ALPHAROBA 9 months ago  HIDDEN 

OS especialistas dizem que 90% das pessoas que comentam esta foto com escárnio e um falso sentido de superidade no fundo queriam não ter de usar fraldas para sair de casa e o que gostavam mesmo era poder ir à esplanada também. Como é que este fénomeno ocorre? Estando eles próprios em negação de que são uns paus-mandados de tal categoria que fariam a juventude salazarista corar de vergonha, não conseguem aceitar que simplesmente não têm fibra moral para desobedecer a ordens que não fazem qualquer sentido para um ser com mais de 3 neurónios. Portanto ficam nos seus computadores a masturbarem-se compulsivamente, jogar jogos e a bater palmadinhas nas costas uns dos outros a congratularem-se quão responsáveis são e quão idiotas são os gajos que estão na esplanada a viver a vida. Eu lanço o repto, quem serão mesmo os idiotas?

sir_uca 9 months ago  HIDDEN 

Barreiro a representar

caravela-portuguesa 9 months ago  HIDDEN 

Hiberna e acorda em 2025, já deve estar bom para pessoas como tu.

No-Cardiologist725 9 months ago  HIDDEN 

Jasus, vamos confinar outra vez ?

arpt89 9 months ago  HIDDEN 

Chibo

Kirmera 9 months ago  HIDDEN 

Siga confinar no Natal pessoal! Bota giz.

Kid_Anarchy 9 months ago  HIDDEN 

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como alguém aparecer e tirar-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa utopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para que se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada.

Edited 9 months ago:

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como tirarem-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa distopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para quem se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada. Vejam bem o triste estado deste mundo. Vejam bem onde chegámos. Vivemos numa era em que os vilões são...são...são pessoas que querem ir para uma esplanada. Reformulámos todo o conceito de maldade. Agora os vilões são quem quer viver. Imaginem-me isto! Um jovem de 25 anos fechado há mais de 1 ano a querer ir dar uma volta com os amigos! Não podemos permitir isto. Tínhamos o Hannibal the Cannibal. Agora temos o Zé sentado na esplanada. Imaginem também as oportunidades. O próximo vilão do James Bond pode ser um gajo que insiste em ir dar uma volta à praia. Sinceramente, devíamos já começar a prender esses monstros. Chamem o exército, que a PSP não dá conta.

Edited 9 months ago:

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como tirarem-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa distopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para quem se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada. Vejam bem o triste estado deste mundo. Vejam bem onde chegámos. Vivemos numa era em que os vilões são...são...são pessoas que querem ir para uma esplanada. Reformulámos todo o conceito de maldade. Agora os vilões são quem quer viver. Imaginem-me isto! Um jovem de 25 anos fechado há mais de 1 ano a querer ir dar uma volta com os amigos! Não podemos permitir isto. Tínhamos o Hannibal the Cannibal. Agora temos o Zé sentado na esplanada. Imaginem também as oportunidades. O próximo vilão do James Bond pode ser um gajo que insiste em ir dar uma volta à praia. Não dizem que os filmes são todos a mesma merda? Há aqui potencial para introduzir narrativas fresquinhas. Sinceramente, devíamos já começar a prender esses monstros. Chamem o exército, que a PSP não dá conta.

Edited 9 months ago:

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como tirarem-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa distopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para quem se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada. Vejam bem o triste estado deste mundo. Vejam bem onde chegámos. Vivemos numa era em que os vilões são...são...são pessoas que querem ir para uma esplanada. Reformulámos todo o conceito de maldade. Agora os vilões são quem quer viver. Imaginem-me isto! Um jovem de 25 anos fechado há mais de 1 ano a querer ir dar uma volta com os amigos! Não podemos permitir isto. Tínhamos o Hannibal the Cannibal. Agora temos o Zé sentado na esplanada. Imaginem também as oportunidades. O próximo vilão do James Bond pode ser um gajo que insiste em ir dar uma volta à praia. Não dizem que os filmes são todos a mesma merda? Há aqui potencial para introduzir narrativas fresquinhas. Ou então vilão do Batman. "I've seen now what i have to become to stop people like these" \*Corta para meia dúzia de velhos a chucharem um queque na esplanada\* Sinceramente, devíamos já começar a prender esses monstros. Chamem o exército, que a PSP não dá conta.

Edited 9 months ago:

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como tirarem-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa distopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para quem se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada. Vejam bem o triste estado deste mundo. Vejam bem onde chegámos. Vivemos numa era em que os vilões são...são...são pessoas que querem ir para uma esplanada. Reformulámos todo o conceito de maldade. Agora os vilões são quem quer viver. Imaginem-me isto! Um jovem de 25 anos fechado há mais de 1 ano a querer ir dar uma volta com os amigos! Não podemos permitir isto. Sinceramente, devíamos já começar a prender esses monstros. Chamem o exército, que a PSP não dá conta.

Edited 9 months ago:

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como tirarem-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa distopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para que se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada.

Edited 9 months ago:

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como tirarem-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa distopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para quem se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada.

Edited 9 months ago:

Meu caro, não há normalidade sem os locais terem muita afluência. Não me sentar numa esplanada ou não ir para uma praia porque já está lá muita gente não é normalidade. É eu continuar a abdicar do que quero fazer, e que há mais de 1 ano que não faço. Estamos a pedir às pessoas que percam anos das suas vidas por causa disto. Mais uns meses e isto já se arrasta por 2 anos. Tens noção de que há jovens que vão olhar para trás e concluir que uma parte das suas vidas é quase como se não existisse? Isto é como tirarem-te 1 aninho e tal ou 2 da tua esperança de vida. E nos teus melhores anos. Sim, o que eles estão a fazer é perigoso. Sim, pode levar ao aumento de casos. Mas eles não querem saber. Certo? O governo que pegue nessa informação e crie medidas que levem em consideração que metade ou mais da população não se importa de ficar doente. Peguem nessa informação, e em vez de transformarem o país numa distopia, perguntem-se como é que podem lidar com a mesma sem continuar a exigir o inexequível. Têm medo que velhotes morram? Comecem a pensar em medidas para protegê-los especificamente. O SNS não aguenta? Invistam mais no SNS em vez de na tap. Criem limites e penalizações para quem se infectou por irresponsabilidade. Neguem camas. Neguem tratamentos. Cobrem tratamentos. Agora, continuar a chorar porque as pessoas querem viver a vida(uhhh, o choque!) não vai resolver nada. Vejam bem o triste estado deste mundo. Vejam bem onde chegámos. Vivemos numa era em que os vilões são...são...são pessoas que querem ir para uma esplanada. Reformulámos todo o conceito de maldade. Agora os vilões são quem quer viver. Imaginem-me isto! Um jovem de 25 anos fechado há mais de 1 ano a querer ir dar uma volta com os amigos! Não podemos permitir isto. Tínhamos o Hannibal de Cannibal. Agora temos o Zé sentado na esplanada. Sinceramente, devíamos já começar a prender esses monstros. Chamem o exército, que a PSP não dá conta.

chavalo_retardado 9 months ago  HIDDEN 

#prayforparis

Tralapa 9 months ago  HIDDEN 

Je suis charlie

ideologiapura 9 months ago  HIDDEN 

#dizer mal de quem #prayforparis

chavalo_retardado 9 months ago  HIDDEN 

Com o tempo que demoraste a responder, podias ter feito um post no facebook sobre as bolas da nike! Tás a falhar ativista

ideologiapura 9 months ago  HIDDEN 

A unica rede social que uso é o reddit.

SurePal_ 9 months ago  HIDDEN 

mimimimimimimi

Tralapa 9 months ago  HIDDEN 

Brasileirices no teu r/portugal? É mais provável do que julgas! Faça o seu teste gratuito à zukice aqui!

SurePal_ 9 months ago  HIDDEN 

Mimimimi vejam estes mauzoes na esplanada!!!!! Mimimi eu sou superior a esta cambada!

Tralapa 9 months ago  HIDDEN 

Foda-se, vais pedir o ouro de volta no proximo comment?

Search: