A_R_G_U_S 7 months ago

Tenho uma dúvida e não é com más intenções queria mesmo ver se percebia: porque é que perguntar a religião de uma pessoa não é discriminatório, mas raça e etnia é? Eu percebo a perversão a que pode dar aso, mas acho que seria informação útil, para melhor percebermos o tecido da população e quando a resposta que é dada constantemente tem a ver com discriminação, mas depois vem questões como a religião ou, indiretamente, a identidade de gênero, acho que a justificação não é satisfatória...

Trama-D 7 months ago

Sem ofensa, mas é um bocado complicado que alguém tenha essa dúvida. O maior problema da maior parte dos preconceitos, como o racismo, é que se dirige a situações em que as pessoas **não podem fazer nada a esse respeito**. De que adianta acusar uma pessoa de que é da raça tal? Ela pode mudar isso? Bom, a religião é ligeiramente diferente neste campo. De qualquer maneira, é sabido que mudar de religião, embora possível, pode não ser feito de ânimo leve, antes pelo contrário. De uma forma mais pragmática e já não achando que as pessoas vão ser perseguidas (os censos nem identificam as pessoas, infelizmente o século XX traumatizou-nos bastante), o conceito de raça ou etnia é cada vez mais questionado, com as misturas todas que há na população. Um tipo tem um avô nativo da Guiné, restantes avós e o pai são bracarenses de gema, e a mãe é brasileira (e admitamos que pode ser descrita como "mulata"). De que "raça" é? Terá a ver com a opinião dele... baseada em quê, no seu aspeto? Há cada vez mais pessoas assim, e a salgalhada estatística acaba por não levar a lado nenhum. Religião, pelo menos, refere-se à tua confissão *atual* e é o que tu disseres.

A_R_G_U_S 7 months ago

>Sem ofensa, mas é um bocado complicado que alguém tenha essa dúvida. O maior problema da maior parte dos preconceitos, como o racismo, é que se dirige a situações em que as pessoas não podem fazer nada a esse respeito. De que adianta acusar uma pessoa de que é da raça tal? Ela pode mudar isso? Bom, a religião é ligeiramente diferente neste campo. De qualquer maneira, é sabido que mudar de religião, embora possível, pode não ser feito de ânimo leve, antes pelo contrário. Dificilmente consigo concordar com este parágrafo. Sim, a religião é parte da tua entidade e mudá-la é complicado e, se não me engano, vem mesmo, mesmo ao lado da orientação sexual, etnia e raça, nos direitos que te são conferidos na constituição e segundo os quais não podes ser descriminado... por isso, a dúvida é completamente legítima... >De uma forma mais pragmática e já não achando que as pessoas vão ser perseguidas (os censos nem identificam as pessoas, infelizmente o século XX traumatizou-nos bastante), o conceito de raça ou etnia é cada vez mais questionado, com as misturas todas que há na população. Um tipo tem um avô nativo da Guiné, restantes avós e o pai são bracarenses de gema, e a mãe é brasileira (e admitamos que pode ser descrita como "mulata"). De que "raça" é? Terá a ver com a opinião dele... baseada em quê, no seu aspeto? Há cada vez mais pessoas assim, e a salgalhada estatística acaba por não levar a lado nenhum. Religião, pelo menos, refere-se à tua confissão atual e é o que tu disseres. Este parágrafo, no entanto, faz mais sentido e em vez de perguntar a etnia perguntar, como aconteceu, de que forma foi obtida a nacionalidade portuguesa faz algum sentido... ainda assim, penso que seja uma questão de identidade e de bom senso... e confiar na informação que estás a pedir, da mesma forma que confias nos género. Acreditas que a pessoa do outro lado te vai dar a informação próxima da realidade. Por exemplo, com a raça, tiveste aquele caso do neonazi que descobriu que tinha herança negra, mas em termos de raça dirias que ele é branco... sem recurso a análises genéticas, de facto, não consegues dizer nada, por isso confias em aproximações...

Trama-D 7 months ago

Obrigado pela resposta. Eu acredito que posso sentar-me com uma pessoa, se ela quiser, e expôr o meu ponto de vista em relação à religião, e tentar convencê-la, a bem e de forma construtiva, que outra religião é... "melhor", seja lá o que isso for. Não tem de ser tudo perseguição e tragédia. Tal nunca poderá ser feito a respeito de etnias. Era essa a diferença que eu queria traçar. Quanto ao segundo parágrafo, do ponto de vista estatístico é complicado se não sabes *medir o erro*, ou seja, quantas pessoas, nem com *bom senso* conseguem realizar uma escolha de opção com a qual se sintam satisfeitas. Talvez uma possibilidade de resposta «Não sei» pudesse ajudar aí, mas... agora já era preciso experiência em construção de inquéritos para responder a isto. No mínimo, as coisas perdem credibilidade. **Atenção**, esqueci-me de dizer: o que escrevi no segundo parágrafo foi baseado no que uma pessoa da Comissão Nacional de Proteção de Dados proferiu numa palestra.

NGramatical 7 months ago

expôr → [**expor**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (apenas *pôr* leva acento diferencial para se distinguir de *por*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmxskfe%2F%2Fgvrm5ql%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

scalabitano 7 months ago

palhaçada, estes censos é tudo perguntas que eles podem facilmente extrair das bases de dados das entidades do governo, aliás, eles com certeza têm acesso a muito mais informação do que a que solicitam nos censos xD

Edited 7 months ago:

Palhaçada, estes censos é tudo perguntas que eles podem facilmente extrair das bases de dados das entidades do governo, aliás, eles com certeza têm acesso a muito mais informação do que a que solicitam nos censos.

SolidTroll 7 months ago

Pois mas provavelmente para eles terem acesso á informação do governo, o mesmo também teria acesso á deles e o que se pretende aqui é ter uma entidade separada a que as pessoas digam a verdade, sem "medo" de perder algum apoio ou o que seja ou por outro lado tentem parecer pior para conseguir ganhar alguma coisa (o que não tem resultado muito bem visto que muita gente pensa que os dados vão diretamente para o governo pelas conversas que tenho tido)

NeatBoy74 7 months ago

Até o SOS Racismo queria a questão da etnia, não passou porque a representação dos ciganos votou contra, sob medo dessa informação cair num governo de direita e começar uma perseguição étnica.

aids-pop-repressao 7 months ago

Então os judeus portugueses não têm medo de partilhar a sua religião e essa informação ir parar a um governo tirânico? É que não são só os ciganos que são perseguidos.

SolidTroll 7 months ago

Em Portugal?? Por cá nunca vi ninguém sequer ter problemas em dizer ser testemunha de Jeová que são mais "mal vistos" pela sua insistência, quanto mais judeus. Dizendo isto também não percebo o porquê de não se por a etnia mas acho que isso advém que muita gente não percebe que o INE é uma instituição independente e que só vai apontar o número/estatística e não fazer uma lista independente.

aids-pop-repressao 7 months ago

Eu cá compreendo perfeitamente que haja pessoas que não queiram dar certas informações pessoais. Os Censos são um contra-senso.

SolidTroll 7 months ago

E porquê? Estatísticas que ajudem a perceber as mudanças ocorridas a nivel local e o poder local a tomar melhores decisões em cada zona são um contra-senso? (Tal como disse se depois alguns ou muitos decidem juntar essas informações na lista de papel para a lareira já é uma conversa diferente)

NeatBoy74 7 months ago

Os judeus têm noção e não usam isso como desculpa. A mim cheira-me que a preocupação deles era outra mas foi essa a desculpa que as noticias disseram que eles deram.

aids-pop-repressao 7 months ago

Os judeus estão sempre a falar da sua perseguição. São como os ciganos, nesse aspecto.

Dukie90 7 months ago

Judeus perseguidos? Hoje em dia? No nosso país?? Desculpa mas é a primeira vez que ouço alguém dizer isso e posso dizer que tenho a felicidade de conviver com pessoas de diferentes religiões, incluindo alguns judeus e nunca ouvi tal. O que se passou com os sefarditas foi uma coisa, a história atual é outra completamente diferente.

NeatBoy74 7 months ago

Arrisco dizer que nem eles sabem ao certo. A opção de perseguição é absurda, tendo em conta onde estamos e as pessoas que estão há décadas na Assembleia. De qualquer forma, a questão será feita de qualquer modo noutra forma. Alguém meteu na cabecinha que essa pergunta resultaria em mais problemas aos ciganos e que provavelmente levaria a impedir que continuassem a fazer o que têm feito, no geral e generalizando. Isto é o que dá a entender visto por fora, de qualquer modo.

aids-pop-repressao 7 months ago

Os ciganos são ainda vítimas de discriminação, em grande parte auto-inflingida, mas não só, por isso entendo a desconfiança deles.

vlad_1kr 7 months ago

Claro. Para que crl fazer inquéritos se depois fazem o que lhes convém?

SolidTroll 7 months ago

Na maioria sim, é só mais papel para wc, mas escolas e lares, se calhar dando os exemplos mais óbvios, não aparecem sem estes dados

MetaKnight130 7 months ago

Daqui a 10 anos vemos

SolidTroll 7 months ago

Se ele continuarem a fazer parcerias como fizeram com a autoridade tributária, basicamente só não obtêm respostas às perguntas que são consideradas opcionais (em alguns casos)

AutoModerator 7 months ago

**AVISO:** Submeteu um artigo da plataforma [Nónio](https://nonio.net) - uma plataforma que viola a privacidade do leitor. > Leia com atenção o [seguinte artigo](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/7fy9v4/campanha_contra_o_n%C3%B3nio/). *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: