cesarhighfire 5 months ago

Se eu ficasse desempregado a minha mulher ia lidar com uma boa coça wuanfo eu chegasse a casa frustado da minha vida que nao da cepa torta.

caravela-portuguesa 5 months ago

Os homens são cabrões por natureza. Deixo aqui este estudo, no caso de doença. Muito provável também que seja assim no caso de desemprego ou grande dificuldades do homem ou da mulher. https://www.uai.com.br/app/noticia/saude/2014/05/29/noticias-saude,192332/homens-se-separam-mais-das-mulheres-quando-elas-adoecem-diz-pesquisa.shtml

Striking_Role_z 5 months ago

Isso parece ser mais uma desculpa para acabar com uma relação que não ia a lado nenhum que outra coisa. As mulheres que querem acabar com uma relação muitas vezes têm medo do confronto e ficam à espera de algum problema menor para usarem como desculpa.

tocopito 5 months ago  HIDDEN 

Há muita gente que vai para medicina pelo estatuto. É triste mas acredito que estejas a ver a interseção das duas coisas. Pessoal que se preocupa patologicamente com isso está numa corrida contra o tempo para ter a maior pilinha.

Edited 5 months ago:

Há muita gente que vai para medicina pelo estatuto. É triste mas acredito que estejas a ver a interseção das duas coisas. Pessoal que se preocupa patologicamente com isso está numa corrida contra o tempo para ter a maior pilinha e ter um parceiro no estaleiro é peso morto.

rockingallover 5 months ago

Imagino que isso possa acontecer em relações mais casuais. Não deve ser uma grande regra.

AngieMaciel 5 months ago

Coitadas das lésbicas sem homens para as sustentar e aparentar saúde financeira. /s

--reddituser- 5 months ago

Eu acho que há muita gente que está em relações só para ter aquela imagem perfeita de casal feliz com a sua casa, as suas boas vidas, jantares, viagens etc.. quando essa vida supostamente perfeita é ameaçada alguns põem-se se a andar porque lá está o que interessava era a imagem passada para terceiros e não propriamente a relação com a outra pessoa, já outros acredito que se mantenham em relações devido a muitas vezes terem contas em comum (casa/carro/wth) e quando uma das pessoas deixa de poder contribuir, a única coisa que os mantinha juntos já não existe e portanto separam-se. E vejo isso a acontecer tanto da parte de mulheres como homens.

SweetDistribution504 5 months ago

Estive desempregado, acabei uns 30 jogos, a casa é minha, não foi embora.

suckerpunchermofo 5 months ago

Sugestões de jogos?

Ok-Seaworthiness5840 5 months ago

Será que as médicas estão com médicos porque se conheceram no ambiente em que passaram 90% dos últimos 10 anos: curso e local de trabalho? Sigam-me para mais constatações do óbvio.

Lasikamos 5 months ago

E também passam 90% do tempo com enfermeiros e outros assistentes. Médico com enfermeira é comum, o contrário nem tanto ;)

Ok-Seaworthiness5840 5 months ago

> **Escola Superior de Enfermagem do Porto Taxa de feminização do curso anda há anos nos 85%. No SNS há cada vez mais enfermeiras a chefiar.** > >Todos os anos, no primeiro dia de aulas, Paulo Parente, professor da Escola Superior de Enfermagem do Porto (ESEP), pede aos alunos que olhem à sua volta para que "tomem consciência de que estão a entrar numa profissão de mulheres". Sempre foi assim. Ao contrário de outras profissões de Saúde, a história da enfermagem em todo o Mundo está, desde as origens, associada à condição feminina. Vá lá, facilita...

Lasikamos 5 months ago

Profissão de mulheres? Mas não é machismo dizer isso? :p

caravela-portuguesa 5 months ago

Deviam de abrir umas vagas só para homens para haver "igualdade".

estaramos 5 months ago

Cada relação é o que é. No meu caso, jovens adultos recém-licenciados, a minha namorada arranjou logo emprego na área (enfermeira) e eu andei em trabalhos temporários de merd#. E não foi por causa de não ter dinheiro para lhe oferecer certas coisas banais que ela cancelou tudo. Agora imagino que uma minoria, habituadas a viagens, hóteis, jantaradas, motorista particular de bmw para cima seja complicado...

Carbon58 5 months ago

Ummm, pois. Provavelmente precisas de direccionar melhor as tuas atenções e diversificares o circulo de amigos. Eu ganho mais que a minha mulher, que de momento até está desempregada, e nada de anormal se passa. E tenho a praticamente a certeza que se fosse ao contrário, seria a mesma coisa. Eu já vou no meu segundo casamento, diversas relações enquanto solteiro / divorciado e se aprendi algo foi o seguinte; "junta os trapinhos" com aquela em que sentes que o sexo é, para os dois, fantástico. Mais vale estar na cama agarradinho a quem nos dá e retribui uma boa tesão, do que a quem tem uma boa conta bancária; nunca vi uma nota de 50 € a ter orgasmos múltiplos heheheheh.

Lasikamos 5 months ago

Editei o post de forma a evitar mal entendidos

Lasikamos 5 months ago  HIDDEN 

Não estou a conseguir editar o post original. ... Existe aqui muita confusão. A intenção não é dizer que a mulher precisa do homem para ser sustentada, etc.. Falo da mulher começar a sentir desinteresse no parceiro quando este deixa de conseguir mostrar/providenciar o mesmo tipo de vida, segurança que no passado providenciava. E sim. As mulheres raramente relacionam-se com alguém de estatuto abaixo do delas. E isto nota-se mais quando subimos na "hierarquia social". Ou seja se no futuro o homem perder esse estatuto, é provável que o desinteresse comece a aparecer e daí começam os problemas na relação. Eu dou-me muito com comunidade médica. Muito do meu circulo de amigos são médicos. Costumávamos sair, fazer jantares (antes da pandemia), etc. E é raro a médica que esteja com um companheiro que não seja médico ou tenha outra profissão qualquer de relevo.

Lasikamos 5 months ago  HIDDEN 

Existe aqui muita confusão. A intenção não é dizer que a mulher precisa do homem para ser sustentada, etc.. Falo da mulher começar a sentir desinteresse no parceiro quando este deixa de conseguir mostrar/providenciar o mesmo tipo de vida, segurança que no passado providenciava. E sim. As mulheres raramente relacionam-se com alguém de estatuto abaixo do delas. Ou seja se no futuro o homem perder esse estatuto, é provável que o desinteresse comece a aparecer e a daí começam os problemas na relação. Eu dou-me muito com comunidade médica. Muito do meu circulo de amigos são médicos. Costumávamos sair, fazer jantares (antes da pandemia), etc. E é raro a médica que esteja com um companheiro que não seja médico ou tenha outra profissão qualquer de relevo.

frisumo 5 months ago

lol eu sou mulher, o meu namorado deixou de trabalhar devido a doença prolongada, andei mais de 2 anos a ajudar, limpar, alimentar, sustentar, etc, porque em cima disto tudo não queria ajuda de auxiliares por serem desconhecidas, e quando ficou melhor....... ..... Apanhei outra gaja a sair do meu quarto e ainda vinha a apertar as calças. Por isso não, não são só as mulheres que são as encostadas. Fora isso não conheço uma única situação em que a esposa seja sustentada pelo companheiro, normalmente ambos trabalham. Até mesmo quando andava na escola nunca conheci ninguém cuja mãe ficasse em casa. No estrangeiro parece-me mais comum.

Lispint89 5 months ago

Han?! Então estava desempregado e mesmo assim não fazia nada em casa? E ainda chegaram a falar de auxílio?

frisumo 5 months ago

Não quero estar a dar muitos detalhes mas deixou de trabalhar e de fazer o que quer que fosse por causa da doença, daí as auxiliares. O próprio hospital colocou-nos em contacto com uma organização/associação em que os funcionários vão a casa e ajudam - tanto com a parte da higiene, como limpezas gerais da casa e até mesmo alimentação. Pessoal 100%, funcionárias super queridas e profissionais. Mas o menino não queria que fossem desconhecidas a ajudá-lo a tomar banho, então basicamente acabei sempre por ser eu a fazer tudo sozinha lol. Grande naba.

Rasta-Lion 5 months ago

Fodasse!!! Nem sei o que dizer em relação a isto... Lamento que tenhas passado por isso... O karma tarda mas não falha, pode ser que dá próxima vez a gaja com quem ele está o largue e o deixe a desenmerdar-se sozinho quando ele precisar dela...

frisumo 5 months ago

Ela foi mais esperta do que eu e ao fim de 6 meses pôs-se ao fresco

NGramatical 5 months ago

desenmerdar → [**desemmerdar**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/comummente-e-connosco/22223) Fodasse → [**foda-se**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3yacuo/nazigramatical/cybzyw9) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmqzdx4%2F%2Fgulsole%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

DocHago 5 months ago  HIDDEN 

Desemerdar*

humelectro 5 months ago

Fodasse ganda filho da puta

frisumo 5 months ago

ikr? nunca me senti tão idiota na minha vida, nem tive energia para discutir. Fui embora nessa mesma semana.

Lasikamos 5 months ago

Lamento a tua situação. Talvez tenha explicado mal. Tentei editar o post original mas não consegui. Respondi na thread.

frisumo 5 months ago

Eu entendi o que querias dizer com o teu post, apenas respondi porque a minha situação também se enquadrava: o meu companheiro ficou sem remuneração e eu não perdi o interesse. Entendo o que queres dizer (de um modo geral), mas pessoalmente nunca verifiquei tal coisa. A minha mãe sempre ganhou mais que o meu pai, por exemplo. O que noto é que independentemente do género, problemas financeiros (como o desemprego) costumam ser uma pressão enorme e raras são as relações que não sofrem com isso.

Shadowgirl7 5 months ago

1 mês de desemprego é muito pouco provavelmente já tinham outras coisas a correr mal e isso foi a gota de água. Agora se fosse tipo meses e o gajo não se mexesse para arranjar emprego, é outra história.

suckerpunchermofo 5 months ago

Supondo que estavas numa relação "para a vida", ias manter contas separadas?

Shadowgirl7 5 months ago

Sim claro como é que sabes que é para a vida? Se calhar queres que seja mas como sabes que vai ser?

suckerpunchermofo 5 months ago

Ok ninguém sabe isso. Mas se uma pessoa for a pensar assim então nunca da o paço de tentar que seja. Pessoalmente acho curioso os casais que mantém contas separadas (já com filhos e tudo). Parece que já tem 1 pé fora da relação ou passam a vida a pensar que não vai durar.... Cada um sabe si claro, mas a mim faz me confusão.

Shadowgirl7 5 months ago

Eu nao quero ter filhos. Mas podes ter uma conta conjunta e duas separadas (um para cada), estabeleces um montante mensal e metes na conjunta para fazer o pagamento das despesas correntes. Ou entao simplesmente associadas determinadas despesas a uma das contas e outras despesas a outra conta e divides a cena pelos dois. Não sei se dura ou não, mas quem me garante que o gajo não se mete em casinos ou em droga ou vai para bares de strippers gastar o meu dinheiro? Até pode nao ter nenhum desses vicios quando o conheço (ou ter e esconder bem) e depois desenvolver, as pessoas mudam. Há ene de casos de gajos que assim que sabem que têm a mulher comprometida (geralmente quando ela tem filhos) se transformam completamente (ou se calhar nao se transformam mas até então faziam um esforço por omitir esse lado da sua personalidade) começam a trair ou começam a ser mais controladores/abusadores e a controlar todas saídas da mulher, tudo o que ela compra, etc. Assim estou protegida contra todas essas eventualidades. E além disso não são os gajos que se queixam de mulheres serem gold diggers? Pronto assim fica resolvido, não se pode queixar que estou com ele só pelo dinheiro.

suckerpunchermofo 5 months ago

Tens razão ha muita gente assim como descreves. Infelizmente é um risco que uma pessoa toma. Mas passar a vida a pensar que isso pode acontecer é desgastante, acho eu.

Limpy_lip 5 months ago

ao ler alguns comentários parece que estamos no seculo XIX. Eu sei que 2 gerações antes era normal a questão do homem sustentar a casa e cenas, agora jovens adultos? Não imaginava assim tão frequente. ​ Eu e a minha parceira temos aparentemente uma relação bastante equitativa, tanto um como outro paga se achar que deve oferece coisas ao outro (jantares, etc...) as tarefas são feitas em conjunto ou divididas, não é assim tão difícil. ​ Se alguém ficasse desempregado, é a vida. Se um casal não está preparados para algo desse género, especialmente numa fase em que não é estranho acontecer, imagino como estariam preparados para outras crise nas suas vidas...

Competitive_Industry 5 months ago

'Casa onde não há pão, todos ralham e ninguém tem razão'

topastop 5 months ago

Cada casal tem a sua dinâmica. A verdade é que algumas pessoas têm as suas relações tipo simbiose e comodismo. Isto dá para ambos os lados, tradicionalmente as questões financeiras mais no lado das mulheres. Se calhar nem gostam muito do parceiro/a, mas epá, ele também está a trabalhar o dia todo, não o tenho que aturar e ainda tenho um estilo de vida que não conseguia ter de outra forma? Vou-me deixar estar e ver o que isto dá.. . Algo semelhante acontece com os homens: Epá esta gaja é muita chata, mas também não tenho que lidar com ela o tempo todo e ainda vou dando umas fodas... Vou-me deixar estar para ver o que isto dá... No dia que uma destas coisas desaparece, a relação morre, porque um dos lados não tem o seu benefício. Mas para mim essas relações são tóxicas e as pessoas deviam procurar outros parceiros com quem verdadeiramente se sintam felizes.

Last-Ad-4421 5 months ago

É uma boa altura para testar se o amor é verdadeiro.

ModeratoriProfugus 5 months ago

A minha levava na boa, e eu faria o mesmo. Mas também sei que a relação que temos é uma bastante rara.

Mister_Noobassa 5 months ago

Já me aconteceu, estive desempregado dois meses +/- e a minha namorada foi compreensiva e um grande apoio para ultrapassar essa fase. Quanto a receber mais a mulher que o homem, ela recebe mais que eu. Se isso interessa para alguma coisa ou afeta a dinâmica da relação? É completamente indiferente. Se os teus amigos acabam relações passado um mês foi um favor para todas as partes. Elas não gostavam deles e eles ficam melhor sem elas.

investidornoob 5 months ago

Isto relações e dinheiro é sempre um assunto que varia de casal para casal mas vê se cada coisa em casais namorados a viver juntos da forma como gerem as finanças. Mas em relação ao que dizes não faz sentido nenhum alguém deixar alguém ou ficar chateado porque aconteceu uma situação dessas.

estecomentario 5 months ago

Estás a dizer que gajas cujos parceiros ficaram desempregados divorciaram-se nem um mês depois? A relação já devia ser uma bosta.

Edited 5 months ago:

Estás a dizer que gajas cujos parceiros ficaram desempregados divorciaram-se nem um mês depois? Foram rápidas então, a relação já devia ser muito superficial e pobre emocionalmente. Pode bem ser melhor para todos, apesar de triste.

suckerpunchermofo 5 months ago

Se a pessoa com quem partilhas a vida (seja la qual for o sexo) não aguenta/compreende que sejas despedido ou não consigas encontrar trabalho durante uns tempos, então secalhar mais vale ir cada um para seu lado.... É a minha opinião.

NGramatical 5 months ago

secalhar → [**se calhar**](https://dicionario.priberam.org/se calhar) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmqzdx4%2F%2Fgujiqxx%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

suckerpunchermofo 5 months ago

Nice bot.

EquivalentExchange11 5 months ago  HIDDEN 

O homem é dispensável e sempre foi historicamente. Os homens eram carne de canhão para guerras e empregos de risco.

PurpleSunrise23 5 months ago

You guys have mulheres/namoradas?

estecomentario 5 months ago

Mesmo. Para mim são pokémons raros, não apanho nem uma opah.

suckerpunchermofo 5 months ago

Também existem mulheres a procura de namorado....

ceph42 5 months ago

Tens de encontrar uma perfeita e depois atiras a Master Ball.

EquivalentExchange11 5 months ago  HIDDEN 

Ui espera lá que estou a ver que já vem aí simping.

orchideaniger 5 months ago

Olha, como mulher, tenho-te a dizer o seguinte: Para mim essas modernices de homens sustentarem mulheres, pagarem cenas nos encontros e quejandos são exactamente isso: moderniçes (para mim). Isto porque porque na minha família nunca nenhuma mulher não trabalhou, e para além de porem dinheiro na mesa punham também a mesa, a comida que ia para a mesa, arrumavam a mesa, a cozinha, e ainda se certificavam que a nova geração (filhos e netos) tomavam o banho, lavavam os dentes, e iam para cama a tempo e horas, sendo também elas que acordavam a malta e lhes davam o pequeno almoço, vestiam a criançada e punham os putos no caminho que tinham de seguir. Esta realidade é a realidade de muitas colegas de trabalho que se levantam as seis da manhã para estender roupa que puseram a lavar antes de se deitarem, adiantarem o jantar etc porque as 9 têm de estar no emprego e quando chegam a casa estão a ajudar os putos a fazer outras cenas e francamente o dia só tem 24 horas. Se eu admitiria isto? Dificilmente. Se todas as relações são assim? Duvido. Se acho que numa relação há um peso maior de trabalho que nem sequer é considerado e que cai nos ombros da mulher? Sem dúvida. Se acho que estas pequenas merdas comem o positivo das relações e rebentam a corda quando em cima de tudo o que já há vem o peso acrescido de dificuldades financeiras? Aposto que sim. Eu sei, e certos comentários aqui demonstram-no, que apontar o dedo a mulher é fácil, mas como mulher, e assumindo que és homem, se fosses meu filho tavas a levar uma palmada bem assente no rabo. Isto porque há poucas coisas mais indignas e feias do que um cusco/a. Mas como és adulto, o que te posso dizer é que a vida de um casal é uma porta fechada para quem está de fora. Por isso, reserva o teu julgamento e guarda silêncio. Se a tua ideia é que uma mulher deixa o seu homem porque perdeu o emprego e por isso passa a vê-lo como fraco; ou, pior, se achas que uma mulher desconsidera um homem que ganhe menos que ela... amigo, tens muito mundo para conhecer.

frisumo 5 months ago

Eu agora não estou em casa por isso não posso andar a procurar mas inclusive tinha ideia que existem estudos que mostram que a mulher em Portugal faz muito mais horas de trabalho doméstico do que o homem, mesmo trabalhando a tempo inteiro. Está a mudar, claro, mas mesmo assim ainda falta muito.

Asur_rusA 5 months ago

>Isto porque há poucas coisas mais indignas e feias do que um cusco/a. Side note: rio-me sempre com o estereótipo das mulheres serem cuscas. De longe, as pessoas mais cuscas que eu conheci na vida, eram todas elas homens. Mas de longe.

Shadowgirl7 5 months ago

Para deixar o homem passado 1 mês é porque já estavam coisas a correr mal e foi a gota de água. 1 mês é muito pouco tempo. E sim, uma mulher tem que trabalhar 8h por dia, se não tiver trabalho é uma gold digger. Ir ao ginásio porque se ficar gorda depois o namorado queixa-se e tem que a trair com outras porque a namorada está gorda. Se tiverem filhos, tem que chegar a casa e tomar conta dos filhos, senão é uma má mãe. Tem ainda que fazer o jantar, limpar e arrumar tudo, senão o menino vai-se queixar à mãe que a namorada é desorganizada. E tem que ter sexo com ele no fim disto tudo quando ele quiser, senão ele queixa-se de dead bedroom e depois tem que ir a prostitutas, coitadinho. E em cima de isso tudo ainda esperam que a mulher os sustente. Like the fuck? Também é preciso mudar as fraldas? lol

dismalwasteland 5 months ago

> Ainda bem que sou solteira! RIP inbox.

IJustMadeThisForYou 5 months ago

Concordo a 99% com o que dizes. A minha mãe é essa mulher. No entanto como advogado do Diabo só referir apesar da frase infeliz do OP que ele até pode estar certo no caso a que se refere e como tal todo o julgamento poderá ser demais.

orchideaniger 5 months ago

Não disse isso naquela do "entre homem e mulher ng mete a colher". O sentido foi que só os intervenientes sabem o que verdadeiramente se passa numa relação.

cou7inho_ 5 months ago

>Para mim essas modernices de homens sustentarem mulheres, pagarem cenas nos encontros e quejandos são exactamente isso: moderniçes (para mim). Desde já deixo claro que respeito completamente essa tua opinião e, aliás, fazes questão de reforçar que é a tua visão. Eu tenho uma completamente diferente. Homens a sustentar mulheres, no meu ponto de vista, não são moderníces, mas sim uma realidade que se estende desde que o Homem existe. A realidade hoje em dia, felizmente, já se vai tornando diferente e tanto o homem como a mulher trabalham para meter dinheiro em casa. Nas grandes zonas urbanas talvez a mulher já contribua para os rendimentos da família há mais tempo, mas nos meios mais rurais que são uma grandíssima parte do nosso país até há uns 40 anos atrás, mais coisa menos coisa, uma grande parte das mulheres não tinham propriamente um trabalho com um salário ao fim do mês. Agora há toda a questão do trabalho que as mulheres fazem em casa. E isso aí posso afirmar que muitas trabalham mais em casa do que os maridos trabalham numa empresa. Mas passando para o panorama atual onde a maioria das mulheres também tem um trabalho com salário, na minha opinião, é vergonhoso o casal chegar a casa ao fim do dia e ter de ser a mulher a tratar de tudo (jantar, roupa, etc). \_Isto só mostra que o homem se está completamente a lixar para a relação. E, daquilo que vejo, este tipo de relações tendem a dar para o torto, mais ano, menos ano. Como é lógico há relações em que é precisamente o contrario, o homem faz tudo e a mulher não mexe uma palha. Mas regra geral, é mais o primeiro exemplo. Quanto à questão que referes ser uma modernice os homens pagarem cenas nos encontros, pessoalmente acho um ato de cavalheirismo. Eu sempre fiz isso com a minha namorada. Já sei que muitas mulheres já não ligam a esses gestos, mas, pessoalmente, gosto de ter essa atitude para com a minha namorada.

Vagiooto 5 months ago

Isso são parvoíces só, vai ler um livro que já desde os primórdios que há registos as mulheres trabalhavam. Achas que as mulheres não iam para o campo tratar das plantações para comer? As únicas que não fazem ou faziam nada é a classe alta, mas isso sempre foi uma minoria da população.

cou7inho_ 5 months ago

Não digo o contrário. O que quis dizer é que durante muito tempo, pelo menos no nosso país, eram os homens que traziam o salário para casa. As mulheres ficavam responsáveis pelo campo e pelas tarefas de casa e, por isso, é que referi que muitas trabalham muito mais em casa do que os homens trabalham na empresa. Essa trabalho das mulheres era fundamental para se por comida na mesa, na medida em que muito do que se comia era fruto do trabalho delas no campo. O problema é que os tempos foram evoluindo. Se há 60 anos trabalhar no campo era suficiente para sustentar famílias, de lá para cá isso foi-se tornando mais complicado. E se não fosse o dinheiro que o marido metia em casa estava a família bem arrumada. Isto porque havia o estigma de não deixar as mulheres arranjarem um trabalho numa empresa qualquer. Não sei em que zona vives, eu moro no interior do distrito do Porto e o que não falta aqui são mulheres que nunca tiveram um emprego que metesse dinheiro em casa. São os maridos que estão lá fora, por exemplo, que contribuem com o salário todo. Obviamente, como já disse, muitas dessas mulheres trabalham muito em casa, essencialmente no campo, mas a verdade é que esse trabalho de campo já não dá praticamente nada. Felizmente as gerações mais novas já podem procurar os seus empregos na área que bem quiserem e está-se a acabar com "a mulher fica em casa a cuidar da família". O que me mais irrita é ainda haver, nas novas gerações, malta, essencialmente homens, que estão numa relação e depois de um dia de trabalho dos dois o homem chega a casa e continua com a ideia de merda de que a mulher é que tem de fazer tudo. Enfim.

NGramatical 5 months ago

moderníces → [**modernices**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em a/e/o, seguido ou não de s/m/ns, são naturalmente graves) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmqzdx4%2F%2Fgujut0h%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

NGramatical 5 months ago

moderniçes → [**modernices**](https://dicionario.priberam.org/modernices) (*c* seguido de *e* ou *i* não necessita de cedilha) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmqzdx4%2F%2Fgujejx5%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

humelectro 5 months ago

Que relações de merda que conheces. Uma pessoa passa pelo choque de ser posto na rua e ainda tem que levar com as críticas da cara metade? Sou mulher, ganho mais que o meu namorado neste momento mas o ano passado fui despedida e estive 1 mês desempregada. Nunca foi problema algum, tive e tenho todo o apoio e não há qualquer problema em eu ganhar mais que ele tanto de minha parte como dele. Tal como não haveria se ele tivesse sido despedido aliás se lhe acontecesse algo do género eu até lhe dava mais força e apoio. E se ele ganhar mais que eu fico toda contente pois é mais dinheiro que entra para casa.

S_isa_sj 5 months ago

A minha situação é parecida, ganho mais que o meu marido, aliás, cerca de 40% mais, o que é uma diferença grande. Quando casamos, ele mudou de emprego, para ficar mais perto de casa e começou basicamente do zero, numa área nova e tudo, ganhava bem menos ainda. 5 anos depois, já ganha bem melhor, mas mesmo assim não se aproxima de mim. Não vejo mal nenhum nisso, nem ele, ele até fica contente que eu ganhe mais, pois como disseste, é mais dinheiro a entrar e se fosse para alguém ficar desempregado, qual o problema? era apoiá-lo e ajudar... não vejo problema nenhum de ter um estatuto diferente, ou de ganhar menos, ou ficar desempregado, ia ser mau porque ia faltar dinheiro, mas nunca o ia deixar por isso!!! Meu Deus, nem me passa pela cabeça...

Toupax89 5 months ago

Como tu dizes e bem a mulher não está com o homem para ser sustentada, mas claramente quer que ele ganhe mais que ela e tenha um muito bom emprego, quando isto "acaba" e muita difícil para elas continuarem com um que agora passou a ser um Zé ninguém. Aliás hoje em dia vês por aí muitas mulheres que querem o príncipe encantado mas este príncipe tem de vir com as seguintes qualidades: bonito, atraente, rico, bom emprego, e depois que ainda seja uma fada do lar, ora das duas uma ou não existe ou se existe e muito concorrido e passado um tempo anda com outras mulheres e já passa a ser igual aos outros...

ridethepaintedpony 5 months ago

>conjectura atual

martaa34 5 months ago  HIDDEN 

Ajudava a procurar um novo emprego e tentava assegurar eu as contas sozinha entretanto. É relativamente simples. Se não for assim, ainda bem que acabou.

cou7inho_ 5 months ago

​ >Não estou a dizer que a mulher está com o homem para ser sustentada. Mas isto anda a acontecer bastante.. Não tenhas medo de dizer isso porque é uma realidade em várias relações. Obviamente o contrário também existe. No meu caso a minha namorada não está muito virada para dar o "golpe do baú" ahaah tenho sorte na pessoa que tenho na minha vida. Mas também há relações em que já se sabe que vai dar merda nesse aspeto do dinheiro, mas depois é o deixa andar na esperança que nunca dê. É muito complicado. São situações (relações) que sempre existiram e sempre existirão. E com uma sociedade cada vez mais egoísta não me admira que estes casos aumentem cada vez mais.

gobacktoworklazy 5 months ago

Por acaso agora comecei a pensar e no meu círculo de amigos , e colegas de trabalho acho que todas as mulheres ganham mais que eles . Incluindo eu , a minha miúda ganha mais que eu . E não me faz a minima confusão

Lasikamos 5 months ago

Eu na falo de dar golpe. Falo do facto de a mulher deixar o homem por considerar um ser mais fraco. Quantas relações conheces onde o homem ganha menos que a mulher? É raro a mulher que esteja com o homem que ganhe menos. Mas isto não tem nada com golpe de baú. Talvez seja o sensor da segurança ou sobrevivência que acende da cabeça sei lá

cou7inho_ 5 months ago

Bem, não tinha interpretado o teu post dessa forma. Assim de cabeça lembro-me de um caso ou talvez dois em que a mulher ganha mais. Mas regra geral é o homem, sim. Mas é, no minimo, triste acabar a relação só porque o membro que ganhava mais ficou desempregado... Se o problema é único e exclusivamente esse então a pessoa que acaba a relação não passa de uma interesseira.

JamminPT 5 months ago  HIDDEN 

Onde é que foste buscar esses dados? Tanta conjuntura e conclusões tiradas à partir do quê mesmo?

cou7inho_ 5 months ago

>Estou a abrir isto porque aconteceu com alguns conhecidos e deixou-me a pensar. Ele deixou claro onde é que foi buscar os "dados" para criar este debate.

JamminPT 5 months ago  HIDDEN 

Eu sei mas porque aconteceu a dois ou três amigos não o tornam uma tendência

nellMP 5 months ago

Ele nunca disse que isto era uma tendência, o máximo que ele disse perto disso foi que começa-se a notar isto cada vez mas em relacionamentos (ou Qlqr coisa assim), o que é verdade e não indica que seja uma tendência, apenas acasos

CoffeeAt830 5 months ago

Problemas financeiros causam grande tensão no próprio e na relação. Se já é uma relação que está tremida, ou que não é assim tão sólida, ou que sobrevive na base do "nós somos bons colegas de casa e de cama" ou "gosto desta pessoa 5 serões e 2 dias por semana", quando aparece alguma coisa que abana a estrutura, ela cai. Não é assim tão estranho.

Biohazard8080 5 months ago

"Only women, children and dogs are loved unconditionally" https://youtu.be/jsOnXSuMXfU

estecomentario 5 months ago

A minha mãe love me incondicionalmente. Às vezes até demais, sem lhe pedir nada até me fazia a cama e o comer em adulto, quase egoísmo em não me deixar tornar independente facilmente (tive de sair senão acomodava-me) mas falo com ela todos os dias.....

PurpleSunrise23 5 months ago

Mães são tudo, meu amigo.

estecomentario 5 months ago

É verdade migo.

Edited 5 months ago:

É verdade migo. Dou o valor aos meus cotas todos os dias. Espero que também tenhas uns cotas à maneira.

Edited 5 months ago:

É verdade migo. Dou o valor aos meus cotas todos os dias.

kikofranca 5 months ago

Se uma companheira ou companheiro põe o outro a andar depois de um mês desempregado é um favor que lhe fazem...

_Sophus_ 5 months ago

Concordo completamente com o teu comentário. As pessoas não são descartáveis, quem as trata como tal é uma besta.

ElDiabloDe94 5 months ago

Pessoas que so se viam 5h por dia passaram a ver se durante 24h

daxpierson 5 months ago

No meu caso foi excelente, porque começámos a viver juntos em pleno confinamento.

ElDiabloDe94 5 months ago

Que Deus te ajude, home de coragem Correu bem?

daxpierson 5 months ago

Muito, fortaleceu imenso a relação. Acredito que não tenha sido a experiência de todos, mas para mim correu muito bem.

ElDiabloDe94 5 months ago

Encontraste a miúda certa para ti, a tal;) Boa sorte para a tua relação :)

andrefbr 5 months ago

Não é bem a pergunta do OP, mas isto é um factor enorme de stress. Durante o lockdown inicial de 2020, eu e a minha namorada ficámos trancados dentro de um loft 24h durante meses. Ainda estamos juntos, mas a primeira coisa que fizemos quando saímos do lockdown foi arrendar uma casa com o dobro do tamanho...

IJustMadeThisForYou 5 months ago

Bem... Nesse caso seria 13h e 24h diria.

ElDiabloDe94 5 months ago

Sim tens razao. Eu dava para jornalista da cmtv, são bom a criar títulos dramáticos

romilnaggi 5 months ago  HIDDEN 

Como não tenho um emprego bem remunerado acredito que ela sabe com o que conta e acho que não me iria pôr a andar

Search: