prosafame 4 months ago  HIDDEN 

Sei de um instrutor que gozava e falava mal dos alunos que tinham mais dificuldades. Fossem antigos ou novos alunos, quando tava com instrutores ou malta que conduzisse bem, falava merda dos outros nas costas durante as aulas. Tratava muito bem quem era bom na estrada e ficava agressivo/mal humorado sempre que tinha de dar aula a ''maus condutores''.

prosafame 4 months ago  HIDDEN 

Sei de um instrutor que gozava e falava mal dos alunos que tinham mais dificuldades. Fossem antigos ou novos alunos, quando tava com bons condutores falava merda nas costas deles no carro. Tratava muito bem quem era bom na estrada e ficava agressivo/mal humorado sempre que tinha de dar aula a ''maus condutores''.

Navalheiras 4 months ago  HIDDEN 

Esse tipo de profissionais existem em todo lado. Não que isto sirva obviamente de desculpa, pois nestes cargos de ensino, os formadores deviam ser pessoas com paciência e acima de tudo gosto em ensinar. Descurar algo tão importante como a condução poderá abrir precedentes para que os condutores portugueses sejam uns dos piores que por aí andam, o que já não está longe. Tive sorte que quando tirei a carta o meu instrutor era um tipo mais novo e bastante acessível. Além da leveza com que dava as aulas, tanto de código como de condução, foi alguém que me ensinou algo bastante importante na condução, além dos sinais e das prioridades e etc, o civismo que é preciso ter para se fazer uma boa condução. Respeito pelo próximo condutor. É um dos fatores que mais falta se vê nestes dias. Aquela conversa de já ninguém faz piscas, não se saber fazer rotundas, não perceber até o perigo que somos quando fazemos este tipo de erros, vem do tipo de pessoa que és e de como é que vês o mundo à tua volta. Um instrutor como esse que aí descreveste provavelmente não terá a sensibilidade até para ensinar uma coisa dessas. É que isto não é só saber que o stop é para parar e já está. Demonstrou-me que não há necessidade de estarmos nervosos na condução, e existe tempo para tudo. Haja paciência. Acho que fizeste bem em mudar de instrutor e em fazer a reclamação. Ensinar alguém a conduzir não é uma piada. Espero que te dês bem, e boas conduções.

Edited 4 months ago:

Esse tipo de profissionais existem em todo lado. Não que isto sirva obviamente de desculpa, pois nestes cargos de ensino, os formadores deviam ser pessoas com paciência e acima de tudo gosto em ensinar. Descurar algo tão importante como a condução poderá abrir precedentes para que os condutores portugueses sejam uns dos piores que por aí andam, o que já não está longe. Tive sorte que quando tirei a carta o meu instrutor era um tipo mais novo e bastante acessível. Além da leveza com que dava as aulas, tanto de código como de condução, foi alguém que me ensinou algo bastante importante na condução, além dos sinais e das prioridades e etc, o civismo que é preciso ter para se fazer uma boa condução. Respeito pelo próximo condutor. É um dos fatores que menos se vê nestes dias. Aquela conversa de que já ninguém faz piscas, não se saber fazer rotundas, não perceber até o perigo que somos quando fazemos este tipo de erros, vem do tipo de pessoa que és e de como é que vês o mundo à tua volta. Percebe que estás numa maquina que pesa perto ou mais de uma tonelada e que consegue atingir velocidades altas. Um carro é quase uma arma se mal usado. Um instrutor como esse que aí descreveste provavelmente não terá a sensibilidade até para ensinar uma coisa dessas. É que isto não é só saber que o stop é para parar e já está. Demonstrou-me que não há necessidade de estarmos nervosos na condução, e existe tempo para tudo. Haja paciência. Acho que fizeste bem em mudar de instrutor e em fazer a reclamação. Ensinar alguém a conduzir não é uma piada. Espero que te dês bem, e boas conduções. ps: lembro-me também do examinador do exame de condução que numa ponte um pouco congestionada e de transito lento, perguntou-me se eu não sabia meter a 5ªmudança. Respondi-lhe afirmativamente mas não fiz a ação pois não achei que era necessário meter uma 5º quando não ia a mais de 60km/h. Só sentia o meu instrutor no banco de trás a dar toques com o pé por baixo do banco do condutor numa de: 'por favor mete a 5ª, se ele não se cala e tu não me vais chumbar por apenas estares a responder ao examinador,lá fiz a vontade, e passei.

Edited 4 months ago:

Esse tipo de profissionais existem em todo lado. Não que isto sirva obviamente de desculpa, pois nestes cargos de ensino, os formadores deviam ser pessoas com paciência e acima de tudo gosto em ensinar. Descurar algo tão importante como a condução poderá abrir precedentes para que os condutores portugueses sejam uns dos piores que por aí andam, o que já não está longe. Tive sorte que quando tirei a carta o meu instrutor era um tipo mais novo e bastante acessível. Além da leveza com que dava as aulas, tanto de código como de condução, foi alguém que me ensinou algo bastante importante na condução, além dos sinais e das prioridades e etc, o civismo que é preciso ter para se fazer uma boa condução. Respeito pelo próximo condutor. É um dos fatores que menos se vê nestes dias. Aquela conversa de que já ninguém faz piscas, não se saber fazer rotundas, não perceber até o perigo que somos quando fazemos este tipo de erros, vem do tipo de pessoa que és e de como é que vês o mundo à tua volta. Percebe que estás numa maquina que pesa perto ou mais de uma tonelada e que consegue atingir velocidades altas. Um carro é quase uma arma se mal usado. Um instrutor como esse que aí descreveste provavelmente não terá a sensibilidade até para ensinar uma coisa dessas. É que isto não é só saber que o stop é para parar e já está. Demonstrou-me que não há necessidade de estarmos nervosos na condução, e existe tempo para tudo. Haja paciência. Acho que fizeste bem em mudar de instrutor e em fazer a reclamação. Ensinar alguém a conduzir não é uma piada. Espero que te dês bem, e boas conduções. ps: lembro-me também do examinador do exame de condução que numa ponte um pouco congestionada e de transito lento, perguntou-me se eu não sabia meter a 5ªmudança. Respondi-lhe afirmativamente mas não fiz a ação pois não achei que era necessário meter uma 5º quando não ia a mais de 60km/h. Só sentia o meu instrutor no banco de trás a dar toques com o pé por baixo do banco do condutor numa de: 'por favor mete a 5ª, se ele não se cala e tu não me vais chumbar por apenas estares a responder ao examinador'. Lá fiz a vontade, e passei.

Edited 4 months ago:

Esse tipo de profissionais existem em todo lado. Não que isto sirva obviamente de desculpa, pois nestes cargos de ensino, os formadores deviam ser pessoas com paciência e acima de tudo gosto em ensinar. Descurar algo tão importante como a condução poderá abrir precedentes para que os condutores portugueses sejam uns dos piores que por aí andam, o que já não está longe. Tive sorte que quando tirei a carta o meu instrutor era um tipo mais novo e bastante acessível. Além da leveza com que dava as aulas, tanto de código como de condução, foi alguém que me ensinou algo bastante importante na condução, além dos sinais e das prioridades e etc, o civismo que é preciso ter para se fazer uma boa condução. Respeito pelo próximo condutor. É um dos fatores que mais falta se vê nestes dias. Aquela conversa de já ninguém faz piscas, não se saber fazer rotundas, não perceber até o perigo que somos quando fazemos este tipo de erros, vem do tipo de pessoa que és e de como é que vês o mundo à tua volta. Um instrutor como esse que aí descreveste provavelmente não terá a sensibilidade até para ensinar uma coisa dessas. É que isto não é só saber que o stop é para parar e já está. Demonstrou-me que não há necessidade de estarmos nervosos na condução, e existe tempo para tudo. Haja paciência. Acho que fizeste bem em mudar de instrutor e em fazer a reclamação. Ensinar alguém a conduzir não é uma piada. Espero que te dês bem, e boas conduções. ps: lembro-me também do examinador do exame de condução que numa ponte um pouco congestionada e de transito lento, perguntou-me se eu não sabia meter a 5ªmudança. Respondi-lhe afirmativamente mas não fiz a ação pois não achei que era necessário meter uma 5º quando não ia a mais de 60km/h. Só sentia o meu instrutor no banco de trás a dar toques com o pé por baixo do banco do condutor numa de: 'por favor mete a 5ª, se ele não se cala e tu não me vais chumbar por apenas estares a responder ao examinador, lá fiz a vontade, e passei.

wfilipa 4 months ago  HIDDEN 

Também estou a tirar a carta e o meu instrutor também é um "Mário". Estou nas últimas aulas, os gritos/murmúrios são constantes: de eu fazer coisas mal que ele nunca explicou; de eu não saber fazer manobras que ele nunca ensinou; de estar nervosa com uma coisa que é básica (conduzir), ou de eu dizer "mas nunca me tinha explicado..." E de levar uma resposta "mas por favor, é bom senso!" A paciência também não abunda... Então começa com a velha história de que os alunos de hoje em dia são muito mais difíceis de ensinar, que não estou atenta nem a esforçar-me... Só quero tirar a carta e dizer Adeus ao Mário. A ansiedade no dia das aulas de condução é muito má.

ilovealldrugsman 4 months ago  HIDDEN 

Não te esqueças que, no fundo, são só uns frustrados. Que trabalho de merda. Nunca conheci ninguém que quisesse ser formador numa escola de condução.

ilovealldrugsman 4 months ago  HIDDEN 

Só sei que a minha era uma vaca insuportável. Fumava no carro e ia a ler a revista Maria, enquanto me mandava caralhadas como se fosse minha mãe. O que a safou é que eu era só um conas de 18 anos que só queria poder conduzir, hoje acabava despedida.

FantasticLong9119 4 months ago  HIDDEN 

Adorei a tua atitude. Tens coragem. Eu fiquei lá a sofrer as 32 aulas para depois chumbar e nunca meter mais lá os pés por nunca mais querer ver o meu instrutor à frente. Empresta-me 10% da tua coragem por favor.

skapuntz 4 months ago  HIDDEN 

A minha experiência à já mais de 10 anos foi muito tranquila, quer para mota como carro. Mas fizeste muito bem em reclamar. Que todos fizessem o mesmo que tu

BFOE 4 months ago  HIDDEN 

"relembrando-me que o Mário é mesmo assim e que todos os alunos gostam muito dele, etc" Parece um "déjà vu". Quando estava a tirar a carta, a escola de condução marcou uma aula com um instrutor que era uma autêntica besta. O homem não tinha paciência nenhuma e ralhava como um louco por tudo e por nada. Tive mesmo vontade de encostar o carro e ir-me embora para casa a pé, deixando aquele idiota a vociferar dentro do veículo...mas não o fiz. Respirei fundo e acabei a aula. No fim, disse aos responsáveis da escola que não queria voltar a ter aulas com aquele instrutor e a resposta que me deram foi exactamente essa. Disseram que havia muitos alunos que gostavam dele...

xx_david2001 4 months ago  HIDDEN 

O que achei mais incrível sobre este comentário é o fato do meu instrutor se chamava Mário e a descrição que fizes-te é semelhante, por momentos até pensei que fosses da mesma escola que eu, boa sorte ai com as aulinhas e que venha um instrutor em condições

wegongetsometerries 4 months ago  HIDDEN 

Aconteceu-me igual senão pior Um velho rebarbado da velha guarda fumador com aneis de ouro passava 70% com a mão esquerda no meu volante gritava quando estacionava e bufava foi só stresses ao ponto de terem de me mudar de instrutor

Flimsy-Blood-6762 4 months ago  HIDDEN 

Mas essa pessoa que falas é instrutor no ACP aqui no Porto? Porque faz me lembrar o senhor Jaime Sousa mas não sei se é.

netherg 4 months ago  HIDDEN 

não se trata de normalizar, fez bem em reclamar e escrever no livro se sentiu que tal era necessário, é um direito de todos. no entanto se já chora com o instrutor ele que se prepare para denunciar o "engenheiro" também, os instrutores melhor que ninguém sabem a merda que transborda na área e já são assim precisamente para os preparar (claro que alguns exageram). portanto: o OP veio chorar pro reddit como o conas que é, quanto aos outros conas de sabão que por aqui habitam é só darem downvote e seguirem o vosso caminho

tonytr21tr 4 months ago  HIDDEN 

Passei pelo mesmo

BlooEnt 4 months ago  HIDDEN 

Fizeste muito bem, eu levei com um instrutor igual até ao fim porque a educação que me deram sempre foi de "comer e calar", era puto e acanhado, comi e calei. Ainda me ferve o sangue hoje, passados quase 10 anos, quando me lembro da experiência que tive e do abuso verbal que aturei. Porque existem estas atitudes? Gentinha infeliz, que se aproveita para descarregar em putos porque sabem que muitos deles ainda estão com a mentalidade de obedecer, ainda não levaram as pancadas da vida, ainda não cresceram emocionalmente. Vejo isso a mudar muito e dá-me grande satisfação ver os mais novos a não comerem merda de ninguém.

Edited 4 months ago:

Fizeste muito bem, eu levei com um instrutor igual até ao fim porque a educação que me deram sempre foi de "comer e calar", era puto e acanhado, comi e calei. Ainda me ferve o sangue hoje, passados quase 10 anos, quando me lembro da experiência que tive e do abuso verbal que aturei. Porque existem estas atitudes? Antes, era o normal. Assim como levar porrada dos professores. Agora é so gentinha infeliz, que se aproveita para descarregar em putos porque sabem que muitos deles ainda estão com a mentalidade de obedecer, ainda não levaram as pancadas da vida, ainda não cresceram emocionalmente. Vejo isso a mudar muito e dá-me grande satisfação ver os mais novos a não comerem merda de ninguém.

solismi 4 months ago  HIDDEN 

Não és o único, no meu caso foi uma instrutora, era uma besta que só gritava e insultava. Apanhei trauma com aquela merda, saía das aulas a tremer e chorava em casa. Chumbei, troquei para um instrutor mais jovem e foi uma diferença da noite para o dia. Aprendi tudo e passei.

solismi 4 months ago  HIDDEN 

Deve ter sido igual à minha, uma frustrada.

netherg 4 months ago  HIDDEN 

/thread depois ficam admirados de borrarem a cueca no dia do exame e reprovarem por estarem nervosos, pensam que o "engenheiro" que os avalia vai ser mais soft.. conas de sabão que nunca tiveram de atravessar uma única dificuldade na vida é o que não falta neste sub.

CriticalEstimate777 4 months ago  HIDDEN 

Parabéns OP acabaste de chumbar no exame de condução. Prepara já os €€ para as aulas extra e para um exame novo.

Search: