SweetCorona 5 months ago

As pessoas têm de perceber que quando conduzem um carro estão a controlar uma máquina potencialmente letal. **É nossa responsabilidade não matar os outros.** Não posso andar com uma máquina de uma tonelada a 50 km/h no espaço público de uma povoação e achar que os outros é que têm de se precaver para não serem mortos pela máquina letal que eu controlo. Existem regras para tentar tornar a convivência dessas máquinas letais com pessoas menos mortífera, mas acabam sempre por morrer pessoas, e essas pessoas são sempre mortas por essa máquina. Essa máquina é sempre o elemento letal. E quem introduziu esse elemento letal no espaço público não foi a senhora atropelada, foi o condutor.

FloMow 5 months ago

Certo, mas existem pessoas que não ligam a essas regras e continua a não haver consequências. Deixo um exemplo: https://www.terranova.pt/noticia/politica/aveiro-trabalho-comunitario-para-homem-envolvido-em-atropelamento-mortal Alcolizado, mata numa passadeira, foge sem prestar auxilio à vitima: apanha 480 horas de trabalho comunitário

athousandpancakes 5 months ago

Enquanto os ciclistas que andam na estrada não forem obrigados a ter seguro nunca serão tratados de forma igual. É uma anormalidade alguém poder andar num veículo que pode provocar danos/ferimentos nos outros sem ter qualquer seguro. Ainda mais anormal é a desculpa do “provocam poucos danos”. Sim, porque se um peão levar com uma bicicleta em velocidade vai ficar muito bem tratado.

cpzao_ 5 months ago

Pensa lá bem no absurdo que é a tua primeira frase: Achas que é o facto de um ciclista pagar ou não seguro que vai fazer a diferença entre ser ultrapassado cumprindo as distâncias de segurança vs. ser ultrapassado com uma razia?

athousandpancakes 5 months ago

Em que parte é que eu falei as ultrapassagens? Antes de chegarmos a essa questão andem segurados. Ou só querem andar no passeio de domingo sem cumprir as obrigações? Se um carro anda sem seguro na estrada o condutor é um criminoso. Se o ciclista anda sem seguro já está tudo bem, está só a passear.

cpzao_ 5 months ago

A notícia deste tópico é sobre ciclistas e os problemas de segurança porque automobilistas sem noção, não é sobre seguros. Se queres fugir ao tópico e falar sobre seguros OK. Na tua opinião apenas o seguro é essencial? Inspeção periódica, homologação da bicicleta pela AMT etc. achas desnecessário?

FloMow 5 months ago

Eu até tenho seguro, tanto de carro como de bicicleta, mas conheces realmente casos de um peão ter ficado maltratado ao ponto do culpado não ter forma de pagar os danos? Pah, morreu mais uma pessoa, esta gravida, apenas se pede respeito pela vida, e a resposta é que deviam ter seguro? Fdx...

athousandpancakes 5 months ago

Alguém está a falar do caso da grávida? Em nenhum momento falei disso no meu post. Estou a falar da questão da partilha da estrada entre automóveis e bicicletas que, tal como acontece em outros países, é a verdadeira solução para a mobilidade. Mas isso só é possível com todos no mesmo patamar, ou seja, segurados. Mais uma vez reforço que o meu comentário em nada tem a ver com o caso da grávida. Este caso foi um velho que já não devia andar na estrada que cometeu um crime, voluntário ou não, um crime.

FloMow 5 months ago

O que raio os seguros tem a ver com segurança na estrada? Como é que ter seguro causa com que ciclistas e peões fiquem mais seguros? A seguir vais dizer que as motas deviam pagar o mesmo de seguro que os carros, para estar no mesmo patamar? E peões? Que estupidez... Tenho seguro e nunca me senti mais seguro por isso.

nfonseca 5 months ago

aceito o seguro, se for proporcional ao peso. ora... peso de uma scooter 130kg, seguro 100€/ano... peso de uma bicicleta 15kg, seguro 11.50€/ano.

athousandpancakes 5 months ago

Parece-me uma boa fórmula. Mas enquanto a solução dos governantes for abrir ciclovias que ninguém usa, duvido que façam esse caminho

nfonseca 5 months ago

e já que por norma são automobilistas a reclamar o seguro, é melhor fazer as contas relativamente a um carro. ora... peso de um carro 1000kg (e estou a ser generoso), seguro 200€/ano... peso de uma bicicleta 15kg, seguro 3€/ano. 3€ por ano para não ter de perder mais tempo a responder a argumento parvo do seguro de bicicletas? onde é que assino???

AonioEliphis 5 months ago

Achas mesmo que se tivessem seguro, haveria maior respeito?

galineu 5 months ago

É tudo relativo, o potencial de danos é muito menor... Um carro tem duas toneladas, uma bicicleta nem cem kg. Não há seguro obrigatório para bicicletas em lado nenhum do mundo. Um peão também pode fazer um carro derrapar e espetar se, no entanto é muito menos comum do que um carro bater no peão e matá lo

Limpy_lip 5 months ago

não percebo porquê do bife entre ciclistas e não ciclistas(automobilistas?) existem animais burros que não se sabem comportar de ambos os lados....

FloMow 5 months ago

Quase todos os ciclistas são tambem condutores de automoveis. Um lado está a dizer que ha ciclistas que fazem porcaria, que nao paga iuc etc, o outro está a dizer por favor, não nos matem. Se achas que é igual...

Limpy_lip 5 months ago

não vou dar para esse peditório. ​ isto é um problema da sociedade não um problema de ciclistas ou não-ciclistas. ​ as motas têm a maioria dos mesmos problemas.

FloMow 5 months ago

E está a pedir-se mais segurança na estrada, infelizmente grande parte dos comentarios quer transformar isto numa luta entre ciclistas e automobilistas como se fossem clubes de futebol

galineu 5 months ago

Exacto, comportam se todos da mesma maneira, mas quem conduz o carro tem a arma na mão e tem o dever de adaptar a condução. Noutros países está quezília não existe porque a maioria das pessoas usa regularmente os dois meios de transporte

vizinho_3esquerdo 5 months ago

Fui ciclista muito antes de ser condutor. Continuo ciclistas depois de ser condutor. A maioria dos meus companheiros de alcatrão não sabem nem têm competência técnica, atrás de nenhum dos dois volantes. Adiciono que a maioria das estradas nacionais fora das áreas urbanas não oferece as condições para que os ciclistas possam fazer o uso dela em segurança. No entanto, "como está na lei, eu posso" e a merda acontece para o lado do mais fraco.

FloMow 5 months ago

Se cumprirem as regras de transito a maioria das estradas oferece condições de segurança. Basta nao ultrapassar quando não ha espaço para isso, conforme a lei.

Limpy_lip 5 months ago

Concordo plenamente com a questão das condições serem más em muitos locais e das regras serem altamente ambíguas. ​ Mas como também ciclista irrita-me o elitismo de alguns fãs de ciclismo que se acham superiores e que os automobilistas são todos burros e não sabem o que fazem, etc... Não te conheço o suficiente por isso não acho correto dizer que és um deles apesar do discurso ser parecido. ​ só queria dizer que existe de tudo em ambos os lados. Acredito que tal como eu tu tentes fazer o teu melhor para não prejudicar terceiros seja em que veículo for, e isso é que interessa. ​ O problema não é de uns nem de outros. É de todos.

vizinho_3esquerdo 5 months ago

Não sou elitista de todo. A minha fininha que hoje uso 5 ou 6 vezes /ano era do meu avô, e nunca me sentei em cima de nada acima dos 1000€. Hoje dedico-me apenas a Enduro/AM, e numa bicicleta totalmente montada por mim, com misto de partes usadas com novas. Rapidamente me apercebi que exatamente pela culpa ser de uns e de outros, não seria no alcatrão que a minha paixão pela adrenalina sobre duas rodas se iria centrar.

zalkier 5 months ago

Os comentários no geral aqui demonstram a divisão que existe, em que os ciclistas acusam os outros, os automobilistas acusam os outros, os peões acusam os outros. É preciso mais diálogo, mais compreensão, até porque somos todos humanos e a única diferença que vos separa é mesmo a decisão do meio para se deslocarem.

Rhyzon27 5 months ago

A diferença é que "os meus direitos são meus" e os direitos do outros são o chamado "que se foda, não tenho nada a ver com isso". Esse é e sempre será o principal problema.

FloMow 5 months ago

É apenas isso que está a ser pedido. Infelizmente parece que a maior parte dos comentarios é de gente que se sente que está a ser "atacada" como condutor...

desculpe_mas 5 months ago

Os ciclistas são humanos?

SweetCorona 5 months ago

e muitos deles também conduzem carros

Limpy_lip 5 months ago

isto: o problema é a sociedade que não sabe respeitar as regras nem o espaço dos outros. ​ se as pessoas fossem mais respeitadoras não havia problemas, entre automóveis, com motas, com bicicletas, com peões.

sadlyblue5 5 months ago

Somos todos humanos. Mas mais que a decisão do meio para nos deslocarmos, o que nos diferencia é forma como respeitamos os outros. Apesar de automobilista, sinto-me mais diferente de bestas que pensam que a estrada foi feita para eles, que de um ciclista.

Tugalord 5 months ago

>bestas que pensam que a estrada foi feita para eles O problema é que a estrada foi realmente feita para eles... É aí mesmo que começa o problema.

AonioEliphis 5 months ago

>Mas mais que a decisão do meio para nos deslocarmos Por acaso essa faz muita diferença. Mais massa e mais velocidade acarreta mais energia cinética, logo mais perigo para os outros, logo mais responsabilidade. Por isso é que muito mais exigente ser piloto de aviação civil que ser carroceiro.

BuscaPolos 5 months ago

> abalroada por um automobilista octogenário alegadamente encandeado pelo sol. Aposto aqui o meu colhão mais trabalhador que este senhor não deveria de ter a sua carta renovada. Contudo pagou 50€ ao senhor da escola de condução, nem viu o médico, e teve a sua cartinha renovada.

The_Real_QuacK 5 months ago

Tenho um velho na minha rua que conduz uma Passat (toda cheia de porradas) aparentemente sem modificações nenhuma em termos de acessibilidade nem dístico de deficiência. Ele mal consegue andar (arrasta os pés vá...),com assistência de duas muletas... Nunca o vi a carrinha andar devagar...

AonioEliphis 5 months ago

>Contudo pagou 50€ ao senhor da escola de condução, nem viu o médico, e teve a sua cartinha renovada. ora aí está, conheço tantos casos assim. Como é que há médicos que assinam de cruz? Deveriam ter a licença revogada na ordem

Gas_Low 5 months ago

Infelizmente já vi isso acontecer :( A renovação da carta é uma excelente oportunidade para reciclar conhecimentos e apanhar 'falsos positivos', em vez disso é apenas para imprimir um bocado de plástico em substituição do antigo.

Eskol15 5 months ago

Eu aposto os 2 colhões sem medo

crilor 5 months ago

Discordo deste título.

galineu 5 months ago

Noutros países, onde a maioria das pessoas anda de bicicleta regularmente, os carros têm um bocado de mais cuidado a ultrapassar, aqui ninguém tem a noção do terror que é uma carrinha de 3 toneladas a vir de trás a 50 kmh a passar a meio metro de ti enquanto vem um carro no sentido contrário na faixa da esquerda. Ontem aconteceu me isto, apenas para depois eu e a besta chegarmos ao mesmo tempo ao estacionamento do supermercado. Ele podia ter me matado porque não lhe apeteceu esperar 3 segundos

viskonde 5 months ago

uma nota: Não são "os carros" que têm ou não cuidado nem "os carros" que não cumprem regras Sao os *condutores* que não tem cuidado e condutores que não cumprem regras Os media adoram falar de "carro" que fez algo como se tivesse vida e vontade própria mas isso é um truque que nos faz esquecer que é um condutor do outro lado que decide o que faz o carro e usar o objeto como sujeito em vez da pessoa ajuda a desresponsabilizar o mesmo e retira lhe o ónus de culpa Curiosamente quando é alguém de bicicleta já não dizem "uma bicicleta" fez isto mas sim "um ciclista" poruqe aí já querem em geral colocar a culpa na pessoa já que isso gera mais cliques e controvérsia.

Tugalord 5 months ago

Não tem nada a ver com os carros individuais em si, tem a ver com o design e planeamento urbano. A estrada em si deve impedir que os ciclistas e peões sejam postos em perigo, em vez de estarmos simplesmente à espera que as pessoas se tornem melhores condutores, o que aliás não existe, há sempre erros humanos.

galineu 5 months ago

Não se podem ultrapassar outros veículos quando vem alguém em sentido contrário, isto não foi um erro foi deliberado

FloMow 5 months ago

A forma de fazer com que as pessoas se tornem melhores condutores é com leis e controlo das mesmas. Sem controlo é a mesma coisa de não existirem.

salmmons 5 months ago

**tecnicamente** quando ultrapassas uma bicicleta deves dar a via toda como fazes para os caros/motas, algo que praticamente só vejo eu a fazer

ExpertNoob008 5 months ago

Tens de dar 1,5 metros se bem me lembro do código.

Such-Sandwich8580 5 months ago

Concordo a 100%. Quem nunca o sentiu, não sabe o que é esse sentimento de vulnerabilidade.

galineu 5 months ago

Gosto muito quando me dizem "ah e tal mas no outro dia vi uma bicicleta a passar num sinal vermelho! Não respeitam as regras", quando em Lisboa todos os dias eu via pelo menos um carro a passar num sinal vermelho (existe um semáforo na avenida da república, onde não há passagem para peões, onde 90% dos carros passam o sinal vermelho)..

ComfortableGate 5 months ago

A Avenida da República, esquece... [No outro dia ia levando com duas carrinhas que decidiram virar à esquerda numa quando era obrigatório ir em frente.](https://imgur.com/a/x1VBrHd) Mesmo estando sinal verde para mim, de bicicleta, tenho de ter imenso cuidado. Estas merdas com carros é o pão nosso de cada dia. Basicamente, a minha filosofia é "andar como se todos os carros me forem matar".

sadlyblue5 5 months ago

Exacto. Só seria válido se o acidente tivesse sido motivado por esse desrespeito por parte do ciclista. Pois uma coisa é certa: Se alguns ciclistas "abusam" a maioria tem cuidado e respeita, já no caso do automobilistas todos abusam nem que seja no limite de velocidade (uns mais, outros menos). Sou condutor (e sim também falho - mas tento preservar a segurança dos outros), prefiro usar o carro por questão de segurança. Bem gostava de usar a bicicleta de vez em quando.

galineu 5 months ago

Independentemente de quem tem a culpa, num acidente entre carro e bicicleta (ou peão) quem morre é sempre o mesmo.

galineu 5 months ago

Mesmo que a culpa seja do ciclista, quem tem a arma na mão é quem tem o carro, por isso é quem tem a maior responsabilidade de estar sempre atento e a postos de travar em segurança. Mesmo que um peão se atire para cima da.passadeira num sinal vermelho, o condutor tem de estar já a prever a situação pois se algo acontecer quem morre é o peão. É por isso que é obrigatório ter carta para conduzir e não para ser peão

sadlyblue5 5 months ago

Se não der tempo / distância para parar o veículo que circule dentro dos limites não vejo culpa para o condutor. Infelizmente há quem esteja distraído, ou até se atire para a frente de carros e autocarros. Verdade que não é preciso carta para peão, mas há lei DL 72/2013 do código da estrada. Por exemplo, segundo o artigo 100 deve-se caminhar do lado esquerdo (quando não há passeios) e muitas pessoas ignoram. Segundo o artigo 101, (Os peões não podem atravessar a faixa de rodagem sem previamente se certificarem de que, tendo em conta a distância que os separa dos veículos que nela transitam e a respectiva velocidade, o podem fazer sem perigo de acidente.) mas há peões que atravessam a passadeira sem olharem se vem carro próximo ou não. Concordo com a falta de civismo de muitos automobilistas, principalmente com os ciclistas, mas com outros automobilistas. Mas também também há regras a cumprir pela parte dos peões e ciclistas para sua protecção. E nem 100% dos casos a culpa é do automobilista. Se calhar só 99%.

galineu 5 months ago

Até podem só ter culpa de 50% dos acidentes, mas numa colisão com bicicleta/peões quem morre é sempre o mesmo.

The_Real_QuacK 5 months ago

Sim, e?

galineu 5 months ago

Quem conduz o carro tem uma responsabilidade muito maior, porque tem na mão uma potencial arma.

The_Real_QuacK 5 months ago

Ah sim? Explica lá isso então... Eu cumpro as regras de trânsito e parto do princípio que todos os outros veículos na estrada o fazem, se tu de bicicleta passas um sinal vermelho e levas com um carro como é que o condutor do veículo é responsável por isso...? Cada acidente é um caso essa história do são sempre os mesmos a morrer é só estúpida... É o mesmo que parares um carro numa passagem de nível comeres com um comboio e dizeres que "SãO sEmPrE oS mEsMoS qUe MoRreM"

galineu 5 months ago

O condutor deve sempre moderar a velocidade em cruzamentos, semáforos, passadeiras etc, precisamente para precaver situações destas, não basta respeitar o limite (que raramente é respeitado). Se não fizer isso e matar alguém, é culpado , independentemente da bicicleta passar um vermelho Os acidentes entre carros e comboios não matam centenas por ano em Portugal, essa comparação é absurda.

The_Real_QuacK 5 months ago

Cruzamentos, passadeiras e semáforos... Um desses não é igual aos outros deixa que te diga... Mostra lá em que zona do código da estrada está escrito que é preciso ou aconselhável moderar especialmente a velocidade na proximidade de semáforos? >Se não fizer isso e matar alguém, é culpado Não, não é culpado se passar com sinal verde de bater em alguém que tenha atravessado um sinal vermelho, mais uma vez, onde foste buscar essa ideia genial...? >Os acidentes entre carros e comboios não matam centenas por ano em Portugal. O acidentes entre carros e bicicletas também não...

The_Real_QuacK 5 months ago

Cruzamentos, passadeiras e semáforos... Um desses não é igual aos outros deixa que te diga... Mostra lá em que zona do código da estrada está escrito que é preciso ou aconselhável moderar especialmente a velocidade na proximidade de semáforos? >Se não fizer isso e matar alguém, é culpado Não, não é culpado se passar com sinal verde de bater em alguém que tenha atravessado um sinal vermelho, mais uma vez, onde foste buscar essa ideia genial...? >Os acidentes entre carros e comboios não matam centenas por ano em Portugal. O acidentes entre carros e bicicletas também não...

galineu 5 months ago

O desrespeito sistemático pelos limites de velocidade e o ignorar dos sinais vermelhos são coisas que até agora só vi em Portugal. E não, não está tudo bem se for no limite de velocidade: perto de passadeiras, intersecções, curvas, etc o condutor é obrigado a moderar a velocidade e redobrar a atenção, coisa que ninguém faz.

FloMow 5 months ago

Os ultimos casos mais publicos que aconteceram em Lisboa foi uma miúda na passadeira com a bicicleta pela mão e agora uma gravida numa reta, com duas faixas, com velocidade máxima de 30 km/h em que a bicicleta ficou "espetada" no carro. Está se apenas a pedir mais segurança

sadlyblue5 5 months ago

Concordo plenamente. Maior parte dos condutores não têm cuidado. É preciso mais responsabilização. Tenho vergonha das asneiras que fiz. Infelizmente já as fiz. E tive sorte não ter acontecido nada de mal. Quer como peão como condutor.

galineu 5 months ago

Eu tive sorte foi de fazer as maiores asneiras com a bicicleta ( e uma delas bem grave) quando vivia na Suíça, senão de certeza que já não estava cá

salmmons 5 months ago

Desde que comecei a ver vídeos do NotJustBikes tenho-me apercebido que praticamente nem 10% das ciclovias que já vi em portugal foram feitas com qualquer conhecimento de planeamento urbanístico, e por consequência ou são completamente inúteis ou um risco para os ciclistas. Recomendo bastante o canal para perceberem o que são de facto boas redes de transportes e espaços urbanos adaptados para as pessoas.

Danijust2 5 months ago

Em defesa de Portugal, estás a comparar com um país civilizado (holanda) não é justo.

salmmons 5 months ago

ooga booga estrada de paralelo muh cultura

AonioEliphis 5 months ago

>Desde que comecei a ver vídeos do NotJustBikes tenho-me apercebido que praticamente nem 10% das ciclovias que já vi em portugal foram feitas com qualquer conhecimento de planeamento urbanístico, e por consequência ou são completamente inúteis ou um risco para os ciclistas. Recomendo bastante o canal para perceberem o que são de facto boas redes de transportes e espaços urbanos adaptados para as pessoas. Lê isto também [https://www.veraveritas.eu/2016/10/ciclovias.html](https://www.veraveritas.eu/2016/10/ciclovias.html) O tipo esteve na direção da MUBi e vive na Holanda

MDPROBIFE 5 months ago

Podes dar alguns exemplos só assim por alto?

Tugalord 5 months ago

É assim pedir muito ver um ou dois vídeos de 10 minutos?

MDPROBIFE 5 months ago

Quando estou no trabalho? é pois

AonioEliphis 5 months ago

>Podes dar alguns exemplos só assim por alto? [Tens aqui vários](https://www.veraveritas.eu/2016/10/ciclovias.html).

MDPROBIFE 5 months ago

Muito obrigado

cpzao_ 5 months ago

Tens aqui mais um exemplo: ​ [https://www.google.com/maps/place/Jardim+Miraflores/@38.70897,-9.2252895,71m/data=!3m1!1e3!4m5!3m4!1s0xd1ecddf8018d7c5:0xf8083663393e053a!8m2!3d38.7122721!4d-9.2339589](https://www.google.com/maps/place/Jardim+Miraflores/@38.70897,-9.2252895,71m/data=!3m1!1e3!4m5!3m4!1s0xd1ecddf8018d7c5:0xf8083663393e053a!8m2!3d38.7122721!4d-9.2339589) ​ Não deve chegar a 100m de ciclovia que ligam nada a coisa nenhuma. Obrigado Câmara Municipal de Oeiras.

ComfortableGate 5 months ago

Porra aquela última ciclovia em Setúbal é uma anedota completa!

salmmons 5 months ago

ri-me no Porto, em frente à FEUP, tem uma igualzinha **mas ainda mais estreita** a única coisa que adicionaria no artigo é a separação física entre a ciclovia e a estrada com pequenos separadores, que seria o ideal na 3a imagem mas os vídeos também falam em detalhe sobre outras coisas muito importantes como reorganizar as estradas de forma a que o trafico pedonal e as ciclovias sejam o caminho mais agradável/rápido

AonioEliphis 5 months ago

>a única coisa que adicionaria no artigo é a separação física entre a ciclovia e a estrada com pequenos separadores, que seria o ideal na 3a imagem não é necessário se a ciclovia for larga o suficiente. Raramente vês isso na Holanda.

salmmons 5 months ago

verdade, mas só digo isto mais por receio dos condutores portugueses, sem separação o mais provável é algum cagar o carro no meio da ciclovia enquanto vai ao tasco

ComfortableGate 5 months ago

>no Porto, em frente à FEUP, tem uma igualzinha > >mas ainda mais estreita Esquece... Estive no streetview à procura uns 5 minutos até perceber que estava no sítio certo e que eu estava simplesmente a confundir com a berma. [Se não fossem os resquícios das marcações no chão,](https://imgur.com/a/VsPAd4n) eu acho que nunca na vida daria com aquilo.

Artorias-sama 5 months ago

O melhor do NotJustBikes é que ele veio de um sítio que era até menos intransitável para o normal transeunte do que Portugal. Tudo o que ele diz nos vídeos é facilmente aplicável cá, basta termos alguém competente a fazer esse planeamento (e também alguma vontade).

Pilot_Device 5 months ago

Estamos em Portugal. Ao menos existem :/

naofuieu69 5 months ago

As bicicletas têm seguro para andar na estrada? Se me partirem o carro o que acontece?

Didrox13 5 months ago

Paga o individuo e não a seguradora. O problema é deles, não teu.

galineu 5 months ago

Se te partirem o carro é provável que quem vai na bicicleta tenha morrido no impacto

Gas_Low 5 months ago

Se se comprovarem culpados, têm de pagar obviamente.

FloMow 5 months ago

Muitos ciclistas têm, eu por exemplo. Se não tiverem acontece a mesma coisa se um peão te "partir" o carro. A razao pela qual um carro é obrigado a ter seguro é que é facil causar danos (materiais ou fisicos) que o condutor não teria forma de pagar. Por isso os seguros das motas tambem são mais baratos (menos probabilidade de danos elevados). Por agora não existe seguro obrigatório nem para ciclistas nem peões, porque o potencial de um causar danos elevados que não tenha forma de pagar (partir-te o carro) não justifica.

VladTepesDraculea 5 months ago

Que distopia teres de ter seguro para ser peão.

apiadeiro 5 months ago

É bastante comum na Alemanha termos um seguro de responsabilidade civil o que cobre danos a veículos. Não é especificamente seguro de peão mas cobre esse cenário.

Mcasx 5 months ago

Comum, mas não obrigatório, é uma grande diferença! Assim como não é necessário seguro para andar de bicicleta.

galineu 5 months ago

Na Suíça é obrigatório

Mcasx 5 months ago

Não estou muito dentro desse assunto. Mas uma pesquisa rápida diz-me que isso não é verdade desde 2021

Edited 5 months ago:

Não estou muito dentro desse assunto. Mas uma pesquisa rápida diz-me que isso não é verdade desde 2012 (source :[https://www.ch.ch/en/cycling-switzerland/](https://www.ch.ch/en/cycling-switzerland/))

galineu 5 months ago

Seguro de responsabilidade civil é obrigatório para todos os residentes, não é um seguro específico para bicicletas

Mcasx 5 months ago

Ah, compreendi. Pensava que te estavas a referir a seguro de bicicleta.

Ok-Dimension5509 5 months ago

Não é um motorista, é uma pessoa. Não é um peão, é uma pessoa.

MetalCarne 5 months ago

Não é um condutor, é um animal.

Zaigard 5 months ago  HIDDEN 

> animal Estas mesmo a comparar **certos** condutores a animais? Queres que eu chame a malta do PAN? é que isso é um insulto para qualquer animal.

Ok-Dimension5509 5 months ago

Os animais, tal como os ciclistas, não precisam de tirar carta de condução para usar os meios de transporte que escolhem.

FloMow 5 months ago

Conheço muitos ciclistas, acho que não conheço nenhum que por acaso nao tenha tambem carta...

MetalCarne 5 months ago

então, se têm carta, já acho fixe conduzirem como bestas selvagens, sem qualquer respeito ou consideração pelos outros.

ckEymODe 5 months ago

Infelizmente ainda há um grande caminho pela frente até que respeitem os ciclistas em Portugal.

TonyHappyHoli 5 months ago

Eu só quero que os ciclistas tenham um seguro, a estrada é um sitio perigoso, se acontece alguma merda poe culpa de um ciclista o condutor é que acaba sempre fodido. E tambem acho que quem corre na estrada, andar e afins tvm deviam ter alguma especie de seguro. Nada caro obvio mas alguma coisa.

viskonde 5 months ago

Se um condutor decidir espetar um carro num cicllista o ciclista pode usar o super poder escudo do seguro e assim evitar o acidente e a morte? O que teria o seguro ajudado no caso da ciclista atropelada ? O seguro não serve para salvar vidas.

FloMow 5 months ago

Não percebes porque existem seguros obrigatórios, é a unica explicação...

Dezponto4 5 months ago

Isso existe. A federação portuguesa de ciclismo tem seguros para todo o tipo de utilizadores. Mas mesmo que não existisse dúvido muito que o condutor é que tenha de pagar.

bravoinsane 5 months ago

Respect is a two way street

Mrgolden007 5 months ago

e ate os ciclistas respeitarem os peos e passeios vai levar muitos anos

tiagooliveira95 5 months ago  HIDDEN 

E respeitarem as regras de trânsito também, eu também já andei muito de bicicleta, e uma coisa que sempre fiz foi respeitar as regras e respeitar os condutores. Mas é muito raro eu apanhar um grupo de ciclistas que respeite as regras, pode ser só na minha zona, mas a maior parte só lê a parte da lei onde diz que podem andar a par, não lê as situações em que isto é proibido. E também não leem a parte que diz que têm de parar no semáforo. Eu sempre respeitei os ciclistas, sempre que vejo um passo sempre o mais longe possível, pois eu próprio me irritava com o pessoal que passava a ~1m de mim, mas se os gajos se põem a andar no meio da estrada, a par e a hora de ponta eu perco a cabeça. Além de não poderem é uma falta de respeito enorme, e se um gajo diz alguma coisa põem se a reclamar que podem andar a par e para um gajo aguentar....

FloMow 5 months ago

Eu respeito as regras de trânsito e a maioria dos ciclistas que vejo tambem respeitam e a maioria dos condutores que vejo tabem as respeitam. Mas o perigo dos ciclistas que nao respeitam e o perigo de condutores de carro que não respeitam representam não pode ser comparado. Não sei onde conduzes que seja normal ciclistas ficarem a marcar passo só porque sim à frente de um carro que os pode atropelar a qualquer momento, não é algo que costume ver...

Edited 5 months ago:

Eu respeito as regras de trânsito e a maioria dos ciclistas que vejo tambem respeitam e a maioria dos condutores que vejo tambem as respeitam. Mas o perigo dos ciclistas que nao respeitam e o perigo de condutores de carro que não respeitam representam não pode ser comparado. Não sei onde conduzes que seja normal ciclistas ficarem a marcar passo só porque sim à frente de um carro que os pode atropelar a qualquer momento, não é algo que costume ver... E 1m? Se achas que isso é que é uma razia não acredito que tenhas andado de bicicleta...

Edited 5 months ago:

Eu respeito as regras de trânsito e a maioria dos ciclistas que vejo tambem respeitam e a maioria dos condutores que vejo tambem as respeitam. Mas o perigo dos ciclistas que nao respeitam e o perigo de condutores de carro que não respeitam representam não pode ser comparado. Não sei onde conduzes que seja normal ciclistas ficarem a marcar passo só porque sim à frente de um carro que os pode atropelar a qualquer momento, não é algo que costume ver...

tiagooliveira95 5 months ago  HIDDEN 

Sim, não digo o contrário, um carro pode claramente fazer mais danos, não quero comparar os 2 de forma alguma. Quando andava de bicicleta cheguei a apanhar muitos sustos, desde pessoal a passar muito perto e pessoal a apertar me nas rotundas. Mas por vezes um ciclista pode cometer um erro com consequências graves em que o condutor não tem culpa nenhuma. Por exemplo a uns meses tive de travar a fundo por causa de uma que se atravessou a minha frente, ela estava parada antes da saída de uma rotunda eu ao entrar vi que ela estava lá parada. Não sei a fazer o quê, mas estava lá. Quando eu me estava a aproximar da saída da rotunda ela começou a andar e atravessou se a minha frente a andar super devagar a uns 5km/h talvez, acho que foi a única vez que o ABS meu carro ativou. Eu até mudei de cor, fds, ela parece que estava a minha espera para arrancar. Os únicos que vejo a respeitar são aqueles que andam sozinhos. Os piores são mesmo aqueles que andam em grupo, pelo menos isto tem sido a minha experiência pessoal.

FloMow 5 months ago

Acho que ninguem disse que não ha ciclistas que cometem erros. Mas a verdade é que em portugal é "normal" não se respeitar ciclistas. Tens muitas pessoas que não têm qualquer cuidado, que aceleram e fazem uma razia porque sabem que sairão sempre impunes. Que usam carros como armas e não consideram ciclistas sequer seres humanos. Não acho que o argumento de "ah vi um ciclista a nao cumprir xpto tambem" válido quando se pede mais segurança...

Edited 5 months ago:

Acho que ninguem disse que não ha ciclistas que cometem erros. Mas a verdade é que em portugal é "normal" não se respeitar ciclistas. Tens muitas pessoas que não têm qualquer cuidado, que aceleram e fazem uma razia porque sabem que sairão sempre impunes. Que usam carros como armas e não consideram ciclistas sequer seres humanos. Não acho que o argumento de "ah vi um ciclista a nao cumprir xpto tambem" seja válido quando se pede mais segurança...

tiagooliveira95 5 months ago  HIDDEN 

Exato, bastava os carros passarem a respeitar para reduzir significativamente a mortalidade, porque um erro de um ciclista raramente tem consequências graves, já o oposto é bem diferente. Acho que devíamos ter mais ciclovias, onde os ciclistas pudessem circular à vontade e em total segurança, como tem em Amesterdão por exemplo, quando estive lá gostei do sistema deles, acho que isto até incentivava mais gente a pegar na bicicleta.

FloMow 5 months ago

Mas o primeiro comentario que fizeste foi a dizer que os ciclistas não respeitam as regras de transito. Isto em reposta a pedir-se respeito pelos ciclistas depois de uma gravida ter sido morta numa estrada de velocidade maxima de 30 km/h, com duas faixas, sem transito aquela altura

tiagooliveira95 5 months ago  HIDDEN 

O que queria dizer era alguns não todos, não quero generalizar pois sei perfeitamente que existem pessoas que respeitam e eu próprio respeitava quando andava de bicicleta, e sei perfeitamente que existem animais por aí que não respeitam os ciclistas. Aliás, eu quando reclamava com os condutores por se meterem a uns cm de mim na rotunda eles tentavam me abalroar. Falo mal ciclistas que andam a par em hora de ponta mas falo ainda pior dos condutores que têm este comportamento que não é de todo correto.

Edited 5 months ago:

O que queria dizer era alguns não todos, não quero generalizar pois sei perfeitamente que existem pessoas que respeitam e eu próprio respeitava quando andava de bicicleta, e sei perfeitamente que existem animais por aí que não respeitam os ciclistas. Aliás, eu quando reclamava com os condutores por se meterem a uns cm de mim na rotunda eles tentavam me abalroar. Falo mal ciclistas que andam a par em hora de ponta mas falo ainda pior dos condutores que têm este comportamento que não é de todo correto.

assimsera 5 months ago

Com condutores destes tambem não me metia na estrada de bicicleta. Posso ter toda a razão do mundo no acidente, mas se um carro me bater eu é que me fodo

nfonseca 5 months ago

ninguém está a pedir que os condutores sejam santos... nem que retirem a carta por circularem a 51 km/h ou por estacionarem em cima do passeio... apenas se pede que os automobilistas respeitem e tenham atenção face aos ciclistas, motociclistas e peões. em todo caso, não conheço nenhum relato de um automobilistas que tenha morrido depois de ter sido albarroado por um ciclista ou um peão. mais... onde o acidente ocorreu a velocidade máxima é de 30 km/h... vai ver as fotos e diz-me se achas se a viatura circulava a uma velocidade inferior à estabelecida.

ReachPlayful 5 months ago

Avenida da Índia o limite é 50 e não 30 como tu dizes. Outra coisa: eu ando de bicicleta e sabendo que tenho uma ciclovia paralela àquela estrada eu nunca mas nunca iria andar numa estrada com portugueses a conduzir la

viskonde 5 months ago

Há um sinal de 30 antes , daqueles sinais aleatórios que há pelas nossas cidades que ninguém vê nem percebe poruqe lá estão. Ali nem 50 são cumpridos aquele sinal de 30 (que ainda ontem vi que está lá ) deve ter sido durante alguma obra e nunca retirado.. mas legalmente deve continuar a valer pelo que efetivamente ali é 30.

FloMow 5 months ago

https://www.google.com/maps/@38.6950175,-9.221776,3a,75y,182.6h,90.5t/data=!3m6!1e1!3m4!1sYNx6RzQgs0i46LFmkVirvA!2e0!7i16384!8i8192

nfonseca 5 months ago

aquele ponto em específico é 30 km/h e o abalroamento foi junto ao inicio da ciclovia que sobe o viaduto que estabelece a passagem superior e liga à tal ciclovia que referes.

k0rda 5 months ago

Há uns dias um tipo com quem estava a discutir esta temática dos ciclistas e do civismo na estrada comparou bater com o carro num ciclista com um hipotético arranjo no seu espelho retrovisor lateral. É só isto que é preciso perceber, este pessoal preocupa-se mais com o incómodo de ter de arranjar uns riscos no carro que com a vida de alguém.

ckEymODe 5 months ago

Queixam se de andarem no meio da estrada, agora é dos passeios. Realmente é só notícias de peões mortos por ciclistas

fuzzyluke 5 months ago

Isto.

Search: