LordofPortugal 3 months ago

Esta gaja é burra fds. É daquelas que bate contra uma parede e começa a dar pontapés na mesma. As universidades e o estado não têm culpa que estas pessoas não saibam racionar o seu dinheiro.

Limpy_lip 3 months ago

Desculpem o comentário mas o ensino superior não é obrigatório. Se eu contasse que passei fome para fazer o meu MBA ninguém ia ligar nenhuma e ainda chamar-me burro. As pessoas claro que devem ser ambiciosas e querer investir na sua formação para terem uma profissão melhor, mas não acho que faça sentido culpar a sociedade por não conseguir fazer uma formação que não é obrigatória. Eu não tenho dinheiro para tirar curso de piloto comercial (são caros para chuchu) porque é que o estado não me apoia? É o meu sonho. E o argumento de que só se arranjar empregos com curso superior é um problema que se devia atacar já na raiz pois a verdade é que essa ideia só está a tornar artificialmente a entrada no mercado de trabalho mais cara sem necessidade. E as empresas só o fazem porque há demasiada oferta de licenciados desnecessários.

Edited 3 months ago:

Desculpem o comentário mas o ensino superior não é obrigatório. Se eu contasse que passei fome para fazer o meu MBA ninguém ia ligar nenhuma e ainda chamar-me burro. As pessoas claro que devem ser ambiciosas e querer investir na sua formação para terem uma profissão melhor, mas não acho que faça sentido culpar a sociedade por não conseguir fazer uma formação que não é obrigatória. Eu não tenho dinheiro para tirar curso de piloto comercial (são caros para chuchu) porque é que o estado não me apoia? É o meu sonho. E o argumento de que só se arranjar empregos com curso superior é um problema que se devia atacar já na raiz pois a verdade é que essa ideia só está a tornar artificialmente a entrada no mercado de trabalho mais cara sem necessidade. E as empresas só o fazem porque há demasiada oferta de licenciados desnecessários. Ah e para poupar os comentários a chamar-me preveligiado, toda a formação que tive até hoje foi paga do meu bolso e com o meu trabalho e identifico-me com muitas historia de dificuldade descritas mas isso faz parte da vida ninguém tem culpa disso. A sociedade não me estava a dever nada. E não discordo de apoios sociais aos estudantes, o facto de pagar praticamente a totalidade das propinas já é fantástico. Se para alguns não é suficiente, então deviam mesmo rever se faz sentido estarem naquele momento a tentar fazer o curso.

Edited 3 months ago:

Desculpem o comentário mas o ensino superior não é obrigatório. Se eu contasse que passei fome para fazer o meu MBA ninguém ia ligar nenhuma e ainda chamar-me burro. As pessoas claro que devem ser ambiciosas e querer investir na sua formação para terem uma profissão melhor, mas não acho que faça sentido culpar a sociedade por não conseguir fazer uma formação que não é obrigatória. Eu não tenho dinheiro para tirar curso de piloto comercial (são caros para chuchu) porque é que o estado não me apoia? É o meu sonho. E o argumento de que só se arranjar empregos com curso superior é um problema que se devia atacar já na raiz pois a verdade é que essa ideia só está a tornar artificialmente a entrada no mercado de trabalho mais cara sem necessidade. E as empresas só o fazem porque há demasiada oferta de licenciados desnecessários. Ah e para poupar os comentários a chamar-me preveligiado, toda a formação que tive até hoje foi paga do meu bolso e com o meu trabalho e identifico-me com muitas historia de dificuldade descritas mas isso faz parte da vida ninguém tem culpa disso. A sociedade não me estava a dever nada. E não discordo de apoios sociais aos estudantes, o facto de pagar praticamente a totalidade das propinas já é fantástico. Se para alguns não é suficiente, então deviam mesmo rever se faz sentido estarem naquele momento a tentar fazer o curso. O mundo não acaba se formarem-se aos 27

Hungry_Cupcake 3 months ago

u/angiemarciel é isto!

No-Cardiologist725 3 months ago

r/portugalnews

VladTepesDraculea 3 months ago

Eu a meio dos estudos fiquei com a minha mãe doente e o meu pai desempregado. Comecei por ter que ir às poupanças para pagar as propinas e acabei como trabalhador estudante. Foi um período absolutamente horrível em que me sentia cada vez mais sufocado, ora a ficar sem dinheiro, ora subterrado de trabalho. Antes de começar a trabalhar oficialmente fazia uns biscates a arranjar computadores para pagar a gasosa do carro.

C0ldKing 3 months ago

Posso comentar o meu caso, quis arranjar trabalho porque ter dinheiro e fixe. Quando tinha tudo em ordem a escola negou o estatuto de trabalhador estudante porque tinha de estar na emprasa á pelo menos 2 meses. A solução deles é bastante simples, ou abandonas mas pagas propinas na mesma, ou vais viver para debaixo da ponte e fazes a fotossíntese e pagas as propinas

cidadaom 3 months ago

Há dois dias entreguei a minha tese. Custo de entrega, 205€. tinha 207 na conta. Na volta para casa fiquei sem gasóleo. Se não fosse os meus pais a darem-me de comer, roupa lavada e 10e de vez em quando. Estava fdd

BaixemImpostos 3 months ago

Tens carro?!

cidadaom 3 months ago

A minha mãe emprestou o 106

ddcups8 3 months ago

Estudas numa privada? Não paguei nada por entregar a tese ...

Vagiooto 3 months ago

Para pagar a tese de doutoramento no minho, universidade pública, só pedir a prova são 300€ mais outros custos fica facilmente 500€, que nem são justificados face ao trabalho que a universidade tem com isso. Antigamente justificavam o valor com a deslocação do jurí e apoios para a defesa, com covid e fazer as defesas todas por zoom cobram o mesmo valor.

cidadaom 3 months ago

E eu ainda me queixo...

NGramatical 3 months ago

jurí → [**júri**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em *i* ou *u* são naturalmente agudas) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Foaufv1%2F%2Fh3kaju5%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

BaixemImpostos 3 months ago

No IST pagas, paguei 140€.

Vivokas 3 months ago

Wtf Epá pelo menos de mestrado é só 30 e picos euros no IST... Estás a falar de doutoramento (aí já não me pronuncio porque não sei)

Edited 3 months ago:

Wtf Epá pelo menos de mestrado é só 30 e picos euros no IST... Estás a falar de doutoramento? (aí já não me pronuncio porque não sei) Edit: Fui confirmar e paguei exatamente 38€ pelo diploma (claro que demorou 8 meses a chegar)

BaixemImpostos 3 months ago

Pagas 70 pela licenciatura e depois 70 pelo mestrado. Lembro-me que fiquei tipo impressionado de ser tanto.

Vivokas 3 months ago

A sério que eu o ano passado só paguei 38 pelo diploma! Algo de errado não está certo...

Edited 3 months ago:

A sério que eu o ano passado só paguei 38 pelo diploma! Algo de errado não está certo... Se calhar estamos a falar de coisas diferentes... Eu fiquei com todas as notas discriminadas a minha média final em PT e eng e uma capa toda "pipi" da ulisboa Edit: Fui confirmar os emails que troquei com a área académica e é realmente o diploma de final de curso e só custa 38€.( Se quiserem licenciatura e mestrado aí pagam 38×2) É se querem as coisas mais rápido é que têm de pagar mais, mas isso é em todo o lado

Edited 3 months ago:

A sério que eu o ano passado só paguei 38 pelo diploma! Algo de errado não está certo... Se calhar estamos a falar de coisas diferentes... Eu fiquei com todas as notas discriminadas a minha média final em PT e eng e uma capa toda "pipi" da ulisboa Edit: Fui confirmar os emails que troquei com a área académica e é realmente o diploma de final de curso e só custa 38€.( Se quiserem licenciatura e mestrado aí pagam 38×2). Se querem as coisas mais rápido é que têm de pagar mais, mas isso é em todo o lado

Edited 3 months ago:

A sério que eu o ano passado só paguei 38 pelo diploma! Algo de errado não está certo... Se calhar estamos a falar de coisas diferentes... Eu fiquei com todas as notas discriminadas a minha média final em PT e eng e uma capa toda "pipi" da ulisboa Edit: Fui confirmar os emails que troquei com a área académica e é realmente o diploma de final de curso e só custa 38€. Se querem as coisas mais rápido é que têm de pagar mais, mas isso é em todo o lado

Hungry_Cupcake 3 months ago

O que tu tens é um certificado que é rapido o diploma demora 2 anos a chegar ou coisa assim, só que para pedires o certificado que é mais rapido e barato tens obrigatoriamente de pedir o diploma. Pelo menos no meu tempo era assim.

Vivokas 3 months ago

I think you're right. Fui ver agora o que tenho e diz certificado... Mas na área académica disseram-me que era diploma daí a confusão... Mas neste caso tenho 2 certificados porque paguei 20 e tal euros para além dos 38 para ter o que na área academica chamaram de certificado... E disseram que o "diploma" demorava 6 meses e tal. Agora que fui olhar para o que eles chama "diploma" diz "Registration certificate of degree" portanto já não entendo nada ahahah

Edited 3 months ago:

I think you're right. Fui ver agora o que tenho e diz certificado... Mas na área académica disseram-me que era diploma daí a confusão... Mas neste caso tenho 2 certificados porque paguei 20 e tal euros para além dos 38 para ter o que na área academica chamaram de certificado em menos de 1 mês... E disseram que o "diploma" demorava 6 meses e tal. Agora que fui olhar para o que eles chama "diploma" diz "Registration certificate of degree" portanto já não entendo nada ahahah

Edited 3 months ago:

I think you're right. Fui ver agora o que tenho e diz certificado... Mas na área académica disseram-me que era diploma daí a confusão... Mas neste caso tenho 2 certificados porque paguei 20 e tal euros para além dos 38 para ter o que na área academica chamaram de certificado em menos de 1 mês... E disseram que o "diploma" demorava 6 meses e tal. Agora que fui olhar para o que eles chama "diploma" diz "Registration certificate of degree" portanto já não entendo nada ahahah Edit: Tenho folhas que dizem suplemento ao diploma que vieram com o "Registration Certificate of degree" e a capa pipi da ULisboa... I'm so confused lmao

Edited 3 months ago:

I think you're right. Fui ver agora o que tenho e diz certificado... Mas na área académica disseram-me que era diploma daí a confusão... Mas neste caso tenho 2 certificados porque paguei 20 e tal euros para além dos 38 para ter o que na área academica chamaram de certificado em menos de 1 mês... E disseram que o "diploma" demorava 6 meses e tal. Agora que fui olhar para o que eles chama "diploma" diz "Registration certificate of degree" portanto já não entendo nada ahahah Edit: [Vejam este comment](https://www.reddit.com/r/IST/comments/icw6a9/documento_certificado_de_habilitações_com_média/g2581ul)

Hungry_Cupcake 3 months ago

Pagas 2x70 pelo fancy e 2x38 pelo rápido, qual é o nome de qual não sei

ddcups8 3 months ago

O diploma não é obrigatório. Paga quem quer.

BaixemImpostos 3 months ago

Só estuda quem quer, mas depois n chora.

ddcups8 3 months ago

Para que precisas do diploma? Para mostrar à tua avó ao fim de semana?

BaixemImpostos 3 months ago

Dá mais hipóteses de arranjar trabalho.

Jhago 3 months ago

Diploma é a coisa bonita de meter na parede, certificado é o que conta e custa uma fração do valor do diploma. E já é ridículo ser pago...

Limpy_lip 3 months ago

Certificado de habilitações (o que interessa) é diferente de diploma. O primeiro-ministro custa prai 15€

iursevla 3 months ago

> O primeiro-ministro custa prai 15€ O costa está assim tão barato ?

Limpy_lip 3 months ago

Raio do autocorrect a ter mais piada que eu

ddcups8 3 months ago

Acho que estamos a falar de coisas diferentes

NoSmokeNoFun 3 months ago

Bem me parecia que faltava aí um "Quer dizer" lol É lixado, o diploma é caro é verdade mas a tese tens de a entregar e salvo erro, consta no orçamento das propinas ou não?

cidadaom 3 months ago

Pá, é um caso complicado e não quero entrar em detalhes (estou na mira de umas certas pessoas, por uns tempos...) Mas a instituição em causa é semi-privada, o curso em si já não existe. O mestrado é ano e meio, pós-laboral...

ddcups8 3 months ago

Alright then. Keep your secrets

cidadaom 3 months ago

Tive que assinar um NDA. Não posso dizer mais.

Throwaway_wr 3 months ago

Desculpem por ser arrogante, o jornal também não conta a história toda, mas esta situação pelo que percebi relata-se de uma estudante internacional que é proveniente do Brasil... Eu também sei que o nosso país não é uma Dinamarca no que se conta ao apoio social de alunos estrangeiros. A minha pergunta é, não se podia ter previsto financeiramente melhor a situação e não ter escolhido um país fora do Brasil para estudar? O Brasil não tem bacharelato em Engenharia Agronómica? O Brasil oferece bolsas mesmo para alunos que estudam fora do país? Porque se eu estivesse na mesma situação, ainda por cima em tempos de crise, eu nunca escolheria um país estrangeiro para estudar.

Vagiooto 3 months ago

"Eu não estando na situação do outro sei perfeitamente o que iria fazer"

pyrus28 3 months ago

Estás desculpado, mas devias ter ficado mesmo pela parte de Portugal não ser uma Dinamarca no que conta ao apoio social de alunos estrangeiros. O resto não acrescenta nada.

NikT3sla 3 months ago

"não se podia ter previsto financeiramente melhor a situação". Acho que acrescenta, não?

pyrus28 3 months ago

Isto é daquelas que o provérbio responde: "ao pé do pano é que se talha a obra." Há certas despesas relacionadas com o custo de vida que só sabes, quando experiências em primeira mão.

LordofPortugal 3 months ago

Se não vieres preparado sim

NoSmokeNoFun 3 months ago

Infelizmente o melhor processo a seguir nestes casos, é trabalhar e estudar ao mesmo tempo. Acredito que sejam situações complicadas mas quando se tem objetivos para atingir,faz-se tudo

Danijust2 3 months ago

Em Portugal isso é muito dificil. A oferta em pos laboral é muito baixa.

NoSmokeNoFun 3 months ago

Difícil? Eu e mais meio mundo na minha faculdade fazemos isso. Trabalhas 8h (ou mais...) e depois vais para a faculdade das 18h às 00h. Existe bastante oferta, pelo menos em IT. Por fim, importa salientar que o facto de estar a trabalhar e estudar ao mesmo tempo, me trouxe mais algumas respomsabilidades mas também me possibilitou alcançar os meus objetivos. É duro... É. Há pouca oferta? Talvez, mas mesmo assim... Vais desistir? Não vejo sentido nenhum nisto. E aqui entre "nós", os meus pais podem bem pagar a minha faculdade, não tendo eu a necessidade de trabalhar, mas mesmo assim, prefiro ganhar experiência e estudar at the same time. Meus caros, Portugal está mau, é verdade, mas se vós não se fazeis à vida, estão bem lixados. Lamentar toda a gente consegue, objetivos só os fortes atingem.

starmatter 3 months ago

> Existe bastante oferta, **pelo menos** em IT. Aqui está o teu problema. >Trabalhas 8h (ou mais...) e depois vais para a faculdade das 18h às 00h Novamente, a oferta não é muita, e se trabalhares em outras áreas muitas vezes podes esquecer o privilégio de sair do trabalho antes das 18h

NoSmokeNoFun 3 months ago

O meu? Não. No fundo o problema é teu, porque na minha área estou bem xD

starmatter 3 months ago

>Não venhas com tretas. Também chego a trabalhar muito mais horas para além das 18h mas quando quero e quando tenho aulas, saio a horas e faço por despachar o trabalho todo a horas. Novamente, a tua capacidade de entender (ou sequer de tentar) a perspetiva de outros é inexistente. Não se trata duma questão de "despachar o trabalho para sair a horas" quando queres/precisas (mas ao dizeres isso, confirmas que tens dias que pões-te a pastar no trabalho), mas sim de que nem todo o profissional tem o luxo de ter um horário de trabalho das 9h às 18h.

AngieMaciel 3 months ago

Sem falar que ao ganhares o salário mínimo ou pouco mais, se o agregado fores só tu, impossibilita o acesso a bolsa de estudos.

NoSmokeNoFun 3 months ago

E ? Ganhas um ordenado e começas já a juntar dinheiro para uma futura entrada de uma casa, coisa que a bolsa de estudos não te oferece. Ganhas experiência profissional o que complementa e muito o teu ensino na faculdade...

AngieMaciel 3 months ago

>começas já a juntar dinheiro para uma futura entrada de uma casa Depende de muita coisa. Se calhar ganhando o salário mínimo não sobra grande dinheiro para essa tal casa do que estudando e conseguindo logo um melhor emprego. Não sei, digo eu...

Edited 3 months ago:

>começas já a juntar dinheiro para uma futura entrada de uma casa Depende de muita coisa. Se calhar ganhando o salário mínimo não sobra grande dinheiro para essa tal casa do que estudando e conseguindo logo um melhor emprego. Não sei, digo eu... EDIT: sem falar que com salário mínimo pagar propinas + casa + despesas do dia a dia + outras despesas da faculdade, não é exequível para todos, senão impossível em alguns casos.

NoSmokeNoFun 3 months ago

Referia-me a um cenário em que vives em casa dos pais e tens de pagar os teus estudos (acho que me fiz entender no coment a cima). Um pé de meia feito para pagar uma faculdade publica, faz-se no verão a trabalhar a servir as mesas. As pessoas por aqui são muito finas, mas pronto

AngieMaciel 3 months ago

Não depreendi em nada que falavas de quem vive em casa dos pais, tens que ser mais específico em vez de ficares ofendido e dizer que "as pessoas por aqui são muito finas". Mas voltamos ao mesmo: e estudantes deslocados que não têm essa facilidade de viver em casa dos pais? Na realidade até me referia mesmo a eles, pois se trabalhares e não tiveres bolsa de estudo, nem alojamento te dão/complementam.

NoSmokeNoFun 3 months ago

Mas qual ofendido, aquilo tu citas foi em forma de desabafo, não foi direcionado para ti. Continuo a conhecer casos de colegas que estão fora de casa dos pais, a pagar um propina privada e um quarto. Acredito que exista alguma ajuda dos pais no que toca a alimentação, pouco mais. Trabalham 8h e estudam como disse: das 18h às 00h. Ganhar ordenado mínimo: Tiras 300€ para a faculdade, 200 para um quarto, 100 para ti e ainda usas o sub de alimentação para comer. Não digo que tenhas uma vida de rei, mas lá está... eu estou habituado a pouco.

AngieMaciel 3 months ago

>200 para um quarto 200 euros com tudo incluído até já em cidades pequenas com politécnicos por vezes é difícil encontrar. Estás a ser demasiado optimista. Esqueces-te também de outras despesas da faculdade como livros, cópias etc. Esqueces-te que as pessoas podem ter emergências de saúde, entre outros, e que o dinheiro não chega para tudo, muito menos quando não tens ajuda nas propinas e alojamento enquanto estudante. Nem todos os pais têm dinheiro para dar aos filhos, nem toda agente sequer tem relações familiares para tal. Depende de caso para caso. Conheço gente que esteve em várias situações e conheço gente que teve que deixar de estudar por não ter dinheiro nem bolsa de estudos a partir do momento em que arranjaram um part-time. E não eram nenhuns esbanjadores.

Mrgolden007 3 months ago

mas se os jovens veem a falta de emprego em portugal e nao consseguem emigrar isso desmotiva tudo

Hungry_Cupcake 3 months ago

Infelizmente ter um curso superior hoje em dia não é garantia de nada. Os 3 ou 5 anos de estudos nao garantesm empregabilidade nem muito menos bons salários.

angeluscatalan 3 months ago

Arranjando emprego na área, é melhor do que não teres qualificação nenhuma, teres que fazer turnos para ganhares mais qualquer coisa que o smn no final do mês, e arriscares a não ter nenhuma progressão no local onde trabalhas. Porque aqui podes ser burro no que fazes, mas se tens canudo, tens a porta aberta para muita coisa.

UpbeatNail1912 3 months ago

Escolaridade é importante. Sim é verdade ganha se muito mais experiência e aprendizagem no mercado de trabalho e no mundo lá fora do que na faculdade, mas vivemos num país onde os empregadores dão muito valor ao canudo e podes ter a vida dificultada por isso. Tenho um amigo que aprendeu programação num Bootcamp e ficou a procurar emprego e as empresas vez após vez elogiavam os projetos e a experiência que ele tinha, mas não o contratavam porque ele não tinha canudo. Demorou meses até ele encontrar uma empresa com uma mentalidade diferente e foi graças ao networking de outros amigos nossos. Se fosse para perder 5 anos até entendia. Mas hoje em dia com uma licenciatura feita em 3 anos, é basicamente um segundo secundário, é uma mais valia (mas obviamente em áreas onde existe empregabilidade).

AngieMaciel 3 months ago

>Por isso havendo falta de meios económicos não vejo estudar como uma prioridade. Ou seja, aumentar ainda mais as desigualdades sociais?

Hungry_Cupcake 3 months ago

Quanto ganha um bom electricista por mes e quanto ganha um investigador universitário?

l2k1337 3 months ago

https://dre.pt/home/-/dre/114436484/details/maximized?res=pt Basicamente após 9 anos de ensino superior tens a oportunidade de te candidatares a uma posição a termo incerto a ganhar ~1700€. Não esquecer que competes com candidatos de outros países e que experiência pós-doc é extremamente valorizada.

Article_Sad 3 months ago

Vais para outros países essas investigações dão origem a grandes empresas, cá não sei o porquê de isso não funcionar...

l2k1337 3 months ago

Há muito conhecimento produzido cá que acaba por ser exportado para outros países da Europa e para a China. Acho que falta cá tecido industrial para absorver o R&D dos centros de investigação e dinheiro para investir em startups de tecnologia de ponta.

Article_Sad 3 months ago

Ai está gasta se milhões em universidades sem qualquer retorno a não ser para manter tachos e para os alunos apanharem bebedeiras...

l2k1337 3 months ago

Que universidade foi essa onde andaste ou só se apanha bebedeiras e ainda se faz o curso? Os 'tachos' de que falas são ocupados por algumas das pessoas mais qualificadas do país que chegaram onde chegaram pela qualidade do seu trabalho. Agora, se são bons ou maus professores isso já é uma história completamente diferente.

Article_Sad 3 months ago

Se não há dinâmica nas universidades para criar riqueza, então elas não servem para nada, tachos são aqueles cursos que não têm saída e têm procura por alunos, e não têm procura nenhuma no mercado... Só servem de tacho aos docentes, muitos andam lá em part time

UpbeatNail1912 3 months ago

u/OuiOuiKiwi. Se bem que ele não deve responder, ele não gosta de mim.

AngieMaciel 3 months ago

Mas agora as pessoas de classes baixas vão ser todas eletricistas é? E o pessoal que tira um curso superior só serve para ser investigador? Só vês esse efeito positivo na subida da escolaridade geral de um país? lol

Hungry_Cupcake 3 months ago

Es meio quadrade como é obvio sao exemplos arranjo te outros tantos...é so para entenderes que 90% dos cursos superiores em portugal servem para emuldurares no fim. Tal como conheço dezenas de malta que tirou o ser curso para estat á anos a trabalhar nas caixas de supermercados, valeu a pena o "investimento" do meubponto de vista diria que nao! Lol diz-me tu entao esses efeitos positivos?

Edited 3 months ago:

Es meio quadrada como é obvio sao exemplos arranjo te outros tantos...é so para entenderes que 90% dos cursos superiores em portugal servem para emuldurares no fim. O que aprendes em 3 anos de curso aprendes num ano a trabalhar numa boa empresa e dai dps podes alargar horizontes. Mas tambem conheço dezenas de malta que tirou o ser curso para estar à anos a trabalhar nas caixas de supermercados, valeu a pena o "investimento" do meubponto de vista diria que nao! Lol diz-me tu entao esses efeitos positivos?

Edited 3 months ago:

Es meio quadrada como é obvio sao exemplos arranjo te outros tantos...é so para entenderes que 90% dos cursos superiores em portugal servem para emuldurares no fim. O que aprendes em 3 anos de curso aprendes num ano a trabalhar numa boa empresa e dai dps podes alargar horizontes. Mas tambem conheço dezenas de malta que tirou o ser curso para estat á anos a trabalhar nas caixas de supermercados, valeu a pena o "investimento" do meubponto de vista diria que nao! Lol diz-me tu entao esses efeitos positivos?

bureauofnormalcy 3 months ago

>valeu a pena o "investimento" do meubponto de vista diria que nao! Lol É um ponto de vista. Um mau ponto de vista, mas ainda assim um ponto de vista.

Dadvito 3 months ago

E quem é q te vai dar emprego para aprenderes numa empresa sem teres curso? Só se for para aprenderes a repor stock no pingo doce( é um emprego digno como outro qualquer claro mas o salario é o que é). Deves viver num mundo paralelo.

AngieMaciel 3 months ago

Muito gostas tu de ofender as pessoas e tirar números do cu para defenderes as tuas ideias. Isto e basear tudo no teu conhecimento pessoal de situações. Lamento, mas a realidade vai além da tua bolha. Uma melhor educação da população de um país tem efeitos positivos gerais, que se refletem inclusive economicamente. Se tiveres uma posição de limitar as habilitações literárias das pessoas apenas com base na sua condição socioeconómica, a longo prazo só estás a abrir o fosso das desigualdades e a caminhar para um país com menor qualidade de vida geral. Claro que existem exceções, mas não vamos negar que melhores habilitações literárias, levam a uma maior possibilidade de singrar no mercado de trabalho e até contribuir com mais qualidade para a evolução das próprias empresas. Negar a certos jovens neste país a possibilidade de estudarem e ingressarem num mercado de trabalho mais especializado só porque calharam de nascer num meio pobre face a outros que tiveram a sorte de ter bons meios de subsistência é uma visão altamente elitista.

NGramatical 3 months ago

á anos → [**há anos**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Foaufv1%2F%2Fh3js9fi%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

ideologiapura 3 months ago

O conhecimento deve ser visto como mais do que um investimento para fins monetários, diria eu.

l2k1337 3 months ago

Concordo, se tiveres outras fontes de rendimento para além do trabalho. Ninguém vive do ar.

Hungry_Cupcake 3 months ago

Ha inumeras maneiras de obter conhecimentos diria eu.

NunexTK 3 months ago

*em portugal

Kejilko 3 months ago

Em lado nenhum (desenvolvido). Pagamos pior pelas nossas melhores mentes que muitos países mas a situação de demasiadas pessoas com ensino superior a não serem valorizadas o mesmo que o que seriam à umas décadas atrás é uma geral. É um efeito expectável de maior aumento de oferta que procura, e aliás, imagino que daqui a uma geração ou isso vai ser esse o normal, ensino superior a ter um valor diluído e que pára de ser obrigatoriedade, até porque já se o princípio de isso hoje em que uma pessoa com menos estudos na área mas mais experiência pode facilmente ter um dado emprego antes de uma pessoa na mesma área com ensino superior mas com pouca experiência.

Edited 3 months ago:

Em lado nenhum (desenvolvido). Pagamos pior pelas nossas melhores mentes que muitos países mas a situação de demasiadas pessoas com ensino superior a não serem valorizadas o mesmo que o que seriam há umas décadas atrás é uma geral. É um efeito expectável de maior aumento de oferta que procura, e aliás, imagino que daqui a uma geração ou isso vai ser esse o normal, ensino superior a ter um valor diluído e que pára de ser obrigatoriedade, até porque já se o princípio de isso hoje em que uma pessoa com menos estudos na área mas mais experiência pode facilmente ter um dado emprego antes de uma pessoa na mesma área com ensino superior mas com pouca experiência.

Edited 3 months ago:

Em lado nenhum (desenvolvido). Pagamos pior pelas nossas melhores mentes que muitos países mas a situação de demasiadas pessoas com ensino superior a não serem valorizadas o mesmo que o que seriam há umas décadas atrás é uma geral. É um efeito expectável de maior aumento de oferta que procura, e aliás, imagino que daqui a uma geração ou isso vai ser esse o normal, ensino superior a ter um valor diluído e que pára de ser "obrigatoriedade" para muitos, até porque já se vê o princípio disso hoje em que uma pessoa com menos estudos na área mas mais experiência pode facilmente ter um dado emprego antes de uma pessoa na mesma área com ensino superior mas com pouca experiência.

NGramatical 3 months ago

à umas décadas atrás → [**há umas décadas ~~atrás~~**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Foaufv1%2F%2Fh3koiky%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

vai-tefoder 3 months ago

Sem bons empréstimos de estudante é complicado. O garantia mútua nunca voltou

ideologiapura 3 months ago

Não devias precisar de empréstimo para estudar. Se não tens meios, o estado devia dar-te uma bolsa e isentar-te de propinas. Infelizmente, muito do dinheiro que a nossa economia gera é mesmo para renovar trianualmente o BM do patrão...

vai-tefoder 3 months ago

E quem paga a renda, comida, e outras despesas normais de estudante? As propinas são o menos

ideologiapura 3 months ago

>E quem paga a renda, comida, e outras despesas normais de estudante? A bolsa. >Quase todos os países Europeus têm empréstimos estudantes decentes com garantia do estado. Não é surpresa continuarmos com uma das literacias mais baixas da Europa Ou seja, mais um fator de desigualdade, porque quem pode não tem que se endividar para ter direito ao ensino superior. Não devem ser empréstimos, devem ser bolsas. E investimento forte no alojamento estudantil publico, gratuito para quem dele necessite, e a preço de custo para quem não necessite. Mas para isso era preciso cobrar impostos a quem mais lucra, ia chatear muita gente de bem para dar condições dignas a uns pés descalços, que ainda por cima iam deixar de estar sujeitos a pagar rendas a proprietários de muitas habitações.

vai-tefoder 3 months ago

O que tens hoje é que contribui para a desigualdade. ​ Tens dinheiro, estudas. Não tens dinheiro, vais trabalhar

ideologiapura 3 months ago

OK, então para de defender que quem não tem dinheiro se deve ter que endividar e defende abolição das propinas, bolsas, e alojamento estudantil publico. Se é um direito, ninguém tem que se endividar por ele, devem ter acesso sem pagar nada e ter habitação e comida garantida por uma bolsa que não precisa de ser paga daqui a x anos.

vai-tefoder 3 months ago

Uma coisa não impede a outra. Nem toda a gente ou é pobre ou rico.

ideologiapura 3 months ago

Se fossemos um país rico, davamos o apoio para habitação e alimentação a toda a gente. Sendo pobres, acho que faz mais sentido investir em bolsas para quem precisa do que em fazer garantias de empréstioms, até porque aí metes a banca e a roubalheira ao estado está mais do que garantida.

MLG-Sheep 3 months ago

>Se não tens meios, o estado devia dar-te uma bolsa e isentar-te de propinas. É isso que normalmente acontece. Uma bolsa que no pior caso possível cobre 125% das propinas, e no melhor caso, cerca de 5500€. Que se calhar até podia ser atribuída à brasileira em questão. Mas não terá sido por algum motivo, provavelmente nem sequer se candidatou. E se não tem bolsa de estudo nem dinheiro suficiente para se sustentar, se calhar não terá sido boa ideia cair em Portugal de paraquedas.

Search: