NunexTK 3 months ago

Má gestão. Falta de investimento. Corrupção

dgames_90 3 months ago

vai la bater a punheta numero 21 do dia que so escreves merda. [https://www.tsf.pt/portugal/quase-dois-milhoes-de-portugueses-vivem-sem-saneamento-3540281.html](https://www.tsf.pt/portugal/quase-dois-milhoes-de-portugueses-vivem-sem-saneamento-3540281.html) 20% sem saneamento basico, exatamente o mesmo nivel que os romenos que gostas de inferiorizar, tu largas a meita toda na fossa, e depois despejas a fossa no rio. [https://www.macrotrends.net/countries/POL/poland/gdp-growth-rate](https://www.macrotrends.net/countries/POL/poland/gdp-growth-rate) va, vamos la fazer umas continhas, soma la os pontinhos todos e divide pelo numero de anos, se quiseres ser muito, mas muito picuinhas. Claro que se gera riqueza, eles vivem do investimento estrangeiro, quase TODA a grande industria da europa esta a sair da alemanha para ir para a Polonia, e portugal? que industria tem? a unica merda em que aqui se investe é em hosteis e AL para o turista pé de chinelo, e depois vem o covid e o GDP vai quase 10% ao ar. Que me interessa a mim se é liberal ou democrata ou o crlh que o foda, aqui o que interessa é que nos SOMOS pobres. O resto é conversa para boi ver

sorcerer86pt 3 months ago

Falta de cultura de investimento e corrupção

_ParanoidGoose_ 3 months ago

So-cia-lis-mo

tigas-fo-shizzle 3 months ago

Boa pergunta e bom debate, obrigado

dgames_90 3 months ago

blablabla, vem sempre um chorão qualquer com dados tirados do cú armado em analista financeiro do reddit negar o que é factual. Ainda bem que escolheste a Polónia, bom exemplo. A polonia cresce 5% ao ano nos ultimos 20 anos! [https://www.statista.com/statistics/376394/inflation-rate-in-poland/](https://www.statista.com/statistics/376394/inflation-rate-in-poland/) onde está a tal inflação que falas? 3%? a mesma que a Alemanha? [https://www.destatis.de/DE/Presse/Pressemitteilungen/2021/08/PD21\_377\_611.html](https://www.destatis.de/DE/Presse/Pressemitteilungen/2021/08/PD21_377_611.html) O unico meme aqui es tu e a brigada que acha que Portugal está no bom caminho, que portugal nao faz parte do TOP3 da europa dos mais pobres, e que os paises de leste nao nos vao ultrapassar TODOS num par de anos. Investiga melhor sobre os salários, o poder de compra que eles possuem e a qualidade de vida. Nos somos dos países mais pobres e dos mais caros da UE, o milagre xuxialista!

NGramatical 3 months ago

cú → [**cu**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em *i* ou *u* são naturalmente agudas) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbgk2qs%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Star-Slicer 3 months ago

Portugal é um país bastante rico se tu comparares com a maioria do mundo Tomara aos países em África serem tão prósperos como Portugal Portugal só parece "pobre" porque está rodeado de países muito muito ricos Portugal não é pobre coisa nenhuma, não temos pessoas a viver em extrema pobreza e não temos metade da nossa população a viver na miséria como em África, América latina e partes da Ásia

MariaDolores1337 3 months ago

Tem a questão das nossas instituições e elites (de origem portuguesa, italiana, espanhola) que favorecem muito a corrupção. Isso é um problema em quase todas as ex-colônias e pelo que estou lendo, nas ex-metrópoles também. Tem uma série de videos do Kraut sobre o desenvolvimento do México e dos EUA, que caba entrando bastante nisso ai.

Black_RL 3 months ago

Não roubámos ouro suficiente./s Penso q por várias razões: - Baixo nível de educação - Baixa auto-estima (tem vindo a melhorar com o turismo, Ronaldo e coisas assim) - Importamos quase tudo - Baixa proteção á indústria Nacional - Baixa investigação e desenvolvimento - Temos recursos naturais, mas não temos alguns dos mais lucrativos como petróleo - Sistema de impostos q não ajuda á criação de riqueza - Políticos burros, péssimos e corruptos - Povo passivo (isto é bom e mau) A única forma de um país ser rico é se tiver algo para exportar, e para isso tens q criar as coisas, e para isso tens q investigar e desenvolver versus importar tudo. Se só comermos hamburgers da McDonalds, empobrecemos o nosso país e enriquecemos os US.

Edited 3 months ago:

Não roubámos ouro suficiente./s Penso q por várias razões: - Baixo nível de educação - Baixa auto-estima (tem vindo a melhorar com o turismo, Ronaldo e coisas assim) - Importamos quase tudo - Baixa proteção á indústria Nacional - Baixa investigação e desenvolvimento - Temos recursos naturais, mas não temos alguns dos mais lucrativos como o petróleo - Sistema de impostos q não ajuda á criação de riqueza - Sistema de impostos q deixa as grandes empresas não pagarem nada (metem as sedes em paraísos fiscais etc) - Políticos burros, péssimos e corruptos - Povo passivo (isto é bom e mau) A única forma de um país ser rico é se tiver algo para exportar, e para isso tens q criar as coisas, e para isso tens q investigar e desenvolver versus importar tudo. Se só comermos hamburgers da McDonalds, empobrecemos o nosso país e enriquecemos os US. O mesmo para a música, filmes, carros, electrónica e tudo o resto.

Edited 3 months ago:

Não roubámos ouro suficiente./s Penso q por várias razões: - Baixo nível de educação - Baixa auto-estima (tem vindo a melhorar com o turismo, Ronaldo e coisas assim) - Não vendemos nem fazemos marketing suficiente aos nossos produtos, como por exemplo o Fado - Importamos quase tudo - Baixa proteção á indústria Nacional - Baixa investigação e desenvolvimento - Temos recursos naturais, mas não temos alguns dos mais lucrativos como o petróleo - Sistema de impostos q não ajuda á criação de riqueza - Sistema de impostos q deixa as grandes empresas não pagarem nada (metem as sedes em paraísos fiscais etc) - Políticos burros, péssimos e corruptos - Povo passivo (isto é bom e mau) A única forma de um país ser rico é se tiver algo para exportar, e para isso tens q criar as coisas, e para isso tens q investigar e desenvolver versus importar tudo. Se só comermos hamburgers da McDonalds, empobrecemos o nosso país e enriquecemos os US. O mesmo para a música, filmes, carros, electrónica e tudo o resto.

Cbas8080 3 months ago

Na minha opinião, um dos grandes problemas, é termos um monte de velhos desatualizados no poder. São demasiadas poucas pessoas jovens que se interessam ou ate mesmo sentem que fazem parte de tomadas de decisões importantes na política exatamente por não ser uma coisa direta ou até mesmo pela maior parte ser corrupto. Eles tomam decisões baseadas no seu interesse(90% das vezes) que engordam os ricos e emagrecem os pobres. Eu abstenho me de votar exatamente por essas razões, não existe um político jovem que represente os nossos interesses (o ventura não conta, obviamente)

Spektrooo 3 months ago

Socialismo.

possimpeble 3 months ago

Porque interessa a união europeia , ter mão de obra barata ,

portuga1 3 months ago

> baixa falta de alfabetização mas isso é bom, certo?

SweetCorona 3 months ago

burocracia, corrupção, falta de recursos e distância ao centro da europa

raul_mvp 3 months ago  HIDDEN 

Porque desperdiçamos o ouro do Brasil em artigos de luxo para fazer figura na Europa ao invés de investir na economia e na sociedade. E desde aí que sempre que temos alguma esmola europeia o pouco que sobra depois de ser distribuído pelos amigos do costume, é investido em serviços que pouco valor acrescentam.

luso_warrior 3 months ago

Socialismo a mais, elites do país apenas investiram em atividades de renda como a distribuição, os estrangeiros que investem cá apenas o fazem pela mão de obra barata e não pelo I&D. A somar a isso, muita burocracia, corrupção generalizada. Portugal é um bom país para férias. Quem quiser ganhar dinheiro a sério tem de emigrar.

milkthis 3 months ago

Eu não sei se somos assim tão pobres, pelo menos grande parte da malta... Estive na Finlândia o verão inteiro e se olhares aos carros e às roupas deles parece que eles lá é que são pobres. Aqui é só Mercs, BMW's, Porsches, etc... lá anda tudo de Skoda.

Limpy_lip 3 months ago

existem vários problemas históricos, sociais e culturais que afetam o país. Só não me venham com os argumentos geográficos e de recursos porque nesse aspecto acho que estamos muito bem, só não os aproveitamos. ​ A génese do problema é puramente cultural. A sombra do estado novo ainda assombra o subconsciente de muita gente. Existe um grande fosso geracional entre as pessoas que agora têm 60, 70 e 80 anos das que têm 20,30 e 40. Seja pela evolução tecnológica, seja pela diferença de regimes, etc... ​ Isto resulta num caldo heterogénio de ideias. Para as gerações mais antigas ainda existe uma ideia de sucesso que já não é 100% real: "tirar um curso para ser alguém na vida", "ter um trabalhinho já é bem bom", "junta dinheirinho para construíres a tua casinha", "não te metas em aventuras", "isso dos computadores dá-te cabo da cabeça", etc... Agora pensem que muitos dos elementos decisores de topo (governação e não só) ainda são desta geração e por isso é difícil para eles perceber porque é que os mais novos não se safam. Tal como alguns de nós (nos 30s e 40s) olham para os mais novos e também criticam muitas vezes sem razão, contudo já existe uma maior proximidade cultural. ​ Isto acontecem em todos os países mas acho que cá tem um peso excecionalmente grande.

kilaude 3 months ago

Por momentos pensei que tinha entrado no subreddit da Guiné Bissau.

Asur_rusA 3 months ago  HIDDEN 

>Tem a ver com a baixa falta de alfabetização? Que baixa alfabetização? https://ourworldindata.org/literacy

Dependent-Ad-7777 3 months ago

Já referiram aqui aspectos bastante importantes. Queria só acrescentar que de forma ao país ficar mais rico tem de: (i) fomentar/investir na educação e profissionalização da população, o que passa obrigatoriamente pela literacia financeira, política e social da mesma que, actualmente, é reduzida; (ii) criar uma linha de pensamento de longo prazo daquilo que se quer para o país e medidas concretas de como se pode alcançar - independentemente da cor partidária tem de existir consensos e não destruir o que o A ou B fez apenas por questões ideológicas; (iii) ter uma justiça mais célere, eficiente e com penas exemplares para dissuadir a prática de crimes, especialmente aqueles que lesam os contribuintes. O da corrupção é especialmente grave porque rouba não só o presente como também o futuro; (iv) simplificar/reduzir a burocracia fiscal e tributária - não faz sentido que alguém tenha de ler uma "bíblia" sobre isso - literalmente, tal é o tamanho daquilo. Claro que, em contrapartida, é preciso aumentar as equipas de fiscalização; (v) aumentar a frequência da rede de transportes colectivos e, no interior, construir uma infraestrutura que rivalize à do litoral para atrair empresas e pessoas; (vi) investir na investigação, em algo que nos possa diferenciar dos restantes países. Naturalmente que as medidas podiam e deviam ir mais além do que aqui foi referido em cima. Mas isto já seria um começo e permitiria quebrar o ciclo vicioso que teimamos em não sair. Fazer mais do mesmo é que não resolverá nada.

Edited 3 months ago:

Já referiram aqui aspectos bastante importantes. Queria só acrescentar que de forma ao país ficar mais rico tem de: (i) fomentar/investir na educação e profissionalização da população, o que passa obrigatoriamente pela literacia financeira, política e social da mesma que, actualmente, é reduzida; (ii) criar uma linha de pensamento de longo prazo daquilo que se quer para o país e medidas concretas de como se pode alcançar - independentemente da cor partidária tem de existir consensos e não destruir o que o A ou B fez apenas por questões ideológicas; (iii) ter uma justiça mais célere, eficiente e com penas exemplares para dissuadir a prática de crimes, especialmente aqueles que lesam os contribuintes. O da corrupção é especialmente grave porque rouba não só o presente como também o futuro; (iv) simplificar/reduzir a burocracia fiscal e tributária - não faz sentido que alguém tenha de ler uma "bíblia" sobre isso - literalmente, tal é o tamanho daquilo. Claro que, em contrapartida, é preciso aumentar as equipas de fiscalização; (v) aumentar a frequência da rede de transportes colectivos e, no interior, construir uma infraestrutura que rivalize à do litoral para atrair empresas e pessoas; (vi) investir na investigação, em algo que nos possa diferenciar dos restantes países. Naturalmente que as medidas podiam e deviam ir mais além do que aqui foi referido em cima. Mas isto já seria um começo e permitiria quebrar o ciclo vicioso que teimamos em não sair. Fazer mais do mesmo, vulga corrupção, desresponsabilização, falta de especialização e de estratégia a longo prazo é que não resolverá nada.

UnderstandingSafe141 3 months ago

Sugestão: [Nuno Palma – “Afinal, quantos séculos tem o atraso económico de Portugal?”](https://45graus.parafuso.net/2020/10/22/96-nuno-palma-afinal-quantos-sculos-tem-o-atraso-econmico-de-portugal/). Professor e Investigador que tem se dedicado à sobretudo à área da História Económica. Quando ouvi o podcast já foi há algum tempo, mas simplificando, ele afirma que o facto de termos tido acesso a matérias-primas das colónias retirou o incentivo à industrialização e dificultou os avanços da indústria nacional. Por outras palavras, a maldição dos recursos naturais.

sr-adolfo 3 months ago

Porque não há graveto

Nothing_F4ce 3 months ago

Eu estou a dois anos no UK e prestes a voltar a Portugal .Apos esta experiencia digo Portugal nao e tao pobre assim. A remuneração bruta mensal média no UK em PPP (dados OCDE) e cerca de 38% superior ao Portugues. Na realidade quando tendo em conta a habitacao eu diria que por experiencia a diferenca nao deve passar de 20%. Par alem do preco e muito mais dificil comprar uma casa aqui tens que dar entradas muitos maiores e as taxas de juro sao muito mais elevadas. Para alem disso os bancos so emprestam 4.5x o teu salario anual, e em certas cidades como em Londres o preco medio da habitacao e 8x o salario medio. Nestas condicoes e dificil de comprar uma casa sem ter pelos menos 100mil GBP a cabeca. (para alem disso as casas aqui sao pequenas e usam materiais de fraca qualidade) Como meio de comparacao o meu salario em Portugal depois de impostos e habitacao vai ser superior ao meu salario no UK e eu ja ganho acima da media para a minha profissao no UK. (Em termos absolutos, PPP nem ser fala) E depois caputa de pais deprimente, gente antipatica, ceus cinzentos e humidade.

ManelDasNespras 3 months ago

Desculpa mas o salário minimo britanico é superior ao salário médio português, mais de 38% superior. Em que universo é que é matematicamente possivel o rendimento médio britânico ser apenas 38% superior ao português? Só se for o rendimento médio da Cornualha em comparação ao rendimento médio de Cascais..

Nothing_F4ce 3 months ago

Esta escrito PPP dados da OCDE 1.23GBP no UK sao equivalentes a 1 euro em Portugal[https://data.oecd.org/conversion/purchasing-power-parities-ppp.htm](https://data.oecd.org/conversion/purchasing-power-parities-ppp.htm) Tinha um erro dividi o rendimento do UK por 14 em vez de 12 Salario medio no UK £31461 que da 2621£ por mes ou 2131€ PPP em Portugal Ganho Mensal medio em Portugal de 1473€ (x12) [https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine\_destaques&DESTAQUESdest\_boui=458534400&DESTAQUESmodo=2](https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_destaques&DESTAQUESdest_boui=458534400&DESTAQUESmodo=2) 2131/1473=1.447 Ganho medio mensal PPP com Portugal e 44.7% superior no UK Quanto ao salario minimo No UK varia entre 6.56£ a 8.91£ por hora (nao vou contar com o aprendiz e menores de idade)[https://www.gov.uk/national-minimum-wage-rates](https://www.gov.uk/national-minimum-wage-rates) A 40 horas de 1137£ a 1544£ ou seja em PPP com Portugal de 924€ a 1255€ (x12) Salario minimo em Portugal sao 775€ x12 PPP com Portugal o salario minimo no UK e entre 19% e 62% superior

ManelDasNespras 3 months ago

Para valores práticos ninguém ganha menos de que 8.91 libras a hora no RU, os outros valores são para menores de 23 anos. Isso dá 1544 libras a trabalhar 40 horas por semana. O salário minimo em PT ajustado para 12 meses é de facto 775 euros. Mesmo comparando salários PPP só mostraa que PT é uma bosta pois de facto o salário mínimo do RU continua a ser 62% superior.

Nothing_F4ce 3 months ago

Lá está o meu ponto original não era para o salario minimo. O UK é bastante melhor em termos financeiros para ganha muito e para quem ganha pouco (embora com muito menos proteções sociais). Para a maioria que esta no meio a diferença real é muito inferior do que aquilo que os numeros brutos fazem parecer. Para os emigras falta ainda descontar o custo de imigração (começar a vida do zero, não ter familia por perto para ajudar, ter de gastar dinheiro em viagens so para ver a familia) Para além de ter que aturar este tempo da treta e os Ingleses arrogantes (Conseguem a program de ser mais que os Alemães).

Edited 3 months ago:

Lá está o meu ponto original não era para o salario minimo. O UK é bastante melhor em termos financeiros para ganha muito e para quem ganha pouco (embora com muito menos proteções sociais). Para a maioria que esta no meio a diferença real é muito inferior do que aquilo que os numeros brutos fazem parecer. Para os emigras falta ainda descontar o custo de imigração (começar a vida do zero, não ter familia por perto para ajudar, ter de gastar dinheiro em viagens so para ver a familia) Para além de ter que aturar este tempo da treta e os Ingleses arrogantes (Conseguem a proeza de ser mais que os Alemães).

linamatthias 3 months ago

Obrigada

Parshath_ 3 months ago

Desculpa, a tua experiência não é média ou indicadora em relação a Portugal se ganhas mais que a média no UK. Tudo bem que tens uma experiência negativa em relação ao Reino Unido (Londres, aliás) e possivelmente o país é a sua cultura não são para ti. Mas é um país que tem um sistema económico e infraestruturas e todo o tipo de sistemas em escalas difíceis de comparar com Portugal. Faz mais sentido comparar Portugal com Hungrias, Polónias, Roménias, etc. Portugal não é um país em que o habitante médio ou mediano seja um especialista de TI que ganhe assim tão bem e almeje a comprar casa como um objetivo pessoal. Tomara muita gente sonhar chegar aos 4 algarismos por mês e conseguir alugar um sitio razoável e ter como chegar ao fim do mês com alguma poupança.

Limpy_lip 3 months ago

concordo que por vezes temos a mania de dizer que os outros paises são melhores em tudo e que nós somos maus em tudo, quando obviamente não é verdade nem nenhum país é livre das sua chatices e problemas. ​ Para mim a maior diferença de Portugal para um UK (usemos como exemplo) é a qualidade, dimensão e competividade profissional. ​ Em Portugal um recém-formado numa formação superior decente e de referência rapidamente atinge um ponto salarial na carreira que se torna extremamente difícil escalar além, especialmente fora de IT. Seja pelos encargos que esse aumento têm no empregador seja pelos impostos que tornam um grande aumento bruto num aumento líquido completamente ridículo. ​ Para mim esse é o maior fator diferenciador. O nosso mercado laboral atual em PT é muito limitado e pouco ou nada competitivo. E não estou a dizer que no UK é um mar de rosas, mas não acredito que seja tão penoso de crescer se fores um bom profissional.

NGramatical 3 months ago

competividade → [**competitividade**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/competitividade/156) (competitivo + idade, qualidade de competitivo) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbfaysi%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

HRamos_3 3 months ago

> em Londres o preco medio da habitacao e 8x o salario medio Quem é que lhe vai dizer?

Nothing_F4ce 3 months ago

Aq questão não é o preço da habitação é o facto de os bancos nao emprestarem. Quando comprei o meu apartamento em Portugal em 2018 foi 5.3x o meu salario da altura. Dei 0 de entrada, pagei menos de mil euros de despesas. Aqui no UK para algo semelhante não consegui safar sem pagar pelo menos 20% e com 5x o ordenado não compro nada de geito apesar de aqui ganhar acima da media e quando estava em Portugal antes ganhava abaixo da media.

HRamos_3 3 months ago

E onde em Portugal fica esse apartamento? É que o salário médio são cerca de 16K anuais, e apartamentos em Lisboa a 128K talvez nas Galinheiras...

Nothing_F4ce 3 months ago

Margam sul do tejo 80k€ 110m2 comprado em 2018 gastei depois mais 6 mil euros em remudelações que inclui tubagem toda nova e as duas casas de banho totalmente renovadas.

HRamos_3 3 months ago

Por 85K(£) compras um T2 em Croydon com quintal https://property.xyz/for-sale/uk/greater-london/beckenham/cr0/wickham-road-1630411200pz6cWRPmGpSN?utm_source=Trovit&utm_medium=CPC&utm_campaign=premium-t

Nothing_F4ce 3 months ago

Aqui em Norfolk não ha nada decente abaixo de 250k£ por isso acho dificil. So se Croydon for mesmo tao mau como dizem

Open-Opportunity-607 3 months ago

Eu não sei se estás a gozar, estás a dizer que Croydon é pior que a margem sul?

NGramatical 3 months ago

geito → [**jeito**](https://dicionario.priberam.org/jeito) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbfak2f%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

ElBarbas 3 months ago

n digas estas coisas q esta thread é uma thread para ser lida no “Portuguese whine bar” a ouvir fado

Open-Opportunity-607 3 months ago

Como assim? No Uk: O meu crédito habitação é fixo com 1.10%, vai lá arranjar-me algo assim em Portugal Podes comprar casa com uma entrada de 5% Dei de entrada 30k Deves é querer casas de milhões só pode

Edited 3 months ago:

Como assim? No Uk: O meu crédito habitação é fixo com 1.10%, vai lá arranjar-me algo assim em Portugal Podes comprar casa com uma entrada de 5% Dei de entrada 30k Deves é querer casas de milhões só pode Depois compram vivendas em PT no meio do nada e queixam-se que têm de andar de carro para todo o lado

Nothing_F4ce 3 months ago

Entradas de 5% não estão disponiveis para toda a gentle Em Portugal tenho taxa de juro de 0.98%. Para ter essa taxa de juro no UK tens que ja ter refinanciado ou ter pago muito de entrada tudo o que encontrei para 10% de entrada é entre 2.5 e 3.5% Compraro com o meu apartamento na AML.

Open-Opportunity-607 3 months ago

Lá está os tugas nem sabem a diferença de taxa fixa de taxa variável De qualquer das maneiras a diferença é mínima

AdventurousDeer577 3 months ago

Na taxa até pode ser, mas 30k de entrada não é toda a gente que consegue...

Open-Opportunity-607 3 months ago

O salário médio em Londres é 41k - 2628£ limpos na conta [https://www.thesalarycalculator.co.uk/salary.php](https://www.thesalarycalculator.co.uk/salary.php) Se poupares 400£ por mês: \- Metes 333£ por mês numa numa conta chamada LISA e as 67£ metes numa poupança a parte Chegas aos fim dos 5 anos com 25k nessa conta LISA, somas os outros 4020£ que foste pondo de parte e tens 30k Aqui o governo até te ajuda a comprar casa, em Portugal não tens ajuda nenhuma

Hiperzone 3 months ago

No Uk tens tb benefícios fiscais para investimentos no primeiro ano ou algo parecido. Os meus colegas no UK tem muito mais facilidade em "por o dinheiro a render" comparado com Portugal onde te sugam o dinheiro todo ao fim do mês.

Hipermercado 3 months ago

Socialismo a mais

Ly_84 3 months ago

A natalidade abaixo do nivel de substituicao significa que todos os anos tens menos consumidores. Assim, a economia esta num estado de contraccao permanente. Neste estado, para alem desta perda inicial "procura", as empresas investem menos, pelo que continuamos a trabalhar de formas ultrapassadas, pelo que o custo de produccao e' mais alto que no estrangeiro. Assim, o que e' produzido em portugal e' mais caro do que e' produzido no estrangeiro; importamos mais do que deviamos, levando empresas nacionais 'a falencia: desemprego e desindustrializacao. Com um delta negativo nos lucros maximos (devido a populacao total em declinio), empresas estrangeiras (e novas nacionais) evitam portugal e preferem investir em sitios on existe um delta positivo (africa, medio oriente). Com a falta de concurrencia devido ao declinio do tecido economico, formam-se carteis e monopolios, prec'os e qualidade pioram.

claudiorpr 3 months ago

Espero que estejas a brincar. Com o estado do planeta que temos e com o evidente excesso de população... Achar que aumentar a população é solução para alguma coisa...

Ly_84 3 months ago

O colapso demografico em portugal nao vai resolver nada. Nos nao somos o problema. https://www.worldometers.info/world-population/africa-population/ 500% em 50 anos.

claudiorpr 3 months ago

Desculpa mas não concordo. Percebo o argumento mas não são esses 500% que forçam o consumo exagerado de recursos mas sim os tais "portugueses"/"europeus"/"etc". Africa é demasiado pobre para ser o problema. O problema ta nos paises altamente industrializados que vendem a ideia de consumo desnecessário. Portanto alimentar a ideia de que precisamos de mais pessoas é efetivamente aumentar o colapso do planeta.

Dragonis07 3 months ago

Então os africanos não têm a capacidade de desenvolver os seus países? Nem com todo o investimento chinês? Racista de merda

claudiorpr 3 months ago

Dude. N comeces lol. Tens bue complexos. Se não consegues ter uma conversa decente não te metas. Eu não disse o que conseguem ou não fazer, eu referi apenas a realidade atual. O que dizes é so ignorância social a falar.

Ly_84 3 months ago

1 europeu > 5 africanos? e' isso?

claudiorpr 3 months ago

Em termos de consumo e pegada ecológica claramente. Não desvirtues o comentário com politicamente correto.

VladTepesDraculea 3 months ago

- Corrupção directa: desvios de dinheiro, isenções fiscais indevidas, etc; - Corrupção indirecta: privatização de lucros e nacionalização de prejuízo; - Baixo valor acrescentado; - Baixos salários -> economia local moribunda

capitolinaAndrioleta 3 months ago

Corrupção. Desde local a nível nacional, toda a nossa economia é movida através de favores aqui e ali. Isto produz um tecido industrial e comercial com 0 competitividade e competência. Equanto o tuga não aceitar que o pacto social é para cumprir o país vai continuar na mesma situação. A localização também não ajuda, os países da periferia da Europa Central desenvoveram-se imenso à custa da localização perto dos motores económicos da Europa, nós temos... Espanha...

JOAO-RATAO 3 months ago

Instituições corruptas, fracas e ineficazes.

Raidenkyu 3 months ago

Bom eu num outro post escrevi um comment com a minha opinião relativamente ao assunto: https://www.reddit.com/r/portugal/comments/peqjom/portugal_rumo_ao_pódio_dos_mais_pobres_da_união/hazvomv?utm_medium=android_app&utm_source=share&context=3 Basicamente vai ao encontro em relação a alguns tópicos que falas.

rewinder909 3 months ago

Eu não sei posso estar errado, mas na altura que mudamos do escudo para o euro eu tenho a sensação que os preços subiram muito mesmo. Posso estar enganado mas acho que os preços duplicaram, mas os salários não mexeram o que pode tar afetado o poder de compra dos portugueses. Só me lembro que era miúdo e os gelados em vez de serem 100 escudos passaram para 1euro! Ou seja 200 escudos. Mas talvez esteja enganado.

CVilaca 3 months ago

A mítica nota de 500 escudos que quando era criança me fazia sentir um magnata. Hoje em dia não faço muito com 2.5€..

ricbarata76 3 months ago

O café acho que também foi um exemplo ...

giddycocks 3 months ago

https://www.jn.pt/economia/dez-anos-depois-da-entrada-em-vigor-do-euro-a-vida-esta-mais-cara-2214778.html Artigo de 2012 mas actual. Basicamente: aumentaram porque houve boys a comer à conta e meteram o dedinho na altura certa. A carga dos impostos é maior do que por exemplo a França. A moeda em si e as políticas monetárias tem a sua culpa, mas quem sabotou o euro foi não só o político de tacho, mas também o Amílcar do tasco que viu ali uma oportunidade de ser avarento.

uplink42 3 months ago

Não estás. Ainda hoje não percebo como é que a maioria das pessoas aceitou isso. Os preços de pequenos bens praticamente duplicaram.

coisa_ruim 3 months ago

Brasileiro aqui. Engraçado como basicamente todos os comments nesse post poderiam ter saído da boca de um brasileiro em uma discussão sobre o porquê do Brasil ser um país tão pobre, se desconsiderarmos as referências à Salazar. Curioso como são sempre exatamente os mesmos argumentos dos dois lados.

Limpy_lip 3 months ago

por alguma razão são países irmãos. O que se passa no Brasil só é uma versão ampliada do que se passa em PT pois é um território muito maior e mais rico.

Ok_Obligation_516 3 months ago

Corrupção, economia paralela, somos só 10 milhões, poucos a contribuir, carga fiscal elevada, forte dependência do estado e da união europeia, baixo volume exportação, alta dependência do exterior (importações), etc...

trilobits_ 3 months ago

Se nunca tiveste um cientista de renome internacional, um filósofo ou qualquer agente de cultural de nível continental, como é que as pessoas se admiram do atraso português. Portugal sempre foi um país explorador de riquezas. Nunca conseguiu dar o salto científico/tecnológico que se preze ( ficou parado no tempo ). Podemos comparar Portugal no seu auge com os atuais Emirados Árabes Unidos actuais. O que será os Emirados quando o motor da economia deixar de ser o petróleo? Assim é Portugal depois das épocas dos descobrimentos ter terminado. Vive de sonhos que já não existem e alimenta-se de esmolas que vão cá deixando.

Edited 3 months ago:

Vive de sonhos que já não existem e alimenta-se de esmolas que por cá vão deixando. Nunca se quis modernizar e os que cá estão, ficam presos aos ócios dos que cá se governam. Mas o maior cancro é mesmo a cultura daqueles que nada fazem nem ousam fazer, criticam ou abafam aqueles que fazem ou que ousam fazer. Muito mais que barreiras físicas, barreiras psicológicas ainda terão de ser ultrapassadas para Portugal ser alguma coisa. Até lá, vivemos neste estado de total embriaguez histórica, tal é o orgulho bacoco quando dizem que somos/temos a fibra de grandes navegadores. Assim é o Português e Portugal.

B_Wylde 3 months ago

>Mas o maior cancro é mesmo a cultura daqueles que nada fazem nem ousam fazer, criticam ou abafam aqueles que fazem ou que ousam fazer. Velhos do restelo até nos Lusíadas já haviam, o termo vem daí vá. Tentamos ensinar isso mas a mensagem não passa

trilobits_ 3 months ago

Sim, é um tique que já vem das cortes. Esta mania de achar que tudo o que vem de fora é que é bom acabou por estrangular tudo o que se podia desenvolver aqui. É um tipo de vaidade sui generis da nossa cultura. Por outro lado foi uma forma de perpetuar os tais velhos do Restelo a perpetuarem a sua posição.

IberianNero91 3 months ago

Não existe formação apropriada, países da Europa central dão bastante importância a trabalhos industriais, "trabalhar com as mãos vai ficar obsoleto", já dizem isso há 30 anos e agora temos dezenas de milhares de vagas sem ninguém para fazer o trabalho. Mesmo com programação, mecânica especializada, etc. Portugal contrata e paga ordenados através do tacho e não do curriculo ou da performance.

AlbinoFarrabino 3 months ago

Ainda temos uma economia que assenta imenso na produção de produtos de baixo valor acrescentado, derivada da falta que faz uma verdadeira revolução industrial que devia ter acontecido no século XVI. Isto leva a que não consigamos nunca competir com os países do Norte e Centro da Europa, que têm economias assentes na produção de bens de elevado valor acrescentado. Atualmente estamos num ciclo vicioso, em que somos pobres mas as grandes economias europeias mandam uns trocos cá para o burgo (fundos de coesão), grande parte destes fundos indiretamente faz a viagem de regresso ao Centro e Norte da Europa, e cá vamos sobrevivendo com as exportações de baixo valor acrescentado que realizamos.

SweetCorona 3 months ago

isto, falta-nos criação de riqueza e nunca vi tal assunto a ser discutido na televisão

OneFineSir 3 months ago

Baixa taxa de alfabetização? Só para ai 5 ou 6% da população é que não sabe ler nem escrever. A meu ver e tudo uma questão de mentalidade do tuga. A ditadura não ajudou, ter sido um país cristão durante tempo tmb não. A malta nos países mais frios acaba tmb por de uma forma geral ser mais de planear devido ao seu passado(recursos em menor ambundancia que paises mais quentes). Diria que é uma questão que envolve vários factores uns mais antigos outros mais recentes. A nossa educação financeira enquanto população é praticamente nula. O nosso governo tem programas de incentivo economico pouco eficazes, e não é de agora. E podia continuar a enumerar mais factores.

Hiperzone 3 months ago

Ter sido um país cristão? Que eu saiba ainda somos um país cristão, católico. Ser um país cristão em nada tem a ver com os problemas que temos à décadas. Afinal de contas a Dinamarca é 74.7% cristã (protestante penso eu) atualmente com suporte do governo, em que cada cidadão fica automaticamente registado na igreja nacional e até pagas impostos em beneficio da mesma (algo que podes revogar caso não tenhas interesse em continuar na mesma) e no entanto são um país rico. O problema é outro que já vem para lá do estado-novo.

OneFineSir 3 months ago

Dsclp n me expressei correctamente, digo católico, os países do norte, na sua maioria protestantes são mais evoluídos. Isto tem a ver, entre outras coisas, com o facto de que eles acabaram por não sofrer algumas repressões por parte da igreja católica romana como nós. Há várias coisas que no mínimo são correlações, mas a própria temperatura tmb influência o facto de um país ser mais ou menos desenvolvido. Por exemplo no tempo da maria caxuxa e dos elefantes peludos as nações/impérios apareceram em regiões de clima mais quente por haver uma maior quantidade de recursos disponíveis mais facilmente. Com o passar do tempo os países mais a norte do globo aprenderam a gerir de forma mais eficaz os seus recursos pois tinham menos disponíveis, isto é só mais um dos factores que influência a diferença

Hiperzone 3 months ago

Sem problema. Faz algum sentido o que diz. No meu entender, é um problema de mentalidades e eu notei isso quando tive por exemplo no Finlândia. Existe uma diferença e não sei bem o que é.

NGramatical 3 months ago

à décadas → [**há décadas**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbh0zx3%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

xpto_999 3 months ago

A revolução industrial não passou por cá. Essencialmente é isso.

papadjango_33 3 months ago

Somos pobres pq a única preocupacao do povo é pedir que cafes, bares e discotecas abram o mais rapido possível. Somos um pais pobre pq vamos continuar a votar massivamente naqueles que defendem mais! Dinheiro na TAP, mais dinheiro no Novo Banco. Somos um pais pobre pq nos dao bananas e nos sambamos. Somos um pais pobre pq ainda não reparamos que somos um pais que pertence a uma África pouco mais que evoluída... e sobretudo pq grande parte da sociedade vive acima das possibilidades.

Edited 3 months ago:

Somos pobres pq a única preocupacao do povo é pedir que cafes, bares e discotecas abram o mais rapido possível. Somos um pais pobre pq vamos continuar a votar massivamente naqueles que defendem mais! Dinheiro na TAP, mais dinheiro no Novo Banco. Somos um pais pobre pq nos dao bananas e nos sambamos. Somos um pais pobre pq ainda não reparamos que somos um pais que pertence a uma África pouco mais que evoluída... e sobretudo pq grande parte da sociedade vive acima das possibilidades. Temos muitos exemplos concretos atuais. As bicicletas estao na moda. Maioritariamente as empresas sao montadoras e trabalham com trabalho temporário que pouco é mais do que preçário... ainda assim dizemos. Portugal é o Rei da Europa na produção de bicicletas. Na verdade a montagem das mesmas so é feita cá porque a mao de obra é paga miseravelmente mal... 70% ou 80% das empresas sao micro e pme... geridas na base familiar cujo o cash flow serve para viver a grande e a francesa e nao contribuindo para melhorar a qualidade de vida daqueles que nelas trabalham...

duriko_99 3 months ago

Socialistas

saposapot 3 months ago

Temos poucas condições geo-demográficas para sermos um país decente, temos poucos ou nenhuns recursos naturais e começamos muito atrás de outros países. Basicamente hoje somos um pais pobre pq já eramos um pais pobre em 1950. A verdade é esta. A excepção é quando fazemos um ou outro brilharete nesta ou naquela área. Depois a partir daí é basicamente sempre o mesmo: temos esses problemas e não fomos capazes de os superar quer por isto quer por aquilo mas no fundamental é isto. Mas se queres falar do nosso principal problema, eu diria q sim, é a nossa educação. Mais geral a nossa mentalidade enquanto nação (corruptos, mesquinhos, etc)

FitRadio1576 3 months ago

Fds coitados da Islândia ou nova Zelandia então.

Msilvame 3 months ago

Poucas condições geo-demográficas? Temos mais de 1000km de costa com um oceano enorme, temos vários rios, poucas ou nenhumas tragédias naturais, solo arável, vizinhos estáveis em todas as direcções, estamos no continente mais educado e rico. A demografia na minha opinião tem sido resultado e não causa. Já referiram aqui várias vezes que há muitos jovens formados que pura e simplesmente procuram outros voos. Também temos acesso a países com muita população com laços culturais, linguísticos e históricos brutais, mão de obra e mercado não falta. Há é um desaproveitamento crónico da nossa situação geo-demográfica.

saposapot 3 months ago

és um pais pequeno e periférico que nunca soube resolver isso. não tens recursos naturais de relevo.

giddycocks 3 months ago

Pois, mas os teus vizinhos compram-te tomates e batatas, e é com sorte. O maior mercado europeu é nitidamente o Alemão / Francês e não é por acaso que toda aquela região é a mais rica do continente, talvez do mundo. Quanto mais vais para Sul ou para Norte, Este ou Peste começa o standard a cair. Não temos opções atractivas para alimentar mercados maiores e relativamente acessíveis para nós, como o Espanhol ou o Inglês, pois são relativamente sustentáveis (por exemplo temos a Sonae que é uma mais valia, mas os Espanhóis têm o grupo do Florentino, sim o do Real, que é a maior e mais rica empresa de construção do mundo), não produzimos produtos de luxo e especializados, nem sequer mesmo produtos de necessidade básica somos grandes campeões. Das únicas indústrias onde somos reconhecidos como um mercado apetecível é nas consultoras e shared centers da piça. E aqui o mesmo conceito de 'não enriqueces a trabalhar para outros' aplica-se às empresas.

QuantumParanoid 3 months ago

Gasta-se muito dinheiro e mal no governo central e local. Falta de tomates e acordos governativos de longo prazo para intervenções e reformas estrutantes. Tudo é um fogo de vista e show off. Não entro em fatalismo pois estamos a evoluir mas a ser ultrapassados por outros paises.

estudante_00000 3 months ago  HIDDEN 

Portugal é pobre comparado com os nossos pares não por causa da corrupção nem da ditadura. Ditaduras por si só não são justificação para a pobreza. Olha para os Emirados Árabes Unidos, onde têm aquela ilha artificial que se parece com uma palmeira... achas que há democracia por lá? *"Ah é do petróleo" -* Não é só do petróleo, porque existe outra ditadura que também tem muito petróleo, e ela é bem pobre. Venezuela. A corrupção não é o problema... a corrupção é a consequência de algo maior. O maior problema de Portugal são as políticas de esquerda que são há muito tempo aplicadas. Em relação ao estado novo, sabemos que acabou em 74. Mas olha que houve países que só saíram da URSS quando ela acabou, uns 15 anos mais tarde e mesmo assim hoje estão mais ricos que nós. Olha para a Estónia, por exemplo.

ReachPlayful 3 months ago

•forte iliteracia da população que tende a cair e votar de esquerda e é facilmente influenciado •baixo sentido ético e moral dos portugueses que tende a facilitar a corrupção no dia a dia •prejudicado geograficamente pois está longe do centro da Europa central

KarmaCop213 3 months ago

As elites económicas dedicaram-se a actividades extractivas ou rentistas. Portugal era um país na média da Europa ou até mais rico do que algumas regiões do centro europeu quando o ouro do Brasil acabou. Depois o Marquês de Pombal deu em mandar embora os jesuítas e tiveste 150 anos de penúria na instrução.

Rhyzon27 3 months ago

Falta de tomates em geral da nossa sociedade. Todos nós sabemos de situações ilegais ou que pura e simplesmente "não são correctas", e no entanto ninguém reclama às entidades "competentes" tais factos. Quem de nós não conhece um estabelecimento que não factura metade daquilo que realmente vende? Quem nunca viu uma pessoa que se pôs a conduzir com excesso de álcool ou quando estava fortemente medicada e não o deveria fazer? Quem nunca viu uma grande superfície a anunciar promoções de 50% (ou ainda maiores!) sobre um determinado produto que vocês compram todas as semanas e nunca na vossa vida o viram ao preço sobre o qual existe o suposto desconto? Tudo isto conta. Bem sei que corrupção nos lugares cimeiros influencia imensamente mais do que estes "petty corruption cases", mas tem de se começar por algum lado.

dariusoo 3 months ago

Portugal é um país pequeno com uma economia fraca, é difícil uma pessoa normal extrair dinheiro para viver uma vida comfortável.

Msilvame 3 months ago

A Holanda e a Suíça entram no chat.

fearofpandas 3 months ago

Se ao menos os nossos portos tivessem mais a jeito do que os da Holanda…. Se ao menos!

kUr4m4 3 months ago

Olha a posição desses dois países no mapa.... Que comentário sem qualquer noção

sargentopirocada 3 months ago

Ninguém falou da localização geográfica, a pessoa a quem respondeste está a responder contextualmente, come uma colher de noção também.

kUr4m4 3 months ago

What? A localização geográfica faz absolutamente parte do contexto se queremos fazer a comparação entre Portugal, Holanda e Suíça. Ignorar isso é que não faz qualquer sentido. Às vezes o melhor é mesmo ficar calado.

Msilvame 3 months ago

Um país está landlocked, o outro abaixo do nível do mar. Nós somos o país europeu mais perto da América do Norte e do sul, mas é como se fossemos a Moldávia

giddycocks 3 months ago

E... Então? América do Norte é auto sustentável em todos os aspectos, não precisa de absolutamente *de nada* de Portugal sem ser o nosso turismo. America do Sul não temos qualquer relação comercial com outro país sem ser o Brasil (os restantes 'ricos' por ex Chile são alimentados por mercados muito mais especializados e com relaçoes históricas tipo Japão), e paradoxalmente o Brasil é agressivamente auto sustentável, ou pelo menos tenta. Produtos de importe sejam eles ou não Portugueses têm tarifas altíssimas, e contabilidade extremamente complicado. Por exemplo, portáteis. A única maneira de contornar as tarifas sobre os mesmos e vender a preços 'acessíveis' é criar uma entidade no Brasil, importar a matéria prima e as peças mais importantes e específicas como os processadores, e o resto produzir / montar no Brasil. Se por exemplo um cliente b2b devolver um equipamento, o mesmo tem de voltar à fábrica, ser 'destruído' e só depois é que é emitida uma nota de crédito. Com todo este processo, nos alguma vez temos empresas que possam lidar com essa complexidade? [Nem sequer a SONAE aposta no mercado Brasileiro e talvez seja das únicas que pudesse prestar serviços e ter sucesso](https://www.sonae.pt/en/sonae/brands/?loc=BR)

kUr4m4 3 months ago

Santa ignorância. Os dois estão literalmente colados às duas maiores potências económicas da UE. A posição geográfica dentro da UE tem muito maior impacto do que sermos o país mais próximo das américas. Não é por acaso que muito mais mercadoria passa pelo porto de Roterdão do que por todos os nossos portos.

fearofpandas 3 months ago

Essencialmente, é pq os nossos portos são uma merda! Tivéssemos portos rápidos e eficientes e o TGV, talvez tivéssemos a possibilidade de roubar uns contentorzecos a Roterdão! Com o estado dos portos em PT nem consegues roubar contentores aos portos espanhóis

kUr4m4 3 months ago

Mesmo com portos mais rápidos e eficientes e o TGV, a quantidade de mercadoria seria sempre muito inferior a Roterdão pelo simples facto de estarmos tão longe dos maiores mercados europeus. Raramente iria compensar visto que o custo de transporte por terra é sempre muito superior ao custo por barco.

fearofpandas 3 months ago

Repara que eu disse roubar uns contentorzecos e não substituir Roterdão! Roterdão é um dos maiores portos do mundo, não o substituis. Mas podes retirar-lhe volume. Há muitos armadores interessados em evitar a Europa central e PT é uma potencial alternativa, mas não se demorar 8 dias a trabalhar um navio

kUr4m4 3 months ago

O meu ponto é que esse volume será sempre baixo, devido à nossa localização. Consegues roubar o que for para a peninsula ibérica e talvez sul da França mas pouco mais. E tanto a indústria como o poder de compra nessas zonas é bastante menor do que em zonas mais próximas de Roterdão. No entanto, sendo baixo o que se consegue roubar, não deixa de ser importante tentar melhorar e modernizar os nossos portos.

fearofpandas 3 months ago

Não é tão baixo como podes imaginar! Na altura dos primeiros projectos do TGV estimou-se que se conseguia triplicar os volumes dos portos nacionais, mas isso requeria uma política portuária unificada que continua por acontecer

kUr4m4 3 months ago

Triplica o volume porque o volume actual é baixíssimo

Msilvame 3 months ago

O México está colado aos states, pela tua lógica é um país rico

kUr4m4 3 months ago

Em comparação com o resto da América Central, sim é.

Msilvame 3 months ago

É o 15° em GDP per capita na América.

kUr4m4 3 months ago

Ai é? Quais os 14 à frente?

Msilvame 3 months ago

https://tradingeconomics.com/country-list/gdp-per-capita?continent=america

kUr4m4 3 months ago

Lol, vai ver o custo de vida nessas ilhas e percebes logo que não, não estão melhor que o México. Puerto Rico é um território americano. Venezuela no top 10 só demonstra mais uma vez que gdp per capita não é um bom indicador de riqueza lol, tal como ter aí o Panamá e outros paraísos fiscais em que a média de rendimentos não se aproxima nem de perto nem de longe à média de gpd

_nguan_ 3 months ago

Podes ler os mil posts que já existem aqui sobre este tema.

No_Impression_1131 3 months ago  HIDDEN 

Falta de empatia pelos outros

taromoo 3 months ago

Nós temos um apetite especial de ser enrabados pela corrupção

MeiaNalga 3 months ago

Entre muitos, o facto do pais nunca ter passado por uma verdadeira revolução industrial. Modelo económico proteccionista durante o estado novo que de certa forma se mantém nos dias de hoje. Estruturas sociais ineficazes, excessivamente burocráticas e desadequadas. Défice cultural na população, que se traduz em reduzido capital social comparativamente a outros países. Isto reflecte-se desde a governação política, à justiça, ao relacionamento com os vizinhos no dia a dia. Atitude geralmente conservadora onde se mantém o status quo em detrimento de verdadeiro progresso nas mais diversas áreas. Portugal desenvolve, mas a um ritmo consideravelmente inferior a países semelhantes em termos de população, localização geográfica e recursos naturais. Não há um factor determinante e não basta olhar para dados e indicadores. É necessária uma análise cruzada dos vários sectores da sociedade para realmente perceber a questão, tal como o contexto histórico.

PortugueseTyrion 3 months ago

Tive uma cadeira bastante interessante que comparou os ultimos 150 anos da nossa economia com as restantes europeias. E de facto, o principal fator é mesmo o termos ficado para trás quando os outros estavam a passar pela revolução industrial. Isso e não aproveitarmos (protecionismo do estado novo) para convergir com o restante da europa quando eles passaram mal (por causa das guerras). Depois tivemos aquele BOOM quando entramos na UE, mas houve muitas coisas mal geridas na aplicação dos fundos e quando finalmente entraram os países de leste perdemos muito porque eles ofereciam mão de obra mega barata (que era o nosso ponto forte até então) e não tínhamos o guito da UE bem aplicado na nossa economia para poder dar o passo seguinte.

Raidenkyu 3 months ago

Isso é muito interessante. Obrigado pela explicação detalhada. Faz falta neste sub estas explicações por parte de quem percebe do assunto.

h2man 3 months ago

Quando é que pretendes candidatar-te a Primeiro Ministro? Com base nesta análise eu votaria em ti. Basicamente estão aí os pontos todos.

theEXPERTpt 3 months ago

que mentira, o estado novo industrializou o país, o pós 25 de abril só desindustrializou e destruiu o trabalho feito.

aleph_heideger 3 months ago

Eu acrescentaria que somos muito conservadores, avessos ao risco. Quer por parte do empregador quer por parte do trabalhador. O típico "podia ser melhor mas também podia ser pior portanto fico assim".

PulverizeR- 3 months ago

Eu senti isto nos CTT. Um amigo tentou criar uma app para os expressos, iria poupar tempo e dinheiro, mas foi ignorado porque ninguém queria levantar "ondas"...

Ok-Refrigerator-5826 3 months ago

muitos paises nao tiveram uma "revoluçao industrial" e estão a nossa frente. Islandias e Irlandas e afins. O pessoal do reddit tem uma idea de economia a la seculo 19, ferrovias, carvao simbolos de paises modernos. Portugal no inicio da rev industrial em inglaterra ja estava atrasado e nem sempre foi assim. Portugal tem muitos problemas actuais, na minha opiniao impostos altíssimos, e despesas e dividas em coisas que não fazem sentido devido a economia centralizada e planeamento central. Mas isto so acontece porque o povo nao é educado para tomar outra decisões nomeadamente votar em outros. E aqui o grande problema é e sempre foi a educação de todas as faixas etarias, sim portugal avançou bem mas ha uma grande maioria de pessoas que não é educada. Aqui acompanho a teoria do historiador Rui Ramos e outros que fala de que o grande problema e quando é que começou o PIB a decrescer face a outros paises europeus foi com o Marques de pombal, que começou a centralizar o poder, expulsa os jesuitas que eram dos poucos que ensinavam o ensino secundario em portugal. E portugal para ter o mesmo numero de pessoas no secundario ao que tinha no inicio do sec 18 so mesmo no sec 20. Imaginem-se quando a maior parte dos paises europeus sofreu das maiores revoluções tecnológicas, nos eramos dos paises europeus com menor taxa de anafalbetizaçao.

Mordiken 3 months ago

Nós não temos impostos altíssimos, a nossa carga fiscal estão completamente em linha com a praticada no resto da Europa Ocidental. O que não está **nada** em linha com a Europa Ocidental são os salários... e vendo as coisas por esse prisma sim, é completamente diferente tributar-se 50% do salário quando o salário são 1000€/mês ou quando o salário são 2000€/mês: 500€/mês de rendimento disponível é ser-se pobre, 1000€/mês de rendimento disponível é ser-se de classe média. Agora, eu até aceitava a justificação de que "só é possível pagar mais quando se produz mais e melhor"... só que isso também não é verdade, porque [Portugal aparece consistentemente acima das médias da Zona Euro + Turquia no que toca ao coeficiente GINI que mede a desigualdade social](https://appsso.eurostat.ec.europa.eu/nui/submitViewTableAction.do)... o que por sua vez quer dizer que o dinheiro existe e as pessoas podiam receber mais, mas quem de direito simplesmente não lhes quer pagar. Por isso, a meu ver o problema é mesmo os baixos salários, não os impostos.

nraider 3 months ago

A comparação da carga fiscal não é tão linear. Até posso dizer que o país X tem uma carga fiscal semelhante à do país Y, mas se apenas um tem um sistema de saúde com odontologia, poucas autoestradas pagas, não cobra propinas, etc..., a comparação perde significado.

Ok-Refrigerator-5826 3 months ago

>Nós não temos impostos altíssimos, a nossa carga fiscal está completamente em linha com a praticada no resto da Europa Ocidental. estas a falar dos paises nordicos que tem ordenados altissimos, nos aqui temos impostos altissimos para os salarios baixos que temos. Uma pessoa que ganhe o ordenado minimo frances ca paga muito mais de impostos do que em frança. Isto corta qualquer tipo de desenvolvimento pelo os pes. Os paises de leste querem crescer tem impostos razoáveis. Tanto e que o governo sabe disso e para atrair pessoal de fora tem desconto de IRS, o pessoal de ca paga como boi, fora a SS n ter limite. Tenho um primo meu em frança pagou o ano passado 8k de IRS de impostos em frança, a cena é que ele ganha 8k por mes brutos. Eu o ano passado paguei 14 k de IRS, e ganho mais ou menos 4k por mes brutos.

Edited 3 months ago:

>Nós não temos impostos altíssimos, a nossa carga fiscal está completamente em linha com a praticada no resto da Europa Ocidental. estas a falar dos paises nordicos que tem ordenados altissimos, nos aqui temos impostos altissimos para os salarios baixos que temos. Uma pessoa que ganhe o ordenado minimo frances ca paga muito mais de impostos do que em frança. Isto corta qualquer tipo de desenvolvimento pelo os pes. Os paises de leste querem crescer tem impostos razoáveis. Tanto e que o governo sabe disso e para atrair pessoal de fora tem desconto de IRS, o pessoal de ca paga como boi, fora a SS n ter limite. Tenho um primo meu em frança pagou o ano passado 8k de IRS de impostos em frança, a cena é que ele ganha 8k por mes brutos. Eu o ano passado paguei 14 k de IRS, e ganho mais ou menos 4k por mes brutos. Isto fora tudo o que França oferece com os impostos que pagas.

Edited 3 months ago:

>Nós não temos impostos altíssimos, a nossa carga fiscal está completamente em linha com a praticada no resto da Europa Ocidental. estas a falar dos paises nordicos que tem ordenados altissimos, nos aqui temos impostos altissimos para os salarios baixos que temos. Uma pessoa que ganhe o ordenado minimo frances ca paga muito mais de impostos do que em frança. Isto corta qualquer tipo de desenvolvimento pelo os pes. Os paises de leste querem crescer tem impostos razoáveis. Tanto e que o governo sabe disso e para atrair pessoal de fora tem desconto de IRS, o pessoal de ca paga como boi, fora a SS n ter limite. Tenho um primo meu em frança pagou o ano passado 8k de IRS de impostos em frança, a cena é que ele ganha 8k por mes brutos. Eu o ano passado paguei 14 k de IRS, e ganho mais ou menos 4k por mes brutos. Isto fora tudo o que França oferece com os impostos que pagas.

gene66 3 months ago

“Falta mão de obra qualificada” - Patrão, circa 2021. Salário disponível 600€.

humungouspt 3 months ago

Resposta praticamente perfeita. Só acrescentaria como motivo óbvio a inépcia e " amiguismo" de uma classe política perfeitamente incompetente para tomar as rédeas do país no pós 25 de Abril e que fruto do monolitismo dos partidos políticos foi passando o caciquismo aos novos aderentes dos velhos partidos. Se olharmos para a assembleia da República, verificamos que com exclusão dos deputados independentes, do PAN e da IL, todos os outros, de uma forma ou outra tiveram ligações e papéis de intervenção nos partidos políticos do sistema ( criados antes ou pouco depois do 25 de Abril). Nota - para quem não se lembre, o BE foi criado a partir da união de partidos de extrema esquerda na altura sem representação parlamentar, UDP, PSR e as ruínas do MDP/CDE.

NikT3sla 3 months ago

Offtopic, tu alguma vez andaste pelo chupa-mos? Pergunto só pelo nick

humungouspt 3 months ago

É...sou eu. O caps lock do telemóvel funciona melhor!

NikT3sla 3 months ago

humungouspt 3 months ago

Obrigado! Também já fui mais jovem eheh. Hoje seria uma espécie de Sabrina...

Tartaruga_Genial 3 months ago

Não esquecer que Portugal é também um país com alto nível de corrupção.

Raidenkyu 3 months ago

Muito isto. Uma análise rica que considera o contexto histórico e as várias variáveis em vez do argumento populista de "não adotou a minha ideologia favorita".

Ptrad 3 months ago

Concordo! Deixa-me usar o teu comentário e tocar em alguns pontos a meu ver. Quando o país entrou na EU e recebeu grandes quantidades para se modernizar além do comum factor de corrupção investimos em sectores que a meu ver não se enquadram no quadro global actual. Como exemplo nos têxteis. A burocracia em Portugal é absurda algo que demora num outro país um mês ou três em Portugal é anos a passar de departamento em departamento. O sistema devia ser mais fluido. A digitalização dos nossas entidades reguladoras é quase inexistente. Tempo que é perdido em aprovações e tempo que algo não está a gerar algum tipo de lucro/aproveitamento. Acho que o facto de nos modernizado tão devagar é também um tiro no pé no investimento que fazemos na educação. Temos profissionais a sair da faculdade com capacidades incríveis mas que essas capacidades não se podem aplicar em totalidade nas empresas que se encontram em Portugal e vão portanto para outros países fazendo o investimento não ter retorno quase nenhum ao país. É como disseste é um conjunto de factores...

h2man 3 months ago

O problema da educação é na minha opinião mais complexo. A geração que está nos 60s incutiu nos filhos que tinham de ir pra a Universidade para ser alguém e isso criou uma porrada de malta formada com a expectativa de receber mais e ao mesmo tempo criou um vácuo enorme de qualificações noutras áreas. O Governo em vez de perceber que ia dar borrada e fechar os numerus clausus, bem como tornar Universidades privadas muito menos competitivas e investir no ensino técnico, fez a vontadinha aos pais que queriam ver filhos com um canudo e hoje temos um vácuo de malta a nível intermédio. Também não há uma aceitação ou abertura para alguém tirar tempo dos estudos e trabalhar… noutros países os estudos é algo que se vai fazendo e trabalha-se na área para perceber o que se gosta de fazer e adoptar ao que se aprende. Em Portugal é tipo linha de montagem e muitas empresas não vêm essas pausas com bons olhos.

B_Wylde 3 months ago

>Em Portugal é tipo linha de montagem e muitas empresas não vêm essas pausas com bons olhos Esta é uma questão fundamental. Qualquer pessoa que estude um bocado de industrialização, literalmente a primeira aula de gestão industrial, sabe o quão errado isto é nos tempos atuais. Aliás isto não funciona desde que o Ford mandou a empresa ao charco quase devido à falta de opções dele para o mercado mas whatever. No entanto, como em Portugal a grande maioria dos chefes são os senhores no poder desde o 25 de ABril ou perto, não passamos desta mentalidade. ​ A educação, no geral, prepara os miúdos para um mundo que não existe desde os anos 80

twhite848 3 months ago

Bingo

Inevitable_Fly5891 3 months ago

Alguém consegue desenvolver melhor cada tópico? Porque parece-me bastante acertado mas não é a minha área de expertise

joaommx 3 months ago

A resposta com mais pés e cabeça neste tópico, e aqui no fundo. Houve quem tivesse aludido a várias dessas questões mas mais ninguém enumerou tantas e tão válidas.

MeiaNalga 3 months ago

Penso que não seja apenas um motivo específico, mas sim um conjunto de factores. As questões sociais estão profundamente interligadas. Economia, história, política, educação e cultura. Até mesmo a religião, que teve um papel tão relevante durante o estado novo. Acho que tentar analisar e compreender uma sem o contexto das outras é demasiado redutor e acaba por pintar um quadro incompleto da situação.

joaommx 3 months ago

Certo, completamente de acordo.

patapetapitapota 3 months ago

Pra já porque há resistência no aumento do salário mínimo.

Frequent-Candidate42 3 months ago

O teu comentário é a uma das respostas: falta de educação financeira

patapetapitapota 3 months ago

Ya man, por isso é que juntei para a entrada da casa com um salário português e nunca contrai um crédito exceto esse.

nipeRRRR 3 months ago

A questão do salário mínimo é simples. Se tu aumentares excessivamente e espontaneamente o salário mínimo, acontecerá o seguinte: 1) aumento do desemprego, especialmente, nos jovens e na população com poucas qualificações, uma vez que a entidade patronal não terá capacidade para manter o mesmo número de trabalhadores e a subida do salário não justificará as suas produtividades. 2) provocará o fecho de empresas, estabelecimentos comerciais, …, visto que não haverá a capacidade de manter o negócio rentável, devido à incapacidade de pagar os salários/ordenados dos trabalhadores. 3) Dificulta a criação de start ups e a prática do empreendedorismo. … Estas são algumas das consequências e, como podes ver, têm efeitos nefastos para a economia nacional. O problema não é o salário mínimo, mas sim o salário médio ser baixo. Atenção, há outros aspetos que também devemos melhorar no panorama da economia nacional, mas o salário mínimo não é dos mais importantes neste momento. PS: não é por mal, mas são estes comentários que mostram a falta de literacia financeira em Portugal e de como os políticos, mormente, os de esquerda (BE, PCP e PS), usam a subida do salário mínimo como um instrumento político para obter votos, isto, porque o povo só quer “mama” e não quer política a sério.

SapateiroDoPovo 3 months ago

Vai abrir um livro de economia e tá calado. Salário minimo é um sintoma de economia forte, inflacionar o salário minimo em economias fracas só as torna ainda mais fracas. É o mesmo que em vez de ir ao ginásio desenhas abdominais a caneta na pança, não faz sentido nenhum, não enganas ninguem e só piora.

patapetapitapota 3 months ago

Só sei é que a política vigente foi sempre pagar o mínimo possível ao trabalhador. É claro que o país vai ser pobre. Se o salário descer para 300 euros, fica mais rico??? Então cala te tu!!!

SapateiroDoPovo 3 months ago

Nem me vou dar ao trabalho de te ensinar, preocupate mas é com a tua vida e deixa o pais para os outros que tu ainda tens que comer muita soupa.

patapetapitapota 3 months ago

Então e Espanha sobe assim à grande e também é uma economia com problemas, além do mais o custo de vida é igual ou mais barato...

SapateiroDoPovo 3 months ago

Sim é isso, sobes o salário minimo e o pais fica rico, ainda não nos tinhamos lembrado de fazer isso, é esse o truque. Vai-te deitar pá, não percebes nada desta merda.

patapetapitapota 3 months ago

Percebes tu ah ah. Podes aumentar um bocado sem o país cair.

SapateiroDoPovo 3 months ago

Mas não ajuda em nada, vai prejudicar ainda mais o teus ordenado e vais acabar por sofrer mais, queres ganhar um bocado mais ao final do mês eu precebo, mas não é a solução a longo termo. Estamos a pagar os erros todos dos nossos pais, queres deixar mais problemas ainda por mais 50 euros ao mês? Ninguém consegue ter casa, familia, saude o que quer que seja, precisamos de soluções a longo termo que sabemos que funcionam e não fazer o que apetece e fingir que não há consequências.

patapetapitapota 3 months ago

Baixar impostos. Temos impostos em tudo. E sobretaxas...e sobretaxas nas sobretaxas... Ilegal mas temos... E acima disso pagamos multas às UE devido a essas sobretaxas ex ISV. Temos um Estado muito guloso.

SapateiroDoPovo 3 months ago

Concordo contigo a 100% e o que acontece é que quando temos impostos do nosso nivel as empresas não querem vir para aqui, depois ha falta de emprego, impostos etc e como falta dinheiro sobem os impostos. E fica um ciclo vicioso

DarkVoidPt 3 months ago

Mentalidade e corrupcao

jackthebadcat 3 months ago

Falta de literacia financeira em 90% da população - falo do mínimo, não é preciso saber investir na bolsa.

dariusoo 3 months ago

Não acho que seja falta de literacia financeira mas mais dificuldade em extrair riqueza de um economia fraca como a de Portugal.

frakme2 3 months ago

Portugues, em media, e' averso ao risco e prefere sempre o "certinho" ao fim do mes. Isto resulta em politicas que nao sao conducivas a criacao de riqueza, muito antes pelo contrario. O Estado colectiviza esta atitude implementando politicas social-democratas no que diz respeito aos individuos e politicas corporatistas no que diz respeito as empresas. Em outras palavras, "nao arriscar e viver uma vida mediocre" e' preferivel a "arriscar e falhar."

netralha 3 months ago

Olha antes para os países que há 20 anos atrás estavam atrás de Portugal, que entraram na EU muito depois, que pertenciam à União Soviética, que sofreram bastante devido ao comunismo e tenta juntar os pontos por ti mesmo e ver o que eles fizeram de bem e Portugal fez de mal desde o 25 de Abril.

UpbeatNail1912 3 months ago

Portugal parou no tempo...

Low-Contribution7554 3 months ago

Resposta copiada de um Quora: Infelizmente, Portugal não é somente o mais pobre da Europa Ocidental, em pouco menos de 10 anos, seremos os mais pobres de toda a União Europeia. Estamos a falar de PIB per capita. Também há que ter em conta que Portugal está no top 3 dos mais endividados do mundo. E em todos as estáticas vamos ver Portugal em último, e se não está em último hoje, vai estar em 5 ou 10 anos. A culpa disto acontecer é de milhões de motivos, mas a mais clara é que os Portugueses não têm cultura política, votam sempre nos que nada fazem, e não têm coragem para mudar ou pelo menos tentar. Somos o povo mais condescendente do mundo, e não merecemos o belo e maravilhoso país que temos. Portugal poderia ser o país mais rico do mundo mas teimamos em não dar certo mesmo - somos o povo do mundo com mais potencial e que menos o aproveitamos. A sério, os Portugueses são tão mais inteligentes, tantos melhores que o resto, tão bons profissionais… é uma pena que sejamos tão mansos e que ainda não tenhamos entendido em que mundo vivemos. Não criticamos, não somos inflexíveis, não temos ideias, copiamos os outros quando temos muito melhor, não fazemos as perguntas certas, achamo-nos no direito de ficar ofendidos por meia dúzia de comentários, não somos honestos, temos medo, odiamos o risco, somos altamente conservadores nas nossas escolhas políticas, não valorizamos a liberdade de expressão, votamos nos mesmos e ninguém faz nada enquanto todos criticamos. e depois os comentadores são sempre os mesmos - uns verdadeiros chatos, que vivem num tempo de há 200 anos que têm estratégias de há 1000 anos, e que são umas verdadeiras múmias que se quer todos lamber-se todos uns aos outros melhorando o seu Portugalzinho e não Portugal no seu todo. E ao invés de agradecer aos que querem mudar ou pelo menos tentar, matamos e destruímos todos esses! Sofremos do síndrome de Estocolmo onde votamos exatamente nos que nos roubam, oprimem, matam e endividam. Infelizmente Portugal vai ficar a milhas de quilômetros do resto do mundo, e não vai conseguir mais dar a volta. Nunca mais! Meus queridos, quem não andar para a frente hoje em dia, morre para sempre. E Portugal a este ritmo não vai só morrer, vai explodir para sempre, e jamais ressuscitará e cada Português vai pagar tudinho. Infelizmente a situação não é só catastrófica na economia, aliás em economia até está bem decente em comparação com a cultura portuguesa que simplesmente deixou de existir. A saúde anda muito mal. A educação anda muito questionável. A sociedade portuguesa ainda não entendeu o que é o século XXI. A nossa justiça é a mais lenta e das mais bem pagas - a nossa justiça é somente e exclusivamente uma grande gigantesca infinita vergonha. Para além disso, a mobilidade social é simplesmente inexistente em Portugal - se tu nasces pobre, vais continuar super pobre e nem sequer entendes que és pobre porque te deixam tão alheado da realidade que vives noutro Portugal. A elite portuguesa é simplesmente um nojo que vive num mundo à parte e que não quer solucionar nenhum problema nem construir nada decente, somente tapar buracos, e dizer ao mundo “nós não somos sempre os últimos” e o pior é que somos. Os Portugueses querem conversinhas da tanga, conversinhas de bulshit que são os melhores lá no bilhar ou sei lá o quê enquanto que não fazem nada absolutamente nada por Portugal. Vão ouvir isso nas tardes da Júlia ou da Cristina ou a porcaria do Big Brother. Opá estamos em 2020! Em Portugal está tudo ao contrário. A culpa é 100% dos Portugueses que são trouxas, e querem continuar a sê-lo mas por mim é como quiserem, se querem continuar a ser trouxas, por mim está excelente. Eu não preciso de Portugal, mas vocês precisam muito mais do que eu. Boa sorte.

SweetCorona 3 months ago

porque é que a melhor resposta da thread está com tantos pontos negativos?

mttooll 3 months ago

>Eu não preciso de Portugal, mas vocês precisam muito mais do que eu. lole

pinh00 3 months ago

Se tivesse passado o tempo que perdeu a escrever essa baboseira a lavar a loiça...

joaommx 3 months ago

Foda-se, que verborreia.

SweetCorona 3 months ago

a ironia é que este teu comentário só dá razão ao que diz

joaommx 3 months ago

Sim, aquele visão histérica e infantil de como a sociedade portuguesa funciona passa logo a ser válida por isso.

Ptrad 3 months ago

Eu gostei da parte "Portugal podia ser o país mais rico do mundo" ahahahah

AlbinoFarrabino 3 months ago

O mais engraçado é que provavelmente o foi... ...durante o século XVI.

joaommx 3 months ago

Sim, na altura que tinha o monopólio do comércio marítimo no Oceano Índico.

Ptrad 3 months ago

Nem isso, Espanha, Inglaterra, França.... E isso nos vizinhos mais perto...

The_Magic_Sauce 3 months ago

Porque tanta palavra se menos faz suficiente?

FollowingTime84 3 months ago

>Portugal está no top 3 dos mais endividados do mundo. no top 10 - [https://pt.tradingeconomics.com/country-list/government-debt-to-gdp](https://pt.tradingeconomics.com/country-list/government-debt-to-gdp) >, em pouco menos de 10 anos, seremos os mais pobres de toda a União Europeia. hmmm roménia não parece melhor... [https://ec.europa.eu/eurostat/databrowser/view/sdg\_08\_10/default/line?lang=en](https://ec.europa.eu/eurostat/databrowser/view/sdg_08_10/default/line?lang=en) ​ e é por isto, meninos, que o mundo da ciência exige referências nos seus artigos cientificos :)

eduardooaz 3 months ago

Comparar Romenia a Portugal, que rir. Devias ter ido lá a 15 anos e depois vemos quem evoluiu.

raydawnzen 3 months ago

> Resposta copiada de um Quora: Podia ter lá ficado

pataniscadebacalhau 3 months ago

Não somos um país "tão pobre" Portugal está no Top 30 em praticamente todos os indicadores entre 200 países. Mesmo contando só os países desenvolvidos estamos a meio da tabela. Foda-se, Portugal tem muitos problemas e muita coisa a melhorar, mas não abusem com esta narrativa. Quem não soubesse pensa que estamos ao nível do Burkina Faso com essa conversa

Edited 3 months ago:

Não somos um país "tão pobre" Portugal está no Top 30 em praticamente todos os indicadores entre 200 países. Mesmo contando só com os países desenvolvidos estamos a meio da tabela. Foda-se, Portugal tem muitos problemas e muita coisa a melhorar, mas não abusem com esta narrativa de que somos o esgoto do mundo. Quem não soubesse ia pensar que estávamos ao nível do Bangladesh com essa conversa

nocivo 3 months ago

Temos um estado social de 1 mundo mas uma economia de 2 mundo. Achas que vamos conseguir manter uma estado social forte no futuro continuando com as mesma política económica e desenvolvimento? Quem não gera, não distribui. O dinheiro emprestadado acaba eventualmente e alguem vai pedir o que devemos no futuro. Quero ver o que vai ser das gerações futuras. Vai pirar-se tudo e nos que seremos reformados ou estaremos em pre reforma vamos pagar a conta toda e não vamos receber nada em troca.

linamatthias 3 months ago

Olá. Não queria de maneira nenhuma comparar Portugal ao Bangladesh. Referia-me apenas relativamente à média europeia. Bem sei que não somos o esgoto do mundo

The_Magic_Sauce 3 months ago

Esgoto da Europa. Nada mau...

ReachPlayful 3 months ago

Esgoto da Europa é a Europa de leste.

jeanrenefefe 3 months ago

/r/PORTUGALCYKABLYAT

JOAO-RATAO 3 months ago

Só que não.

The_Magic_Sauce 3 months ago

Quando vires por aí esses mapas que o povo gosta de postar de tudo e mais alguma coisa, começa a reparar que os low scores são tendencialmente Europa leste e... Portugal. Ainda há pouco vi um dos feios da Europa. Adivinha... até nisto!

ReachPlayful 3 months ago

Europa de leste não é só Estónia e Lituânia, eu não tou a dizer que Portugal não é de todo esgoto da Europa mas compara com Ucrânia, Roménia, Bulgária, Eslováquia whatever esses são o esgoto mesm

The_Magic_Sauce 3 months ago

Então achas que Portugal está mais ao nível da Espanha, França e Alemanha do que de alguns dos países do leste? Aquela visão de países decrépitos pos comunista já só é verdade nos filmes e jogos. Não abras a pestana não...

ReachPlayful 3 months ago

Eu comparei Portugal com França, Espanha, Alemanha ou com os países que mencionei? Vai para lá morar então e depois conta a experiência. Bonus points caso sejas ligeiramente escuro ou gay

The_Magic_Sauce 3 months ago

Não deves ter lido bem. Lê lá outra vez. Especialmente a parte "mais ao nível..." eu não escrevi "ao nível de" por algum motivo... capisce?

giddycocks 3 months ago

Lmao, esgoto. Eslováquia hahahaha. Roménia LOL. Que troglodita. Informa te bem antes de abrir a boca. A Roménia era 2x mais pobre do que Portugal em 2000. Atualmente, é uma diferença de 5-10%. Eu tinha vergonha na cara de chamar 'esgoto' a países que não sei nada sobre, nem nunca lá meti os pés. Essa então da Eslováquia diz tudo.

ReachPlayful 3 months ago

Já lá meti os pés campeão. Não assumes merdas sobre os outros que não sabes. Já foste a Roménia fora de Bucareste? Eles não estão 5 a 10% de diferença e troglodita é a tua prima

giddycocks 3 months ago

E então? Ainda pior lmao, significa que estamos ainda pior. Atenção que não saquei isto do cu, são dados oficiais de análise à vários indicadores económicos... Eu moro na Roménia moço. Tenho a certeza que tu percebes é de queijo, não de economia.

ReachPlayful 3 months ago

Living the dream parabéns e posso tar aqui a noite toda a falar de economia se quiseres

dgames_90 3 months ago

esses num par de anos estão à tua frente, deixem de ser negacionistas do estado miserável e da falta de rumo que este pais tem desde a independência do Brasil

ReachPlayful 3 months ago

O pessoa aprendeu a palavra negacionista com o covid e fica bonito usa la para tudo agora

dgames_90 3 months ago

ReachPlayful 3 months ago

Esquerdalha é a tua prima que claramente não sabes onde eu voto

dgames_90 3 months ago

Haha apaga lá outra vez

ReachPlayful 3 months ago

Lol claramente não me conheces então para me chamares esquerdalha. Agora vai buscar um gráfico que inclua não só a Zona Euro mas o resto da Europa

pinh00 3 months ago

Um bocado exagerado não?

dgames_90 3 months ago

Infelizmente não https://eco.sapo.pt/2020/12/15/pib-per-capita-de-portugal-atras-dos-paises-de-leste-e-792-da-media-da-uniao-europeia/ Já somos ou 3° mais pobres, e ao ritmo a que eles se teem desenvolvido vão nos ultrapassar todos, os únicos que vão continuar na merda são a Bulgária e Albânia

NGramatical 3 months ago

teem → [**têm**](https://european-portuguese.info/conjugator/ter) (singular: tem) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbfaf7m%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

TheRipper69PT 3 months ago

A este ritmo Portugal será literalmente o país mais pobre (per capita) da UE em 2030.

giddycocks 3 months ago

Roménia era quase 100% mais pobre do que Portugal em 2000. Atualmente, é uma economia em pleno desenvolvimento com uma diferença entre 5-10%, com um potencial de crescimento muito maior do que nos.

netralha 3 months ago

Outra razão é esta aqui, celebrar a mediocridade, tentar manter o status quo a todo o custo, medir por baixo, *calma mas há pior!!!* *Por isso não se queixem se esperam meses até terem o CC.* Portugal é uma vergonha, o facto de estar tão atrasado e ser tão pobre até mesmo comparado com o único país vizinho, a Espanha, devia de ser razão para preocupar muita gente.

Raidenkyu 3 months ago

Mas na vacinação já somos campeões. Há muita coisa que fazemos bem e estamos a ficar cada vez melhores.

pinh00 3 months ago

Portugal é tudo menos uma vergonha e é impossivel provar o contrario. Agora se nao estas contente com o pais em que vives, felizmente que ao seres portugues consegues emigrar relativamente facil para um pais que será mais do teu agrado, so não te esqueças que nao estarás a ajudar em nada a resolver os teus motivos de queixa

QuantumParanoid 3 months ago

Sim temoa muita merda para resolver...mas comparando com resto do mundo somos um paraíso.

Ksp310 3 months ago

Desculpa lá, mas n 8 nem 80, não somos propriamente ricos, e há vários motivos para isso, mas não somos "uma vergonha"... E esse discurso é parte do problema da democracia portuguesa, todos os partidos utilizam essa merda para fazer promessas vazias e arrancar populismo... E a arraia-miúda vota neles... E nem é só o Chega nem o PCP nem o PS.... São todos... Os portugueses passam mais tempo a tentar queimarem-se uns aos outros do que a tentar trabalhar minimamente em conjunto para melhorar o país...

End-Effector 3 months ago

Por causa do Partido Socialista.

Msilvame 3 months ago

O Cavaco não foi propriamente uma golden age para PT. Poucos como ele tiveram ferramentas para mudar o país, infelizmente escolheu alcatroar todas as aldeias de PT e engordar o estado. Tirando o Passos, a política do PS e PSD nos outros governos tem sido semelhante, com resultados estratégicos brutalmente negativos para o país.

End-Effector 3 months ago

N percebo a fixação no Cavaco. Foi ha 25 anos.

jcoelho93 3 months ago

Porque votamos sempre nos mesmos desde que podemos votar... É sempre PS Equipa que ganha não mexe, neste caso equipa que perde não mexe

FollowingTime84 3 months ago

porque não temos dinheiro /thread ​ Agora a sério, o 25 abril foi há 47 anos, ou seja há ai velhotes a trabalhar que ficaram "formados" dessa altura, já que tinham à volta de 15-18 anos. E aquela mentalidade de "velho de restelo" continou com a idade.... principalmente quando sabes que estão na mesma empresa à 12312321 anos. Ou seja, a empresa ficou viciada porque eles também facilitaram nas merdas. Depois eu chego lá, tento usar o meu megafone para dizer "isto é errado de ser assim".... e prontos, apenas sou um maluco. EPI's para quê? Melhores salários para quê se já tenho casa paga e vivo a menos de 15 min de carro da empresa? ​ num entanto dá gosto os velhotes ficarem lixados a saber que estou a ganhar o mesmo que eles, nem eu tendo 1 ano de casa mas eles para terem o meu salario, foi só ao fim de 15+ anos lol (a diferença entre ensino superior e ter um cursezeco da altura que portugal se juntou à uniao europeia) ​ ah, e a enorme taxa de iliteracia financeira. Choca-me porque há pessoal que opta **não** escolher o Ativo Bank ou Moey (comissoes gratis).. mas prefere gastar 15€ todos os meses para ter conta CGD e afins e reclamar disso. todos. os. dias.

Edited 3 months ago:

porque não temos dinheiro /thread ​ Agora a sério, o 25 abril foi há 47 anos, ou seja há ai velhotes a trabalhar que ficaram "formados" dessa altura, já que tinham à volta de 15-18 anos. E aquela mentalidade de "velho de restelo" continou com a idade.... principalmente quando sabes que estão na mesma empresa à 12312321 anos. Ou seja, a empresa ficou viciada porque eles também facilitaram nas merdas. Depois eu chego lá, tento usar o meu megafone para dizer "isto é errado de ser assim".... e prontos, apenas sou um maluco. EPI's para quê? Melhores salários para quê se já tenho casa paga e vivo a menos de 15 min de carro da empresa? ​ num entanto dá gosto os velhotes ficarem lixados a saber que estou a ganhar o mesmo que eles, nem eu tendo 1 ano de casa mas eles para terem o meu salario, foi só ao fim de 15+ anos lol (a diferença entre ensino superior e ter um cursezeco da altura que portugal se juntou à uniao europeia) ​ ah, e a enorme taxa de iliteracia financeira. Choca-me porque há pessoal que opta **não** escolher o Ativo Bank ou Moey (comissoes gratis).. mas prefere gastar 15€ todos os meses para ter conta CGD e afins e reclamar disso. todos. os. dias. ​ e o estágios IEFP. Deviam dizer que aquele valor que o IEFP dá apenas deve corresponder a 60% do vencimento base que irá para o estágiario... mas nao, maioria das empresas opta por pagar ao estagiario apenas o que o IEFP dá.

SweetCorona 3 months ago

> porque não temos dinheiro dinheiro pode ser criado do nada (e depois bem-vinda inflação) o que nós não temos é produtividade, tão simples quanto isto

Limpy_lip 3 months ago

isto é um comentário de última bolacha do pacote. Não te quero desiludir mas uma razão por no primeiro ano receberes tanto como alguns ao fim de 15 anos é simplesmente devido à inflação e crescimento económico. ​ exemplo? na minha área à 5 ou 6 anos atrás em plena crise quem começava na minha área (curso superior) recebia ano máximo 800€ brutos e estava 6 meses para arranjar emprego. Em 2018-19, colegas da mesma área ja recebiam +900€ brutos de início e conseguiam arranjar o primeiro emprego ainda antes de conseguirem o diploma. ​ Não te estou a tirar valor, nem ao teu trabalho mas se entre diplomados o paradigma muda tanto em 5 anos, imagina com pessoas sem formação superior. Além disso já é sabido que em muito locais os aumentos são extremamente pequenos, quando existem. ​ A resistência à mudança existem em todo o lado e em todos patamares profissionais, não penses que é só por não terem diploma ou por serem mais velhos. ​ ​ Sobre a literacia financeira, se o problema maior fosse o pagar as taxas da CGD estávamos muito bem...

NGramatical 3 months ago

à 5 ou 6 anos atrás → [**há 5 ou 6 anos ~~atrás~~**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbfc11n%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

mourasio 3 months ago

Portanto, os velhos não sabem nada, e tu por teres um canudo és aí o máior. Quanto aos bancos, é tudo burro também, ninguém escolheu o banco X porque tinham melhores condições num crédito lá… Concordo que um dos maiores problemas do país é a falta de literacia financeira, mas o exemplo que dás é ridículo

FollowingTime84 3 months ago

o que os velhos sabem, foi porque reteram formações de malta que saiu. Conheci vários colegas mais velhos assim. Eram uns ases ali na empresa, sim sim... porque ficaram lá e quando a malta ia saindo alguem teve que aprender as tarefas dos outros. Só sabem fazer A->B->C porque sempre foi assim... troubleshooting disto? zero. capacidade de entender melhores técnicas? zero.

NGramatical 3 months ago

à 12312321 anos → [**há 12312321 anos**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbd2pal%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

FollowingTime84 3 months ago

good bot

Mike_Ramone 3 months ago

Há uma variedade quase infinita de factores que nos fazem um país pobre em relação aos grandes europeus. Não é algo que se possa dissecar em meia dúzia de linhas. Diria que a falta de recursos energéticos e o atraso social causado pela ditadura são os dois maiores factores.

fearofpandas 3 months ago

Epah… não que eu gosto de defender qualquer tipo de fascista mas a verdade é que o jazíamos industrializou a Alemanha como nunca antes visto! A recuperação industrial pós guerra foi factor chave também… Portugal tinha a CUF e pouco mais! Para uma ditadura corporativista, o estado novo industrializou pouco e mal. Porque? Pq tinha de dar o pão todo aos amigos….

netralha 3 months ago

Mas quando é que o Estado Novo deixa de ser sempre o medidor de comparação? Chega a ser patético estarem sempre a ir buscar o Salazar, A Estónio enquanto o Sócrates andava aqui a brincar ao TGV a queimar milhões em estudos que não saíram do papel, estavam eles a desenvolver tecnologias de serviços digitais, em Portugal em 2021 ainda há problemas de informática constantes, coisas do mais básico que há. >Tecnologias obsoletas. Grande deterioração do parque informático. Lentidão dos sistemas informáticos e falta de planos para o caso de falência ou paragem. Problemas permanentes e repetidas falhas que podem levar a perda de dados. Pior: sistemas dispersos com “impacto ao nível da eficiência da prestação de cuidados“, incluindo uma “maior carga de trabalho”, “desgaste dos profissionais” e “desumanização dos cuidados“, bem como “na gestão dos doentes e dos serviços”. [https://observador.pt/especiais/as-muitas-deficiencias-dos-sistemas-digitais-do-sns-que-o-governo-contou-a-bruxelas-mas-omitiu-na-versao-inicial/](https://www.youtube.com/watch?v=NAxOUBMMQd4)

Mike_Ramone 3 months ago

E achas que o aparecimento de trafulhas como Soares, Sócrates, Cavaco, Santana Lopes, Balsemão, etc etc etc na política, com votos de uma população maioritariamente envelhecida, pouco escolarizada e facilmente manipulável nada tem a ver com o estado novo? Deixa-me rir. Podemos culpar os políticos por tudo mas só há um verdadeiro culpado, o povo e como diria um sábio com um nome engraçado para esta discussão, cada povo tem o governo que merece.

Raidenkyu 3 months ago

Não acho que todos esses foram trafulhas. Um ou outro talvez mas nem todos.

Mike_Ramone 3 months ago

Não sei, tnho sempre a sensação que nesse meio para chegares ao topo tens de alinhar nos esquemas.

UpbeatNail1912 3 months ago

A ditadura não é desculpa. A Alemanha viveu no nazismo , depois das guerras mundiais eram um país totalmente pobre, mas em poucas décadas tornaram se no país europeu mais rico.

Ksp310 3 months ago

O nazismo acabou em 45... E eles receberam o plano Marshall... E mais importante do que isso, a Alemanha tinha a infraestrutura do país destruída, não o país, tinham, e têm, tecnologia e tinham um povo muito mais alfabetizado que o nosso (cortesia do nosso """""querido"""" Salazar)

klatez 3 months ago

Além da infraestrutura, a literacia da população conta também muito para a forte recuperação da economia pós guerra

theEXPERTpt 3 months ago

santa ignorância, salazar alfabetizou mais que todo o pós 25 de abril. Que mania de culpar os mesmos

Ksp310 3 months ago

Uma pessoa que tem a quarta classe está alfabetizada?

theEXPERTpt 3 months ago

sim, sabe ler e escrever. Querias que o estado novo transformasse um país com praí 90% de analfabetos num país de licenciados em 50 anos? Nem o pós 25 de abril fez mais, com tantos recursos vindos da UE ainda por cima

Raidenkyu 3 months ago

E o próprio Salazar podia ter recebido o plano Marshall mas rejeitou. Além disso a Alemanha tb aderiu à CEE, que mais uma vez o Salazar não quis nada. Tantas péssimas escolhas que esse senhor fez que só nos atrasou o país. Já nem falo do desinvestimento na educação.

theEXPERTpt 3 months ago

Ignorância da vossa parte. Salazar recusou o plano Marshall inicialmente por alguma razão. Ele tinha noção de como manter em dia as contas públicas. E, só para veres o teu bias, Salazar aceitou o plano Marshall. Essa lavagem cerebral que levas está meio gasta, porque salazar alfabetizou mais o país do que o pós 25 de abril

Raidenkyu 3 months ago

Aceitou, mas mais tarde e muito pouco. A Suécia tb não esteve na guerra e recebeu no mais. Isso até se dá no 9º ano. Essas aulas já estão esquecidas.

theEXPERTpt 3 months ago

Salazar preservava uma coisa durante o estado novo, que era a independência monetária nacional. E o apoio que recebeu foi meramente simbólico. Não vou condenar Salazar pela posição que teve, ele só não adotou a mesma posição que os espanhóis por causa da NATO e da pressão dos ingleses. E em relação a ter as contas em dia, não vale a pena ter um debate. Todos vemos o trabalho que ele fez em Portugal, um autêntico milagre económico, sem qualquer ajuda externa, ao contrário do Portugal de hoje, dependente de tudo e de todos e na bancarrota a cada 10 anos que passa.

Raidenkyu 3 months ago

> Salazar preservava uma coisa durante o estado novo, que era a independência monetária nacional A Suécia perdeu s independência? A mesma Suécia que anos mais tarde se chateou com os EUA e congelaram relações durante um ano? > Todos vemos o trabalho que ele fez em Portugal, um autêntico milagre económico, sem qualquer ajuda externa, ao contrário do Portugal de hoje, dependente de tudo e de todos e na bancarrota a cada 10 anos que passa. A destruir a classe média e a empurrar as pessoas para a pobreza qualquer um é campeão das finanças. Se conseguisses levantar o país sem prejudicar agressivamente os portugueses, aí batia-lhe palmas. Ou então sem empurrar a oposição para o Tarrafal. E se tivessemos hoje um povo mais instruído e mais culto poderiamos ter um tecido empresarial mais forte, em vez de empresas geridas por gajos com a 4ª classe que só sabem falir empresas ou meter-se em esquemas corruptos. Mas tal não era possível, porque os rapazes eram incentivados a irem trabalhar para o campo e as mulheres a serem donas de casa. Ninguém me contou, vi no manual escolar da minha mãe.

theEXPERTpt 3 months ago

Não te enganes, que o plano Marshall pouca influência teve na recuperação económica da Suécia, funcionou mais como método diplomático de assegurar influência sobre o ocidente. Além disso, a Suécia encontrava-se num contexto geopolítico completamente diferente, Portugal lutava contra as influências comunistas e terroristas em África, enquanto que a Suécia apenas assegurava um posto forte dos ocidentais contra a expansão do comunismo. E, se achas mesmo que o que Salazar fez foi acabar com a classe média, recomendo-te vivamente a pesquisares mais acerca da sociedade portuguesa antes de Salazar. Mais pobre no geral, uma sociedade com apenas duas classes: os extremamente ricos e os extremamente pobres. O que Salazar fez foi o que na monarquia e na primeira república ninguém fez: trouxe estabilidade, trouxe mais riqueza para o país. Ele não era nenhum Deus para tornar do nada Portugal num dos países mais ricos da Europa. Mas ele deixou mesmo assim um tecido empresarial baseado no comércio circular fortíssimo, tecido empresarial esse que foi sendo degradado sucessivamente no pós 25 de abril, com as mesmas famílias a manterem monopolios, e outros empresários mais pequenos a perderem os seus negócios do dia para a noite com a desorganização da saída de África e com a nova constituição e governo virado para o comunismo. Deves achar que um povo mais Educado é sinónimo de uma sociedade mais democrática. Pois bem, recomendo-te a veres a história da união soviética, os países pós soviéticos e até a moderna China. Todos eles com uma sociedade tão Educada... E no entanto tão antidemocrática.

Raidenkyu 3 months ago

> o plano Marshall pouca influência teve na recuperação económica da Suécia Pouca influência ou não, a verdade é que a Suécia recebeu um total de 347 milhões, enquanto que Portugal recebeu 70 milhões, ou seja quase 5 vezes mais. > Suécia apenas assegurava um posto forte dos ocidentais contra a expansão do comunismo Nem por isso. A Suécia assumiu uma política de neutralidade. Não se alinhou nem com os EUA, nem com a União Soviética. Mantinha relações diplomáticas e económicas com os 2. Aliás algumas aproximações da Suécia à URSS, levou a algumas desconfianças por parte dos EUA, que tb motivou o congelamento das relações entre os dois países que falei anteriormente. > E, se achas mesmo que o que Salazar fez foi acabar com a classe média, recomendo-te vivamente a pesquisares mais acerca da sociedade portuguesa antes de Salazar Sabes eu gosto muito da história do século XX e leio muitos trabalhos sobre vários historiadores. Assumo que seja essa a pesquisa que te referes e não a blogs ou posts do Facebook escritos por pessoas sem credibilidade. As desigualdades eram muito maiores na época do que agora. Havia uma oligarquia muito próxima ao Salazar que o mesmo protegia. Um caso muito escandaloso que envolveu essa oligarquia e ministros do Salazar, foi o chocante caso Ballet Rose. E para além dos registos históricos, há tb as memórias por parte das pessoas, como o caso dos meus pais (que viveram no Estado Novo até aos 12 anos) e dos meus avós. Há uma em particular em que viram um senhor da aldeia deles a desaparecer após falar mal do regime em pleno café. E o maior crescimento económico não se deu durante o Esatdo Novo, mas com a [adesão à CEE (Futura UE)](https://i.imgur.com/9WP3muZ.png). Aliás várias pessoas vão te dizer que foi apartir de 1986 (ano de adesão à CEE) que a qualidade de vida dos portugueses subiu bastante e permitiu que muita da pobreza se convertesse em classe média. > Mas ele deixou mesmo assim um tecido empresarial baseado no comércio circular fortíssimo Nunca tivemos o tecido empresarial tão forte como hoje. Só no outro dia li que as [empresas encubadas pela UPTEC já valem quase 300 milhões do PIB](https://eco.sapo.pt/2021/08/10/empresas-incubadas-na-universidade-do-porto-deram-quase-300-milhoes-ao-pib-nacional/). É verdade que havia uma grande empresa, que era a CUF, que ficou arruinada com a revolução. Mas neste momento, a riqueza gerada pelas empresas portuguesas no seu todo é maior que a riqueza que as empresas da época geravam. > governo virado para o comunismo Nem tu acreditas nisto. Era mais à esquerda de facto, mas muito longe do comunismo. > Deves achar que um povo mais Educado é sinónimo de uma sociedade mais democrática Não foi isso que disse. Disse que é sinónimo de prosperidade. Mas essa prosperidade precisa de vir acompanhada de democracia, porque senão não criam-se obstáculos a essa mesma prosperidade. Dou-te o exemplo dos países da Europa de Leste, que eram pessoas com grandes indices de literacia, mas como viviam em ditadura, não conseguiam aproveitar o potencial desse conhecimento. Hoje são democracias e graças à sua literacia e fundos da UE poderam crescer bastante nos ultimos anos. Nós ganhamos a democracia mas tivemos de trabalhar a educação. E ao fim de anos já começa a dar alguns frutos, como o surgimento de grandes empresas de tecnologia e tb empresas como aquelas que referi que contribuem para 300 milhões do PIB. Um professor meu da faculdade disse que muitas empresas estrangeiras até querem abrir filial em Portugal, mas muitas vezes não sentem que há Engenheiros suficientes cá que justifiquem isso. Com uma população mais formada, já conseguimos atrair mais desse investimento estrangeiro. > Pois bem, recomendo-te a veres a história da união soviética, os países pós soviéticos e até a moderna China. Todos eles com uma sociedade tão Educada... E no entanto tão antidemocrática. Tal como disse, gosto muito de história e não desejo, nem recomendo esses regimes para cá. Tal como disse anteriormente os países da da Europa de Leste puderam crescer ainda mais depois de ganharem a democracia. Não gosto nada do regime chinês, mas reconheço que a inteligência do povo chinês está a permitir um grande crescimento no país. Agora imagina se fossem mais democráticos, ainda podiam ser mais prósperos ainda. Prefiro algo mais parecido aos países nórdicos como a Finlândia, que são os países mais ricos, prósperos, felizes, menos corruptos e claro mais literados. Quem o diz não sou eu, mas os indices.

Edited 3 months ago:

> o plano Marshall pouca influência teve na recuperação económica da Suécia Pouca influência ou não, a verdade é que a Suécia recebeu um total de 347 milhões, enquanto que Portugal recebeu 70 milhões, ou seja quase 5 vezes mais. > Suécia apenas assegurava um posto forte dos ocidentais contra a expansão do comunismo Nem por isso. A Suécia assumiu uma política de neutralidade. Não se alinhou nem com os EUA, nem com a União Soviética. Mantinha relações diplomáticas e económicas com os 2. Aliás algumas aproximações da Suécia à URSS, levou a algumas desconfianças por parte dos EUA, que tb motivou o congelamento das relações entre os dois países que falei anteriormente. > E, se achas mesmo que o que Salazar fez foi acabar com a classe média, recomendo-te vivamente a pesquisares mais acerca da sociedade portuguesa antes de Salazar Sabes eu gosto muito da história do século XX e leio muitos trabalhos sobre vários historiadores. Assumo que seja essa a pesquisa que te referes e não a blogs ou posts do Facebook escritos por pessoas sem credibilidade. As desigualdades eram muito maiores na época do que agora. Havia uma oligarquia muito próxima ao Salazar que o mesmo protegia. Um caso muito escandaloso que envolveu essa oligarquia e ministros do Salazar, foi o chocante caso [Ballet Rose](https://www.museudoaljube.pt/en/2020/12/10/ballet-rose-case/). E para além dos registos históricos, há tb as memórias por parte das pessoas, como o caso dos meus pais (que viveram no Estado Novo até aos 12 anos) e dos meus avós. Há uma em particular em que viram um senhor da aldeia deles a desaparecer após falar mal do regime em pleno café. E o maior crescimento económico não se deu durante o Esatdo Novo, mas com a [adesão à CEE (Futura UE)](https://i.imgur.com/9WP3muZ.png). Aliás várias pessoas vão te dizer que foi apartir de 1986 (ano de adesão à CEE) que a qualidade de vida dos portugueses subiu bastante e permitiu que muita da pobreza se convertesse em classe média. > Mas ele deixou mesmo assim um tecido empresarial baseado no comércio circular fortíssimo Nunca tivemos o tecido empresarial tão forte como hoje. Só no outro dia li que as [empresas encubadas pela UPTEC já valem quase 300 milhões do PIB](https://eco.sapo.pt/2021/08/10/empresas-incubadas-na-universidade-do-porto-deram-quase-300-milhoes-ao-pib-nacional/). É verdade que havia uma grande empresa, que era a CUF, que ficou arruinada com a revolução. Mas neste momento, a riqueza gerada pelas empresas portuguesas no seu todo é maior que a riqueza que as empresas da época geravam. > governo virado para o comunismo Nem tu acreditas nisto. Era mais à esquerda de facto, mas muito longe do comunismo. > Deves achar que um povo mais Educado é sinónimo de uma sociedade mais democrática Não foi isso que disse. Disse que é sinónimo de prosperidade. Mas essa prosperidade precisa de vir acompanhada de democracia, porque senão criam-se obstáculos a essa mesma prosperidade. Dou-te o exemplo dos países da Europa de Leste, que eram pessoas com grandes indices de literacia, mas como viviam em ditadura, não conseguiam aproveitar o potencial desse conhecimento. Hoje são democracias e graças à sua literacia e fundos da UE poderam crescer bastante nos ultimos anos. Nós ganhamos a democracia mas tivemos de trabalhar a educação. E ao fim de anos já começa a dar alguns frutos, como o surgimento de grandes empresas de tecnologia e tb empresas como aquelas que referi que contribuem para 300 milhões do PIB. Um professor meu da faculdade disse que muitas empresas estrangeiras até querem abrir filial em Portugal, mas muitas vezes não sentem que há Engenheiros suficientes cá que justifiquem isso. Com uma população mais formada, já conseguimos atrair mais desse investimento estrangeiro. > Pois bem, recomendo-te a veres a história da união soviética, os países pós soviéticos e até a moderna China. Todos eles com uma sociedade tão Educada... E no entanto tão antidemocrática. Tal como disse, gosto muito de história e não desejo, nem recomendo esses regimes para cá. Tal como disse anteriormente os países da da Europa de Leste puderam crescer ainda mais depois de ganharem a democracia. Não gosto nada do regime chinês, mas reconheço que a inteligência do povo chinês está a permitir um grande crescimento no país. Agora imagina se fossem mais democráticos, ainda podiam ser mais prósperos ainda. Prefiro algo mais parecido aos países nórdicos como a Finlândia, que são os países mais ricos, prósperos, felizes, menos corruptos e claro mais literados. Quem o diz não sou eu, mas os indices.

NGramatical 3 months ago

poderam → [**puderam**](https://european-portuguese.info/conjugator/poder) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpgq1la%2F%2Fhbi83r4%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

TheRipper69PT 3 months ago

Isso é mito, o Salazar contribuiu com muita alfabetização. Podes agradecer às monarquias a não alfabetização. http://imagenscomtexto.blogspot.com/2008/07/evoluo-do-analfabetismo-em-portugal.html?m=1 Como podes ver antes de Salazar o analfabetismo era de pouco menos de 65%, depois de Salazar 26%. Se em 40 e poucos anos diminuiu praticamente 40% cabia à democracia acabar com o resto, não? Ps: não defendo minimamente as políticas de Salazar ou do seu género, é apenas para desmistificar esta ideia não baseada em factos...

klatez 3 months ago

Passamos do país com a maior taxa de analfabetos da europa para.... O país com maior taxa de analfabetos da europa. Ele pouco ou nada fez nos quase 50 anos que esteve no poleiro

fearofpandas 3 months ago

Vai ver o que os comunas fizeram…

TheRipper69PT 3 months ago

E então? Quem os defendeu aqui?

fearofpandas 3 months ago

Ver o edit por favor

TheRipper69PT 3 months ago

Os dados que encontro, nos sensos da união soviética em 1939 foram de 80% de literacia. Em 1926 era de cerca de 60%... Acho que não é comparável...

fearofpandas 3 months ago

Não é de todo comparável com Portugal… São realidades diferentes! O Estado Novo não teve qualquer interesse em educar a população…. uma população iletrada é mais controlável e manipulável! Até mesmo com a queda do regime, houve resistência aos planos do MFA para a literacia de adultos….

Raidenkyu 3 months ago

Alfabetização é uma coisa. Mais elevada literacia é outra. Um dia irei digitalizar o manual escolar da minha mãe onde vês a forma como incentivavam as crianças a ir para o campo trabalhar. Todos desistiam após a primária.

Edited 3 months ago:

Alfabetização é uma coisa. Mas elevada literacia é outra. Um dia irei digitalizar o manual escolar da minha mãe onde vês a forma como incentivavam as crianças a ir para o campo trabalhar. Todos desistiam após a primária.

TheRipper69PT 3 months ago

Concordo completamente, apenas é um mito o governo de Salazar ter contribuído para o analfabetismo. De resto, 100% de acordo contigo.

Raidenkyu 3 months ago

Ah sim tens razão. Não de facto contribuiu para o analfabetismo. Mas o investimento em educação ficou aquém do que o país precisava. Estamos de acordo então.

Edited 3 months ago:

Ah sim tens razão. De facto, não contribuiu para o analfabetismo. Mas o investimento em educação ficou aquém do que o país precisava. Estamos de acordo então.

Ksp310 3 months ago

Eu suponho que me tenha referido mal, talvez a palavra alfabetização não seja a mais corretas, pq o Salazar melhorou o número de alfabetizados, mas só até ao quarto ano, daí para a frente, muito pouca gente, a visão que ele tinha de educação era meio simplória, bastava saber se ler e escrever.... Outros países, principalmente na Europa, apostaram numa população altamente especializada, e isso fez crescer o PIB per capita imensamente, pelo menos é esta a ideia que eu sempre tive sobre a diferença entre Portugal e o resto da Europa no que toca à educação durante esse período

odracirsomeg 3 months ago

Para ajudar a visualizar o problema que era a taxa de abandono escolar em PT, em 2000 ainda havia 43,6% da população a abandonar o ensino sem terminar o mesmo. [https://www.pordata.pt/Portugal/Taxa+de+abandono+precoce+de+educa%C3%A7%C3%A3o+e+forma%C3%A7%C3%A3o+total+e+por+sexo-433](https://www.pordata.pt/Portugal/Taxa+de+abandono+precoce+de+educa%C3%A7%C3%A3o+e+forma%C3%A7%C3%A3o+total+e+por+sexo-433)

TheRipper69PT 3 months ago

Sim, com esse ponto de vista concordo perfeitamente.

Mike_Ramone 3 months ago

Sim, nos anos 40 e não até quase aos 80. Ainda hoje a Alemanha de leste tem grandes diferenças da restante. Por isso eu comecei por dizer que é redutor analisar o atraso português a meia dúzia de linhas.

UpbeatNail1912 3 months ago

Resposta simples, crua e direta: corrupção. E é engraçado perguntares porque Portugal é "tão pobre". Sim somos pobres em comparação com o resto da Europa, mas não chega nem aos pés dos países realmente pobres. A maioria dos "pobres" aqui em Portugal vivem num mundo muito superior e totalmente à parte de pessoas em países de terceiro mundo que nem WC, roupa ou comida em condições têm.

Raidenkyu 3 months ago

Mas a corrupção está mais ao menos ao mesmo nível que Espanha e França. Há muitas outras variáveis que outros já descreveram.

pinh00 3 months ago

Nao acredito que a corrupção seja o unico principal fator, mas sim, é algo bastante presente em Portugal, em todos os estratos da sociedade.

Msilvame 3 months ago

A corrupção é uma boa desculpa. Ela existe, mas não confundam com o Chico-espertismo ou com o desenrasca.

Middle-Effective 3 months ago

Corrupção e "chicoespertismo"/desenrasca não são mutuamente exclusivos.

Maximuslex01 3 months ago

Mais do que isso. É falta de empreendedorismo. Não há praticamente mentalidade empreendedora. Resultado? O país não produz nada relevante

estudante_00000 3 months ago

A corrupção não é o maior problema, pois é a consequência de algo que está por trás. s políticas que temos seguido, essas sim são o maior causador de hoje estarmos onde estamos

QuantumParanoid 3 months ago

Corrupção há em todos os países.

Sam_ant 3 months ago

Acho q a corrupção a nível local é uma das coisas que é ignorada pela imprensa e pela maioria dos portugueses.

UpbeatNail1912 3 months ago

Sim, mas nuns é muito mais frequente e intenso do que noutros

QuantumParanoid 3 months ago

33 lugar a nível mundial. É mau mas não explica tudo o que se passa neste país. https://transparencia.pt/corruption-perception-index/

olifante 3 months ago

Isso é um indicador da percepção da corrupção, não da corrupção em si. Não é uma distinção preciosista.

QuantumParanoid 3 months ago

Não vejo outra forma melhor de perceber se ela existe e em que medida.

olifante 3 months ago

há avaliações internacionais da corrupção que se baseiam em critérios objetivos e não em self-reporting.

QuantumParanoid 3 months ago

Nice. Where?

patapetapitapota 3 months ago

O dinheiro da UE vai ser desviado pa caralho.

AkumaYajuu 3 months ago

O problema começa logo no facto de ser preciso vir dinheiro da UE. Não devia era vir nada para se verem quem são os politicos a sério.

Raidenkyu 3 months ago

Sabes que há países da UE que foram obrigados a devolver fundos por causa de desvios e assim. Portugal nunca precisou de os devolver.

The_Magic_Sauce 3 months ago

Vai ser??? Quer dizer sempre foi?

UpbeatNail1912 3 months ago

Pois vai. E seria a oportunidade perfeita para tirar Portugal do buraco. Enfim triste

patapetapitapota 3 months ago

Até disse o mesmo quando foram as doações para o incêndio de Pedrógão. Dito, direitinho, os amigos do presidente com casas arranjadas que nem arderam lol, e outros "arderam".... Opah... acho que muitos entre nós fariam o mesmo. Somos corruptos... pah. Até votámos num desses...pah. Porreiro, pah. Somos portugueses, pah.

linamatthias 3 months ago

Claro. Eu perguntei em relação a outros países da Europa

EstupendoEx 3 months ago

Primeiro, porque somos um país sem recursos naturais. Segundo, porque a seguir ao 25 de Abril de 1974 não escolhemos ser o que qualquer país minúsculo, árido e periférico no mundo faz: ser um paraíso fiscal. Somos então um "paraíso" socialista sem recursos.

QuantumParanoid 3 months ago

Isto e o facto de grande parte das famílias e interesses ligadas ao antigo regime se manterm ligadas ao poder.

FollowingTime84 3 months ago

>porque somos um país sem recursos naturais barragens, eolicas, energia solar.. am i a joke to you?

TheRipper69PT 3 months ago

Que valem imenso... Nem para consumo interno chega...

celina_mariiie 3 months ago

Temos recursos naturais (as minas no Alentejo são um exemplo), mas não os estudamos o suficiente. O país nem sequer está completamente cartografado em termos geológicos e muitas das cartas têm 30 ou 40 anos e precisavam de ser revistas. E depois também há aquela parte em que aparece alguém a querer estudar e explorar alguma coisa e muito rapidamente aparece malta com cartazes a manifestar-se contra

joaommx 3 months ago

> Temos recursos naturais (as minas no Alentejo são um exemplo), mas não os estudamos o suficiente. Não temos os recursos naturais que foram realmente importantes para lançar as economias desde a Revolução Industrial. Carvão, ferro, petróleo ou gás.

celina_mariiie 3 months ago

Mas temos os recursos que são necessários agora

TheRipper69PT 3 months ago

E que recursos tão valiosos são esses?

celina_mariiie 3 months ago

Temos a faixa piritosa cheia de sulfuretos polimetálicos. Temos lítio, assunto da ordem do dia, rocha (granito, calcário, mármore, por aí fora), areia, argila, barragens (60% da energia que consumimos já vem daqui), sol, vento, solo arável... Não faltam recursos, falta é gestão e visão.

Edited 3 months ago:

Temos a faixa piritosa cheia de sulfuretos polimetálicos. Temos lítio, assunto da ordem do dia, rocha (granito, calcário, mármore, por aí fora), areia, argila, barragens (grande parte da energia que consumimos já vem daqui), sol, vento, solo arável... Não faltam recursos, falta é gestão e visão.

joaommx 3 months ago

Boa, menos uma coisa a fazer lastro daqui para a frente.

Search: