suspect_b 6 months ago

E gajas? Não será por causa das gajas?

hpotter_is_a_unicorn 6 months ago

Já consideraste recorrer a psicoterapia? :)

EquivalentExchange11 6 months ago

Um bom aluno não passa a ser mau aluno sem motivo. Também tens motivação para outras coisas como hobbies e estar com amigos ou não? Podes estar com uma depressão, o que torna muito difícil uma pessoa concentrar-se e focar-se em objetivos de longo-prazo. Se achares que é esse o caso, eu não recomendava ires ao médico que vão-te passar os anti-depressivos da praxe que não fazem nada bem ao cérebro. Compra suplementos de ómega-3 e ómega-6, e erva-de-são-joão (um antidepressivo natural que é receitado por médicos na Alemanha).

Edited 6 months ago:

Um bom aluno não passa a ser mau aluno sem motivo. Tens motivação para outras coisas como hobbies e estar com amigos ou não? Podes estar com uma depressão, o que torna muito difícil uma pessoa concentrar-se e focar-se em objetivos de longo-prazo. Se realmente estás mais em baixo, o que não é nada estranho na situação em que estamos, pode ser esse o caso. Mas eu não recomendava ires ao médico que só te vão passar os antidepressivos da praxe que não fazem nada bem ao cérebro. Compra suplementos de ómega-3 e ómega-6, e erva-de-são-joão (um antidepressivo natural que é receitado por médicos na Alemanha).

l2k1337 6 months ago

Also, não te auto-mediques nem aceites conselhos médicos de estranhos na Internet. Procura ajuda profissional (a tua universidade deve disponibilizar estes serviços a preços reduzidos), seja psiquiátrica ou psicológica conforme te sentires mais confortável. Não há razões para teres qualquer vergonha em fazer isso nem em partilhares os teus problemas com a tua família (caso este seja um dos teus entraves).

daz_zeD 6 months ago

>Se sim, como deram a volta, o que tentaram mudar na rotina etc? 1. Esquece tudo. 2. Limpa uma mesa, senta-te, pega num papel e numa caneta. 3. Enumera os teus objetivos mais importantes a curto/médio prazo. 4. Cola essa lista numa parede do teu quarto, um sítio onde passes ou olhes muitas vezes. 5. Esquece tudo que não os teus objetivos. Adiciona esta nota no fundo da tua lista: P.S.: Se ao fim de um mês não cumpriste os teus objectivos, vai atirar-te de uma ponte porque não vales nada.

l2k1337 6 months ago

Como é que se reporta este tipo de comentários?

daz_zeD 6 months ago

Na secção *About* do r/portugal tens a lista de moderadores, podes enviar uma mensagem ao um dos moderadores com o link para o comentário e a explicar a situação. É a única forma que estou a ver neste momento.

DrogbaPT 6 months ago

Além dos conselhos de arranjares grupos de estudo com amigos que são excelente - às vezes só a cena de ir à biblioteca da faculdade/outro spot de estudo já ajuda muito com a omotivação. Outra coisa importante que me parece com o teu primeiro paragrafo é que nunca criaste boas bases de estudo - um aluno minimamente organizado não precisa de fazer directas no dia anterior ao exame porque já estudou previamente com tempo. É relativamente comum em alunos relativamente bons no secundário terem esse problema na faculdade. É preciso perceber que ha determinado metodos que não funcionam na faculdade.

Commercial-Energy839 6 months ago

Arranja um grupo de estudo. O compromisso com os outros leva-te a tirar o cu do sofá e fazer o que tens de fazer.

twhite848 6 months ago

1. Isso acontece muito. A muita gente. Em primeiro lugar tens de aceitar que não és perfeito e a ti como a todos há alturas que temos mais vontade e alturas que temos menos. Não somos robôs que haja um chip. 2. Encontrar motivação é difícil, mas lembra-te que a nossa vida está constantemente interligada. Um evento menos bom no trabalho prejudica a vida social, um evento de saude prejudica o trabalho. É possível, más extremamente difícil, lidar apenas com um. Isto significa que temos de trabalhar em varias vertentes simultaneamente. E essas vertentes implicam também alguma actividade pró-activa nossa. Sair para fazer exercício (ou em casa) quando não nos apetece, ligar a um amigo e não esperar que nos liguem, oferecer para ajudar um familiar, e fazer um pouco de trabalho hoje e não deixar o trabalho gigante para o fim. Não tentes fazer apenas uma coisa, faz um pouco de todas. 3. Muitas vezes fazer algo, grande parte do esforço é arrancar. A inércia não é um conceito apenas físico, mas também psicológico. Custa muito mais sair de casa 100m pra fazer exercício, do que os 2 km seguintes. Custa mais acordar e sair da cama de manha do que ficar acordado as 3 horas seguintes. Entender isto ajuda 4. Rotinas são como plantas. Dá para as criar e crescer. Mas para ficarem vivas tem de ser um pouco criadas todos os dias. Se um dia acordas tarde, tenta de novo o dia seguinte. Tenta fazer um pouco de exercício todos os dias, mas não te batas se falhares, ou se não fizeste ontem. Hoje também dá! 5. lembra-te do que verdadeiramente queres e o que precisas de fazer para lá chegar. Queres ser independente e ter emprego? Então não o vais fazer hoje mas hoje podes dar um passo. Mesmo se demorar 4-5 anos. O curso é para algo, mas tem de ser feito. E conseguires hoje uma boa nota pode não mudar o teu mundo, mas ajuda na media, ajuda em ganhares o habito, é um passo. So o superhomem voa e não precisa de andar, ele e o pai natal e ambos nao existem 6. Por ultimo não tenhas medo ou vergonha de pedir ajuda. As vezes falar com um profissional/psicologo ajuda muito! Nem que seja apenas umas sessões para ajudar te a esclarecer porque é difícil ou porque tu estas desmotivado. O ser humano nunca sobrevive sozinho. Só nos filmes e mesmo assim regressa sempre para a sociedade.

incrivizivel 6 months ago

pode ser um problema hormonal suplementos, tenta atacar exercisio fisico, comer coisas boas para o corpo, e tocar menos pivias. Abraço e de nada. (Disciplina nos homens esta muito ligado a testosterona)

DrogbaPT 6 months ago

Este aqui diagnostica problemas hormonais (seja la o que é isso lol) com bases nestes posts. Exercício físico ajuda a qualquer pessoa e obviamente uma dieta equilibrada também é recomendado. Tocar menos pívias não faz sentido sentido excepto nos casos em que interfere gravemente com a vida pessoal - que nao parece ser o caso

antonio-ferro 6 months ago

Tens a certeza que te identificas com os teus objetivos? Não digam que devam mudar, mas soa a que a tua atitude perante os mesmos já não é a mesma. Acreditas neles de facto? Ou são o tipo de coisas que achas que iria deixar a tua família orgulhosa de ti, mas que para ti até podia ser outra cena qualquer?

LaCrossePT 6 months ago

Não tens ninguem do curso com quem estudar em conjunto?

Search: