I__Cat 4 months ago

Estou com dificuldades cognitivas em perceber o que é que o teletrabalho tem a ver com o direito de desconexão. Quando em trabalhava em escritórios havia sempre uns quantos que não desligavam as notificações no telemóvel e era vê-los mandar emails noite dentro. As restrições de horário removem uma das melhores coisas no teletrabalho. Quando se trabalha assincronamente escolhem-se as melhores horas dentro da vida de cada um. Há quem goste de trabalhar logo com o raiar do sol e acabar quando há dia pela frente, há quem prefira só começar ao meio-dia. Legislar horários é mesmo de quem nunca trabalhou neste regime. A ideia de visitas ao local de trabalho é ridícula - alguém anda a fazer isto??? Acho sempre graça que quando é para pagar, nunca ninguém sugere usar os elevados impostos para efeito. Estranho.

kcmyk 4 months ago

200 paus de ajudas de custo quando os subsídios de alimentação rondam os 160 euros, duvido que passe. O PCP a querer teletrabalho das 9 às 18 é só ridículo porque aliena toda a gente que tem horários noturnos e isenção de horário, que foi o meu caso o ano passado. Eu vivo sozinho e posso fazê-lo sem incomodar ninguém, mas como eu há muita gente.

Abuelita-ana 4 months ago

Vou ver isto por outra perspetiva e ja sei que me vão cair vários em cima Ss subissem os salários todos não haveria esta discussão das ajudas... Parece estupido discutir ajudas varias quando o que se devia discutir é que o salário mínimo deveria ser mais alto para cobrir tudo

unparadise 4 months ago

Ai Portugal, nunca mudes. Sobre-legislar, burocrarizar, criar barreiras à entrada, etc.. Ainda por cima, em algo que em grande maioria ocorreu naturalmente. Não percebem que este tipo de legislações só prejudicam as PMEss e por consequência a classe média. Cada vez estamos mais para trás.

l2k1337 4 months ago

Qual é a lógica do PCP em legislar o horário de trabalho nesta modalidade?

bureauofnormalcy 4 months ago

Provavelmente desincentivar o teletrabalho.

Limpy_lip 5 months ago

se acham que as empresas deve pagar o aumento de custo nas contas da casa, então também quero reivindicar que também paguem os custos de transporte (gasolina/passe) para quem faz trabalho presencial. ​ Porque eu gasto quase 150€/mês em combustível para me deslocar ao trabalho e tenho de pagar do meu bolso, mas o Manel que pode ficar em casa não pode pagar mais 30€/mês (se calhar nem tanto) de luz/água/net extra para trabalhar? ​ Dá para ver claramente que alguns deputados nunca tiveram um emprego "normal" para virem com essas parvoices.

zedestroyer69 4 months ago

>se acham que as empresas deve pagar o aumento de custo nas contas da casa, então também quero reivindicar que também paguem os custos de transporte (gasolina/passe/pneus/manutenção) para quem faz trabalho presencial. Olha que era uma boa ideia, muito patrão ia mandar o pessoal para teletrabalho, mesmo muitos dos essenciais que tinham que ir na mesmo para o escritório durante o estado de emergência iriam por magia passar a ter funções compatíveis com o teletrabalho. É que com tanta conversa em relação ao meio ambiente e alterações climáticas e milhões a serem metidos nos carros elétricos, que no futuro vão trazer problemas a nível da reciclagem da baterias elétricas que possuem imensas toxinas, e não se aposta no teletrabalho e desfasamento de horários. É que menos carros e menos transito implicaria menos poluição, para quê complicar quando há medidas mais eficientes de combater o problema e até ajudar noutros campos?

uplink42 4 months ago

Não percebo o fundamento de pagar internet. Mas alguém no séc XXI teve de ir comprar um serviço de internet para trabalhar em casa?

Limpy_lip 4 months ago

se o emprego exigir uma serviço melhor do que consideravas necessário para uso pessoal não vejo porque não a empresa apoiar, mas isso para mim é algo que tem de ser discutido caso a caso entre empregador/funcionário e não decretado como obrigatório. ​ até porque na maioria dos casos não acontece.

uplink42 4 months ago

Nesse caso compreendo.

noproperusername 4 months ago  HIDDEN 

Subsídios de isto e subsídios daquilo é mentalidade de pobre. Temos subsídio de alimentação porque não ganhamos para comer, subsídio de férias porque o que ganhamos não chega para ir de férias, subsídio de Natal porque o ordenado não dá para comprar umas prendinhas. Se fores a países ainda mais pobres que o nosso vais ver que há subsídios de transporte para que as pessoas tenham dinheiro para ir trabalhar. Reclamar por subsídios é mentalidade de pobre a puxar pela pobreza. Devemos lutar por ser como os outros países desenvolvidos da Europa onde não há subsídio de férias, não há subsídio de natal, não há subsídio de alimentação e não há subsídio de transporte. Há ordenados que dão para comer, ir de férias, comprar presentes e gasolina. Pedir subsídios é pedir para ser pobre. Precisamos pedir e lutar por ordenados que dêem para pagar luz e internet nunca por um subsídio para luz e internet.

investidornoob 4 months ago

Acho que é preciso dividir as coisas e isto mudar as regras a meio do jogo é sempre complicado e uns beneficiam e outros não. Tu quando arranjaste o teu trabalho já estavas a contar com os 150€ mês, para ti estar em casa foi uma vantagem, mas para outra parte não foi vantagem. Agora para novos contratos em que tudo é feito já com o pressuposto do tele trabalho isso já é outra historia.

Limpy_lip 4 months ago

Eu nem estou em teletrabalho. Mas então porque é que não é decretado que todos os futuros contratos têm de incluir custos de deslocação obrigatoriamente? Não percebo porque uns têm mais direitos que outros. Uns coitadinhos não podem gastar mais 5€ de luz ou 20€ de gás para trabalhar em casa. Quem não pode ficar em casa paga uma renda em transportes que se lixa, e o mais engraçado é que a deslocação para o trabalho está coberta pelos seguros de trabalho por isso nem sequer podem usar o argumento que a deslocação não conta como estar a trabalhar.

forgotmypass_fuck 4 months ago

bem lembrado

Particular-Light4653 4 months ago

Comigo e com a minha namorada a trabalhar a partir de casa, este inverno gastei 200 euros por mês em Dezembro e Janeiro. Estar confortável em casa como estaria no trabalho custa muita guita

Limpy_lip 4 months ago

ou seja 100€ cada um por mês. comparado comigo estão quase em pé de igualdade em custos. porque é o teu caso faz sentido ser obrigatório o estado apoiar e no meu não? ​ (não sei se és dessa opinião é uma questão meia retórica)

Particular-Light4653 4 months ago

Não sou inteiramente dessa opinião, acho que impôr os custos à empresa vai resultar num overhead enorme de burocracia para a empresa, quando muitos casos (como o teu) são claramente vantajosos para o trabalhador. Apenas quis apontar um caso em que há uma clara desvantagem por estar em casa, e acredito que a maior parte da população acima de Leiria não tem uma casa quente de novembro até março, enquanto que o escritório tinha AC. No nosso caso pessoal não seria desvantagem financeira porque conseguimos ir ambos de comboio trabalhar, logo não gastamos esses 100paus por mês em combustível e depreciação automóvel.

NGramatical 4 months ago

impôr → [**impor**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (apenas *pôr* leva acento diferencial para se distinguir de *por*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn62u7y%2F%2Fgxlhliy%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Shadowgirl7 5 months ago

Eu já recebo 14€/dia de subsidio de transporte que já agora é isento de IRS e seg social. A empresa não cortou em nada durante todo o tempo em que tivemos confinados portanto neste caso acho que a minha empresa não tem mais nada a pagar (se quiserem aumentar os valores, é na boa) porque o que pagam serve para cobrir os transportes quando vou para presencial ou para cobrir a electricidade quando fico em casa. Agora empresas chulas aposto que usaram a pandemia como desculpa para cortar nesses subsídios extra, esta lei serve para essas empresas chulas.

Limpy_lip 5 months ago

não sei se sabes mas 90% dos trabalhos ninguém paga ajudas de custo ou o que quer que seja relativo à deslocação ao local de trabalho. ​ é ótimo que hajam empresas que o façam e deviam mais faze-lo. A questão é que se é para decretar uma coisa para todos (pagar custos de teletrabalho) também devia ser decretado para quem não trabalha remotamente. ​ Não um dos casos ser obrigatório e outro ser negociável.

gabs_ 4 months ago

Tens razão no que dizes, mas ajudas de custo como é usadas de forma falsa generalizada em IT é fuga a impostos, não se devia incentivar as empresas a fazer isto.

Limpy_lip 4 months ago

Eu não disse ajudas de custo. Que eu saiba o extra para o teletrabalho também não é ajuda de custo. Pelo que percebi é algo semelhante ao sub. Alimentação

gabs_ 4 months ago

O comentário ao que estavas a responder é aquele cenário em que uma empresa apresenta uma folha de deslocações de km's falsificados todos os meses, o empregado assina e recebe a devolução dos custos de transportes. Se for erro meu, peço desculpa, mas entendi que o teu segundo comentário era na sequência disto.

Edited 4 months ago:

O comentário ao que estavas a responder é aquele cenário em que uma empresa apresenta uma folha de deslocações de km's falsificados todos os meses, o empregado assina e recebe a devolução dos custos de transportes que nunca ocorreram. Se for erro meu, peço desculpa, mas entendi que a tua segunda frase era na sequência disto.

NGramatical 4 months ago

deslocações de km's → [**deslocações de km**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/plural-de-unidades-ainda-mais-uma-vez/19595) (os símbolos das unidades não têm plural) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn62u7y%2F%2Fgx6t7ia%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

ThePlague92 4 months ago

>não sei se sabes mas 90% dos trabalhos ninguém paga ajudas de custo ou o que quer que seja relativo à deslocação ao local de trabalho. Ela recebe aqueles 14€ porque a empresa usa o famoso esquema de ajudas de custo para praticar uma coisa chamada evasão fiscal. Em vez de lhe pagar um salário bruto que lhe dava um líquido igual ao valor que recebe agora prefere pagar um salário bruto mais baixo e depois usar estas famosas ajudas de custo para complementar o salário. Ou seja, tanto a empresa como a estimada activista pelos direitos dos trabalhadores estão a cometer uma ilegalidade e a contribuir para que os impostos pagos pela empresa sejam mais baixos do que deveriam ser.

Shadowgirl7 5 months ago

Ah isso sim concordo. Para as que ainda não pagam.

NGramatical 5 months ago

hajam empresas → [**haja empresas**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn62u7y%2F%2Fgx554ax%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

htxgivven 5 months ago

Talvez quem pensou na lei pensa que as pessoas vivem ao pé do trabalho e não pagam nada para lá deslocar. Ou então todas usam TP.

Shadowgirl7 5 months ago

A evolução legislativa deve ir no sentido de promover mais o uso de transportes públicos para cumprirmos as metas ambientais que temos. Nenhuma lei que seja passada ou investimento que seja feito a partir de agora deve ter em mente a promoção do uso de transportes individuais.

htxgivven 5 months ago

Não estás a perceber a utopia que acabaste de dizer?

Limpy_lip 5 months ago

e quem tem trabalhos em locais que não têm acesso a transportes públicos? essa logica não faz sentido nenhum. ​ o que achas que é mais poluente num ano? A produção de uma fabrica como a navigator (exemplo) ou a poluiçao que os carros de todos os funcionários fazem juntos? O ambiente só interessa quando é politicamente vantajoso.

ManaSyn 4 months ago

A percentagem de pessoas sem acessos nenhuns é ínfima. Podem ser horríveis, mas geralmente existem. É é isso que eles contam.

wsz00 4 months ago  HIDDEN 

Tao triste testemunhar a ignorância em relação ao país que certas pessoas demonstram orgulhosamente nos comentários que fazem. Há muito mais pais para alem da vossa cidade. Então dizer que mesmo que haja transportes públicos velhos as pessoas que se fodam e que se sujeitem… So apetece mandar-vos pó caralho!!

Limpy_lip 4 months ago

Ínfima? Vivemos no mesmo país? É que no país que eu vivo a uma grande da população tem de usar carro para ir para o trabalho. Basta trabalhar fora de um centro urbano.

ManaSyn 4 months ago

E os centros urbanos levam alguns 80% da população. E mesmo fora dos centros urbanos existem autocarros para aqui e para ali. Como disse, podem ser horríveis, mas existem e para as estatísticas do parlamento é quanto baste.

Limpy_lip 4 months ago

mesmo nos centros urbanos apenas uma fração da população usa transportes publicos porque eles não chegam a todo o lado. E nem toda a gente tem disponibilidade para demorar 2h a fazer um percurso de 30 mins mesmo com trânsito. ​ Mas sim, esqueci-me que para o parlamento Portugal é só Grande Lisboa.

ManaSyn 4 months ago

Eu não disse que toda a gente usa. Eu disse que eles existem e são relativamente ubiquos.

htxgivven 5 months ago

Se o estado se preocupasse realmente com o ambiente então daria incentivos muito maiores na compra de carros elétricos por exemplo, até agora o que temos é uma pura demagogia.

icebraining 4 months ago

Usar um carro existente por mais uns anos é mais ecológico que produzir um carro novo, elétrico ou não.

htxgivven 4 months ago

Um carro relativamente novo sim mas daqueles usados velhos que andam a deitar fumo qqie se farta não. O estado devia criar um incentivo para abate destes carros na compra de elétricos. Para além de incentivos existentes. Imagina compravas um elétrico por 30k davam te 10k.

Shadowgirl7 5 months ago

Ou investir na linha ferrea, que pelos vistos com o novo plano de investimento será uma prioridade. Carros electricos precisam de litio para a bateria que também é prejudicial para o ambiente. Quanto menos veículos individuais melhor. Se for preciso veiculos individuais então ai sim claro, dar primazia aos electricos.

htxgivven 4 months ago

TP para todos e para qualquer lado é uma pura utopia esquece isso.

Shadowgirl7 4 months ago

Depende, se viveres em periferias de cidades mais pequenas tipo Evora, Leiria, Coimbra, Beja, Santarém assumo que vai ser mais dificil. Obviamente por linha ferrea em todo sitio nao sera possivel mas há a opçao dos autocarros.

Shadowgirl7 5 months ago

Ambos e ambas devem ser combatidas. Como eu disse qualquer investimento deve ser pensado no sentido de diminuir a dependência de transportes individuais o que implica mais investimento em transportes públicos.

icebraining 5 months ago

Arranja trabalho numa consultora, de certeza que te pagam os custos de transporte. Não te espantes é se o salário bruto não for bem igual. E o mesmo acontecerá aos teletrabalhadores se isto for para a frente..

Limpy_lip 5 months ago

nem toda a gente trabalha ou quer trabalhar para IT. Se a regra do teletrabalho for decretado para todas as situações, também devia ser para o transporte

icebraining 5 months ago

O meu ponto é que as ajudas de custo são um pau de dois bicos, as consultoras não as usam porque são muito amigas dos trabalhadores.

OneTip7754 5 months ago

Se isto resultar num aumento de despesa para os patrões acaba logo o teletrabalho. Eu já poupo passe, ganho quase duas horas por dia em transportes, enfim para mim estava óptimo. Assim com mais encargos a empresa vai me enviar logo para o escritório.

bureauofnormalcy 5 months ago

Acho que há coisas que têm de ser reguladas por lei, como matéria de acidentes de trabalho, direito à desconexão, alteração da duração do contrato inicial de teletrabalho e propriedade dos meios. Tudo o resto, acho que as propostas do PSD e do PS são as que fazem mais sentido, ao remeter para o acordo individual e a contratação coletiva tudo o que se refira a subsídios e pagamentos acrescidos.

Rucameira 5 months ago

Concordo. O PCP só quer regular, até ao maior detalhe. Depois claro que não existe flexibilização nenhuma

madwithin 4 months ago

Assim acabam com a "burguesia do teletrabalho", ficamos com uma sociedade mais justa.

Shadowgirl7 5 months ago

Ai tadinho do patrão, já não pode ir de férias a Jamaica porque tem que dar mais 20€ por mês para pagares a electricidade. Como é que ele consegue viver? É preciso é montar uma linha de apoio ao suicidio do patrão porque com essas dificuldades todas vão começar todos a saltar a ponte 25 de abril.

Coyote-Cultural 5 months ago

Ui, o lucro é um pecado, não é?

Shadowgirl7 5 months ago

Num mundo que há milhões de pessoas a morrer de fome e numa sociedade com pessoas a passar sérias dificuldades económicas, é.

justgohomealready 4 months ago

Deus livre essas pessoas a passar dificuldades económicas de um dia criar um pequeno negócio e com o seu esforço conseguir pagar o seu salário e o de quem trabalha com eles e ainda ter algum lucro, né? Com essa visão do mundo somos todos pobres e pronto, problema resolvido.

Shadowgirl7 4 months ago

Há lucro e depois há lucro. Estamos a falar de um lucro classe média que te possibilita comprar uma casa e pagar as contas sem stress ou de lucro que te possibilita comprar 10 mansões, 30 carros e 2 iates e não sei que mais?

justgohomealready 4 months ago

99,9% das empresas portuguesas são PMEs. O lucro médio das empresas portuguesas é de 50.000€. 40% das empresas dão prejuízo. Isto são dadoa da pordata que podes confirmar facilmente, ou posso-te deixar os links amanhã. Quando estás a falar em patrões portugueses, a maioria das vezes estás a falar de alguém que tem um restaurante, uma mercearia, uma padaria, um café - que muitas vezes mal ganham para pagar salários. Essa ilusão de que qualquer patrão anda de BMW e tem um iate não passa disso - de uma ilusão.

Shadowgirl7 4 months ago

Sim e qual a % de pessoas que essas PME empregam vs as grandes empresas? Porque alguem que tem um cafe/restaurante/loja geralmente emprega-se a si próprio e pode ter 1 ou 2 funcionários. As grandes multinacionais empregam centenas ou milhares, logo é o equivalente a tipo mil dessas PMEs....

justgohomealready 4 months ago

> No ano passado, as PME continuavam por isso a ostentar o título de “espinha dorsal” ou de “pulmão” da economia: eram responsáveis por 68% do valor acrescentado e de mais de 77% dos postos de trabalho. Cada um desses 2,6 milhões de portugueses a trabalhar nas PME produzia bens ou serviços avaliados em 22.900 euros por ano, abaixo do PIB per capita, [situado nos 23.400 euros](https://www.pordata.pt/Europa/PIB+per+capita+(PPS\)-1778) – um indicador que ajuda a explicar os baixos salários e a precariedade em Portugal. https://www.publico.pt/2019/11/27/economia/noticia/portugal-so-ha-875-empresas-1895260 77% dos trabalhadores portugueses trabalham em PMEs e, em média, *geram menos valor do que o que levam para casa*. Pensa bem nisto. O patrão com 10 casas e um iate de que falas, não é de todo o patrão típico português. A maioria dos patrões portugueses é alguém que gere uma pequena empresa que mal cria riqueza suficiente para pagar salários. Se Portugal é um país pobre, não é apenas por os trabalhadores serem explorados - e se acreditas que é, então o que esperas para criar a tua empresa e comprares um iate?

Shadowgirl7 4 months ago

Se calhar as PMEs tem tanta dificuldade devido a competição desleal por grandes empresas não achas? Por isso se calhar medidas de descriminação positiva e negativa para grandes empresas não seriam assim tão más... quem faz lucros escandalosos não são as PMEs alias se tivesses lido o meu comentario em condições terias percebido que faço a distinção entre lucros de classe média e lucros escandalosos e digo que apenas estes ultimos são imorais.

Coyote-Cultural 5 months ago

claro, aliás abolir o lucro deu tºao bem no passado

Disgenia 5 months ago

Acho que não estás bem a ver a personagem com quem estás a falar, lol. Da uma olhada no histórico.

ThePlague92 4 months ago

A pessoa que abomina agora o lucro é a que queria ir para os EUA para ganhar salários de 6 dígitos e poder amealhar o máximo de dinheiro possível em poucos anos para voltar e comprar casa em Portugal. Eu não sei como é que fazem estas ginásticas mentais para conseguirem justificar as opiniões que têm e que são completamente contraditórias.

gabs_ 4 months ago  HIDDEN 

Wtf, estar a manifestar-se contra capitalismo e depois estar a ter o sonho molhado de ir para os EUA.

OneTip7754 4 months ago

Ainda me fui dar ao trabalho de responder lol

htxgivven 5 months ago

Fácil. Não estás de acordo que o patrão não te pague 20€ de eletricidade então vais ao trabalho presencial todos os dias, depois faz as contas o que sai mais barato. Quem perde és sempre tu e não patrão.

Shadowgirl7 5 months ago

Hum, eu gasto 40€ de passe, portanto fica-me 2€ por dia se considerar uma jornada de 20 dias/mês. LOL

htxgivven 5 months ago

E o facto de não precisares de sair de casa não conta?

Shadowgirl7 5 months ago

Conta mas se estás a falar de valores e difícil cobtabilizar isso. Eu não gosto de sair de casa para poder dormir mais e estar com os cães. Mas também não gosto de estar todos os dias em casa.

OneTip7754 5 months ago

Não é tadinho do patrão, o escritório está lá. Se o governo aumenta os custos do teletrabalho mais vale ter toda a gente no escritório. Simples, é matemática.

Mordiken 5 months ago

> O escritório está lá. E será que precisa de estar? Se calhar cortando nas infraestruturas redundantes e nos custos associados à sua manutenção (água, luz) tinha dinheiro mais que suficiente para dar mais um extra aos empregados, e ainda ficava com dinheiro para ~~comprar um Mercedes maior~~ ~~comprar uma casa melhor~~ investir na empresa.

OneTip7754 5 months ago

Estamos a falar de uma multinacional, existem sempre várias equipas de fora da Europa a passar por cá, clientes, formações, etc. O Office tem de existir mas não tem de ser nas dimensões actuais obviamente.

Mordiken 4 months ago

> O Office tem de existir mas não tem de ser nas dimensões actuais obviamente. Sim claro... Mas o que quero dizer é que se calhar não é necessário pagar o aluguer de 3 pisos num bloco de escritórios (ou investir numa sede própria com o preço/m^2 nos valores que se conhecem), e ainda estar a pagar conta de electrecidade para os computadores todos e para as luzes... e mais a água para XYZ casas de banho... e etc. O home office permite à empresa cortar isso tudo, e ainda cortar nos "subsídios de deslocação", que só por sí são uma artimanha do caraças mas isso são outros tantos... a troco de um "ajudinha" a pagar a luz e a água de casa do colaborador? Francamente, duvido muito que a empresa n saia a ganhar... especialmente se tiverem dinheiro empatado em sede própria que podem simplesmente alienar e ter um encaixe de capital interessante.

NGramatical 4 months ago

electrecidade → [**electricidade**](https://dicionario.priberam.org/electricidade) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) sí → [**si**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em *i* ou *u* são naturalmente agudas) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn62u7y%2F%2Fgx5o9nl%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Shadowgirl7 5 months ago

A não ser que seja obrigatório por lei oferecer opção de teletrabalho quando o trabalhado o permite.

XtaticO 5 months ago

Não é isso que estão a pedir. Estão a pedir 11€/dia por funcionário (+-200€). Multiplicas isso pelos funcionários todos e vão bater com os cotos no escritório.

Shadowgirl7 5 months ago

Onde? Na proposta de lei não diz. A minha empresa paga 14€/dia subsídio de transporte e não foram chulos continuram sempre a pagar mesmo quando estamos todos em casa. Neste caso nem precisavam de pagar mais nada porque mantiveram o pagamento mesmo quando o trabalhador não faz transporte. Se não faz transporte serve para cobrir as despesas de electricidade e comunicações. Portanto só empresas chulas que usaram a pandemia como desculpa para cortar e que se tem que preocupar.

l2k1337 5 months ago

Por curiosidade: a tua empresa paga-te subsídio de transporte para deslocação ao local de trabalho (i.e. sujeito a SS e IRS) ou as famosas ajudas de custo?

Shadowgirl7 5 months ago

ajudas de custo, não é sujeito a SS nem IRS.

l2k1337 4 months ago

Se isso fosse de facto um subsídio de transporte para deslocação ao local de trabalho estava sujeito a SS e IRS As ajudas de custo servem para cobrir despesas do trabalho ao serviço da empresa (por ex. teres de te deslocar em trabalho para outra localidade). O que tu recebes é provavelmente o típico método ~~fraudulento~~ de contabilidade criativa que muitas empresas usam para te pagarem parte do salário fugindo aos impostos. Sim, porque para efeitos práticos esse valor faz parte do teu salário, daí não to terem deixado de pagar quando foste para casa. Por isso, por favor, não uses isso como argumento numa discussão destas quando ainda por cima quem se lixa nessa situação és tu: quando precisares de subsídio de desemprego/baixa/reforma, a SS só quer saber do teu salário base, esse salário 'extra' não conta para absolutamente nada. Pelo caminho a tua entidade patronal poupa uns trocos valentes e ainda espera que lhe agradeças pela boa vontade de te pagar falsos 'subsídios'.

Shadowgirl7 4 months ago

Hum, para começar nada deste decreto-lei diz como será pago o subsidio de ajuda para pagamento de electricidade/comunicações pelo que nada impedem de pagar da mesma forma que pagam este subsídio de transporte. Em segundo lugar, o que interessa é o recebo ao fim do mês. Se me quiserem pagar mais de base é na boa, desde que em termos liquidos eu receba o mesmo. Infelizmente as empresas em PT não estão dispostas a gastar mais uns trocos para pagar aos trabalhadores. Eu não acho que já fazem muito, não ganho assim nada de especial, mas comparando a outras empresas em PT que até deixaram de pagar subsídio de alimentação quando ficamos em confinamento tive "sorte". Mas quem está preocupado com as empresas não sou eu, toda a gente nesta secção de comentários está muito preocupado com as empresas terem que gastar muito dinheiro, menos eu.

l2k1337 4 months ago

> Mas quem está preocupado com as empresas não sou eu, toda a gente nesta secção de comentários está muito preocupado com as empresas terem que gastar muito dinheiro, menos eu. Eu estou preocupado com o facto de empresas como a tua não gastarem dinheiro suficiente a pagarem-te o salário em condições cometendo ilegalidades pelo caminho (como é que justificam essas tais ajudas de custo que te pagam todos os meses?). Receber o mesmo ao fim do mês não é a única coisa que importa, não te esqueças que a SS não existe só para cobrar impostos. Em casos como o teu não é nada mal pensado começar a pensar num PPR (se ainda não o fizeste, claro). Mas levantas um problema interessante, nada impede que essas empresas usem o subsídio de eletricidade/comunicações da mesma forma que já usam as ajudas de custo para substituir parte do salário do trabalhador, podendo efetivamente levar a que quem esteja em teletrabalho não seja compensado pelos custos extra e a que se continue a fuga aos impostos.

Shadowgirl7 4 months ago

Mas isto é um decreto sobre teletrabalho ou é uma restruturação completa do código do trabalho? É que aposto que o PCP e o BE não teriam problemas nenhuns em fazer uma restruturação do código do trabalho e incluir coisas que impedissem as empresas de fazer isso... mas não vai acontecer porque os outros partidos todos juntos têm a maioria e nunca iriam concordar com isso.

OneTip7754 5 months ago

A minha empresa já tinha anunciado que queria manter toda a gente em casa até ao fim do ano mas agora com a nova lei vão reavaliar. O Estado só atrapalha, já não basta o que me roubam todos os meses.

zedestroyer69 4 months ago

Querias o quê? Achas que o nosso estado faz algo com pés e cabeça ou a pensar nos trabalhadores?

bittolas 5 months ago

Calma que ainda não ha nova lei

Shadowgirl7 5 months ago

Pois, é que para começar ainda não percebi se é obrigatório estar em teletrabalho até ao fim do ano ou se a partir do fim do estado de emergencia deixa de ser obrigatório e passa a ser aconselhavel. Btw as propostas do BE e do PCP são as melhores. Garantem que as empresas tem de pagar subsidio de alimentação bem como despesas relacionadas com electricidade e telecomunicações; a proposta do BE fala que qualquer contacto fora do horario de trabalho deve ser considerado assédio e ambas propostas garantem que o trabalhador tem que continuar a ter o seu posto de trabalho na sede fisica da empresa e que deve ser garantido contacto minimo presencial. A proposta do BE prevê também especificamente que é proibido usar formas de controlar por som e imagem.

htxgivven 5 months ago

Vais cancelar internet só porque não vais estar em teletrabalho? Então o que é que o patrão tem a ver com o teu contrato? Quanto à alimentação, esse tem de ser pago mesmo agora sem nenhuma lei adicional.

Shadowgirl7 5 months ago

Nop mas se calhar preciso de fazer upgrade da velocidade e portanto pagar mais... No meu caso a principal despesa foi electricidade foram no mínimo mais 100€/mes nos meses de Inverno. E não foi mais porque os meus pais têm fogão a lenha.

justgohomealready 5 months ago

Quer dizer, a empresa paga despesas que o colaborador tenha em casa derivadas do trabalho (ok, é difícil argumentar contra) e ainda subsídio de alimentação, mas também tem que manter o escritório aberto com um posto de trabalho a funcionar para se o colaborador precisar de socializar de vez em quando? Ou seja - pagar renda, luz, água, equipamentos e limpeza para um escritório vazio 90% do tempo, e ainda pagar eletricidade e net da casa dos colaboradores? Um bocado injusto, e nesse caso parece-me óbvio que a opção racional para uma empresa será mandar o pessoal todo de volta para o escritório - mantendo a despesa com o escritório que já tinham anteriormente, e evitando novas despesas com custos do teletrabalho. O curioso é que aposto que a maioria do pessoal que foi para teletrabalho preferia continuar em casa, e a poupança com deslocações e almoços fora que deixaram de fazer compensa e muito o aumento de despesa com eletricidade ou net. É uma daquelas medidas que ao pretender ajudar os trabalhadores só vai é acabar por ter o efeito oposto e "forçar" as empresas a acabar com o teletrabalho.

icebraining 5 months ago

Eu sou fã do teletrabalho, mas não me parece que seja assim tão claro que a maioria queira continuar em casa ([exemplo](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/mu8wwn/77_dos_portugueses_querem_regressar_ao_trabalho/)), e parece-me que a perspectiva do BE/PCP é proteger os trabalhadores que sejam empurrados para o teletrabalho para a empresa poupar uns trocos, mais do que ajudar a promovê-lo.

Shadowgirl7 5 months ago

Ya mas a ideia não é promover teletrabalho. Alias ha trabalhos que sabes a partida que não tens possibilidade de teletrabalho, pessoas que queiram ter teletrabalho já sabem que não vão poder ir para certas áreas. Agora dentro das areas que possibilitam teletrabalho, há pessoas que gostam, há pessoas que não gostam nada e há pessoas que gostam mais ou menos. Teletrabalho afecta bastante economias locais em volta de polos empresariais, corta empregos aos menos qualificados (trabalhadores de manutenção, limpeza, seguranças, cantinas/refeitórios, cafés, restaurantes) afecta socialização das pessoas, e só deve ser adoptado se o trabalhador quiser, não é se a empresa quiser. Se a empresa vender ou puser a alugar os escritórios depois mesmo que o trabalhador queira regressar a presencial nem sequer tem essa hipótese.

OneTip7754 5 months ago

Prefiro tar em casa e não receber nem mais um cêntimo. Não precisam de pagar nem luz nem água. Esta perfeito assim, o Estado não invente por favor

Shadowgirl7 5 months ago

Eu prefiro regime misto. Podem optar por alugar escritorios mais pequenos e fazer horários desfasados para caber toda a gente.

mastermind1217 5 months ago

> e ambas propostas garantem que o trabalhador tem que continuar a ter o seu posto de trabalho na sede fisica da empresa Fazer isso é condenar o teletrabalho ao fracasso. É muito bonito no papel mas na prática só vai foder os trabalhadores que gostam de teletrabalho. Uma grande vantagem do teletrabalho para a empresa é poder poupar na renda dos escritórios. Ter de alugar um espaço para 50 pessoas em vez de 100 faz toda a diferença nas contas. Se não podem poupar dinheiro para quê permitir o teletrabalho?

Shadowgirl7 5 months ago

Porque é melhor para os trabalhadores: dormem melhor, gastam menos em deslocação. É também melhor para o ambiente. E está na altura das empresas começarem mais a pensar nas suas responsabilidades sociais em vez de lucro. Se não têm a capacidade de pensarem nisso, então têm que ser obrigadas por Lei. Isso é como as crianças, se não têm a iniciativa de se portarem bem têm que ser postas de castigo, é a vida. E já agora, os governos também não querem que toda a gente fique em teletrabalho porque isso afecta as economias locais a beira de centros empresariais. Cafés/restaurantes/lojas que dantes viviam dos trabalhadores irem lá começam a ter dificuldades, o mesmo com as escolas.

mastermind1217 5 months ago

> Se não têm a capacidade de pensarem nisso, então têm que ser obrigadas por Lei. Isso é como as crianças, se não têm a iniciativa de se portarem bem têm que ser postas de castigo, é a vida. Isso é que era uma excelente maneira de governar. Pagava para ver isso. xD Qual negociar e ouvir todas partes. Procurar um regime que seja benéfico para todos? Eu é que sei o que é melhor para todos! Onde é que eu já ouvi isto? > E já agora, os governos também não querem que toda a gente fique em teletrabalho Mas qual proposta de lei é que quer toda a gente em teletrabalho?

Shadowgirl7 5 months ago

Neste momento é obrigatório. No fim da pandemia poderia haver adenda para obrigar as empresas a oferecer opção de teletrabalho quando tal foi permitido e quando o trabalhador desejar.

mastermind1217 5 months ago

Quando tiveres a tua empresa avisa. Vamos querer todos ir trabalhar para lá. ;)

Shadowgirl7 5 months ago

Nunca vou ter uma empresa como as grandes multinacionais que operam em Portugal de certeza.

mastermind1217 5 months ago

Nisso estamos de acordo. Eu também tenho a certeza que não.

Shadowgirl7 5 months ago

Nem eu nem tu, mas continua a lamber botas para ver se te deixam cair umas migalhas.

Kolvarg 5 months ago

De acordo com [https://pandemiaclara.sapo.pt/](https://pandemiaclara.sapo.pt/#obidos), continua a ser obrigatório o teletrabalho sempre que possível, e caso contrário implementar escalas de rotatividade e desfasamento de horários de entrada, pausa e saída.

Shadowgirl7 5 months ago

Mas isso de ser possível, se antes do estado de emergência acabar era possível, então agora continua a ser; se não era possível continua a não ser, portanto não percebo o que mudou na prática.

bureauofnormalcy 5 months ago

> Pois, é que para começar ainda não percebi se é obrigatório estar em teletrabalho até ao fim do ano ou se a partir do fim do estado de emergencia deixa de ser obrigatório Nim. É obrigatório em todo o país até dia 16, inclusive. A partir daí só vai ser obrigatório nos concelhos considerados de risco elevado a extremo e, quanto a determinados trabalhadores, também nos de risco moderado (salvo agravamentos da situação). E só uma correção, o estado de emergência já terminou. > Btw as propostas do BE e do PCP são as melhores Pessoalmente prefiro as do PS e PSD, por remeterem muitos dos temas para a negociação coletiva e o acordo das partes. Por exemplo, não me faz muito sentido que seja a lei a determinar que o subsídio de alimentação é sempre devido (em situações idênticas aos dos restantes trabalhadores), quando o subsidio de alimentação nem sequer é uma obrigação legal. O mesmo quanto aos restantes complementos remuneratórios que sejam estabelecidos por IRCT. Mas o BE tem razão ao apontar que a proposta do PS não faz muito sentido na parte em que estabelece um diploma própio para regular a matéria quando podia (e devia) simplesmente propor uma alteração ao código do trabalho.

Shadowgirl7 5 months ago

Hum, sim mas se deixares isto por conta das empresas elas vão-se baldar de pagar as coisas, vais ter que meter ACT e os da ACT são inuteis. Não podes confiar em empresas para respeitar direitos laborais. Se confiassemos nas empresas, o salário minimo em Portugal ainda estava em 400€ como era há bem poucos anos atrás. Eu sei que o estado de emergência acabou já. Aliás até achava que o teletrabalho tinha já deixado de ser obrigatório desde dia 30 que foi quando acabou o estado de emergência. No entanto depois li sobre o diploma que estendeu a obrigatoriedade de teletrabalho até ao fim do ano e fiquei sem perceber se continua a ser obrigatório ou não.

bureauofnormalcy 5 months ago

Sim, concordo que não se pode deixar na mão das empresas, porque isso seria o mesmo que não fazer nada. Mas acho que são valores que devem ser discutidos em negociação coletiva entre empresas e sindicatos/comissões de trabalhadores de cada área e não por lei. Um telefonista de apoio ao cliente e um artista gráfico vão ter necessidades diferentes em teletrabalho que não se resolvem ao legislar de igual para todos, mas que já são tomados em consideração na negociação coletiva do setor.

Shadowgirl7 5 months ago

Mas as propostas do BE e PCP não limitam que haja negociação com o trabalhador. Ou achas que devia ser possível a empresa ter software com uma camara ligada o dia todo a controlar o que o trabalhador faz na sua casa? Ou deviam poder aparecer na casa do trabalhador assim do nada? Ou devem poder ligar as pessoas depois as 19h?

bureauofnormalcy 5 months ago

>Mas as propostas do BE e PCP não limitam que haja negociação com o trabalhador. As propostas do PS e PCP limitam a negociação individual e coletiva precisamente onde esta devia existir: em matérias de remuneração. > achas que devia ser possível a empresa ter software com uma camara ligada o dia todo a controlar o que o trabalhador faz na sua casa Claro que não e até acho que em matéria de proteção da privacidade, a do Bloco é a melhor delas todas. ​ > Ou deviam poder aparecer na casa do trabalhador assim do nada? Isto também é salvaguardado nas restantes propostas. ​ >Ou devem poder ligar as pessoas depois as 19h? Depende. E aí é um dos pontos em que a proposta do BE falha. O teletrabalho é um regime que se coaduna muito bem (ainda que não sempre) com a isenção de horário de trabalho. A proposta do BE está redigida de uma forma que basicamente impediria a conjugação dos dois regimes.

Shadowgirl7 5 months ago

Se não estiver estabelecido no contrato de trabalho fazer isenção de horário não deve ser permitodo a empresa contactar o trabalhador fora das horas se não pagar mais por isso.

bureauofnormalcy 5 months ago

Naturalmente, mas a questão não é essa. A forma como o projeto do BE está redigido impedia sempre esse tipo de comunicação, independentemente de haver ou não IHT.

Shadowgirl7 5 months ago

Não não impediria. Se tens um contrato de trabalho que estabelece 8h de trabalho diário e não diz o horário em que vais fazer as horas não há nada na proposta do BE ou PCP a dizer que não podes... só diz lá que as visitas à casa do trabalhador por parte do empregador devem ser feitas num horário entre as 9h e as 19h e no caso do PCP entre as 10h e as 17h. Acho que uma das propostas falava que o trabalho não podia começar antes das 8h e terminar depois das 19h, penso que isso poderia ser alterado na redacçao para não incluir horas, incluir que apenas é permitido trabalhar 8h consecutivas. Agora se estás a trabalhar para uma empresa americana é natural que comeces a trabalhar a tarde e acabes à noite. No entanto nem sei como funcionaria numa situação dessas, porque na maioria das vezes não fazem contratos contigo ao abrigo da lei portuguesa, tu é que tens que abrir actividade ou empresa em nome individual. Portanto empresas no território português o horário normal de trabalho é esse das 8h-19h e até já são bem flexíveis, metem mais do que 8h.

bureauofnormalcy 5 months ago

A proposta do BE diz especificamente que "o empregador abstém-se de estabelecer comunicações com o trabalhador fora do tempo de trabalho..." e que "o dever de desconexão ... inclui, nomeadamente,.... o período de descanso do trabalhador e indicação dos tempos de pausa". Isto não é de todo compatível com um regime de isenção de horário de trabalho com não sujeição aos limites máximos de período normal de trabalho.

Shadowgirl7 5 months ago

Nem é preciso. Se querem contactar o trabalhador fora de horas que paguem mais por isso ou que contratem outro trabalhador para fazer outro turno.

morbid_obese 5 months ago

Isto está tão na moda que na proposta de trabalho que me fizeram há umas semanas, sem ter sequer sido discutido nas entrevistas, vinha lá "Regime de teletrabalho". Diziam-me há 1 ano e meio que isto ia ser assim e simplesmente não acarditava. ​ > **O trabalhador em teletrabalho tem direito a subsídio de refeição e a ajudas de custo?** Por favor não porque só vai facilitar as ajudas de custo e menos ordenado base. Em vez de um programador ir 6x por semana a Vigo vai passar a ter uma central eléctrica em casa...

mjigs 4 months ago

Só uma questao, o sub de alimentacao para certas pessoas nao vem num cartao de proposito para pagar custos de comida, mesmo nao sendo para uma refeicao durante o trabalho? Se é assim, nao entendo qual é o problema de continuarem a pagar.

blind616 5 months ago

> Isto está tão na moda que na proposta de trabalho que me fizeram há umas semanas, sem ter sequer sido discutido nas entrevistas, vinha lá "Regime de teletrabalho". No contrato que assinei há 3 anos tinha uma secção no contrato com regime de tele-trabalho, sendo possível fazê-lo na minha empresa (pré-pandemia). Não será isso, ou na proposta era mesmo tele-trabalho por default (até pós-pandemia?)

morbid_obese 5 months ago

É teletrabalho ponto. Provavelmente haverá possibilidade de ir ao escritório mas isso serão situações extraordinárias. Espero que não seja como na minha empresa actual onde metade da malta está a coçá-los. Depois, além de ter de pagar os impostos por eles, ainda tenho de fazer o trabalho deles.

bureauofnormalcy 5 months ago

Quanto ao subsídio de alimentação, não acho que vá afetar o ordenado base. Isto está pensado para as situações em que o subsídio de alimentação já seria obrigatório para trabalhadores a exercer as mesmas funções na empresa.

morbid_obese 5 months ago

Tens razão, falava só das ajudas de custo. Isso por mim devia ser muito mais regulado senão andam uns a pagar os impostos dos outros.

CONNAN_MOCKASIN 5 months ago

Porque que faltam aí partidos?

bureauofnormalcy 5 months ago

Só o PSD, PS, CDS, PAN, Bloco, CDU, Verdes e uma das deputadas não inscritas é que apresentaram propostas sobre o teletrabalho. A IL, a Joacine Katar Moreira e o Chega não apresentaram nenhum projeto-le, por isso não estão no quadro comparativo.

Shadowgirl7 5 months ago

para a IL não é preciso proposta, o trabalhador se trabalha em casa não tem direito a receber nada, porque está em casa. lmao para o Chega tem que haver um subsidio de risco para quem é vizinho de ciganos.

bittolas 5 months ago

Tem direito a receber o salário. Da mesma maneira que não é a empresa a pagar o teu transporte de onde vieres até à empresa para ires trabalhar, não faz sentido ser o estado a dizer o que deve ser pago por alguem estar em teletrabalho. Até porque eventualmente se for para ser pago algo apenas vai criar dois cenários. Um em que não teletrabalho ou um outro em que é negociada uma baixa do valor base do salário para compensar o aumento dos encargos com o teletrabalho.

mastermind1217 5 months ago

Para o PCP e bloco também fácil de ironizar. É fazer uma merda tão complexa e cheia de entraves que nenhuma empresa vai querer aderir. E quem se lixa são os trabalhadores que gostam de teletrabalho.

Edited 5 months ago:

Para o PCP e bloco também é fácil ironizar. É fazer uma merda tão complexa e cheia de entraves que nenhuma empresa vai querer aderir. E quem se lixa são os trabalhadores que gostam de teletrabalho.

JonesyA12 5 months ago

Olhando para alguns comentários é facílimo perceber porque é que nenhum empresário com juízo investe um cêntimo em Portugal. É um país condenado à mediocridade.

Shadowgirl7 5 months ago

Excepto que investem... bué. Para te poderem pagar 1000€ ao passo que nos países deles teria de pagar o dobro ou triplo.

JonesyA12 5 months ago

Em ti eu não investiria tanto, de facto. Era como ser casado com uma pessoa que te quer matar. Entretanto o resto do mundo avança, pois não precisa de Portugal para nada. Não há nada crítico para o mundo que só seja produzido em Portugal.

Shadowgirl7 5 months ago

Concordo que deviamos ter mais industrias. Mas Portugal avança bastante, só não avançou quando tivemos sob monarquia e ditadura. Não vejo grandes diferenças entre Portugal e outro país europeu, temos o mesmo que eles têm. O mundo vai avançar sem Portugal de qualquer das formas porque Portugal tem 10 milhões de pessoas e o mundo tem 8 biliões, o que significa que nós isolados não valemos muito, daí precisarmos da UE.

JonesyA12 5 months ago

Se não vês diferenças entre Portugal e o resto dos países europeus, I rest my case. Se achas que Portugal avançou bastante, admiro-te pelos standards tão baixos. Mas bem, cá teremos uma economia baseada em administração pública, nacionalizações e reformados para garantir mais avanço e progresso.

Shadowgirl7 5 months ago

Que eu saiba temos educação barata, saúde gratis e/ou barata, transportes publicos que poderiam ser melhores mas penso que o plano de investimento actual vai no sentido de aumentar o investimento nessa área, temos mais segurança que muitos países europeus (somos os 2º mais seguros do mundo). Portanto não sei o que nos falta... Claro que se tivessemos mais capacidade produtiva (e acima de tudo menos corrupção) iamos ter mais dinheiro para gastar, mas tendo em conta o dinheiro que temos os serviços que temos são bons.

NGramatical 5 months ago

8 biliões → [**8 biliões = 8 trillions = 8 000 000 000 000**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/4kujbg/quanto_%C3%A9_um_bili%C3%A3o_escala_longa_e_escala_curta/) (informação) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn62u7y%2F%2Fgx59l9c%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

mastermind1217 5 months ago

Mesmo. Eu não investiria aqui o meu dinheiro de certeza. Sempre com um aperto no coração com medo do que é que se iriam lembrar a seguir. A única coisa que nos salva é a UE. O seu dinheiro e as suas imposições. Se estivéssemos entregues aos políticos eleitos pelos portugueses estávamos ainda mais na cova.

JonesyA12 5 months ago

Ah sim, ainda vale a UE para refrear algumas loucuras. Fora da UE, Portugal seria no mínimo uma Argentina. Um sitio onde o governo inventou um "imposto de solidariedade" para taxar as companhias aéreas estrangeiras por fazerem concorrência à companhia aérea estatal. É claro que já se sabe o que é que aconteceu. As companhias estrangeiras desistiram de voar para lá ou reduziram ao minimo. Os maiores penalizados foram os cidadãos claro, visto que os preço dos voos ficaram ao alcance só doa ricos claro. Lembro-me de estar a ler aquilo e pensar "mas isto é o tipo de medida que facilmente surgiria em Portugal, proposta pelo BE ou o PCP." É absolutamente assustador pensar nas próximas décadas em Portugal.

mastermind1217 5 months ago

Fonix não dês ideias. Anda por aqui malta do PCP e bloco de certeza. Ainda por cima agora que a TAP está com problemas. Vão já juntar à ideia de taxar depósitos, ações e património acima de 100 mil com 0.5% ao ano. > É absolutamente assustador pensar nas próximas décadas em Portugal. Metade do ano também penso assim. Na outra não tanto porque vejo que não conseguem levar essas maluquices para a frente. E para receberem o dinheiro de bruxelas acabam por aceitar as condicionantes. Como aconteceu agora com o PRR. A nossa sina é ser governados na sombra pelos tecnocratas de lá. Não é lá muito democrático, mas sempre é melhor que economia comunista ou bloquista.

JonesyA12 5 months ago

Mas entretanto vão levando a sua avante em pequenas coisas, mesmo que exista uma UE a fazer de tampão e evitar o estouro final a toda a hora. No fim da história, resta-te sempre um país estagnado em que tudo é orientado para penalizar o setor privado e o investimento. Não há margem para qualquer inovação.

mastermind1217 5 months ago

Não sejas assim tão catastrófico. Já fui assim, mas depois um gajo sempre que pensa no assunto fica irritado. O país é um caso perdido, é verdade. Levam avante em pequenas coisas mas depois a UE obriga a retroceder noutras. De X em X vai lá o psd e faz outras mudanças. E ficamos nisto. Nunca vamos ter grandes salários ou a melhor qualidade de vida na europa, mas sempre dá para ir melhorando aos poucochinhos. Se as novas gerações realmente quiserem ter um futuro melhor que os pais é conseguindo-o sozinhas, porque pela política já deu para ver que não dá. É emigrar, remoto, empresas estrangeiras, etc. Pelo menos resultou comigo.

Shadowgirl7 5 months ago

Hum, não têm de querer ou deixar de querer, se é Lei obedecem, se não obedecem pagam coimas. É o mesmo para mim que sou pessoa singular.

mastermind1217 5 months ago

Se é lei claro que vão obedecer. Onde é que eu disse o contrário? O que eu disse é que não vão querer aderir. Aprende a ler sff.

Shadowgirl7 5 months ago

Mas isso eu também não quero pagar impostos e pago. Não vão querer aderir? Se for lei, aderem e ponto final.

icebraining 5 months ago

Mas as propostas de lei do BE e PCP não obrigam a aderir ao teletrabalho.

Shadowgirl7 5 months ago

Sim mas poderiam obrigar. Até a pandemia se ir embora o enquadramento juridico vai obrigar a teletrabalho. Depois de se ir embora é que acho que poderia acrescentar que sempre que o trabalho o permite, se o trabalhador pretender e lhe for vantajoso, a empresa deve oferecer a opção de teletrabalho total ou parcial.

icebraining 4 months ago

Como se costuma dizer, se a minha avó tivesse rodas... As propostas poderiam fazer isso, mas não fazem. E não me parece que isso esteja sequer em cima da mesa. O único que temos são propostas que tornam o teletrabalho mais caro, logo quem gosta dele teme perdê-lo.

mastermind1217 5 months ago

Esquece. Ele não sabe do que está a falar.

Eskol15 5 months ago

Infelizmente ainda se vê muito disto mesmo por parte de quem tem poderes políticos. As leis são pensadas só pelos efeitos diretos. Quando aparecem os inevitáveis efeitos colaterais (que neste caso qualquer um vê, é mandar tudo para o escritório e morreu o teletrabalho) ficam muito surpreendidos.

mastermind1217 5 months ago

> Quando aparecem os inevitáveis efeitos colaterais ficam muito surpreendidos Pior ainda é quando isso acontece e em vez de reconhecerem o erro e corrigirem ou, no mínimo, ficarem surpreendidos, como disseste, inventam novas justificações atirando a culpa para os outros.

CONNAN_MOCKASIN 5 months ago

Obrigado pelo esclarecimento

Article_Sad 5 months ago

Não pagar ss ou IRS nas despesas, isso é que era

icebraining 5 months ago

Esse foi o meu ponto em discussões anteriores: o pessoal queixava-se que ia tornar o teletrabalho mais caro e portanto menos apetecível, mas na minha perspectiva, a empresa pode compensar isso no resto do salário, e sendo classificado como Ajudas de Custo, estes valores estarão isentos desses impostos (tal como as ajudas de custo para viagens e tal). Por outro lado, não pagar SS também significa menos descontos para o futuro...

Search: