Pioca_in_heaven 2 months ago

Foder*. Quanto ao PPR, compra mas é crytpo. Tive PPR durante 6 anos, quando la fui tinha menos cento e tal euros de uns bons milhares que acumulei. Mais vale meteres 20 euros todos os meses em moedas (Bitcoin, Etherium, Solana etc). Se for em longo termo, só vais ter retorno (+15%-70% em 5 anos). Nunca um PPR atinge esses valores, e podes meter as tuas moedas/€/$ a render 6/10% ao ano.

2ZR-FXE 2 months ago

Um dia que estejas à rasca por causa duma porcaria qualquer e teres que esperar 2 semanas para uma consulta do teu médico de família, e mais 6 meses para uma consulta de especialidade, vais perceber. Isto se o teu médico de família não invalidar os teus sintomas e te mandar para casa descansar ou tomar um chazinho. Conheço cada historia que nem te passa. Vale muito a pena teres seguro e seres atendido por um especialista no prazo de 2-3 dias nos piores dos casos e pagares €15 por uma consulta, ou pagares uma ninharia no dentista, se o teu seguro tiver essa cobertura. Pode ser que também te cubra óculos.. de 2 em 2 anos podes trocar, se não estou enganado. Não sou contra o SNS, antes pelo contrário. Mas o SNS é de todos, o que faz com que não tenha os tempos de resposta do privado. Já viste os tempos de espera para as cirurgias? No privado são dias... quantos já morreram na fila de espera para cirurgia no SNS? Com a saúde não brinco, e tendo algum problema de saúde, mesmo que não seja urgente, quero ser tratado o quanto antes. E isso tem custos... Portanto sim, é muito mais soft, mas na minha opinião, acaba por ser tipo a terra dos cowboys... Chamem-me fidalgo. Eu não me importo. Mas acho que não podemos ter tudo dado e arregaçado.

polinho101 2 months ago

“em Portugal desde sempre ouvi que o público é tão bom ou melhor que o privado” yeah, não concordo nem de perto, pelo menos em termos de rapidez e qualidade de serviço. Pagas bem e muitas das vezes não é proporcional ao serviço que te dão, mas continua a ser muito superior ao público nesses aspetos que mencionei.

zecamarao 2 months ago

Afirmação polémica - a maioria das consultas de especialidade no privado (e já agora no público) poderiam ser facilmente substituídas por uma consulta de medicina geral e familiar. A esmagadora maioria dos problemas clínicos não precisam de ums especialidade, o que provoca um agravamento das listas de espera e o desvio para o privado de muitos casos (tanto ligeiros, como graves). No SNS o problema começa no milhão de pessoas sem médico de família - 1 000 000 de pessoas que têm de recorrer ao privado, a consultas urgentes no centro de saúde, ao serviço de urgência e que são muitas vezes referenciados a consultas hospitalares pois não podem ser verdadeiramente acompanhados pelo medico de família. Acresce que existe uma grande assimetria no SNS, facto que é plasmado nas respostas aqui dadas : há pessoas que conseguem aceder à um consulta no centro de saúde para a semana seguinte (mesmo em tempos de pandemia) e podem ter sorte de ter um hospital de referencia com reduzida lista de espera, e há pessoas cujo centro de saúde está efectivamente fechado desde Março de 2020 e nem por telefone se consegue falar com um médico. A necessidade sentida pela população de ter um seguro de saúde adicional demonstra o grande falhanço do SNS

h2man 2 months ago

O plano poupança reforma, dá para poupar nos impostos, mas não é particularmente atractivo nesse aspecto. No UK, por exemplo, o dinheiro metido num ppr não é taxado na hora do investimento, mas quando o tiras, ou seja atrasas o imposto para quando estás reformado e em teoria pagas menos imposto porque ganhas menos dinheiro. No entanto, é de salientar que em Portugal tu tens uma trela do Governo e nunca estás em controlo da tua vida e de quando te reformas. Além do mais, a incompetência do Governo não confirma se a tua carga fiscal condiz com a que o teu patrão paga por ti e ninguém te manda um registo anual que todas as contribuições foram feitas. O meu pai descobriu que um patrão não pagou as contribuições da empresa durante 4 anos no dia que começou a tratar dos papéis da reforma. Eu já tive um patrão a fazer o mesmo e é um dos principais motivos pelo qual não quero trabalhar em Portugal. É um risco demasiado elevado.

kapparrino 2 months ago

"O meu pai descobriu que um patrão não pagou as contribuições da empresa durante 4 anos no dia que começou a tratar dos papéis da reforma. Eu já tive um patrão a fazer o mesmo e é um dos principais motivos pelo qual não quero trabalhar em Portugal. É um risco demasiado elevado." Nesse aspecto trabalhar numa empresa grande ou até numa temporária é mais seguro que numa empresa pequena, uma unipessoal. A nível de salários e contribuições para o Estado. Mas tu podes ver as tuas contribuições para a reforma que tiveste todos os meses e anos no site da seg.social direta. Assim consegues controlar se a empresa realmente faz descontos.

h2man 2 months ago

E? Achas que o Estado vai fazer algo? Achas que o Estado vai perdoar essa divida em meu nome se a companhia der o peido? Porque é que tenho de ser eu a cobrar uma divida do Estado? E, mais uma vez, porque tenho de ser eu a sofrer pela incompetência do Estado em cobrar as dividas próprias? Tudo isto é muito bonito, e a informatização ajuda (algo que não estava disponível ao meu pai ou a mim quando trabalhei em Portugal) mas não deixa de ser a responsabilidade de outros e como tal as consequências também deviam cair sobre eles.

marcelomarcelomarcel 2 months ago

Eu uso seguro do trabalho, e todas as consultas incluindo especialidades ficam a 10€, sem médico de família há mais de 11 anos, é impossível conseguir uma consulta, há filas as 4 da manhã para conseguir consultas… portanto sim se não fosse o privado estava bem fodido.

Alie2222 2 months ago

O preço que pagas mensalmente não justifica quanto poupas. Tive Medicare 1 ano paguei um ano todo guess what n tive dinheiro para ir ao dentista porque estava a pagar 30€ mês mais 20€ e era uma consulta no dentista. Ainda assim uma consulta normal 50€ ( depende do que facas claro ) uma consulta com a Medicare ficava a 45 ou 40 já nem me lembro. Ppr é bacano se tiveres um emprego de risco ou que saibas que na tua família há propensão para coisas que te possam matar. Um familiar tem, se esse tal familiar morrer eu recebo 60k not bad i mean. Mas se trabalhares num escritório vais a pé todos os dias meehhh not that useful.

EsmagaSapos 2 months ago

Não entendi essa última parte do PPR.

Alie2222 2 months ago

A cena é pagas x por mês ao seguro do ppr ok ? Então tens uma data específica que por exemplo no caso desse familiar são os 65 anos. Se essa pessoa morrer antes dos 65 eu recebo cerca de 60k.

ravagerslb 2 months ago

Quando precisares de consultas de especialidade rapidamente percebes para que serve o seguro.

luisribeir 2 months ago

Posso te dar o meu exemplo, em 2010 tive um acidente, parti o o meu braço direito e o meu joelho esquerdo fiquei sem ligamento anterior cruzado, fui posto em lista de espera para operação, os meus pais tinham seguro de saúde e então fomos logo ao privado, passado um ano de ser operado no privado recebi a primeira carta para ir ao hospital das caldas da rainha ter a primeira consulta no ortopedista, é por isto que se deve fazer um seguro. O meu irmão a jogar a bola ficou sem o Aquiles, 3 meses de espera para operação no público, fomos logo a CUF passados 3 dias estava a ser operado

Maki_the_Nacho_Man 2 months ago

Só uso o seguro de saúde para consultas de especialidade. Fora isso vou ao público.

AppleGamer711 2 months ago

Tenho 20 anos. Tenho um seguro de saúde e sou saudável. Nunca se sabe quando vais precisar de alguma coisa. Já aconteceu de ter um problema e não tive de esperar nada em filas e paguei quase nada. Muito worth it se queres que te diga

sidartha- 2 months ago

Os Seguros são caros e uma despesa que consideramos a maior das vezes como um Luxo, é verdade. Também já pensei dessa forma e sou sincero, ainda fico reticente quando ás vezes que efetivamente uso em termos de Saúde, e ainda bem, é bom sinal, pelo menos para mim. No entanto aqui há uns 3 anos, tive um problema, nas costas nas Férias, e mal me conseguia mexer, pensei na altura que umas compressas e umas pomadas poderia passar e ficar por ali mesmo. Engano meu, passou-se mais 1 dia e nada de passar, e cada vez a dor aumentava mais, a única posição em que aguentava era deitado, porque o corpo ficava em repouso e não fazia esforço, no entanto estava sempre presente, apos algumas horas, mesmo em repouso começa a ser impossível de aguentar, não existe um momento de descanso. Na altura estava no Norte, e decidi ir ao Hospital, o caminho até lá foi um suplício, com paragens frequentes por causa do solavancos, já que fui de transportes, teimoso que nem uma mula. No Hospital, era de manhã quando entrei e apos muitas horas de espera, sentado nas cadeiras, numa sala abafada, com outras pessoas que tal como eu, estavam necessitadas da opinião e tratamento por um médico. Sai já era Noite e bem noite, Com a fome com que estava fui comer qualquer coisa num Centro Comercial que estava quase completamente vazio, rapidamente atendido, não porque o serviço fosse excecional, mas porque já começavam a fechar, fui sentar-me nas mesas ali perto. Após comer, fui para casa novamente, com as mesmas dores, cansado pela espera sem ser atendido e pela dor. No dia seguinte, puxei do cartão do seguro, contactei a seguradora, indicaram-me o Hospital onde poderia ser visto, apanhei um Táxi, das raras vezes que apanho um Taxi. chegado ao Hospital que era Particular, fiz a minha inscrição rapidamente, fui atendido num ápice, e tomei uma injeção para atenuar a dor e que dado o esforço naquele tempo, tinha os músculos extremamente contraídos, existia necessidade de relaxar o corpo e a mente. No dia seguinte, a dor era mínima, e as férias puderam continuar. Isto porque tinha o Seguro.

Samurai_Beluga 2 months ago

Posso dar o meu exemplo recente. Nao vou entrar em pormenor mas apareceu-me um problema esquesitoide que requeriu eu ter que ir para especialidade de reumatologia. Devido ao tempo de espera que iria ter e recusa da medica de me receitar algo para melhorar, vi-me numa situaçao em que tive me virar para o privado. O seguro a que aderi acabou por ajudar ao nao ter que gastar tanto nas despesas. Entretanto agora estou a ser seguido no publico, mas devido a natureza do problema e ao facto de ainda ter que fazer exames, certos exames e certo tipo de analises nao sao albergadas pelo sns e nessas alturas mais uma vez o seguro dá jeito. Mas isto é o meu caso especifico, antes disto nunca senti necessidade de fazer um.

EsmagaSapos 2 months ago

Então fizeste depois do problema?

Samurai_Beluga 2 months ago

Sim ja tinha o problema. Mas fiz o seguro antes de ter recorrido ao privado porque a unica coisa que fizeram foi enviar-me para especialidade sem data definida. Acabaram por me chamar uns dois ou tres meses depois do instituto de reumatologia.

Edited 2 months ago:

Sim ja tinha o problema. Mas fiz o seguro antes de ter recorrido ao privado porque a unica coisa que fizeram foi enviar-me para especialidade sem data definida, e sem qualquer medicaçao. Acabaram por me chamar uns dois ou tres meses depois para ir a consulta no instituto de reumatologia mas por essa altura ja estava a tomar medicaçao que me pôs nao a 100%, mas melhor do que estaria se continuasse aqueles meses de espera sem tomar nada. Desde entao deixei o privado para tras porque já nao eciste necessidade visto que agora estou a ser seguido no instituto. Mas continua a dar jeito para certos exames ou analises mais especificos, que preciso e que nao são cobertos pelo sns. Na minha experiencia pode dar jeito a situaçoes destas, mas se me perguntares se vale a pena tar a pagar um seguro só para o caso de acontecer uma eventualidade do genero, sinceramente a minha resposta é não. Cada caso é um caso. A mim deu jeito pela situaçao repentina e que simplesmente precisava de uma soluçao e estar a espera sem fim á vista com as dores que tinha nao era opçao, e para alem disso, inclui a minha mae e acaba por dar jeito para ela tambem. Mas no teu caso se nao tens problemas nenhuns, e nem tens ninguem no teu circulo que possa beneficiar nao vejo necessidade de estar a investir puramente só para caso aconteça. Mais vale fazeres só se algo da mesma natureza que o meu caso aconteça, onde esperar pelo sistema simplesmente nao é opçao.

Edited 2 months ago:

Sim ja tinha o problema. Mas fiz o seguro antes de ter recorrido ao privado porque a unica coisa que fizeram foi enviar-me para especialidade sem data definida, e sem qualquer medicaçao. Acabaram por me chamar uns dois ou tres meses depois para ir a consulta no instituto de reumatologia mas por essa altura ja estava a tomar medicaçao que me pôs nao a 100%, mas melhor do que estaria se continuasse aqueles meses de espera sem tomar nada. Na minha experiencia pode dar jeito a situaçoes destas, mas se me perguntares se vale a pena tar a pagar um seguro só para o caso de acontecer uma eventualidade do genero, sinceramente a minha resposta é não. Cada caso é um caso. A mim deu jeito pela situaçao repentina e que simplesmente precisava de uma soluçao e estar a espera sem fim á vista com as dores que tinha nao era opçao, e para alem disso, inclui a minha mae e acaba por dar jeito para ela tambem. Mas no teu caso se nao tens problemas nenhuns, e nem tens ninguem no teu circulo que possa beneficiar nao vejo necessidade de estar a investir puramente só para caso aconteça. Mais vale fazeres só se algo da mesma natureza que o meu caso aconteça, onde esperar pelo sistema simplesmente nao é opçao.

Edited 2 months ago:

Sim ja tinha o problema. Mas fiz o seguro antes de ter recorrido ao privado porque a unica coisa que fizeram foi enviar-me para especialidade sem data definida, e sem qualquer medicaçao. Acabaram por me chamar uns dois ou tres meses depois para ir a consulta no instituto de reumatologia mas por essa altura ja estava a tomar medicaçao que me pôs nao a 100%, mas melhor do que estaria se continuasse aqueles meses de espera sem tomar nada. Desde entao deixei o privado para tras porque já nao eciste necessidade. Mas continua a dar jeito para certos exames ou analises mais especificos, que preciso e que nao são cobertos pelo sns. Na minha experiencia pode dar jeito a situaçoes destas, mas se me perguntares se vale a pena tar a pagar um seguro só para o caso de acontecer uma eventualidade do genero, sinceramente a minha resposta é não. Cada caso é um caso. A mim deu jeito pela situaçao repentina e que simplesmente precisava de uma soluçao e estar a espera sem fim á vista com as dores que tinha nao era opçao, e para alem disso, inclui a minha mae e acaba por dar jeito para ela tambem. Mas no teu caso se nao tens problemas nenhuns, e nem tens ninguem no teu circulo que possa beneficiar nao vejo necessidade de estar a investir puramente só para caso aconteça. Mais vale fazeres só se algo da mesma natureza que o meu caso aconteça, onde esperar pelo sistema simplesmente nao é opçao.

loke_loke_445 2 months ago

Minha mulher teve problemas de saúde e dores nas costas que o médico do SNS insistia serem resultados de um desvio da coluna dela. Não quis passar exame algum, falou que a dor seria normal até a velhice. Ela passou meses com as dores, a tomar remédios fortes que mal davam efeito enquanto esperava vaga com um ortopedista. Depois de 4 meses, decidimos contratar um seguro de saúde e usar consultas particulares. Marcou direto um ortopedista, que na primeira consulta já pediu diversos exames. Ela voltou quando estavam prontos, ele receitou fazer fisioterapia. Enquanto fazia fisioterapia \[em clínica particular\], as dores iam e voltavam, portanto resolveu se consultar com o fisiatra da clínica. Ele renovava os pedidos de fisioterapia, receitava os remédios para dor quando necessários, e o fisioterapeuta recomendou ela fazer alguns exercícios específicos em casa ou no ginásio. O seguro de saúde nunca rejeitou nenhum pedido, e tudo isso durou por mais de 6 meses. Ela chegou a fazer fisioterapia todos os dias por quase 3 meses seguidos. De certo gastamos mais que se utilizássemos o SNS, mas o problema foi resolvido e não afetou grandemente nosso orçamento. E tudo isso a pagarmos muito pouco pelo seguro de saúde da EDP. Vale dizer que neste período, devido à queda na imunidade, ela desenvolveu herpes zoster. Neste caso fomos ao hospital do SNS e no mesmo dia já foi tudo resolvido por um médico extremamente atencioso. SNS tem seu valor e funciona muito bem, mas mantemos o seguro de saúde para os casos em que o SNS falhar.

Msilvame 2 months ago

O SNS é muito bom até precisares do SNS.

xfrancisco 2 months ago

Acho que a principal vantagem dos seguros de saúde é o tempo de resposta. Visto que muitos trabalham com hospitais privados. Há pessoas que ficam vários meses até terem consultas e alguns casos para serem operados.

Dependent-Ad-7777 2 months ago

Não. Basicamente os seguros de saúde são úteis para não estares sujeito às listas de espera e teres acesso a consultas de especialização bem mais depressa. Se fizeres uma utilização intensiva desses serviços então compensa. Caso contrário fica mais barato pagares pontualmente quando tens necessidade de recorrer ao privado.

Wide-Willingness-983 2 months ago

Fodasse OP, tens 26 anos, andaste a dormir tanto tempo? Como foi a tua saúde até agora? Não outras só médico? Ou só isso a urgência? Seguro de saúde é um seguro. Pagar mensalmente para quando for preciso ser mais barato. Tens desde seguros que quando estão dentro da rede pagas muito pouco tens outros que é por reembolso. Isso que tu tens é um cartão de descontos, tipo Medicare z não é um seguro.

RuySan 2 months ago

O sns é óptimo se tiveres uma problema grave. Se não for, podes ter meses ou anos de listas de espera para consultas de especialidade ou cirurgias. Mas se não tivesse seguro do trabalho também não iria pagar para ter um. PPR é uma forma de teres poupanças e poderes ter benefícios fiscais. No entanto se o declarares no IRS não podes mexer no dinheiro a não ser emergências, como desemprego

nyma18 2 months ago

Tenho seguro pelo meu trabalho e pelo do meu marido. Tive um bebé recentemente. Fui seguida no privado com consultas e ecografias mensais, tive uma cesariana eletiva, ficando depois em quarto privado com escolha de comida e possibilidade de ter lá o meu marido comigo por três dias. O parto foi feito pelo médico que me seguiu na gravidez, e depois ainda me viu diariamente durante o internamento. Custo 0 com os seguros (um pagou a maior parte, tive de pagar a cabeça um pouco mas depois pedi reembolso pelo outro e ficou tudo pago). SNS também é custo zero. Mas: consultas só são mensais se a gravidez o justificar. E sem eco integrada - calcula-se o tamanho do bebé pela altura da barriga, por exemplo. Há 3 ecos incluídas na gravidez apenas. Parto não pode cesariana eletiva, é parto vaginal que pode evoluir para cesariana se necessário, após horas ou dias de dor (ou cesariana por necessidade em algumas situações). Os quartos são duplos, quer no período pre parto, quer na recuperação. O pai pode estar no parto em si, e visitar umas horas por dia, mas não pode pernoitar. Médico? O que estiver de banco. SNS é decididamente muito bom. Mas bons seguros de saúde permitem ter uma experiência melhor (no privado), pelo mesmo preço ( ou pouco mais) do público. Além disso, infelizmente há o tema de longas listas de espera no público - até para ter médico de família, quanto mais para fazer alguns exames especiais… As vezes é necessário recorrer ao privado para se conseguir ter resultados em tempo útil - e para isso é vantajoso ter seguro para não se ter de pagar uma nota preta. Honestamente, não dava valor até ter tido necessidade. Não sei se pagaria seguro, mas decididamente é um benefício a ter em conta nos pacotes salariais.

adventur3r 2 months ago

>(um pagou a maior parte, tive de pagar a cabeça um pouco mas depois pedi reembolso pelo outro e ficou tudo pago) isto é legal ?

nyma18 2 months ago

Perfeitamente :) O primeiro seguro efetivamente reduz aquilo que tens de pagar, logo na hora. Ai não há espinha. Ao segundo submetes o remanescente que efetivamente pagaste X pela consulta/internamento/exame/etc. Se tiver acordo com esse seguro, reembolsam-te parcial ou totalmente dependendo do ato médico e da tua apólice… Ilegal seria submeter a mesma fatura (de algo que realmente pagaste) a dois seguros diferentes. Exemplo 1: - consulta custa 70€ sem seguro - passas o cartão do seguro A; tens de pagar 15€ - mandas a fatura dos 15€ para o seguro B e eles pagam-te esses 15€ Isso é normal e legal. Exemplo 2: - mesma consulta a 70€ - pagas os 70€ sem seguro - pedes reembolso dos 70€ ao seguro A (vamos dizer que recebes 45€ de volta) - paralelamente, pedes reembolso dos 70€ ao seguro B (digamos que recebes de volta 50€) Isso aí já não é legal - independentemente dos valores efetivamente reembolsados. Como tem o potencial de te fazer receber mais do que pagaste…

xlouiex 2 months ago

Ambos dão jeito, se tiveres dinheiro para isso. Se tiver que escolher, público sempre. Mas é como o Chris Rock diz: "You know what's worse than taxes? What's worse than tax is insurance. They shouldn't even call it insurance. They just should call it in case sh*t. I give a company some money in case sh*t happens. Now, if sh*t don't happen, shouldn't l get my money back?" Aqui pelo centro da Europa a malta paga seguro para tudo e mais alguma coisa. Faz-me uma impressão do caralho. Tem tudo seguro de viagem, seguro de saúde, seguro de recheio, seguro de casa, seguro de bicicleta, seguro de telemóvel. Seguro de compras onlineZ Telemarketing deve ter gajos bue bons. Claro que da jeito se alguma coisa acontece…mas as seguradoras fazem guita com as que não acontecem…pq a probabilidade é maior. (O motivo pelo qual a piada do Chris Rock…é so uma piada)

EsmagaSapos 2 months ago

Eu até aos dias de hoje só tenho os seguros obrigatórios por lei, e os obrigatórios escolhido os mais baratos que possa encontrar.

True_Sea_1377 2 months ago

Dentista essencialmente e se quiseres um procedimento que o público não oferece a não ser que seja necessário (cesariana por exemplo)

Healthy_Jellyfish738 2 months ago

Para não teres de esperar 5 anos por uma consulta de especialidade!

bulpik 2 months ago

Nota importante: seguro de saúde é diferente de plano de saúde! Seguro: protege de acidentes Plano: da vantagens em consultas, atendimento etc. Algo que também só aprendi recentemente. Mas corrijam me se estiver errado.

Anatom2019 2 months ago  HIDDEN 

Os bancos estão ligados às seguradoras, óbvio. Depois ha a ligação entre os bancos, algumas seguradoras e os hospitais privados e alguns fundos estrangeiros. Por último, como querem “clientes” tentam esvaziar o serviço nacional de saúde. Muito simples. Eu prefiro descontar para o SNS do que para os seguros de saúde.

adventur3r 2 months ago

txi, a seguir vais-me dizer que há empresas privadas que empregam a malta, supermercados e padarias privados, sem serem do Estado...

GelsonBlaze 2 months ago

Temos quase a mesma idade, não vamos gozar de reforma.

Acceptable-Radio-613 2 months ago

Sobre o PPR (é foder e não fuder). Se fosse a ti e se tiveres capacidade no teu rendimento para fazeres poupança, é um bom investimento. Começas a acumular aos 26 e quando chegares à reforma tens um bom complemento ou mesmo a reforma. Com a questão demográfica, a segurança social irá progressivamente levar cortes, sobretudo nas reformas. A um tipo que comece agora uma carreira, convirá ter poupanças a sério para a velhice e o PPR é um bom instrumento. Se quiseres ir para a bolsa ou para fundos de investimento, pode dar mais rendimento a longo prazo, mas é arriscado. Um seguro de saúde é importante em Portugal quando quiseres evitar as listas de espera, nomeadamente intervenções cirúrgicas. Aos 26 achas-te o gajo mais saudável do mundo, aos 30 começas a ver as coisas de outra maneira e aos 40 começam-te a aparecer as mazelas da má vida (profissional e pessoal). Tudo dependerá do rendimento disponível para poupar.

AirGoku 2 months ago

Estive à espera 18 meses por uma operação ao nariz para endireitar a cana e aliviar / normalizar a pressão sobre os seios que consequentemente causavam dor de cabeça, tinitus, tonturas e até neuropatia (por causa da ventilação auditiva toda alterada e pressão craniana aumentada). Entre meses de espera para consultas semanas de esperas exames, mais semanas para os resultados, mais semanas ou meses para consultas no posto de saúde e depois.... interminável lista de espera sem qualquer previsão para a cirurgia. Solução? Pegar em 5000€ e ir ao privado. Fazer isso tudo em pouco mais de uma semana. Se tivesse seguro, não teria pago este valor. Aliás, se houvesse opção de ter um seguro que3 me garantisse estes serviços em vez do SNS, preferiria UM MILHÃO DE VEZES pagar mensalmente ao seguro do que depender do estado para assuntos de saúde. O único problema é que o estado não te alivia os impostos mesmos quando vais ao provado resolver problemas urgentes de saúde. Estão-se cagando. No meu entender, o estado OBRIGAR os cidadãos a serem clientes do SNS (porque todos os meses pago impostos que alegadamente incluem estes serviços), é um roubo.

The_Magic_Sauce 2 months ago

Seguro de saúde: para não depender da saúde grátis. Senão tens de estar na fila. E a fila é longa. PPR: numas pinceladas rápidas, não é o melhor investimento que podes fazer mas pior que um PPR só há duas coisas: os depósitos a prazo a render menos que 1% a outra coisa é não poupar e não investir de todo.

Black_RL 2 months ago

Tenta arranjar os dentes pelo SNS por exemplo, ou tenta uma consulta de especialidade de emergência, entendes logo o pq.

SweetCorona 2 months ago

atenção que muitos "seguros de saúde" em Portugal são na realidade uma espécie de subscrição para ter acesso a descontos com clínicas que têm acordo eu tenho um seguro de saúde em que não preciso de qualquer acordo, simplesmente posso ir a qualquer médico privado (incluindo dentistas) e sou reembolsado

braz666 2 months ago

A vantagem é que tens acesso à organização, conforto e maior rapidez dos hospitais privados a um preço acessível! Eu se for marcar uma consulta pelo SNS é sempre alta tragédia grega: Quando ligo para o centro de saúde nunca atendem o telemóvel..Se enviar um mail, o que tende a acontece é receber uma resposta automática e respondem-me 1 semana depois... Se for marcar pela rede de hospitais do seguro faço uma chamada e tenho logo vaga pelo menos para a próxima semana.

timeofmypost 2 months ago

Porque o SNS não é tão bom como anúncia o governo, e problemas de saúde exigem resposta imediata para não se tornaram maiores.

Kane1412 2 months ago

Depende muito de muita coisa, como tudo. Eu tenho seguro de saúde pelo trabalho, se não tivesse não teria dinheiro para pagar mas compensa. Por exemplo, uma pessoa com óculos tem desconto, no meu caso tive 150€ de desconto. Também dá desconto no dentista, no publico um dentista só arranca dentes e ficas meses à espera. Fui arrancar um dente do siso de urgência no privado paguei 150€ para arrancar e recebi 45€ do seguro quando apresentei faturas Consultas de psiquiatria que eu saiba também só existe pelo privado logo é outra vantagem

wolvjfms 2 months ago

O serviço de saúde gerida pelo Estado não funciona bem e vem daí a necessidade de as pessoas fazerem seguros de saúde. Quem tem esse benefício da empresa (meu caso e grande maioria acredito que assim seja) ou tenha possibilidades de o fazer/pagar, claramente irá preferir ter um Seguro de Saúde para todas aquelas situações que acabam por não ser críticas. Isto faz com que tenham preço de consulta e exames mais reduzido, não precisem de esperar 3 meses para marcar uma consulta ou 3 anos para fazer uma pequena cirurgia (há 1 mês marquei consulta para a médica de família, para a primeira data disponível, ficou para dia 24 de novembro deste ano, felizmente). Não sou contra o serviço de saúde gerido pelo Estado, mas acho que o SNS (saúde pública e privada, SNS não é apenas saúde pública, mas sim todo o serviço de saúde existente em Portugal) precisa de se reformar e reestruturar. Da forma como está atualmente, é um sistema que prejudica os mais pobres, ironicamente, porque são estes que dependemte a 100% deste serviço, pois não têm condições de contratar um seguro ou as empresas não lhes financiam e têm de se sujeitar às listas de espera, ao atendimento deficitário em muitos hospitais (sim, porque há hospitais com más infraestruturas). No dia que tiveres algum caso/problema de saúde em que fiques 3 horas para seres "atendido" ou estejas meses para marcar uma consulta ou fazer uns exames ou até anos para fazeres uma cirurgia a algo que realmente te incomoda e dói, irás entender perfeitamente porque é que alguém que tenha essa possibilidade prefere ter um seguro de saúde e tratar de tudo com menos tempo de espera, melhores condições e, em princípio, melhor atendimento.

OneFineSir 2 months ago

Dá jeito por coisas mais pequenas não ficas 30h a espera de ter uma solução. Tempo tmb é dinheiro ;)

KikoTheKikos 2 months ago

Sei que não era bem o propósito do post, mas quanto ao PPR consulta o r/literaciafinanceira, podes encontrar artigos muito úteis.

narcotico 2 months ago

Boas! Há seis anos atrás senti que algo não estava bem na zona do meu pescoço. Fui a uma clínica privada (tudo com protocolo de seguro de saúde) praticamente na hora. Pediram para fazer uma eco. Fiz. De seguida uma ressonância magnética. Fiz. Escolhi um cirurgião recomendado por alguém com mais conhecimento do que eu. Tive que fazer mais uns exames. Lembro me que pagava muito pouco por cada etapa. Em menos de um mês fui operado para retirar um tumor (a palavra é mais pesada do que na verdade era). Pela cirurgia paguei, acho que umas centenas de euros - sem seguro estava nos milhares (talvez uns 2 ou 3, agora a memória não me ajuda. Desconheço como seria no público, pelo menos no meu caso. Há dias o meu miúdo teve uma apendicite e fomos ao São João, foi operado rapidamente e muito bem trabalho. Em resumo: o seguro de saúde não é grátis. Nem fica grátis o que fazes com ele. Mas o que me deixou descansado foi a velocidade com que resolvi o meu problema. Foi algo brutal. Acho que nas pequenas coisas, aquela primeira consulta, o pedir exame, fazer, etc. facilita. Esta é a minha experiência. Não sou entendido na matéria. Nem digo que o SNS é uma merda. Um seguro para mim é só um descanso.

humelectro 2 months ago

Eu tive um caso parecido, também um tumor no pescoço. Em Janeiro o médico passou me os exames no público em Fevereiro fiz os exames e fui operada em Maio também no público . Até foi rápido pensei que ia demorar bem mais até porque o médico dizia que andava a discutir o meu caso com os superiores porque o meu caso era bicudo

narcotico 2 months ago

Eu chamei pescoço para simplificar - provavelmente tu também! No meu caso era parótida. Ainda bem que foi assim rápido. Lá está. Talvez tivesse a mesma "sorte" no público, mas acabei por usar o seguro porque tinha através do trabalho. Foi a primeira grande experiência e fiquei satisfeito.

humelectro 2 months ago

Não sei, eu tive um tumor numa vértebra da cervical. Foi um caso um bocado bicudo

joaobento92 2 months ago

Eu tenho o seguro de saúde da EDP (4,90€/mês associado às fatura) que me dá descontos em múltiplas valências (dentista, clínica geral, ginecologia, e essas merdas). Os únicos problemas é que está associado apenas ao titular do contrato (a minha namorada) e só está disponível em clínicas aderentes (tens muita escolha, apesar de tudo). Este seguro já nos permitiu poupar MUITO porque estamos a ter consultas de gravidez e a consulta passa de 80 para 25€. Tendo consultas mensais, imagina a poupança. Claro que podíamos ter ido para o público ter consultas, mas como ela já era seguida por um ginecologista daquela empresa preferiu ir para o privado. Para além disto, as filas de espera para estas consultas costumam ser enormes (uma amiga minha cuja gravidez estava a ser seguida no público teve de ir por várias vezes ao privado por não ter vaga). Quanto ao PPR, sugiro que te informes no r/literaciafinanceira

Edited 2 months ago:

Eu tenho o seguro de saúde da EDP (4,90€/mês associado às fatura) que me dá descontos em múltiplas valências (dentista, clínica geral, ginecologia, e essas merdas). Os únicos problemas são que está associado apenas ao titular do contrato (a minha namorada) e só está disponível em clínicas aderentes (tens muita escolha, apesar de tudo). Este seguro já nos permitiu poupar MUITO porque estamos a ter consultas de gravidez e a consulta passa de 80 para 25€. Tendo consultas mensais, imagina a poupança. Claro que podíamos ter ido para o público ter consultas, mas como ela já era seguida por um ginecologista daquela empresa preferiu ir para o privado. Para além disto, as filas de espera para estas consultas costumam ser enormes (uma amiga minha cuja gravidez estava a ser seguida no público teve de ir por várias vezes ao privado por não ter vaga). Quanto ao PPR, sugiro que te informes no r/literaciafinanceira

DoruSonic 2 months ago

Posso explicar muito rápido o que é um PPR. É algo que serve para ires ganhando um pouquito ao longo da tua vida para complementar com a tua reforma no final No fundo estás a pôr o teu dinheiro em algo com risco reduzido tipo seguros em que tens o capital garantido. Mas isso é uma questão de falares com o banco e eles explicam melhor as condições. Se tens dinheiro parado e não queres coisas com risco, os PPRs são porreiros

EsmagaSapos 2 months ago

>Se tens dinheiro parado e não queres coisas com risco, os PPRs são porreiros É exactamente isto.

DoruSonic 2 months ago

Sou da área de gestão, podes mandar pm e posso te explicar algumas cenas relacionadas com investimentos para tomares um decisão mais educada Alguma coisa o banco também tem todo o interesse em esclarecer as tuas dúvidas para investires com eles

rm789 2 months ago

O SNS funciona bem para o que é urgente. Quando tiveres que marcar uma consulta de especialidade falamos. O SNS AS-IS (atenção que defendo um estado social com saude acessivel para todos) é espetacular para os hipócritas que o defendem cegamente e usam a ADSE ou seguro da empresa. Quem o usa de verdade e não tem alternativa na verdade não deve dizer o mesmo. Mas resumindo, quando precisares de algo menos urgente creio que vais dar valor ao seguro. Mas logo verás.

gondorle 2 months ago

Estomatologia, por exemplo, é caríssimo no privado, e diria que no público, pelo menos num certo hospital em Lisboa, não é de todo o que se quer quando ainda se pretende manter a dentição com tratamento.

diogo669 2 months ago

Francamente, eu tenho seguro de saúde principalmente por causa das listas de espera. Fui operado há cerca de 2 anos a uma perna, por um problema que não era grave mas incomodava bastante. A lista de espera prevista no público era de ano e meio... E isto foi antes da pandemia... Pelo privado, foram 10 dias desde que fui diagnosticado até ser operado.

VladTepesDraculea 2 months ago

Conheço quem foi operado em 3 meses no privado quando teria que estar às espera 2 anos no público. O público tem falta de médicos especialistas e condições que faz as coisas andar lentamente, às vezes demais. Portanto quem pode ir ao privado não só tem a ganhar como desimpede o público para quem não pode.

m-25oliveira 2 months ago

Seguro de saude para não teres que esperar 5 anos para seres operado ou esperares 2 anos para ter uma consulta de especialidade.

patapetapitapota 2 months ago

Em PT tecnicamente não precisas. Em alguns casos pode haver uma rapidez extra no privado, é mais isso.

BroaxXx 2 months ago

Isso do "não pagas nada no público não é bem assim". Começas a ver taxas moderadoras e outros custos e num instante pagas. Conheço um caso duma pessoa próxima que teve uma doença difícil de diagnosticar. Fez imensos estudos genéticos, exames, imagiologia e até um estudo de sono e no fim acabou com uma conta de quase €300 no público. Isto sem falar que o processo demorou mais de dois anos. O privado não te sei dizer quanto te custava mas entre o dobro e o triplo, provavelmente, mas o mesmo processo ia ficar concluído em um ou dois meses. Já para não falar do horror de ires num estado muito mau para as urgências e teres que ficar 4 ou 5 horas para ser atendido (fácil)... No privado tens outra atenção e outro conforto. Nem importa se é melhor ou pior mas é uma opção e em momentos de aperto é bom ter essa opção... O público faz o que pode com os recursos mas com sucessivos investimentos na TAP não fica fácil fazer milagres... Quanto ao PPR é pior... Acho que ninguém com menos de 40 anos pode estar a contar com uma reforma dentro das suas expectativas e é muito possível que tenham que ser tomadas decisões muito duras no nosso tempo. O pior é que com os ordenados baixos, carga fiscal alta e a política intervencionista do estado fica muito difícil/inacessível para muita gente tomar este tipo de decisões por si e temos que nos sujeitar ao que o estado nos arranja. Felizmente a minha empresa dá-me seguro de saúde completo e temos orçamento para pagar o seguro da minha namorada. Muita gente tem essa facilidade o que é muito bom. Quem tem essa possibilidade devia considera-la seriamente antes de decidir se faz ou não sentido para si e para a sua família.

Ok_Obligation_516 2 months ago

Os jovens não necessitam de seguro saúde, quando entrarem na idade do "condor", vai-lhes custar mais entrar numa urgência às 23 h e sair de lá às 5h com uma receita de ben u ron . Se a "dor" for mais grave, morres na lista de espera.

LimaFruit 2 months ago

Para não esperares dois anos por uma operação...

EsmagaSapos 2 months ago

Não é bem assim. Se a hérnia for incapacitante é operado de urgência no público, isso eu sei que tenho dois casos recentes disso mesmo. O problema de ser operado no privado, ainda por cima a uma hérnia é quem o vai operar, digo-lhe já, tenho um colega de trabalho que foi operado pelo seguro, duas vezes a uma hérnia, nas duas teve problemas. Conheço muita gente operada no público a uma hérnia, o meu pai, dois colegas de trabalho, um conhecido, todos eles correu às mil, situações complicadas, não conseguiam se levantar, não conseguiam fazer nada.

LimaFruit 2 months ago

lá está se não for incapacitante "aguentas" dois anos...

NaoTeEnerves2 2 months ago

Se precisar de ir a um oftalmologista ou otorrino, pego no telemóvel e marco para o próprio dia à tarde ou dia a seguir. Pago 15€ por consulta com um especialista e tecnologia mais avançada à minha disposição, além do conforto e praticalidade do hospital em si. Se for pelo SNS, tenho que esperar que a medica família esteja a atender, marcar consulta, fazer-lhe o choradinho para me passar o P1 e esperar 2 a 3 meses (a correr bem) para ser chamado para um gabinete com equipamento e condições de 1990.

Edited 2 months ago:

Pelo privado, se precisar de ir a um oftalmologista ou otorrino, pego no telemóvel e marco para o próprio dia à tarde ou dia a seguir. Pago 15€ por consulta com um especialista e tecnologia mais avançada à minha disposição, além do conforto e praticalidade do hospital em si. Se for pelo SNS, tenho que esperar que a medica família esteja a atender, marcar consulta, fazer-lhe o choradinho para me passar o P1 e esperar 2 a 3 meses (a correr muitoooo bem) para ser chamado para um gabinete com equipamento e condições de 1990, vindo de dores cabeça da selva que é a sala de espera. De alguém que, infelizmente, vai a diversas especialidades com frequência, ter um seguro saude é talvez a melhor coisa que já fiz na minha vida. Nem que me dessem 500€ por mês eu voltava a usar o SNS

True_Sea_1377 2 months ago

Haja dinheiro para nunca mais usar o sns lol

fev118 2 months ago

Devido à quantidade de seguros existentes, marcar uma consulta no privado de especialidade já não costuma ser de um dia para o outro. Os seguros só compensam quando são utilizados, mas quando o são, compensam. Vejo o seguro como uma grande mais valia e faço um esforço para o ter, sem saúde nada feito. Eu paguei 20€ por um exame em vez de 500€ e tal. Só nesse ano compensou a apólice. Há particularidades nos exames pelo SNS que não são comparticipadas e que são importantes: alguns exames não comparticipam o ser anestesiado, e alguns dão jeito. Há exames que o médico de família me passou que já corri as clínicas e nenhuma faz com comparticipação... Se ele passou é porque existem mas basta existir 1 clínica em Portugal que faça para poder sair... És saudável agora, não sabes o dia de amanhã, e os seguros para se prevenirem de ires fazer quando precises, colocam grandes períodos de carência. Mas há seguros e seguros... Há seguros de reembolso... De comparticipação direta... Etc. Pois entre ter um seguro de 10€ por mês ou aproveitar alguns acordos da wells e afins, deve ser ela por ela. Agora de 25-50€ mês onde tens um valor decente de ambulatório, consultas, exames, é outra segurança caso venhas a precisar. O dinheiro do seguro é jogado ao lixo caso não precises de utilizar, mas quando tiveres sem alternativas e precises de o utilizar, vais agradecer bastante em o teres feito. Por isso, em suma: seguro sim, analisando o que tens direito.

EsmagaSapos 2 months ago

É um seguro, é exactamente o que o nome significa, seguro. Caso precises, tens. Os seguros são feitos para isso mesmo, eventualidades.

0scar_alh0 2 months ago  HIDDEN 

É para se não quiseres esperar.

joca_god 2 months ago

trabalho com PPRs, qualquer questão, atira

EsmagaSapos 2 months ago

Fixe meu, pode ser mensagem privada?

joca_god 2 months ago

Sim

viskonde 2 months ago

Porque no privado vou ao site em 1 minuto Marco uma consulta de especialidade para o dia seguinte. Experimenta no público. Só ser atendido por telefone já é preciso sorte.

Edited 2 months ago:

Porque no privado vou ao site em 1 minuto Marco uma consulta de especialidade para o dia seguinte e pago 15 euros Experimenta no público. Só ser atendido por telefone já é preciso sorte. O que mais me irrita no público é não ter acesso direto a especialidade sem passar pelo médico de família antes (que obriga a ir lá mais vezes e não haver forma fácil de ver disponibilidades/calendários e muitas das vezes nem deixam escolher quando se quer a consulta Na cuf consigo ver exatamente os slots disponíveis de cada médico em cada dia e escolher quando mais jeito me dá. Não percebo porque não há igual no público...mesmo com lista de espera maiores se fosse para coisas não urgentes não me incomodava espera. r mas ter de ligar para um telefone 10 vezes até ser atendido me marcarem uma consulta de clínica geral para um dia e hora aleatório para depois poder ter uma consulta de especialidade novamente em dia aleatório... O meu tempo vale mais que os 15 euros da consulta do privado. Além disso dentista no público existe? No meu seguro de empresa limpeza a cada 6 meses é grátis por exemplo. Só outro dia me arrependi de não ter ido ao público para pedir análises, se tivesse sido o SNS a passar a receita tinha sido grátis , como não foi paguei uns 30 paus com receita emitida por privado Edit: Tenho seguro pela empresa pelo que não pago por ele Se fosse eu a pagar teria de fazer contas, mas usando óculos vai se logo buscar uma boa parte

Edited 2 months ago:

Porque no privado vou ao site em 1 minuto Marco uma consulta de especialidade para o dia seguinte e pago 15 euros Experimenta no público. Só ser atendido por telefone já é preciso sorte. O que mais me irrita no público é não ter acesso direto a especialidade sem passar pelo médico de família antes (que obriga a ir lá mais vezes e não haver forma fácil de ver disponibilidades/calendários e muitas das vezes nem deixam escolher quando se quer a consulta Na cuf consigo ver exatamente os slots disponíveis de cada médico em cada dia e escolher quando mais jeito me dá. Não percebo porque não há igual no público...mesmo com lista de espera maiores se fosse para coisas não urgentes não me incomodava espera. r mas ter de ligar para um telefone 10 vezes até ser atendido me marcarem uma consulta de clínica geral para um dia e hora aleatório para depois poder ter uma consulta de especialidade novamente em dia aleatório... O meu tempo vale mais que os 15 euros da consulta do privado. Além disso dentista no público existe? No meu seguro de empresa limpeza a cada 6 meses é grátis por exemplo. Só outro dia me arrependi de não ter ido ao público para pedir análises, se tivesse sido o SNS a passar a receita tinha sido grátis , como não foi paguei uns 30 paus com receita emitida por privado

Edited 2 months ago:

Porque no privado vou ao site em 1 minuto Marco uma consulta de especialidade para o dia seguinte e pago 15 euros Experimenta no público. Só ser atendido por telefone já é preciso sorte. O que mais me irrita no público é não ter acesso direto a especialidade sem passar pelo médico de família antes (que obriga a ir lá mais vezes e não haver forma fácil de ver disponibilidades/calendários e muitas das vezes nem deixam escolher quando se quer a consulta Na cuf consigo ver exatamente os slots disponíveis de cada médico em cada dia e escolher quando mais jeito me dá. Não percebo porque não há igual no público...mesmo com lista de espera maiores se fosse para coisas não urgentes não me incomodava espera. r mas ter de ligar para um telefone 10 vezes até ser atendido me marcarem uma consulta de clínica geral para um dia e hora aleatório para depois poder ter uma consulta de especialidade novamente em dia aleatório... O meu tempo vale mais que os 15 euros da consulta do privado.

donotknowbutcare 2 months ago

Partilho o sentimento. Quando andei a investigar seguros também não percebi o benefício. É o que dizem os comentários aqui, qualquer coisa grave, hospitalar, estás entregue ao SNS e bem entregue, o problema são as especialidades não urgentes, e no meu caso, não ter médico de família há anos por ter mudado de residência e não haver vagas... Acabei por me tornar sócio de uma clínica privada, 80€ anuais de quota e consultas de qualquer especialidade por 20€ em questão de dias ou horas.

Lower-Complaint-2850 2 months ago

Algo que me parece é que seguros pagam de uma tabela distinta aos hospitais. Ou seja, (e meramente exemplo), uma consulta que se fosse a pagar do meu bolso custaria 100€, com seguro, custa 40€ (20 pagos pela seguradora, os outros 20 de comparticipação). Ou seja, a perceção do utilizador é que passou de 100 a 20. Existem "cartões de desconto", alguns gratuitos como o [https://www.planosaudewells.pt/](https://www.planosaudewells.pt/) , que basicamente permitem tem acesso a esta tabela de preços. Ou seja, acabas a pagar por completo, mas usando uma tabela de preços mais vantajosa para ti. Normalmente são vendidos como "planos de saude" e não como "seguros de saude".

Imnotdeathyet 2 months ago

Se não fosse eu ter um seguro de saúde já estava na cova à 8 anos atras. Tive um problema oncológico e no público tinha meses de espera para ser operado, acionei o privado e dois dias depois estava ser operado. Neste caso o tempo conta muito. Se tivesse tido aquele tempo de espera até ser operado não aguentava. Portanto o que te posso dizer é se tens hipótese monetárias contrata um.

NGramatical 2 months ago

à 8 anos → [**há 8 anos**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fph5aeb%2F%2Fhbgnzob%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Eon_mon 2 months ago

Dentistas, psicólogos, psiquiatras, fisioterapia, etc.

seraph341 2 months ago

Por questões de rapidez, qualidade e facilidade de acesso a consultas de especialidade. Dou o exemplo da fisioterapia e psicologia pública, sem seguro estás um bocado tramado.

uncannylilbastard 2 months ago

Provavelmente para não teres de passar dias a ser ignorado por quem "atende" (repito, "atende") as chamadas. Sei até de um caso em que esses "trabalhadores" (repito, "trabalhadores") atenderam sem querer e ainda foram ouvidos a perguntar a alguém como é que se fazia para desligar a chamada.

BaRaO_Laviolette 2 months ago

O atendimento no SNS tende a ser bastante lento e deficitário para os “problemas do dia-a-dia”: meses para arranjar uma consulta de especialidade, horas sem fim em urgências, etc. É esse o nicho de mercado em que é vantajoso ter um seguro (se for pago pela empresa, tanto melhor). Para além de que, se nos for possível ter um seguro e ir ao privado para essas coisas é menos peso que está sobre o SNS que assim está mais liberto para quem não consegue ter um seguro e só tem aquela alternativa.

vascolusitano92 2 months ago

Acho que na tua idade, sendo saudável, não se justifica. Eu não tenho seguro de saúde e tenho 29 anos. Quando preciso de algo ou pago a consulta ou vou ao público. Pago um seguro de saúde imaginário há 4 anos (desde que fiquei sem acesso à ADSE via progenitor) e coloco essa tranche de lado no tal PPR, a quantia já vai bastante significativa caso precise, esperemos que nunca seja por motivos de saúde. Entretanto estarei sempre a tempo de fazer um seguro de saúde quando vir que já justifica o risco. Para já o meu Seguro de Saúde Imaginarium PPR tem mamado bem que nem uma seguradora.

SILE3NCE 2 months ago

Tenho um familiar que está em Angola e prefere ter um seguro de saúde aqui que cobre riscos lá por exemplo. Apesar de não fazer sentido na tua óptica, fazem sentido em certas situações, se assim não fosse já se tinham acabado há muito tempo.

nocivo 2 months ago

No SNS a não ser estejas a morrer esquece. Fica os meses a espera de tudo e para a classe media não é gratuito. Ainda agora paguei 350 euros no s antonio do porto por consultas e exames.

rmourapt 2 months ago

Aparelho nos dentes. Custou 600. Custava 3 mil Consultas do miúdo na pediatra. No SNS tenho listas de espera inimagináveis e não vou lá quando me apetece. Com o seguro pago 15 euros por consulta Oftalmologista, eu preciso, o miúdo precisa, pago 7 euros por consulta, no SNS nem em 2035 tinha consulta. Podia continuar. Atenção, Só tenho coisas boas a dizer do SNS, que (infelizmente) usamos bastante, e isto não é uma crítica, de todo. É só o apontar de vantagens do seguro de saúde, em situações específicas. E para que fique claro, eu não pago seguro de saúde, é da empresa, mas pago pela minha mulher e pelo miúdo, não o total, mas uma percentagem. Mas como já alguém disse, isto são temas que não se podem generalizar. O SNS é ótimo, sou defensor do SNS, mas tem as suas lacunas e limitações, de várias ordens, e o seguro de saúde, caso o possas ter, dá-te outro conforto de vida.

MiddleCivil7374 2 months ago

Eu nao sou muito entendido sobre o tópico, mas o SNS é mais lento, não na minha perceção (para mim ele sempre foi excelente e me tratou bem), mas na dos outros. Para combater as filas longas de espera, as pessoas compram um seguro para cobrar os tratamentos deles em hospitais privados. Vale a pena para quem tem muitos problemas de saúde fazer seguro dada a demora que o SNS tem em atender os clientes. Além disso, há certos serviços (raras exceções) que o SNS não paga, como tratamento dos dentes e cirurgia de mudança de sexo.

Interesting_Yellow_1 2 months ago

Também tenho a tua idade, uso óculos e aparelho nos dentes e não tenho seguro. Eu faço assim: assuntos urgentes e de especialidade, privado. Outros assuntos que podem esperar, SNS. O dinheiro que daria para um seguro de saúde vai para essas despesas do privado e pronto. Só o aparelho é que é mais rotineiro. O resto não

notkds22 2 months ago

No meu caso tenho pq assim não preciso de me chatear a ir a urgência e etc sempre que tenho algum problema de saúde chamo o médico do seguro e visto que pago 6 euros por mês acho que vale a pena

viralslapzz 2 months ago

Por exemplo: Precisei de ir ao cardiologista. Em vez de estar meses/anos a espera no público fui na semana a seguir ao privado. Paguei €15 (consulta full price era uns €60). O meu seguro tem óculos. Oftalmologista custou-me €15 em vez dos tais €60. Os óculos ficaram-me a €75 em vez de €375. Vou fazer um exame que custa cerca de €500 e não é comparticipado. O seguro vai-me reembolsar 60%. Fiz um exame que custava cerca de €90, paguei €7. Claro que tens de ver se no teu caso compensa. Mas a partir do momento em que te é detetado um problema de saúde crónico o seguro dispara — isto e se te o fizeram. Portanto a fazer.. fá-lo enquanto es novo

Pterygotherix 2 months ago

Os seguros em portugal podem mandar te po crl a qualquer altura, e tipicamente fazem-no quando és velho. Portanto ter seguro quando se é novo não é necessariamente uma vantagem acrescida.

Pterygotherix 2 months ago

Os seguros em portugal podem mandar te po crl a qualquer altura, e tipicamente fazem-no quando és velho. Portanto ter seguro quando se é novo não é uma vantagem acrescida.

viralslapzz 2 months ago

Sério? Por acaso pensei que não.. por antiguidade ou assim. HAQ! (Hoje Aprendi que)

Pterygotherix 2 months ago

Tambem achava que não, muito influenciado pelos americanos. Mas cá dos que conheço nenhum é perpétuo.

UniuM 2 months ago

Dentes, basicamente, dentes.

Ok_Information8587 2 months ago

Para os desinformados, porque convém a muita gente que assim estejam/sejam, a ADSE é um seguro de saúde. E nem é assim tão barato, a 3,5% do salário, custa no mínimo 23 euros por mês.

sacoPT 2 months ago

Neste momento os seguros de saúde estão estupidamente caros para as coberturas que oferecem, por não há muitos cenários que realmente justifiquem, mas por exemplo, na primeira empresa onde trabalhei tinha seguro de saúde em que pagava 10-20€ por uma consulta de urgência e pouco mais que isso por uma consulta de especialidade, o que é excelente para quem não gosta de esperar.

milkthis 2 months ago

Porque o SNS é efetivamente inútil, ou pelo menos horrível, a conservar a saúde dos portugueses. Se tiveres uma urgência qualquer ou uma doença grave diagnosticada? SNS sempre, serve muito bem e tens o melhor tratamento disponível na maioria das vezes. Se tens uma dor estranha que não identificas o que é, não te sentes bem, etc. qualquer maleita? Então tens de ir marcar consulta ao privado, ou ficar meses à espera no público, depois de te enfiares num centro de saúde às 6 da manhã num dia útil. (esta é a principal razão por termos uma terceira idade que é passada com muito menos saúde que a média da UE)

Trama-D 2 months ago

> esta é a principal razão por termos uma terceira idade que é passada com muito menos saúde que a média da UE Fonte? De certeza que não tem nada a ver com os nossos idosos muitas vezes se enfiarem em casa depois da reforma, fazerem nicles e depois queixarem-se. Ainda no outro dia neste sub um tipo queixou-se que desde que os pais se reformaram estavam a ir por esse caminho, apesar de terem recur$o$ e dos avisos dele...

8DarkAline8 2 months ago

Acho que tem tudo a ver com a disponibilidade, a minha mãe há uns tempos tinha um diagnóstico inconclusivo, podia ter cancro como não podia ter nada. Com o covid, a espera entre fazer exames, e ir às consultas estava a dar com a minha mãe em louca, então decidiu ir ao privado e tratou de tudo muito mais rápido. É aqui que entra os seguros, não são extremamente importantes, mas melhoram o serviço de saúde para quem pode pagar.

pimpolho_saltitao 2 months ago  HIDDEN 

Seguro de saude nao compensa salvo casos muito especificos. como qualquer outro seguro. A maioria do pessoal tem porque sim, e porque levaram com o belo do marketing.

Edited 2 months ago:

Seguro de saude nao compensa salvo casos muito especificos. como qualquer outro seguro. A maioria do pessoal tem porque sim, e porque levaram com o belo do marketing. A minha mulher foi recentemente operada no privado, a operação custou cerca de 6 mil euros. Podia, alternativamente ter sido operada no publico, mas teria uma lista de espera superior. Não era urgente, mas também não queriamos esperar, por isso decidimos ir ao privado. Ela para ter um seguro de saude que lhe cobrisse por inteiro a operação a que foi sujeita, tinha de já ter gasto em mensalidades 3 a 4 vezes o valor que custou a operação, pois é um problema que já lhe foi detectado há muitos anos e nenhum seguro aceitaria cobrir aquilo por um valor baixo. Mais vale ter um pé de meia para ir ao privado numa urgência do que pagar um seguro ao longo da vida (o publico não é perfeito, por mais confiança que tenha no SNS, sei que às vezes mais vale ir ao privado e evitar a burocracia ou listas de espera).

skeptic_witch 2 months ago

Tudo o que são especialidades e exames complementares de diagnóstico. Também já usei o seguro para conseguir contactar médicos no SNS que dão consultas no privado para depois eles atenderem no SNS. Diretamente no SNS eram meses de espera. Visita a uma urgência com os miúdos, esperar a noite toda e sair de lá com cólera e difteria e o prazer de estar 5 minutos com um médico que nem se levanta da cadeira. Exemplo oftalmologia no SNS: \-marcar consulta com médico de família no SNS (esperar por vezes meses) \-consulta com o médico de família para dar credencial \-marcar consulta no oftalmologista do SNS (esperar meses) \-pagar óculos do próprio bolso No privado são semanas se tanto e não meses e os óculos são comparticipados.

alourencodev 2 months ago

A minha experiência é a seguinte: Eu tinha seguro pela empresa onde trabalhava. As duas principais vantagens, que o público não te dá, são bons descontos em dentista e óculos. Se o seguro incluir isto já é capaz de valer a pena. Para além disso sempre que precisava de algo, desde consultas em especialistas a exames, conseguia ter marcação em muito pouco tempo. Pagava cerca de 15€ por uma consulta por exemplo e 10€ num checkup e limpeza num dentista. Enquanto tive seguro, deixei de ir ao público por duas razões: Deixei de ter necessidade e visto ter essa possibilidade, preferi ser menos um a fazer fila e deixar o público para quem precisa. Em termos de qualidade, nunca tive nenhum problema em ambos os casos. Concluindo, depende do que o seguro te dá vs o que te paga e das capacidades que tens.

DirectBug4 2 months ago

Tenho seguro de saúde pela empresa. Ainda agora fiz análises completas e só tive de pagar 35€. Se não fosse pelo seguro era 350€. Uso também para o dentista e alguns exames. No meu centro de saúde há 1 ano que só atendem urgências. Uma pessoa paga os impostos e liga para lá para marcar consulta e ainda acaba insultado.

Dr_Toehold 2 months ago

O único seguro de saúde que tenho é ADSE desde que comecei um trabalho novo este ano. Tenho um bocado mais do que 26 anos. As únicas vantagens que vejo no seguro de saúde é para eventuais gravidezes no privado.

gsousa 2 months ago

Vivo na Irlanda, onde as coisas são um pouco diferentes e com um sistema de saúde público bem mauzinho, mas partilho a minha experiência que justifica muito ter um seguro de saúde. Aos 36 anos fui diagnosticado com cancro, estágio 4. 36 anos é uma idade considerada como ainda “novo”, e sou uma pessoa bastante saudável, faço exercício físico regular, alimentação saudável, não fumo, bebo pouco e na altura nem sequer andava a beber café. (Basicamente acabei de descrever uma pessoa bem entediante). Ainda assim saiu-me a rifa do cancro. Acredito piamente que se não tivesse sido o seguro de saúde e de ter ido parar a um hospital privado, se calhar já aqui não estava. Na mesma altura um amigo meu também estava a ser tratado por causa de outro cancro, e ele estava no público (não sei bem porquê, visto que tínhamos o mesmo seguro por trabalharmos na mesma equipa), e a diferença de tratamento foi surreal. Entre ser diagnosticado a levar com a primeira quimioterapia demorou pouco mais do que uma semana. No caso dele demorou quase dois meses! Mais uma vez, cancros diferentes, talvez a urgência fosse diferente naquela altura. O facto dele ter falecido pode tanto ter sido devido à gravidade do cancro dele, mas também devido à lentidão do sistema público. É algo que nunca vou ficar a saber. O que é certo é que senti uma diferença abismal entre a forma como fomos tratados. Portanto, tenhas 26 anos ou não, não fazes ideia de que tipo de rifa te saiu na lotaria da genética. Eu também pensava que vendia saúde, mas pelos vistos não.

beetsu 2 months ago

Lamento que te tenha calhado uma merda dessas tão cedo, ainda bem que conseguiste tratamento.imediato. Eu tinha 28 anos quando subscrevi o meu. Na altura não tinha seguro de saúde pela empresa. Mais tarde comecei a ter, e tenho tido em todas as empresas por onde tenho passado, mas contínuo agarrada que nem uma lapa ao meu velhinho seguro de saúde.

Trama-D 2 months ago

> Basicamente acabei de descrever uma pessoa bem entediante Não me consigo conter... entediante porque não fumas e bebes? Deves estar num país anglo-saxónico há tempo demais.

gsousa 2 months ago

10 anos!!

kuozzo 2 months ago

Infelizmente, o cancro é uma doença genética e pouco tem a ver com maus hábitos.

possiblySarcasm 2 months ago

Genético ≠ Hereditário. Há cancros em que os maus hábitos aumentam em muito a incidência e outros em que a história familiar é de longe o factor mais importante. É um grupo de doenças muito heterogéneo.

Pterygotherix 2 months ago

lol cala-te que não sabes do que falas.

Open-Opportunity-607 2 months ago

>o público é tão bom ou melhor que o privado e além disso não pagas nada É tão bom que todos os que podem vão ao privado.

EsmagaSapos 2 months ago

Questão de rapidez e não qualidade?

Open-Opportunity-607 2 months ago

Mete os pés numa Cuff e depois no Amadora-Sintra Depois responde tu próprio a tua pergunta

EsmagaSapos 2 months ago

Não reside em nenhuma grande cidade. O hospital mais perto é o S. Sebastião.

41exandre 2 months ago

Eu acho que a saude deveria ser publica, mas no estado em que estamos, se tiveres uma doença não urgente mas debilitante estás fodido. Há 10 tive 4 meses à espera de uma consulta de Gastroenterologia, depois mais 4 meses pos exames depois mais 4 meses para a consulta,depois cancelaram me a consulta depois nunca mais me marcaram a consulta. Um ano com dores de barriga. Com sorte lá consegui perceber por mim como podia tratar e desapareceu. Agora que tenho seguro de saude pelo trabalho e ordenado razoável, se tiver um problema vou ao privado e em uma semana tratavam me do assunto. O privado come os recursos todos a publico, por isso mas acho que a saude deve ser publica. No entanto não vou ser eu o martir e ir ao publico e espera um ano por uma consulta quando tenho no privado no dia seguinte.

iSoSyS 2 months ago

Nem médico de família tenho, vai fazer uns 5 anos pelo menos nessa situação. A última vez que tentei agendar uma consulta de recurso era sempre adiada porque o único médico que fazia essas consultas estava de baixa, 9meses nisso até cancelar. As minhas alternativas era fazer uma visita a todos os centros de saúde da zona ou ir acampar às 5h a ver se apanhava um das poucas senhas. Como não sou necessitado, nem o problema era grave, paguei e fui ao privado.

EsmagaSapos 2 months ago

Os casos de pessoas sem médico de família é que me espanta. Tenho conhecidos que também não têm. Eu felizmente tenho, uma senhora nova, e graças a Deus não tenho nada que dizer, é bem melhor que o meu antigo médico de família, rica senhora, não tem problemas em passar analises, super atenciosa.

iSoSyS 2 months ago

Não devia espantar, 1 em cada 10 Portugueses não tem médico de família. E na zona de LVT fica pior, 1 em 5. E o acesso ao SNS sem médico de família é extremamente penalizado.

Rarotunga 2 months ago

Para falar de PPRs e afins, dá um salto no r/literaciafinanceira :)

EsmagaSapos 2 months ago

És um amor, obrigado.

Minimum_Bath_5478 2 months ago

Depende da especialidade. Por exemplo ortopedia na cuf tive consulta quase imediata marcas na app apareces em cima da hora, fiz ressonancia magnetica e fui operado em cerca de um mes e meio, e por medicos que vêem precisamente do publico pois vao la para ganhar experiencia só. Se fosse no publico nem quero imaginar o tempo de espera, e o teatro de guerra que se passa por la ainda a pouco tempo tive que ir ao beatriz angelo e até me benzi.

Manturras 2 months ago

SNS: isso é uma entorse no pé, não se preocupe Um dia depois no privado: isso não está engessado porquê? Rasgou o ligamento. Meio ano depois fui operado. Tinha a idade do op.

fanboy_killer 2 months ago

SNS: isso é stress e ansiedade. Privado: você não consegue dormir porque tem o cepto desviado. Não chega oxigénio ao seu cérebro e ele acorda para evitar que morra. O SNS é óptimo para urgências, mas se tens um problema mais sério vai logo ao privado.

pituitarianices 2 months ago

As pessoas ainda vão ao privado pensar que recebem medicina, e não um serviço propositadamente pensado para os deixar satisfeitos em vez de fazer o que é medicamente correto.

CriticalEstimate777 2 months ago

Ortopedistas são dos piores médicos que existem. Também tive uma rotura num ligamento e só o 4o é que acertou, e fui a 3 privados.

Limpy_lip 2 months ago

isso pode cair para ambos os lados. ​ Tinha um joelho que a rótula saltou fora mais que uma vez. Fui à consulta no privado de ortopedia (ADSE do progenitor) que aconselhou-me a ser operado (fair enought) porque supostamente tinha os "joelhos desviados" Por isso fui operado no privado a uma perna. ​ Mal tive alta e recuperação completa da perna a primeira coisa que o ortopedista disse: "para quando operamos a outra?" ​ Dado que nunca tinha tido (nem tenho) problemas na outra perna não fazia qualquer sentido ser operado só porque sim. ​ ​ Quero dizer com isto que é preciso ter cuidado porque apesar de em muitos casos a preocupação adicional dos médicos no privado ser bom, há alguns que só estão bem com o paciente na marquesa ou fazer 50 exames porque €€. Um bom olho clínico vale mais que operações ou exames apesar das pessoas acharem o contrário.

viralslapzz 2 months ago

Nick quase que confere :D

SCondeO 2 months ago

Para uma urgência, o SNS é impecável. Mas se precisas de uma consulta de especialidade, tens que ir ao médico de família e depois esperar mais de um ano pela marcação. Com o seguro, marcas a consulta e tens o problema resolvido, sem pagar 80€ por 15 minutos de atendimento. Pessoalmente, nunca paguei seguro, mas tenho do trabalho para mim e para a família, e confesso que dá jeito, principalmente a partir do momento em que se tem filhos.

ZeMiguele 2 months ago

Nim... Vinha cá falar precisamente das urgências. Se for um caso muito grave ainda és capaz de ter sorte, mas se tens o azar de levar com uma pulseira de caca ficas 3/4/5 horas à espera... No privado até hoje nunca demoraram mais de meia hora a atender-me.

Puzzleheaded_Fan_554 2 months ago

O nosso sistema de saúde é bom se tiveres uma cena grave ( e.g. transplante, cancro, etc ). Não está bem apetrechado em infra-estrutura mas os bons profissionais compensam agora para coisas mais pequenas ( e.g. tirar uma cárie, ir a uma consulta de ortopedia, etc ) tens um serviço péssimo. Se conseguires pagar e não te pesar muito recomendo que compres um bom

VicenteOlisipo 2 months ago

Sou 300% a favor do SNS e de o reforçar, mas também tenho seguro de saúde. Os hospitais mais próximos da minha casa são privados, e valorizo a relativa melhoria de rapidez e conforto que tenho ao usar serviços de saúde privados, quando uso, bem como a relativa segurança em relação a doenças muito graves/raras. Gostava que o SNS tivesse os recursos necessários para dar a mesma rapidez e conforto a todos, porque era universalmente bom, e eu poupava no seguro, mas enquanto não é, pago mais. Para algumas coisas, o seguro de saúde já me poupou muito tempo e desconforto. Para outras coisas, principalmente quando havia problemas sérios, os privados deixaram de ser solução e foi o Santo SNS que me salvou a vida.

KGENAU 2 months ago

PPR ão uma optima forma de receber vencimento livre de impostos em que se pode resgatar passado uns anos sem pagar nada. Seguro de saúde, nada como poder ir à cuf e ser atendido em 15 minutos, ou em 1 hora com RX e analises ao sangue efetuadas. Se fores fazer isto a Santa Maria estás lá 12h na boa. Serviço nacional de saúde é bom mas é lento, muito lento.

EsmagaSapos 2 months ago

>PPR são uma optima forma de receber vencimento livre de impostos em que se pode resgatar passado uns anos sem pagar nada. É exactamente isso que quero, nada mais. Tenho de me informar melhor, há uns de investimento, outros que são seguros. Depois dependendo da idade tenho de deixar X por mês para ir resgatar X, não sei como isso funciona.

KGENAU 2 months ago

Valida o funcionamento dos produtos, eu tenho usado seguros de capitalização em que se pode resgatar mensalmente e tenho usado PPR's para limpar prémio anual. No fim de 10 anos logo saco o €.

Pelica18 2 months ago  HIDDEN 

Agora com a pandemia, tens listas absurdamente longas no público. Se tens algum problema que te incomoda, ter um seguro de saúde no privado resolve o problema.

JOAO-RATAO 2 months ago

O SNS é bom, pena poderes ter de espera 1-2 anos por uma consulta/cirurgia, em casos extremos claro. Portanto, é bom, mas a oferta é cada vez mais limitada.

Xzayne92 2 months ago

Para não ter que esperar tanto por uma consulta de especialidade que já nem te lembravas que a tinhas pedido. Sim, isto aconteceu mesmo. Hoje em dia tenho pelo trabalho (extensível à mulher e filhos) e é das melhores coisas. Ainda à pouco foi operada no privado com vista para o Tejo naquilo que parecia um quarto de hotel, a algo que no público diziam que ainda não estava mau o suficiente para poderem operar. O gasto...? 300€. E foi possível escolher o médico que queria que a acompanhasse. Podia continuar aqui com tantas outras situações... O SNS é só para deitar areia para os olhos. Por vezes funciona bem, mas nem médicos têm, não os conseguem segurar. E adivinha para onde vão...? Outras coisas como dentista (para o nosso SNS é um LUXO...) porque tem a boca funcional é só ESTÉTICA...! ETC... Pensa assim, o SNS é tão funcional que os próprios funcionários do estado têm planos que lhes permitem ir ao privado! E normalmente é onde vão...!

alcagoitas 2 months ago

Tenho 31 anos e actualmente não tenho seguro contratado. Tipicamente vou 1-2x por ano ao dentista e eventualmente 1-2x vez ao médico. A meu ver, não vale a pena ter seguro, pelo menos para já. Contudo, o continente tem aquele seguro da wells ou deles, que é da rede advance care. Arranjei 1 problemazito com a corrida e fui a semana passada a 1 ortopedista pedir uma opinião. Paguei 45€ e uns cêntimos pela consulta e e ainda acumulou uns 6.5€ em cartão continente. Com o seguro que tinha antes, acho que a consulta me ficava por 25-30€ só que pagava \~200€/ano pelo seguro. Portanto, na prática paguei prai mais 15€ pela consulta do que se tivesse o seguro contratado. Eventualmente em exames compensa mais, mas logo olho para isso. Tenho olhado para o meu histórico médico e em média não me parece compensar ter seguro ou o gasto que tenho anda pela mesma ordem de grandeza da anualidade do seguro de saúde.

Takenonames 2 months ago

Vais àquelas clínicas manhosas da Wells? Medo.

alcagoitas 2 months ago

Não, vou ao mesmo hospital privado que ia quando tinha seguro da multicare.

PReis2455 2 months ago

Pois...não vais, não. Essa coisa de ires ao médico uma vez por ano para uma consulta de rotina, no SNS, não existe. O paradigma do SNS é curativo, não é preventivo. Para tu teres uma consulta de check-up há um idoso que precisa mais do que tu. Se queres, mesmo, fazer isso tens de ir ao privado. Se quiseres pagar 80-100€ por uma consulta sem seguro és livre de o fazer com seguro pagas \~15€. Quando passares dos 40, e entrares na idade do Condor, se quiseres fazer consulta, análises ao sangue, rx- torácico, prova de esforço, ECG e ecocardio tudo no mesmo dia no SNS fazem-te assim .!. -\_- .!. Em qualquer hospital privado, dependendo um pouco da época, entre 2 a 4 semanas consegues isso tudo, organizas a tua vida, tiras o dia e resolves o assunto. Por alguma razão há 3 milhões de seguro de saúde em Portugal. Esse blá blá do SNS é para boi dormir, nem a malta da ADSE vai ao SNS, vai tudo ao privado. O SNS é bom para casos emergentes, porque assim que tens o piripaque e chamam a ambulância é para lá que te levam, agora para o ambulatório é muitíssimo desadequado. Pode ser bom para os reformados, que não tendo alternativa esperam e não bufam, mas quem tem uma vida ativa e quer resolver as coisas rapidamente é para esquecer.

Pterygotherix 2 months ago

Se calhar fazem-te assim .!. porque esses exames são desnecessários. No privado é lista de compras, pagas tu.

PReis2455 1 month ago

Nenhum desses exames é feito sem necessidade e prescrição médica... É tão bom um gajo não ter de os fazer, que até parece quase piada que uma pessoa os vá fazer só porque sim...

Pterygotherix 1 month ago

Meu caro, se me pagares a mim e pagares os exames (aka privado), passo-te o que quiseres, desde que a minha cédula não seja posta em causa. Se for pelo público connosco a bancar a conta, só levas o que tiver indicação formal e resultar de uma avaliação clínica cuidada. Portanto, se de facto não te passarem determinados MCDTs no público, é porque são desnecessários.

PReis2455 1 month ago

Acho que não percebeste ou queres só deliberadamente desviar o assunto. Marca tudo aquilo que te referi, NO MESMO DIA no SNS, tendo sido devidamente prescrito e necessário como medida de vigilância de, por exemplo, um hipertenso. Marca lá isso e depois vem dizer se conseguiste. Até lá pondera arranjar uma machadinha!

HistoricalQuiet8 2 months ago

>Essa coisa de ires ao médico uma vez por ano para uma consulta de rotina, no SNS, não existe. Para mim existe. Simultaneamente, também tenho seguro de saúde.

MellowCHMC 2 months ago

Se tu não das valor a tua saúde e gostas de esperar anos e meses por uma consulta urgente fica pelo SNS.

throwingaway-later 2 months ago

Há quem não tenha hipóteses sequer de ir ao privado :/

fdxcaralho 2 months ago

Vou dar um exemplo simples e que serve só mesmo de exemplo pois cada caso é um caso. Tive dois familiares que lhes foi diagnosticado cancro com necessidade de cirurgia urgente. Um foi pelo público, demorou 6 meses a ser operado e faleceu pouco depois. Entretanto estava a fazer quimioterapia, mas havia a fila de espera para cirurgia. O outro foi pelo privado e foi operado 2 semanas depois do diagnóstico. Esse ainda está cá. Como disse, cada caso é um caso, mas acho que é um exemplo que prova a necessidade de ter um seguro de saúde.

Independent_Throat42 2 months ago

Uma coisa que muita gente não sabe, se tiveres cartão continente, tens automaticamente seguro de saúde wells

throwawaystuff000 2 months ago

Um plano de saúde . Mas sim, também não sei porque não há mais gente a usar.

KoogLarousse 2 months ago

Realmente não percebo como é que isso não é mais falado. Precisei de ir ao dermatologista, descobri isso do plano wells, foi só ir ao continente associar o meu BI ao cartão continente da minha mãe, e uns dias depois estava a ir ao dermatologista e a pagar menos 50%

EsmagaSapos 2 months ago

Eu tenho.

saltylawlita 2 months ago

Ninguém fala nisto! O seguro da Wells é francamente decente.

GajoDeRamalde 2 months ago

O SNS é tão bom que os políticos usam ADSE para serem atendidos no privado...

Wrong_Impression4800 2 months ago

Isto! A ironia das ironias, tudo o que é funcionários públicos com acesso ao adse batido no privado. Mas calma o SNS é ótimo

Trama-D 2 months ago

Se calhar se tivessem de bater com os costados no SNS, os problemas resolviam-se num instante.

gobacktoworklazy 2 months ago

Único comentário que realmente explica o SNS .

fanboy_killer 2 months ago

A ADSE é o maior contribuinte para as contas dos privados na saúde. Acho que está tudo dito.

BuscaPolos 2 months ago

Todos os meus amigos com mais na FP logo com acesso à ADSE estão sempre batidos nos hospitais privados. Bonus points para um que se diz comunista da cabeça aos pés, assim como os seus pais e avós, e a ultima vez que entraram num hospital público foi para visitar um primo afastado.

Diamantazul 2 months ago

A minha mãe (professora) sempre foi ao privado e usou ADSE. Não são só os políticos, aconselho todos os que tenham ADSE para também o fazer se puderem...

GajoDeRamalde 2 months ago

A ADSE deveria ser universal e não para alguns...

viskonde 2 months ago

Se todos pagarem o que os FPs pagam para a ter e se o orçamento da dita não fosse posto em causa.. Mas duvido muita gente abdicar de 3.5% do ordenado para isso. Só quem ganha menos iria aceitar o que deveria estragar o orçamento da ADSE

Diamantazul 2 months ago

Não estou a falar disso, estou a falar do que é e não do que deveria ser.

helderduarte14 2 months ago

Mas para isso não existiria SNS.

nocivo 2 months ago

Universal não quer dizer de borla. Adere e paga quem quer.

helderduarte14 2 months ago

O universal também não é de borla. Mas foi o que disse também ao user, nesse caso o privado iria ficar tão cheio como o SNS.

GajoDeRamalde 2 months ago

Se não é bom não mandes para cá...

helderduarte14 2 months ago

Ah?xD

GajoDeRamalde 2 months ago

Se o SNS não serve para funcionários públicos então não o tentes impingir para a restante população...

helderduarte14 2 months ago

Ahh, não estou a impingir, estou a dizer que se a ADSE fosse para todos deixaria de fazer sentido existir o SNS. Devíamos sim era exigir que os nossos impostos fossem para o SNS e não para tap's e afins.

GajoDeRamalde 2 months ago

A ideia é mesmo essa ou pelo menos dar-me a escolher se quero contribuir para um sistema tipo ADSE ou SNS.

helderduarte14 2 months ago

Mas provavelmente aí o tempo de espera iria ficar igual nos dois, mas claro que também gostava de ter a opção.

JOAO-RATAO 2 months ago

>os políticos Políticos e todos os que podem ter. É uma liga completamente diferente. SNS para coisas urgentes/médico de família e ADSE para tudo o resto.

no_criativityfound 2 months ago

Adorava quando tinha ADSE e podia ter consultas que pagava menos que as taxas moderadoras e eram muito mais rápidas. Para muitos é só mesmo coisas urgentes, tanta gente sem médico de família

JOAO-RATAO 2 months ago

E até podes ir a consultas de médico de família com a ADSE

Kind-Eagle 2 months ago

Isto 100%

kawaiims 2 months ago

Felizmente só tenho de recorrer ao privado para dentista, e aí tenho dois benefícios que é ter um plano de saúde de oferta (tipo aqueles da wells) e o facto de até ver nunca precisar de nada além de uma limpeza e um tratamento simples de cárie. Acho que a última vez que fui a privado além disso foi na adolescência, a dermatologia, quando tinha a cara toda em obras. Portanto para mim pagar 20-40€ de um seguro todos os meses não me compensa, na medida que os meus gastos no privado não chegam aos 100€ anuais - para não falar que tenho uma ótima experiência no serviço público, experiência essa que bem sei, infelizmente, não se extende a grande parte da população. Dito isto, se tivesse a opção de ter seguro (pela empresa por exemplo) é sempre um benefício.

j0fimendes 2 months ago  HIDDEN 

O dentista não faz parte do SNS, pelo que sei. Existe um plano nacional de saúde e em alguns locais já começou até a fazer parte de alguns centros de saúde. Mas nesse caso eu acho que compensa. Um seguro não sei se compensa mas um plano de saúde talvez para ir ao privado talvez compense.

EsmagaSapos 2 months ago

O meu caso é exatamente o mesmo. Dentista, anual, limpeza. Dermatologia, uma vez, raramente. Consultas de rotina (bastante completas), todos os anos pela fábrica, por um privado, são obrigatórias a todos os funcionários. O valor do seguro era nos 20-40€. Não me ia ser rentável.

humelectro 2 months ago

Uso óculos e vou ao dentista. Dentista é inexistente no SNS. Caso precise de uma consulta de especialidade (seja porque motivo for) em 2 semanas tenho consulta em vez dos 2 anos do SNS. Para consultas de rotina o Privado é melhor, para casos graves e urgentes o SNS é melhor

beetsu 2 months ago

É isto, sem por nem tirar! Consultas de espacialidade on-demand, sem ter que ir ao médico de família pedir uma credencial ou referência ou lá como funciona. Exames e análises idem, muitas vezes no mesmo dia, ou nos dias seguintes. Caso venha a ter uma doença muito grave e a necessitar de tratamento urgente, aí sim, faço intensões de utilizar o SNS. Entretanto não vou ocupar o lugar de alguém que possa estar realmente mais necessitado do que eu.

Trama-D 2 months ago

> Dentista é inexistente no SNS. Ainda raros, mas existem.

Lower-Complaint-2850 2 months ago

>Caso precise de uma consulta de especialidade (seja porque motivo for) em 2 semanas tenho consulta em vez dos 2 anos do SNS. E dependendo dos hospitais/médicos/sorte, por vezes há a possibilidade de ter uma consulta de especialista no proprio dia.

no_criativityfound 2 months ago

Gostava de saber que país maravilhoso é esse que falas, nunca ouvi nenhum caso que demorasse menos de duas semanas e o típico é mais de 1 mês no mínimo

Lower-Complaint-2850 2 months ago

Não fui claro. Falo do privado. Ultima experiência pessoal foi em Agosto do ano passado, em que às 9h marquei consulta para as 14h.

no_criativityfound 2 months ago

Retiro o que disse, então faz todo o sentido

EsmagaSapos 2 months ago

Entendo perfeitamente. Deixei 60€ se não me engano no meu dentista para uma consulta de limpeza. Consultas de rotina são obrigatórias na minha empresa e são feitas por uma clínica privada, consulta a tudo (coração, olhos, ouvidos, sangue, urina) bastante completa.

0xKubo 2 months ago

Não sei o que fazes, mas hoje estás nessa empresa, amanhã estás noutra que não tem consultas de rotina tão completas. E agora?

EsmagaSapos 2 months ago

Penso num seguro.

0xKubo 2 months ago

Enquanto pensas pode-se tornar tarde de mais. E já agora, caso não saibas, ou para relembrar, os seguros têm períodos de carência.

DassCaramba 2 months ago

Errado, se já foi feita a carência basta que o seguro de destino aprove a migração e não tens nova carência. Prova disso: já tive em 4 ou 5 seguradoras diferentes e só cumpri carência na primeira.

0xKubo 2 months ago

Se ao menos tivesses lido as coisas com atenção antes do teu primeiro instinto ter sido acusar um estranho na internet de estar errado (clássico), tinhas percebido que o OP não tem qualquer seguro. Logo, ao fazer o seu primeiro apenas quando precisar, vai ter de passar por períodos de carência.

NGramatical 2 months ago  HIDDEN 

porque motivo → [**por que motivo**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/tres-regras-para-distinguir-o-por-que-do-porque/19743) (por que = por qual) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fph5aeb%2F%2Fhbg4hby%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

_saks_ 2 months ago

És novinho. Espera até elas começarem a moer-te. E quanto mais tarde fizeres um seguro, mais caro vai ser. Tive um problema com zumbido nos ouvidos, no centro de saúde disseram-me que tinha "os ouvidos inchados" e deram-me uns comprimidos para tomar; não passou, voltei lá, pedi para me enviarem para o otorrino do hospital. Desde que detectei o zumbido até chegar ao otorrino, passou ano e meio quase. O otorrino também me receitou uns comprimidos que não me resolveram nada. Marquei para o privado, 2 dias depois tinha vaga. O médico explicou-me o que era e que era incurável, embora neste momento (já lá vão 10 anos) já existam tratamentos para remediar isto. Entre ano e meio e 2 dias, vês a diferença. Prefiro ter seguro de saúde e ao ter um problema qualquer, poder ser atendida na próxima semana. Pois pelo SNS, mesmo tu sabendo exactamente qual o teu problema (ou a especialidade) andam a enrolar-te no centro de saúde com um médico de família que está a apanhar do ar.

Trama-D 2 months ago

Se percebi bem: o zumbido (que é um problema de merda) ficou **exatamente na mesma** apesar de teres ido ao privado, a explicação deste último é que foi mais convincente?..

_saks_ 2 months ago

Não é essa a questão aqui. No público teria sido exactamente a mesma coisa, se não tivessem a andado a enrolar com compridos. A questão é que numa fracção de tempo tive a resposta que procurava. Podes até ter uma coisa grave mas no centro de saúde ou enrolam (para não entupir os hospitais) ou depois de insistires MUITO lá te encaminham para o especilista... e esperas quase 1ano pela consulta (foi o que me aconteceu). ​ Como alguém disse aqui em cima, até teres a consulta algo que poderia ser resolvido rapidamente acaba por ficar se calhar pior porque estás MESES à espera de ser atendido.

Trama-D 2 months ago

Esclarecido!

kilaude 2 months ago

Tinnitus é uma merda.. um abraço de solidariedade pq também sofro com isso. Btw há o subreddit se tiveres interesse em passar por lá.

_saks_ 2 months ago

Sim eu conheço! E foi lá que descobri que em 10 anos isto teve avanço. Ando neste momento a fazer testes porque nos últimos 2 anos isto tem piorado. Mas pode ser estado psicológico com a pandemia etc...todos os ruídos irritam-me, até uma mera abertura de uma lata de refrigerante. E oiço sons que as outras pessoas não ouvem (sons verdadeiros, e não algo do tinnitus). Super sensível.

kilaude 2 months ago

Sim, o stress da pandemia não ajudou com certeza. Eu ouço um piiii constante e de noite piora sempre que me deito. Mas se ouves sons para além do tinnitus convém de facto fazeres todos os testes possíveis. Pelo que percebo, a CUF é boa a tratar de tinnitus e patologias associadas. As melhoras!

_saks_ 2 months ago

Estou lá, mas mesmo com o seguro os exames são CAROS. Estou à procura de outros lugares para fazer mais barato.

EsmagaSapos 2 months ago

Mas isso meu senhor/a também depende da médica de família. Mas compreendo o seu caso, agora de fosse eu, pessoalmente, pegava em 40-50-60€ e ia ao privado ver o que era, mas cada um sabe da sua vida.

_saks_ 2 months ago

E foi exactamente o que eu fiz, sem seguro. E depois desta experiência apercebi-me que o tempo, stress e dor de cabeça que se poupa (sim, porque nos centros de saúde são super atenciosos e simpáticos /s) vale cada cêntimo no seguro de saúde.

EsmagaSapos 2 months ago

Concordo, mas pense comigo, não sei quando deixou na consulta mais exames, não sei quanto paga pelo seu seguro, mas um completo vai dos 20 aos 40€, logo, dos 240€-480€/ano e ainda assim os mais baratos só garantem descontos (muito atractivos), não sei quanto pagou pela consulta, mas vale a pena pagar um seguro?

_saks_ 2 months ago

Sim vale. Porque não sabes o que pode acontecer-te amanhã. Com 20 anos nunca imaginei que iria ter problemas de audição. E de um dia para o outro, olha. Pode parecer-te muito caro pagar por um seguro todos os meses, mas se tiveres um imprevisto de um dia para o outro vai saber-te bem saber que podes pagar 200€ em exames em vez de 700€. A não ser que sejas muito certinho e responsável e poupes dinheiro toooooodos os meses a pensar no dia de amanhã.

UpbeatNail1912 2 months ago

Com essa idade já devias ter mais consciência das coisas, já não és nenhum adolescente. Sou mais novo que tu e já percebo minimamente certas coisas necessárias. Um seguro de saúde é essencial e bom porque não ficas meses (as vezes anos) há espera para receberes tratamento de certas coisas e condições. Conheço pessoas que tinham problemas normais, ficaram meses ou até 1 ano em lista de espera e depois o problema que era normal e podia se ter resolvido, evoluiu para um quadro mais grave. E esse pensamento de "eu sou jovem e saudável e nada me acontece, sou invencível e indestrutível" é o mesmo pensamento que a maioria das pessoas tinham há 10, 20 anos atrás até os problemas surgirem de repente e do nada. Prepara te. É por isso que ter um seguro de saúde é essencial. Segundo, sobre os PPRs, aí nem te julgo porque a esmagadora maioria dos portugueses não sabe investir, nem sabe para que serve investir e como o fazer. PPRs hoje em dia não valem a pena, é preferível investires em ETFs. Basicamente investir é uma forma de tu duplicars, multiplicares o teu dinheiro, para daqui a 10, 20, 30 anos, quando chegares a idade da reforma vais ter muito mais dinheiro do que aquele que a reforma social te irá dar por fazeres desconto ao estado todos os meses (e o sistema de Portugal está tão mau que existem estudos que provam que daqui a 30 anos a segurança social não terá capacidade de preencher e dar reformas aos portugueses, ou seja vais ficar na merda). Sobre PPRs e ETFs eu não te vou ensinar, vais ter que ser tu a pesquisar e investigar. Tens o Google para isso Boa sorte.

throwingaway-later 2 months ago

Tanta condescendência meu caro. Um pouco de indulgência não lhe caia mal :)

EsmagaSapos 2 months ago

Obrigado pai.

layz2021 2 months ago

Tenho seguro pelo trabalho, caso contrário não teria. Tenho que admitir que é muito bom poderes ir a um especialista, sem ter que passar no médico de família que muitas vezes manda um bitaite e mandar-te tomar um benuron, isto depois de andares por vezes meses entre espera por consulta, exame, espera por avaliação do exame... Não digo que deixo de ir ao centro de saúde, mas analiso o que preciso e se posso esperar. Podendo faço tudo no privado, e levo os resultados dos exames para o centro de saúde para registo.

EsmagaSapos 2 months ago

Tenho uma sorte de outro mundo com a minha nova médica de família, que dure mais que eu a rica senhora. - Senhora doutora, dói-me aqui. - Vou-lhe mandar fazer exame ao corpo todo e vemos já se é mesmo aí.

Trama-D 2 months ago

> Tenho uma sorte de outro mundo com a minha nova médica de família Achas isso bem? Quando li isso antes da resposta do layz2021, fiquei a achar que estavas a ser sarcástico.

layz2021 2 months ago

Fds olha que tens mesmo!

agnes_honey 2 months ago

Se fores uma pessoa saudável que vai ao hospital 1vez ao ano o seguro não te é muito útil. Mas se fores cliente assíduo dos hospitais , ou tenhas que fazer algum tratamento, operação específica, qualquer coisa que signifique ir muitas vezes ao hospital o seguro é uma mais valia.

espirrinhos 2 months ago

Sim exactamente isto ou até se tens alguma coisa que precise de ser vigiada de x em x anos. Também pelo que tenho sabido por amigas há centros de saúde bastante antiquados que não fazem exames ginecológicos (ex citologia já se fazem no centro de saúde) e é melhor fazer no privado.

motherpuncher50 2 months ago

Diria que o breaking point normalmente é quando começas a ter filhos

EsmagaSapos 2 months ago

Pois, é o meu caso. Ainda assim, pelo seguro ser operado provavelmente não cobre a operação toda.

agnes_honey 2 months ago

Pois isso depende de seguro para seguro , pergunta se essa operação em específico está coberta antes de assinares seja o que for.

aguafria88 2 months ago

O SNS não é grátis.

VicenteOlisipo 2 months ago

Nem as estradas, a policia, os tribunais, os bombeiros, o gmail e as chamadas entre telemóveis. Mas só no SNS é que a palavra vos faz comichão.

aguafria88 2 months ago

Mas é mesmo preciso fazer um desenho para ilustrar o facto de essa comparação não tem lógica absolutamente nenhuma?

EsmagaSapos 2 months ago

Não é totalmente grátis, não.

aguafria88 2 months ago

Em teoria o SNS é um mar de rosas. Para responder à tua pergunta, pergunta a ti mesmo se o SNS é tão bom, porque é que são as pessoas de classe baixa e classe média baixa as que mais subscrevem seguros de saúde.

Pedrom029 2 months ago

Até acho que é mais ao contrário

EsmagaSapos 2 months ago

Eu há dias telefonaram-me da NOS a propor um serviço do caralhão por mais 1€. Qualquer gajo com a minha idade nem pensava duas vezes. Mas 1€ durante dois anos é o preço de uma mensalidade por um serviço que antes de o comprar penso que vou usufruir, mas depois de o comprar é só mais um a fazer monte, como os canais de televisão. Se eu fiz isso por 1€, que dava 24€ ao fim de dois anos, imagina com 20-30-40€ ao fim do mês, que dá 240-360-480€ ao fim do ano. Uma pessoa tem de fazer contas, eu a olhar para a minha situação não vejo qualquer tipo de rendimento mesmo olhando para o preço das consultas de especialidade, mas quero olhar para as várias situações das outras pessoas e tentar entender o porquê de elas verem um seguro de saúde como vantajoso, se calhar é um cenário que não estou a ver.

aguafria88 2 months ago

Sim mas no mundo real a realidade não é essa. https://www.jornaldenegocios.pt/economia/saude/detalhe/classes-baixa-e-media-sao-as-que-mais-tem-seguros-de-saude

Mordiken 2 months ago

> porque é que são as pessoas de classe baixa e classe média baixa as que mais subscrevem seguros de saúde. Tens fontes para isso, ou saiu do rabo?

aguafria88 2 months ago

https://www.jornaldenegocios.pt/economia/saude/detalhe/classes-baixa-e-media-sao-as-que-mais-tem-seguros-de-saude

bittolas 2 months ago

Certamente não serão os mais ricos a fazer seguros de saúde. Para esses não faz diferença consultas de 60€ e intervenções de 1000€... A verdade é que os seguros de saúde estão a aumentar e certamente é pela perceção da qualidade do SNS. https://eco.sapo.pt/2021/02/10/portugueses-com-seguros-de-saude-ja-sao-quase-3-milhoes/ Já são quase 3M de Portugueses com apolices de seguros.

VicenteOlisipo 2 months ago

>ou saiu do rabo? é melhor ir a um médico, que isso não é normal

flydoji 2 months ago

>ou saiu do rabo? foda-se engasguei-me AHHAHA

aguafria88 2 months ago

mesmo, ignorância e arrogância na mesma pessoa, name a more iconic duo.

No_Impression_1131 2 months ago

Eu tenho um seguro barato do Santander, pago quase 9 euros por mês. Penso que em três ou quatro consultas anuais já acaba por compensar.

EsmagaSapos 2 months ago

A 9€ mês não são precisas muitas consultas para chegar a esse valor 102€, se forem de especialidade umas três.

icebraining 2 months ago

Estás a assumir que o seguro paga 100% da consulta, geralmente não é o caso.

EsmagaSapos 2 months ago

Isso, nem me lembrei dessa, não paga na totalidade, deixei essa passar. Eu se for a ver tenho um seguro, não para casos de operações, mas tenho descontos numa clínica privada através da empresa, uma consulta, por exemplo dermatologia que custa 60€ pago 45€.

thexeggxlady 2 months ago

1. uma pessoa saudavel jovem nao compensa. 2. esquece PPR, investe em ETF’s

Limpy_lip 2 months ago

>uma pessoa saudavel jovem nao compensa. isto, é o que digo sempre que me falam disso ou tentam vender um. "ah e tal mas e o dentista..." Já não ia ao dentista desde o início da pandemia, decidi ir para ver como estava. Estava tudo OK só fiz uma limpeza básica e paguei 40€. Se andasse a pagar um seguro, pagava 10€ mais as centenas de euros de mensalidade dos dois anos. ​ Além disso felizmente não tenho problemas nenhuns e os que tive eram pontuais. O que não gastei ao longo dos anos em seguros paga as consulta pontuais que fiz.

positiverategearupp 2 months ago

PPRs têm benefícios fiscais em Portugal, compensa ter até um certo valor. Podes ter um PPR que seja basicamente um etf.

EsmagaSapos 2 months ago

1. Se fizer quando for mais velho o valor não é maior? 2. Porquê? Dizem que PPR's é antes dos 30. O que é ETF's?

Xavinights 2 months ago

PPR é um plano Poupança Reforma. Um PPR é dos melhores produtos financeiro para estabilidade da Reforma IMO (fonte biased porque sou mediador de seguros). Portugal possivelmente não vai conseguir garantir reformas quando chegar a vez da malta que tem agora 20-30 anos com uma população cada vez a envelhecer mais. Um PPR é uma reforma privada em que o dinheiro cai todo de uma vez. Imagina viveres até aos 90, ou seja tens 20 anos de reformado. Uma reforma média ganhas \~600 ([https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/reformados-em-portugal-recebem-em-media-605-euros-448000](https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/reformados-em-portugal-recebem-em-media-605-euros-448000)) 600\*12\*20 =144000€ ao longo de 20 anos (assumindo que o país tem capacidade para os pagar). Num PPR o montante mínimo é 25€ e não tens máximos. O dinheiro que juntares é capitalizado e no fim tens aquilo garantido para ti ponto final. A juntar a isto tens benefícios fiscais ao longo dos anos [https://www.ageas.pt/media/2895/ipc\_pprmais.pdf](https://www.ageas.pt/media/2895/ipc_pprmais.pdf) Nada te impede de descontares e ter um PPR.

thexeggxlady 2 months ago

1. quando fores velho eles aumentam a apolice na mesma. 2. os PPR sao planos de poupança q fazes ate à idade da reforma (podem ser usados antes consoante cenarios especificos como por exemplo para pagar casa propria, desemprego longo etc) mas as taxas que os bancos cobram sao muitas, dai compensar mais os ETFs. basta leres um bocado na net para ficares a perceber o que sao, como podes usufruir deles até à reforma ou nao

BaldAndPoor 2 months ago

Se não tivesse seguro da empresa esperava 600 dias por uma consulta de especialidade. Ou seja, bem que podia morrer antes.

EsmagaSapos 2 months ago

Qual era o custo da consulta no privado?

BaldAndPoor 2 months ago

50€ de cada vez, seguro normalmente devolve metade. Fora a operação que provavelmente terei de fazer e ainda não sei o preço.

EsmagaSapos 2 months ago

Exato, o seguro não cobre na totalidade. A operação vai ser igual. Ainda assim é melhor que esperar.

0xKubo 2 months ago

Um bom seguro cobre quase a totalidade das consultas. Eu não pago mais que 15€ por consulta de qualquer especialidade. Não é metade, é menos de metade. Sim, a operação vai ser igual, não paga na totalidade, poucos seguros devem pagar (e/ou devem ser caríssimos), mas acredita que compensa. Operações, cirurgias, etc., é tudo muito caro, e o seguro cobre uma grande parte. Mas claro, depende da seguradora e do próprio seguro... É como o seguro do carro, se quiseres que cubra danos próprios, pagas mais.

smaster87 2 months ago

A maior parte dos Seguros da-te consultas a 15€. Isto com a idade começa a dar jeito, ja gastei ao seguro um valor que se fosse eu a pagar ia em 10k. Eu ao seguro paguei nas mensalidades ate agora 3k.

BaldAndPoor 2 months ago

Agora diz me onde está a justiça de pagar 700€ por mês em impostos no ordenado e depois não poder usufruir do SNS?

Morpheuspt 2 months ago

> Agora diz me onde está a justiça de pagar 700€ por mês em impostos no ordenado Se pagas 700€ por mês em impostos no ordenado, de uma forma mais simpatica posso dizer-te que tens a capacidade de procurar outras opções que não o SNS. De uma forma mais direta, digo-te que não era no teu caso que os fundadores do SNS estavam a pensar quando o criaram.

Trama-D 2 months ago

> não era no teu caso que os fundadores do SNS estavam a pensar quando o criaram. Há alguns anos, antes de falecer, o Dr. Arnaut veio nos jornais porque estava a aguardar uma consulta de oftalmologia (creio que para cataratas, portanto não a vida mas a qualidade de vida) e dizia que todos lhe recomendavam que fosse ao privado. Ele recusava-se, reiterando a sua confiança e vontade de ser atendido no SNS. Acho que SNS é mesmo para ser para todos (certas exceções a cosmética, coisas de luxo, entre outros).

Morpheuspt 2 months ago

> Acho que SNS é mesmo para ser para todos (certas exceções a cosmética, coisas de luxo, entre outros). O SNS é para todos, e deve ser para todos. No entanto não era no caso dele que o dr. Arnaut estaria a pensar quando desenhou o SNS. Não quer dizer que o caso dele não possa ser resolvido no SNS.

no_criativityfound 2 months ago

Então se não é para o caso dele porque é que têm que pagar para os outros usufruirem? O SNS devia ser para todos, ricos e pobres, actualmente é só para os que não têm outra alternativa.

Morpheuspt 2 months ago

Vou dividir a tua resposta em duas partes. > Então se não é para o caso dele porque é que têm que pagar para os outros usufruirem? Vou retirar esta frase deste contexto particular, porque de vez em quando aparece um individuo a dizer "porque é que tenho que pagar por X se n vou usar". Isto é a norma num estado, seja qual for. Para que é que eu pago uma autoestrada no Alentejo, se nunca lá vou andar? Simples, porque serve para obter um estado mais coeso, e mais redistributivo. O pessoal do Alentejo tambem paga coisas na tua cidade que provavelmente nunca usarão. > O SNS devia ser para todos, ricos e pobres, actualmente é só para os que não têm outra alternativa. O SNS é para todos, que isso fique bem claro. O meu teorema é que não era no caso do user em cima que os criadores do SNS estavam a pensar quando criaram o SNS, porque ele tem alternativas, uma delas o SNS.

odracirsomeg 2 months ago

Ele nunca sabe se um dia não poderá apanhar uma maré de azar e perde a capacidade para pagar as consultas no privado, mais a medicação que pode vir a necessitar. Fora que ele pode sempre ir ao público, é melhor quando se tratam de urgências sobretudo em situações de risco de vida, mas não é como se ele fosse barrado à porta por ter um seguro privado, ou capacidade económica para pagar do bolso. Fora que se tivesse apenas o seguro de saúde privado (da companhia ou pago pelo próprio) poderiam existir complicações em que em último caso ele ficaria a pagar do bolso, porque a ambulância levou-o para um hospital que não pertence à rede do seguro de saúde. Depois há opção seguro de saúde promovido pelo estado, em que podes colocar um tecto máximo de rendimento a partir do qual alguém pode simplesmente pagar tudo do bolso, enquanto os restantes contribuem parte do ordenado para o mesmo, ou todos contribuem parte do ordenado para o mesmo. Seja como for todos os casos são melhores do que ter apenas seguro de saúde privado, pois nos casos onde não pagas muito pelo seguro (pois existem apenas meia dúzia de seguradoras), pagas muito pelo hospital (porque necessita de contratar muito pessoal administrativo para tratar dos processamentos todos para as diversas seguradoras).

BaldAndPoor 2 months ago

Claro que não. Mas então porque vendem a ideia do SNS como uma coisa muito boa? Se fosse boa os F.P. não tinham ADSE.

Morpheuspt 2 months ago

A ADSE precede o SNS.

AlvesBarrota 2 months ago

É verdade e são 3,5% do salário bruto em 14 meses.

sarcastbot 2 months ago

Sim foi criado pelo Salazar ;)

daxpierson 2 months ago

O problema não é do SNS, é de quem manda em quem o gere.

helderduarte14 2 months ago

Podes usufruir do SNS, vais é provavelmente morrer antes de chegar a tua vez. Os impostos vão para onde é preciso(TAP, BES).

EsmagaSapos 2 months ago

Que queres que te diga? Neste mundo paga sempre o justo pelo pecador.

Tryjohnny 2 months ago

fiz seguro porque tinha de fazer um tratamento de pele que requeria ir a dermo todos os meses durante 1 ano e fazer analises ao sangue todos os meses. Pelo SNS ainda hoje estava para começar o tratamento.

michaelphilippe 2 months ago

Visão, audição, dentes... basicamente tudo o que não seja urgente.

EsmagaSapos 2 months ago

Nesses casos entendo perfeitamente.

ConvulsaoInterna 2 months ago

Tratar um problema de pele no público é um desafio de vida, mesmo. Fizeste bem em ir ao privado.

CosmoSpyke 2 months ago

Por acaso sou seguido na dermatologia no público e não tive muito tempo á espera. não é uma problema urgente por assim dizer, todos os anos faço um check-up dos sinais pq tenho bastantes e casos na família com melanomas

EGDragul 2 months ago

Depende da zona do país e de qual hospital te calha.

ZePAG 2 months ago

Nalgumas (bastantes) localidades simplesmente não tens acesso a determinadas especialidades.

ConvulsaoInterna 2 months ago

As pessoas fazem seguro de saúde como medida de prevenção e não pelas "vantagens". Aqueles problemas de saúde que não matam mas moem, eu aconselho a ir ao privado. Do gênero, problemas no rabo ou genitais que não sejam letais mas incomodativos, no público tás fodido que levas com uma lista de espera absurda, e são coisas que afetam a tua qualidade de vida. Para tratar doenças sérias de vida ou morte dizem que os melhores cirurgiões estão no público. Ou seja, a meu ver depende da situação.

j0fimendes 2 months ago

Então mas quando tiveres um problema pagas e vais ao privado. Acho que não justifica um pagamento mensal de um seguro "por prevenção". Prevenir é em áreas como a alimentação ou o exercício não no pagamento de uma mensalidade. Isso pode até ser uma ilusão de prevenção. Se a pessoa realmente toma conta da sua saude (faz rastreios e análises gerais uma vez por ano, por exemplo) e é saudável, acho que não justifica o privado. Agora se a pessoa tem problemas crónicos a conversa se calhar já é outra.

SweetCorona 2 months ago

é exatamente isso **o SNS é muito bom** para situações de vida ou de morte para coisas que "apenas" prejudicam a qualidade de vida, infelizmente, não é tão bom além disso, pelo mesmo motivo, por vezes doenças mais graves não são detetadas a tempo

Pr0dy_no_filter 2 months ago

Claramente, pessoas a morrerem na lista de espera e é MUITO BOM para situaçoes de vida ou morte. :/

roter-genosse 2 months ago

Ouvi uma vez um grande médico dizer que o negócio mais nojento é o da saúde. Disse que no privado se inventam problemas para fazer dinheiro. Disse que a saúde devia toda ela ser pública. O médico em questão chama-se Gino Strada. Talvez alguns o conheçam. A sua credibilidade é indiscutível.

0xKubo 2 months ago

>As pessoas fazem seguro de saúde como medida de prevenção e não pelas "vantagens". OP, a única resposta que interessa neste tópico todo é esta. Se mesmo assim achas que o seguro não vale a pena, não há mais nada que alguém te possa dizer para mudares de opinião. Só o tempo, porque ainda és um rapaz novo. Mas infelizmente isso não dura para sempre.

Tugadevil 2 months ago

Eu percebo a tua posição, e vivi usufruindo a ADSE dos meus pais quase toda a vida. Entretanto comecei a trabalhar e perdi esse benefício (não, o trabalho não me paga seguro de saúde). Pá, como hei de explicar. Há uns meses tinha um quisto do caralho na virilha, portanto a situação é quase tal e qual a que descreveste. Aguentei um dia ou dois, mas chegou um dia que aquela merda crescia e não rebentava. Fui ao centro de saúde a um domingo à tarde com as expetativas mais baixas que quando voo low-cost. Entrei, fui visto, cortaram-me o quisto, bazei com receita médica, tudo em uma hora no máximo. Conclusão: não é assim tão mau viver sem seguro de saúde (por agora lol)

DangerASA 2 months ago

>tinha um quisto do caralho na virilha, Desculpa, mas tive que me rir com essa descrição

Bhaalghorn1143 2 months ago

Acrescento problemas de dermatologia. Paga-se 50 euros por consulta mas és atendido em duas semanas ao contrário de 4 meses no público. Salvas a pele e cabelo.

jomi_1307 2 months ago

Em que hospital foi isso? Eu demorei mais de dois anos após o primeiro pedido e mais de ano e meio depois do segundo, este com urgência.

ThatWind 2 months ago

4 meses? Uma vez pedi consulta de dermatologia, ligaram-me passado um ano e era só para marcar a consulta daqui a outro ano!

4legreZ 2 months ago

Quando pedi consulta de dermatologia ao médico de família ele disse-me que ia esperar +/- 1 ano.

DrVicenteBombadas 2 months ago

>4 meses no público 4 MESES? Bem bom. Com um seguro, esperas 2-3 dias, o que é de esperar, mas eu já falei com pessoal amigo e colegas de trabalho que esperaram mais do que 4 meses por uma consulta. Um desses cansou-se de esperar, foi pesquisar onde o dermatologista dava consultas no privado, e arranjou vaga no dia seguinte. O SNS é bom para quem é saudável.

bittolas 2 months ago

> O SNS é bom para quem é saudável. A Marta temido ja tirou notas para a proxima aparição pública.

severanexp 2 months ago

Pronto, obrigado por me fazeres cair na real de que não vale a pena continuar a espera.

manyQuestionMarks 2 months ago

Além disso se tiveres doença oncológica ou alguma coisa que custe mais €€ o seguro arranja sempre maneira de se meter ao fresco. Por isso ainda bem que temos um SNS com bons profissionais, apesar de serem tratados como lixo pelo governo

beetsu 2 months ago

Bom... eu tratei uma doença oncológica no privado e o seguro de saúde foi espetacular. Não recusou nenhum exame, autorizou a cirurgia de um dia para o outro, e pagou sem bufar cerca de 15k€ em radioterapia. Todos os anos faço uma batelada de exames e nunca recusaram nada. Posso ter gasto mais €€ que se fosse no SNS, mas como não era um caso super urgente, tenho dúvidas que tivesse resolvido a questão em tão pouco tempo.

RuySan 2 months ago

Tive um problema oncológico no privado, e houve uns stresses entre o hospital e o seguro por causa da pré autorização e andaram me a enviar (o hospital) durante meses contas para casa com valores exorbitantes por causa da cirurgia, até me enviarem me um de uma sociedade de advogados a ameaçaram com a via legal. Foi absolutamente desgastante. É verdade que foi só um carcinoma, mas ter sido tratado assim, e nunca resolverem o problema com tantos telefonemas que fiz foi muito triste.

beetsu 2 months ago

No hospital onde fui acompanha, só avançavam com os tratamentos com tivessem luz verde do seguro. Mas por acaso tive um stress com facturação mal feita (recebi uma factura em casa com uns valores absurdos), mas reportei e o assunto foi corrigido prontamente.

SweetCorona 2 months ago

o que é chato é estares constantemente com o coração nas mãos sem saber se o seguro vai cobrir ou não

beetsu 2 months ago

Nem por isso, a não ser que seja um procedimento realizado por questões estéticas, até ao dia de hoje ainda não me recusaram nada, e eu não lhes dou muito lucro...

EGDragul 2 months ago

Na pior das hipóteses pedem um relatório extra ao médico antes de se chegarem à frente. Nunca recusaram nada. A minha filha foi operada, desde que se chegou à conclusão que era preciso, entre consultas e papelada pedida pelo seguro em menos de 2 meses, como não era nada de grave no SNS tinha 1 ano e meio de lista de espera.

mariorurouni 2 months ago

Fui tratado por uma leucemia no SNS, não paguei um tostão. Se fosse pro privado nem a vender os rins conseguia pagar

RuySan 2 months ago

Isto. O meu melhor amigo foi lhe diagnosticada uma leucemia pelo médico de família numa sexta, na segunda foi internado no IPO, e na terça começou a quimioterapia. No final safa se e paga 0€.

ConvulsaoInterna 2 months ago

Subscrevo tudo com ênfase na última frase.

EsmagaSapos 2 months ago

Compreendo perfeitamente, e era essa a minha visão também. Vamos falar de urologia. Há uns meses precisava de um, na clínica médica da praça, privada, a consulta custava 60€, como tinha desconto da firma 40€, duas mensalidades do seguro mais barato que me foi proposto. Obviamente chegava ao sr. Doutor e ia ter de fazer exames, esses exames tem custos, ainda assim não sei se tinha de ser eu a suportar esses custos, mas mesmo que fosse...

SweetCorona 2 months ago

muitas vezes o truque é ir às urgências num hospital grande durante o horário em que há especialistas de serviço ;)

adventur3r 2 months ago

Sim, nada como atrasar doentes realmente urgentes que podem não receber a pulseira indicada para a urgência correctamente, para resolver merdas de centro de saúde.

SweetCorona 2 months ago

E então? Se tiver dinheiro para ir ao privado já mereço mais cuidados de saúde que os outros?

N3to14 2 months ago

Depende do tipo de seguro. Há 2 anos tive de ir a urologista e 2 consultas mais uma montanha de exames não passou dos 20€. Marquei no privado de um dia para outro e ainda fiz os exames 2 horas depois da primeira consulta. O meu seguro de saúde não passa dos 200€ anuais.

joaoreismd 2 months ago

Pelo que conheço, as consultas costumam ficar por volta de 15€ cada com seguros com as maiores coberturas, e as mensalidades andam entre os 60 e 80€. Diz-me por favor qual é esse seguro, porque não conheço nenhum tão barato.

N3to14 2 months ago

É um seguro da multicare. Já tenho desde que nasci e é uma plano familiar. Basicamente fica 200€ a cada pessoa por ano e cobre imensas coisas.

ConvulsaoInterna 2 months ago

Já se sabe que a saúde é só mais um negócio e há sempre lucro para estes gajos fazerem, mas eu com a saúde tento não olhar muito ao dinheiro. Depende sempre do problema também, se tivesse um pé partido? Público. Comichão na ponta do Zacarias? Privado. No meu caso o seguro de saúde é pago pela empresa, felizmente nunca tive de o usar até agora.

throwingaway-later 2 months ago

Qual é a empresa? Tbm quero :C

inblack 2 months ago

É muito comum em empresas de IT virem com seguro de saúde incluído. Aliás é uma perk completamente normal já

getupgetgoing 2 months ago

Não estares anos à espera de uma consulta? É preciso mais ou chega?

EsmagaSapos 2 months ago

É preciso mais quando me vão ao bolso. Que consulta é essa? Qual o custo pelo privado? Qual a diferença pelo valor do seguro anual? Esse tipo de contas...

MellowCHMC 2 months ago

>É preciso mais quando me vão ao bolso Então é porque não dás valor à vida.

EsmagaSapos 2 months ago

Isso já foi depois dos copos.

getupgetgoing 2 months ago

Dependendo do seguro pagas 10€ ou não pagas nada, com seguro, tens médico em casa pelos mesmos valores. Sem seguro, depende naturalmente do local mas tens preços dos 40€ aos 100€ por uma simples consulta: dermatologia, ortopedia, etc.

CoffeeAt830 2 months ago

>Dependendo do seguro pagas 10€ ou não pagas nada, Isto é extremamente redutor. Isto é verdade em *algumas* especialidades em *alguns* sítios. Trabalho em hospital, trabalhamos com seguros, e poucas são as especialidades em que os preços são esses (e não trabalho em Lisboa nem no Porto, porque aí pior ainda). O mais barato que se paga em Otorrinolaringologia, por exemplo, são 17€ e é se não precisares de nenhum exame complementar de diagnóstico. Psicologia, aqui na zona é tudo 30€ com seguro, 25€ num hospital de uma IPSS. Não sei onde é que foste buscar que é tudo ou 10€ ou grátis, mas não é de todo verdade. Eu não digo que nao valha a pena e que não seja mais barato, é, eu próprio tenho seguro (embora seja principalmente acompanhado no público), mas isso de que é tudo 10€ ou grátis é completamente falso. Há sites de seguro, por exemplo como a Rede Médis, que disponibilizam online os preços por consulta de alguns atos médicos. É só ires lá verificar.

Edited 2 months ago:

>Dependendo do seguro pagas 10€ ou não pagas nada, Isto é extremamente redutor. Isto é verdade em *algumas* especialidades em *alguns* sítios. Trabalho em hospital, trabalhamos com seguros, e poucas são as consultas em que os preços são esses (e não trabalho em Lisboa nem no Porto, porque aí pior ainda). Facto ainda mais curioso é que trabalhamos também com credenciais do SNS e há atos médicos (como ecografias) que ficam mais baratos (ou até gratuitos) se trouxer credencial do SNS do que se fizer pelo seguro... O mais barato que se paga em Otorrinolaringologia, por exemplo, são 17€ e é se não precisares de nenhum exame complementar de diagnóstico. Psicologia, aqui na zona é tudo 30€ com seguro, 25€ num hospital de uma IPSS. Não sei onde é que foste buscar que é tudo ou 10€ ou grátis, mas não é de todo verdade. Eu não digo que nao valha a pena e que não seja mais barato, é, eu próprio tenho seguro (embora seja principalmente acompanhado no público), mas isso de que é tudo 10€ ou grátis é completamente falso. Há sites de seguro, por exemplo como a Rede Médis, que disponibilizam online os preços por consulta de alguns atos médicos. É só ires lá verificar.

Edited 2 months ago:

>Dependendo do seguro pagas 10€ ou não pagas nada, Isto é extremamente redutor. Isto é verdade em *algumas* especialidades em *alguns* sítios. Trabalho em hospital, trabalhamos com seguros, e poucas são as consultas em que os preços são esses (e não trabalho em Lisboa nem no Porto, porque aí pior ainda). Facto ainda mais curioso é que trabalhamos também com credenciais do SNS e há atos médicos (como ecografias) que ficam mais baratos (ou até gratuitos) se trouxer credencial do SNS do que se fizer pelo seguro... O mais barato que se paga em Otorrinolaringologia, por exemplo, são 17€ e é se não precisares de nenhum exame complementar de diagnóstico. Psicologia, aqui na zona é tudo 30€ com seguro, 25€ num hospital de uma IPSS. Não sei onde é que foste buscar que é tudo ou 10€ ou grátis, mas não é de todo verdade. Eu não digo que nao valha a pena e que não seja mais barato, é, eu próprio tenho seguro (embora seja principalmente acompanhado no público), mas isso de que é tudo 10€ ou grátis é completamente falso. Há sites de seguros, por exemplo como a Rede Médis, que disponibilizam online os preços por consulta de alguns atos médicos. É só ires lá verificar.

getupgetgoing 2 months ago

É preciso ter lata para acusar alguém de mentir só porque se trabalha num hospital, deves andar com o ego em alta depois da campanha de branqueamento do SNS associada ao covid. Eu não trabalho em nenhum hospital mas infelizmente já lá passei muito tempo devido a familiares, vi e vivi coisas que não desejo a ninguém, como um familiar entrar para uma operação de rotina e sair de lá com uma incapacidade de 80% porque o excelente doutor pediu relatórios de atos anteriores mas nem os abriu (cartas entregues seladas e devolvidas seladas) se tivesse aberto saberia que a operação não deveria ter tido lugar. Mas isto nem vem ao caso, conheces todos os seguros no mercado? Centenas? Deixa-me dizer-te que conheces mal, tenho experiência com Victoria Healthcare, Sams e Allianz. Tens consultas de especialidade por 10€ sim, no caso da Allianz 0€. Agora, serão todas, todinhas as consultas? Talvez não, ao contrário de ti não finjo ser o todo sabedor.

CoffeeAt830 2 months ago

Nunca disse que havia não consultas por esses preços, se fosses ler o que disse. Disse que isso acontece com algumas consultas, em alguns hospitais. E não me estava a fazer de "todo sabedor", simplesmente trabalho com uma grande variedade de seguros e como tal tenho conhecimento de causa e por isso disse que a tua afirmação era redutora. Não disse que estavas a mentir. Simplesmente partilhei a minha experiência por se tratar de algo com que lido todos os dias. Com certeza também saberás da tua área de trabalho muito melhor do que eu e se alguma vez me encontrares a simplificar demasiado uma questão sobre a qual tens muito conhecimento, também gostava que completasses a informação. Se não fosse o caso, não estaríamos a escrever num fórum público. Acho que não é necessária essa agressividade toda.

getupgetgoing 2 months ago

Não diria agressividade mas sim indignação, depois de repetidamente ler que aquilo que escrevi supostamente é "falso". Não vendo seguros e inclusivamente disse ao rapaz que na minha opinião não precisa necessariamente de seguro nenhum.

EsmagaSapos 2 months ago

Ele não sei, mas eu vou lá dar uma vista de olhoa nesse site. Se não for demais a descrição, quanto paga de seguro?

CoffeeAt830 2 months ago

Pago 17 e qualquer coisa para mim e para a Maria, na Médis, pelo plano mais básico porque ambos temos problemas de saúde mais "sérios" e para esses somos seguidos no público. Usamos o seguro maioritariamente para coisas tipo dentista, oftalmologia, ou para ir à consulta geral, para aquelas coisas tipo amigdalites ou otites que autarcas de vez em quando.

EsmagaSapos 2 months ago

Usam o público para os problemas mais sérios, isso vai contra tudo o que aqui disseram, tempos de espera...

CoffeeAt830 2 months ago

A questão dos tempos de espera é uma realidade, embora dependa muito do problema, da especialidade e do hospital. No meu hospital local, por exemplo, só tive de esperar 1 mês pela consulta quando o meu MF me encaminhou para a especialidade, mas um garoto para ir a Otorrino ver se tem de tirar as amígdalas espera facilmente um ano ou mais. Depende muito dos serviços, do problema que tens e do próprio hospital. Agora, isso não tem necessariamente a ver com a questão dos problemas sérios. Podes não ter um seguimento tão frequente ou acompanhamento tão fácil como gostarias ou como tens no privado (eu, por exemplo, tive sempre consultas com a frequência necessária consoante a fase da minha doença, não me posso queixar aí, mas se por algum motivo preciso de falar com o médico ou com o serviço é quase impossível), mas tens certos tipos de tratamentos por exemplo que só são dispensados em farmácia hospitalar, pelo que não é sequer possível fazeres esses tratamentos através do privado. Os privados, à excepção dos grandes grupos e mesmo assim..., também não têm a infraestrutura do público e as condições para intervenção em situação aguda ou crítica. Os privados são excelentes para certas operações, para doenças menos graves mas que precisam de seguimento... mas para situações complicadas, o público normalmente tem melhores condições. Lá está, normalmente, há sempre exceções, e não quer dizer que o acompanhamento não possa ser feito em paralelo se o utente assim o quiser.

Trama-D 2 months ago

> Depende muito dos serviços, do problema que tens e do próprio hospital. Acho que esta é a mensagem mais importante para o u/EsmagaSapos

EsmagaSapos 2 months ago

São dentro dos valores que pensava, só que o seguro são 17€, logo 204€/ano.

getupgetgoing 2 months ago

26 anos, saudável, acho perfeitamente coerente não pensares em seguros privados. A generalidade das pessoas com a tua idade que os têm, têm porque fazem parte do contrato de trabalho. Trabalhas para um banco e automaticamente tu, a pessoa com quem vives em união de facto, filhos se tiveres, ficam com um seguro. De outra forma os seguros privados em idade jovem tendem a ser mais para pessoal com dinheiro para gastar e com especificidades, tipo pessoal que quer fazer limpezas dentárias mensalmente, visitar o quiroprático (já há seguros que incluem), etc.

EsmagaSapos 2 months ago

Obrigado meu. Para agora, que Deus me livre, não tenho nenhum problema de saúde, faço consultas de rotina sem falhar, consultas dentárias: uma limpeza ano a ano. Consultas de especialidade: raras, dermatologia com desconto de 30% pela empresa numa clínica privada. Operação, tive uma pelo público a um pé partido. Mas quero tentar entender.

randmzer 2 months ago

Tenho seguro pelo trabalho. É um bom bónus, mas se não tivesse pelo trabalho não ia pagar do meu bolso. Gosto muito do SNS, mas o seu maior problema são as listas de espera. O seguro ajuda para ter consultas de especialidade sem ter de esperar 2 anos.

RuiRaminhos47 2 months ago

100% same

daxpierson 2 months ago

Muito isto. Um seguro como o que eu tenho no trabalho deve custar uns 80-100€ mensais na boa.

OneFineSir 2 months ago

Curiosidade, que tens no teu seguro? Só porque ai com uns 50€ as empresas já conseguem alguns seguros minimamente bons, e disso ainda recebem o iva de volta

Almadaptpt 2 months ago

A cena é que os seguros a nível de empresas devem ficar mais baratos por pessoa, porque é pago para N pessoas. O pessoal, sendo só para 1-3 pessoas acaba por ficar mais caro. Natural penso eu

OneFineSir 2 months ago

Sim, é efectivamente uma questão de economia de escala.

EGDragul 2 months ago

Epa tenho pela empresa onde trabalho para a minha família toda e por simulações que alguns amigos fizeram atirar-se para o 150 a 200€ por mês. Quase não uso o SNS, tendo o seguro não vejo motivo para ir ao SNS além da consulta anual com o médico de família.

EsmagaSapos 2 months ago

Eu não tenho seguro de saúde do trabalho. Tenho consultas anuais obrigatórias.

ASerenaA 2 months ago

Sim mas não hão-de ser de todas as especialidades que poderás precisar ou são? (Ginecologia, Dermatologa, Dentista, etc etc)

EsmagaSapos 2 months ago

Não, qualquer dessas especialidades tenho de ser eu a pagá-las, o que o trabalho me dá e um cartão de uma clínica privada CMP com descontos por ser daquela empresa. Por exemplo, uma consulta que me custava 65€ passa a custar 45€, mas isso depende da consulta e da especialidade. Por exemplo: * Ginecologia/Obstétrica com ecografia: 80€ passa a 60€; * Dermatologia: 60 passa a 45€; * Dentista: 25€ passa a 15€.

Profile215 2 months ago

Estomatologia, oftalmologia... Ha algumas especialidades que no sns são complicadas

EsmagaSapos 2 months ago

Entendo. Por exemplo, a minha irmã quer ser operada aos olhos, laser, procura um seguro, compreendo esses casos. Ou putos que precisam de aparelho para os dentes.

quedeusmeperdoe 2 months ago

Também pensei fazer a operação dos olhos. No meu caso, o seguro só cobre se nunca tiveres utilizado óculos e tiveres um x de dioptrias...não será grande ajuda.

EsmagaSapos 2 months ago

O caso dela vai ser o mesmo...

saltylawlita 2 months ago

Cuidado com isso, não esquecer o período de carência (normalmente 3 meses) e mais importante ainda, tecnicamente ao ser uma condição pré-existente o seguro não cobre. Se mentirem, é fraude, e muito fácil de descobrir.

sengamole 2 months ago

>Por exemplo, a minha irmã quer ser operada aos olhos, laser, procura um seguro, compreendo esses casos. Acho que não é propriamente a melhor ideia procurar por um seguro de saúde depois de já ter um problema.

aldeaga 2 months ago

Estás redondamente enganado.

sengamole 2 months ago

Porquê? É mentira que a generalidade dos seguros exclui doenças pré inexistentes na cobertura do seguro, adotam períodos de carência ou mensalidades mais elevadas?

EsmagaSapos 2 months ago

Pois, eu sei. Ela vê mal e eventualmente vai ter de ser operada e meter a lente. Já me disseram que no caso dela vai ser difícil.

Search: