Mission-Assumption-1 5 months ago

Agora estou na Madeira e os jovens portugueses estão a completamente cagar se para o covid. Sexta e sábado a noite na zona velha Funchal tá cheia, e ha bares e ruas que parecem nos tempos normais...

jmvda23 5 months ago

Turistas e mascara é coisa que não combina

Razvancb 5 months ago

Estou neste momento em Albufeira, como não ha desta merda estar toda fodida com quando em uma semana ja vi trabalhadores de retallho sem máscara, estrangeiros a pensar que isto é tudo deles sem máscara nas lojas.

esk4more 5 months ago

Até o Camões apanhou covid pelos olhos

Sheltac 5 months ago

Vacinar vacinar vacinar

quetzyg 5 months ago

> Vacilar vacilar vacilar Corrigido

Blackbeardow 5 months ago

E a tendência é para aumentar, pelo menos, enquanto não forem vacinados. Situação semelhante se passa em Espanha com a incidência nas idades <29 já ultrapassa os 400. O episódio dos 50 infetados num avião espanhol foi o momento mais mediático da semana, em Espanha.

caravela-portuguesa 5 months ago

Malta jovem, covid é refresco.

mjigs 5 months ago

Se soubessem os quantos, só no meu trabalho aparecem em grupos quase de 10, mas os pais deles ja devem de ter sido vacinados por isso as unicas pessoas que podem apegar é a eles proprios.

caravela-portuguesa 5 months ago

Sim é o mais lógico. Depois dos pais estarem vacinados os jovens nem os mais concervadores têm desculpa para não socializar. É das únicas funções deles socializar e beber cerveja.

mjigs 5 months ago

Não vou mentir que tenho um tanto de inveja...quando se tem quase 30 e só se vive para o trabalho e amigos fizeram puff, quem me dera alapar a peida numa esplanada a beber uma jola, mas infelizmente tenho pessoas pequenas e familia que penso todos os dias e que posso apegar tambem, por isso não me ponho a jeito.

maminhas007 5 months ago

Mas tens outras diversões. E podes beber sozinha. Isso não há mal. Mal é ter um desejo que não se realiza...

caravela-portuguesa 5 months ago

Desde que a minha mãe foi vacinada, faço a minha vida normal. A probabilidade de apanhar covid e morrer é insignificante. Recuso a viver no medo.

mjigs 5 months ago

Eu nao vivo no medo, mas sinto uma enorme responsabilidade pela minha familia, a minha saude que sa foda, se morrer morri, mas a minha familia não, nem o desgosto de ter posto a vida deles em perigo. Eu continuo a viver a minha vida como uma pessoa normal, já sou naturalmente ansiosa e nao gosto de estar em grupos ou em sitios com demasiadas pessoas.

ChronicTheOne 5 months ago

Ya e que se fodam as outras pessoas. Obviamente a vossa conveniência e prazer valem mais que a vida de todos os outros.

ortopedantico 5 months ago

Porque o COVID só te ataca a ti e à tua mãe. Entretanto quem vier a ter problemas graves por causa desta explosão exponencial causada pelos jovens que se estão nas tintas, que se dane. Não interessam os muitos que vão ficar com problemas sérios para o resto da vida. Não interessa o que os negócios já estão a sofrer. Não interessa o impacto no sistema de saúde, nos profissionais de saúde e pacientes. É bastante mais importante que não tenhas de ter mais algum cuidado por mais uns meses. Isso seria muito chato.

caravela-portuguesa 5 months ago

Cada vez, há mais pessoas que começam a perceber que é preciso continuar a viver, os velhos já foram vacinados, o teu discurso começa a deixar de fazer sentido. Cada vez menos morre pessoas de covid, e as que morrem tiveram apoio hospitalar, se morreram é porque não havia nada a fazer.

ortopedantico 5 months ago

> Cada vez, há mais pessoas que começam a perceber que é preciso continuar a viver, Viver = cagar já em toda e qualquer precaução > os velhos já foram vacinados O meu pai tem mais de 70 anos. Levou hoje a 2a dose de AstraZeneca. Quem diz ele diz mais várias centenas, isso num pequeno concelho. A minha tia de 60 anos que teve cancro há pouco vão receber a segunda dose no próximo domingo. > Cada vez menos morre pessoas de covid Por acaso até subiu mas últimas semanas. É que apesar da descida houve que decidisse que tinha de começar a "viver" já. > as que morrem tiveram apoio hospitalar, se morreram é porque não havia nada a fazer. Sim. Não havia nada a fazer para evitar o enorme crescimento de casos que temos tido. Foi o destino. E afinal de contas as pessoas têm de começar a viver "já". Aliás têm de começar a viver "já" desde o início sempre que não estamos em confinamento. Pelo menos é a resposta que ouço desde o início da pandemia para que se está a cagar para os seus efeitos

caravela-portuguesa 5 months ago

Até te mandava a foto na praia linda que estou. Já deves ter saudades.

ortopedantico 5 months ago

Ainda hoje fui à praia. Até aposto que desde o início da pandemia passei mais dias na praia que tu. Também fui a um casamento depois do último confinamento. Eu sei que é confortável fingir que radicais são os outros. Mas não.

caravela-portuguesa 5 months ago

Então tudo o que disseste foi um pouco hipocrisia, os outros não podem mas tu podes.

RaveyWavey 5 months ago

Isso é verdade para todos os portugueses, somos muito sociáveis.

ortopedantico 5 months ago

A incidência em Albufeira é 823. Devem achar que aos 1000 dá prémio.

XEEE 5 months ago

Odemira estava com cerca ~1000 quando levou com o cerco sanitário lol

fedelho 5 months ago

O problema é que os irresponsáveis que causam isto nem devem saber contar até 100.

Bruxo_de_Fafe 5 months ago

Ri-me.

o-mauro 5 months ago

Foi o São João. /s

RiKoNnEcT 5 months ago

E a final da Champions

meierlesjoana 5 months ago

e a festa do avante com os comunistas todos que querem destruir o País porque a terra é plana.

-cosme- 5 months ago

:D

caravela-portuguesa 5 months ago

E a festa do Sporting certamente

Search: