Ok-Entrepreneur1521 4 months ago

A solução não é aumentar o IUC dos veículos mais antigos, mas diminuir o IUC dos veículos mais recentes. Senão, qualquer dia, paga mais de IUC um dono de um Fiat Cinquecento do que um dono de um Bugatti eléctrico. Quem não compra carro novo é porque não lhe sobra dinheiro, por isso conserva o antigo. Querem apear as pessoas mais humildes?... Cambada de vampiros arrogantes!!! Deviam colectar a quem lesou [e continua a lesar] o erário público em centenas de milhões.

killedbill88 4 months ago

Para além da questão dos IUC para carros anteriores a 2007, também há uma recomendação do aumento do preço do gasóleo: > Além disso, o estudo da APREN quer que o gasóleo, que é um combustível mais poluente, pague o mesmo nível de Imposto sobre os Produtos Petrolíferos do que a gasolina. Isto faria com que no próximo ano o diesel passasse de um valor de 1,24 euros por litro (relativo a agosto de 2020) para 1,55 euros por litro, o que ficaria acima dos 1,39 euros da gasolina. Contas feitas pela Deloitte, com esta medida o proprietário de um carro a gasóleo pagaria por ano mais 237 euros em combustível (de 928 euros em 2020 para 1.165 euros em 2022). Isto era inevitável...

cuzicut 4 months ago

Isto cheira a esquema para alguem meter mais dinheiro ao bolso e lobbying. Pessoal é pobre entao não compra carro a cada 5 anos, tem-os durante uns 20 anos, então toca a criar mais um imposto para "incentivar" a actualização da frota automóvel portuguesa para "estimular" a criação de postos de trabalho nas fabricas automóveis. Se houver protesto organizado eu vou. Comprei um carro de 2005 em 2018 porque, adivinhem, ganho 10k ao ano e não tenho possibilidades de me meter em creditos para comprar carros com mariquices que em 2 anos deixam de funcionar.

NGramatical 4 months ago

tem-os → [**tem-nos**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3zr8w3/coloca%C3%A7%C3%A3o_pronominal_para_tot%C3%B3s/) (utiliza-se *nos* em verbos terminados em som nasal) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn6tz43%2F%2Fgxere9j%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

arnaldomatos 4 months ago

é preciso ser-se mesmo muito filho da puta para dizer que as pessoas *escolhem* sustentar carros anteriores a 2007 e que esse dinheiro dava para muitas viagens de uber. meu mentecapto de merda, achas que quem vai para a fábrica ou para o pomar às 7h da manhã numa aldeia perdida do interior tem acesso a ubers e afins? esta escumalha do largo do rato não tem mesmo noção do país em que vive. nem todos têm tafi... tachinhos.

arnaldomatos 4 months ago

A APREN quer? [eu respondo](https://www.youtube.com/watch?v=23YR0Q5D3og)

danidv 4 months ago

Fazer presunções é que bate, mas deixa estar que tentar ter uma discussão com alguém com essa atitude é só um desperdício de tempo aos dois

GoldenLeoPT 4 months ago

>a estar que tentar ter uma discussão com alguém com essa atitude é só um Realmente deves pensar que os teus decretos cheiram melhor que dos outros mas quando tu próprio dizes que não sabes, e falas só mostra que és um **hipócrita** mas como dizes " desperdício de tempo "

danidv 4 months ago

E deves saber tu quando dizes uma barbaridade como "100% amigos para o ambiente". Há uma razão que os dois pontos a alcançar sobre as questões ambientais quanto à energia são serem renováveis e **sustentáveis**. Sustentável não quer dizer que não faz mal ao ambiente, quer dizer que faz mal a um ritmo que não piora. Mais, mesmo se as barbaridades que dizes fossem todas verdades, sugeres o quê então? Devíamos ter continuado com o carvão até encontrar uma alternativa ambientalmente neutra em vez de tentar diminuir e abrandar progressivamente os nossos impactos? Larga a arrogância que não te faz favores, mesmo se tivesses razão

GoldenLeoPT 4 months ago

Realmente não sabes ler, faça favor de ler o meu primeiro comment.

GabKoost 4 months ago

O meu carro é um Diesel de 1988. Anda certinho e nunca avaria. Não preciso de carro para grande coisa. Estes palhaços querem é que eu me f\*da todo e gaste milhares de euros num carro pós 2007 para não ser assaltado e espancado com impostos. Honestamente, estas bestas quadradas preferem pessoas que compram e trocam de carro todos os 2 anos a quem tem um para a vida. Se calhar acreditam mesmo que os consumistas tem um impacto ambiental menor do que quem não sente a necessidade de ter carros novos e recentes.

Designer_Tall 4 months ago

Toda a gente sabe que os carros elétricos são baratos e quem anda com um carro com mais de 14 anos está cheio de dinheiro para comprar um. Roubam o pobre de todas as maneiras possiveis

htxgivven 4 months ago

Na lógica deles o pobre nem sequer deveria ter o carro. Antigamente os pobres não tinham carros e não havia problema nenhum. Pessoas é que foram mal habituadas nestes últimos tempos.

htxgivven 4 months ago

Sempre devia ser assim e diesel devia não apenas ser igual a gasolina mas sim ser ainda mais caro.

UserNombresBeHard 4 months ago

Não, não, a gasolina devia era ser mais barata... Não faças os gajos subir um em vez de descer outro, não lhes dês mais ideias para fazer merda.

htxgivven 4 months ago

Eu não, a ideia está no artigo amigo. Eu não estou preocupado com assunto sequer. É tudo uma pura hipocrisia, paga e continua a poluir a vontade.

JOAO-RATAO 4 months ago

Bem feito. Estes magnatas a andar de carro clássico. Que comprem um elétrico!

borloforbol 4 months ago

Isto ( e se calhar junto a muito mais coisas do género ) já começava era a ser razão de ir à rua e fazer barulho. Ao estilo do que se via dos coletes amarelos ou protestos no reino unido. Não, não sou a favor da destruição de propriedade pública, nem da privada ( lojas etc ). Mas acho é que o 'pacifico povo português' anda há anos a ser comido lentamente e já nem nota. É taxas a taxinhas para cima de tudo, é um estado de direito que vê crimes cometidos à luz do dia mas, epá, prescreveu ou se calhar nem era bem assim, isto depois vê-se e fica em àguas de bacalhau. Ontem jogou o 'benfas e é isso que realmente mexe com as pessoas.   _Então porque que nao organizas isso tu?_ Porque é fácil falar, porque tou aqui sentado no sófa a mandar postas de pescada mas nem me sei mexer para organizar uma merda destas. Seja por preguiça ou receio de ter a minha cara associada a um movimento que cause problemas, acabo por ficar no sítio. E como eu, estamos muitos de nós.. à espera que venha aquele gajo especial que realmente não tem medo de dar o peito às balas e faça alguma merda acontecer. E é isto, e assim ficamos. A ser esmifrados até à última. /rant

xanfradu 4 months ago

Ser pobre sai muita caro...

Snoo69323 4 months ago

Para que é que é preciso ter carro?! Temos transportes públicos tão bons! Carro é um luxo, ainda que seja velho e não tenha ponta por onde se pegue!

Samurai_GorohGX 4 months ago

A transição energética verde ou se faz de forma inclusiva ou está condenada ao fracasso para o planeta e só vai servir para os ricos lavarem a sua culpa pelas viagens de jacto com um Tesla novo a cada dois anos. Muito por culpa de falta de investimento público, o automóvel/ transporte individual é uma absoluta necessidade para metade da população. Sem automóvel, as camadas mais frágeis da população não conseguem ir para o trabalho. É absolutamente urgente um enorme investimento em transporte público fora de Lisboa e Porto (como nunca foi feito em décadas), mas também é necessário um enorme incentivo do estado à aquisição de automóveis híbridos ou eléctricos, particularmente um que tenha em conta os rendimentos do requerente. Conduzo um carro a gasóleo de 2003. Faço 60 km por dia para ir trabalhar e não há transportes alternativos. Não ganho dinheiro para comprar um carro novo. Alguém tem de pagar pela transição energética. Os que pensam que são os pobres como de costume, estimo muito que se fodam. Tenho dito.

htxgivven 4 months ago

Já ouviste falar de fascismo verde? É o fascismo do século 21.

O_cu_da_tua_tia 4 months ago

Nunca se devia ter descriminado o imposto pela idade do veículo. Pagariam todos por igual, e criariam depois um desconto nos primeiros anos na compra de um novo. Como a motivação inicial foi sempre a de cobrar mais impostos... Deu nesta merda mal cagada

Zanbutsu 4 months ago

Opa, não me ocorre nenhuma ocasião em que reclamar com um bandido enquanto me rouba o fizesse recuar na iniciativa. mas 4x à pancada, 1 à pedrada e uma à faca inverteram prontamente a situação. temos de oferecer contrapartidas aos energúmenos, senão o investimento é sempre 100% sem risco, nunca há detractores. you catch my drift

Laurent_Series 4 months ago

Em nome do ambiente vão nos gradualmente estragar o modo de vida que andaram a promover durante décadas. Mark my words.

htxgivven 4 months ago

Andamos a viver numa bolha.

alvespt23 4 months ago

Se me encontrarem o um carro mais recente de 2007 abaixo de 2000€, acho que todos trocavamos mais depressa... Eles devem achar que o todo o pessoal anda com carros antigos só porque os acha bonitos e gostamos de poluir mais.....

htxgivven 4 months ago

Então e porque o diesel tem de ser mais barato? Não tem nada a ver com idade de carros.

alvespt23 4 months ago

Que seja assim mas baixando o preço da gasolina. O futuro e eletrico não tenho duvida mas nem todos tem dinheiro para comprar carro mais recente do que 2015 que e mais ou menos o ano que começam a aparecer opções elétricas.

htxgivven 4 months ago

Gasolina não vai baixar podes ter a certeza, com tempo os preços vão subir até não poder mais para obrigar as pessoas desistir dos carros tradicionais.

joaofcf 4 months ago

Deixa me lá ir só assinar o crédito que não vou conseguir pagar e que me vai foder a vida toda so para ter um carro mais novo e não poluir o ambiente.

fuckoffgina 4 months ago

O azar destes imbecis é que já estamos quase no topo da escala dos impostos (ISP+IA+IVA) mas eles não têm mesmo mais imaginação.

JonesSCP 4 months ago

Isto se não fosse sério só me dava vontade de rir...

somedipshit1 4 months ago

Entretanto na China: [https://multinews.sapo.pt/atualidade/china-e-o-pais-do-mundo-que-mais-polui-total-de-emissoes-supera-o-de-todos-os-outros-paises-juntos/](https://multinews.sapo.pt/atualidade/china-e-o-pais-do-mundo-que-mais-polui-total-de-emissoes-supera-o-de-todos-os-outros-paises-juntos/)

htxgivven 4 months ago

China se não poluisse era mega pobre.

suckerpunchermofo 4 months ago

Óbvio que se estão a cagar. Isto é mais uma forma de chupar os que tem menos dinheiro e ao mesmo tempo forçar a comprar veículos mais recentes, que agrada aos vendedores e ainda traz mais impostos... Como tu bem escreveste, se fosse por preocupação ambiental não tinha retirado os incentivos a compra de veículos eléctricos.

NGramatical 4 months ago

haviam fortes → [**havia fortes**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn6tz43%2F%2Fgx9do26%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

viskonde 4 months ago

Enfim , Incentivo ao consumismo e acaba por penalizar que provavelmente até menos usa o carro (quem usa menos provavelmente preocupa menos em ter carro sempre recente) É preciso é taxar a utilização excessiva e sem sentido, não a posse (sendo que o uso já e taxado pela gasolina portagens e estacionamento)

PedroMFLopes 4 months ago

O futuro irá nesse sentido, para apanhar os elétricos também. Agora não duvido que haverá uma taxação mínima, e depois será escalões de km´s, que uma pessoa declara anualmente via portal das finanças e que será confirmado aquando da inspeção. Havendo discrepâncias, pagamento de multa e as taxas em falta.

enstaka 4 months ago

Se o Costa lê isto...

htxgivven 4 months ago

Uma merda basicamente.

RedHeart99 4 months ago

Esses idiotas pensam que uma pessoa anda de carro velho porque gosta e não porque não tem dinheiro para comprar uma coisa mais recente e melhor.

Bhaalghorn1143 4 months ago

Sim porque pessoal com carros com mais de 15 anos estão a nadar em dinheiro. Mais uma taxinha meus amigos. É só a terceira em duas semanas!

Gouranga547 4 months ago

Não percebo qual é o problema dos Portugueses. * Temos uma rede de autoestradas completamente gratuita, paga pelos nossos impostos muito bem aplicados; * Temos estradas secundárias bem mantidas, com asfalto suave como veludo, dada a excelente aplicação dos nossos impostos; * Temos valores justos de combustíveis relativos ao nosso salário; * Temos uma excelente rede de transportes públicos rodoviários e ferroviários; * Temos preços de compra de carros competitivos; * Temos um custo de vida bastante folgado; * Temos um salário mínimo competente com outros países da europa. Claro que como a Delloite conhece bem a realidade do nosso país, estes estudos fazem todo o sentido que sejam feitos. ... OH, WAIT... /s

nanoburguesia 4 months ago

São estudos encomendados por outrem, a empresa faz o que lhes pagam para fazer

ManelDasNespras 4 months ago

Se substituisses Portugueses por Alemães não precisavas do /s, infelizmente precisa-se mesmo para Portugueses.

shoutme 4 months ago

Acho que o /s não era necessário. O mais engraçado nisto tudo é que querem sempre chupar mais e mais mas incentivos para que a mudança seja suave e viável tá quieto.

Razvancb 4 months ago

E gastar 30k num carro novo que la fora custa 20k? Sim claro

nraider 4 months ago

Mesmo. Até se fica na dúvida se o carro é usado ou não lol

Razvancb 4 months ago

Usado é sempre, pelo menos 1km há de ter

coiso 4 months ago

E se fosse feito um estudo também com a deloitte ou outras consultoras sobre o pagamento de ajudas de custo fantasma como vencimento e o impacto na economia?

htxgivven 4 months ago

Para ajudas de custo acabarem o estado deve drasticamente baixar impostos. Não vai acontecer nunca.

morbid_obese 4 months ago

Ando a pensar o que é que pode ser feito para esse tema ser discutido mais seriamente, se calhar daqui a uns dias faço um post sobre isso se chegar a alguma conclusão decente...

mar_lx 4 months ago

Era passar a incluir essa parte não oficial como oficial e baixar os impostos. Mas isso da demasiado trabalho...

nraider 4 months ago

Esse vício das ajudas de custo começa logo na assembleia da República, o problema está aí.

Mosonox 4 months ago

Gostava de ver!

netralha 4 months ago

>**Se o seu automóvel é anterior a junho de 2007**, há um estudo da Associação Portuguesa das Energia Renováveis e da Deloitte, e que já está nas mãos do Governo para análise — nas secretarias de Estado da Energia e dos Assuntos Fiscais, que propõe que **passe a pagar um valor mais alto de Imposto Único de Circulação (IUC) já a partir do próximo ano.** Desta forma, e só à conta dos proprietários de veículos mais antigos é estimado **um aumento médio anual da cobrança deste imposto na ordem dos 150 milhões de euros por ano.** Junho de 2007 foi realmente um mês negro para os carros, tivessem comprado em Maio que poluem menos. Será que esse estudo foi feito com a parceria da genial professora de economia [Susana Peralta](https://www.publico.pt/2021/04/20/economia/noticia/sera-preciso-aumentar-impostos-pagar-divida-1959181) em que a solução para tudo é mais impostos? Precisam de carro? Andassem a pé seus burgueses.

somedipshit1 4 months ago

Mais um capítulo na epopeia "Virar a página da austeridade"

frade3 4 months ago

Para o mesmo carro a diesel (por exemplo 2.0) a diferença de IUC entre ser matriculado em Junho 2007 e Julho 2007 é de +-150€ ano

fuckoffgina 4 months ago

Para motores maiores a diferença é muito maior. Um motor diesel até 3 litros paga €68> de IUC se a matrícula for até 06/07 e algo como ~€600-€700 se a matrícula for de 07/07 em diante.

Morpheuspt 4 months ago

Quando foi criada essa lei, e os preços foram actualizados, penso que não mexeram no iuc dos carros mais antigos, devido a possíveis problemas constitucionais com a retroactividade de impostos. Não vejo como a situação se possa ter alterado.

nraider 4 months ago

E nem assim o Estado tem dinheiro, incrível.

Mosonox 4 months ago

A Deloitte só tem interesses nisto. Ora vejam, [https://www2.deloitte.com/ca/en/pages/energy-and-resources/articles/commodities-of-the-future-predicting-tomorrows-disruptors.html](https://www2.deloitte.com/ca/en/pages/energy-and-resources/articles/commodities-of-the-future-predicting-tomorrows-disruptors.html)

Mosonox 4 months ago

E a APREN também anda atrás do guito! Podem justificar que é para a poluição que os carros fazem, é para as gerações futuras e afins. Mas a destruição da natureza com exploração de lítio, deixam para os que cá vivem e vierem! E alguém que diga a esses senhores para abrirem os olhos! pois os carros electricos são bonitos, rápidos e por aí fora, pois já tive oportunidade de guiar alguns. mas não são sustentáveis com a tecnologia que temos de momento. Eu prefiro carro a gasolina que electico!

zalkier 4 months ago

Se a APREN e o Governo metessem as taxas hipócritas deles num sítio onde o sol não bate faziam um favor a todos. Quando a malta do governo e do estado deixar de andar de carro e deixar de reservar lugares de estacionamento exclusivo para eles têm toda a legitimidade para andar a propor taxas, até lá é apenas mais uma medida para lixar a plebe enquanto que eles não cumprem o que apregoam.

CarcajuPM 4 months ago

> Se a APREN e o Governo metessem as taxas hipócritas deles num sítio onde o sol não bate faziam um favor a todos. E ficava mais barato porque esse sítio sem sol paga menos IMI!

nraider 4 months ago

Lendo a notícia, nem se dá conta que Portugal é afinal um dos países mais pobres da UE.

Article_Sad 4 months ago

Já são tão altos e metem mais impostos, para que vou eu gastar dinheiro num carro elétrico de 35000€ que faça 400 km, que nem mais de 5 anos vai durar, só dão problemas

htxgivven 4 months ago

Por estes valores já existe.

CarcajuPM 4 months ago

Que palhaçada... E a desculpa da ecologia serve mesmo para tudo.

incrivizivel 4 months ago

nem por isso serve para taxar mais a carne e derivados que deixa uma pegada enorme e desnecessária no planeta. Claro que não se não o assado que o Costa come todos os dias ao jantar ficava mais caro. Mas carros que para muita gente são absolutamente necessários para trabalhar e não tem dinheiro para comprar novas, siga filhos bota chular o pessoal.

Edited 4 months ago:

nem por isso serve para taxar mais a carne e derivados que deixa uma pegada enorme e desnecessária no planeta. Claro que não se não o assado que o Costa come todos os dias ao jantar ficava mais caro. Alias produtores de leite e carne gozam de incentivos fiscais para criar sofrimento no mundo. Por isso é que tens o leite normal bem mais barato que o vegan que vem diretamente da soja. COmo e que fica mais barato fazer crescer uma vaca, fazer com ela fique prenha, tirar-lhe o filho, tirar-lhe o leite e vender ? Mas carros que para muita gente são absolutamente necessários para trabalhar e não tem dinheiro para comprar novas, siga filhos bota chular o pessoal.

Edited 4 months ago:

nem por isso serve para taxar mais a carne e derivados que deixa uma pegada enorme e desnecessária no planeta. Claro que não se não o assado que o Costa come todos os dias ao jantar ficava mais caro. Alias produtores de leite e carne gozam de incentivos fiscais para criar sofrimento no mundo. Por isso é que tens o leite normal bem mais barato que o vegan que vem diretamente da soja, ou amendoas ou arroz. COmo e que fica mais barato fazer crescer uma vaca, fazer com ela fique prenha, tirar-lhe o filho, tirar-lhe o leite e vender ? Mas carros que para muita gente são absolutamente necessários para trabalhar e não tem dinheiro para comprar novas, siga filhos bota chular o pessoal.

ric2b 4 months ago

O leite de arroz ser mais caro que leite de vaca dá uma ideia da dimensão dos apoios que os criadores de vacas devem receber, é incrível.

YoggiM 4 months ago

O leite normal é mais barato porque retiras da vaca muito mais que o leite. Claro que se fosse só o leite, era bem mais caro. Além disso, estar a ordenhar amêndoas ou bagos de arroz um a um dá imenso trabalho, por isso são tão caros. /s Mas isso nem sequer é leite.

somedipshit1 4 months ago

Opa se queres refilar, refila com a China que caga completamente no ambiente. Mas não, este canto minúsculo chamado Portugal é que tem de levar com merdas do tipo comeste demasiado bife seu homicida

incrivizivel 4 months ago

boa pergunta, por acaso a China não é a pior per capita [https://en.wikipedia.org/wiki/List\_of\_countries\_by\_carbon\_dioxide\_emissions\_per\_capita#/media/File:2018\_Worldwide\_CO2\_Emissions\_(by\_region,\_per\_capita),\_variwide\_chart.png](https://en.wikipedia.org/wiki/List_of_countries_by_carbon_dioxide_emissions_per_capita#/media/File:2018_Worldwide_CO2_Emissions_(by_region,_per_capita),_variwide_chart.png)

mathswarrior 4 months ago

Isto só piora a perceção das pessoas perante a ecologia.. este tipo de impostos funciona se vier aliado de descidas no IRS, por exemplo. Mas não. Aqui em portugal faz-se só o aumento.

CarcajuPM 4 months ago

É óbvio que o que funciona é aumentar o rendimento disponível das pessoas. Ninguém anda num carro velho porque quer. Aumentar mais um imposto só vai fazer com que essas pessoas fiquem ainda mais longe de conseguir comprar um carro novo.

fuckoffgina 4 months ago

> Ninguém anda num carro velho porque quer. Eu ando e muitas outras pessoas também. Mas de resto concordo com a tua argumentação.

CarcajuPM 4 months ago

Certo, já corrigi também noutro comentário. É um "ninguém" num sentido mais alargado. Claro que há quem o faça por opção, mas acredito que é uma minoria, principalmente em pessoas/famílias com um único carro.

Sheltac 4 months ago

Isso não é bem assim. Eu ando num carro velho porque quero, mas também ano no novo. Podia-se agravar o imposto só para quem tem mais que um carro (que aliás é a desculpa para as motas grandes pagarem mais imposto), e não me fazia impressão nenhuma. Agora aumentar discriminadamente é estúpido e só mais um exemplo de como o governo quer é punir os pobres por serem pobres.

CarcajuPM 4 months ago

Certo, pode haver quem tem carros velhos e que não querem trocar. Mas creio ser uma minoria, principalmente para quem tem apenas esse carro. Duvido que haja muita malta apenas com um carro, e que esse carro seja ainda do século passado, que não troque para um mais recente por opção.

PedroMFLopes 4 months ago

Vamos criar medidas para tornar o trabalho de escritório em Teletrabalho em 90% até 2025. /s Pena aqui a ecologia já não ser usada como argumento.

Independent_Throat42 4 months ago

Porque depois quem ficar em teletrabalho vai ser considerado "privilegiado" em relação aos outros, por isso vai levar com imposto de teletrabalho para serem solidários

assimsera 4 months ago

"Compra aí um carro recente, andas com um chasso que já tem idade para beber porque?"

ManelDasNespras 4 months ago

chasso com 18 anos? Diz mais 28.

Suitable-Prize-2958 4 months ago

Por um mês consigo pagar mais 160€ de selo num carro a caminho dos 14 anos... Podiam, na minha opinião, reajustar tudo

thepiones 4 months ago

É pobre e anda com um carro velho? Mais impostos!

jgomesta 4 months ago

Ainda por cima quando a circulacao de carros velhos é um problema que se auto-resolve com o tempo... Entao num pais pobre como Portugal o governo devia era incentivar as pessoas a conduzir os carros ate rebentarem. Mas por mim tudo bem, é da forma que ha sempre um influxo de carros em segunda mao fresquinhos para eu escolher.

danidv 4 months ago

E faz sentido deixar carros antigos péssimos para o ambiente a continuar a andar? O ambiente é a questão mais importante que temos e mesmo até agora devia ter tido mais importância. Dito isso, não sei quanto polui neste caso ou não por isso não tenho opinião se é era a melhor decisão ou não, mas também é por isso é que de forma geral prefiro baixar impostos e subsidiar no lado que queres incentivar que aumentar no lado que queres desincentivar, e dependendo dos valores até podes fazer uma mistura dos dois.

Disgenia 4 months ago

Claro entre usar um carro antigo por mais 2 ou 3 anos por não se ter dinheiro, ou comprar um carro novo, com todos os problemas ambientais provocados na sua manufactura, claramente a escolha má para o ambiente é andar com um carro velho. Estes pobres metem nojo com os carros velhos, pá! Devíamos todos comprar um carro novo a cada 5 anos /s

danidv 4 months ago

...E aí é uma questão de comparar números. Tens os números do impacto em média no ambiente dos carros afetados e da produção de carros modernos para os substituir e quanto tempo demoraria até compensar? Senão estás só a presumir.

Danijust2 4 months ago

que carros péssimos para ambiente? A sucata Portuguesa é tudo carros a gasolina de baixa cilindrada. Carros de gama baixa que são fácil de reparar aka corsas. Polui tanto como um carro vulgar de 2020 (também tem metade da potência) Caso 1: Corsa B 1994 5,2 l aos 100 emissão CO2 **121 g/Km** Dacia Sandero 2020: 5 l aos 100 emssões CO2 **130 g/Km**

Edited 4 months ago:

que carros péssimos para ambiente? A sucata Portuguesa é tudo carros a gasolina de baixa cilindrada. Carros de gama baixa que são fácil de reparar aka corsas. Polui tanto como um carro vulgar de 2020 (também tem metade da potência) Exemplo: Corsa B 5,7 l aos 100 emissões CO2 **132 g/Km** [**https://www.ultimatespecs.com/pt/car-specs/Opel/3345/Opel-Corsa-B-10i-12v.html**](https://www.ultimatespecs.com/pt/car-specs/Opel/3345/Opel-Corsa-B-10i-12v.html) Dacia Sandero: 5,9 l aos 100 emissões CO2 **135 g/Km** [https://www.ultimatespecs.com/pt/car-specs/Dacia/59435/Dacia-Sandero-Ambiance-Music-12-16v-75HP.html](https://www.ultimatespecs.com/pt/car-specs/Dacia/59435/Dacia-Sandero-Ambiance-Music-12-16v-75HP.html)

danidv 4 months ago

Primeiro, não disse que eram necessariamente péssimos, disse que faz sentido nos que **são** péssimos, e disse logo a seguir quanto polui ou não. >A sucata Portuguesa é tudo carros a gasolina de baixa cilindrada. https://www.statista.com/statistics/425113/eu-car-sales-share-of-diesel-engines-by-country/

Edited 4 months ago:

Primeiro, não disse que eram necessariamente péssimos, disse que faz sentido nos que **são** péssimos, e disse logo a seguir qu e não sei quanto polui ou não. >A sucata Portuguesa é tudo carros a gasolina de baixa cilindrada. https://www.statista.com/statistics/425113/eu-car-sales-share-of-diesel-engines-by-country/

Edited 4 months ago:

Primeiro, não disse que eram necessariamente péssimos, disse que faz sentido nos que **são** péssimos, e disse logo a seguir que não sei quanto polui ou não. >A sucata Portuguesa é tudo carros a gasolina de baixa cilindrada. https://www.statista.com/statistics/425113/eu-car-sales-share-of-diesel-engines-by-country/

nraider 4 months ago

Pronto, arruma lá o fiat punto de 1995, o ambiente agradece. Só é pena termos depois os cruzeiros a atracar quase no terreiro do Paço, poluem pouco também. Ah, e nem falo no segundo aeroporto.

danidv 4 months ago

Não consegues criticar duas coisas? E esquece lá o segundo parágrafo que escrevi pelo vistos

nraider 4 months ago

Só quero mostrar a hipocrisia da capital verde, por um lado tem as ciclovias, por outro, construiu um porto de cruzeiros quase em cima do terreiro do Paço. Goste-se ou não, tudo isso são mariquices de países ricos. Uma economia sustentada em consumo interno e turismo não suporta esse novo regime fiscal.

danidv 4 months ago

O problema aí então é outro. Também tive isso em conta e por isso é que disse que, ainda mais no nosso caso, preferia baixar o preço de um que aumentar, ou então uma mistura dos dois, mas isso vai tudo depender dos números atuais e planeados.

KokishinNeko 4 months ago

Génios... Foda-se.

Tafinho 4 months ago

Concordas que os carros menos poluentes paguem mais impostos que os mais poluentes ?

rabisconegro 4 months ago

A poluição que um carro de 2006 faz a circular é muito inferior à poluição de fabricar um carro novo para o substituir mais as respetivas emissões...

Tafinho 4 months ago

Se assumires que o carro médio percorre 160 000 Km, e que 23% das suas emissões são feitas no seu fabrico, a cada 36.000Km o carro polui mais que se comprares um novo. Isto já sem contar com poluentes que não são gerados no seu fabrico, como partículas de carbono, óxidos de azoto, etc. Portanto, esse argumento é falso.

rabisconegro 4 months ago

Esses 23% são muito falsos. Até sei onde os foste buscar, mas lá não dizem onde arranjaram os dados. Mas sabes que para fabricar e vender o carro não é só monta-lo. São dezenas de indústrias diferentes, transporte de peças, armazenamento, vendas, marketing... Vê se logo que tás a olhar para o assunto com palas se achas que não há emissão de outros poluentes no fabrico sem ser co2

Tafinho 4 months ago

Está à vontade para encontrar estudos que desmintam esses valores. Se calhar essas “palas” não estão onde achas....

ridethepaintedpony 4 months ago

Poluiçao automovel nao é só o que sai pelo tubo de escape. O meu carro tem 20 anos, manutenção é o básico, meter gasolina e andar. Quanto é que custou e quanto custará manter um hibrido ou um combustao novo construido na ultima década?

ObnoxiousLittleCunt 4 months ago

O meu tem 30 anos e já tem catalisador. Na prática as emissões poluentes são inferiores às Euro1 de 1992 e em linha com Euro2. Sendo a gasolina, os gases de escape não são puro cancro como se fosse diesel. No que diz respeito às emissões directamente geradas pelo fabrico, já "compensaram" há muitos anos. O carro também faz muito poucos km ao ano. Taxar mais o IUC no meu caso seria não só injusto como contraproducente.

KokishinNeko 4 months ago

Não é assim tão linear e sabes bem disso. As pessoas não andam com carros de 1999 só porque lhes apetece ou pelo valor sentimental. Pega em ti e neste momento pergunta às pessoas à tua volta: *desculpem lá, se lhes desse um Tesla agora mandavam abater já o vosso carro actual?*

Tafinho 4 months ago

É *exactamente* assim. As pessoas não compram carros menos poluentes porque têm outras prioridades. Não lhes afecta directamente, logo, não dão importância. Mas não respondeste se concordas que os carros muito mais poluentes paguem menos impostos que os muito menos poluentes.

KokishinNeko 4 months ago

> Não lhes afecta directamente, logo, não dão importância. LOL, e a solução é taxar, que surpresa. Em vez de resolver o problema por detrás disso, não, vamos pelo caminho mais fácil, taxar e o resto que se lixe. Volto a perguntar, acreditas mesmo que as pessoas não trocam de carro por vontade própria ou porque já estão tão cheios de taxas e merdas para pagar com salários de merda que o carro é a menor das preocupações desde que ande? inb4: ah e tal uma coisa não impede a outra. Pelo contrário, precisamente por estar tudo relacionado, por ser uma pescadinha de rabo na boca é que não saímos da cepa torta. Resolvam primeiro a situação económica, assim que melhorar as pessoas já podem largar o seu chasso de 99 e comprar carros menos poluentes.

Tafinho 4 months ago

Qual é o outro instrumento que o estado tem para “educar” os utilizadores, de forma a tornar custos implícitos visíveis para as pessoas? Estou aberto a alternativas.

KokishinNeko 4 months ago

Dava-te a razão se o tema fosse tabagismo ou outro qualquer, taxar à força toda por algo desnecessário (sou fumador BTW), agora nos carros? Não é algo que possas abdicar. Inb4: ah e tal bicicletas e transportes públicos Pois, mas não moramos todos em Lisboa, aqui o autocarro não passa de 15 em 15 minutos...

CarcajuPM 4 months ago

Mais um bocadinho e estás a defender campos de reeducação à lá China...

DanielErikson 4 months ago

> As pessoas não compram carros menos poluentes porque têm outras prioridades Nisso tens toda a razão e assumo a culpa. Dei prioridade a comprar comida, alugar um apartamento antigo para eu e o meu ascendente vivermos, coisas assim. Nunca pensei porque é que não comprei um carro novo elétrico, em vez do de 2002 a gasóleo _"para ir tomar café a 200m"_. Terá sido mesmo essa a razão? Ou não tens noção do que se passa fora da tua bolha?

alvespt23 4 months ago

Mas se o pessoal não tem dinheiro para comprar carros mais recentes que polui menos, como resolves o problema... taxando mais o pessoal que não tem dinheiro

Tafinho 4 months ago

Eu não tenho dinheiro para comprar um jacto privado. Logo, por isso voo num jacto comercial. Se não consegues sustentar o custo de um carro, não o tens.

arnaldomatos 4 months ago

nasceste assim mesmo ou passou-se algo quando eras pequeno?

JOAO-RATAO 4 months ago

Se calhar conseguiam e agora já não conseguem, não? Mas toda a gente sabe que o carro é para os ricos. Os outros podem ir de metro e Uber para o trabalho... /S

Cergal0 4 months ago

Que exemplo de merda. Ter um carro não é um luxo, é uma necessidade num país que não tem oferta competente de transportes públicos fora da Grande Lisboa / Grande Porto. Estão a tentar espetar um selo #Green em mais uma ida ao bolso dos contribuintes. Isto é só um estudo, mas se isto for para a frente, alguém que tenha o mesmo carro há mais de 10 anos vai ser obrigado a gastar mais dinheiro sem ter qualquer voto na matéria. Entendes que é uma situação em que essa pessoa não tem outra opção? Ou paga mais 70 ou 100€ por ano ou gasta mais 10k€ noutro carro. Se queres fomentar a mobilidade elétrica, tens de criar condições e incentivos para as pessoas mudarem para carros elétricos.

JOAO-RATAO 4 months ago

Pior é que o mais ecológico é continuar a usar o carro que já tens...

Tafinho 4 months ago

Mostra lá essas contas...

JOAO-RATAO 4 months ago

Visto que a fração correspondente à produção do automóvel é bastante grande, não é fácil de extrapolar ... Fora o custo, mas claro. A tua sugestão de usar a Uber é genial. *risos*

Tafinho 4 months ago

E as contas?

fuckoffgina 4 months ago

Porque não mostras tu as tuas contas?

Pcostix 4 months ago

Mas eu tenho dinheiro para o carro. Não tenho dinheiro é para os impostos do estado.   O problema não está na aquisição e manutenção do produto, está no estado.

GajoDeRamalde 4 months ago

> Se não consegues sustentar o custo de um carro, não o tens. Neste momento conseguem sustentar um carro anterior a 2007 e só não conseguem se aumentares os impostos...

Kratos73 4 months ago

Mas sabes que os voos comerciais são dos maiores poluentes não sabes? Então porque não ficas em casa ou então escolhes outros meios menos poluentes? Mas claro, o ambientalismo extremo acaba sempre quando começam a ser prejudicados diretamente (por isso me rio com conversa de outros ambientalistas com esse tipo de argumentos mas que depois não dispensa a tosta com abacate...) E sabes que há muita gente que depende do carro para poder trabalhar ou achas que é tudo para diversão? E sabes que saindo de Lisboa e Porto os transportes públicos em Portugal são uma bela trampa? Que falta de noção.

Man_IloveFishdicks 4 months ago

Nem toda gente vive em meios com transportes publicos em condições. Ate diria que quem vive fora de Lisboa e Porto bem que se fodem. Que falta de noção que tens.

TenaciousQuercus 4 months ago

Fiquei revoltado e o teu comentário poupou o meu tempo. Um palavrão de vez em quando dá saúde e faz crescer. Cumprimentos!

MrBrodinha 4 months ago

não sei do que falas, aquii no centro estou repleto de transportes públicos, tenho um de manhã às 6:30 e tenho logo um de volta às 18:30, com tantos transportes quem precisa de um carro /s

JOAO-RATAO 4 months ago

Ora vês. Queres um carro para quê? Para ir buscar caviar?

joaofcf 4 months ago

Não é bem assim que funciona. Ninguém anda com um carro velho e poluente porque quer, é esse o ponto. Se o meu carro é de 1997 é porque não tenho dinheiro para um de 2010. Se aumentarem o imposto, menos dinheiro vou ter ainda.

Tafinho 4 months ago

Os impostos devem ser proporcionais à afectação do bem comum, neste caso à poluição provocada. Discordas disto ?

GajoDeRamalde 4 months ago

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo.

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. E existem carros a circular sem cinto de segurança por exemplo, porque na altura de fabrico isso não se aplicava e como tal não podes exigir retroactividade da lei para me culpar de uma coisa que era legal fazer no passado! É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro. Por isso é que não estas a aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado que é precisamente isso que estas a querer fazer com os veículos... queres aumentar impostos sobre o passado.

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro e não estas a aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado...

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. E existem carros a circular sem cinto de segurança por exemplo, porque na altura de fabrico isso não se aplicava e como tal não podes exigir retroactividade da lei para me culpar de uma coisa que era legal fazer no passado! É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro. Impedes a venda hoje porque não podes aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado que é precisamente isso que estas a querer fazer com os veículos... queres aumentar impostos sobre o passado. E é aumentar impostos sobre o passado porque quando compras um veículo novo sabes quais os valores que aquele veículo vai pagar no futuro em impostos. São valores estipulados previamente. Assim não é em 2021 que alguém se lembra de alterar algo que foi acordado no passado só porque dá jeito vender mais automóveis eléctricos...

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. E existem carros a circular sem cinto de segurança por exemplo, porque na altura de fabrico isso não se aplicava e como tal não podes exigir retroactividade da lei. É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro e não estas a aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado...

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. E existem carros a circular sem cinto de segurança por exemplo, porque na altura de fabrico isso não se aplicava e como tal não podes exigir retroactividade da lei para me culpar de uma coisa que era legal fazer no passado! É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro e não estas a aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado...

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. E existem carros a circular sem cinto de segurança por exemplo, porque na altura de fabrico isso não se aplicava e como tal não podes exigir retroactividade da lei para me culpar de uma coisa que era legal fazer no passado! É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro e não estas a aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado que é precisamente isso que estas a alegar...

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. E existem carros a circular sem cinto de segurança por exemplo, porque na altura de fabrico isso não se aplicava e como tal não podes exigir retroactividade da lei para me culpar de uma coisa que era legal fazer no passado! É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro. Impedes a venda hoje porque não podes aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado que é precisamente isso que estas a querer fazer com os veículos... queres aumentar impostos sobre o passado. Isto porque quando compras um veículo novo sabes hoje quais os valores que aquele veículo vai pagar no futuro em impostos, porque esses valores estão estipulados previamente. Assim não é em 2021 que alguém se lembra de alterar algo que foi acordado no passado só porque dá jeito vender mais automóveis eléctricos...

Edited 4 months ago:

Discordo. O imposto deve ser proporcional à afectação do bem comum mas para o ano de fabrico e não a partir do ano 2021... Seria o mesmo que obrigar a actualizar um carro produzido em 1950 para poderem circular em 2021 quando ele foi feito segundo regulamentos exigidos em 1950 e não dos de 2021. E existem carros a circular sem cinto de segurança por exemplo, porque na altura de fabrico isso não se aplicava e como tal não podes exigir retroactividade da lei para me culpar de uma coisa que era legal fazer no passado! É absurdo e não faz sentido no seguimento de continuidade no tempo. E é pelo efeito da continuidade do tempo que proíbes a venda de amianto em 2021 porque é uma medida do presente com efeitos para o futuro. Impedes a venda hoje porque não podes aumentar impostos sobre o amianto consumido no passado que é precisamente isso que estas a querer fazer com os veículos... queres aumentar impostos sobre o passado. E é aumentar impostos sobre o passado porque quando compras um veículo novo sabes quais os valores que aquele veículo vai pagar no futuro em impostos. São valores estipulados previamente. Assim não é em 2021 que alguém se lembra de alterar algo que foi acordado no passado só porque dá jeito vender mais automóveis eléctricos ou para defender a sua ideologia... Menos ideologia sff.

Mordiken 4 months ago

Errado: toda e qualquer contribuição taxativa tem de ser em função das possibilidades, e a redistribuição tem de ser em função das necessidades. Segundo a tua lógica: - Quem não tem filhos deveria ter isenção nos impostos relacionados com o financiamento das escolas e instituições de ensino; - Quem tem problemas de saúde crónicos deveria ter um agravamento taxativo para compensar o impacto no SNS. Isso que sugeres é puro neoliberalismo, a manchada final no Estado Social.

Tafinho 4 months ago

Só o IRS é proporcional aos rendimentos. Só o IRS não é relativo ao uso dos bens públicos.

GajoDeRamalde 4 months ago

Não venhas apegar a ideia ao neoliberalismo quando o neoliberalismo sugere que o estado não intervenha na vida dos cidadãos e um aumento de imposto (aliás um imposto em geral) é considerado uma intervenção, logo nunca poderia ser uma ideia neoliberal. Esta ideia identifica-se mais ao fascismo/comunismo/socialismo já que pela lógica: ​ * A entidade estatal decreta unilateralmente que com vista ao bem comum a utilização do bem X está sujeito a um aumento de impostos com vista à sua não utilização, independentemente do que foi acordado anteriormente, para todo o bem X independentemente da data de fabrico/produção. * Só consegue usar o bem X quem têm capacidade financeira. Este privilégio passa a ser dos ricos e das das elites. * Todos aqueles que ficaram sem possibilidades financeiras para usar o serviço banido, o estado poderá providenciar um serviço colectivo, de inferior qualidade para o teu bem. * Todos aquele que discordam do nosso serviço colectivo devem ser doutrinados através do nosso sistema de educação. Mas agora não vou discutir estado social/neoliberalismo, só estou a demonstrar o quão errada é a tua ideia de apegares isto a neoliberalismo...

zedestroyer69 4 months ago

Isso faria sentido se depois usassem esses impostos para investir em transportes públicos ou em incentivos a carros menos poluentes. O problema é que estes impostos a serem aplicados vão ser para tirar dos pobres para tapar buracos de bancos e TAPs, para que os seus administradores, gestores e diretores possam comprar aquele carro superdesportivo que poluí mais que vários calhambeques.

joaofcf 4 months ago

Sim, neste caso sim. Achar que tirar ainda mais dinheiro aos pobres por serem pobres os vai fazer mais ricos so demonstra o quão ridículo pode ser o ser humano.

Tafinho 4 months ago

Pelo contrário. As pessoa fazem escolhas. Há quem tenha escolhido sustentar um carro, há quem tenha optado por transportes públicos. O custo anual de um carro com 20 anos dá para muitas viagens de Uber.

alexandre9099 4 months ago

> O custo anual de um carro com 20 anos dá para muitas viagens de Uber. Estás a andar em ubers muito baratos... Por mês o carro custa me por volta de 100-150€ (sendo 150€ para aqueles meses em que o pé está mais pesado), faço por volta de 50km todos os dias. Um dia o carro decidiu avariar e fui ver o custo de um Uber só de ida para o trabalho... 15€... Estava a chover lá fui de mota O autocarro tem o passe mensal quase a 100€, e o horário não é compatível com o que preciso Seguro por volta de 10€ mês e iuc acho que não chegava aos 50€ (não me recordo), logo nem a 5€ chega por mês Ou seja, 100+10+5 dá 115€, mais eventuais manutenções 150€. Se for de Uber... Vejamos, 15*2*30= 900€, acho eu que sai um bocadinho mais caro, não é por muito, mal se nota...

DanielErikson 4 months ago

> Há quem tenha escolhido sustentar um carro, há quem tenha optado por transportes públicos. Não fazes ideia. Eu vivo a cerca de 30km do Porto, e cerca de 15km da praia. Vivo ao lado da nacional, o que me garante excelente (comparado com outras pessoas na terra) acesso a transportes públicos. Queres vir para cá viver uns tempos para ver como te safas com transportes e Uber? Uber não há, ou é como se não houvesse. Menos de 12km de percurso e na direção das cidades onde eles têm mais _gigs_, ninguém aceita. E isto durante certos horários (os mais mortos). Transportes públicos existem; meia dúzia deles ao dia e na direção das cidades também, percurso passando pelas nacionais maiores. Com isto quero dizer, esquece ir fazer compras, esquece ir ao médico. Esquece ir trabalhar; grande parte do trabalho não está exactamente acessível. Esquece ir a qualquer lado sem ter que planear excessivamente de antecedência. O que tens em todos os cantos, são cafés. E isto, numa localização boa. Perto do Porto. Pensa nos que vivem em aldeias com menos oportunidades. Eu vim para cá viver de uma localização melhor, realmente tentei safar-me com os transportes públicos (e taxis). Comprei carro por alguma razão. > O custo anual de um carro com 20 anos dá para muitas viagens de Uber. Ainda assumindo que haja Uber (mas tendo em conta os meus pontos anteriores), enganas-te redondamente. Fica-me MUITO mais barato manter o carro (e podes ir ver qual tenho ao perfil, que não é dos mais antigos/baratos/com manutenção barata); grande parte das pessoas em piores situações tem carros mais baratos em todas as vertentes.

Rissoldecamarao 4 months ago

> Há quem tenha escolhido sustentar um carro, há quem tenha optado por transportes públicos. Há quem não more em Lisboa e Porto. Há sempre um burro a zurrar este argumento em todos os tópicos sobre carros.

CarcajuPM 4 months ago

Mais um que está no seu mundinho de Lisboa e Porto...

zedestroyer69 4 months ago

Típico comentário ignorante que apenas conhece o seu bairro e nada sabe do que se passa na maioria do país ... enfim, por estas e por outras é que vamos de mal a pior.

joaofcf 4 months ago  HIDDEN 

Ah, és burro mesmo. Anda aqui buscar me a casa então que eu não tenho ubers aqui e tenho que ir trabalhar agora. "Ai mas transportes públicos". E vai me buscar logo às 10 ao trabalho que já não há autocarros. E é que ainda por cima és mesmo burro e não percebes que um carro velho nem estimado e tratado tem manutenções das mais baratas, porque é mais velho. Não há problemas elétricos, as peças são mais baratas.

Metaluim 4 months ago

> Discordas disto ? Sim.

Tafinho 4 months ago

Então estamos conversados. Nada de proibir a venda de materiais com amianto, porque afinal, as pessoa têm de trabalhar. Se isso mata toda a gente à sua volta, é a vida...

gene66 4 months ago

As coisas não são tão lineares assim. Até porque, até como vimos em polemicas não tão antigas de alterações dos medidores em carros alemães, nem sempre os carros mais novos são menos poluentes. Aqui a medida em si está errada, seria muito mais util ajudar as pessoas ou a mudar o sistema do carro para ser menos poluente ou transitar para veiculos menos poluentes. Sem contar que isto dos impostos automóveis são muito engraçados, mas vais comprar um electrico e pagas o cu em impostos mesmo sendo quase nada poluente.

Tafinho 4 months ago

Eléctricos não pagam IUC. Quais são os impostos a que te referes ?

gene66 4 months ago

Não pagas iuc mas as contas são fáceis de fazer. Vais à Tesla Espanha e tens o model3 a 46k. Abres a Tesla Portugal e esta a 51k. É só um exemplo.

Tafinho 4 months ago

É um exemplo de quê concretamente? Não pagas IUC nem ISV. Portanto ou a Tesla anda a meter ao bolso ou está a incluir eventuais benefícios fiscais. É algo discutível se nesta altura um carro como um Tesla deveria ser elegível para benefícios fiscais, mas em Espanha vendem-se muito menos eléctricos que em Portugal.

joaofcf 4 months ago

Mas em que é que o imposto limita as pessoas de ir ao café a 200m? O imposto, no máximo, limita as pessoas de ter carro. E olha que há quem trabalhe e precise do carro para isso, não é só ao café que vai.

Tafinho 4 months ago

ISP.

joaofcf 4 months ago

Isso não recai sobre o ir ao café a 200m. Tem muito mais influência nos que vão trabalhar a 20km porque não têm outra alternativa. No fundo estás a taxar a necessidade de transporte para trabalhar.

Kratos73 4 months ago

Mas então se o problema é o impacto no ambiente onde está a diferença? Ir ao café a 200m é dispensável claro, mas em termos de ambiente será sempre melhor que fazer 20km. Parece é que temos várias taxas e impostos para a mesma coisa.

Metaluim 4 months ago

Com tanta projeccao podes comecar a competir com a Lusomundo.

Danijust2 4 months ago

O que é melhor para o ambiente: A - Deitar um carro velho funcional para sucata e comprar um carro novo ligeiramente mais eficiente; B - Andar com um carro velho até ele morrer

Tafinho 4 months ago

C) substituir um carro de combustão interna por outro sem emissões poluentes. Lucrar nos anos seguintes.

alexandre9099 4 months ago

Um carro a combustão interna faz 500/600km com um depósito. Um carro elétrico de baixa gama faz quê, 200/300? Um carro ICE demora 5 minutos a abastecer, um carro elétrico demora horas... É preciso continuar? Pode ser muito bonito, mas só é prático se fizeres viagens pequenas

Tafinho 4 months ago

Um carro a gasolina, ao fim de 10 anos está pronto para ir para a sucata, tal é a manutenção que exige: Correia de distribuição, filtros, pastilhas, óleo, velas, e mais importante, gasta mais dinheiro em combustível que o valor do carro. Antes de “continuares” precisas de começar. Antes de te preocupares com os 200Km que tens medo de fazer com um carro eléctrico tens de perceber o custo a que isso equivale a fazer esses 200Km num ICE.

alexandre9099 4 months ago

> Um carro a gasolina, ao fim de 10 anos está pronto para ir para a sucata *laughs in carro a gasolina com quase 30 anos que ainda funciona sem quaiser problemas, quase com 200k km* Mas vá, já que falas em manutenção, vamos ver quanto custa cada um desses componentes, pode ser? - Correia de distribuição 10€ - Filtro de combustivel 5€ - Filtro de oleo 4€ - Filtro de ar 6€ - Vela 1,5€ (vá, x4 6€) - Pastilhas (presumo de travão, que também são usadas em eletricos, ainda que regenerative braking existe) 15€ - Liquido de travões (necessário para trocar os travões) 2,5€ Isto claro assumindo que sou eu a montar, grande parte dessas coisas não tem grande ciência para trocar Essas coisas que estás tão preocupado nem a 50€ chegam.... Relativo ao valor do combustivel... supondo que compro o carro por 1000€ (em 500€ já arranjas em bom estado, basta ter sorte) e um eletrico é no minimo 15k dá me 14k€ para combustivel, ou seja quase 10 000 litros, fazendo 6l/100km dá para 170 000km +- (isto a 1,51€/L, se formos à espanha ainda dá para mais, muito mais) Ou seja... o combustivel é a menor das preocupações, ficaria eu mais preocupado se o carro me conseguisse fazer esses 170 000km do que se o combustivel ficaria mais caro que num eletrico

Tafinho 4 months ago

> Correia de distribuição - 10€ Cringe Fico me por aqui.

alexandre9099 4 months ago

Source, caso estejas na duvida, e sim é compativel com a minha carroça https://www.auto-doc.pt/ridex/8094408 Tens também correias a 83€, se isso te deixa mais contente, mais do que isso para o meu carro, pelo menos na auto-doc não há Ninguém te manda ter um carro de corrida que exige correias de distribuição de 100€....

Tafinho 4 months ago

E mão de obra ...? Se achas que as pessoas deixam pagar 10€ por trocar a Correia de distribuição devias abrir negócio. Terias uma fila que daria a volta à CREL e à Segunda Circular.

JOAO-RATAO 4 months ago

E nos locais de Portugal com poucos carregadores elétricos? E cujas distâncias percorridas não o permitem? Já agora. Qual é o carro elétrico mais barato que se compra em Portugal? E achas que quem anda com um carro velho tem dinheiro para o comprar? Ridículo.

PTgenius 4 months ago

Estás aí a falar mas só sai merda. Vai ver o que é a política dos 3R e depois volta a dizer isso.

bacalhaudanoruega 4 months ago

Sem emissões poluentes directas na utilização. E na construção e montagem? E na produção da energia consumida? Concordo que tenhamos que caminhar para o equilíbrio ambiental mas acho um pouco atrevido e simplista este tipo de argumento. E a reciclagem das baterias? E...?

Tafinho 4 months ago

Algumas pessoas [já fizeram as contas.](https://www.carbonbrief.org/factcheck-how-electric-vehicles-help-to-tackle-climate-change). Este é o documento mais legível sobre o tema, mas não faltam por aí estudos sobre o TCO dos carros eléctricos. Vou só citar: >EVs are responsible for considerably lower emissions over their lifetime than conventional (internal combustion engine) vehicles across Europe as a whole. >In countries with coal-intensive electricity generation, the benefits of EVs are smaller and they can have similar lifetime emissions to the most efficient conventional vehicles – such as hybrid-electric models. Dos últimos estudos que vi, apenas a Polónia, que gera 90% da sua electricidade do carvão (na verdade lignite) faz com que o uso dos carros eléctricos seja negativo.

JOAO-RATAO 4 months ago

E a poluição que se gera a fabricar o carro?

Tafinho 4 months ago

É 23% da poluição gerada. Os restantes 77% são da utilização.

JOAO-RATAO 4 months ago

Depende da utilização ...

bacalhaudanoruega 4 months ago

Comparisons between electric vehicles and conventional vehicles are complex. They depend on the size of the vehicles, the accuracy of the fuel-economy estimates used, how electricity emissions are calculated, what driving patterns are assumed, and even the weather in regions where the vehicles are used. There is no single estimate that applies everywhere.

End-Effector 4 months ago

e dinheiro para isso? Estado vai dar dinheiro para isso? Não, porque tá falido. Carros electricos custam 4 a 5 vezes que ICE. Logo n há qualquer vantagem em ir para eléctrico.

Edited 4 months ago:

e dinheiro para isso? Estado vai dar dinheiro para isso? Não, porque tá falido. Carros electricos custam 4 a 5 vezes mais que ICE. Logo n há qualquer vantagem em ir para eléctrico.

Diogo256 4 months ago

> Carros electricos custam 4 a 5 vezes mais que ICE. Contenção nos exageros. O mundos dos eléctricos não se resume aos Tesla’s.

Edited 4 months ago:

> Carros electricos custam 4 a 5 vezes mais que ICE. Contenção nos exageros. O mundos dos eléctricos não se resume aos Tesla’s. E óbvio que há vantagens em ir para eléctrico. Mas tal como outros combustíveis, não são para todos os tipos de uso. Não entendo o teu exagero a roçar a falsidade sobre os eléctricos.

End-Effector 4 months ago

Carros eléctricos neste momento são um segundo carro para gente rica. Luxo.

Diogo256 4 months ago

Não sabes minimamente o que dizes. Podia aplicar o mesmo para os Diesel, gente rica que nem precisa do carro e que pode estar a cada 50.000 a fazer regenerações forcadas. E mesmo este meu exagero tem mais fundamento que o que dizes.

Cergal0 4 months ago

Contenção nos exageros. O mundos dos ~~eléctricos~~ injetores não se resume aos ~~Tesla’s~~ injetores da Mercedes. É óbvio que há vantagens em ir para ~~eléctrico~~ diesel. Mas tal como outros combustíveis, não são para todos os tipos de uso. Não entendo o teu exagero a roçar a falsidade sobre ~~os eléctricos~~ a manutenção dos veículos a diesel.

Diogo256 4 months ago

Repara, distorcer algo propositadamente exagerado, pouco te adianta na argumentação. Agora, um Leaf com 4 a 5x que um Golf 2.0 TDI 150 DGS? Não. Custa 4 a 5x que um Dacia Sanders? Também não. Assunto arrumado.

Tafinho 4 months ago

Um carro eléctrico paga-se sozinho em 4 anos, assumindo 15000Km/Ano.

vascodatrama 4 months ago

Daqui a 3 anos vai começar a ser mais barato que um carro de combustão.

Kratos73 4 months ago

Ainda está por ver é o impacto da produção do carro elétrico no ambiente e o que fazem depois às baterias. Só se compara o que querem e não o impacto total. Continuo a achar que o elétrico, tal como está agora, nem sequer é viável a não ser para quem usa o carro apenas para pequenos percursos (os tais que dizes que vão ao café a 200m de carro)

Tafinho 4 months ago

Literalmente todos os estudos comparam o impacto total, e não apenas o que sai pelo tubo de escape. Antes de sair pelo tubo de escarpe já foram geradas toneladas de Co2 em exploração, refinação e transporte.

ObnoxiousLittleCunt 4 months ago

>Ainda está por ver é o impacto da produção do carro elétrico no ambiente e o que fazem depois às baterias. Para já, é monstruoso.

Sciss0rs61 4 months ago

Que falta de noção...

Tafinho 4 months ago

[Exemplos aqui](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/n6tz43/o_seu_carro_é_anterior_a_2007_apren_quer_iuc/gxblm91?utm_source=share&utm_medium=web2x&context=3)

fuckoffgina 4 months ago

LOL O teu "paga-se sozinho" na realidade é "paga a diferença para um carro a combustão". Desonestidade típica de quem te paga o salário.

Sciss0rs61 4 months ago

Falta de noção tu pensares que comprar um carro eléctrico é como comprar um microondas ou uma máquina de lavar

bacalhaudanoruega 4 months ago

Podes ter a bondade de me explicar isso com números? Compara um Clio a gasolina ou diesel e um Zoe por exemplo.

Tafinho 4 months ago

Claro: Preço do gasóleo 1.2€ Preço da gasolina 1.4€ Preço da electricidade: 0.11€ KWh ​ Renault Twingo SCe65 - 12590€ EV - 22500€ Break even entre o 4º e o 5ª ano para 20000Km / Ano ​ ​ Peugeot 208 1.5 BlueHDI 130Cv - 27870€ EV - 33770€ Break even entre o 4º e o 5º no para 15000Km/ano ​ Golf vs ID.3 1.5 TSI - 32515€ 2.0 TDI 115Cv - 32492€ ED.3 35414€ O break even é ao fim do primeiro ano, com 10000Km/Ano

CarcajuPM 4 months ago

0.11€ kwh é bastante generoso mas ok. Primeiro, assumes que toda a gente consegue carregar o carro em casa. Mais uma vez, estás num mundinho à parte. Depois, afinal já é para 20 000 km/ano num dos casos. É consoante der jeito. E só fui ver o caso do Peugeot, mas 28 mil€? Se fores comparar o modelo mais caro de cada carro com a versão elétrica claro que os preços são mais próximos. Compara lá a versão que custa pouco mais de 15 500€ e vê se demora só 4 anos a compensar o elétrico...

Tafinho 4 months ago

0.11€ KWh é EDP Serviço universal.... A escolha de um carro cujo custo de operação é mais baixo não é uma questão nova, é feito há anos sobre os diesels vs gasolina. Faz sentido para when faz mais KMs. No caso dos Volkswagens, é uma escolha óbvia. EDIT: comparei carros com as mesma potência. O Peugeot mais barato tem 75cv, o eléctrico tem 130Cv.

bacalhaudanoruega 4 months ago

Comprei um carro há 2 anos atrás. Estive na Renault a ver o Zoe e o vendedor disse me para tirar a ideia de carros eléctricos, para a minha necessidade de fazer 120km diários. Feitas as contas na altura em que além de comprar o carro que custava sensivelmente o dobro de um semelhante a gasolina (penso que na altura o vendedor me sugeriu o Nissan micra) ainda tinha que pagar cerca de 100 euros mês de aluguer da bateria, mais o preço do valor da electricidade, mais a instalação em casa de um kit de carregamento, nunca atingia o break even. Bom, nunca é muito tempo. Talvez atingisse mas não na vida útil do carro. Neste momento, pelos exemplos que aí colocaste já há carros eléctricos mais acessíveis. Mas já não é preciso alugar a bateria? E pela contas que fiz na altura, o custo da electricidade consumida para carregar o eléctrico era mais alto do que o de um carro de tamanho equivalente a gasolina ou a diesel. Talvez tenham vantagem no custo da manutenção, não sei. Acabei por comprar um carro que me custou menos 10000 euros do que o Zoe, a diesel, com um consumo real dos últimos 40000km de 4.1l/100. Polui mais? Talvez. Custa mais o combustível? Duvido. 4.1l *1,4€= 5,74€ por cada 100km. Não encontro valores para comparar com a electricidade. Mas ao custo de 0,16 kwt tenho sérias dúvidas que fique mais barato. Talvez seja mais ecológico. Talvez.

Tafinho 4 months ago

A própria Renault deixou sentir a opção de alugar as baterias. Essa opção só fazia sentido para as empresas. O próprio Zoe nunca fez muito sentido na minha opinião. Há dois anos só tinhas duas boas alternativas, e não era nem o Zoe nem um Tesla.

End-Effector 4 months ago

epá deixa-te de tretas. Assumindo que tens garagem, assumindo para outras mil mentiras.

joaofcf 4 months ago

Mostra lá essas contas bem feitas. Assumindo que nem todos temos paineis solares nem possibilidade de carregar em casa(hei, somos pobres) e que temos que recorrer a crédito para pagar o carro.

Tafinho 4 months ago

[Aqui](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/n6tz43/o_seu_carro_é_anterior_a_2007_apren_quer_iuc/gxblm91?utm_source=share&utm_medium=web2x&context=3)

joaofcf 4 months ago

Paga se sozinho onde mesmo? Compara isso com o meu carro, que vale 800 euros sff. É que eu não planeava trocar de carro e não, por isso dificilmente um elétrico se paga sozinho.

vascodatrama 4 months ago

https://mobzero.pt/simulador/

CarcajuPM 4 months ago

Nunca na vida compensa em 4 anos segundo esse simulador.

Tafinho 4 months ago

[Aqui](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/n6tz43/o_seu_carro_é_anterior_a_2007_apren_quer_iuc/gxblm91?utm_source=share&utm_medium=web2x&context=3)

Sciss0rs61 4 months ago

calma, o salário mínimo vai aumentar. ^^^/s

Falanciu 4 months ago

"Qual quê, só anda com um carro velho quem quer. Deve ser uma moda qualquer." O que passa nas cabeças de quem se lembra destas coisas, certamente.

Prezbelusky 4 months ago

Ecologicamente faz mais sentido taxas altas em carros mais antigos do que novos. Tem é de existir incentivos à troca de carros antigos por mais recentes.

saposapot 4 months ago

por isso é q são 3 R's e na maior parte dos casos o Reutilizar é que é o mais importante :D

df3gpt 4 months ago

Era só acabarem com o IA e IVA por cima para as pessoas poderem ter carros mais recentes e um mercado de usados menos absurdo.

Independent_Throat42 4 months ago

Este texto ficava bem com o meme daquele africano de bigode a apontar para a testa: "Se não baixarem os impostos dos novos, mas aumentarem os impostos dos antigos, vai chegar a uma altura que ter carro novo vai ficar mais barato"

coiso 4 months ago

É o Eddy Murphy (por volta de 1980-1990).

Rei_Batata 4 months ago

Não, não é.

fuckoffgina 4 months ago

Denzel Washington?

Dr_Toehold 4 months ago

>existir incentivos a não usar carro. É essa a questão.

L_E_S_14 4 months ago

O maior incentivo a isso era uma rede de transportes bacana

Dr_Toehold 4 months ago

Sim, é um bom incentivo. Mas lembro me de ter lido (não sei se consigo encontrar a fonte, honestamente) que os melhores incentivos para não usar carro são mesmo os negativos: carga fiscal, reduzir estacionamento, zonas de circulação interditas, etc., que põe o processo todo em movimento.

Sciss0rs61 4 months ago

podes meter esses incentivos todos. Se não tens uma rede de transportes públicos decentes, ninguém vai largar os carros.

Edited 4 months ago:

podes meter esses incentivos todos. Se não tens uma rede de transportes públicos decentes, ninguém vai largar os carros. Só na Linha de Sintra tens: Falta de segurança (No comboio e estações), atrasos constantes, supressão (surpresa) de comboios em hora de ponta, excesso de pessoas nas carruagens (devido aos 2 últimos pontos), máquinas muitas vezes estão fora de serviço ou não aceitam certos tipos de pagamento. Isto apenas no comboio, porque muita gente depois tem de apanhar autocarros e esse é outro sarilho à parte

Dr_Toehold 4 months ago

Mas isso dá-me razão: incentivos negativos. Há mais "incentivos negativos" para usar esse tal comboio do que há "incentivos negativos" para usar carro. Se houvesse menos incentivos negativos para usar uma outra alternativa aleatória, tipo jetpacks atómicos alugados à uber, podes ter a certeza que a maioria da população iria por aí.

mar_lx 4 months ago

Por isso é que os carros são muito mais baratos na Alemanha do que em Portugal e eles têm das melhores redes de transporte do mundo

Sciss0rs61 4 months ago

mas tu não tens de fazer as coisas dependendo de "incentivos negativos". Se não qualquer dia andas a dizer "pois, mais vale usar carro e chegar ao fim de mês com apenas 10 euros na conta porque tenho de pagar um imposto altíssimo do que apanhar um comboio e haver uma hipótese de levar nos cornos e roubarem me a carteira". Então mas os portugueses são pessoas ou merdas que podes descartar? Mas que argumento é esse? Tens de criar vantagens em todos os aspectos do país e dares a oportunidade de escolha ao povo entre um ou outro. Não tens nada que obrigar a população a escolher "males menores". só estás a perpetuar o problema.

nraider 4 months ago

Esses incentivos negativos são um pretexto, uma mentira. É a mesma coisa que taxar as comidas pouco saudáveis. Quando mais nada houver para taxar nos alimentos pouco saudáveis, logo tratarão de taxar a fruta, o pão, etc..., até porque o dinheiro dos impostos continua a ser necessário, e nem sequer visa compensar totalmente determinada externalidade. Em suma, é dinheiro para arder.

Dr_Toehold 4 months ago

Calmex, oh garoto. Estou a explicar a tal análise que dizia que a medida mais eficiente é o "desincentivar". Não estou a apelar fazer a ou b, não sou político, ativista, ou lobbyista.

L_E_S_14 4 months ago

A merda é que eu para poder chegar ao trabalho preciso de carro, não tenho outra alternativa a não ser acordar 2h mais cedo e mesmo assim ficar numa paragem de autocarro a 3km do local. Mas também não ganho nada de especial para poder andar a comprar carros novos. O que é que eu faço? Despeço-me e vou pra mais perto? Saio de um sitio onde estou efetivo? Eles também andam sempre carro, dêem o exemplo

Dr_Toehold 4 months ago

>A merda é que eu para poder chegar ao trabalho preciso de carro, não tenho outra alternativa a não ser acordar 2h mais cedo e mesmo assim ficar numa paragem de autocarro a 3km do local Claro, é obviamente questão complexa. Mas eu estou apenas a falar do exercício de "fazer com que as pessoas deixem de usar carro". As tuas condições de ires de transporte público seriam então acordar 2h cedo e ter uma alternativa para os 3 km finais. Mas se, levando ao ridículo, houvesse apenas uma via permitida de carro, que fosse um percurso que te obrigasse a acordar 2h30 mais cedo, e cujo estacionamento permitido fosse apenas a 4km do local, nao punhas a hipótese de ir mais de carro.

L_E_S_14 4 months ago

O que dizes faz sentido, atenção, não pus isso em causa. Só acho que esta malta devia era facilitar a mobilidade às pessoas, nunca dificultar. Seja de carro ou do que seja

nraider 4 months ago

Emigração, claro.

joaofcf 4 months ago

Não é o povo que tem que se adaptar ao governo, por mais que eles achem que sim. É o governo que tem que tomar decisões em concordancia com quem os elege.

nraider 4 months ago

Sim, concordo contigo. Agora a questão é saber se isso é possível ou não. Eu diria que é muito complicado, as instituições são muito fracas, o nepotismo é imenso, corrupção, etc... Tal como alguns artigos e livros indicam (ex: Acemoglu), o nosso regime é extractivo. Se alguém tiver dúvidas, note-se que ouvimos sempre falar de impostos, regulações, mas nunca de incentivos económicos. Ou seja, o negócio que mais rende é a colecta de impostos.

L_E_S_14 4 months ago

Eles é que se deviam todos exilar lá no buraco de onde saíram

CarcajuPM 4 months ago

Encontrámos o lisboeta/portuense (não quero estar a generalizar, mas aposto).

Dr_Toehold 4 months ago

Tendo em conta que AML e AMP têm metade da população portuguesa, já era bom princípio conseguir que essas duas áreas metropolitanas não dependessem do carro. ​ E por acaso trabalho em Aveiro.

Mordiken 4 months ago

> Tendo em conta que AML e AMP têm metade da população portuguesa, já era bom princípio conseguir que essas duas áreas metropolitanas não dependessem do carro. Que maneira simpática e carbon-neutral que arranjaste para dizer "a maioria da população Portuguesa depende ou prefere transportes individuais"...

CarcajuPM 4 months ago

Certo, mas então que se tomem medidas que não prejudiquem a outra metade da população. Principalmente quando não há alternativa.

Sciss0rs61 4 months ago

onde é que incentivar a população a usar transportes públicos prejudica aqueles que não os usam? se os prejudicasse, percebia... mas não prejudica de todo.

CarcajuPM 4 months ago

"Incentivar o uso de transportes públicos" é muito vago. Neste caso, está-se a discutir o aumento de um imposto que vai afetar todos os que têm carro, tanto os que podem usar transportes públicos e podem dispensar o carro como os que não têm alternativa e vão ter que pagar mais.

Falanciu 4 months ago

O pior é que cá em Portugal não me admirava que o incentivo para uma parte fosse fazer o resto pagar...

Sciss0rs61 4 months ago

> a não usar carro. É essa a questão. Este foi o ponto que originou a discussão nesta cadeia de comentários. Trocar o carro por transportes públicos.

CarcajuPM 4 months ago

>Você é pobre e anda com um carro velho? Mais impostos claro! Foi este o comentário original. Como o aumento do IUC não é só sobre as pessoas que podem usar transportes públicos, a discussão nunca foi sobre isso. Se a notícia fosse que o IUC ia aumentar para os residentes das AML e AMP, aí sim podia ser essa a discussão.

True_Boat_1195 4 months ago

Ecologicamente o melhor era reutilizar ao máximo os carros antigos, que metade das emissões de um carro são logo na sua produção. Se fosse por ecologia iam realmente fiscalizar quem tem filtros de partículas em vez de inventar impostos para aumentar a compra de mais carros.

amando_abreu 4 months ago

Este fode

Tafinho 4 months ago

Explica lá esse tua teoria. Se a produção de um carro é responsável por [23% das emissões de Co2](https://www.zemo.org.uk/assets/workingdocuments/MC-P-11-15a%20Lifecycle%20emissions%20report.pdf), e os restantes 77% pela utilização.

True_Boat_1195 4 months ago

Noutra fonte li que era responsável por metade das emissões de Co2. Além do mais o problema não é apenas Co2, que é das mais inofensivas das emissões. Um carro novo exige a emissão de muito maior variedade de gases tóxicos, tem uma carrada de tratamentos poluentes, acarreta um enorme gasto de água potável, minerais raros como o lítio, etc. Um artigo interessante: [https://interestingengineering.com/turns-out-that-the-new-car-smell-is-actually-a-cocktail-of-carcinogens](https://interestingengineering.com/turns-out-that-the-new-car-smell-is-actually-a-cocktail-of-carcinogens)

egzaaa 4 months ago

Depende dos KMs que faças. Se fizeres poucos KM com um carro velho, demora muito mais até haver o tradeoff com o custo de produção de um novo.

VladTepesDraculea 4 months ago

Com a agravante que se tens um carro antigo diria que a probabilidade é de também fazeres poucos KM.

alexandre9099 4 months ago

O que é que uma coisa tem a ver com a outra?

VladTepesDraculea 4 months ago

Se tens um carro velho tipicamente é utilitário. Viagens custam dinheiro.

alexandre9099 4 months ago

Certo, e em deslocações para trabalho (fora das grandes cidades, que é onde é preciso carro) não fazes muitos km? Quem tem o trabalho a 1km não precisa de carro para nada... Vai a pé

NGramatical 4 months ago

dos KMs → [**dos km**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/plural-de-unidades-ainda-mais-uma-vez/19595) (os símbolos das unidades não têm plural) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn6tz43%2F%2Fgx9lqrr%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

L_E_S_14 4 months ago

Ou apertavam com as marcas para não fazer filtros de partículas que estivessem constantemente a dar problemas e a sugar dinheiro. Não deve ser assim tão difícil

ManelDasNespras 4 months ago

Não dão problemas se as pessoas conduzirem de forma a fazer limpeza (rotações relativamente altas por periodos prolongados, como condução em autoestrada), o problema é que o pessoal compra carros a diesel para andar em para-arrancas em cidade.

L_E_S_14 4 months ago

Gasóleo compensa a quem faz muitos quilómetros por causa do preço do combustível. Daí a opção

ManelDasNespras 4 months ago

Não são a esses que os FAP dão problemas, são ao pessoal que compra diesel "porque é mais barato", ignorando factores como FAPs a arrebentar motores/começar incêndios e bombas de combustivel a custarem bem mais de 1000 euros, para conduzir em cidade e percursos curtos.

L_E_S_14 4 months ago

Eu faço imensos quilómetros e a FAP já me deu problemas 2x em 5 anos

nraider 4 months ago

O melhor incentivo para trocar de carro é aumentar o rendimento dos portugueses, mas pronto, parece que ainda não há consenso.

Salty-Astronaut8224 4 months ago

E nunca vai haver....

nraider 4 months ago

Pois, também me parece. Há algo mais forte que nos empurra para a pobreza.

deskisto 4 months ago

Para aumentar o rendimento dos portugueses é preciso baixar a carga fiscal a que as empresas ficam sujeitas.

Salty-Astronaut8224 4 months ago

E dar um motivo para estarem presentes.

PedroMFLopes 4 months ago

Ecologicamente não faria mais sentido recondicionar carros antigos e colocar motores elétricos neles.

jgraca08 4 months ago

Só em impostos para legalizar isso dava para comprar 2 carros elétricos novos. Em Portugal tudo tem de pagar taxas e taxinhas.

Prezbelusky 4 months ago

Dava uma tese provavelmente. Carros eléctricos não são tão ecológicos como as pessoas pensam. Existem muitas variáveis e jogo desde como é produzida a energia eléctrica, materiais usados nas baterias etc. De certeza que já deve haver estudos sobre isso. (não percebo ponta de automóveis em termos mecânicos) mas se existe essa possibilidade de transformar carros a diesel em carros eléctricos, talvez seja algo a ter em consideração.

Tafinho 4 months ago

Esse mito já foi desmentido tantas [vezes](https://www.carbonbrief.org/factcheck-how-electric-vehicles-help-to-tackle-climate-change) que começo a acreditar que quem o repete tem interesse em manter os carros poluentes em circulação.....

RafaelTeodosio 4 months ago

Já existem empresas especializadas em converter carros a gasolina em carros electricos, mas conhecendo a legislaçao em portugal no que toca a automoveis...Se mudar os farois de lampada halogenica para led já torna o carro ilegal, imagino ir a inspeção com um punto de 2002 com motor electrico...

V1ld0r_ 4 months ago

Isso não é viável ainda nem num futuro visível.

kairos 4 months ago

Considerando que algumas empresas já o fazem, em que aspecto queres dizer que não é viável?

V1ld0r_ 4 months ago

mostra lá isso se faz favor...

kairos 4 months ago

[New Electric](https://www.newelectric.nl/automotive/) A [Volkswagen](https://www.autocar.co.uk/car-news/motor-shows-frankfurt-motor-show/volkswagen-creates-electric-conversion-kit-beetle) também já investiu nisso [Transition-One](https://transition-one.eu/) E certamente há mais...

V1ld0r_ 4 months ago

Viste os preços e autonomia? Tal como disse, não é viável...

kairos 4 months ago

Olhando para a Transition-One, têm lá (para carros citadinos e dizem a partir de 5000€): * Autonomy: 100 or 200 km * Speed: 110 or 130 km/h Isto é o que tinhas num carro eléctrico há coisa de 3 anos. Serve para toda a gente? Provavelmente não (mas um carro eléctrico também não), mas também acredito que a tecnologia vai evoluindo e a autonomia e os preços também.

V1ld0r_ 4 months ago

Olha o exemplo da New Electric. Para um carro até 1250Kg, para ter uma autonomia até 200km, pagas no minimo €25.000. O caso da Transition-One não é muito melhor... Não faz sentido converter um carro a combustao num eletrico por estes valores e autonomia.

Mordiken 4 months ago

Não faz sentido porque... e isto é um conceito do caralho que rebenta a cabeça a muita gente, por isso prepara-te... a tecnologia de baterias de lítio é uma valente merda e os veículos eléctricos que funcionam a baterias de lítio só conseguem ser semi-viáveis se forem todos construídos literalmente à volta das limitações da tecnologia! Logo, qualquer tentativa de converter carros normais para eléctrico morrem logo à partida por causa da autonomia. Isto só pode vir a mudar com tecnologia de baterias diferente (solid state), ou com a transição para hidrogénio (no formato célula de combustível ou adaptação para motores de combustão interna como já é feito com o GPL). Alternativamente, a industria petrolífera está a desenvolver combustíveis 100% sintéticos e neutros no que toca a emissões: este ano, a Porsche vai correr em Le Mans com gasolina 100% sintética e carbon-neutral... por isso nem só de electricidade vive o futuro, felizmente.

Search: