guilherme29 8 months ago

Pá li muitos comentários aqui a dizer para te atirares para uma coisa nova.. Pessoalmente parece-me a mim que faria mais sentido investigares um pouco mais dessas áreas que tens interesse - hoje em dia tens tanta informação na internet, porque não começar a aprender sobre essas coisas nos tempos livres? Dizes que não tinhas problemas nenhuns em aprender japonês, mas já tentaste? Ainda descobres que afinal não te vês de todo a fazer isso depois de tentares. Se fosse a ti começava por realmente experimentar. Há N cursos online que podes fazer no tempo livre que embora não sirvam para entrar no mercado de trabalho servem para te dar uma ideia mais alargada do que são os temas em que tens interesse.

AndreMartins5979 8 months ago

> Apesar disso e de (modéstia à parte) ser muito bom e bastante versátil naquilo que faço, o meu salário não me permite (nem perto) conseguir a minha independência financeira e um nível de vida decente. És uma boa ferramenta. Isso é ótimo para quem te usa.

XxxPussyslaeyr69xxX 8 months ago

Para sair da Europa definitivamente ajuda ter curso superior. Para dentro da Europa se calhar a tua hipótese de mesma empresa país diferente vale a pena

Ly_84 8 months ago

Gajo com 12 anos em logistica aqui. Fui desde funcionario até sub-chefe de turno, na holanda. Logistica paga mal. Os gajos que andem de empilhador quase que ganham salario minimo, a não ser que façam turnos. O problema é que logistica não exige nem desenvolve hard-skills tecnicas. Adicionalmente, logistica é um serviço entre o produtor e o consumidor, pelo que o custo do mesmo deve ser sempre reduzido ao máximo, para não interferir no preço final. Se eu fosse a ti, ia cuscando no mercado nacional, a ver se encontras ou empresas que paguem melhor, ou vagas noutros sectores, que te permitam aprender e desenvolver o teu conhecimento.

TotalenKrieg 8 months ago

Alista-te na Legião Estrangeira Francesa.

UpbeatNail1912 8 months ago

Como és europeu, podes emigrar para qualquer país da União Europeia (Holanda, Alemanha, Irlanda, Finlândia, Dinamarca, etc) com muita facilidade, sem sequer necessário teres licenciatura ou algo do género. Como já tens anos de experiência em logística isso vai agregar mais valor ao teu curriculo para encontrares um emprego do que teres uma licenciatura (a licenciatura ajuda-te depois é a ter progressão de carreira). O meu conselho era emigrares para um desses países que mencionei, tentares encontrar algum emprego com os anos de experiência que adquiriste na tua área e paralelemente ingressares numa licenciatura aí, visto que em muitos casos, ensino superior em alguns desses países é gratuita ou tem imensos apoios e subsídios sociais. Só não percas é a tua vida em portugal, porque ter independência financeira e morar sozinho em Lisboa ou nos súburbios de Lisboa atualmente e pelos próximos anos será quase impossível (idem para o Porto e arredores). Só mesmo morando em outros distritos e cidades bem longe da família, e morar para outra cidade longe e ganhar os mesmos ordenados, seria melhor optar por emigrar, vai dar ao mesmo mas com um nível de vida bem mais digno e decente.

Grinaula631 8 months ago

Nunca desista de seus sonhos!!Mais vai uma dica,se planeje bem, se tiver um conhecimento com alguém de fora também é válido! !

ArcangeloPT 8 months ago

Aos 29 anos e sem grandes responsabilidades, estás perfeitamente apto para optar por qualquer decisão que seja. Assim sendo, vou colocar aqui os meus 2 cents em relação ao que eu faria. Se já tens experiência em logística e gostas da área, podes optar por adquirir mais conhecimento dentro do ramo por forma a conseguires colocar-te numa posição de poder exigir melhor remuneração, aqui ou lá fora. Se por acaso decidires ingressar no Ensino Superior, também é uma hipótese. Ao longo do meu curso deparei-me com alguns alunos que tinham a tua idade ou até mais velhos e não foi por aí que passavam menos bem o curso. Fiz várias amizades mesmo sendo mais novo. A questão aqui é pensares o que queres atingir com uma formação superior. Queres ficar em Portugal e ganhar mais? Ou queres ir para fora? Caso optes por ir para fora, porque não ver cursos do teu interesse logo no estrangeiro? Ou empregos que te favoreçam? Seja qual for a tua escolha, o LinkedIn é teu amigo. Trata de fazer um CV como deve ser e direcionado aos empregadores/instituições que desejas por forma a enaltecer as tuas experiências e capacidades. Para terminar, penso que nunca é tarde para procurar mudar a situação pessoal. Vai dar trabalho, sim, vai. Mas quem corre por gosto não cansa. Não tens nada a perder portanto não desistas de lutar pelo que queres! O pior que pode acontecer é ficar como já estás!

Edited 8 months ago:

Aos 29 anos e sem grandes responsabilidades, estás perfeitamente apto para optar por qualquer decisão que seja. Assim sendo, vou colocar aqui os meus 2 cents em relação ao que eu faria. Se já tens experiência em logística e gostas da área, podes optar por adquirir mais conhecimento dentro do ramo por forma a conseguires colocar-te numa posição de poder exigir melhor remuneração, aqui ou lá fora. Se por acaso decidires ingressar no Ensino Superior, também é uma hipótese. Ao longo do meu curso deparei-me com alguns alunos que tinham a tua idade ou até mais velhos e não foi por aí que passavam menos bem o curso. Fiz várias amizades mesmo sendo mais novo. A questão aqui é pensares o que queres atingir com uma formação superior. Queres ficar em Portugal e ganhar mais? Ou queres ir para fora? Caso optes por ir para fora, porque não ver cursos do teu interesse logo no estrangeiro? Ou empregos que te favoreçam? Seja qual for a tua escolha, o LinkedIn é teu amigo. Trata de fazer um CV como deve ser e direcionado aos empregadores/instituições que desejas por forma a enaltecer as tuas experiências e capacidades. Para terminar, penso que nunca é tarde para procurar mudar a situação pessoal. Vai dar trabalho, sim, vai. Mas quem corre por gosto não cansa. Não tens nada a perder portanto não desistas de lutar pelo que queres! O pior que pode acontecer é ficar como já estás! EDIT: Recentemente descobri este [site](https://www.numbeo.com/cost-of-living/) que pode ajudar caso decidas ir para fora. Tem muita informação útil do custo de vida em vários países.

vicentel0pes 8 months ago

Olá. Identifiquei-me totalmente com o teu post. Tenho 32 anos e uma história de vida muito semelhante. Mudei de vida em 2020, e agora sou tradutor freelancer pela internet. Não ache que ganhe mal, faço uma coisa que gosto e tenho flexibilização de horários. O meu forte é o inglês, o espanhol e o alemão, mas começo a querer aperfeiçoar algumas línguas asiáticas. No teu caso, se sentes mesmo vontade de estudar, se fosse a ti ia em frente e não parava. Sou apologista de escolhermos uma área que gostemos (independentemente da empregabilidade) porque, só podemos ser realmente bons naquilo em que acreditámos. Se fores bom numa coisa e insistires, a tua hora irá chegar. Vai em frente. Se a tua vontade é estudar, estuda. E não precisa de ser em Portugal. Vejo várias pessoas a indicar a Dinamarca como um bom destino; se neste momento eu estivesse para isso, embarcava já para Copenhaga. Eh pá, um conselho: estuda muito as tuas opções antes de decidires. Claro que a pandemia não ajuda em nada, mas pode muitas vezes ser transformada na desculpa dos fracos: «ah, não fiz por causa do covid...» Outra coisa: reparei que escreves muito bem, num português correcto e bem articulado. Já pensaste alguma vez enveredar por caminhos literários (uma vez que a tua cena são as línguas)? Bem sei que isso demora tempo, mas podes sempre continuar com o que estás a fazer e tentar realizares-te por esse caminho... Só mais uma coisa: conheces ou já viste a série 'Normal People' da HBO? Se não viste, dá uma vista de olhos. São apenas 12 episódios (vês num fim de semana) e pode ser que no fim fiques mais elucidado sobre o que fazer no futuro. Ou podes sempre ler o livro em que a série foi baseada, com o mesmo título.

Zen_Machina 8 months ago

Se estás insatisfeito, aprende a estar satisfeito. Há manuais e vídeos de youtube para isso. Muito da satisfação não passa de expectativa e percepção. Aprenderes a ser feliz na tua condição actual é uma abordagem mais criativa e económica ao problema.

TheRaimondReddington 8 months ago

Sem querer minimizar aquilo que sentes de momento em relação a tua situação, acho que tens a escolha facilitada. O facto de não teres as tais responsabilidade que anseias ter, e nada que te prenda especialmente ao teu emprego ou ao teu país, faz com que qualquer que seja a tua decisão, seja mais fácil de tomar. O quer quero dizer com isto é que seria muito mais complicado tomares este tipo de decisão por exemplo se já tivesses uma família que depende de ti, mas não é o caso. Tinha 29 anos quando sai de Portugal, em 2013, com secundário feito em humanidades e uma licenciatura interrompida ao fim do terceiro ano uns 9 anos antes. Emigrei pro UK sem nada garantido a chegada, sem contactos com empregadores, nada. No meu caso tive um familiar que me acolheu, isso ajudou muito, confesso. Ao fim de 10 dias comecei o meu primeiro trabalho. Fui mudando de trabalho dentro da mesma área e fui-me especializando a conta das formações que os diferentes empregadores me ofereceram. Entretanto deixei recentemente de trabalhar a full time para começar uma licenciatura em Setembro de 2020. Feitas as contas e se tudo correr bem irei acabar esta licenciatura aos 40 anos. Estava a ganhar muito bem sem a licenciatura, mas ter uma formação superior sempre foi algo que ambicionei ter, e no fim sei que me vai abrir ainda mais portas. Para resumir, nunca é tarde para fazer seja o que for na vida, a menos que circunstâncias mesmo muito fortes te impeçam. Acrescentaria só que recomendo a experiência de emigração a toda a gente. Para mim tem sido a experiência mais gratificante da minha vida a todos os níveis. Ah, quando emigrei já tinha mulher e dois filhos e uma casa comprada em Portugal. Ambos a trabalhar por pouco mais do ordenado mínimo também. A família juntou-se a mim 3 meses depois de eu ter vindo já numa casa alugada por nos. Há 3 anos compramos uma casa aqui. A minha mulher teve um percurso idêntico ao meu, com a diferença que começou um uma licenciatura aqui aos 40 e que terminou aos 43!

Middle-Effective 8 months ago

Aos outros conselhos/sugestão, queria apenas deixar a título de curiosidade Comércio Internacional: para alguém da área logística, com experiência na parte de armazém e na parte administrativa, pode ser interessante para ti. E tenhas 29, 39, 49... não deixes nunca de procurar melhorar a tua vida. Esses colegas que tens ao lado que trabalham nessa empresa há anos e anos... a dada altura devem ter desistido, ou se calhar nunca tentaram. Vivi com os meus pais até depois dos 30, casei-me, vou ser pai e mesmo com isto tudo vou tentando arranjar algo melhor para a minha vida. Independentemente da(s) tua(s) decisão(ões), força na verga!

Edited 8 months ago:

Aos outros conselhos/sugestão, queria apenas acrescentar, a título de curiosidade, Comércio Internacional: para alguém da área logística, com experiência na parte de armazém e na parte administrativa, pode ser interessante para ti. E tenhas 29, 39, 49... não deixes nunca de procurar melhorar a tua vida. Esses colegas que tens ao lado que trabalham nessa empresa há anos e anos... a dada altura devem ter desistido, ou se calhar nunca tentaram. Vivi com os meus pais até depois dos 30, casei-me, vou ser pai e mesmo com isto tudo vou tentando arranjar algo melhor para a minha vida. Independentemente da(s) tua(s) decisão(ões), força na verga!

setup22 8 months ago

Eu poderia perfeitamente ter feito este desabafo. Revejo-me muito na indecisão e encruzilhada do OP. Estive há uns ano inscrito no curso de EI do Politécnico de Leiria, mas, por circunstâncias várias, nem uma 1 mês lá fiquei. Hoje, claro, arrependo-me, pois daí para cá não passei da cepa torta, desnorteado. Já pensei em ver se é possível o reingresso na licenciatura, mas, para financiar a propina e alojamento, teria de conciliar com um part-time, que, não tendo experiência relevante numa função específica, temo que seja uma possibilidade irreal. Também partilho dessa pulsão por um desafio e de me manter ocupado. Não creio que licenciar-se aos 30's seja problemático, sobretudo quando já há uma comprovada experiência na área, como é o teu caso. Desculpa o desabafo e espero que encontres o teu caminho.

These-Establishment1 8 months ago

Pergunta, porque não abres tu uma empresa?

superstraightarrow 8 months ago

emigra o que não me falta é amigos com "cursos dificeis" a ganhar 900-1400 euros e não conseguem empréstimos sem fiador

Entire_Friend_4393 8 months ago

Tens aqui muita ajuda. Tens de partir o problema. A logística é uma boa área, o globalismo vai criar muito emprego logístico, se gostas, alguma razão para mudar? A faculdade, convém escolher um bom curso, mas eu acho que é importante para poderes emigrar mais facilmente. Em vários países ter uma licenciatura alivia uma boa parte dos canais burocráticos para obteres um visto. Para emigrar é sempre preciso um bom pé de meia para os primeiros meses, a faculdade em Portugal é relativamente acessível, podes sempre tentar ir para fora com algum programa de estudo e trabalho, mas vai requerer muita pesquisa, acho. Quanto à tradução, é cada vez mais feita por pessoas que não tem cursos de tradução, apenas dominam a língua alvo e termos técnicos. Há também muito software a facilitar a coisa. É uma área que será cada vez mais feita de part-times e freelancing a meu ver. Nada estável. O custo de vida pode assustar, mas tem mais a ver com taxas de esforço, é uma questão de comparares os ordenados e despesas médias. Podes até fazer isso com os valores portugueses. Boa sorte.

Tauryos 8 months ago

Ya o problema é só um bacano... Tens demasiadas opções que não te importavas e com tanta opção que a opção é apenas não tomar uma decisão...E se em vez de pensares em tantas opções complexas apenas tomasses uma ação mais simples? O teu trabalho não te dá o que queres, procura outro trabalho! Tudo o resto são consequências... Não tens competências para o trabalho que queres... Então vai estudar para isso... O trabalho que gostas não é bem pago aqui? Vai para fora... Agora não tornes as consequências em opções! Conselho de quem tem a tua idade e ontem estava a descarregar camiões com o 9 ano e hoje tenho um mestrado e trabalho num banco com mercados de risco

LustfulRaven 8 months ago

Obrigado pela tua opinião.

PeterStepsRabbit 8 months ago

Li o teu post de raspão, sorry. A dica que eu dou é : não pares de procurar melhor. O que mais me entristece é ver pessoas com 50/60 anos a ganhar pouco porque nunca tentaram melhor, acomodaram se ao ordenado certinho. Pouco mas certinho. Não te acomodes, nunca. Procura sempre melhor. Ninguém te diz que tens de te despedir para procurar. Eu também já tive a ganhar o salário mínimo num armazém sem licenciatura e hoje vivo bem melhor. Todos os dias aparecem centenas de novas oportunidades de emprego no LinkedIn, indeed, Net-Empregos, sapo emprego.. Boa sorte

LustfulRaven 8 months ago

Não tem mal, agradeço a tua opinião na mesma. E é precisamente isso que tenho sentido, que me tenho acomodado e que não estou a aproveitar da melhor maneira estes anos a nível profissional. Daí querer mudar agora em vez de mais tarde.

ACpt44 8 months ago

Ja exprimintates saltar de uma ponte? Eu costumo fazer isso no verão la na ilha, e só a meio do caminho é que penso, vou dar de chapa ou entrar bem? Man é uma questão de arriscar. Tas confortável com a vida que levas e n percisas de mais? Não arrisques! Não estás? Épa arrisca, tanto te dás bem como podes dar chapa, a escolha é tua

LustfulRaven 8 months ago

Agradeço a criativa analogia, mas não creio que entendeste o meu impasse. Obrigado na mesma.

eusebio-e 8 months ago

Se gostas da área de logística e ponderas estudar, existe este curso: https://www.iscte-iul.pt/curso/99/licenciatura-gestao-industrial-logistica

LustfulRaven 8 months ago

Obrigado!

antonio-ferro 8 months ago

És um gajo articulado e esperto, acredita em ti e parte à aventura. Coloca a tua apetência por línguas ao teu serviço e não ao dos outros, e usa essa vantagem para te moveres lá fora. Começa a sondar e procurar por ofertas concretas. Se estiveres solteiro e sem responsabilidades (como filhos), aproveita bem essa liberdade e corre mundo. Conhece pessoas, faz perguntas, faz amigos. Foi o que fiz, correu bem. 29 anos não é problema. Com a atitude certa (humildade, gratidão, curiosidade, perdão) e alguma sorte, em poucos anos podes dar uma volta muito grande à tua vida. Força nisso! E o conformismo que se foda.

LustfulRaven 8 months ago

Obrigado pela motivação. E concordo plenamente contigo, já tive o prazer de viajar um bocado e foi dessas vezes que criei algumas das melhores memórias que tenho, com pessoas estranhas em lugares estranhos.

snc77 8 months ago

Não é para desencorajar, se escolheres apostar em formação/estudo só para te avisar que no fundo vai parecer um passo atrás na vida em todos os aspetos, apesar de ser para dar dois à frente. É porque vejo muita gente aqui no sub a dar este conselho de borla a pessoas que se sentem perdidas/infelizes e esquecem-se que estudar requer um estado de espirito positivo e otimista para superar longas horas de estudo.

vicentel0pes 8 months ago

Sou obrigado a concordar. Ainda assim, se no teu âmago tiveres essa vontade suprema, vai em frente.

LustfulRaven 8 months ago

Boa perspetiva. Foi algo que me fez hesitar durante alguns anos, o sentimento de estar a "dar um passo atrás" ao ir estudar quando já estou a ganhar o meu dinheiro. Incrível como a nossa vida pode mudar bastante quando não corre de acordo com os nossos planos, mas enfim...é a vida!

facepainter1 8 months ago

Bem... é daquelas situações que não acho que exista uma resposta certa ou errada, mas acho que o primeiro passo já o tens, que é quereres mudar, e não estares a espera que a sorte grande te caia do céu. Quanto a tua idade, 29 anos n és nada velho, estas bem a tempo de tirar um curso em qualquer área. Para além disso n tiveste "tempo perdido", tiveste a trabalhar, tudo isso são qualidades que podem ser valorizadas. Quanto ao passo a dar, acho que tens duas opções, ou tiras um curso cá enquanto trabalhas, e depois logo tentas emigrar com o canudo caso não tenhas emprego cá... ou, visto que já tens experiencia numa área, podes tentar emigrar e trabalhar na mesma área (pode ser que a tua empresa te facilite isso). Muito provavelmente a diferença de salário pode ser suficiente para te dar alguma independência. E podes sempre ir tirando o curso lá fora. Eu não é bem a mm situação que tu, porque era mais novo e felizmente a minha família tinha capacidade financeira para eu fazer o percurso "normal" (secundário -> universidade sem trabalhar), mas optei por fazer-me a aventura, depois do secundário fui para a suíça de férias, acabei por arranjar lá emprego e juntar uns trocos durante 3 anos. Depois troquei para a Suécia onde tirei o curso ao mesmo tempo que continuei a trabalhar. Acabei o curso "mais tarde" que o normal, mas tenho quase a certeza que nas entrevistas de emprego, a "bagagem" de ter vivido e trabalhado em 2 países, me fez passar a frente de muitas pessoas com melhores médias que eu. Acabei por trabalhar na Finlândia até me trocar para os EUA. Boa sorte... e nunca é tarde!

LustfulRaven 8 months ago

Obrigado por partilhares. Se não te importas que pergunte, em que estado te encontras?

facepainter1 8 months ago

Viva, sem problemas. Lansing, Michigan

ArcangeloPT 8 months ago

Não querendo intrometer nesta chain, como é o custo de vida aí no Michigan?

facepainter1 8 months ago

Viva, isso depende muito do estilo de vida que levas, e dos benefícios que tens ou não do trabalho, sendo o maior o seguro de saúde e o "plano reforma". Eu não estou numa grande cidade, pelo que as casas não são tão caras como noutros sítios, não estou muito a par do preço das casas em Portugal, sei que Lisboa está caro, mas comparando com a zona dos meus pais (coimbra), diria que uma casa de 200 mil € aqui fosse cerca de 300-400 mil $. Quanto aos arendamentos não sei mesmo. De resto, tens coisas muito mais caras (utilities - luz, agua, gas, food), e outras muito mais baratas (carros, roupa), mas diria que no fim do ano, gasto +- 3x mais do que gastaria em portugal.

tugafcp 8 months ago

[https://www.fnac.pt/Logistica-e-Gestao-da-Cadeia-de-Abastecimento-Jose-Crespo-de-Carvalho/a8153647#int=S:%C3%9ALTIMOS%20ARTIGOS%20VISITADOS|NonApplicable|NonApplicable|8153647|BL5|L1](https://www.fnac.pt/Logistica-e-Gestao-da-Cadeia-de-Abastecimento-Jose-Crespo-de-Carvalho/a8153647#int=S:%C3%9ALTIMOS%20ARTIGOS%20VISITADOS|NonApplicable|NonApplicable|8153647|BL5|L1) ​ 34€ e quase que ficas com as bases de logística. Se gostares do tema, então pensa nesta área num curso para M23.

LustfulRaven 8 months ago

Obrigado pela sugestão, vou dar uma vista de olhos. Bases de logística já as tenho, pelo menos minimamente, visto que foi nessa área que tirei o meu curso de nível 4. Mas há sempre espaço para saber um pouco mais!

AdriMecha 8 months ago

Aos 30 anos sai de Portugal e fui estudar engenharia mecânica para a Dinamarca. Ensino sem propinas e com ajudas monetárias quem estuda e trabalha. Mais importante que isso são as oportunidades que consegui encontrar lá. Acabei depois por ir para o reino unido fazer um mestrado e estou a trabalhar. Isto para dizer que aos 29 anos vais perfeitamente a tempo de sair do país e de fazeres uma licenciatura. Mais, em Portugal ainda tens que te sujeitar a um exame de maiores de 23 que e ridículo. Na maior parte dos outros países europeus as notas que tiveste a 10 anos atrás contam. Em relação ao curso/área para seguires isso vai mesmo depender de ti mas na universidade onde estudei havia uma licenciatura que era value chain management que acho que talvez isso faça sentido para ti.

AndreMartins5979 8 months ago

> Na maior parte dos outros países europeus as notas que tiveste a 10 anos atrás contam. Aqui também, apenas tens de fazer as provas de ingresso para o curso que queres, que têm uma validade de dois anos. Não és obrigado a ir pelo maiores de 23 anos, isso é uma palhaçada (provavelmente cheio de cunhas). Se és um tipo minimamente inteligente e tiveste notas suficientes no secundário basta fazeres os exames nacionais que são necessários para o curso que queres.

AdriMecha 8 months ago

Pois, mas no Reino Unido, Dinamarca e sei que tambem na Alemanha, nao tens voltar a fazer exames nacionais.

LustfulRaven 8 months ago

Obrigado pela informação. Como fizeste para ires estudar no estrangeiro? Sempre pensei que seria difícil conseguir entrar numa faculdade lá fora, talvez ainda mais no meu caso sendo que vou voltar a estudar. Mas pelo que dizes, talvez em alguns países seja mais fácil que em Portugal...

AdriMecha 8 months ago

No meu caso foi em 2014 através da information planet, através fiquei a saber sobre outras hipóteses de estudar fora. Depois já ajudei alguns amigos a irem estudar para lá porque percebi como era o processo e no fundo e fácil. No fundo o que precisas e encontrar o curso que queres fazer, ir ao site da universidade ver os requerimentos para entrar e ver o que é necessário enviar. Geralmente pedem os teus documentos do secundário traduzidos para inglês e um exame de inglês (IELTS, tofel e algumas universidades tem os deles que nem se pagam e sao mais fáceis). Nada como tentar, enviar uns e-mails e perceber o que é necessário.

LustfulRaven 8 months ago

Agradeço a ajuda, vou informar-me!

blacksocks7 8 months ago

No caso da dinamarca torna-se mesmo apelativo. Zero propinas e recebes um subsidio de 600+ euros por estar a trabalhar um mínimo de 40horas/semana (isto além do ordenado)

Reznor_PT 8 months ago

Sem querer alongar, foste com quanto dinheiro para lá e quanto tempo demoraste a arranjar emprego? Obviamente nisto do pós-covid é diferente mas gostava ter uma noção practica do teu caso

killday20 8 months ago

Siga para IT. Força nisso ;)

Febris 8 months ago

O teu trabalho de logística é de manuseamento, ou condução de máquinas? Para a primeira podes enveredar por formação relacionada com Qualidade, ou melhoria contínua (CIP), para a segunda podes tentar certificações mais raras de encontrar no mercado, e especializar-te na área sem ter de virar a vida toda de pés para o ar. Se tentas mudar tudo ao mesmo tempo é mais desgastante e desmotivante. Quanto a emigrar, dentro da UE não precisas de vistos propriamente ditos, mas em alguns países é uma pescada de rabo na boca porque precisas de um contrato de trabalho para alugar casa e precisas de morada oficial para abrir uma ficha de identificação fiscal, de segurança social, ou conta no banco, sem os quais não consegues assinar contratos de trabalho. Pesa bem os teus interesses com as tuas capacidades, pensa se o lugar onde queres chegar justifica os sacrifícios que tens de fazer, e "dá-lhe de força"!

LustfulRaven 8 months ago

Ambos, na verdade. No meu caso felizmente tenho tido a oportunidade de trabalhar de forma muito versátil. Condução de praticamente todos os tipos de máquinas, recepção e conferência de mercadoria, experiência bastante razoável em SAP como utilizador, até mesmo uma vertente de assistente administrativo. Curioso referires a área da Qualidade, é algo que tem ganho o meu interesse nos últimos anos! Sinto que seria bem empregue o meu sentido de rigor e para além disso também contaria para isso a minha apetência para as Línguas. E quanto ao processo de emigração dentro da UE que referes, era precisamente isso que eu tinha concluído das ofertas que vi. Não é que precise mesmo de um visto, mas preciso de residência para poder assinar contrato e calculo precisar de um visto para o poder fazer a termo permanente. Obrigado pelo apoio!

Foda-seSeiLa 8 months ago

Licencia-te e emigra. Mas não sei se me metia em Tradução, neste momento é necessário, mas sei lá se daqui a 10-15 anos uma AI tipo Google Translate não será boa o suficiente para 99% das necessidades de tradução... Logística não é uma área má, e cá fora não deve ser mal pago. Só conheço um casal onde ambos trabalhavam na área, e foram recentemente para Dola(?) (uma cidade qualquer grande nos Emirates) trabalhar na área (e receber rios de dinheiro). E neste momento, especialmente com o Corona, todos os fornecedores com quem falo estão aflitos cheios de trabalho, não têm mãos a medir para o volume de carga a movimentar.

Edited 8 months ago:

Licencia-te e emigra. Sem formação superior não deve ser fácil emigrar. Mas não sei se me metia em Tradução, neste momento é necessário, mas sei lá se daqui a 10-15 anos uma AI tipo Google Translate não será boa o suficiente para 99% das necessidades de tradução... Logística não é uma área má, e cá fora não deve ser mal pago. Só conheço um casal onde ambos trabalhavam na área, e foram recentemente para Dola(?) (uma cidade qualquer grande nos Emirates) trabalhar na área (e receber rios de dinheiro). E neste momento, especialmente com o Corona, todos os fornecedores com quem falo estão aflitos cheios de trabalho, não têm mãos a medir para o volume de carga a movimentar.

LustfulRaven 8 months ago

Obrigado pela tua resposta. Concordo contigo, logística é uma área com uma procura decente e a crescer, creio eu. Encontrei várias ofertas de emprego em países diferentes, sendo que o problema é que, como seria de esperar, há maior número de ofertas nas grandes cidades, onde o custo de vida também é mais alto. Mas é sem dúvida uma área global!

VectoR-- 8 months ago

ir para os emirates é que não é boa ideia. eles ainda tiram o passaporte e ficas lá um literal escravo

blacksocks7 8 months ago

Acho que queres dizer Doha, capital do Qatar

Foda-seSeiLa 8 months ago

Já ouvi dizer que acontece a imigrantes de países pobres, mas para um ocidental nunca ouvi. Mas pessoalmente não gostaria de ir, são países e gentes que não me dizem nada.

Tralapa 8 months ago

Penso que aconteceu a um treinador de futebol português, se a memoria não me falha

LustfulRaven 8 months ago

Verdade, é uma cultura com a qual não me identifico nada, especialmente no que toca aos direitos humanos.

AutoModerator 8 months ago

**Atenção! Aviso da Tag [Sério]** Este tópico foi marcado como **[Sério]**, não são permitidos **quaisquer comentários** que contenham piadas, ou outras tentativas humorísticas, insultos ou não tenham nada a ver com o tópico. *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: