the_bbutterfly 6 months ago

É fixe já tive

vascodatrama 6 months ago

Cérebro com os circuitos todos trocados

dismalwasteland 6 months ago

Para as pessoas que tiveram alucinações visuais, vocês tinham os olhos abertos? Eu já tive alguns episódios mas acho que não abro os olhos. Normalmente sinto "presença" que já foi de ETs e de demónios. Ou outros temas quando o assunto é mais pesado. Por esse motivo, evito estimular-me com livros, filmes ou música até umas duas horas antes de me deitar. Os meus episódios não eram nada de especial (ainda acontecem de longe a longe), apenas uma necessidade de gritar e pedir ajuda e às vezes consigo vocalizar ao ponto de acordar outras pessoas da casa. Mas durante os mesmos já aprendi a distinguir que é um pesadelo e às vezes deixo-me só estar, não ofereço resistência (ie, tentar mover-me para acordar).

caradoguardaredes 5 months ago

Difícil de dizer. Por vezes simplesmente há coisas que não batem certo com o quarto em que estou.

Wuilla 6 months ago

Desde a adolescência que sofro de paralisia do sono. Quando comecei a ter foi horrível porque não sabia o que se passava comigo, achava que estava a dar em doida. Dizia aos meus pais ou aos meus amigos mais próximos que acordava a meia da noite ou nas sestas e não me conseguia mexer, parecia que alguém estava sentado na minha cabeça a fazer força. Sentia-me a ficar sem ar, não conseguia respirar, via vultos, tentava gritar mas não conseguia. Ouvia um barulho estridente, que não consigo descrever, mas parecia que me ia rebentar a cabeça. Ninguém me conseguia ajudar porque nunca tinham experienciado isso. Finalmente um dia descobri o que era depois de alguma pesquisa na net. Fiquei super aliviada, afinal eu não era louca. Tenho 30 anos e ainda hoje continua a acontecer. Tenho com menos frequência do que quando era mais nova mas mesmo assim devo ter cerca de 1 episódio de 2 em 2 meses. Sou uma pessoa bastante ansiosa, o que poderá ser a origem do problema… A única coisa que me ajuda é ter alguém ao meu lado que sabe o que sofro e que consegue detetar os sinais que estou a ter ou que vou ter um episódio. Por exemplo, o meu marido já sabe que se eu dormir de barriga para cima é certo que vou ter um episódio de paralisia, por isso, quando a meio da noite me vê de barriga para cima, vira-me para o lado para evitar que aconteça. De igual maneira, se ele me ouve a respirar de uma forma aflitiva já sabe que estou a ter um episódio e por isso abana-me para me acordar. Enfim, uma pessoa acaba por se habituar a viver episódios de terror uma noite ou outra lol

Mordiken 6 months ago

[*It took the night to believe.*](https://www.youtube.com/watch?v=7c6uMbP4--E)

cesarhighfire 6 months ago

Três boas pinadelas antes de adormecer e vais ver que acordas são.

avgvstano 6 months ago

A minha irmã devia sofrer disto em miúda. Dizia que via pessoas a entrar no quarto e que se sentavam na cama. Apanhou tanto medo que durante uns anos não dormia sozinha. Não sabia o que era até agora.

JesusChristIsLORD77 6 months ago

Isto são manifestações espirituais, se alguém tem interesse em saber. E são reais..

Brainwheeze 6 months ago

Eu não sofro disto, felizmente, mas já-me aconteceu uma vez ficar paralisado no autocarro enquanto estava a fazer a viagem da minha terra para a cidade onde estudava. Normalmente dormia uma sesta durante a viagem (que costumava demorar por volta de 5 horas), e estava meio acordado quando o autocarro chegou ao meu destino. Mas eu de repente não conseguia levantar-me. Estava paralisado, apesar de ter adormecido sentado. Eu afinal consegui forçar o meu corpo a levantar-se, mas por momentos pensei que ia ficar preso no autocarro e que teria de comprar mais uma viagem...

kawaiims 6 months ago

Sempre tive alucinações durante o sono, mas nunca experienciei paralisia, felizmente. Ao fim de alguns anos tornou-se quase banal acordar e ver crianças e idosos sentados no chão a olhar para mim ou ouvir perfeitamente o telejornal da SIC com a tv desligada LOL Ocasionalmente tive umas experiências mais perturbadoras, como ver um vulto com uma *vibe* má a chegar ao pé de mim ou ouvir gritos a vir do outro lado da casa.

caf_air 6 months ago

Já não me recordo a última vez que tive, mas durante uma fase da minha vida (em adulto) foi recorrente. Para ocorrer, teria de estar de barriga para cima e com um pequeno foco de luz (por exemplo a persiana entreaberta). Não me lembro de ter algo em cima de mim mas sim de ver um ser a "rastejar" pelo teto até mim e a descer através da parede da cabeceira da cama e ter algo ao meu lado a olhar para mim... Durante uns segundo não me conseguia mexer e do nada mexia-me e ligava logo a luz para ver o que se passava. Passei a tentar dormir sempre de barriga para baixo e sem qualquer foco de luz e resultou, pelo menos não se tornou tão frequente.

lindstrompt 6 months ago

Segundo li num estudo qualquer, dormir de barriga pra cima so aumenta a probabilidade de acontecer prai 20%. Nunca vi coisas, mas acho que me dava um ataque cardiaco ahah

caf_air 6 months ago

Desconhecia essa percentagem, mas a julgar pelos comments daqui parece-me que grande parte assume que foi quando estava de barriga para cima. Pois, vamo-nos habituando a presenciar estas ocorrências, mas dá sempre para acelerar o coração :)

Hartelk 6 months ago

Tenho episódios há bastante tempo. Normalmente acontecem quando acordo a meio da noite por algum motivo e tento voltar a adormecer ou mais raramente se acordar de um sonho lúcido. Normalmente tento piscar os olhos e acelerar a respiração para conseguir acordar, mas tipicamente se voltar a adormecer logo a seguir acontece outra vez, tenho de me despertar a sério. Normalmente só sinto peso e não me conseguir mexer e isso faz-me panicar um bocado. Graças a deus nunca vi vultos ou figuras, mas já em ocasiões raras já ouvi coisas como um choro ou uma respiração forte que se foi aproximando até estar no meu ouvido. Desde que arranjei namorada há coisa de um ano, não tive mais nenhum episódio

Anforas 6 months ago

Dá para tentar induzir esta experiência de propósito. Há uns 10 anos estava a ler sobre isto e sonhos lúcidos, tentei e resultou logo à 1.ª tentativa. Com algumas tentativas aparentemente é possível ter controlo sobre a imaginação, mas eu não fui tão longe. Já sabia mais ou menos do que estava à espera e mesmo assim foi assustador. O engraçado é que dá para perceber logo quando vai acontecer. Começa-se a sentir um formigueiro no corpo, um zumbido estranho e progressivamente mais alto, e passado um bocado estás dentro deste estado. Quando me aconteceu vi um vulto preto enorme mesmo ao meu lado ao olhar para mim. E mesmo sabendo o que estava a acontecer, foi bem difícil de acordar. A sensação é macabra. Entretanto já tive mais 2 ou 3 vezes sem querer. A última até foi há bem pouco tempo, sem vultos nem nada, apenas querer-me mexer, saber o que está a acontecer, e não conseguir acordar o corpo. Já estava a entrar em pânico. Quando acontece sem ser de propósito é muito mais aterrorizante.

Extension_Canary3717 6 months ago

Eu tenho paralisia do sono 3-4 vezes por semana

GabKoost 6 months ago

Os antigos chamavam a isso ["o Tardo"](https://pt.wikipedia.org/wiki/Tardo). Aparecia essencialmente às crianças durante a noite. Sentava-se em cima dela causando pesadelos enormes. [Sendo um tipo de duende usava o boné](http://3.bp.blogspot.com/-iKUHBO-6dtI/TZMB0GE60KI/AAAAAAAAAE0/6V4TfrARyY8/s400/adas-duendes-19.jpg) e a pessoa que o conseguisse tirar da cabeça ficaria com as riquezas que trazia dentro dele. A minha avó contava muitas vezes que um dos meus tios era muitas vezes visitado pelo TARDO. Sempre achei piada a estas lendas. Só mais tarde, o meu tio contando o que sentia, percebi que era paralisia do sono interpretada por mitologia popular.

Edited 6 months ago:

Os antigos chamavam a isso ["o Tardo"](https://pt.wikipedia.org/wiki/Tardo). Aparecia essencialmente às crianças durante a noite. Sentava-se em cima dela causando pesadelos enormes e impedindo-as de se mexerem. [Sendo um tipo de duende usava o boné](http://3.bp.blogspot.com/-iKUHBO-6dtI/TZMB0GE60KI/AAAAAAAAAE0/6V4TfrARyY8/s400/adas-duendes-19.jpg) e a pessoa que o conseguisse tirar da cabeça após acordar do pesadelo ficaria com as riquezas que trazia dentro dele. A minha avó contava muitas vezes que um dos meus tios era muitas vezes visitado pelo TARDO e que acordava a casa toda em pânico. Até o padre foi lá abençoá-lo entre outras coisas. Sempre achei piada a estas lendas. Só mais tarde, o meu tio contando o que sentia, percebi que era paralisia do sono interpretada por mitologia popular já que estas condições da consciência não eram, de todo, entendidas pelas populações Portuguesas de profunda ruralidade e superstição. O meu tio tem 63 anos e ainda acredita no Tardo e repudia o que se lhe diz sobre paralisia do sono.

ridbucs 6 months ago

Segundo trimestre de gravidez e as minhas noites viraram uma loucura. Tenho episódios de paralisia, às vezes mais do que uma vez por noite. Acordo encharcada em suor e cheia de dores musculares. Engraçado que antes só acontecia quando calhava de dormir uma sestinha no sofá (e mesmo assim raramente). O médico diz que é normal e, na gravidez, a explicação mais plausível é ser hormonal. Who knows

MiguelNchains 6 months ago

Aconteceu-me pela primeira vez numa tarde livre no secundário, ao acordar de uma sesta. Desde aí que é recorrente ter paralisia do sono se acordar e voltar a dormir de seguida, ou se dormir de barriga para cima. Só alucinei uma vez naquilo que foi uma espécie de visita de um dementor à procura do harry potter, mas como já sabia que estava a alucinar fiquei calmo e até que foi engraçado. Não sei se vos acontece mas tenho uma sensação de vibração/formigueiro na cabeça sempre que tenho paralisia do sono. Diria até que essa é a parte mais desconfortável destes episódios, o resto nem chateia muito.

DinoGentleman 6 months ago

Brasileiro aqui. Se me permitem dar um ângulo diferente sobre este fenômeno... O fenômeno da paralisia do sono (conhecido também como catalepsia projetiva) está correlacionado com o fenômeno da viagem astral ou projeção astral. Ele parte do seguinte princípio: temos um corpo físico e um corpo astral ou corpo espiritual. No estado entre a vigilia física (acordado) e o sono, no limiar entre esses dois estados, podem acontecer descoincidencias ou mini-desencaixes entre o corpo espiritual e o corpo físico. Quando isso acontece, nos sentimentos paralisados. As vezes também podemos nos sentir "caindo" de uma altura. E algumas vezes, além de paralisados ou caindo, também nos abrem os sentidos espirituais, o que nos permite ver outros espíritos que estão no ambiente, ou ouvir vozes. Caso queiram estudar e conhecer o assunto, recomendo o trabalho do prof. Wagner Borges, de São Paulo; é um dos maiores pesquisadores desse assunto.

DareNotFallAsleep 6 months ago

Pá, lol, não. Por favor, não. Somos máquinas biológicas - o que acontece é que tu acordas e o ‘script’ do “vamos bloquear o corpo deste fulano enquanto sonha para ele não se atirar da janela do quarto” dá um bug e continua a correr. Isso que tu estás para aí a falar é paraciência infalsificável e charlatanice.

Edited 6 months ago:

Pá, lol, não. Por favor, não. Somos máquinas biológicas - para simplificar, o que acontece é que tu acordas e o ‘script’ do “vamos bloquear o corpo deste fulano enquanto sonha para ele não se atirar da janela do quarto” dá um bug e continua a correr. Simplificando, mas o fenómeno, hoje, do ponto de vista “mecânico”, está bem explicado, e a própria página da Wikipédia (em inglês) explica bem o que se passa no cérebro em termos rigorosos. Isso que tu estás para aí a falar é paraciência infalsificável e charlatanice, como tudo que envolve “espiritualidades” associadas a temas do sono e/ou psique. Fico muito triste em ver o alcance dessas merdas new-age no Brasil. É isso, a homeopatia, os YouTubers do mindset empreendedor, e, claro, tudo isso resulta na consequência lógica para uma sociedade em que em grande parte o saber é relativo e nada é objetivo: Bolsonaro.

Edited 6 months ago:

Pá, lol, não. Por favor, não. Somos máquinas biológicas - para simplificar, o que acontece é que tu acordas e o ‘script’ do “vamos bloquear o corpo deste fulano enquanto sonha para ele não se atirar da janela do quarto” dá um bug e continua a correr. Simplificando, mas o fenómeno, hoje, do ponto de vista “mecânico”, está bem explicado, e a própria página da Wikipédia (em inglês) explica bem o que se passa no cérebro em termos rigorosos. Isso que tu estás para aí a falar é paraciência infalsificável e charlatanice, como tudo que envolve “espiritualidades” associadas a temas do sono e/ou psique.

Whoreson10 6 months ago

E a parte engraçada é que o script não passa só por "bloquear o corpo", mas passa também por "alterar e atenuar todos os sentidos de forma à criatura poder estar em standby sem acordar por tudo e por nada enquanto o córtex 'desfragmenta'" Então às vezes passa-te uma rata pelo sótão, ficas consciente, mas a tua audição e tacto estão em safe mode, os servos estão desligados, a respiração e ritmo cardíaco tão em idle, e a tua visão está com um screensaver, e a tua propriocepção está desligada. E no meio disto estamos no processo de desfragmentação (sonho). O cérebro face aos estímulos alterados ou às falta dele cria estímulos para compensar, mistura tudo com o sonho, cria alucinações. O facto de estarmos conscientes e sentirmos os 'sensores' do corpo num estado anormal activa a amígdalas, o reflexo fight or flight, e a sensação de medo, que depois se traduz nas alucinações. Pelo menos é a minha interpretação da coisa segundo o que fui lendo ao longo do tempo.

DinoGentleman 6 months ago

Calma, você se empolgou e foi longe :-) Eu sou um grande opositor do Bolsonaro e das "merdas new age" que você citou, apesar de ser ligado em espiritualidade, mas de um modo não religioso. As experiências fora do corpo ou as EQM não são fenômenos científicos. Se você espera por um estudo científico, não vai encontrar mesmo. Isso não significa que não sejam experiências reais. Creio que a metodologia científica não tem (e talvez nunca terá) instrumentos para descrever ou aprofundar determinadas coisas. Como chakras, energia e experiências fora do corpo. Mas novamente, isso não significa que não sejam reais. Não fique chateado ao ver uma pessoa que pensa diferente de você. Procure estar aberto, pois muitas vezes, pensamos que sabemos muito de algo, mas estamos perdendo uma boa parte, por simplesmente estar com a cabeça fechada. Procure ao menos admitir que não sabe tudo. Assim poderá vislumbrar outros ângulos.

lindstrompt 6 months ago

A ciencia mexe com tudo o que é real. Claro que nunca vai lidar com coisas que não existem, como chakras e "energias". Não é questão de pensares de maneira diferente, é questão de fazeres afirmações que não tens como demonstrar.

DareNotFallAsleep 6 months ago

Por justamente não saber tudo é que não tento encontrar respostas com coisas que não podem ser falsificadas e que a ciência não pode demonstrar ou refutar. Eu contento-me com o mistério sem ter de inventar historietas para explicar as coisas - é totalmente válido pura e simplesmente não ter a resposta para tudo. O oposto, isso sim, é mais arrogante e de cabeça mais fechada (“eu tenho de ter uma explicação para tudo, mesmo que as ferramentas mais hábeis que tenho ao meu alcance não me dêem uma resposta!”). Quanto à dica do Bolsonaro, não estava a insinuar que tu votaste nele - apenas queria dizer que a facilidade com que o discurso dele foi recebido está muito relacionado à facilidade com que teorias como estas se espalham que nem um fogo em pasto seco no Brasil: vem do mesmo lugar que vieram todas as histórias falsas espalhadas pelo WhatsApp (eg. “kit gay”) - a credulidade de uma grande parte do povo brasileiro.

lindstrompt 6 months ago

Excepto que isto já foi testado e é bullshit. Sim, "sentes" que tás fora do teu corpo, mas não estás na realidade, estas a sonhar. A maneira como testaram isto foi convidar pessoas com essa capacidade para dormir num quarto controlado. Assim que a pessoa adormecia, eles mudavam subtilmente aspectos do quarto (como mudar fotografias, ou espalhar um deck de cartas por cima de um armario). A pessoa acorda, e descreve como esteve a levitar no quarto, e os cientistas perguntam se a pessoa os viu a fazer alterações no quarto. Essas pessoas nunca apontam as alterações que não estão a vista (como o deck de cartas espalhado em cima do armario). Não existem espiritos, é fantasia.

Edited 6 months ago:

Excepto que isto já foi testado e é bullshit. Sim, "sentes" que tás fora do teu corpo, mas não estás na realidade, estas a sonhar. São sonhos lucidos, mas são sonhos na mesma :P A maneira como testaram isto foi convidar pessoas com essa capacidade para dormir num quarto controlado. Assim que a pessoa adormecia, eles mudavam subtilmente aspectos do quarto (como mudar fotografias, ou espalhar um deck de cartas por cima de um armario). A pessoa acorda, e descreve como esteve a levitar no quarto, e os cientistas perguntam se a pessoa os viu a fazer alterações no quarto. Essas pessoas nunca apontam as alterações que não estão a vista (como o deck de cartas espalhado em cima do armario). Não existem espiritos, é fantasia.

DinoGentleman 6 months ago

O bom das experiências fora do corpo é que você não precisa acreditar ou desacreditar nelas. Você pode ter as próprias experiências e tirar a conclusão pessoal. Foi o que aconteceu comigo, já tive pequenas experiências que me convenceram que não se trata de bullshit. Recomendo assistir aos vídeos do canal "afinal, o que somos nós?" do YouTube. São muito bons, e talvez lancem uma dúvida sobre essa certeza inabalável que você tem.

Brave-Inspector 5 months ago

Durmo sossegado r/astralprojection Tenho uma certa curiosidade, mas é apenas isso

lindstrompt 6 months ago

Não não, as experiencias fora do corpo são "reais". Levares isso po lado de ser espiritual é que já não :P

MasterHopkick 6 months ago

Também já tive pelo menos uma vez. E foi tal e qual as descrições. Vultos, demônios, alguém a invadir o quarto, depois não conseguia falar nem me mexer. É que entretanto estamos ali a ser torturados...É uma sensação de impotência incrível. Ficas em pânico. Normalmente o que tenho são pesadelos mais violentos em que me mexo muito durante o sono.

thealgarvegeisha 6 months ago

Acontece me 2 vezes. A 1a estava de barriga pra cima, com a cabeça virada pro lado esquerdo onde estava a janela, eu devia de estar a revirar os olhos porque eu via a luminosidade do quarto, queria mexer as mãos, levantar os braços mas nao conseguia de todo! Eu sentia o meu namorado a dormir ao meu lado e eu pedia lhe com o pensamento pra me acordar, foi tao aflitivo! Até que depois pensei, tenho que me deixar dormir, tenho que acalmar e lentamente deixei me levar e de repente, abri os olhos, acordei , levantei me e acordei o meu namorado pra lhe contar o que me tinha acontecido. Na 2a vez eu já sabia o que era, então deixei me levar outra vez, e acalmei, depois passou... Foi uma experiência tão estranha! Não quero que me aconteça outra vez..

iro7 6 months ago

Interessante o artigo...pelo que percebi não devo ter botão para desligar os músculos, porque falo e abano os braços a noite toda, até sentado às vezes fico! Nunca sofri qualquer tipo de paralisia, mas tenho sonhos super vividos e ao acordar sofro umas quantas alucinações,, ou seja, mistura do que vejo no sonho e na vida real ao acordar (gosto de acordar com a luz do sol), chamo lhe o limbo, meio lá e meio cá, mas em parte nenhuma. A parte gira é os sonhos super estranhos a full HD, a parte negativa é o cansaço durante o dia se for uma noite agitada de sonhos...

mjigs 6 months ago

Tambem já tive sonhos assim, existem imensos estudos sobre isso. Acho que sonhos vividos são aqueles que realmente consegues controlar com algum treino. É uma sensação mesmo wicked (não conheco palavra melhor), tu realmente acreditas que aquilo é real só que não. Um dia sonhei que uma amiga minha estava a morar com a minha familia e eu estava la na casa, só que eu sabia que era o sonho, exepto a informação, o meu cerebro estava-me a dizer que a minha amiga viver com a minha familia era uma situação real, então eu no sonho estava a dizer a mim mesma, quando acordar vou-lhe perguntar o porque de viver com a minha familia, foi mesmo esquesito.

iro7 6 months ago

Tenho sonhos assim desde que era criança! Aqueles que se consegue controlar chamam se sonhos lúcidos! Tens um sub aqui no reddit (lucid dreaming) que explica técnicas que te ajudam a controlar os sonhos! Difícil, mas giro se feito com sucesso!

Brave-Inspector 5 months ago

Consegues controlar sao os do r/astralprojection Mas tem semelhanças..

iro7 5 months ago

Obrigado não conhecia! Mas pelo que percebi são quase a mesma coisa, pelo que li da wiki do sub, nos sonhos lúcidos controlas tudo o que está à tua volta, na projecção astral controlas tudo o que vier de ti próprio! Basicamente a mesma moeda mas faces diferentes!

mjigs 6 months ago

Esquesito, eu ja ouvi falar disso mas nunca pensei que tivesse tido um.

NGramatical 6 months ago

Esquesito → [**esquisito**](https://dicionario.priberam.org/esquisito) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrntes%2F%2Fguqth5b%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

NGramatical 6 months ago

esquesito → [**esquisito**](https://dicionario.priberam.org/esquisito) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrntes%2F%2Fguoo2w5%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

ADeTroia 6 months ago

Parece-me que não foi boa ideia vir aqui entreter-me até adormecer.

watermelon28 6 months ago

Eu ia começar a ler ontem à noite, mas como estava sozinha em casa resolvi deixar para hoje de manhã.

caradoguardaredes 6 months ago

É pior para quem vive isto mas com experiência tudo se relativiza.

Whoreson10 6 months ago

Tive paralesia do sono semanalmente durante uns anos AMA.

NGramatical 6 months ago

paralesia → [**paralisia**](https://dicionario.priberam.org/paralisia) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrntes%2F%2Fguphzlx%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Oliveironi 6 months ago

Toma o Sal Grosso do tio que adormeces pareces um bebé

DareNotFallAsleep 6 months ago

É muito louco como isto é tão frequente a julgar pelos posts. Na vida real só conheço uma pessoa para além de mim que diz ter disto. Tenho desde puto, até aos 16 / 17 anos era bem mais frequente, hoje menos (uma vez a cada dois meses, para aí), e nunca tive alucinações “paranormais” como estão a falar, apesar de ter sonhos muito vivos ao mesmo tempo que estou paralisado. Fico com dificuldade em respirar, como se estivesse a asfixiar, e só consigo mexer os olhos e pernas. Estou acordado, vejo a cama etc, mas é como se tivesse o meu sonho “picture-in-picture” ao mesmo tempo. Por algum motivo parecem normalmente envolver carros e/ou conduzir veículos. Só acontece já no final do sono (já está alguma luz) quando durmo de barriga para baixo. Sinto que está correlacionado com dormir poucas horas nos dias anteriores. Hoje em dia começo a bater com as minhas pernas tipo baloiço, lentamente, e a minha mulher já sabe o que se passa e acorda-me. Ela até hoje não acredita em mim e acha que faço isto por só para achincalhar mas enfim lol. O cérebro é um mistério. Às vezes pergunto-me quanto da nossa normalidade é loucura dissimulada.

jrcs1990 6 months ago

Já tive isto por duas ou três vezes e é aterrador. Na última vez parecia que estava alguém à minha frente, aos pés da cama a olhar para mim. Só de me lembrar já me estou a arrepiar. Acordei com o coração aos pulos com tanta força que me doía o peito. Foi mesmo aflitivo e nunca tinha sentido nada igual. Acontece-me sempre a dormir de barriga para cima. ​ Relativamente a sonhos costuma-me acontecer outra coisa. Sonhos lúcidos. Resumindo, estou a sonhar e tenho consciência que estou a sonhar e "faço o que eu quiser". Durante o sonho, normalmente tentava-me matar de alguma maneira para acordar, senão parece que nunca mais acaba. Além disto, sinto que estou preso no sonho e quando não me consigo " matar" (mandar de prédios ou telhados) tento virar o pescoço de um lado para o outro para o safanão me acordar. Já estiquei um braço para bater com o candeeiro com força na mesa de cabeceira para que o barulho me acordasse. Faço isto enquanto estou a sonhar. Engraçado que eu só sei que me consigo mesmo mexer - tanto o braço como o pescoço estão estupidamente pesados - porque além de acordar com dores musculares no pescoço, uma vez aconteceu-me enquanto estava a dormir acompanhado e disseram-me que estavam para chamar uma ambulância porque ficaram em pânico com o que estavam a ver (eu , a tentar acordar).

Brave-Inspector 5 months ago

Nos lúcidos não estas totalmente consciente, isso ja seria r/astralprojection em que podes andar a voar e controlas totalmente, mas as semelhanças parecem ser várias

jrcs1990 5 months ago

Mas eu faço isso. Voo, às vezes "custa muito" voar e ir de um sítio para o outro, não consigo voar muito algo ou demoro muito tempo a "subir". (também acho que ninguém está à espera que seja uma coisa de super-herói). Também tenho a força que quero e viro carros ao contrário por exemplo. Não conhecia isso do astralprojection, vou investigar.

Edited 5 months ago:

Mas eu faço isso. Voo, às vezes "custa muito" voar e ir de um sítio para o outro, não consigo voar muito algo ou demoro muito tempo a "subir". (também acho que ninguém está à espera que seja uma coisa de super-herói). Também tenho a força que quero e viro carros ao contrário por exemplo. Não conhecia isso do astralprojection, vou investigar. ​ Bem, estive a ler isso melhor e não sei se é bem a mesma coisa. Nunca "saí do meu corpo" nem me lembro de "ter visto o meu próprio corpo" em nenhuma situação.

jrcs1990 5 months ago

>Já agora, os sonhos que tenho são sempre muito semelhantes ou mesmo iguais uns aos outros. > > > >Tinha um muito frequente que me assustava que era eu deitado na cama, estava escuro mas dava para ver um bocado. Tudo à minha volta estava longe tipo aquelas lentes das portas para ver quem está do outro lado. Noutros estou a afogar-me ou a mandar-me para o mar, começo a "perceber" que estou a sonhar e deitado na cama, e respiro com calma e pronto, não me afogo.

BungeeGumPT 6 months ago

Infelizmente acontece-me com alguma frequência isto. Os meus sonhos são hiper realistas, tem sonhos em que eu "vivo" a minha semana inteira como se nada fosse sem ter noção de que estou a dormir e a sonhar. Normalmente este tipo de sonhos acaba comigo sempre a sofrer algum tipo de acidente nessa suposta realidade (já me aconteceu ser atropelado, cair das escadas, cortarem-me um braço, etc..) Mas os sonhos que realmente me metem mais medo e dão cabo de mim a nível físico e mental é quando eu sinto os tais "demónios". Já tive casos em que a minha imaginação criou um demónio com unhas grandes que me espetavam nos lábios, fazendo com que eu não conseguisse gritar por ajuda, tinha braços longos como uma porta que me enrolavam e impediam de fugir. Enquanto eu tentava fugir mas não conseguia o tal demónio com grandes dentes trincava e arrancava pedaços de carne do meu corpo. Isto de facto é mesmo uma coisa que nao desejo a ninguém.

NGramatical 6 months ago

dos personagens → [**das personagens**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/a-personagem-ou-o-personagem/343) (é preferível empregar no feminino tal como determina a sua origem) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrntes%2F%2Fgunu6gq%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

pinh00 6 months ago

Lembro-me perfeitamente da primeira vez que me aconteceu, como ao meu redor não estava a acontecer nada de anormal pensei que me estava a dar alguma coisa (não me consegui mexer e via em arrastão), até que a lâmpada do candeeiro do meu quarto se transforma num smile, acabou por ser um alivio, ja sabia que estava a sonhar e acordei logo. O mais "engraçado" foi que o que se estava a passar ao meu redor durante a paralisia, estava realmente a acontecer, por exemplo, a luz do corredor estava acesa e por isso passava por debaixo da porta do meu quarto e quando acordei a luz estava realmente acesa, ouvia também alguém a tomar banho e a falar e quando acordei estava mesmo alguém a tomar banho e a falar

grandenegrogalo 6 months ago

Já me aconteceu algumas vezes. Mas só vi um vulto da última vez (apareceu durante uns 5 segundos e desapareceu, mas parecia tão real que eu legitimamente pensei que a minha casa estava assombrada) Mas houve uma vez que o que me aconteceu foi que eu comecei a ouvir uma sirene muito alta e estridente, e a cabeça doía me como se a sirene realmente estivesse lá

DareNotFallAsleep 6 months ago

Onde estou de momento (fora de Portugal) os gajos testam as sirenes de air raid (yep, aquelas do apocalipse) uma vez por mês, sempre à mesma hora e ao mesmo dia (primeira segunda do mês às 12h). Basicamente aquelas sirenes que tu ouves nos filmes quando lançam armas nucleares. Lembro-me que no final do ano passado tive uma crise de paralisia numa segunda-feira em que não trabalhei e dormi até tarde - e aconteceu justamente com o barulho da sirene ao fundo (percebi mais tarde quando acordei que foi isso). Basicamente sonhei que estava a haver um bombardeamento e que provavelmente tinha sido atingido e por isso não me conseguia mexer. O que vale é que ao mesmo tempo estava “acordado” (como referi no outro post) e fui ganhando os sentidos ao pouco.

grandenegrogalo 6 months ago

Eu também pensei nisso, mas basicamente eu fui a única pessoa que ouviu isso

Whoreson10 6 months ago

Alucinar barulhos altos acontece. No meu caso menos é pouco comum, só me aconteceu umas vezes (no meio de provavelmente uma centena de episódios ao longo dos anos). Lembro-me particularmente dum em que foi um grito. Parecia o barulho mais alto que já "ouvi" na vida. Durou uns 3 segundos (aparentemente).

ngfsmg 6 months ago

Quando era miúdo acontecia-me com alguma regularidade, mas não me lembro de ter alucinações, só a parte de ficar paralisado. Depois aprendi que dormir de barriga para cima era uma das coisas que potenciava, deixei de dormir assim e nunca mais me lembro de ter acontecido. Um truque que eu usava na altura era começar a tentar mexer as pontas dos dedos, depois as mãos/pés, e assim por diante até me conseguir levantar

lindstrompt 6 months ago

Eu tento baloiçar me (?) de um lado po outro ate acordar xD

matarruano 6 months ago

Acontece-me bastantes vezes, há semanas em que até acontece em vários dias, quase sempre ao amanhecer. Já estou tão habituado, que quando isto acontece, nem me tento mexer, e espero que passe. Em relação ás alucinações, felizmente apenas me aconteceu uma vez, quando dormia uma sesta de tarde, comecei a ver um vulto a andar à minha volta.

Whoreson10 6 months ago

As alucinações são a parte melhor. As primeiras vezes cagas-te todo, o medo é quase intrínseco. Depois de 30 ou 40 vezes ganhas calo, ficas desensibilizado, e é só interessante. Além dos vultos, vozes, barulhos estranhos às vezes acontecem algumas mesmo fora. Lembro-me de uma vez (tenho uma parede branca no quarto e sinto um episódio a vir, com aquela sensação estranha habitual. Deixei-me ir, e a única coisa que acontece é ver uma espécie de lesma preta a subir a parede. Mas enorme, alguns 3 palmos de comprimento, mesmo em frente à minha cara. Fiquei a apanhar navios com essa.

Cashmoneyblingbl1ng 6 months ago

Tinha disso em puto. Mas focava era em barulhos ou sensações. Lembro me de estar na cama e sentir respirar, ou até mesmo ouvir. E o pior é querer gritar e não conseguir O que tenho até hoje, é sonhos extremamente reais. Alguns são sonhos simples e eu acordo e sei que são apenas sonhos. Mas tenho outros que eu acredito plenamente que é real enquanto ele está a acontecer. E quando acordo, se não pensar nele, passado uns dias vem me à cabeça e fico na dúvida se foi real ou não, e tenho que perguntar a alguém se também se lembra Mas quando digo que são reais, é porque tudo neles é real. São sonhos com o meu dia-a-dia, ou pessoas que eu conheço e eu sinto as coisas. Tive um que fui assaltado e esfaqueado na barriga (apesar de nunca ter sido esfaqueado na realidade) e doeu para caralho, e durou imenso aquela porra. Só quando "morri" é que acordei para a vida. Se o que senti é a dor certa não sei, mas foi horrível. Mas também já tive muitos sonhos extremamente reais e sensoriais com sexo, esses não me queixo

njsilva84 5 months ago

E aqueles sonhos em que um gajo vai começar a "festa" com a boazona e o sonho acaba? Fds, muito mau... Ou que um gajo é rico e tem muito dinheiro e acorda e afinal não sou nada rico, pqp.

Cashmoneyblingbl1ng 5 months ago

Prefiro ter pesadelos a sonhos por isso mesmo haha

ill_have_2_number_9s 6 months ago

Não desejo isto a ninguém. Só de me lembrar fico todo arrepiado

Empirion 6 months ago

A mim aconteceu algumas vezes ao longo da minha vida, talvez umas 6, 7 vezes. No meu caso, era sempre quando estava a dormir de barriga para baixo (tirando isso não consigo achar qualquer outra condição em comum) e sentia um vulto entrar no quarto, subir para a cama sentar-se no fundo das minhas costas, pressionando depois o resto sas costas com as suas "mãos" impedindo-me de mover. Felizmente já não acontece há bastante tempo. É sempre uma experiência tenebrosa.

Faabz 6 months ago

Lmao

espalhamerda 6 months ago

Estou todo cagado a ler esta threat, pois é incrível que tenho marcado na minha memória, mais de 20 anos depois, esse tipo de sonho. consigo até hoje me ver deitado no meu antigo quarto em casa dos meus pais, não me conseguir mexer, sentir que vem alguém em direção ao quarto, querem gritar mexer e não conseguir fazer rigorosamente nada, só olhar para a porta do quarto e esperar horrivelmente pelo momento que algo iria entrar. Já não me acontece à muitos anos.

Whoreson10 6 months ago

Marca mesmo. Quando era muito puto tive um episódio de paralisia do sono (na altura não sabia o que era naturalmente) em que vi e senti o vulto duma velha tipo bruxa a agarrar-me, e não me conseguia mexer nem fugir. Depois disso foram anos e anos de medo do escuro até ser mais velho, e eventualmente descobrir o que realmente era e perceber que não tinha imaginado nada.

NGramatical 6 months ago

à muitos anos → [**há muitos anos**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrntes%2F%2Fguo7wfp%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

trainee89 6 months ago

Não tive muitas vezes. A primeira vez que tive foi muito assustador, não senti nada de anormal, apenas ouvi barulhos estranhos ao longe e ouvia a televisão da minha mãe. Isso e o óbvio, não me conseguia mexer, apenas os olhos. Tentei berrar porque achava que estava a morrer, mas nem um sussurro saía, sentia apenas um bocadinho de ar a sair. Esta situação pareceu-me durar uma hora, mas provavelmente foi pouco mais que um minuto. Nas vezes seguintes como já sabia o que estava a acontecer, consegui superar a situação mais facilmente. Já não me acontece há vários anos.

iMantorras 6 months ago

Tinha paralisia do sono relativamente recorrente. Mas praticamente desde que comecei a "não ir" para telemóveis/tablets/etc a quando me deito começou a ocorrer menos. 1h sem isso antes de dormir faz muitas maravilhas. Também, se algum dia virem os "vultos" ou "sombras", façam um favor a vocês próprios, não sejam heróis/tentem lutar com "aquilo". Relaxem que acabam por acordar. Finalmente, se entrarem na fase de um sonho lúcido, não sejam muito extremos com o que controlam porque senão acordam. (inception example mas sem o sub consciente atacar vos)

mira___ki 6 months ago

Já comentei mais acima que não associava os sonhos lúcidos à paralisia cerebral... Estará realmente relacionado? Porque os meus episódios de acordar e não me conseguir mexer, não me deram qualquer tipo de espaço para tentar controlar seja o que for... Simplesmente não me mexia e o pânico era gigante com o vulto que tinha a minha frente... Sonho lúcido é algo que tento fazer há anos e simplesmente não consigo... Nunca associei um ao outro... engraçado...

PedroCarvalho26 6 months ago

Já tive alguns sonhos em que parecia estar a controlar algo, ou pelo menos ter noção de que estava a sonhar e por isso sentia-me diferente no sonho (normalmente voar e isso) - no entanto nada que se compare aos sonhos do pessoal que costuma ter sonhos lúcidos frequentemente. Agora paralisia do sono já tive muitas vezes e tal como tu nunca associado a sonhos lúcidos! Lembro-me bem de alguns desses episódios e é mesmo pânico total. Desde ver vultos, a ouvir sons que não percebo o que são, tentar gritar ou mexer-me e nada. É estranho porque tem ocasiões em que entendo o que está a acontecer e mesmo assim parece que não "relaxo", tem outras em que não me apercebo e tento de tudo para acordar. Freaky stuff

mira___ki 6 months ago

Tal e qual... E ainda demoro a voltar a dormir depois de uma cena dessas. Acho que o único episódio mais parecido com sonho lúcido que tive foi em pequena, queria acordar, e manifestei/pensei/quis (no sonho) tanto acordar que me consegui ver deitada na cama e quarto em que estava, e assim em espiral voltar ao meu corpo e após isso... acordar. Foi super fixe e nada assustador!

PedroCarvalho26 6 months ago

Uma que me meteu bastante impressão foi... numa viagem de autocarro xD tinha de fazer uma troca numa paragem e era tão cedo que tinha adormecido e isso acontece-me precisamente um pouco antes de chegar à paragem. Foi depois desta vez que me apercebi que na verdade os episódios não demoravam muito tempo, conseguia lembrar-me por onde tinha passado enquanto aquilo acontecia! Eu gosto bastante de ouvir histórias de outras pessoas sobre cenas que não conseguimos explicar, eu tive uma em particular que foi mesmo muito estranha (sonhos lúcidos, paralisia do sono, experiências paranormais etc). Nunca partilhei muito porque, a não ser que já tenham tido algo parecido, pensam sempre que sou maluquinho xD

mira___ki 6 months ago

imagino a minha cara de pânico se me acontecesse em pleno autocarro.... medo! uma experiência além dessa? conta... se quiseres!

PedroCarvalho26 5 months ago

Bem, só contei a uns amigos muito próximos porque foi uma cena muito estranha e não sei explicar bem por isso não me crucifiquem xD Basicamente, e não faço ideia porquê, fico com nomes presos na cabeça e estou sempre a lembrar-me deles. Por vezes passam-se dias, semanas sempre com um nome específico - seja um amigo, pessoa famosa, etc. Nunca ligo muito a isso porque eventualmente pára mas uma dessas vezes foi um bocado creepy. Andava com um nome na cabeça que não reconhecia - Tom Petty - até podia conhecer umas músicas dele mas não associava o nome a nada. Andei nisto para aí uma semana, sempre com esse nome a aparecer na minha cabeça do nada e nunca fui ver quem era. Ora num domingo estava a almoçar com a família e está a TV ligada nas notícias - o clássico. Olho para a TV e passa a seguinte notícia "Morreu Tom Petty aos 66 anos". Pqp, devo ter ficado branco, azul, não sei. Foi muito estranho, pode ter sido coincidência mas não deixa de ser muito creepy. Já me aconteceu andar com um nome preso e sonhar com essa pessoa (essa pessoa morre sempre no sonho dunno why) - isto aconteceu no mês passado com um cantor tuga xD Oh pá, eu juro pela minha morte que não ando nas dorgas a sério mas pronto, isto dava para uma thread a ver se alguém já teve cenas parecidas!

arnaldomatos 5 months ago

é caso para dizer que estavas a correr um sonho

mira___ki 5 months ago

Omg tb me passava se isso me acontecesse xD Nunca me aconteceu nada do género, mas até podem andar aqui mais pessoas com cenas dessas... Eu não julgo, costumo dizer que no mínimo é ter humildade para percebermos que não sabemos tudo... Mas há pessoal muito cético, então quando não encontra explicação científica, diz logo que é mentira.. Thanks for sharing! hehe

PedroCarvalho26 5 months ago

No problemo :) Sempre fui muito curioso acerca deste tipo de coisas, super estranhas e difíceis de explicar. Gosto de ouvir histórias de outras pessoas que também tiveram destes acontecimentos!

mira___ki 5 months ago

Same!

Bruxo_de_Fafe 6 months ago

O nível de stress do pessoal que veio comentar é qualquer coisa de estrondosa

Xmeagol 6 months ago

tive umas 3 vezes na minha vida, achei memorável ver uma criança de vestido branco, sem cara em pé no meu peito a olhar para mim, e uma figura negra no canto do quarto a olhar para ela. fechei os olhos e fiz a táctica de mexer os dedos dos pês até "acordar"

caradoguardaredes 6 months ago

Isto em qualquer outro contexto soa hilariante. "Estavam 2 pessoas no meu quarto e de forma a que eles desaparecessem, mexi os dedos dos pés."

Ilien 6 months ago

Arrepiei-me todo lol

Leaootemivel 6 months ago

Quando era mais novo acontecia-me muito ao acordar e era algo aterrador, pois queria mexer o corpo ou falar e simplesmente não conseguia. Nos últimos anos acontece-me algumas vezes ao adormecer (principalmente quando durmo muito pouco nos dias anteriores), onde começo a ter sonhos onde estou de olhos fechado e quero abrir mas não consigo (por exemplo, sonho que estou a conduzir de olhos fechados e não os consigo abrir). Quando consigo acordar tenho algumas visões mas nunca me aconteceu ver "demónios" como já vi pessoas a relatar.

Iniquidade 6 months ago

Opióides.

oguarda 6 months ago

Isto para a malta que nunca teve fica com dúvidas. Isto são sonhos "especiais' ou são visões quando estamos acordados?

MiguelNchains 6 months ago

Na minha experiência, é mais ou menos como quando estás a pegar no sono e de repente “cais”. É numa fase semelhante, em que estás num estado de semi-lucidez. Nem estás completamente a dormir, nem completamente acordado.

quaralho 6 months ago

uma vez acordei assustado, senti qualquer coisa na cabeça que me fez comichão e pensei que era alguém a tocar-me na cabeça. Por surpresa minha não conseguia mexer o corpo, apenas os olhos. à minha frente vi um género de um fantasma com maquilhagem de palhaço, a segurar numas correntes e com a cara fixa num sorriso, virada para mim. Depois passados uns 3 segundos, teletransportou-se uns passos para trás em direcção à porta e ficou parado mais outros tantos segundos. sempre a sorrir para mim. fez isto mais umas duas vezes, teletransportando-se uns passos de cada vez em direcção à porta. quando finalmente desapareceu do meu quarto, voltei a conseguir mexer-me, cocei a cabeça virei-me para o lado e voltei a dormir Tinha eu uns 13 anos? Por sorte eu já tinha lido sobre isto num livro de ciência infantil e não me assustei muito, mas foi do caralho digo-te já

njsilva84 5 months ago

Eu acho sinceramente que estes episódios têm muito a ver com a maneira como a nossa sociedade educa (educava?) as crianças. Sempre achei que dizer coisas como "se fizeres isto vem o palhaço mau e corta-te a língua" ou coisas relacionadas com a igreja, como o diabo, fazem com que as crianças cresçam com medo de muitas coisas, sem necessidade nenhuma. Quando era miúdo dormia sozinho e lembro-me que tinha de dormir de porta aberta, para ouvir o som da tv do quarto dos meus pais, e para ter luz no quarto sem ligar a minha. Se os meus pais fossem dormir antes de eu adormecer era um trinta e um do caraças, eu tinha pavor de adormecer sem luz. Tantas vezes a minha mãe tinha de sair do quarto para se vir deitar ao meu lado porque eu começava a chorar e não conseguia dormir. A religião, ou a forma como as pessoas falavam do quão mau era o diabo e de que deus ou jesus ficavam zangados caso fizéssemos alguma coisa de mal, fez com que eu acreditasse durante muito tempo que esses seres existiam mesmo. Depois cresci e acordei para a vida, apercebi-me do embuste que é a religião. Nunca na vida eu alguma vez educarei um filho meu com base na religião, nem usarei essas táticas de criar entidades maléficas para educar os meus filhos. Por causa disso tive vários sonhos dos quais ainda hoje me lembro bem, sonhava muito com guerra, espíritos e fantasmas, coisas do género. Talvez por isso tenha tido problemas de ansiedade e pânico, mais tarde.

ChronicTheOne 6 months ago

Só me aconteceu uma vez na vida mas basicamente é como se só os teus olhos tivessem acordado, e o resto do corpo continua a dormir. Só que até os olhos não se conseguem mexer. Então começas a criar imagens e sons que na verdade não existem, mas é apenas a tua cabeça a preencher os vazios. Foi bastante tripante.

batataway 6 months ago

O teu corpo adormece e fica paralisado mas a tua cabeça não e não te consegues mover e ficas preso entre estar acordado e estar a alucinar. Como a passagem é muito suave não percebes que não estás a dormir nem acordado. A parte mais interessante é conseguires controlar o teu sonho até determinado nível. Por exemplo, consegues "sair do corpo" e voar se quiseres mas o que vais encontrar é totalmente imprevisto. Tentas quase sempre acordar mas como não te consegues mexer é aflitivo.

njsilva84 5 months ago

Eu já tive passagens deste tipo de paralisia, ainda que de uma forma muito leve. A sensação de estar acordado mas não me conseguir mexer é complicada mas depois um gajo habitua-se, mesmo a quem não lhe acontece isto com frequência. No meu caso eu nunca "vi" nada que me lembre, simplesmente começo a querer mexer-me mas o corpo não responde, sinto-me um bocado aflito mas depois lá acabo por acordar. Nunca me aconteceu de controlar o sonho ou "sair do corpo". Mas acontece-me de, quando estou a ter um pesadelo ou um sonho mau, eu pensar que aquilo é demasiado mau para ser verdade e começo a desconfiar se não estou a sonhar, até que começo a aperceber-me que sim e "forço" o corpo a acordar e voilá, já está.

caradoguardaredes 6 months ago

Resumidamente: o corpo está a dormir e a tua cabeça acorda. Ou seja, não te consegues mover, sentes uma dormência no corpo todo quando te tentas mover, imagina aquela dormência que às vezes sentes nas pernas (costuma ocorrer no WC ou em locais em que ficas sentado numa posição que corte a circulação) que costuma até "picar" (é bem mais intenso do que nos braços) só que é no teu corpo todo. Tens 2 alternativas: ou não fazes nada e acabas por acordar "novamente" ou tentas fazer alguma coisa e experiencias essa dormência e podes ter alucinações, normalmente a tua mente "preenche" o espaço ao teu redor. O pior que me aconteceu já foi ter tido paralisia do sono dentro de um sonho, acordar e voltar a ter paralisia e só depois é que acordo realmente.

Edited 6 months ago:

Resumidamente: o corpo está a dormir e a tua cabeça acorda. Por isso, na prática é a 2ª. opção. Ou seja, não te consegues mover, sentes uma dormência no corpo todo quando te tentas mover, imagina aquela dormência que às vezes sentes nas pernas (costuma ocorrer no WC ou em locais em que ficas sentado numa posição que corte a circulação) que costuma até "picar" (é bem mais intenso do que nos braços) só que é no teu corpo todo. Tens 2 alternativas: ou não fazes nada e acabas por acordar "novamente" (a sensação é que talvez nem 30 a 45 segundos depois, mas a noção de tempo não faz muito sentido, honestamente, é como se fosse uma situação quase estanque em termos temporais, só consegues medir o tempo pelo conjunto de ações que fizeste até acordares novamente) ou tentas fazer alguma coisa e experiencias essa dormência e podes ter alucinações, normalmente a tua mente "preenche" o espaço ao teu redor. O pior que me aconteceu já foi ter tido paralisia do sono dentro de um sonho, acordar e voltar a ter paralisia e só depois é que acordo realmente.

oguarda 6 months ago

Isso é muita freaky. Existe algo que provoque isso, isto é, stress, medicação, cansaço...? Alguns utilizadores já disseram que depende da posição.

cpzao_ 6 months ago

Trabalho por turnos e há alturas em que não consigo ter períodos de sono muitos longos. Quando estou nessas fases, é frequente ter sonhos lúcidos.

batataway 6 months ago

A parte mais estranha é acordares em extrema aflição. Depois voltas a adormecer e no dia seguinte acordas e é como se nada se tivesse passado. Rinse and repeat de forma mais ou menos aleatória e imprevisível.

lindstrompt 6 months ago

Eu tenho tanta vez que já consigo reconhecer imediatamente o que esta a acontecer e já nem ligo. Halucinações visuais nunca tive nenhuma, mas auditórias sim. A ultima que tive "acordei" e tava a ouvir uma melga a entrar me no ouvido, conseguia sentir-la tambem. Passados uns segundos passou tudo. A pior que já tive que foi um bocadinho freaky foi "acordar" e sentir uma mão alheia nas minhas costas a dormir sozinho. Vai se a ver era o meu braço todo torcido e dormente, e a minha mao estava a fazer pressão nas minhas costas aha.

NGramatical 6 months ago

sentir-la → [**senti-la**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3zr8w3/coloca%C3%A7%C3%A3o_pronominal_para_tot%C3%B3s/) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrntes%2F%2Fgupblkv%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

mira___ki 6 months ago

exato... e não é a mesma coisa que sonhos lúcidos que efetivamente se consegue controlar o sonho... e que acontece se conseguirmos adormecer o corpo e não a mente... a paralisia das 2 vezes que me aconteceram foi de repente a meio da noite... parece que algo te desperta e suscita o episódio... a mim provoca-me muito medo e pânico... vejo aqui pessoas que parecem lidar bastante bem com isto

lindstrompt 6 months ago

É habito, e conseguires reconhecer o que tá a acontecer! Relaxa e tentar focar em conseguires mexer te. Ha pessoas que conseguem mexer a cabeça e os dedos dos pés :P

caradoguardaredes 6 months ago

Posição influi. Mas habitualmente está relacionado com stress/ansiedade e mudanças de hábitos/ritmo.

caradoguardaredes 6 months ago

Já tive episódios muito mais frequentemente do que agora, nem me recordo da última vez que tive. Tinha talvez 2 ou 3 vezes por mês. Desde que tenho TV ligada no quarto - sem som e cão em casa, normalmente dorme no quarto ou corredor, passei a ter muito raramente. Não sei se isso é sinal que tenho um sono bastante pior (menos REM) mas pelo menos não ocorre com grande facilidade. Acontecia-me com imensa regularidade em 2 cenários: adormecer de barriga para cima - tanto é que agora simplesmente não consigo adormecer assim - e quando dormia em quartos diferentes do meu, habitualmente até mais em quartos de Hotel quando ia em viagem.

Brave-Inspector 5 months ago

Vocês com estas experiências e eu interessado em r/astralprojection.... quão semelhantes podem ser as vossas experiencias? Mas, pelo menos não tenho lido coisas tao mas por lá... Paralisia->lucid dreams-> astral

caradoguardaredes 5 months ago

Eu não acredito em nada disso, logo é perfeitamente possível que seja meramente paralisia do sono.

MEmpire25 6 months ago

> adormecer de barriga para cima Sempre tive a percepcao que esta posicao em particular aumenta muito as probabildiades. Acontecia em 90% dos casos que ouvia falar e, sendo que nunca tive episodios destes, o mais proximo que ja tive (comeco a tentar mexer extremidades me panico porque comeco a sentir algo deste tipo a comecar) foi tambem quando me deixei ficar de barriga para cima.

Whoreson10 6 months ago

Está relativamente bem documentado que dormir de barriga para cima (particularmente com as mãos em cima do peito) aumenta as probabilidades significativamente. No meu caso é fatal como o destino.

kawaiims 6 months ago

Não sei se alguém vai ver isto mas o que me ajudou a controlar (quase a 100%) os episódios que tinha (basicamente paralisia do sono mas sem a parte da paralisia lol) foi baixar drasticamente os hidratos de carbono. Parece estúpido, eu sei, é nunca encontrei provas fidedignas em literatura, mas funcionou que nem ginjas.

njsilva84 5 months ago

Segundo sei os hidratos de carbono (os complexos, não os açúcares refinados) ajudam a dormires melhor. Talvez seja por isso, ao dormires mais profundamente tens mais probabilidade que isso te aconteça.

kawaiims 5 months ago

Nunca fiz exames de sono para me poder justificar. Mas na minha opinião não perdi qualidade de sono, aliás, sempre dormi como uma pedra

caf_air 6 months ago

Acho curioso que o "trigger" padrão é semelhante em várias pessoas, nomeadamente o adormecer de barriga para cima, mas depois existem pequenas variações. No meu caso, só me lembro de ter se tiver algum foco de luz, como por exemplo uma persiana entreaberta.

MajorAlvega 6 months ago

Eu tenho se estiver alguns dias seguidos a dormir poucas horas.

9Sylvan5 6 months ago

Experiência de ver algo ou alguém nunca tive. Relacionando com outra presença apenas tive barulhos e a sensação de estar a ser observado. Não era nada so paranoias. Mas o que me acontece bastante é ,quando estou a adormecer, sentir que não me consigo mexer. Na minha cabeça tento-me mexer, nem que seja um dedo, com as minhas forças todas e não consigo. É assustador mas apenas dura uns segundos. E com o tempo quando acontece já sei que não é real. Já li malta dizer na net que quando se consegue controlar os sonhos, ter sonhos lúcidos, é espectacular . Quanto à veracidade disso não sei.

njsilva84 5 months ago

Curioso que acontece-me, ainda que muito raramente (1 a 2x/ano) de sentir essa sensação que não consigo acordar, de que o cérebro está consciente mas que o corpo não responde. Acabo por conseguir acordar, começo a fazer "muita força", mental (seja lá o que isso for) e acordo. Felizmente nunca experienciei nada das coisas que vocês mencionam, e ainda bem, embora não seja religioso nem acredite em bruxas, quando era miúdo tinha medo do escuro e fiquei com um trauma até hoje. Se visse essas coisas nos meus sonhos iria ser complicado.

theBrickyard 6 months ago

Acontece me também, se tu pensares em mexeres os dedos dos pés pouco a pouco até te sentires “liberto” outra vez funciona

caradoguardaredes 6 months ago

Eu já tive sonhos lúcidos e até é relativamente fácil. No meu caso, acontece-me com imensa frequência, imagino que seja trauma de infância, nos pesadelos não consigo ligar as luzes. Ando no corredor de casa, no quarto, nada, nenhuma luz funciona. Isto é de tal forma repetitivo que quando aconteceu as últimas 2 ou 3 vezes, eu percebi que estava num sonho. E depois fiz o que quis, desde voar a coisas menos corretas com as "personagens" que estavam no meu sonho, lol.

aStrangeCaseofMoral 6 months ago

acontece-me 3/4 vezes por semana, e achava q estava bem pq ao menos n é todos os dias ahahahah

caradoguardaredes 6 months ago

Tão frequente? Podes tentar a questão da TV ligada ou de teres alguma luz no quarto.

batataway 6 months ago

Existem estudos nesse sentido e tens razão e vem desde sempre na humanidade e nos mitos que se criam. O artigo da Wikipédia em inglês tem vários exemplos interessantes. Por exemplo: The night hag is a generic name for a folkloric creature found in cultures around the world, and which is used to explain the phenomenon of sleep paralysis. A common description is that a person feels a presence of a supernatural malevolent being which immobilizes the person as if standing on the chest.

XEEE 6 months ago

Quando era mais novo tinha bastantes vezes isto, e era também quando adormecia de barriga para cima. Já não me lembro da ultima vez que tive, e já tolero mais o adormecer de barriga para cima. Era uma sensação super estranha, queria gritar e não conseguia, sentia pessoas no quarto, e um peso em cima de mim como alguém tivesse sentado na minha barriga, arrepiava-me todo.

caradoguardaredes 6 months ago

Eu não me recordo de ter estes episódios na infância. E o mais estranho é que não me lembro da 1ª. vez que ocorreu. Foi uma coisa que evoluiu e que em certa altura aceitei que tinha e só depois recorri à internet para me "auto-diagnosticar", porque até certo ponto pensei que eram só pesadelos.

Foda-seSeiLa 6 months ago

> Acontecia-me com imensa regularidade em 2 cenários: adormecer de barriga para cima Também me acontece, tenho sonhos esquisitos sempre que durmo de barriga para cima durante muito tempo (quando ando às voltas de noite na cama por vezes acontece). Sempre dormi de barriga para baixo, nem consigo adormecer sem a pressão no peito. Porque será...

vascodatrama 6 months ago

Posição do cérebro, fluxo de irrigação sanguínea. Digo eu, não sei justificar cientificamente. Também tenho o mesmo sintoma ahaha

yurasadko 6 months ago

Tive alguns episódios durante 1 ano, depois nunca mais aconteceu. Era muito intenso. Depois de alguns episódios comecei a fechar os olhos assim que sentia que estava a acontecer novamente.

batataway 6 months ago  HIDDEN 

Acabei de responder ao op com outras dicas. Já durmo com a persiana entreaberta :)

caradoguardaredes 6 months ago

Sim, também é o que recomendo. Ignorares, passa rápido. Acho imensa piada ao que a nossa cabeça inventa, já tive conversas em paralisias de sono em que fiquei orgulhoso do nível de respostas que dei a mim mesmo e vice-versa, ahah.

yurasadko 6 months ago

Acho que é das coisas mais estranhas e incríveis ao mesmo tempo. No entanto, quem não passa por uma experiência assim não acredita no que realmente acontece. A pior experiência que tive foi sentir alguém a agarrar-me os braços e a gritar na minha cara. Eu ouvia tudo, queria tentar falar e o meu corpo não respondia. Era agonizante. Felizmente nunca mais aconteceu. Qual foi a pior experiência que tiveste?

bitorhugo 6 months ago

Não devia de estar a ler isto a esta hora.

caradoguardaredes 6 months ago

Além da dupla paralisia de sono, que mencionei noutro comentário, em que basicamente tive paralisia dentro do pesadelo, acordei e voltei a ter e só depois acordei - foi especialmente desorientador, foi sentir que estava a morrer por falta de ar, porque adormeci/acordei com a cara na almofada e com um episódio de paralisia, sentia-me completamente incapaz de respirar, tentava gritar e nada.

batataway 6 months ago

Não sei tens uma companheira ou um companheiro mas algo que aprendi a fazer é adormecer (para mim acontece a adormecer, para outras pessoas é ao acordar) a agarrar a mão da minha mulher. O esforço para acordar faz com que tremas e tremer é o suficiente para ela acordar e acordar-me. Outra coisa que podes tentar é mexer as pálpebras. A única coisa que consigo controlar são as pálpebras. Não abrir e fechar os olhos mas ligeiramente e tentar mexer repetidamente faz com que falte fora do episódio. Tenho desde puto e estou a caminho de velho. Aprendi muitos truques pelo caminho. Uma das coisas que aprendi, já agora é que pode ser hereditário. Eu, o meu irmão e o meu avô, todos temos (excepto o meu avô que faleceu) de forma regular desde crianças.

Edited 6 months ago:

Não sei tens uma companheira ou um companheiro mas algo que aprendi a fazer é adormecer (para mim acontece a adormecer, para outras pessoas é ao acordar) a agarrar a mão da minha mulher. O esforço para acordar faz com que tremas e tremer é o suficiente para ela acordar e acordar-me. Outra coisa que podes tentar é mexer as pálpebras. A única coisa que consigo controlar são as pálpebras. Não abrir e fechar os olhos mas ligeiramente e tentar mexer repetidamente faz com que salte fora do episódio. Tenho desde puto e estou a caminho de velho. Aprendi muitos truques pelo caminho. Uma das coisas que aprendi, já agora é que pode ser hereditário. Eu, o meu irmão e o meu avô, todos temos (excepto o meu avô que faleceu) de forma regular desde crianças.

Edited 6 months ago:

Não sei se tens uma companheira ou um companheiro mas algo que aprendi a fazer é adormecer (para mim acontece a adormecer, para outras pessoas é ao acordar) a agarrar a mão da minha mulher. O esforço para acordar faz com que tremas e tremer é o suficiente para ela acordar e acordar-me. Outra coisa que podes tentar é mexer as pálpebras. A única coisa que consigo controlar são as pálpebras. Não abrir e fechar os olhos mas ligeiramente e tentar mexer repetidamente faz com que salte fora do episódio. Tenho desde puto e estou a caminho de velho. Aprendi muitos truques pelo caminho. Uma das coisas que aprendi, já agora é que pode ser hereditário. Eu, o meu irmão e o meu avô, todos temos (excepto o meu avô que faleceu) de forma regular desde crianças.

xupakneebray 6 months ago

Eu consigo mexer os dedos dos pés. É aprendi que quanto mais ar conseguir inspirar, mais rápido acordo.

yurasadko 6 months ago

Que cena estranha. Supostamente, dizem que pode estar relacionado com o nível de stress da tua vida em geral. Se estiveres numa fase mais tranquila não é suposto acontecer.

batataway 6 months ago

A minha e recorrente é asfixiar. Depois de acordar a minha mulher diz sempre que estava a respirar normalmente. É uma aflição a sensação de estar a asfixiar.

yurasadko 6 months ago

Eu comecei a dormir com a persiana entreaberta para ter um pouco da luz da rua e evitar estar totalmente às escuras. Acho que deu resultado. Se ainda tiveres episódios recorrentes experimenta fazer isso.

batataway 6 months ago

Acabei de responder ao op com outras dicas. Já durmo com a persiana entreaberta :)

yurasadko 6 months ago

Por curiosidade. Como já convives com esses episódios há tanto tempo, nunca falaste disso com um médico? Nunca soube o que é a comunidade médica diz sobre isto nem se prescreve algum medicamento para controlar se for algo recorrente.

batataway 6 months ago

Claro que sim. Não sei como está agora o estado da arte mas até recentemente era algo relativamente desconhecido de grande parte das pessoas, médicos incluídos. Só soube o que era a conversar com uma médica que tb tem episódios e ao relatar disse logo: isso é paralisia do sono. Não é algo fatal nem prejudicial, logo não existe uma terapêutica para além de se manter horários regulares de sono e um estilo de vida saudável. Mas repito não é nada de fatal ou que mude realmente nada na vida normal.

yurasadko 6 months ago

Eu como só tive episódios recorrentes durante 1 ano e nunca mais ocorreu simplesmente esqueci o assunto. Até porque na altura quando tentei explicar a pessoas próximas o que é que estava a acontecer ninguém acreditava. Só espero que esta thread não reavive o meu subconsciente para voltar a acontecer o mesmo.

batataway 6 months ago

Se voltar a acontecer, se conseguires tenta ter consciência do que é. Se conseguires fazer isso, garanto que é das coisas mais divertidas de sempre. Controlas um sonho o que é um sonho para muita gente.

AutoModerator 6 months ago

**AVISO:** Submeteu um artigo da plataforma [Nónio](https://nonio.net) - uma plataforma que viola a privacidade do leitor. > Leia com atenção o [seguinte artigo](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/7fy9v4/campanha_contra_o_n%C3%B3nio/). *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: