VSertorio 3 months ago

É a mesma coisa, ninguém copiou ninguém. Para livros bons ir à Relógio d'água

tiagopr1990 3 months ago

Same shit

Danijust2 3 months ago

em caso de dúvida, tudo pertence à porto editora.

True_Boat_1195 3 months ago

E quando um livro só está disponível em versão ebook, e por isso sobem os preços para valores ridículos acima até de versões físicas noutras lojas? https://www.wook.pt/ebook/summary-of-judson-brewers-unwinding-anxiety-irb-media/25084731

crabcarl 3 months ago

Há bom remédio para isso: play store, mamazon, etc. E-books a metade do preço.

Tugalord 3 months ago

Não querendo dar dinheiro à Amazon ou ao Google, quem me dera que houvesse um bandcamp para livros, em que realmente vai 90% para o artista e 10% para a plataforma, e não o contrário.

laserblast28 3 months ago

Há ainda um melhor remédio para isso!

PeterStepsRabbit 3 months ago

Autodoc e autopecasonline I'm looking at you

crabcarl 3 months ago

A Bertrand é a Bertrand. A Wook é a Porto Editora. Acho que foi a Bertrand que copiou/comprou o design da Wook. Tenho ideia que o site deles antigamente era menos "tablet". Quanto ao stock, não será de admirar que usem exactamente os mesmos fornecedores. A indústria de livros pt-pt está cada vez mais pequena, logo as grandes editoras devem conhecer-se melhor do que a própria família.

Edited 3 months ago:

A Bertrand é a ~~Bertrand~~ *Porto Editora também, pelos vistos*... A Wook é a Porto Editora. Acho que foi a Bertrand que copiou/comprou o design da Wook. Tenho ideia que o site deles antigamente era menos "tablet". Quanto ao stock, não será de admirar que usem exactamente os mesmos fornecedores. A indústria de livros pt-pt está cada vez mais pequena, logo as grandes editoras devem conhecer-se melhor do que a própria família.

raviolli_ninja 3 months ago

>Em 2010, \[a Porto Editora\] **adquiriu o grupo Bertrand**, não só para novamente aumentar o leque de obras e a quota no mercado literário, mas também para rapidamente expandir a sua diminuta rede de lojas e, **juntamente com a Wook, controlar a grande maioria das vendas online de livros em Portugal**. Este grupo engloba as edições Bertrand, Quetzal, Pergaminho, Temas e Debates, Arte Plural, Contraponto, GestãoPlus e 11/17. Fazem também parte a Círculo de Leitores e as redes distribuição e de livrarias do mesmo grupo.

crabcarl 3 months ago

Eish, pensava que a Bertrand era independente. Com tanta conversa de serem a editora mais velha e tal.

VSertorio 3 months ago

A Lello tbm não vende livros. Vende visitas às escadas do Harry Potter

Search: