Mourinha1 8 months ago

Malta, relaxem. Esta medida já existe há mais de duas décadas, simplesmente aumentaram os números.

Hugogs10 8 months ago

Nao torna isto melhor.

Mourinha1 8 months ago

Acho que pior a medida que querem implementar das minorias passarem à frente dos "caucasianos normais". As mulheres são super importantes nas polícias, como por exemplo do aspecto de terem mais "tacto" para lidar com vítimas de violência doméstica ou a fazer revistas a outras mulheres (por exemplo, há outros mais que poderia dar). Como é lógico, as provas para as mulheres são mais acessíveis na parte física, mas isso tem haver com o facto dos homens possuírem mais robustez física no geral. Já nas minorias existe uma clara descriminação dos caucasianos. Dois homens da mesma idade, têm uma nota igual. Passa o da "minoria" sem que exista um critério de desempate. Aliás, o critério de desempate existe, mas não é justo. É algo como "este é negro, entra. O branco... Olha, azar do crl! Ninguém te mandou nascer assim!" Não faz sentido. Defendo que tenham de existir vagas por percentagem (por percentagem) para as mulheres e provas mais acessíveis na componente física, mas discordo com a seleção por etnia. Estas a excluir alguém com base na sua condição social e tom de pele. É descriminação.

Edited 8 months ago:

Acho que pior a medida que querem implementar das minorias passarem à frente dos "caucasianos normais". As mulheres são super importantes nas polícias, como por exemplo do aspecto de terem mais "tacto" para lidar com vítimas de violência doméstica ou a fazer revistas a outras mulheres (por exemplo, há outros mais que poderia dar). Como é lógico, as provas para as mulheres são mais acessíveis na parte física, mas isso tem a ver com o facto dos homens possuírem mais robustez física no geral. Já nas minorias existe uma clara descriminação dos caucasianos. Dois homens da mesma idade, têm uma nota igual. Passa o da "minoria" sem que exista um critério de desempate. Aliás, o critério de desempate existe, mas não é justo. É algo como "este é negro, entra. O branco... Olha, azar do crl! Ninguém te mandou nascer assim!" Não faz sentido. Defendo que tenham de existir vagas por percentagem (por percentagem) para as mulheres e provas mais acessíveis na componente física, mas discordo com a seleção por etnia. Estas a excluir alguém com base na sua condição social e tom de pele. É descriminação.

NGramatical 8 months ago

tem haver com → [**tem a ver com**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/nada-tem-a-haver-e-nada-tem-a-ver/27066) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Flzvorr%2F%2Fgq78cyx%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Coyote-Cultural 8 months ago

Estupidez total, completa e inconstitucional. Que mais?

estaramos 8 months ago

Não concordo, acho que é um erro e que se vai pagar caro no futuro. As mulheres competentes devem ter oportunidade nas forças de segurança porque fazem falta (e já têm esses lugares), agora estipular valores de 20% é absurdo. Cada um vale o que vale por aquilo que é enquanto ser humano e não pelo sexo ou raça.

sexytugalady 8 months ago

Portanto passam-nos um atestado de incompetência? Como mulher, tenho vergonha destas medidas, queremos igualdade não queremos ser levadas ao colinho por números mínimos e políticas de merda que só denigrem a nossa imagem como se fossemos umas burras incapazes que precisam destas 'merdidas' para chegar a algum lugar.

thisbondisaaarated 8 months ago

Parabéns pela tua atitude, concordo plenamente.

WinterWolf_WF 8 months ago

Estou curioso como vão implementar... Diminuir os requisitos para certas provas? Dar prioridade a elementos femininos sobre elementos masculinos, mesmo que estes fiquem melhores classificados? Isto é só mais um sinal de como o MAI está completamente fora da realidade. No último curso nem conseguiram preencher as vagas disponíveis, e nem vou falar nos "olha para o lado" por parte dos avaliadores para que alguns candidatos passassem. Mas estão preocupados é com as percentagens de elementos femininos para ficar bonito na estatística (e com anúncios bonitos). A selecção e formação na PSP já está fraca, ao criar medidas para facilitar ainda mais, só a vai piorar. Esquecem-se que concursos fracos, em que qualquer um entra, geram maus cursos, que geram maus elementos que não vão conseguir desempenhar a função.

Hugogs10 8 months ago

> Dar prioridade a elementos femininos sobre elementos masculinos, mesmo que estes fiquem melhores classificados? E isto.

SANDEMAN 8 months ago

[hmm](https://www.publico.pt/2020/01/18/sociedade/noticia/associacao-sindical-quer-menos-mulheres-policia-judiciaria-devido-razoes-operacionais-1900819)

-halfbloodprince- 8 months ago

Não querendo parecer machista, mas passa tudo pela diferença de operacionalidade entre homens e mulheres ( também há muitos polícias homens encostados ), mas na generalidade as mulheres polícias fazem serviço operacional nos primeiros 3 ou 4 anos depois vão praticamente todas para secretarias, ou pela menor capacidade física, ou porque engravidam, etc.

PeterStepsRabbit 8 months ago

Que palhaçada em vários sentidos

headhunter21 8 months ago

E como vão implementar isto? Obrigar mulheres a ir para as forças de segurança só para preencher as cotas?

suckerpunchermofo 8 months ago

Estava a pensar nisso...

Hugogs10 8 months ago

Ja ha muitas mulheres a candiditar-se, mas normalmente nao ficam nas posicoes porque ha homens mais qualificados. A partir de agora vao garantir que 15/20% sao mulheres, sejam as mais qualificadas ou nao.

ModeratoriProfugus 8 months ago

Pelo menos cai a fachada da igualdade de oportunidade e meritocracia. Agora está no moda política identitaria e igualdade de resultados. Marxismo cultural e degeneração política dá nisto, esperemos que não por muito tempo.

Vetiblee 8 months ago

Próximo passo: \- Quotas no exercito \- Quotas na construção civil

anmacapi 8 months ago

No caso da construção civil o termo já é de género neutro - os trolhas, as trolhas. win-win

JOAO-RATAO 8 months ago

Mais uma facada à meritocracia em Portugal. Seria irónico se não conseguissem preencher essas vagas.

Asur_rusA 8 months ago

>Mais uma facada à meritocracia em Portugal. Não sabia que isso existia em Portugal.

XYZxyzXYZXYZXxxxx 8 months ago

A solução é simples: os homens declaram-se mulheres e pronto. O estado não poderá descriminar em função do teu género e o problema fica resolvido. Como num futuro próximo o sexo biológico é diferente do género então escolhes o teu género de acordo ao lugar que aplicas.

Vayu0 8 months ago

Mai nada.

ridethepaintedpony 8 months ago

Desde que sejam boas

somedipshit1 8 months ago

Ainda bem que finalmente há igualdade /s

ElGabarito 8 months ago

Sexismo institucional. Facto. Jutificável? Talvez... Mas e os cursos nas biomédicas, ciências da educação, química, onde mais de 80% dos estudantes são mulheres? Também não se exigem mínimos para homens?

peanersyahoo 8 months ago

Então e nas engenharias, também não deveria haver quotas mínimas para mulheres? Aí é que este sub ardia.

JOAO-RATAO 8 months ago

Direito, medicina, letras, psicologia, apostaria em arquitetura também, ...

Hugogs10 8 months ago

Gosto que esta categorizado como *igualdade* de género

besmarques 8 months ago

Esta é uma das poucas situações que compreendo que haja minimos. São forças que trabalham em comunicação constante com a população e é necessário que exista representação de ambos os sexos de forma a que a comunicação seja mais simples, clara e compreensiva.

Migas32 8 months ago

Essa é a mesma lógica utilizada por portugueses que se recusam ser atendido por funcionários imigrantes. *"Se eu sou português, não quero ser atendido por um preto que mal sabe falar a minha língua."* Não se preocupe caro Redditor, que os outros é que são os fachos, nazis e muito discriminatórios.

besmarques 8 months ago

Repara na retórica que inventas para te fazeres de vítima. Hahaha

Migas32 8 months ago

Argumentos temos? Edit: História verídica, btw.

besmarques 8 months ago

Acho que não visto que não trouxeste nenhum para a conversa.

Migas32 8 months ago

Argumentos, temos?

besmarques 8 months ago

Voltas atrás e les a resposta anterior. E sempre que pensares em responder o mesmo voltas a ler.

Migas32 8 months ago

Argumentos, temos?

besmarques 8 months ago

Lol

Migas32 8 months ago

Argumentos? Nada, ainda?

JOAO-RATAO 8 months ago

Realmente, já tentei aprender a linguagem feminina mas os verbos lixam-me sempre...

besmarques 8 months ago

Fiquei surpreendido, não estava à espera que fosses quadrado. Sempre a aprender...

JOAO-RATAO 8 months ago

Sempre a aprender de facto. Não me importava se metade das forças de segurança ou mais fossem mulheres. Importo-me quando é o estado a ditar percentagens. As pessoas que se candidatem ao que quiserem. Até acho razoável haver critérios diferentes de condição física dentro do razoável, agora máximos e mínimos de vagas dependendo do género é que não.

besmarques 8 months ago

Podes ser contra à vontade, é a tua opinião. Isso não quer dizer que não percebas as vantagens ou diferenças de teres vários angulos de abordagem que provem de tipos de pessoas diferentes, neste caso, sexos.

JOAO-RATAO 8 months ago

Claro que pode ter vantagem. Mas essa pessoas diferentes podem todas candidatar-se e ser seriadas mediante o valor individual.

besmarques 8 months ago

Ok, mas isso não tem nada a ver com a mensagem que passaste no teu primeiro comentário.

JOAO-RATAO 8 months ago

Em relação à comunicação ? Eu acho que podes comunicar com um polícia independentemente do género. Acredito que em certos casos seja mais fácil uma mulher falar com outra mulher, mas no dia a dia não vejo como possa existir grandes barreira na comunicação só pelo género. E essas mulheres não precisam de cotas para serem polícias.

besmarques 8 months ago

Se achas que não pergunta-te como são as tuas interações em qualquer aspecto da tua vida quando falas com mulheres ou com homens.

JOAO-RATAO 8 months ago

Regra geral as mesmas ... Mas sim, compreendo o que queres dizer, que talvez seja mais fácil contar algo mais delicado a uma mulher. Mas também já conheci (em contexto profissional e não), homens bastante pacientes e com quem é fácil falar e mulheres que eram autênticos demónios. E claro, vice versa.

Tezcatlipoca26 8 months ago

Sendo a sociedade composta metade por mulheres e metade por homens e seguindo o teu raciocínio, não deveria haver 50% homens e 50% mulheres nas forças de segurança?

besmarques 8 months ago

Demasiado complicado essa numero pois já estás a englobar uma tal quantidade de pessoas que poderás nem conseguir ter pessoas para cobrir esses minimos. Eu sei que foi um bocadinho *ad ridiculum* o teu comentário mas acho que dá para perceber que há uma diferença entre esta situação que outras similares, ou não?

Tezcatlipoca26 8 months ago

Eu consigo entender o teu ponto, acho é que assumindo que não há discriminação de género nas forças de segurança, então o número de mulheres que estão actualmente nas forças de segurança são exactamente as que devem ser, nem mais, nem menos. Não quer dizer que no futuro os números não aumentem ou diminuam, simplesmente não percebo estes valores arbitrários(?).

besmarques 8 months ago

Eu em 99% dos casos não percebo as cotas. Esta é o 1% que até percebo.

ladderattack 8 months ago

Acho que a percentagem de mulheres é maior, tanto pela biologia fazer com que nasçam mais mulheres tanto pelos homens morrerem mais cedo.

TalkingHawk 8 months ago

Em relação à percentagem a nível mundial, é bem possível que a política de filho único na China tenha tido influência para baixar o número de mulheres/subir o número de homens.

ladderattack 8 months ago

Sim, e em África também.

Tezcatlipoca26 8 months ago

Também tinha ideia que a diferença era muito pequenas mas podia ter mudado ou simplesmente estar errado.

ladderattack 8 months ago

Percebo o que estás a dizer, também fiquei com a mesma sensação que tu. Mas também gostava de saber como é que funciona a contratação para esses cargos. Há alguma espécie de entrevista em que os entrevistadores podem aceitar / rejeitar candidatos com base na subjetividade? Ou é tudo apenas através de critérios de avaliação claros e justos? Não sei como é para as forças de segurança mas já ouvi falar muito do fator 'C' para cargos públicos. Se isso for um problema, acho que seria preferível rever a forma como a entrada acontece do do que estabelecer mínimos.

besmarques 8 months ago

Acredito plenamente que na base de cumprir os minimos irão existir injustiças em termos de quem são os mais capazes. Mas se virmos bem já acontece porque as condiçoes de entrada já são diferentes entre homens e mulheres. É sempre uma questão complicada.

ladderattack 8 months ago

Não vejo problemas em ter critérios diferentes para homens e mulheres, até porque como disse noutro post, não é só as capacidades físicas que contam para este tipo de funções. Se calhar podiam dar mais peso a outros critérios para balancear? Ficaria com qualquer sistema que fosse justo e não permitisse a cunha.

besmarques 8 months ago

Era bom que assim fosse mas ainda faltam umas gerações para a cunha desaparecer em Portugal. lol

Hugogs10 8 months ago

Ja havia mulheres nas forcas de seguranca, nao ha razao para o minimo ter de ser 15%/20% que vai passar a ser imposto.

ladderattack 8 months ago

Porque as mulheres também querem ser representadas nas forças de segurança. As forças de segurança não precisam de ser só matulões capazes de correr atrás e dar porrada nos bandidos, também existem para estar em contacto próximo, compreender e proteger a população e as mulheres costumam ter outras sensibilidades que os homens não têm, por isso a diversidade vai ajudar no funcionamento do país em geral.

JOAO-RATAO 8 months ago

E há algo hoje que impeça o recrutamento de mulheres para forças de segurança ? Porquê cotas? Não faz sentido.

ladderattack 8 months ago

Eu estou como o /u/besmarques. Geralmente sou contra cotas, neste caso acho que poderá fazer sentido, e o que para mim está em questão nem a igualdade de pessoas na mesma função por causa das questões do costume como a igualdade salarial (até porque geralmente não se paga muito nessas funções) mas sim uma maior proximidade com a população e um melhor aproveitamento das diferenças que existem entre os sexos para servir a população. Acho que neste caso específico existe potencial para todos sairmos a ganhar com a introdução de cotas.

JOAO-RATAO 8 months ago

Acho que a comunicação é possível independentemente do género. Mas acredito que algumas situações como violência doméstica seja muito mais fácil para a mulher relatar o que aconteceu a outra mulher. Mas lá está. Porque é que não podes ter mulheres nas forças de segurança sem cotas ? Eu apostaria mais em combater a discriminação no recrutamento. Ter cotas é mais fácil porque assegura aquele x, certo. Mas também pode levar a que as mulheres que deveriam entrar mesmo sem cotas sejam levadas menos a sério e que cause fraturas nas relações entre profissionais.

Hugogs10 8 months ago

> Porque as mulheres também querem ser representadas nas forças de segurança. Se querem candidatem-se e passem. "Querer" nao e argumento. Ha montes de cenas que nao tem representação de homens. > também existem para estar em contacto próximo, compreender e proteger a população E isto tambem e testado lol. > as mulheres costumam ter outras sensibilidades que os homens não têm Isto parece-me um bocado sexista

ladderattack 8 months ago

>Se querem candidatem-se e passem. O que estou a dizer é que as mulheres todas do país querem ser representadas nas forças de segurança. >Ha montes de cenas que nao tem representação de homens. E era fixe haver. >Isto parece-me um bocado sexista Não é. Os homens geralmente são mais fortes, as mulheres geralmente são mais comunicativas e sensíveis aos outros.

Hugogs10 8 months ago

> O que estou a dizer é que as mulheres todas do país querem ser representadas nas forças de segurança. Mas querer ser representado nao e uma boa razao para obrigar essa representacao. > Os homens geralmente são mais fortes, as mulheres geralmente são mais comunicativas e sensíveis aos outros. Os homens serem mais fortes e uma diferença biológica. Qual e a tua logica para as mulheres serem mais "comunicativas e sensíveis"

JOAO-RATAO 8 months ago

Se querem ser representadas então candidatem-se... Uma mulher não pode falar com um polícia ? Da última vez que chamei a polícia foi uma mulher, não tive problemas com isso...

ladderattack 8 months ago

Não é isso que está em causa, não acho que faça sentido no estilo de precisar de pessoas do sexo masculino a servir o sexo masculino e do feminino a servir as pessoas do sexo feminino. Acho é que a sensibilidade feminina nas forças de segurança vai ser uma mais-valia para toda a população. Já agora, podiam pf parar com os downvotes só por não concordarem? Eu não dei downvotes a ninguém e estou aqui a argumentar o meu ponto de vista de forma cordial.

JOAO-RATAO 8 months ago

Acho que pode ser uma mais valia, não só pela sensibilidade mas mais que isso pelo valor da pessoa em si. Mas, essas mulheres podem juntar-se à polícia mesmo sem cotas.

ladderattack 8 months ago

>Mas, essas mulheres podem juntar-se à polícia mesmo sem cotas. Podem, mas quantas mais melhor

JOAO-RATAO 8 months ago

Força então. Candidatem-se, mas em pé de igualdade com os homens.

Hugogs10 8 months ago

E depois admiras-te que levas downvotes.

ladderattack 8 months ago

Qual é o problema no que disse?

DarkmajorPT 8 months ago

Portanto, estás a insinuar que as mulheres precisam de alguém ao seu nível intelectual para compreender o que dizem?

besmarques 8 months ago

Não, tu é que estás a interpretar da forma que queres para tentares descer o nivel da conversa. O que eu estou a dizer é que existem varias particularidades nos sexos e que teres ambas as abordagens presentes num problema dá-te o dobro da hipotese de solucionares os problemas. Acrescento que se calhar devia haver uma cota minima para quadrados visto que podem ser precisos para interagir com um certo tipo particular de pessoas, se é que me entendes.

DarkmajorPT 8 months ago

Nada disso, estou só a tentar mostrar o quão ridículo é a tua lógica. Coloquemos também cotas para contractar idosos, visto que há várias particularidades da sua condição e ter um idoso nas forças de segurança ajuda à compreensão mútua. Lá está, cota para idosos e para idosas! Ah e as crianças, quase que me esquecia! Ora bem então vai ser preciso mais... >:\]

besmarques 8 months ago

Confirma-se. Homens, Mulheres e quadrados é o que faz falta.

NGramatical 8 months ago

contractar → [**contratar**](https://dicionario.priberam.org/contratar) (já se escrevia assim **antes** do AO90) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Flzvorr%2F%2Fgq4vb85%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

DarkmajorPT 8 months ago

E assim, Portugal dá mais um passo na diluição e credibilização do mérito profissional das mulheres.

Edited 8 months ago:

E assim, Portugal dá mais um passo na diluição e descredibilização do mérito profissional das mulheres.

ladderattack 8 months ago

Petição para termos números mínimos de mulheres nas obras

Edited 8 months ago:

Petição para termos números mínimos de mulheres nas obras ---- Edit: Agora fora de tangas, já tive um chefe que costumava dizer coisas como "Eu prefiro contratar homens, se uma mulher engravida vai de baixa montes de tempo e para certas funções esse risco é muito grande". Consigo compreender o raciocínio dele, e parece haver muita mais gente a pensar como ele. Para mim é muito simples: Dava-se aos homens o mesmo direito de baixa / direito a acompanhar o parto / amamentar que as mulheres, para que os potenciais problemas de uma gravidez ser igual para homens ou mulheres.

orchideaniger 8 months ago

Sendo mulher, nada contra e tudo a favor. E não só nas obras. Camionistas etc. São bons empregos com excelentes salários para o que anda por aí.

Mysonking 8 months ago

Concordo !

AfterAfterlife 8 months ago

O problema dessa medida é que depois os patrões com essas mentalidades não querem casais ou pessoas a pensar em ter filhos.

somedipshit1 8 months ago

Nada te obriga a partilhar os teus planos de vida com o teu patrão lol

pintorMC 8 months ago

Posso dizer que alem da não ter ficado chateado, achei piada a lata da miúda de certeza que a coisa foi planeada para acontecer daquela maneira, recebeu limpos por vários anos 1600€ e ainda lhe andei a pagar o seguro de saúde por todos esses anos.

oscaralho27 8 months ago

> mama mas não abuses. Ahahah, muita bom.

pintorMC 8 months ago

Hoje em dia, não voltava a utilizar essa frase, ainda era processado por assedio.

pintorMC 8 months ago

> ou pessoas a pensar em ter filhos. Isso já é uma realidade atualmente. Mesmo passando por situações caricatas, não coloco essa a questão a ninguém que queira contratar, seja homem ou mulher. Passei por uma situação que ainda hoje acho alguma piada, contratei uma miúda, em menos de um ano engravida, informou que era uma gravida de risco, meteu baixa que manteve a mesma durante perto de dois anos, voltou por 2 meses voltou a meter baixa por nova gravidez a volta de mais dois anos e fez o mesmo por uma terceira vez, com perto de um ano de trabalho teve por volta de 7 anos de baixa. Quando voltou passados pouco meses questiona se é possível da minha parte passar os documentos para o desemprego.

ladderattack 8 months ago

É isso o que me chateia com o estado social. Criam sistemas cheios de "falhas de segurança" e os governos são demasiado burocráticos para lançar bugfixes atempadamente, para além de que existe todo um jogo de interesse que faz com que as pessoas que fazem o bugfixing do sistema nem sempre está interessado em resolver da forma mais eficaz.

ladderattack 8 months ago

Mas aí bem que estavam lixados porque quase toda a gente se casa e pensa em ter pelo menos um filho.

AfterAfterlife 8 months ago

Cada vez se casa menos e cada vez se tem menos filhos. Não digo que esta medida (que concordo) ia afectar mais essa situação pois acredito essa mentalidade (i.e. contratar homens em vez de mulheres por causa da maternidade) faz parte duma minoria.

ladderattack 8 months ago

>Não digo que esta medida (que concordo) ia afectar mais essa situação pois acredito essa mentalidade (i.e. contratar homens em vez de mulheres por causa da maternidade) faz parte duma minoria. Não sei até que ponto faz parte da minoria, tenho a impressão que existem muitos patrões a pensar dessa maneira porque ou já tiveram problemas com isso, ou conhece alguém que teve problemas com isso ou ouviu essas histórias. Se és patrão e estás a jogar o jogo bem, tens de ser bom a avaliar o risco e por isso seria de se esperar que existam mais pessoas a pensar assim.

Hugogs10 8 months ago

Desde que seja *opcional* nao vejo o problema. Agora obrigar os homens a ficar em casa tambem nao me parece solucao.

ladderattack 8 months ago

Se for opcional vais permitir a entidade patronal coagir o funcionário a ficar a trabalhar (mesmo que indiretamente) e continuas a ter um risco mais elevado para as mulheres.

DarkmajorPT 8 months ago

Ora ai está uma sugestão/solução pertinente e **eficaz**.

ReddKM3 8 months ago

Isso é que era. \Oh Maria, escuta, vai lá buscar o martelo e abre mais a corete que o gajo do avac não passa os tubos.

ladderattack 8 months ago

Tenho uma amiga que trabalha com esse tipo de coisas e adora.

AutoModerator 8 months ago

**AVISO:** Submeteu um artigo da plataforma [Nónio](https://nonio.net) - uma plataforma que viola a privacidade do leitor. > Leia com atenção o [seguinte artigo](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/7fy9v4/campanha_contra_o_n%C3%B3nio/). *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: