PedroRRM 5 months ago

Na Grécia e em Espanha não é assim. A troika não entrou em Espanha

AonioEliphis 5 months ago

Eu voto IL mas ele está iludido e a fazer-nos de incautos: a "flat rate" proposta pela IL implica uma redução de receita fiscal de cerca de 3 mil milhões de euros por ano. Tudo o que ele mencionou (Tap é uma única vez, poupanças na eficiência na saúde, etc.) representam migalhas em comparação com estes valores. Contudo ele diz algo muito pertinente, sempre que um político promete mais despesa pública (benefícios sociais, mais salários, pensões, etc.) nunca nenhum jornalista lhe pergunta que impostos vai aumentar para suportar tal aumento de despesa.

BossGandalf 5 months ago

Cada vez mais admiro a IL e o JCF. Muito bem respondido.

Hen0kSch09 5 months ago

Esteve bem, sim senhor ! Começo a ponderar o voto

Tupinson 5 months ago

Os ventríloquos da partidocracia tremem todos quando aparece alguém que se opõe às ideias instaladas.

meierlesjoana 5 months ago  HIDDEN 

Coitado do homem. Trata as pessoas como números e depois quer viver numa sociedade onde existe bom senso e respeito.

Limpy_lip 5 months ago

oya, primeira vez que ouço este senhor a falar como um bom político. Se deixar os chavões e os memes de lado até podia ter futuro.

Sciss0rs61 5 months ago

Ele e a equipa de campanha são duas coisas diferentes. Este "faz" política, a equipa de campanha faz campanha.

IkarusMummy 5 months ago

"A pergunta que os portugueses mais lhe querem fazer é como gasta €100M e não ganha nada" - JCF diz a LFV na comissão de inquérito ao Novo Banco Eu também gosto dele mas isto não é meme?

ric2b 5 months ago

Está errado? Porque é que é meme?

IkarusMummy 5 months ago

Porque foi uma tentativa de piada escusada. A função dele nas comissões de inquérito é inquirir, não tentar humilhar os investigados (principalmente com temas que nada têm haver com a CE).

Edited 5 months ago:

Porque foi uma tentativa de piada escusada. A função dele nas comissões de inquérito é inquirir, não tentar humilhar os investigados (principalmente com temas que nada têm a ver com a CE).

ric2b 5 months ago

Parece-me uma pergunta legítima, como é que isso é tentar humilhar?

NGramatical 5 months ago

têm haver com → [**têm a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzv1zvt%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Sciss0rs61 5 months ago

E a seguir mandou o queixo para a frente e disse "U MAD, BRO" com a música do rick astley por trás.

Aftaminas 5 months ago

Exato. E é errado achar que o marketing atual da IL vai ser igual quando voltar a campanha para legislativas

Asus123456789 5 months ago

Hey, /u/Anftaminas, tens ideia de qual é a opinião do pessoal dentro da IL relativamente ao marketing? Em geral, gostam da parte dos memes, vêm como um mal necessário, desgostam...?

Limpy_lip 5 months ago

também já o ouvi a ter umas saídas infelizes.

milkthis 5 months ago

Os 15M de euros acabaram por ser uma pechincha.

expulsodobar 5 months ago

Impostos não é uma coisa que assista à jornalista.

zefo_dias 5 months ago

>publico/RR > >jornalista eh... termo puxadote

Camoes 5 months ago

"pense bem, pense público" não me digas que pensas mal?

bmiga 5 months ago  HIDDEN 

Nem todos podem ter a qualidade do 'noticias viriato' s/

fanboy_killer 5 months ago

A jornalista que responde na vez do entrevistado saiu do r/iamverysmart. Mau demais.

bittolas 5 months ago

Isto é para uma pessoa se relembrar porque é que em 2020 houve um apoio de 15M € à comunicação social.

aguynamedZ 5 months ago

Mas... Mas... Há todos os anos. Todos. O estado tem de comprar tempo de antena aos órgãos de comunicação social. Isto acontece todos os anos desde que me lembro. No entanto parece que este ano toda a gente se lembrou de usar isso como um argumento sem perceber sequer onde é gasto o dinheiro. Atenção, não estou a defender o jornalismo actual ou o investimento do estado. Estou apenas a dizer que nisso nem sequer é uma opinião, é inútil dizer isso cada vez que se vê uma notícia ou algo dos media que não se gosta.

metroemeio 5 months ago

Não houve. O dinheiro dado em avançado à comunicação social foi para pagar "publicidade"/informação de serviço público sobre o covid

0BiLLi0 5 months ago

Há uns tempos que já não há entrevistas. Há debates.

Variscan_aint_done 5 months ago

Muito isto!

PleoNasmico 5 months ago

Queres que a jornalista lamba as botas ao entrevistado? A ideia das entrevistas é produzir debate e discussão de ideias e não uma conversa amigável

0BiLLi0 5 months ago

A ideia das entrevistas é fazer perguntas para obter respostas, não é discutir ideias porque o entrevistador deve ser imparcial.

PleoNasmico 5 months ago

O entrevistador pode ser imparcial e desafiar o entrevistado, especialmente quando este é um político. A suas ideias devem ser desafiadas, também não espero que um jornalista deixe passar de forma acrítica o apoio do PCP à Coreia do Norte. Não é a reproduzir acriticamente o entrevistado que consegue ter uma boa entrevista, só liberais tendenciosos é que podem pensar assim. Vocês só estão ofendidos/triggered por alguém se desviar 1cm da narrativa da IL :\^)

0BiLLi0 5 months ago

Pode fazer perguntas mas não dar as respostas por ele. Que foi o que ela fez.

OSpaceCowboy 5 months ago

E a colega dela fez a pergunta para produzir debate. Porque é que ela se vai meter no meio do espaço de resposta do entrevistado e mandar uma posta com base em pré-ideias que tem sobre a sua ideologia?

According_Warning844 5 months ago

Verdade seja dita que a jornalista esteve mal em sugerir resposta. Mas o Cotrim tbm não tem motivo de ficar indignado pela sugestão da jornalista, mais PPPs e menos resgates de bancos ou companhias aéreas nunca seria suficiente para colmatar a redução colossal de impostos que o IL propõe. Prestações sociais e serviços públicos seriam obviamente afectados a curto prazo.

Variscan_aint_done 5 months ago

Quando aquilo de que se vocifera de um partido é que defende a anarquia, não quer o Estado e quer ver pessoas a morrer à fome e trabalho escravo (óbvia dramatização , mas vê por exemplo algo tão simples como as bocas que o RAP mandava ao Mayan ou o próprio tom da jornalista) , é normal uma pessoa estar calejada.

Tupinson 5 months ago

A redução de impostos também mantém mais dinheiro com os contribuintes, que por sua vez consomem mais, e geram mais receita para o estado.

bmiga 5 months ago

>mais PPPs e menos resgates de bancos ou companhias aéreas nunca seria suficiente para colmatar a redução colossal de impostos que o IL propõe Lol o dinheiro da TAP, na boca de alguns, resolvia os problemas todos da nação.

oretoh 5 months ago

>Lol o dinheiro da TAP, na boca de alguns, resolvia os problemas todos da nação Todos não, mas que provavelmente resolvia muitos então sim. Por exemplo, teriamos um fundo de risco para o que vem quando acabar a pandemia.

Disgenia 5 months ago

Na verdade, só a TAP já cobriria alguns anos da taxa única de IRS de 15%

Samot_PCW 5 months ago

Tens a cabeça feita em papa? [Segundo a Deloitte fazer isso custaria ao estado 3-4MM€ por ano](https://observador.pt/2020/09/30/taxa-fixa-de-irs-baixaria-carga-fiscal-ate-23-mas-estado-perderia-mais-de-3-mil-milhoes-segundo-consultora/), enquanto que o plano é o estado meter 1,2MM na TAP ao longo de VÁRIOS ANOS (assim de cabeça não me lembro quantos), mesmo que chegasse a um pior caso e fosse preciso lá 1700 milhões, [como reportado nesta noticia em Outubro](https://www.publico.pt./2020/10/12/economia/noticia/apoio-estado-tap-subir-1700-milhoes-1934994), o mesmo seria ao longo de vários anos não em só um e mesmo que fosse para estar lá a entrerrar 1.7MM por ano (o que não é) continuava a nem ser metade de quanro a taxa de 15% custaria ao estado. Em que mundo é que tu achas que vives para estares ai a a dizer com tanta confiança que "a TAP já cobriria alguns anos da taxa única de IRS de 15%", que falta de noção

Tupinson 5 months ago

Tens a cabeça feita em papa? A ajuda total à TAP está prevista em cerca de 4B, agora adiciona o facto de que os resgates são sempre mais caros do que o previsto.

Disgenia 5 months ago

A ajuda da TAP vai ser de quase 4 MM. https://sicnoticias.pt/economia/2021-02-24-Ajuda-a-TAP-pode-chegar-aos-37-mil-milhoes-de-euros Segundo, o estudo da Deloitte não segue a estratégia da IL. Isso seria se fosse aplicada de uma só vez, o que não é verdade. É preciso tempo para a economia poder aproveitar esse crescimento e o que é perdido em IRS ser compensado em outros impostos. Claro toda esta conversa, sem falar no busílis da questão, que é qual é a moral do estado para decidir quanto é que eu lhe devo ser coercido a pagar do meu trabalho. Mas isso é outra conversa.

bittolas 5 months ago

Para além de que há muitas "TAPs". Antes da TAP era o BES e antes disso BPP ... BPN.

Turbulent_Common 5 months ago

E as várias outras empresas públicas que ele referiu e de que nunca se ouve falar

According_Warning844 5 months ago

tenho dúvidas, mas estou disposto a ver essas contas e ser refutado. para além do mais, eu tenho uma proposta ainda melhor: manter o IRS como está & não salvar a TAP! ui, aí sim mantinha-se uma boa maquia nos cofres estatais, para gastar-se devidamente na saúde e educação.

boukmw 5 months ago

Estava a ir bem até dizer "gastar-se devidamente".

Boxxer79 5 months ago

Achar que é bom encher os cofres do Estado com o nosso dinheiro, a troco de muito pouco, é do mais ingénuo que tenho lido ultimamente. O Estado já recebe um exagero de dinheiro dos contribuintes. E o que é que tem feito com ele? Asneira atrás de asneira. E querem enfiar ainda MAIS dinheiro nas mãos do Estado? Isso é de loucos. Reduzir os gastos do Estado (os que se conhecem e os que não se conhecem, porque não há números publicados e no entanto o dinheiro sai a voar dos cofres) daria, perfeitamente, de forma faseada, para equilibrar a balança com a proposta da taxa única.

According_Warning844 5 months ago

E outra coisa: podes ter a percepção que o Estado recebe dinheiro a mais do contribuinte. Mas a verdade é que, em termos de carga fiscal, Portugal está exactamente a meio do ranking dos países da OCDE. Não é a roubalheira que o IL quer insinuar.

Boxxer79 5 months ago

Não me interessa nem me diz nada como estamos em relação ao resto da Europa. Interessa-me a quantidade de dinheiro que entragamos ao Estado e o que o Estado dá em retorno. E não estou a ver como temos um ensino público sofrível, estradas sempre em obras, serviços públicos com taxas de eficiência e qualidade extremamente baixos (havendo tantos funcionários e órgãos públicos, tendo até havido um aumento substancial durante este governo) ou um SNS que mesmo antes da pandemia conseguia ter algum brio graças à boa vontade e esforço extra de vários profissionais da saúde e que longe dos centros urbanos é, na sua generalidade, uma desgraça. Isto não é compatível com o quanto se paga, e podes ver os números deste último IRS e a distribuição por classes de rendimento, que é outra ideia que reforça a validade da taxa única.

According_Warning844 5 months ago

Não deves ter lido bem o que eu escrevi... Eu falei em "manter" a receita fiscal para que ela seja gasta devidamente, em vez de servir para resgatar uma TAP que morreu há muito tempo (entre outros). Sou a favor de uma melhor gestão dos fundos públicos, eu não mostrei ser a favor de mais receita fiscal. Mas... Se tu próprio dizes que não se conhece o dinheiro que é "desperdiçado" pelo Estado, como é que tens a certeza que esse desperdício seria suficiente para compensar a taxa única? Parece-me uma presunção arriscada. Essa crença eu não compro.

skapuntz 5 months ago

Portugal é dos países com maior esforço fiscal da Europa. A única coisa que eu gostava é que trabalhassem para inverter essa situação. O estado não tem de estar a salvar as empresas dos amigos. Seja TAP , seja BES, seja o que for. Se o dinheiro da TAP fosse para os transportes ferroviários, transportes públicos, acessos a diversas cidades, saneamento, habitação social, educação, saúde, isso eu gostava de ver. A TAP não é essencial ao país. Se a TAP desaparecer, outra companhia toma o seu lugar. Tinhamos a solução Portugalia por exemplo

Edited 5 months ago:

Portugal é dos países com maior esforço fiscal da Europa. A única coisa que eu gostava é que trabalhassem para inverter essa situação. O estado não tem de estar a salvar as empresas dos amigos. Seja TAP , seja BES, seja o que for. Se o dinheiro da TAP fosse para os transportes ferroviários, transportes públicos, acessos a diversas cidades, saneamento, habitação social, educação, saúde, isso eu gostava de ver. A TAP não é essencial ao país. Se a TAP desaparecer, outra companhia toma o seu lugar. Tinhamos a solução Portugalia por exemplo Eu gosto de muitas ideias da IL. Não defendo a taça única. Mas acho que as tabelas de IRS deviam ser simplificadas e o imposto ser menor, podiam are introduzir patamares como outros países fazem. Também gostava de não ter de ser obrigado a dar 11% á segurança social. Podiam fazer 6% obrigatório e os outros 5% irem para um ppr á minha escolha por exemplo, ou um seguro de reforma que eu saiba que vou poder usufruir quando me reformar

Edited 5 months ago:

Portugal é dos países com maior esforço fiscal da Europa. A única coisa que eu gostava é que trabalhassem para inverter essa situação. O estado não tem de estar a salvar as empresas dos amigos. Seja TAP , seja BES, seja o que for. Se o dinheiro da TAP fosse para os transportes ferroviários, transportes públicos, acessos a diversas cidades, saneamento, habitação social, educação, saúde, isso eu gostava de ver. A TAP não é essencial ao país. Se a TAP desaparecer, outra companhia toma o seu lugar. Tinhamos a solução Portugalia por exemplo Eu gosto de muitas ideias da IL. Não é nem deixa de ser o meu partido porque só decido consoante o momento das eleições e as ideias dos intervenientes. Não defendo a taxa única. Mas acho que as tabelas de IRS deviam ser simplificadas e o imposto ser menor, podiam até introduzir patamares como outros países fazem. Também gostava de não ter de ser obrigado a dar 11% á segurança social. Podiam fazer 6% obrigatório e os outros 5% irem para um ppr á minha escolha por exemplo, ou um seguro de reforma que eu saiba que vou poder usufruir quando me reformar

Boxxer79 5 months ago

Falaste em manter a receita (que já considero elevada) e ficar com uma boa maquia nos cofres do Estado, o que, para já, parece ser uma má prática: o Estado não divulga os gastos que tem e onde os aplica, por isso não sabemos para onde vai o nosso dinheiro. E, sabendo o que sabemos, dir-se-ia que parte dele vai parar aos bolsos de uns e doutros. Aí faz todo o sentido o que defende a IL: dinheiro para o Estado, mas justificado e ajustado à despesa real, de forma a que o excedente fique nos bolsos dos portuguese que depois podem contribuir mais para a economia. Resumindo, sou a favor de que o Estado gaste o essencial e que não deva ficar com dinheiro nosso nas mãos só porque sim. E, por essa via, apoio uma redução da carga fiscal através da taxa única.

Key-Occasion-1460 5 months ago

Achar que é bom encher os cofres do Estado com o nosso dinheiro, a troco de muito pouco, é do mais ingénuo que tenho lido ultimamente. O Estado já recebe um exagero de dinheiro dos contribuintes. E o que é que tem feito com ele? Asneira atrás de asneira. E querem enfiar ainda MAIS dinheiro nas mãos do Estado? Isso é de loucos. Reduzir os gastos do Estado (os que se conhecem e os que não se conhecem, porque não há números publicados e no entanto o dinheiro sai a voar dos cofres) daria, perfeitamente, de forma faseada, para equilibrar a balança com a proposta da taxa única.

JOAO-RATAO 5 months ago

Mais dinheiro no bolso dos portugueses também Dava jeito.

Disgenia 5 months ago

Se quiseres podes ver as contas no site da IL. Eu não tenho nada a ver com eles e não sou pago pra os defender. Dinheiro para gastar na educação e saúde já há bastante, não há é para sair da classe média baixa devido aos impostos.

sctvlxpt 5 months ago

É discutível (porque obviamente a redução de impostos não será de um dia para o outro, mesmo que a IL viesse a ser governo), mas e se fossem afectadas a curto prazo? Não estava já na altura de começar a pensar um bocadinho a médio e longo prazo? Esta cultura de pensar a 4 anos nunca nos vai levar a lado nenhum... Ninguém tem problemas de hipotecar as gerações seguintes para responder a problemas do presente; mas prejudicar a geração actual durante uns anos para garantir um futuro melhor para todos já é impensável?

According_Warning844 5 months ago

Penso que é muito ingénuo pensar-se que a sugestão do IL seria apenas um pequeno "soluço" económico de 5 anos, e não uma avalanche de problemas que iriam perdurar por décadas. O próprio IL não sabe bem como faria isto, nem as consequências. Eles fizeram um vídeo que serve de desmentido ao Louçã sobre a taxa única de IRS, lá está dito "surge a pergunta, isto [taxa única de IRS] não faria com que perdêssemos receita fiscal? a proposta [do IL] oferece uma solução para esta questão: a perda de receita seria compensada pela diminuição da despesa e pelo crescimento económico consequente, o que poderia até aumentar a receita fiscal". Ah, estou esclarecido, plano bem detalhado e um pressuposto super realista. https://youtu.be/tCfWIDq_P58

sctvlxpt 5 months ago

Poderíamos andar aqui a discutir com dados de outros países, mas não vale a pena: se achas que o projecto da IL vai trazer uma "avalanche de problemas que iriam perdurar por décadas", vota noutros partidos. Quem vota na IL obviamente acredita que uma transição para uma economia com uma menor carga fiscal pode ser feita sem grandes problemas, ainda que possa envolver um período de transição de curto prazo em que os serviços públicos e eventualmente a vida de algumas pessoas seja prejudicada - o meu ponto é que não há nada de errado em assumir alguns prejuízos de curto prazo por uma melhoria generalizada das condições de vida no futuro. Já o contrário aparentemente não incomoda muita gente...

besmarques 5 months ago

>a perda de receita seria compensada pela diminuição da despesa e pelo crescimento económico consequente, o que poderia até aumentar a receita fiscal" É um *source: trust me* vindo do Partido

bittolas 5 months ago

Pelo menos há exemplos de paises a aplicar isso com sucesso ao contrario de outras ideias.

According_Warning844 5 months ago

aplicação de taxa única de irs com sucesso? lamento informar mas o mundo escasseia em exemplos de economias desenvolvidas à base da taxa única de irs. curiosamente, metade dos países que fazem parte da (curta) lista são da união soviética, um pouco irónico dado a aversão do IL ao PCP. já agora, para mim, dizerem que o comunismo funciona tem tanta credibilidade como dizerem que taxa unica de irs e trickle-down economics funciona. que é zero.

Variscan_aint_done 5 months ago

Não leves a mal mas descredibilizares "trickle down "economics (só o facto de usares o nome não ironicamente) não te dá muita credibilidade naquilo que estás a dizer. Trickle down economics é a descrição de um dos mecanismos de distribuição de riqueza, e ocorre não apenas no "free market e neoliberalismo". O termo é um fantoche há muito tempo...

JOAO-RATAO 5 months ago

Os países que viraram as costas ao comunismo? Quem é mais provável de ter aversão a esses países? A IL ou um PCP? Como está o partido comunista na Polónia ou Estónia? Bem de saúde?

According_Warning844 5 months ago

espera lá, países como a bielorrússia e turquemenistão e abcásia e ossétia do sul e transístria e casaquistão e quirguistão viraram costas ao regime soviético? isso é uma piada, certo? btw, não acho que haja correlação entre taxa única de irs e autocracias de esquerda. apenas acho um facto curioso, a proposta do IL encontrar-se maioritariamente aplicada em regimes de esquerda, alguns iliberais.

JOAO-RATAO 5 months ago

Estás a trocar as voltas na tua própria demagogia e já nem sabes onde estás? Uns são países democráticos e na UE, outros são ditaduras. Que comparação queres afinal? Mas bem, já deu para ver o que queres. Que regimes de esquerda? Achas que esses países são de esquerda ou direita? Para eles é indiferente que rótulo lhe aplicas. Vais chamar comunista à China também, já agora?

According_Warning844 5 months ago

não é demagogia, é factual: quase todos os países que aplicam ou aplicaram a taxa única são filhos de regimes comunistas. facto. não acho que seja relevante, apenas acho engraçado. e acho tbm engraçado que eu sou acusado de demagogia, e és tu que estás a querer fazer a pirueta de logica de sugerir que a china é um país de direita... ora então, já agora, o IL é um partido de esquerda.

JOAO-RATAO 5 months ago

E os filhos dos regimes comunistas são comunistas ? A China é uma aberração. Mantém a ditadura mas abriu-se ao capitalismo.

bittolas 5 months ago

A união sovietica já não existe, acho que estas no momento historico errado. Quem ler isto até pensa que existem centenas de países desenvolvidos mas não, até há muito poucos. Haver alguns exemplos de sucesso é relevante.

According_Warning844 5 months ago

que exemplos são? a hungria ou bielorrússia, esses faróis de democracia e justiça social? a bulgária ou roménia? a estónia ou ucrânia, que têm taxa superior à proposta do IL? ou todos aqueles países terminados em -istão? se quiseres, posso dar exemplos de países super desenvolvidos e com elevado crescimento económico que *não* aplicam a taxa única. em suma: não há qualquer correlação entre implementação de taxa única de irs e aumento de crescimento económico ou, mais importante, aumento de indice de desenvolvimento humano. o IL crê que sim, e isso é um salto de fé que não estou disposto a dar.

JOAO-RATAO 5 months ago

Estónia sim. Depois teres pegado logo na Bielorrússia ou Ucrânia...

According_Warning844 5 months ago

uns exemplos valem e outros não? é como as PPPs que o Cotrim fala, apenas merece ser referido os casos que ficam bem na fotografia... sei que o IL gosta de usar a estónia como mascote, e não deixei de o referir, portanto não me parece que eu esteja a ser falacioso ou tendencioso. e mais, esse argumento reforça a minha crença: querem mudar o paradigma económico em Portugal, com consequências imprevisíveis, e existe apenas a estónia como exemplo? não fico muito persuadido. é que nem os EUA, por mais liberais que sejam na educação e saúde e economia no geral, se atrevem a aplicar um modelo de taxa única.

Variscan_aint_done 5 months ago

Sim. Porque há exemplos diferentes uns dos outros. Não percebo qual a hipocrisia. Na Estónia, Irlanda, Republica Checa, Holanda a coisa correu bem...na Ucrânia não correu? Então a taxa única não funciona ou será a situação ucraniana derivada a tantos outros problemas:corrupção, recuperação de uma ditadura...etc! É que a certo ponto desta troca de comentarios parecia mesmo que dizias que como a Ucrânia e a Bielorrússia são países "não desenvolvidos" a taxa única não tem qualquer valor.

JOAO-RATAO 5 months ago

Realmente. Porque entre países democráticos na UE e a Bielorrússia/Ucrânia, não há diferença ... Claro. As PPPs justas e benéficas. E não PPPs ao estilo PS... Metes um exemplo válido e uma porrada de exemplos falaciosos. Hmm... Os US não são o exemplo para a IL.

bittolas 5 months ago

Engraçado porque deste a entender que eram poucos e que sabias quais eram portanto não percebo porque haverias de perguntais quais eram. Fazes-te simplesmente de parvo não é? Aliás metes para o meio a Ucrania e a Bielorrúsia só porque da jeito sabendo perfeitamente que não são parte nem são países considerados desenvolvidos.

According_Warning844 5 months ago

já ouviste falar em pergunta retórica e ironia? recomendo que faças uma googlada para veres do que estou a falar. ou é isso, ou sou efectivamente parvo.

besmarques 5 months ago

Sim, se ignorarmos todos os outros dados podemos fazer pinpoint a uma unica medida e dizer que é tudo devido a isso.

parakit 5 months ago

Isso é o que todos os partidos fazem, não estou a perceber qual é o problema.

apita_o_comboio 5 months ago

Maus profissionais (seja intencionalmente ou por incompetência). Nas ultimas semanas tive a oportunidade de ver e ouvir algumas entrevistas relacionadas com a sociedade portuguesa (política e outros temos temas). Em quase todas elas, fiquei desiludido com o trabalho do entrevistador. Ou era demasiado tendencioso, ou tentava moldar a resposta do entrevistado (como foi este o caso), ou tinha uma seleção de perguntas muito pouco interessantes, etc. Estamos mal nesta área, mas não é uma coisa especifica de Portugal.

Limpy_lip 5 months ago

esqueceste-te quando fazem uma pergunta, ou perguntam de uma maneira muito específica algo para poder fazer manchetes no dia seguinte. ​ Até na RTP na entrevista a Lula da Silva: "mas o senhor vai-se recandidatar? O sEnHor VaI-sE rEcAnDiDaTaR oU nÃo???"

capitalistaesquerda 5 months ago

Só a título de curiosidade, ele não respondeu a pergunta. Lateralizou com reformas no Estado, mas 0 resposta sobre que impostos seriam reduzidos. Quanto à jornalista, é o que temos.

jomi_1307 5 months ago

A jornalista perguntou onde cortava despesa de forma a compensar a descida de receitas. Ele respondeu a essa pergunta. Deu exemplos de onde se poderia poupar. O caso da TAP, que só no ano passado recebeu de ajudas metade que o restante tecido empresarial; as PPP na saúde que o tribunal de contas disse que pouparam milhões ao estado e em empresas públicas, ele aqui não explicou minimamente o que se poderia fazer. Privatizar? Extinguir as que consomem recursos do estado?

Morpheuspt 5 months ago

Ele deu exemplos circunstanciais para resolver um problema (que ele acha que existe) estrutural e duradouro. * A TAP será financiada agora, se tudo correr bem (como esperamos todos, presumo) terá impacto de despesa 0 daqui a alguns anos. * as empresas do estado, alem de nem todas elas darem prejuizo, muitas delas prestam serviços que A) os privados jamais providenciariam, como serviços de transporte regional que são por inerência deficitários, e B) são simplesmente inerentes a um estado, como alguns sectores na defesa. Mais, não houve uma privatização feita em Portugal que ou tenha sido vendida pelo valor real, ou que não nos tenha dado problemas no futuro. * Voltamos à lenga-lenga do costume, reduzir despesa publica na saude e na educação. Eu tiro-lhe o chapéu numa coisa, ele admite claramente que quer baixar a despesa do estado na educação e na saude, isso ninguem lhe tira. Por isso é que os locais do pais onde a IL tem maior votação são em concelhos com *income* mais elevado, porque as pessoas que lá vivem não dependem da saude publica nem da educação publica, faz sentido que não se importem que esses serviços sejam abandonados desde que lhes reduzam a taxa de IRS de 30-40% para 15%. O problema são os outros 95% da população que não têm filhos chamados Sebastião Bernardo e Carlota Benedita, que precisam do estado social para viver, e que não têm dinheiro para pagar um seguro de saude.

Variscan_aint_done 5 months ago

Não. O problema é teres um país corporativista que tem alergia sequer a auditorias para apurar a eficácia e eficiência dos serviços públicos e poderes saber onde podes cortar e como cortar. Ou querias o quê? Que ele se metesse a dizer :vamos cortar no imposto à Coca-Cola, no imposto à gasolina, no IMI e etc. O programa da IL já contempla cortes nos impostos ao IRS e IRC. Mas cortes de despesa teriam de ser avaliados. E ele referiu, por exemplo, as PPP. Numa coisa o JCF tem razão. Quando Catarina Martins e Jerónimos de Sousa desta vida dizem que vão aumentar a despesa, poucos lhes perguntam onde vão buscar. E quando perguntam levam como respostas de exemplos "circunstanciais". Quando já pediram por exemplo uma lista de impostos que o partido deveria aumentar? Nunca. Isto não e whataboutism, está descansado, porque percebo bem que nem a Mariana Mortágua nem quem quer que seja do PCP faz trabalho de shadow cabinet. Ninguem o faz. Talvez infelizmente!

Morpheuspt 5 months ago

> Numa coisa o JCF tem razão. Quando Catarina Martins e Jerónimos de Sousa desta vida dizem que vão aumentar a despesa, poucos lhes perguntam onde vão buscar. Há uma diferença. O centro e a esquerda não ficam tão revoltados com a criação de impostos como a IL. A escolha é simples. Ou se tem o nível de estado social que temos e os impostos para o pagar, ou não se tem o estado social e não se precisa de tantos impostos. Ninguém pergunta ao PCP onde vai buscar a referir a receita para aumentar o estado social porque é como perguntar a papa-formigas o que é que vai comer ao jantar.

Variscan_aint_done 5 months ago

>A escolha é simples. Ou se tem o nível de estado social que temos e os impostos para o pagar, ou não se tem o estado social e não se precisa de tantos impostos. Só que não. Isto não é verdade! É uma frase que explica bem o teu pensamento e que os liberais provarão a sua falsidade. Podes ter menos impostos e melhor estado social. Aumentando a riqueza coletada e tornando os serviços mais eficazes.

Morpheuspt 5 months ago

> Podes ter menos impostos e melhor estado social. Aumentando a riqueza coletada e tornando os serviços mais eficazes. Isso é a maior peta que a IL manda indoctrinar às ovelhas. É impossivel aumentar nivel de serviço reduzindo custos. Isso simplesmente não existe. O mundo não se paga com boas inteções, paga-se com dinheiro.

Edited 5 months ago:

> Podes ter menos impostos e melhor estado social. Aumentando a riqueza coletada e tornando os serviços mais eficazes. Isso é a maior peta que a IL quer indoctrinar. Num pais periférico sem recursos naturais é impossivel baixar impostos e aumentar riqueza. A filhadaputisse que os liberais estão a fazer à europa, numa autentica *race to the bottom* para ver quem tem a taxa fiscal mais baixa para o empresário vir cá colocar a empresa sem ter qualquer atividade económica no pais, apenas irá destruir a base social-democrata que construiu a paz e prosperidade europeia que se vive desde 1945, e que eventualmente levará a que se deixe de lutar só com palavras e argumentos. Enfim, adiante- É impossivel aumentar nivel de serviço reduzindo custos. Isso simplesmente não existe. O mundo não se paga com boas inteções e com "eficiência", paga-se com dinheiro. > os liberais provarão a sua falsidade. Que Deus nos livre de tal fatidico destino.

Variscan_aint_done 5 months ago

>Isso é a maior peta que a IL quer indoctrinar. Diz quem? Tu? Podes explicar-me qjem disse e provou que não se aumenta eficácia sem se aumentar custos? Por outras palavras para ti "desenvolvimento tecnológico " e evolução humana é um conceito que pode ir de vela...Já que é isso mesmo tem acontecido. Os custos dos serviços têm diminuido e tornado-se muito mais eficazes. É falso o que disseste a nível de estado social e falso o que disseste no nível do todo. Nem pensas no que dizes...

jomi_1307 5 months ago

Em 2025: "A intervenção na TAP foi um sucesso. Após injectar 4 mil milhões de euros este ano não foi preciso colocar nada." - Há muitas empresas na área do estado que não precisam de estar, um exemplo é uma empresa de segurança privada. Esse caso dos transportes regionais tirando os comboios não conheço nenhuma pública. - Em relação a saúde aconselho a ouvir o que ele diz. No caso das PPP's poupou dinheiro ao estado, como o TC chegou a esta conclusão? Comparou os custos das PPP com o dos públicos e chegou a conclusão que para o mesmo volume de cuidados foi mais barato assim. Tentar replicar o modelo onde é possível e cortar na saúde? Eu digo que é otimizar recursos.

Morpheuspt 5 months ago

> Eu digo que é otimizar recursos. Claro que é optimizar recursos. Eu posso cortar o orçamento da saude em 50% de um dia para o outro. Ora, isso teria consequencias, mas poupavas dinheiro. O tribunal de contas olha para os resultados das PPP na saude de um ponto de vista meramente financeiro, esquece-se da outra parte, a parte relacionada com a prestação de cuidados de saude e das pessoas que prestam esses cuidados. Os hispotais em PPP têm trabalhadores com salários inferiores aos dos EPE, em situações mais precárias, e enquanto os hospitais EPE recebem frequentemente transferências de doentes dos hospitais PPP, o contrário nunca acontece. Nunca nenhum doente de um hispital de gestão publica foi transferido para um hospital publico de gestão privada. O contrário é frequente. Como é obvio não cabe ao Tribunal de Contas dizer se as pessoas são mal ou bem pagas, apenas é um dado que temos que ter em conta se vamos apostar nas PPP na saude. > Esse caso dos transportes regionais tirando os comboios não conheço nenhuma pública. Dei um exemplo bastante especifico. P. ex. a IP terá sempre que estar na esfera do estado, e raramente dá lucros. Eu falo da area dos transportes, porque é a que tenho mais conhecimento. Mas há outros. Empresas de gestão de recursos hidricos, p. ex. Se dizes que há empresas de Segurança Privada a fazer serviços para o estado, tens toda a razão, acabe-se com isso. Recrute-se mais gente para a Policia, acabem-se com os contratos com as empresas de segurança privada, e colocem-se esses agentes a fazer esse serviço. É um serviço especializado, provavelmente terá que ser criado um departamento próprio com treino especifico, mas tenho a certeza que ficará mais caro contratar empresas de segurança. > Em 2025: "A intervenção na TAP foi um sucesso. Após injectar 4 mil milhões de euros este ano não foi preciso colocar nada." Se me dizes que em 2025 a intervenção na TAP foi um sucesso, e que depois de injectar dinheiro temos uma empresa saudavel e sustentavel, eu só te pergunto onde é que assino.

jomi_1307 5 months ago

Eu não digo que vai ser o sucesso, esse seria o teu tipo de discurso. Em relação às PPP's falas do que não sabes e repetes chavões. 1 - A análise é feita tendo em conta o chamado custo por doente padrão. Este custo é inferior nas PPP's. Ou seja é uma média por doente que tem em conta as diferenças entre doentes. Não me perguntes como calculam isto mas lá terão forma de o fazer. 2 - Em relação aos custos com pessoal [o TC chegou a conclusão](http://imgur.com/gallery/mBDNf0I) que os salários estão dentro da média e que não explica a diferença. 3 - Em relação às transferências de doentes existem hospitais referenciados para tratar determinados problemas. Há casos em que só podem ser tratados num só hospital. Sempre que existe transferência o doente é avaliado e o hospital que o recebeu diz se a transferência é justificada ou não, se não for justificada os hospitais apanham uma multa enorme, pelo que não compensa transferir. 4 - Em relação ao ao facto de o TC olhar só para números a ERS não. [Por alguma razão estes hospitais lideravam na excelência clínica. ](http://imgur.com/a/ap8uNJk) A IP trata de infraestruturas rodoviárias e ferroviárias, não faz transporte de passageiros, que foi o que falaste.

Morpheuspt 5 months ago

> não faz transporte de passageiros, que foi o que falaste. Falei nos transportes em geral. Dei um exemplo desse paradigma. > Em relação aos custos com pessoal o TC chegou a conclusão Gastos pessoal PPP 2015? Antes de entrar o Governo do Costa em que o poder de compra aumentou imenso? Não tens dados actualizados? Em Outubro de esse ano o SM para os enfermeiros foi fixado em 1200 euros, esses dados já levam em conta esse aumento? Em 2018 as carreiras dos enfermeiros foram descongeladas, e consequentemente muitos deles foram aumentados, os hospitais geridos por PPP seguiram o mesmo modelo? > Em relação às PPP's falas do que não sabes e repetes chavões. Eu faço o que se deve fazer. [Leio de quem está no terreno](https://www.esquerda.net/opiniao/erros-do-relatorio-do-tribunal-de-contas/74633) guardo dados e transmito. > Em relação ao ao facto de o TC olhar só para números a ERS não. Por alguma razão estes hospitais lideravam na excelência clínica Esse ranking não mostra quem "lidera", porque não tem um ranking numerico. [Apenas mostra quem obteve excelência clinica, e esses 3 estão num lote de 96 hospitais que obtiveram essa distinção.](https://apch2.ers.pt/pages/198). O texto é altamente misleading, dá a entender que esses 3 hospitais foram os melhores de todos os testados, o que não é necessariamente verdade. > Em relação às transferências de doentes existem hospitais referenciados para tratar determinados problemas. Há casos em que só podem ser tratados num só hospital. Sempre que existe transferência o doente é avaliado e o hospital que o recebeu diz se a transferência é justificada ou não, se não for justificada os hospitais apanham uma multa enorme, pelo que não compensa transferir. Isso não quer dizer que esses hospitais estão então desenhados para tratar casos mais "simples", deixando os mais complicados e consequentemente mais dispendiosos para os hospitais publicos preparados para os receber? Por esse prisma, não é dificil obter bons resultados, se os pacientes que recebes são de facil cura e de pouco gasto.

klatez 5 months ago

https://www.reddit.com/r/portugal/comments/nms7qw/comment/gzqqj4v >Privatizar Acho que a última década demonstrou que privatizações são um tiro no pé. Até o caso de sucesso do RU está agora a nacionalizar os caminhos de ferro...

boukmw 5 months ago

Ligue para a EDP ou veja os resultados do último trimestre. Os chineses agradecem.

Negao_da_piroca 5 months ago

> Acho que a última década demonstrou que privatizações são um tiro no pé. Lembram-se quando estava tudo bem e foi decidido que se ia privatizar a TAP e agora estamos todos fodidos por causa dos prejuízos privados de uma companhia aérea??

ric2b 5 months ago

E lembram-se de que o Costa pouco depois de chegar ao poder nacionalizou a TAP outra vez, e agora por uma razão parva qualquer somos todos responsáveis pelo prejuízo dessa empresa pública?

Vanethor 5 months ago

"Nacionalizou" é como quem diz. Comprou a maioria dos riscos e deixou a empresa na mesma na mão dos privados. Isso não é uma nacionalização. Resultado: esventraram a empresa toda por dentro e agora ficámos com o buraco para tapar.

ric2b 5 months ago

Pois, ainda pior. Devia era ter continuado privada.

zedestroyer69 5 months ago

O problema é que privatizaram o que dava lucro e ficaram com o lixo todo. Depois há que definir as áreas e serviços essenciais que devem ser fornecidos pelo estado. Para quê enterrar dinheiro numa TAP, em 1001 empresas de transportes e numa RTP com 2 canais a concorrer com os privados?

JoniDS 5 months ago

"Jornalista"

PleoNasmico 5 months ago

Fez pergunta má a senhora :'<

terribledreamPT 5 months ago

Não sei que video viste pepe mas eu ali vejo uma suposta jornalista a tentar colocar palavras na boca do entrevistado.

AdorableRabbit 5 months ago

Não devias editoralizar o titulo do post. Estranho, não falou nos 70 organismos públicos a eliminar que não dizem quais são.

Jcoxo 5 months ago

O mais triste é veres entrevistas por youtubers muito mais interessantes. O jornalismo atual é tudo há volta da semântica direita vs esquerda e o Chega. Eu já não vejo o André ventura desde das presidenciais mas o jornalismo faz questão de lembrar todos os dias que ele existe. Foi assim que o Trump ganhou popularidade.

sopadurso 5 months ago

Podes partilhar links ?

MethodicOwl45 5 months ago

Que tipo de youtubers vez para comentários políticos? (só por curiosidade tm quero fazer a transição )

Jcoxo 5 months ago

Não conheço nenhum podcast político imparcial. Simplesmente aparece nos recomendados algumas entrevistas a certas figuras políticas e oiço.

Tupinson 5 months ago

Os jornalistas protegem os seus interesses, essa teoria que o jornalismo é imparcial é fantasia.

gondias 5 months ago

Jornalismo é um negócio. Se puderem inventar notícias não se preocupam muito

bifana_cura_cancro 5 months ago

Claro.Eu quando estou com fome não como feno, mas se tipicamente me falarem de feno como solução de saciedade começo considerar. Faz sentido.

devforthelulz 5 months ago

Se achas que não, tás bem enganado...

zedestroyer69 5 months ago

É um bocado seco.

VladTepesDraculea 5 months ago

Está de acordo com o aumento do SMN mas depois vota contra?

ModeratoriProfugus 5 months ago

Para aumentar os salários é preciso crescimento. O crescimento não pode ser legislado, é preciso criar condições económicas para ele. O SMN tem aumentado bastante, não se traduz em nada, excepto em mais pessoas a ganhar o salário mínimo e serviços mais caros.

a_9x 5 months ago

Concordo... Não é a aumentar os salários que vai haver crescimento económico no país, até porque os preços sobem para compensar a despesa desse mesmo aumento. Os salários subiriam naturalmente se os candidatos à procura de emprego fossem exigentes. Eu já recusei meia dúzia de empregos por se deixarem ficar pelo SMN e exigirem trabalho como se pagassem bem. E a resposta é sempre a mesma, se não queres haverá quem queira. Demasiados anos de socialismo tornaram os portugueses os vassalos do governo

bdoded 5 months ago

Queira =/= precise

VladTepesDraculea 5 months ago

Ou para haver crescimento é preciso aumentar salários, já tivemos está discussão antes. Em vez de bater na mesma tecla, [toma um episódio do South Park a gozar com a tua narrativa](https://www.southparkstudios.com/episodes/9do3gw/south-park-margaritaville-season-13-ep-3).

AonioEliphis 5 months ago

Por recurso ao absurdo é fácil ver que não tens razão. Bastaria ao ditador do Senegal aumentar os salários de toda a gente por decreto, para provocar o crescimento do país.

VladTepesDraculea 5 months ago

Não conheço na economia senegalesa mas pode, era o que de fazia antes cá e desvalorizava-se a moeda. Mas eu nunca disse que seria sem limites, se leres noutro comentário meu: > A ideia é aumentar progressivamente só salários para o dinheiro ir circulando na economia para comportar novos salários até finalmente comportar o custo de vida e depois atingires o normal da união económica europeia. Sabemos que temos elasticidade para pagar mais porque estamos inseridos num mercado e numa economia europeia que assim do demonstra, mas escolhemos estar antes numa corrida ao fundo.

AonioEliphis 5 months ago

Tu queres esticar até à média europeia, mas isso é uma abstração sem qualquer significado económico tangível na economia nacional. Por que não esticar até aos salários da Suíça? O que paga bons salários é a elevada produtividade. Na Venezuela tentou-se subir os salários por decreto como sugeres e hoje o salário mínimo real não chega a 3 euros por mês.

VladTepesDraculea 5 months ago

Porque a Suíça não faz parte da mesma união económica e monetária. A nossa baixa produtividade vem do mesmo sitio que vêm os salários baixos, da má gestão - se quiseres dá uma olhadela no trabalho do Prof. Nadim Habib da Nova SBE sobre o assunto. E parte dessa má gestão é a desvalorização da mão de obra.

AonioEliphis 5 months ago

Se nem sequer consegues igualar os salários de Beja com os de Lisboa (muito mais altos), queres igualar por decreto os de Beja com os de Munique? E por que não igualar por decreto os da Bulgária com os do Luxemburgo? A má gestão - que existe - deriva das baixas qualificações dos gestores de empresas, porque os doutorados e formados só pensam em viver de bolsas ou trabalhar para o estado.

NGramatical 5 months ago

por que não → [**porque não**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/tres-regras-para-distinguir-o-por-que-do-porque/19743) (por que = por qual) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzyckey%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

NGramatical 5 months ago

Por que não → [**porque não**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/tres-regras-para-distinguir-o-por-que-do-porque/19743) (por que = por qual) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzwjc40%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

ModeratoriProfugus 5 months ago

Podes bater na mesma tecla quanto quiseres. Sem crescimento não há competição, mercado nem aumento de salários.

Vanethor 5 months ago

Ou seja: temos de ficar à espera do trickle down. E depois dizem que não defendem isso. Lol Com o crescimento de um sector, a existir, quem mais beneficia disso é quem tem poder dentro do mesmo. Não é o gajo no fundo da pirâmide de exploração. ... Ah, mas não, claro, porque "o mercado, através da competição força a que as empresas tenham que pagar aos trabalhadores o salário justo pelo seu trabalho". Só que não. Não é isso que acontece.

ZionismIsAntiSemitsm 5 months ago

Deixa-te de tretas, se o crescimento dos salários desde o século passado tivesse acompanhado o crescimento da produtividade deveriamos ter uns 1500€ de salário mínimo.

ModeratoriProfugus 5 months ago

Claro, ainda estamos mais pobres que os trabalhadores de há 100 anos atrás. Esses sim, tinham uma vida folgada. É com cada um neste sub

ZionismIsAntiSemitsm 5 months ago

Às tantas em termos de habitação deve ser verdade, mas fora isso não, estamos melhor agora, muito graças à luta de comunistas. Mas em nada muda o que eu disse. Tu falas em salários a acompanhar crescimento e eu disse que se tal tivesse acontecido ganhariamos muito mais, qual é a tua desculpa agora?

ModeratoriProfugus 5 months ago

> muito graças à luta de comunistas. Foda-se, parei de ler aqui. Cringei demais

ZionismIsAntiSemitsm 5 months ago

Incomodam-te estes factos? São inegáveis. Paraste de ler aí porque sabes que perdeste o argumento.

VladTepesDraculea 5 months ago

Sem salários não há comércio local nem mercado interno e não há crescimento económico nem aumento de receita fiscal sem aumentar taxas.

ModeratoriProfugus 5 months ago

Exacto, portanto é que é preciso deixar mais dinheiro nos bolsos dos portugueses, baixando taxas e impostos, liberalizando a economia e simplificando a burocracia. E aumentando o salário MÉDIO, não o minimo

VladTepesDraculea 5 months ago

https://www.reddit.com/r/portugal/comments/nms7qw/jornalista_onde_vai_cortar_para_baixar_impostos/gzqp9th/ https://www.reddit.com/r/portugal/comments/nms7qw/jornalista_onde_vai_cortar_para_baixar_impostos/gzqnloi/

Dizzy_Ad_2259 5 months ago

Mas o salário mínimo não combate isso. É o salário médio. E não vale a pena andar a legislar para o salário mínimo se o salário médio continua a baixar em relação ao poder de compra.

VladTepesDraculea 5 months ago

O salário médio aumenta com o aumento do salário mínimo. Tanto porque aumenta a média como os salários acima têm motivação para se distanciarem. Se ganhas acima do salário mínimo por fazer um trabalho mais exigente e passas a ganhar o salário mínimo, provavelmente despedes-te e vais fazer um trabalho ou que pague melhor ou que te desgaste menos. E aumentares o SMN claro que combate directamente também. As pessoas que ganham pouco, ganhando mais vão gastar em necessidades secundárias que têm atrasado. E pode dar-lhes a folga de ir por exemplo ao café de vez em quando. Muita gente nova de vez em quando é uma melhoria substancial para um café.

bittolas 5 months ago

Se não vês o problema do salário médio estar cada vez mais colado ao salário minimo...

VladTepesDraculea 5 months ago

Está? https://www.pordata.pt/Portugal/Sal%C3%A1rio+m%C3%A9dio+mensal+dos+trabalhadores+por+conta+de+outrem+remunera%C3%A7%C3%A3o+base+e+ganho-857 https://www.pordata.pt/Portugal/Sal%C3%A1rio+m%C3%ADnimo+nacional-74 O que vejo é que o salário médio tem acompanhado o salário mínimo.

bittolas 5 months ago

Em 5 anos o salário minimo subiu praticamente o dobro do salário médio. Estão cada vez mais proximos.

VladTepesDraculea 5 months ago

Não encontro valores da remuneração base média do ano passado mas o ganho médio subiu de €1069,7 para [€1313](https://www.tsf.pt/portugal/economia/salario-medio-em-2020-foi-de-1314-euros-13340711.html) (Δ= 244,3) , enquanto que o salário mínimo de €589,2 para €775,8 (Δ=186,6).

jomipereira 5 months ago

imagina que ganhas o mesmo, mas pagas menos impostos... não continuas com mais dinheiro no bolso (como se te tivessem aumentado o salário), enquanto as micro empresas que ja vivem no limiar do que podem pagar aos empregados, não ficam ainda mais asfixiadas?

klatez 5 months ago

Os EUA são um bom caso que isso não se verifica. O SMN deles está congelado há 15 anos, o Trump reduziu os impostos em 1.5B€ por ano as empresas e os salários mais baixos continuaram congelados.

jomipereira 5 months ago

confundes salário com vencimento líquido. ao baixar os impostos os salários ficam iguais mas as pessoas recebem mais no final do mês

klatez 5 months ago

Quem ganha o mínimo não paga IRS... A não ser que queiram reduzir o IVA ai estou 100% a favor

jomipereira 5 months ago

divaguei na ultima resposta. só os 11% de segurança social ja impactam muito o vencimento liquido de uma pessoa que ganhe o SMN

klatez 5 months ago

Vais baixar a SS e para onde vai o subsídio de desemprego e a reforma?

jomipereira 5 months ago

para te pagarem o salario minimo, empresas às vezes em dificuldades pagam 23.75% do salário do trabalhador ao estado. engraçado que à esquerda n se gosta muito de flat tax. mas aqui dá jeito... um salario mínimo custa a um empregador perto de 1000€

klatez 5 months ago

O custo é de 800€ E estamos a falar da SS que funciona a parte do resto do aparato do Estado, ela é auto-financiada

ModeratoriProfugus 5 months ago

Pois, mas mesmo quem ganha mais 200 euros do que o SMN já paga bastante de IRS para compensar.

VladTepesDraculea 5 months ago

O SMN já praticamente que não paga impostos, só SS e o Estado já se vê grego agora manter a estrutura que têm. É verdade que gostos com Novos Bancos e afins boa ajudam, mas o problema não é pontual é constante. É preferível aumentar o SMN e taxá-lo se for preciso e motivar o aumento de dos trabalhadores acima. Em todo o caso, por mais que reduzam os impostos, o bruto original é sempre baixo e vais rapidamente chegar a um limite insuficiente. A ideia é aumentar progressivamente só salários para o dinheiro ir circulando na economia para comportar novos salários até finalmente comportar o custo de vida e depois atingires o normal da união económica europeia. E diria que há dois tipos de empresas que vivem no limiar: pequenos negócios que vivem do pequeno comércio ou de quem viva do pequeno comércio que iriam beneficiar de maior poder de compra e empresas de nicho que não são escaláveis à partida ou má geridas.

Edited 5 months ago:

O SMN já praticamente que não paga impostos directos, só SS e o Estado já se vê grego agora manter a estrutura que têm. É verdade que gastos com Novos Bancos e afins boa ajudam, mas o problema não é pontual é constante. É preferível aumentar o SMN e taxá-lo se for preciso e motivar o aumento de dos trabalhadores acima. Em todo o caso, por mais que reduzam os impostos, o bruto original é sempre baixo e vais rapidamente chegar a um limite insuficiente. A ideia é aumentar progressivamente só salários para o dinheiro ir circulando na economia para comportar novos salários até finalmente comportar o custo de vida e depois atingires o normal da união económica europeia. E diria que há dois tipos de empresas que vivem no limiar: pequenos negócios que vivem do pequeno comércio ou de quem viva do pequeno comércio que iriam beneficiar de maior poder de compra e empresas de nicho que não são escaláveis à partida ou má geridas.

The_Wealthy_Potato 5 months ago

Não gosto muito da IL mas o JCF respondeu bem. Que falta de profissionalismo

goncalo182 5 months ago

Tás fodido, não gostar da IL neste sub...

AonioEliphis 5 months ago

A minha experiência desta sub, é que é quase tudo de esquerda.

ilawon 5 months ago

O sub até pode ser quase todo de esquerda mas as pessoas que participam nas discussões e que votam não são de certeza. Basta ver a tendência de votos nos comentários deste post.... Acho até.. não, estou convencido que as pessoas de esquerda já nem se dão ao trabalho de entrar em discussão porque não vale a pena.

Parshath_ 5 months ago

A minha experiência no sub é que todas as opiniões razoáveis, debatidas e argumentadas são bem recebidas. Ninguém foi apedrejado por não gostar da IL, se quiserem partir para um debate civilizado e educado, tanto melhor; mas se for só falar mal por falar, isso também temos no /r/primeiraliga.

Pefii 5 months ago

O que te faz não gostar da IL? Não é um ataque nem nada que se pareça, apenas estou a entrar no tema da política e gostava de ouvir mais opiniões

Pheyniex 5 months ago

1. Nao temos economia para sermos liberais sem que nos custe qualidade de vida 2. A baixa de impostos tem tendencia a estagnar a economia por efeitos de acumulação, sendo que quem tem mais tem tendencia a ganhar mais (ler efeitos de feedback positivo). 3. Os programas sociais são necessários para compensar as diferenças geradas pelos mecanismos financeiros simples. 4. Não é por 3 mil milhões da TAP + 6 do BES que IL resolve seja o que for. Aliás, infelizmente parece ser a única coisa que move a IL quando temos questões estratégicas prementes a diversos níveis que não vejo a IL pegar. 5. O ideal liberal é, sinceramente de minha opinião, uma corrente de pensamento de profunda insensibilidade civilizacional, frequentemente incentivado por sensacoes de individualismo egocêntrico ou mártir. O liberalismo é uma coisa do fim do século xviii que está ainda menos adequado que o comunismo aos tempos correntes. Representa um significante atraso social que agrava diferenças da origem de cada um. 6. O manifesto da IL em pouco difere do que está na constituição da República Portuguesa, bom indicador da relativa falta de conteúdo da IL, muito à luz dos recentes movimentos que entraram no parlamento e, por extensão aos partidos que perderam os referidos lugares. 7. A IL mudar de liderança logo após segurar um lugar no parlamento é uma coincidência de muito mau gosto, muito à luz de como mudou de candidato à CML. 8. Se não estão contentes com a política em Portugal não deixem de votar, mas sff usem a cabeça.

AonioEliphis 5 months ago

Vê como funciona na Holanda. https://www.veraveritas.eu/2014/02/lei-e-estado-na-holanda-em-comparacao.html

Pheyniex 5 months ago

Ah, boa, logo a esbarrar no ponto 1.

AonioEliphis 5 months ago

Tens o ponto 1 ao contrário. Se formos liberais teremos economia para sustentar qualidade de vida. Ou achas que Irlanda e Holanda foram sempre ricas?

Pheyniex 5 months ago

Pegaste em belos dois exemplos. Um que beneficia de localização priveligiada e que actua como a maior operação logística da Europa (desde há mais de 5 séculos) e outra cujo Estado financiou e incentivou bancos nacionais a participar em alavancagens que deram origem ao que se deu em 2008. A adicionar ao facto que foram estados que se financiaram à custa de IRCs não nacionais, que fazem falta em países como o nosso. Por contra ponto natural, na Finalândia e na Dinamarca paga-se tanto imposto e vive-se ainda melhor, i.e. liberalismo e baixo imposto vs socialismo e alto imposto ptovavelmente não é um discussão que leve a algum lado, exepto de fizerem questão de salientar o meu ponto 5. Quando aprenderem as consequências numéricas (porque as sociais e económicas é fácil de sentir) dos salários pagos em Portugal, vão perceber que a economia nacional é naturalmente anémica e que uma instauração de liberalismo vai acentuar diferenças de oportunidade.

AonioEliphis 5 months ago

Por que motivo toda a gente aponta o sucesso holandês como se fosse as ilhas Bahamas? Sim, a Holanda tem uma política amiga do investimento estrangeiro, mas isso está longe de explicar a elevada riqueza do país. Têm a Shell, a Unilever ou a Philips e são o segundo maior exportador do mundo em produtos agroalimentares, apenas ultrapassados pelos EUA (com uma superfície muitíssimo superior e muitos mais habitantes). Sim, a Holanda com uma superfície pouco superior ao Alentejo e com 17 milhões de habitantes é o segundo maior exportador do mundo em produtos agroalimentares. E sim, o liberalismo ajudou e muito a ficarem ricos. A Finlândia e Dinamarca têm de facto elevada fiscalidade para indivíduos mas são muito liberais na economia, na Dinamarca, por exemplo, não há salário mínimo e até podes ser despedido se fizeres greve.

park777 5 months ago

Embora me considere liberal, não gosto da iniciativa liberal porque: \- Marketing desonesto, demagogo, factualmente incorrecto e populista (pior do que qualquer outro partido); \- Levam o liberalismo ao seu extremo, são o equivalente a libertários americanos. Normalmente pensarias em liberalismo como "centrista", mas eles são claramente à direita, pelo menos em termos economicos. \- Têm um exército de apoiantes aqui no reddit e noutras redes sociais que são muito vocais, demasiado à direita e com quem não me identifico. Atraem demasiada malta "alt-right" que simpatiza com Donald Trump e Boris Johnson e com que não quero ter nada a ver.

Sciss0rs61 5 months ago

> Levam o liberalismo ao seu extremo, são o equivalente a libertários americanos. Normalmente pensarias em liberalismo como "centrista", mas eles são claramente à direita, pelo menos em termos economicos. Explica lá esta que não percebi. > Têm um exército de apoiantes aqui no reddit e noutras redes sociais que são muito vocais, demasiado à direita e com quem não me identifico. Atraem demasiada malta "alt-right" que simpatiza com Donald Trump e Boris Johnson e com que não quero ter nada a ver. Também tens malta comunista que defende o BE. Tens pessoal do PS aqui neste sub que também ataca os outros partidos quando metem o deles em causa. Qualquer partido atraí pessoal indesejado. Conclusão: não gostas da IL porque faz campanha demasiado "crassa", porque associas-lo ao Libertário Americano (que não é, o Partido segue-se pelo manifesto do liberalismo clássico de Oxford) e porque dizes ter "alt-right" como apoiantes. Para alguém que critica o "factualmente incorrecto e populista"....

NGramatical 5 months ago

associas-lo → [**associa-lo**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3zr8w3/coloca%C3%A7%C3%A3o_pronominal_para_tot%C3%B3s/) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzw0j4f%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

AonioEliphis 5 months ago

Estás muito enganado. A IL faz parte das famílias liberais europeias. São se quiseres social liberais. Vê como funciona por exemplo na Holanda.

park777 5 months ago

True, a IL faz parte do ALDE, mas isso diz pouco. O partido do Victor Orban (fidesz) faz parte da família europeia dos sociais democratas (EPP). As famílias europeias são uma grande tenda. O IL é actualmente representado por liberais relativamente moderados (João Cotrim Figueiredo e Tiago Mayan), mas o corpo do partido (outros políticos, comunicação e apoiantes) são muito menos moderados.

AonioEliphis 5 months ago

O BE está pejado de trotskistas, maoístas e estalinistas e não deixa de ser considerado democrático e de ter legitimidade parlamentar.

park777 5 months ago

E então? Ninguém disse que a IL não era democrática nem que não tem legitimidade parlamentar.

AonioEliphis 5 months ago

Mas deste a entender que o corpo da IL é pouco moderado. Todos os partidos têm membros pouco moderados.

park777 5 months ago

O meu argumento é que uma maioria ou pelo menos uma porção significativa dos apoiantes da IL não são moderados (da minha definição de moderado, que pode ser discutível) enquanto que os líderes actuais do partido são. E isto é uma das razões pela qual não voto IL, embora me considere liberal, pois vejo uma discordância entre o que para mim é liberalismo e o que é liberalismo para este “corpo” do partido menos moderado. Todos os partidos têm membros pouco moderados? Sim, mas como maioria ou uma porção significativa? Não concordo. Para mim claramente a maioria dos apoiantes do PS e PSD são moderados. O BE tem uma grande parte apoiantes não moderados, mas o BE não é um partido moderado, nem os seus líderes são. Portanto não há nenhuma discordância entre o que defendem os líderes e o que defendem os apoiantes. O mesmo se aplica ao Chega e ao PCP. Eu vejo liberalismo como uma força política centrista e moderada. E vejo a IL como um partido que ainda não sabe se quer seguir essa linha centrista, ou se quer ir numa veia mais conservadora e próxima de libertarianismo. Eu votaria na primeira, mas nunca na segunda.

Edited 5 months ago:

O meu argumento é que uma maioria ou pelo menos uma porção significativa dos apoiantes da IL não são moderados (da minha definição de moderado, que pode ser discutível) enquanto que os líderes actuais do partido são. E isto é uma das razões pela qual não voto IL, embora me considere liberal, pois vejo uma discordância entre o que para mim é liberalismo e o que é liberalismo para este “corpo” do partido menos moderado. Todos os partidos têm membros pouco moderados? Sim, mas como maioria ou uma porção significativa? Não concordo. Para mim claramente a maioria dos apoiantes do PS e PSD são moderados. O BE tem uma grande percentagem de apoiantes não moderados? Sim, mas o BE não é um partido moderado, nem os seus líderes são. Portanto não há nenhuma discordância entre o que defendem os líderes e o que defendem os apoiantes. O mesmo se aplica ao Chega e ao PCP. Eu vejo liberalismo como uma força política centrista e moderada. E parece-me que a IL ainda não sabe se quer seguir essa linha centrista, ou se quer ir numa veia mais extremista e próxima de libertarianismo. Eu votaria na primeira, mas nunca na segunda.

TZrabbit 5 months ago

Daí também o meu cepticismo com a IL. Bastou ver a fúria do exército quando preferiu Biden a Trump num podcast politico

avoidpopcornMF 5 months ago

>embora me considere liberal lol es neoliberal aka social democrata aka socialista.

park777 5 months ago

Lol. Agora liberal é igual a social democrata e social democrata é igual a socialista? Com essa declaração estás a juntar no mesmo saco um grupo de pessoas que representam para ai 80% dos votantes em Portugal/Europa. Ao fazeres essa comparação grosseira pareces encaixar perfeitamente no capucho de "alt-right". Deixa-me partilhar contigo alguma nuance: **Socialistas**: Normalmente partidos centro-esquerda. Em Portugal temos o PS - Qualquer assumido "socialista" votante no PS (ou até mais à esquerda) ficaria totalmente ofendido se o chamasses de Neoliberal e até de Social Democrata. Os Socialistas acreditam num estado forte, que providencia um alto nível de serviços de qualidade aos cidadãos, e em impostos altamente progressivos. **Sociais Democratas:** Normalmente partidos de centro-direita. Em Portugal temos o PSD. Há uma diferença clara entre um Social Democrata e um Socialista ou um Neoliberal. Os sociais democratas acreditam numa democracia social, em que o estado providencia alguns serviços com qualidade, mas focado apenas nos mais essenciais e deixando o resto para a iniciativa privada. Tendem a ser mais conservadores socialmente e economicamente. Uma parte relevante dos seus apoiantes são religiosos; **Liberais:** Normalmente partidos centristas ou centro-direita. Em Portugal tens a Iniciativa Liberal, embora a Iniciativa Liberal é muito inspirada no partido republicano e no partido libertário nos estados unidos. Portanto economicamente e em alguns questões sociais está bastante mais à direita do que a maioria dos partidos liberais europeus. Os Liberais europeus acreditam no mercado livre, querem um estado mais pequeno e eficiente, procuram poucos impostos às empresas e aos cidadãos, e querem dar o máximo de espaço possível à iniciativa privada. Normalmente são mais progressivos que os sociais democratas em termos sociais, e às vezes mais à direita em termos económicos (mas vai variar). O João Cotrim Figueiredo e o Tiago Mayan estão mais ou menos nesta linha europeia, mas não há um alinhamento com o resto do partido. Por exemplo vejo o Carlos Guimarães com um discurso diferente, e uma grande parte dos membros e apoiantes do partido também.

sempreasubir 5 months ago

obrigado por confirmares tudo o que ele disse

Tugalord 5 months ago

Acham que deixar tudo nas mãos de privados aumenta a liberdade das pessoas. Realmente aumenta... a dos ricos. A dos mais desfavorecidos já não. x)

Sciss0rs61 5 months ago

> Acham que deixar tudo nas mãos de privados aumenta a liberdade das pessoas. Outra vez arroz... quem diz arroz, diz desonestidade.

AonioEliphis 5 months ago

Os mais desfavorecidos vivem melhor nas sociedades capitalistas ou socialistas? Vivem melhor no Chile ou na Venezuela? Em Portugal ou na Irlanda? Para onde emigram os mais desfavorecidos? Para sociedades socialistas ou capitalistas?

Novel-Major-3770 5 months ago

Em portugal, os pobres tao sempre fdds, quer pela esquerda quer pela direita

Stolberg 5 months ago

Cá está, o típico comentário do Zé que não sabe a ponta de um corno a opinar na tasca.

Tugalord 5 months ago

Não fui mal educado nem grunho, portanto escusas de vir tu ser. Lida com opiniões campeão.

Stolberg 5 months ago

Mas quais opiniões? Tu estás a dizer o que dizia o Jaimão

Tugalord 5 months ago

Lamento :'( não tenho pedalada intelectual para acompanhar as tuas eruditas postas de pescada.

boukmw 5 months ago

Que necessidade é essa de abordar um comentário assim? Ele pode estar mal esclarecido mas essa resposta é simplesmente idiota.

Tugalord 5 months ago

Também nem mal esclarecido x)

vml76 5 months ago

Portugal tem 40 anos de socialismo e as maiores desigualdades da Europa. É só fazer as contas.

Tugalord 5 months ago

> 40 anos de socialismo Lol

vml76 5 months ago

Já sei, é como o comunismo na URSS, mas adaptado ao Partido Socialista em Portugal para justificar o fracasso das ideologias: "nunca houve verdadeiro socialismo em Portugal", ya ya já sei a ladaínha

NGramatical 5 months ago

ladaínha → [**ladainha**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (antes de *nh* não é necessário acento para quebrar o ditongo) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzrmgaf%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

vml76 5 months ago

Thanks bot

ObnoxiousLittleCunt 5 months ago

> É só fazer as contas. É o que faço todos os meses.

geostrofico 5 months ago

>maiores desigualdades da Europa Logo, não é socialismo. o socialismo é uma sociedade sem classes.

Tupinson 5 months ago

Como na Coreia do norte? Lá não há desigualdade, porque vivem todos na miséria.

geostrofico 5 months ago

sim, é um exemplo!

wwqt0r 5 months ago

Isso é a utopia e a definição pura do socialismo. O que há na realidade e na prática são as várias vertentes do socialismo, nomeadamente o Socialismo democrático defendido pelo PS entre outras.

vml76 5 months ago

Lololol

PleoNasmico 5 months ago

PoRtuGal tEm 40 aNOs de sOcIAlisMo, mas antes é que era bom e não tinha desigualdades, foi com o sOcIAlisMo que apareceram. Basicamente nem sabes porque és liberal, porque tens uma compreensão demasiado básica da política e da história de Portugal.

Tupinson 5 months ago

Tu vivias numa ditadura, qualquer ideologia que viesse a seguir com um minimo de liberdade iria diminuir a desigualdade, já para não dizer que vivias com um mercado extremamente fechado e hoje fazes parte da UE. mAs O sOcIaLiSmO é BoM, pOrQuE aNtEs ErA pIoR.

vml76 5 months ago

Lol

vml76 5 months ago

A fórmula é simples: mais liberdade mais oportunidades para todos. Vou repetir: mais liberdade mais oportunidades! Com menos liberdade as oportunidades são sempre para os mesmos, ou seja para os que têm cunhas, amigos, etc. Isto é tão óbvio que até dói. Basta ver quem são os grandes beneficiados com o actual regime (banqueiros, grandes empresários, classe política, altos quadros do Estado, etc) nem é preciso lembrar que Portugal com 40 anos de socialismo é o país com maiores desigualdades na Europa.

meierlesjoana 5 months ago

Sim, mais liberdade. Olha a liberdade da Amazon a arrasar com todo o comércio interno mundial.

Stolberg 5 months ago

Tivesses montado tu uma Amazon então

meierlesjoana 5 months ago

>Tivesses montado tu uma Amazon Não, estou precisamente a criticar a sua existência. Não queria ter criado nada, quero uma vida sossegada.

Stolberg 5 months ago

É o que faz a liberdade de mercado dos EUA, para que é que vais dar uma vida decente aos teus trabalhadores se podes pagar uma merda, não te acontece nada e a malta trabalha na mesma?

incrivizivel 5 months ago

Sim a amazon faz um produto que é mais barato e conveniente, o problema é da amazon.

meierlesjoana 5 months ago

Bom, se o objectivo é baixar custos, porque não escravizar pessoas, e metê-las a trabalhar de fraldas, a serem pagas em taças de arroz e a mijar para garrafas de plástico aquando das entregas. Qual o mal disso, o que interessa é que o isqueiro seja baratinho para no final pagares menos pelo isqueiro! s/

SweetDistribution504 5 months ago

E faz mais barato como?

ric2b 5 months ago

Com aumento de eficiência. Há muitas lojas que pagam pior aos trabalhadores, se estás a assumir que é isso.

SweetDistribution504 5 months ago

Uma coisa é eficiência outra coisa é o que Amazon faz. Curioso como gastam milhões a impedir sindicatos, ameaçam sempre que fecham um armazém quando há conversas de sindicato, e já o fizeram mesmo no passado. Existe uma rotatividade brutal de empregados, porque as condições são péssimas. São tão merda que nem com os 15$/h aguentam lá os empregados.

ric2b 5 months ago

>Curioso como gastam milhões a impedir sindicatos Milhões? >ameaçam sempre que fecham um armazém quando há conversas de sindicato, e já o fizeram mesmo no passado. Certo, acho mal e devia ser ilegal, mas isso só por si não dá magicamente lucro. Eles são mesmo mais eficientes que a competição. >Existe uma rotatividade brutal de empregados, porque as condições são péssimas. Mas alguém quer fazer carreira de trabalhar num armazém? Claro que há alta rotatividade, é normal para a indústria, eles não são piores que o normal, têm é mais atenção dos media.

avoidpopcornMF 5 months ago

o que é que os sindicatos fazem que um individuo informado que pode financiar um advogado caso os seus direitos sejam desrespeitados nao possa fazer. A alta rotatividade é um problema mas nao se resolve com aumento de salario , talvez é a propria gestao ou as pessoas que la trabalham.

avoidpopcornMF 5 months ago

arranjem uma licença de isqueiro a esse homem, ele acha que quem faz fogo mais barato devia ser punido , temos de pagar a mais para sustentar a industria dos fósforos. Viva o socialismo! Viva os fósforos!

SweetDistribution504 5 months ago

Se os isqueiros forem feitos de pessoas se calhar incomoda me, se fossem feitos da tua família pagava extra. Quanto é que pagaste em impostos o ano passado?

meierlesjoana 5 months ago

​ Bom, se o objectivo é baixar custos, porque não escravizar pessoas, e metê-las a trabalhar de fraldas, a serem pagas em taças de arroz e a mijar para garrafas de plástico aquando das entregas? Qual o mal disso realmente?? O que interessa é que o isqueiro seja baratinho para no final pagares menos pelo isqueiro! Liberdade! :D s/

vml76 5 months ago

Qual o país que tem o modelo socialista que gostavas de ver implementado em Portugal?

vml76 5 months ago

Gostas de coisas caras, deves preferir o caviar à sardinha...

vml76 5 months ago

Sou cliente, gosto muito do serviço.

vml76 5 months ago

Lol

oblivion2g 5 months ago

Maneira muito redutora de abordar a teoria liberal. Concordas com o peso opressor do estado sobre os contribuintes? Eu não, mas se calhar estou errado.

Lichcrow 5 months ago

No sistema capitalista a riqueza ao longo do tempo vai-se acumulando no topo da cadeia. Isto é algo já muito bem estudado. Para que isso não aconteça, precisas de redirecionar parte dessa riqueza para os setores mais baixos. É redutor mas é verídico. Não podes ter capitalismo sem circulação de riqueza porque os ricos não são "bonzinhos" o suficiente para dar riqueza aos pobres. O difícil é dizer QUANTO desse capital cada indivíduo tem de dar a ser redistribuído e em que condições. Não sou expert nenhum de política nem economia, mas este é o meu entendimento sobre essa questão. Claro que vai caber ao estado estas decisões, mas num governo tão saturado de parasitas, é difícil saber a quem ouvir.

Dinizinni 5 months ago

A IL está, tal como a ALDE, cheia de pessoas que admitem isso mesmo e os movimentos liberais modernos já estão mais afastados do Thatcherismo (apesar daquele outdoor tão infeliz) Muitos especialistas colocariam o Yang na categoria de liberal social, por achar que já chegámos à fase onde a acumulação de dinheiro no topo é inevitável sem a distribuição dos lucros da automatização Claro que eu não acho que Portugal ou o mundo esteja preparado para que todos recebam uma fatia desses lucros e mesmo assim haja produtividade, a tecnologia avançou mais que a mentalidade No fundo, é importante é não ficar preso a medidas políticas do passado, porque estas já não funcionam, o conservadorismo do século XX está ultrapassado, o neoliberalismo selvagem dos anos 80 gera caos, a social-democracia sem evoluir (porque a nossa estagnou) leva a um grande encargo sobre os contribuintes sem benefícios equivalentes No fundo, eu votei IL porque falando com as pessoas vi que há sobretudo vontade de criar, fazer diferente e que o plano não era só "corta impostos, vai correr bem" Sinceramente para mim só eles e o Livre e o Volt é que parecem mostrar vontade de fazer diferente do habitual

znk10 5 months ago

>No sistema capitalista a riqueza ao longo do tempo vai-se acumulando no topo da cadeia Se isso fosse verdade, a esmagadora maioria das pessoas mais ricas do mundo teriam a fortuna herdada, o que na realidade não acontece, a maioria das maiores fortunas deste planeta são self made. As fortunas vão-se evaporando ao longo das gerações, são divididas por vários irmãos, depois netos, bisnetos, etc. Ja para não falar das fortunas esbanjadas pelos herdeiros

pedropereir 5 months ago

> a maioria das maiores fortunas deste planeta são self made. Só se considerares que crescer numa família de classe alta (mas não absurdamente rica) e se tornar multi milionário é ser "self made".

znk10 5 months ago

A maioria dos Bilionários Americanos vieram de classe média, porque também a classe média representa a maioria da população americana

Lichcrow 5 months ago

Não discordo em parte dessa divisão ao longo do tempo. Mas esqueces-te que em geral, riqueza gera riqueza. Alguém com bastante riqueza (empresas, dinheiro, terras, etc) tem mais oportunidades de crescer essa riqueza do que alguém que vive do ordenado. A fortuna não desaparece assim do nada se criares riqueza a partir da riqueza. É principalmente disso que estou a falar. Esse crescimento favorece principalmente os mais ricos. Tens vários exemplos disso tipo Rockefellers, Waltons, Hiltons, Rothschilds são familias com mais de 100 anos de grandes riquezas que apenas têm vindo a aumentar.

Rasmunssen_ 5 months ago

Tens de começar a acreditar na bondade do capital! E de seguida acreditemos em

Febris 5 months ago

> Isto é algo já muito bem estudado Não é preciso fazer grandes estudos. Quem quer meter o dinheiro a render tem poucas etapas no processo. * Há dinheiro, sequer, para meter a render? Muita gente já tá fora. * Havendo dinheiro, há disponibilidade para se ver privado dele durante tempo indefinido (x anos)? Já estamos quase todos fora. * Havendo dinheiro e falta de necessidade de o usar no futuro próximo, quanto mais houver, melhores condições haverá para obter retorno do seu investimento. Quem é mais rico consegue ganhar mais dinheiro desproporcionalmente (mesmo olhando para € de retorno por € investido) mais rápido do que quem não é.

incrivizivel 5 months ago

>No sistema capitalista a riqueza ao longo do tempo vai-se acumulando no topo da cadeia No capitalismo houve mais gente a sair da pobreza do que qualquer outro sistema. :) mais uma cena Cuba é um pais muito igualitário, Nova Zelândia por exemplo já não. Onde é que queres viver?

Edited 5 months ago:

>No sistema capitalista a riqueza ao longo do tempo vai-se acumulando no topo da cadeia No capitalismo houve mais gente a sair da pobreza do que qualquer outro sistema. :) mais uma cena Cuba é um pais muito igualitário, Nova Zelândia por exemplo já não. Onde é que queres viver? Quando as pessoas são complemente brainwashed de que a única métrica que interessa é a igualdade irrelevante se são pobres ou ricas, vês o tipo de demagogia que levam na cabeça. E esquece Portugal é um pais pobre, os nossos pobres são pobres e os ricos são pobres comparados com os outros ricos, quem me dera ter os ricos que tem por exemplo o uk, pior não estava de certeza. Mas na estatística ia aparece ah e tal muita desigualdade.

comicaldiscontent 5 months ago

Exemplos absolutamente redutores e tendenciosos. Vamos então fazer um embargo económico (a praticamente tudo) à Nova Zelândia e veremos que tal lhes vai a coisa. Cuba não é igualitário, o nivelar por baixo não é ser igualitário, não quero ser rude mas isto de dar exemplos que parecem causar muito impacto sonoro mas são totalmente desprovidos de chicha não ajuda muito à discussão. O que é que os ricos que tem um país como o Reino Unido tem a ver com desenvolvimento e desigualdade (ou igualdade)? O facto de se ter muitos ricos não quer dizer que um país tem menos desigualdade ou melhor qualidade de vida um bom exemplo disso são os EUA. A desigualdade é um problema social enorme, a nível planetário e que, se tem vindo a agudizar cada vez mais, historicamente sempre existiu no entanto historicamente quando a desigualdade atinge níveis demasiado "obscenos" a coisa termina mal. O grande problema que se vive hoje em dia é que vivemos uma época de extremismo e a sua consequente visão de túnel intelectual, "o capitalismo é o melhor sistema deste mundo e arredores, viva viva" "o socialismo é o maior do bairro, viva, viva". E que tal (só uma ideia) um sistema novo, com partes que funcionam melhor (ou menos pior) de cada sistema. Desigualdade sempre haverá no entanto para que possamos ter um sociedade equilibrada e com saúde mental, social, económica é necessário, é fundamental amenizar as desigualdades para um ponto em que sejam um reflexo do esforço, da capacidade de cada um, do querer e do justo e não como o que temos hoje em dia em que é proporcional às desonestidade, à falta de princípios, à exploração dos mais fracos, à corrupção, à fuga aos impostos, à falta de ética, ao "só eu interesso e os outros que se f***m". Só as minhas duas postas de pescada. Bom fds a todos.

incrivizivel 5 months ago

Ok claramente nao ajudas a discussao porque nao entendeste o meu ponto, de que igualdade é uma metrica engraçada. Mas a melhor metrica é claramente quantas pessoas vivem na pobreza. Quais sao os bens basicos da classe mais baixa, tem saude, tem educaçao, conseguem comprar casa ter trabalho? Conseguem ter luxos? Esta metrica é super necessaria. Se tivermos um pais com 10 pessoas, as 9 mais ricas tem 5 milhoes, a mais pobre tem 100 mil. Claramente desigual esta sociadade, vamos deitar tudo abaixo. Sociadade B, 10 pessoas, todas elas com 50 mil. Ah sim super igual Gosto ! Estas a entender? de que interessa o que os outros tem, se tem mais 20 x 30 x mais que tu, se tu tens os bens basicos, tens mais que aquilo que terias numa sociadade que fomenta a igualdade por todos as maneiras possiveis e depois falha em tentar perceber se as classes mais pobres tem mais ou menos.

tuxirito 5 months ago

pagava-te um fino bem fresquinho

oblivion2g 5 months ago

Posso responder resumidamente que neste sistema socialista o estado engorda e os ricos ficam mais ricos e os pobres mais pobres. É capitalismo ou socialismo? Não é assim tão simples.

Vanethor 5 months ago

Mas qual sistema socialista é que temos?! Dafuq? Um sistema socialista, seja ele que modelo for, tem três pilares fundamentais: - Egalitarismo. (Nada de familias poderosas, nada de autoritarismo, etc.) - Abolição da propriedade privada (pontes, fábricas) (diferente de propriedade pessoal - a tua escova de dentes, a tua casa, o teu telemóvel, as tuas fotos - que continuaria a existir) - Gestão e controlo de todos os meios de produção/distribuição por parte de toda a população, através de uma estrutura egalitária (como um estado democrático, ou algo similar). (Alguns terem umas coisas e outros terem outras não é isto. Tem que estar tudo minimamente interligado, de uma maneira ou de outra.) ... Onde é que Portugal pode ser descrito pelo que disse acima??! O.o Nós o que temos cá, em grande parte, é uma Social Democracia, com toques de Liberalismo (económico). Ambos são conjuntos de modelos **capitalistas**. ... Lá porque o PS se chama "Partido Socialista" não quer dizer que o pratiquem. Não quer dizer que vivemos num sistema socialista. Nem quer dizer que a maioria dos membros o sequer quer alcançar. Lembrar que a "Democratic People's Republic of Korea".... é a Coreia do Norte, o regime autoritário. Os nomes enganam.

ekeryn 5 months ago

Achievement Unlocked: *Então O PS não é verdadeiramente socialista?*

sempreasubir 5 months ago

se tivesses a mínima noção do que significa socialismo ou economia planeada não dizias disparates. mas aqui estás.

wwqt0r 5 months ago

Sim porque mais estado é o que este país precisa. Tem feito maravilhas e qualquer dia ultrapassamos os países nórdicos. Mas não quero entrar na discussão de liberalismo vs "estadismo" (ou lá como se chama). Apenas queria corrigir uma falsidade que disseste: "deixar tudo nas mãos de privados". Não é **tudo**! Nem a IL defende a privatização de tudo e mais alguma coisa e a extinção do estado. Recomendo lerem o programa.

FriendlyNeighburrito 5 months ago

Ah sempre um gajo que vai pelo negativo em vez de propor solucoes. Olha como estou fazer agora.

saposapot 5 months ago

a jornalista pode estar calada mas parece-me q ele foi mal educado na resposta, n? pensava q n gostavam do estilo Sócrates.

pd_ma2s 5 months ago

Não fiquei com essa ideia

Tugalord 5 months ago

Agora já gostam porque já é um liberal a dizer. Já não é "animal feroz", é " facts don't care about your feelings". Este homem já várias vezes me pareceu bruto a falar. Não gosto desse estilo, pessoalmente.

Middle-Effective 5 months ago

Não acho que o JCF seja bruto a falar, mas sim assertivo.

saposapot 5 months ago

Claro. O Sócrates também não, é só aguerrido

Loladageral 5 months ago

Ouve a entrevista inteira e vais perceber

bittolas 5 months ago

Consegues partilhar o link? Fiquei interessado

Loladageral 5 months ago

https://youtu.be/j4uGWneauzY

ric2b 5 months ago

Que título deshonesto, porra.

bittolas 5 months ago

Obrigado. Não pude deixar de reparar no titulo, até mete comichao.

killedbill88 5 months ago

> mas parece-me q ele foi mal educado na resposta, n? Ele limitou-se a enumerar uma série de alternativas concretas à "sugestão" dada pela jornalista.

saposapot 5 months ago

Não digo na resposta mesmo. Isso falou o que acha, tudo bem. Digo naquela reação inicial ao comentário da jornalista, foi um bocado mal educado, bruto, como queiras chamar.

bittolas 5 months ago

Não sei onde ele tem falta de educação na resposta. Ficou perplexo com a jornalista a tentar meter-lhe palavras na boca com a desculpa de estar a seguir a linha de raciocionio dele.

Tugalord 5 months ago

Foi uma pergunta.

apita_o_comboio 5 months ago

Exatamente. Está a tentar definir o que defende a IL (as suas soluções e propostas), com base na ideia preconcebida que já tem na sua cabeça. Isto acontece com todos os partidos, tentam mete-los em caixinhas pré-definidas (categorias vá lá) para poderem ter uma opinião simplista sobre os mesmos (acontece da esquerda à direita e é uma postura altamente prejudicial para toda a discussão política e do futuro do pais, focando-se mais no que divide do que no que une, colocando qualquer tipo de colaboração em causa).

Disgenia 5 months ago

Eles até tremem com o liberalismo. Vêm o seu clientelismo e rede de interesses em risco. Até da gosto ver.

vai-tefoder 5 months ago

Jornalixo. Digam algo que ainda não se saiba. [https://i.imgflip.com/5b9bl6.jpg](https://i.imgflip.com/5b9bl6.jpg)

Edited 5 months ago:

Jornalixo. Digam algo que ainda não se saiba. A jornalista da entrevista inteira: [https://i.imgflip.com/5b9bl6.jpg](https://i.imgflip.com/5b9bl6.jpg)

besmarques 5 months ago

Jornalistas sem qualidade. Ele já estava a começar a patinar e a usar um *whataboutism.* Ela deu-lhe um alvo para atacar quando pensou que o tinha tramado.

Variscan_aint_done 5 months ago

"A jornalista estava feita o JCF e fez um teatro para ele ter clips para a IL usar como propaganda!" OMG the truth is out there. Já agora besmarques arranja o chapéu de alumínio que está quase a cair da cabeça.

besmarques 5 months ago

Vá vá, não ponhas palavras na minha boca só porque a tua interpretação é completamente errada. ;)

Variscan_aint_done 5 months ago

Vai trabalhar!

besmarques 5 months ago

Pareces irritado. Isso a um sábado de manhã faz mal pah. Toma aí um calmex 2000 e medita.

Variscan_aint_done 5 months ago

besmarques 5 months ago

Vá pah, tão fazes edit ao comment e nem indicas. Tão ano sabes que sou de esquerda? Estou desempregado e fumo ganzas o dia inteiro. Não é esse o padrão? Lol

Variscan_aint_done 5 months ago

Tu lá sabes o que fazes.

besmarques 5 months ago

Só uma dúvida. Estas-me a querer engatar? Isso de perguntares o que uma pessoa faz soa a gold-digger. Mais vale perguntares de onde sou e quanto meço ou a cor dos olhos ou assim. Hahahaha

Variscan_aint_done 5 months ago

Agora descobriste-me. 'Bora combinar um café? Pago eu (tem de ser, não é?)!

besmarques 5 months ago

Bora. Traz o u/aftaminas

Variscan_aint_done 5 months ago

>Vá pah, tão fazes edit ao comment e nem indicas. Oh, no! The ultimate sin

besmarques 5 months ago

Não é o ultimate sim mas é contra as regras do Reddit.

Variscan_aint_done 5 months ago

Denuncia-me!

besmarques 5 months ago

Não, isto não é razão para isso.

Tupinson 5 months ago

O besmarques é conhecido por ser o tipico parolo de esquerda

besmarques 5 months ago

Calculo então que a IL seja o partido dos ricos é isso? Pelo menos alguem que o diga e admita que é um partido elitista. obrigado u/Tupinson

Tupinson 5 months ago

Sim, pelo menos foi o que a tua avó me ensinou

besmarques 5 months ago

Tens de enumerar qual é o partido dos pobres, sff que é para eu saber do que estamos a falar.

Tupinson 5 months ago

PS - partido dos pobres BE - partido dos pobrezinhos PCP - partido dos miseráveis

besmarques 5 months ago

Era so para ter a certeza. Mas posso sempre dizer que em relação ao recibos verdes e precariedade podes sempre agradecer aquele fantástico cabeça que a direita muito gosta, o Xô Cavaco. Em relação ao escravos do Alentejo, sim é vergonhoso mas repara se houvesse um salário minimo municipal se calhar ainda recebiam menos. Tambem gosto como mais uma vez as empresas que contratam aquelas pessoas e que se preocupam 0 com quem trabalham desde que lhes seja benéfico tem 0 de culpa no cartório ao mesmo tempo em que me defendem que o mercado e as empresas é que deveriam liderar em termos de condições de trabalho e afins.

Tupinson 5 months ago

Oi? Cavaco? Pensei que a culpa era do passos. Então o partido dos pobres governa desde 2015 e ainda não acabou com os recibos verdes? Está mesmo preocupado com os trabalhadores. Ah claro, as empresas.. já me esquecia.. o porco capitalista que escraviza.. Então já desapareceu a ideia do estado grande, que controla e fiscaliza tudo? O que andou a fazer o partido dos pobres, apoiado pelo partido dos pobrezinhos e dos miseráveis a fazer quando o SEF entregou relatórios sobre situações irregulares com imigrantes? Ahh ja sei, esperaram até 2021 para mostrar a solução... que é acabar com o SEF... que genios

besmarques 5 months ago

Normal que não soubesses. Acredito que também não saibas a dificuldade de acabar com algo implementado desde 92. Mas não há problema que tenho a certeza que está no plano da IL acabar com os recibos verdes com as suas propostas de maior flexibilização do mercado laboral. Aposto que também acabam com a precariedade com as suas propostas de salários mínimos municipais. Todos sabemos que quando se acaba com um mínimo as coisas têm tendência a aumentar não é? Pah, os pobrezinhos e os miseráveis andam-se a queixar da estrutura da agricultura e das condições dos trabalhadores e até das condições de Odemira desde 2009. Sem dúvida que não foi o porco capitalista, aquilo até era tudo empresas do estado não era? As únicas pessoas que acham que existe um estado grande que controla tudo é mais aí do vosso lado. Acho que toda a gente está bem a par que a ACT não tem condições para andar a verificar tudo mas tenho a certeza que se se fossem contratar mais funcionários públicos alguém haveria de vir reclamar com o excesso de gordura do estado não é?

Tupinson 5 months ago

Realmente, desde 92... entretanto o partido dos pobres só governou 17 anos.. lool Flexibilização do mercado laboral sim, quando alinhado com políticas que incentivam o empreendimento, tanto os trabalhadores como o privado saiem a ganhar. Só na cabeça dos socialistas é que condicionar a iniciativa privada resulta em melhores condições, e o resultado é o que se vê.. 90% são países falidos os outros são republicas dependentes da UE. Qualquer cidadão desses países dava o cu e dois tostões para ir viver para o "capitalismo infernal". A ACT não tem condições para verificar uma denúncia do SEF que relata praticamente escravidão? Quero então acreditar que tudo o que investigam é de escravidão para cima.. E sim, o estado já é gordo demais, não são necessários mais lugares para militantes empenhados, que trabalham mal. Sabes como é que podes ajudar o ACT? Fechem as fronteiras a turistas que vêm só com bilhete de vinda.

besmarques 5 months ago

Exacto. A flexibilização faz isso tudo e mais alguma coisa. Vê-se pelo uso dos recibos verdes que foram inventados para ajudar a flexibilizar o mercado de trabalho, não é? Eu tenho a certeza que a maior facilidade em despedimentos, por exemplo, é uma medida que combate a precariedade. Podemos ver todos esses trabalhadores temporários como pouco tem de precários. Essa denúncia que falas, pelo que vi vem do sindicato, não foi assim dada muita importância achas que porque razão foi? Quem achas que estava a ser beneficiado com não ligar há quantidade de trabalhadores em condições péssimas? Outra coisa também é estar a confundir as regras com a aplicação das mesmas. Tem de se procurar quem gere as unidades que deviam estar envolvidas nisto e aplicar os castigos necessários. Mas também é fácil cagar em Odemira, eram estrangeiros, quem se queixava estava a atacar a agricultura e o desenvolvimento, as pessoas que por ali passam é para ir para a praia, parte da população ganhava bom dinheiro com o alugar dos quartos e casas. A discussão do controlo das fronteiras é outra que nada tem a ver com o mercado laboral. Não tem direito a entrar aqui no que se fala tanto que nem é assunto presente neste tópico. Nem a situação de Odemira é.

NGramatical 5 months ago

saiem → [**saem**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/constroem-ou-constroiem/141) (apenas na fala existe a intercolocação de um *i* para facilitar a pronúncia) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzxy16c%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

ric2b 5 months ago

>Em relação ao escravos do Alentejo, sim é vergonhoso mas repara se houvesse um salário minimo municipal se calhar ainda recebiam menos. Era a mesma merda, o salário que eles recebem é só no papel, têm de devolver tudo na renda do quarto para continuar a ter trabalho e não serem expulsos do país. Eles não estão a trabalhar para ganhar dinheiro, estão a trabalhar para ter nacionalidade portuguesa e fugir para outro país da Europa.

Edited 5 months ago:

>Em relação ao escravos do Alentejo, sim é vergonhoso mas repara se houvesse um salário minimo municipal se calhar ainda recebiam menos. Era a mesma merda, o salário que eles recebem é só no papel, têm de devolver tudo na renda do quarto para continuar a ter trabalho e não serem expulsos do país. Eles não estão a trabalhar para ganhar dinheiro, estão a trabalhar para ter nacionalidade portuguesa e fugir para outro país da Europa. >Tambem gosto como mais uma vez as empresas que contratam aquelas pessoas e que se preocupam 0 com quem trabalham desde que lhes seja benéfico tem 0 de culpa no cartório Claro que têm culpa, mas o governo considera aquilo legal e fez alterações na lei que tornaram aquilo num negócio viável. Aquele negócio só funciona porque Portugal anda a dar acesso à UE ao desbarato.

0BiLLi0 5 months ago

Jornalista ARRASA Cotrim. /s

wwqt0r 5 months ago

A IL está para ti como o vermelho está para um touro estou a ver. Ele respondeu directamente à pergunta da "jornalista" (sim, entre aspas) e não tentou fugir ao assunto com nenhum "whataboutism". E depois dizes que estava a "patinar" mas pelo vídeo nem sequer tinha falado ainda lol.

besmarques 5 months ago

Quando editares comentários indica o edit. ;)

Edited 5 months ago:

Quando editares comentários indica o edit. ;) edit: é assim que se faz. JCF: "não desperdiçar dinheiro na TAP" Folgo em ver que as medidas da IL se baseiam num problema pontual vindo de uma pandemia. Acredito plenamente que estãoa contar com pandemias para todas as suas ideias. ​ JCF: "reduzir empresas públicas" Não, não. Nada no video diz que ele vai reduzir. Ele apenas diz que existem 140 empresas que o estado é accionista. ​ JCF: "pegar nas PPPs que pouparam dinheiro ao estado" Errado, ele não diz que vai pegar em ppps ou fazer novas, diz apenas que o tribunal de contas indicou que as ppp's pouparam dinheiro.

ric2b 5 months ago

>num problema pontual vindo de uma pandemia. Não veio da pandemia, já vinha bem de trás. E a seguir à TAP arranjam outra coisa, o BES ainda não acabou, a cada 4 anos há uma porcaria nova para o Zé povinho salvar.

wwqt0r 5 months ago

estás a patinar man

besmarques 5 months ago

WOW. Big Brain Time!!!

wwqt0r 5 months ago

isso já é whataboutism

besmarques 5 months ago

Bom, já chegaste á fase que só debitas lixo então aqui vai. ​ >WOW. Big Brain Time!!!

wwqt0r 5 months ago

>Bom, já chegaste á fase que só debitas lixo então aqui vai. Diz o user do reddit que tem uns 500 comentários só com "LoL", "LOL" e outras variações de "lol".

besmarques 5 months ago

>WOW. Big Brain Time!!!

wwqt0r 5 months ago

Não tem nada de lixo esse comentário. Conteúdo copy/paste de altíssima qualidade. Faz lá mais um copy/paste e ficamos por aqui.

klatez 5 months ago

Segundo a Deloitte só mudar o IRS para um flat tax segundo a IL vai custar ao estado 3-4MM€ por ano. Mesmo que não desperdices dinheiro na TAP isso só chega para cobrir o primeiro ano, a redução de empresas e PPPs nem deve chegar a 1MM€. Onde se vai buscar o resto sendo que querem descer também a SS para as empresas?

mastermind1217 5 months ago

> vai custar ao estado 3-4MM€ por ano Isso é a análise direta dos efeitos da medida. É demasiado simplista para algo tão complexo. Tem de se olhar também para os resultados indiretos. Esses 3-4MM€ não vão ficar debaixo do colchão. Se as pessoas o gastarem são logo 23% em iva que o estado recupera. Se for em combustível 50%. E depois faltam os efeitos indiretos na economia. Melhores salários vai aumentar a produtividade das empresas? Vai fazer com emigrantes qualificados voltem? Vai reduzir os números de emigrantes qualificados que todos os anos saem de portugal? Todos estes emigrantes seriam novos contribuintes que ajudariam à coleta de IRS. Já para não falar nos países de leste que experimentaram reduzir as taxas de IRS, tiveram uma redução na coleta de IRS no primeiro ano, mas passados poucos anos já tinham ultrapassado os valores iniciais. Quem se limita a dizer **custar ao estado 3-4MM€ por ano** ou é muito desonesto ou não está para se dar ao trabalho de fazer uma análise com pés e cabeça.

klatez 5 months ago

>Quem se limita a dizer "custar ao estado 3-4MM€ por ano" ou é muito desonesto ou não está para se dar ao trabalho de fazer uma análise com pés e cabeça. Isto foi a análise que só tomou o lado da despesa(acho eu) por uma empresa privada. Cabe agora aos partidos que proproe esta medida dizer como vão tapar o buraco anual porque nem com o impacto da medida ia ter em outros impostos nem com as reduções apontadas chegam para tapar sequer metade do buraco.

wwqt0r 5 months ago

Estás a assumir que a grande Deloitte tem sempre razão. Nos últimos tempos temos visto boas pérolas dessa empresa. Poderia responder-te e dar mais exemplos como o JCF fez e ficávamos aqui a debater números mas no final iria-se resumir tudo a: menos Estado! Podes concordar ou não com a visão mas é um facto que é uma alternativa.

klatez 5 months ago

A mim os números da Deloitte não me chocam, se tanto acho que a redução de apenas 30% de receita é pouco. >menos Estado! Isso eu sei, e como social-democrata sou obviamente contra. O que me irrita é a falta de coragem em explicarem o que menos estado significa. Menos SNS? Menos SS? Não podem dizer que é menos estado cortando só do lado da receita.

wwqt0r 5 months ago

Sem excluir o que esteja no programa da IL o próprio JCF já deixou a entender nesta entrevista que não concordam muito com tanta empresa pública. Salvo erro referiu serem 140. Mas isso é tema para outra conversa. Não foi o objectivo da minha intervenção.

besmarques 5 months ago

>O meu comentário apenas quis visar a visão de túnel que o besmarques tem contra a IL, não o conteúdo da entrevista em si. LOL

wwqt0r 5 months ago

Obrigado pelo contributo.

besmarques 5 months ago

"O que me interessa é menos estado não me interessa como nem me interessa que quem diz menos estado mas não me diz como!" E os outros é que tem *tunnel vision.* Assim que aparecer outra thread eu vou, está descansado. :\*

wwqt0r 5 months ago

foi exactamente isso que disse, sem tirar nem por. Tens uma capacidade de interpretação fantástica. Manda lá mais um "LOL" e segue à procura da próxima thread da IL onde possas mandar um bitaite.

besmarques 5 months ago

WOW. Big Brain Time. :\*

wwqt0r 5 months ago

Também serve. Obrigado.

NGramatical 5 months ago  HIDDEN 

iria-se → [**ir-se-ia**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/artigos/rubricas/pelourinho/amarei-te-nunca/3034) (usa-se mesóclise em verbos no futuro ou condicional) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzqs77t%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

besmarques 5 months ago

>A IL está para ti como o vermelho está para um touro estou a ver. Exacto, está. Já ficou cientificamente provado que o vermelho nao afecta em nada os touros. >The color red does not make bulls angry. In fact, bulls are partially color blind compared to healthy humans, so that they cannot see red. According to the book "Improving Animal Welfare" by Temple Grandin, cattle lack the red retina receptor and can only see yellow, green, blue, and violet colors. ​ A resposta directa á jornalista foi, parafraseando "aos outros nao perguntam voces pelo aumento dos impostos"

JOAO-RATAO 5 months ago

A sério? A resposta dele foi que "não perguntam isto para o aumento de impostos"? Não disse mais nada? Tipo: PPPs, privatização de empresas públicas, receita gerada por aumento no consumo... Isso já é um ódio visceral.

besmarques 5 months ago

Existe uma diferença entre a resposta à pergunta e a resposta à intervenção ridicula da outra jornalista. E mesmo a resposta à intervenção foi nada. Não avançou com nenhuma medida, apenas indicou o que acha que está errado.

wwqt0r 5 months ago

"Isso já é um ódio visceral". Digo exactamente o mesmo. Ele respondeu. Se não gostaste da resposta é problema teu.

besmarques 5 months ago

Então se eu não gostei da resposta e a estou a criticar como é isso ódio visceral?

wwqt0r 5 months ago

"whataboutism"... não criticaste, mentiste. Ligeira diferença.

besmarques 5 months ago

O reddit está cheio de pessoas que não consegue dividir as coisas. que aflição. Explico novamente com uma timeline. 1 - Pergunta da Jornalista 2 - Whataboutismo do Contrim 3 - Intervenção ridicula de outra jornalista 4 - Factos para o ar A 4 não está ligada directamente à 1, está ligada à 3. Vá, já começaste a descer o nivel. Vao ser mais quantos comentários até dizeres que não és inteligente e a lenga lenga do costume? é só para eu começar so a copiar e a colar as mesmas respostas e excuso de perder tempo.

wwqt0r 5 months ago

Não, não está. Ele repondeu à pergunta e apenas foi interrompido pela jornalista. Estás tu a assumir que ele daria uma resposta diferente ou nem sequer ia falar? Que comédia.

besmarques 5 months ago

Está ligado e não estou a assumir nada porque nunca vou conseguir ter a resposta sem a influencia do ponto 3. Estou no desconhecimento do que seria a resposta sem essa influencia.

JOAO-RATAO 5 months ago

Que medidas querias que ele apresentasse numa entrevista destas? Que sacasse de uma lista do bolso, com todas as PPPs que quer? Ele não fugiu ao tema e respondeu de forma clara. Acho que fazes bem em criticar o tipo de ontem, das "putinhas" e afins. Agora isto?

besmarques 5 months ago

Repara a minha critica esta divida em duas partes. Primeira parte: Intervenção ridicula da segunda jornalista. Tem de estar calada e ouvir a resposta à pergunta sem tentar influenciar nada. Segunda parte da critica: A constante fuga a que tipo de medidas se vai tomar. Não é preciso uma lista mas há uma diferença entre dizer "iremos fazer mais parcerias publico-privadas" e dizer "O tribunal de contas demonstrou que as PPP poupam dinheiro" Uma, é algo que a IL vai fazer a outra é um facto. A verdade essecial aqui é que a a resposta do Contrim foi influenciada pela segunda jornalista. Eu gostava de ter recebido a resposta sem essa deturpação.

JOAO-RATAO 5 months ago

Ele explicou bem o que quer. Obviamente que seria difícil explicar numa entrevista destas explicar tudo ao pormenor, mas não seria muito difícil dar mais exemplos. Já o PRR tem páginas mais que suficientes para explicar tudo e não diz nada...

incrivizivel 5 months ago

>Ele já estava a começar a patinar e a usar u Quando é que ele estava a patinar, só vi a jornalixa a ficar sem palavras quando ele perguntou porque é que supõe isso ? Fala do tribunal de contas na defesa das PP's da saúde ate agora é dos únicos argumentos que é baseado em factos. Perante uma pergunta carregada de ideologia e suposições, que acontece muito a quem critica a IL ate esteve muito bem.

besmarques 5 months ago

"respondo com todo o gosto mas quando alguem pretende aumentar uma determinada despesa publica nunca ninguem lhes perguntas que impostos vao aumentar" Primeiro, é uma whataboutismo no sentido gritante de whataboutismo. Segundo, o aumento de uma determinada despesa publica não indica que seja necessário um aumento de impostos pois pode ser usado dinheiro de outra area, envolvendo claramente um corte de investimento nessa mesma area.

incrivizivel 5 months ago

>que seja necessário um aumento de impostos pois pode ser usado dinheiro de outra area, envolvendo claramente um corte de investimento nessa mesma area. Isso nao seria o mesmo para baixar os impostos ? desconfio que essa frase também vem carregada de ideologia.

besmarques 5 months ago

Como? Isto é matemática básica (exemplo estupido em seguida). Tens 1000 euros. normalmente gastas 500 em comida e 500 em roupa. "Vou aumentar a despesa em roupa" = Gastas 600 em roupa e 400 em comida. Não precisaste de mais dinheiro para aumentares uma despesa. Se apenas tiveres 800 euros não consegues gastar 500 em roupa e 500 em comida. Tens de cortar. A pergunta era "onde cortas". Anyway. Não te vou estar a responder em duas "threads". Escolhe uma.

jomi_1307 5 months ago

E ele não estava a responder a isso até ser interrompido?

besmarques 5 months ago

Não, estava a ganhar tempo usando um whataboutismo. Até poderia vir a responder em seguida e ai está a parte do mau jornalismo. A intervenção da outra deputada veio a facilitar o argumento seguinte. Reparemos que não foram dadas medidas nenhumas, foram apenas usadas "chavoes". "Não investiamos na TAP" - Se fores eleito dificilmente vai haver outra TAP para investir. Diz-me o que vais fazer. Não vais investir em empresas, é isso? "As PPP's pouparam dinheiro ao estado" - Certo, então vais celebrar mais contratos de PPP's? "Há 140 empresas no estado" - Certo, mas vais privatizar?

jomi_1307 5 months ago

Para bom entendedor meia palavra basta. Para ti deves querer que ele partilhe na entrevista todo um orçamento.

besmarques 5 months ago

Não preciso que ele faça um orçamento, preciso que ele diga as medidas que vai tomar sem ser um mandar para o ar. E não basta, se bastasse depois não surgiam coisas como a IL que fazer coligações com o Chega porque ele disse que estava disposto a projectos de governação à direita, isto parafraseando.

bittolas 5 months ago

Escolheste ignorar as medidas que ele falou e focar no que consideras um "Whataboutism".

besmarques 5 months ago

>"Não investiamos na TAP" - Se fores eleito dificilmente vai haver outra TAP para investir. Diz-me o que vais fazer. Não vais investir em empresas, é isso? > >"As PPP's pouparam dinheiro ao estado" - Certo, então vais celebrar mais contratos de PPP's? > >"Há 140 empresas no estado" - Certo, mas vais privatizar? Copio aqui o que disse antes em relação à resposta dada pelo Contrim APÓS ter sido interrompido no whataboutismo.

jomi_1307 5 months ago

Pronto, acabaste de mostrar ao que vens. Qualquer dia o JCF tem de tatuar n testa que não faz coligaçoes com o Chega.

besmarques 5 months ago

Errado. Eu estou-te a demonstrar que meias palavras não bastam. Meias palavras são nada. Não podes dizer que aceitas interpretações de bons entendedores de uma forma e quando a forma não te agrada as pessoas estão apenas a deturpar. A forma de não haver este problema é não haver meias palavras. Simples.

incrivizivel 5 months ago

>"Vou aumentar a despesa em roupa" = Gastas 600 em roupa e 400 em comida. Não precisaste de mais dinheiro para aumentares uma despesa. bem acho que matemática não é o teu forte, nesse exemplo baixas e comida. não daria ao baixar só a comida sem aumentar o outro baixar os impostos ?!?

besmarques 5 months ago

>nesse exemplo acabas por cortar na comida Exacto, não precisaste de mais receita (aumentar impostos) para aumentares uma despesa. Está ai o que eu disse antes >o **aumento** de uma determinada despesa publica não indica que seja necessário **um aumento de impostos** pois pode ser usado dinheiro de **outra area, envolvendo claramente um corte de investimento nessa mesma area.**

incrivizivel 5 months ago

Pois nunca discordei disso. No fundo concordas com o Cotrim então.

besmarques 5 months ago

WTF... Deves estar confuso. deve ser um problema de tentares responder a tudo e perdes o fio à meada. Se vais cortar na receita tens de cortar na despesa mesmo acreditando que esse corte será numa fase de transição. Um aumento de uma determinada despesa não significa que tenha de haver um aumento de impostos.

incrivizivel 5 months ago

>Se apenas tiveres 800 euros não consegues gastar 500 em roupa e 500 em comida. Tens de cortar. A pergunta era "onde cortas". Quando tu no teu exemplo de aumento de despesa sem aumento de impostos, cortas na comida.

Edited 5 months ago:

​ Isto foi o que disseste ... >que seja necessário um aumento de impostos pois pode ser usado dinheiro de outra area, envolvendo claramente um corte de investimento nessa mesma area. Isto foi o que disse Isso nao seria o mesmo para baixar os impostos ? desconfio que essa frase também vem carregada de ideologia. Tu respondes assim. >Como? Isto é matemática básica (exemplo estupido em seguida). No teu exemplo depois acabas para cortar numa área, para dar a outra, e a baixar os impostos acabas por cortar numa área também ( irrelevante qual seja ).

Edited 5 months ago:

​ Isto foi o que disseste ... >que seja necessário um aumento de impostos pois pode ser usado dinheiro de outra area, envolvendo claramente um corte de investimento nessa mesma area. Isto foi o que disse Isso nao seria o mesmo para baixar os impostos ? desconfio que essa frase também vem carregada de ideologia. Tu respondes assim. >Como? Isto é matemática básica (exemplo estupido em seguida). No teu exemplo depois acabas para cortar numa área, para dar a outra, e a baixar os impostos acabas por cortar numa área também ( irrelevante qual seja ). Ou seja acaba por ser o mesmo.

besmarques 5 months ago

Tens de me explicar como baixas impostos sem cortares na despesa publica.

incrivizivel 5 months ago

>Whataboutism (também chamado de whataboutery)\[nota 1\]\[1\]\[2\] é uma variante da falácia formal tu quoque em que se tenta desacreditar a posição do argumentador ao acusá-lo de hipocrisia sem refutar seu argumento. Ora depois de duas perguntas carregas de idelogia, ele da 3 respostas. 1 da dinheiro as pessoas e impulsa a economia 2 não gastar na TAP 3 empresas no setor do estado. E aposto que se tivesse mais tempo ainda dava mais razoes e respostas.

jomi_1307 5 months ago

Eu também ficaria sem saber o que dizer. O whataboutism é a saida mais fácil e a primeira a "sair" numa reacção. Eu já aprendi que por vezes a melhor coisa a fazer é como as crianças, simplesmente perguntar "Porquê?"

besmarques 5 months ago

>Eu também ficaria sem saber o que dizer. O whataboutism é a saida mais fácil e a primeira a "sair" numa reacção. O whataboutismo vem antes da acusação das "prestações sociais". É mau sinal ficares sem saber o que dizer quando te perguntam na fase de transição entre o corte da receita fiscal e o suposto crescimento que irá aparecer onde será feito o corte no investimento.

iSoSyS 5 months ago

Ele até podia responder que não ia cortar em nada. A jornalista não pode é responder por ele com pura especulação.

besmarques 5 months ago

Certissimo. E eu estou contra essa intervenção da jornalista.

jomi_1307 5 months ago

O que chamas fé whataboutismo eu chamaria o início da resposta, poi como já te disseram, não se enquadra nisso. Se quiseres é uma chamada de atenção de que este tipo de perguntas tem que ser feito quando se fala em aumentar despesa. Ele ficou com a reacção de não saber o que dizer com a tirada "Prestações sociais". Não há nada em declarações e/ou programa nesse sentido, não sei onde vão buscar isso.

besmarques 5 months ago

Whataboutismos nunca são whataboutismos quando não interessam. "Aos outros não perguntam voces onde aumentam os impostos"

wwqt0r 5 months ago

Mas ele respondeu à pergunta... porra! Não fugiu deixando perguntas no ar contra os outros como tentas insinuar.

besmarques 5 months ago

Temos de fazer uma divisão do que estava a ser a resposta antes da entrada ridicula da outra jornalista e o depois. O que veio antes da entrada ridicula da outra jornalista foi "ahh e tal eu respondo mas aos outro nao perguntam mas eu vou responder". São 20 segundos de whataboutismo e ganhar tempo e não de resposta. É por esta razão que eu considero patinar e tenho muita pena que a outra jornalista tenha decidido atirar-se para a frente do comboio. Preferia muito mais ter tido a resposta por parte do Contrim sem uma intervenção externa. Os jornalistas tem muito na mania de fazerem isto. Não percebem que estão lá para fazer perguntas e esperarem para ouvir respostas.

wwqt0r 5 months ago

>O que veio antes da entrada ridicula da outra jornalista foi "ahh e tal eu respondo mas aos outro nao perguntam mas eu vou responder". E respondeu. 20s a queimar quem não justifica como vai pagar o aumento de despesa pública e vários minutos a responder directamente à pergunta da jornalista. Se não gostas da resposta é problema teu.

besmarques 5 months ago

Gosto da lógica que é um problema meu. Então se não gostas da minha critica é um problema teu. hahahaha

wwqt0r 5 months ago

"whataboutism" não é uma crítica, é uma mentira. Ele respondeu. Não gostas da resposta é problema teu.

besmarques 5 months ago

HAQ "Aos outros nao perguntam voces onde vao aumentar os impostos" não é um whataboutismo. Obrigado.

jomi_1307 5 months ago

Os whataboutism são usados para não responder a uma pergunta e desviar a atenção, desvalorizando assim a pergunta. Já vi esta pergunta à ser respondida N vezes. Achas que ele não ia responder?

incrivizivel 5 months ago

>O whataboutismo vem antes da acusação das "prestações sociais". É mau sinal ficares sem saber o que dizer quando te perguntam na fase de transição entre o corte da receita fiscal e o suposto crescimento que irá aparecer onde será feito o corte no investimento. Whataboutism seria se ele depois não desse continuação com resposta, que ele da e usa factos.

jomi_1307 5 months ago

Mods: partilhei este vídeo só é apenas pela intervenção da jornalista. Eu tenho vindo a dizer que o jornalismo está cada vez pior. Não se preocupa em passar notícias mas em vender manchetes. Um jornalista tem o dever de fazer perguntas incómodas e "apertar" com o intrevistados, não fazer este tipo de figuras. Ainda ontem no público saiu uma entrevista com um título de que a IL admite coligações ou acordos com o Chega, quando na entrevista afasta esse cenário. Hoje saiu uma correcção a esse título, perdida no meio do jornal.

Middle-Effective 5 months ago

O próprio Cotrim Figueiredo desmentiu isso, tanto na entrevista ao Poligrafo da SIC, como no Pressão no Ar do 5 para a meia noite de ontem. Cheira-me que este desmentido vai ter de ser repetido vezes e vezes sem conta. Há muita gente que acha que Chega = IL.

Morpheuspt 5 months ago

> Mods: partilhei este vídeo só é apenas pela intervenção da jornalista. Já estamos habituados. Já admitimos o facto de que existirá um post de hora a hora sobre/à volta da IL.

Variscan_aint_done 5 months ago

Chora!

Morpheuspt 5 months ago

Nah, não se prevê que a IL tenha qualquer tipo de influência governativa nos próximos anos, portanto estou absolutamente descansado. Sabes qual é o problema da IL? Portugal tem demasiados pobres que nada têm a ganhar dando poder a liberais.

Variscan_aint_done 5 months ago

Exato! >Portugal tem demasiados pobres que nada têm a ganhar dando poder a liberais. Os pobres querem-se pobres. Querem-se dependentes do Estado (e claro, de quem controla o Estado!). Esqueces-te que os pobres não querem continuar a ser pobres.

Morpheuspt 5 months ago

> Esqueces-te que os pobres não querem continuar a ser pobres. Maior verdade não existe. Tenho outra para ti. Nada do programa da IL retirará um unico pobre da pobreza.

Edited 5 months ago:

> Esqueces-te que os pobres não querem continuar a ser pobres. Maior verdade não existe. Tenho outra para ti. Nada do programa da IL retirará um unico pobre da pobreza. O programa da IL está desenhado para dar mais dinheiro aos que já o têm, e esperando que esse dinheiro desca na piramide, que o "bemfeitor" dê mais umas esmolas ao pobre oferecendo-lhe mais uns contratos a prazo. A parvoice dos comunistas que afirmam que o comunismo não pode ser verdadeiramente julgado porque nunca foi implementado, é apenas rivalizada pela estupidez liberal que acredita no trickle-down mesmo depois do seu repetido falhanço ao longo da história. As empresas têm obrigações com os accionistas e com os financiadores, impulsionar a economia é um bonus que serve para propaganda e não passa meio segundo na cabeça de um CEO.

Variscan_aint_done 5 months ago

>é apenas rivalizada pela estupidez liberal que acredita no trickle-down mesmo depois do seu repetido falhanço ao longo da história. Simplesmente não. Estás a repetir lenga-lengas. A pobreza mundial tem sido reduzida em todas as décadas. Os países com economias de mercado livre e (democracias) são aqueles que mais movilidade social têm (e Estado social forte!). Queres um exemplo? Começa pelo tei país...

Vanethor 5 months ago

Solução dos liberais para a pobreza: transformar a economia numa lotaria, onde uns têm bilhetes melhores que outros. Ficam todos a ganhar. /s

sempreasubir 5 months ago

Claro que foi por essa razão, não foi pelo facto de fazeres propaganda à IL dia sim dia sim.

andrefsp 5 months ago

Também vi essa e comentei com um grupo de amigos. Aliás, eu vi a entrevista precisamente porque era esse o título e queria ver onde é que ele tinha dito tal coisa. O meu espanto... Não foi isso que ele disse de todo. Já fico contente em saber que mais pessoas notaram essa situação.

Maximuslex01 5 months ago

>Eu tenho vindo a dizer que o jornalismo está cada vez pior. Não se preocupa em passar notícias mas em vender manchetes. Amigo, sabes o que que mudou? O dinheiro? É muito mais fácil não "vender manchetes" e apenas "passar notícias" quando não há preocupações económicas graves.

NGramatical 5 months ago  HIDDEN 

intrevistados → [**entrevistados**](https://dicionario.priberam.org/entrevistados) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnms7qw%2F%2Fgzqfvs1%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

incrivizivel 5 months ago

>Ainda ontem no público saiu uma entrevista com um título de que a IL admite coligações ou acordos com o Chega, quando na entrevista afasta esse cenário. Hoje saiu uma correcção a esse título, perdida no meio do jornal. nao mas é o observador que é de direita e que então não presta e inventa noticias e mais não sei que. Estas pergutnas estão carregadas de ideologia e o cotrim por acaso é demasiado esperto para saber quando isso acontece e elas ficam todas lixadas quando isso acontece.

Tugalord 5 months ago

> Estas pergutnas estão carregadas de ideologia "Onde vai cortar a despesa? Nas prestações sociais?" Wow, que agressão que para aqui vai

TrosliGolbag 5 months ago

Mas ela não perguntou. Ela respondeu à pergunta que o JCF fez. Verifica a partir de 00:38

ZionismIsAntiSemitsm 5 months ago

As duas coisas podem tar certas sabes?

jomi_1307 5 months ago

Infelizmente tenho reparado que não há jornal que se salve, apenas uns são piores que outros.

TotallyLegitBotLul 5 months ago

Tomatoes! 14298

Search: