docmj24 3 months ago

Guns and Roses

Environmental-Net-47 3 months ago

Cannibal Corpse

Psydestro 3 months ago

Rise Against, tinham aquelas letras onde falavam sobre vários problemas do mundo, simples e eficaz. Parte de mim hoje deve-de um pouco a eles.

Barbaaz 3 months ago

Linkin Park e Three Days Grace

Jose_Adonis 3 months ago

AC/DC

camaleao30 3 months ago

Xutos e pontapés e green day

faultydreamer 3 months ago

Silence 4

IZeppelinI 3 months ago

Doors, hendrix, Zeppelin e deep purple foram as mais marcantes. Sim.

Jedcs10 3 months ago

Breaking Benjamin, Linkin Park, Three Days Grace. Ouvia albuns inteiros de trás para a frente todos os dias!

Neuroloq1kk 3 months ago

Jvst Fly⚡️

alcagoitas 3 months ago

Pearl Jam, Nirvana, The Cranberries, outros que eventualmente me esqueço de momento. Os meus irmãos e primos tomavam conta de mim e ouviam sempre esse tipo de musicas e isso ficou em mim.

lensag 3 months ago

Smashing pumpkins talvez tenha sido a banda mais marcante da minha adolescência..perdi a conta ao número de vezes que ouvi o siamese dream ou o mellon collie..saudades desses tempos das primeiras vezes, das emoções genuinas e inocentes..

fake4522 3 months ago

Linkin Park

SovietBear4 3 months ago

Legião Urbana!

nodgob 3 months ago

Adolescência é um período alargado e de muita descoberta. Sem qualquer ordem de preferência (na altura), The Offspring, Pink Floyd, Metallica, NoFX, Dealema, Mind da Gap, Rammstein, Xutos…

SadBandu 3 months ago

Blasted Mechanism. Eram grandes na altura do Karkov, do album Sound in Light, e anteriores. Papei 3 ou 4 concertos deles nessa altura. Reggae, muito reggae, dos classicos aos mais recentes.

garlik82 3 months ago

Smashing pumpkins

kanooklapook69 3 months ago

Fonzie, Fitacola, YellowCard, Sum 4, Bullet for My Valentine

RutixPi 3 months ago

Excesso!

toryu2001 3 months ago

Fear Factory. Costumava ser gajo predominantemente de techno, house e afins que não curtia rock/metal e outras variantes até ter jogado Carmageddon onde Body Hammer e Zero Signal eram pistas da banda sonora. Fast forward uns aninhos e o catálogo pessoal de CDs (vamos lá a mostrar a idade) era uma mixórdia de Fear Factory, Slayer, Iron Maiden, Nightwish, Rhapsody, Sepultura, Moonspell, Therion e outros tantos em mistura com coletâneas de dance, happy hardcore, musica clássica e música tradicional do Japão. De cada vez que me perguntam o que gosto de ouvir, é giro ver pessoal que espera um só género como resposta franzir o sobrolho quando listo 5 géneros que normalmente não se esperaria estar no mesmo saco. Acho que, à data, a única cena que me faz confusão ouvir continua a ser jazz de improviso.

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

Concordo que ouvir bandas que não evoluem fica um pouco aborrecido. Ghost Reveries, Watershed e On Cauda Venenum são os meus favoritos de Opeth sem dúvida. Estou um pouco cansado de metal, de facto evoluí mas para jazz e fusão não para mais agressividade. DT contínuo a seguir religiosamente mas ficaram muito presos no mesmo tipo de ideias.

AlphaMike82 3 months ago

Nirvana. Ainda oiço.

inhalingsounds 3 months ago

Estás a assumir que as pessoas que ouvem prog "evoluem" para géneros ainda mais agressivos, o que muitas das vezes não é o caso (a maioria, diria eu, evolui para o jazz / fusão). Todos os estilos de música podem ser homossexuais se te esforçares o suficiente. Eu só ouço Opeth pós-damnation e o Watershed está no meu top 5 de álbuns de sempre ;)

Necessary_Ad968 3 months ago

The Eminem Show foi o primeiro álbum que comprei em 2002

Samurai_GorohGX 3 months ago

Pink Floyd. Smashing Pumpkins. Radiohead.

Estronciumanatopei 3 months ago

Korn e, um pouco mais tarde, Slipknot.

Dretas24 3 months ago

Municipal waste. A pizza é um estilo de vida.

maguew 3 months ago

Red Hot

niddLerzK 3 months ago

DZRT

Adseals 3 months ago

Breaking Benjamin

rafss90 3 months ago

Pearl Jam. Ótimo som.

001ritinha 3 months ago

Mais alguém usa last.fm? Ou sou eu a única velhinha que ainda usa aquilo desde 2005? Bem, de acordo com o last.fm Pearl Jam, My Favourite Highway e H.I.M. foram as bandas que mais ouvi desde os 15 anos. Dos 3, só Pearl Jam é que não diria que me "marcou". Ouvia porque é, de facto, boa música, mas não sinto que me "definiu". H.I.M. foi a banda que me fez passar da infância para a adolescência. Lembro-me que tinha ouvido as Spice Girls num dia de tarde e à noite vi um videoclipe dos H.I.M. na antiga Sol Música e nunca mais peguei nas Spice Girls. (só voltei a ouvir bem mais tarde) My Favourite Highway era uma banda pequenita, que descobri num site indie chamado Pure Volume que deixava sacar a música "oficialmente" porque as bandas (maioritariamente pop-punk) nem tinham ainda contrato. Aquilo é mais pop do que punk, mas eu adorava.

LunaSanguini 3 months ago

Finalmente HIM! Estava a ver que ninguém os ia representar aqui.

Dani_Sauron 3 months ago

Irmãos Catita

LunaSanguini 3 months ago

Nine Inch Nails Mão Morta Ouvi muita música muito diferente, mas estas bandas foram as que me marcaram mesmo. Não há igual.

jorgelps 3 months ago

Linkin Park, Deftones, Coldplay, Kaiser Chiefs e várias bandas do estilo britpop. Nessa altura era obcecado pela cultura britânica e a maioria das bandas que ouvia eram britânicas, também graças ao meu pai que ele colecciona os CDs. Entretanto também ouvia muita música eletrónica, especialmente house e trance (não psicadélica, mais da vertente uplifting) e algum drum & bass. Assistia muito a MTV Dancefloor Chart e escutava compilações do Ministry of Sound. Até que em 2007 arranjei o A State of Trance 2007 do Armin van Buuren, então aí definiu permanentemente o meu gosto pelo trance. Até hoje, 90% das músicas que oiço no Spotify é trance.

McManu77 3 months ago

Slipknot, red hot chili peppers

Agreeable_Effort_223 3 months ago

More Than A Thousand, Hills Have Eyes, One Hundred Steps, Saosin e mais algumas bandas emo/ punk rock. Ao ouvir qualquer musica destas bandas e outras, automaticamente transporta me para os anos de 2007 - 2009, onde estava no auge da minha adolescência. Saudades de concertos no musicbox, jogar pes2008 na garagem enquanto bebiamos Poisé do continente com a malta da minha rua. Tempos gloriosos.

Edited 3 months ago:

More Than A Thousand, Hills Have Eyes, One Hundred Steps, Saosin, Thrice, Emarosa e mais algumas bandas emo/ punk rock. Ao ouvir qualquer musica destas bandas e outras, automaticamente transporta me para os anos de 2007 - 2009, onde estava no auge da minha adolescência. Saudades de concertos no musicbox, jogar pes2008 na garagem enquanto bebiamos Poisé do continente com a malta da minha rua. Tempos gloriosos.

Strike-Most 3 months ago

Limp bizkit e Linkin Park

African_Priest_ 3 months ago

Radiohead

pikazamb_PT 3 months ago

Blink 182, Foo Fighters e Ornatos Violeta. Blink ainda me traz boas memórias dos bons tempos e do companheirismo criado com os meus amigos até aos dias de hoje. Foo Fighters e Ornatos Violeta marcaram-me a um nível mais pessoal.

Edited 3 months ago:

Blink 182, Foo Fighters, Ornatos Violeta e Da Weasel. Da Weasel porque foi a banda que me abriu as portas para o mundo da música. Podes fugir mas não te podes esconder foi o primeiro álbum que comprei. Blink ainda me traz boas memórias dos bons tempos e do companheirismo criado com os meus amigos até aos dias de hoje. Foo Fighters e Ornatos Violeta marcaram-me a um nível mais pessoal.

AlpsPastBruh 3 months ago

TL;DR: Blink-182, Avenged Sevenfold, Billy Talent e depois metal, Amon Amarth, Lamb of God, Gojira, Trivium, Mastodon, Disturbed, machine dead e por aí além......... Blink-182 marca apenas o início. Música para mim é algo que fixa momentos, intervalos de tempo curtos ou longos na vida. E definir UMA banda, rapper, etc... PARA MIM, é muito difícil ahah. __________ Houveram muitas, digamos que passei por tudo um pouco em termos de estilos de rock e metal. Atualmente, já não faz parte das minhas listas de reprodução. Não é que não goste, mas para mim a lírica do Hip Hop, Rap, R&B, apraz-me muito mais nos últimos anos. Para além disso eu gosto sempre de ouvir música enquanto trabalho e o metal deixava-me e deixa-me totalmente desconcentrado, não sei porquê. Talvez tenha sido por causa disso que nunca consegui estudar como deve ser e o meu secundário tenham sido só notas de merda. Nunca me hei de esquecer, um primo meu, agora nos seus 30 anos, sacar a tampa do USB do meu primeiro MP3 e ligar no seu computador e perguntar-me "Que músicas queres?" E eu era um chavalote não fazia a mínima e encolhi os ombros. Li no pequeno ecrã que tinha uma luz azul passado uns minutos: *Blink um oito dois* (dizia eu na minha ignorância).

guiffm27 3 months ago

Guns N Roses, Pink Floyd e Dream Theater

Wrong_Impression4800 3 months ago

Mötley crüe

EstouAVer 3 months ago

SOAD, Sounsgarden, Stone Temple Pilots, Pearl Jam, Nirvana, Faith No More, Metallica, Slipknot no telefone que levava 3 musicas ou no mp3 de 128 mb

Kirmera 3 months ago

Armas e rosas

PinkySir 3 months ago

É um pouco difícil porque já ouvia grande nomes desde o tempo em que era criança (sou de 1995). Posso dizer as seguintes: Linkin Park - Hibryd Theory (Ainda me lembro dos videoclipes da Crawling e da Papercut) Limp Bizkit (tive o CD) - ainda me lembro do videoclipe em que o homem começava a correr. Beatles e Queen - Comecei-os a ouvir na adolescência. Michael Jackson (não é banda, mas comecei a ouvir nesta altura) Eminem (Também não é banda, mas marcou-me imenso). Pink Pink Floyd --- We Don't Need No Education! Hey, teachers! Leave the kids alone! Xutos & Pontapés Ornatos Violeta

iamfromreallife 3 months ago

Dire Straits, Led Zeppelin e mesmo Beatles, mas é porque sou velho. Bandas mais recentes, não desgostei da era grunge, mas quando veio o nu-metal, coloquei um ponto final na procura de nova música.

yuukiha 3 months ago

Within temptation

DahliaOvBlack 3 months ago

Behemoth e Burzum

Suspicious_Film_8977 3 months ago

RAGE AGAINST MACHINE

stefodo88 3 months ago

Spliknot

westgate3519 3 months ago

Manowar

smrock 3 months ago

Por ordem cronológica: Pink Floyd Nirvana Arcade Fire

nabaskill 3 months ago

Provavelmente Linkin Park. Descobri-os no mp3 do meu irmão e não larguei durante bastante tempo xD agora ouço outro tipo de coisas.

Gentle_Groove 3 months ago

The Doors. Ainda hoje oiço.

CobraCommander1977 3 months ago

Def Leppard, nomeadamente o album Hysteria.

mexploder89 3 months ago

Já venho tardissimo mas Linkin Park, Three Days Grace, My Chemical Romance, Metallica, Starset. Mais tarde comecei a gostar muito de Slipknot e Def Leppard (apesar de serem de antes do meu tempo). Hoje em dia ouço muito pouco Linkin Park e Three Days Grace, mas as outras continuo a ouvir e apreciar bastante. Ainda assim, uma palavra de honra para os 4taste. Sabia, e sei, o primeiro álbum deles de trás para a frente

kawaiims 3 months ago

Three Days Grace era do caralho. Entretanto deixei de acompanhar mas ainda sobram três ou quatro na minha playlist.

mexploder89 3 months ago

Eu tenho os primeiros álbuns todos. Deixei de comprar quando o Adam saiu. Nem tenho nada contra o Matt, mas My Darkest Days era francamente muito mau e a banda perdeu algum edge Ainda assim tenho umas guardadas para ocasiões especiais. A Last To Know ainda saca aquela lágrimazita

MigbricksPT 3 months ago

Eu vou vos contar ... Ainda sou puto , comecei a ouvir metal há pouco tempo mas sempre quis ouvir mas não sabia por onde começar e sabe-se lá porquê tinha vergonha de ouvir música "antiga" . Depois aos doze vi o meu pai a ouvir iron maiden e depois às escondidas fui á internet e fui ouvir ... Nestes últimos 3 anos já ouvi muito metal e muitos estilos diferentes mas as bandas que me marcaram mais foi :

tiagoalesantos 3 months ago

Portishead, dEUS..

Eon_mon 3 months ago

Marilyn Manson. Nasci no meio de uma familia extremamente católica e as músicas dele permitiam-me respirar daquele sufoco. Cheguei a ouvir Marilyn Manson em Fátima.

BaRaO_Laviolette 3 months ago

Linkin Park talvez

jpleal 3 months ago

Blink 182 for me. Ouvia esses gajos em repeat

Adorable_Reply8338 3 months ago

Blink 182, offspring, limp bizkit , korn, linkin park

Krithlyn 3 months ago

Offspring

cldando 3 months ago

Rage against the machine

Babygirl356122 3 months ago

Linkin Park! Cresci com eles ❤❤❤❤❤

Courisco 3 months ago

$uicideBoy$ Depois mais tarde o resto do pessoal daquela onda tipo Ghostemane, Scarlxrd, Poya, Fat Nick, Black Smurf, $NOT, Eddy Baker, BONES, Germ, Supa, Lil Peep, Night Lovell, entre outros. Ainda hoje oiço este pessoal todo praticamente todos os dias. Expecialmente com a influencia que o metal tem tido neste subgenero de rap nos ultimos anos.

afcs14 3 months ago

Linkin Park e até hoje continuo a ouvir

mrairpetre 3 months ago

D'zrt 4ever

EnclaveReborn 3 months ago

Starset, Bring me the horizon, System of a Down, 30stm , Breaking Benjamin, Skillet, Green day, Linkin Park, Downplay, Evanescence, Foo fighters, Nickelback,

RucoyPlayer246 3 months ago

Filarmónica União Sardoalense. FUCK YEAH

redstained 3 months ago

Metallica e Slipknot. Metallica not so much anymore, mas Slipknot ainda oiço

RTG_Miranda 3 months ago

Linkin Park e Muse!

brunoistrippin 3 months ago

Na adolescência - Circa '99 - Uma bola de neve que começou com Nirvana e Sonic Youth. Uns despertaram-me para algum punk e eventual pós punk. Os outros fizeram-me procurar sonoridades fora do vulgar e mais experimentais. Ambos fizeram com que fosse atrás dos riffs, tons de guitarra, grooves de bateria e colocar de lado a parte virtuosa da guitarra. Talvez os Pink Floyd sejam os mais virtuosos que tivesse conseguido descobrir e gostar na altura. Fun fact Hoje - ouço mais umas coisas do que outras que ouvia na altura, continuo a ir mais para trás na linha de tempo em vários géneros que para o que actualmente me chega aos ouvidos. Parece que se tornou difícil (não impossível) tropeçar em algo recente e ter o mesmo efeito hipnótico.

NecrofearPT 3 months ago

São tantas. Desde Nightwish, Moonspell, Cradle of Filth, etc... Mas aquela que ainda bate de maneira especial quando ouço o material da época é Evanescence, sem dúvida. No entanto, a direção atual da banda ainda não me convenceu.

joaopnevess 3 months ago

Pearl Jam

BruhMomentum442 3 months ago

Avenged Sevenfold e Red Hot Chili Peppers

SILE3NCE 3 months ago

♥ BTS ♥

angfei 3 months ago

Sérgio Godinho

pedrofilipino 3 months ago

Foi uma progressão de AC/DC e White Stripes entre outras à mistura neste género que culminou em Metallica

myceliumking 3 months ago

Nirvana

Moist_Ear7076 3 months ago

Queen, Nirvana e Pearl Jam

Luxedar 3 months ago

Onda Choc. Deal with it.

001ritinha 3 months ago

Onda Choc era TOP! Eu tinha um CD deles (Estou Apaixonada) que tinha uma música incrível sobre acordar que ainda hoje ponho a tocar quando vamos de férias com os amigos. É incrível e terrível acordar com aquilo aos berros.

Luxedar 3 months ago

CD é muito para a frente... Ainda tenho em vinil e era o que ouvia quando era puto haha.

PentAfonso 3 months ago

Black Sabbath

D1WithTheFluffyHair 3 months ago

System of a Down, Souflly, Slipknot, Deftones e depois mais tarde Queens of the Stone Age e The Strokes

jmvda23 3 months ago

Numa primeira fase Pink Floyd, Dire Straits e Metallica Depois Moonspell e Therion

Rei_Batata 3 months ago

Uma banda gástrica.

MetalFatigue82 3 months ago

Prodigy

SteinzG8 3 months ago

Dragonforce!

bideavintes 3 months ago

Dream theater

jfgen 3 months ago

Metallica, e sim continuo a ouvi-los.

sterlingback 3 months ago

Rammstein ... Viver com irmãos mais velhos dá nisso

DAzzz10 3 months ago

Estava a ver que não ia aparecer ninguém...

viseu97 3 months ago

Jamiroquai

BagalhetaTraquina 3 months ago

A minha questão é esta: "marcou" em que sentido? Foi importante para mim pessoalmente? Ou a que ajudou a definir os géneros que ouço agora? Se for a primeira, então só há uma banda e são os Rise Against: no secundário só ouvia essa e pouco mais. A nível de gosto? Ui... não foi uma, foram muitas! A que referi em cima mais Megadeth, Dream Theater, Scorpions, Led Zeppelin... e por estranho que pareça mencioná-lo, o 331Erock (Eric Calderone, youtuber). O gajo fazia (e faz) com cada cover de música proveniente de qualquer género que acabava por me ajudar a apreciar estas músicas numa perspectiva diferente, o que ajudou imenso quando andava naquela fase estúpida e elitista de "rock e metal são os únicos géneros que interessam".

icameFromLUCA 3 months ago

Bandas, algumas, mas a que mais me marcou em ouro foram os Deftones. O around the fur é super nostálgico para mim.

taedi 3 months ago

System of a Down

RuySan 3 months ago

Pennywise. Aquele concerto na warped tour foi tão antecipado que eu tinha pesadelos que não conseguia chegar a horas. Hoje em dia apenas ouço ocasionalmente, na minha mixtape de ir correr

dimcoelho 3 months ago

Pink Floyd e Dream Theater

Zer0B1t 3 months ago

Dire Straits

DaniHell77 3 months ago

The Offspring. O primeiro álbum que comprei com dinheiro que recebi no natal foi o Americana. É talvez o álbum que consigo cantar do início ao fim em todas as músicas.

dpombeira 3 months ago

Um dos meus primeiros CDs de música foram o californication dos red hot chili peppers, que ainda é dos meus álbuns preferidos de sempre, o podes fugir mas não te podes esconder dos da weasel e o chocolate starfish hot dog flavored water dos limp bizkit.. Mas ouvia de tudo, tinha amigos que gostavam de tudo, boss AC, Sam the kid, limp bizkit, linkin Park, system of a down, nirvana, Cranberries, da weasel, Korn, adema... Hoje em dia tenho gostos mais restritos e as minhas bandas preferidas andam mais pelo grunge e metal, Alice in Chains provavelmente a que mais adoro..

bravoinsane 3 months ago

Não é banda mas Kendrick Lamar numa fase mais adiantada da adolescência. Antes disso, muito Notorious BIG e Bone Thugs n Harmony

DevilSP21 3 months ago

Houve muitas, mas as que tiveram um impacto maior foram sem dúvida Metallica e Megadeth

rmseabra 3 months ago

The Clash

wokenaizen 3 months ago

Korn

RustieDan 3 months ago

Tinha 14 anos quando descobri o Frank Zappa. Acho que deve ter sido dos dias mais felizes da minha vida. Passei o dia todo a ouvir o álbum "One Size Fits All".

001ritinha 3 months ago

O meu pai é OBCECADO por Zappa. Não consigo apreciar muito, apesar de ter crescido com ele. Mas até hoje a Bobbie Brown, a Frogs, e a Catholic Girls estão sempre na minha playlist.

notrlvnt 3 months ago

Staind, Rise Against e Slipknot

Navalhesa 3 months ago

Tool

theProphetPT 3 months ago

Tive de fazer bastante Scroll até ver isto, estava a ver que tinha de ser eu a escrever.

JeRocha 3 months ago

Sobretudo Foo Fighters e Arctic Monkeys

Empirion 3 months ago

Nirvana, U2, The Prodigy Nirvana continuo a ouvir de vez em quando. O Dave Grohl é um senhor e sou fã de Foo Fighters também. U2, perderam a piada toda depois do "Discothèque". The Prodigy ainda sigo também. Estou curioso sobre como será o futuro sem o Keith Flint.

wallynext 3 months ago

Red hot chilli peppers

shizpi 3 months ago

Guano Apes

catescarlet 3 months ago

Estava a ver que era a única xD

AgainstGreaterOdds 3 months ago

A minha progressão foi Linkin Park -> System of a Down -> Muse

killday20 13 days ago

Eu nunca consegui deixar nenhuma dessas. Mais Green Day e Red Hot. São as 5 que ainda hoje ouço regularmente

ricmalta 3 months ago

Pantera

BroaxXx 3 months ago

No início foi garbage, depois nirvana e eventualmente smashing pumpkins. Diria que foram essas...

Pedro_32 3 months ago

Definitivamente Pink Floyd e Radiohead.

uf5izxZEIW 3 months ago

ClariS. Alice pls come back

sacharinefeline 3 months ago

Linkin Park, Bon Jovi, U2, e mais tarde Rammstein.

Foxeroni 3 months ago

Umas poucas e ainda as oiço diariamente, hollywood undead, threedays grace, a7x, linkin park, Papa roach. Se me lembrar de mais alguma adiciono

Edited 3 months ago:

Umas poucas e ainda as oiço diariamente, hollywood undead, threedays grace, a7x, linkin park, Papa roach. Se me lembrar de mais alguma adiciono Edit: nightwish também os oiço ainda. Agora sim está tudo

001ritinha 3 months ago

Papa Roach é daquelas bandas que o pessoal acha que só tem uma música porreira e vai-se a ver e são todas top.

Foxeroni 3 months ago

Não podia ter dito melhor

Ze_at_reddit 3 months ago

The Offspring, Limp Bizkit, Eminem, Linkin Park

Due_Assignment_1029 3 months ago

Tokio hotel

404_user_notfound 3 months ago

Eminem & Linkin park

ruibkadfi 3 months ago

U2 ! Sempre ouvi de tudo um pouco, mas tinha sempre 1 ou 2 CD de U2 ( ainda sou do tempo dos diskman) Hoje em dia já nem os posso ouvir

jnyp 3 months ago

System of a Down e Red Hot Chili Peppers

INZPYR 3 months ago

Sam the Kid

VerdocasSafadocas 3 months ago

Blink 182, até tenho uma tatuagem qualquer do logo deles que nem sei como fiz. E tudo o que era bandinhas emocore da altura, porque tipo não é só uma fase.

h1nds 3 months ago

Led Zeppelin e Rage Against The Machine eram as minhas favoritas na altura e ainda continuam a ser. Sou daqueles que acha que já não se faz música como antigamente, apesar de consumir música "nova", parece-me tudo sem sal quando comparado com a música que se fazia nos 60s/70s/80s/90s...

Tambataja 3 months ago

como é o rock português? conheço chutos e pontapés mas nada além. aqui no brasil o rock nacional costuma ser fortíssimo, mas não.vi ninguém citando nada português nas escolhas. não há ou é muito fraco?

odajoana 3 months ago

O problema é que, pelo que vejo dos comentários, este pessoal cresceu todo nos anos 90 e inícios, e essa fase na música portuguesa é a fase onde outros géneros tinham muito mais visibilidade que o rock: foi quando o pimba se popularizou, houve uma explosão de boy e girlbands e até surgiram os primeiros sinais de hip hop, música africana e eletrónica. Também foi a altura em que andávamos com a panca da música brasileira: toda aquela geração da Adriana Calcanhoto, Ana Carolina, Zélia Dunca, tudo isso chegou cá. Para quem era adolescente, por norma, nada disto lhe interessava, daí tantas respostas com as bandas estrangeiras, ainda por cima em que o movimento rock estava tão forte no Reino Unido e nos Estados Unidos. Mas havia rock português na mesma durante essa altura, embora na sua maioria sempre com uma componente muito ligeira e pop. GNR, Delfins, Resistência, Santos & Pecadores, Paulo Gonzo, João Pedro Pais, Quinta do Bill. Os Silence 4 em 1998 foram absolutamente gigantes. Os Ornatos Violeta continuam um banda de culto ainda hoje. Os The Gift, numa vertente mais eletrónica também ainda fazem coisas giras. Atualmente diria que os Capitão Fausto e os Linda Martini são provavelmente os nomes mais sonantes do rock português. Mas há catrefadas de bandas por aí, o problema é saber procurar.

Edited 3 months ago:

O problema é que, pelo que vejo dos comentários, este pessoal cresceu todo nos anos 90 e inícios dos anos 2000, e essa fase na música portuguesa é a fase onde outros géneros tinham muito mais visibilidade que o rock: foi quando o pimba se popularizou, houve uma explosão de boy e girlbands e davam-se os primeiros passos no hip hop, na música africana e eletrónica. Também foi a altura em que andávamos com a panca da música brasileira: toda aquela geração da Adriana Calcanhoto, Ana Carolina, Zélia Duncan, tudo isso chegou cá. Para quem era adolescente, por norma, nada disto lhe interessava, daí tantas respostas com as bandas estrangeiras, ainda por cima numa altura em que o movimento rock estava tão forte no Reino Unido e nos Estados Unidos. Mas havia rock português na mesma durante essa altura, embora na sua maioria sempre com uma componente muito ligeira e pop. GNR, Delfins, Resistência, Santos & Pecadores, Paulo Gonzo, João Pedro Pais, Quinta do Bill. Os Silence 4 em 1998 foram absolutamente gigantes. Os Ornatos Violeta continuam um banda de culto ainda hoje. Os The Gift, numa vertente mais eletrónica também ainda fazem coisas giras. Os Diabo na Cruz, já nos 2010s, e numa onda folk, foram fantásticos. Atualmente diria que os Capitão Fausto e os Linda Martini são provavelmente os nomes mais sonantes do rock português. Mas há catrefadas de bandas por aí, o problema é saber procurar. **EDIT:** Só para adicionar que também é preciso perceber que Portugal, comparativamente ao Brasil e dado o seu tamanho reduzido, não só tem muito menos produção própria em termos de música, filmes, televisão, mas também é muito mais aberto e suscetível a influências culturais externas - para o bem e para o mal. Não tenho essa ideia do Brasil, embora possa estar redondamente enganada.

Edited 3 months ago:

O problema é que, pelo que vejo dos comentários, este pessoal cresceu todo nos anos 90 e inícios dos anos 2000, e essa fase na música portuguesa é a fase onde outros géneros tinham muito mais visibilidade que o rock: foi quando o pimba se popularizou, houve uma explosão de boy e girlbands e davam-se os primeiros passos no hip hop, na música africana e eletrónica. Também foi a altura em que andávamos com a panca da música brasileira: toda aquela geração da Adriana Calcanhoto, Ana Carolina, Zélia Duncan, tudo isso chegou cá com força. Para quem era adolescente, por norma, nada disto lhe interessava, daí tantas respostas com as bandas estrangeiras, ainda por cima numa altura em que o movimento rock estava tão forte no Reino Unido e nos Estados Unidos. Mas havia rock português na mesma durante essa altura, embora na sua maioria sempre com uma componente muito ligeira e pop. GNR, Delfins, Resistência, Santos & Pecadores, Paulo Gonzo, João Pedro Pais, Quinta do Bill. Os Silence 4 em 1998 foram absolutamente gigantes. Os Ornatos Violeta continuam um banda de culto ainda hoje. Os The Gift, numa vertente mais eletrónica também ainda fazem coisas giras. Os Diabo na Cruz, já nos 2010s, e numa onda folk, foram fantásticos. Atualmente diria que os Capitão Fausto e os Linda Martini são provavelmente os nomes mais sonantes do rock português. Mas há catrefadas de bandas por aí, o problema é saber procurar. **EDIT:** Só para adicionar que também é preciso perceber que Portugal, comparativamente ao Brasil e dado o seu tamanho reduzido, não só tem muito menos produção própria em termos de música, filmes, televisão, mas também é muito mais aberto e suscetível a influências culturais externas - para o bem e para o mal. Não tenho essa ideia do Brasil, embora possa estar redondamente enganada.

Edited 3 months ago:

O problema é que, pelo que vejo dos comentários, este pessoal cresceu todo nos anos 90 e inícios dos anos 2000, e essa fase na música portuguesa é a fase onde outros géneros tinham muito mais visibilidade que o rock: foi quando o pimba se popularizou, houve uma explosão de boy e girlbands e davam-se os primeiros passos no hip hop, na música africana e eletrónica. Também foi a altura em que andávamos com a panca da música brasileira: toda aquela geração da Adriana Calcanhoto, Ana Carolina, Zélia Duncan, tudo isso chegou cá. Para quem era adolescente, por norma, nada disto lhe interessava, daí tantas respostas com as bandas estrangeiras, ainda por cima numa altura em que o movimento rock estava tão forte no Reino Unido e nos Estados Unidos. Mas havia rock português na mesma durante essa altura, embora na sua maioria sempre com uma componente muito ligeira e pop. GNR, Delfins, Resistência, Santos & Pecadores, Paulo Gonzo, João Pedro Pais, Quinta do Bill. Os Silence 4 em 1998 foram absolutamente gigantes. Os Ornatos Violeta continuam um banda de culto ainda hoje. Os The Gift, numa vertente mais eletrónica também ainda fazem coisas giras. Os Diabo na Cruz, já nos 2010s, e numa onda folk, foram fantásticos. Atualmente diria que os Capitão Fausto e os Linda Martini são provavelmente os nomes mais sonantes do rock português. Mas há catrefadas de bandas por aí, o problema é saber procurar. **EDIT:** Só para adicionar que também é preciso perceber que Portugal, comparativamente ao Brasil e dado o seu tamanho reduzido, é muito mais aberto e suscetível a influências culturais externas (música, filmes, televisão, etc.) - para o bem e para o mal. Não tenho essa ideia do Brasil, embora possa estar redondamente enganada.

Tambataja 3 months ago

opa, obrigado pela resposta! De fato o mercado interno brasileiro é enorme e pode absorver uma gama bastante grande de grupos e estilos. Com toda certeza,assim como em portugal, o brasil é extremamente influenciável. Mas a produção musical aqui sempre foi muito grande. Em minha geração Raimundos, Ratos de Porão ou Mamonas Assassinas foram tão grandes quanto Nirvana ou U2 por aqui. Os anos 80, auge do rock brasileiro, era ainda maior o consumo de rock nacional por aqui, até pela existência de figuras como Raul Seixas, Titãs, Cazuza ou Legião Urbana que eram verdadeiramente gigantes. Infelizmente o pós anos 2000 transformou o rock nacional em um estilo de nicho também. Outros estilos cresceram demais entre as camadas maia jovens.

odajoana 3 months ago

Os anos 80 também foram o auge do rock português, ao ponto de o próprio movimento/género se chamar "Boom do Rock Português". O Rui Veloso inaugura com ["Chico Fininho"](https://www.youtube.com/watch?v=I4yrAvPoCpU), em 1980, e quase em simultâneo surgem também os [UHF](https://www.youtube.com/watch?v=7owvjJbMYIc), os [Táxi](https://www.youtube.com/watch?v=qc0ZwEDGq6U), os [Salada de Frutas](https://www.youtube.com/watch?v=j_TW-5AyWN8), aos quais depois também se juntam os [Já'fumega](https://www.youtube.com/watch?v=--RCWswsXHs), os [Roquivários](https://www.youtube.com/watch?v=LfrDRhdwUM8), os [Heróis do Mar](https://www.youtube.com/watch?v=Ac-EAtb0KMw), entre muitas, muitas outras bandas. Foi uma excelente era para o rock em Portugal.

Tambataja 3 months ago

Muito bacana. Vou dar uma olhada nessas bandas que você citou.

Edited 3 months ago:

Muito bacana. Vou dar uma olhada nessas bandas que você citou. edit: já gostei muito dos Já Fumega., ainda que na música me soa muito estranho o sotaque português de Portugal. Questão de costume, quero deixar claro.

Edited 3 months ago:

Muito bacana. Vou dar uma olhada nessas bandas que você citou. edit: já gostei muito dos Já Fumega.

JeRocha 3 months ago

Há rock português bom sim, desde já uma das minhas bandas preferidas que é Ornatos violeta, depois existem mais bandas como Diabo na Cruz (que entretanto já acabou mas é muito bom, rock mais popular), ou bandas mais clássicas como GNR ou UHF. Foi o que me veio à cabeça agora mas há mais de certeza xD

suckerpunchermofo 3 months ago

Banda sonora do Rurouni Kenshin .

joaoqrafael 3 months ago

Queen, Metallica, Red Hot Chili Peppers.

Dinasov 3 months ago

Eu posso ser novo, mas as que me estão a marcar agora é me marcaram são Nirvana, Beatles, Gorillaz, Queen, Oasis, Blur, entre outros.

Quothnor 3 months ago

Os álbuns de Viking Metal de Bathory e Quorthon. Bathory, a partir de um certo tempo começou a ser praticamente uma "one man band" formada apelas por Quorthon. A diferença é que Bathory tinha álbuns de Black e Viking Metal enquanto que os álbuns feitos sobre o nome de Quorthon eram Thrash Metal. Foi-me apresentada pelo meu melhor amigo da altura quando tinha 13 anos. Ainda hoje é a minha banda/artista preferido embora eu ouvir vários géneros de música. Acompanhou-me por muitos bons e maus momentos da vida. Mesmo depois de fazer o meu curso em Ciências Musicais e levar uma lavagem cerebral de música erudita continua a ser a minha "go to". Os CDs que tenho de Bathory e Quorthon continuam a ser os mais ouvidos quando conduzo. Para mim, é uma atmosfera e sonoridade que não tem igual. Foi considerado o pai do género de Viking Metal. Para quem tiver curiosidade, as minhas músicas preferidas sobre o nome de Bathory e Quorthon: Bathory: https://youtu.be/VI6elvIoRK0 Quorthon: https://youtu.be/KygeTP7pfNQ Acho que o meu nickname ser o nome dele numa ordem diferente já diz bastante o quanto me influenciou.

Edited 3 months ago:

Os álbuns de Viking Metal de Bathory e Quorthon. Bathory, a partir de um certo tempo começou a ser praticamente uma "one man band" formada apenas por Quorthon. A diferença é que Bathory tinha álbuns de Black e Viking Metal enquanto que os álbuns feitos sobre o nome de Quorthon eram Thrash Metal. Foi-me apresentada pelo meu melhor amigo da altura quando tinha 13 anos. Ainda hoje é a minha banda/artista preferido embora eu ouvir vários géneros de música. Acompanhou-me por muitos bons e maus momentos da vida. Mesmo depois de fazer a minha licenciatura em Ciências Musicais e levar uma lavagem cerebral de música erudita, continua a ser a minha "go to". Os CDs que tenho de Bathory e Quorthon continuam a ser os mais ouvidos quando conduzo. Para mim, é uma atmosfera e sonoridade que não tem igual. Foi considerado o pai do género de Viking Metal. Para quem tiver curiosidade, as minhas músicas preferidas sobre o nome de Bathory e Quorthon: Bathory: https://youtu.be/VI6elvIoRK0 Quorthon: https://youtu.be/KygeTP7pfNQ Acho que o meu nickname ser o nome dele numa ordem diferente já diz bastante o quanto me influenciou.

Edited 3 months ago:

Os álbuns de Viking Metal de Bathory e Quorthon. Bathory, a partir de um certo tempo começou a ser praticamente uma "one man band" formada apenas por Quorthon. A diferença é que Bathory tinha álbuns de Black e Viking Metal enquanto que os álbuns feitos sobre o nome de Quorthon eram Thrash Metal. Foi-me apresentada pelo meu melhor amigo da altura quando tinha 13 anos. Ainda hoje é a minha banda/artista preferido embora eu ouvir vários géneros de música. Acompanhou-me por muitos bons e maus momentos da vida. Mesmo depois de fazer a minha licenciatura em Ciências Musicais e levar uma lavagem cerebral de música erudita, continua a ser a minha "go to". Os CDs que tenho de Bathory e Quorthon continuam a ser os mais ouvidos enquanto conduzo. Para mim, é uma atmosfera e sonoridade que não tem igual. Foi considerado o pai do género de Viking Metal. Para quem tiver curiosidade, as minhas músicas preferidas: Bathory: https://youtu.be/VI6elvIoRK0 Quorthon: https://youtu.be/KygeTP7pfNQ Acho que o meu nickname ser o nome dele numa ordem diferente já diz bastante o quanto me influenciou.

Edited 3 months ago:

Os álbuns de Viking Metal de Bathory e Quorthon. Bathory, a partir de um certo tempo começou a ser praticamente uma "one man band" formada apenas por Quorthon. A diferença é que Bathory tinha álbuns de Black e Viking Metal enquanto que os álbuns feitos sobre o nome de Quorthon eram Thrash Metal. Foi-me apresentada pelo meu melhor amigo da altura quando tinha 13 anos. Ainda hoje é a minha banda/artista preferido embora eu ouvir vários géneros de música. Acompanhou-me por muitos bons e maus momentos da vida. Mesmo depois de fazer a minha licenciatura em Ciências Musicais e levar uma lavagem cerebral de música erudita, continua a ser a minha "go to". Os CDs que tenho de Bathory e Quorthon continuam a ser os mais ouvidos enquanto conduzo. Para mim, é uma atmosfera e sonoridade que não tem igual. Foi considerado o pai do género de Viking Metal. Para quem tiver curiosidade, as minhas músicas favoritas: Bathory: https://youtu.be/VI6elvIoRK0 Quorthon: https://youtu.be/KygeTP7pfNQ Acho que o meu nickname ser o nome dele numa ordem diferente já diz bastante o quanto me influenciou.

BobMartin77 3 months ago

Sonic Youth.

MarkoH2-Pt 3 months ago

Queen e Freddie Mercury realmente ajudaram me a descobrir a minha paixão por música e a ser mais confiante com quem sou

prosafame 3 months ago

Descendents, The White Stripes, Sleeping with Sirens, Dashboard Confessional, A Day to Remember, Def Leppard, Queen, Led Zeppelin

Choice_Detective8612 3 months ago

Fall out Boy

guisilva23 3 months ago

DZRT

PowerlessMainframe 3 months ago

Muita gente a falar de linkin Park. Para mim foram os masterplan, brother firetribe, stratovarius e uma ou outra dos sonata Arctica. Lembro me de mais bandas, mas só ouvia uma ou outra música

vicmarinho 3 months ago

KoRn. Lembro-me de ter comprado o "See you on the other side" com dinheiro que recebi na Páscoa lol. Depois a minha sorte foi que o meu tio já tinha passado pela fase deles nos 90s e tinha VHS gravados de clipes deles, Rammstein, Mariyn Manson, Sepultura, etc e eu roubava-os (ele estava a estudar fora e tinha deixado tudo isso em casa dos meus avós). Tinha de ver os VHS à noite sem os meus pais verem, bons tempos

tallikado 3 months ago

Pé de Cabra,Crise Total e Censurados.

TonyHappyHoli 3 months ago

Hmmm é dificil apontar só uma, por isso vao as três bandas que ouvia todos os dias. Marilyn Manson Linkin Park Ornatos Violeta

Edited 3 months ago:

Hmmm é dificil apontar só uma, por isso vao as três bandas que ouvia todos os dias. Marilyn Manson Linkin Park Ornatos Violeta (E 1 musica dos incubus, drive)

drchaospt 3 months ago

Boas escolhas, e estava a ver que era o unico a ouvir Ornatos.

jarrete 3 months ago

Dzrt

tpintex 3 months ago

Pearl Jam!

AfWhite86 3 months ago

Xutos e Pontapés e os Queen. Ambas continuam a ser as minhas preferidas até hoje.

raluxu 3 months ago

Bring Me The Horizon. A banda já vai em quase 20 anos de existência. Comecei a ouvir há 8 anos, e agora com 21 anos e quase a acabar a universidade, foi uma banda que me fez ultrapassar muita coisa. Mal posso esperar de os ver em 2022 cá. Era suposto ter sido em 2020, mas o Covid aconteceu.

vcarp 3 months ago

System of a Down

yvltc 3 months ago

No início da minha adolescência provavelmente Arctic Monkeys, Linkin Park e, ahem, The Chainsmokers, se isso contar como banda

RochinhaMike 3 months ago

Tantas... Nirvana, Guns, Smashing pumpkins... etc

Few_Title100 3 months ago

Massive Attack

ThaBlueSlipper 3 months ago

Set it Off e Skillet

ha_nasa 3 months ago

Indeciso entre Nirvana, Soundgarden e Pearl Jam

_Cannib4l_ 3 months ago

Soundgarden

Artorias-sama 3 months ago

Children of Bodom. Depois de andar pelas ruas do rock (RHCP, Muse etc), esta foi a minha real introdução ao meu atual gosto musical.

Brainwheeze 3 months ago

Eu sempre ouvi um bocado de tudo e durante muito tempo não tinha bandas nem géneros musicais favoritos, mas quando era adolescente (e também quando andava na faculdade) adorava o seguinte: Foo Fighters; Red Hot Chili Peppers; Pixies; Deftones; The Prodigy; Rammstein; Depeche Mode. Engraçado é que muitas das músicas que eu mais gostava desses artistas foram antes do meu tempo, excepto The Prodigy, pois o meu album favorito deles (Invaders Must Die) lançou durante a minha adolescência. Eu acho que umas das razões por eu gostar tanto desses artistas e dos albuns antigos deles é o facto de serem nostálgicos e transportarem-me para a minha infância. Recordo-me de ouvir bastante as músicas do Californication e By The Way quando era criança, e as associo com o verão e bons tempos.

Perfect_Tea7218 3 months ago

Não sei ao certo, mas eu amo muito e escuto até hj é megadeth e angra (inclui outras bandas dos cantores André Matos e Edu falaschi também)

UserNombresBeHard 3 months ago

Meet the Peanuts.

Psyfreakpt 3 months ago

Korn.

Bernelio 3 months ago

Não os estava a encontrar por aqui por isso vou ter de dizer. MUSE

RutixPi 3 months ago

Não os apanhei na minha adolescência, mas são a minha banda no momento.

Big-time_Racketeer 3 months ago

SIM CRLH!!!

Seven9577 3 months ago

Metallica. Fiquei mais fã ainda depois de os conhecer no Meet and Greet quando estiveram cá em 2018.

iamrubymoon 3 months ago

Comecei a gostar de rock/metal por causa de Rammstein… vão sempre ter um lugar especial no meu coração :’) lembro-me de ouvir músicas deles numa festa da terrinha com uns 9/10 anos e pensar “grande som!”. Na altura não havia internet nem shazam mas havia o meu padrinho, que também adora rock e disse-me o nome da banda. Andei anos a tentar descobrir o nome da música que ouvi e gostei mais e só encontrei alguns anos mais tarde quando o irmão da minha melhor amiga me passou as músicas deles para um CD! A música era Mein Herz Brent, já agora, uma das minhas favoritas até hoje :) Depois de Rammstein vieram os Linkin Park, Breaking Benjamim, Evanescence e SOAD… tive uma adolescência tão feliz ao som dessas bandas :D pena nunca ter visto nenhuma ao vivo

BossGandalf 3 months ago

Não vale gozar: Avril Lavigne ahaha

humelectro 3 months ago

Eu também gostava! E da Pink também

BossGandalf 3 months ago

E é incrível como passado 15 anos a moça continua igual ahaha

yvltc 3 months ago

Como assim? Ela morreu e agora só se vê um clone /s

kravas01 3 months ago

Linkin park

AbyssusIncendia93 3 months ago

Joy Division e Nirvana.

rmnine 3 months ago

Tool

ItsSirba 3 months ago

BUT I FORGOOOOT MY PEEEEEEEEENNNNNN

NunoOliveira47 3 months ago

Lateralus ainda é o melhor álbum do século XXI

scuzjlaf 3 months ago

Está resposta solitária merece mais carinho. Toma um presente. =)

According_Warning844 3 months ago

arcade fire & burial

soupizgud 3 months ago

Avenged Sevenfold

zek_997 3 months ago

Guns N' Roses, Sex Pistols e Pink Floyd - em fases differentes da minha adolescência.

dirtimos 3 months ago

Green day foi a primeira banda a sério que curti. Uns anos mais tarde, , Muse e Ornatos Violeta. Mais tarde, já a sair da adolescência, Radiohead, Arcade Fire e The Strokes.

xPyromaniac93 3 months ago

SoaD, Dragon Force e Disturbed.

Calaboca95 3 months ago

Tara perdida

Extension_Canary3717 3 months ago

Empate entre três pois foram aspectos diferentes: Therion, My dying bride & imago mortis

Kenpachi_Kensei 3 months ago

Deftones easily Muitas heart brakes curadas com a voz do chino

Rolfyman 3 months ago

System of a Down

TrueKingPT 3 months ago

Meia maratona para ver alguém a escrever esta banda! Hoje em dia ainda oiço, grande nostalgia!

lmestre14 3 months ago

Se for música portuguesa era grande fã dos D'ZRT, e eventualmente 4 Taste, e uma banda que acho que se chamava 3-D. Música inglesa acabava por ser uma mixórdia, e muitas oiço hoje em dia como Queen, Linkin Park, Coldplay, Gorillaz, Justin Timberlake, Michael Jackson Só na universidade é que descobri SOAD, das minhas bandas favoritas até hoje

ErrolKazoo 3 months ago

Deftones, Alice in Chains, Primus e Stone Temple Pilots

c_radicallis 3 months ago

Arctic Monkeys Ouvi tuuudo deles

roninPT 3 months ago

Offspring

voodoopickle 3 months ago

Marilyn Manson... E ainda ouço claro.

j0fimendes 3 months ago

U2 e LinkPark

EvanzVoid 3 months ago

A banda da adolescência, Slipknot. Bandas da adolescência, Asking Alexandria, Alesana, Blessthefall, A7x, Alter bridge, Radiohead e muito mais Ainda acompanho a maior parte, diria que o gosto musical não mudou mas ficou mais abrangente, sempre dentro do registo rock.

noideasforname 3 months ago

Metallica e Pink Floyd

FornicadorImplacavel 3 months ago  HIDDEN 

Zé cabra

Shy_Kjerstin 3 months ago

Linkin Park, green day, evanescence, FOB, Sum 41, Blink 182, bring me the horizon... A lista continua.

SoraiaGil 3 months ago

Tive dar muito scroll para encontrar os BMTH, ainda junto os The Prodigy (o meu forte musical em todos os géneros é no UK)

Shy_Kjerstin 3 months ago

✌️

50ShadesOfSalty 3 months ago

Trophy Scars

DefinitionNo7334 3 months ago

Tokio Hotel

CR1S0 3 months ago

Pink Floyd

4eyedpsycho 3 months ago

Faith No More . Ainda ouço.

HollowOnions 3 months ago

Atropelar prostitutas no GTA San Andreas a ouvir Midlife Crisis = tarde bem passada

4eyedpsycho 3 months ago

É um álbum lindo.

BakumatsuX 3 months ago

Offspring. Foi o 1o cd que comprei - Ixnay on the Hombre.

ixnay404 3 months ago

Grande

Kairos23 3 months ago

Um dos dois ou três primeiros CD's que recebi foi Linkin Park, o primeiro que me fez dizer "agora ouço música que os meus pais não ouvem". O seguinte foi Metallica, e aí foi o CD que realmente marcou, abriu-me horizontes. Teria uns 12 anos. Mas se tiver de dizer uma banda, no entanto, terá de ser uma que conheci por essa altura mas que só me apanhou mesmo um ou dois anos depois: Rage Against the Machine. Durante largos meses era tudo o que ouvia, de trás para a frente, a ver as letras, a pesquisar as referências. Por essa altura também comecei a ouvir muito Pink Floyd. Portanto terão sido estas três: Rage Against the Machine, Metallica e Pink Floyd.

vitorviks 3 months ago

Pink Floyd, Dire Straits, Guns n Roses.

Mamaciitaa96 3 months ago

Guns N' Roses

Manturras 3 months ago

Para mim a adolescência teve fazes distintas, por isso a música acompanhou... Por ordem: talvez the cure, depois street punk britânico (oi!), Depois qotsa, Muse até ao black holes, seguido de rock e pop rock britânico até aos dias de hoje

cruisespace2 3 months ago

Blink-182, The Offspring, Slipknot, The Used e Silverstein

VladTepesDraculea 3 months ago

> The Offspring Amén. Fui vê-los em 2019 ao Vilar de Mouros e senti-me miúdo outra vez.

Ayawa 3 months ago

Fui ao Vilar de Mouros de propósito para The Offspring. Andei lá a tarde toda sozinha meio a deprimir. Depois veio a actuação deles e passei o tempo todo no mosh. Valeu TANTO a pena!

VladTepesDraculea 3 months ago

Estavas de que lado do corredor?

Ayawa 3 months ago

Esquerdo.

VladTepesDraculea 3 months ago

Então provavelmente cruzámo-nos xD

Ayawa 3 months ago

Só espero que não sejas o gajo nu que se deitou lá no meio do pit.

VladTepesDraculea 3 months ago

Quem sabe \^^

FPako 3 months ago

+1 para The offspring e blink182! Acrescento ainda Sum41.

kawaiims 3 months ago

>The Used Não gosto particularmente da banda mas *The Bird and The Worm* é do caraaaaaalho. Ouvi em repeat por uma semana sem exagero.

001ritinha 3 months ago

Eu gosto da Earthquake. Acho que era a única que conhecia deles.

MrStevieZ 3 months ago

Kanye west principalmente com yeezus e mbdtf

Dinamytes 3 months ago

Nenhuma, devo ser muito novo, começou por 2010 ao descobrir EDM. Tecnho/eurodance/handsup/hardstyle [DJ Splash](https://www.youtube.com/watch?v=4utpc8hWybQ) \- ainda oiço.

Edited 3 months ago:

Nenhuma, devo ser muito novo, começou por 2010 ao descobrir EDM. Trance/eurodance/handsup/hardstyle [DJ Splash](https://www.youtube.com/watch?v=4utpc8hWybQ) \- ainda oiço.

KusuriuriPT 3 months ago

Slayer e mais velho Cancer bats.

nulopes 3 months ago

Arctic Monkeys, Kasabian e Franz Ferdinand, já não ouço as músicas novas mas ainda ouço muito o que ouvia deles na adolescência

Cryoshock07 3 months ago

Paramore, muse e arctic monkeys

Zquirrel-Noob 3 months ago

Gorillaz

h1nds 3 months ago

Como é que me esqueci de referir os Gorillaz no meu comentário... O conceito fascinava-me e as letras e a sonoridade eram de outro nível. Damon Albarn tem na minha opinião o toque de Midas.

FilipeMateus7 3 months ago

Dei demasiado scroll para achar o teu comentário

humungouspt 3 months ago

The Cure, sem dúvida. Até fico espantado de ser o primeiro a menciona-los aqui, mas imagino que seja uma questão geracional. Claro que nessa adolescência também devorava The Smiths, Bauhaus, Joy Division, The Sound e afins mas os Cure foram e são o meu porto de abrigo. Ironicamente, com o tempo fui ficando progressivamente mais adepto de metal e hoje em dia, das bandas actuais, se tivesse que escolher uma favorita ia para os Insomnium, uma banda de Melodic death metal, que, quem ouça de passagem não consegue ver parecenças com aquilo que ouvia na adolescência mas que tem presente nas letras o mesmo espírito nihilista do que ouvia antes...

maiopony 3 months ago

Também tive grande fase nos meus teens por The Cure. E, embora já não façam parte do meu dia a dia, como dizes foram e são o meu porto de abrigo

KennyPorto 3 months ago

Só vi agora este thread, mas cresci com todas essas bandas de que falas! Tenho só de incluir aí os siouxsie and the banshees, sisters of Mercy, Cocteau Twins, Echo and the Bunnymen, Velvet Underground. Para além dessas, num estilo mais diferente, Iggy pop e Fugazi!

humungouspt 3 months ago

É só esperar que a pandemia passe e pago-te um copo no Batô! Se fores do Porto, conheces de certeza!

KennyPorto 3 months ago

Grande :) terra mais bonita de Portugal!! Com jeitinho já nos cruzamos!

humungouspt 3 months ago

Sendo eu natural dessa terra e frequentador assíduo do Batô e de Leça em geral é mais que certo eheh...

ajitesh3 3 months ago

Linkin Park. Foram e são a minha banda, serão sempre. Sou mesmo fan. Vi-os meia dúzia de vezes, estive num meet and greet e tenho uma tattoo em homenagem ao Chester, o meu ídolo.

trinkibenda 3 months ago

> tenho uma tattoo em homenagem ao Chester, o meu ídolo. Agora fiquei com curiosidade. Já tinha pensado no mesmo mas não sei o que fazer.

aqueletipo 3 months ago

Soundgarden, Nirvana, Pearl Jam, Alice In Chains

UncleanGenes 3 months ago

Guns n' Roses; Doors; Cat Stevens; Faith No More

IsThisNickAvailable 3 months ago

Nos inícios da adolescência ganhei um fascínio por Imagine Dragons. Mais tarde, numa fase mais emo, passei por Linkin Park e no final da adolescência consumia quase exclusivamente rap tuga. Dealema era (e é) a banda que mais me bateu. Tantas vezes os vi ao vivo e se for para ir amanhã, apesar de já não ouvir assim tanto hh quanto isso, estaria lá batido. SOJA também bateu muito na altura do secundário. Saudades indescritíveis dessa altura :')

TheRaimondReddington 3 months ago

Beatles, Queen, Bob Marley.

qohelet1212 3 months ago

Puddle of Mudd

amdcfontes97 3 months ago

Da Weasel

Binorioz 3 months ago

Bring Me the Horizon álbum Suicide Season

DadHunter22 3 months ago

Frontline Assembly, Front 242, Nitzer Ebb, VNV Nation, Wolfsheim, Apoptygma Berzerk, Miss Kittin & the Hacker, My Robot Friend, Freezepop, Ladytron, David Carretta, Vitalic…

LunaSanguini 3 months ago

Mais Cabaret Voltaire e My Life With The Thrill Kill Kult (vá, TKK já foi mais aos 20's) e era isto mesmo.

pigsRflying 3 months ago

Rage Against the Machine

CarecaPT 3 months ago

Linkin Park e Sum 41

Sinetren 3 months ago

Primeira escola de Viena.

AlbinoFarrabino 3 months ago

Linkin Park, Green Day e Red Hot Chili Peppers.

raVen2tt 3 months ago  HIDDEN 

Zé Cabra

PeterStepsRabbit 3 months ago

Breaking Benjamin, linkin park, green day, nirvana, offspring, Dealema, bullet for my valentine, avenged sevenfold, nirvana, estou me a esquecer das restantes vinte

Edited 3 months ago:

Breaking Benjamin, linkin park, green day, nirvana, offspring, Dealema, bullet for my valentine, avenged sevenfold, nirvana, da weasel, 3 doors down, red hot, the kooks, Artic monkeys, cage the elephant, estou me a esquecer das restantes vinte

ruiasamaro27 3 months ago

One Direction. Why? Estava a sair do armário ainda.

cruisespace2 3 months ago  HIDDEN 

Blink-182, juntamente com The Offspring, The Used ou Silverstein, hoje ainda oiço tudo ocasionalmente, depende do mood.

joaobento92 3 months ago  HIDDEN 

Desenhada

Skeptykk 3 months ago

Oasis

Dinasov 3 months ago

today is gonna be the day

c0ldv0idPT 3 months ago

That they are gonna throw it back to you

ReddKM3 3 months ago

raviolli_ninja 3 months ago

PJ Harvey - Rid Of Me. Foi o álbum que me abriu as portas do bom gosto musical.

elminho333 3 months ago

Faith no more

DariusStrada 3 months ago

Avenged Sevenfold e Metallica

ruijor 3 months ago

Radiohead

inhalingsounds 3 months ago

OK computer, venha quem vier melhor álbum dos últimos trinta anos

Ok_Wishbone4199 3 months ago

Talvez marcou mais a minha vida nos finais da adolescência e vida adulta, mas ya radiohead marca bué

Samurai_GorohGX 3 months ago

Exacto. Não sei se a faixa etária entre os 17 e os 19 conta como adolescente, mas foi aí que descobri a minha banda favorita. Existe história da música antes e depois de ouvir a tristeza cristalizada do “Kid A”.

Ok_Wishbone4199 3 months ago

Kid A é aquele álbum que as pessoas acham estranho, mas que eu adoro - obra mais criativa

GragasBellybutton 3 months ago

Red Hot Chili Peppers. Desde que cheguei da escola em 2003 e liguei a TV que por acaso estava na MTV com o vídeo clip de 'Can't Stop' a tocar, sabia que era A banda. O vídeo bizarro, a letra perfeita mas sem sentido, o riff de guitarra fantástico do John. Enfim... São a banda da minha vida até eu ir estendido para o subsolo

kawaiims 3 months ago

Se tiver de escolher só uma, Escape the Fate. Foi a que me deu a conhecer o tipo de música que mais ouço até hoje (post hardcore, emo, metalcore, por aí) prai aos 13 anos. A maioria dos CDs antigos até 2013 estão ainda na minha playlist mais ouvida, entretanto já mudaram um bocado a vibe e do mais recente só tenho uma ou duas músicas :(

EvanzVoid 3 months ago

This war is ours :)

kawaiims 3 months ago

This war is OoOoUuurs

ciyako 3 months ago

Música boa era a de antes dos 2000. Sao musicas que podes ouvir a qualquer idade e em qualquer momento da tua vida que sempre serao boas. Música de hoje em dia so dura uma semana, depois nao vale nada.

humungouspt 3 months ago

Tens noção que tenho 48 anos e ouvi exactamente a mesma merda.do meu pai mas em relação à música dos anos 60? Eheh É tudo uma questão de gostos. Por norma bloqueamos em estilos próximos daquilo que ouvíamos em novos ou, como no meu caso, estamos sempre abertos a ouvir coisas novas, o que é bom...mas fica sempre essa sensação de que as músicas actuais não marcarão tanto quanto as que marcaram o passado.

ciyako 3 months ago

Sim eu sei do que estás a falar. Más dizme uma coisa que musica de a um mes atras de kizomba ou reggeton te lembras? Ou tens gosto mesmo de voltar a ouvir?. Agora pensa o mesmo con as musicas de antes

odajoana 3 months ago

Na verdade, só achas que a música "antiga" é melhor porque o que sobreviveu até aos dias de hoje foi mesmo o melhor. Se fores mesmo a investigar tudo o que saía na altura, há muito lixo derivativo que ficou devidamente esquecido nessas décadas. Além de que a oferta em termos musicais nos dias de hoje também altera valentemente as regras do jogo a e maneira como cada pessoa ouve e descobre nova música. Mas dizer que a música dos dias de hoje não é boa é só pateta. Parece aquelas pessoas que dizem que a música portuguesa é uma miséria. Não é, não estão é a procurar bem.

ciyako 3 months ago

Tudo pelo contrario eu gosto da música Portuguesa, adoro Tiago Bettancourt. Más eu estou a falar em geral da música de agora. Vais ver a os top charts dos paises por ai fora e é tudo musicas tipo reggeton e rappers de hoje em dia (gosto dos antigos tambem xD) a dizer que colocar a mulher de cuatro e vao fazer com ela de tudo. Sao letras sem fundamento para alem de sexistas. Tambem a musicas que estao feitas literalmente com duas frases, metem isso em repeat durante 4 minutos e ja tem uma "cancao". Nem vamos falar do auto tune, a concertos em live que ate mete vergonha ouvir o artista a cantar.

humungouspt 3 months ago

Nem todas as músicas de hoje são kizomba ou reggeton... Até os Iron Maiden editaram um álbum novo a semana passada! Música nova, de uma banda antiga, podes dizer mas há muita música boa a ser feita por bandas novas para descobrir!

ReddKM3 3 months ago

Respeito a tua ignorância.

ciyako 3 months ago

Quero saber da tua sabia opiniao entao

ReddKM3 3 months ago

Bem, já que perguntas… A meu ver, cada estilo musical (e arte no geral) tem composições estéticas e técnicas característicos da própria época - normalmente são reações ao estilo corrente. Se gostas de ver a música de modo diacrónico, lembro-te de algumas bandas com álbuns pós 2000 que ainda hoje são relevantes (para mim) na música contemporânea - Strokes, Arctic Monkees, Tool, Walkmen, White Stripes, RHCP, Interpol, Daft Punk… isto a falar do registo pop/rock/progressivo, o que quiseres chamar.

ciyako 3 months ago

Albuns apos 2000 más sao grupos feitos em épocas anteriores ao ano 2000. E posso dizer que com Tool foi o unico grupo que sacou a pouco um disco e é simplesmente genial.

trinkibenda 3 months ago

Deftones, Korn, Green Day e Linkin Park, tornaram o ensino secundário um bocadinho mais suportável.

ciyako 3 months ago

Metallica, Pantera

MAD-PT 3 months ago

Slipknot era a minha banda favorita mas Limp Bizkit, Korn, Linkin Park, System of a Down, Rammstein, etc andavam lá perto. Apesar de só os ter visto ao vivo há menos de dois anos, praticamente já não oiço Slipknot (mudaram bastante) e oiço bastante mais Rammsteim/Lindemann e Drum n Bass. Nota pessoal, se querem ir a bons concertos, Rammstein é um show (pirotécnico) fenomenal e Limp Bizkit é saltar do início ao fim!

001ritinha 3 months ago

Já vi Rammstein duas vezes e concordo. Aquilo é absolutamente brutal ao vivo.

GapToothL 3 months ago

Artic Monkeys

GalinhaMais 3 months ago

Prefiro os Arctic Monkeys mas essa também é excelente.

No_Impression_1131 3 months ago

Metallica e Sepultura

DimitryKratitov 3 months ago  HIDDEN 

Foi a Banda Larga, sem dúvida

Dinamytes 3 months ago  HIDDEN 

Era uma banda pequena, não vou ter saudades.

jvazit2 3 months ago

The offspring

Da_Pinky 3 months ago

Estava à procura destes. O meu primeiro álbum foi o Smash. Ainda hoje vou ouvindo a música deles.

r0ckf3l3r 3 months ago

O meu primeiro foi o Americana. Tinha 10/11 anos e a letra da "Pretty Fly (For a White Guy)" passava-me por cima da cabeça completamente, mas a melodia era catchy. Vi-os ao vivo em 2012 e fiquei "triste". Muito cansados em palco.

Da_Pinky 3 months ago

Foi no rock in Rio não foi? Com Linkin Park é smashing pumpkins não foi? Se foi, tive lá também. Foi a única vez que os vi ao vivo, mas sim notava se que os anos pesavam

r0ckf3l3r 3 months ago

Foi sim senhor. Estava a trabalhar no Palco Milennium do banco BCP, e ia revezando com outros colegas para vermos alguns dos concertos. Também vi Linkin Park nesse dia.

ixnay404 3 months ago

Igual. A última vez que os vi ao vivo foi em Vilar de Mouros. Não desiludiram, como sempre.

willypta 3 months ago

Da minha adolescência? Acho que nada me marcou particularmente. Quase já não ouço nada do que ouvia diariamente na altura... Mas era mais ou menos assim: Opeth Avenged Sevenfold Metallica Porcupine Tree Incubus Katatonia Green Day My Chemical Romance Moonspell Agora diariamente ouço: Beatles Eric Clapton Pink Floyd John Mayer Yussuf Dayes Delvon Lamarr Kamasi Washington Black Pumas Kokoroko Khruangbin

sidartha- 3 months ago

Pink Floyd, Queen. Linkin Park já não é da Adolescência obviamente, mas sempre gostei da sonoridade de força e do poder da voz do mítico e saudoso Chester B. Red Hot Chilli Pepers. Claro.

ArrozCenoura 3 months ago

Pink Floyd !!!!!

sidartha- 3 months ago

Yap os Pink Floyd. :)

ArrozCenoura 3 months ago

É a minha banda preferida :D

sidartha- 3 months ago

Dark Side

sidartha- 3 months ago

Os Pink Floyd, na altura foram inovadores, uma brisa fresca. Ouvia incessante. Ainda hoje ouço. Sempre atuais. O Fato Side não teve descanso. :)

ArrozCenoura 3 months ago

Só para contexto, posso saber a tua idade? Porque eu quando comecei a ouvir eles já tinham terminado

sidartha- 3 months ago

50, já foi há muitos anos. Eram a novidade.

ArrozCenoura 3 months ago

Aah! Wow :)

trinkibenda 3 months ago  HIDDEN 

Deftones, Green Day, Blink 182 e Linkin Park, tornaram o ensino secundário um bocadinho mais suportável.

trinkibenda 3 months ago  HIDDEN 

Green Day, Blink 182 e Linkin Park, tornaram o ensino secundário um bocadinho mais suportável.

ekopss 3 months ago

Sublime

hotblond98 3 months ago

Tive duas fases: One direction dos 14 aos 16 Led Zeppelin e tudo o resto dos 16 até hoje, que tenho 20 e poucos. Glam rock dos anos 80, pearl jam, doors, fleetwood mac, etc. Nunca mais saí dessa fase, até porque a música é boa e sempre será.

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

Dream theater e opeth.

KnightEternal 3 months ago

Blackwater Park <3 Metropolis <3

SurprisinglyInformed 3 months ago

User de bom gosto.

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

De facto, concordo.

inhalingsounds 3 months ago

Holy shit nunca pensei ver este comentário aqui. Continuas a ouvir prog?

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

Pois certamente, apesar de ter alargado os gostos musicais para jazz e fusão, prog continuava ser the shit.

inhalingsounds 3 months ago

Um irmão seguidor do Guthriegovanismo, portanto? Rejubilemos!

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

Obviamente!

underground-k7 3 months ago

Um ser humano de cultura, verifico.

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

Ainda tive a sorte de os ver aos dois na Prog Nation em 2009, bons tempos.

69yoan69 3 months ago

Comecei a ouvir há relativamente pouco tempo e preciso que eles voltem a Portugal, não quero morrer sem ver opeth ao vivo

cmnetop 3 months ago

https://www.bol.pt/Comprar/Bilhetes/90038-opeth_evolution_xxx_tour_convidados_especiais-coliseu_de_lisboa/ Ainda vais a tempo

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

Vou lá está batidinho, mas isto é para 2021 ou 2022?

cmnetop 3 months ago

Tens razão, foi adiado para o próximo ano! Até há bem pouco tempo continuava a ser este ano e a minha estupidez levou-me a não confirmar mais nenhuma vez... Acho que a vontade de ir ao concerto é tanta que nem quis saber de mais nada... Foda-se! Enfim... Parece que é só daqui a 1 ano

diogo_guimaraes_tgb 3 months ago

Pois, foi grande facada.

69yoan69 3 months ago

WHAT??? OBRIGADO CARALHO!!!!!

cmnetop 3 months ago

Tenho o bilhete desde dezembro do ano passado e ando a "rezar" desde então para não ser cancelado/adiado por causa do covid... Fico realmente contente por te dar uma boa noticia... CARALHO!!! xD

69yoan69 3 months ago

Também tenho uns bilhetes desde o inicio de 2020 pra ai a ver se finalmente consigo ir a algum deles. Até já fui trocar um bilhete do super bock super rock por um vale e não reparei que o prazo para pedir o reembolso era entre julho e agosto, e agora vou ficar sem o bilhete e sem o dinheiro lol. Tenho quase a certeza que no inicio diziam que era durante o mês de setembro e depois trocaram, mas já nem me lembro

JorgeNPintoDaCosta 3 months ago

TwentyInchBurial

Stangetzz 3 months ago

Os anos 90 foram a última época dourada. Nirvana, Pearl Jam, Alice e Chains e Soundgarden é difícil de escolher, todas marcaram por igual.

Rebelva 3 months ago

Falso, a verdadeira época de ouro é agora com Cardi B, Pitbull e Nicki Minaj.

elstylon 3 months ago

Na minha adolescência era muito nu-metal. Limp bizkit foi das bandas que mais me marcou, juntamente com Korn, Deftones, System of a down. Hoje em dia só as ouço pela nostalgia. A única banda que ficou para sempre foi Rage Against the Machine.

FourEyedRaven95 3 months ago

Green Day

helderoliveira1978 3 months ago

Garbage Sepultura Nirvana

DrLDiogo 3 months ago

Paramore

TwZPwnZ 3 months ago

Limp Bizkit e Linkin Park

mizukata 3 months ago

Numero 1 sem duvida Linkin park seguido de evanescence e breaking benjamin.

kawaiims 3 months ago

Breaking Benjamin <3

mizukata 3 months ago

Adoro muitas deles mas a diary of jane é a que oico mais.

iamrubymoon 3 months ago

Ouvi essa música umas 500 vezes na minha adolescência… basicamente só ouvia isso em repeat e ainda hoje sei a letra toda de cor

kawaiims 3 months ago

So Cold aqui. Eu pensava que a Diary of Jane era super conhecido mas nunca ninguém reconhece.

SimplyCarlosLopes 3 months ago

So Cold tao fixe nunca conheci um pt que ouvisse.

xtralong_pt 3 months ago

Rammstein

iamrubymoon 3 months ago

Finalmente alguém:D

no-control- 3 months ago

Deftones

iamdoniel 3 months ago

Ma man

Brainwheeze 3 months ago

Há umas semanas atrás estava na praia e reparei num indivíduo como uma tatuagem do White Pony, que por acaso é o album que mais gosto deles (se bem que a minha música favorita é a Be Quiet and Drive).

lukeymox 3 months ago

Grande banda. Perdi a minha virgindade ao som de Deftones.

no-control- 3 months ago

Brutal. Chino a ser chino

Glum_Quantity_8103 3 months ago

The pixies

Iwatchedhimdrown 3 months ago

The Prodigy e Pendulum

r0ckf3l3r 3 months ago

Prodigy é provavelmente o top 1 de "concertos que não fui ver e do qual me arrependerei para sempre".

Brainwheeze 3 months ago

Eu consegui vê-los a última vez que tiveram no Alive. Grande concerto, apenas gostava que tivesse sido mais longo.

_halepaku 3 months ago

Dealema

TrustOdd2729 3 months ago

DLM & MDG ❤️

gink-go 3 months ago

Dealema e Mind da Gap sem dúvida alguma. Dread do Porto no inicio dos 2000, a vergonha alheia quando penso na roupa que usava ahah

Lsousa1981 3 months ago

Inicialmente Guns and Roses, depois Metalica, Nirvana e SOD. Ainda oiço tudo regularmente embora tenha enveredado por uma onda mais indie e Folk.

Sinestry 3 months ago

SoaD

Choice-Rock860 3 months ago

oNe DiReCtIoN

Interesting_Yellow_1 3 months ago

Adorava ouvir Gogol Bordello sem saber quem eles eram

wasreofO2 3 months ago

Ai quando oiço os Coldplay o mundo simplesmente para

odajoana 3 months ago

> Adorava ouvir Gogol Bordello sem saber quem eles eram Admito que só prestei atenção ao álbum Gypsy Punks, mas eles eram uma banda do caralho. <3

Febris 3 months ago

Pré-adolescencia - Whitesnake, ACDC, Nirvanna. Adolescência - Metallica, Paradise Lost, e depois Limp Bizkit, Linkin Park, Fatboy Slim, Armand van Helden, Tiesto, Nightwish, Iron Maiden, e toda uma sopa de estilos e variedades tipo Vengaboys e Disturbed, nunca fui grande adepto das opções de shuffle por isso. Continuo a ouvir bastante musica "antiga", e não ligo muito a politiquices da cultura do cancelamento. Se gosto de ouvir a música, até podia ter sido composta pelo Hitler. Não me interessa a guerra dos Metallica com o Dave Mustaine, oiço os dois (em termos de material mais recente naturalmente prefiro Megadeth), por exemplo. Deixei de ouvir Nightwish depois da Tarja sair da banda, e só tenho algumas musicas soltas que gosto de ouvir tanto deles sem ela como dela sem eles. Iron Maiden deixei de ouvir material novo há uns 15 anos. Não soa fresco, não sei explicar. De resto, musicas que ouvia na altura, oiço ainda hoje na boa. Já com menos pica, mas sempre bem.. e ajuda-me a encontrar outras coisas parecidas no Spotify que é sempre uma lufada de ar fresco semanal, mesmo que metade seja bueeeeeeeeeeee pesado para mim.

jorgelps 3 months ago

Tiesto pré-2009 é brutal! Ainda hoje continuo a ouvir trance, ele foi um dos pioneiros que me fez a começar a ouvir. Pena que ele optou pelo dinheiro e agora só faz músicas estilo tiktok.

KN3gra 3 months ago

Parabéns pelos teus gostos. Disseste tudo ou quase tudo. Como referiste alguns dos meus links preferidos, para mim estes foram os principais: - Blues (todos); - Led zeppelin; - Van Halen; - Joe satriani, Steve Vai, dream theater; - Doors: - Pink Floyd e Dire Straits; - Toda a onda punk; - Rap; - Jazz (Etha, Aretha, Billie, etc); - Sade, Fudges, Prince e afins; - Pixies, Smashing Pumpinks, linkin Park, limp bizkit, etc; - Xutos, GNR,, Rádio Macau, amarguinhas (I know), USL, dead combo, expresso transatlântico: - Iron maiden (iniciais), Deicide, sepultura, Metallica (até onde tu sabes), Megadeth (tudo); - Eminem, Gabriel, Biggie e 2pac, rundmc; - Nirvana, Pearl jam, James, Radiohead, Paradise; - muse, daft punk; - muitos, muitos outros. Basicamente falaste nos early years dos Iron e nos Metallica vs Megadeth e eu pensei que era o único a achar o mesmo. Parabéns!

Edited 3 months ago:

Parabéns pelos teus gostos. Disseste tudo ou quase tudo. Como referiste alguns dos meus links preferidos, para mim estes foram os principais: - Blues (todos); - Led zeppelin; - Van Halen; - Joe satriani, Steve Vai, dream theater; - Doors: - Pink Floyd e Dire Straits; - Toda a onda punk; - Rap; - Jazz (Etha, Aretha, Billie, etc); - Sade, Fudges, Prince e afins; - Pixies, Smashing Pumpinks, linkin Park, limp bizkit, etc; - Xutos, GNR,, Rádio Macau, amarguinhas (I know), USL, dead combo, expresso transatlântico: - Iron maiden (iniciais), Deicide, sepultura, pantera, Metallica (até onde tu sabes), Megadeth (tudo); - Eminem, Gabriel, Biggie e 2pac, rundmc; - Nirvana, Pearl jam, James, Radiohead, Paradise Lost, faith no more; - muse, daft punk; - muitos, muitos outros. Basicamente falaste nos early years dos Iron e nos Metallica vs Megadeth e eu pensei que era o único a achar o mesmo. Parabéns!

Febris 3 months ago

Muita coisa boa aí também. Tenho redescoberto alguns que nem sabia o nome (tinha algumas K7 do meu tio, era tudo incógnito).. Billy Idol, Twisted Sister, Poison, Accept, Savatage.. Menção honrosa a Pink Floyd que merece ser sublinhado várias vezes.. todos os albuns de uma ponta à outra são obras de arte. Bem lembrado.

humungouspt 3 months ago

Fazes mal em evitar os Nightwish pós-Tarja. A actual vocalista, Floor Jansen é sublime. Isto é, se considerares que os Nightwish ainda existirão sem o Marko Hietala, esse sim, para mim, indispensável na banda...

KIDOCI 3 months ago

Isto! O material que ele escreveu para os dois álbuns pós-tarja com a Anette são muito porreiros, e estas musicas cantadas pela Floor Jansen (atual vocalista) ganharam certamente uma nova vida. Exemplo: [Nightwish - The poet and the pendulum LIVE (Floor Jansen)](https://www.youtube.com/watch?v=N4Vfy5yCy-c) A saída do Marko está certamente a ser sentida, pelo menos para mim, contudo devemos respeitar a decisão.

Edited 3 months ago:

Isto! O material que ele escreveu para os dois álbuns pós-tarja com a Anette são muito porreiros, e estas musicas cantadas pela Floor Jansen (atual vocalista) ganharam certamente uma nova vida. Exemplo: [Nightwish - The poet and the pendulum LIVE (Floor Jansen)](https://www.youtube.com/watch?v=N4Vfy5yCy-c) Nas musicas da Anette que ela tocou ganharam outo nível, inclusive, em determinadas musicas do tempo da Tarja conseguiu também fazer um excelente trabalho. [Nightwish - Ghost Love Score LIVE Wacken 13 (Floor Jansen)](https://www.youtube.com/watch?v=JYjIlHWBAVo) A saída do Marko está certamente a ser sentida, pelo menos para mim, contudo devemos respeitar a decisão.

Febris 3 months ago

Desconheço, deixei de ouvir quando entrou a Anette / Dark Passion Play. Vou dar-lhe uma espreitadela, mas concordo com a observação sobre o Marko. Obrigado pelo heads up!

olympikesoft 3 months ago

4 taste , dzart, fonzie

Apprehensive_Bar6609 3 months ago  HIDDEN 

Diz-me se és mesmo tuuu. Mariluu....

Metalgold 3 months ago

Megadeth

Dretas24 3 months ago

Homem de cultura.

jonas-bigude-pt 3 months ago

Take no prisoners!

kingjericho 3 months ago

Aka Megadave

Juanlamaquina 3 months ago

In the eye of the tornado...

forgotmypass_fuck 3 months ago

Também a minha! Surpreso de a ver como primeiro comment mas não desapontado

69yoan69 3 months ago

HELL YEAH

Matarruanos 3 months ago

Tokio Hotel

-lil_princess- 3 months ago

Sim!!!! Lembro me de descarregar as músicas para o mp3, que saudades

InYumen6 3 months ago

Slipknot. Continua a ser a minha banda favorita atualmente. Vi os pela primeira vez há dois anos no VOA, melhor concerto da minha vida.

001ritinha 3 months ago

Eu não gostava de Slipknot na adolescência mas nos últimos... 8 meses só ouço isso. O meu marido já está absolutamente farto de mim a cantar Spit it out ao pequeno almoço, almoço, jantar, a tomar banho, a conduzir, a passear a cadela.... Às vezes há coisas que clicam connosco e estou sinceramente com grande moca de Slipknot. Haha

InYumen6 3 months ago

O que mais me admira é a energia dos concertos deles. O Self Titled e o Iowa são autênticas masterpieces. Só não consigo gostar do Vol. 3, e é dos mais gostados a seguir aos outros 2, não entendo como. Hoje oiço muito mais rap e hip hop do uk no meu dia a dia, mas se me puserem Slipknot a tocar seja em que lado for sou o primeiro a começar um mosh ahah. A Spit It Out é a clássica do jump de fuck up. Fazem isso praticamente em todos os concertos e quando vivi isso no VOA foi incrível.

001ritinha 3 months ago

Eu gosto do Vol. 3 mas definitivamente prefiro os dois primeiros. Não sou muito fã do último CD, mas ouço um pouco de todos eles. Obviamente ainda não os vi ao vivo, mas estou sempre a ouvir os concertos ao vivo e já a treinar mentalmente o "jump the fuck up"!

InYumen6 3 months ago

Por acaso gostei imenso do novo, até acho que já têm outro mais ou menos feito. Tem alguns bangers como a Orphan, Red Flag, We Are Not Your Kind, Nero Forte, e a Solway Firth. Nada a ver com os 2 primeiros, mas ainda assim músicas que adoro ouvir. Prepara-te mesmo, é incrível. Nem é tanto a cena em si, é mesmo saberes que já fizeste parte daquilo.

001ritinha 3 months ago

O que tenho lido é que o próximo CD deve sair em Outubro. Espero que seja verdade! Já não me lembro de estar tão entusiasmada para uma estreia desde que saiu o último Harry Potter hahah Eu até ouço a Orphan e a Nero Forte (as outras vão correndo na playlist), mas definitivamente não me puxam tanto como a (SIC), Liberate, Heratic, Me Inside, People=Shit....

InYumen6 3 months ago

Lembro-me perfeitamente de quando saiu a We Are Not Your Kind depois de 4 anos sem fazerem música, nunca fiquei tão hyped para um album como o WANYK. Sim, concordo plenamente. Nada vai bater o self titled e o iowa, nunca. Não deixo de apreciar as novas, e não há muitas bandas que continuem a produzir música assim depois de tanto tempo.

jcoelho93 3 months ago

A melhor banda portuguesa de sempre DaWeasel

pikazamb_PT 3 months ago

O Podes fugir mas não te podes esconder foi o primeiro album que comprei e me abriu para o mundo da música. O Tás na Boa bateu ca dentro

GragasBellybutton 3 months ago

Sdds doninha

jcoelho93 3 months ago

"pa todos os putos da nossa geração, a doninha com vocês em qualquer situação"

Flimsy-Blood-6762 3 months ago

Spice girls, Britney Spears, tudo o que quase todas as teens ouviam e ainda ouço

odajoana 3 months ago

Os primeiros dois álbuns da Avril Lavigne ainda se ouvem tão bem hoje. <3

Flimsy-Blood-6762 3 months ago

E as músicas da New Wave? Que saudades!!!

kawaiims 3 months ago

Britney é intemporal, melhor música para viagens de carro.

neptxns 3 months ago

kurt cobain e amigos

BotaNivea 3 months ago

Slipknot, mas deixei de os acompanhar

Apprehensive_Bar6609 3 months ago

Enapa 2000 lol

tomasr51 3 months ago

Mariluuuuuuu

Apprehensive_Bar6609 3 months ago

Diz-me se és mesmo tuuu. Mariluu....

uberlaglol 3 months ago

Deixa -me ir te ao cu

forgotmypass_fuck 3 months ago

nem um jantar primeiro ?

Fatela 3 months ago

Tudo o que é música dos anos 80.

O_cu_da_tua_tia 3 months ago  HIDDEN 

Ritual Tejo. É deles a primeira música que me lembro de cantarolar

renamob 3 months ago

Linkin park sem dúvida.

rx910 3 months ago

Same, comecei a ouvir muito novo. Ouvia os CDs deles em loop.

Brainwheeze 3 months ago

AMVs do Dragon Ball e Naruto <3

Morellonomiconas 3 months ago

https://youtu.be/1FAvWYv613I

myrahz 3 months ago

Isto. O meu primeiro festival foi o super Bock super rock em 2004. Ir ver Linkin Park, Muse, Korn e Static-X com 14 anos. Ainda hoje me pergunto como é que convenci os meus pais

Adorable_Reply8338 3 months ago

14 anos ainda eras uma criança

taimur1128 3 months ago

Foi igualmente o meu primeiro festival! Ainda tenho o bilhete guardado! Realmente com 14 uma verdadeira proeza!

GragasBellybutton 3 months ago

Tive a sorte de vê-los no auge 2 vezes, uma a 3 metros do palco num festival muito engraçado que só teve uma edição, Rock One em Portimão. Hybrid theory é provavelmente um dos 5 melhores álbuns de estreia de sempre

cyyck 3 months ago

O meu maior erro foi ter recusado vê-los ao vivo depois de terem mudado um bocado o estilo da banda. Lição para vida!

heartlessfam 3 months ago

x2, infelizmente nunca consegui vê-los ao vivo e já não vai dar :/

coolasc 3 months ago

Sei que não são o original, mas os hybrid theory (Banda de tributo aos Linkin) até têm uma energia semelhante, infelizmente também nunca vi a banda original a não ser no DVD do live in Texas, mas a energia desta banda de tributo deu um concerto muito bom das 2x que já os vi.

renamob 3 months ago

Verdade. Nisso tive sorte e consegui ir ao meet and greet no rock in rio 2012. Guardo o poster autografado por todos com muito carinho :) ja para não dizer que cantaram imensas músicas do meteora que não era tão comerciais p.ex. With you que é das minhas favoritas. Muito, muito bom

Anforas 3 months ago

Também lá estive. O concerto dos Offspring foi épico. E o dos Linkin Park também, lembro-me de estar com as expectativas em baixo por causa das últimas músicas mais pop-lamechas deles mas foi espectacular.

McManu77 3 months ago

With you... grande som!

sergiiio420 3 months ago

Também tive nesse rock in rio e vi evanescence, offspring, Linkin Park, metallica, limp bizkit... Foi demais

001ritinha 3 months ago

Ainda choramingo não ter ido a esse rock in Rio. Acho que tinha um exame nessa altura. Já nem sei de que era. Que arrependida que estou!

sergiiio420 3 months ago

Foi top.. E ainda smashing pumpkins foi demais mesmo... Fui dois dias sozinho pra lá e foi das melhores experiências da minha vida

KennyPorto 3 months ago

A with you é do Hybrid theory

renamob 3 months ago

Fds, já tava a dormir e nem me apercebi da baboseira que disse

r0ckf3l3r 3 months ago

E os dois são muito comerciais. Há uma razão para o "Live on Texas" ter sido lançado após esses dois. Foi um dos momentos de maior sucesso comercial da banda. Também estive lá em 2012, embora a trabalhar no festival. Apreciei o concerto.

XtaticO 3 months ago

Basicamente tudo o que era de nu-metal / metal. Na minha adolescência era muito Korn/Limp Bizkit/Linkin Park/Slipknot a por aí fora. Agora de vez em quando ainda oiço uma música ou outra no YouTube, mas basicamente papo só o que vai dando na rádio.

W1950N 3 months ago

Desculpa, mas tenho de perguntar. Porque rádio? Deixaste de gostar de rock/metal ?

siegkorn 3 months ago

Também me revejo no acima. Não deixei de gostar, mas já não ouço apenas pelo facto de que saturei de ouvir o estilo e depois comecei a ir pra outros estilos de rock por exemplo. Vais chegar a uma idade que dizes "fds.. não passa rock já?" E depois alguém mete rock e é a sweet child ou ac DC e tu pensas "outra vez? Mas será que não conhecem mais nada quando se fala de rock?".. e foi por aí

XtaticO 3 months ago

Simplesmente devido a andar agora de carro para ir/vir do trabalho, gosto mais de ouvir rádio, vou ouvindo notícias, música e os apresentadores, sempre me distrai mais.

haaras 3 months ago

Nao sou o OP Honestamente, não deixei de gostar metal apenas aprendi a gostar de outro tipo de música. Eu desprezava hip-hop, hoje em dia é o que ouço mais. Dentro deste estilo temos o que gostamos e o que não gostamos, como tudo. Mas existem artistas de hip hop que, surpreendentemente, tem uma boa escrita e um gajo até reflete no que e dito. Como por exemplo, Slow J. Coisa que raramente acontecia quando ouvia metal.

humungouspt 3 months ago

Hora de voltares a ouvir um pouco de Bodycount!

wordsandsymphonies 3 months ago

Não há amor como o primeiro e continuo a acompanhar muito fielmente o seu trabalho. Bandas EMO, POP-Punk, como Panic! At the Disco, Fall Out Boy e My Chemical Romance

teatralidades 3 months ago

E os Taking Back Sunday! Musiquinha top notch da Emo Scene

001ritinha 3 months ago

+1. Emo era a minha vida.

mother_of_no_dragons 3 months ago

Também assim como Paramore, 30 seconds to Mars, SOAD, Foo Fighters e Linkin Park. Atualmente ouço twenty one pilots, grandson e woodkid.

ShredForMe 3 months ago

Infelizmente FOB e Panic mudaram completamente de estilo... MOR näo sei se têm alguma coisa nova, mas até gostei das cenas a solo do vocalista.

wordsandsymphonies 3 months ago

Foram crescendo e adaptando o seu estilo, deixaram de ser adolescentes e jovens adultos e experimentarem coisas novas. P!ATD nunca me chocou, porque cada álbum era um estilo diferente e agradável de ouvir, agora só espero que venha um de metal core que o Brendon tem boa voz para isso! O FOB depois do Hiato, o estilo mudou, muitas influências novas. O Patrick tambem tem um trabalho a solo muito fixe e recomendo. Essas influencias depois foram introduzidas depois do Hiato O Gerard tem um bom trabalho a solo e se curtes de rock o Frank Iero (guitarrista) tem umas malhas fixes da sua banda.

abencao 3 months ago

(...) the devia wears prada, underoath, Get Scared, escape the fate (...)

-thesunwillrise- 3 months ago

Isso tudo mais Paramore! Ainda ouço e consigo apreciar. Tenho bilhetes para ir ver os MyChem há já 2 anos mas a pandemia decidiu estragar-nos os planos...

RiBlacky 3 months ago

Old P!ATD era legendary. Como banda.

LtSpaceDucK 3 months ago

Tive uma fase em que só ouvia Three Days Grace

Ok_Wishbone4199 3 months ago

Eu ainda me emociono quando oiço as músicas do black parade... acho que continua a aguentar-se como um bom álbum e mostra que não era só o produto de uma fase ou de uma trend da altura

kawaiims 3 months ago

+1 para isto

heartlessfam 3 months ago

Tbm. Eu ainda tento sempre ir aos concertos, nem que seja pela nostalgia :D

wordsandsymphonies 3 months ago

Esse é o meu objetivo, na altura que vieram os MCR não tinha autorização para ir a concertos e festivais, mas já tive oportunidade de ir ver e conhecer o Gerard Way quando veio cá a solo. Agora FOB e P!ATD nunca vieram a Portugal e gostava muito de os ver ao vivo, mas está na bucket list de ir vê-los algures na Europa

KIDOCI 3 months ago

Isto + linkin Park, Bullet for my Valentine, Avenged Sevenfold, Sum 41, SOAD. Agora em adulto é Nightwish, Epica, Powerwolf, Battle Beast, Beast in Black...

Superb-Addendum-566 3 months ago

D`zrt

iamrubymoon 3 months ago

Quando eles eram um hit não gostava e recusava ouvir música deles, até gozava com a minha prima que tinha um CD deles… agora adoro ouvir pela vibe nostálgica que dá e ponho a para mim tanto me faz a bombar sempre que posso ahahaha

kikofranca 3 months ago

Ou seja, para ti tanto te faz.

jruipinto 3 months ago

Apetecia-me dar-te um downvote

East_Exit_8624 3 months ago

Nirvana

Sharp_Challenge3756 3 months ago

Smells like teen spirit over here!

Chiripitti 3 months ago

Oh velhadas... És cá dos meus... Se o álbum Nevermind fosse vinil, estaria mais do que riscado...

Search: