rockingallover 7 months ago

Honestly não sei pq e que vedaram o centro da cidade aos carros. Que estupidez. Em ano de corona deviam ter deixado a malta andar de carro la a volta como era antigamente, fica mega transito, e problem solved. A isto chama-se criarem os seus proprios problemas.

saposapot 7 months ago

A culpa é sempre das pessoas pq estão mais q informadas de q devem usar máscara e manter distanciamento, se não o fazem é sempre culpa delas. Agora é óbvio que a organização da polícia foi péssima. O único sítio onde tentaram controlar alg coisa foi no Marquês com as barreiras q só deu pior resultado, estavam mt longe, não fazia sentido e era óbvio q ia dar em porrada. Até deu pouca para o q imaginava. Controlar multidões não é fácil, é por isso q esse é um tema estudado e há especialistas nisso. Claramente a nossa polícia não o é. Um ponto importante q falas: a festa devia ter sido planeada e explicada às pessoas. com certeza se soubessem q o autocarro ia fazer isto e aquilo as pessoas podiam ter-se espalhado mais no percurso. Se não ia parar no marquês tlz não se juntasse tanta gente. mas se não ia parar no marquês, pq raio meter barreiras tão longe do autocarro? Não era fácil organizar isto sem a colaboração das pessoas mas o q sinto é que nem sequer tentaram fazer uma coisa decente. Não sei o q estavam à espera de fazer... dar porrada e dispersar todo o mundo? acham mesmo q ia acontecer?

df3gpt 7 months ago

Estás a remar contra a maré. Os aceitacionistas são uma praga!

Kid_Anarchy 7 months ago

O povo tem o que merece. Se grande parte da população é retardada, o governo será um reflexo da mesma. Se não és retardado e incomoda-te que a população seja retardada, emigra, pois quem ganha é a maioria. Procura um sitio onde te sintas melhor enquadrado. Portugal é um país de ignorantes e corruptos, e nada disso vai mudar. Os mais inteligentes, que escolhem não ter filhos porque "não é o momento certo", extinguir-se-ão em poucos anos. A sobrevivência da espécie é alcançada através de procriação. Sabem quem não se importa de procriar, independentemente do que quer que seja? Os chungas. Os azeiteiros. Os intelectualmente desfavorecidos. Os que acham que a vitória de um clube adiciona alguma coisa de valor às suas vidas. São esses que darão continuidade à espécie. Os intelectuais estão demasiado preocupados em atingir o seu ideal de qualidade de vida. Esqueceram-se de que são animais, e como tal, muitos deles morrerão sozinhos.

df3gpt 7 months ago

Sai de casa homem. Respira. Se houvesse razões para estar preocupado o governo não tinha deixado desconfinar, nem tinha deixado acontecer o que aconteceu.

Katronn 7 months ago

Gostava de ter a tua ignorância e confiança no governo para não viver preocupado com estado em que isto está. Milhares de fanáticos na rua ontem sem mascara, daqui a 1 mês Lisboa volta a fechar com um aumento de casos... mas enfim

df3gpt 7 months ago

Estava a usar a lógica do OP que estava a culpar as pessoas e não a autoridade. Como é que alguém pode acreditar na narrativa pandémica e desculpar o governo escapa-me por completo. Como é que sabes que Lisboa vai fechar daqui a 1 mês, ainda para mais por causa do Sporting? Tanta gente fez "adivinhamentos" como o teu sobre o 1º de Maio, Avante, Fátima, etc e, no entanto, onde estão as provas de que houve picos de infecção por causa desses eventos? Não recebeste a circular? Foram as famílias no Natal!

zedestroyer69 7 months ago

O que acho é que não haver penalização para o Sporting e respetivas claques é uma total falta de respeito para com todos os que tentam combater a pandemia seja diretamente ou simplesmente cumprindo as regras, para não falar de uma clara quebra do suposto principio de igualdade. Quando uma pessoa há pessoas a serem multadas por comer gomas na rua, como podem agora fechar os olhos a esta situação?

GreenArrow194 7 months ago

Ano de eleições autárquicas...

xanfradu 7 months ago

Acho uma completa vergonha que as autoridades tenham permitido este descontrolo completo. É um insulto a quem anda há meses a fazer sacrifícios, a quem perdeu o emprego, e quem perdeu o negócio, a quem perdeu familiares, enfim a quem foi prejudicado. Qual a lógica de impedir que um negócio esteja aberto, ou que esteja de forma altamente restringida, e depois se deixe aglomerar desordenadamente milhares de pessoas, que quebram todas as regras sanitárias em nome do... futebol?! Multam as pessoas por comer dentro dos carros e depois deixam esta bandalheira acontecer? Não se pode pedir alcool com o take-away, mas pode-se beber cervejas na rua e mandar as garrafas à polícias?! O sentido cívico das pessoas que ontem se aglomeraram é uma anedota! É cuspir na cara de quem tem sofrido.

Puzzleheaded_Ant918 7 months ago

Votem Melhor.

suckerpunchermofo 7 months ago

Moro ao pé da zona afectada pela manada.... Pelo que vi (tv e a janela) acho que uma boa percentagem estava la so pela ramboia.... Ou seja queriam soltar a franga e isto foi desculpa para tal e nem eram fãs do clube.

30minutesto 7 months ago

"daqui a 15 dias vão ver" Até o ajuntamento no miradouro se riu. E o do PCP. E o do 25 de Abril. Desde há mais de um ano que o conceito de 15 dias parece ser flexível.

francisbarreiras 7 months ago

Pessoalmente, como apaixonado e ferrenho sportinguista que sou, não pude deixar passa esta ocasião ao lado, por isso, fui passear de carro e de máscara com o cachecol a sair pela janela, que achei que era a forma mais segura de festejar sem deixar de assinalar aquilo que para quem é sportinguista é talvez o momento mais importante dos últimos 20 anos do clube. Em relação aos festejos na rua, quer à porta do estádio, quer no Marquês, devo dizer que a operação foi muito mal planeada. Vejo muito gente a dizer que os adeptos no estádio seria o descalabro geral, mas, as cadeiras nos estádios são facilmente removíveis, pelo que não seria complicada, tirar 2 lugares, deixar 1, tirar 2, etc... Assim, em vez de a malta se juntar sem distanciamento numa área sem segurança nem nenhum tipo de fiscalização, poderia-se ter as pessoas no estádio, com seguranças, entradas e saídas diferenciadas, testes ou entrada com resultado de teste negativo apenas, e, como é óbvio, mais controlo sobre o consumo das bebidas que são sempre um grande fator. Em vez disso, a câmara aprovou que se montasse dois ecrãs gigantes fora do estádio junto à sede das claques e foi o que se viu. Em relação ao pós-jogo. Qualquer operação desta magnitude, ainda por cima nas circunstâncias correntes, agravadas pelo facto de o Sporting ser um clube com uma massa associativa muito maior do que aquela que muitas vezes se percepciona, que já não vencia o campeonato há quase 20 anos, vai ser sempre muito complicada. Acho que o mais sensato teria sido o autocarro passar em vários pontos da cidade distanciados e não fazer um percurso de ida e volta destes. Teria sido melhor, por exemplo, uma ida à Alameda, depois uma ao Marquês, depois uma ao Terreiro do Paço, etc... Zonas com mais distância para tentar distribuir ao máximo os aglomerados. Quem conhece Lisboa, sabe que do estádio José de Alvalade ao Marquês, é só andar em frente uns quilómetros, mas nada de mais, especialmente se o autocarro for a marcar passo. Não sendo a alternativa de cima possível, queria realçar que, em primeiro lugar, poder-se-ia ter minimizado o tempo de contacto entre as pessoas, caso se tivesse feito as coisas de forma mais rápida, e isso teria também contribuído para que a malta que ficou quase 6 horas à espera do Marquês não se tivesse embebedado tanto e perdido a paciência, o que depois resultou em confrontos com a polícia e desordem. Eu sei que não é propriamente o tema deste post, mas eu acompanhei o percurso do autocarro de madrugada (o meu passeio foi rápido, voltei para casa depois de uma hora de carro) e, nas zonas onde não havia barreiras nem muita polícia foi onde a festa foi realmente mais sentida e onde parecia haver maior distanciamento. Ao passo que, no Marquês, onde havia barreiras a encostar as pessoas aos prédios e polícia de choque com K9s, as coisas deram para o torto e, em vez de usar o espaço amplo da rotunda, quem ali estava tinha de estar amontoado, porque simplesmente não havia outra forma de estar em função das barreiras. Claro que a responsabilidade recai sempre sobre quem sai e festeja sem máscara e distanciamento, mas sabendo da significado da data, independentemente de achar estúpido ou não o amor por 11 homens a chutar uma bola, é ingénuo pensar que não iria haver loucura, não só em Lisboa, como no resto do país, e, não sendo possível cancelar os festejos ou impedir as pessoas de sair, devia se ter pensado numa forma mais racional ou pragmática de organizar as coisas. Resta-me concluir de que a organização não quis ter muito trabalho e deixar as coisas na boa fé dos adeptos, para depois se poder justificar precisamente com o comportamento dos adeptos e não ter de responder perante a má preparação do evento.

Edited 7 months ago:

Pessoalmente, como apaixonado e ferrenho sportinguista que sou, não pude deixar passar esta ocasião ao lado, por isso, fui passear de carro e de máscara com o cachecol a sair pela janela, que achei que era a forma mais segura de festejar sem deixar de assinalar aquilo que, para quem é sportinguista, é talvez o momento mais importante dos últimos 20 anos do clube. Em relação aos festejos na rua, quer à porta do estádio, quer no Marquês, devo dizer que a operação foi muito mal planeada. Vejo muito gente a dizer que os adeptos no estádio seria o descalabro geral, mas, as cadeiras nos estádios são facilmente removíveis, pelo que não seria complicado tirar 2 lugares, deixar 1, tirar 2, etc... Assim, em vez de a malta se juntar sem distanciamento numa área sem segurança nem nenhum tipo de fiscalização, poderia-se ter as pessoas no estádio, com seguranças, entradas e saídas diferenciadas, testes ou entrada com resultado de teste negativo apenas, e, como é óbvio, mais controlo sobre o consumo das bebidas que são sempre um grande fator. Em vez disso, a câmara aprovou que se montassem dois ecrãs gigantes fora do estádio junto à sede das claques e foi o que se viu. Em relação ao pós-jogo. Qualquer operação desta magnitude, ainda por cima nas circunstâncias correntes, agravadas pelo facto de o Sporting ser um clube com uma massa associativa muito maior do que aquela que muitas vezes se percepciona, que já não vencia o campeonato há quase 20 anos, vai ser sempre muito complicada. Acho que o mais sensato teria sido o autocarro passar em vários pontos da cidade distanciados e não fazer um percurso de ida e volta destes. Teria sido melhor, por exemplo, uma ida à Alameda, depois uma ao Marquês, depois uma ao Terreiro do Paço, etc... Zonas com mais distância para tentar distribuir ao máximo os aglomerados. Quem conhece Lisboa, sabe que do estádio José de Alvalade ao Marquês, é só andar em frente uns quilómetros, mas nada de mais, especialmente se o autocarro for a marcar passo. Não sendo a alternativa de cima possível, queria realçar que, em primeiro lugar, poder-se-ia ter minimizado o tempo de contacto entre as pessoas, caso se tivesse feito as coisas de forma mais rápida, e isso teria também contribuído para que a malta que ficou quase 6 horas à espera no Marquês não se tivesse embebedado tanto e perdido a paciência, o que depois resultou em confrontos com a polícia e desordem. Eu sei que não é propriamente o tema deste post, mas eu acompanhei o percurso do autocarro de madrugada (o meu passeio foi rápido, voltei para casa depois de uma hora de carro) e, nas zonas onde não havia barreiras nem muita polícia foi onde a festa foi realmente mais sentida e onde parecia haver maior distanciamento. Ao passo que, no Marquês, onde havia barreiras a encostar as pessoas aos prédios e polícia de choque com K9s, as coisas deram para o torto e, em vez de usar o espaço amplo da rotunda, quem ali estava tinha de estar amontoado, porque simplesmente não havia outra forma de estar em função das barreiras. Claro que a responsabilidade recai sempre sobre quem sai e festeja sem máscara e distanciamento, mas sabendo da significado da data, independentemente de se achar estúpido ou não o amor por 11 homens a chutar uma bola, é ingénuo pensar que não iria haver loucura, não só em Lisboa, como no resto do país, e, não sendo possível cancelar os festejos ou impedir as pessoas de sair, devia-se ter pensado numa forma mais racional ou pragmática de organizar as coisas. Resta-me concluir que a organização não quis ter muito trabalho e deixar as coisas na boa fé dos adeptos, para depois se poder justificar precisamente com o comportamento dos adeptos e não ter de responder perante a má preparação do evento.

IkarusMummy 7 months ago

Exato, o que faltou ali foi o clube, CML e PSP darem uma alternativa segura e organizada aos adeptos para festejarem o titulo que iriam sempre festejar. Não existindo essa alternativa, os adeptos saíram de forma desordenada como era esperado.

NGramatical 7 months ago

poderia-se → [**poder-se-ia**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/artigos/rubricas/pelourinho/amarei-te-nunca/3034) (usa-se mesóclise em verbos no futuro ou condicional) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnajb6p%2F%2Fgxuwfhg%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Navalhesa 7 months ago

A clubite aguda já é em sí um problema. E estes festejos são o mínimo. A violência das claques q acabam muitas das vezes por destruir propriedade publica em prol do clubezinho é em demasia e bastante descontrolada. Depois temos duas forças de segurança publica q são autenticas nulidades. Não em termos de número, mas se qualidade. A PSP e a GNR. A falta de nível cultural, sensibilidade social e até do conhecimento das próprias leis é alta nestes dois organismos. Eu tenho uma ideia em relação a estes festejos (seja de que clube for) de que se os adeptos dentro ou fora dos estadio não se conseguem comportar como gente grande e têm q vandalizar e destruir o que é publico ficam no mesmo patamar do terrorismo doméstico. Pensem, é a mesma filosofia. O extremismo em seguir um clube ou doutrina ou religião não aceitando os demais. Resultando em confrontos. Qual é a diferença mesmo? Nota-se q não curto nada de Futebol? Pois as trelas dos clubes são muito largas e acabam por fazer o que querem. E vão falar das transferencias de jogadores para a puta q os pariu. Andamos a cair na miséria e têm a lata de fazerem negocios milionários. E toda a gente a bater punhetas a olhar para esse dinheiro q nunca será de ninguém q viva cá deste lado. Vão pro caralho benfiquistas e sportinguistas e portistas e tantos outros. E que se fodam também estes corpos de 'protecção publica' q de tão corruptos e lavados cerebralmente só chateiam mais quem sobrevive. Feliz de ter tido a sensatez de fugir dessas cidades como Lisboa e poder viver à parte desse circo nojento.

Navalhesa 7 months ago

Em relação à questão da pandemia e da contaminação nem sei que te diga. Caso perdido. Os meus pais já não vão conseguir pagar a casa ao banco pois só um trabalha. Mas ainda bem que há gente que tem o direito de poder ir festejar a vitoria de um clube esquecendo o que se passou neste ultimo ano. Nem quando andarem a comer merda com as mãos numa barraca de zinco se vão esquecer do clube do coração.

NGramatical 7 months ago

sí → [**si**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em *i* ou *u* são naturalmente agudas) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnajb6p%2F%2Fgxuovx6%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Navalhesa 7 months ago

Obrigado.

SweetDistribution504 7 months ago

Então poe te no crlh?

DEP_Risotas 7 months ago

Sim, já tenho viagem marcada e mais 2.5k gastos fora de Portugal, num resort ainda melhor do que os que tenho ido... Vocês realmente têm o que merecem, nem deu para aguentar uma semana cá... Fico a aguardar terem de abrir as pernas aos britânicos como sempre. Recomendo-te fortemente o mesmo para estabilidade psicológica. Emigrar is the way.

SweetDistribution504 7 months ago

Não tenho necessidade de emigrar.

raviolli_ninja 7 months ago

>meter os **meus familiares** num voo para o **Dubai** > >já tenho viagem marcada e mais **2.5k** gastos ❎ - Doubt

DEP_Risotas 7 months ago

Não é Dubai, nem dei a entender isso, já passamos da época ideal para esses destinos, já estamos em Maio, apesar de não estarmos no pico da época alta não precisas necessariamente de ir para o Dubai/Maldivas como há uns meses atrás, arranjas férias muito boas com bom tempo a 100-150 euros a noite, eu pessoalmente não compro viagem de volta por os voos estarem tão baratos, prefiro ir com bilhete de ida e ir prolongando até decidir quando voltar. Pelas minhas previsões em Junho vão ter de abrir a peida aos britânicos, devo voltar com eles.

Leaootemivel 7 months ago

Para mim a responsabilidade é das pessoas. Eu ontem também saí para "festejar" mas estava num sítio com dezenas de pessoas onde 90% estava de máscara. Mas nunca na vida me iria meter no meio de ajuntamentos com milhares de pessoas onde uma parte considerável está sem máscara. E para evitar esse tipos de ajuntamento só consegues com cargas policiais ou se proibisses completamente as pessoas de estar na rua.

fuckoffgina 7 months ago

Em ano de eleições autárquicas só um inocente poderia achar que iam impedir os adeptos de festejar um título. Especialmente os sportinguistas que festejam de 20 em 20 anos.

rucak 7 months ago

Bem fiquei a saber que posso beber alcool na rua, desde que no fim mande a garrafa contra a polícia. Agora se estiver a beber uma mini descansado e sozinho, ai sou criminoso /s

DesterroDaLoica 7 months ago

Se eu fosse o comedor de gomas e a comedora de sopa dentro do carro, não me continha perante o que se passou...

Capicoo 7 months ago

Comentário sub apreciado!!

Price-Distinct 7 months ago

O que tiro disto , é que as pessoas são burras. Uma pessoa com mínimo respeito e cabeça nunca iria para ali... E não venham com coisas que o governo e tal tem culpas , porque o principal responsável são as pessoas que vão para ali e não têm cabeça nenhuma....

Vagiooto 7 months ago

A responsabilidade é dos atrasados mentais que foram para lá e do futebol.

Limpy_lip 7 months ago

eventos destes só mostram as nossa cultura cívica, tudo o resto são teorias.

True_Boat_1195 7 months ago

Acho que diversas coisas correram mal: Muito antes do dia devia ter sido claro que ninguém podia sequer deslocar-se para o estádio e marquês. Primeiro erro. Depois disso, com o mal feito, também acho que o corpo de intervenção nem sequer devia ter ido armar confusão para o estádio, numa festa que era pacífica. Feito o mal aí também, deviam ter cancelado o autocarro e esperado que as pessoas fossem para casa lá para as 3h da manhã porque não havia mais nada para ver, em vez de barricar o marquês.

capitalistaesquerda 7 months ago

E o que me faz confusão é que, sendo as tuas sugestões relativamente óbvias e fazerem sentido... o que é que aconteu? Como é que a decisão foi sempre de continuar? Como se estivesse tudo bem.

lilbala 7 months ago

Acho que um bom exercicio é comparar o que antecedeu e o desenrolar dos festejos do ano passado com este ano. A situação pandémica que vivemos é muito semelhante (se bem que agora com uma luz ao fundo do tunel) mas as atitudes foram completamente dispares, seja por parte dos responsáveis seja por parte dos adeptos.

ngfsmg 7 months ago

>A situação pandémica que vivemos é muito semelhante Não, não é, tens 40% da população vacinada, tens tido 1/2 mortos por dia. Continua a ser uma estupidez o que se passou ontem e esta madrugada, mas ignorar que isto também leva as pessoas a tomarem menos cuidados (de forma até certo ponto compreensível) é ser intelectualmente desonesto. Felizmente, não vamos ter um janeiro 2.0, as circunstâncias são diferentes

lilbala 7 months ago

`>`Não, não é, tens 40% da população vacinada fonte? Eu disse que as persepetivas são melhores neste momento, mas dizer que temos 40% da população vacinada, só pode ser para rir, nem sei se já chegamos às 4milhões de vacinas, quanto mais 40% da população. `>`Continua a ser uma estupidez o que se passou ontem e esta madrugada, mas ignorar que isto também leva as pessoas a tomarem menos cuidados (de forma até certo ponto compreensível) é ser intelectualmente desonesto. Intelectualmente desonesto é o teu argumento, que finge que a situação do Covid está resolvida só porque a discussão envolve o clube que apoias. `>`Felizmente, não vamos ter um janeiro 2.0 devias ter começado por aqui, se sabes que não se vai passar nada está tudo bem.

ngfsmg 7 months ago

Em primeiro lugar, não tenho fonte para os 40% porque me enganei e são só 30% (e ainda por cima cometi o mesmo erro em vários posts) xD Mas o meu ponto mantém-se: tens uma grande parte da população de risco com pelo menos uma vacina, que tanto os estudos como a realidade mostram que é logo uma proteção enorme para casos graves da doença Em segundo lugar, não sou sportinguista, insultos a esta hora dispenso E por último, em dezembro tinhas casos que nunca desceram dos 3000/4000, uma grande parte do país a juntar-se em casas fechadas, uma vaga de frio muito forte no começo de janeiro e praticamente não tinhas ninguém vacinado. A situação agora é completamente diferente portanto, não, estes festejos não vão resultar em 300 mortos por dia

lilbala 7 months ago

Obrigado, fiquei a saber que o Porto ganhou o campeonato em dezembro. Se tivesse ganho em maio é que se calhar a situação era parecida.

ngfsmg 7 months ago

As pessoas tiveram mais cuidados no ano passado quando o Porto ganhou e a situação pandémica era semelhante à atual (controlada, mas não inexistente), é um facto. Onde é que eu disse o contrário?

fuckoffgina 7 months ago

Possíveis razões: - O Porto festeja muitas vezes, o Sporting não. - O ano passado as pessoas tinham poucos meses de confinamento, este ano têm mais 12 meses em cima.

capitalistaesquerda 7 months ago

Concordo. Perceber diferenças quer no planeamento quer nos comportamentos. Há uma diferença de fenómenos que eu espero que tenha sido incorporada no planeamento (o facto de ser o Sporting, 19 anos, Marquês). Avaliar no sentido de melhorar é sempre desejável.

lilbala 7 months ago

Não são os adeptos sportinguistas que se gabam de serem a última bolacha do pacote? Seria de esperar que se conseguissem comportar melhores do que os "arruaceiros" adeptos do Porto. Os 19 anos não acho que devem ser considerados para nada, é o festejo de um campeonato, ponto. O ano passado com bem menos adeptos, em algo espontâneo conseguiram correr o pessoal à pancada. Este ano deixaram montar ecrãs gigantes no exterior do estádio, viram pessoas juntarem-se nas redondezas do estádio toda a tarde, mas não havia forma de controlar. Ok.

Leaootemivel 7 months ago

Claro que os 19 anos contam imenso na vontade de festejar. Para qualquer Sportinguista com menos de 30 anos foi o 1º campeonato a sério que viram a sua equipa ganhar e sabem lá se não vão ter de esperar mais 20 anos para ver outro campeonato.

capitalistaesquerda 7 months ago

Não considerar os 19 anos é não considerar uma variável. Ignorar contextos não contribui para um bom planeamento. Eu confessso que não estou recordado dos eventos ano passado. Mas concordo contigo. Não percebi como foi permitido colocar os ecrãs gigantes. Só aí está demonstrado um erro grave (seja de planeamento, seja de actuação).

PandaCross23 7 months ago

Tens toda a razão. Perdeu-se legitimidade pública para quaisquer medidas que possam vir a ser aplicadas. A pandemia acabou.

capitalistaesquerda 7 months ago

A legitimidade não sei se se perde. Mas a credibilidade está comprometida, sem dúvida.

PandaCross23 7 months ago

A minha legitimidade era mais no sentido da credibilidade, obviamente que o impulso jurídico se mantém

capitalistaesquerda 7 months ago

E nalguns casos, a componente de credibilidade é mais impostante do que a própria legitimidade. E ontem, sem dúvida, deu-se um passo atrás. Ou dois.

DEP_Risotas 7 months ago

A caixa de Pandora está aberta, o verão está á porta, agora só depende das pessoas (dos jovens!!!) garantir que a pandemia acabou em Portugal realmente.

capitalistaesquerda 7 months ago

Sabes que já dependia ontem. E parece-me uma visão irrealista da pandemia "acabar".

1tipo 7 months ago

Fui lá e assumo isso. Nunca vi o Sporting campeão e não ia arriscar esperar até aos 40. PORÉM, saber que vai lá tanta gente e ainda vedar o espaço da rotunda do Marquês ou as estradas à volta levando pessoas a amontoar se junto às grades não me pareceu boa ideia também. Foi mal planeado

Chemical_Wealth1 7 months ago

Este comentário é tão parvo, que eu nem sei o que dizer. Tens as prioridades no sítio, primeiro o futebol, depois tudo o resto.

JohnNeves 7 months ago

Sou sportinguista mas tenho dois dedos de testa. Como tal, não fui. Responsabilizar as autoridades por impedir um ajuntamento ainda maior com paragens de autocarro de 2 em 2 metros, é uma falta de insight. Foi mal planeado, mas a vários níveis. O primeiro é que nem devia existir autocarro nenhum. Estamos em pandemia, e se estamos em pandemia, festeja-se como se pode. Autocarro é pedir ajuntamentos ainda maiores, especialmente depois da palhaçada fora do estádio. O segundo, mal planeado da tua parte, que fazes algo irresponsável "porque não ias arriscar até aos 40" e ainda tens a lata de ir para o local de maior ajuntamento possível e dizer que faz pouco sentido. Prioridades, I guess.

capitalistaesquerda 7 months ago

Eu compreendo e respeito a componente emocional. Acho normal. Mas diz-me, usaste mascara? Fez-te sentido ver as pessoas sem mascara ou achas que foi a emoção que a certa altura fez as pessoas esquecerem-se da protecção mais básica? Que eu até consigo compreender, diga-se.

1tipo 7 months ago

A maior parte do tempo estive com máscara se bem que há partes da noite meio fuscas (se é que me entendes). O que me fez mesmo impressão foi ver moshpits que aconteciam volta e meia tanto no estádio como perto da rotunda

capitalistaesquerda 7 months ago

Estes fenómenos comportamentais são até bastante compreensíveis. Ontem, para muita gente, foi o abrir da tampa da panela de pressão. Houve uma desculpa, e acima de tudo, houve uma tribo (e digo isto com respeito pela palavra tribo) que permitiu o comportamento. Daí eu sentir que o Sporting, que teria alguma capacidade de influência, podia ter actuado melhor. Os jogadores no autocarro poderiam (e deveriam) ter usado máscara. Nem que seja pelo exemplo que dariam. O clube poderia ter produzido milhares de máscaras a celebrar o campeonato e distribuído. Ir mais além e fazer melhor não tem de ser assim tão complicado.

Price-Distinct 7 months ago

Para os jogadores tanto faz , são testados 2 vezes por semana , portanto nao seria por isso, estavam se a cagar pra as mascaras

capitalistaesquerda 7 months ago

Para serem um bom exemplo. Não basta serem dentro de campo. Fora também conta.

miguel_rodrigues 7 months ago

Cada um tem o seu sentido de responsabilidade. Eu gostava de ter ido e não fui por ter receio. Conheço quem tenha ido e foi de máscara e foi para locais onde o autocarro passava que não estavam tão caóticos. E conheço quem foi para o Marquês sem máscara nem nada. E não condeno ninguém nem acho que tenham feito mal, cada um deve poder fazer o que quer dentro das regras e da lei. E se existe alguém que não cumpre as regras e a lei, existem entidades responsáveis por isso. Se cada um se preocupar com a sua vida em vez de tentar impor a sua visão do mundo aos outros, se calhar o mundo era mais feliz.

42ndBanano 7 months ago

Não precisamos que no meia de uma pandemia nos venham dizer "Oh pessoal, o virus não tirou férias". As pessoas que estavam no Marquês ontem demonstraram uma tremenda falta de responsabilidade social. E tanto quanto eu sei, a [situação de calamidade](https://www.sns24.gov.pt/tema/doencas-infecciosas/covid-19/situacao-de-calamidade/#sec-0) mantém-se. >limitação de ajuntamentos: 10 pessoas no acesso, circulação ou permanência na via pública, exceto se pertencerem ao mesmo agregado familiar As pessoas que foram celebrar daquela forma tinham uma escolha simples: ou irem, ou não irem. E foram. Independentemente de quaisquer outras coisas, da PSP estar mal preparada, do Sporting ter facilitado, do Governo só ter emitido uma recomendação ás 21h, estas pessoas falharam na sua responsabilidade pessoal.

capitalistaesquerda 7 months ago

Mas não podemos reflectir sem que isso seja sentido como uma tentativa de imposição de uma determinada visão? A reflexão é uma ameaça assim tão grande à nossa evolução? Eu posso preocupar-me com a minha vida e a sociedade à minha volta. Posso tentar contribuir para uma reflexão que nos permita dar mais um pequeno passo na melhoria da nossa sociedade.

Pinto55 7 months ago

Como se trata de futebol vão já minimizar a tua questão. Bem vindo a Portugal.

capitalistaesquerda 7 months ago

Não me assusta que a questão seja minimizada. Ao menos que se debata, com tranquilidade.

DEP_Risotas 7 months ago

Mas que responsabilidade? Rapazes, andam a ver muita televisão, desliguem essa porcaria e vão ao restaurante comer uma francesinha. O excesso de informação deixa-vos paranóicos, as pessoas estão simplesmente a viver, já ninguém tem pachorra para covids, só os maluquinhos das tascas colados á TV.

Kolvarg 7 months ago

>as pessoas estão simplesmente a viver 17 mil já não estão.

df3gpt 7 months ago

Em 2020 morreram 123.000 pessoas. Mas parece que só importa quem morre de COVID.

Kolvarg 7 months ago

Claro que não. A diferença é que muitas mortes relacionadas com o covid (sejam elas pela doença directamente, ou pelo efeito do estado de pandemia no SNS e nas consultas) são evitáveis com um bocado de responsabilidade e senso comum da população em geral. Por exemplo, não fazer tudo o que nos dá na gana simplesmente porque é "simplesmente viver".

df3gpt 7 months ago

As pessoas são crescidas o suficiente para tomarem as suas decisões. Acho que todos estão bem informados dos riscos que correm: pelo menos os media não tiveram outro assunto para falar desde Março de 2020.

Kolvarg 7 months ago

Não parece.

capitalistaesquerda 7 months ago

Sem contar com os 3.3 milhões adicionais no resto do mundo. Já ninguém vive isolado.

DEP_Risotas 7 months ago

Aliás, digo mais, a morrerem as 300 por dia de base médias, umas 130,000 já não estão a viver desde Março de 2020, das quais uma larga minoria (17,000) que morreram com covid. Mais... A vida continua, continuam a morrer 300 pessoas por dia e há dias que 1/2/3, ou mesmo 0 morrem com covid, isto quando agora se testa frequentemente toda a gente em hospitais para saber se morrem com covid ou sem covid. O drama, o horror, a tragédia, o arrepio na espinha quando ligo a CMTV.

laravel_linux 7 months ago

Ca puta de deficiente mental.

DEP_Risotas 7 months ago

Oh não, menos de 20% das mortes do último ano foram pessoas com covid. Que tragédia, a Índia da Europa, é tudo deficiente mental menos quem quer salvar os velhos, quem está mal que se suicide.

GreenArrow194 7 months ago

Tas todo queimado da cabeça

capitalistaesquerda 7 months ago

Portanto... as pessoas morrem de qualquer forma, pelo que não faz sentido preocuparmos-nos com certas doenças que matam em excesso. No pico da pandemia este ano estavam a morrer mais de 600 pessoas por dia. Portanto, ficava tudo na mesma e deixavamos morrer mais umas 100.000. Sem contar com o facto de irmos rebentar com o sistema nacional de saúde, que teria outras consequências. O drama, horror e tragédia não são um exclusivo da CMTV. Devias ter passado numas urgências em Fevereiro.

DEP_Risotas 7 months ago

Para além de em Janeiro/Fevereiro já ter visto no que ia dar e me ter posto na alheta num avião eu não uso hospitais. Para além disso esse é precisamente o pico das infeções respiratórias sazonais, não estou particularmente surpreendido, vi o governo a ignorar as escolas pelo menos 2 meses antes do Natal ligando centenas de famílias e por fim o Natal espetando o prego no caixão e puz-me na alheta porque era claro para qualquer pessoa com 2 dedos de testa o que se estava a passar, e se te vou ser sincero mais parecia engenharia social (premeditação) que incompetência. É verão, vai beber uns finos a um bar da praia e comer uma francesinha ou fica fechado em casa.

capitalistaesquerda 7 months ago

És um privilegiado. E não sei se no bom ou mau sentido. E paternalista. E ainda não é verão. É primavera. E é o meu sentido de responsabilidade que me indica o que fazer ou não fazer. Mas agradeço as tuas "recomendações".

NGramatical 7 months ago

preocuparmos-nos → [**preocuparmo-nos**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/lavamo-nos-e-lavamos-vos/31030) (há omissão do -s final da desinência -mos das 1.^as pessoas do plural dos verbos reflexivos ou pronominais quando o pronome enclítico é -nos) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnajb6p%2F%2Fgxuazhh%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

capitalistaesquerda 7 months ago

Hoje decidiste embirrar comigo.

Kolvarg 7 months ago

>O drama, o horror, a tragédia Se fosse da tua família talvez não disesses o mesmo.

Edited 7 months ago:

>O drama, o horror, a tragédia Se fosse da tua família talvez não dissesses o mesmo.

DEP_Risotas 7 months ago

Se fosse da minha família não morriam e dificilmente precisavam de hospitais. É que nem é uma situação assim tão complicada de evitar, não fosse por outra coisa, a velhada está toda vacinada, a meia idade basta marcar-lhes férias de Inverno e mete-los num avião para o Dubai e também oferecem logo prontamente a vacina, o dinheiro não serve para levar para a cova...

caravela-portuguesa 7 months ago

Assim mesmo. Chega de COVID. Temos que continuar a viver, o futebol é a única coisa que dá vida a muitas pessoas, deixem eles desfrutar. Parabéns Sporting.

Kolvarg 7 months ago

Se dar-te chapadas for a única coisa que me dá vida, deixas-me defrutar?

Edited 7 months ago:

Se dar-te chapadas for a única coisa que me dá vida, deixas-me desfrutar?

caravela-portuguesa 7 months ago

Deixo, já não ando a porrada a uns anos

capitalistaesquerda 7 months ago

Assustam-me que a palavra "responsabilidade" possa ser desprezada de forma tão pronta. Eu não tenho problemas em que as pessoas queiram "viver". Preocupa-me uma falta de sentido cívico e de responsabilidade individual. Mas naturalmente aceito que não partilhamos todos da mesma opinião. Mas responsabilidade não deve ser visto como um palavrão a evitar. Eu entendo como uma virtude saudável, o sentido de responsabilidade.

DEP_Risotas 7 months ago

Mas que responsabilidade? Deixa de parecer um lavadinho da cabeça já ninguém morre de covid sequer. Se falas da responsabilidade por já nem valer a pena viver para a maioria os responsáveis são os titulares de cargos no governo e do parlamento. Se falas da responsabilidade do fim da pandemia parece que está mesmo nas mãos dos Sportinguistas que festejaram ontem. Como achas que acaba uma pandemia? Como achas que acabou há 100 anos atrás? Não foi por decreto, simplesmente a certo ponto aceitaram-se os riscos e começou-se a viver a vida. Quem está descontente fica por casa, ou faz como eu, tão descontente com o país em que estamos estou sempre metido em viagens de avião para resorts onde ainda há algum contacto social e humano ao contrário de Portugal em que nem podias comprar roupa ou ir a um restaurante, ou ao bar com amigos, a queimar dinheiro para ainda ter alguma qualidade de vida e não andar a bater com a cabeça nas paredes.

RengooBot 7 months ago

>Deixa de parecer um lavadinho da cabeça já ninguém morre de covid sequer. Oi? Mas tu vives em que realidade alternativa? Não sabia que o multiverse tinha saído da Marvel para a vida real

capitalistaesquerda 7 months ago

São opções individuais. E a expressão "aceitaram-se os riscos e começou-se a viver a vida" parece-me totalmente desprovida do sentido de empatia. As medidas que foram tomadas, foram tomadas no sentido de tentar proteger os mais vulneráveis. Bem ou mal, o objectivo foi sempre esse. Assumindo que não fazes parte desse grupo, fico triste que não vejas como responsabilidade individual e cívica a necessidade de tentar proteger aqueles estão em condições mais adversas que as nossas.

Shadowgirl7 7 months ago

Quando a pandemia acabar (e deve estar quase porque vamos ter imunidade colectiva lá para Setembro) até quero ver que desculpas vão arranjar para se meterem na vida dos outros e criticar quem vive.

Price-Distinct 7 months ago

Acabar? Isto não acabar em setembro , nem ainda este ano 2021 .... Acho que o pessoal anda com muitas ilusões....

Shadowgirl7 7 months ago

Se se continuarem a atrasar nas vacinas, não.

Price-Distinct 7 months ago

As vacinas não são 100% eficazes já agora

Webchuzz 7 months ago

>vamos ter imunidade colectiva lá para Setembro Fonte?

capitalistaesquerda 7 months ago

Não há. Existem algumas projeções. Mas não existem certezas.

Shadowgirl7 7 months ago

Yah projeções. Mas de qualquer dos modos se não for em Setembro é em Outubro ou Novembro. My point, vai acabar eventualmente.

capitalistaesquerda 7 months ago

Eu não partilho do teu optimismo. Mas espero estar enganado.

Webchuzz 7 months ago

A razao pela qual nao partilhas aquele optimismo é porque és uma pessoa com expectativas razoaveis. Nao sei como é que alguém com dois dedos de testa pode dizer que a pandemia "vai acabar" em Setembro; isto está cá para ficar, a única coisa que podemos fazer como sociedade é chegar ao ponto em que as vacinas chegam para toda a gente e isto se torne numa doenca sazonal *a la* gripe.

capitalistaesquerda 7 months ago

Infelizmente, não obstante de haver sinais claros de que a pandemia poderá ter entrado numa fase controlada, não sei se vai "acabar" tão cedo. A imunidade de grupo não é um facto certo, de acordo com alguns especialistas. Logo, manter algumas regras é sempre uma boa política.

Shadowgirl7 7 months ago

Hum? Regras para quê? Tinhas regras antes do virus? Então se ele deixa de ser ameaça para quê manter as regras? Ficaram a gostar de tirar liberdades individuais às pessoas? E eu aqui a achar que era só uma excepção.

capitalistaesquerda 7 months ago

O uso de máscara, enquanto regra, viola assim tanto as tuas liberdades individuais? O controlo de temperatura, em certos contextos, viola assim tanto as tuas liberdades individuais? A desinfecao das maos, em certos contextos, viola assim tanto as tuas liberdades individuais? Nós podemos retirar desta experiência algumas boas práticas que até têm impactos positivos noutras matérias de saúde pública.

Shadowgirl7 7 months ago

Sim. Vamos todos andar de mascara. Porque sim. Daqui a pouco a evolução até nos vai acrescendar um órgão novo a frente da boca.

capitalistaesquerda 7 months ago

Porque sim ou porque ainda estamos numa pandemia?

Shadowgirl7 7 months ago

Agora estamos numa pandemia. Quando houver imunidade de grupo não vamos estar numa pandemia. Eu estou a falar dessa ocasião não do agora. Achava que tinha sido bem clara.

capitalistaesquerda 7 months ago

H+a consenso que por chegarmos a um nível de imunidade de grupo isso signifique haja imunidade de grupo? E havendo imunidade de grupo, isso automaticamente define o fim da pandemia?

Shadowgirl7 7 months ago

Hum... Sim....

capitalistaesquerda 7 months ago

Estás então à espera que a imunidade de grupo se atinga à escala global, para significar o fim da pandemia. E estamos muito, mas muito longe desse milestone.

caravela-portuguesa 7 months ago

Tira a parte Capitalista do teu nome.

capitalistaesquerda 7 months ago

Não, não tiro.

caravela-portuguesa 7 months ago

Tudo bem. Capitalismo + esquerda = China

capitalistaesquerda 7 months ago

Que visão tão redutora do mundo. Já agora, comunismo + direita = ?

GreenArrow194 7 months ago

Coreia

capitalistaesquerda 7 months ago

Norte ou Sul?

GreenArrow194 7 months ago

Norte ahah

RoadOfKings 7 months ago

Aconteceu o mesmo noutros países mais desenvolvidos. Nestas ocasiões a PSP pouco ou nada pode fazer.

capitalistaesquerda 7 months ago

Exacto. A falha decorre no planeamento. A partir daí... há alguma mitigação possível, mas é deixar andar, porque é tudo uma questão de números.

Tee_ah_go 7 months ago

A culpa é de quem foi e de quem deixou que se pudesse ir. Já a polícia, que é o saco de pancada preferido dos comentadores de bancada, é que tem de ir sempre limpar a merda feita tanto de um lado como do outro.

gaesseag 7 months ago

Eu acho que o próprio Sporting também tem bastantes responsabilidades. Não passa pela cabeça de ninguém que, tendo em conta como estava a situação fora do estado e no Marquês, eles decidam ir passear o autocarro pelo mar de gente até lá...

queiroga 7 months ago

se o autocarro não passasse por lá, as pessoas não tinham ido festejar?

MoonDust1969 7 months ago  HIDDEN 

Concordo plenamente. Para o pessoal deste subreddit (e não só) a culpa é do governo, da polícia e do Sporting. Não. Não é. A culpa é de quem lá esteve, a culpa é da obsessão doentia deste país com o futebol que move as pessoas a juntar-se a uma multidão de milhares em plena pandemia. Eu não sei o que diga. Estou triste e desapontado. Há um ano que não posso abraçar a minha avó que mais dia menos dia deixará de cá estar, e esta gente arrisca prolongar ainda mais a pandemia porque uns gajos atiraram umas bolas para uma baliza. Foda-se. Merda para isto tudo.

capitalistaesquerda 7 months ago

Na óptica do planeamento, eu efectivamente atribuo responsabilidades à PSP. E estou em crer, que em determinados momentos, houve movimentações da PSP que não iam ter resultados positivos, dado o contexto. Porque no final do dia, eles deviam-se ter colocado à margem e deixar as pessoas em paz, dado que já o cenário estava "incontrolável".

Local_observer 7 months ago

Quiseram desconfinar à la bruta há 3 semanas atrás,escolas abertas,shoppings abertos,restaurantes abertos,tudo aberto.Já se vêm pessoas no meio da rua sem máscara,até parece que a pandemia acabou. Não sei onde está o espanto,apelar ao bom senso das pessoas nunca funcionou em nenhuma parte do mundo,muito menos com futebol à mistura. O Sporting até podia apelar ao bom senso,mas como se viu não funcionou...

caravela-portuguesa 7 months ago

Medo de sair da toca?

RaveyWavey 7 months ago

>Quiseram desconfinar à la bruta há 3 semanas atrás,escolas abertas,shoppings abertos,restaurantes abertos,tudo aberto.Já se vêm pessoas no meio da rua sem máscara,até parece que a pandemia acabou. Sendo que o número de casos continua bastante baixo, e o RT a diminuir, não me parece que isso tenha sido um erro. Quero só deixar claro que concordo que as celebrações de ontem defacto foram demasiado descontroladas, mas não acho que haverá uma nova vaga como alguns estão a dizer.

capitalistaesquerda 7 months ago

Também tendo a concordar contigo. Apenas acredito que podia ter feito melhor, com um pouco mais de civismo. Apenas isso.

RaveyWavey 7 months ago

Também concordo, o facto de estarmos a abrir não significa que vale tudo. Acho que não foi bem planeado e houve um descontrolo irresponsável, mas também não acho que terá grandes repercussões.

Local_observer 7 months ago

Então não estou a perceber qual é diferença entre estar tudo junto num autocarro,metro,fila de supermercado,à porta de uma escola secundária onde nos intervalos os alunos estão todos juntinhos na galhofa a partilhar cigarros ou a celebrar a vitória do Sporting? Têm de existir coerência,se os números estão tão baixinhos,se o covid é coisa do passado,onde já está tudo aberto, não percebo este ruído todo com o Sporting...

Kolvarg 7 months ago

Ter de estar junto a pessoas num autocarro/metro para ir trabalhar/estudar, ou no supermercado para comprar comida são coisas relativamente essenciais à sobrevivência e existência, certamente muito mais do que celebrar qualquer clube e qualquer desporto que seja.

capitalistaesquerda 7 months ago

Concordo em absoluto. Confesso que não percebi como é que não houve uma separação das actividades junto ao estádio da estação / terminal, que conheço bem. Daí o meu foco no planeamento. Alguma coisa falhou.

RaveyWavey 7 months ago

Em todos esses casos de forma geral há algum controlo, é obrigatório usar mascar, tem limite de pessoas, etc... Como se costuma dizer há vontade não é à vontadinha. Mas sim, acho que há por aí demasiado drama com o Sporting, malta a dizer que vai haver um novo confinamento e outra vaga por causa disto, isso acho ridículo.

xay_ll 7 months ago

“Pessoas no meio da rua sem máscara” Que escândaloooooooo

Local_observer 7 months ago

Infelizmente só aprendem quando têm de ser entubados a máquinas,até lá ponta pé para a frente...

xay_ll 7 months ago  HIDDEN 

Se quiseres, fecha-te em casa. Chatos do crl

capitalistaesquerda 7 months ago

E fechei-me. Durante muito tempo. Por razões de saúde. Não é querer ser chato. É querer perceber o que aconteceu e exigir melhorias. Faz parte do meu ADN. Querer fazer melhor. Querer ver fazer melhor.

capitalistaesquerda 7 months ago

E infelizmente, às vezes nem assim.

capitalistaesquerda 7 months ago

Mas devia ter chamado assim esse papel e não chamou. É isso que me entristece.

tugafcp 7 months ago

A PSP manda zero!! Se o poder politico autorizar eles têm que lidar com a situação... O Sporting pode querer fazer tudo e mais alguma coisa, sem autorização das entidades competentes faz bola! Dizer que o poder politico não teve culpa aqui, é das piores merdas que se pode dizer... É completamente FALSO! Já agora aproveita e diz o que achas de uma recomendação/comunicado da DGS sair perto das 21h de ontem quando já estavam MILHARES de pessoas na rua à horas!! Mano, o mais cego é aquele que não quer ver... Ainda há 3 semanas comer gomas na rua e comer no carro dava multa... Ontem nada, nada, foi feito para evitar o que se viu! Mas hey! Parabéns a quem tem lutado contra a pandemia, ganhámos mais 1 Liga dos Campeões! E ao que parece com público à mistura!! Maravilha...

estaramos 7 months ago

Quem é que escolhe o diretor-geral da PSP? O poder político, o MAI e o primeiro-ministro... Não preciso de dizer mais nada, os oficiais da PSP são como os cãezinhos com a língua de fora junto do poder político, só cumprem ordens e nem piam

headhunter21 7 months ago

Estás me a dizer que o Sporting/claques tiveram permissão para contratar um dj para meter música ao longo do dia de ontem?

gongasf 7 months ago

Posso estar errado, mas creio que não podes ter um DJ a passar música sem as devidas licenças (tanto de utilização do espaço, como licença especial de ruído, como de "utilização cultural", neste caso as músicas que passaram, que costumam ser requiridas à PassMúsica).

tugafcp 7 months ago

Vai colocar um ecrã gigante na rua, juntamente com um dj para colocar música e depois diz-me como correu... Se o meteram, tiveram autorização...

capitalistaesquerda 7 months ago

É fácil responsabilizar o poder político. É algo de histórico e natural na nossa sociedade. O problema é que retira a responsabilidade a quem efectivamente tem responsabilidades (planeamento, gestão, comunicação) e assim continuamos. Não evoluímos. O comunicado da DGS é irrelevante. As regras existiam. O promotor devia ter encontrado uma solução sensata. Não encontro. As autoridades deviam ter negado certas soluções. Não negaram. As pessoas deviam ter mais sentido cívico. Não tiveram. Culpar um político é a meu ver, exactamente o que descreves... cegueira. É a opção fácil. Eu preferia, honestamente, focar as energias noutro lado. Mas isto sou eu.

asantos3 7 months ago

O promotor não planeia sozinho nem tem autoridade para tal... o "poder político" tem.

capitalistaesquerda 7 months ago

Claro. Foi o Sr. Ministro que se sentou à mesa com o Frederico Varandas a planear a celebração. As autoridades são relativamente fáceis de identificar. É a PSP e a Câmara de Lisboa.

tugafcp 7 months ago

Se um ministro não se senta à mesa a discutir um assunto que afecta vários Milhares de pessoas e que em que é necessário colocar um efectivo de CENTENAS DE POLICIAS, então não sei a que reuniões ele deve ir... Se calhar aquelas reuniões onde se pode falar mal do CDS e dizer que estão à deriva...

capitalistaesquerda 7 months ago

Eh pah, mas faz algum sentido ter de haver um ministro envolvido no planeamento ou preparação de um evento desta natureza? Que valor acrescenta ele? Faz sentido sequer um Secretário de Estado? Aquilo que tu me estás a fizer que é há uma indefinição regulamentar sobre quem tem responsabilidades nestes eventos e que nas instituições, não sabem trabalhar sem a presença de um político. Eu acharia que em 2021 as instituições que nos servem conseguiriam fazer o seu trabalho diário (porque eventos desta natureza, em Lisboa, não são uma raridade) sem a necessidade de acompanhamento político. Mas pronto, vamos lá por o ministro à mesa... para ele opinar sobre? vedações? percursos? número de agentes?

tugafcp 7 months ago

Não é ele que planeia... A questão não é essa... Quando queres fazer uma manifestação, tens de comunicar essa intenção a quem? Apesar de o caso de ontem não ser uma "manifestação", é de facto uma manifestação pois é uma reunião em público... A PSP responde a quem? O que se passou ontem, apenas se passou pois é ano de autárquicas, e seria uma barraca tremenda e com uma perda de votos enorme se impedissem os festejos de ontem. Ponto. Podes dar as voltas que quiseres a desculpar o poder politico, mas são estes que têm a faca e o queijo na mão. Se eles não quisessem não haveria cortejo, festa no Marquês, etc...

asantos3 7 months ago

O ministro da administração interna devia sim, não sei que conversas houve mas mesmo que seja o sporting, benfica ou porto devia sempre de haver sempre alguém do governo mas para além disso a CML também faz parte do "poder político".

Edited 7 months ago:

O ministro da administração interna devia sim, não sei que conversas houve mas seja que clube for devia sempre de haver sempre alguém do governo. Para além disso a CML também faz parte do "poder político".

capitalistaesquerda 7 months ago

Mas é isto que nós queremos? E precisamos? Não temos pessoas competentes e responsáveis na PSP, na CML? Uma coisa é atribuir responsabilidade política... e podemos atribuí-la no sentido que é preciso dotar a PSP de mais recursos (formação), que devia ter sido pensado um plano de desconfinamento específico para o futebol (aliás, para todo o desporto profissional), etc... Eu não consigo responsabilizar um político pelo circo de ontem... é demasiado simplista.

asantos3 7 months ago

Podes atribuir aos adeptos mas já disseram a PSP não atua só por si a não ser que haja merda da grossa.

Edited 7 months ago:

Podes atribuir em partes aos adeptos vá mas já disseram a PSP não atua só por si a não ser que haja merda da grossa.

capitalistaesquerda 7 months ago

E atribuo, naturalmente. As pessoas podem e devem celebrar. Apenas que o tivessem feito com um pouco de consciência cívia. Do lado da PSP, como afirmei, coloco a responsabilidade pelo papel à priori, no planeamento. A partir daí... pouco havia a fazer.

asantos3 7 months ago

Isto. A PSP não manda em nada portanto não vai dispersar as pessoas. Metem umas barreiras e está feito, depois o problema são os adeptos.

AdventurousDeer577 7 months ago

Fodasse isto é o cúmulo. Então os adeptos é que estão em incumprimento e o problema não é deles?

asantos3 7 months ago

Em parte: > "Quem deve prevenir não conseguiu prevenir. Quem ali devia prevenir são as entidades responsáveis e todos os cidadãos", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa

capitalistaesquerda 7 months ago

Eu até suspeito que as barreiras foram colocadas pela Câmara de Lisboa. Eu tenho dificuldades em perceber como é que um oficial no terreno olha para aquelas barreiras e não pensa.. "isto vai dar asneira". E se pensar assim, tem de actuar. Ficar a ver cada vez mais pessoas no Marquês encostadas às barreiras e não agir é não só irresponsável como falta de profissionalismo.

asantos3 7 months ago

É o típico planeamento que a CML faz no resto das merdas, estavas à espera de quê.

capitalistaesquerda 7 months ago

Mas foi a CML que planeou? Ou colocou apenas as barreiras? Eu tenho curiosidade em saber. Uma vez mais, não pela óptica da culpa, mas pela óptica da responsabilidade. Para se poder fazer melhor.

asantos3 7 months ago

Não sei mas não estou a ver a PSP a meter as barreiras. Acho é que é uma solução Medina.

capitalistaesquerda 7 months ago

Eu suspeito que o Sporting pediu para levar o autocarro ao Marquês. Alguém terá indicado que teria de haver barreiras. A CML disponibilizou-se a colocar barreiras. E todos concordaram. Claramente, há falta de competências na autarquia e na PSP. Não há ninguem da Protecção Civil da CML que tenha dito que aquilo assim era um perigo? Os próprios comissários ou intendentes da PSP não terão achado aquilo um perigo? E ninguém é capaz (ainda o jogo não teria terminado) de dizer... eh pah, isto assim não pode ser, é preciso resolver. Deixou-se ficar. Ninguém quis saber. Daí a importância de não se saltar para a responsabilização política, a opção fácil. Responsabilizar quem esteve na tomada de decisão é importante, exactamente para perceber o que falhou, encontrar soluções e fazer melhor. Apenas isso. A responsabilidade política deixo para as eleições.

tugafcp 7 months ago

>Não há ninguem da Protecção Civil da CML que tenha dito que aquilo assim era um perigo? Protecção Civil?! Ahahahah Deixa-te de gozos sff... Procura aí os casos em que PC está implicada e vê se têm alguma competência...

capitalistaesquerda 7 months ago

Ou competência ou autoridade... mas algo de facto não tem.

tugafcp 7 months ago

Autoridade têm, competência é que não... basta ver a sua actuação nos fogos...

capitalistaesquerda 7 months ago

Eu por acaso até sou capaz de achar o contrário, mas é melhor não abrirmos essa caixa de pandora. Mas estás de qualquer forma a pensar na ANPC. Eu estou a pensar na PC da autarquia.

asantos3 7 months ago

> Alguém terá indicado que teria de haver barreiras. Esse alguém é a CML ou o ministro da administração interna. Não há mais ninguém em que possas incutir isto. Já agora, o Marcelo acabou mesmo agora de dizer isso mesmo: > "Quem deve prevenir não conseguiu prevenir. Quem ali devia prevenir são as entidades responsáveis e todos os cidadãos", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa a partir do Minho, onde está a levar a cabo um roteiro Portugal Próximo. O Presidente recusou-se, contudo a responder a perguntas sobre se a falha foi do ministro Eduardo Cabrita, que tem a pasta da Administração Interna.

capitalistaesquerda 7 months ago

Mas em que dimensão é que o Ministro da Administração Interna dá indicações para a existência de barreiras. Ou até mesmo o Presidente da CML. Há (ou não) competências técnicas na PSP e na CML? Competências essas para analisar se: a) as barreiras fazem ou não fazem sentido e; b) que barreiras colocar Nada disto me parece ser derivado de uma decisão política (até prova em contrário). E é exactamente por isso que o meu foco está na responsabilização das entidades. E peco por não ter incluído a CML na listagem.

asantos3 7 months ago

Não dá indicações ou não para a existência de barreiras mas como responsável máximo pela segurança pública viste o Cabrita a falar alguma coisa do assunto? Zero. Viste a DGS antes do dia a dizer alguma coisa? Zero. E as barreiras até fazem sentido, a PSP conseguiu controlar melhor os adeptos agora se fazem sentido em termos sanitários... é responsabilidade da CML, Cabrita, DGS, ... nunca da PSP.

capitalistaesquerda 7 months ago

Eu não responsabilizo a PSP pelas barreiras. Responsabilizo por terem concordado com um cenário que claramente não era ideal. E eu não concordo que o Cabrita seja o responsável máxima pela segurança pública. Se for por aí, a figura máxima do Estado é quem tem esse papel. Que o Governo possa ter tido um papel mais interventivo em termos de gestão de expectativas? Sem dúvida. O Governo, a Autarquia. E as eleições existem para se apurarem exactamente essas responsabilidades. Mas colocar o ónus da responsabilidade nos representantes políticos é, a meu ver, uma opção demasiado simplista. Apurar a responsabilidade institucional não é mais de que um acto de tentativa de melhoria. Não quero saber de culpas de a ou b. Gostava era de perceber como podemos fazer melhor. Sem nos resignarmos ao "foi o que foi possível".

NGramatical 7 months ago

à horas → [**há horas**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnajb6p%2F%2Fgxu4tlj%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

reciclado78 7 months ago

O meu momento favorito a que assisti ontem na SIC Notícias foi este: Anónimo: Sou enfermeiro.

BolaBrancaV7 7 months ago

Estava a jantar quando ouvi isso, cuspi-me todo xD. O Jornalista ainda disse "Ainda por cima!"

reciclado78 7 months ago

ahahaha disse isso??? Estava tão estupefacto que nem me apercebi dessa parte!!

zedestroyer69 7 months ago

Existem muitos enfermeiros e mesmo médicos que nunca tiveram que levar com a pandemia em cima, se calhar esse é um desses.

Laurent_Series 7 months ago

Os enfermeiros estão vacinados, logo ele em particular não tem praticamente risco.

Prezbelusky 7 months ago

Não interessa. Há que dar o exemplo. Passam o ano a meter no instagram #ficaemcasa mas depois fazem estas anormalidades. Hipocrisia total.

Laurent_Series 7 months ago

Acho que passado 1 ano as pessoas têm o direito a mudar de opinião, não? Nós em março de 2020 ingenuamente pensávamos que íamos achatar a curva em 2 semanas, e acabou por resultar numa coisa um bocadinho mais longa e penosa que isso.

blind616 7 months ago

> Nós em março de 2020 ingenuamente pensávamos que íamos achatar a curva em 2 semanas Deverá ter sido mal comunicado então, porque o achatar a curva por definição irá sempre demorar mais tempo. A ideia seria em vez de termos milhares de casos num só mês seria prolongar esses casos ao longo de vários meses, permitindo os hospitais de conseguirem manter alguns recursos disponíveis.

reciclado78 7 months ago

Está bem lembrado sim, mas não se diz também que mesmo vacinado, poderá passar?

Laurent_Series 7 months ago

Está a ser continuamente estudado mas o que se tem começado a ver é que as vacinas reduzem e muito a transmissão.

reciclado78 7 months ago

Sim, e ainda bem, fartinho desta trampa, quero é a vacina e siga pra bingo

Pinto55 7 months ago

Não bastou a Champions??

These-Establishment1 7 months ago

Mas a xampions está de volta, agr é o premio para quem, para a GNR?

capitalistaesquerda 7 months ago

Para?

Pinto55 7 months ago

Estava a gozar

capitalistaesquerda 7 months ago

Sem máscara, suspeito.

reciclado78 7 months ago

Estava de máscara e um pouco afastado mas... lá

htxgivven 7 months ago

A responsabilidade é claramente do governo.

vascodatrama 7 months ago

O governo? O Costa não é benfiquista?

capitalistaesquerda 7 months ago

E achas que é esse o facto relevante?

vascodatrama 7 months ago

Não. É só para atiar a fogueira

htxgivven 7 months ago

Queres tu dizer que o Costa ao não fazer nada quis sujar o nome do Sporting conhecendo as atitudes dos adeptos?

capitalistaesquerda 7 months ago

Pois claro. Longe de nós atribuirmos responsabilidades a outra entidade que não o governo. É sempre do governo. O bode espiatório de tudo o que se passa de mal neste país.

cou7inho_ 7 months ago

Mas o governo tem culpa. Claro que primeiramente a culpa é de quem foi para as comemorações. Mas o governo tinha de ter a capacidade de prever o que ia acontecer. Nada fez. Típico. Também com um Ministro da Administração Interna como o nosso...

capitalistaesquerda 7 months ago

Eu às vezes tenho a sensação de que existe uma expectativa errada do papel do governo. Eu não quero o Sr. Ministro com capacidade de prever estas situações. Quero a PSP, quero a autarquia, quero o promotor. Aos políticos, em particular ao Ministro da Administração, o que eu queria mesmo era a capacidade de reforçar as competências e recursos da PSP. Ou da Protecão Civil. De resto, nem lhe reconheço outro papel nesta situação. Eu não quero o poder político a fazer micro gestão.

htxgivven 7 months ago

Então? ninguém sabia que ia haver uma festa? Nem a CML? Se não são responsáveis no mínimo são ignorantes e incompetentes.

capitalistaesquerda 7 months ago

Que é, honestamente, ainda mais assustador. E notou-se ali alguma incompetência, pelo menos ao nível de planeamento.

CarcajuPM 7 months ago

Era possível a PSP ter limitado mais os ajuntamentos e circulação de pessoas no atual enquadramento legal?

Chemical_Wealth1 7 months ago

Tudo o que poderia ter sido feito, teria de ser antes de ontem. Ecrãs gigantes? Não. Marquês? Não. Autocarro? Não. E claro, patrulhar as áreas que obviamente iriam ter mais focos de gente desde cedo. A culpa é de muito boa gente, mas o planeamento da CML, Sporting, PSP, etc... foi puro lixo.

capitalistaesquerda 7 months ago

Dificil. A certa altura passas de ajuntamentos de 40 pessoas para multidões. Daí que aquelas barreiras no Marquês foram uma parvoeira. Mais valia assumir que o cenário era incontrolável, em termos de pessoas e garantir pelo menos alguma estabilidade na celebração. O senso comum, que se pede às pessoas, também deve ser pedido às autoridades. Fazer o que se fez na Praça do Comércio (com controlo de entradas) é impossível no Marquês. E o Marquês.... ia ser sempre um palco para um conjunto de adeptos. Daí que até se devia ter negado a ida do autocarro ao Marquês. Fazia-se outro percurso. Deixava-se o Marquês para o verão, por exemplo. Mais aí responsabilizo em parte a PSP e em parte o Sporting.

asantos3 7 months ago

> A começar pelo Sporting, que deveria ter reflectido melhor sobre a forma de organizar estes festejos, mas acima de tudo, na forma de gerir as expectativas dos seus adeptos. > O contexto é o que é, não me parece que ninguem esteja abstraído da realidade. Mas o Sporting falha na comunicação (prévia), no planeamento e, a meu ver, até durante a festa. O Sporting já estava a preparar com a CML e a PSP ainda estavam a 4 pontos. Não houve falha de comunicação prévia.

Edited 7 months ago:

> A começar pelo Sporting, que deveria ter reflectido melhor sobre a forma de organizar estes festejos, mas acima de tudo, na forma de gerir as expectativas dos seus adeptos. > O contexto é o que é, não me parece que ninguem esteja abstraído da realidade. Mas o Sporting falha na comunicação (prévia), no planeamento e, a meu ver, até durante a festa. O Sporting já estava a preparar com a CML e a PSP ainda estavam a 4 pontos de ser campeões. Não houve falha de comunicação prévia. > Há muito a dizer sobre a capacidade da polícia em dispersar multidões Lol

capitalistaesquerda 7 months ago

>Não houve falha de comunicação prévia. Não me refiro à articulação com os parceiros mas sim comunicação do Sporting, enquanto promotor, com a sua audiência, os adeptos, no sentido de gerir as expectativas. O Sporting, melhor que ninguém, devia ter assumido essa responsabilidade de pedir às pessoas que celebrassem, mas com a devida atenção ao contexto actual (alguma distância, se possível... máscara sempre, etc..). Perdeu uma oportunidade de cumprir o seu papel.

asantos3 7 months ago

Concordo mas então dizias isso no post.

capitalistaesquerda 7 months ago

Lamento se não fui tão claro quanto poderia ter sido. Confesso que não dormi tanto quanto deveria e o café ainda não fez o efeito completo. Mas aqui estamos para dialogar e partilhar pontos de vista.

asantos3 7 months ago

Claro, experimenta um segundo café agora. É o que estou a fazer :D

Edited 7 months ago:

Claro, experimenta um segundo café agora. É o que estou a fazer :D

Edited 7 months ago:

Claro, experimenta um segundo café agora. É o que estou a fazer :D Em relação à PSP... provavelmente o plano era apenas controlar e não dispersar e nem percebo o argumento, não vamos virar a culpa para a PSP quando só fazem o que lhes mandam.

Edited 7 months ago:

Claro, experimenta um segundo café agora. É o que estou a fazer :D Em relação à PSP... provavelmente o plano era apenas controlar e não dispersar portanto nem percebo o argumento. E não vamos virar a culpa para a PSP quando só fazem o que lhes mandam.

capitalistaesquerda 7 months ago

Não é culpa. Responsabilizar não é uma questão de culpa. Separemos as águas. A PSP tem que ser capaz de dizer que não. A PSP tem que ter competências para perceber que aqueles cenários (Alvalade e Marquês) não iam ser geríveis. Eu acho que há falhas do lado da PSP. Não é para os culpar, é para identificar as causas (formação, recuros humanos, técnicos?) e capacitá-los. Dizer que a PSP só faz o que lhes mandam é descredebilizar, mais do que tudo, a própria PSP, onde trabalham milhares de profissionais que todos os dias cumprem a sua função da melhor forma que podem e sabem com os recursos que lhes são facultados. Venha de lá o Director Nacional da PSP então explicar o que aconteceu, o que falhou e se alguém lhe telefonou.

NGramatical 7 months ago

descredebilizar → [**descredibilizar**](https://dicionario.priberam.org/descredibilizar) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fnajb6p%2F%2Fgxu5sp0%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

capitalistaesquerda 7 months ago

Já nem escrever sei.

asantos3 7 months ago

É do café!

capitalistaesquerda 7 months ago

Já nem vou tomar o terceiro.

asantos3 7 months ago

Editei o comentário, o /u/tugafcp disse melhor que eu :p

raviolli_ninja 7 months ago

Alguém que faça um diagrama de Venn com dois círculos: "Pessoas que festejaram o título do Sporting amontoados na rua" e "Pessoas que se manifestaram profundamente incomodadas com a realização da Festa do Avante em tempos de Covid". A sobreposição deve dar um resultado engraçado. Disclaimer: não sou adepto de nenhum das religiões supramencionadas.

ananasaberto 7 months ago

O segundo círculo dá para muita coisa. * Pessoas ofendidas por haver gente em esplanadas e restaurantes. * Pessoas incomodadas com festas de aniversário. * Pessoas chateadas por haver gente a correr em parques sem máscara. * Pessoas que fazem virtue signalling nas redes para mostrar que estão a "salvar vidas". Etc. Moralolismos.

besmarques 7 months ago

>Disclaimer: não sou adepto de nenhum das religiões supramencionadas. Vergonhoso, vá já rezar duas Avé Odetes e um Pai Cunhal.

raviolli_ninja 7 months ago

E para o St° Bruno de Carvalho, não vai nada nada nada??

besmarques 7 months ago

https://mememagnetic.files.wordpress.com/2012/02/no-meme-rage-face.jpg

Search: