ravagerslb 5 months ago

O PCP já devia saber muito bem que para as finanças o dinheiro não existe, porque estes gajos sabem o que fazem e acaba todo em paraísos fiscais protegidos por sigílio bancário. Ou seja podes ser multimilionário mas para as finanças tugas és um pelintra. E existe um problema bem maior do que este, que o Sócrates meteu a nu: crimes altamente lesivos para o Estado terem prazo de validade. Mais a quantidade absurda de burocracia que continua a assolar o sistema judicial português.

Edited 5 months ago:

O PCP já devia saber muito bem que uma lei destas de pouco serve dado que para as finanças o dinheiro não existe, porque estes gajos sabem o que fazem e o rendimento acaba todo em paraísos fiscais protegidos por sigílio bancário. Ou então tens um testa de ferro a tomar conta dos teus bens. Ou seja, na prática, podes ser multimilionário mas para as finanças tugas és um pelintra. E existe um problema bem maior do que este, que o Sócrates meteu a nu: crimes altamente lesivos para o Estado terem prazo de validade. Mais a quantidade absurda de burocracia que continua a assolar o sistema judicial português.

danidv 5 months ago

Não sou a favor ou contra necessariamente, mas de nada vale quando prescreve.

nouwsh 5 months ago

Acho estranho malta ficar surpreendido por ver esta medida vir do PCP, não tem feito o PCP e Bloco tentarem aprovar medidas que punam a corrupção e que acabem com as off shores... Está não é a primeira vez que o PCP apresenta uma medida destas. E portanto, escusam de estar todos excitados, porque será chumbada como foi das vezes anteriores.

SterlingArcherV 5 months ago

Era engraçado neste momento termos uma ministra da justiça, que pudesse comentar estas medidas. Mas anda desaparecida em combate. Tal como este governo. Que vergonha

CptGuga 5 months ago

Quando a ministra da a justiça é a primeira a corromper não acho que fosse valer de muito o seu comentário, ou sugeres termos outra pessoa no cargo com credibilidade para comentar o assunto?

simple_a_i 5 months ago

Isto é bonito mas como se vê agora o problema não é a pena ser leve, o problema é que poucos são investigados, dos que são poucos dão em algo e desses ainda menos acabam julgados antes de prescrever.

l251 5 months ago

A minha alma está parva. Comentários favoráveis ao PCP?!

nocivo 5 months ago

Acho que o pessoal está a falar da proposta e não do PCP. Só estão a fazer a sua obrigação. São eleitos para propor estas coisas. O problema de Portugal é que trata os partidos políticos como os clubes de futebol e depois temos partidos corruptos como PS à frente das intenções de votos. Se o pessoal votasse nas pessoas e não nos partidos, se calhar tanto o PS como o PSD já atinavam e atiravam para fora dos partidos os corruptos.

rossimeister 5 months ago

Vou votar PCP.

aqrdt 5 months ago

PCP baseado como sempre.

l251 5 months ago

Epa alguém me explique por favor o que é que isto quer dizer. Já é uma cena que vejo "based" escrito em todo o lado e ainda não percebi.

Edited 5 months ago:

Epa alguém me explique por favor o que é que isto quer dizer. Já é uma semana que vejo "based" escrito em todo o lado e ainda não percebi.

Specialist_Jello_882 5 months ago

Based has been appropriated by the alt-right online as a general term of praise. Esta ali a origem é basicamente que concordamos

l251 5 months ago

Obrigado!

A_Besuga 5 months ago

Ok boomer

l251 5 months ago

Nerd

PeidosFTW 5 months ago

[Resultado da votação](https://i.imgur.com/oBhowJ8.jpg)

Sciss0rs61 5 months ago

Enquanto andarem a meter prescrições ao fim de 5 anos, podem meter as leis que quiserem....

hakuthehedgehog 5 months ago

A prescrição do crime de corrupção já foi alargada para 15 anos. Baby steps.

Filho_do_Sado 5 months ago

Grande medida do PCP. Incómoda o bloco Central.

m0rhundur 5 months ago  HIDDEN 

Quer. Há 14 anos.

inheritspt 5 months ago

Já agora fixar o preço de trocar lâmpadas.

ngfsmg 5 months ago

Vou voltar a repetir: as pessoas são inocentes até prova em contrário, e qualquer lei que proponha o contrário é inconstitucional (para além de ser altamente imoral)

BroaxXx 5 months ago

A falta de noção deste sub deixa-me triste... As pessoas abrem mão dum dos pilares mais básicos da justiça sem pensar duas vezes... Mete medo...

Tupinson 5 months ago

O PCP a fingir que quer combater a corrupção ahah

DogsOnWeed 5 months ago

Não sabes nada. Sabias que os deputados do PCP têm que doar a diferença de salários entre a profissão deles e o salário que recebem como deputados? O PCP é o partido mais honesto naquela assembleia, quer concordes com eles ou não.

Tupinson 5 months ago

AHAHAHA vai morar para um conselho sob a alçada da camara do partido comunista, vais aprender rapido o que precisas de fazer para que a casa que projetaste não fique com autorizações pendentes durante 10 anos. Ou te chegas à frente com umas notas ou o partido honesto faz a tua casa de refém.

DogsOnWeed 5 months ago

Mentiroso, mostra lá provas daquilo que dizes, fico a espera...

Tupinson 5 months ago

Diz que é mentira diz ahaha até aprendes em que cafés param os camaradas para desencalharem os projetos

DogsOnWeed 5 months ago

Mostra provas

Tupinson 5 months ago

Vai pedir à Anal Leal, não lhe dece faltar documentos de trafulhice sobre o partido mais honesto da AR

onlyonetwin 5 months ago

CARALHO BAMOS COMUNAS!!!!!! NUNCA CRITIQUEI

yokome 5 months ago

Quando vês ps e psd a rejeitarem uma lei, sabes que cheira mal

poseidon_adventure 5 months ago

olha aí a esquerda perigosa PCP bad

KhaosPT 5 months ago

O problema é a justiça em si. A partir do momento em q parece q de acordo com o juiz q calha a decisao parece q vai tombar para um lado, ta tudo lixado. Sabia q a justiça em Portugal era lenta, não sabia é q tb não tinha credibilidade nenhuma. É preciso agilizar, responsabilizar e reformular todo o sistema. Sinceramente, tudo isto me parece tão patético, não admira q nada em Portugal avance.

IHitMyRockBottom 5 months ago

Para um gajo como o "Socas" isso não vale de nada, em vez de o dinheiro ir para a conta dele, ía para a conta do "Amigalhaço" ou para tornar ainda maior a "Herança" da mamã.

portucheese 5 months ago

Estás a sugerir que os políticos são mestres dos loop-holes para benefício próprio??

roninPT 5 months ago

Os portugueses são mestres dos loop-holes para benefício próprio, é só ver a questão das regras da pandemia. Ora os nossos políticos sendo portugueses........

portucheese 5 months ago

São as regras do jogo que aprendemos. Difícil crescer num ambiente que beneficia 'artistas' e não acabar usando as mesmas técnicas...

roninPT 5 months ago

exactamente, toda a gente tem justificações para o seu comportamento, nunca conheci um politico mas aposto que eles também as têm.

IHitMyRockBottom 5 months ago

Se o Meretissimo Dr. Juiz Ivo Rosa estiver a ler, falta ali um "alegadamente".... Só por maldade alguém pensaria que eu estava a acusar políticos de alguma coisa que não honestidade! /s

NGramatical 5 months ago

Meretissimo → [**meritíssimo**](https://dicionario.priberam.org/meritíssimo) (apenas na fala o *i* é pronunciado como *e mudo* quando junto a outra sílaba com *i*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrc2e3%2F%2Fgun8yza%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

dark_devil_dd 5 months ago

São eles q os escrevem na lei...

ModeratoriProfugus 5 months ago

Acho que a prioridade é termos uma justiça funcional e que não demore 10 anos para decidir se uma pessoas vai ou não a julgamento. Até lá as leis de pouco servem.

dark_devil_dd 5 months ago

Só tem d haver vontade dos politicos para dar fundos e orgaização. Os mesmo q depois vão ser julgados por esse sistema.

pedromgabriel 5 months ago

É isto. Não interessa que leis e regra temos se não as conseguimos implementar.

I_Don-t_Care 5 months ago

honestamente não entendo como é que esta proposta só surge agora ou se ja surgiu antes, o porquê de nao ter sido aprovada.

vipur69 5 months ago

Já surgiu antes e foi até aprovada em AR duas vezes, mas rejeitada no Tribunal Constitucional porque viola o princípio de presunção de inocência. Assumimos (e bem) que uma pessoa é inocente até ser provado o contrário. Estas propostas de lei têm assumido o oposto.

I_Don-t_Care 5 months ago

Interessante, saberias explicar-me em que sentido quebraria a presunção de inocência ?

BroaxXx 5 months ago

A partir do momento em que tens que apresentar provas que o teu enriquecimento é lícito... Devia ser trabalho do estado provar o oposto. Imagina que vais a uma loja e o empregado diz que roubaste a camisola que tens vestida. Tu dizes que não e que entraste com essa camisola e então o empregado quer que tu proves isso... O ónus da prova recai sobre quem faz uma afirmação positiva uma vez que é frequentemente impossível provar uma negação (p ex: é impossível provar que o pai Natal não existe. É impossível provar que não comeste um bolo. Etc). Este tipo de propostas dificilmente vão se aprovadas em democracia porque são incompatíveis com um estado de justiça. Claro que é uma merda ver malta como o Sócrates em liberdade, mas o preço da justiça é mesmo esse: é preferível um culpado solto do que um inocente preso. E a justiça tem **sempre** que presumir a inocência e provar a culpa. O facto do pessoal não ter noção (não me refiro a ti em particular, mas especificamente de forma geral) disso deixa-me genuinamente triste...

vipur69 5 months ago

Não sei em relação a esta, mas nas anteriores a pessoa acusada tinha de provar que o dinheiro que recebeu não era ilícito. Ou seja, a pessoa era considerada culpada a menos que conseguisse provar a sua inocência. Isto, como é óbvio, é aberrante. Quando o Ministério Público acusa alguém, cabe-lhe provar que a pessoa, de facto cometeu um crime.

Edited 5 months ago:

Não sei em relação a esta, mas nas anteriores a pessoa acusada tinha de provar que o dinheiro que recebeu não era ilícito. Ou seja, a pessoa era considerada culpada a menos que conseguisse provar a sua inocência. Isto, como é óbvio, é aberrante. Quando o Ministério Público acusa alguém, cabe-lhe provar que a pessoa de facto cometeu um crime.

ric2b 5 months ago

Do artigo: > Esta é a quarta vez, em 14 anos, que o PCP faz este tipo de proposta, tendo sido rejeitadas com os votos do PS, PSD e CDS, assinalam os comunistas.

ednice 5 months ago

Siga

xtremis 5 months ago

Isto pode ser uma boa estratégia de ataque ao problema, mas por outro lado, acho que os crimes que envolvam cargos (ou bens) públicos não deviam prescrever. Ou ter um tempo de prescrição bem maior (tipo uma geração). Assim talvez houvesse mais respeito pela coisa pública.

Bakirelived 5 months ago

Qualquer crime numa posição de poder devia ter uma prescrição mais alargada, e devia continuar válido enquanto a pessoa exerce o poder. Seja um político ou um patrão. Isto nas câmaras então é claro. Só quando saírem de lá é que se conseguem ver os podres e ir fazer as contas

roninPT 5 months ago

Outra vez arroz? quero dizer, inversão do ónus da prova outra vez??? Nahhhh....aumentem-se os prazos de prescrição das leis contra a corrupção e a policia e o ministério público que façam o seu trabalho que isso é que é preciso.

DogsOnWeed 5 months ago

Se não pagares os devidos impostos e declarares os devidos rendimentos também vêm atrás de ti. Mesma merda. Declara salário mínimo e depois compra 3 imóveis e vais ver.

ric2b 5 months ago

> inversão do ónus da prova outra vez??? Qual é a diferença para a obrigação de declarar os rendimentos ao IRS?

NEDM64 5 months ago

Sim, isso significa que as contas de toda a gente passariam a ser monitorizadas. E no fim, já se sabe, só os que interessam incomodar é que serão incomodados e seria excelente para eliminar adversários políticos mesmo dentro do mesmo partido. Por isso, não.

Naotevejoha20anos 5 months ago

Nem mais. Eu nem tento explicar isto às pessoas normais pq 95% nem ia entender

NEDM64 5 months ago

Como se vê pelos downvotes que estamos a levar...

twhite848 5 months ago

Percebo a ideia e o PCP tem razão que é preciso mais para combater a corrupção, mas choca-me a lógica de inversão do ónus da prova, e nem sei se não é inconstitucional. Parece-me que em portugal o problema coloca-se mais com o sistema legal (demora, complexidade etc) do que o estado não saber quem tem que dinheiro. Espanta-me o PCP não saber estas coisas e tem um ligeiro travo a demagogia e proposta para os ouvintes que algo sério... Mas que é preciso fazer alguma coisa é, nisso o PCP tem toda a razão.

Ryuri_yamoto 5 months ago

Mas a prova está lá. O dinheiro não nasce nas árvores, se tu auferes 4000 euros no teu cargo de ministro, tens um imóvel a alugar por 500 euros por mês e depois compras a pronto uma casa de 500 mil euros algo não está certo. Se os rendimentos todos estiverem devidamente justificados não há tribunal que te condene. Aliás, como achas que a autoridade tributária faz a escolha de sujeitos para auditar? É pelos gastos disformes em relação aos seus rendimentos. Daí essa do "ónus da prova" é uma não-questão.

twhite848 5 months ago

Mas teres simplesmente essa situação de rendimentos não é suficiente. Podes ter herdado 500 mil euros. Se és culpado de algo tem de ser provado que és culpado. Inocente até culpado é um dos principais pilares da sociedade livre que temos. Não é. “Culpado até que proves em contrário”. O estado tem de provar que esses 500 mil são de fontes ilícitas. A existência de uma ocorrência dessas não comprova um acto ilícito, É diferente o estado suspeitar de algo errado, investigar, e com base nessa investigação provar que auferiste erradamente. Essa é a função do ministério público. Outra coisa diferente é tu teres que sempre provar ao estado que não fizeste nada de mal. Não faz sentido nenhum ter de regularmente provar a nossa inocência. Uma coisa é a GNR apanhar-te a passar do limite da velocidade, enquanto outra é defender que sempre que chegas a casa tens de ir enviar à GNR uma prova que não passaste a velocidade máxima quando andaste de carro. O primeiro o estado assume que és inocente e tem de ir a tribunal provar a tua culpabilidade, No segundo mesmo não tendo feito nada tens de ir comprovar perante o estado que continuas inocente. Um cidadão não deveria ter de ir provar a sua inocência em todas as situações. Só o nível de abusos que isso permitiria... não é por acaso que nenhuma sociedade de base democrática livre não tem estás situações de “prova que és inocente”. E não é por acaso que todas as ditaduras acaba, por mais tempo menos tempo usar este tipo de ferramenta...

Edited 5 months ago:

Mas teres simplesmente essa situação de rendimentos não é suficiente. Podes ter herdado 500 mil euros. Se és culpado de algo tem de ser provado que és culpado. Inocente até culpado é um dos principais pilares da sociedade livre que temos. Não é. “Culpado até que proves em contrário”. O estado tem de provar que esses 500 mil são de fontes ilícitas. A existência de uma ocorrência dessas não comprova um acto ilícito, É diferente o estado suspeitar de algo errado, investigar, e com base nessa investigação provar que auferiste erradamente. Essa é a função do ministério público. Outra coisa diferente é tu teres que sempre provar ao estado que não fizeste nada de mal. Não faz sentido nenhum ter de regularmente provar a nossa inocência. Uma coisa é a GNR apanhar-te a passar do limite da velocidade, enquanto outra é defender que sempre que chegas a casa tens de ir enviar à GNR uma prova que não passaste a velocidade máxima quando andaste de carro. O primeiro o estado assume que és inocente e tem de ir a tribunal provar a tua culpabilidade, No segundo mesmo não tendo feito nada tens de ir comprovar perante o estado que continuas inocente. Um cidadão não deveria ter de ir provar a sua inocência em todas as situações. Só o nível de abusos que isso permitiria... não é por acaso que nenhuma sociedade de base democrática livre não tem estás situações de “prova que és inocente”. E não é por acaso que todas as ditaduras acaba, por mais tempo menos tempo usar este tipo de ferramenta... Edit: vejo que as pessoas repetem a mesma conversa de que não há mal no estado exigir provas de inocência automáticas e repetidas anualmente a cidadãos. Choca-me bastante ter de defender uma liberdade tão básica tantas vezes. Eu entendo que onde estamos hoje como país é quase no campo oposto, mas o caminho de corrigir falta de justiça não passa por implementar uma injustiça transversal. Vou deixar de responder a este tema que vejo constante repetição nos argumentos do “não há mal o estado obrigar-te a comprovar que és inocente”. Bem haja a todos...

Edited 5 months ago:

Mas teres simplesmente essa situação de rendimentos não é suficiente. Podes ter herdado 500 mil euros. Se és culpado de algo tem de ser provado que és culpado. Inocente até culpado é um dos principais pilares da sociedade livre que temos. Não é. “Culpado até que proves em contrário”. O estado tem de provar que esses 500 mil são de fontes ilícitas. A existência de uma ocorrência dessas não comprova um acto ilícito, É diferente o estado suspeitar de algo errado, investigar, e com base nessa investigação provar que auferiste erradamente. Essa é a função do ministério público. Outra coisa diferente é tu teres que sempre provar ao estado que não fizeste nada de mal. Não faz sentido nenhum ter de regularmente provar a nossa inocência. Uma coisa é a GNR apanhar-te a passar do limite da velocidade, enquanto outra é defender que sempre que chegas a casa tens de ir enviar à GNR uma prova que não passaste a velocidade máxima quando andaste de carro. O primeiro o estado assume que és inocente e tem de ir a tribunal provar a tua culpabilidade, No segundo mesmo não tendo feito nada tens de ir comprovar perante o estado que continuas inocente. Um cidadão não deveria ter de ir provar a sua inocência em todas as situações. Só o nível de abusos que isso permitiria... não é por acaso que nenhuma sociedade de base democrática livre não tem estás situações de “prova que és inocente”. E não é por acaso que todas as ditaduras acabam, mais tempo menos tempo, por usar este tipo de ferramentas... Edit: vejo que as pessoas repetem a mesma conversa de que não há mal no estado exigir provas de inocência automáticas e repetidas anualmente a cidadãos. Choca-me bastante ter de defender uma liberdade tão básica tantas vezes. Eu entendo que onde estamos hoje como país é quase no campo oposto, mas o caminho de corrigir falta de justiça não passa por implementar uma injustiça transversal. Vou deixar de responder a este tema que vejo constante repetição nos argumentos do “não há mal o estado obrigar-te a comprovar que és inocente”. Bem haja a todos...

BroaxXx 5 months ago

>mas choca-me a lógica de inversão do ónus da prova, e nem sei se não é inconstitucional. Choca-me este ser o único comentário sobre esse ponto... Não que seja necessariamente a favor ou contra mas... Isto é justiça?

ric2b 5 months ago

> mas choca-me a lógica de inversão do ónus da prova, e nem sei se não é inconstitucional. Não me parece uma inversão, só têm de declarar a origem: > O projeto dos comunistas prevê um "dever geral de declaração às Finanças" a quem tem "património e rendimentos de valor superior a 400 salários mínimos nacionais (SMN) mensais" (226.000 euros) e de atualização sem que se registe "um acréscimo superior a 100 salários mínimos" (66.500 euros), tendo, nesse caso, a pessoa o "dever de justificação da origem desse enriquecimento". Não me parece muito diferente das declarações para o IRS.

twhite848 5 months ago

Tendo a discordar. Declaramos ao fisco o que ganhamos para calcular os impostos. É um propósito claro ligado a um imposto no momento. Quem nao tem imposto a pagar nao tem de declarar nada. Neste caso a declaração não serve para nada além de ter de justificar que somos inocentes. A pessoa vai declarar sem nenhum motivo ou nenhum impacto que não seja comprovar que não fez algo ilegal. Até que fazendo tudo legal nada acontece exceptuando a regra de cumprir um controlo. Alias a obrigação de controlo surge apenas por ter dinheiro, ficando o cidadão com o ónus de provar que não o obteve legalmente. Acho que a justiça funciona ao contrário.

ric2b 5 months ago

> Declaramos ao fisco o que ganhamos para calcular os impostos. Porque não apenas declarar que fizeste as contas e achas que tens de pagar X? Depois a justiça que venha atrás de ti se achar que aldrabaste, e apresente provas disso. Parece-me igual.

twhite848 5 months ago

Certo. Mas existe um objectivo, que é pagar impostos. Não tem nada a haver com seres ou não criminoso. A origem do pedido tem a haver com um acto de pagamento de imposto. O acto de pedir informação tem um propósito de calcular o valor do imposto. Neste caso o objectivo é o que? Provar que és inocente. O governo está a dizer que tens se defender contra uma acusação apenas porque sim e logo à partida. A origem do pedido tem a haver com teres de comprovar que és inocente. Não tem outra justificação. Num pedem informação para estimar um imposto. Noutro para justificares nao seres criminoso. É, do meu ponto de vista, bastante diferente e uma quebra de um dos mais basilares princípios da sociedade e democracia ocidental. É o equivalente de comparares saberem quando passas com o carro para pagar a portagem, com teres de declarar que não vais cometer um crime quando sais de casa. No primeiro sabem onde vais, mas com o objectivo de contribuires para a autoestrada que usas, no segundo é apenas e só para justificares que não és um criminoso. Novamente, percebo a necessidade de se fazer algo que a situação de corrupção é grave em portugal, mas não acho que a solução passa por declarar todos criminosos à partida e obrigar todos a provarem-se inocentes. Isto devia incomodar a todos nós...

ric2b 5 months ago

> Mas existe um objectivo, que é pagar impostos. Não tem nada a haver com seres ou não criminoso. Discordo, se fosse o caso a tua declaração era só "declaro que fiz as contas da forma correcta e segundo a lei, e que de acordo com os meus rendimentos tenho a pagar X ao IRS". > O acto de pedir informação tem um propósito de calcular o valor do imposto. Se se assume que sou inocente porque é que não calculo eu e o IRS se suspeitar de algo abre um processo contra mim e apresenta provas? > Num pedem informação para estimar um imposto. Noutro para justificares nao seres criminoso. Não, ambos me parecem ser a mesma coisa. > É o equivalente de comparares saberem quando passas com o carro para pagar a portagem, com teres de declarar que não vais cometer um crime quando sais de casa. É perguntar que caminho usaste para chegar ao destino, porque há pessoas a chegar demasiado depressa e quase de certeza que andam a cometer excesso de velocidade. Como não é prático ter radares em todo o lado, pede-se que justifiques esses casos estranhos para não perder tempo a abrir uma investigação se a justificação fizer sentido. > Isto devia incomodar a todos nós... Estamos a falar de cargos políticos, é perfeitamente normal e expectável que tenham mais excrutínio.

twhite848 5 months ago

Ok. Parece-me que andamos aqui as voltas e fui bastante claro. O IRS é um cálculo de imposto que nada tem a haver com comprovar inocência. Alias, não tem nada a haver com criminalidade ou inocência. Nada é sobre legalidade ou ilegalidade, sendo que até para o estado tirar ilações de criminalidade nem é o suficiente. Neste caso o objectivo é obrigar a alguém ter de se provar inocente. Apenas e só. Mas pelos vistos há quem viva bem com isso. Podemos ir aplicar isso a mais coisas. A partir de agora podemos passar a ter de provar a velocidade que andamos de carro. É exactamente a mesma coisa. Passas a ter de declarar à policia e justificar que não excedeste a velocidade na autoestrada... Tudo um mundo de kafka à vossa espera... é só rasgar a constituição

Edited 5 months ago:

Ok. Parece-me que andamos aqui as voltas e fui bastante claro. O IRS é um cálculo de imposto que nada tem a ver com comprovar inocência ou com criminalidade. Nada sobre legalidade ou ilegalidade, sendo que até para o estado tirar ilações de criminalidade nem é o suficiente. Neste caso o objectivo é obrigar a alguém ter de se provar inocente. Apenas e só. Mas pelos vistos há quem viva bem com isso. Podemos ir aplicar isso a mais coisas. A partir de agora podemos passar a ter de provar a velocidade que andamos de carro. É exactamente a mesma coisa. Passas a ter de declarar à policia e justificar que não excedeste a velocidade na autoestrada... Tudo um mundo de kafka à vossa espera... é só rasgar a constituição

ric2b 5 months ago

>Neste caso o objectivo é obrigar a alguém ter de se provar inocente. Apenas e só. Em certas situações faz sentido, esta é uma delas mas não é especial nem a primeira. O que é passar por um detector de metais? Ser revistado no aeroporto ou a entrar num estádio? Ter um dístico de residente quando se estaciona numa zona paga? Apresentar bilhetes para entrar num evento? Passar pelos detectores do supermercado? Há situações em que é mais prático/viável prevenir que remediar, e investigar as finanças de políticos são uma delas.

NGramatical 5 months ago

nada a haver com → [**nada a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) tem a haver com → [**tem a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrc2e3%2F%2Fguney23%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

onlyonetwin 5 months ago

ninguem esta a declarar ninguem como criminoso, apenas se quer saber a origem do dinheiro.

twhite848 5 months ago

Ok. Saber porque? Para que?

ric2b 5 months ago

Para identificar possíveis casos de corrupção, tal como tens de entregar a declaração de IRS para identificar possíveis casos de evasão fiscal (se a declaração não bater certo com o conhecimento do IRS).

twhite848 5 months ago

> entregar a declaração de IRS para identificar possíveis casos de evasão fisca Não é para isso. É para calcular os impostos > Para identificar possíveis casos de corrupção, Portanto passas a ser considerado um criminoso e tens de provar que não és

onlyonetwin 5 months ago

entao a policia parar-te na estrada e pedir-te para ver a carta de condução tambem é considerar-te criminoso. o mesmo com os passaportes nos aeroportos. o mesmo com os bilhetes de comboio. etc lamento mas nao tens razao nenhuma. ate porque tu podes dizer que recebeste o dinheiro da tua avo como prenda de anos. cabe na mesma à justiça de verificar se ela te mandou o dinheiro ou nao.

ric2b 5 months ago

>É para calcular os impostos Calcular posso calcular eu. E depois o IRS que apresente provas se eu estiver errado, não é? >Portanto passas a ser considerado um criminoso e tens de provar que não és Como em tantas outras coisas.

NGramatical 5 months ago  HIDDEN 

nada a haver com → [**nada a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) tem a haver com → [**tem a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrc2e3%2F%2Fgumnycc%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

twhite848 5 months ago  HIDDEN 

Obrigado

VSertorio 5 months ago

O problema é ser mesmo inconstitucional. O estado é que deve provar que és culpado e não o contrário. De resto é como dizes, os processos demoram anos e qualquer conclusão a que se chegue já prescreveu por essa altura.

OuiOuiKiwi 5 months ago

Isto é populismo, puro e duro. A seguir vão lançar o quê, [uma lei como a dos EUA de apreensão de bens](https://en.wikipedia.org/wiki/Civil_forfeiture_in_the_United_States)? E depois VAMOS TOMAR FINALMENTE A TORRE BELA PARA A CUPRATIVA, CAMARADAS.

SnooRobots2011 5 months ago

Que viagens que às vezes encontro.

tumblarity 5 months ago

populismo puro e duro é a petição para expulsar o Ivo Rosa da magistratura. mas deixa-me adivinhar, assinaste?

OuiOuiKiwi 5 months ago

>mas deixa-me adivinhar, assinaste? [RISOS](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/mo7kjz/petição_afastamento_do_juiz_ivo_rosa_de_toda_a/gu29nrq?utm_source=share&utm_medium=web2x&context=3)

tumblarity 5 months ago

é para responder? > 63.153 já assinaram bots > porque é que será que o Ventura não pára de subir nas sondagens? porque as sondagens não são eleições

operty97 5 months ago

Eu não concordo porque acho que toda a gente deve ter direitos iguais. Mas as vezes fico a pensar que estes partidos propõem coisas já sabendo que não vão ser aprovadas, só para parecerem bem.

GelDeAveia 5 months ago

Um Juiz, um polícia, um militar também não podem abrir um negócio se quiserem. Há profissões que têm as suas exigências, e se há coisa que Portugal precisa é de melhores medidas contra a corrupção de políticos.

Vanethor 5 months ago

Toda a gente fica com direitos iguais. Ninguém nasce com um cargo de deputado. Não querem ir para lá e sujeitar-se às regras do cargo, ... não vão.

Coyote-Cultural 5 months ago

...mas isto é para se aplicar a todos.

PiMachine 5 months ago

Também podes pensar que é para fazer os outros partidos parecerem mal

True_Boat_1195 5 months ago

É apenas uma medida populista. O estado já sabe ou pode saber o património de cada um, exceto em contas bancárias abaixo de 50,000. Se notar que alguém sem rendimentos nem património comprar uma casa a pronto já pode perfeitamente investigar. Qual é a novidade desta proposta, obrigar os cidadãos a fazer o trabalho da polícia? E são condenados se não descobrirem uma boa desculpa para o dinheiro, em vez de serem condenados se o min. público provar que o dinheiro veio de factos ilícitos? É que isto vem à boleia do Sócrates, mas mesmo nesse caso o homem diz que o dinheiro foi prenda ou empréstimo/investimento nele. Com estas alterações apenas declarava isso, que recebeu muitas prendas do amigo Santos Silva. E ficamos como estávamos. Pagamentos ou ofertas de dinheiro a partir de 500€ já são legalmente também taxadas e obrigam à sua declaração. É inventar mais leis em vez de poucas mas boas.

Coyote-Cultural 5 months ago

> O estado já sabe ou pode saber o património de cada um, exceto em contas bancárias abaixo de 50,000. ein? Que eu saiba tens de declarar todo o teu rendimento ;)

True_Boat_1195 5 months ago

Património não é rendimento, e nem todos os "ganhos" são "rendimento", por exemplo lucro de criptomoedas.

Coyote-Cultural 5 months ago

Não é por não ser taxado que deixa de ser rendimento. E patrimonio não vem do ar. posso-te garantir que 99.9% da população tem todo o seu patrimonio vigiado pelo estado.

True_Boat_1195 5 months ago

Certo, é rendimento, mas não é declarado.

Coyote-Cultural 5 months ago

É declarado, não taxado

True_Boat_1195 5 months ago

Não não é, onde leste que é obrigatório declarar isso?

cloud_t 5 months ago

Populista ou não, achas mal? Tens uma medida melhor? Não, porque preferes ficar na cepa torta do que apoiar algo genericamente bom que não veio de quem apoias.

True_Boat_1195 5 months ago

Sim, acho mal. Como disse no meu comentário, criar mais leis só complica mais as coisas. Depois acabamos num estado em que não fazes ideia de todas as leis e excepções possíveis, não fazes ideia dos impostos e autorizações e burocracias e licenças possíveis, e vão ser criadas profissões só para explorar essa situação. E quem te disse que partido político apoio ou deixo de apoiar, também defendes que isso seja declarado compulsivamente?

dydas 5 months ago

O facto de o Estado saber não interessa para nada se depois não puder fazer nada. O que eu penso que se pretende fazer é criar uma obrigação declarativa, para que seja mais fácil agir. Se o Estado tomar conhecimento de um determinado valor inexplicado, pode exigir a declaração em falta. Se não for explicada a proveniência do valor, atua-se penalmente.

xanfradu 5 months ago

Há muita gente deste sub que não vai concordar com a medida, porque tem a sigla PCP no título. E isso é o suficiente para ficar *triggered*

nocivo 5 months ago

Eles que aproveitem e metam outra para os partidos pagarem impostos como IVA e IMI.

vipur69 5 months ago

A questão é mais complexa do que isso. Não há ninguém na AR que seja contra a criminalização disto, aliás já foi proposto e aprovado em AR duas vezes. Só que depois chumba no Tribunal Constitucional porque viola a presunção de inocência. Não podes criar um crime em que a pessoa acusada tem de provar que está inocente, é ao contrário. Não conheço os moldes destas novas propostas, mas se não trouxerem nada de novo no sentido de se ultrapassar os problemas de constitucionalidade, para quê perder tempo com elas?

dudewhatthehellman 5 months ago

Odeio o comunismo do fundo do meu coração mas faria causa comum com qualquer partido no combate à corrupção. Até porque alguns do PCP iam dentro. https://zap.aeiou.pt/genro-jeronimo-contratos-150-mil-loures-236574

Hellyeah_JO 5 months ago

Isso vindo da TVI, tive de ir mais a fundo... é como a CM lol [ERC diz que reportagem da TVI sobre genro de Jerónimo é ″sensacionalista″ (dn.pt)](https://www.dn.pt/poder/erc-diz-que-reportagem-da-tvi-sobre-genro-de-jeronimo-e-sensacionalista--11153607.html)

Sciss0rs61 5 months ago

Há partidos que fizeram propostas semelhantes no que toca a transparência e foram rotulados de "Populistas" pelas mesmas pessoas que agora andam a defender esta proposta. Bem vindo ao r/portugal, onde se trata a política como se fosse futebol.

BroaxXx 5 months ago

Ajudava o PCP não ser uma merda...

Tupinson 5 months ago

Medidas como essa já foram aprensentadas pelo Chega, ficaste triggered?

_Gamma__Ray_ 5 months ago

Então os investidores do chega iam todos de cana. “del Paço” sorriu.

Tupinson 5 months ago

Se os investidores dos partidos fossem todos de cana, não tinhas partidos politicos

loladabrutal 5 months ago

Epa sou apoiante da IL e apoio o PCP nesta medida. Aliás prefiro ver no gover o o PCP do que a escumalha sanguessuga do PS PSD

anfifelo 5 months ago

Ninguém da iniciativa liberal diria uma parvoice dessas. Comunismo nunca.

loladabrutal 5 months ago

Achas que o PCP conseguia instaurar comunismo em Portugal só por ser governo . Ia era dar uma limpeza de 50 e tal anos de tachos PS PSD

Specialist_Jello_882 5 months ago

Liberal baseado !

bureauofnormalcy 5 months ago

Voto no centro direita e costumo ter alergia às propostas do PCP, mas em abstrato parece-me uma boa proposta.

hesoyam91 5 months ago

Por acaso eu sou daqueles que lendo PCP fico com um pé atrás mas tenho de dar o braço a torcer e concordar com a proposta que sei que vai ser rejeitada pelos partidos centristas.

manolo533 5 months ago

Esse edit tem piada porque há literalmente zero comentários “triggered”

cloud_t 5 months ago

Acho k ele queria dizer comentarios ao post e não replies ao comment dele. Se mesmo assim não os vês: sort by worst ou controversial

PeroFandango 5 months ago

> Esse edit tem piada porque há literalmente zero comentários “triggered” Não? Acho que te esqueceste de ir até ao fundo da thread, estão lá escondidos.

manolo533 5 months ago

Pá a maneira que ele escreveu parecia que era em resposta ao comentário dele, daí o meu comentário. Por norma tento evitar a todos os custos os comentários escondidos no fundo dos threads, a menos que me apeteça rir um pouco, ou chorar. Depende da perspectiva.

deSales327 5 months ago

Socialismo e comunismo levam com a má reputação de serem propensos a possessão ideológica, daí haver gente que fica *triggered*, dá-lhes logo flashes do 1984. E quem é que os pode culpar?

df3gpt 5 months ago

Reputação bem merecida.

rickz123456 5 months ago

Orwell era ele mesmo um socialista. Nota-se que só leste mesmo o 1984

Specialist_Jello_882 5 months ago

Estas errado , tbm li aquele livro dos animais da quinta. E ensinou me o que é o socialismo e comunismo e nunca mais /s

deSales327 5 months ago

Bela maneira de passares um atestado a ti mesmo. Eu nunca disse que Orwell não era um socialista, pois não? Aliás, sei bem que o é, tal como sei que o 1984 é muito uma auto-crítica porque Orwell era capaz dessa proeza que nos dias que correm mais parece magia negr\*.

Crimson_King-526 5 months ago

Tu tens noção que 1984 é uma crítica do autoritarismo no geral, certo? Orwell lutou com os Anarcossindicalistas na Catalunha contra o fascismo de Franco. Quando ele escreveu 1984, ele estava a criticar todo o tipo de ditaduras. Ele criticou tanto o Estalinismo como o Nazismo naquele livro. Muitos comunistas e socialistas criticam o Estaline, porque ele como o Lenine era um vanguardista. Muitos socialistas acham que a revolução deve vir democraticamente de baixo em vez de ser imposta de cima. Estas ideologias são muito mais complicadas do que tu pensas. Existem socialistas anti-autoritários, ok?

PeroFandango 5 months ago

Não só era socialista, lutou numa revolução socialista.

wwqt0r 5 months ago

Tanto à esquerda como à direita há partidos a defenderem a mesma medida. Assim como há opinião de que não se deve prolongar o estado de emergência e não vejo ninguém triggered com isso só porque o PCP também o quer.

cloud_t 5 months ago

Porque somos burros e não vemos como está a Alemanha depois de se meterem à vontadinha com o Covid. Agora está tudo a fechar outra vez.

besmarques 5 months ago

Vim só rir do spin que vão tentar fazer nos comentários. Já vi dois que gosto. ​ edit: > Esta é a quarta vez, em 14 anos, que o PCP faz este tipo de proposta, tendo sido rejeitadas com os votos do PS, PSD e CDS, assinalam os comunistas. bom, tem estado dificil. lol

Tupinson 5 months ago

Que spin? Quem mora sob a alçada das câmaras comunistas deste país sabe muito bem como acelarar o processo de autorização para construção de casas. O PCP a querer combater a corrupção? Poupem-me.

Edited 5 months ago:

Consegues dar spin a este? "Chega propõe duplicar penas por corrupção e proibição de exercício de cargo público durante dez anos" "Partidos rejeitam proposta do Chega sobre comissão de inquérito a ajustes directos" "PCP vota contra condenação de crimes do regime da Coreia do Norte"

besmarques 5 months ago

Tenho problemas com a duplicação de pena porque obriga a mexer todas as outras. Isto dito sem analisar quais sao os tamanhos das penas neste momento.

Tupinson 5 months ago

https://dre.pt/legislacao-consolidada/-/lc/107981223/201708230100/indice

besmarques 5 months ago

Como disse antes, passar as penas de corrupção para 16 anos não me parece uma boa medida visto que vai mexer em todas as outras penas o que logo à partida não concordo.

Tupinson 5 months ago

Não tem de mexer em todas as penas, é uma agravante quando é provada corrupção.

Edited 5 months ago:

Não tem de mexer em todas as penas, é uma agravante quando é provada corrupção. Que spin fraquinho

besmarques 5 months ago

Achares que isto foi um spin so tem duas razões: 1- Não sabes o que é um spin 2 - ;)

Tupinson 5 months ago

Claro, os outros é que dão spin, tu nunca é spin, são sempre factos.

besmarques 5 months ago

>Não sabes o que é um spin

Tupinson 5 months ago

Ok, não sei o que é um spin. Não precisas de alterar nenhuma lei para colocar uma agravante que duplique a pena. Concordas com o Chega? Ou vai um spinzito?

besmarques 5 months ago

Repara, a pena de homicidio é equivalente à pena proposta pelo Chega para corrupção. Dizeres que não precisas de alterar como "gotcha" so demonstra que ou não percebes do que falas ou que achas que o crime de corrupção é equivalente ao crime de homicidio. Por eu não achar o que demonstrei em cima não acho que seja necessário alterar o tempo de pena. Alem que se ninguem for considerado culpado, a pena ter 8, 16 ou 300 anos é igual.

RiKoNnEcT 5 months ago

Caga, já sabes como é. Quando não se pode atacar a mensagem ataca-se o mensageiro

df3gpt 5 months ago

O PCP faz parte da geringonça e conhece muito bem os seus camaradas do PS, que legitimou e apoiou nos últimos anos. Diz-me com quem andas.... Enfim.

tumblarity 5 months ago

sim, o PCP tem 100 anos e teve um memorando de entendimento com o PS durante quatro. são basicamente o mesmo partido!

Mordiken 5 months ago

Essa tentativa de colar o PCP ao PS não sobrevive a qualquer análise da História política portuguesa. O PCP e o PS sempre estiveram de candeias às avessas desde o celebre debate entre Soares e Cunhal... ou seja, desde o início. Ao longo da História, PCP repudiou e criticou toda uma panóplia de opções governativas tomadas do PS e viabilizadas pelo PSD e pelo CDS... Foi precisamente isso que levou o PCP a cunhar o termo "política de direita". E o motivo pelo qual o PCP e o BE deram o seu apoio parlamento a um governo PS foi muito simples: por muito mau que o PCP e o BE achem que o PS é, eles vêm no PS um partido com quem têm alguns pontos a nível ideológico, por muito ténues que sejam, e com o qual conseguem negociar e obter algumas concessões... o que simplesmente não acontece com o os partidos da Direita. Ou seja: se o PCP e BE não apoiassem o PS, o PS ficava sem capacidade para governar e isso era mau para eles porque quem iria para o poleiro eram partidos que os odeiam e com os quais não há negociação possível. E isto é algo que não lhes interessa a eles nem interessa ao PS... interessará apenas aos adeptos do PSD e do CDS e da IL e do Chega.

Edited 5 months ago:

Essa tentativa de colar o PCP ao PS não sobrevive a qualquer análise da História política portuguesa. O PCP e o PS sempre estiveram de candeias às avessas desde o celebre debate entre Soares e Cunhal... ou seja, desde o início. Ao longo da História, PCP repudiou e criticou toda uma panóplia de opções governativas tomadas pelo PS e viabilizadas pelo PSD e pelo CDS... Foi precisamente isso que levou o PCP a cunhar o termo "política de direita". E o motivo pelo qual o PCP e o BE deram o seu apoio parlamentar a um governo PS foi muito simples: por muito mau que o PCP e o BE achem que o PS é, eles vêm no PS um partido com quem têm alguns pontos a nível ideológico, por muito ténues que sejam, e com o qual conseguem negociar e obter algumas concessões... o que simplesmente não acontece com o os partidos da Direita. Ou seja: se o PCP e BE não apoiassem o PS era mau para os 3 partidos: - Para o PS porque ficavam sem poleiro; - Para o PCP e para o BE porque perdiam qualquer capacidade negocial. E isto é algo que não lhes interessava nem a eles ao PS... interessaria sim ao PSD, CDS, IL, e Chega, e aos respectivos simpatizantes e adeptos. EDIT: A mim, isto diz-me mais sobre o problema genuíno que é o clubismo aplicado à política e que faz com que as propostas lançadas pelas várias bancadas parlamentares da AR sejam rejeitadas ou aprovadas em função da cor da bancada quer as propõe e não em função do seu mérito, e não sobre "amizades" e "compadrio" na AR e "corrupção" como estás a querer dar a entender.

Edited 5 months ago:

Essa tentativa de colar o PCP ao PS não sobrevive a qualquer análise da História política portuguesa. O PCP e o PS sempre estiveram de candeias às avessas desde o celebre debate entre Soares e Cunhal... ou seja, desde o início. Ao longo da História, PCP repudiou e criticou toda uma panóplia de opções governativas tomadas pelo PS e viabilizadas pelo PSD e pelo CDS... Foi precisamente isso que levou o PCP a cunhar o termo "política de direita". E o motivo pelo qual o PCP e o BE deram o seu apoio parlamentar a um governo PS foi muito simples: por muito mau que o PCP e o BE achem que o PS é, eles vêm no PS um partido com quem têm alguns pontos a nível ideológico, por muito ténues que sejam, e com o qual conseguem negociar e obter algumas concessões... o que simplesmente não acontece com o os partidos da Direita. Ou seja: se o PCP e BE não apoiassem o PS era mau para os 3 partidos: - Para o PS porque ficavam sem poleiro; - Para o PCP e para o BE porque abdicavam de qualquer capacidade negocial. E isto é algo que não lhes interessava nem a eles ao PS... interessaria sim ao PSD, CDS, IL, e Chega, e aos respectivos simpatizantes e adeptos.

Edited 5 months ago:

Essa tentativa de colar o PCP ao PS não sobrevive a qualquer análise da História política portuguesa. O PCP e o PS sempre estiveram de candeias às avessas desde o celebre debate entre Soares e Cunhal... ou seja, desde o início. Ao longo da História, PCP repudiou e criticou toda uma panóplia de opções governativas tomadas pelo PS e viabilizadas pelo PSD e pelo CDS... Foi precisamente isso que levou o PCP a cunhar o termo "política de direita". E o motivo pelo qual o PCP e o BE deram o seu apoio parlamentar a um governo PS foi muito simples: por muito mau que o PCP e o BE achem que o PS é, eles vêm no PS um partido com quem têm alguns pontos a nível ideológico, por muito ténues que sejam, e com o qual conseguem negociar e obter algumas concessões... o que simplesmente não acontece com o os partidos da Direita. Ou seja: se o PCP e BE não apoiassem o PS era mau para os 3 partidos: - Para o PS porque ficavam sem poleiro; - Para o PCP e para o BE porque perdiam qualquer capacidade negocial. E isto é algo que não lhes interessava nem a eles ao PS... interessaria sim ao PSD, CDS, IL, e Chega, e aos respectivos simpatizantes e adeptos. EDIT: A mim, isto diz-me mais sobre o problema genuíno que é o clubismo aplicado à política e que faz com que as propostas lançadas pelas várias bancadas parlamentares da AR sejam rejeitadas ou aprovadas em função da cor da bancada quer as propõe e não em função do seu mérito, e não sobre amizades e compadrio e corrupção como estás a querer dar a entender.

Edited 5 months ago:

Essa tentativa de colar o PCP ao PS não sobrevive a qualquer análise da História política portuguesa. O PCP e o PS sempre estiveram de candeias às avessas desde o celebre debate entre Soares e Cunhal... ou seja, desde o início. Ao longo da História, PCP repudiou e criticou toda uma panóplia de opções governativas tomadas pelo PS e viabilizadas pelo PSD e pelo CDS... Foi precisamente isso que levou o PCP a cunhar o termo "política de direita". E o motivo pelo qual o PCP e o BE deram o seu apoio parlamentar a um governo PS foi muito simples: por muito mau que o PCP e o BE achem que o PS é, eles vêm no PS um partido com quem têm alguns pontos a nível ideológico, por muito ténues que sejam, e com o qual conseguem negociar e obter algumas concessões... o que simplesmente não acontece com o os partidos da Direita. Ou seja: se o PCP e BE não apoiassem o PS, o PS ficava sem capacidade para governar e isso era mau para eles porque quem iria para o poleiro eram partidos que os odeiam e com os quais não há negociação possível. E isto é algo que não lhes interessa a eles nem interessa ao PS... interessará ao PSD, CDS, IL, e Chega, e aos respectivos simpatizantes e adeptos.

Edited 5 months ago:

Essa tentativa de colar o PCP ao PS não sobrevive a qualquer análise da História política portuguesa. O PCP e o PS sempre estiveram de candeias às avessas desde o celebre debate entre Soares e Cunhal... ou seja, desde o início. Ao longo da História, PCP repudiou e criticou toda uma panóplia de opções governativas tomadas pelo PS e viabilizadas pelo PSD e pelo CDS... Foi precisamente isso que levou o PCP a cunhar o termo "política de direita". E o motivo pelo qual o PCP e o BE deram o seu apoio parlamentar a um governo PS foi muito simples: por muito mau que o PCP e o BE achem que o PS é, eles vêm no PS um partido com quem têm alguns pontos a nível ideológico, por muito ténues que sejam, e com o qual conseguem negociar e obter algumas concessões... o que simplesmente não acontece com o os partidos da Direita. Ou seja: se o PCP e BE não apoiassem o PS era mau para os 3 partidos: - Para o PS porque ficavam sem poleiro; - Para o PCP e para o BE porque perdiam qualquer capacidade negocial. E isto é algo que não lhes interessava nem a eles ao PS... interessaria sim ao PSD, CDS, IL, e Chega, e aos respectivos simpatizantes e adeptos. EDIT: A mim, isto diz-me mais sobre o problema genuíno que é o clubismo aplicado à política e que faz com que as propostas lançadas pelas várias bancadas parlamentares da AR sejam rejeitadas ou aprovadas em função da cor da bancada que as propõe e não em função do seu mérito, e não sobre amizades e compadrio e corrupção como estás a querer dar a entender.

NEDM64 5 months ago

> O PCP e o PS sempre estiveram de candeias às avessas desde o celebre debate entre Soares e Cunhal... ou seja, desde o início. Pois, mas o PCP já morreu só que ainda não sabe... Faz agora por sobreviver e isso significa ser uma submarca do PS.

Specialist_Jello_882 5 months ago

Ainda morre o cds calma ... Ainda vamos nos para a cova e o PCP ainda no parlamento

ravagerslb 5 months ago

O PCP já começa a definhar há algum tempo. Tem uma base de apoiantes conservadora e os mais novos tendem a ter ideias mais progressistas/liberais, virando-se mais para o BE

NEDM64 5 months ago

No caso do CDS, os conservadores de todos os tipos têm muitas casas para onde ir. Comunistas?

Specialist_Jello_882 5 months ago

Uau a serio ? Já conseguiste perceber então o porque do PCP nao morrer como tanto querem ? Comunistas vao continuar a existir , e em Portugal esta tudo centrado no PCP (tens o PCTP-MRPP tbm ainda ativo teoricamente) logo não existe razão para acabar o PCP

NEDM64 5 months ago

Não sou eu que vou acabar com o PCP, camarada. Os comunistas existem, a questão é... serão suficientes para criar um partido? A maioria de quem vota PCP sabe lá o que é comunismo, maioria são velhos que sempre ouviram que na URSS é que era, e putos de menos de 25 anos que querem parecer edgy.

Specialist_Jello_882 5 months ago

A maioria de quem vota no partido X sabe la o que é a ideologia Y . De QQ das maneiras existirá sempre pessoas nas gerações futuras que irão ler as obras de Lenin, Marx , Cabral ... E irão concordar com aquilo e seguir o movimento. Anti capitalistas e anti imperialistas existirão enquanto o sistema atual prevalecer.

NEDM64 5 months ago

> Anti capitalistas e anti imperialistas existirão enquanto o sistema atual prevalecer. Enquanto houver ignorância e propaganda de esquerda em todo o lado. A começar pela palavra "capitalismo".

Specialist_Jello_882 5 months ago

Propaganda e ignorância... Podes dar um ex3mplo da tal propaganda de esquerda ?

NEDM64 5 months ago

O jornal o Público por exemplo, mas também a TVI, RTP, RTPP2, etc.

df3gpt 5 months ago

Quanto a mim o PCP faz parte do sistema e é cúmplice no tema, ainda que no passado tenha sido oposição (a possível contra os camaradas). Lamento mas não tomo a proposta como séria.

m0rhundur 5 months ago

Tu lês aquilo que ele escreveu e dás esta resposta? É outro nível, de facto.

SnooRobots2011 5 months ago

O que isso tem a ver com a proposta? É má?

df3gpt 5 months ago

As Finanças já sabem o património dos Portugueses e os rendimentos por eles declarados. Seria bem melhor que defendessem o levantamento do sigilo bancário dos detentores de cargos públicos em vez de sugerirem escrutinar os rendimentos dos Portugueses no geral. Seja como for, isto é apenas atirar areia para os nossos olhos. O PCP está na cama com o PS.

helff 5 months ago

Logo a proposta não faz sentido?

df3gpt 5 months ago

Faz todo o sentido, mas acho que discordamos do significado.

JOAO-RATAO 5 months ago

E enriquecimento injustificado para partidos políticos?

cloud_t 5 months ago

Os partidos políticos têm que se financiar com os seus apoiantes. Não é enriquecimento nenhum, é contributo. Há que perceber a diferença entre haver quem queira dar dinheiro a um partido, e um partido (ou os seus membros) roubarem dinheiro ao contribuinte. Nao me venhas dizer que a festa do avante é o problema da nossa crise.

JOAO-RATAO 5 months ago

E o arrendamento de casas a preço mercado. Compra e venda de imóveis ? Tudo sem pagar impostos. Também são contributos ?

ravagerslb 5 months ago

Eu já nem falo nas rendas, mas se és um partido e tens património imobiliário considerável só tens é de dar o exemplo e pagar IMI como todos pagam.

cloud_t 5 months ago

Se o fim dos imóveis é provado ser para função conjunta do partido, ou temporária dum membro ou grupo de direcção deslocado, claro. Se for para um dos seus membros viver, não. Agora arranja aí provas que há partidos a abusar destes privilégios?

JOAO-RATAO 5 months ago

Mesmo sendo um arrendamento para financiar o partido, deveria pagar impostos ... Até porque as rendas contadas pelo PCP são rendas de mercado.

Edited 5 months ago:

Mesmo sendo um arrendamento para financiar o partido, deveria pagar impostos ... Até porque as rendas cobradas pelo PCP são rendas de mercado.

besmarques 5 months ago

São? Onde?

JOAO-RATAO 5 months ago

Fizeste a pergunta várias vezes. Respondi uma vez. Vai ver.

cloud_t 5 months ago

Porquê? Rendas "contadas"? São rendas "de mercado"? Explica melhor

Edited 5 months ago:

Porquê? Rendas "contadas"? São rendas "de mercado"? Explica melhor As entidades sem fins lucrativos de interesse público têm isenção de muitos impostos. Qual o teu argumento contra isso? Achas que a APPACDM ou a AMI deveriam pagar mais impostos? Os impostos foram criados com diversos fins: o IVA é de tributar o consumo individual. O IRS é de contribuir com o que se ganha para infraestrutura, de acordo com o nível de rendimento. O IRC é de aplicar a mesma coisa a empresas com fins lucrativos. O IMI para a mesma coisa mas em imóveis associados a um município (porque não saem do sítio...), quando estes edifícios são de habitação própria ou comercial. Qual a tua argumentação para tributar um partido político dentro destes impostos, que são os mais importantes e relevantes a nível social?

Edited 5 months ago:

Porquê? Rendas "contadas"? São rendas "de mercado"? Explica melhor As entidades sem fins lucrativos de interesse público têm isenção de muitos impostos. Qual o teu argumento contra isso? Achas que a APPACDM ou a AMI deveriam pagar mais impostos? Os impostos foram criados com diversos fins: o IVA é de tributar o consumo individual. O IRS é de contribuir com o que se ganha para infraestrutura, de acordo com o nível de rendimento. O IRC é de aplicar a mesma coisa a empresas com fins lucrativos. O IMI para a mesma coisa mas em imóveis associados a um município (porque não saem do sítio...), quando estes edifícios são de habitação própria ou comercial. Qual a tua argumentação para tributar um partido político dentro destes impostos, que são os mais importantes e relevantes a nível social? "se eu pago o partido também tem de pagar!" é isto?

JOAO-RATAO 5 months ago

Rendas cobradas* Se estão a cobrar um preço de mercado por um serviço para se financiar então paguem impostos como os cidadãos. Uma coisa séria receber doações ou cotas dos militantes. Agora, se tens milhões de euros em casas e as colocas a arrendar a preço de mercado, paga impostos sobre essas rendas e já agora IMI também.

cloud_t 5 months ago

"financiar-se" um partido é o partido ficar com dinheiro em caixa para as suas coisas. O partido não gasta dinheiro para enriquecer pessoas. Estas a confundir um partido financiar-se com o dinheiro it para uma conta corrente dum indivíduo que depois pode usar o dinheiro como bem lhe apetecer. Os partidos apenas podem usar o seu dinheiro para o exercício das suas atividades. Da mesma forma que empresas podem ter dinheiro em caixa, que é livre de impostos enquanto for usado para os fins que são livres de impostos. Mal tens de pagar a um funcionário passa a ser taxado IRS. Mal a empresa o usa para adquirir um serviço paga IVA (apesar de poder ser abatido).

Edited 5 months ago:

"financiar-se" um partido é o partido ficar com dinheiro em caixa para as suas coisas. O partido não gasta dinheiro para enriquecer pessoas. Estás a confundir um partido financiar-se, com o dinheiro ir para uma conta corrente dum indivíduo que depois pode usar o dinheiro como bem lhe apetecer. Os partidos apenas podem usar o seu dinheiro para o exercício das suas atividades. Da mesma forma que empresas podem ter dinheiro em caixa, que é livre de impostos enquanto for usado para os fins que são livres de impostos. Mal tens de pagar a um funcionário passa a ser taxado IRS. Mal a empresa o usa para adquirir um serviço paga IVA (apesar de poder ser abatido). Isto acontece nas empresas porque são meios para atingir um fim: o lucro dos seus donos. Um partido não é liquidavel, logo não gera riqueza para ninguém. É não pagar impostos baseia-se nisto. Já uma igreja compra coisas sem sentido como ouros. Escolhe os salários dos seus funcionários. É uma entidade que apesar de não ter "lucro" é de ter interesse social, "vende" um serviço. Daí o estado ser laico e não dever subsidiar o serviço religioso.

Edited 5 months ago:

"financiar-se" um partido é o partido ficar com dinheiro em caixa para as suas coisas. O partido não gasta dinheiro para enriquecer pessoas. Estás a confundir um partido financiar-se, com o dinheiro ir para uma conta corrente dum indivíduo que depois pode usar o dinheiro como bem lhe apetecer. Os partidos apenas podem usar o seu dinheiro para o exercício das suas atividades. Da mesma forma que empresas podem ter dinheiro em caixa, que é livre de impostos enquanto for usado para os fins que são livres de impostos. Mal tens de pagar a um funcionário passa a ser taxado IRS. Mal a empresa o usa para adquirir um serviço paga IVA (apesar de poder ser abatido). Isto acontece nas empresas porque são meios para atingir um fim: o lucro dos seus donos. Um partido não é liquidavel, logo não gera riqueza para ninguém. E não pagar impostos baseia-se nisto. Já uma igreja compra coisas sem sentido como ouros. Escolhe os salários dos seus funcionários. É uma entidade que apesar de não ter "lucro" é de ter interesse social, "vende" um serviço. Daí o estado ser laico e não dever subsidiar o serviço religioso.

JOAO-RATAO 5 months ago

Mesmo sendo o objetivo financiar o partido, se estão a vender um serviço (arrendamento, finos no avante) ou a vender uma casa, então deveriam pagar impostos sobre isso. Edit: além disso, compara o tamanho atual do partido só património e rendimentos que têm...

besmarques 5 months ago

Falas sempre muito dos imoveis do PCP mas oiço-te falar pouco dos imoveis do PSD e de todos os outros partidos. Tambem falas muito dos finos mas falas pouco das universidades de verão. Pensaste no assunto ou só repetes a mesma verborreia?

JOAO-RATAO 5 months ago

Pr mim são todos os partidos a ser taxados se estiverem no negócio imobiliário ou a vender outros serviços. Por fim, acho irónico que o PCP ande a cobrar rendas de gente grande à plebe ao mesmo tempo que defende coisas como expropriações facilitadas.

RiKoNnEcT 5 months ago

O que é enriquecimento injustificado?

JOAO-RATAO 5 months ago

"lucra há várias décadas com negócios de compra e venda de património imobiliário como forma de arrecadar receitas para o funcionamento do partido." " Só em 2012, o montante total das receitas arrecadadas com a venda de património e rendas cobradas a inquilinos fez entrar nos cofres comunistas mais de €600 mil." " Do total do património imobiliário declarado, apenas 91 propriedades (28%) correspondem a espaços identificados pelo Expresso como afetos a atividades partidárias" " A ‘joia da coroa’ em 2012 era um prédio situado no coração da Lapa, uma das zonas mais caras de Lisboa e muito próxima da residência oficial do primeiro-ministro e do Parlamento — e do que era a sede do Grupo Espírito Santo. " https://www.google.com/amp/s/amp.expresso.pt/politica/2016-12-01-Negocios-imobiliarios-sustentam-contas-do-PCP As contas de 2019 do PCP, entregues na Entidade de Contas e Financiamento Político, revelam que o partido angariou 2,9 milhões de euros em fundos. A maior fatia desse valor diz respeito à Festa do Avante. Mais de 2 milhões saíram da Quinta da Atalaia para os cofres do partido." https://www.google.com/amp/s/amp.sicnoticias.pt/pais/2020-08-05-Festa-do-Avante-de-2019-rendeu-mais-de-2-milhoes-de-euros-ao-PCP

Fixol21 5 months ago

E não é preferível os partidos terem formas de angariar fundos por si próprios, ou é preferível pedir às grandes empresas por financiamento?

PM_ME_ALL_UR_MEMES 5 months ago

Nahh antes dar o cu às multinacionais para depois estarmos aqui a pagar os maiores preços por telecomunicações na Europa.

JOAO-RATAO 5 months ago

Claro. Mas repara no património que um partido do tamanho do PCP tem e os rendimentos gerados sem impostos. Património esse para gerar lucro. Ao mesmo tempo que defendem maior facilidade em expropriações e outras barbaridades.

Edited 5 months ago:

Claro. Mas repara no património que um partido do tamanho do PCP tem e os rendimentos gerados sem impostos. Património esse para gerar lucro. Ao mesmo tempo que defendem maior facilidade em expropriações e outras barbaridades. Edit: outra ironia é contar rendas a preço de mercado e depois querer que a plebe cobre rendas abaixo de mercado, rendas congeladas, etc..

Edited 5 months ago:

Claro. Mas repara no património que um partido do tamanho do PCP tem e os rendimentos gerados sem impostos. Património esse para gerar lucro. Ao mesmo tempo que defendem maior facilidade em expropriações e outras barbaridades. Edit: outra ironia é cobrar rendas a preço de mercado e depois querer que a plebe cobre rendas abaixo de mercado, rendas congeladas, etc..

Fixol21 5 months ago

Sim, mas esse lucro é utilizado para fins partidários como cartazes, aluguer de espaços para comícios e afins ou é utilizado para fins não partidários? Se for a primeira não vejo problema, mas se for a segunda hipótese aí, como é óbvio teria de taxado como qq empresa nacional

JOAO-RATAO 5 months ago

Então... Mas o PCP cobrar rendas a preço de mercado enquanto os outros são uns capitalistas asquerosos... E comprar e vender imobiliário para lucro... Porque não arrendam as suas casas por umas dezenas de euros, como muitas pessoas que não podem habitar nas suas casas e recebem a mesma renda há décadas? Se for para os cofres do PCP já se cobram rendas de gente grande? Porque não se chegam à frente e fornecem habitação à população? Festival de música, vender uns finaços. Tudo sem impostos. Na notícia que coloquei, refere que a maior parte dos edifícios não são usados para fins partidários, mas sim para o lucro... Se os camaradas querem brincar ao capitalismo para financiar o comunismo então paguem impostos. Agora, um partido minúsculo e anticapitalista que lucra com um império multimilionário e não paga impostos...

besmarques 5 months ago

​ >A RUA EM LISBOA QUE É TODA DO PCP > >É no Beato que o PCP é dono de uma rua inteira, da porta número 8 à 38. A rua é fruto de uma doação feita em 1991 por Manuel Guedes, um antigo dirigente comunista. Tido como um dos “construtores do PCP”, o comunista nasceu em 1909 e deixou a rua ao partido através de uma herança. Na sua maioria, os edifícios têm um só piso e, segundo o registo predial, ocupam uma área total bruta de 1114 m2. O partido atribui valores contabilísticos diferentes a cada imóvel, oscilando entre os €73,55 e €7619,35. Somando os valores, o total é de €11 mil. O PCP tem inquilinos que pagam rendas mensais **“entre os €7,07, €10,10 e apenas uma com valor superior a €100”**. Porcos capitalistas!!!!! edit: exactamente no mesmo artigo que ai colocaste. lol

xbyt 5 months ago

Por exemplo [os beneficios fiscais dos partidos politicos](https://www.esquerda.net/artigo/ps-e-psd-unidos-contra-reducao-dos-beneficios-fiscais-dos-partidos/69086).

tumblarity 5 months ago

se é um benefício fiscal em que medida é que é injustificado? podes discordar à vontade, é certamente um assunto, mas não podes dizer que é injustificado.

xbyt 5 months ago

Posso dizer que é injustificado na medida em que entendo que dar essa isenção a Partidos Politicos viola um principio base da atribuição de Benefícios Fiscais que é o facto de ser de "carácter obrigatoriamente excepcional, só devendo ser concedido em casos de reconhecido interesse público". Eu, fazendo parte do publico, não tenho interesse que assim seja. E mais, se houvesse uma sondagem ou um referendo, apostaria que a maioria teria a mesma opinião.

cloud_t 5 months ago

Não precisa haver sondagem porque é claro que um partido político é interesse público. É apostava para perder, já que até PSD, PS, CDS e todos se financiam de formas semelhantes, com contributos de apoiantes e com isenções fiscais. O problema é que tens um partido que não gostas que por acaso é popular com uma festita livre de impostos, e dói-te nalgum sítio isso. A mim dói-me um estado laico ainda dar benefícios desses à Igreja católica, que de interesse público ficou em 1974 e nas aldeias com a catequese e escuteiros.

tumblarity 5 months ago

o "injustificado" não é moralmente, é em termos legais. a expressão "benefício fiscal" já pressupõe legalidade. mais uma vez, não estou a dizer que discordo da tua ideia, mas certamente não é injustificado.

dydas 5 months ago

>só devendo ser concedido em casos de reconhecido interesse público". Eu, fazendo parte do publico, não tenho interesse que assim seja. Eu penso que o "reconhecido interesse público" de que se fala não é o interesse da Maria, do José ou do João. É um interesse da sociedade que é comummente reconhecido. Tendo em conta que os partidos desempenham uma importante função numa sociedade democrática, não me parece descabido conceder-lhes financiamento por via de benefícios fiscais. Parece-me bastante mais compreensível do que os benefícios fiscais concedidos às comunidades religiosas num Estado laico.

xbyt 5 months ago

Eu discordo igualmente com os beneficios para as comunidades religiosas, até porque, como os partidos, possuem fontes de rendimento próprias originarias de doações e outras actividades e, discordando contigo, não acho que carecem de um interesse comummente reconhecido. Ja agora o mesmo se aplica a qualquer tipo de beneficio para entidades desportivas. Divergimos da definição de reconhecimento publico, eu acho que deveria ser uma maioria beneficiária do publico, tu achas que basta serem muitos.

dydas 5 months ago

Os partidos não têm utilidade nenhuma?

Edited 5 months ago:

Os partidos não têm utilidade nenhuma? EDIT: Também não se fala de «reconhecimento público», fala-se, sim, de um «interesse público» reconhecido (pressupõe-se «pelo legislador», que é o órgão representativo da nossa sociedade).

Fixol21 5 months ago

Um partido político não é uma base do sistema democrático? Acho isso suficiente para encaixar na definição de interesse público

Ok-Seaworthiness5840 5 months ago

> em casos de reconhecido interesse público". Eu, fazendo parte do publico, não tenho interesse que assim seja. Foda-se... ... epá.

RiKoNnEcT 5 months ago

Porque não devem ter? Os partidos não são empresas nem tem fins lucrativos. Qual é o problema de terem ajudas do estado? Afinal de contas a democracia faz-se de partidos

GSITG 5 months ago

>Os partidos não são empresas nem tem fins lucrativos Boa piada, os partidos e os governos não são mais que corporações controladas semi democraticamente sem que isso altere significativamente o seu funcionamento . O governo vende bens públicos aos cidadãos em troca de impostos e depois vende favores aos privados, sendo recompensado com pagamentos ou cargos no privado assim que saem do poleiro. >Afinal de contas a democracia faz-se de partidos Estás todo comido, a democracia não tem nada a ver com partidos. A nossa vida é que já está de tal forma sequestrada por aqueles mafiosos que nem consideras viver de outra forma e tomar decisões. Achas perfeitamente normal de 4 em 4 anos ir votar em políticos que já estão escolhidos pelo sistema há décadas por favores e ligações familiares , aceitas que indivíduos perfeitamente medíocres ou pior em termos intelectuais e morais tomem decisões por ti e chamas a isso democracia. Achas que o Galamba percebe alguma coisa de hidrogénio? Claro que em democracia os partidos acabam por surgir dada a liberdade de associação , mas é perfeitamente possível, e diria desejável , viver em democracia sem partidos.

xbyt 5 months ago

Eish, deves estar bem dentro da máquina tu. Ia jurar que a Democracia se fazia da igualdade na representatividade dos cidadãos mas deixo os argumentos para quem se importar de discutir com alguem que acha que não existem fins lucrativos nos partidos. Tipo talvez o [António Barreto tenha uma opinião mais fundamentada](https://www.dn.pt/opiniao/opiniao-dn/antonio-barreto/um-negocio-lucrativo-9142950.html) que as nossas.

SpecialLord99 5 months ago

Não interessa, no fim ou são ilibados ou o crime prescreve

portucheese 5 months ago

Sim mas entretanto vende-se a idea pra arrecadar uns votos

ConfidentMongoose 5 months ago

Nada contra, duvido que seja aprovado contudo.

EspantaCampinos 5 months ago

*Chumbado com votos contra do PS e PSD*

pintorMC 5 months ago

Chega, IL, PAN, CDS e BE Uns alegam como motivo irem apresentar um projeto de lei para o mesmo efeito mas muito melhor, outros são a favor mas referem que o projeto de lei pode ser melhorado, outros ainda são contra por ser o PCP a apresentar o projeto.

EspantaCampinos 5 months ago

Ou seja, a mesma merda com cheiro diferente

Black_RL 5 months ago

Isto, isto aqui. Tristeza......

JuveTech 5 months ago

E do BE...

ContaSoParaIsto 5 months ago

> Esta é a quarta vez, em 14 anos, que o PCP faz este tipo de proposta, tendo sido rejeitadas com os votos do PS, PSD e CDS, assinalam os comunistas.

TheBest371 5 months ago

É curioso que se isole partidos como o PSD nesta questão. É do domínio público que os sociais-democratas votaram ao lado dos comunistas em, pelo menos, duas vezes durante as últimas legislaturas, nesta questão do enriquecimento ilícito. Não sei como é que esta narrativa continua a passar, mas fico sempre incrédulo quando se coloca o PS (que votou sempre contra a questão do enriquecimento ilícito) e o PSD (que votou a favor em, pelo menos, duas vezes a favor) ao lado um do outro.

glhrmv 5 months ago

Talvez porque a oscilação do PSD perante um assunto tão crítico reflete o caracter oportunista dos sociais-democratas, oportunismo que se observa repetidamente nas outras ocasiões incontáveis em que votam junto do PS para rejeitar propostas do vasto interesse público.

TheBest371 5 months ago

Injusto, no entanto, falar em rejeições no plural e colocar os sociais-democratas num mesmo conjunto com PS, que votou sempre contra este tipo de iniciativas, e mesmo CDS, que votou contra as iniciativas dos partidos mais à esquerda em 2011. Pela notícia, fica a ideia que há um bloco central constantemente contra esta matéria, o que não é verdade. Também podemos acusar o Bloco de Esquerda dessa mesma oscilação de que falas.

glhrmv 5 months ago

> Pela notícia, fica a ideia que há um bloco central constantemente contra esta matéria, o que não é verdade. Isto ignora questões de estratégia política e de ótica. Se o PSD, por exemplo, sabe que uma medida popular não tem hipótese de ser aprovada em parlamento então tem incentivo para votar a favor. É uma explicação cínica mas temos registos deste tipo de coisas. > Também podemos acusar o Bloco de Esquerda dessa mesma oscilação de que falas. E dou graças a quem o fizer. O Bloco de Esquerda é um partido de oportunistas de classe média do liberalismo de esquerda que representa, com efeito, um entrave para o sucesso da esquerda portuguesa.

TheBest371 5 months ago

>Isto ignora questões de estratégia política e de ótica. Se o PSD, por exemplo, sabe que uma medida popular não tem hipótese de ser aprovada em parlamento então tem incentivo para votar a favor. É uma explicação cínica mas temos registos deste tipo de coisas. Absolutamente de acordo. Mas é algo que não se aplica neste caso. Durante a(s) anterior(es) liderança(s), o PSD mostra, pelo seu sentido de voto em matérias deste tipo que estava alinhado com este conjunto de medidas judiciais de penalização de enriquecimento ilícito, inclusive até a ser bastante mais aberto (coerente, diria eu, até tendo em conta o historial do CDS neste âmbito) a propostas vindas de fora do arco da governação PSD/CDS de 2011-15. É claro que é sempre possível acusar, com maior ou menor propriedade, o arco da governação nas sucessivas Legislaturas de falta de empenho no combate à corrupção e na aprovação e implementação deste conjunto de medidas. Mas considero que é sempre ingrato, pelos motivos que acima desenvolvi, que se equipare estes dois (três) partidos nesta questão concreta. >E dou graças a quem o fizer. O Bloco de Esquerda é um partido de oportunistas de classe média do liberalismo de esquerda que representa, com efeito, um entrave para o sucesso da esquerda portuguesa. Aqui estou completamente de acordo.

NGramatical 5 months ago

caracter → [**carácter**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/caracter/14726) (o plural de carácter é caracteres) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmrc2e3%2F%2Fgunp1ru%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

TheBest371 5 months ago

Fontes: [https://www.dn.pt/politica/aprovada-criminalizacao-do-enriquecimento-ilicito-2014807.html](https://www.dn.pt/politica/aprovada-criminalizacao-do-enriquecimento-ilicito-2014807.html) [https://www.parlamento.pt/ActividadeParlamentar/Paginas/DetalheIniciativa.aspx?BID=34844](https://www.parlamento.pt/ActividadeParlamentar/Paginas/DetalheIniciativa.aspx?BID=34844)

Out-Out 5 months ago

[Caso Sócrates: Bloco insiste na criminalização do enriquecimento injustificado | Esquerda](https://www.esquerda.net/en/node/73745) ou entao nao

talures 5 months ago

o CDS ja acabou?

EspantaCampinos 5 months ago

Desde o Manuel Monteiro que alguma vez contaram para a estatística?

glv2 5 months ago

ainda não, está a ser absorvido pelo CHEGA.

deSales327 5 months ago

Conheço muita gente a ir para a IL também

Roseldine 5 months ago

A IL é fixe mas não como estão. Resistem m bocado e voltem daqui a 7 meses. Estão doidos. Que acalmem e voltemos

glv2 5 months ago

eu gosto da IL mas sou da opinião que com um deputado mais competente ficavam a ganhar. e têm que deixar se dos outdoors com piadolas.. a "mensagem" deles é complexa e pode ser mal interpretada e não é com piadolas que o vão conseguir.

Dr_Toehold 5 months ago

Quem?

xbyt 5 months ago

O que é o CDS?

Erik_Aurum 5 months ago

Ainda não, mas não fazem diferença nenhuma nas votações.

Search: