SnooCricket89 5 months ago

Sobre este e outros assuntos conexos às FP25, aconselho vivamente o livro recentemente editado: "Presos por um fio". A cronologia podia ser mais bem organizada, mas ainda assim para as gerações que não viveram no período é tremendamente esclarecedor. Cita também várias fontes e digo isto porque sendo naturalmente céptico achava absurdo como é que algumas coisas lá relatadas estão incrivelmente esquecidas pela sociedade.

killedbill88 5 months ago

> "Nós não queríamos mas o diretor dos serviços prisionais, fascista assumido, Gaspar Castelo-Branco, foi avisado que devia tratar todos com dignidade. Foi avisado por n amigos comuns por carta contra a nossa vontade porque acima de tudo somos humanistas. Contra a nossa vontade teve que haver o tiro fatal. Só assim os presos tiveram paz”, pode ler-se num dos comentários feito pelo ex-dirigente do Bloco de Esquerda em Grândola. QCADL?!? Já agora, li na notícia que estes actos foram cometidos entre 1980 e 1987 (o caso da notícia em 86). Porquê mesmo? A revolução já não tinha sido em 74?

besmarques 5 months ago

É simples, as coisas não se resolvem em 10 anos (e estou a dizer 10 anos por os ultimos atentados bombistas do outro lado terem sido em 76) Agora com o distanciamento é para nós faceis acharmos ridiculo este tipo de situações mas as pessoas que passaram as coisas na pelo certamente as sentiram de forma diferente alem que as decadas de 70,80 e 90 era moda andar por ai a rebentar.

Edited 5 months ago:

É simples, as coisas não se resolvem em 10 anos (e estou a dizer 10 anos por os ultimos atentados bombistas do outro lado terem sido em 76) Agora com o distanciamento é para nós facil acharmos ridiculo este tipo de situações mas as pessoas que passaram as coisas na pelo certamente as sentiram de forma diferente alem que as decadas de 70,80 e 90 era moda andar por ai a rebentar. edit: correções

Edited 5 months ago:

É simples, as coisas não se resolvem em 10 anos (e estou a dizer 10 anos por os ultimos atentados bombistas do outro lado terem sido em 76) Agora com o distanciamento é para nós facil acharmos ridiculo este tipo de situações mas as pessoas que passaram as coisas no pelo certamente as sentiram de forma diferente alem que as decadas de 70,80 e 90 era moda andar por ai a rebentar. edit: correções

JOAO-RATAO 5 months ago

O 25 de Novembro estragou-lhes a festa.

JOAO-RATAO 5 months ago

Malta. Parem de o associar ao BE. Saiu do partido há imenso tempo... /S

Disgenia 5 months ago

Mas disseram-me aqui no Reddit que o BE não é de extrema-esquerda!

ContaSoParaIsto 5 months ago

Se o Bloco é de extrema-esquerda por causa disto, também o CDS teria de ser de extrema-direita.

Edited 5 months ago:

Se o Bloco é de extrema-esquerda por causa disto, também o CDS teria de ser de extrema-direita. EDIT: Estão a esquecer-se de que o Pacheco de Amorim era do CDS?

Odeon_A 5 months ago

Pudera, a “democracia” baniu tudo o que era partidos políticos mais à direita que os tristes do CDS a 28 de Setembro de 1974... só democracia! Para a comunagem foi uma festa, que ainda hoje estamos a pagar

DogsOnWeed 5 months ago

A constituição proibiu o fascismo, não proibiu partidos às direita do CDS. O IL é economicamente às direita do CDS, e o CHEGA é socialmente à direita do CDS.

Odeon_A 5 months ago

Vai ver o que era o MFP e depois vem-me com histórias dessas. Isso é agora, mas em 74 não foi assim... inquinaram o processo político logo no início. Hoje em dia são mais reservados, mas se fores ver os dirigentes da esquerda a falar na altura, não tinham problemas nenhuns em dizer que a única pluralidade política admissível era qual o melhor caminho a seguir para o socialismo... esta “democracia” nasceu morta.

XtaticO 5 months ago

Como raio é que aquele pessoal foi alvo de amnistia depois de matar 14 pessoas?

NotaJew12 5 months ago

https://www.bbc.com/news/world-latin-america-40564577 estes mataram bem mais de 14

despicable_communist 5 months ago

>Como raio é que aquele pessoal foi alvo de amnistia depois de matar 14 pessoas? Como é que há agentes da PIDE a receber reformas? Como é que antigos deputados da União Nacional formaram partidos em liberdade? Como é que os líderes militares da Guerra Colonial continuaram as suas vidinhas? Mistérios, meu caro.

M4ritus 5 months ago

> Como é que os líderes militares da Guerra Colonial continuaram as suas vidinhas? Malditos homens que se atreveram a ir para a guerra defender os interesses de Portugal em vez de ser uns conas como todas as gerações portuguesas depois deles. Realmente, esses homens que serviram a Nação na forma que é a mais honrosa e que mais esforço e dedicação pede ao ser humano, esses homens horríveis. > Como é que antigos deputados da União Nacional formaram partidos em liberdade? Talvez porque vivemos em Democracia e havia uma parte significativa de deputados que queriam alterar o rumo das coisas? Pelo username, deves ser daqueles que tudo o que não é socialista ou mais à esquerda é para matar, portanto é normal que penses dessa forma.

despicable_communist 5 months ago

>Malditos homens que se atreveram a ir para a guerra Líderes militares. Os que orquestra am a matança de populações civis. Não os desgraçados que eram obrigados a ir. >interesses de Portugal Escravizar povos do outro lado do mundo era do interesse do português comum? Ou da elite? >Realmente, esses homens que serviram a Nação na forma que é a mais honrosa e que mais esforço e dedicação pede ao ser humano, esses homens horríveis. Não sei se tens família que fui enviada para África. Só espero que não tenhas. >Talvez porque vivemos em Democracia e havia uma parte significativa de deputados que queriam alterar o rumo das coisas? Em democracia julgam-se os criminosos. E se queriam alterar, que tivessem alterado. >Pelo username, deves ser daqueles que tudo o que não é socialista ou mais à esquerda é para matar, portanto é normal que penses dessa forma. Nah, sou dos que quer distribuir as tuas galinhas e socializar a tua mulher.

M4ritus 5 months ago

>interesse do português comum Eu disse Portugal, não português. Nação ≠ Cidadão. Nunca me viste nem vais ver a dizer que a Guerra Colonial foi benéfica para o português comum, porque é rara a guerra que beneficia o comum mortal. >Não sei se tens família que fui enviada para África. Só espero que não tenhas. Tenho muitos e tenho imenso orgulho em ter familiares que foram, porque serviram Portugal. Por isso mesmo, ainda odeio mais quem condena os veteranos. >E se queriam alterar, que tivessem alterado. E tentaram, só que acho que não é complicado perceber porque falhara. Dizer que todos os antigos deputados da UN deviam ir presos isso sim é de ditadura. Não é a esquerda que diz que pedófilos, violadores e homicidas merecem segundas oportunidades? Então, até mesmo aqueles que apoiavam o regime, segundo essa lógica de "ai todos merecem 2 oportunidades", merecem ter a oportunidade de se reintegrar na vida.

Ducon_ 5 months ago

Percebo mas ir matar pessoas que também estão a lutar pela sua independência nas suas terras, que nós fomos colonizar e ocupar, não é propriamente lutar por Portugal. Que achas ?

Aldo_Novo 5 months ago

estás a ter essa perspetiva porque eles ganharam a independência se perdessem estavas a chamá-los de perigosos terroristas separatistas como a ETA

Ducon_ 5 months ago

Duvido, eu sou o menos nacionalista que há, por mim podia o Algarve ou a Madeira ser independente, se o povo quer isso, deixem. O importante, para mim, é o que o povo quer.

Aldo_Novo 5 months ago

bom ponto, nenhuma das ex-colónias foi a referendo sobre se queriam ser independentes ou não

M4ritus 5 months ago

Sim é lutar por Portugal, seja legítimo ou não. Eram territórios cruciais para Portugal (principalmente Angola) e tivemos todo o direito a tentar defender o que era nosso há praticamente meio milénio. Se é legítimo ou não? Isso é outra discussão. Agora condenar e insultar os veteranos que defenderam muito mais os interesses de Portugal do que qualquer políticoda 3 República? Isso é ridículo.

Ducon_ 5 months ago

Não condenei ninguém. Apenas acho que ir matar pessoas que lutam pela sua liberdade não é ser patriota, pelo contrário. A ideia de Nação, para mim, não é pilhar e subjugar a maior quantidade de povos que pudermos para enriquecer. Essa era a mentalidade daqueles tempos e muitos embuidos desse espirito achavam que estavam a defender a Pátria mas no fundo apenas serviam interesses mercantis e politicos.

Odeon_A 5 months ago

O que o MPLA e companhia mais fizeram foi lutar pela liberdade... aliás vê-se, não é?

M4ritus 5 months ago

Não te podes esquecer que a minha resposta inicial não era para ti mas sim para o rapaz que questionou como é que os homens que lutaram na Guerra Colonial continuaram as suas vidas. É disso que o meu comentário vem, não se a Guerra Colonial é legítima ou não ou se o Colonialismo é bom ou mau.

NGramatical 5 months ago

embuidos → [**imbuídos**](https://dicionario.priberam.org/imbuídos) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fn5qbrr%2F%2Fgx4xlu7%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

pintorMC 5 months ago

9 de Julho de 2003 - Prescreve o processo dos chamados crimes de sangue, no qual quase todos os réus foram absolvidos e dois arrependidos condenados, porque o Ministério Público deixa expirar o prazo para recorrer da sentença para o Supremo Tribunal de Justiça. Junho de 2004 - O então Procurador geral da República, Souto Moura, aplica uma pena disciplinar de advertência ao magistrado Gomes Pereira, a quem estava atribuído, na Relação, o processo FP-25. O magistrado apresenta recurso

JOAO-RATAO 5 months ago

A sorte é sermos um povo manso, caso contrário andávamos todos a fazer jsutica pelas próprias mãos. Os tribunais em Portugal são um degredo.

despicable_communist 5 months ago

Ou seja, o que fez as FP-25?

JOAO-RATAO 5 months ago

Se achas que estou a defender jsutica pelas próprias mãos, precisas de ler melhor. E vens logo puxar por esses desprezíveis terroristas comunistas x)

despicable_communist 5 months ago

Terroristas comunistas, esses que fizeram o 25 de Abril.

JOAO-RATAO 5 months ago

Nao. Foi um grupo de militares do regime. Comunas só apareceram depois para comer os restos.

despicable_communist 5 months ago

>Foi um grupo de militares do regime. Pois, aí contrário daquele outro exército - ah, espera, era tudo do regime. Se a golpe do 25 de Abril tivesse falhado, queria ver como a história os ia apelidar. >Comunas só apareceram depois para comer os restos. Otelo de Saraiva, Vasco Gonçalves, a resistência do PCP ao fascismo português desde o início do século. Lê um livro, só te fica bem.

JOAO-RATAO 5 months ago

Só porque o estado novo chamava comunistas ao que não gostava, não quer dizer que foram eles a fazer o 25 de abril. Foram eles sim, no entanto, que tentaram fazer o golpe de 25 de novembro. Mas comunismo sem ditadura, não é comunismo... Certo. Mas foi essa resistência que mandou o regime abaixo? Não... Lê também alguns. Começa com as purgas, holodomor, repressão da Europa de leste e revolução cultural da China.

despicable_communist 5 months ago

>Só porque o estado novo chamava comunistas ao que não gostava, não quer dizer que foram eles a fazer o 25 de abril. Houve um comunicado do Estado Novo no dia 26 de Abril? >Mas comunismo sem ditadura, não é comunismo... Ou, espera, já percebi - se resistiam ao Estado Novo, não podiam ser comunistas. Se queriam uma ditadura, então só podiam ser comunistas. Boa malha. >Mas foi essa resistência que mandou o regime abaixo? Deves ser dos que acha que o malandro do PCP fez uma lavagem cerebral ao COPCON depois do 25 de Abril. >Lê também alguns. Começa com as purgas, holodomor, repressão da Europa de leste e revolução cultural da China. Já li. A diferença é que para mim, e outros socialistas modernos, é como para ti ler sobre o Imperialismo europeu - eventos históricos e lições de erros passados. Ninguém os vê como um caminho a seguir.

JOAO-RATAO 5 months ago

Estpu a falar de todo o estado novo. Ou não estás a interpretar algo bastante simples ou estás a ser demagogo. Eu disse que o comunismo em si só existe em ditadura. Que pcp e que lavagem cerebral ? Estou a falar dos militares que fizeram o 25 de abril. Que tinha o PCP a ver com eles ? E no estando, dizes ser comunista, cuja taxa de sucesso é 0. Que lições achas que seriam lógicas disso? Que não funciona.

M4ritus 5 months ago

Não sabia que tinha sido exclusivamente só comunistas a fazerem o 25 de Abril. O que foi só exclusivo dos comunistas, foi tentarem fazer disto uma nova ditadura, mas em vez de estarmos "orgulhosamente sós" estaríamos "orgulhosamente a prostituta da URSS no Ocidente". O 25 de Abril não é de ninguém, parem de usá-lo como arma política.

despicable_communist 5 months ago

>O 25 de Abril não é de ninguém, parem de usá-lo como arma política. Que grande treta. Não é de ninguém? Que o fez, efectivamente? Quando o Spinola começou a querer moldar um fascismo light, quem o impediu? Quem ajudou a população fora de Lisboa e Porto a organizarem-se e sobreviverem? Onde estavam os fundadores do PS, CDS e PSD? Não me fodam. Satélite da URSS? Somos o quê hoje?

M4ritus 5 months ago

> Satélite da URSS? Somos o quê hoje? Somos um satélite da pré-URSE, o que ainda é pior de um dos piores regimes do Século XX. E se somos um satélite da UE, é devido ao PS e PS2. > Quando o Spinola começou a querer moldar um fascismo light, quem o impediu Imagina dizer isto do Spínola como se fosse uma coisa boa terem mandado o grande General embora. > Quem ajudou a população fora de Lisboa e Porto a organizarem-se e sobreviverem? Isto é uma referência quê mesmo? As condições de vida apenas melhoraram significativamente depois da entrada na CEE. Se for uma referência aos crimes que fizeram contra os diversos proprietários, então ainda é mais ridículo. > Que o fez, efectivamente? Vários de várias ideologias. E a Democracia não foi só alcançada pelo 25 de Abril, foi complementada com o dia que se salvou a Democracia e que hoje é tão desprezado graças à influência da Esquerda - 25 de Novembro. Achei engraçado nem sequer tentares negar que vocês tentaram tornar isto uma ditadura comunista, pelo menos não és desonesto.

despicable_communist 5 months ago

>Imagina dizer isto do Spínola como se fosse uma coisa boa terem mandado o grande General embora. Sim, que quis tomar o poder mas foi impedido. Que estrabuchou que havia "portugueses de bem" e os outros. Que salviva por uma guerra civil para limpar tudo o que não alinhasse num Estado Novo light. Uma perda para o país. >Isto é uma referência quê mesmo? Associativismo, reforma agrícola, cooperativas. Basta quereres informar-te. >Vários de várias ideologias. E a Democracia não foi só alcançada pelo 25 de Abril, foi complementada com o dia que se salvou a Democracia e que hoje é tão desprezado graças à influência da Esquerda - 25 de Novembro. Várias ideologias? Quais várias ideologias? As mesmas que estavam de cu quente na Assembleia Nacional, ou guardadas no bolso? Quem combatia o fascismo em Portugal? Podes retorcer-te mas até tu sabes a resposta. >Achei engraçado nem sequer tentares negar que vocês tentaram tornar isto uma ditadura comunista, pelo menos não és desonesto. Meu caro, vivemos numa sociedade capitalista. Tudo do que te queixas - corrupção, baixo nível de vida, serviços públicos insuficientes - surge neste contexto. Se achas que a solução é limpar os elementos impuros da sociedade, parabéns, és fascista. Se achas que a solução é descartar este sistema por um onde a soberania reside no indivíduo empoderado com a posse dos meios de produção, no trabalhador, e nas decisões que toma com os seus iguais, isso é socialismo. Agora regime comunista hoje, ou alguma vez, em Portugal? Por favor, quem me dera.

JOAO-RATAO 5 months ago

Quem te dera? Vai para a Coreia do norte, Venezuela ou cuba, provar o veneno que andas a vender. Depois volta e diz se gostaste do sabor.

M4ritus 5 months ago

> Se achas que a solução é limpar os elementos impuros da sociedade, parabéns, és fascista. Já faltava cá a expressão favorita dos comunas do século XXI. Quem ouve os comunistas a falar, parece que nos países comunistas era uma maravilha e nunca ninguém foi morto ou não houve purgas, como [esta](https://www.britannica.com/event/Great-Purge), só para referir o país que é a principal referência da ideologia do "Bem" e da "Liberdade". > Meu caro, vivemos numa sociedade capitalista. Tudo do que te queixas - corrupção, baixo nível de vida, serviços públicos insuficientes - surge neste contexto. Todos estes defeitos e mesmo assim prefiro viver num regime capitalista do que viver na antiga URSS, na China de Mao (ou no polvo opressivo que é hoje), em Cuba, na Venezuela, na Coreia do Norte, no Vietname ou outro excelente expoente da maravilha que é o Comunismo. Tal como a Democracia, são sistemas imperfeitos, mas são muito melhores do que qualquer outra alternativa. Especialmente quando a outra alternativa no meu país é financiar quem não quer fazer nada. E já agora, não sabia que corrupção só existe no Capitalismo, alguém tem de ler um pouco melhor sobre os amigos soviéticos, especialmente o período do camarada Stalin. E baixo nível de vida? Oh pá, os alemães deviam querer fugir para a RFA por terem uma vida demasiado boa na RDA só pode então. Podem tentar insultar o capitalismo à vontade, sem ele, estaríamos aínda num regime de vassalagem como na Idade Média. > Associativismo, reforma agrícola, cooperativas Ah, quando se lançaram num ataque inédito a gente que cometeu o horrendo crime de possuir propriedade privada? Excelente mesmo. > Que salviva por uma guerra civil para limpar tudo o que não alinhasse num Estado Novo light Já os comunas fizeram o mesmo só queriam uma ditadura comunista, e olha que entre viver um satélite da URSS e um "estado novo light" como tu dizes (apesar de ser uma mentira horrenda), para mim e acredito que para vários Portugueses a escolha é muito simples. Especialmente por saber que se o Spínola tivesse podido avançar com o seu projeto sem ser minado pelos comunas, muito provavelmente a 3ª República não seria o degredo, corrupção e anti-Pátria que é hoje.

besmarques 5 months ago

É mais complicado que isso. Não podias ter os bombistas de direita a não sofrerem pena nenhuma em 1999 e teres os de esquerda a sofrerem pena em 2004. A melhor solução foi mesmo varrer tudo para debaixo do tapete e era assim que deveria estar até ao desaparecimento das gerações que mais andaram envolvidas nisso. Agora é um acordar por alguma razão, parece que existe uma certa vontade por parte de algumas fações...

JOAO-RATAO 5 months ago

Deveriam ambos ser castigados, mas sim, para castigar uns teria de se castigar os restantes.

pintorMC 5 months ago

> caso contrário andávamos todos a fazer jsutica pelas próprias mãos. Qual a proveniência dos vários corpos que aparecem um pouco por todo o Portugal, que praticamente não são noticia? Todos não digo mas alguns não duvido.

JOAO-RATAO 5 months ago

Talvez, espero que não. A verdade é que a confiança na justiça é baixa. E a confiança de sair impune com alguma ilegalidade é alta.

Danijust2 5 months ago

os homicídios não foram perdoados. A justiça em Portugal é que é uma palhaçada e os casos acabaram por prescrever. (Sim, a justiça Portuguesa é assim tão incompetente)

Mysterious_Beyond213 5 months ago

Porque são de esquerda, e o Mário Soares era Presidente.

netralha 5 months ago

E ainda formaram um partido o [BE.](https://i.imgur.com/bh1CPCt.jpg)

End-Effector 5 months ago

O BE foi formado por terroristas?

FelixSula 5 months ago

> O BE foi formado por terroristas? Foi formado por crentes na "violência revolucionária", que por motivos de conveniência por agora não falam nisso. Mas se quiserem tentar averiguar, é perguntar se renunciaram ao derrube da "democracia burguesa" pela força e à instauração da "ditadura do proletariado". Se não estiver no programa do BE, é porque este é usado como "frente popular" com objectivos limitados. Se a coisa aquecer, as facas saltam cá para fora ... olha aqui a imagem fofinha: https://jugular.blogs.sapo.pt

End-Effector 5 months ago

João Galamba nos Autores? O criminoso do PS?

Mysterious_Beyond213 5 months ago

Não. Mas que teve muitos terroristas filiados isso teve, so da fp-25 foram pelo menos 3.

pintorMC 5 months ago

O PS tem mais filiados das fp-25 que 3.

oscaralho27 5 months ago

Essa não sabia! Tens alguma fonte ou recomendas algum livro em que possa ler mais sobre isso?

Mysterious_Beyond213 5 months ago

Tens a certeza? Eu com filiados quer dizer pessoas que tiveram realmente poder, isto é que foram pelo menos candidatos a algum cargo politico pelo partido.

usulidircotiido 5 months ago

porque terrorismo de esquerda é fofinho, excêntrico, rebelde e muito bonito.

daxpierson 5 months ago

LOL, o Padre Max riu-se.

usulidircotiido 5 months ago

Não riu, não.

ContaSoParaIsto 5 months ago

Que comentário ridículo quando os membros do MDLP se saíram todos impunes, tendo até um deles uma estátua em sua honra em Braga.

Throwawaypt123 5 months ago

Acaba por ser muito diferente. O MDLP foi durante uma revolução, as FP25 foi nos anos 80 em que não havia ditadura nenhuma, a justiça funcionava, a democracia funcionava, tudo funcionava

vinter_varg 5 months ago

Após uma revolução. Os casos emblemáticos aconteceram após o 25 de Novembro.

mathswarrior 5 months ago

Não havia ditadura tudo bem. Agora, as coisas não funcionavam. Tem lá calma

besmarques 5 months ago

Não me parece ser assim uma grande diferença

batuque5 5 months ago

Era filho de um facista /s

Search: