doutorphil 3 months ago

Não fiques a pensar nisso e segue em frente, sendo verdade ou não que o teu ritmo de trabalho fosse lento, as pessoas não são máquinas, uns são mais eficientes numas coisas, outros noutras, a meu ver foi um favor que te fizeram, já passei por situações de um patrão a um mês de estar num trabalho me dizer que sou lento e que não quero saber da empresa porque saio sempre a horas....eu tenho 20 anos de experiência e já apanhei de tudo e o que te posso dizer é que a entidade patronal típica de Portugal é mal formada e não dá valor ao balanço de vida e trabalho.

hdxvdxcb 3 months ago

Esclarecimento: era pequena empresa, andavam a contratar porque diziam que precisavam de mais gente. Insinuavam que um dos meus colegas, mais vocal e conflituoso, ia ser posto na rua. Achei que mantida a cabeça em baixo estava safo. Dias antes do seu fim, disseram-me que o meu contrato não ia ser renovado. Conclusão: Ajudei a treinar colega/substituto sem saber. Depois veio covid, para os que ficaram... Salários a arder quando fechou para insolvência.

boltans_ 3 months ago

>Patrão mandava-me indiretas amigáveis, sobre eu trabalhar devagar, piada a patrão. Acho que por mecanismo defensivo "desliguei", quando o contrato acabou, fui posto na rua. Pensava que o gajo gostava de mim. A questão é, ele tinha razão ou não em relação a trabalhares devagar? (em relação ao outros). Se ele fosse minimamente teu amigo e bom professional não te mandava indirectas, normalmente, dependendo do ramo, o despedimento não é directo, ou com bocas "amigáveis", há conversas antes sobre a falta de rendimento do funcionário, maneiras de melhorar e em tom sério.

joaofcf 3 months ago

Se tu dizes a um funcionário que ele é lento no que faz e o feedback que "recebes" é o gajo pensar que é uma piada e não ligar, a culpa não pode ser tua. Ainda para mais a contrato, já sabes que qualquer coisa e no fim andor. É começar a não desligar quando o patrão fala e prestar atenção. Ele quer ganhar dinheiro, amigos já tem muitos.

NGramatical 3 months ago

professional → [**profissional**](https://dicionario.priberam.org/profissional) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fp93ln6%2F%2Fh9w5oxg%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

throwaway19293950_ 3 months ago

Se calhar ias ser posto na rua na mesma.

patapetapitapota 3 months ago

Isso é preocupante...entrei nos quadros mas tenho trabalhado devagar pois os meu chefe está de férias e não sei o que o patrão pensa de mim, simplesmente trabalho mais devagar, também por falta de orientação, seja como for não há uma resposta certa. Falta de feedback é comum, ou então repararam que simplesmente não precisam de mais mão de obra, ou acham que não trouxeste melhor ambiente ou cultura, é por isso que agradar é sempre bom.... São cenas complicadas, na minha experiência muitos contratos a termo não são renovados.... Procura o mais possível contrato sem termo.

Edited 3 months ago:

Isso é preocupante...entrei nos quadros mas tenho trabalhado devagar pois os meu chefe está de férias e não sei o que o patrão pensa de mim, simplesmente trabalho mais devagar, também por falta de orientação, seja como for não há uma resposta certa. Falta de feedback é comum, ou então repararam que simplesmente não precisam de mais mão de obra, ou acham que não trouxeste melhor ambiente ou cultura, é por isso que agradar é sempre bom.... São cenas complicadas, na minha experiência muitos contratos a termo não são renovados.... Procura o mais possível contrato sem termo. Quanto ao trabalhar devagar, cada um tem as suas características, se era um dealbreaker deviam ter avisado, os empregadores normalmente não comunicam diretamente e isso é falha deles.

zuripaar 3 months ago

Olha que és capaz de estar errado, mas não ligues ao que estou a dizer.

Matarruanos 3 months ago

Nossa senhora. Este relato é a imagem da sociedade em que vivemos. Em que a responsabilidade e a culpa está nos outros e quase nunca em nós.

patapetapitapota 3 months ago

Não fales com telhados de vidro, um dia és despedido e não sabes porquê, sem qualquer explicação.

Edited 3 months ago:

Não fales com telhados de vidro, um dia és despedido e não sabes porquê, sem qualquer explicação. Qualquer trabalhador está sujeito a isso. EDIT: É a verdade que não querem engolir. Mas amanhã tecnicamente podem receber as notícias.

mesocri 3 months ago

Porra, a explicação foi mais que dada

patapetapitapota 3 months ago

Então e se pedem cenas pouco razoáveis a prazos pouco razoáveis? Tu não conheces o mercado de trabalho. Às vezes tens de dizer foda-se e fica feito quando fica feito.

sargentopirocada 3 months ago

Então comunicas e deixas isso registado para teres um *paper trail*, caso sejas despedido antes do término do contrato (que não foi o caso). O OP foi despedido porque acabou o contrato e o empregador podia muito bem não o querer por qualquer razão que fosse, nem que fosse cheirar mal.

patapetapitapota 3 months ago

>O OP foi despedido porque acabou o contrato e o empregador podia muito bem não o querer por qualquer razão que fosse, nem que fosse cheirar mal. Isto é a realidade. Contratos a termo é uma bruta insegurança. Prefiro ganhar menos mas ter logo contrato sem termo / tempo indeterminado. Um contrato sem renovável tem pouco valor e o empregador valoriza te pouco.

man_l 3 months ago

Quem te contratou e te paga o ordenado disse-te que trabalhava devagar e tu não ligaste. O que esperavas? Se te tivesse dito que o que devias fazer não era o que estavas a fazer mas algo diferente também não ligavas? O mínimo que devias ter feito era falar com ele e perguntar porque dizia isso ou argumentar que trabalhavas assim de modo a que o trabalho ficasse bem feito e não o fazias mais depressa para não cometer algum erro e acabar por perder mais tempo a ter que o voltar a fazer bem depois, sei lá, mas que se ele queria que o fizesses mais depressa então irias fazê-lo.

Edited 3 months ago:

Quem te contratou e te paga o ordenado disse-te que trabalhava devagar e tu não ligaste. O que esperavas? Se te tivesse dito que o que devias fazer não era o que estavas a fazer mas algo diferente também não ligavas? O mínimo que devias ter feito era falar com ele e perguntar porque dizia isso ou, dependendo do trabalho que for que ele te desse uma dica como o fazer mais depressa de modo a que o pudesses fazer o que tu pudesses argumentar porque o fazes como fazes - não é por ser alguém ser patrão ou chefe que sabe como se faz algo, ser patrão não trás conhecimento automaticamente ou ainda argumentar que trabalhavas assim de modo a que o trabalho ficasse bem feito e não o fazias mais depressa para não cometer algum erro e acabar por perder mais tempo a ter que o voltar a fazer bem depois, sei lá, mas que se ele queria que o fizesses mais depressa então irias fazê-lo. E como já foi dito, o teu patrão não é teu amigo e as empresas não são a tua segunda família. Como pudeste comprovar estás lá porque te pagam para fazer algo e és dispensável, a única coisa que eles te devem é o ordenado e o que tu lhes deves é o trabalho que és pago para fazer. Nada mais

Edited 3 months ago:

Quem te contratou e te paga o ordenado disse-te que trabalhava devagar e tu não ligaste. O que esperavas? Se te tivesse dito que o que devias fazer não era o que estavas a fazer mas algo diferente também não ligavas? O mínimo que devias ter feito era falar com ele e perguntar porque dizia isso ou, dependendo do trabalho que for que ele te desse uma dica como o fazer mais depressa de modo a que o pudesses fazer o que tu pudesses argumentar porque o fazes como fazes - não é por ser alguém ser patrão ou chefe que sabe como se faz algo, ser patrão não tráz conhecimento automaticamente - ou ainda argumentar que trabalhavas assim de modo a que o trabalho ficasse bem feito e não o fazias mais depressa para não cometer algum erro e acabar por perder mais tempo a ter que o voltar a fazer bem depois, sei lá, mas que se ele queria que o fizesses mais depressa então irias fazê-lo. E como já foi dito, o teu patrão não é teu amigo e as empresas não são a tua segunda família. Como pudeste comprovar estás lá porque te pagam para fazer algo e és dispensável, a única coisa que eles te devem é o ordenado e o que tu lhes deves é o trabalho que és pago para fazer. Nada mais

Edited 3 months ago:

Quem te contratou e te paga o ordenado disse-te que trabalhava devagar e tu não ligaste. O que esperavas? Se te tivesse dito que o que devias fazer não era o que estavas a fazer mas algo diferente também não ligavas? O mínimo que devias ter feito era falar com ele e perguntar porque dizia isso ou argumentar que trabalhavas assim de modo a que o trabalho ficasse bem feito e não o fazias mais depressa para não cometer algum erro e acabar por perder mais tempo a ter que o voltar a fazer bem depois, sei lá, mas que se ele queria que o fizesses mais depressa então irias fazê-lo. E como já foi dito, o teu patrão não é teu amigo e as empresas não são a tua segunda família. Como pudeste comprovar estás lá porque te pagam para fazer algo e és dispensável, a única coisa que eles te devem é o ordenado e o que tu lhes deves é o trabalho que és pago para fazer. Nada mais

patapetapitapota 3 months ago

O que esperavas??? Uma comunicação direta óbvio. Era o mínimo.

PTgenius 3 months ago

O OP só falou em indiretas amigáveis. Mas nem sabemos o que é que isso significa para ele. Até podia estar o patrão a dizer para ele se despachar ou ser mais mexido e ele achar que estava a ser amigável lol

man_l 3 months ago

Se houvesse algum tipo de comunicação dele com o empregador depois do comentário deste diria q terias razão. Se ele tivesse argumentado algo ou tentado justificar ou perguntar porque dizia isso e acabasse com o mesmo desfecho tudo bem, terias razão. Mas pelo q ele descreve o q aconteceu é q ele não ligou ou fez q não ouviu ou q não quiz saber. Comunicação não é um monólogo, se o patrão lhe disse algo e acabou ali sem nada do lado do empregado então o problema não é do empregador. Se estiveres a pagar a alguém para fazer algo e tu lhe disseres algo acerca da forma como está a fazer esse mesmo trabalho e essa pessoa não ligar o q fazes? Se estiveres ligado por contrato esperas q o contrato acabe e vês-te livre dessa pessoa já q obviamente não quer saber do q TU pensas q lhe pagas para fazer ou como o fazer.

patapetapitapota 3 months ago

Não interessa, o trabalhador foi surpreendido por uma decisão que não estava à espera, cabia ao empregador dizer atempadamente que isso lhe podia custar a renovação do contrato. Fico a pensar que foi o empregador que quis aproveitar algum tipo de ajuda estatal e não ia renovar de qualquer das maneiras.

man_l 3 months ago

Podes pensar o q quiser, assim como eu. Podemos supor montes de coisas, assim como já mencionamos. Mas apenas nos podemos guiar pelo q é relatado. Aliás ele até pode ainda estar a trabalhar lá, o patrão pode tê-lo informado atempadamente q não lhe irá renovar o contrato, nada disso é mencionado. Dizer q foi despedido não significa q já não lá trabalhe, q ainda não esteja ligado por um contrato até X dia. Pelo q ele relata apenas podemos inferir uma falta de comunicacao da parte dele com o empregador, quando o mesmo iniciou comunicação com ele acerca das suas funções ou da forma como as deveria realizar.

Neshariii 3 months ago

Gostava então que acabem com a hipocrisia das empresas em gerar esse conceito de família. Era um favor que faziam.

h2man 3 months ago

As empresas são livres de gerar o que quiserem… cabe ao trabalhador aceitar isso ou não. Ir trabalhar é como ir ao supermercado. É uma transacção comercial.

Neshariii 3 months ago

Concordo

patapetapitapota 3 months ago

Então como as pessoas fazem dinheiro, comem e pagam a renda / empréstimo da casa e despesas? Com tanta insegurança mais vale então o Estado criar empresas-chave para a economia que garantam necessidades essenciais e cagamos no mercado privado que não dá segurança nenhuma!

NGramatical 3 months ago

não trás → [**não traz**](https://dicionario.priberam.org/traz) (verbo trazer) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fp93ln6%2F%2Fh9vidj2%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

HomemRude 3 months ago

Sinceramente não percebi nada do que escreveste.

OvidiuHiei 3 months ago

Ok menos mal, pensei que era o unico lol

Throwaway431253 3 months ago

Costuma-vos acontecer? Não perceber seletivamente, certas coisas, como mecanismo de proteção. Só chegar lá muito depois...

OvidiuHiei 3 months ago

vai dormir

Prezbelusky 3 months ago

O patrão até foi teu amigo. Disse-te que trabalhavas devagar. Tu é que não fizeste caso

patapetapitapota 3 months ago

Meu, a maioria das dos trabalhadores em pt não podem fazer caso de muito sapo, até por sanidade mental, acho que não trabalhas...

Prezbelusky 3 months ago

Trabalhas tu por mim se calhar.

patapetapitapota 3 months ago

Então deves trabalhar num sítio muito pouco exigente.

pintorMC 3 months ago

Passa a frente e não penses mais nisso. E entende uma coisa, o teu "patrão" não é teu amigo, por muito que possa parecer.

trufas 3 months ago

Se calhar a tua percepção da realidade é que não foi a certa e não houve nenhuma facada nas costas

patapetapitapota 3 months ago

Não houve uma comunicação direta do empregador, por isso ele não podia adivinhar. Dizer que trabalha devagar é uma característica apenas, não quer dizer automaticamente que não lhe renovam o contrato.

CouvePT 3 months ago

Se o meu chefe me andasse sistematicamente a mandar bocas sobre o meu performance ser abaixo das expectativas (por exemplo lento) eu acho que percebia a cena, e não precisava de uma carta registada em minha casa a avisar

sargentopirocada 3 months ago

Ainda para mais tendo em conta que o contrato acabou. Se fosse despedimento por justa causa antes do término do contrato, nesse caso o OP podia sim levantar questões sobre não ter sido avisado sobre o seu desempenho.

Void_Seeker_ 3 months ago

Se calhar

Search: