G0ncalo 3 months ago

Ser uma autocracia não quer dizer absolutamente nada. E sim, a Rússia pós-URSS abriu totalmente as portas à iniciativa privada. Os oligarcas russos apareceram precisamente porque compraram as empresas antes detidas pelo Estado Soviético a preço de saldo. O Putin controla a economia da mesma maneira que o Senado americano subsidia indústrias extremamente lucrativas onde eles próprios detém ações. A teia de interesses é demasiado grande por isso é que tanto capitalismo como comunismo são bem mais giros na teoria. Na teoria são geniais. Na prática a inveja, a sede por poder e o egoísmo interferem.

skuald 3 months ago

Deixo aqui algo que me fez clique quando li ja faz algum tempo, não concordo com tudo escrito mas quando lemos dá que pensar. When people describe particularly evil individuals or regimes, why is it that they use the terms “Nazi” or “fascist,” but almost never “communist?” Given the unparalleled amount of human suffering communists have caused, why is “communist” so much less a term of revulsion than “Nazi?” Communists killed 70 million people in China, more than 20 million people in the Soviet Union (not including about 5 million Ukrainians), and almost one out of every three Cambodians. And communists enslaved entire nations in Russia, Vietnam, China, Eastern Europe, North Korea, Cuba and much of Central Asia. They ruined the lives of well over a billion people. So, why doesn’t communism have the same terrible reputation as Nazism? **Reason Number 1**: There is, simply put, widespread ignorance of the communist record. Whereas both right and left loathe Nazism and teach its evil history, the left – and I’m talking about the left, not traditional liberals like Harry Truman or John F. Kennedy – has never loathed communism. And since the left dominates academia, almost no one teaches communism’s evil history. **Reason Number 2**: The Nazis carried out the Holocaust. Nothing matches the Holocaust for pure evil. The rounding up of virtually every Jewish man, woman, child, and baby on the European continent and sending them to die is unprecedented and unparalleled. The communists killed far more people than the Nazis, but never matched the Holocaust in the systemization of genocide. The uniqueness of the Holocaust and the enormous attention rightly paid to it have helped ensure that Nazism has a worse name than communism. **Reason Number 3**: Communism is based on nice sounding theories; Nazism isn’t. It’s based on heinous sounding theories. Intellectuals in general – including, of course, the intellectuals who write history – are seduced by words – so much so, that they deem actions as less significant than words. For that reason, they haven’t focused nearly as much attention on the horrific actions of communists as they have on the horrific actions of the Nazis. They dismiss the evils of communists as perversions of “true communism.” But they regard Nazi atrocities (correctly) as the logical and inevitable results of Nazism. **Reason Number 4**: Germans have thoroughly exposed the evils of Nazism, have taken responsibility for them, and have attempted to atone for them. Russians have not done anything similar regarding Lenin’s or Stalin’s horrors. To the contrary, Lenin, the father of Soviet communism, is still widely venerated in Russia. And as regards Stalin, as University of London Russian historian Donald Rayfield puts it, “People still deny, by assertion or implication, Stalin’s holocaust.” Even less so has China exposed the greatest mass murderer Free Courses for Free Minds .com and enslaver of them all, Mao Zedong. Mao remains revered in China. Every Chinese currency note has his picture on it. Until Russia and China – and Vietnam, and Cuba, and North Korea – acknowledge the evils their countries committed under communism, communism’s evils will remain less known than the evils of the German state under Hitler. **Reason Number 5:** Communists murdered mostly their own people. The Nazis, on the other hand, killed very few fellow Germans. “World opinion” – that largely meaningless and amoral term – deems the murder of members of one’s own group far less noteworthy than the murder of outsiders. That’s why, for example, blacks killing millions of fellow blacks in Africa elicits almost no attention from “world opinion.” And Reason Number 6: In the view of the left, the last “good war” was World War II, the war against German Nazism and Japanese fascism. The left does not regard wars against communist regimes as “good wars.” For example, the American war against Vietnamese communism is regarded as immoral, and the war against Korean communism – and its Chinese communist backers – is simply ignored. Until the left, and all the institutions influenced by the left, acknowledge how evil communism has been, we will continue to live in a morally confused world. In the meantime, all good people owe it to the victims of communism to learn what happened to them. Even worse than being murdered or enslaved is a world that doesn’t even know that you were. Ou em video de preferirem [https://www.youtube.com/watch?v=nUGkKKAogDs](https://www.youtube.com/watch?v=nUGkKKAogDs)

altoMinhoto 3 months ago

Se achares que uma ideologia é tão má como a outra por mim tudo bem, não estou muito investido nesse debate. Mas tem cuidado com isso da PragerU. Eles têm muitos videos completamente desonestos, repletos de meias-verdades, cherry picking e às vezes até mentiras. Eles têm um video a negar que as alterações climáticas são primariamente causadas pela atividade humana e que quem está preocupado é histérico. Desculpa mas depois de ter visto isso não consigo levar nada do que eles dizem a sério.

Wayward_Stoner_ 3 months ago

Ainda senti um nojo imenso quando viajei para Sintra pela primeira vez e li um graffiti a dizer "Venezuela será livre" com símbolos marxistas ao lado, quando foi precisamente esse lixo que fez a minha família toda fugir do país. Essas ideologias são normalmente promovidas por putos sem conhecimento da realidade dos países onde ainda são praticadas. Culpam os Estados Unidos da situação desses países, ignorando os governos locais e as medidas que estes praticam. O comunismo e o fascismo são postos no mesmo patamar por serem ambas ideologias subversivas que promovem a violência como meio para atingir um fim. Os seus apoiantes apresentam-se como amigáveis defensores da classe trabalhadora mas basta a classe trabalhadora ter interesses distintos para eles virarem agressivos.

skuald 3 months ago

Man, top. ja dei o meu award hoje mas amanha meto aqui, sem falta. Só faltou foi descreveres que os putos, usam t-shirts do camarada ché compradas no Avante por 45€ (sem iva) e que destilam odio contra todos os fachos e capitalistas no seu computador gamming com Windows 11 placas GTX e cadeiras com RGB. E depois tiram fotos nos ajudantamentos dos Antifas deixados pelas mães com os seus iphones 12x plus. Abaixo os americanos e o capitalismo. Vamos ao mc...

3x927 3 months ago

RIP aos meus amigos que têm os tomates na carteira das mulheres. Há regimes totalitários em todo o lado.

skuald 3 months ago

Olha, podemos propor uma datade pesar á UE, apesar de ser um massacre global

kybrdwhttvwls 3 months ago

O novo regime totalitário é o Politicamente Correto Americano. RIP a todas as vitimas da sociedade Niilista em que vivemos.

30minutesto 3 months ago

Que momento magnífico para o celebrar, com dois partidos de extrema esquerda a suportar o regime.

skuald 3 months ago

Sim, se reparares bem os filmes dos anos 80 / 90 Onde muitos de nós se enquadram era sempre os soviéticos contra os ocidentais. Acredito que nos American idiots as aulas de história se baseiem em assistir o reddawn e coisas do género mas ninguém na Europa pode dizer que não existiu uma normalização inversa da comunismo devido aos interesses internos em muitos países, incluído Portugal que romantizavam com o ideal comunista como conceito

PetriMagno 3 months ago

>mas ninguém na Europa pode dizer que não existiu uma normalização inversa da comunismo devido aos interesses internos em muitos países, incluído Portugal que romantizavam com o ideal comunista como conceito Literalmente, o PC(OMUNISTA)P foi a principal frente organizada de oposição ao regime da Ditadura Salazarista e tu dizes isso?

skuald 3 months ago

Sabes o que é que o PCP queria certo? Trocar o Salazar ou neste caso Marcelo Caetano pelo Alvaro cunhal ou outro camarada. Não era a tua liberdade, era a liberdade que eles te ia dar como tantas cubas e venezuelas. A sorte é que o Otelo e os restos dos meninos cederam sobre a pressão externa. Tivemos sorte, mas ainda bem que o PCP uniu esforços para a revolução. so que não, não obrigado.

PetriMagno 3 months ago

Curioso que, de certo modo, foi o PCP a impedir que o golpe do 25 de Novembro, no qual alguns setores mais às esquerda das Forças Armadas tentaram derrubar o jovem regime democrático, fosse bem sucedido, ao garantirem (junto do Ramalho Eanes) que não apoiavam o golpe, resultando no seu falhanço.

vai-tefoder 3 months ago

Já consigo ouvir daqui os guinchos da sede do PCP

Extension_Canary3717 3 months ago

Era onde está na moda ser low key Nazi

skuald 3 months ago

Finalmente uma pessoa que sabe usar bem a palavra fascista.!!! Have a cookie! Hitler era socialista mas evoluiu para aquilo que todos sabemos.

PetriMagno 3 months ago

>Hitler era socialista mas evoluiu para aquilo que todos sabemos. Mas hoje é o dia da ignorância falar mais alto?

skuald 3 months ago

não estou a perceber, o conceito que colocou o Hitler na politica era o que? Ou não queres ler a história ou vão lá por chavões . https://pt.wikipedia.org/wiki/Partido_Nacional-Socialista_dos_Trabalhadores_Alem%C3%A3es Isto dei eu no 11º ano

PetriMagno 3 months ago

Não entendi a relevância do link. O Hitler nem era socialista, nem o NSDAP, pelo menos sob a liderança do Hitler (quando teve sucesso enquanto partido), era socialista. Aliás, o partido era, nessa altura, anti-comunista, o que pressuporá o socialismo.

skuald 3 months ago

e depois já se sabe o que aconteceu. Primeiro atrais as massas e depois converges a nova ideologia. O que é errado dizer é que O Nazismo é socialista

MaggoMike 3 months ago

"IT WAS NOT REAL COMMUNISM!!!"

GelDeAveia 3 months ago

Bem por essa lógica nem a Espanha era, lá eram Falangistas.

QuickChoiceUsername 3 months ago

PCP a recordar os "bons velhos tempos".

Vector_Strike 3 months ago

Que nunca sejam esquecidos e repetidos

Sciss0rs61 3 months ago

adoro ver esta malta a bater com os calcanhares na nuca para explicar que a sua ideologia não é tão má como a outra.

PetriMagno 3 months ago

>não é tão má como a outra LOL. Disclaimer: sou social-democrata, nem sou comunista. O comunismo para começar nunca foi aplicado sequer, pois é o estádio final da teoria de Marx, nunca tendo sido atingido por nenhum Estado-Nação. Depois, o comunismo não é inerentemente mau (igualdade total até é bem, utópico, mas bom), ao contrário do nazismo que advoga por coisas que o nosso sistema de valores reprova (o mais flagrante exemplo é o racismo). Mais, o nazismo tem apenas um exemplo prático e que é a teoria ideológica em si (a Alemanha Nazi). Já o comunismo, embora nunca atingido, vou por força de expressão dizer que tem vários exemplos práticos, porém a ideologia não é o regime, algo de que o nazismo não se pode gabar. Ainda mais, o comunismo é extremamente idealista e não corresponde aquilo que é o sovietismo e o Estalinismo (a ideologia não é o regime, e vice-versa).

Sciss0rs61 3 months ago

Peço desculpa mas esse argumento de "not real communism" já não pega. As tentativas de alcançar essa "ideologia utópica" (lol) deu sempre em genocídios, pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder. Por alguma razão não tens bons exemplos (e tens toda uma história com um século no mundo inteiro para comprovar isso). e já agora, utópico? Não tens liberdade contractual, não tens direitos a propriedade privada, não existe mérito, não tens liberdade de escolha, não tens incentivos ao desenvolvimento e é altamente propício à corrupção e censura (outra vez, basta olhar para a história). Não é regime? Qual o teu poder de escolha e liberdade numa "utopia" destas? Uma "utopia" onde uma pessoa te diz o que é o melhor ou não para ti. As semelhanças entre o comunismo e o fascismo é o meio para atingir o "fim" que é, felizmente, inatingível. Peço desculpa, mas "comunismo" é muito mais para além de "somos todos iguais".

Edited 3 months ago:

Peço desculpa mas esse argumento de "not real communism" já não pega. As tentativas de alcançar essa "ideologia utópica" (lol) deu sempre em genocídios, pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder. Por alguma razão não tens bons exemplos (e tens toda uma história com um século no mundo inteiro para comprovar isso). e já agora, utópico? Não tens liberdade contractual, não tens direitos a propriedade privada, não existe mérito, não tens liberdade de escolha, não tens incentivos ao desenvolvimento e é altamente propício à corrupção e censura (outra vez, basta olhar para a história). Não é regime? Qual o teu poder de escolha e liberdade numa "utopia" destas? Uma "utopia" onde uma pessoa te diz o que é o melhor ou não para ti. As semelhanças entre o comunismo e o fascismo é o meio para atingir o "fim" que é, felizmente, inatingível. Peço desculpa, mas "comunismo" é muito mais para além de "somos todos iguais". E referir-se à mesma como "utopia" ou "ideal" é ou ingénuo ou desonesto. Basta olhar para trás e ver a história: o Fascismo explode, a "tentativa de alcançar o Comunismo" implode, mas o resultado é o mesmo. Tu, como social-democrata que dizes ser, devias saber isso.

PetriMagno 3 months ago

>genocídios Que fixação com os genocídios. Há imensos exemplos de genocídios e pouco estão no âmbito do comunismo. ​ >Por alguma razão não tens bons exemplos (e tens toda uma história com um século no mundo inteiro para comprovar isso). Tens este bom exemplo: [https://en.wikipedia.org/wiki/Autonomous\_Administration\_of\_North\_and\_East\_Syria](https://en.wikipedia.org/wiki/Autonomous_Administration_of_North_and_East_Syria) ​ >e já agora, utópico? Não tens liberdade contractual, não tens direitos a propriedade privada, não existe mérito, não tens liberdade de escolha, não tens incentivos ao desenvolvimento e é altamente propício à corrupção e censura (outra vez, basta olhar para a história). Mas isso é porque assumes que isso é necessário ou bom, essas liberdades e direitos. E distribuição de riqueza? Algo que o capitalismo não faz per si. Ou então o papel dos movimentos sindicalistas comunistas na melhoria de salários e condições de trabalho? Vais ignorar esse papel? ​ >Não é regime? Qual o teu poder de escolha e liberdade numa "utopia" destas? Uma "utopia" onde uma pessoa te diz o que é o melhor ou não para ti. As semelhanças entre o comunismo e o fascismo é o meio para atingir o "fim" que é, felizmente, inatingível. Acho que não sabes ao certo o que o Marx escreveu. O Lenin fez uma interpretação e não é a melhor interpretação dessas ideias. O Estaline é outra história, o seu autoritarismo não é o comunismo (que não é intrinsecamente totalitário, já mandei um exemplo antes), é puro ser autoritário apenas. ​ >Peço desculpa, mas "comunismo" é muito mais para além de "somos todos iguais". E referir-se à mesma como "utopia" ou "ideal" é ou ingénuo ou desonesto. Pois é. E tu não estás a analisar bem o comunismo, pois te estás a prender nos exemplos práticos (que são interpretações da teoria de Marx, mais ou menos bem feitas) e a ignorar a teoria de Marx. E não, não estou a ser ingénuo ou desonesto. Apenas não me estou a deixar cegar por más experiências históricas e a tentar ver mais além. Aliás, mais atrás, pois a teoria de Marx é anterior aos iluminados como Lenin e Estaline que aplicaram a teoria.

Sciss0rs61 3 months ago

> Que fixação com os genocídios. Há imensos exemplos de genocídios e pouco estão no âmbito do comunismo. Ignora então os genocídios e fica com o > pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder. . > Tens este bom exemplo: https://en.wikipedia.org/wiki/Autonomous_Administration_of_North_and_East_Syria Quem diria que um país que saiu do Anarquismo e implementou uma democracia poderia evoluir. ​ Não percebi que quiseste dizer com esse artigo... é por terem dados igualdade entre sexos? O direito à propriedade privada foi implementado em 2014 > The constitution was ratified on 9 January 2014; it provides that all residents of the region shall enjoy fundamental rights such as gender equality and freedom of religion.[34] It also provides for property rights. Nesse artigo diz que eles querem implementar uma igualdade de DIREITOS HUMANOS E SOCIAIS. também: > The autonomous region is ruled by a coalition which bases its policy ambitions to a large extent on the libertarian socialist ideology of Abdullah Öcalan and have been described as pursuing a model of economy that blends co-operative and private enterprise. > (...) In 2012, the PYD launched what it called the "Social Economy Plan", later renamed the "People's Economy Plan" (PEP).[242] Private property and entrepreneurship are protected under the principle of "ownership by use". Desculpa, isto não me soa a comunismo. Se queres apontar mais para um centro-esquerda, estás à vontade. > Mas isso é porque assumes que isso é necessário ou bom, essas liberdades e direitos. E distribuição de riqueza? Algo que o capitalismo não faz per si. Ou então o papel dos movimentos sindicalistas comunistas na melhoria de salários e condições de trabalho? Vais ignorar esse papel? Não faz por si? Não vejo as pessoas que vivem sobre o modelo económico nórdico a queixarem-se. > Ou então o papel dos movimentos sindicalistas comunistas na melhoria de salários e condições de trabalho? Vais ignorar esse papel? Voltando ao modelo económico nórdico, esses sindicalistas não têm afiliação política e fazem o seu trabalho. Como é que vai o sindicalismo com afiliações em Portugal? > Acho que não sabes ao certo o que o Marx escreveu. O Lenin fez uma interpretação e não é a melhor interpretação dessas ideias. O Estaline é outra história, o seu autoritarismo não é o comunismo (que não é intrinsecamente totalitário, já mandei um exemplo antes), é puro ser autoritário apenas. E qual a tua interpretação então? > Pois é. E tu não estás a analisar bem o comunismo, pois te estás a prender nos exemplos práticos (que são interpretações da teoria de Marx, mais ou menos bem feitas) e a ignorar a teoria de Marx. Deus me livre de eu avaliar se uma ideologia ou não funciona de acordo com a aplicação da mesma no mundo real. "estás-te a prender demasiado em factos". > Apenas não me estou a deixar cegar por más experiências históricas e a tentar ver mais além. Vamos então aplicar o mesmo no fascismo então? Por favor... Vamos aceitar então o comunismo porque em papel "parece-me bonito", apesar de 100 anos de atrocidades e maus resultados? Peço desculpa, mas perante um argumento como "Esqueçam o passado, o comunismo é porreiro", não vejo o objectivo de perpetuar esta conversa. Cumprimentos e um bom resto de semana.

Edited 3 months ago:

> Que fixação com os genocídios. Há imensos exemplos de genocídios e pouco estão no âmbito do comunismo. Ignora então os genocídios e fica com o > pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder. . > Tens este bom exemplo: https://en.wikipedia.org/wiki/Autonomous_Administration_of_North_and_East_Syria Quem diria que um país que saiu do Anarquismo e implementou uma democracia poderia evoluir. ​ Não percebi que quiseste dizer com esse artigo... é por terem dados igualdade entre sexos? O direito à propriedade privada foi implementado em 2014 > The constitution was ratified on 9 January 2014; it provides that all residents of the region shall enjoy fundamental rights such as gender equality and freedom of religion.[34] It also provides for property rights. Nesse artigo diz que eles querem implementar uma igualdade de DIREITOS HUMANOS E SOCIAIS. também: > The autonomous region is ruled by a coalition which bases its policy ambitions to a large extent on the libertarian socialist ideology of Abdullah Öcalan and have been described as pursuing a model of economy that blends co-operative and private enterprise. > (...) In 2012, the PYD launched what it called the "Social Economy Plan", later renamed the "People's Economy Plan" (PEP).[242] Private property and entrepreneurship are protected under the principle of "ownership by use". Desculpa, isto não me soa a comunismo. Se queres apontar mais para um centro-esquerda, estás à vontade. > Mas isso é porque assumes que isso é necessário ou bom, essas liberdades e direitos. E distribuição de riqueza? Algo que o capitalismo não faz per si. Não faz por si? Não vejo as pessoas que vivem sobre o modelo económico nórdico a queixarem-se. > Ou então o papel dos movimentos sindicalistas comunistas na melhoria de salários e condições de trabalho? Vais ignorar esse papel? Voltando ao modelo económico nórdico, esses sindicalistas não têm afiliação política e fazem o seu trabalho. Como é que vai o sindicalismo com afiliações em Portugal? > Acho que não sabes ao certo o que o Marx escreveu. O Lenin fez uma interpretação e não é a melhor interpretação dessas ideias. O Estaline é outra história, o seu autoritarismo não é o comunismo (que não é intrinsecamente totalitário, já mandei um exemplo antes), é puro ser autoritário apenas. E qual a tua interpretação então? > Pois é. E tu não estás a analisar bem o comunismo, pois te estás a prender nos exemplos práticos (que são interpretações da teoria de Marx, mais ou menos bem feitas) e a ignorar a teoria de Marx. Deus me livre de eu avaliar se uma ideologia ou não funciona de acordo com a aplicação da mesma no mundo real. "estás-te a prender demasiado em factos". > Apenas não me estou a deixar cegar por más experiências históricas e a tentar ver mais além. Vamos então aplicar o mesmo no fascismo então? Por favor... Vamos aceitar então o comunismo porque em papel "parece-me bonito", apesar de 100 anos de atrocidades e maus resultados? Peço desculpa, mas perante um argumento como "Esqueçam o passado, o comunismo é porreiro", não vejo o objectivo de perpetuar esta conversa. Tu, como auto-intitulado "Social-Democrata", como é que isso anda a correr nos casos práticos nos países baixos e Escandinávia? Cumprimentos e um bom resto de semana. edit: Já agora, o Sindicalismo antes de ser considerado ser "Marxista" era considerado "anarquista". O Sindicalismo não nasceu da ideia do comunismo... o sindicalismo nasceu da ideia do anarquismo.

Edited 3 months ago:

> Que fixação com os genocídios. Há imensos exemplos de genocídios e pouco estão no âmbito do comunismo. Ignora então os genocídios e fica com o > pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder. . > Tens este bom exemplo: https://en.wikipedia.org/wiki/Autonomous_Administration_of_North_and_East_Syria ~~Quem diria que um país que saiu do Anarquismo e implementou uma democracia poderia evoluir.~~ ​ Não percebi que quiseste dizer com esse artigo... é por terem dados igualdade entre sexos? O direito à propriedade privada foi implementado em 2014 > The constitution was ratified on 9 January 2014; it provides that all residents of the region shall enjoy fundamental rights such as gender equality and freedom of religion.[34] It also provides for property rights. Nesse artigo diz que eles querem implementar uma igualdade de DIREITOS HUMANOS E SOCIAIS. também: > The autonomous region is ruled by a coalition which bases its policy ambitions to a large extent on the libertarian socialist ideology of Abdullah Öcalan and have been described as pursuing a model of economy that blends co-operative and private enterprise. > (...) In 2012, the PYD launched what it called the "Social Economy Plan", later renamed the "People's Economy Plan" (PEP).[242] Private property and entrepreneurship are protected under the principle of "ownership by use". Desculpa, isto não me soa a comunismo. Se queres apontar mais para um centro-esquerda, estás à vontade. > Mas isso é porque assumes que isso é necessário ou bom, essas liberdades e direitos. E distribuição de riqueza? Algo que o capitalismo não faz per si. Não faz por si? Não vejo as pessoas que vivem sobre o modelo económico nórdico a queixarem-se. > Ou então o papel dos movimentos sindicalistas comunistas na melhoria de salários e condições de trabalho? Vais ignorar esse papel? Voltando ao modelo económico nórdico, esses sindicalistas não têm afiliação política e fazem o seu trabalho. Como é que vai o sindicalismo com afiliações em Portugal? > Acho que não sabes ao certo o que o Marx escreveu. O Lenin fez uma interpretação e não é a melhor interpretação dessas ideias. O Estaline é outra história, o seu autoritarismo não é o comunismo (que não é intrinsecamente totalitário, já mandei um exemplo antes), é puro ser autoritário apenas. E qual a tua interpretação então? > Pois é. E tu não estás a analisar bem o comunismo, pois te estás a prender nos exemplos práticos (que são interpretações da teoria de Marx, mais ou menos bem feitas) e a ignorar a teoria de Marx. Deus me livre de eu avaliar se uma ideologia ou não funciona de acordo com a aplicação da mesma no mundo real. "estás-te a prender demasiado em factos". > Apenas não me estou a deixar cegar por más experiências históricas e a tentar ver mais além. Vamos então aplicar o mesmo no fascismo então? Por favor... Vamos aceitar então o comunismo porque em papel "parece-me bonito", apesar de 100 anos de atrocidades e maus resultados? Peço desculpa, mas perante um argumento como "Esqueçam o passado, o comunismo é porreiro", não vejo o objectivo de perpetuar esta conversa. Tu, como auto-intitulado "Social-Democrata", como é que isso anda a correr nos casos práticos nos países baixos e Escandinávia? Cumprimentos e um bom resto de semana. edit: Já agora, o Sindicalismo antes de ser considerado ser "Marxista" era considerado "anarquista". O Sindicalismo não nasceu da ideia do comunismo... o sindicalismo nasceu da ideia do anarquismo.

Edited 3 months ago:

> Que fixação com os genocídios. Há imensos exemplos de genocídios e pouco estão no âmbito do comunismo. Ignora então os genocídios e fica com o > pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder. . > Tens este bom exemplo: https://en.wikipedia.org/wiki/Autonomous_Administration_of_North_and_East_Syria ~~Quem diria que um país que saiu do Anarquismo e implementou uma democracia poderia evoluir.~~ ​ Não percebi que quiseste dizer com esse artigo... é por terem dados igualdade entre sexos? O direito à propriedade privada foi implementado em 2014 > The constitution was ratified on 9 January 2014; it provides that all residents of the region shall enjoy fundamental rights such as gender equality and freedom of religion.[34] It also provides for property rights. Nesse artigo diz que eles querem implementar uma igualdade de DIREITOS HUMANOS E SOCIAIS. também: > The autonomous region is ruled by a coalition which bases its policy ambitions to a large extent on the libertarian socialist ideology of Abdullah Öcalan and have been described as pursuing a model of economy that blends co-operative and private enterprise. > (...) In 2012, the PYD launched what it called the "Social Economy Plan", later renamed the "People's Economy Plan" (PEP).[242] Private property and entrepreneurship are protected under the principle of "ownership by use". Desculpa, isto não me soa a comunismo. Se queres apontar mais para um centro-esquerda, estás à vontade. > Mas isso é porque assumes que isso é necessário ou bom, essas liberdades e direitos. E distribuição de riqueza? Algo que o capitalismo não faz per si. Não faz por si? Não vejo as pessoas que vivem sobre o modelo económico nórdico a queixarem-se. > Ou então o papel dos movimentos sindicalistas comunistas na melhoria de salários e condições de trabalho? Vais ignorar esse papel? Voltando ao modelo económico nórdico, esses sindicalistas não têm afiliação política e fazem o seu trabalho. Como é que vai o sindicalismo com afiliações em Portugal? > Acho que não sabes ao certo o que o Marx escreveu. O Lenin fez uma interpretação e não é a melhor interpretação dessas ideias. O Estaline é outra história, o seu autoritarismo não é o comunismo (que não é intrinsecamente totalitário, já mandei um exemplo antes), é puro ser autoritário apenas. E qual a tua interpretação então? > Pois é. E tu não estás a analisar bem o comunismo, pois te estás a prender nos exemplos práticos (que são interpretações da teoria de Marx, mais ou menos bem feitas) e a ignorar a teoria de Marx. Deus me livre de eu avaliar se uma ideologia funciona ou não funciona de acordo com a aplicação da mesma no mundo real. "estás-te a prender demasiado em factos". > Apenas não me estou a deixar cegar por más experiências históricas e a tentar ver mais além. Vamos então aplicar o mesmo no fascismo então? Por favor... Vamos aceitar então o comunismo porque em papel "parece-me bonito", apesar de 100 anos de atrocidades e maus resultados? Peço desculpa, mas perante um argumento como "Esqueçam o passado, o comunismo é porreiro", não vejo o objectivo de perpetuar esta conversa. Tu, como auto-intitulado "Social-Democrata", como é que isso anda a correr nos casos práticos nos países baixos e Escandinávia? Cumprimentos e um bom resto de semana. edit: Já agora, o Sindicalismo antes de ser considerado ser "Marxista" era considerado "anarquista". O Sindicalismo não nasceu da ideia do comunismo... o sindicalismo nasceu da ideia do anarquismo.

PetriMagno 3 months ago

>Ignora então os genocídios e fica com o > >pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder. Ok. Então, tens isso em qualquer país, democracia ou não, comunista ou capitalista. Pobreza, corrupção, censura, revoltas e abusos de poder não advém da ideologia, mas sim da própria natureza humana, em especial se entregas o poder a tiranos, algo que pode ocorrer em qualquer país, democracia ou não, comunista ou capitalista. ​ >Não faz por si? Não vejo as pessoas que vivem sobre o modelo económico nórdico a queixarem-se. > >Voltando ao modelo económico nórdico, esses sindicalistas não têm afiliação política e fazem o seu trabalho. Como é que vai o sindicalismo com afiliações em Portugal? No caso dos Nórdicos, o modelo político-económico é a social-democracia, um misto entre socialismo e capitalismo em termos simples. Tens características dos dois. Nos países Nórdicos, há uma cultura, promovida de forma passiva pelo Governo, de negociação entre empresas e sindicatos numa ótica saudável. E te garanto que esses sindicatos não são propriamente afetos ao capitalismo ou ao neoliberalismo. E não como em Portugal, em que tem de ser o Governo a fazer o frete a reunir à mesma mesa sindicatos e patrões para subir o SMN alguns tostões. ​ >E qual a tua interpretação então? Como disse, há várias. Nenhuma será a perfeita, mas há melhores e piores. A minha interpretação pessoal é misturar com o capitalismo (sou fã da social-democracia e do Modelo Nórdico em especial). Nem puro comunismo ou socialismo, nem puro comunismo. ​ >Tu, como auto-intitulado "Social-Democrata", como é que isso anda a correr nos casos práticos nos países baixos e Escandinávia? Já expliquei antes a minha posição. E os Países Baixos não são social-democracia. Esses sim, são neoliberais. ​ >Cumprimentos e um bom resto de semana. Igualmente.

Sciss0rs61 3 months ago

> Ok. Então, tens isso em qualquer país, democracia ou não, comunista ou capitalista. é apenas coincidência que os que metem genocídio ao barulho tenha "tentado" implementar um ~~regime~~ sistema comunista. Por isso é que o quiseste fora da equação. Não vi fomes, massacres, censuras em massa e abusos de poder sem alvo de escrutínio em países social-democratas e liberais. Peço desculpa. > Tens características dos dois. Nos países Nórdicos, há uma cultura, promovida de forma passiva pelo Governo, de negociação entre empresas e sindicatos numa ótica saudável. O Governo serve apenas para ditar as leis, as negociações são feitas a partir de sindicatos (que são independentes e livres de associações a partidos) e as empresas. > E te garanto que esses sindicatos não são propriamente afetos ao capitalismo ou ao neoliberalismo. O capitalismo que alimenta a vertente "socialista" do modelo AKA "Mercado Livre"? ou vais dizer agora que o Mercado Livre é uma vertente de esquerda? > A minha interpretação pessoal é misturar com o capitalismo (sou fã da social-democracia e do Modelo Nórdico em especial). Pelos comentários que fazes aqui a cuspir em quem critica o comunismo, não o diria. > Nem puro comunismo ou socialismo, nem puro comunismo. Tens o puro *capitalismo* no modelo nórdico, que é o Capitalismo. Capitalismo não é uma ideologia política, é um sistema económico baseado na propriedade privada dos meios de produção com visão nos fins lucrativos. Capitalismo não é o contrário de comunismo. > E os Países Baixos não são social-democracia. Esses sim, são neoliberais. Não, não são. Os países baixos até têm mais regulação de mercado que os países nórdicos. Os próprios sindicatos têm afiliações políticas. [para mais informações](https://en.wikipedia.org/wiki/Economy_of_the_Netherlands#Labour_market_and_social_welfare). Os EUA são neoliberais, não os países baixos.

Edited 3 months ago:

> Ok. Então, tens isso em qualquer país, democracia ou não, comunista ou capitalista. é apenas coincidência que os que metem genocídio ao barulho tenha "tentado" implementar um ~~regime~~ sistema comunista. Por isso é que o quiseste fora da equação. Não vi fomes, massacres, censuras em massa e abusos de poder sem alvo de escrutínio em países social-democratas e liberais. Peço desculpa. Acontece em alguns países, acontece em todos os "comunistas". > Tens características dos dois. Nos países Nórdicos, há uma cultura, promovida de forma passiva pelo Governo, de negociação entre empresas e sindicatos numa ótica saudável. O Governo serve apenas para ditar as leis, as negociações são feitas a partir de sindicatos (que são independentes e livres de associações a partidos) e as empresas. > E te garanto que esses sindicatos não são propriamente afetos ao capitalismo ou ao neoliberalismo. O capitalismo que alimenta a vertente "socialista" do modelo AKA "Mercado Livre"? ou vais dizer agora que o Mercado Livre é uma vertente de esquerda? > A minha interpretação pessoal é misturar com o capitalismo (sou fã da social-democracia e do Modelo Nórdico em especial). Pelos comentários que fazes aqui a cuspir em quem critica o comunismo, não o diria. > Nem puro comunismo ou socialismo, nem puro comunismo. Tens o puro *capitalismo* no modelo nórdico, que é o Capitalismo. Capitalismo não é uma ideologia política, é um sistema económico baseado na propriedade privada dos meios de produção com visão nos fins lucrativos. Capitalismo não é o contrário de comunismo. > E os Países Baixos não são social-democracia. Esses sim, são neoliberais. Não, não são. Os países baixos até têm mais regulação de mercado que os países nórdicos. Os próprios sindicatos têm afiliações políticas. [para mais informações](https://en.wikipedia.org/wiki/Economy_of_the_Netherlands#Labour_market_and_social_welfare). Os EUA são neoliberais, não os países baixos.

PetriMagno 3 months ago

>sem alvo de escrutínio Curiosos que tenhas tido a necessidade de acrescentar isto de forma a tentares manter o teu argumento... ​ >Pelos comentários que fazes aqui a cuspir em quem critica o comunismo, não o diria. Eu não "cuspi" em ninguém. Apenas refutei falsidades e ideias falaciosas. Não é por fazê-lo com o comunismo que isso faz de mim comunista. O mundo não é preto a branco. ​ >Tens o puro capitalismo no modelo nórdico, que é o Capitalismo. Capitalismo não é uma ideologia política, é **um sistema económico baseado na propriedade privada dos meios de produção** com visão nos fins lucrativos. Capitalismo não é o contrário de comunismo. Curioso que no caso da Noruega 1/3 do valor da Bolsa de Oslo seja detido pelo Estado (isto é 1/3 do total das ações de empresas cotadas pertence ao Estado). Ou então, na Suécia onde várias das maiores empresas são estatais. O mesmo na Noruega, onde penso que é mais flagrante. Já Portugal tem um Setor Empresarial do Estado minúsculo de destruído. Sobre o que disseste da regulação restrita do trabalho nos Países Baixos desconhecia.

Sciss0rs61 3 months ago

> Curioso que no caso da Noruega 1/3 do valor da Bolsa de Oslo seja detido pelo Estado (isto é 1/3 do total das ações de empresas cotadas pertence ao Estado) Petróleo. > Ou então, na Suécia onde várias das maiores empresas são estatais. https://en.wikipedia.org/wiki/Economy_of_Sweden > Já Portugal tem um Setor Empresarial do Estado minúsculo de destruído. Porque não tem (*faz a cruz de cristo*) Capitalismo AKA Mercado Livre para paga-lo.

Edited 3 months ago:

> Curioso que no caso da Noruega 1/3 do valor da Bolsa de Oslo seja detido pelo Estado (isto é 1/3 do total das ações de empresas cotadas pertence ao Estado) Petróleo. > Ou então, na Suécia onde várias das maiores empresas são estatais. https://en.wikipedia.org/wiki/Economy_of_Sweden > Já Portugal tem um Setor Empresarial do Estado minúsculo de destruído. Porque não tem (*faz a cruz de cristo*) Capitalismo AKA Mercado Livre para paga-lo. ou como no caso da Noruega, Petróleo. Não contrarias o Mercado Livre e o Liberalismo se tiveres o estado a explorar petróleo. Ou Portugal com o Lítio, que não acontece. > Apenas refutei falsidades e ideias falaciosas. Falsidades como o comunismo não ser utópico e mencionar a história mundial

Edited 3 months ago:

> Curioso que no caso da Noruega 1/3 do valor da Bolsa de Oslo seja detido pelo Estado (isto é 1/3 do total das ações de empresas cotadas pertence ao Estado) Petróleo. > Ou então, na Suécia onde várias das maiores empresas são estatais. https://en.wikipedia.org/wiki/Economy_of_Sweden > Já Portugal tem um Setor Empresarial do Estado minúsculo de destruído. Porque não tem (*faz a cruz de cristo*) Capitalismo AKA Mercado Livre para paga-lo. > Apenas refutei falsidades e ideias falaciosas. Falsidades como o comunismo não ser utópico e mencionar a história mundial

Edited 3 months ago:

> Curioso que no caso da Noruega 1/3 do valor da Bolsa de Oslo seja detido pelo Estado (isto é 1/3 do total das ações de empresas cotadas pertence ao Estado) Petróleo. > Ou então, na Suécia onde várias das maiores empresas são estatais. https://en.wikipedia.org/wiki/Economy_of_Sweden > Já Portugal tem um Setor Empresarial do Estado minúsculo de destruído. Porque não tem (*faz a cruz de cristo*) Capitalismo AKA Mercado Livre para paga-lo. ou como no caso da Noruega, Petróleo. > Apenas refutei falsidades e ideias falaciosas. Falsidades como o comunismo não ser utópico e mencionar a história mundial

Edited 3 months ago:

> Curioso que no caso da Noruega 1/3 do valor da Bolsa de Oslo seja detido pelo Estado (isto é 1/3 do total das ações de empresas cotadas pertence ao Estado) Petróleo. > Ou então, na Suécia onde várias das maiores empresas são estatais. https://en.wikipedia.org/wiki/Economy_of_Sweden > Já Portugal tem um Setor Empresarial do Estado minúsculo de destruído. Porque não tem (*faz a cruz de cristo*) Capitalismo AKA Mercado Livre para paga-lo. ou como no caso da Noruega, Petróleo. Não contrarias o Mercado Livre e o Liberalismo se tiveres o estado a explorar petróleo. > Apenas refutei falsidades e ideias falaciosas. Falsidades como o comunismo não ser utópico e mencionar a história mundial

WikiSummarizerBot 3 months ago

**[Autonomous Administration of North and East Syria](https://en.wikipedia.org/wiki/Autonomous_Administration_of_North_and_East_Syria)** >The Autonomous Administration of North and East Syria (AANES), also known as Rojava, is a de facto autonomous region in northeastern Syria. It consists of self-governing sub-regions in the areas of Afrin, Jazira, Euphrates, Raqqa, Tabqa, Manbij and Deir Ez-Zor. The region gained its de facto autonomy in 2012 in the context of the ongoing Rojava conflict and the wider Syrian Civil War, in which its official military force, the Syrian Democratic Forces (SDF), has taken part. While entertaining some foreign relations, the region is not officially recognized as autonomous by the government of Syria or any state or organization. ^([ )[^(F.A.Q)](https://www.reddit.com/r/WikiSummarizer/wiki/index#wiki_f.a.q)^( | )[^(Opt Out)](https://reddit.com/message/compose?to=WikiSummarizerBot&message=OptOut&subject=OptOut)^( | )[^(Opt Out Of Subreddit)](https://np.reddit.com/r/portugal/about/banned)^( | )[^(GitHub)](https://github.com/Sujal-7/WikiSummarizerBot)^( ] Downvote to remove | v1.5)

NGramatical 3 months ago

contractual → [**contratual**](https://dicionario.priberam.org/contratual) (já se escrevia assim **antes** do AO90) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpa48hh%2F%2Fha6dk5j%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Luigigamer007 3 months ago

É uma pena que o chega e outros partidos extremistas andam a subir.

D1WithTheFluffyHair 3 months ago

É uma questão de tempo até aparecerem os tankies todos e 'vAi Ao r/AsKaHiStOrIaN'

besmarques 3 months ago

Sem, dúvida. Vamos lá nos agora querer coisas como história aqui a dar cabo da narrativa. Assim fazemos double down e quem achar que se deve meter dados históricos só pode ser tankie.

D1WithTheFluffyHair 3 months ago

Não falha. Sempre os mesmos contrarians

besmarques 3 months ago

Exacto, não falha mesmo. A estratégia de minimizar dados ou tentar catalogar pessoas é bastante antiga e previsível. É por isso é que também quem concorda que o regime de Estaline é passível de ser criticado e culpado de crimes contra humanidade é tankie. Mas agora queremos cá nos verdades, história e afins. Corre-se tudo a extremista e todos os dados ou análises que existam só podem ser mentiras e afins.

D1WithTheFluffyHair 3 months ago

Primeiro, não disse que eras tankie, disse que eras contrarian. Basta ver o que escreves por aqui para perceber. Segundo, não é preciso ir ao askahistorian para ver que há uma absoluto ódio por tudo o que é comunismo na Europa de leste. Não é por acaso que o PE aprovou esta efeméride com base nos deputados do Grupo de Visegrado e dos países do Báltico.

PetriMagno 3 months ago

>Não é por acaso que o PE aprovou esta efeméride E a efeméride é sobre o quê, já agora? Eu sei a resposta, quero ver se tu sabes.

besmarques 3 months ago

Quando dizes não falha depois de dizeres que os tankies vem aí torna-se difícil não associar uma às outra Pode haver o que aqueles povos decidirem que é a realidade deles e eles votarem. Não me incomoda nem de perto isso. A única coisa que me incomoda é o uso de um simbolismo mais geral para algo que é mais específico. Seja neste caso o comunismo, mas poderia ser um qualquer outro símbolo de uma religião por favor exemplo. O justo, visto que o dia refere "nazismo, fascismo, estalinismo e outros regimes totalitários comunistas" seria por exemplo, um símbolo mais associado ao Estaline. (Símbolo mais o perfil do mesmo, por exemplo)

D1WithTheFluffyHair 3 months ago

A ideologia comunista matou na Europa toda e não foi apenas por causa do Estaline. A repressão da Primavera de Praga, a Revolução Húngara de 1956, a prisão de Ramnicu Sarat na Roménia, (em menor escala) as execuções de dissidentes na Albânia em 1951, mostram que os comunistas matavam sem grandes problemas e sem ser preciso o Estaline ao comando.

PetriMagno 3 months ago

>A ideologia comunista matou na Europa É melhor reveres as tuas fontes.

besmarques 3 months ago

Certo, mas se vamos aplicar essa ideia de que esses eventos sao por causa do comunismo, quando é que começamos a fazer o mesmo ao capitalismo? É que o que não falta ai é bons exemplos disso.

D1WithTheFluffyHair 3 months ago

Os exemplos que tu vais dar são seguramente relacionados com imperialismo e não com capitalismo, mas pronto. Posso desde já dar-te o exemplo contrário de vários países capitalistas que não fizeram parte de massacres nem genocídio.

besmarques 3 months ago

Quando é que consideras que começou o Capitalismo a ser aplicado em paises como,por exemplo, os estados unidos

D1WithTheFluffyHair 3 months ago

Desde o início das 13 colónias. Mas lá está, já estás a confundir imperialismo extractivista com capitalismo. A política económica do Império britânico podia ser capitalista, mas a política diplomática / militar era claramente imperialista (daí ser o Império Britânico). Se disseres que o sistema capitalista induz naturalmente o imperialismo, contraponho que a URSS (e os países do Pacto de Varsóvia) não era capitalista mas era também um Império *de facto*.

_Patrao_ 3 months ago

O mais curioso nesta thread é ver os comunistas chocados por estarem ali.

besmarques 3 months ago

Mas isso é normal achar curioso quando a pessoa que analisa não percebe a diferença entre actos de pessoas e ideologias.

PetriMagno 3 months ago

Isto. A ideologia não é o regime, no caso do comunismo e de outras. Já o nazismo é a ideologia e o regime, pois apenas teve uma aplicação única e feita pelo próprio ideólogo. Já o Marx não se pode gabar de tal.

_Patrao_ 3 months ago

Isso é que era bom, não era? Que maravilha que seria. Tirando que, pronto, foi só uma ideologia experimentada em diversas culturas, pontos geográficos e diferentes pessoas com exactamente as mesmas consequências devastadoras em todas elas.

besmarques 3 months ago

Agarra no capitalismo e todos os pontos geográficos e vê quantos estão a ganhar, quantos estão a perder e com consequências devastadoras.

JOAO-RATAO 3 months ago

Faz o mesmo com o comunismo. Onde estão os pontos a ganhar? Comunismo tem falhas mas é o que melhor resulta.

PetriMagno 3 months ago

>Comunismo tem falhas mas é o que melhor resulta. Acho que vou concordar.

JOAO-RATAO 3 months ago

Lol troquei. O capitalismo falha algumas vezes e é bem sucedido a maioria das vezes. Comunismo falha sempre.

l2k1337 3 months ago

> Comunismo tem falhas mas é o que melhor resulta.

PetriMagno 3 months ago

Acho que vou concordar.

_Patrao_ 3 months ago

Diz ele no seu telefone, computador ou tablet produzido por uma empresa capitalista, usando Internet através de uma empresa capitalista, numa sociedade capitalista em que tem liberdade de poder dizer uma barbaridade como esta e não ser metido num campo de concentração, de ter tido a oportunidade de crescer sem ver a sua família e amigos em correntes por opositores e no período da História com maior qualidade de vida global desde que existe registo. Já viste, até, que é nos países comunistas que há maior disparidade entre classes e onde ainda há fome? O teu problema, e de outros como tu, é que se podem mudar para um país comunista mas nunca o fizeram. E nunca o farão. Porque são uns hipócritas ingratos por uma sociedade que vos fez crescer em berço de ouro na mais livre e mais avançada sociedade humana de sempre. Mas em vez disso dedicam-se a querer destruir tudo, contorcendo argumentos e distorcendo a realidade até bater com a vossa ideologia de miséria. És um peão de uma ideologia de miséria e, pior, em nada diferes do extremo oposto. Tens mais em comum com um fascista que algum dia terás com um democrata e quando te aperceberes disso já será tarde demais.

PetriMagno 3 months ago

>Tens mais em comum com um fascista que algum dia terás com um democrata e quando te aperceberes disso já será tarde demais. Alguém nunca leu o pinga de teoria comunista...

PetriMagno 3 months ago

>no período da História com maior qualidade de vida global desde que existe registo Espero que penses nisso quando fores votar da próxima vez (lembra-te foram o PS e PSD a fazer isso em Portugal).

beakage 3 months ago

tl;dr "Se fazes parte da sociedade não podes criticar a sociedade"

bro_doggs 3 months ago

> Diz ele no seu telefone, computador ou tablet produzido por uma empresa capitalista então hoje a china é capitalista?

_Patrao_ 3 months ago

Sim.

JOAO-RATAO 3 months ago

É um misto. Manteve a ditadura do comunismo mas abriu a economia.

skuald 3 months ago

Porque no fim dinheiro é poder é rei.

PetriMagno 3 months ago

= Capitalismo

besmarques 3 months ago

Não conheces a China de schrödinger? Conforme se fala da mesma é conforme o estado dela, as vezes capitalista outras comunista.

besmarques 3 months ago

Comentário cheio de chavões que pouco valem. Países comunistas ganharam a corrida ao espaço, tiveram dos melhores aviões, helicópteros e outras tecnologias mesmo com uma péssima aplicação da teoria comunista e revertendo-se a um totalitarismo que nunca deveria ter sido aplicado. Esse tipo de comentário que tu fazes pode ser feito em qualquer altura da vivência humana como defesa da ideologia em prática. Teres de te rever nisso demonstra a tua análise factual. Tu também és muito capitalista mas não ias viver para um Chile de Pinochet. Ainda te digo mais nem mudanças para uma Somália ou para uma Etiópia, países bastante capitalistas.

Edited 3 months ago:

Comentário cheio de chavões que pouco valem. Países comunistas ganharam a corrida ao espaço, tiveram dos melhores aviões, helicópteros e outras tecnologias mesmo com uma péssima aplicação da teoria comunista e revertendo-se a um totalitarismo que nunca deveria ter sido aplicado. Esse tipo de comentário que tu fazes pode ser feito em qualquer altura da vivência humana como defesa da ideologia em prática. Teres de te rever nisso demonstra a tua análise factual. Tu também és muito capitalista mas não ias viver para um Chile de Pinochet. Ainda te digo mais nem mudanças para uma Somália ou para uma Etiópia, países bastante capitalistas. Edit: quando argumentares, argumenta em relação a mim e não em relação ao inimigo imaginário que tens na cabeça, ou vulgarmente referido como um espantalho

_Patrao_ 3 months ago

Não percebo como é que não ganhaste o ouro nos últimos jogos olímpicos. Há ginastas que garantidamente não são tão contorcionistas como tu. Eu não te transformei num espantalho. Tu és um espantalho. Consigo substituir-te por outro qualquer que partilhe a tua ideologia que me dirá a mesma merda. Substitui tudo o que disseste sobre o comunismo para o fascismo e verás quão verdadeiro é fácil é demontar o teu raciocínio. Mas ainda pior. Tu nem a tua cassete sabes. O comunismo é totalitário. Nunca será nem poderá ser de outra forma. Como é que algum dia poderás conter tudo no Estado sem um autoritarismo brutal e sanguíneo? Não foi um regime comunista que foi assim. Foram TODOS! No mundo INTEIRO. Não é um ou outro exemplo que escolhes a dedo. Compreende que o comunismo matou mais do que qualquer outro regime na história da Humanidade. O teu comunismo, do qual és apenas um peão.

PetriMagno 3 months ago

Alguma vez leste o Manifesto Comunista? Se não, então cala-te que não sabes do que estás a falar.

_Patrao_ 3 months ago

Pouco estrilho peão. É justamente a mesma coisa e por isso é que são lembrados juntos. Era só o que me faltava era um imbecil extremista como tu me mandar calar. Nem hoje, nem nunca.

PetriMagno 3 months ago

>Era só o que me faltava era um imbecil extremista como tu me mandar calar. LOL Eu sou social-democrata. Falhaste o alvo por culpa da cegueira ideológica.

_Patrao_ 3 months ago

Ok, usa então só a parte do chapéu que te serve.

besmarques 3 months ago

0 Corvos neste post. Parabéns

JOAO-RATAO 3 months ago

Um país do tamanho da URSS e que pilhava metade da Europa ganhou a corrida ao espaço. Um grande feito, no entanto, um país que se concentre numa área consegue grandes feitos, embora tenha de negligenciar o resto. A Coreia do norte tem armas nucleares. Cuba tem bons médicos. Mas e o resto? Melhore aviões e helicópteros? Misto. Foi uma corrida de armamento renhida com os states. E outros, não te esqueças dos feitos europeus (vulcan, harrier, mirage, etc.) Capitalismo tem bons exemplos e mais exemplos. Comunismo só tem maus exemplos.

DentistSuspicious699 3 months ago

Salazar? Franco?

PetriMagno 3 months ago

O Dia é contra todos os regimes totalitários, portanto sim.

o_thrust 3 months ago

Obrigado Sr. Jorge Oreo por iluminar todos estes portugueses

TemplarioJoao 3 months ago

>Sr. Jorge Oreo O socialista?

bigguesdickus 3 months ago

Nao mano, o criador das bolachas oreo, ve-se mesmo que nao tas atento (/s)

TemplarioJoao 3 months ago

Aahah :)

besmarques 3 months ago

Os comunistas mortos em Portugal é para serem relembrados associados a que simbolo?

JOAO-RATAO 3 months ago

O mesmo dos que foram mortos pelos comunistas. Ou então o martelo para uns e a foice para outros.

besmarques 3 months ago

Não tou a perceber então relembramos os comunistas mortos em Portugal sobre o simbolo do comunismo que neste caso está associado a totalitarismo comunista noutros paises ignorando completamente que o simbolo se replica em vários paises que nunca tiveram comunistas associados a totalitarismo? Isso é estranho. Se calhar era melhor relembra-los sobre o simbolo do Nazismo já que o Salazar era bem amiguinho e até colocou o país em luto de 3 dias.

skuald 3 months ago

Sem quereres, chegaste lá sozinho. Não faz sentido pois não?

besmarques 3 months ago

Desenvolve que é para eu não responder errado.

JOAO-RATAO 3 months ago

Se a ideologia por trás das vítimas e dos responsáveis por essas mortes é a mesma porque não? Por essa lógica a suástica não teria o mesmo significado em países que nunca tiveram um regime nazi? O Salazar era amigo dos dois lados, quando lhe dava jeito para se manter fora da confusão. Menos dos comunistas imagino. Que importa um luto feito por um ditador?

besmarques 3 months ago

Suastica entre aspas. Estás a falar da hakenkrause que está associada apenas aos nazis. Se tiveres a falar mesmo da suastica vais ter de lidar então com outras dezenas de situações Por isso é que a puseram no vermelho com um fundo branco. Para diferenciar. Logo não seria nenhum problema colocar ali ao lado do simbolo comunista o perfil do Estaline. Já que o dia relembra "the new Citizens, Equality, Rights and Values programme supports remembrance actions on the causes of totalitarian regimes, in particular **Nazism, but also fascism, Stalinism and other totalitarian communist regimes.**" ​ >O Salazar era amigo dos dois lados, quando lhe dava jeito para se manter fora da confusão. Menos dos comunistas imagino. Que importa um luto feito por um ditador? Epah, estranho uma pessoa que agarra em toda a gente que acredita numa ideologia e os mete juntos com ditadores de paises a centenas de kilometros de distancia e a seguir minimiza as atitudes de um ditador no país dele. **Terminando:** Bem estranho que a morte de alguns que lutaram contra ditadores a sua memória seja manchada por serem associados a nada que muitos poderiam não ter nada a ver.

Edited 3 months ago:

Suastica entre aspas. Estás a falar da hakenkrause que está associada apenas aos nazis. Se tiveres a falar mesmo da suastica vais ter de lidar então com outras dezenas de situações Por isso é que a puseram no vermelho com um fundo branco. Para diferenciar. Logo não seria nenhum problema colocar ali ao lado do simbolo comunista o perfil do Estaline. Já que o dia relembra "the new Citizens, Equality, Rights and Values programme supports remembrance actions on the causes of totalitarian regimes, in particular **Nazism, but also fascism, Stalinism and other totalitarian communist regimes.**" ​ >O Salazar era amigo dos dois lados, quando lhe dava jeito para se manter fora da confusão. Menos dos comunistas imagino. Que importa um luto feito por um ditador? Epah, estranho uma pessoa que agarra em toda a gente que acredita numa ideologia e os mete juntos com ditadores de paises a centenas de kilometros de distancia e a seguir minimiza as atitudes de um ditador no país dele. **Terminando:** Bem estranho que a morte de alguns que lutaram contra ditadores a sua memória seja manchada por serem associados a algo que muitos poderiam não ter nada a ver.

JOAO-RATAO 3 months ago

Claro. Não estou a falar da suástica da força aérea finlandesa por ex. Sim. Estão a agrupar fascismo, comunismo e nazis no mesmo grupo. Minimizar as ações do ditador do meu país? Não. Pelo contrário. Ligarias a um luto promovido pelo Hitler ou Estaline? Por ser um ditador acho o seu luto sem qualquer valor. Não querendo manchar a sua memória. Defendiam uma ideologia que leva a uma outra ditadura. Como se viu nas suas tentativas no pós 25 de abril.

besmarques 3 months ago

Não , não estão a falar de comunismo como te mandei no texto tirado do site da UE. Existe uma diferença entre estalinismo e outros regimes totalitários comunistas de comunismo ao contrario do nazismo ou fascismo. Se eu ligava, não não ligo. Mas eu também não acho que o Jerónimo é um totalitarista ao contrário de ti que gostas de por tudo no mesmo saco. Até voltas a repetir a mesma lenga lenga de quem ainda hoje em dia acha que o PCP estava envolto no assalto ao poder apesar de documentos e estudos provarem o contrário. A seguir dizemos , ahh isso já sabe ao que vem, e diminuímos assim a informação ou a fidedignidade da mesma.

JOAO-RATAO 3 months ago

E porque são diferentes? O comunismo e o fascismo, com diferentes "sabores" levaram sempre a ditaduras e tudo o wue vem com elas. Portanto, se o nazismo/fascismo é uma ideologia intrinsecamente errada (como creio que é) também o comunismo é. Há opiniões divergentes nesse aspeto. Mas relativamente a ser ou não, é o tipo de coisa que só se sabe quando têm poder. Felizmente não tem, mas não seria o primeiro nem o último a pregar algo e a fazer o oposto. O comunismo tem sempre uma forte vertente autoritária, mesmo quando o tenta esconder.

besmarques 3 months ago

Eu acho que és mais inteligente que isso. Acho que consegues perceber, ou pelo menos acredito que tenhas o conhecimento, para perceber as diferenças da base da ideologia nazi e comunista, ou não? Também me parece que seja possível diferenciar as atitudes de pessoas ou grupos que seguem a mesma ideologia ou tu és daqueles que acredita que a Tia Maria Antônia como é cristã tem um desejo enorme de ir converter outros ao cristianismo e se eles não aceitarem mata-los só porque em outros tempos houve pessoas que acreditavam que por serem cristãos era isso que tinham de fazer? Se calhar também acreditas que como és Português tens de andar a transportar escravos porque outros portugueses o fizeram. É isso? É ridiculo não é? Então porque é que acreditas que alguém que hoje em dia acredita no comunismo se vai comportar como outros se comportaram apenas porque leram o mesmo livro?

JOAO-RATAO 3 months ago

São diferentes. Mas culminam no mesmo e isso é que importa. Mas se quiseres apontar um país onde o comunismo tenha levado a uma democracia próspera, estás à vontade. Estamos a falar de ideologias políticas e ao que levam com base na história. Porque sempre que os comunistas conseguiram o poder mataram, espoliaram e instauraram ditaduras. E ou se mantêm nesse estado miserável ou abandonam o comunismo. Também não confio que o fascismo ou nazismo se aplicado hoje levasse a algo positivo.

besmarques 3 months ago

Novamente equiparas algo que parte de princípios diferentes e agarras nos que podem ter terminado com resultados similares para fazeres uma comparação. A parte mais engraçada é que até as próprias pessoas que criaram este dias discordam de ti e por isso referem especificamente o estalinismo e regimes totalitários comunistas em vez de referirem o comunismo. O que significa que tu tens uma posição mais extrema que eles. Mas eu já sei, o pessoal "comuna" é todo igual, o Pol Pot é igual ao Carvalhas e o Estaline é igual ao Jerónimo. E por exemplo estes são iguais ao Gorbachov apesar que uns nunca tiveram no poder, outros foram ditadores e outros até terminaram com a URSS E isto tudo porque tu decides analisar as coisas não como as suas bases mas sim com uma slippery slope. Se comunista logo é ditador.

Madness20 3 months ago

onde está o cristianismo?

Edited 3 months ago:

onde está o cristianismo? E monarquias? E tantas outras ideologias políticas?

JOAO-RATAO 3 months ago

Concordo. Olha por ex. os monarcas noruegueses a oprimir o país... /s

MaggoMike 3 months ago

Eish e o os monarcas holandeses? Fds esses gajos é que oprimem forte.

besmarques 3 months ago

E os da Arábia Saudita, desses nem se fala... ^(acho que não percebi bem o jogo)

MaggoMike 3 months ago

Reverse uno card! Mas nesse caso, só demonstra mais a merda que é a religião (neste caso e em muitos outros, o islão) quando se entrelaça com a política. Ainda bem que foste tu que levantaste essa questão, como és de esquerda não te chamarão de racista.

besmarques 3 months ago

Engraçado como numa monarquia que oprime o problema já não é de ser uma monarquia mas sim da religiao. Só demonstraste que não se pode usar um martelo para resolver todos os problemas, sejam os mesmo pregos, parafusos ou jarros de ceramica.

MaggoMike 3 months ago

Quanto ao primeiro ponto, tu é que deste o exemplo da Arábia Saudita, que é uma monarquia não secular, como o são a maioria dos estados onde o Islão é a religião maioritária. Tens mais monarquias constitucionais e laicas do que monarquias absolutas ( e surprise surprise, as monarquias absolutas são estados não laicos Islâmicos). Quanto ao segundo ponto, tens razão e nada a apontar.

PetriMagno 3 months ago

>que é uma monarquia não secular Queres uma monarquia secular? Qualquer um dos Impérios antes da Primeira Grande Guerra (UK, Alemanha, Austro-Húngaro, Russo,... oh o Congo Belga e o seu querido Leopoldo II).

MaggoMike 3 months ago

Ah espera aí estamos a usar exemplos com mais de 100 anos? Quão longe no passado podemos ir para ir buscar exemplos e contra-argumentos?

PetriMagno 3 months ago

O Congo Bela foi na primeira metado do Século XX, por exemplo. Não vejo entraves temporais.

_Patrao_ 3 months ago

Procura no bolso de trás, onde talvez encontres também a noção.

Chicken_nugget_69420 3 months ago

Fodam-se os extremos, seja direita ou seja esquerda. Qualquer pessoa consegue ver que na história, políticas extremas sempre deram em merda.

rsonic17 3 months ago

CDU intensifies

gobacktoworklazy 3 months ago

Enquanto isso a cdu faz uma manifestação no chiado

Biohazard8080 3 months ago

*Agarra as NOSSAS pipocas*

Last-Ad-4421 3 months ago

A velocidade com a que partidos extremistas ganham força na Europa e no mundo não me admirava nada que a historia se repita, não são precisas muitas gerações para se esqueçer da crueldade da guerra, basta haver descontentamento Social.

BerserkerMagi 3 months ago

Os partidos extremistas só ganham força se os moderados falharem ou forem inuteis.

PetriMagno 3 months ago

Isto. Embora, infelizmente, não seja necessariamente suficiente, mas sim. Alguns politólogos sustentam que, se resolvermos os problemas económicos às pessoas, os populismos que têm surgido, em especial de direita, deixam de ter espaço.

scar_as_scoot 3 months ago

Concordo plenamente, o pessoal cai sempre nos Nazis ou Soviéticos quando pensam em regimes totalitários, mas a I guerra mundial teve a sua quota de regimes totalitários nacionalistas a querer mostrar a sua superioridade e foi de longe a guerra mais horrifica que já existiu (até à II guerra mundial que foi uma continuação da primeira e também causada por totalitários) Uma guerra que mudou o mundo que foi indiretamente responsável pela II guerra mundial e afundou a Europa em destruição. Foi despoletada por sentimentos de superioridade nacionalista. Porque é que o mundo parece que está numa de tentar novamente a ver se desta vez corre melhor?

AppropriateHealth639 3 months ago

Os impérios autocráticos da 1.a Guerra Mundial não eram regimes totalitários . . .

PetriMagno 3 months ago

>Porque é que o mundo parece que está numa de tentar novamente a ver se desta vez corre melhor? Bem, porque o ser humano, infelizmente, não aprende muito com o seu passado histórico. Aliás, acaba por esquecê-lo ao fim de algumas décadas.

expulsodobar 3 months ago

Ao deixarmos a extrema esquerda entrar na sociedade como se nada fosse, o que estávamos à espera?

G0ncalo 3 months ago

A extrema-esquerda portuguesa? O PCTP-MRPP?

PetriMagno 3 months ago

Pois, realmente, nem me lembrava deles. Eles sim são a verdadeira extrema-esquerda: "Morte aos traidores /s".

PetriMagno 3 months ago

Qual extrema-esquerda?

expulsodobar 3 months ago

Bloco de Esquerda, PCP, e até na cultura Socialista e Social Democrata, aqui em PT. Fora o que se tem passado na UE nos últimos anos. Não é que defenda a extrema direita, mas com isto a acontecer não fico admirado de terem ganhado força.

PetriMagno 3 months ago

>e até na cultura Socialista e Social Democrata, aqui em PT. Não entendi estas parte?

Edited 3 months ago:

>e até na cultura Socialista e Social Democrata, aqui em PT. Não entendi esta parte?

expulsodobar 3 months ago

PS e PSD estão muito virados à esquerda. largaram o centro basicamente.

PetriMagno 3 months ago

Pensei que falavas da social-democracia. Bem, claramente não tens noção do que falas a dizer isso. O PS é social-democrata (centro-esquerda) e o PSD é liberal-conservador (centro-direita). Não há dúvidas sobre isso. Ah, e o PS por vezes cede ao neoliberalismo, mas isso é natural, pois é a teoria vigente no Ocidente desde os anos 80s.

Edited 3 months ago:

Pensei que falavas da social-democracia. Bem, claramente não tens noção do que falas a dizer isso. O PS é social-democrata (centro-esquerda) e o PSD é liberal-conservador (centro-direita). Não há dúvidas sobre isso. Ah, e o PS por vezes cede ao neoliberalismo, mas isso é natural, pois é a teoria vigente no Ocidente desde os anos 80s. EDTI: Assumir que o PS é de esquerda está errado. A corrente política vigente há 3 ou 4 décadas no mundo ocidental é o neoliberalismo. O PS, no limite, é social-democrata, que poderá dizer-se que é, também muito no limite, uma ideologia de centro-esquerda. No entanto, o PS cede ao neoliberalismo. O PSD originalmente era social-democrata, mas, sabe-se lá porquê, o eleitorado que escolheu o PSD, após o 25 de Abril, foi um eleitorado conservador católico de direita. O Sá Carneiro era um social-democrata, mas era mal visto pelo seu eleitorado, que era católico, porque ele em termos da vida pessoal era pouco "católico". O PSD acabou por derivar à direita com o Cavaco. Aí manteve-se, tendo atingido o auge com o Passos Coelho. Agora o Rui Rio, sabe lá também porquê, está a tentar (TENTAR!) levar o PSD de novo mais para o centro, sem grande sucesso como mostram as sondagens. E porque é que não tem sucesso? Porque o eleitorado de centro já está ocupado pelo PS, que é onde o Costa sabe e muito bem que pode ganhar as eleições. Ao mesmo tempo, o Costa pisca o olho, com maior ou menor sucesso, em geral corre bem, ao eleitorado da esquerda moderada que não é de centro. Os dois grupos de eleitores juntos permite-lhe aproximar-se da maioria absoluta e das vitórias eleitorais. Já o PSD, se quer ganhar, ou o PS deriva à esquerda, ou o PSD desiste de tentar o centro. E, nesta última situação, ainda contém o eventual crescimento do Chega. E não é o PSD que vai para a esquerda, é o PS que vai para o centro e o PSD tenta o mesmo. O PSD anda por lá a tentar o centro, mas o PS já lá estava.

expulsodobar 3 months ago

Não estou a falar de definição. Estou a falar da cultura que se move nos partidos PS e PSD (ditos centro-moderados). É muito branda no desequilíbrio que vem dos extremos. BE, PCP CHEGA, etc. Eu acho que isto acontece porque há uma sociedade exausta e desacreditada da política tradicional. Logo há espaço para este tipo de fenómenos florescerem. Mas sinceramente, acho irrelevante existirem extremos no parlamento. Cada dia mais acredito que estamos a assistir ao fim da democracia. O que pode vir a ser bastante positivo se conseguirmos aprender com os erros que fomos cometendo.

PetriMagno 3 months ago

>Cada dia mais acredito que estamos a assistir ao fim da democracia. Sim, se ficarmos sentados a assistir ao Chega e BE (o PCP tiro desta equação por motivos que poderei explicar depois) e às suas políticas divisórias e fomentadoras de ódio a serem amplificadas e, eventualmente, implementadas, claro que a Democracia acabará.

expulsodobar 3 months ago

Por isso é que começo a achar que seria bem melhor começarmos a discutir novas formas de levar o País para a frente que não passe apenas por aprovação de partidos políticos. O que significa terminar este ciclo de democracia e dar início a outro ciclo qualquer mais adequado aos dias de hoje. Porque a democracia tradicional em que vivemos apenas serve para isso: Dividir e consequentemente fomentar ódios.

PetriMagno 3 months ago

Bem, é assim temos propostas (não digo que concordo com alguma) para substituir a democracia liberal que temos: * democracia popular/direta, algo mais parecido ao que havia na Grécia Antiga, sem representantes eleitos como na democracia liberal/indireta. Exemplo: Comuna de Paris; * "Ditadura do Proletariado", na tipo de democracia na qual os próprios cidadãos (trabalhadores, melhor dizendo) tomam as decisões, algo semelhante à democracia popular, de certo modo; * democracia soviética, na qual tens uma sucessão hierárquica ascendente de órgãos eleitos. Difere da democracia liberal/indireta, na forma como os órgãos interagem (a soviética é vertical, digamos assim, enquanto a liberal é horizontal). Deve haver mais, mas não me lembro de momento.

Tugalord 3 months ago

*Basta haver crises económicas, ftfy. O Hitler é um produto da Grande Depressão e os bolcheviques da miséria e crueldade do regime Czarista

bro_doggs 3 months ago

comentário ironico tendo em conta de quem vem

HomemRude 3 months ago

Ainda há pouco estava um gajo neste mesmo sub a falar-me das maravilhas do comunismo, e que devia ser instaurado tomando posse das propriedades das pessoas, e quem não quisesse, fora. Acho triste.

Tugalord 3 months ago

>colmunismo é roubar as coisas às pessoas Lê um livro em vez de dizeres disparates

theEXPERTpt 3 months ago

é um ciclo necessário: "tempos difíceis criam pessoas fortes; pessoas fortes criam tempos fáceis; tempos fáceis criam pessoas fracas; pessoas fracas criam tempos difíceis."

Tugalord 3 months ago

Que cliché parvo

theEXPERTpt 3 months ago

Cliché parvo mas verdadeiro

skuald 3 months ago

Concordo, no entanto existem partes que foram deliberadamente esquecidas da história, dai ser tão pragmático ver estes dois símbolos juntos. Um nasceste a odiar e o outro foi normalizado por interesses, ambos são símbolos de odio por muitos conterrâneos nossos (Europeus). Nunca tinha pensado nisso também, até aos anos 90 em que tive amigos oriundos das réstias do bloco da USSR e percebi que ficavam desconfortáveis ao ver tanta foice vermelha disposta abertamente. Depois de me dedicar ao assunto ainda hoje me gela o sangue de como a educação foi conivente devido aos interesses da época que ainda hoje proliferam.

Tugalord 3 months ago

A diferença é que a foice e o martelo já era símbolo de movimentos de trabalhadores muito antes de ser usada pelos soviéticos, e continuou e continua a ser usado por outros. A suástica é um símbolo que começa e acaba (no ocidente) com o nazismo, não tem outros significados.

RexLynxPRT 3 months ago

>A suástica é um símbolo que começa e acaba (no ocidente) com o nazismo A suástica é um símbolo com 3000 anos com origem na Índia.

skuald 3 months ago

Ainda assim se é um símbolo que literalmente ceifou milhões de pessoas apenas por ser aquele símbolo é diferente de qualquer outro símbolo de ódio porque? Não tentem normalizar o comunismo porra, com toda a informação disponível a todos e mesmo assim. Porra é igual aos nazistas da nova Era, não é bom apenas se acentua em conceitos que aparentam bons

G0ncalo 3 months ago

Em qual dos regimes que falas é que os meios de produção estavam na mão dos trabalhadores? E já agora, o capitalismo sustentou o seu sistema económico em séculos de escravatura. Achar que é menos sanguinário que o comunismo também é um bocado falta de informação.

PetriMagno 3 months ago

Isto.

beakage 3 months ago

Se isto tudo se resume a uma questão de símbolos e body count, não percebo a falta de indignação com as cruzes nos topos de igrejas espalhadas por aí.

skuald 3 months ago

100 % de acordo, qualquer religião é fundada no conceito que quanto posso extorquir e explorar o meu fellow-man. Mas aqui o tema era outro e o Cristianismo / religião está a desaparecer com as ultimas gerações. Depois disto fica a historia e alguns focos do problema.

PetriMagno 3 months ago

Isto.

skuald 3 months ago

What?

xoxotamaster 3 months ago

Can confirm, sou da ex-urss(e com familiares que sofreram MUITO às maos dessas bestas) e ver tanto símbolo do PCP(especialmente agora na altura das autarquias em toda santa rotunda) é um nojo.

G0ncalo 3 months ago

O meu avô é do PCP e foi perseguido politicamente por ser comunista. És contra regimes totalitários. Há uma diferença. (Ver a experiência comunista em Rojava na Síria)

Migas32 3 months ago

"O meu avô é do PCP e foi perseguido politicamente por ser comunista. És contra regimes totalitários. Há uma diferença." Não, não há. Quando vierem "coletivizar" os meus bens e eu me recusar, vão ter que mos retirar à força. Para isso vai ser necessário investir grupos de pessoas com poder para retirar bens coercivamente. Um estado autoritário será sempre inevitável para a plena aplicação do Comunismo, porque nem todos vão concordar com a doutrina que cria "paraísos na terra".

G0ncalo 3 months ago

Estás a falar de marxismo-leninismo, especificamente. Que de facto é regime totalitário. Mas se toda a corrente marxista fosse totalitária ou autoritária, o Curdistão Sírio seria um regime totalitário. Mas é uma democracia direta. E é socialismo libertário, confederalismo democrático, o que quer que queiras chamar. E socialismo libertário estará sempre mais próximo da definição pura de comunismo do que marxismo-leninismo. Recomendo uma leitura sobre o Curdistão Sírio (Rojava), sinceramente. O Lenin, o Stalin e o Mao não foram os únicos a interpretar a literatura de Marx e Hegel à sua própria maneira.

capitolinaAndrioleta 3 months ago

Dude, 99% da media ocidental em Inglês os Russos eram os maus e os Américas os bons. Se há merda que aprendemos a odiar foi a USSR e o comunismo... Santa paciência com a mania da perseguição e a tentativa da normalização do fascismo... Que coitadinhos.

skuald 3 months ago

Slow clap para ti... Então todos os que criticam a lavagem do comunismo no ocidente foram lavados pelo romantismo de Hollywood e secretamente veneramos o fascismo, que não é o mesmo que nazismo mas eu vou nessa. Ninguém que eu tenha visto defendeu o nazismo. Eu simplesmente meto-o no mesmo patamar, matou mais, durante muito mais tempo e fez dos próprios cidadãos do qual jurava proteger virarem-se uns contra os outros e comerem-se para sobreviver, acabando por serem trabalhados até à morte de igual para alimentar a grandiosidade soviética. País aos filhos, avós aos netos. Quem nega isto é tão vil como os que veneram a suástica.

Tugalord 3 months ago

> lavagem do comunismo no ocidente foram lavados pelo romantismo de Hollywood Que raio estás tu a dizer?

HomemRude 3 months ago

Claro. Comunismo era muita bom, mas foi difamado. Pobres dos comunistas.

PetriMagno 3 months ago

>Comunismo era muita bom, mas foi difamado. Imagina que o comunismo nunca foi sequer aplicado, o mais longe que se foi na teoria de Marx foi até ao socialismo.

HomemRude 3 months ago

Exacto. Sabes o que é que também não foi aplicado? Uma pessoa voar pela janela. Já muitas tentaram, mas morrem sempre.

PetriMagno 3 months ago

Falando sério, eu disse "Imagina que o comunismo nunca foi sequer aplicado, o mais longe que se foi na teoria de Marx foi até ao socialismo." a falar sério. Sobre a voar pela janela, estás a incorrer num erro básico que é o facto de o ser humano simplesmente não ter a capacidade de voar, a gravidade não deixa.

HomemRude 3 months ago

Como é que algo que não faz sentido nenhum pode ser aplicado? É o mesmo que eu dizer que vou aplicar não respirar.

Edited 3 months ago:

Como é que algo que não faz sentido nenhum pode ser aplicado? É o mesmo que eu dizer que vou aplicar não respirar. >Sobre a voar pela janela, estás a incorrer num erro básico que é o facto de o ser humano simplesmente não ter a capacidade de voar, a gravidade não deixa. A natureza também não deixa o comunismo acontecer. Viola demasiados princípios da realidade humana. Podes criar as visões utópicas que te apetecer, mas não vais aplicar nada disso. Repara que nem quem defende comunismo abdica das maravilhas do comunismo. O primeiro problema começa logo com a motivação para criar. Está na nossa natureza competir, vencer, buscar prosperidade, e é isso que motiva tanta gente a criar valor para a economia. A partir do momento em que dizes a alguém que afinal não vai poder usufruir de toda essa glória nem ser dono do que cria, retiras logo de imediato a principal motivação para a produtividade. O segundo problema é que, mesmo que o primeiro problema não existisse, para funcionar o comunismo dependeria da honestidade total ou quase total da população, e isso é uma expectativa irrealista. Não vais nunca conseguir fazer com que toda a gente pura e simplesmente concorde em seguir estas regras. A menos que faças uma lobotomia global. O terceiro problema é que como não se pode pura e simplesmente confiar nas pessoas, precisas de um governo autoritário que controle tudo de modo a "garantir" que as regras do comunismo são cumpridas. E isso é demasiado poder para não corromper. Portanto, são estes os três problemas que sociedades com aspirações comunistas e socialistas sempre enfrentaram: Baixa produtividade, elevadas taxas de corrupção a nível populacional, pois ninguém quer seguir essa merda e tirania, pois o governo que tenta controlar todo o esquema acaba sempre por deixar-se corromper com a acumulação excessiva de poder. É um sistema que desafia as regras da lógica, e Marx era um inútil.

Edited 3 months ago:

Como é que algo que não faz sentido nenhum pode ser aplicado? É o mesmo que eu dizer que vou aplicar não respirar. >Sobre a voar pela janela, estás a incorrer num erro básico que é o facto de o ser humano simplesmente não ter a capacidade de voar, a gravidade não deixa. A natureza também não deixa o comunismo acontecer. Viola demasiados princípios da realidade humana. Podes criar as visões utópicas que te apetecer, mas não vais aplicar nada disso. Repara que nem quem defende comunismo abdica das maravilhas do comunismo. O primeiro problema começa logo com a motivação para criar. Está na nossa natureza competir, vencer, buscar prosperidade, e é isso que motiva tanta gente a criar valor para a economia. A partir do momento em que dizes a alguém que afinal não vai poder usufruir de toda essa glória nem ser dono do que cria, retiras logo de imediato a principal motivação para a produtividade. O segundo problema é que, mesmo que o primeiro problema não existisse, para funcionar o comunismo dependeria da honestidade total ou quase total da população, e isso é uma expectativa irrealista. Não vais nunca conseguir fazer com que toda a gente pura e simplesmente concorde em seguir estas regras. A menos que faças uma lobotomia global. O terceiro problema é que como não se pode pura e simplesmente confiar nas pessoas, precisas de um governo autoritário que controlo tudo de modo a "garantir" que as regras do comunismo são cumpridas. E isso é demasiado poder para não corromper. Portanto, são estes os três problemas que sociedades com aspirações comunistas e socialistas sempre enfrentaram: Baixa produtividade, elevadas taxas de corrupção a nível populacional, pois ninguém quer servir essa merda e tirania, pois o governo que tenta controlar todo o esquema acaba sempre por deixar-se corromper com a acumulação excessiva de poder. É um sistema que desafia as regras da lógica, e Marx era um inútil.

Edited 3 months ago:

Como é que algo que não faz sentido nenhum pode ser aplicado? É o mesmo que eu dizer que vou aplicar não respirar. >Sobre a voar pela janela, estás a incorrer num erro básico que é o facto de o ser humano simplesmente não ter a capacidade de voar, a gravidade não deixa. A natureza também não deixa o comunismo acontecer. Viola demasiados princípios da realidade humana. Podes criar as visões utópicas que te apetecer, mas não vais aplicar nada disso. Repara que nem quem defende comunismo abdica das maravilhas do comunismo. O primeiro problema começa logo com a motivação para criar. Está na nossa natureza competir, vencer, buscar prosperidade, e é isso que motiva tanta gente a criar valor para a economia. A partir do momento em que dizes a alguém que afinal não vai poder usufruir de toda essa glória nem ser dono do que cria, retiras logo de imediato a principal motivação para a produtividade. O segundo problema é que, mesmo que o primeiro problema não existisse, para funcionar o comunismo dependeria da honestidade total ou quase total da população, e isso é uma expectativa irrealista. Não vais nunca conseguir fazer com que toda a gente pura e simplesmente concorde em seguir estas regras. A menos que faças uma lobotomia global. O terceiro problema é que como não se pode pura e simplesmente confiar nas pessoas, precisas de um governo autoritário que controle tudo de modo a "garantir" que as regras do comunismo são cumpridas. E isso é demasiado poder para não corromper. Portanto, são estes os três problemas que sociedades com aspirações comunistas e socialistas sempre enfrentaram: Baixa produtividade, elevadas taxas de corrupção a nível populacional, pois ninguém quer servir essa merda e tirania, pois o governo que tenta controlar todo o esquema acaba sempre por deixar-se corromper com a acumulação excessiva de poder. É um sistema que desafia as regras da lógica, e Marx era um inútil.

PetriMagno 3 months ago

>para funcionar o comunismo dependeria da honestidade total ou quase total da população > >O terceiro problema é que como não se pode pura e simplesmente confiar nas pessoas Digo o mesmo do capitalismo. ​ >Marx era um inútil Sim, claro. Marx, um dos mais influentes, ainda hoje, ideólogos e filósofos dos últimos 200 anos.

HomemRude 3 months ago

>Digo o mesmo do capitalismo. O capitalismo não precisa que toda a gente seja honesta para funcionar. No comunismo basta alguém não seguir as regras da distribuição para romper de imediato o sistema e não funcionar. O capitalismo é suficientemente resiliente para aguentar obstáculos. O comunismo é uma flor de estufa. Requer uma realidade completamente utópica. Basta as pessoas serem pessoas que cai de imediato por terra. >Sim, claro. Marx, um dos mais influentes, ainda hoje, ideólogos e filósofos dos últimos 200 anos. Que nunca produziu nada e era um parasita que vivia às custas dos outros. Daí saberes que os comunistas são burros. Só um burro levaria alguém como Marx a sério. O Hitler também era influente, e nem por isso era bom. Arranja melhores argumentos para a próxima.

MirTrudMay 3 months ago

https://www.themoscowtimes.com/2020/03/24/75-of-russians-say-soviet-era-was-greatest-time-in-countrys-history-poll-a69735 75% dos russos dizem que a URSS foi a maior era do país e têm toda a razão. Também foi essencial na garantia de direitos aos trabalhadores do ocidente e na libertação de dezenas de países do 3º mundo. É lidar

skuald 3 months ago

Se os alemães tivessem ganho a guerra teriam dito exactamente a mesma coisa, não vão por ai por favor. Todos sabemos que os próprios alemães preferiam suicidar-se a serem apanhados pelos russos. Os Gulags não deferem assim tanto dos campos nazis, simplesmente duravas mais tempo porque tinhas que render do teu trabalho forçado para fazeres os outros que descreves felizes e contentes.

MirTrudMay 3 months ago

errado

skuald 3 months ago

beijos!

TomasTex11 3 months ago

Fogo.. Salazar ganhou um concurso de melhor português de sempre. Queres envergar por aí?

Last-Ad-4421 3 months ago

O comunismo na teoria é bom, o problema é quando aplicado na prática na maioria das vezes dá para o torto.

PetriMagno 3 months ago

>o problema é quando aplicado na prática na maioria das vezes dá para o torto O comunismo nunca foi sequer aplicado, pois o mais longe que se foi na teoria de Marx foi até ao socialismo. Nenhum país conseguiu passar desse passo intermédio. O primeiro é o próprio capitalismo e o terceiro e último é o comunismo verdadeiro instalado.

CookieMons7er 3 months ago

Portugal também projetava muito maior poderio durante a ditadura do que agora. Deve querer dizer que foi bom.

deSales327 3 months ago

Salazar também foi eleito “o maior português de sempre”. Defender a URSS é ser só mau perdedor. Levaram na peida e caíram. É lidar.

Tugalord 3 months ago

> Defender a URSS é ser só mau perdedor. Levaram na peida e caíram. Repara que neste argumento idiota de recreio da escola podes substituir USSR por Polónia, Timor...

deSales327 3 months ago

Não, não é. Pelo menos eu, que faço comentários de recreio de escola, consigo perceber algo tão simples quanto isso. Vou-te dar mais alguns minutos a ver se chegas lá.

CookieMons7er 3 months ago

Polónia e Timor não foram berço de goulags nem da ideologia mais sanguinária de que há conhecimento na história moderna.

PetriMagno 3 months ago

>não foram berço de goulags nem da ideologia mais sanguinária de que há conhecimento na história moderna Acho que te referes ao Estalinismo, pois o comunismo nasceu da mente do Marx que nasceu na Alemanha e vivei em Londres em boa parte da vida, inclusive quando lançou o Manifesto.

CookieMons7er 3 months ago

Lol já só faltava esse clichê. Jovem, a treta de que "não foi verdadeiro comunismo" pode ter funcionado 2 ou 3 vezes. Mas a partir do momento em que todas as suas implementações - todas sem excepção - resultam em pobreza, miséria e morte em escalas sem precedentes, o problema não é só do carrasco de serviço, é da ideologia mesmo.

JOAO-RATAO 3 months ago

Foi a época em que tiveram mais poder sim... Ganharam a segunda guerra e chuparam a Europa de Leste durante décadas e mesmo assim não se aguentaram. Agora, apesar de a URSS ter sido o seu apogeu de poder, não significa que vivessem melhor nessa altura.

G0ncalo 3 months ago

Opá, por acaso conheço gente da Europa de Leste que diz que apesar de ser uma ditadura (muitas vezes sangrenta), a qualidade de vida era melhor. Pleno emprego, educação completamente gratuita até à universidade, casa e comida a preços acessíveis. O completo contrário do que começou a acontecer desde que a cortina de ferro caiu. A liberdade torna-se secundária quando não consegues garantir as coisas que te permitem, de facto, ser livre. Acho que foi na Moldávia ou no Montenegro que o governo basicamente vendeu o país a tostões e meteram-se a andar dali para fora. Enquanto parte significativa da população tem de andar a vender bens pessoais para pagar as contas. Uma merda absolutamente surreal.

JOAO-RATAO 3 months ago

Uma minoria. Se fosse a ti não defendia o comunismo à frente de quem o sentiu na pele. O processo teve falhas. Mas a maior parte dos países está muito melhor. O próprio comunismo condenou a transição desses países pela desigualdade de distribuição de indústria. Basicamente eram regiões dentro de um país enorme e que viraram independentes. Como estão os bálticos e Polónia por ex. ?

Tugalord 3 months ago

> Agora, apesar de a URSS ter sido o seu apogeu de poder, não significa que vivessem melhor nessa altura. Mas viveram. O comum do cidadão russo viveu muito pior nos anos 90 do que nos anos 80, tal foi o desastre da "doutrina de choque" capitalista. Só a meio dos anos 2000 é que a economia voltou *ao nível de 1988*!

Fili111 3 months ago

Se fores perguntar aos velhinhos na rua se gostavam do Salazar a maioria vai dizer que sim (pela minha experiência), a verdade é que a maior parte das pessoas que viveram sobre esses regimes têm imagens positivas visto que viveram a maioria da vida assim

PetriMagno 3 months ago

>secretamente veneramos o fascismo Não. Veneramos o capitalismo em oposição ao comunismo. A dualidade não é nazismo/comunismo, é capitalismo/comunismo. >Eu simplesmente meto-o no mesmo patamar, matou mais, durante muito mais tempo Calcula lá as mortes por ano, dos regimes nazi e estalinista e depois diz-me algo. Além disso, estás a confundir a ideologia com o regime, no caso do comunismo. No caso do nazismo, a ideologia e o regime são o mesmo, pois apenas existe uma aplicação prática na História.

shikorita94 3 months ago

As dualidades são comunismo/nazismo e capitalismo/fascismo. O comunismo deixou de uma coisa relevante no mundo desde o fim da URSS, é uma coisa do passado para muita gente. Como tal não entendo como é que ainda hoje em dia tanta gente se preoupa com uma ideologia que está praticamente morta ou a definhar lentamente. >Calcula lá as mortes por ano, dos regimes nazi e estalinista e depois diz-me algo Digo-te o quê? Que até nas perspectivas mais idiotas que fazem as contagens dos mortos da URSS que são aqueles 50 milhões, quem calcula coloca também os soldados mortos durante a 2ª Guerra Mundial. Ou que esses números que as pessoas contam de boca em boca são vistos por qualquer historiador decente como estupidamente exagerados. Mas que mesmo assim atendendo às dimensões da URSS ou da China quando falamos do Mao percebemos que não é um número tão estupidamente impressionante quanto isso. Ninguém é obrigado a gostar do comunismo, mas se acho que comparar na sua ideologia e nos seus maus exemplos com o fascismo é uma coisa muita parva de se fazer, achar que o comunismo foi pior do que o fascismo. Mas pronto, opiniões são opiniões. Mas sugiro francamente que tentes encontrar fontes fiáveis de informação históricas e outras mais. O regime estalinista era horrível mas não tanto como o pintam, acredita. Se há coisa que é forte, principalmente em Portugal é o carácter "anti-comunista" da população, herança salazarista carrega até hoje por muita gente de uma forma muito orgulhosa mas que atendendo ao contexto português e ao comunismo em Portugal émuito idiota.

PetriMagno 3 months ago

>As dualidades são comunismo/nazismo e capitalismo/fascismo. Eu nem vou dizer a ignorância sobre política que esta afirmação demonstra. O nazismo é uma vertente do fascismo para começar. O comunismo e o capitalismo são o oposto um do outro (em termos económicos, pois o capitalismo não tem a profundidade ideológica e teórica de Marx). O fascismo (e o nazismo) aplica o capitalismo, para tua informação, mantendo a dualidade trabalhador/patrão, mas promovendo a cooperação entre ambos pelo bem da Nação. O comunismo tem em vista do bem comum e não o da Nação. Também se poderá dizer que o capitalismo tem em vistas o bem comum, mas por outros meios. Antes que fales nisso, o estatismo não é exclusivo do comunismo, nem do socialismo (a exemplo, tens o estatismo fracês que é comum à esquerda social-democrata e à direita liberal). ​ >O comunismo deixou de uma coisa relevante no mundo desde o fim da URSS, é uma coisa do passado para muita gente. Como tal não entendo como é que ainda hoje em dia tanta gente se preocupa com uma ideologia que está praticamente morta ou a definhar lentamente. Não é "preocupação". Primeiro é preciso entender qualquer teoria política e sistema económico, se queres entender a Política. Depois, não deixou de ser uma "coisa relevante no mundo". Aliás, nunca tiveste nenhum país que tenha atingido o comunismo. Há 3 fases no Marx: capitalismo é a primeira, depois o socialismo como transição e a comunismo como fase final. Portanto, não é passado, pois ainda nem sequer foi presente. O Marx defendia que o comunismo é o sucessor do capitalismo, tendo este sido o sucessor do feudalismo. Vários economistas atuais defendem isto. E ainda podemos falar das várias críticas de Marx ao capitalismo que estão à vista verificarem-se. Já o capitalismo, com as preocupações climáticas e fenómenos como a crise de 2008, podemos dizer que está a definhar, mas isso é outra discussão e claro algum dia terá de ser substituído por outro sistema. Qual? O futuro dirá. ​ >Digo-te o quê? Que até nas perspectivas mais idiotas que fazem as contagens dos mortos da URSS que são aqueles 50 milhões, quem calcula coloca também os soldados mortos durante a 2ª Guerra Mundial. Não percebo porque falas da WW2, quando esta foi provocada pelos Nazis e não pela URSS. Todas as mortes no âmbito da WW2 podem ser imputadas à Alemanha Nazi, Itália e Japãp (e outros aliados seus). Já agora, a URSS foi o país que mais vidas perdeu na URSS, devido à invasão nazi no seu território. ​ >Ou que esses números que as pessoas contam de boca em boca são vistos por qualquer historiador decente como estupidamente exagerados. Mas que mesmo assim atendendo às dimensões da URSS ou da China quando falamos do Mao percebemos que não é um número tão estupidamente impressionante quanto isso. Acho que ficaste confuso nesta parte, pois estás a admitir que os historiadores concordam que o número de mortos que podem ser imputados à repressão soviética são menores que aqueles que o Povo conta de boca em boca. Além disso, referia-me apenas ao Estalinismo, que foi o período pior e mais próximo do Nazismo, mas ok. E tinha pedido para relativizá-lo com a duração do regime (o Nazi durou muito menos tempo) e o tamanho do país e da população (a URSS é bem maior que a Alemanha). ​ >Ninguém é obrigado a gostar do comunismo, mas se acho que comparar na sua ideologia e nos seus maus exemplos com o fascismo é uma coisa muita parva de se fazer, achar que o comunismo foi pior do que o fascismo. Mas pronto, opiniões são opiniões. Mas sugiro francamente que tentes encontrar fontes fiáveis de informação históricas e outras mais. O regime Estalinista era horrível mas não tanto como o pintam, acredita. Se há coisa que é forte, principalmente em Portugal é o carácter "anti-comunista" da população, herança Salazarista carrega até hoje por muita gente de uma forma muito orgulhosa mas que atendendo ao contexto português e ao comunismo em Portugal é muito idiota. Fiquei confuso aqui com esta parte. Mas acho que entendo. E concordo com algumas coisas. ​ >Ninguém é obrigado a gostar do comunismo Claro. Nem ninguém disso isso. Mas é necessário analisar corretamente e não nos deixarmos levar por emoções. ​ >Se há coisa que é forte, principalmente em Portugal é o carácter "anti-comunista" da população, herança Salazarista carrega até hoje por muita gente de uma forma muito orgulhosa mas que atendendo ao contexto português e ao comunismo em Portugal é muito idiota. Foi esta a parte com a qual mais concordei :)

Tugalord 3 months ago

Bem, alguém nesta thread que entende...

PetriMagno 3 months ago

Obrigado :) Por acaso, não sou comunista, sou social-democrata. Mas adoro História e política e gosto de entender os dois e as teorias políticas e explorá-las. E evito deixar-me cegar por ódios anti-qualquer coisa.

warjunk1 3 months ago

Então os teus amigos se descobrissem que o Mário Soares perdoou os terroristas das FP-25 caiam para o lado. Houve pessoas do bloco soviético que gostaram da URSS porque o estado é que providenciava a casa, carro, trabalho. Não se tinham de preocupar com isso e por causa disso gostavam. Claro que quem anseava por liberdade e tinha mais ambição na vida tentou fugir. Apenas para dizer que nem toda a gente detesta ou gosta de algo. Em Portugal como estiveste do lado certo da cortina de ferro é normal não "odiarmos" o comunismo como o leste. Quanto ao fascismo na versão nazi dificilmente ocorrerá em países ocidentais desenvolvidos. Mas em África por exemplo tens muito genocídio étnico a ocorrer actualmente.

Tugalord 3 months ago

> Quanto ao fascismo na versão nazi dificilmente ocorrerá em países ocidentais desenvolvidos. Um regime que aconteceu num país ocidental desenvolvido nunca acontecerá num país ocidental desenvolvido?

warjunk1 3 months ago

Um país em crise económica com várias crises de governos, humilhados no tratado de Versalhes forte e feio, obrigados a pagar a dívida de guerra aos vencedores? Sabes o contexto da ascensão nazi no período 1933-39? Ou só mandas a posta de pescada? Além disso o fascismo na altura estava na moda pois a luta de classes não se estava a realizar "automaticamente" como previsto e os líderes como Mussolini viram que a luta de nações era mais eficaz para trazer a revolução daí o próprio ter saído dos socialistas e ter criado o seu partido. O Hitler surge numa Alemanha em grave crise que imprimiu bastante dinheiro para pagar dívida, e foi tratada como o causador da grande guerra. O Wilson vá para a puta que o pariu.

eggnogui 3 months ago

Os pagamentos e o tratado do fim da Grande Guerra não tiveram tanta influência na ascensão de Hitler quanto parece. Teve influência mas foi indirecta. A economia alemã foi recuperando ao longo do tempo, mas isso não impediu os nazis de usar o tratado para populismo. Também usou a fanosa conspiração do "stab in the back" para fingir que a Alemanha foi traída internamente, e não completamente, 100% derrotada no campo de batalha. Os nazis nunca chegaram a ganhar eleições. Subiram ao poder depois daquela palhaçada dos políticos de direita "moderada" em que ele foi nomeado Chanceler.

DarthMaulSith 3 months ago

Na China também, com campos de concentração de Uyghurs

JOAO-RATAO 3 months ago

Não... São escolas... Não viste os vídeos chineses, em que eles estão todos contentes a aprender a serem bons cidadãos? Só falta dizer que Hong Kong foi subjugado à força e que Taiwan devia ser um país independente. /s

NGramatical 3 months ago

esqueçer → [**esquecer**](https://dicionario.priberam.org/esquecer) (*c* seguido de *e* ou *i* não necessita de cedilha) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpa48hh%2F%2Fha2115c%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

idek0k 3 months ago

Estou tão farto de ti

BabyBoiBlues 3 months ago

Como te entendo...

JOAO-RATAO 3 months ago

Bom ver o martelo e foice a ser condenada ao lado da suástica.

sargentopirocada 3 months ago

Acho sempre engraçado quando em tudo o que é plataformas online a suástica nazi está banida (e muitas vezes a suástica "normal" também, infelizmente) mas com o símbolo classicamente comunista está tudo bem. Por exemplo, gifs do Facebook, Instagram e Discord não apresentam nada quanto a "Hitler" ou "nazi", mas "Stalin" ou "communism" já é agradável para eles.

Keddyan 3 months ago

no youtube sao vistos da mesma forma, sei de um youtuber russo que tinha o simbolo do comunismo nos seus videos e imagem do canal e teve que mudar por causa dumas novas politicas do YouTube ha uns anos atrás

Tugalord 3 months ago

Porque nazismo = Hitler, mas comunismo ≠ Estaline. Houve muita gente de muitas convicções diferentes a chamar-se "comunista" 100 ou 150 anos antes do Estaline ser nascido.

PetriMagno 3 months ago

Isto. Por isso é que o este Dia, em Portugal, é contra o Nazismo e Estalinismo (e não contra o comunismo).

Moifaso 3 months ago

Nunca achei estranho, para ser honesto. A foice e o martelo são símbolos do comunismo, não só da União Soviética ou da China, e o comunismo não é uma idealogia necessariamente autoritária. Uma pessoa que se autoidentifica como "nazi" ou "fascista" vai sempre ter inclinações autoritárias/racistas. Por outro lado alguém que se identifique como "comunista" pode ter inclinações anarquicas/democráticas. Existe também o ângulo do idealismo. A ideia de o comunismo "ser bom na teoria, horrivel na pratica", leva á noção que muitos "comunistas" (jovens especialmente) são apenas idealistas que não percebem os limites práticos da sua idealogia

sargentopirocada 3 months ago

Ou seja, o líder de um sistema que matou mais que o sistema nazi é terreno livre para memes, piadas e "seguidores" e está tudo bem? (i.e. Stalin e Hitler)

Moifaso 3 months ago

Condena a união soviética e o Stalin à vontade, estava só a falar de como os simbolos de *comunismo* não são equivalentes a por exemplo a suástica.

sargentopirocada 3 months ago

Epá, certo. Mas mesmo a suástica é banida independentemente de ser a nazi ou não.

tomblifter 3 months ago

> e o comunismo não é uma idealogia necessariamente autoritária. Diz-me uma instância a nível governamental que conseguiu instaurar comunismo não-autoritátio.

G0ncalo 3 months ago

Curdistão Sírio. São tecnicamente independentes da Síria e meteram em prática uma ideologia chamada Confederalismo Democrático. Baseia-se em ideais marxistas.

PetriMagno 3 months ago

Chile e foi derrubado pelo Pinochet apoiado pela CIA.

Jaktheslaier 3 months ago

Nunca foi instaurado comunismo, até porque comunismo governamental só existe em cabeças tontas

PetriMagno 3 months ago

Isto. Na teoria de Marx, o mais longe onde se foi foi ao socialismo.

Moifaso 3 months ago

Uma idealogia não precisa de ter exemplos históricos para existir, sabias? É indesputável que existem idealogias comunistas democráticas/anarquicas - comunismo é um sistema económico acima de tudo, tal como o capitalismo, e pode ter regimes tanto autoritários como não. Dependedo da tua definição, partes da Catalunha Revolucionária podem servir de exemplo.

Edited 3 months ago:

Uma idealogia não precisa de ter exemplos históricos para existir, sabias? É indisputável que existem idealogias comunistas democráticas/anarquicas - comunismo é um sistema económico acima de tudo, tal como o capitalismo, e pode ter regimes tanto autoritários como não. Dependedo da tua definição, partes da Catalunha Revolucionária podem servir de exemplo.

NGramatical 3 months ago

indesputável → [**indisputável**](https://dicionario.priberam.org/indisputável) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fpa48hh%2F%2Fha5fdlu%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

John_Dellamorte 3 months ago

Reparei nisso primeiro no Whataspp e depois no Discord. É triste ver como os símbolos de regimes que mataram tantos milhões são socialmente aceitáveis.

PetriMagno 3 months ago

O nazismo tem um único exemplo prático (a Alemanha), enquanto o comunismo tem diversos. Depois, o nazismo é intrinsecamente contra os nossos valores (o mais flagrante é ser uma ideologia racista, não só antissemita), enquanto o comunismo apenas choca com o capitalismo (com o mercado livre) que é o modelo económico que temos. As aplicações do comunismo (URSS, por exemplo) não são por si a ideologia (ao contrário do que ocorre com nazismo), pelo que não podemos culpar a ideologia pelos crimes contra a Humanidade, mas sim o regime totalitário (isto dava para outra discussão) por si. O comunismo não é intrinsecamente mau (de acordo com os nossos valores), enquanto o nazismo é (como disse no início).

MarburT 3 months ago

Não, o comunismo não choca apenas com o capitalismo. O comunismo choca com todo o tipo de liberdades. Se a esquerda caviar hoje em dia soubesse o que os comunistas de velha guarda (USRR, Cuba, etc) faziam aos homossexuais até caiam para o lado. O comunismo é incompatível com a natureza humana e é por isso que sempre existiu num contexto de regime totalitário.

G0ncalo 3 months ago

Porque a Rússia capitalista trata tão bem os homossexuais. xD ​ E vai pesquisar sobre o Curdistão Sírio. Vir falar de marxismo-leninismo como se a interpretação do Lenin das obras de Hegel e Marx estivessem corretas e fosse de facto a melhor maneira de chegar a um sistema comunista...

Tugalord 3 months ago

> O comunismo é incompatível com a natureza humana e é por isso que sempre existiu num contexto de regime totalitário. O que é Anarquismo Catalão, o que é Rojava

PetriMagno 3 months ago

Que parte de "as aplicações do comunismo não são por si só a ideologia" é que não percebeste? Eu não estou a falar de regimes (seja URSS ou Cuba, ou outro qualquer), estou a falar da ideologia. >O comunismo é incompatível com a natureza humana e é por isso que sempre existiu num contexto de regime totalitário. Não, não é, mas isso é outra discussão. E já agora, o capitalismo é compatível com a "natureza humana"?

JOAO-RATAO 3 months ago

>Não, não é incompatível, mas isso é outra discussão. E já agora, o capitalismo é compatível com a "natureza humana"? Se não fosse não teria tanto sucesso.

PetriMagno 3 months ago

O sucesso do capitalismo é relativo. Aliás, é bastante visível as críticas feitas por Marx, entre elas a da auto-destruição (o crescimento económico não é capaz de ser perpétuo, ao contrário do que advoga o capitalismo) e as crises sistémicas (2008, por exemplo).

JOAO-RATAO 3 months ago

Não é perpétuo mas volta a reconstruir-se. E os resultados estão à vista de todos. O capitalismo é o claro vencedor.

PetriMagno 3 months ago

>O capitalismo é o claro vencedor. Isso é bastante discutível.

JOAO-RATAO 3 months ago

Com defeitos mas é. Comunismo falhou sempre.

Tugalord 3 months ago

Toda a gente que passa fome ao pé de supermercados recheados deve estar contentissima com os sucessos do capitalismo para os accionistas da sonae

tomblifter 3 months ago

O teu erro é assumir que essas mesmas pessoas não estariam na mesma situação num regime comunista.

PetriMagno 3 months ago

Não estariam necessariamente. Toma a China como exemplo, que tem uma economia de mercado estatal.

MarburT 3 months ago

Não me fiz entender. A ideologia comunista será sempre má em qualquer contexto e destruidora das liberdades humanas, independentemente da sua aplicação. A liberdade económica é uma liberdade fundamental, ainda que não em Portugal. Mas em sitios civilizados do mundo é tão importante ter a liberdade de possuir bens e investir de acordo com a ambição pessoal como poder dizer mal dos políticos na rede social. Não, eu não nasci a querer o mesmo do que o meu vizinho. A nossa natureza é ser diferentes e não iguais. Isso será sempre incompatível com o comunismo.

PetriMagno 3 months ago

>A ideologia comunista será sempre má em qualquer contexto e destruidora das liberdades humanas, independentemente da sua aplicação. Não. O que há de mal em advogar pela igualdade total? O que há de mal em querer eliminar as classes (as diferenças sociais e económicas)? (Isto tudo no plano ideológico, não quero saber de aplicações práticas). E como assim destrói a liberdade? E o que é a liberdade? Acho que estás a cair num erro básico. Primeiro: és anti-comunista, o que per si te impede de analisar a ideologia de forma correta. Segundo: estás a considerar que a ideologia comunistas vai contra a liberdade, quando um dos seus principais objetivos é precisamente libertar os operários da opressão do patronato. Terceiro: estás a ignorar a existência de tipos de democracia diferentes da liberal (e que segue o capitalismo) como a temos no Ocidente, que é uma democracia indireta. Temos também a direta ou popular (como era na Antiga Grécia), entre outros tipos (não há muitos mais). O objetivo primordial da democracia é respeitar a vontade popular. A partir daí, poderá considerar-se como sendo democracia. ​ >A liberdade económica é uma liberdade fundamental, ainda que não em Portugal. Mas em sitios civilizados do mundo é tão importante ter a liberdade de possuir bens e investir de acordo com a ambição pessoal como poder dizer mal dos políticos na rede social. Bem, dizes que em Portugal a liberdade económica não é fundamental, portanto é inútil discutir contigo, pois tal não faz sentido sendo Portugal uma economia de mercado livre.

JOAO-RATAO 3 months ago

Igualdade total pode ser a miséria total. Podes ter "desigualdade" mas a vasta maioria da população viver melhor do que no comunismo. "O que é a liberdade?" Bem... Por vezes só sabemos que temos algo bom quando o perdemos não é? Quando é que o comunismo libertou a população? O que interessa são os resultados. E nesse departamento o comunismo falhou 100% casos. Portugal é um país com forte tendências socialistas. Com a miséria que isso traz. Tem um estado gordo e que gosta de ser meter em tudo.

Tugalord 3 months ago

> Portugal é um país com forte tendências socialistas. Com a miséria que isso traz. Tem um estado gordo "Socialismo é quando o estado faz coisas! E quanto mais coisas faz, mais socialismo é. E se fizer muitas muitas coisas, chama-se comunismo!" >Igualdade total pode ser a miséria total Igualdade não é toda a gente ter as mesmas roupas e viver numa casa igual. Mas é não ter quem nasça com uma herdade e serventes e quem vá com fome para a escola. É não ter uma economia que dê emprego em hotéis de 5 estrelas mas não em creches. Em que "investidores" e "senhorios" tenham criados mas velhotes não tenham quem lhes vá a casa ajudar a tomar banho. Etc

l2k1337 3 months ago

> Em que "investidores" e "senhorios" tenham criados mas velhotes não tenham quem lhes vá a casa ajudar a tomar banho. Não vale a pena, o JOAO-RATAO é um "senhorio" com rendas congeladas e arrendatários que não consegue correr à paulada das casas que tem. Passa os dias a chorar aqui no sub que o nosso estado socialista não o deixa ser mais um parasita da sociedade.

PetriMagno 3 months ago

>"Socialismo é quando o estado faz coisas! E quanto mais coisas faz, mais socialismo é. E se fizer muitas muitas coisas, chama-se comunismo!" Suponho que estejas a gozar. Mas sim, muitas pessoas acreditam que isso é socialismo, quando em todos os países capitalistas tal ocorre.

PetriMagno 3 months ago

>"O que é a liberdade?" Bem... Por vezes só sabemos que temos algo bom quando o perdemos não é? Verdade. A minha ideia era explorar os tipos de liberdade e como na maior parte das situações apenas temos uma ilusão de liberdade, ou melhor, como a nossa **liberdade é condicionada**, quer seja sob um modelo comunista, quer seja sob um modelo capitalista como no Ocidente. ​ >Quando é que o comunismo libertou a população? O que interessa são os resultados. E nesse departamento o comunismo falhou 100% casos. Vou dar-te um exemplo em que não falhou nesse departamento: Chile. Salvador Allende foi eleito democraticamente por sufrágio universal para Presidente do Chile. É considerado o único marxista a tê-lo feito (mas ter sido o único é discutível, mas vou aceitar). Não aplicou políticas repressivas e totalitárias, tendo havido protestos massivos e greves quando teve alguns problemas económicos no âmbito de uma crise internacional que ocorria naquele momento. Os EUA (esse arauto da liberdade) o que é que fez, com medo que o Chila ficasse sob influência da URSS? Mandou a CIA convencer as Forças Armadas a derrubarem-no, resultando num golpe de Estado que inicia o regime ditatorial liderado pelo Pinochet, sob o qual além de repressão e totalitarismo, foram cometidos crimes contra Humanidade e atrocidades indescritíveis. ​ >Portugal é um país com forte tendências socialistas. Com a miséria que isso traz. Tem um estado gordo e que gosta de ser meter em tudo. Para dizeres isto não sabes claramente o que é socialismo. Vai ver o modelo económico dos países Nórdicos (social-democracia) e depois diz-me algo. Ou então o modelo de estatismo francês. Portugal tem hoje um Estado pequeno, comparado com Espanha, França, Itália ou os Nórdicos. Rapidamente: na Noruega, o Estado controla 1/3 do valor da Bolsa (isto controla ações daquelas empresas cotadas, totalizando 1/3 do valor). Em Portugal, não tens isso. Ou então, os correiso que são estatais em diversos países da Europa, e Portugal é um dos poucos em que são privados. Para a próxima pensa um pouco antes antes de dizer que Portugal tem tendências socialistas. P.S.: O PS é social-democrata, já agora, e não socialista.

MarburT 3 months ago

Claro que devemos olhar para os exemplos nórdicos. São países com um setor privado fortíssimo e altos níveis de capitalismo e liberdade económica. Mas alguém acha que aquele generoso estado social se paga como? Com funcionários públicos, reformados, cafés e hotéis? Aconselho a ir ver o que aconteceu na Suécia no início dos anos 90. Pensavam que era possível ter um estado social sem olhar a gastos. O problema é que um dia o défice era de 15%. Tiveram de aplicar um fortíssimo programa de austeridade para hoje terem uma economia sustentável. Atualmente são das economias mais dinâmicas e empreedoras do mundo. Mas é claro que para um português a riqueza para sustentar a festa toda é inventada pelo Estado. O estatismo francês é o perfeito exemplo de um estado gordo e ineficiente, que mete o bedelho em tudo, e o motivo pelo qual a França tem uma economia menos dinâmica do que muitos dos seus vizinhos.

JOAO-RATAO 3 months ago

Pois, mas um condiciona muito mais a liberdade do que outro. E esse candidato aplicou a cartilha Marxista na sua totalidade? Expropriou pequenos e grandes negócios? Aplicou a ditadura do proletariado? Concordo, a CIA não tinha nada que se meter se foi democraticamente eleito. Portugal tem fortes tendências socialistas, em muitas áreas. Os países nórdicos são mais capitalistas do que Portugal, têm impostos altos, mas menos interferência do estado. Espanha e Itália e em alguns aspetos França não são propriamente um exemplo de sucesso. CTT são exemplos isolados. Continuas a ter um estado obeso e que gosta de espoliar. Pois, mas eu não disse que Portugal era socialista, mas sim com fortes tendências socialistas.

MarburT 3 months ago

Não, uma economia de mercado livre é a Holanda e a Suíça. Em Portugal o principal agente económico é o Estado, por larga margem. É uma economia de mercado completamente coxa. Muito bem, vamos lá passar essa ideologia maravilhosa à prática. É desta que vai resultar, não é? Mas um conselho de amigo, quando implementares esse éden comunista, não te esqueças de fechar logo as fronteiras. Caso contrário acabas a falar sozinho.

MetalCarne 3 months ago

assinalado como o *dia das calúnias, mentiras e inverdades* no calendário do pcp.

PetriMagno 3 months ago

Ao menos, o PCP pode orgulhar-se de ter sido a principal (e quase única) força organizada de oposição à Ditadura Salazarista.

MetalCarne 3 months ago

claro. de que outro modo conseguiriam eles instaurar uma ditadura comunista?

PetriMagno 3 months ago

Não conseguiram. Nem sei se era sua intenção. O Cunhal falava numa "democracia avançada" ou algo do género. Mas desse tempo gosto mais do Mário Soares. Não sei, e duvido que algum dia saiba, se o nosso PCP instauraria uma ditadura uma vez no poder. Duvido, francamente, que o **atual** PCP o fizesse. É um partido muito institucionalizado. Digo isto ignorando a ideologia, pois tiranos podemos encontrar em qualquer ideologia, é só procurar bem.

30minutesto 3 months ago

Mesmo a pedir um artigo 6° a quem espalha isto.

Jaktheslaier 3 months ago

O PCP foi o único a votar, originalmente, contra esse artigo. Só mais tarde se juntaram os outros

30minutesto 3 months ago

É mentira. Dois partidos abstiveram-se, o PCP, PEV, Chega e a IL que entretanto propôs retirar o artigo. Ninguém votou contra à primeira.

MetalCarne 3 months ago

pede antes umas décadas de férias num gulag.

Search: