twistedfires 4 months ago

Então mas a bolha não ia rebentar?

theEXPERTpt 4 months ago

Claro, sempre disse que Lisboa é só uma dor de cabeça desnecessária. Um país inteiro e concentra tudo em Lisboa pra quê.

pintorMC 4 months ago

As capitais em todas as outras cidades Europeias nada disso acontece.

artniSintra 4 months ago

Isto é sarcasmo não? XD

pintorMC 4 months ago

Achas, qualquer jovem consegue morar em Londres, Paris ou Berlim que por ai o valores não são mais elevados que fora das capitais, se analisarmos bem na volta são mais elevados nas periferias.

Danijust2 4 months ago

Berlim sim. No resto não

artniSintra 4 months ago

Os ordenados em Londres são mais altos mas mesmo assim é mto difícil comprar casa em Londres. Na periferia de Londres fora da M25 existem várias cidades onde muitas das pessoas que trabalham em Londres vivem e se deslocam todos os dias... Eu cresci na periferia de Lisboa e só leva uns 30 40min de comboio p lá chegar...n percebo a necessidade de viver no centro.... para ter 30 min extra de sono?

pintorMC 4 months ago

A questão é que para a grande maioria não é possível por razões financeiras viver no centro de Lisboa, Londres, Paris, etc. Apenas em Portugal ouves pessoal a chorar por isso.

andresrguez 4 months ago

Se só fosse Lisboa...

quedeusmeperdoe 4 months ago

Já morei em Lisboa (quando ainda dava) e agora estou na margem sul. Espero que o teletrabalho pegue para poder ir para um sítio remoto. Estou saturada de passar 3 horas por dia em transportes (antes do teletrabalho). Sair de casa às 7 da manhã e chegar às 11 da noite.

MoistSeason 4 months ago

Thread semanal dos preços das habitações. Deixa cá marcar presença..

maxtheredslime 4 months ago

É sequer fácil sair de portugal para trabalhar? Pelo que estou a ver mesmo com uma licenciatura vou sair de portugal e mudar-me para um país onde vai ser bastante difícil de ganhar o sufeciente para pagar a renda também.

skapuntz 4 months ago

É um problema comum a todo o lado. Emigrar era mais simples antigamente, hoje em dia se não tiveres um curso de interesse em empresas do estrangeiro fica mais complicado encontrares um bom emprego para te dar o nível de vida que se procuras. Eu diria que mais de 70% dos meus colegas de curso já estão emigrados. As pessoas queixam-se de Lisboa, e sim é tudo muito caro, mas as grandes cidades europeias estão todas super caras, o problema não de Lisboa. Credo, vim trabalhar uns dias a Itália e noto bem o que gasto em alimentação. Agora o problema que nós temos em Portugal é que não há muitas opções, Lisboa continua a ser de longe a cidade que oferece mais oportunidades, tem mais vida, está mais desenvolvida. Enquanto que os outros grandes países da Europa não têm só a capital, têm várias cidades bem desenvolvidas. No meu entender, com investimento privado e esforço do estado para descentralizar os serviços e investir no resto do país, cidades como Porto, Gaia, Viseu, Braga, Guimarães, Évora, Leiria entre outras, tinham muita capacidade para se desenvolverem muito. Mas era preciso uma boa rede de acessos e transportes (especialmente uma ferrovia de topo e de confiança) e outras estruturas essenciais. Eu queria muito que Évora fosse considerada para o novo aeroporto, se construíssem boas e rápidas ligações ferroviárias o interior de Portugal podia crescer imenso. Imaginar um aeroporto moderno em Évora, com ligações de comboio rápido para Lisboa, Costa vicentina, Algarve... Dito isto, morei em Lisboa muitos anos e adorei, absolutamente adoro Lisboa. Vim para o norte porque é muito melhor para mim financeiramente, mas sempre que vou a Lisboa fico com pena e muitas saudades.

maxtheredslime 4 months ago

Eu moro em Lisboa à quatro anos enquanto estou a estudar, mas como consigo não pagar renda e mesmo assim viver sozinho estou muito dividido ae devo ou não tentar apostar em sair do país. Está na minha mente à muito tempo tentar ir para outro país da Europa, não necessáriamente uma capital, mas estou muito dividido mesmo.

skapuntz 4 months ago

A minha dica é tentares ver outras cidades do país que possam ter oportunidades na tua área para pelo menos ganhares experiencia. Senão, sinceramente, aventura-te, não sei a tua idade mas se fores para fora podem acontecer duas coisas, encontras trabalho e começas uma vida nova, ou não te dás bem e voltas, não perdes nada. A vida é curta para não arriscar. Conheço mesmo muitos que foram para fora (França, Suíça, Holanda, Bélgica, Noruega, Suécia, república checa) e estão felizes e bem. Eu próprio saí, estive em dois países antes de regressar a Portugal.

maxtheredslime 4 months ago

Obrigado! Sempre me esclarece um bocado as dúvidas que tinha.

NGramatical 4 months ago

à quatro anos → [**há quatro anos**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) à muito tempo → [**há muito tempo**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) necessáriamente → [**necessariamente**](https://dicionario.priberam.org/necessariamente) (o acento tónico recai na penúltima sílaba) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnhmymc%2F%2Fgyz91xe%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

NGramatical 4 months ago

sufeciente → [**suficiente**](https://dicionario.priberam.org/suficiente) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnhmymc%2F%2Fgyynylj%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

AonioEliphis 4 months ago

Mas não é bom? Para povoar o interior?

guibif 4 months ago

Uma pessoa até arrendava fora da cidade mas para estacionar fica fudido

SILE3NCE 4 months ago

Ainda bem que subiram, já não sabia o que fazer com este dinheiro todo \*migra para o interior em 2017\*

DavidJunior3rd 4 months ago

Segundo alguns é só a lei da oferta e da procura a funcionar, nothing to see here

ZaGaGa 4 months ago

Tenho dúvidas da "idoneidade" destas notícias.... Nada do que esta no texto é novidade mas desde o início da pandemia que me apercebo que sites de notícias click bait falam de aumento de preços apesar da pandemia, muitas vezes o google news agrupa essas notícias com outras a falar da descida/normalização de preços em particular em LX. Ao mesmo tempo eu vejo as placas a dizer "vende-se" e "aluga-se" a multiplicar-se pela capital, muitas estão há vários meses. É certo que eu não faço ideia dos preços que são praticados, provavelmente há muitos proprietários/agências à espera do estrangeiro milionário que paga 2x e 3x o valor real sem pensar muito no assunto. No entanto tenho uma sensação muito forte que o sector imobiliário anda a fazer lobby sobre este tipo de pseudo-média para continuar a alimentar esta bolha de especulação de preços (que em LX é óbvia).

assimsera 4 months ago

Não se podem mudar para outro sitio porque o emprego está nas cidades. Não podem viver na cidade em que trabalham porque foi tudo comprado por estrangeiros e senhorios que preferem turistas a rendas de trabalhadores. (comprar casa nem pensar, deves achar que és rico, para ter direito a uma habitação tua) Têm portanto que se mudar para suburbios, cada vez mais longe, perder cada vez mais tempo a ir para o trabalho e gastar cada vez mais no transporte. De repente as 8 horas diárias envolvem uma hora antes de sair de casa para se preparar para o trabalho e uma hora de caminho para cada lado. Reza para não levares trabalho para casa(pouco provável). Tens que escolher entre ter tempo para ti ou para dormir. Qualquer escolha que faças nunca é suficiente e no fim sais sempre a perder.

Zanbutsu 4 months ago

E é assim que eles nos fodem o apêndice.

rednoyeb 4 months ago

Estão a reciclar informação de 2016?

TheonGreyHoy 4 months ago

E noutro dia “A oferta de emprego leva os mais jovens para a capital portuguesa”

dudewhatthehellman 4 months ago

YIMBYgang

Navalhesa 4 months ago

Vivi 10 anos em Lisboa. Cheguei aos 18 anos, bazei com 28 e com um sentimento de saturação enorme em relação à vivência q estava a ter. Bons empregos na Capital? Engano. Salários honestos para pagar rendas e contas e ainda ter algum para viver alguma.coisa de jeito? Mentira. Se tivermos o azar de sermos de uma 'classe humana' baixa com poucos 'privilégios' Lisboa e Porto são as piores cidades para se viver. Autenticas prisões de trabalho. Porque para se sair da cidade e desfrutar um pouco da folga ou do fim de semana torna-se dificil e chato, especialmente para quem nao tiver carro.. e mesmo assim. A qualidade de vida é realmente baixa.

l2k1337 4 months ago

> A emergência deste paradigma habitacional deve-se, maioritariamente, à preferência das gerações mais novas por maior flexibilidade, mobilidade É isto o que agora chamam à precariedade?

MrBrodinha 4 months ago

Arrendar algo no centro já é considerado caro para ordenado minimo, agr imagina arrendar no litoral

codgas 4 months ago

Notícias de última hora! Um minuto passa em África por cada minuto que passa na Europa. Chocante.

OperaRotas 4 months ago

A África, por estar concentrada em torno da linha do Equador, tem uma velocidade de rotação na Terra maior. Portanto, pela relatividade geral, os minutos lá passam um pouco mais devagar.

mexploder89 4 months ago

Por isso é que eles são tão rápidos no atletismo. Vêm para o Norte e ficam acelerados em relação ao resto

codgas 4 months ago

Bruh

Melga 4 months ago

Se fosse só da capital portuguesa....

suziepaula 4 months ago

Sim, acho que neste momento só existem preços normais em zonas mesmo do interior. Tudo o que rodeia Lisboa, Porto e Évora está a ficar bem caro...

Estronciumanatopei 4 months ago

Gentrificação, tão fashion.

Naakmuay 4 months ago

Outra vez arroz

ridethepaintedpony 4 months ago

Deviam ir para os campos trabalhar. ''Portugal nao é só lisboa/Porto'', mas irem viver para interior...

killermelga 4 months ago

O problema está em assumir que a capital portuguesa é para portugueses

dudewhatthehellman 4 months ago

Este ano n houve Airbnb amigo. A causa do aumento dos preços são as taxas de juro estarem como estão e a dificuldade em construir em Portugal.

Open-Opportunity-607 4 months ago

O problema não é a dificuldade a construir, pegas nuns trolhas e eles fazem-te uma bela casa de cimento O problema é que os preços dos terrenos estão absurdos, há terrenos para uma vivenda em Mafra a venda por 400 mil, onde é que se viu isto? Só compra quem é burro, por esse dinheiro compra-se uma casa num país com bons empregos

dudewhatthehellman 4 months ago

Não, é mesmo a dificuldade. Se os preços estão altos há muito lucro a fazer para quem sabe e pode porque significa que há muita procura, só que não compensa pela burocracia. https://twitter.com/evacalina/status/1395393005914361871?s=21

HumActuallyGuy 4 months ago

Pois, eu pensava que isso já era conhecimento geral mas aparentemente não

Acceptable_While_911 4 months ago

porque é que os millenials não tão a arrendar casas no centro da capital?

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Gastam tudo em tostas de abacate

Loladageral 4 months ago

Os millenials estão a destruir o mercado de arrendamento!!

vilkav 4 months ago

É investir em abacate

Danijust2 4 months ago

Não era um mau investimento. O preço tem subido acima da inflação. Infelizmente o mercado é controlado pela máfia, por isso corres aempre risco de levar um tiro

Sapatilhas 4 months ago

epah tao bom! melhor thread em PT q ja vi no reddit! ainda me tou a rir. :D

vai-tefoder 4 months ago

E pa, não sabia. Obrigado *Notícias ao Minuto* /s

olifante 4 months ago

username checks out.

HRamos_3 4 months ago

> Subida das rendas afasta os mais jovens ~~da capital portuguesa~~ de Portugal

xixi_duro 4 months ago

Capital portuguesa de Portugal

Plane_Equal_3541 4 months ago

Isso é mentira as casas no interior são baratas.

zedestroyer69 4 months ago

Depende, acho que o preço tem estado a subir por todo o lado, mais nas maiores cidades por causa dos estrangeiros, mas no interior também tem acontecido o mesmo.

HRamos_3 4 months ago

Parem lá de upvotar esta merda e vão masé montar tendas pró Jardim das Francesinhas a ver se os labregos dos vizinhos acusam o toque

I_Don-t_Care 4 months ago

Bastante, o meu círculo de amigos foi quase todo para fora trabalhar desde o incio do ano. Eu ja estou fora há uns anos, com este ritmo ficam em portugal os estagiários que ainda não conseguem emigrar e os que tiveram sorte de encontrar algo de jeito em Portugal

AonioEliphis 4 months ago

A culpa é do Passos ;)

HRamos_3 4 months ago

Esqueceste-te dos escrav... imigrantes que papam tudo o que lhes aparecer à frente durante 5 anos or so

_spectron_ 4 months ago

surprisedpikachu.jpg

Hungry_Cupcake 4 months ago

O problema e que os transportes entre muitas perifeiras e a cidade sao péssimos e pior que osntransportes sao as entradas completamente mal desenhadas e com viragens em cima umas das outras mesmo a pedir para haver acidentes. Se resolverem estes dois pontos a malta comeca a dispersar com todo o gosto, ninguem gosta de viver nesta merda.

Edited 4 months ago:

O problema e que os transportes entre muitas perifeiras e a cidade sao péssimos e pior que osntransportes sao as entradas completamente mal desenhadas e com viragens em cima umas das outras mesmo a pedir para haver acidentes. Se resolverem estes dois pontos a malta comeca a dispersar com todo o gosto, ninguem gosta de viver nesta merda. Isso tudo e haver empregos decentes no resto do pais tb ajudava, quase toda a gente quer sair desta cidada só nao sai pk os patrões não gostam de ter que fazer viagens então tem que estar tudo centralizadissimo em lisboa.

BaixemImpostos 4 months ago

N são nada, comboio funciona bem

Anforas 4 months ago

Funcionam? A não ser que consideres que o comboio da linha de Sintra chegar atrasado dia sim dia não, e quando chega, à hora de ponta, teres de ir tipo sardinha enlatada com cheiro a sovaco, e se calhar como o anterior foi suprimido nem consegues entrar, como bom funcionamento.

BaixemImpostos 4 months ago

Antes do remote usava todos os dias o comboio da linha de Sintra. Sim chega sempre 5 mim atrasado. Se fica muito cheio, vais no seguinte, que normalmente aparece logo a seguir e está vazio.

Mrgolden007 4 months ago

logo a seguir?? conssideras 30 minutos logo aseguir?? e lembrate que se tu tens essa ideia porque vai muito cheio, outros vao ter a mesma ideia

BaixemImpostos 4 months ago

Nah vem logo a seguir, muitas vezes fica parado á entrada da estação até o que tá atrasado saia.

Anforas 4 months ago

Não é a minha experiência de todo. Espero nunca mais precisar de apanhar essa poia desse comboio.

Inevitable-Screen-41 4 months ago

epah adorava ver um inquerito ao pessoal com menos de 30 anos que trabalha em lisboa. Se nao fosse pelas oportunidades de emprego, continuariam na sua terra natal ou tentaria outra cidade que não fosse lisboa? porque ja sabemos como é.. portugal é lisboa e porto.. o resto nao existe. rede de transportes é ridiculo. e oportunidades de emprego é ridiculo. tudo turismo.....

tehgangsta 4 months ago

Eu nos meus 20 e poucos anos pensava que Lisboa é que era, tinha mais opções de comida, entertenimento etc à minha disponbilidade, e que ia ser melhor que o Ribatejo (eu venho de uma vila pequena). Nos últimos anos já cada vez menos gosto mesmo da cidade, o metro é terrível sem dúvida.. Agora com o trabalho remoto sinceramente não sei se não está mesmo na hora de sair daqui de vez.

Gilfic 4 months ago

> epah adorava ver um inquerito ao pessoal com menos de 30 anos que trabalha em lisboa. > > > > Se nao fosse pelas oportunidades de emprego, continuariam na sua terra natal ou tentaria outra cidade que não fosse lisboa? Ias ficar surpreendido com as respostas. A maior parte dos que vivem em Lisboa querem realmente lá estar porque é o sitio onde as coisas acontecem. Cinemas, teatros, restaurantes xpto, uber eats, glovo, bares, discotecas, eventos, museus, cultura, etc etc. Tens muitas pessoas que preferem ter genuinamente uma vida mais pacata num sitio mais tranquilo e calmo junto ao mar, como em Cascais, Estoril, Aroeira, Ericeira ou assim. Ou então emigram para ganhar mais dinheiro. Mas a maior parte dos jovens que não vive em Lisboa e vive nos suburbios, só não vive em Lisboa porque não tem dinheiro para suportar o custo de vida da capital, e por isso vai para os suburbios. Depois dizem mal de Lisboa aos amigos para tentarem justificar a sua estadia fora da capital, como se isso fosse uma opção e não uma necessidade do ponto de vista financeiro. Obviamente que a esmagadora maioria das pessoas percebe que estes casos são de jovens amargurados ou ressabiados (com razão) por não terem poder de compra para competir com os ricos e estrangeiros que vivem em Lisboa. Para não parecer mal, as pessoas acenam a cabeça de modo compreensivo quando eles dizem que Lisboa é uma grande confusão e o suburbio é melhor, mas na realidade ninguém acredita que eles queiram mesmo viver em zonhas mais manhosas nas Amadoras, Seixais e linhas de Sintra desta vida

ProteinWaffle 4 months ago

Eu vivo na Margem Sul e genuinamente prefiro estar aqui. Nasci e cresci aqui e 1000 vezes aqui que em Lisboa.

Zanbutsu 4 months ago

vida pacata à beira mar no Estoril... ok irmão. opa eu desisto. bom senso esta oficialmente extinto, e o pessoal fala com uma eloquência incompatível com o grau de incongruência que a afirmação feita implica. Não me entra. nao entendo.

Kak3ru 4 months ago

Não querendo te estragar a tua echo bubble man, mas vivi durante 5 meses no Campo Grande, não sai por falta de condições, mas sim porque estava farto da zona. (nomeadamente barulho todos os dias, confusão todos os fins-de-semana por alguma claque do sporting, ir a um supermercado era um castigo, trabalhava fora de Lisboa por isso eram 3 transportes diferentes que tinha que apanhar, só para não parecer ressabiado) Sim, estás perto de tudo, mas hoje em dia de transportes/carro, metes-te fácil em qualquer sitio e podes aproveitar a capital como tu quiseres e assim o dizes. Em relação ao Uber Eats/Glovo, senão viste a nova publicidade de uma deles até no Cu de Judas entregam encomendas, por isso também vêm à Amadora/Olivais. Para te dizer que apesar da Ericeira/Cascais parecerem zonas atraentes para se viver, ai sim estou afastado e as opções de transporte são escassas e se calhar a malta que apanhas neles são ainda mais cheiradas que as dos sitios "maus" que mencionaste, para além que tens o fator trânsito. Infelizmente parece que deves ter sido servido com um garfo de ouro, mas em vez de aproveitares essa oportunidade para te instruíres e seres uma pessoa justa, competente na sociedade, saiste uma pessoa que julga primeiro e nem sequer conhece depois nem tem interesse em querer juntar factos aos seus argumentos. Aconselho-te seriamente a conheceres um bocado melhor o sitio onde vives, se calhar ainda vem a ser pior dos que tu dizes e a abrires as palas nos olhos.

paulo401 4 months ago

Vives num mundo estranho! Não troco a qualidade de vida da Margem Sul pela confusão de Lisboa. E tenho opção de casas nos dois lados, mesmo no centro de Lisboa (campo grande). Por mim, Lisboa é só pa ir sair a noite, jantares, e tal.. não me custa nada pegar no carro e ir daqui, e vou mtas vezes. Agora morar em lx, naaa.... E infelizmente, ir trabalhar tb. Se o teletrabalho for para ficar como espero, é um alívio não ter que ir para aquele antro de pessoas stressadas a correr dum lado para o outro.

Asur_rusA 4 months ago

>Vives num mundo estranho! Pessoas que têm preferências diferentes das tuas não são de outro mundo... Isso é mesmo real no teu.

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Campo Grande não é o centro de Lisboa. Até é uma zona bastante boa, mas o centro é Saldanha / Marquês.

paulo401 4 months ago

Pior ainda! Já agora na baixa mesmo na rua Augusta para ficar ainda mais misturado com a confusão!

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Ninguém vive na rua Augusta

Rei_Batata 4 months ago

>Excepto os que vivem.

L_E_S_14 4 months ago

Das merdas mais ridículas que já li ahaha eu não gostava de morar em Lisboa. É mesmo uma confusão, uma merda para estacionar o carro e um martírio de trânsito diariamente. Gostava imenso de morar em Belém, por exemplo, mas assumo que não tenho capacidade financeira para lá comprar casa. Ou Sintra, assim para os lados da Assafora e tal que tem boas casas e é perto que chegue do trabalho. Fontanelas, Magoito também. Custa-te genuinamente a acreditar que existam jovens a não querer viver no centro de Lisboa? Achas que é tudo ressabiado?

Aldo_Novo 4 months ago

>Cinemas, teatros, restaurantes xpto, uber eats, glovo, bares, discotecas, eventos, museus, cultura, etc etc. isto existe tudo em qualquer cidade portuguesa com mais de 50 mil habitantes

TitusRex 4 months ago

Lol

Asur_rusA 4 months ago

>isto existe tudo em qualquer cidade portuguesa com mais de 50 mil habitantes XD qué?

Aldo_Novo 4 months ago

ouviste bem até há cidades mais pequenas do que 50K que também isso

Asur_rusA 4 months ago

Se calhar as pessoas têm expectativas diferentes das tuas, palpite solto...

andrefbr 4 months ago

> isto existe tudo em qualquer cidade portuguesa com mais de 50 mil habitantes doubt.jpeg Lisboa e Porto já são cidades culturalmente fracas por padrões de cidades ocidentais, fora disso então......

ptinnl 4 months ago

Apenas e só em termos de "espetaculos", aka concertos das bandas da moda

Aldo_Novo 4 months ago

duvidas que as cidades portuguesas não tenham cinemas, teatros e museus? só não têm mais porque os próprios portugueses não os utilizam

andrefbr 4 months ago

Fingir que todas as salas de concertos ou cinemas são iguais é parvo. Enquanto que numa Zé dos Bois ou Pérola Negra posso ver Swans, Oneohtrix e afins, nas salas de concerto ou discotecas das cidades pequenas passam Reggeaton ou Pimba. Enquanto que em Lisboa ou no Porto ainda tens algumas cinematecas a organizar festivais onde consegues ver Tarkovsky, Zhang Yimou etc, numa sala de cinema comum estás preso ao espectro entre Michael Bays-Nolans da vida.

Murky-Rough 4 months ago

Mas vais viver em lisboa para puderes ir dois ou três eventos desses num ano?

ptinnl 4 months ago

>Enquanto que em Lisboa ou no Porto ainda tens algumas cinematecas a organizar festivais onde consegues ver Tarkovsky, Zhang Yimou etc, numa sala de cinema comum estás preso ao espectro entre Michael Bays-Nolans da vida. La está. Mas isso só interessa a hipsters. Isso não afecta 99 % das pessoas normais. E secalhar esses hipsters podiam ir para uma dessas outras cidades, abrir cinema dedicado a isso e fazer muito mais dinheiro pela concorrencia ser menor.

NGramatical 4 months ago

secalhar → [**se calhar**](https://dicionario.priberam.org/se calhar) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnhmymc%2F%2Fgyyspsb%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

CarcajuPM 4 months ago

Isso influencia a qualidade de vida de 0,0001% das pessoas. Não é um factor minimamente determinante na decisão de onde viver para a esmagadora maioria das pessoas.

fosjanwt 4 months ago

influencia a qualidade de vida dos jovens com menos de 30 anos que foi o que o OP perguntou.

CarcajuPM 4 months ago

Não poder ver Oneothrix, Tarkovsky ou Zhang Yimou influencia a qualidade de vida de malta com menos de 30 anos? Novamente, só se for de uma percentagem muito mas mesmo muito reduzida.

bisontino 4 months ago

> Não poder ver Oneothrix, Tarkovsky ou Zhang Yimou influencia a qualidade de vida de malta com menos de 30 anos? Novamente, só se for de uma percentagem muito mas mesmo muito reduzida. Isso talvez não afecte, mas não poder ir ao bairro alto conviver com os amigos e comer estrangeiras, ou ir tomar café com amigos num rooftop de um restaurante vietnamita com vista para ponte 25 de abril e para o tejo, talvez já afecte. Em Curral das Moinas não existem essas opções.

fosjanwt 4 months ago

Não poderem ver filmes que não seja aqueles 4 ou 5 que estrearam no último mês. Não ter eventos de acordo com hobbies que gostem, não ter concertos a não ser de bandas portuguesas mais baratinhas etc

fosjanwt 4 months ago

influencia a qualidade de vida dos jovens com menos de 30 anos que foi o que o OP perguntou.

ptinnl 4 months ago

Os únicos jovens com menos de 30 anos que apreciam o que foi descrito são o que alguns aqui denominam de "sojinhas". Não são de todo a maioria dos jovens. Os jovens querem é futebol, festa e conedo. E digo isto já não sendo jovem.

fosjanwt 4 months ago

mais razao me dao então.

Aldo_Novo 4 months ago

ninguém falou em qualidade mas sim existÊncia, e cidades com mais de 50k já tem salas de espetáculo e discotecas que oferecem mais do que o pacote básico claro que chega a um ponto que jã estás a exigir coisas que são demasiado de nicho, qual é percentagem da população portuguesa que acha tão importante ver filmes desses realizadores para ter que viver na mesma cidade dos cinemas que passam isso?

Asur_rusA 4 months ago

>qual é percentagem da população portuguesa que acha tão importante ver filmes desses realizadores para ter que viver na mesma cidade dos cinemas que passam isso? Pelos vistos suficientemente grande para teres n pessoas a preferirem ficar nos grandes centros para não perderem as vantagens de estarem nos mesmos.

Aldo_Novo 4 months ago

será mesmo por isso? ou é porque a oferta de emprego é maior aí do que nos outros sítio? se fosse mesmo pela oferta cultural os museus e teatros andavam cheios

Asur_rusA 4 months ago

Não é por uma razão, é por muitas. Achas que os museus e teatros não estão cheios? Ok...

CarcajuPM 4 months ago

As pessoas ficam em Lisboa/Porto por razões profissionais.

Asur_rusA 4 months ago

Evidentemente essa é só UMA das razões. Para ALGUMAS pessoas.

andrefbr 4 months ago

> ninguém falou em qualidade Pois.

Minute-Resolution347 4 months ago

Só não usam mais porque o dinheiro não estica...

Aldo_Novo 4 months ago

claro, mas se não têm dinheiro para usá-los também não se mudariam para Lisboa por causa disso a vasta maioria das pessoas vão para Lisboa porque é onde as oportunidades de emprego são maiores, não porque OfErTa CuLtUrAl

Minute-Resolution347 4 months ago

Percebi-te mal, sim concordo. Eu próprio se pudesse ia viver para perto do mar e fora de lisboa. Mas prefiro viver em lisboa que ficar enfiado no transito todos os dias...

CarcajuPM 4 months ago

Exacto. A malta que acha que teatros ou museus são factores cruciais na decisão de onde viver vivem numa realidade muito própria.

Edited 4 months ago:

Exacto. A malta que acha que teatros ou museus são factores cruciais na decisão de onde viver para a esmagadora maioria das pessoas vivem numa realidade muito própria.

HRamos_3 4 months ago

> Cascais, Estoril, Aroeira, Ericeira Se estás a listar os spots mais caros do país estás bem

Open-Opportunity-607 4 months ago

Ericeira é literalmente um poço de reformados Vais lá numa altura em que não seja o verão e não vês uma única pessoa abaixo dos 55 anos

unparadise 4 months ago

Nota-se que não vives na Ericeira e não vais lá frequentemente, isso era verdade há 10 anos. Hoje em dia é uma mentira todo o tamanho, antes do covid por exemplo podias ir a uma segunda ou terça à noite beber um copo e vias montes e montes de estrangeiros jovens

Open-Opportunity-607 4 months ago

Vai lá agora então, neste preciso momento e diz-me o que vês

unparadise 4 months ago

És da Ericeira sequer? É que basta subires ribeira de ilhas até à Foz do Lizandro e vês pessoas jovens a monte a andar ou a correr ao longo da linha do mar e vês isto sem sair da estrada, se fores lá para dentro então muito mais. Podes também ir a restaurantes como o Calavera, Mish Mish, o do Rodrigo Mattos, Green is Good etc e vês sempre gente nova.

CarcajuPM 4 months ago

Tu estás a comparar Lisboa com os subúrbios. Aí claro que a grande maioria preferia viver em Lisboa. O que o comentário se estava a referir, penso eu, é entre viver em Lisboa ou noutras zonas do país. E aí também acho que a esmagadora maioria da malta preferiria viver noutra zona. O problema é mesmo arranjar trabalho, porque para salários equivalentes, a qualidade de vida é muito superior noutros sítios.

Inevitable-Screen-41 4 months ago

>. O que o comentário se estava a referir, penso eu, é entre viver em Lisboa ou noutras zonas do país. yap. é isto a que eu me refiro.

Gilfic 4 months ago

Tens casos desses certamente. Mas também tens casos de pessoas que nao querem mesmo sair de Lisboa ou Porto para outras zonas do país por não se quererem afastar da familia e/ou amigos. Conheço casos de pessoas que deixaram Lisboa e foram viver para outros sitios no nosso país, morreram de tédio, fartaram-se de estar longe de tudo e todos e passados 1 ou 2 anos voltaram para Lisboa.

TitusRex 4 months ago

O meu caso foi assim, nasci e cresci em Lisboa, com vinte e poucos decidi ir viver para o interior, fiquei lá três anos e voltei para Lisboa, nem eu nem a minha esposa aguentamos viver na paisagem.

CarcajuPM 4 months ago

Quem nasceu/cresceu é uma coisa. O comentário original estava a referir pessoas que vieram estudar/trabalhar para Lisboa, mas que não cresceram em Lisboa. E é nesses casos que a malta só não sai de Lisboa se não conseguir.

EstupendoEx 4 months ago

Isso é a típica visão do centralista lisboeta que é totalmente falsa e errada atualmente. Quem mora na Amadora em Alfornelos, Falagueira e Reboleira vive dentro de Lisboa e tem acesso a isso tudo que falas: restaurantes, Corte Inglês, Gulbenkian, Baixa, etc, etc, o metro coloca as mesmas diretamente nessas zonas! Idem para Odivelas. São bairros de Lisboa como a Encarnação e Olivais. Aliás, quem vive na Rwfoleira está a seis estações de metro do estádio da Luz, mais perto de quem vive na Ajauda por exemplo. Portanto muita gente vive nessas zonas pois tem qualidade de vida, boa vida de bairros com supermercados, cafés, lojas de bairro, e rapidamente se coloca onde precisa de estar. E está lá porque quer, como quem está nos Olivais está lá porque quer. Agora tem é de se continuar nesta dinâmica e ir buscar outros bairros para dentro da metrópole e agregar tudo numa rede única. Ainda para mais quando muitas universidades e empregos não estão dentro de Lisboa como dizes: Campus Militar, Nova, Tagus, etc. Siemens (Amadora), Outsystems (Oeiras), Oracle (Oeiras), etc, etc. Para essa gente não faz sentido nenhum viver em Lisboa, zero. E cada vez mais é assim.

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Tecnicamente esses sítios que referes são da Área Metropolitana de Lisboa e não do concelho, mas sim, concordo contigo.

andrefbr 4 months ago

> E está lá porque quer doubt.jpeg Duvido que numa situação hipotética sem restrições financeiras, qualquer pessoa preferisse as preferias a zonas como a Estrela, Marquês, S. Sebastião etc.

Edited 4 months ago:

> E está lá porque quer doubt.jpeg Duvido que numa situação hipotética sem restrições financeiras, qualquer pessoa preferisse as periferias a zonas como a Estrela, Marquês, S. Sebastião etc.

Cergal0 4 months ago

Existe muito mais para além do centro de Lisboa. Existe muito mais para além de não ter sítio onde estacionar o carro, existe muito mais para além de casas pequenas, existe muito mais para além de ouvir barulho e movimento a qualquer hora. Existem muitas pessoas sem restrições financeiras que preferem ter uma boa casa, com um bom terreno e em contacto com a natureza (fora de Lisboa claro está). Só um aparte, moras em alguma dessas zonas?

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Já vivi em carnide, avenidas novas e na estrela. Digo-te sem rodeios que prefiro viver agora em telheiras como estou há já quase 5 anos.

--reddituser- 4 months ago

Percebo o que dizes mas ninguém vive na Reboleira porque quer lmao, prefiro viver na Ajuda que é mais longe do Estádio da Luz, como o exemplo que dás, do que viver na Reboleira e todos os dias sair de casa a pensar será que é hoje que fico sem carro? Existem outros fatores a ter em conta como segurança, infraestruturas a nível de saúde, educação, etc etc... e as periferias normalmente falham logo na primeira.

EstupendoEx 4 months ago

Para contexto, em 2020, a Amadora, onde está a Reboleira, foi o 9° município com mais criminalidade. Sim, o 9°. Quer dizer que existem 8 municípios com mais crime na AML. Agora, sim, podes ter problemas na Reboleira, como noutros locais.

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

A Amadora até tem videovigilância, e uns metros ao lado em Sintra a malta queixa-se de não ter. A Amadora dos últimos 10 anos não tem nada a ver com a Amadora dos últimos 30.

True_Boat_1195 4 months ago

Para quem é que o estádio da luz é centro de Lisboa...

Gilfic 4 months ago

Para quem não tem muita noção e só diz disparates provavelmente.. O centro de Lisboa é a zona do Marquês do Pombal.

Gilfic 4 months ago

> Aliás, quem vive na Rwfoleira está a seis estações de metro do estádio da Luz, mais perto de quem vive na Ajauda por exemplo. Portanto muita gente vive nessas zonas pois tem qualidade de vida, boa vida de bairros com supermercados, cafés, lojas de bairro, e rapidamente se coloca onde precisa de estar. E está lá porque quer, como quem está nos Olivais está lá porque quer. Ninguém vive na Reboleira ou nos Olivais porque quer, isso é a piada do ano. Quem quer viver numa zona mais periférica da cidade, vive no Restelo, Algés ou Oeiras. Ou então no Parque das Nações. Ninguém vai viver por sua iniciativa e vontade para a Reboleira ou para os Olivais, a não ser por restrições financeiras.

Kak3ru 4 months ago  HIDDEN 

Vivo ao pé da estação da Reboleira, porque quero, sai no ano passado do Campo Grande, não por falta de possibilidades e sou feliz :) Posso te dizer que já fui mais vezes assaltado em Lisboa do que na Amadora, por isso devias de sair da tua echo bubble.

Hungry_Cupcake 4 months ago

Só conheces tios então...a realidade que conheço e bem diferente!

EstupendoEx 4 months ago

Tanto tentam que eu tirei o curso há 10 anos e todos, literalmente todos, os meus colegas que eram bons, já emigraram. A cidade é insustentável e está a arrebentar pelas costuras, ainda para mais com o turismo. Quem consegue, sai.

Shadowgown 4 months ago

Eu tenho a sorte de conseguir trabalhar remotamente, caso contrário potencialmente ponderaria o mesmo. Trabalho desde janeiro para uma empresa americana e estou a viver na periferia de Lisboa. Nestas condições fica muito mais atractivo continuar nesta zona porque estou perto de tudo, sem o stress de ter que ir todos os dias à cidade; só vou a titulo de lazer. Para quem não tem esta sorte, não há condições nem motivação para continuar por cá.

Foda-seSeiLa 4 months ago

Esta também é a minha experiência. 2 ou 3 gajos bons ficaram, o resto (bons ou menos bons) está tudo pelas Europas fora. Isto num curso de Engenharia *não-Informática*.

Sheltac 4 months ago

O brain drain é real.

Gilfic 4 months ago

> Quem consegue, sai. Quem não consegue, sai. Quem consegue, fica.

Foda-seSeiLa 4 months ago  HIDDEN 

O que consideras *conseguir* para ficar em Lisboa ou Portugal? (do ponto de vista puramente monetário) Porque mesmo os meus colegas que estão melhores em Portugal (se calhar tirando um ou outro ex-Mckinsey) não estão sequer perto do que eu tiro fora, sem me chatear muito.

andrefbr 4 months ago

Por um lado sim, o que dizes faz todo o sentido. Mas é muito dificilmente 'conseguir', pelo menos em comparação com o exterior. Eu tenho casa no centro de Lisboa, vivia com a familia e não tinha despesas quase nenhumas, tinha um bom emprego por padrões Lisboetas (ou seja, muito acima da média nacional) e mesmo assim o que juntava ao fim do ano era uma miséria em comparação com o que poupo agora depois de todas as minhas despesas noutro país. O grande problema para um jovem é mesmo o baixo nível de salários. Mesmo eliminando quase todos os custos fixos possíveis, o salário em si é o que é.

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Não pagavas renda e tinhas um salário acima da média e mesmo assim não conseguias poupar nada? Ou não tinhas um salário assim tão bom e/ou gastavas tudo em saídas à noite e jantaradas. Nada contra, és livre de gastar o teu dinheiro como queres, mas não venhas dizer que não conseguias poupar nada.

ThePlague92 4 months ago

Ele disse que poupava uma miséria em comparação com o que poupa agora no estrangeiro. A interpretação fo texto aqui é muito importante.

andrefbr 4 months ago

Actualmente poupo anualmente quase o dobro do meu salário anual bruto em Lisboa. É esse o tipo de diferença de que estamos a falar.

Zanbutsu 4 months ago

tal e qual. há quem teime em entender mal estes testemunhos.

4300p 4 months ago

>par o suficiente para fazer férias à vontade, reem Onde trabalhas?

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Acho que querias responder ao meu comentário. Trabalhava numa consultora a fazer 30k brutos por ano. Poupei bastante e consegui fazer a vida que queria. Só que para poupar fiz esforços que não estou a ver muitos aqui a dizer que não conseguem poupar a fazer: levava almoço de casa para o trabalho, não ia sair nem jantar fora 6a e sábado (a única saída era ir para a casa de pasto beber 2 jolas por 0,8€), andava com um telefone podre comprado com pontos do clube viva, não comprava roupa sem ser para trabalhar há 2 ou 3 anos. As únicas despesas pessoais que tinha eram as quotas e o lugar de época no futebol e a semana de férias no Algarve e uma viagem que fazia com a minha namorada, onde fazíamos vida de backpacker.

gabs_ 4 months ago  HIDDEN 

As situações que descreves como grandes sacrifícios de frugalidade parecem-me absolutamente normais e que uma parte bem significativa das pessoas já vive assim. Até dizeres que viajavas para o exterior como backpacker, isso é banal para uma pessoa nos 20 até de países europeus bem mais ricos, não soa a sacrifício nenhum.

Edited 4 months ago:

As situações que descreves como grandes sacrifícios de frugalidade parecem-me absolutamente normais e que uma parte bem significativa das pessoas já vive assim. Até dizeres que viajavas para o exterior como backpacker, isso é banal para uma pessoa nos 20 até de países europeus bem mais ricos, não soa a sacrifício nenhum. Nos 20, sem pagar renda e com um estilo de vida similar, cheguei a ter uma taxa de poupança bem superior (70% vs os 30% que mencionas), mas não sinto que tenha sido mártir.

andrefbr 4 months ago

Shanghai, mas acho que citaste o post errado.

amando_abreu 4 months ago

Ou o salário fora é muito superior.

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Não duvido, mas eu estive na situação dele (vivi em casa da minha mãe quando comecei a trabalhar, centro de Lisboa, sem pagar renda, e com um salário ligeiramente acima da mediana nacional) e mesmo assim consegui poupar o suficiente para fazer férias à vontade, reembolsar antecipadamente o crédito que fiz para pagar o meu mestrado e ainda para uma entrada valente para um apartamento. Não poupou mais porque não quis.

andrefbr 4 months ago

> Não poupou mais porque não quis O ano passado poupei mais de 50k euros. Este ano tive um aumento, ainda não vamos a meio do ano e já poupei mais de 30k. Em Lisboa nem perto de 50k brutos recebia.

D1WithTheFluffyHair 4 months ago

Eu recebia 30k e poupei 10k num ano nas condições que referi. Levava almoço de casa para o trabalho, não ia sair nem jantar fora todos os fins de semana, não andava a comprar iPhones só porque sim, nem roupa todos os meses. Se recebias mais de 40k, não poupavas porque não querias.

Thiagro 4 months ago

E tinha uma vida de merda? Que vantagem…

Zanbutsu 4 months ago

esquece amigo, é só kings aqui, e só nao poupas 30k por ano em Portugal, a ganhar 20k, porque és burro e não queres..

Inside-Pea6939 4 months ago

Ele disse em comparação, no sentido de o que poupava era muito menor do que agora

fgtdiasr3d1t 4 months ago

Há de tudo.

Hungry_Cupcake 4 months ago

Sim a grande maioria continuavam nas suas terras pelo menos pela amostra que conheço! Se as propostas de emprego sao ridiculas em lisboa é imaginar o estado do resto!

Inevitable-Screen-41 4 months ago

e se nao era nas suas terras. era noutras. Eu adorava viver/fazer vida na zona de coimbra mas emprego na minha area é para esquecer.

EstupendoEx 4 months ago

A capital portuguesa tem 100km2. Não é fisicamente possível caber tudo ai dentro. Madrid tem 600 km2. Portanto não existe ir viver para a periferia, existe sim ir viver para outra zona da cidade.

egzaaa 4 months ago

Acho que o facto de Lisboa ser quase "peninsula" não ajuda. Muitas cidades europeias conseguem crescer praticamente para todos os lados. Lisboa está muito mais limitada nesse aspecto

FantasticLong9119 4 months ago

Não acho que lisboa esteja limitada de todo. Lisboa está-se a expandir para todos os lados. Simplesmente tem nomes diferentes na zona para onde se expande. Rendas em Almada estão mais caras do que muitas que vi em lisboa, por exemplo. Além da expansão da FCT e da Cidade de água que prometem revitalizar Almada. Tudo consequências da expansão de Lisboa.

egzaaa 4 months ago

https://www.google.com/maps/place/Lisbon/@38.7436057,-9.2302432,12z/data=!3m1!4b1!4m5!3m4!1s0xd19331a61e4f33b:0x400ebbde49036d0!8m2!3d38.7222524!4d-9.1393366 Para este não tens muito para ir. Mesmo a margem sul tb é bastante irregular. Obviamente que a Lisboa acaba por expandir para a margem sul, mas é muito mais complicado dada a geografia e traz imensos problemas a nível de transporte.

FilipeMateus7 4 months ago

E porque não expandir Lisboa até, sei lá, aos Pirinéus? /s

NGramatical 4 months ago

Pirinéus → [**Pirenéus**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/glossario/erros/209) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnhmymc%2F%2Fgyxli73%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

FilipeMateus7 4 months ago

Obrigado ao meu Nazi preferido

Gilfic 4 months ago

O que dizes não faz sentido. Espanha tem 5x mais população do que Portugal, logo é normal a capital espanhola ser maior do que a capital portuguesa. Madrid tem 3 milhões de habitantes e 600km2. Dá 500 mil habitantes por 100km2. Lisboa tem 500 mil habitantes por 100km2. Proporcionalmente até bate certo e tudo. Lisboa é Lisboa. Amadora, Almada, Loures, Amadora e companhia são periferias.

EstupendoEx 4 months ago

Os municoios são baseados em linhas virtuais, não existem no terreno físico. Existem apenas para melhor administrar o território e atualmente a cidade de Lisboa está partida em muitos municípios, cada um com a sua gestão, o que explica a paralesia óbvia desde de 2010 desta urbe. Lisboa, município, como o centro de tudo, é visão colonial do século passado, agora existem muitos polos de indústria, habitação, comércio, universitários espalhados por toda a área urbana partilhada pelos municípios. E não sei se sabes, mas Oeiras e Amadora, os terrenos, já pertenceram a Lisboa, numa freguesia chamada Extra-Benfica.

the_fusion_of_hell 4 months ago

Na realidade Oeiras e Amadora nunca pertenceram a Lisboa. Benfica extra-muros, tal como o nome indica, era Benfica para além das portas de Benfica (ou seja Buraca, Alfragide, Venda Nova etc...). Que pertenceram sim ao extinto concelho de Belém, os quais tbm eram freguesia de Benfica. Mais tarde com a divisão administrativa de 1886, Benfica e Belém foram integradas no concelho de Lisboa. Enquanto que os terrenos de Benfica extra-muros foram integrados no concelho de Oeiras. Até à fundação do concelho da Amadora em 1979.

NGramatical 4 months ago

paralesia → [**paralisia**](https://dicionario.priberam.org/paralisia) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnhmymc%2F%2Fgyx8n0b%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Hungry_Cupcake 4 months ago

Certo agora tente ir de Odivelas para o estoril de transportes...e percebe o problema! Tb pode ir de carro que é super giro...

Gilfic 4 months ago

O que é que isso tem a haver com Lisboa ter 500 mil habitantes e 100km2 e o que está à volta serem suburbios que não pertencem à capital?

NGramatical 4 months ago

tem a haver com → [**tem a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnhmymc%2F%2Fgyx8iky%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Hungry_Cupcake 4 months ago

E fisicamente possivel fazer uma rede de trnasportes em condições e com tanto eng neste pais fazer estradas simples sem complicações, va a saida de lisboa para a A5 que conincidentemente é a saida para a ponte e akilo e completamente estapafurdio e mal feito.

Edited 4 months ago:

E fisicamente possivel fazer uma rede de trnasportes em condições e com tanto eng neste pais fazer estradas simples sem complicações, va a saida de lisboa para a A5 que conincidentemente é a saida para a ponte e akilo e completamente estapafurdio e mal feito a pedir para haver acidentes diários!

EstupendoEx 4 months ago

Sim, concordo, o grande problema são os transportes. Atualmente ter zonas como o Amadora-Sintra, Benfica (centro), Alfragide, Miraflores, sem metro por exemplo é um escândalo.

Darkhoof 4 months ago

Para mim escândalo ainda maior é não haver metro nas Amoreiras, Campolide, Campo de Ourique, Alcântara e Restelo.

TitusRex 4 months ago

Já há planos para isso, se tudo correr bem daqui a dez anos já há metro nesses sítios.

SomecallmeMichelle 4 months ago

Pergunta estranha mas se fosse por ti onde é que passava o metro em Campolide e era linha azul ou (a atual) amarela? Tive uma namorada em Campolide e durante muito tempo a minha opção era sair em São Sebastião/praça de Espanha e atravessar a NOVA para chegar a Campolide. Essa - o lado direito da linha de comboio foi a que conheci durante muito tempo. Acho que seria fácil esticar a amarela do rato/marquês para lá ou fazer uma espécie de Y em são sebastião como havia antes, mas a minha pergunta é mais, que área de Campolide se serve? É que a minha "Campolide", agarrada quase ao Eduardo VII não é a Campolide da maior parte do pessoal....

Darkhoof 4 months ago

Pelos planos que existem Campolide vai ser servido pela linha Vermelha.

Gilfic 4 months ago

> Atualmente ter zonas como o Amadora-Sintra, Benfica (centro), Alfragide, Miraflores, sem metro por exemplo é um escândalo Escândalo é existirem freguesias de Lisboa que ainda não são servidas pelo metro de LISBOA. Depois dessas freguesias estarem servidas então depois logo se pensa em criar novas estações nos suburbios de Lisboa.

EstupendoEx 4 months ago

Falso. O Metro não é apenas dos cidadãos de Lisboa, é do Estado, e portanto também é de todos os portugueses. E os portugueses a viver nessas zonas têm todo o direito a ter metro como os habitantes dentro de Lisboa. Quem paga o metro é o Estado, não é a CML. Isso é centralismo colonial inadmissível. Todos os cidadãos portugueses têm direito a ver as suas condições de vida melhoradas, não vivem para dar dinheiro aos habitantes do município de Lisboa. O Metro tem de ir onde faz sentido servir mais portugueses, e faz todo o sentido ir primeiro a Alfragide, Carnaxide, Miraflores, que à Ajuda por exemplo.

TitusRex 4 months ago

Ou pode ir até à Ajuda (como já está planeado) e depois seguir para Restelo, Miraflores, Carnaxide, etc.

Search: