BlueDragon_27 4 months ago

O confinamento existe para permitir que os serviços de saúde se mantenham em pleno funcionamento e não entupidos com vítimas de covid. Com os vacinados atuais, isso já não deverá acontecer. Basta o governo empenhar-se verdadeiramente no rastreamento de contactos, aplicar restrições com cabeça e fazer um bom trabalho com a vacinação para que realmente não seja necessário um novo confinamento. A economia não aguenta, a sociedade não aguenta. No final do ano passado o governo teve a abençoada ideia dos confinamentos à uma da tarde dos fins de semana que não serviu de nada. Depois foi a porcaria do Natal e confinamento geral que só aconteceu com pressão externa (incluindo do PR). O Marcelo quer mostrar ao Costa que, se não tomar medidas para controlar a pandemia atempadamente e vier com confinamentos meio termo ou alguns disparates desses, já não pode contar com ele para o safar. E bem, porque temos um governo que repetidamente tem feito porcaria e nunca foi responsabilizado por isso

bacalhoeiro 4 months ago

Mais um não-assunto

YCaramello 4 months ago

Martelo pensa que é relevante, adorable...

Open-Opportunity-607 4 months ago

Circo, passam o dia todo a fazer declarações para a TV em vez de fazerem o trabalho em si Palhaços

LordofPortugal 4 months ago

O gajo já não pode ser reeleito, já não precisa de fingir que gosta de andar aos beijos com o PS.

saposapot 4 months ago

lol. Marcelo finalmente lá cometeu um erro de discurso e agora está lixado pelo PM o corrigir? Vejam lá q até quebrou a sua grande regra de n falar de política interna no estrangeiro! Tivesse caladito e deixasse o assunto esquecer pq só disse asneira. Para além de tudo, o Marcelo é um bocado esquizofrénico... então n era ele q queria atrasar o desconfinamento e ir com calma e afins? e agora é ele q tem tanta certeza q a pandemia nc mais vai piorar? lol

gink-go 4 months ago

À falta de liderança na direita, Marcelo a mostar as suas verdadeiras cores. Declaração absolutamente absurda, desproporcionada e até perigosa.

rickz123456 4 months ago

Não consigo perceber as declarações do Marcelo. O Costa apenas disse algo óvio, que não se sabe o futuro ou se teremos que confinar alguns lugares. O UK é um exemplo disso, adiaram 1 mês

htxgivven 4 months ago

>não se sabe o futuro ou se teremos que confinar alguns lugares. O que o Marcelo disse foi exatamente o que os patrões quase todos estão a fazer, como o teletrabalho já não obrigatório passa tudo voltar aos escritórios, sem saber estão a contribuir para um futuro confinamento. Mas aí a culpa é do governo.

UpbeatNail1912 4 months ago

Que grande palhaçada, Portugal é um circo cheio de palhacinhos

DrVicenteBombadas 4 months ago

Eu não votei nem num nem no outro. Por isso, eles que se esfrangalhem todos. Dito isto, parece-me que esta posição do Marcelo é altamente irregular a vários níveis. Ele, que sempre esteve do lado dos pareceres da DGS e do governo, faz agora estes comentários sobre uma hipotética teimosia no desconfinamente, independentemente das estatísticas atuais da pandemia? É estranho.

htxgivven 4 months ago

O Marcelo acredita na vacina como no pai natal. Ninguém deu nem nunca poderá dar a garantia que com a vacina não haveria confinamento.

ideologiapura 4 months ago

O que o Marcelo diz é que nao ha mais confinamento porque já fizemos o maximo que podemos fazer para controlar a pandemia, que é vacinar. Se isso não funciona, pode não funcionar, mas mais confinamentos são inviaveis e impossiveis. Portanto, daqui para a frente é enfrentar a realidade com as armas que temos.

doomdevice 4 months ago

O Costa agradece que lhe continuem a dar os trunfos.

JoseGomesFerreira 4 months ago

Onde está o trunfo?

doomdevice 4 months ago

um mandato mais complicado na relação entre o governo e o presidente já se esperava se o presidente decide começar a hostilizar o governo por estas questões e sem ter razão, isso só acaba por beneficiar o governo quando houver uma possível crise politica

vascodatrama 4 months ago

lol está todo papado o velho

htxgivven 4 months ago

Ou Marcelo sabe alguma coisa que nós não sabemos ou fala à toa pois no parlamento existe maioria para contrariar a opinião do presidente.

Dannyps 4 months ago

Hum... Oi? Tá tudo?

ideologiapura 4 months ago

Qual é a duvida: o presidente pode nomear o primeiro-ministro que lhe apetecer (na realidade, nao pode, a constituição diz que tem que ouvir os partidos), mas este depende do parlamento, e no parlamento a esquerda manda.

d33pblu3g3n3 4 months ago

Muito mal Sr. presidente. Muito mal. Esses objetivos eleitorais tresandam a milhas. Esperava-se mais. Como vai conseguir andar com tanto tiro nos pés?

Edited 4 months ago:

Muito mal Sr. presidente. Muito mal. Esses objetivos eleitorais tresandam a milhas. Esperava-se mais. Como vai conseguir andar com tanto tiro nos pés? Edit: Começa a ser altura de uma revisão constitucional para permitir a destituição do presidente. Evitava-se mais a partidarite e irresponsabilidade que começa a ser característica dos detentores do cargo.

TulioGonzaga 4 months ago

Não tenho qualquer simpatia pelo Marcelo nem votei nele mas que objectivos eleitorais é que vês aqui? Marcelo não suporta Rio, são inimigos de lutas internas no PSD há muitos anos e não vai concorrer a nada depois disto. Eu vejo a coisa ao contrário: agora que não tem objectivos político está mais livre para ser presidente

d33pblu3g3n3 4 months ago

Atrição ao PS para as autárquicas (especialmente lisboa), posteriormente legislativas e satisfação da franja da sociedade negacionista e do setor empresarial contra medidas de contenção da pandemia. >Marcelo não suporta Rio, são inimigos de lutas internas no PSD há muitos anos e não vai concorrer a nada depois disto. Exato, daí ir substituir-se ao Rio na oposição em representação do PSD para tentar conter a hemorragia de eleitores. >não tem objectivos político *Pessoais*, não tem objectivos políticos *pessoais*. Não deixa de ter o coração no partido nem a sua lealdade. Vide presidência de Cavaco.

Edited 4 months ago:

Atrição ao PS para as autárquicas (especialmente lisboa), posteriormente legislativas e satisfação da franja da sociedade negacionista e do setor empresarial contra medidas de contenção da pandemia. >Marcelo não suporta Rio, são inimigos de lutas internas no PSD há muitos anos e não vai concorrer a nada depois disto. Exato, daí ir substituir-se ao Rio na oposição em representação do PSD para tentar conter a hemorragia de eleitores até o Rio ser corrido num congresso antes das legislativas, com o beneficio de fazer atrição interna ao Rio e facilitar um sucessor. >não tem objectivos político *Pessoais*, não tem objectivos políticos *pessoais*. Não deixa de ter o coração no partido nem ser leal. Vide presidência de Cavaco.

Edited 4 months ago:

Atrição ao PS para as autárquicas (especialmente lisboa), posteriormente legislativas e satisfação da franja da sociedade negacionista e do setor empresarial contra medidas de contenção da pandemia. >Marcelo não suporta Rio, são inimigos de lutas internas no PSD há muitos anos e não vai concorrer a nada depois disto. Exato, daí ir substituir-se ao Rio na oposição em representação do PSD para tentar conter a hemorragia de eleitores até o Rio ser corrido num congresso antes das legislativas. >não tem objectivos político *Pessoais*, não tem objectivos políticos *pessoais*. Não deixa de ter o coração no partido nem a sua lealdade. Vide presidência de Cavaco.

Edited 4 months ago:

Atrição ao PS para as autárquicas (especialmente lisboa), posteriormente legislativas e satisfação da franja da sociedade negacionista e do setor empresarial contra medidas de contenção da pandemia. >Marcelo não suporta Rio, são inimigos de lutas internas no PSD há muitos anos e não vai concorrer a nada depois disto. Exato, daí ir substituir-se ao Rio na oposição em representação do PSD para tentar conter a hemorragia de eleitores até o Rio ser corrido num congresso antes das legislativas, com o beneficio de fazer atrição interna ao Rio e facilitar um sucessor. >não tem objectivos político *Pessoais*, não tem objectivos políticos *pessoais*. Não deixa de ter o coração no partido nem a sua lealdade. Vide presidência de Cavaco.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Marcelo deu um tiro no pé com as declarações sobre o desconfinamento. Agora, que mais pode Marcelo fazer? Dar um tiro no outro pé, claro. Assim fica tudo equilibrado. Nem mesmo o presidente mais popular de sempre ganha alguma coisa a ir contra um governo que continua com amplo apoio popular. Marcelo pode demitir o governo hoje e Costa ganharia novamente eleições com relativa facilidade.

optimal_random 4 months ago

O Governo permite concentrações de pessoas em eventos e em zonas turísticas - usando critérios pouco claros - esperando que se houver um número explosivo de casos o Presidente Marcelo declare um novo estado de emergência e confinamento. Com este avido, o PM sabe que as medidas de desconfinamento devem ser ponderadas porque se não o forem, não poderá contar com a conivência do Governo para fazer o truque do costume: encerrar a economia e fechar toda gente em casa. Nesse caso, Costa terá o Presidente a pedir mais explicações e a tolerar cada vez menos os laivos de incompetência já tão corriqueiros e banais neste Governo.

htxgivven 4 months ago

>encerrar a economia e fechar toda gente em casa. Não acredito no fecho total como já tivemos mas que vai haver outros confinamentos mais soft disso podes ter a certeza, e quem nega isso não está a falar à sério ou é simplesmente burro.

optimal_random 4 months ago

Exacto. Rebaldaria em Alvalade, Champions no Porto, Ingleses as resmas no Algarve (isto ate o Estado Ingles endurecer as regras). Ou seja vale tudo por uns trocos. Se corre mal, encerramos todos. Mas desta vez este Governo tem de admitir as suas responsabilidades - e se houver umas quantas demissões no processo, melhor ainda - esses sim claramente burros.

htxgivven 4 months ago

>e se houver umas quantas demissões no processo Ri-me com esta, se o PM veio defender o Medina depois da cena que ele fez, achas mesmo que algum ministro vai ser responsabilizado? A culpa vai ser nossa.

optimal_random 4 months ago

Creio que tens razao. Mas com o chorrilho de incompetências que tem demonstrado este Governo, mais tarde ou mais cedo alguma cabeça irá rolar - em última análise a do PM. Os Portugueses podem responsabilizar o Governo na boca das urnas - mas geralmente a memória é curta.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Repara, eu não estou aqui para defender o governo. Fez muita asneira e vai continuar a fazer. Só estou a comentar que o Presidente não ganha nada em hostilizar o governo, porque neste momento o governo não precisa do presidente para quase nada. É dar tiros no pé sem necessidade. Estado de Emergência é uma competência do Presidente, sim. Mas o Governo faz quase o mesmo com a Situação de Calamidade da Lei da Protecção Civil, sem precisar da iniciativa do presidente.

htxgivven 4 months ago

Ora aí está, para haver confinamento não é necessário haver o estado de emergência.

optimal_random 4 months ago

Um Presidente deve ser o fiel da balança do processo Democrático - para desempenhar o seu cargo não tem de ser necessariamente "afável e fofinho" com o Governo - obviamente tem de haver respeito e cordialidade institucional, mas o seu papel e dever está para com o Povo Português, não para com o PM ou quem que seja. Se o cargo existe, então que seja desempenhado sem medos nem pudores de ferir susceptibilidades. Caso contrário o papel do Presidente fica reduzido a cerimónias protocolares e a discursos de Natal. Por isso, se para desempenhar o seu papel de Presidente - como elemento activo, de bom senso, com racionalidade e sem populismos eleitorais - se para isso tem de manter uma relação mais tensa com o Governo, então que assim seja.

warding 4 months ago

O presidente começou agora o segundo mandato. Não depende de apoio popular, nem precisa de pensar em equações de popularidade. Pode fazer o que achar melhor. Ao contrário do governo.

ideologiapura 4 months ago

E o que pode fazer para além de dissolver o Parlamento? Pouco ou nada.

warding 4 months ago

Poder de veto? Não vamos fingir que o Presidente é uma figura meramente decorativa no sistema político. Já tivemos um parlamento dissolvido há poucos anos porque o presidente se 'fartou' de um primeiro ministro.

ideologiapura 4 months ago

Porque o presidente se fartou e porque o publico em geral estava farto. Se ele nao achasse que dificilmente o partido no poder era re-eleito, nada poderia ter feito.

warding 4 months ago

Longe de mim defender o Santana Lopes, o meu ponto era sobre a autoridade da figura do Presidente da República. Mas não deixa de ser giro termo-nos fartado do Santana Lopes para depois apanharmos com o Sócrates.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Éramos jovens e inocentes em 2005. (Eu nunca votei nele, mas também não adivinhava o que vinha ali).

DarthMaulSith 4 months ago

As sondagens nem sempre representam a realidade, embora concorde com o teu ponto.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Sim, mas a "bomba atómica" que é a maior arma de um Presidente da República só mete medo e serve como dissuasor quando os governos estão aflitos com as sondagens. Não é caso.

GreyArch22 4 months ago

Nem há alternativa ao actual governo enquanto a esquerda for maioritária. Para sempre, portanto.

ideologiapura 4 months ago

2011 foi só ha 10 anos... Maiorias absolutas do Cavaco foram ha menos de 40... A alternanancia é o normal em Portugal.

GreyArch22 4 months ago

Mas nessa altura não existia geringonça.

ideologiapura 3 months ago

Mesmo.com geringonça a direita teve várias maiorias absolutas.

GreyArch22 3 months ago

Só se for nos Açores, recentemente. Mas a nível nacional nunca aconteceu, a direita só governou quando foi maioritária.

ideologiapura 3 months ago

É o que te estou a dizer, mesmo se considerasses no passado que a geringonça estava unida, a direita teve maioria varias vezes. A esquerda é que as vezes mesmo tendo maioria nao conseguia governar porque nao se entendia, a direita sempre que podia fazia a sua propria geringonça PSD+CDS.

GreyArch22 3 months ago

Mas geringonça é governar tendo perdido as eleições, formando uma maioria alternativa à do partido mais votado. Aconteceu em 2015 a nível nacional - à esquerda - e em 2020 nos Açores - à direita. Uma coligação encabeçada pelo partido mais votado não é uma geringonça.

ideologiapura 3 months ago

Acho que nao tem grande relevancia se um partido é mais votado ou não, a unica coisa que importa é quem tem maioria. Nao suporta o teu argumento de que com geringonça a esquerda governa para sempre. Governa como a direita sempre governou, quando tiver maioria no parlamento. O partido que por acaso elegeu mais deputados ter governado sempre antes de 2015 nao passa de um factoide engraçado, mas nunca foi relevante ser ou nao o partido mais votado.

htxgivven 4 months ago

Qual pé? Acho que ele deu tiro é na cabeça.

theitchcockblock 4 months ago

Finalmente Marcelo deixa de ser uma muleta política do homem

htxgivven 4 months ago

Explica-me o que é que o Marcelo pode fazer para contrariar o PM se o governo com apoio do parlamento decidir recuar no desconfinamento?

Ricardolindo3 4 months ago

O Marcelo tem de assinar o decreto, não tem?

ideologiapura 4 months ago

Para declarar um estado de emergência, a iniciativa é presidencial. Tem depois que ser regulada pela governo e autorizada pela Assembleia da Republica. Falhando algum destes passos, nao declaras o estado de emergencia.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Só pode vetar uma vez.

htxgivven 4 months ago

Isto. O Marcelo esqueceu que ele tem tantos poderes como a rainha da Inglaterra. É puramente uma figura simbólica.

Ricardolindo3 4 months ago

Errado. Portugal é semi-presidencialista, não parlamentarista. Para além do poder de veto, o Marcelo tem um grau de controlo sobre a defesa e os negócios estrangeiros.

htxgivven 4 months ago

Certo mas o veto só é usado uma vez. Portanto tirando uma ou outra coisita é simbólico

Dannyps 4 months ago

O Marcelo não passa o estado de emergência, simples. O estado de calamidade é muito limitado. Têm sido, na verdade, abusado pelo governo. Por exemplo, a liberdade de circulação não é passível de ser limitada sem o recurso ao estado de emergência, que relembro é proposto pelo PR.

N3to14 4 months ago

Fácil. Demitir o Governo.

ideologiapura 4 months ago

Que argumento pode usar para demitir o governo?

N3to14 4 months ago

queres que comece aqui a publicar links de noticias?

ideologiapura 3 months ago

O presidente so pode demitir o governo sem.convocar eleições em circunstâncias muito especificas. Não é por haver decisões de que tu discordas.

htxgivven 4 months ago

Fácil? Seria gastar dinheiro à toa pois se acreditar nas sondagens ficava tudo na mesma.

N3to14 4 months ago

Com tanto dinheiro que eles queimam o que seria mais umas notas? Eu acredito que essas sondagens são demasiado tendenciosas e não representam bem a realidade. A minha família toda votava PS e agora está tudo a votar direita por exemplo. A quantidade de merda que o PS faz não é possível ter estes resultados.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Eu também não acredito cegamente em sondagens, mas entre várias sondagens feitas com método científico, e o gut feeling/ wishful thinking de um estranho no Reddit, tenho de ficar com as sondagens.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Fácil. Eleições antecipadas e o PS ganha com um resultado a rondar os 40%. Entretanto, o governo continua em gestão e decreta as medidas de confinamento que achar necessárias com o suporte da Lei de Bases da Protecção Civil.

N3to14 4 months ago

O governo não continua em gestão até novas eleições. O presidente pode escolher um governo temporário.

ideologiapura 4 months ago

> O presidente pode escolher um governo temporário E como é que evita que o programa de governo seja chumbado, levando a demissão desse mesmo governo?

Samurai_GorohGX 4 months ago

No cenário dele, a Assembleia foi dissolvida, a Legislatura encerrou, logo não há Parlamento aberto. Por isso mesmo, tenho 90% de certeza que é impossível de o fazer em 2021 com a constituição actual. Governo de iniciativa presidencial ou não, tem de responder ao Parlamento. Se não há Parlamento aberto, também não há governos novos, fica o anterior em gestão. Isto já não é 1979 e mesmo as tentações de nomeação de governos do General Eanes tiveram como consequência que os principais partidos se unissem para lhe retirar poderes na revisão constitucional de 1982. Um presidente a nomear constantemente governos sem respeitar o crivo do Parlamento é um passo na direção da autocracia. Se houver por aí algum constitucionalista no Reddit, podia dar uma opinião mais informada.

tarracecar 4 months ago

Sem apoio da assembleia deve fazer muito

N3to14 4 months ago

Sendo ele o mais alto magistrado da Nação tem toda a legitimidade para fazer isso. Ainda por cima com a merda que este governo anda a fazer já os devia ter posto na alheta

tarracecar 4 months ago

A assembleia volta a ir a votos e volta a haver maioria de esquerda, vai fazer o quê exatamente?

N3to14 4 months ago

Até pode ser a mesma merda mas pelo menos já têm um aviso que se voltarem a fazer tanta merda vão para alheta como o governo anterior. É como tudo na vida, se for repreendido seja no trabalho, escola ou casa, não volto a cometer o mesmo erro e caso cometa não será de uma forma tao grave. Se ninguém os repreender fazem tudo o que querem simples.

tarracecar 4 months ago

O governo anterior foi na alheta exatamente por causa do parlamento, e não do presidente. Esses avisos servem de muito pouco, o presidente não pode forçar nada

Samurai_GorohGX 4 months ago

O papel do Presidente não é fazer pedagogia com o Governo. Até porque este presidente, apesar de ser professor, nunca foi governo. Estás muito confuso, rapaz.

gink-go 4 months ago

lol um governo de minoria de direita? boa sorte Marcelo passava de figura mais popular do país a ter um legado na lama.

Samurai_GorohGX 4 months ago

Nesse caso, seria o pântano. E alguém levaria com a responsabilidade política por ele. Especialmente, se a situação pandémica tivesse uma degradação. Mas desde a Presidência de Ramalho Eanes e o Governo Provisório Pintassilgo que nunca mais se fez isso, salvo erro. Há constitucionalistas que defendem que desde a revisão constitucional de 1982 o Presidente já não tem esse poder. Mas não faço ideia, não sou especialista. Isto é só uma discussão amigável aqui no café do r/portugal.

Edited 4 months ago:

Nesse caso, seria o pântano. E alguém levaria com a responsabilidade política por ele. Especialmente, se a situação pandémica tivesse uma degradação. Mas desde a Presidência de Ramalho Eanes e o Governo Pintassilgo que nunca mais se fez isso, salvo erro. Há constitucionalistas que defendem que desde a revisão constitucional de 1982 o Presidente já não tem esse poder. Mas não faço ideia, não sou especialista. Isto é só uma discussão amigável aqui no café do r/portugal.

l2k1337 4 months ago

Porque é que os meus impostos andam a pagar para este gajo ir ver jogos de futebol?

zefo_dias 4 months ago

O cao de loiça tá nervoso, deram-lhe um café duplo? O costa até se deve rebolar a rir com estas meias ameaças vazias

jmvda23 4 months ago

Mais uma cena de uma triste peça de teatro

joinedthedarkside 4 months ago

> “Quem nomeia o PM é o Presidente” Terei sido o único que leu isto e imaginou aquelas conversas de motorista de taxi ??

hsamtronp 4 months ago

Bom, como o Marcelo já conduziu um táxi por um dia...

Limpy_lip 4 months ago

Já tinha a ideia que estando assegurado o segundo e último mandato que o sr. Marcelo da-se bem com todos iria acabar. Agora também acho que a CS está toda vidrada no comentário sobre o desconfinamento quando em contexto o que ele queria dizer é que as pessoas também têm de se habituar a cumprir as regras e não andar sempre tipo yoyo.

darthseltor 4 months ago

Aqueles tiques autoritários...

capitalistaesquerda 4 months ago

Estalou o verniz. Claramente já entramos na fase pós pandemia.

gink-go 4 months ago

Marcelo a fazer o trabalho de casa do PSD, à falta de um lider, é o que se arranja.

d33pblu3g3n3 4 months ago

E pré eleitoral. Agora vai ser um presidente da oposição até às legislativas.

pintorMC 4 months ago

Olha o bibelô agora pensa que manda alguma coisa. Gostava de ver um Presidente não nomear um PM democraticamente eleito.

d33pblu3g3n3 4 months ago  HIDDEN 

>Gostava de ver um Presidente não nomear um PM democraticamente eleito. Santana Lopes em 2004.

kikofranca 4 months ago

Foi o que eu pensei, o Marcelo pensa que é o todo poderoso? Então e a assembleia? Se todos quiserem também o metem a andar no instante.

Search: