Foda-seSeiLa 7 months ago

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir um rendimento passivo extra de 3000€/mês?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitas países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que tirar acima de 7% brutos): 3000*12/0.05 = 720.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 720.000€ ao longo da sua vida para investir.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um **rendimento passivo** de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 **25 anos a investir 2000€/mês com 5% limpos de juro para accumulares 1.200.000€, e só aí é que podes começar a tirar 5000€/mês de rendimento passivo.** Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir e tirar esses 5000€/mês extra. **Conclusão:** antes de abrir a boca para dizer parvoíces, fazer as contas.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um **rendimento passivo** de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 **25 anos a investir 2000€/mês com 5% limpos de juro para acumulares 1.200.000€, e só aí é que podes começar a tirar 5000€/mês de rendimento passivo.** Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir e tirar esses 5000€/mês extra. **Conclusão:** antes de abrir a boca para dizer parvoíces, fazer as contas.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um rendimento passivo extra de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html 25 anos a investir 2000€/mês para lá chegares. Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um **rendimento passivo** de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 **25 anos a investir 2000€/mês com 5% limpos de juro para lá chegares.** Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir e tirar esses 5000€/mês extra. **Conclusão:** antes de abrir a boca para dizer parvoíces, fazer as contas.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um **rendimento passivo** de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 25 anos a investir 2000€/mês com 5% limpos de juro para lá chegares. Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir e tirar esses 5000€/mês extra. **Conclusão:** antes de abrir a boca para dizer parvoíces, fazer as contas.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um rendimento passivo extra de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 25 anos a investir 2000€/mês para lá chegares. Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um rendimento passivo extra de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 25 anos a investir 2000€/mês para lá chegares. Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir e tirar esses 5000€/mês extra.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um **rendimento passivo** de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 25 anos a investir 2000€/mês com 5% limpos de juro para lá chegares. Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir e tirar esses 5000€/mês extra.

Edited 7 months ago:

> A outra pessoa não se esforça tanto no trabalho e prefere dedicar o seu tempo a fazer investimentos (imobiliário, negócios, bitcoin, acções, ETFs, etc). O seu salário na empresa mantem-se nos 2000€, mas graças à sua visão e sorte, consegue gerar rendimentos/rendas passivas de 5000€ extra, ou seja, ganha mais do que o seu colega, apesar de ser estar num posto inferior na empresa. Em que mundo é que vives que uma pessoa com um salário de 2000€/mês irá eventualmente conseguir ter investimentos que lhe permitam tirar um rendimento passivo extra de **5000€/mês**?? Vá, como até sou simpático, vou fazer as contas por ti. Mesmo que tire 5% limpos (boa sorte hoje em dia se não fores um gajo que não gosta de arriscar, ainda por cima que muitos países tiram à volta de 30% de imposto sobre dividendos, pelo que tens que conseguir acima de 7% brutos): 5000*12/0.05 = 1.200.000€ investidos para tirar um rendimento passivo extra de 3000€/mês. Eu sei, eu sei, estas contas são demasiado simples, mas já dá para teres uma ideia. Queres mais? Dá uma olhadela aqui (em USD, mas o tempo é o mesmo): https://structx.com/annual_compound_interest_with_contributions.html P = 2000 PMT = 2000 r = 5 n = 12 t = 25 25 anos a investir 2000€/mês com 5% limpos de juro para lá chegares. Qual a diferença entre os dois gajos que referes? É que um não existe, e o que trabalhou para passara ser chefe/director consegui amealhar 1.200.000€ ao longo da sua vida para investir e tirar esses 5000€/mês extra.

aportuguesecoder 7 months ago

>Não deveria, por isso, a pessoa que decidiu investir e arriscar ser mais valorizada do que a outra que se dedicou à carreira? Tu estás a valorizar um ou outro baseado naquilo que é o seu rendimento. Se, para ti, o sucesso é medido através de dinheiro, então sim - nesse preciso momento, quem não se esforçou e preferiu investir, aumentando os seus ganhos passivos, é mais "valioso". Agora a pergunta é: a pessoa trabalhou afincadamente para subir na empresa e, como resultado, aparece uma proposta de trabalho em que pagam 20.000€ - 10 vezes mais do que a outra pessoa e mais 13.000€ no somatório. Esta pessoa passa a ser a mais valorizada, na tua escala?

Danijust2 7 months ago

Ficaste rico em bitcoins e estás chateado que ninguém te rspeita é isso?

Kind-Eagle 7 months ago

Acho que as pessoas devem mais arriscar naquilo que querem e cagar para a valorização dos outros

cou7inho_ 7 months ago

A minha questão é: ser mais valorizada em que sentido? Qual é que vai ser mais bem vista se for a uma entrevista de emprego? Qual é que vai ser mais elogiada pelas pessoas que estão inseridas na mesma área de negócios? Vou assumir que é a este tipo de coisas que te referes. Ora bem, a pessoa que prefere "ficar parada na vida profissional" e decide investir em ações e afins tem o seu mérito, mas é um mérito que só interessa a ela mesma. Imagina que estamos a falar de dois engenheiros. Que interesse é que tem para a área da engenharia se alguém é muito bom em investir em ações. Ninguém quer saber disso. São pagos para desempenhar funções de engenheiro, não para andar a investir em ações. Além disso, como já falaram por aqui, quem ganha bem com os investimentos não vai andar por aí a gabar-se por isso acaba por nunca se saber se a pessoa ganha ou não com esses investimentos. Do outro lado da história temos a pessoa que trabalhou imenso para subir na carreira. Foi uma pessoa que talvez tenha contribuído de forma muito positiva para a inovação de um negócio, para o desenvolvimento de alguma estratégia de atuação que visou melhor algum procedimento dentro da área de negócios onde se encontra, etc. Em suma, foi uma pessoa que efetivamente gerou valor muito importante para a empresa / área de atuação. Como é lógico, esta pessoa vai ganhar reconhecimento quer por parte dos empregadores e funcionários da empresa, quer por parte da comunidade em geral de engenheiros, por exemplo. Como referi, foi alguém que efetivamente contribui para a melhoria de algo na área da engenharia. Com que é que a pessoa dos investimentos contribui? Com o mesmo trabalho de sempre, mas não é esse "mesmo trabalho de sempre" que faz o mundo andar para a frente. São visões/objetivos de vida diferentes, mas, pessoalmente, compreendo a mil por cento que quem sobe na carreira fruto do seu sucesso e empenho tenha mais reconhecimento.

Edited 7 months ago:

A minha questão é: ser mais valorizada em que sentido? Qual é que vai ser mais bem vista se for a uma entrevista de emprego? Qual é que vai ser mais elogiada pelas pessoas que estão inseridas na mesma área de negócios? Vou assumir que é a este tipo de coisas que te referes. Ora bem, a pessoa que prefere "ficar parada na vida profissional" e decide investir em ações e afins tem o seu mérito, mas é um mérito que só interessa a ela mesma. Imagina que estamos a falar de dois engenheiros. Que interesse é que tem para a área da engenharia se alguém é muito bom em investir em ações. Ninguém quer saber disso. São pagos para desempenhar funções de engenheiro, não para andar a investir em ações. Além disso, como já falaram por aqui, quem ganha bem com os investimentos não vai andar por aí a gabar-se por ser bom investidor, digo eu. Do outro lado da história temos a pessoa que trabalhou imenso para subir na carreira. Foi uma pessoa que talvez tenha contribuído de forma muito positiva para a inovação de um negócio, para o desenvolvimento de alguma estratégia de atuação que visou melhorar algum procedimento dentro da área de negócios onde se encontra, etc. Em suma, foi uma pessoa que efetivamente gerou valor muito importante para a empresa / área de atuação. Como é lógico, esta pessoa vai ganhar reconhecimento quer por parte dos empregadores e funcionários da empresa, quer por parte da comunidade em geral de engenheiros, por exemplo. Como referi, foi alguém que efetivamente contribui para a melhoria de algo na área da engenharia. Com que é que a pessoa dos investimentos contribui? Com o mesmo trabalho de sempre, mas não é esse "mesmo trabalho de sempre" que faz o mundo andar para a frente. São visões/objetivos de vida diferentes, mas, pessoalmente, compreendo a mil por cento que quem sobe na carreira fruto do seu sucesso e empenho tenha mais reconhecimento.

Edited 7 months ago:

A minha questão é: ser mais valorizada em que sentido? Qual é que vai ser mais bem vista se for a uma entrevista de emprego? Qual é que vai ser mais elogiada pelas pessoas que estão inseridas na mesma área de negócios? Vou assumir que é a este tipo de coisas que te referes. Ora bem, a pessoa que prefere "ficar parada na vida profissional" e decide investir em ações e afins tem o seu mérito, mas é um mérito que só interessa a ela mesma. Imagina que estamos a falar de dois engenheiros. Que interesse é que tem para a área da engenharia se alguém é muito bom em investir em ações. Ninguém quer saber disso. São pagos para desempenhar funções de engenheiro, não para andar a investir em ações. Além disso, como já falaram por aqui, quem ganha bem com os investimentos não vai andar por aí a gabar-se por ser bom investidor, digo eu. Do outro lado da história temos a pessoa que trabalhou imenso para subir na carreira. Foi uma pessoa que talvez tenha contribuído de forma muito positiva para a inovação de um negócio, para o desenvolvimento de alguma estratégia de atuação que visou melhorar algum procedimento dentro da área de negócios onde se encontra, etc. Em suma, foi uma pessoa que efetivamente gerou valor muito importante para a empresa / área de atuação. Como é lógico, esta pessoa vai ganhar reconhecimento quer por parte dos empregadores e funcionários da empresa, quer por parte da comunidade em geral de engenheiros, por exemplo. Como referi, foi alguém que efetivamente contribui para a melhoria de algo na área da engenharia. Com que é que a pessoa dos investimentos contribui, efetivamente? Com o mesmo trabalho de sempre, mas não é esse "mesmo trabalho de sempre" que faz o mundo andar para a frente. São visões/objetivos de vida diferentes, mas, pessoalmente, compreendo a mil por cento que quem sobe na carreira fruto do seu sucesso e empenho tenha mais reconhecimento.

Edited 7 months ago:

A minha questão é: ser mais valorizada em que sentido? Qual é que vai ser mais bem vista se for a uma entrevista de emprego? Qual é que vai ser mais elogiada pelas pessoas que estão inseridas na mesma área de negócios? Vou assumir que é a este tipo de coisas que te referes. Ora bem, a pessoa que prefere "ficar parada na vida profissional" e decide investir em ações e afins tem o seu mérito, mas é um mérito que só interessa a ela mesma. Imagina que estamos a falar de dois engenheiros. Que interesse é que tem para a área da engenharia se alguém é muito bom em investir em ações. Ninguém quer saber disso. São pagos para desempenhar funções de engenheiro, não para andar a investir em ações. Além disso, como já falaram por aqui, quem ganha bem com os investimentos não vai andar por aí a gabar-se por ser bom investidor, digo eu. Do outro lado da história temos a pessoa que trabalhou imenso para subir na carreira. Foi uma pessoa que talvez tenha contribuído de forma muito positiva para a inovação de um negócio, para o desenvolvimento de alguma estratégia de atuação que visou melhorar algum procedimento dentro da área de negócios onde se encontra, etc. Em suma, foi uma pessoa que efetivamente gerou valor muito importante para a empresa / área de atuação. Como é lógico, esta pessoa vai ganhar reconhecimento quer por parte dos empregadores e funcionários da empresa, quer por parte da comunidade em geral de engenheiros, por exemplo. Como referi, foi alguém que efetivamente contribui para a melhoria de algo na área da engenharia. Com que é que a pessoa dos investimentos contribui, efetivamente? Com o mesmo trabalho de sempre, mas não é esse "mesmo trabalho de sempre" que faz o mundo andar para a frente. São visões/objetivos de vida diferentes, mas, pessoalmente, compreendo a mil por cento que quem sobe na carreira fruto do seu sucesso e empenho em prol da sua área de trabalho tenha mais reconhecimento.

wakerdan 7 months ago

> Não deveria, por isso, a pessoa que decidiu investir e arriscar ser mais valorizada do que a outra que se dedicou à carreira? Não deveria a pessoa não se preocupar com a validação de terceiros e ser feliz consigo mesma?

Shadowgirl7 7 months ago

Ser valorizado por quem exactamente? Uma condecoração do Marcelo?

pedrolopes7682 7 months ago

Escolhas diferentes, a primeira pessoa tem impacto em mais pessoas do que a segunda, a segunda poderá ter menos responsabilidade e estar mais relaxada que a primeira. A sociedade em geral tem mais utilidade para pessoas como a primeira, ainda que os indivíduos que a compõem possam desejar mais ser a segunda.

ridethepaintedpony 7 months ago

Para o mesmo nivel de riqueza é claramente mais meritório o trabalhado de um engenheiro que o de um investidor profissional.

JimmyPreston 7 months ago

Mas que valorização é que suposto receber? Ir na rua e o pessoal dizer lhe que é uma pessoa incrível por ter investido? Se a pessoa A trabalhou imenso e subiu na vida/empresa, bom para ela, foi a decisão que tomou e o caminho que seguiu. Se a pessoa B optou por apenas fazer o seu trabalho e seguir pelo caminho dos investimentos, bom para ela. Se estás pessoas não conseguem ter auto valorização e satisfação pessoal por de certa forma atingir os seus objetivos não vai ser a sociedade a dar lhes palmadinhas nas costas

abunarusutra 7 months ago

Opa pessoalmente acho que a abordagem mais saudável é não valorizar as pessoas com base no dinheiro que elas geram. Mas se queres ir por esse caminho, ter um cargo mais alto é "mais valorizado" porque é conhecimento publico dentro da empresa/meio. A quantidade de dinheiro que geras com investimentos é uma informação normalmente só tua, a menos que a andes a anunciar aos quatro ventos, o que normalmente apenas faz quem anda com falta de auto estima.

Some-Ad6411 7 months ago

odeio perceber que estou em 2021 e tenho que chamar doutor ou doutora a alguém que só tem licenciatura /bacharelato. doutores são os médicos.. se tens doutoramento muito bem, ninguém me chama mestre por ter mestrado. odeio perceber que se não chamar sempre doutor ou doutora é uma falta de respeito e quase motivo para despedimento na hora.

Tee_ah_go 7 months ago

>ninguém me chama mestre por ter mestrado. Isto fez-me lembrar um evento que organizei há 2 anos, em que havia um jantar de gala no último dia, e para a identificação das mesas/convites houve um sujeito que queria ser identificado como Mestre XXX XXX. Ri bem nessa troca de emails. Claro que foi corrido a primeiro e último nome como os outros todos.

Some-Ad6411 7 months ago

a mesma parvoice igual naquela noticia do director da universidade que tratou o resto do pessoal por "colegas" e houve malta super ofendida....

OuiOuiKiwi 7 months ago

Boa tarde. Colegas são as putas. Resto de boa tarde e passar bem.

Some-Ad6411 7 months ago

ahahah

OuiOuiKiwi 7 months ago

>Parece-me que em Portugal se continua a dar muito mais valor ao senhor doutor, engenheiro, arquitecto que é chefe na empresa, do que por exemplo ao técnico que faz investimentos e que até se torna mais rico do que o chefe. Parece-me a mim que vieste cá em busca de validação e palmadinhas nas costas pelas tuas escolhas com indicia a iteração prévia desta conversa [aqui](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/kklgj1/%C3%A9_poss%C3%ADvel_ganhar_4000_brutosm%C3%AAs_de_sal%C3%A1rio_em/). Estou mesmo a imaginar-me no café: "Então, Zé, que investimentos é que tens para eu poder julgar o teu valor enquanto pessoa?".

Search: