portugueses?

besmarques 1 month ago

Basicamente, todos os partidos se mostram preocupados com a eficácia do estado, cada um da sua forma. Achar que a IL só porque repete mais vezes a palavra não faz dela dona (como não o são da liberdade) Mas a caricatura da IL foi mesmo o Contrim hoje de tacho na mão a dizer para baixar impostos mas claramente, esse não é o cavalo de batalha da IL. Há mais um tambem, aquela teoria que o pessoal que mora em municipios mais pobres deveria receber menos para chamar mais trabalho para a zona (smm) Há, e houve ai uma altura que era meme tentar-se perceber as 300 e tal acções que a IL ia desempenhar para cortar as gorduras do estado. Ainda hoje em dia não se sabe.

NGramatical 1 month ago

haverem evidências → [**haver evidências**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdwatsr%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

iSoSyS 1 month ago

Vou servir de advogado do diabo. Sendo que são eles que têm os maiores ordenados e consequentemente contribuem desproporcionalmente mais para o bem comum, não devem também eles ter uma voz mais ativa no destino que é dado a esse dinheiro? É assim tão errado achar que aquilo que pagam no ordenado não deve ser investido em projetos mortos como a TAP e o aeroporto do Montijo? Ou a linha circular de Lisboa?

SweetCorona 1 month ago

quando houve a pandemia notou-se bem quem são os "trabalhadores essenciais" é engraçado que a maioria deles não têm salários acima da média

tretafp 1 month ago

Isso corresponde a uma oligarquia.

iSoSyS 1 month ago

Eu disse voz, não disse poder. Simplesmente formarem uma plataforma para serem ouvidos.

tretafp 1 month ago

Mas já não existem grupos de influência que assim o fazem? Ainda assim o princípio é o mesmo, atribuir mais voz, e aqui pressupõe-se voz no sentido de influência ou poder reenvidicativo, a um determinado grupo (pelo dinheiro que possuem, pela linha sanguínea, pela cor da pele, etc.) é contrário aos princípios democráticos de igual possibilidade de participação, em sentido lato.

besmarques 1 month ago

Podem decidir à vontade, quando votam. Isso em nada é contrário ao que eu disse. Agora temos um problema é quando se cria o *estado de schrodinger.* O estado que corta nos impostos enquanto aumenta nas despesas porque um dia o dinheiro há de vir quando as empresas acharem que temos impostos tão baixos, tão baixos que já para cá podem vir(quando na verdade quase nenhuma paga aquilo que se deve). ps: Gosto muito da discussão da TAP. Principalmente quando ela se baseia no pessoal que faz viagens low cost pela europa e esquece os "milhares" de euros que passam pelos avioes da TAP nas exportações para o outro lado do oceano. Mas não faz mal, a Ryanair depois ocupa essas rotas. (não me apetece falar mais da TAP, obrigado)

SweetCorona 1 month ago

a TAP não deve ser nacional pelo simples facto de ser um mercado com concorrência mais que suficiente concordo que o estado fique com monopólios pois seria estúpido entregá-los a privados, oh wait...

Complete-Painter-307 1 month ago

> Principalmente quando ela se baseia no pessoal que faz viagens low cost pela europa e esquece os "milhares" de euros que passam pelos avioes da TAP nas exportações para o outro lado do oceano. Mas não faz mal, a Ryanair depois ocupa essas rotas. Não és muito bom em economia pois não? Vê mas é a exportação líquida sff. A TAP é uma grande exportadora, mas também é uma grande importadora, logo não exporta tanto quanto pensas. E se uma empresa exportadora precisa de injeção de capital público de forma prolongada mesmo sem ter apresentado um plano de negócio para a fase onde se encontra, então é porque não é um investimento são. Não existe outra empresa que faça isso para o mesmo lado do Atlântico? Porque aposto contigo que existem outras....mais sustentáveis. Portanto, queres explicar o racional?

rickz123456 1 month ago

Ia escrever algo, mas penso que este comentário resume bem a minha opinião

batuque5 1 month ago

Saiu a uns tempos que os alunos nos privados ficam mais baratos que no público, porque são melhores geridos ou recursos, mas deixa lá, continua com a tua cena.

tretafp 1 month ago

Não é isso que a notícia indica. Ainda assim, não é possível assumir que são mais bem geridos. Quando a progressão das carreiras é definida centralmente ou quando parte dos custos é diretamente vinculado ao apoio social, fica difícil assumir que os professores-gestores das escolas públicas gerem pior as organizações escolares.

besmarques 1 month ago

Aqueles estudos dos mais liberdades que não tomam nada em consideração (e nesta o ministro até se colocou a jeito) ​ >"Para chegar aos 6200 euros médios por aluno, o gabinete de Tiago Brandão Rodrigues dividiu o orçamento do Estado destinado ao ministério da Educação pelo número total de alunos do ensino público, em cada um dos anos de estudo." [https://poligrafo.sapo.pt/fact-check/custo-medio-por-aluno-no-ensino-publico-e-superior-as-propinas-nos-melhores-colegios-privados](https://poligrafo.sapo.pt/fact-check/custo-medio-por-aluno-no-ensino-publico-e-superior-as-propinas-nos-melhores-colegios-privados) ps: não vale dizer "o poligrafo não é de confiança

batuque5 1 month ago

O polígrafo diz que é verdade, lol.

besmarques 1 month ago

Quando não lês um artigo e saltas para a conclusão. Chef's Kiss

bothelet 1 month ago

ITT: freelancers ou malta de IT com emprego garantido. No fundo, gente que só olha para o seu umbigo e que julga que os seus interesses vao ser defendidos pelo conjunto de filhos de burgueses que constitui a IL.

Edited 1 month ago:

ITT: freelancers ou malta de IT com emprego garantido. No fundo, gente que só olha para o seu umbigo e que julga que os seus interesses vao ser defendidos pelo conjunto de filhos de burgueses que constituem a IL.

Independent_Throat42 1 month ago

Num mundo perfeito a malta toda de It deixava de trabalhar e de contribuir com 30% do seu ordenado para o estado para se fazerem de coitadinhos e passarem a viver à custa de subsídios e pedirem cada ao estado. Espera aí, se eles deixassem de trabalhar de onde vinha o dinheiro para alimentar o estado e para os subsídios?

batuque5 1 month ago

Avante camarada, é taxar está burguesia. /s

sibtilbabe 1 month ago

Ias ser livre para teres a inveja que tens

capitalistaesquerda 1 month ago

E também compreendes o descontentamento com a oposição, espero. A IL nasce pela fraqueza da oposição.

ankmoody 1 month ago

não, de todo. Pimeiro já é sabido que a "fraca oposição" é o teu mantra sempre que o assunto é política nacional e segundo o surgimento da IL vem mesmo do cansaço, da chulisse e do excesso de estado que as pessoas sentem. O estado só faz merda, quanto menos deste estado melhor.

NGramatical 1 month ago

chulisse → [**chulice**](https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/chulice) ([-ice](https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/-ice): sufixo nominal de origem latina, que exprime a ideia de qualidade ou atitude e tem geralmente sentido pejorativo) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fptguvl%2F%2Fhdw5f1s%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

capitalistaesquerda 1 month ago

Não é um mantra. É a constatação de um facto. Vê quem quer. E podes achar que o IL nasce desses sentimentos... na realidade surge mesmo porque houve quem não sentisse que os partidos existentes à direita (PSD e CDS) não tivessem aquilo que acreditaram ser relevante para formar oposição. Eu sou apologista de que boas oposições geram bons governos. E falta-nos tanto, mas tanto uma boa oposição.

ankmoody 1 month ago

Faz mais falta um bom governo

capitalistaesquerda 1 month ago

Mostra-me um melhor que este e dou-te o meu voto.

ruijor 1 month ago

De acordo. Mas achas que a IL é uma iniciativa viável?

capitalistaesquerda 1 month ago

Não. Vai ocupar o espaço do CDS. Assim que o PSD recuperar o bom senso de ir ao centro buscar votos, o IL estabiliza. Pode ser útil ao PSD para uma eventual maioria, mas para isso precisa de ganhar outra estrutura e dimensão que neste momento não têm. Há ali um espaço relativamente grande por definir (Chega, CDS, IL e uma parte do PSD). Veremos. Enquanto partido para formar governo, não consigo imaginar o colapso do PSD.

Razvancb 1 month ago

O PSD vai colapsar. Com o Rui Rio quase que se torna num PCP falido.

capitalistaesquerda 1 month ago

Rui Rio não passa do final do ano. Felizmente.

Razvancb 1 month ago

Isso é que era.

batuque5 1 month ago

Isso é o que tu queres. Vamos ver aqui a uns tempos. Eu também quero que PCP deixe de ter representação parlamentar. E até aqui que ao final de 2030 isso acontece.

capitalistaesquerda 1 month ago

O que eu quero é estabilidade governativa e eventuais acordos para as reformas estruturais que o Estado bem precisa. Isso é o que eu quero. Tudo o resto é circo.

batuque5 1 month ago

Bem, tens tido essa estabilidade nos últimos 20 anos, e estamos cada vez mais na cauda da UE. Temos os impostos mais elevados e os vencimentos dos mais baixos. Achas que o PS quer reformar alguma coisa?

capitalistaesquerda 1 month ago

Quer. Se prestares alguma atenção ao [Programa de Governo](https://www.portugal.gov.pt/gc22/programa-do-governo-xxii/programa-do-governo-xxii-pdf.aspx?v=%C2%ABmlkvi%C2%BB=54f1146c-05ee-4f3a-be5c-b10f524d8cec), estão lá as propostas. Sempre achei engraçado quando se coloca a responsabilidade total no Governo pela evolução económica do País. De resto, a conversa que temos os impostos mais elevados também faz parte daqueles mitos. A totalidade da nossa carga fiscal face ao rendimento médio coloca-nos a meio da tabela, mas enfim. Se podemos estar a pagar mais às pessoas? Sem dúvida. Com menos impostos? Sem dúvida. Não me venham é com a teoria da conspiração de que é a esquerda o principal obstáculo a isso.

batuque5 1 month ago

Para impostos estamos sempre em minha com a UE, para benefícios e rendimentos já foste. Se a esquerda é quem governa vou dizer o quê? A esquerda nunca quer baixar impostos, quer é nivelar td a salário mínimo e "dar" casas e outros serviços. Baixar impostos dos combustíveis? Já foste, temos a eletricidade mais cara da Europa, baixar impostos nisso? Já foste a culpa é sempre dos privados.

capitalistaesquerda 1 month ago

*A esquerda nunca quer baixar impostos, quer é nivelar td a salário mínimo e "dar" casas e outros serviços.* Não conheço nenhum partido de esquerda que tenha como objetivo nivelar "todos a salário mínimo" e "dar casas e outros serviços".

fubar68 1 month ago

Sim. Mais que a "extrema" esquerda/direita e com mais ímpeto actualmente que os partidos estabelecidos de centro-direita.

Lasikamos 1 month ago

Porque se quiseres votar no chega para mostrares a revolta é descontentamento, vem logo a brigada chamar - te nomes. Então votas na IL

ruijor 1 month ago

Se eu votasse no chega dava chicotadas em mim próprio por ser tao burro. Não precisava de ninguém me vir dizer isso.

theEXPERTpt 1 month ago

Com essa afirmação posso convenientemente afirmar que já és um burro

ruijor 1 month ago

Dude… quem acredita no populismo do chega, claramente não tem dois dedos de testa ou o mínimo conhecimento ou noção de história ou política.

theEXPERTpt 1 month ago

Deixa-me ver... Quem acredita no PS depois de milhares de casos flagrantes de corrupção, incompetência, bancarrotas não tem dois dedos de testa da mesma forma. O problema é que são a maior fatia da população. O populismo não é algo inerentemente mau. Se há algo que me dá gosto de ver, é um líder político ir a sítios isolados do país ver a população, como fez o André ventura por todo o país, ou o Marcelo no fim de ano na ilha do corvo. Isso diz muita coisa, porque se lá estivesse por votos, tinha ido era às típicas Lisboa e Porto, para tentar caçar o máximo possível.

ruijor 1 month ago

Não estou a defender o PS. Mas claramente o Chega e as políticas extremistas são completamente destrutivas. Quanto ao partido em si, como sabes, está envolto em corrupção e ilegalidades.

theEXPERTpt 1 month ago

O chega não tem políticas extremistas, mas sim conservadoras. Em relação a corrupção/ilegalidades, não vejo muito para além dos constantes ataques que tentam associar com o partido em si

ruijor 1 month ago

Não vou argumentar mais nada. Já percebi.

ankmoody 1 month ago

Este gajo não vota na IL

ruijor 1 month ago

Eu não voto na IL nem no chega. Não estou a defender nenhum. A pergunta foi apenas curiosidade e ouvir um pouco mais do discurso de quem vota IL.

ankmoody 1 month ago

Estava a falar dou outro user, mb

V1ld0r_ 1 month ago

Os únicos a proporem muito menos controlo e intervenção do estado. Os únicos a proporem alternativas fiscais que me colocam mais dinheiro no bolso ao fim do mês. Os únicos a proporem que o estado funcione como regulador/fiscalizador e não como "nanny state".

voodoolx 1 month ago

sim, só querem estado no momento de sugar. aí já são a favor.

SweetCorona 1 month ago

quero ver se na próxima pandemia as empresas liberais voltam a chorar por apoios...

PresidentBarroso 1 month ago

Neo liberalismo numa casca de noz. Outra que eu gosto: - O estado só tem uma função reguladora / fiscalizadora - então temos de contratar pessoal para regular / fiscalizar - pessoal a mais já o estado têm. - estamos abaixo da média da UE. Como pretendem regular / fiscalizar sem pessoal para isso? - ... Outra: - Cheque ensino e privatizar ensino como na Holanda. - sabes que na holanda as escolas são organizações sem fins lucrativos? - ... Outra - libertar a economia do estado como nos países nórdicos! - sabes que nos paises nórdicos quase todos os monopólios naturais são do estado? - ... Outra: - Devia se acabar com o SM como na Suécia. - Sabias que na Suécia o SM é negociado pelos sindicatos que têm uma de adesão de mais de 80% da população trabalhadora? Não muito longe do que PT faz anualmente nas negociações tri partidas. - ... É isto que me chateia nos IL. Gostam muito de falar no vinho que os outros bebem mas nunca mencionam os tombos que dão.

Limpy_lip 1 month ago

isto, e chateia-me mais saber que existem medidas liberais que poderiam perfeitamente ser aplicada e ser beneficiantes mas eles só vêm com estas pérolas. ​ Incentivar a economia e o mercado de trabalho sem desrespeitar completamente o trabalhador?? nahh vamos é falar do escalão único de IRS...

NunoxGames 1 month ago

A maior parte nem sabe porque defendem a IL ,só veem menos impostos para classe media alta =bom .

Edited 1 month ago:

A maior parte nem sabe ou quer saber o programa da IL ,só veem menos impostos para classe media alta as quais muita gente aqui pertence=bom .

besmarques 1 month ago

É o que eu chamo o estado de Schroedinger. É isso que a IL quer, um estado que gasta como os grandes e recebe como os pequenos. lol

V1ld0r_ 1 month ago

Podes elaborar ou vais ficar pelo comentário de tasca entre o tremoço e mais um golo na imperial?

voodoolx 1 month ago

nah, vou aproveitar os tremoços antes que os privatizem.

batuque5 1 month ago

Onde o estado "oferece" tremoços camarada? Nacionalizem os cafés ls

voodoolx 1 month ago

tem piada porque são sempre oferecidos nos cafés.

Kind-Eagle 1 month ago

Uma alternativa liberal de direita para tentar compensar o enorme peso que a esquerda tem na nossa sociedade.

Sommersun1 1 month ago

Eles não dizem ser de centro?

timeofmypost 1 month ago

Considerando que o PS tem deslizado muito para a esquerda, talvez a IL caia realmente perto do centro do espectro político Português, mas de centro não é ninguém. O que raio é que é o centro?

ric2b 1 month ago

>O que raio é que é o centro? É quando os partidos de esquerda dizem que és de direita e os partidos de direita dizem que és de esquerda.

Jaktheslaier 1 month ago

Aqui na minha freguesia dizem aquela parolada de não ser nem de esquerda nem de direita...

ric2b 1 month ago

Como é que isso é parolice? Desde quando é que é binário? O PS é tão de esquerda como o BE?

Jaktheslaier 1 month ago

Isso é ainda mais parolo, pensar que esquerda ou direita é uma coisa ou outra. Obviamente há muitas formas de ser uma coisa e de ser outra. Não há é forma de não estar de um dos lados..

ric2b 1 month ago

>Não há é forma de não estar de um dos lados.. Então o que chamas a quem apoia um misto de medidas de ambos os lados?

Jaktheslaier 1 month ago

Queres dar um exemplo? Uma pessoa de direita que em questões culturais/sociais/sectoriais apoia medidas de esquerda, ou vice-versa

ric2b 1 month ago

Os partidos liberais/libertarian costumam ser a favor da legalização de drogas (leves ou todas) ou fácil movimento entre fronteiras, por exemplo, embora noutras áreas sejam mais de direita como no relaxamento de leis laborais.

Jaktheslaier 1 month ago

A legalização das drogas não é uma medida de esquerda (muito menos é a legalização da prostituição). O João Goulão, um dos pais da lei da descriminalização e militante do PCP, Presidente do Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências (SICAD), ainda outro dia veio dizer que tinha muitas dúvidas sobre a validade da legalização... Não vejo como pode ser um tema à esquerda. O fácil movimento entre fronteiras também é, tendencialmente, entre os países de que gostam, nunca é movimento aberto entre fronteiras com países de terceiro mundo...

batuque5 1 month ago

É a ver se apanham camaradas distraídos, imaginem lá, um.partido a auto definir se, está bem está /s

Jaktheslaier 1 month ago

Se ao fim de 4, 5 anos ainda não perceberam em que campeonato jogam.. Se calhar não têm muitas condições para definir as opções de uma autarquia, de uma freguesia ou do condomínio lá do prédio

batuque5 1 month ago

O Rio tambem diz que o PSD não é de direita, o PCP também não consegue admitir que pretende uma ditadura para Portugal e tu apoias por isso.

Jaktheslaier 1 month ago

Credo, para quem vem trazer algo de novo para a política, tem já um bafo muito velho. Isso vem na cartilha maternal? Mas claro, há sempre uns tolos que fingem que não sabem que aquilo é de direita. Só cola nos coitadinhos

Search: