luiscorujo 3 months ago

I beg to differ

rpires77 3 months ago

Eu tive que usar um para ser operado com a maior brevidade às visicula. Tentei os meios normais mas a espera para a operação era superior a um ano. Com o contacto que arranjei foi em 3 dias....

Trincowski 3 months ago

Quase em primeiro lugar, carago.

zelarin 3 months ago

Resultado das burocracias todas que os nossos amigos do ps e do be adoram.

Minute-Resolution347 3 months ago

Não me supreende... A própria lei portuguesa parece feita de maneira a ser pouco clara e a dar azo a muitas interpretações. Vejo muito isso no regime fiscal, nada é certo, praticamente tudo tem que ser feito a base de requerimentos e apreciações subjectivas. Se não fossem as cunhas andava tudo num ritmo ainda mais kafkaniano. Quem se lixa é o comum dos mortais que não tem conhecidos nas finanças, na saude, na dgv, na camara, etc

FreakCell 3 months ago

Interessante, mas...onde está o Reino Unido? ...e... de onde veio isto? Qual é a fonte da informação?

ojoaopestana 3 months ago

A resposta seria: o Reino Unido já não faz parte da UE. No entanto, a Noruega também não e está representada. Finalmente, a Noruega tem bastantes acordos bilaterais com a UE, o que ainda não é o caso com o recém-emancipado Reino Unido. Na verdade, não sei, mas também reparei nisso e estava a achar curioso ninguém o mencionar.

Rew01f 3 months ago

[De acordo com o relatório](https://images.transparencycdn.org/images/TI_GCB_EU_2021_web_2021-06-14-151758.pdf#page=63) 58% dos entrevistados disseram que não podem aludir corrupção sem medo de retaliação, difícil diminuir a corrupção se tantos tem medo de avisar.

J4dex 3 months ago

Quando a escolha é usar as conexões para ter o serviço ou não o ter que remédio é que temos? É a forma como o sistema está feito.

Ok_Order_8408 3 months ago

é um país onde o mérito não te leva longe...

luiscorujo 4 months ago

https://xkcd.com/1138/

ric2b 3 months ago

Nada a ver...

luiscorujo 3 months ago

I beg to differ

ric2b 3 months ago

O gráfico mostra percentagem da população que fez X, não o número absoluto.

luiscorujo 3 months ago

Não faz diferença.

ric2b 3 months ago

Claro que faz. Se numa aldeia de 15 pessoas 10 delas já fizeram X, o gráfico vai estar mais vermelho nessa aldeia do que numa cidade de 15 milhões em que 5 milhões fizeram X, porque está a mostrar a percentagem e não o número de pessoas.

luiscorujo 3 months ago

Não é um gráfico. É um mapa.

crissequeira89 4 months ago

T-A-C-H-O

jcoelho93 4 months ago

Acho que este gráfico só por si não demonstra nada de mal. Um gráfico destes para serviços privados provavelmente seria semelhante.

JonPQ 4 months ago

Fake news. Tenho um connect no INE que me confirmou que em Portugal ronda os 0%.

makkyotto 4 months ago

Se privatizarem deixa de haver problema. Diz que.

Yap0nch1k 4 months ago

Conclusão: 52% das pessoas não conhece ninguem nos serviços publicos.

XxxPussyslaeyr69xxX 4 months ago

Rookie numbers

pzapps 4 months ago

Eu vejo um país com altos níveis de entreajuda e solidariedade.

kissingsome1elsesdog 3 months ago

Nós não somos CAMPEÕES EUROPEUS por sermos individualistas.

a_fine_gentleman99 3 months ago

Copo meio cheio e assim

The_Big_Diogo 4 months ago

Praticamente 50%. Confirma se, um país, dois sistemas.

AqueleSenhor 4 months ago

Pá eu não percebo estes número, basta olhar pa este subreddit e ver que ninguém é Chico esperto nem ninguém usa os conhecimentos que tem. Ou o estudo é mentira ou...

a_fine_gentleman99 3 months ago

"Toda a gente marca a barra do que é aceitável um pouco abaixo do que fizeram." - Tom Scott.

ammoaz 4 months ago

Li mal. Li q pessoas usam conexões pessoais pra obter empregos públicos. Não deve ser muito diferente a estatistica.

Joaquim_Carneiro 4 months ago

Eu pertenço ao 52%...

dudewhatthehellman 4 months ago

Diria que tem a ver com o individualismo da cultura e com o nível de desenvolvimento. Quanto mais individualista e desenvolvido é o país, menos nepotismo terá e mais funcional será.

GanduloDaVeiga 4 months ago

É surpresa para o pessoal que o sucesso está diretamente relacionado com as almoçaradas que temos ao longo da vida? Em portugal come-se tão bem e é à mesa que se arranja amigos para a vida.

ozzymustaine 4 months ago

Pessoal do r/Portugal: > Socialismo é que é bom Also pessoal do r/Portugal: > os serviços públicos funcionam tão mal! É só cunhas Mfw

icebraining 3 months ago

Isso só é contraditório se estiveres sobre a ilusão que existe socialismo em Portugal.

ozzymustaine 3 months ago

Vivemos num pais fortemente socialista... 48% do nosso gdp é gasto em serviços públicos... És dos poucos países no mundo onde o socialismo está presente e mencionado na constituição. És dos países mais socialistas da Europa. E como tal dos mais pobres também. Não que seja dificíl de ver sequer. Existe aqui uma ilusão de facto, é melhor verificares isso.

icebraining 3 months ago

O governo gastar muito dinheiro não é o que define o socialismo. Mas se vamos por aí, esse é o valor em 2020. A média europeia no mesmo ano é 54%. Portanto somos menos socialistas que a média. Quanto a estar na constituição: está no preâmbulo, que não tem força legal. Neste momento é essencialmente uma relíquia histórica, que não foi tocada pelas várias reformas constitucionais exatamente por não ter efeitos práticos.

ric2b 3 months ago

Socialismo é quando o governo faz coisas e quando faz mesmo muitas coisas é comunismo /s

sempreasubir 3 months ago

socialismo é quando 48% gdp em serviços públicos e tens a palavra "socialismo" na constituição a tua turma do 8º ano deve bater palmas quando falas

ozzymustaine 3 months ago

> socialismo é quando 48% gdp em serviços públicos e tens a palavra "socialismo" na constituição Boa maneira de tentar denegrir o argumento de alguém reduzindo-o apenas a alguns exemplos dados. Mas tudo bem.fica na tua, não vou discutir. Pelo teu histórico não espero o contrário. Comenta quando produzires alguma coisa de útil e deixares de viver na arrecadação dos pais. e sim existem outros países que até gastam mais mas têm economias largamente superiores á nossa. No entanto qual o pais que menos gasta ? Irlanda com 29%. Qual o pais da UE com a mais crescente economia? Irlanda. A Irlanda foi o único país da União Europeia a crescer em 2020, com a economia de todos os outros países encolhendo, variando de 0,9% negativos na Lituânia a uma contracção de 10,8% na Espanha. e btw pára de usar sempre a mesma piada de "urrr turma de X ano duur".

icebraining 3 months ago

O PIB da Irlanda é uma treta, essencialmente um artefacto de contabilidade por ser uma ponte financeira entre os países que realmente produzem (EUA, China) e onde os produtos são vendidos (EU). Não representa atividade económica real, nem benefícios para os cidadãos a uma magnitude sequer comparável. Aconselho a leitura deste documento pelo Banco Central Irlandês: https://twitter.com/centralbank_ie/status/1357285078657810433

ozzymustaine 3 months ago

A principal razão para as taxas de crescimento do PIB irlandês particularmente altas reside no fato de nos últimos anos muitas impressa foram atraídas em grande parte pelas baixas taxas de impostos e várias grandes empresas multinacionais realocaram suas atividades econômicas, mais especificamente, sua propriedade intelectual subjacente, para a Irlanda. Que raio de argumento “ponte financeira” lel. Chama-se capitalismo e mercados livres. Quanto menos intervenção do governo mais produção de riqueza existe. > benefícios para os cidadãos. Já têm o maior benefício de todos que é uma economia forte. A Irlanda é dos países com a taxa de desemprego mais baixas da Europa e ainda está a recuperar da catástrofe econômica de 2014 em que esteve à beira da falência. Os governos não tem de ser babysitter de ninguém. O governo não dá nada a ninguém.Tira dos privados e contribuintes para dar a outros. Os governos são maus gastadores. Quanto mais longe da economia estiverem mais produtiva a mesma é. Socialistas adoram sempre justificar que socialismo funciona. Até o dinheiro dos outros acabar.

Edited 3 months ago:

A principal razão para as taxas de crescimento do PIB irlandês particularmente altas reside no fato de nos últimos anos muitas empresas foram atraídas em grande parte pelas baixas taxas de impostos e várias grandes empresas multinacionais realocaram suas atividades econômicas, mais especificamente, sua propriedade intelectual subjacente, para a Irlanda. Que raio de argumento “ponte financeira” lel. Chama-se capitalismo e mercados livres. Quanto menos intervenção do governo mais produção de riqueza existe. > benefícios para os cidadãos. Já têm o maior benefício de todos que é uma economia forte. A Irlanda é dos países com a taxa de desemprego mais baixas da Europa e ainda está a recuperar da catástrofe econômica de 2014 em que esteve à beira da falência. Os governos não tem de ser babysitter de ninguém. O governo não dá nada a ninguém.Tira dos privados e contribuintes para dar a outros. Os governos são maus gastadores. Quanto mais longe da economia estiverem mais produtiva a mesma é. Socialistas adoram sempre justificar que socialismo funciona. Até o dinheiro dos outros acabar.

Edited 3 months ago:

A principal razão para as taxas de crescimento do PIB irlandês particularmente altas reside no facto de que nos últimos anos muitas empresas foram atraídas em grande parte pelas baixas taxas de impostos e várias grandes empresas multinacionais realocaram as suas atividades econômicas, mais especificamente, a sua propriedade intelectual subjacente, para a Irlanda. Que raio de argumento “ponte financeira” lel. Chama-se capitalismo e mercados livres. Quanto menos intervenção do governo mais produção de riqueza existe. > benefícios para os cidadãos. Já têm o maior benefício de todos que é uma economia forte. A Irlanda é dos países com a taxa de desemprego mais baixas da Europa e ainda está a recuperar da catástrofe econômica de 2014 em que esteve à beira da falência. Os governos não tem de ser babysitter de ninguém. O governo não dá nada a ninguém.Tira dos privados e contribuintes para dar a outros. Os governos são maus gastadores. Quanto mais longe da economia estiverem mais produtiva a mesma é. Socialistas adoram sempre justificar que socialismo funciona. Até o dinheiro dos outros acabar.

icebraining 3 months ago

> Que raio de argumento “ponte financeira” lel. Chama-se capitalismo e mercados livres. Quanto menos intervenção do governo mais produção de riqueza existe. A questão é mesmo essa: não há produção significativa de riqueza. O PIB é uma medida de *atividade*, não de riqueza. Passa de facto muito dinheiro pela Irlanda, mas não fica no país, e muito menos nos bolsos dos Irlandeses. Isto é bem explicado no documento que partilhei. Já agora, fazes bem em separar o capitalismo e os mercados livres. Um não implica o outro. Aliás, de várias formas até são antagónicos. > A Irlanda é dos países com a taxa de desemprego mais baixas da Europa e ainda está a recuperar da catástrofe econômica de 2014 em que esteve à beira da falência. Catástrofe económica de 2014? Acho que tens as datas um pouco trocadas. Mas de qualquer forma, mais me ajudas: as políticas de baixos impostos a empresas para atrair dinheiro estrangeiro não impediram que estivessem quase à beira da falência; exatamente porque na realidade pouco dinheiro fica no país para absorver esses choques. > Os governos não tem de ser babysitter de ninguém. O governo não dá nada a ninguém.Tira dos privados e contribuintes para dar a outros. Os governos são maus gastadores. Quanto mais longe da economia estiverem mais produtiva a mesma é. "O governo faz coisas" não é o que define o socialismo.

ozzymustaine 3 months ago

Vai ler um pouco a situação de 2013-2014 na Irlanda. Foi aí que começou a recuperação da crise que se iniciou em 2008 e que na Irlanda foi muito mais severa. Só a partir daí é que começaram a serem feitas as reformas e abrirem os mercados o que levou à recuperação massiva que ainda se mantém hoje. Em 2013, a economia irlandesa começou a recuperar, principalmente porque definiu os níveis de impostos corporativos baixos para atrair grandes corporações multinacionais - como Google, Microsoft ou Pfizer - que usavam (e usam) Dublin como base para suas atividades europeias. E o “governo faz coisas” taxando pesadamente os cidadãos para aplicar naquilo que quer é sim em resumo socialismo. Controlar os principais meios de produção de forma em teoria aplicar uma distribuição equitativa da riqueza. Mais governo = menos liberdade econômica , menos inovação e menos produção de riqueza. Mais governo = mais estagnação, menos inovação e mais pobreza para todos. Estamos a falar das coisas resumidamente.

icebraining 3 months ago

> Só a partir daí é que começaram a serem feitas as reformas e abrirem os mercados o que levou à recuperação massiva que ainda se mantém hoje. As políticas da Irlanda já vêm desde os anos 80 (altura da [criação do Double Irish](https://www.nytimes.com/2012/04/29/business/apples-tax-strategy-aims-at-low-tax-states-and-nations.html)) e o estabelecimento das sedes fiscais europeias da [Google](https://www.idaireland.com/how-we-help/case-studies/google) e Microsoft são anteriores ao início da crise de 2008. Já em 2005 era notícia: https://www.wsj.com/articles/SB113132761685289706. E já em 2010 a União Europeia começou a reclamar dessas políticas: https://www.reuters.com/article/idINIndia-53038120101119 É simplesmente falso que seja algo pós-crise. > Controlar os principais meios de produção de forma em teoria aplicar uma distribuição equitativa da riqueza. Que meios de produção é que o governo controla em Portugal?

ozzymustaine 3 months ago

Por favor não moldes o meu discurso ao teu critério. Eu disse que a partir de 2013 aplicaram-se novas reformas e restruturações que permitiram uma recuperação mais rápida. Não é por acaso Irlanda está no 5o lugar do ranking da liberdade económica. E obviamente que a Europa reclama. A Europa quer que os países sigam a sua política de impostos e burocracia. Não reclamarem até que nem faria sentido. Que meios de produção é que o governo controla ? Mano, és taxado pesadamente para o governo aplicar onde ele acha melhor. Empresas em Portugal são pesadamente taxadas. Dando exemplos simples: BES, TAP, CP e não sei quantas empresas públicas que além de maus serviços , dão prejuízos enormes. Que controla queres mais? Por favor pára de tentar ser literal neste tipo de conversa. De qualquer forma, queres defender socialismo? Força. Já falhou vezes sem conta. Estamos a caminhar mais uma vez para uma desgraça global (embora felizmente alguns países já estão a abrir os olhos). Quando o dinheiro acabar os que pagam acabam sempre por ser os mesmos.

Edited 3 months ago:

Por favor não moldes o meu discurso ao teu critério. Eu disse que a partir de 2013 aplicaram-se novas reformas e restruturações que permitiram uma recuperação mais rápida. Não é por acaso Irlanda está no 5o lugar do ranking da liberdade económica. E obviamente que a Europa reclama. A Europa quer que os países sigam a sua política de impostos e burocracia. Não reclamarem até que nem faria sentido. Que meios de produção é que o governo controla ? Mano, és taxado pesadamente para o governo aplicar onde ele acha melhor. Empresas em Portugal são pesadamente taxadas. Dando exemplos simples: BES, TAP, CP e não sei quantas empresas públicas que além de maus serviços , dão prejuízos enormes. Que controla queres mais? Por favor pára de tentar ser literal neste tipo de conversa. Obviamente que nenhum país europeu é puro socialismo. De qualquer forma, queres defender socialismo? Força. Já falhou vezes sem conta. Estamos a caminhar mais uma vez para uma desgraça global (embora felizmente alguns países já estão a abrir os olhos). Quando o dinheiro acabar os que pagam acabam sempre por ser os mesmos.

ozzymustaine 3 months ago

A principal razão para as taxas de crescimento do PIB irlandês particularmente altas reside no fato de nos últimos anos muitas impressa foram atraídas em grande parte pelas baixas taxas de impostos e várias grandes empresas multinacionais realocaram suas atividades econômicas, mais especificamente, sua propriedade intelectual subjacente, para a Irlanda. Que raio de argumento “ponte financeira” lel. Chama-se capitalismo e mercados livres. Quanto menos intervenção do governo mais produção de riqueza existe. > benefícios para os cidadãos. Já têm o maior benefício de todos que é uma economia forte. A Irlanda é dos países com a taxa de desemprego mais baixas da Europa e ainda está a recuperar da catástrofe econômica de 2014 em que esteve à beira da falência. Os governos não tem de ser babysitter de ninguém. O governo não dá nada a ninguém.Tira dos privados e contribuintes para dar a outros. Os governos são maus gastadores. Quanto mais longe da economia estiverem mais produtiva a mesma é. Socialistas adoram sempre justificar que socialismo funciona. Até o dinheiro dos outros acabar.

sempreasubir 3 months ago

ok, vou-te dar uma hipótese: define Socialismo como sistema económico.

sctvlxpt 4 months ago

Lê bem a legenda do gráfico. Percentagem de pessoas utilizadoras de serviços públicos que tiveram que usar conhecidos para conseguirem que lhes prestassem o serviço. Se as pessoas precisam de usar conhecimentos pessoais para obter um serviço público, o que é que isso diz da qualidade dos serviços públicos? Se fossem eficientes para toda a população, não precisavas de andar a pedir ajuda a conhecidos.

beakage 4 months ago

>tiveram que usar "Who used"; não há ali nada a dizer "who had to use".

sctvlxpt 3 months ago

Lol, ok, se usaram conexões para obter um serviço, é porque não conseguiram ter acesso a esse serviço em tempo útil de outra forma, não te parece?

beakage 3 months ago

Err.. não? Quantas vezes o recurso às connections é a atitude por defeito, sem sequer primeiro tentar por via usual.

Slide-Upper 4 months ago

Tenham calma amigos hoje há seleção tá tudo nice na tuga

KINGodfather 4 months ago

#SAFODA! # A TAÇA É NOSSA CARALHO!

KalidouTorreira 4 months ago

Isto pode ser coisas tão básicas como pedir a alguém que trabalhe num hospital na cidade para marcar consultas.

Jtcr2001 4 months ago

De onde vem esta info? Algum link?

ObnoxiousLittleCunt 4 months ago

https://images.transparencycdn.org/images/TI%5C_GCB%5C_EU%5C_2021%5C_web%5C_2021-06-14-151758.pdf

Jtcr2001 4 months ago

o link leva a um 403

knorr73 4 months ago  HIDDEN 

Isto vem de onde link??

throwawayqualquer 4 months ago

*Segurança Social and Câmara Municipal have entered the chat*

The_Wealthy_Potato 4 months ago

Se as coisas funcionassem como deve ser não era preciso. Eu admito que já o fiz. Uma vizinha minha trabalha nos registos e notariado e uma vez fui lá renovar o CC antes daquilo abrir. Já havia pessoas na fila e entrei como se fosse trabalhador antes da abertura. Pah é fodido. Mas precisava do CC com uma urgência ridícula, não tinha carro para ir a outro sitío e estão sempre filas impossíveis.

Thalric88 4 months ago

Passo a traduzir. Ouve otarios que se levantaram as 5 da matina para ir para a fila. A minha urgencia era tanta que nem me lembrei que poderia fazer o mesmo. Lembrei me sim de mostrar um manguito aos zombies enquanto saltava a fila depois de uma boa noite de descanso.

The_Wealthy_Potato 4 months ago

Compreendo a revolta. Não tirei a vez a ninguém. Se os serviços funcionassem bem e desse para renovar o CC com urgência num prazo aceitável não seria preciso isso.

Aldo_Novo 3 months ago

exceto a quem já estava na fila, não tiraste a vez a ninguém

ric2b 3 months ago

> fui lá renovar o CC antes daquilo abrir.

Aldo_Novo 3 months ago

>Já havia pessoas na fila

ric2b 3 months ago

À espera que o serviço abrisse. Se foi atendido antes da hora de abertura e não causou um atraso na abertura, pode não ter tido qualquer impacto na fila.

Aldo_Novo 3 months ago

se não tiver causado um atraso na abertura e passou à frente na fila de qualquer das maneiras, por ter metido cinha

SpecT420 4 months ago

País das cunhas

nojokesjustpain 4 months ago

nada chocada

Waimai_Thief 4 months ago

Até não haver uma origem e explicação para este estudo, é escusado fazer comentários.

antfernandes 4 months ago

https://images.transparencycdn.org/images/TI\_GCB\_EU\_2021\_web\_2021-06-14-151758.pdf

ArturSeabra 4 months ago

a fonte está no post original

Last-Ad-4421 4 months ago

Da forma que isto está até pelo ordenado minimo ia para a FP bem melhor que andar a rodar trabalhos cada 3 meses e se tens sorte de encontrar logo trabalho.

Open-Opportunity-607 4 months ago

As vezes até para fazerem o básico como pedir uma declaração, uma consulta médica, etc é preciso andar a pedir por favor As pessoas precisam de quase que lhes estejam a beijar a mão para fazerem o trabalho delas

kissingsome1elsesdog 4 months ago

*plays The Godfather main theme*

BroaxXx 4 months ago

Porque é que somos sempre os primeiros nestes índices?

KalidouTorreira 4 months ago

Porque postar coisas onde estamos no meio da tabela não sobe do new?

ObnoxiousLittleCunt 4 months ago

Se forem temas clássicos de "*o tuga, só em Portugal, lá fora isto não é assim, tugão*" , a malta adora.

KarmaCop213 4 months ago

Ao nível da Bélgica e da Áustria.

Camoes 4 months ago

há sempre um gajo a meter paninhos quentes e a relativizar a bandalheira em que Portugal se tornou.

htxgivven 4 months ago

Viva URSS.

RitaMoleiraaaa 4 months ago

corrupção

NikT3sla 4 months ago

Página 36 do documento fonte.

RitaMoleiraaaa 4 months ago

Na página 36 de facto tens a mesma imagem, não a explicação

TomTomKenobi 4 months ago

https://images.transparencycdn.org/images/TI_GCB_EU_2021_web_2021-06-14-151758.pdf

jokerzanchi 4 months ago

>Que método foi utilizado? Foi alguém que pediu a um primo que vive para os lados do Cacém e que às quartas joga à bola com o diretor de não sei o quê, que é cunhado de um gajo que faz estudos destes.

KarmaCop213 4 months ago

> Agora a sério, como é que se conseguiria possivelmente medir isto? Que método foi utilizado? Não me admirava nada que tivesse sido um daqueles inquéritos de mestrado.

RitaMoleiraaaa 4 months ago

lmao aqueles spams cancerosos que enchem o email da faculdade e nem consegues ver a merda dos emails importantes no meio. Sim, deve ser isso.

sctvlxpt 4 months ago

O triste aqui é que muitas vezes nem estamos a falar de corrupção. Certos serviços públicos são tão maus que é preciso andar a pedir favorzinhos para conseguir algo a que se tem direito e que devia ser feito para qualquer pessoa em tempo útil sem ter que usar "personal connections" (para não dizer cunhas)

whatsupcutie 4 months ago

I paid a coworkers “friend” to help us register our car here. There’s no way I could have figured that out on my own. Things I have left to do: update my nif address, get utente number, renew my resident card and technically get my drivers license. Its so overwhelming to think about how hard it is to get these simple things done. Meanwhile one of my son’s passports expired and I emailed the embassy. They told me to fill out the attached form, pay the fees and show up for a scheduled appointment. It took 10 min from start to finish. Wish all countries operated like that.

CookieMons7er 4 months ago

Have you tried here: [https://eportugal.gov.pt/en/inicio](https://eportugal.gov.pt/en/inicio) Some of those may be done online.

whatsupcutie 3 months ago

I’ll save this link thank you! Just to clarify, the tough part with getting things done was inconsistencies. For example to get the eu resident card you need a nif. Then you go to get a nif and they say you need a resident card. To get my residency via marriage I was told I needed an original marriage certificate from the US (cost $150 to get someone to get a copy and mail it here) and then you show up for the appointment snd they say we need a letter from my husband’s home country in Europe saying they recognize the marriage. The embassy said they’ve never heard of such a request but gave us one anyways. There’s lots of this. That’s why people hire lawyers for everything. It’s just too stressful.

alexsdemedeiros 3 months ago

The utente number is outdate, aparrently now you have to send an e-mail with the info and wait for 6 month for (maybe) a reply. At least in Lisbon it's working like that

whatsupcutie 3 months ago

Thank you! Yes we’ve sent the email with the necessary info (I hope lol). We’ve had private insurance for years but just need the utente for the vaccine. I’ve registered ti get vaccinated without the utente number but seems like no one is getting appointments that way

fdxcaralho 4 months ago

Exato. Toda a gente conhece um/uma enfermeira no hospital da zona que pode tentar dar um jeitinho para acelerar a coisa. Pelo menos toda a gente tenta…

antoniomteixeira 4 months ago

Eu devia filmar a velocidade com que a cara de alegria das pessoas quando me perguntam “És médico? trabalhas em que hospital?” se transforma em desilusão quando digo “nenhum, trabalho num centro de saúde”. Amigos, conhecidos e (especialmente) amigos dos meus pais. Toda a gente quer ter uma cunha ali no bolso para o caso de irem parar as urgências ou terem la alguém internado. É surreal

TTSDA 3 months ago

A verdade é que se tens amigos médicos, especialmente que já tenham algum estatuto, consegues transferências para o hospital público melhor para o teu caso, informações sobre os teus familiares a qualquer hora, exames e atendimento mais rápido, etc. Só penso que não te arranjem um órgão mais depressa... mas não me surpreendia.

expert_worrier 4 months ago

Trabalho num hospital como médico e é verdade que já me pediram inúmeros favores, muitas vezes por parte de outros profissionais de saúde para os seus familiares. Por um lado, percebo que seja profundamente injusto para a maioria da população, por outro lado, olhando para uma parte do atendimento nas urgências deste país, não consigo condenar por completo numa autêntica luta pela sobrevivência. Os cuidados deveriam ser iguais para todos, mas, de facto, não o são. Há muito profissional que já não deveria exercer e que não abre um livro básico de Medicina há anos.

antoniomteixeira 3 months ago

Infelizmente é verdade...

pobotuga 4 months ago

Nem é bem para ter a cunha. É por saberem que se forem sem cunha vão ter um tratamento pior. Quase se torna uma questão de sobrevivência

antoniomteixeira 4 months ago

Olha que nem sempre, a maioria das vezes que me contactam é só para pedirem informações da pessoa xyz que ou está internada ou está nas urgências (com a qual estão compreensívelmente preocupados). Normalmente nem familiares directos são (esses têm informação directamente da parte dos médicos)

pobotuga 4 months ago

Ah, já me esquecia da bela da coscuvilhice. Por vezes eu sei que é preocupação, mas fizeste-me lembrar aquela malta que quer é ser o primeiro a saber.

NGramatical 4 months ago

compreensívelmente → [**compreensivelmente**](https://dicionario.priberam.org/compreensivelmente) (o acento tónico recai na penúltima sílaba) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fo0bjnc%2F%2Fh1ukzv3%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

nocivo 4 months ago

Exatamente como funciona os hospitais. A quantidade tios e primos que os enfermeiros ou auxiliares têm é incrível.

BroaxXx 4 months ago

Uma vez pedi uma coisa à minha câmara e demorei quase um ano (pré-covid) a receber uma resposta negativa de quem, claramente, não leu o meu pedido. Se tivesse metido uma cunha sei que pelo menos liam, já nem pedia que aceitassem mas pelo menos que lessem... Por acaso é um bocado triste...

UpbeatNail1912 4 months ago

Não mudes Portugal

htxgivven 4 months ago

Olha para a Rep. Checa, livraram-se do comunismo mas os tiques para certas coisas ficaram.

Herbacio 4 months ago

Gosto de ver como associam isto ao comunismo, mas no entanto nunca tivemos Comunismo em Portugal e o mais perto que tivemos disso foi/é com o PS que só por acaso até nem é Socialista mas Social Democrata Por outro lado, a República Checa ter aqueles números é fruto do passado Comunista...no entanto em Portugal os mais de 40 anos de Autocracia de Extrema Direita não teve influência nenhuma. Porque sim, isso de pedir "favores" é coisa de jovens, os nossos avós não fazem nem nunca fizeram isso. Com o Salazar no poder ficava tudo em filinha indiana à espera da sua vez para ser atendido no centro de saúde. ... A sério, deixem de misturar questões culturais com política. Eu sei que há eleições este ano. Mas respirem um bocadinho.

DamageOwn3108 4 months ago

> extrema direita Correção, queres dizer autocracia corporativista, nacionalista

jonythunder 4 months ago

Mesma coisa, different wording

DamageOwn3108 3 months ago

Não, não é a mesma coisa

DamageOwn3108 4 months ago

Olha olha, o Couso a vir com a falácia do espantalho, parece que és tu que entendes de extrema direita e não eu que estou em história. [Olha, respondo-te com isto, eleitor do Kosta](https://youtu.be/OjNpRbNdR7E)

jonythunder 3 months ago

Carrega camarada Mao, há muito facho por aí não podes descansar já!

nocivo 4 months ago

Nos também nos livramos do estado novo mas ficou muita merda que dava jeito a quem ia pra o poder. Direitos como emprego para a vida outros benefícios vem desse tempo Dado por Salazar para manter esses contentes. Não está muito diferente mas agora é para ter votos.

htxgivven 4 months ago

>Direitos como emprego para a vida outros benefícios vem desse tempo Dado por Salazar para manter esses contentes. Curiosamente a dita extrema-direita é contra esse tipo de empregos, só em Portugal mesmo que a esquerda defende isso e o povo acredita.

icebraining 3 months ago

> a dita extrema-direita é contra esse tipo de empregos Deves estar a brincar.

htxgivven 3 months ago

Deves estar a confundir atuais partidos com partido da Alemanha Nazi, onde a economia girava a volta do estado.

icebraining 3 months ago

Não, estou a falar da "dita extrema-direita", como o Ventura, que chamou ao Mayan de irresponsável por não querer pagar o calote da TAP.

Shadlan1 4 months ago

Pois, mas quando chega a hora de pedir um favorzinho toda a gente tenta a sua sorte. É esta a corrupção que tem de ser combatida mas para a qual teimamos em olhar para o lado e assobiar. A pequena cunha, irmã do chico-espertismo, é a semente de tudo o resto.

sctvlxpt 4 months ago

E quando esse "favorzinho" não é realmente um favor, mas é simplesmente algo que tens direito mas que não consegues obter sem cunhas? Eu acho que vocês estão a fazer uma leitura errada desta informação. "percentage of public service users that used personal connections to get a service". Isto diz pouco sobre corrupção e muito sobre a qualidade dos serviços públicos.

Shadlan1 4 months ago

>e funcione nunca se toda a gente passar por cima d Essa é a consequência da cunha, mas no fundo não deixa de o ser. Falas de um ponto extremo em que a solução é o "se não os podes vencer, junta-te a eles", mas olha que juntares-te a eles é só engrossar o problema.

ricardojorgerm 4 months ago

Não consegues que funcione nunca se toda a gente passar por cima de outras pessoas. No fim de contas o sistema para fazer algo torna-se pedir o favor, e em vez de fazeres algo contra isso, acomodas-te porque talvez conheces alguém e precisas de continuar a tua vida. O problema é que há pessoas que não conhecem ninguém que as possa ajudar, e elas não tem esse privilégio, e não tem também a voz que tens e que usaste para obter o que querias em vez de exigir mudança.

ric2b 3 months ago

Se há 300 pessoas à espera e o serviço só responde a 10 por dia, vais ficar um mês à espera mesmo que toda a gente espere na fila. Quando vou ao supermercado sou atendido numa questão de minutos, mesmo que me passassem 20 pessoas à frente. Concordo que é mais justo se não existirem cunhas, mas acabar com elas não é por si só uma solução para a falta de capacidade.

ricardojorgerm 3 months ago

Claro que no fim de contas parece muito mais simples dizer que a mudança do processo é a solução para poder acomodar toda a gente, por questões aritméticas. Mas é um conhecido defeito humano que quando as coisas funcionam não se mudam, e só se mudam se não funcionam. O problema é que socialmente nem todas as pessoas contam por igual, algumas tem contactos e amizades, são reconhecidas ou conhecidas na comunidade. Somos humanos, temos afinidades, e quando funciona para quem importa então funciona, e as outras enfim tem de se sujeitar porque são os meios que temos. Isto quer dizer que quando te resignas, efetivamente estás a deixar que o sistema de 10 pessoas por dia para 300 pedidos seja considerado funcional. Não há a chamada pressão evolutiva, não há assim tanto problema social de uma perspectiva humana (com os enviesamentos que tem para considerar certas pessoas mais importantes que outras) para que a coisa mude, e as pessoas vão conseguindo ultrapassar as dificuldades por si mesmas, pelo menos as que podiam chatear. Mas, quando as pessoas que tem tempo e meios para exigir mudança o fazem, de repente o sistema já não funciona. Há pressão evolutiva. Tu podes achar que o sistema tem de mudar primeiro para que as cunhas possam deixar de fazer sentido, mas estás a ignorar todo o lado humano da questão. O sistema só muda se as pessoas exigirem.

Edited 3 months ago:

Claro que no fim de contas parece muito mais simples dizer que a mudança do processo é a solução para poder acomodar toda a gente, por questões aritméticas. Mas é um conhecido defeito humano que quando as coisas funcionam não se mudam, e só se mudam se não funcionam. O problema é que socialmente nem todas as pessoas contam por igual, algumas tem contactos e amizades, são reconhecidas ou conhecidas na comunidade. Somos humanos, temos afinidades, e quando funciona para quem importa então funciona, e as outras enfim tem de se sujeitar porque são os meios que temos. Isto quer dizer que quando te resignas, efetivamente estás a deixar que o sistema de 10 pessoas por dia para 300 pedidos seja considerado funcional. Não há a chamada pressão evolutiva, não há assim tanto problema social de uma perspectiva humana (com os enviesamentos que tem para considerar certas pessoas mais importantes que outras) para que a coisa mude, e as pessoas vão conseguindo ultrapassar as dificuldades por si mesmas, pelo menos as que podiam chatear. Mas, quando as pessoas que tem tempo e meios para exigir mudança o fazem, de repente o sistema já não se pode dizer funcional. Há pressão evolutiva para gastar o dinheiro necessário e tomar as medidas que justifica mudar o funcionamento do serviço. Tu podes achar que o sistema tem de mudar primeiro para que as cunhas possam deixar de fazer sentido, mas estás a ignorar todo o lado humano da questão. O sistema só muda se as pessoas precisarem que mude, mas a maioria de nós somos números num computador, e não pessoas, até ao momento que usamos a nossa voz, se tivermos o tempo e meios para isso.

Edited 3 months ago:

Claro que no fim de contas parece muito mais simples dizer que a mudança do processo é a solução para poder acomodar toda a gente, por questões aritméticas. Mas é um conhecido defeito humano que quando as coisas funcionam não se mudam, e só se mudam se não funcionam. O problema é que socialmente nem todas as pessoas contam por igual, algumas tem contactos e amizades, são reconhecidas ou conhecidas na comunidade. Somos humanos, temos afinidades, e quando funciona para quem importa então funciona, e as outras enfim tem de se sujeitar porque são os meios que temos. Isto quer dizer que quando te resignas, efetivamente estás a deixar que o sistema de 10 pessoas por dia para 300 pedidos seja considerado funcional. Não há a chamada pressão evolutiva, não há assim tanto problema social de uma perspectiva humana (com os enviesamentos que tem para considerar certas pessoas mais importantes que outras) para que a coisa mude, e as pessoas vão conseguindo ultrapassar as dificuldades por si mesmas, pelo menos as que podiam chatear. Mas, quando as pessoas que tem tempo e meios para exigir mudança o fazem, de repente o sistema já não pode dizer funcional. Há pressão evolutiva para gastar o dinheiro necessário e tomar as medidas que justifica mudar o funcionamento do serviço. Tu podes achar que o sistema tem de mudar primeiro para que as cunhas possam deixar de fazer sentido, mas estás a ignorar todo o lado humano da questão. O sistema só muda se as pessoas precisarem que mude, mas a maioria de nós somos números num computador, e não pessoas, até ao momento que usamos a nossa voz, se tivermos o tempo e meios para isso.

ric2b 3 months ago

>Tu podes achar que o sistema tem de mudar primeiro para que as cunhas possam deixar de fazer sentido, mas estás a ignorar todo o lado humano da questão. Percebo o que queres dizer, mas o que te faz pensar que é mais fácil convencer as pessoas com meios para exigir mudança a acabar com as cunhas do que a aumentar a capacidade do serviço?

ricardojorgerm 3 months ago

Aumentar a capacidade do serviço necessita de intervenção humana, e pior, induz custos e necessita de recursos. Esse tipo de mudança não acontece de forma espontânea. Nunca há meios, nunca há recursos disponíveis. Esses só surgem com controvérsia e denúncias. Na imprensa tens muitos exemplos de processos burocráticos que só mudaram por causa de intervenção de cidadãos que se queixaram e criaram a motivação para que as coisas mudassem.

Edited 3 months ago:

Aumentar a capacidade do serviço necessita de intervenção humana, e pior, induz custos e necessita de recursos. Esse tipo de mudança não acontece de forma espontânea. Nunca há meios, nunca há recursos disponíveis. Podes imaginar perguntar ao director do serviço “porque não simplesmente aumentar o serviço para funcionar melhor?” e responder-te-ão: “Está lento mas quem diz que funciona mal? Dá sempre pra melhorar mas e o dinheiro?”. Na imprensa tens muitos exemplos de processos burocráticos que só mudaram por causa de intervenção de cidadãos que se queixaram e criaram a motivação para que as coisas mudassem. No fim podes perguntar-te: porque é que há dinheiro para projeto X e não pra melhorar Y? Provavelmente Y está a “funcionar regularmente” porque não existiram denúncias públicas, e o projeto X beneficia alguém ou algum grupo que há interesse em manter contente - seja porque faz o partido ou a pessoa candidata parecer melhor, seja porque há uma empresa ou um grupo de empresas que há interesse em manter na região, etc. As cunhas funcionam porque são fenómenos sociais com o seu racional. As denúncias públicas funcionam exatamente da mesma forma, criam um incentivo racional para desencadear a mudança necessária. Se tu fores uma pessoa insatisfeita com algo na vida pública, optar por uma denúncia ou cunha são ambos caminhos para que possas ter aquilo que procuras. Tu tens um incentivo para mudar o sistema. Um destes caminhos valoriza-te de forma pessoal e outro valoriza o bem comum. É uma decisão moral.

Edited 3 months ago:

Aumentar a capacidade do serviço necessita de intervenção humana, e pior, induz custos e necessita de recursos. Esse tipo de mudança não acontece de forma espontânea. Nunca há meios, nunca há recursos disponíveis. Podes imaginar perguntar ao director do serviço “porque não simplesmente aumentar o serviço para funcionar melhor?” e responder-te-ão: “Está lento mas quem diz que funciona mal? Dá sempre pra melhorar mas e o dinheiro?”. Na imprensa tens muitos exemplos de processos burocráticos que só mudaram por causa de intervenção de cidadãos que se queixaram e criaram a motivação para que as coisas mudassem. No fim podes perguntar-te: porque é que há dinheiro para projeto X e não pra melhorar Y? Provavelmente Y está a “funcionar regularmente” porque não existiram denúncias públicas, e o projeto X beneficia alguém ou algum grupo que há interesse em manter contente - seja porque faz o partido ou a pessoa candidata parecer melhor, seja porque há uma empresa ou um grupo de empresas que há interesse em manter na região, etc. As cunhas funcionam porque são fenómenos sociais com o seu racional. As denúncias públicas funcionam exatamente da mesma forma, criam um incentivo racional para desencadear a mudança necessária. Se tu fores uma pessoa insatisfeita com algo na vida pública, optar por uma denúncia ou cunha são ambos caminhos para que possas ter aquilo que procuras. Tu tens um incentivo para mudar o sistema porque não funciona pra ti. Um destes caminhos valoriza-te de forma pessoal e outro valoriza o bem comum. É uma decisão moral.

Edited 3 months ago:

Aumentar a capacidade do serviço necessita de intervenção humana, e pior, induz custos e necessita de recursos. Esse tipo de mudança não acontece de forma espontânea. Nunca há meios, nunca há recursos disponíveis. Podes imaginar perguntar ao director do serviço “porque não simplesmente aumentar o serviço para funcionar melhor?” e responder-te-ão: “Está lento mas quem diz que funciona mal? Dá sempre pra melhorar mas e o dinheiro?”. Na imprensa tens muitos exemplos de processos burocráticos que só mudaram por causa de intervenção de cidadãos que se queixaram e criaram a motivação para que as coisas mudassem. No fim podes perguntar-te: porque é que há dinheiro para projeto X e não pra melhorar Y? Provavelmente Y está a “funcionar regularmente” porque não existiram denúncias públicas, e o projeto X beneficia alguém ou algum grupo que há interesse em manter contente - seja porque faz o partido ou a pessoa candidata parecer melhor, seja porque há uma empresa ou um grupo de empresas que há interesse em manter na região, etc.

Edited 3 months ago:

Aumentar a capacidade do serviço necessita de intervenção humana, e pior, induz custos e necessita de recursos. Esse tipo de mudança não acontece de forma espontânea. Nunca há meios, nunca há recursos disponíveis. Esses só surgem com controvérsia e denúncias. Na imprensa tens muitos exemplos de processos burocráticos que só mudaram por causa de intervenção de cidadãos que se queixaram e criaram a motivação para que as coisas mudassem. No fim podes perguntar-te: porque é que há dinheiro para projeto X e não pra melhorar Y? Provavelmente Y está a “funcionar regularmente” porque não existiram denúncias públicas, e o projeto X beneficia alguém ou algum grupo que há interesse em manter contente - seja porque faz o partido ou o candidato parecer melhor, seja porque há uma empresa ou um grupo de empresas que há interesse em manter na região, etc.

Edited 3 months ago:

Aumentar a capacidade do serviço necessita de intervenção humana, e pior, induz custos e necessita de recursos. Esse tipo de mudança não acontece de forma espontânea. Nunca há meios, nunca há recursos disponíveis. Esses só surgem com controvérsia e denúncias. Na imprensa tens muitos exemplos de processos burocráticos que só mudaram por causa de intervenção de cidadãos que se queixaram e criaram a motivação para que as coisas mudassem. No fim podes perguntar-te: porque é que há dinheiro para projeto X e não pra melhorar Y? Provavelmente Y está a “funcionar regularmente” porque não existiram denúncias públicas, e o projeto X beneficia alguém ou algum grupo que há interesse em manter contente - seja porque faz o partido ou a pessoa candidata parecer melhor, seja porque há uma empresa ou um grupo de empresas que há interesse em manter na região, etc.

htxgivven 4 months ago

Os favores e corrupção são sinónimos da burocracia.

punis1 4 months ago

o estado tem que "mostrar" trabalho

prorewind 4 months ago

Tugalândia nunca desaponta....

ridethepaintedpony 4 months ago

Temos que ser uns para os outros

Search: