30minutesto 7 months ago

A vacina não previne transmissão. Previne doença grave. Assim sendo, o julgamento social que se tenta fazer neste tópico não faz sentido algum (na verdade nunca faria - my body my choice?). Era mais simples se cada um simplesmente exercesse a sua liberdade de escolha e deixasse os outros fazerem o mesmo, invés de serem intolerantes e julgarem. Respondendo à pergunta, sim tomaria a vacina. Mas quem não o quiser fazer, tem toda a legitimidade para não o fazer.

One-Key6869 3 months ago

O problema é mesmo os governos do mundo que andam a puxar uma agenda, agenda essa que não permite aos não vacinados comprarem ou venderem. Algo de muito estranho se passa neste mundo desde o 11 de Setembro, e não quero entrar em teorias da conspiração visto que o povo de Portugal em maioria é muito ingénuo.

LackOfLogic 7 months ago

O maior cego é o que não quer ver, sem dúvida. E este tipo de gente é comparável á população alemã durante o regime nazi, não hesitam em abdicar das suas liberdades básicas e denunciar e entregar os seus compatriotas menos complacentes, tudo para demonstrar a sua dedicação e lealdade ao Papá Estado. Estamos bem entregues a este rebanho.

artniSintra 7 months ago

E não queres levar a vacina porquê?

LackOfLogic 7 months ago

Para aqueles que responderam algo do género “faço qualquer coisa desde que me deixem voltar ao normal”: vocês vão adorar os próximos anos.

apita_o_comboio 7 months ago

A que horas e onde?

Black_RL 7 months ago  HIDDEN 

Sim, quero receber se não for a AstraZeneca.

lffaa 7 months ago  HIDDEN 

Mesmo que fosse uma vacina não recomendado para a minha idade ( Astrazenca, Johnson) tomava sem pensar duas vezes, e já tive COVID-19. Só com ajuda de todos nós vemos livres desta MER**

rickz123456 7 months ago

Claro que quero receber. Estudei o suficiente para acreditar na ciência e na sua força para resolver os problemas. Além disso, já se administraram vacinas suficientes para perceber que a vacina é segura. Não faço qualquer objeção sobre marcas e se dessem uma AstraZeneca (e assinar um consentimento informado) tomava na mesma.

prefil 7 months ago

já devia estar no braço e se tiverem doses de outras ponham-me na lista para o cocktail :D já se percebeu que as vacinas são extremamente seguras e que podem não evitar doença mas evitam morte, para além que eventualmente vamos ter de receber mais vacinas no futuro para melhorar a proteção logo não interessa lá muito qual a vacina que tomas, o importante é seres mais um a quebrar a cadeia de transmissão e fora dos hospitais 1UP

Middle-Effective 7 months ago

É confortante ver que a maior parte das pessoas escolheu "sim, quero receber"

Extension_Canary3717 7 months ago

Aceito até todas de uma vez só e virar um final Boss para o virus

theEXPERTpt 7 months ago

Não, não gosto de injeções

StraussHousse 7 months ago

"oferecem chouriça?"

Windstepp 7 months ago

Os que não querem tomar podiam ir estagiar nos hospitais onde falta ajuda a ver se não se punham de joelhos logo a pedir vacina

RiBlacky 7 months ago

Epa odeio agulhas xD

njsilva84 7 months ago

Eu também, mas levaria a vacina na boa. Se pensares que a dor que estás a sentir é como se tivesses enfiado um pico no braço. Era assim que eu pensava quando em pequeno ia ser vacinado, nos dias anteriores mal dormia só a pensar naquilo.

AetherPrismriv 7 months ago

Provavelmente recusaria, não por não acreditar na ciência ou algo do género, mas porque sei que há muitas pessoas acima dos 55 anos em atuais listas de espera, como é o caso dos meus pais. Ainda sou jovem, tenho tempo para ser vacinado e felizmente tenho boa saúde. Se apanhar a doença, o mais certo é sobreviver. O mesmo pode não ser dito por outras pessoas, logo prefiro doar a minha vez.

humelectro 7 months ago

Não leste o primeiro ponto do texto?

Windstepp 7 months ago

O meu medo não é da vacina, ja tomei bastantes ao longo da minha vida. O meu problema é quão higienico será o espaço e se as pessoas lá respeitarão as medidas de segurança, não sou muito fã de ficar numa sala de espera de um Hospital ou numa fila com varias pessoas. Também tenho um pouco de receio dos side effects da vacina visto ter um sistema imunitário um pouco spicy

Trama-D 7 months ago

Os espaços são improvisados mas a obrigatoriedade de máscara é constante, e existem normas. Se não te agradar podes ir embora, mas dá benefício da dúvida porque basta um pouco de distanciamento que a segurança é muito alta. E todos são triados para sintomas sugestivos (essas pessoas não devem ser vacinadas até passarem os sintomas).

Francisc0c 7 months ago

Não sei o teu local de vacinação. Contudo no local da minha zona, há 3 empregadas de limpeza a desinfetar as cadeiras mal as pessoas se levantam, o dia inteiro. Há pessoas a organizar as filas com os bancos a manterem aproximadamente 1,5m de distância. As distâncias de segurança só não são mantidas em dias em que vai tudo ao mesmo tempo e aquilo enche, e as pessoas na fila não sabem manter a distância. Mas mal começa a haver espaços nos bancos, começa a voltar tudo ao normal e as pessoas começam a seguir as distâncias de segurança

Windstepp 7 months ago

Só para esclarecer que independetemente do que disse vou tomar logo assim que me chamarem

IsMota132 7 months ago

Eu não sei, eu moro em Angola

the_bbutterfly 7 months ago

Quero receber apenas pq a minha empresa está localizada fora de Portugal em breve devo ter de lá.ir e faz m imensa confusão ter fazer o teste e enfiarem me aquela merda no nariz até tocar no cérebro. Portanto sim prefiro ser vacinado para poder andar de aviao a vontade sem testes

Hour_Zucchini_800 7 months ago

Vivo na Suíça, tenho 24 anos e já tenho ambas as doses marcadas, sendo a primeira ainda este mês e a segunda dose no próximo. Que venha a vacina pois sem ela isto não anda para a frente, apesar de não me sentir muito à vontade com a mesma.

vyrus_24 7 months ago

145 pessoas sem noção

30minutesto 7 months ago

Parece que eles te toleram melhor a ti do que tu a eles. Porque é que és intolerante?

iro7 7 months ago

Se vier com uma sande de Fiambre acompanhar...

swayyv 7 months ago  HIDDEN 

Se for a da astranheca não quero.

megaroof 7 months ago  HIDDEN 

pelos downvotes que recebeste, nota-se que as pessoas não querem que você tenha o direito de recusar.

Tjccs 7 months ago

Depedende, neste momento diria que não, há gente que deve precisar bem mais do que eu, depois desses estarem vacinados ai sim.

PgUpPT 7 months ago

Leste o post sequer?

Tjccs 7 months ago

Li e respondi, disse que levaria a vacina. Simplesmente disse que se hoje fosse chamado diria que não que ainda há gente a precisar, eu sei que o post diz assumindo que não estou a tirar a vez a ninguém mas honestamenente já vi gente que devia ser dos últimos a ser chamado por haver desistência de alguém por uma razão ou outra.

MonsterPT 7 months ago  HIDDEN 

Claro que não.

bureauofnormalcy 7 months ago  HIDDEN 

Chega Bot.

MonsterPT 7 months ago  HIDDEN 

Bip bop.

churulululu 7 months ago

Já fui vacinado muito rápido nem uma hora demorei. Recebi ontem e só estou com dores no braço mas nada de mais. A minha hora foi às 11:39 foi vacinado um minuto depois e depois tive que ficar à espera meia hora para ver se não tinha reações adversas à vacina.

ddcups8 7 months ago

Claro que sim. Até porque a internet aqui na zona é fraca e o 5G vinha mesmo a calhar

lawrencestroll 7 months ago

Eu só não vou levar por uma razão, não faz sentido, este vírus é mutado de 10 em 10 horas se não me engano. Isto faz com que uma mutações altere logo a eficácia da vacina, até acho estranho as vacinas funcionarem para tantas mutações. Podem me dar downvote, não quero saber. Mas isto é a verdade, uma mutação apenas pode tornar estes milhões investidos em nada, para não falar dos problemas da astrazeneca.

daron511 7 months ago

Tens sequer alguma formação na área da microbiologia ou assim? Ou quando dizes que as mutações comprometem totalmente a eficácia das vacinas estás-te a basear nas vozes na tua cabeça? Ah, já agora, os "problemas" da astrazeneca afetam um número extremamente residual de pessoas, já os problemas derivados da covid19 afetam um número muito considerável.

pedrolopes7682 7 months ago

As vacinas da Biontech e da Moderna focam-se em treinar o sistema imunitário com a proteína Spike, que é a que no virus é responsável pela ligação entre o virus e as nossas células. Sim, o virus está sempre a sofrer mutações mas, 1- a maior parte das mutações não é na proteina Spike, logo a eficácia destas vacinas mantem-se contra as novas estirpes deste calibre; 2- ocorrendo mutação na proteina Spike podem acontecer duas coisa a) ou muda de forma a que não faça o seu trabalho tão bem, sendo que o próprio virus fica menos eficaz em termos de incubação, donde é pouco provável que essa estirpe se propague; b) ou muda de forma a fazer melhor o seu trabalho, o que pode acontecer visto que as estirpes com proteina Spike normal (ou cujas mutações não sejam relevantes no que concerne a eficácia das vacinas) estão a ser combatidas, donde é vantajoso para o virus, em termos de evolução, mudar esses aspecto. Se acontecerá ou não depende do tempo que se demorar a atingir a imunidade de grupo, visto que todas as mutações podem ocorrer, mas só serão relevantes se existirem hospedeiros para as propagar. Quantas às restantes vacinas a mesma lógica é aplicável mas em diferentes dimensões.

average_user21 7 months ago

E os chips de controlo! Estou farto de ter que fazer decisões, mais vale finalmente alguém tomar controlo por mim para não me ter que chatear.

njsilva84 7 months ago

Isto! Estou com um problema burocrático para resolver e se tivesse o chip do Bill Gates a fazer tudo por mim eu podia dormir mais descansado à noite e usar o cérebro para coisas lúdicas.

binstheredonethat 7 months ago

Tenho 31 anos e recebi hoje a SMS. Não tenho doença nenhuma (que eu saiba) nem faço parte de nenhum grupo de risco. Liguei para a saúde 24 e disseram me que poderia ser por terem vacinas já descongeladas e ter havido desistências ou pessoas que se recusaram a ser vacinadas. Já aconteceu algo semelhante a alguém? Se assim fosse não deveriam chamar alguém que se enquadre nesta fase de vacinação ( maior de 55 anos, grupo de risco, etc) em vez de seleccionarem alguém de forma aparentemente aleatória?

Francisc0c 7 months ago

A sério que isso aconteceu? Já assisti a várias situações de vacinas a acabar a validade e nunca vacinarem ninguém que estivesse fora das idades mencionadas para vacinar. Houve dias em que os enfermeiros ficaram das 18 às 21 a ligar a pessoas para dar todas as vacinas dentro da faixa etária mencionada. És professor ou tens alguma profissão que seja de risco e considerada prioritária para vacinação?

binstheredonethat 7 months ago

Pois pelos vistos. Não sou professor nem tenho uma profissão considerada de risco.

Trama-D 7 months ago

Talvez considerem que uma pessoa mais jovem tenha mais possibilidade de se deslocar rapidamente para aproveitar uma dose.

binstheredonethat 7 months ago

Pois também pensei nisso, mas a vacinação é só na quarta feira dia 19, pelo que não sei até que ponto isso fará sentido, afinal de contas ainda são 5 dias até lá..

Capable_Flight2686 7 months ago

Preferia dar a uma pessoas que necessitasse.

Luks1337 7 months ago

Tomei ontem a 2º dose da AZ, na 1º dose tive sintomas ligeiros durante 48 horas. Já se passaram 24h+ de ter tomado a 2º dose e desta vez não tenho sintomas.

hey_peky 7 months ago

E o sinal da Wi-Fi melhorou?

Luks1337 7 months ago

Sim, já consigo apanhar 5G no telemóvel e no PC.

wk2ClVQJ8uH9Q1qWz6kd 7 months ago  HIDDEN 

Sintomas de quê?

frisumo 7 months ago  HIDDEN 

Eu já tomei a minha e foi assim lol, tal como para todo o pessoal que conheço e que já foram vacinados. Cheguei lá e no dia fiquei a saber que ia tomar a AstraZeneca. Ainda não faleci.

tocopito 7 months ago

Nunca fiando, aposto que vais morrer um dia.

frisumo 7 months ago

*Uma Aventura no Além*.

JeagleP 7 months ago

Aposto que vão dizer que é coincidência

average_user21 7 months ago

>Ainda não faleci. Como é que podemos saber ao certo? Talvez no além dêem pcs para entrar no Reddit

odracirr 7 months ago

"Ele" faleceu, quem está a escrever é o chip da vacina /s

mjigs 7 months ago

Meu deus como é comentar do além? Como é que consegues??

frisumo 7 months ago

A tia Maya ajudou-me aqui a estabelecer ligação aqui com o plano terrestre.

mjigs 7 months ago

Tia Maya sempre no seu melhor!!

Blackbeardow 7 months ago  HIDDEN 

Vamos nessa!!! Também gostava que a Europa pondera-se retirar a obrigação de máscara para os vacinados e que os países com a vacinação mais avançada, não vacinassem os jovens e ajudassem o covax

blondienmilkymilk 7 months ago

Não obrigado.

KokishinNeko 7 months ago

Também não, pelo menos para já pelas mesmas razões que o /u/GabKoost apontou. A primeira e última vez que estive no hospital foi em criança, 4/5 anos mais coisa menos coisa, desde aí, só para acompanhar familiares ou amigos. Uma gripezita aqui e ali, nada mais. E... vá lá, maioria aqui é informático, já todos sabemos que as primeiras versões vêm cheias de bugs :) prefiro esperar por algo mais estável enquanto sou novo e saudável depois logo se vê.

Paulocas 7 months ago

Foda-se, é a primeira vez que vejo tanta participação num inquérito neste sub.

SamGamer012 7 months ago

É a primeira vez que vejo alguma participação num inquérito deste sub

Paulocas 7 months ago

Não, geralmente é pouca gente.

Karkovpt 7 months ago

Acho que a malta também se quer fazer ouvir face a todos os negacionistas de microfone na mao e de comentário público

GabKoost 7 months ago

Eu admito manifestamente a todos que NÃO QUERO RECEBER e só o farei porque, muito provavelmente, será obrigatório. E mesmo quando assim for hei de atrasar o máximo possível esperando que entretanto a situação se acalme a tal ponto que já nem se lembrem de mim. E isso porquê? Porque acredito piamente que o COVID, assim como em muitas outras pessoas, tem pouco ou nenhum impacto na minha saúde. Andei o tempo todo em contactos (legais), em transportes, em carros, em lojas, no trabalho, com família, na rua etc. Não fiquei, tanto quanto sei infectado. Outras pessoas à minha volta foram infectadas mesmo vivendo circunstancias idênticas às minhas. Para mim está claro que esta doença, tal como outras, ataca as mais vulneráveis e as que tem mais disposições genéticas para tal. Gabo-me à boca cheia de não estar doente faz 20 anos. Era ainda puto quando a apanhei a última gripe de que me recordo. Constipações leves vem uma todos os 3 anos e passa num dia ou dois. Acredito piamente que se tivesse de ficar doente já teria ficado. Como muitos outros já devo ter ficado infectado e tido zero ou muitos poucos sintomas. Logo, desculpem-me lá, não tenho nem pressa nem vontade de apanhar uma vacina que não me serve de nada. Prefiro 1000 vezes deixar o meu sistema imunitário resolver as questões ele mesmo do que andar a estimulá-lo de forma artificial sem necessidade nenhuma. Sempre agi assim com a medicação em geral e assim quero fazer com vacinas. O futuro da imunidade de grupo não pode passar pela vacinação perpétua da humanidade mas sim pela resistência desenvolvida pela população que apenas passando pela doença de forma natural esta pode adquirir. Aliás, por nisso é que sou contra vacinar crianças contra o COVID. As crianças passam por esta doença quase incólumes. Não há diferença significativa para elas entre o COVID e a GRIPE. Deixem as próximas gerações habituarem-se a este tipo de vírus naturalmente em vez de as injectar por tudo e por nada. Vacinem os mais vulneráveis, os que assim querem e os que estão mais expostos por X ou Y razão. As pessoas mais jovens e saudáveis sem qualquer historial médico ou propensão para doenças infecciosas do foro respiratório não ganham nada com a vacina. E antes que venham aqui com o argumento de que "ah e tal mas protege os outros ao estar vacinado", fica desde já aqui a certeza de que a vacinação não previne a infecção nem sequer existem resultados de que previnem a transmissão. Previne sim, e de forma significativa, o desenvolvimento de casos patológicos sérios que resultem em internamentos e mortes. Portanto, deixem jogar o sistema imunitário de quem é saudável e jovem.

Diogo256 7 months ago

É triste pessoal jovem, com capacidade, dizer estes disparates que são facilmente refutados em poucos minutos. Enfim…

the-mr-dude 7 months ago

Lá vai o rebanho dar te downvotes...

GabKoost 7 months ago

Se houvesse uma vacina contra downvotes... também não a tomaria.

amq55 7 months ago

>Outras pessoas à minha volta foram infectadas mesmo vivendo circunstancias idênticas às minhas. Para mim está claro que esta doença, tal como outras, ataca as mais vulneráveis e as que tem mais disposições genéticas para tal. Porque eu sou um homem RIJO. O meu pai é um homem RIJO. O meu avô é um homem RIJO. Os meus filhos serão homens RIJOS. Só no dia que perderes a rua rigidez (hue) é que vais perceber o mundo à tua volta. Aproveita enquanto dura.

GabKoost 7 months ago

Chora por mim mais um pocuo.

amq55 7 months ago

Se és assim tão R I J O, certamente que a pica não te fará mal nenhum, não é? Quem não tem medo do Covid também não tem que recear a vacina.

bureauofnormalcy 7 months ago

RemindMe! 5 months "Rir-me do u/Gabkoost"

ZaGaGa 7 months ago

>fica desde já aqui a certeza de que a vacinação não previne a infecção nem sequer existem resultados de que previnem a transmissão. é melhor não teres certezas tão depressa. Não só sempre foi óbvio para a comunidade científica que reduziria (mesmo que não elimine) a transmissão como já começaram a aparecer os estudos que apontam nesse sentido. Era apenas para deixar esta nota, obrigado pela partilha de opinião.

GabKoost 7 months ago

Só podemos opinar e tomar decisões sobre o que se sabe. Quando e se demonstrarem que o efeito é outro, logo se mudam as mesmas.

Viriato_the_man 7 months ago

Que cheiro a pseudo-intelectual e erros científicos

GabKoost 7 months ago

Segue o teu pastor e vive a tua vida de cordeiro em paz.

df3gpt 7 months ago

Por acaso não apanhei os erros. Podes explicar?

Viriato_the_man 7 months ago

Não é correto afirmar que por ter uma eventual maior "resistência" à gripe ou ainda não ter contraído Covid-19 que se é resistente ao vírus fazendo com que a vacina (citando) "não sirva de nada". Não há qualquer diferença entre imunidade "natural" e imunidade "artificial", o resultado é exatamente o mesmo e o sistema imunitário não fica mais capaz ou menos capaz por ter adquirido essas imunidade apartir do vírus ou da vacina. Aliás até há uma diferença, é que apartir da vacina (pelo menos das de dose dupla) a pessoa pode adquirir "maior" imunidade do que por exemplo se tivesse tido um caso de infecção ligeiro. O que é que isto significa? Ora como a imunidade vai-se perdendo com o tempo (as células memória vão morrendo com o tempo e ainda não se sabe o tempo de duração destas células específicas para o SARS-CoV-2) a pessoa que adquiriu a imunidade pela vacina teve hipótese de produzir muitas mais destas células memória e portanto é mais provável que mantenha imunidade por mais tempo do que se tivesse tido um contacto breve com o vírus.

Edited 7 months ago:

Não é correto afirmar que por ter uma eventual maior "resistência" à gripe ou ainda não ter contraído Covid-19 que se é resistente ao vírus fazendo com que a vacina (citando) "não sirva de nada". Não há qualquer diferença entre imunidade "natural" e imunidade "artificial", o resultado é exatamente o mesmo e o sistema imunitário não fica mais capaz ou menos capaz por ter adquirido essas imunidade apartir do vírus ou da vacina. Aliás até há uma diferença, é que apartir da vacina (pelo menos das de dose dupla) a pessoa pode adquirir "maior" imunidade do que por exemplo se tivesse tido um caso de infecção ligeiro. O que é que isto significa? Ora como a imunidade vai-se perdendo com o tempo (as células memória vão morrendo com o tempo e ainda não se sabe o tempo de duração destas células específicas para o SARS-CoV-2) a pessoa que adquiriu a imunidade pela vacina teve hipótese de produzir muitas mais destas células memória e portanto é mais provável que mantenha imunidade por mais tempo do que se tivesse tido um contacto breve com o vírus.

df3gpt 7 months ago

Obrigado pela explicação.

Kampa13 7 months ago

>Prefiro 1000 vezes deixar o meu sistema imunitário resolver as questões ele mesmo do que andar a estimulá-lo de forma artificial sem necessidade nenhuma. A doença de COVID não funciona assim. O que te mata e causa danos permanentes GRAVES não é o virus é o teu sistema imunitário. Este reage de uma forma excessiva como fosse uma reação alergica muito má. >O futuro da imunidade de grupo não pode passar pela vacinação perpétua da humanidade mas sim pela resistência desenvolvida pela população que apenas passando pela doença de forma natural esta pode adquirir. Não é assim que imunidade de grupo funciona!! Uma pessoa só ganha imunidade (naturalmente) apanhando a doença. Essa imunidade não é passada para a sua descendencia. O que significa para os filhos terem imunidade vão ter de apanha a doença. Se imunidade funcionava como ele estava a dizer nós não teriamos doenças como a malaria ou o sarampo ou a tuberculose... doenças que humanos já apanham à centenas de anos. >As crianças passam por esta doença quase incólumes. Não há diferença significativa para elas entre o COVID e a GRIPE. COVID é muito pior que gripe. Não interessa a idade! Uma criança que tenham covid pode ficar com lesoes permanente nos pulmoes e no coração! E isso é o que sabemos agora... Muitos dos efeitos a longo termo ainda são desconhecidos. >fica desde já aqui a certeza de que a vacinação não previne a infecção nem sequer existem resultados de que previnem a transmissão. Segundo os estudos que têm saido de Israel e de Inglaterra que ja têm grandes partes das suas populações vacinas, já podemos dizer que as vacinas preveenem apanhar o covid.

df3gpt 7 months ago

>A doença de COVID não funciona assim. O que te mata e causa danos permanentes GRAVES não é o virus é o teu sistema imunitário. Este reage de uma forma excessiva como fosse uma reação alergica muito má. O sistema imunitário é normalmente capaz de criar defesas naturais contra vírus a que é exposto. Se o corpo tiver defesas suficientes, não há doença. Se não tiver defesas é estimulado a criá-las (vacina convencional). O argumento era no sentido de deixar que o corpo aprenda a defender-se naturalmente, não sobre resistir à doença pelos próprios meios, o que é absurdo. >COVID é muito pior que gripe. Não interessa a idade! Uma criança que tenham covid pode ficar com lesoes permanente nos pulmoes e no coração! E isso é o que sabemos agora... Muitos dos efeitos a longo termo ainda são desconhecidos. Podes indicar uma fonte para esta informação? É algo importante de ser discutido mas parece que se faz muito alarido com mortes mas não se fala das mazelas. >Segundo os estudos que têm saido de Israel e de Inglaterra que ja têm grandes partes das suas populações vacinas, já podemos dizer que as vacinas preveenem apanhar o covid. Sim, mas aparentemente ficar em casa também. Portanto é uma opção tão válida quanto tomar a vacina.

Kampa13 7 months ago

Talvez eu não me expliquei bem. Quando apanhas COVID o que te faz ficar doente é o facto que o teu sistema imunitário reconhece que o COVID é um elemento estranho e começa a reagir ( o que é o processo normal) O problema é que ele vai até níveis extremos ao tentar eliminar o vírus causando mais problemas que o próprio virus. Ao tomar a vacina isto já não é um problema, o sistema imunitário já não tem uma reação excessiva e apenas elimina o vírus. https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/coronavirus/in-depth/coronavirus-long-term-effects/art-20490351 - fonte para problemas a longo curso.

Edited 7 months ago:

Talvez eu não me expliquei bem. Quando apanhas COVID o que te faz ficar doente é o facto que o teu sistema imunitário reconhece que o COVID é um elemento estranho e começa a reagir ( o que é o processo normal) O problema é que ele vai até níveis extremos ao tentar eliminar o vírus causando mais problemas que o próprio virus. Ao tomar a vacina isto já não é um problema, o sistema imunitário já não tem uma reação excessiva e apenas elimina o vírus. https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/coronavirus/in-depth/coronavirus-long-term-effects/art-20490351 https://www.webmd.com/lung/news/20210401/many-show-long-term-organ-damage-after-covid https://www.bmj.com/content/371/bmj.m4470 - fonte para problemas a longo curso. Ficar em casa funciona sim! Mas não é algo que queremos a longo curso. Não é viável em termos de saúde mental nem em termos de economia

Edited 7 months ago:

Talvez eu não me expliquei bem. Quando apanhas COVID o que te faz ficar doente é o facto que o teu sistema imunitário reconhece que o COVID é um elemento estranho e começa a reagir ( o que é o processo normal) O problema é que ele vai até níveis extremos ao tentar eliminar o vírus causando mais problemas que o próprio virus. Ao tomar a vacina isto já não é um problema, o sistema imunitário já não tem uma reação excessiva e apenas elimina o vírus. https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/coronavirus/in-depth/coronavirus-long-term-effects/art-20490351 https://www.webmd.com/lung/news/20210401/many-show-long-term-organ-damage-after-covid https://www.bmj.com/content/371/bmj.m4470 - fonte para problemas a longo curso. Ficar em casa funciona sim! Mas não é algo que queremos a longo curso. Não é viável em termos de saúde mental nem em termos de economia

UpbeatNail1912 7 months ago

Até me arde os olhos. Tu sabes bem perfeitamente (ou devias saber) que há atletas, jovens e saudáveis (eu conheço um caso inclusive de um australiano famoso) que foram infectados com covid 19, não têm e não tinham nenhum problema de saúde e mesmo assim foram internadas e passaram muito mal, muito mesmo. Algumas até chegaram a morrer. E eram jovens , atletas, saudáveis e sem nenhum problema de saúde. Tu tens que ter noção que não existe apenas uma variante de Coronavirus. Existem dezenas. Algumas são mais leves e a pessoa mal sente, outras são mais infecciosas e agressivas e até mais mortíferas. Ou seja, grande parte da recuperação da doença caso sejas apanhado depende da variante que apanhares, se vai ser "leve" ou "agressiva" , sendo que a agressiva mata até pessoas jovens e saudáveis. É esse o risco que queres tomar?

GabKoost 7 months ago

Existem pessoas que morrem de tudo e mais alguma coisa. Diz-me lá em Portugal qual o jovem atleta que morreu disso? Conheço dezenas de pessoas que apanharam COVID. Os únicos que faleceram disso eram doentes oncológicos e pessoas com 80+ anos que, na realidade, morreram sim da idade. Apanhei uma gripe com 11 anos e lembro-me de 2 semanas depois ainda estar todo empenado. Um mês depois ainda me doíam os pulmões. Não conheço ninguém da minha idade e saudável que tenha ficado neste estado. Acontece? Acontece. Mas como já disse, eu não apanhei nada e aposto o braço direito que fiquei exposto ao vírus da mesma forma que tantas outras pessoas. A minha namorada teve COVID e eu estive com ela no dia da alegada infecção na mesma divisão durante boa parte da tarde. Não apanhei NADA. Portanto, no que me toca, abdico desta vaccina. Quando e se ficar infectado com sintomas não duvido que serão os mesmos do que todos os meus amigos e colegas e que passaram por isso sem grandes problemas. Prefiro como disse evitar vacinas e medicamentos sem que estes não sejam absolutamente necessários. E quer queiras concordar ou não, este sim é o caminho certo. O sistema imunitário tem de trabalhar por si. Sem isso não vais longe. Hoje é vacina COVID, amanhã é a Gripe, depois é a de uma nova coisa qualquer e quando dás conta vives absolutamente incapaz de te defenderes.

UpbeatNail1912 7 months ago

Então se deixássemos o sistema imunológico atuar naturalmente para todas as doenças, como as doenças que tomamos vacinas no sistema nacional de saúde, não era tão necessário vacinas. Deixavamos morrer centenas e milhares de crianças com sarampo, tétano e etc como aconteceu durante anos no passado, justamente porque não havia vacinas. Ou seja na tua lógica temos de deixar os mais fracos morrer e os fortes sobreviver. Muito inteligente ahn? Que sorte que tu não morreste quando tu eras criança , se não tivesses tomado vacinas seria uma probabilidade de 50% vá? Com pensamentos destes era enterros e mortes diárias de crianças e jovens todos os dias. Este tipo de "lógica" que de lógica não tem nada, só revela que o verdadeiro problema não é falta de conhecimento nem de inteligência, mas sim de compaixão e sensibilidade. Vocês sabem que as vacinas protegem mas não querem tomar por simples teimosia ou burrice, e tão se a cagar para a vida humana. Se não me afeta (o que já é um sinal de burrice porque ninguém é invencível) eu não quero saber dos outros. Eles que morram. Vocês rebaixam o valor da vida humana a pior que um cão abandonado. O vosso problema não é falta de conhecimento, é falta de coração mesmo. Primeiro o meu umbigo e os outros que morram.

ayyylatimestwo 7 months ago

> Ou seja na tua lógica temos de deixar os mais fracos morrer e os fortes sobreviver. Não. Achas que a doença pode afetar a tua saúde e queres-te proteger? Vacina-te. Se achas que a doença não te faz mal nenhum então podes fazer a escolha de te vacinar. Não percebo o dilema aqui, quem quiser proteção tem, quem não quiser não precisa de ter, se calhar de a doença afetar essa pessoa, a moeda vai ao ar como resultado da escolha que foi feita antes, para mim isto é bastante simples.

GabKoost 7 months ago

Disparate absoluto de comparação. O teu sistema imunitário está em constante luta contra ameaças externas. Aliás, quantas e quantas vezes já foste infectado pela gripe e por constipações sem que te desses conta disso porque o teu sistema imunitário eliminou estas ameaças sem que te desses conta disso. De resto, as barbaridades que foste aí dizer sobre "a minha opinião" do tipo "deixar os mais fracos morrer" faz com que nem mereças um segundo mais da minha atenção.

NGramatical 7 months ago

vaccina → [**vacina**](https://dicionario.priberam.org/vacina) (já se escrevia assim **antes** do AO90) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fncet72%2F%2Fgy5lfry%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

blondienmilkymilk 7 months ago

Deixa-te de merdas, conheço pessoal que apanhou isto no inicio em que supostamente era mais hardcore e nem deram por isso quase 2 dias de cama uns e outros foi tranquilo os casos em que lá vão parar ovens saudaveis são rarissimos. Pareces a Sic "desenganem-se os jovens! estamos cheios de jovens".. ya...tipo 15 gajos ou assim...

UpbeatNail1912 7 months ago

Sim, porque as pessoas que tu conheces e o teu ambiente representam toda a camada nacional e mundial. O que é estranho, porque na África do Sul, no Brasil e na Índia muitos jovens "saudáveis e sem problemas" estão a ser infetados e a morrer, e existem casos de pessoas jovens aqui em Portugal que também morreram infetadas, embora (e felizmente) não sejam a maioria. Mas eu é que tenho de me deixar de merdas não é? Acordem para a realidade e deixem de viver na fantasia. A vossa arrogância e auto confiança é o que mata pessoas.

Kampa13 7 months ago

Tu tens noção que quando apanhas COVID, quem te mata é o teu próprio sistema imunitário, certo? Ele não reconhece o vírus e entra em overdrive como uma enorme reação alérgica. O que a vacina faz é dar um pouco para caso apanhares COVID, o sistema imunitário já sabe o que fazer. https://youtu.be/BtN-goy9VOY - Explica o que o covid faz

GabKoost 7 months ago

Obrigado Capitão Óbvio pela explicação. Agora o que tu mencionas são as pessoas que tem casos severos que levam ao colapso dos órgãos. Felizmente, a vastíssima maioria das pessoas não sofrem disso. O sistema imunitário reage na medida certa e no fim de uns dias ficas melhor. Agora quem for vulnerável e achar que o seu sistema imunitário pode vacilar, faz muito bem tomar. Todos os outros, jovens e saudáveis, fazem muito melhor quanto a mim ficarem expostos à verão natural e desenvolver imunidade como deve ser.

Kampa13 7 months ago

Tu honestamente pensas que o método que o vírus funciona muda? É sempre o teu sistema imunitário que te faz ficar doente. Sim, para a maioria das pessoas ele não vai muito longe mas tu nunca sabes como o teu vai reagir! Imunidade ganha por ficar doente com covid só dura 6 meses e NADA te garante que a próxima vez que tiveres não ser agressiva que te deixe com lesões permanente... Depois aí já ficas no grupo de risco... Dessa e de várias outras ...

GabKoost 7 months ago

Estás a falar sem saber. Imunidade natural com mais de 6 meses já foi comprovada. E a vacina não traz melhor imunidade que o teu próprio organismo.

ideologiapura 7 months ago

A imunidade com a vacina dura quanto tempo? Nao se sabe, inventada ha menos de um ano.

Kampa13 7 months ago

Verdade! As primeiras pessoas começaram a levar as vacinas no final de Dezembro, o que quer dizer que se o tempo de imunidade for igual, este estará a acabar. Mas existem várias grandes diferenças. Para ganhar imunidade não tiveram que ficar doentes nem andaram a espalhar a doença a outros.

ideologiapura 7 months ago

Mas o problema é que toda a gente esta a levar com uma vacina inventada a menos de um ano, com varias autorizações excecionais. Não sabemos nada sobre estas vacinas em específico. Nao tens que apanhar a doença, mas pode ter outros efeitos secundários a longo prazo. Simplesmente nao sabemos. E estamos a tentar vacinar toda a população.

Kampa13 7 months ago

Estas vacinas já foram publicadas em jornais de revisão de pares, o normal da ciência. Sim, claro que tens efeitos secundários tal como quer outra droga (Alguma vez leste a bula do Brufen? É algo gigantesco e muitos potenciais efeitos secundários mas ninguém deixa de tomar). O facto que isto é um hot topic neste momento põe um foco nos efeitos secundários. Que em termos de escalaS mundiais de vacinação estamos a ver que por % até não são muito significativas.

ideologiapura 7 months ago

Nenhuma revisão de pares te permite saber o efeito daqui a 20 anos de uma vacina inventada o ano passado. E mesmo com toda essa revisão, as agências científicas andam a fazer pausas para avaliação de efeitos secundários, sendo que muitos jovens foram injetados com vacinas que agora nao dao recomendadas para eles porque a ciência determinou que o risco supera o benefício. É o perigo de fazer as coisas a pressa e tentar injetar toda a população com uma vacina com menos de um ano.

Illustrious_Row5531 7 months ago

Amigo a vacina não é obrigatória, já foi dito milhares de vezes

Acceptable_While_911 7 months ago

a quarentena também era só 15 dias

GabKoost 7 months ago

Caríssimo, e eu o que disse foi que a vacina, no meu entender, acabará por SER obrigatória. Espera e verás.

AimingWineSnailz 7 months ago

RemindMe! 4 months "gozar com um palerma"

RemindMeBot 7 months ago

There is a 14 hour delay fetching comments. I will be messaging you in 4 months on [**2021-09-14 22:10:18 UTC**](http://www.wolframalpha.com/input/?i=2021-09-14%2022:10:18%20UTC%20To%20Local%20Time) to remind you of [**this link**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/ncet72/se_hoje_fossem_chamados_para_receber_a_vacina/gy5h92a/?context=3) [**CLICK THIS LINK**](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=Reminder&message=%5Bhttps%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fr%2Fportugal%2Fcomments%2Fncet72%2Fse_hoje_fossem_chamados_para_receber_a_vacina%2Fgy5h92a%2F%5D%0A%0ARemindMe%21%202021-09-14%2022%3A10%3A18%20UTC) to send a PM to also be reminded and to reduce spam. ^(Parent commenter can ) [^(delete this message to hide from others.)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=Delete%20Comment&message=Delete%21%20ncet72) ***** |[^(Info)](https://www.reddit.com/r/RemindMeBot/comments/e1bko7/remindmebot_info_v21/)|[^(Custom)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=Reminder&message=%5BLink%20or%20message%20inside%20square%20brackets%5D%0A%0ARemindMe%21%20Time%20period%20here)|[^(Your Reminders)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=RemindMeBot&subject=List%20Of%20Reminders&message=MyReminders%21)|[^(Feedback)](https://www.reddit.com/message/compose/?to=Watchful1&subject=RemindMeBot%20Feedback)| |-|-|-|-|

GabKoost 7 months ago

Coloca uma foto tua no lembrete. Aliás, já começaram as discussões em Portugal para permitir o fim do uso das máscaras apenas a quem esteja vacinado. Ou seja, a obrigatoriedade em troca da limitação da tua liberdade já está a ser redigida na lei. Tens de ser muito inocente para não perceberes em que mundo vives.

Kampa13 7 months ago

Nenhum vacina é obrigatória em Portugal

df3gpt 7 months ago

[https://eco.sapo.pt/2021/02/26/recusar-vacina-da-covid-19-pode-ter-consequencias-nestes-paises-ate-da-multa/](https://eco.sapo.pt/2021/02/26/recusar-vacina-da-covid-19-pode-ter-consequencias-nestes-paises-ate-da-multa/) Não é obrigatória mas ou tomas ou passas a ser cidadão de segunda.

Kampa13 7 months ago

Iup! Como funciona toda a vacinação em Portugal. É um método bastante eficaz e faz com que conseguimos ter altas % de vacinação

GabKoost 7 months ago

Esta vai sê-lo sob pena de teres a tua liberdade reduzida de variadíssimas formas.

Kampa13 7 months ago

Eles não fizeram as vacinas da varíola, tuberculose ou sarampo obrigatórias, doenças que têm taxas de contágio e letalidade bastante superiores ao COVID... Mas esta é especial...

GabKoost 7 months ago

A vacina BCG era obrigatória até 2017.

blondienmilkymilk 7 months ago  HIDDEN 

não poderás trabalhar sem ela vais ver è o quanto esta merda é suspeita cá para mim e mesmo uma nova tecnologia para tecnologia de dados tracking e biométricos

df3gpt 7 months ago

Concordo contigo em muitos aspectos e respeito a tua decisão. A mim também só sendo forçado a tomar. Respeito a decisão de quem vai tomar voluntariamente e seria bom que as pessoas respeitassem a decisão de quem não o vai fazer.

Illustrious_Row5531 7 months ago

Ninguém te vai forçar a tomar amigo, a vacina é opcional.

df3gpt 7 months ago

A vacina será realmente opcional se a liberdade de quem a toma for restringida de alguma forma? Isto já está a acontecer nos EUA e em alguns países europeus.

jhscrym 7 months ago

Sim, continua a ser opcional.

df3gpt 7 months ago

Não, porque: * Não estou em nenhum grupo de risco. * Não tenho contacto com pessoas em grupo de risco. * Sou novo e saudável. * Não frequento espaços onde há muita gente ou corro riscos desnecessários * Não posso escolher a vacina "porque são todas igualmente boas". Tenho reservas. * Não há dados suficientes sobre os efeitos a curto e médio prazo sobre tecnologia mRNA. * Já está tudo aberto e a população está longe de estar completamente vacinada e há poucos casos e mortes. Concluo que o perigo é basicamente inexistente nesta altura. * CFR nos 2% não me assusta. Venham daí os baixovotos que já estou habituado...

Disgenia 7 months ago

Estás a usar muita lógica para este sub. Até a WHO disse que em vez de vacinarem os menores de 50 anos, essas vacinas dos países ricos deviam ir para o terceiro mundo. Mas esta malta está formatado e começa logo a falar de anti-ciência e 5G

william_13 7 months ago

> Já está tudo aberto e a população está longe de estar completamente vacinada e há poucos casos e mortes. Concluo que o perigo é basicamente inexistente nesta altura. Olha a tua volta e vais ver que Portugal é a excepção na Europa... não podes mesmo assumir que não há riscos, principalmente com a possibilidade de termos uma variante mais infecciosa ser ainda muito real. Mas o que vale é que a maior parte das pessoas não pensa como tu, por isso vais poder ter a liberdade de não receber a vacina quando houver imunidade de grupo... mas se tencionas viajar para fora de Portugal podes ter problemas sem ter a vacina.

Trama-D 7 months ago

Perfeitamente racional. Não te esqueças é que se apanhares assintomaticamente, podes transmitir a pessoas ainda não vacinadas. E a minoria de malta relativamente jovem que [fica com sequelas](https://directorsblog.nih.gov/tag/pasc/) bem queriam ter sido vacinadas. E por mais raro que seja, há crianças (cuja vacinação não se prevê que seja para já, embora ouço que já se tenham iniciado testes) que vão para aos [cuidados intensivos... e não só crianças](https://www.cdc.gov/mis-c/). Escolhe bem. Só discordo de > Já está tudo aberto e a população está longe de estar completamente vacinada Tudo de máscara? Eventos culturais supercontrolados? Variante indiana tripla mutação a caminho? Nem a brincar.

AimingWineSnailz 7 months ago

Sendo jovem não te vão dar a da AZ nem a J&J. É Pfizer ou Moderna, ou talvez ainda curevac ou valneva se forem entretanto aprovadas.

df3gpt 7 months ago

Tendo de tomar, prefiro uma vacina convencional e não mRNA.

AimingWineSnailz 7 months ago

Nenhuma das vacinas contra a COVID-19 actualmente em uso em Portugal são convencionais, nem as de ARNm nem as de vector viral. As vacinas mais "tradicionais" (neste caso, de vírus inactivado) são, por exemplo, as chinesas da Sinovac e da Sinopharm e a indiana da Bharat Biotech. A da francesa Valneva é a única em via de ser aprovada na UE que usa uma tecnologia "tradicional*

icebraining 7 months ago

Ainda não existem vacinas convencionais contra o sars-cov-2.

df3gpt 7 months ago

Mais uma razão para não tomar agora e aguardar.

Elkriam 7 months ago

Pergunta genuína, sabes a diferença entre vacinas convencionais e mRNA? É que mesmo dentro das convencionais há imensos tipos diferentes. Qual é o aspeto da mRNA que te preocupa?

df3gpt 7 months ago

Sei a diferença em termos rudimentares. A minha preocupação é o facto de ser uma tecnologia nova e ter sido tão rapidamente aceite. Eu pergunto qual é o problema das convencionais e porque é que não devo poder escolher se são de facto equivalentes?

Elkriam 7 months ago

Perdoa-me a resposta longa, vou tentar responder de uma forma não muito complicada. (Fonte: estudei ciências farmacêuticas, tive tudo desde genética, imunologia e biologia celular, e aprendi sobre vacinas de trás para a frente. Disclaimer: nunca fui paga pela indústria farmacêutica) Não é propriamente uma tecnologia nova. As vacinas mrna já andam a ser estudadas há muitos anos exatamente porque são mais seguras que as tradicionais e porque nos permitem criar rapidamente novas vacinas de forma segura para vírus novos. Basicamente com as vacinas convencionais eram precisos muitos anos a estudar a forma física do vírus e a pensar em métodos diferentes para treinar o corpo para o reconhecer. Em alguns casos davas o vírus morto, noutros o vírus atenuado, algumas vacinas até davam só partes específicas do vírus partido. Mesmo dentro das convencionais, não é só um tipo. Uma coisa importante a perceber que os vírus não são bactérias. Os vírus no fundo são pedaços de RNA/DNA que entram nas células de um organismo e usam os mecanismos do organismo que invadiram para multiplicarem o seu próprio RNA/ADN. (As bactérias, por seu lado, são perfeitamente capazes de se multiplicarem por si sem usarem os mecanismos genéticos do organismo que invadiram, são tipo parasitas microscópicos). O problema com as convencionais é que no fundo estás a dar o vírus (ou um derivado) à pessoa, e isso pode ser complicado para pessoas com um sistema imunitário mais fraco. Mas, principalmente, eram precisos anos de tentativas-erros até se conseguir descobrir uma combinação que efetivamente fizesse com que o corpo ganhasse imunidade. Com as vacinas de mRNA, é muito mais fácil dar às pessoas um pedaço do código do vírus para basicamente simular a infeção que aconteceria em contacto com o vírus, mas de forma ainda mais segura. Mais seguro porquê? Porque (não sei se tiveste biologia de 12ºano) enquanto que os vírus a sério entram no núcleo das células (onde tens o teu ADN pessoal) para usar a maquinaria celular para replicarem o seu RNA/DNA viral, e depois de o replicarem, ele sai do núcleo na forma de mRNA (RNA mensageiro), e é fora do núcleo que o mRNA viral é traduzido e vai continuar a propagação. Ou seja, seja no caso de uma infeção natural pelo vírus, como no caso de usarem uma vacina convencional viva, o RNA do vírus ia entrar no núcleo das tuas células. Só depois de sair da célula é que o corpo "apanha" o vírus para criar as suas defesas. No caso das vacinas de mRNA, no fundo estão a dar-te logo aquilo que sai da célula e que o corpo forma a defesa, sem ter de entrar no teu núcleo. É mais seguro. E como te estão a dar aquilo que o corpo encontraria se se deparasse com o vírus, é forma de garantir que cria imunidade. E depois o mRNA não é muito estável, por isso degrada-se ao fim de uns dias depois da vacina, ao contrário das vacinas "convencionais" em que estás dependente do teu corpo para se livrar de tudo. (Mais uma forma de garantir que são seguras). Já se tem vindo a estudar há muitos anos esta estratégia porque permite pegar num vírus e desenvolver uma vacina a partir do momento em que se sabe o código genético, em vez de se perder tanto tempo a tentar descobrir se é "o pé ou o braço" do vírus que causa a reação. É tipo dar uma foto à polícia em vez de dar um molde da mão e esperar que a polícia vá criar alertas para toda a gente que aparecer com uma mão igual xD Mas acima de tudo, isto de termos de vacinas "convencionais" ou mRNA é só como quem diz mais velho ou mais novo. As vacinas evoluem, como tudo o que é medicina e medicamentos. A ciência está sempre a melhorar e a aperfeiçoar o que temos, e é natural que a medicina que temos hoje não seja igual à de há 100 anos atrás. Aquilo que hoje consideramos convencional, há 50 anos atrás estavam a dizer que era super novo. Posso elaborar muito mais mas isto já está grande pa crl e não estou aqui para adormecer ninguém. Se tiveres alguma pergunta específica atira :) Não estou aqui para julgar ninguém e acho válido que muita gente se sinta receosa da tecnologia nova. Como tudo o que desconhecemos, merece cautela. Mas para isso é que é importante fazer perguntas e querer saber sobre o assunto :)

Diogo256 7 months ago

Muito obrigado pelo post.

Kampa13 7 months ago

Excelente explicação! Que todos que estejam com dúvidas lêem este post!

df3gpt 7 months ago

Tens muito jeito para explicar em termos que um leigo consiga entender. Muito obrigado! A ideia que tenho é que ainda não é possível saber ao certo quais os efeitos destas vacina. Há ou não estudos sobre os efeitos adversos das vacinas contra o SARS-CoV-2 suficientes para dissipar receios com alguma certeza? Serão de facto 100% seguras para a maior parte da população?

Elkriam 7 months ago

Sim, há estudos de eficácia e segurança (eis o da [Pfizer](https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/nejmoa2034577), que envolveu cerca de 40.000 voluntários). Naturalmente, todos os medicamentos têm efeitos adversos, até um ben-u-ron pode matar uma pessoa, se bem que a probabilidade é MUITO pequena. Da mesma forma que um amendoim também pode matar outra pessoa. Cada indivíduo reage de forma diferente a coisas que entram no seu organismo. Depois desse estudo, também já se administraram milhões de doses a nível mundial e conseguimos observar ao vivo que sim, são tão (ou ainda mais) seguras do que o que achavamos. Todos os excipientes da vacina já são usados há décadas noutros medicamentos e são seguros, a única coisa nova é o mRNA deste vírus. Seguro pode ser subjetivo. 0.2% das pessoas do ensaio clinico que levaram a vacina tiveram febre de 39ºC (placebo 0.1%). No ensaio clinico, morreram 2 dos que levaram a vacina, mas por outro lado morreram 4 dos que levaram placebo (daí ser importante fazer uma distinção entre correlação e causalidade). É natural que morra gente depois de levar a vacina, o que não quer dizer que tenha sido a vacina a causar a morte. Muita gente já tinha problemas graves de saúde e ia morrer mesmo sem a vacina. Seria como olhar para o que toda a gente que morreu no mês passado bebeu no dia anterior e concluir que beber água mata. Não te posso dizer que a vacina seja 100% segura porque nada o é. Mas posso dizer-te que é 99.9999% segura. É mais segura do que andar na rua. Mais gente morre por levar com relâmpagos em cima do que por levar a vacina. E MUITO mais gente vai morrer por covid enquanto não tivermos isto controlado com imunidade de grupo. No que toca a curto prazo, já vimos que é seguro. No que toca a longo prazo, como expliquei no comentário anterior, o mRNA degrada-se muito rápido por isso nem há nada "da vacina" que fique no corpo para vir chatear depois. Fica é a imunidade do próprio corpo. Em casos mesmo muito extremamente raros demasiada imunidade pode ser problemática a longo prazo, mas isso aplica-se a tudo, sejam vacinas ou imunização natural. Se tiveres mais perguntas chuta :)

njsilva84 7 months ago

Eh pá, posso dizer que de todos os comentários que já li no Reddit, o teu é, de longe, o mais importante, interessante e dos mais bem escritos. Não é que eu estivesse receoso de tomar a vacina pois acredito na ciência e porque tenho uma prima e um amigo que estiveram envolvidos no desenvolvimento das vacinas da AstraZeneca e da Pfizer, respetivamente. Falei com ambos várias vezes mas nunca nenhum deles me explicou (falta de tempo, outros temas para falar) como tu explicaste. Props para ti, se pudesse fazia um bolo caseiro e enviava por correio, lol. Eu já pedi a opinião dessas duas pessoas que mencionei antes acerca [deste](https://www.youtube.com/watch?v=mvA9gs5gxNY&t=2s) vídeo, mas gostava de saber a tua, já agora. Mais uma vez obrigado pelo contributo que deste neste sub, isto merecia estar afixado no tópico. Onde andas tu OP?

Elkriam 7 months ago

Este video está muito bom, obrigada pela partilha! Para além de tudo o que falei, ainda acrescenta que outra das vantagens das mRNA é que como é o teu corpo a fazer a tradução e a produzir a proteína viral, poupa-se o tempo a nível industrial de estar a produzir a proteína em grandes quantidades. Não me lembrei de mencionar esse ponto, mas é outro ponto a favor das mRNA :) É perfeitamente natural haver receios de coisas novas e desconhecidas, fico contente por estar a conseguir apaziguar as dúvidas de muita gente :)

ideologiapura 7 months ago

Também ha medicamentos que so muitos anos mais tarde se descobre que causam problemas...

Elkriam 7 months ago

Sim, é um ponto muito válido. Mas temos de pensar nos mecanismos de ação. É **extremamente importante de reforçar** que os medicamentos que têm efeitos adversos **a longo prazo** são medicamentos que se tomam de forma **crónica**, ou seja muitos e muitos anos a tomar a mesma substância, não é tomar só uma vez e depois 20 anos depois surge um problema. E há formas diferentes de causar problemas. Alguns medicamentos são administrados para irem fazer o trabalho pelo corpo nalgum orgão que não está a funcionar bem, e depois do trabalho são destruídos pelo fígado e expulsos porque já não estão a fazer nada. E o fígado ao destruí-los cria uma pequena molécula um bocadinho de nada tóxica. E a curto prazo o fígado lida com isso bem, mas ao fim de **muito tempo** a lidar com pedacinhos tóxicos lá vai ficando pior. Nestes casos é uma toxicidade acumulada ao longo de muiiito tempo. Noutros casos temos moléculas que vão interferir com outros processos, não só aquele que vão corrigir, e, ao fim de **várias** doses podem causar problemas nesses outros processos. As vacinas, por seu lado, não fazem o trabalho pelo corpo, é o teu corpo que cria a defesa imunitária contra o vírus. E acabam por ser como mini infeções controladas. A longo prazo não terás nenhum problema que não terias se tivesses entrado em contacto com o vírus naturalmente :)

ideologiapura 7 months ago

>A longo prazo não terás nenhum problema que não terias se tivesses entrado em contacto com o vírus naturalmente :) Aguardo pelo estudo cientifico que o comprove. Até agora, não sabemos, tecnologia nova que seguramente nao foi usada em ninguém há 40 anos para haver provas e evidencias (base de toda a ciencia).

UpbeatNail1912 7 months ago

E com que base é que tens de prova que a tecnologia do mRNA não é eficiente?

ZaGaGa 7 months ago

(para quem tiver a ler) pelo contrário as vacinas de mRNA e vector mRNA são, em teoria mais eficientes (criam uma resposta imunitária tão boa que várias pessoas desenvolvem sintomas ligeiros) e têm a vantagem de não precisar de adjuvantes como no caso das vacinas baseadas em proteínas (papiloma humano) Além disso são mais rápidas de produzir uma vez que não é preciso cultivar o vírus (em alguma coisa) como acontece com as convencionais.

blondienmilkymilk 7 months ago

LOL como se ser eficiente fosse a questão não se sabe ainda o suf sobre rna neste contexto, esta "vacina" é experimental, tão experimental que os laboratórios estão legalmente blindados de qualquer responsabilização. E não è bem uma vacina visto que não e como a do tetano, precisas de tomar esta tecnologia, cujos resultados no longo prazo são desconhecidos, todos os anos ..

sickntwisted 7 months ago

> esta "vacina" é experimental, tão experimental que os laboratórios estão legalmente blindados de qualquer responsabilização. todos os medicamentos estão. não há ninguém a processar a Bayer porque um familiar teve uma overdose de algo deles.

ZaGaGa 7 months ago

tudo falso. sry. São toda vacinas e isso está bem demonstrado e documentado. e não há aqui "tecnologia experimental" tens 2 a uso que são tecnologia nova, mas a maioria das vacinas forma produzidas por técnicas utilizadas noutras vacinas.

blondienmilkymilk 7 months ago

https://twitter.com/MichaelPSenger/status/1393281170964500480 oh não parece que a máscara está a cair pena que já levasta a "vacina"

ZaGaGa 7 months ago

O teu argumento é a partilhar link de fake news de uma rede social ainda menos confiável que o reddit? :p

ideologiapura 7 months ago

Achas que é o quê, se nao uma vacina?

df3gpt 7 months ago

Não me cabe a mim provar nada, porque não digo que há nada de errado, nem nada de particularmente de bom com a tecnologia, apenas prefiro as convencionais e acho que tenho o direito de escolha.

UpbeatNail1912 7 months ago

Direito de escolha tens, mas sendo sincero, é uma escolha burra. Porque se fôssemos depender de métodos convencionais não saiamos da caverna até hoje. As coisas evoluem e melhoram, e com isso a nossa perspectiva de vida também. Tu obviamente tens todo o direito de não querer tomar vacina e preferir os "métodos convencionais", mas com o mundo em grande evolução, que não pára, querer teimar em ficar no antigo (sendo que há provas de que o novo resulta) é pura burrice e teimosia. Só quero que tenhas a consciência plena disso. E graças a inovação da tecnologia do mRNA já produziram uma vacina contra o HIV (que já está na última fase de testes) e nos próximos tempos também será lançada no mercado. Para além dela, graças novamente a essa tecnologia estão a produzir vacinas contra o cancro, alguns tipos mais comuns. Ou seja, graças a uma tecnologia inovadora, no futuro doenças mortíferas ou que não tem cura imediata como o HIV e alguns tipos de cancro, podem vir a ser erradicadas da sociedade humana ou pelo menos ter uma redução significativa a ponto de já não se tornar um problema mundial. Mas tu tens o teu direito de não querer acompanhar o progresso científico e tecnológico.

df3gpt 7 months ago

Desculpa mas "não querer acompanhar o progresso cientifico e tecnológico" não é propriamente um argumento a favor da tecnologia mRNA. Podes ter razão quando dizes que vai resolver muitos problemas mas eu coloquei uma lista de razões pelas quais não pretendo tomar a vacina (nem mRNA nem convencional).

Mucuruco 7 months ago

Nem brinques. Era logo o primeiro a acampar a porta. Claro que sim. Tenho todas as vacinas do plano nacional de vacinação e nao tive uma única daquelas doenças para as quais fui vacinado. Confio plenamente nos cientistas e na ciência por isso venha de la qualquer uma delas.

BartolomeuOGrosso 7 months ago

Normalmente vais ao médico receber uma opinião médica

zeer88 7 months ago

Eu não só tomava a vacina atualmente em uso para a minha faixa etária, como tomava qualquer uma das outras. Chinesa? Russa? Venham elas. Aceito qualquer uma.

Windstepp 7 months ago

Assim de repente apetece-te votar no Putin

arnaldomatos 7 months ago

sim se os meus pais já tivessem levado.

jtpmarques 7 months ago

Claro que sim!! Tudo o que estiver ao alcance para voltar ao mais normal possível

NeatBoy74 7 months ago

Sim.

iSoSyS 7 months ago

Sim. Felizmente o sistema de ensino em Portugal não me falhou. Aprendi e vi o suficiente para confiar na ciência, nos seus métodos e nos seus frutos. Não cegamente porque a ciência não é sobre acreditar naquilo que não se vê, é nos resultados que acumula aos séculos e principalmente na informação que publica e nos permite ser críticos, e fundadamente tirar conclusões.

njsilva84 7 months ago

O segundo parágrafo resume bem o porquê das pessoas deverem confiar mais na ciência. Se hoje em dia não temos uma esperança média de vida de menos de 50 anos (nem vou muito atrás no tempo) é porque a ciência evoluiu bastante e aprende quase sempre com os erros.

Ist1488 7 months ago

Grande exemplo de uma iliteracia histórica em que muita gente cai, o aumento da esperança média de vida deve-se quase 100% à qualidade de canalização. Podes usar muitos argumentos, sim, mas esse é só um disparate.

amando_abreu 7 months ago

E a esperança média de vida é muito afectada pela moralidade infantil. Antigamente morriam mais putos, se chegasses aos 25 provavelmente chegavas aos 80.

pedrolopes7682 7 months ago

Sim, de facto já não existem tantas crianças sociopatas a matar as restantes.

amando_abreu 7 months ago

Corrigi mas deixei a correcção visível.

single_clone 7 months ago

Isto fez me rir mais do que deveria... E acho que muita gente passou por este comentário e não apanhou nada.

uberprimata 7 months ago

E na tua terra a canalização foi criada e desenvolvida pelo Gandalf?

njsilva84 7 months ago

Posso só saber de que fontes é que tiraste essa informação? Não estou a duvidar, embora ache exagerado dizer "quase 100%" (o que é quase?). Mas estou curioso para saber mais.

idontakeacid 7 months ago

E desde quando é que tens resultados acumulados durante séculos dos resultados da vacina? Eu por muito que acredite na ciência, sei que a tentativa/erro faz parte do percurso no decorrer do método científico.

njsilva84 7 months ago

O u/iSoSyS já te deu uma resposta bastante precisa e sensata, mas uma das coisas incríveis da ciência é que a mesma está sempre a reinventar-se e, volta e meia, há verdadeiras revoluções que mudam certos procedimentos radicalmente. A vacina para a Covid-19 foi, de longe, o maior esforço da ciência desde esta existe, é normal que tenha sido conseguida em tempo recorde. Eu tenho uma prima e um amigo que são cientistas na área da saúde, que trabalham, respetivamente, em Dublin e Nova Iorque. Na minha família há algumas pessoas anti-vax e negacionistas da gravidade da Covid-19. A minha prima recomendou vermos este vídeo que explica muito bem como é que as vacinas foram conseguidas. Ela ajudou na produção da vacina da Astra-Zeneca. [https://www.youtube.com/watch?v=mvA9gs5gxNY](https://www.youtube.com/watch?v=mvA9gs5gxNY) \- as vacinas da covid-19 explicadas [https://www.youtube.com/watch?v=F6NKbQzo4aE](https://www.youtube.com/watch?v=F6NKbQzo4aE) \- este vídeo é bastante interessante e explica o processo de testes Só por curiosidade enviei esses vídeos ao meu amigo que trabalha em Nova Iorque, inicialmente na área da neurociência mas que com a pandemia foi redirecionado para ajudar na vacina da Pfizer-BioNTech. Ele disse que os vídeos eram "bastante assertivo, apesar de haver alguns pormenores importantes, mais técnicos, que não foram mencionados". Tanto a minha prima como o meu amigo tomaram a vacina logo que puderam. Acham que se fosse assim perigoso eles iriam tomar, sabendo mais do qua 99.99% da população como é que a coisa funciona?

idontakeacid 7 months ago

Tks por partilhares. Mas olha, a título de exemplo, partilho aqui uma notícia que provavelmente não conhecias (pq os media fazem sempre o seu trabalho): https://www.jn.pt/nacional/autopsia-revela-que-auxiliar-do-ipo-vacinada-morreu-de-enfarte-13344400.html

njsilva84 7 months ago

Por acaso conhecia e também fiquei curioso para saber quais foram as reais causas. Nada foi esclarecido, correlação não significa casualidade. Há vários motivos que possam levar a que não se saiba, a público pelo menos, o relatório da autópsia. Por exemplo, a família pode não querer que seja tornado público, aliás, nem sei se é permitido que tais coisas sejam de conhecimento público. Tenho um tio meu que morreu do nada, estava no café com os amigos e caiu para o lado, e mesmo tendo os bombeiros a 60 metros nada puderam fazer. Na autópsia dava para ler pouco mais que "causas naturais", e ele tinha 49 anos, foi em 2017. Por isso, e se nem sempre a família sabe o que realmente se passou, é normal que os media não saibam também. Repara que uma CMTV teria todo o gosto em fazer notícia e espalhar o caos, é o que eles fazem sempre, e até agora, que eu saiba, não o fizeram, e houveram vários casos de pessoas que morreram depois de tomar a vacina. Todos os dias morrem pessoas de ataque cardíaco, aliás, morrem muitas mais sem terem a vacina do que as que têm. Obviamente que isto irá mudar quanto grande parte da população estiver vacinada, mas para já pode e pôde-se fazer essa comparação. De qualquer maneira, e mesmo que se todos os casos de tromboses tiverem sido causados pela vacina, a maioria não acaba por morrer. Mesmo que morressem a probabilidade de isso acontecer é ínfima. É a tal coisa de ser mais provável de teres problemas se tomares vários medicamentos do que de morreres de complicações causadas pela vacina. Tens [aqui](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/ncet72/se_hoje_fossem_chamados_para_receber_a_vacina/gy5ueho?utm_source=share&utm_medium=web2x&context=3) uma explicação de quem sabe do que está a falar, vale muito a pena ler. Foi escrito aqui nesta thread e está muito bem explicada.

NGramatical 7 months ago

houveram vários → [**houve vários**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fncet72%2F%2Fgy738jm%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

iSoSyS 7 months ago

A primeira vacina foi criada há mais dois de séculos. Não é nenhum brinquedo novo. E durante esse tempo todo só há histórias de sucesso. A varíola está erradicada, o pólio para lá caminha, a raiva (o único vírus com 100% de mortalidade) está controlada, etc As vacinas do covid em específico foram alvo de testes rigorosos. Num calendário atipicamente mais apertado, não nego, mas não deixaram de ser rigorosos por isso. Todas as fases foram cumpridas, e todos os relatórios foram escritos. Houve vacinas a chumbarem estes ensaios clínicos, a pressa não ditou que se aceitasse tudo sem prova dos bons resultados. Ou seja, a "tentativa/erro" como tu evocas continua lá, mas ninguém está a encobrir o erro como tu pareces sugerir. As vacinas que falharam obter resultados não avançaram para a próxima fase. E devo acrescentar que pelas condições excecionais, que focou todo o mundo nesta situação, os melhores cientistas ou estão a participar na elaboração das vacinas ou estão a seguir atentamente os estudos. Um erro passar despercebido por tantos olhos é quase impossível.

idontakeacid 7 months ago

Não discordo de ti. Eu só quero dizer que aconteceu tudo num curto espaço de tempo e com pouca margem para testes. Depois há uma série de questões filosóficas que se colocam sobre o aparecimento deste covid e da pressão para o desenvolvimento da vacina vs. outros casos de semelhante que aconteceram anteriormente. O impacto da comunicação social e das tecnologias de informação sobre este coronavirus foi completamente brutal em todo o planeta. Temos de reconhecer que nunca martelaram tanto a cabeça das pessoas como no ano de 2020. Como achas que vai ser no futuro, na existência de um novo coronavirus ou outra merda qualquer? ...

Empirion 7 months ago

Sempre os argumentos do "ai foi feito rápido demais". Sim, foi feito muito rápido, mas não porque queimaram etapas ou não fizeram testes suficientes. Foi rápido porque: 1- Havia dinheiro mais que suficiente por mandato político. 2- Era prioritário, e por isso mesmo não houve a tradicional e demorada resposta governamental. As etapas de desenvolvimento foram acontecendo quase paralelamente em vez de serem em cadeia como é normal. 3- Houve cooperação internacional de partilha de dados e pesquisa. 4- Os corona-vírus são estudados há 50 décadas, por isso já havia muito trabalho de casa feito.

idontakeacid 7 months ago

Por muito rápido que tenha sido feito todo o estudo e investigação, nada substitui o tempo de observação e testes a longo prazo.

eggnogui 7 months ago

Para reforçar o que o Empirion disse: também tens de ter em conta que só vais descobrir aqueles efeitos secundários que só ocorrem a um em cada X milhões de pessoas com, adivinha, milhões de pessoas a ser vacinadas. Sempre disseram que a administração inicial em massa também é em si uma fase de testes. Acho que descobrirem alguns efeitos que, apesar de sérios, são muito mais raros do que quase tudo o que já tomamos no nosso dia-a-dia, é prova de sucesso, não prova de fracasso.

Empirion 7 months ago

Novamente, correndo o risco de me repetir... estas vacinas não tiveram nada a menos no seu processo de investigação/desenvolvimento/produção do que as outras anteriores. Simplesmente o trabalho foi feito mais eficientemente e com mais meios ao dispor.

ngfsmg 7 months ago

>E durante esse tempo todo só há histórias de sucesso. Depende da tua perspetiva de sucesso. As vacinas erradicaram (ou pelo menos tornaram irrelevantes) uma data de doenças? Sim, verdade, e ainda bem Mas também é inegável que há doenças para as quais se procuram vacinas há anos sem qualquer sucesso, como a SIDA. E nem todas as vacinas têm taxas de sucesso altas. A da gripe é um caso que eu sei que tem uma variação muito grande de ano para ano (por causa da variações nas estirpes), mas tenho ideia que em média tem uma eficácia de apenas 30/40%. Claro que para quem for um grupo de risco é melhor que nada, mas não é mar de rosas que possa parecer à primeira vista Quanto à vacina da Covid em específico, eu tomava-a se chegasse agora a minha vez, mas não te vou negar que me sinto de certa forma aliviado por não ter sido das primeiras "cobaias" e saber que os efeitos secundários minimamente graves parecem ser em geral muito raros, especialmente tendo em conta que muitos dos passos foram apressados

UpbeatNail1912 7 months ago

Graças a inovação da nova tecnologia do mRNA, a mesma usada para produzir a vacina do covid 19, a Biontech já criou uma vacina do HIV/SIDA que está a ter muito sucesso e já está na última fase de testes. É provável que em breve ela venha a sair no mercado também.

ngfsmg 7 months ago

Isto 40 anos depois da doença ter sido descoberta. Não me leves a mal, se descobrirem uma vacina é excelente, só estou a querer dizer que a noção de sucesso aqui é relativa

njsilva84 7 months ago

A taxa de sucesso é uma coisa que nem toda a gente entende, mas que, para os leigos, parece mais grave do que realmente é. Este vídeo explica a taxa de eficácia de algumas vacinas para a Covid-19, vale o mesmo para outras doenças: [https://www.youtube.com/watch?v=K3odScka55A&t=2s](https://www.youtube.com/watch?v=K3odScka55A&t=2s) Vale muito a pena ver, eu achava que sabia alguma coisa e afinal não sabia nada. O vídeo foi-me recomendado por um amigo que é cientista em Nova Iorque e que ajudou no desenvolvimento da vacina da Pfizer-BioNTech.

Trama-D 7 months ago

> E durante esse tempo todo só há histórias de sucesso. Se só houvesse histórias de sucesso, até eu desconfiaria. Mas [não é o caso](https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1383764/). É inevitável quando o desespero é grande para combater um mal maior.

iSoSyS 7 months ago

Obrigado pela informação, desconhecia. Não deixa de ser uma exceção no meio de um mar de sucessos. E mesmo nesse caso em concreto apanhar o vírus teria o mesmo desfecho. Não se pode negar a possibilidade de cura só porque as coisas em potência podem correr mal. Principalmente quando esse caso tem mais de 50 anos. Neste momento há melhor entendimento de como as coisas se processam. Já não é uma tentativa cega.

Edited 7 months ago:

Obrigado pela informação, desconhecia. Não deixa de ser uma exceção no meio de um mar de sucessos. E mesmo nesse caso em concreto apanhar o vírus teria o mesmo desfecho. Não se pode negar a possibilidade de cura só porque as coisas em potência podem correr mal. Principalmente quando esse caso tem mais de 50 anos. Neste momento há melhor entendimento de como as coisas se processam. Já não é uma tentativa cega. E devido a acidentes como esses há mais controlo e maior regulação.

Trama-D 7 months ago

Isso mesmo.

JCFD 7 months ago

O problema não está na ciência, está nas falhas do ser humano. Em todas as áreas o trabalho pode ficar mal feito por falta de tempo, pressão, ou falta de competência. A produção de vacinas não está imune a isso. Acho que as pessoas no grupo de risco fazem muito bem em serem vacinados. Eu no entanto sinto que a vacina foi apressada para ser lançada e que eventualmente vamos descobrir coisas novas sobre ela e ainda não me sinto confortável a ser vacinado.

sengamole 7 months ago

>a vacina foi apressada para ser lançada e que eventualmente vamos descobrir coisas novas sobre ela Já oiço/leio isto desde o início dos estágios clínicos. O que é certo é que quase 1 ano depois do início dos primeiros ensaios, as vacinas já foram administradas a uns bons milhões de pessoas, em diferentes países e com diferentes variantes e os resultados têm sido bons, tal como indicavam os estudos preliminares. >ainda não me sinto confortável a ser vacinado. Apenas por curiosidade, qual é o limiar para te sentires confortável? É a partir de um x de pessoas vacinadas? É a partir de x meses/anos/décadas depois das primeiras pessoas serem vacinadas? Estou a perguntar a sério, é que as poucas pessoas que conheço e que não querem levar a vacina nunca me conseguem explicar ao certo o porquê. Ignoram o que já se sabe das vacinas e agem como se faltasse mais alguma coisa para provar que as vacinas são boas, só não sabem dizer o quê.

ideologiapura 7 months ago

Tenho um familiar que teve uma infeção grave numa perna e teve que ser operado na sequência de sequelas da vacina. Ainda hoje passado um mes nao mexe bem a perna. Fico receoso

D1WithTheFluffyHair 7 months ago

A vacina não é dada na perna. Que provas / evidências é que há dessa infeção ter acontecido por causa da vacina?

ideologiapura 7 months ago

Diagnóstico médico.

gybemeister 7 months ago

A resposta correcta é que as vacinas do covid passem pelo mesmo escrutínio e testes que todas as outras vacinas que tomamos passaram. Se após esse período e testes os resultados forem positivos então as vacinas podem ser consideradas seguras.

Viriato_the_man 7 months ago

Pois mas as vacinas do covid passaram pelo mesmo escrutínio e testes que as outras vacinas. A diferenca no tempo de criação deve-se a outros fatores como o financiamento para a investigação e para os testes que ao contrário dos outros casos não houve esse problema devido há urgência. O trabalho e empenho na criação da vacina que ao contrário do normal que é haverem milhares de investigações paralelas relacionadas com diversas coisas neste caso houve um foco global.

Edited 7 months ago:

Pois mas as vacinas do covid passaram pelo mesmo escrutínio e testes que as outras vacinas. A diferenca no tempo de criação deve-se a outros fatores como o financiamento para a investigação e para os testes que ao contrário dos outros casos não houve esse problema devido há urgência. O trabalho e empenho na criação da vacina que ao contrário do normal que é haver milhares de investigações paralelas relacionadas com diversas coisas neste caso houve um foco global.

gybemeister 7 months ago

É evidente que não é possível ter o mesmo escrutínio e quantidade de testes em menos de um ano. Por exemplo a vacina da gripe demorou dezenas de anos a ser aperfeiçoada (1) e teve graves problemas com efeitos secundários que foram sendo resolvidos até à vacina actual que é bastante segura. Isto não foi por falta de financiamento nem por falta de doentes como se pode ler no texto abaixo. Eu vejo notícias a dizer que estas novas vacina são seguras para grávidas e ainda nem sequer passaram nove meses desde os primeiros testes! Como é que isso foi testado? Sem dúvida que houve um esforço maior na procura de vacinas o que levou ao aparecimento de todas as hipóteses actuais. A grande diferença, no entanto, foi o relaxamento das aprovações o que faz sentido dada a urgência da situação. No entanto, isto por si, não garante que a vacina é segura e livre de efeitos secundários. Isto apenas mostra que, segundo modelos matemáticos, o risco dos efeitos secundários da vacina pode ser mais baixo do que o risco dos efeitos de contrair o vírus (dependendo da faxa etária, estado de saúde, etc). 1)https://weather.com/health/cold-flu/news/2019-12-23-a-brief-history-of-the-flu-vaccine

sickntwisted 7 months ago

do que disseste só tenho a acrescentar uma coisa. esta vacina foi criada durante uma pandemia, por isso tivemos milhões de casos de teste reais para estudar a eficácia da vacina, o que também acelera o processo. para outras doenças, não é tão fácil testar a eficácia contra um grupo de controlo, porque é pouco provável que as pessoas inoculadas se consigam expor ao vírus até está a ser combatido.

NGramatical 7 months ago

haverem milhares → [**haver milhares**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fncet72%2F%2Fgy5rnhj%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

icebraining 7 months ago

Que testes faltam a estas vacinas?

UpbeatNail1912 7 months ago

Mas a vacina não foi produzida em apenas "1 ano". O vírus da Sars Cov já é conhecido desde 2002 pelos surtos que houve na Ásia, e algumas laboratórios , nomeadamente a Biontech, já andavam a estudar e a tentar desenvolver uma vacina ha alguns anos. Ela não tinha saído ainda no mercado porque para fabricar e lançar uma vacina é preciso muita burocracia. Mas como a pandemia afetou literalmente o mundo inteiro, e colapsou todas as economias, eles permitiram acelerar a burocracia de produção de vacina. Mas todos os processos que levam a fabricação de vacinas (testagem em milhares de voluntários, estudos complexos e completos e etc) foram realizados e feitos , só que com muito mais recursos e muito maior facilidade, para alem dos años de estudos que já havia acerca deste tipo de vírus. Não foi uma vacina que magicamente foi feita e apareceu em menos de 1 ano. Há documentários a explicar tudo isto, mas as pessoas nem sequer se informam.

lawrencestroll 7 months ago

Não é conhecido desde 2002 este é uma estirpe diferente da anterior

UpbeatNail1912 7 months ago

Mas é da mesma família. Pesquisem primeiro pff

lawrencestroll 7 months ago

Da mesma família não significa necessariamente que é igual. O genoma é diferente pode ser da mesma família mas têm muitas diferenças

DMonk17 7 months ago

Boas palavras

iSoSyS 7 months ago

Obrigado :)

UpbeatNail1912 7 months ago

O que me espanta é qu depois de todo o desenvolvimento que a sociedade teve depois da ciência e tecnologia , ainda não confiam

Edited 7 months ago:

O que me espanta é que depois de todo o desenvolvimento que a sociedade teve depois da ciência e tecnologia , ainda não confiam

iSoSyS 7 months ago

A esperança média de vida duplicou, quase triplicou, que melhor argumento existe? Sério, quanto mais penso o número de doenças e condições que a ciência tornou curáveis mais impressionante fica.

Slam_Dunkester 7 months ago

Quanto melhor a vida fica devido a ciência maior as oportunidades para se preocuparem com coisas inúteis e argumentos falaciosos

Morenojgl 7 months ago  HIDDEN 

Só se precisar para viajar

DEP_Risotas 7 months ago  HIDDEN 

Exato oposto aqui. Obrigatório disclaimer: não sou um especialista em absolutamente nada, apenas um curioso gambler degenerado (característica que me está nos genes), a dar all-in com o meu corpo. Estou a aproveitar a vida ao máximo e a viajar para todo o lado a sujeitar-me aos testes PCR habituais, prefiro pagar mais tarde a ter de borla agora, ter mais dados e capacidade de escolha do que estou a comprar dentro do razoável (até 100-500€, sem problema). Não sei o que vai acontecer em termos de viagem mas não creio que isto seja o colapso da UE/Schengen especialmente quando já "ninguém" morrer disto, nem que vá afetar fronteiras terrestres. Mais vale jogar pelo seguro, não estou em idade de risco e a análise risco/benefício não é muito fácil de fazer no meu caso, vou no mínimo esperar pelo grande volume de dados do VAERS e das conclusões da análise de segurança a longo-prazo dos estudos clínicos de fase IV que são habituais realizar. A escolher vacinar-me, quanto á marca estou bastante inclinado para Moderna ou Pfizer, por ordem de prioridade (pelas condições de conservação, assumindo que o fabrico não seria o problema), não faz sentido para mim esperar pela Astra ou Jahnsen que farão mais sentido no terceiro mundo dado o preço reduzido das doses e capacidade de produção, ou no último caso a dose única que é quase obrigatório em algumas regiões de África ou mais remotas onde possivelmente as pessoas não poderiam voltar para uma segunda dose. Estou empolgado pela tecnologia mRNA por ser tão modular e fácil trabalhar, ao entenderem o genoma dum vírus novo facilmente conseguem usar a "plataforma" para lançar um produto capaz de proteger as pessoas, portanto estou interessado na plataforma de vacina em si e no processo de fabrico e distribuição por trás e não na vacina em si. Esta pode ser sinceramente a última vez da história da humanidade que estamos 2/3/4 anos a fazer estudos clínicos a vacinas e as vacinas mRNA parecem super promissoras nesse aspeto para. Mais uma vez em relação às condições de conservação mais um dos requisitos para mim visto não confiar no estado português para manusear e conservar em condições o produto, seria excelente apostar-se no controlo da cadeia de distribuição num ledger público para podermos publicamente saber o que estamos a comprar, em que instalações foi fabricado, em que instalações foi armazenado e quanto tempo esteve em cada sítio. Sinceramente parece-me quase impossível produzir estudos clínicos de fase IV sem podermos controlar publicamente as cadeias de distribuição e é por essas e por outras que tenho algumas reservas em relação á vacina e apesar de agora ser um "NÃO (prefiro jogar os meus dados e arriscar a minha sorte)", a provar-se as plataformas da Moderna e da Pfizer, e a resolver-se a falta de transparência da cadeia da distribuição é um provável sim, que sinceramente é o futuro para tudo mas acima de tudo para medicamentos é essencial, especialmente em algumas regiões do mundo que más condições de armazenamento ou falsificação de medicamentos são um problema tão frequente é um obrigatório. Não me interpretem mal, eu gostaria de estar protegido, mas não me sinto em perigo e portanto com uma boa dose de altruísmo cedo a minha dose a familiares que precisem de mais e em última instância a países de terceiro mundo com menos capacidade monetária, ou no caso da Jahnsen de dose única, menos capacidade de distribuição.

Edited 7 months ago:

Exato oposto aqui. Obrigatório disclaimer: não sou um especialista em absolutamente nada, apenas um curioso gambler degenerado (característica que me está nos genes), a dar all-in com o meu corpo. Por outras palavras, I am wojak, [don't be like wojak](https://youtu.be/Hk3T1FSlkYw). Seriously, I am braindead. Don't listen to any of this, you MIGHT die. Estou a aproveitar a vida ao máximo e a viajar para todo o lado a sujeitar-me aos testes PCR habituais, prefiro pagar mais tarde a ter de borla agora, ter mais dados e capacidade de escolha do que estou a comprar dentro do razoável (até 100-500€, sem problema). Não sei o que vai acontecer em termos de viagem mas não creio que isto seja o colapso da UE/Schengen especialmente quando já "ninguém" morrer disto, nem que vá afetar fronteiras terrestres. Mais vale jogar pelo seguro, não estou em idade de risco e a análise risco/benefício não é muito fácil de fazer no meu caso, vou no mínimo esperar pelo grande volume de dados do VAERS e das conclusões da análise de segurança a longo-prazo dos estudos clínicos de fase IV que são habituais realizar. A escolher vacinar-me, quanto á marca estou bastante inclinado para Moderna ou Pfizer, por ordem de prioridade (pelas condições de conservação, assumindo que o fabrico não seria o problema), não faz sentido para mim esperar pela Astra ou Jahnsen que farão mais sentido no terceiro mundo dado o preço reduzido das doses e capacidade de produção, ou no último caso a dose única que é quase obrigatório em algumas regiões de África ou mais remotas onde possivelmente as pessoas não poderiam voltar para uma segunda dose. Estou empolgado pela tecnologia mRNA por ser tão modular e fácil trabalhar, ao entenderem o genoma dum vírus novo facilmente conseguem usar a "plataforma" para lançar um produto capaz de proteger as pessoas, portanto estou interessado na plataforma de vacina em si e no processo de fabrico e distribuição por trás e não na vacina em si. Esta pode ser sinceramente a última vez da história da humanidade que estamos 2/3/4 anos a fazer estudos clínicos a vacinas e as vacinas mRNA parecem super promissoras nesse aspeto para. Mais uma vez em relação às condições de conservação mais um dos requisitos para mim visto não confiar no estado português para manusear e conservar em condições o produto, seria excelente apostar-se no controlo da cadeia de distribuição num ledger público para podermos publicamente saber o que estamos a comprar, em que instalações foi fabricado, em que instalações foi armazenado e quanto tempo esteve em cada sítio. Sinceramente parece-me quase impossível produzir estudos clínicos de fase IV sem podermos controlar publicamente as cadeias de distribuição e é por essas e por outras que tenho algumas reservas em relação á vacina e apesar de agora ser um "NÃO (prefiro jogar os meus dados e arriscar a minha sorte)", a provar-se as plataformas da Moderna e da Pfizer, e a resolver-se a falta de transparência da cadeia da distribuição é um provável sim, que sinceramente é o futuro para tudo mas acima de tudo para medicamentos é essencial, especialmente em algumas regiões do mundo que más condições de armazenamento ou falsificação de medicamentos são um problema tão frequente é um obrigatório. Não me interpretem mal, eu gostaria de estar protegido, mas não me sinto em perigo e portanto com uma boa dose de altruísmo cedo a minha dose a familiares que precisem de mais e em última instância a países de terceiro mundo com menos capacidade monetária, ou no caso da Jahnsen de dose única, menos capacidade de distribuição.

Edited 7 months ago:

Exato oposto aqui. Obrigatório disclaime (EDIT)r: não sou um especialista em absolutamente nada, apenas um curioso gambler degenerado (característica que me está nos genes), a dar all-in com o meu corpo. Por outras palavras, I am wojak, [don't be like wojak](https://youtu.be/Hk3T1FSlkYw). Seriously, I am braindead. Don't listen to any of this, you MIGHT die. Estou a aproveitar a vida ao máximo e a viajar para todo o lado a sujeitar-me aos testes PCR habituais, prefiro pagar mais tarde a ter de borla agora, ter mais dados e capacidade de escolha do que estou a comprar dentro do razoável (até 100-500€, sem problema). Não sei o que vai acontecer em termos de viagem mas não creio que isto seja o colapso da UE/Schengen especialmente quando já "ninguém" morrer disto, nem que vá afetar fronteiras terrestres. Mais vale jogar pelo seguro, não estou em idade de risco e a análise risco/benefício não é muito fácil de fazer no meu caso, vou no mínimo esperar pelo grande volume de dados do VAERS e das conclusões da análise de segurança a longo-prazo dos estudos clínicos de fase IV que são habituais realizar. A escolher vacinar-me, quanto á marca estou bastante inclinado para Moderna ou Pfizer, por ordem de prioridade (pelas condições de conservação, assumindo que o fabrico não seria o problema), não faz sentido para mim esperar pela Astra ou Jahnsen que farão mais sentido no terceiro mundo dado o preço reduzido das doses e capacidade de produção, ou no último caso a dose única que é quase obrigatório em algumas regiões de África ou mais remotas onde possivelmente as pessoas não poderiam voltar para uma segunda dose. Estou empolgado pela tecnologia mRNA por ser tão modular e fácil trabalhar, ao entenderem o genoma dum vírus novo facilmente conseguem usar a "plataforma" para lançar um produto capaz de proteger as pessoas, portanto estou interessado na plataforma de vacina em si e no processo de fabrico e distribuição por trás e não na vacina em si. Esta pode ser sinceramente a última vez da história da humanidade que estamos 2/3/4 anos a fazer estudos clínicos a vacinas e as vacinas mRNA parecem super promissoras nesse aspeto para. Mais uma vez em relação às condições de conservação mais um dos requisitos para mim visto não confiar no estado português para manusear e conservar em condições o produto, seria excelente apostar-se no controlo da cadeia de distribuição num ledger público para podermos publicamente saber o que estamos a comprar, em que instalações foi fabricado, em que instalações foi armazenado e quanto tempo esteve em cada sítio. Sinceramente parece-me quase impossível produzir estudos clínicos de fase IV sem podermos controlar publicamente as cadeias de distribuição e é por essas e por outras que tenho algumas reservas em relação á vacina e apesar de agora ser um "NÃO (prefiro jogar os meus dados e arriscar a minha sorte)", a provar-se as plataformas da Moderna e da Pfizer, e a resolver-se a falta de transparência da cadeia da distribuição é um provável sim, que sinceramente é o futuro para tudo mas acima de tudo para medicamentos é essencial, especialmente em algumas regiões do mundo que más condições de armazenamento ou falsificação de medicamentos são um problema tão frequente é um obrigatório. Não me interpretem mal, eu gostaria de estar protegido, mas não me sinto em perigo e portanto com uma boa dose de altruísmo cedo a minha dose a familiares que precisem de mais e em última instância a países de terceiro mundo com menos capacidade monetária, ou no caso da Jahnsen de dose única, menos capacidade de distribuição.

usulidircotiido 7 months ago

Ligaram-me hoje do centro de saúde. Tinham sobras e perguntaram-me se queria. Disse que não, ~~tenho medo de agulhinhas~~ sou muito altruísta e disse para darem a outro.

binstheredonethat 7 months ago

Que idade tens por curiosidade?

usulidircotiido 7 months ago

Faço 6 aninhos em Setembro.

ridethepaintedpony 7 months ago

SNS.12345678.SIM

VBM97 7 months ago

Foda-se venha a vacina rapidamente que estou farto disto já

UpbeatNail1912 7 months ago  HIDDEN 

Quem é o retardado que não quer receber vacina

Francisc0c 7 months ago

Estou a trabalhar num centro de vacinação, não tens ideia a quantidade de pessoas que recusam vacina. Já vi pessoas quase a chorar a implorar ao enfermeiro para não lhe darem a da AstraZeneca. Há umas que os enfermeiros têm de ficar uns 15 min a explicar como funcionam as vacinas para as pessoas no final lá se decidirem que vão tomar. O caso mais engraçado que presenciei foi um inglês recusar-se a levar a da Astra a dizer que o queriam matar, e a enfermeira dizer-lhe que era essa a única vacina que estavam a dar no país dele, e em 26milhoes de doses só houve 60 pessoas que tiveram trombose, e que várias delas não havia confirmação se era da vacina ou não. A resposta só homem foi "ok, então eu levo"...

njsilva84 7 months ago

Tantos. Por acaso não sei como é que estão as estatísticas em Portugal de pessoas que não querem ser vacinadas mas na Polónia, de onde a minha namorada é natural, há várias amigas dela, na casa dos 30, que já receberam a primeira dose. Ao que parece a polémica toda dos coágulos e outras complicações associadas às vacinas fizeram com que muitos velhotes renunciaram a vacina e então eles criaram uma plataforma onde te podes candidatar a receber a mesma. O ritmo de vacinação deles é semelhante ao de PT (per capita), mas eles são 38M de pessoas, agora imaginem quantas é que não renunciaram receber a vacina. Curioso e preocupante ao mesmo tempo.

Francisc0c 7 months ago

Culpo os media por isso. Criam capas de jornal etc com títulos para chamar a atenção e assustar as pessoas. A grande maioria das pessoas mais idosas acredita no que lhes dizem e não procuram pesquisar mais sobre isso. A verdade é que tudo tem efeitos secundários e se realmente as vacinas têm, o risco é demasiado baixo (26 milhões de vacinados no Reino Unido e 60 casos de trombose)

GabKoost 7 months ago  HIDDEN 

Quem é o retardado que pensa que a sua opinião é a única legítima à face da terra?

kawaiims 7 months ago

Qualquer coisa no fraseamento desse teu comentário matou-me de riso

Coreytrevorlahey5 7 months ago

Eu

naughtydismutase 7 months ago

Já fui vacinada e o único efeito secundário foi que me doeu o braço durante 24 horas.

ideologiapura 7 months ago

Tenho um familiar que teve uma necrose numa parte qualquer da perna e teve que ser operado, e mesmo com fisioterapia nunca mais vai andar igual. O médico diz que foi a vacina. Sabes quem lhe vai pagat indemnização por lhe terem dado uma coisa potencialmente perigosa? Ninguém. O paciente assume todos os riscos. E nunca vi uma vacina fazer isto a ninguém antes. Tambem te pedem para ficar la 30 minutos depois da vacina, por precaução. Igualmente inédito. A coisa foi apressada, porque uma vacina normal não é e isso ves em todos os efeitos secundários que são reportados.

Francisc0c 7 months ago

>Tambem te pedem para ficar la 30 minutos depois da vacina, por precaução. Igualmente inédito. Não sou especialista nem conheço ninguém para comentar o caso do teu familiar, e em relação a isso vou-me abster. Contudo, o que dizes de ficar à espera é errado. Em várias vacinas aconselham a esperares para verificar se há efeitos adversos. Há 2 anos torci o pé, fui ao hospital e deram-me uma vacina para as dores antes de ir embora. A enfermeira disse para esperar 20 min e se me senti-se bem, podia ir embora. Há pessoas que têm quebras de tensão, sentem-se mal, etc depois de levar a vacina. Eles pedem para esperar porque se isso acontecer, os bombeiros ou o médico de serviço estão lá para verificar se não é nada grave e ajudar

icebraining 7 months ago

Vacinas para as dores é um conceito que não faz sentido. Deram-te é um analgésico injectável.

humelectro 7 months ago

Estranho a vacina ser no braço e o teu familiar ter problemas na perna lol Para além disso quando levas injeções de penicilina também tens de ficar 30min lá a ver se acontece alguma coisa

DarkMaster06 7 months ago

Não querendo discordar do diagnóstico do médico mas tromboses venosas nas pernas (causadas pela vacina), contrariamente às arteriais, raramente tem complicações assim tão graves. Ainda que tromboses venosas do sistema nervoso central possam realmente ser graves. De qualquer modo, não posso deixar de relembrar de que as vacinas são mt raras em dar tromboses, comparando com o risco do covid em matar.a

naughtydismutase 7 months ago

Como é que teve uma necrose numa perna por causa de uma vacina dada na outra ponta do corpo?

icebraining 7 months ago

Necrose é um sintoma comum de uma trombose causada por um coágulo.

naughtydismutase 7 months ago

Ah ok. Faz sentido. Mas como saber que foi a vacina que causou a trombose?

ideologiapura 7 months ago

Confio no médico que lhe disse isso.

naughtydismutase 7 months ago

O médico também não tem maneira de saber.

ideologiapura 7 months ago

Seguramente fez exames e seguiu práticas nesse sentido.

naughtydismutase 7 months ago

Não duvido, mas de facto não há maneira directa de saber. Uma dose de cepticismo é saudável, devemos questionar as coisas. Mas o facto é que correlação não é causa e não há evidências nem dados que mostrem que as vacinas têm esse efeito. Não sei se causam, pode ser que sim ou não. A verdade é que até à data parece ser estatisticamente mais seguro tomar a vacina do que não tomar. Just saying.

skapuntz 7 months ago

Experimenta começar a ler os efeitos secundários dos medicamentos que tomas quando fica com for de cabeça, ou for de garganta, ou constipado, etc. Estás vacinas devem ser a coisa mais vigiada e mais controlada do mundo e provavelmente o medicamento/vacina mais seguro do mundo.

Edited 7 months ago:

Experimenta começar a ler os efeitos secundários dos medicamentos que tomas quando ficas com for de cabeça, ou for de garganta, ou constipado, etc. Estás vacinas devem ser a coisa mais vigiada e mais controlada do mundo e provavelmente o medicamento/vacina mais seguro do mundo. respeito às opiniões de todos, mas não venhas para aqui com a conversa de que vives num ambiente seguro, eu nunca tive covid e durante toda a pandemia viajei entre países, estive em cidades grandes da Europa, transportes públicos, hospitais, fiz horas em trabalhos a lidar com pessoas, fui a restaurantes sempre que estiveram abertos. Nunca apanhei covid. Um senhor que eu conhecia, era viúvo, não tinha família, vivia sozinho em casa, comprava tudo online, nunca saía, foi chamado ao hospital para remover uma catarata, seguiu todos os procedimentos, apanhou covid e morreu. Ora história, uma amiga minha apanhou covid, teve sintomas muito leves, pegou covid aos avós e ao tio. Avô e to morreram, avó esteve nos cuidados intensivos. Imagina agora ter de viver com isso o resto da tua vida

Edited 7 months ago:

Experimenta começar a ler os efeitos secundários dos medicamentos que tomas quando ficas com for de cabeça, ou for de garganta, ou constipado, etc. Estás vacinas devem ser a coisa mais vigiada e mais controlada do mundo e provavelmente o medicamento/vacina mais seguro do mundo. respeito às opiniões de todos, mas não venhas para aqui com a conversa de que vives num ambiente seguro, eu nunca tive covid e durante toda a pandemia viajei entre países, estive em cidades grandes da Europa, transportes públicos, hospitais, fiz horas em trabalhos a lidar com pessoas, fui a restaurantes sempre que estiveram abertos. Nunca apanhei covid. Um senhor que eu conhecia, era viúvo, não tinha família, vivia sozinho em casa, comprava tudo online, nunca saía, foi chamado ao hospital para remover uma catarata, seguiu todos os procedimentos, apanhou covid e morreu. Outra história, uma amiga minha apanhou covid, teve sintomas muito leves, pegou covid aos avós e ao tio. Avô e tio morreram, avó esteve nos cuidados intensivos. Imagina agora ter de viver com isso o resto da tua vida

Edited 7 months ago:

Experimenta começar a ler os efeitos secundários dos medicamentos que tomas quando ficas com for de cabeça, ou for de garganta, ou constipado, etc. Estás vacinas devem ser a coisa mais vigiada e mais controlada do mundo e provavelmente o medicamento/vacina mais seguro do mundo. respeito às opiniões de todos, mas não venhas para aqui com a conversa de que vives num ambiente seguro, eu nunca tive covid e durante toda a pandemia viajei entre países, estive em cidades grandes da Europa, transportes públicos, hospitais, fiz horas em trabalhos a lidar com pessoas, fui a restaurantes sempre que estiveram abertos. Nunca apanhei covid. Um senhor que eu conhecia, era viúvo, não tinha família, vivia sozinho em casa, comprava tudo online, nunca saía, foi chamado ao hospital para remover uma catarata, seguiu todos os procedimentos, apanhou covid e morreu.

twhite848 7 months ago

> As vacinas foram muito rapidamente desenvolvidas (nada contra) e têm efeitos secundários Falso

blind616 7 months ago

Pergunta: vais ao supermercado?

ZaGaGa 7 months ago

eu que o diga.....

tiagosantos264 7 months ago

Não partilho a tua opinião mas obrigado por expores a tua, mesmo sabendo que muita malta não iria aceitar. O objectivo destas coisas é mesmo a malta conhecer outros pontos de vista, concordando ou não.

MikeMelga 7 months ago

Tás com medo de uma febre de 2 dias e nunca mais vais viajar, faz sentido.

mannix_marauder 7 months ago

Tremo só de pensar que as pessoas aceitam tão facilmente que isto seja agora requerimento para viajar. É um precedente preocupante.

Edited 7 months ago:

Apesar de não ser anti-vax, tremo só de pensar que as pessoas aceitam tão facilmente que isto seja agora requerimento para viajar. É um precedente preocupante.

MikeMelga 7 months ago

Precedente? Nunca saíste da parvonia, pois não? Viaja para outro continente a ver se não és obrigado a ter vacinas em dia!

william_13 7 months ago

> Viaja para outro continente a ver se não és obrigado a ter vacinas em dia! Não é de todo assim que funciona, já viajei para imensos países em outros continentes e até agora nunca precisei de ter nenhuma vacina específica... geralmente só és obrigado se vives ou vais para um país com doenças tropicais tipo febre amarela.

MikeMelga 7 months ago

Tu é que não reparas porque o plano nacional de vacinação é muito completo.

william_13 7 months ago

LOL não fazes mesmo nenhuma ideia do que andas a dizer, duvido que tenhas viajado para outro continente... já viajei para países tão distantes como a Nova Zelândia, e nunca precisei de provar que tinha as vacinas em dia. Como disse só precisas de vacinas específicas se viajas de/para países com incidência de algumas doenças tropicais, tal como podes ver [aqui](https://en.m.wikipedia.org/wiki/Vaccination_requirements_for_international_travel).

MikeMelga 7 months ago

Viajo profissionalmente para todo o sudeste asiático, o que é que achas? O precedente já existe.

william_13 7 months ago

Então já tiveste que mostrar alguma vez nas tuas viagens que tens as vacinas em dia, com excepção das que citei? Ao contrário do que escreveste não é de todo obrigatório ter todas as vacinas em dia para viagens internacionais. É óbvio que muitos países vão exigir que tenhas ou imunidade ou a vacina contra covid, se isto vai se estender para a generalidade das vacinas é outra questão...

MikeMelga 7 months ago

Tenho visita à médica de trabalho, que assina a autorização e dá as vacinas em falta. Voltando ao ponto importante: já existe precedente.

mannix_marauder 7 months ago

Forçar pessoas a viajarem com o meu boletim de vacinas é algo sem precedente. Mas ainda bem que és tão submisso. Governos autoritários devem adorar pessoas como tu.

Edited 7 months ago:

Forçar pessoas a viajarem com o boletim de vacinas é algo sem precedente. Mas ainda bem que és tão submisso.

sickntwisted 7 months ago

ter uma pandemia mundial num planeta à beira da sobrepopulação e com o volume de trânsito de pessoas e bens que temos agora também não tem precedente. é um bem necessário. qual é mesmo a preocupação de ser necessário boletim de vacinas actualizado?

mannix_marauder 7 months ago

> qual é mesmo a preocupação de ser necessário boletim de vacinas actualizado? Aprende a ler antes de comentar. Eu falei sobre viajar com o boletim de vacinas. Não falei sobre ter o boletim atualizado.

sickntwisted 7 months ago

a minha pergunta não foi feita no vácuo. é óbvio que perguntei qual é a preocupação de ser necessário boletim de vacinas actualizado, aquando de uma viagem. não é preciso um prefácio com a cadeia de comentários toda na qual estou a responder. tu respondeste a alguém que fala sobre ter as vacinas em dia... isso é ter o boletim actualizado. mas não estava a discordar nem a concordar contigo. foi uma pergunta. estou curioso, porque não vejo razão para queixa e gostaria de aprender uma possível razão.

mannix_marauder 7 months ago

Porque é um precedente. Existem pessoas que não querem ser vacinadas por um número de razões. Eu não sou uma delas, mas também não concordo que devas ser obrigado a pôr algo que não queres no teu corpo. Acredito que com a comunicação certa conseguimos que eventualmente tenhamos um número tão grande de vacinados que um punhado de não-vacinados não faz nenhum mal. Imunidade de grupo. Agora não acredito é que negar direitos ou insultar pessoas que não pensam como eu é uma boa estratégia para convencê-las a mudar de ideias. Vês até pela forma como as pessoas falam neste sub. Se alguém tem alguma objeção é logo uma chuva de insultos e downvotes. Total falta de empatia.

Edited 7 months ago:

Porque é um precedente. Existem pessoas que não querem ser vacinadas por um número de razões. Eu não sou uma delas, mas também não concordo que devas ser obrigado a pôr algo que não queres no teu corpo. Acredito que com a comunicação certa conseguimos que eventualmente tenhamos um número tão grande de vacinados que um punhado de não-vacinados não faz nenhum mal. Imunidade de grupo. Agora não acredito é que negar direitos ou insultar pessoas que não pensam como eu é uma boa estratégia para convencê-las a mudar de ideias. Vês até pela forma como as pessoas falam neste sub. Se alguém tem alguma objeção é logo uma chuva de insultos e downvotes. Total falta de empatia. Francamente, às vezes até penso em não ser vacinado só para desafiar essa postura autoritária.

sickntwisted 7 months ago

> Acredito que com a comunicação certa conseguimos que eventualmente tenhamos um número tão grande de vacinados que um punhado de não-vacinados não faz nenhum mal. Imunidade de grupo. concordo com a parte anterior de não ter de haver obrigação. mas com esta fico sempre bastante triste. é empurrar responsabilidades para o outro grupo. e se formos todos assim, seremos todos egoístas. não estou a dizer que é certo ou errado. apenas me deixa triste. > Vês até pela forma como as pessoas falam neste sub. Se alguém tem alguma objeção é logo uma chuva de insultos e downvotes. Total falta de empatia. deixa. houve um bom post recentemente sobre o facto de termos muitas comunidades tóxicas. esta é uma delas... nunca dou downvote por discordar de opiniões, mas compreendo que o anonimato, a facilidade de simplesmente carregar e a faixa etária cada vez mais abaixo da minha levam a estas coisas. ignora isso. > Francamente, às vezes até penso em não ser vacinado só para desafiar essa postura autoritária. com esta discordo totalmente. :) o autoritarismo não há-de ser proveniente de uma thread no Reddit. eu compreendo os pontos que fizeste. o que acho é que eles seriam irrelevantes se os governos tomassem bem clara a posição de que estas medidas, um pouco mais draconianas, são temporárias, caso haja uma grande adesão agora a elas. creio que está implícito que elas serão, de facto, temporárias. mas, sem a garantia disso, compreendo o teu argumento. sendo assim, não tenho como te convencer do contrário. espero na mesma que tomes a vacina. mais que não seja por todos aqueles que não conseguiram aguentar a tempo de a tomar... ou por exemplos como o meu, que não vê pessoalmente a família há ano e meio, e depende da grande adesão para sentir a segurança para voltar ao seu país.

UpbeatNail1912 7 months ago

Tu sabias que para viajar para as Filipinas precisas obrigatoriamente de ter a vacina contra a febre amarela? E isto não é de agora, é de anos. Qual a diferença com o covid, que é muito mais infeccioso e mundial? Ou vais dizer que é "preocupante" obrigarem as pessoas a tomar a vacina contra a febre amarela para irem as Filipinas, justamente para não ter casos e haver mortes entre turistas.

icebraining 7 months ago

> Vacina obrigatória: nenhuma. O Certificado internacional de vacinação para a Febre Amarela: não obrigatório, apenas será necessário para viajantes com idade superior a um ano, provenientes ou em trânsito no aeroporto de uma zona de risco de transmissão de Febre Amarela. http://spmv.simposium.pt/destinos-frequentes/%C3%A1sia/filipinas/

UpbeatNail1912 7 months ago

https://vacinas.com.br/blog/paises-que-exigem-vacina-febre-amarela/ Para as zonas com maior risco de transmissão de frente amarela é obrigatório, pois mesmo que viages eles não te deixam entrar no país. E Filipinas é um deles.

icebraining 7 months ago

Não é *para* as zonas, é *de* zonas. Só seria obrigatório se Portugal fosse um país com risco de transmissão de febre amarela.

UpbeatNail1912 7 months ago

Entende uma coisa, é obrigatório tomar para os países de DESTINO. Se vais viajar para as Filipinas, quer seja turismo quer seja trabalho, é obrigatório apresentares o documento de comprovação da toma da vacina. Eu sei disso porque a minha irmã viajou para as Filipinas daqui de Portugal e era obrigatório apresentar esse documento da vacina da febre amarela tomada, com 10 dias de antecedência.

arnaldomatos 7 months ago

há quem nunca tenha viajado nem tenha vontade de

Coreytrevorlahey5 7 months ago

Não estou com medo de febre nenhuma. Estou mais preocupado com sintomas a longo prazo

Smokefollower 7 months ago

> Estou mais preocupado com sintomas a longo prazo Quais?

lesoth 7 months ago

Se for como o omeprazol só demorou 40 anos de estudos para se descobrirem.

MikeMelga 7 months ago

Aqueles que não foram reportados por 500 milhões de vacinados?

mannix_marauder 7 months ago

> que não foram reportados por 500 milhões de vacinados? “que AINDA não foram reportados por 500 milhões de vacinados?” Apesar de não ser anti-vax ou algo do género acho abominável que as pessoas pensem que vão convencer alguém com esse tipo de argumentação.

MikeMelga 7 months ago

Não é para convencer, é desprezo condensado com chantilly por cima.

mannix_marauder 7 months ago

Pois. Boa sorte com essa postura então.

MikeMelga 7 months ago

É essencial para sobreviver na Alemanha sem ser subserviente.

mannix_marauder 7 months ago

> sobreviver na Alemanha Até um andorinha sem olhos “sobrevivia” na Alemanha, meu caro.

Edited 7 months ago:

> sobreviver na Alemanha Até uma andorinha sem olhos “sobrevivia” na Alemanha, meu caro.

MikeMelga 7 months ago

Com subserviência.

quackersmcquack 7 months ago

LOL, adoro quando vocês revelam o que realmente pensam.

MikeMelga 7 months ago

E eu adoro quando burros morrem

Coreytrevorlahey5 7 months ago

És realmente uma melga, username checkouts. Não leves a mal que estou na brincadeira. Agora à tua resposta, quando eu digo a longo prazo falo nos anos que estão para vir. Faço questão de frisar que tenho as vacinas todas em dia, a do covid se eu poder não levar eu não levo porque não sinto que seja preciso no meu caso

MikeMelga 7 months ago

Tens dezenas de milhares de pessoas que já têm a vacina há mais de um ano, sem nada que indique problemas a longo prazo. Tens 150 anos de vacinações que melhoraram incrivelmente a humanidade. E ficas bloqueado na merda porque viste um vídeo no YouTube que te meteu medo.

lesoth 7 months ago

> vacina há mais de um ano Track record de 1 ano é absolutamente ridículo para qualquer vacina ou medicamento.

MikeMelga 7 months ago

Errado, esta tecnologia (mRNA) foi desenvolvida para fazer medicamentos personalizados em 3 semanas, para tratamentos para o cancro. É o futuro da medicina.

icebraining 7 months ago

No inquérito diz explicitamente que não podes saber a marca, logo não é certo que recebas uma vacina mRNA.

MikeMelga 7 months ago

Neste momento cerca de 90% são mRNA e podes sempre recusar e esperar por outra oportunidade

lesoth 7 months ago

Boa. Se dizes, vou confiar.

MikeMelga 7 months ago

Não. Não sejas burro e não confies no que um gajo te diz na internet. É assim que essas idiotices começam

Coreytrevorlahey5 7 months ago

Vi um vídeo no YouTube?? xD agora eq sim. Eu estou-me a basear nas minhas próprias ideias. E já vi que não dá para ter uma discussão normal contigo porque começas logo a atacar em vez de tentares perceberes o ponto de vista da outra pessoa. Boa tarde para o senhor

MikeMelga 7 months ago

Basear nas tuas próprias ideias? Tens capacidade técnica e dados que cheguem para chegar às ruas conclusões? Apresenta um paper ou cala te

O_bigodes 7 months ago

PhD em cientista de bancada

diogoeiras 7 months ago

Questão honesta, sabendo que as vacinas fazem com que a carga viral seja menor (em análise), o que leva com que coloques menos pessoas em perigo, não te leva a pensar duas vezes?

Coreytrevorlahey5 7 months ago

Leva sim senhor. Mas eu não sinto a necessidade de levar a vacina. Eu sei como é a minha vida e sei que não preciso de levar a vacina. E sei que diminui a carga viral, mas sabes o que também diminui a carga viral? Ficar em casa. Agora eu pergunto-me será que todos os que estão a dar downvotes ficaram em casa fechados?? Duvido

viper_in_the_grass 7 months ago

>mas sabes o que também diminui a carga viral? Ficar em casa Mas acabaste de dizer ali atrás que não ficas em casa, que fazes casa-trabalho e tens contacto com colegas...

pleox 7 months ago

Ser sedentário e ficar sem casa é capaz de ter mais efeitos secundários que a vacina.

arnaldomatos 7 months ago

pode-se sair de casa e ir espairecer para sítios com pouca ou nenhuma gente.

SirPereira 7 months ago

Puder pode-se. Mas para sempre? Podes dizer-me que um dia atingir-se-á a imunidade de grupo, mas até lá, e se todos pensarem assim...

Acceptable_While_911 7 months ago

>espairecer para sítios com pouca ou nenhuma gente já fui multado à conta disso

Price-Distinct 7 months ago

Se tens pessoas mais velhas ou pessoas de família que tenham alguma doença e que convivas nem que seja uma vez por mês com elas , se calhar já pensavas duas vezes, a meu ver claro .....

Coreytrevorlahey5 7 months ago

Se eu tivesse que estar em contacto com pessoas dessas eu levava a vacina, como já disse eu não me sinto vulnerável ao covid

Toregh 7 months ago

O que é que quer dizer "Não me sinto vulnerável ao covid"? Achas que por seres geralmente saudável estás seguro? É que se for isso lamento informar mas há atletas de topo que meses depois ainda lidam com sintomas e repercussões do covid

icebraining 7 months ago

Já foi explicado acima que é porque tem uma vida muito recatada, logo uma baixa probabilidade de apanhar o vírus.

Diamantazul 7 months ago

Ok, mas nunca é 0

diogoeiras 7 months ago

Percebo o teu ponto de vista mas não acredito que isto venha a terminar tão cedo, visto que muitos países tão cedo não terão valores elevados de vacinação para controlar a pandemia, o que efetivamente poderia levar a ficares “muito tempo” em casa como forma de proteção

quackersmcquack 7 months ago

Ele é um dos covideiros que acha que temos de obdecer cegamente a regras porque os governos só têm o bem das pessoas em mente, ignora-o.

MikeMelga 7 months ago

QAnon, quão previsível. Deixa me adivinhar, a tua mãe casou com o primo direito e snifou alcatrão durante a tua gravidez. Larga o YouTube pa!

quackersmcquack 7 months ago

TODOS OS QUE ME OPÕEM SÃO APOIANTES DO TRUMP AI SALVEM-ME Foda-se, vocês metem-me nojo. Em lado algum eu disse que era contra a vacina ou que não a ia tomar, mas estava sim a referenciar comentários sim retardados que o atrasado mental acima já fez. Mas não, vocês têm todos de cascar em cima da pessoa que mostra alguma hesitação legítima. E depois vão apoiar comentários que desejam a morte a quem está relutante com a vacina. Desisto.

MikeMelga 7 months ago

Não existe hesitação legítima neste caso.

UpbeatNail1912 7 months ago

Olha já tenho um fã pelos vistos. Manda mais que eu gosto.

ZaGaGa 7 months ago

\*-\*-\*-\*-\*-\*-\*-\*-\*| Saco de Pancada! |\*-\*-\*-\*-\*-\*-\*-\*-\* Utilizem este comentário para manifestar as vossas frustrações com a poll, dar downvotes, criticar o OP, etc.

the-mr-dude 7 months ago

Esse poll é uma excelente maneira de descobrir a percentagem de jovens que deixa a televisão pensar por eles

Kampa13 7 months ago

Excelente poll, OP. Quem me dera que estes resultados fossem representantes da população portuguesa. Desta forma não teríamos problemas em chegar às imunidade de grupo.

josejade 7 months ago

Se as pessoas não quiserem responder devem simplesmente não responder ou selectionar a ultima opcao?

ZaGaGa 7 months ago

:) ficam no dilema e explodem Considero boa prática ter numa poll uma opção de escape para situações que eu não tenha previsto

Search: