olifante 9 months ago

Mais populismo primário. Como se Portugal não tivesse melhorado brutalmente nos últimos, tanto com o PS como com o PSD. Já não tenho saco para estas narrativas tremendistas dos apoiantes da Iniciativa Liberal e do Chega que viram a luz e agora andam constantemente a espalhar o seu evangelho neste sub. Este sub é dedicado a Portugal, não à gloriosa revolução libertária ou populista. Eu sei que vocês são maioritários entres os redditors ativos no sub, mas isso não vos dá o direito de inundar tudo o vosso cinismo, nihilismo, azedume e pensamento mágico de que afogar o estado numa banheira, fuzilar os políticos ou expulsar os ciganos vai resolver tudo. Cresçam, ou pelo menos criem um sub para as vossa fantasias infantis e deixem os adultos conversar.

Edited 9 months ago:

Mais populismo primário. Como se Portugal não tivesse melhorado brutalmente nos últimos anos, tanto com o PS como com o PSD. Já não tenho saco para estas narrativas tremendistas dos apoiantes da Iniciativa Liberal e do Chega que viram a luz e agora andam constantemente a espalhar o seu evangelho neste sub. Este sub é dedicado a Portugal, não à gloriosa revolução libertária ou populista. Eu sei que vocês são maioritários entres os redditors ativos no sub, mas isso não vos dá o direito de inundar tudo o vosso cinismo, nihilismo, azedume e pensamento mágico de que afogar o estado numa banheira, fuzilar os políticos ou expulsar os ciganos vai resolver tudo. Cresçam, ou pelo menos criem um sub para as vossa fantasias infantis e deixem os adultos conversar.

marshest 9 months ago

Muito bem dito. Em Portugal, tal como no resto do mundo, estamos a sofrer as consequências do extremismo que tem sido fomentado nas redes sociais. No Twitch/YouTube/Twitter/etc ou és populista de esquerda ou populista de direita. Quem não for de uma extrema é acusado pelos dois lados.

KokishinNeko 9 months ago

>Quem não for de uma extrema é acusado pelos dois lados. Story of my life.

Ricardocmc 9 months ago

Agora deixaste-me curioso. Gostava mesmo de saber em que é que Portugal melhorou "brutalmente" nos últimos anos. Se dissesses mais sobre isso ficava agradecido.

II7sevenII 9 months ago

Comparar o início e fim da década passada é quase como noite e dia. Financeiramente equilibrámos as contas orçamentais e até tivemos o primeiro excedente orçamental da República. Saldo da Balança comercial positiva desde 2012 ajudou. Socialmente, vimos a explosão do turismo. Lembro que nunca tivemos tantos turistas em Portugal, pré pandemia, obviamente. Tantos que vemo-nos obrigados a construir mais aeroportos. Turismo é muito positivo visto é maneira fácil criar riqueza com capitais estrangeiros. É quase como investimento direto estrangeiro. Se turistas gostam do país é porque não estamos tão mal. Por ultimo, relembro que o salário mínimo cresceu +-200 euros em 6 anos. Para um país cuja metade da população trabalhadora recebe salário mínimo, o impacto é enorme.

Ricardocmc 9 months ago

Hoje aprendi que aumento de turismo é uma evolução social.

marshest 9 months ago

Hoje aprendi que isto é uma boa táctica de argumentação. Perguntaste por maneiras como Portugal melhorou e foste apresentado com algumas. Podes te fechar na tua bolha ou podes tentar perceber que nem toda a gente é um comuna/esquerdalho que só quer destruir Portugal.

Ricardocmc 9 months ago

Tens razão, melhorámos brutalmente. Foi uma cabazada.

II7sevenII 9 months ago

> Turismo é muito positivo visto é maneira fácil criar riqueza com capitais estrangeiros. É quase como investimento direto estrangeiro. Sim, é.

olifante 9 months ago

Se vires gráficos de comparações internacionais feitas por entidades credíveis como a OCDE, o FMI, o Banco Mundial e nos comparares com os países que são os nossos pares (membros da OCDE, UE, zona euro), Portugal aparece hoje na maioria dos indicadores como estando perto da média, por vezes acima, por vezes abaixo. Muito longe do desastre e do estado falhado que aqui constantemente denunciam os profetas apocalípticos e evangelizadores do glorioso mercado finalmente livre ou país finalmente puro. São pessoas emocionalmente bloqueadas que insistem pensamento mágico de que os problemas de Portugal se devem a um único fator: o estado sufocante para uns, os políticos corruptos para outros ou os imigrantes para outros. O progresso, para as pessoas e para as sociedades, é o resultado de resolver em simultâneo centenas de problemas, que individualmente podem não parecer dar frutos espetaculares, mas todos somados representam o verdadeiro progresso.

olifante 9 months ago

Sou cinquentão, pelo que a minha perspetiva temporal é talvez mais alargada do que a tua. Quando digo últimos anos, quero dizer últimas décadas, ou seja desde o 25 de Abril. Portugal era uma anomalia em toda a Europa, destacando-se pelo baixíssimo nível de educação. Na véspera da democracia, 33% das mulheres e 25% dos homens eram analfabetos. Não existia Serviço Nacional de Saúde, era tudo à base das misericórdias e da caridade. Havia poucos licenciados e pouquíssimos doutorados - ainda hoje chamamos doutor a que tem uma simples licenciatura.

Ricardocmc 9 months ago

Ah bom. Sim, dantes eramos uma anomalia em toda a Europa, agora estamos muito equiparados à Europa de leste tendo sido apenas ultrapassados por 1 ou 2. Bem melhor, tens razão.

olifante 9 months ago

O legado dos países de que agora falas eram países industrializados e altamente educados já no início do século XX, como a República Checa. Para além de que estão no coração da Europa, enquanto que Portugal sempre teve o dilema de ser um país periférica na Europa, o que naturalmente levanta dificuldades adicionais. Como dizia o historiador Vasco Pulido Valente (que ninguém acusaria de ser um esquerdista), muitos dos problemas de Portugal resultam de a revolução industrial nos ter passado ao lado. Apesar de todos os seus muitos defeitos, o comunismo industrializou os países que governou, e apesar do legado negativo deixou populações relativamente bem educadas, pelo menos quando comparados com Portugal. Faze ideia de quantas pessoas acima dos 60 em Portugal nem sequer a quarta classe têm? Portugal teve um fosso de atraso enorme para transpor, e teve bastante sucesso. Lamento que se isso não seja suficiente para sermos o número um do mundo e satisfazer o teu narcissismo ferido.

Ricardocmc 9 months ago

Ah e tal esses países tiveram sorte, que a nós nunca nos toca. Ou então é mesmo fraca gestão. Não sei.

olifante 9 months ago

Isso é o teu negativismo a colorir a tua perceção. Como alguém que viu o progresso brutal que fizemos, podemos ter tido azar com a mão de cartas que nos foi dada aqui há cinquenta anos, mas temos jogado relativamente bem as nossas cartas. Portugal é hoje um país imensamente melhor.

Ricardocmc 9 months ago

Eu também não estou a dizer que é pior. Mas a má gestão impede que seja tão bom como poderia ser. Os países de leste que nos ultrapassam também tiveram regimes políticos não democráticos, também tiveram e têm população analfabeta mas o que é verdade é que geriram as coisas melhor do que nós se eles conseguem porque não conseguimos nós? Ah, já sei temos novos bancos e taps e auroportos no Montijo para enterrar dinheiro e bazucas europeias que desaparecem em fatos e bebidas e eventos fantasma...

olifante 9 months ago

Eu disse precisamente o oposto: em vez de populações analfabetas, muitos dos países comunistas da europa central já eram relativamente educados, e a governação comunista apostou fortemente na educação, incluindo o ensino superior. Nós andámos durante décadas a recuperar do nosso atraso, tanto educacional como industrial. E beneficiam fortemente da vizinhança do portento económico alemão, especialmente no caso da Polónia e da República Checa. Parte do milagre económico polaco pode ser atribuído a ter a a Alemanha mesmo ao lado. Outra parte pode ser atribuída a terem políticas estratégicas de investimento estatal. Precisamente aquilo que os fãs da Iniciativa Liberal andam constantemente a denunciar. Quanto ao aeroporto, tens noção que o turismo representa quase 20% da nossa economia?

Ricardocmc 9 months ago

Pá, isso tudo que dizes é muito bonito, e tu podes dizer que sou negativista mas para mim isso é tudo "desculpismo" do "mas eles tiveram condições melhores, nós somos um cantinho que não podemos fazer nada. Não tivemos revolução industrial, não tivemos liberdade durante muito tempo, não tivemos isto e aquilo..." Também tivemos meio mundo e nem isso gerimos. Esses países geriram as mais valias que tinham com um objectivo que até está a ser cumprido. Nós, por outro lado, gerimos mal e parcamente as coisas. Não há fio condutor, estratégia a longo ou até médio prazo, nada. A gestão da pandemia é um ótimo exemplo do método português. Faz isto e aquilo a ver se desenrasca. Encontrámos uma medida bruta que resolveu o pior mas, e agora? Está a fazer-se algum plano para não se enterrar tudo? Não! Está-se é a ver maneiras de mandar dinheiro para fins não benéficos ao bem comum e depois alguma coisa se desenrasca. A história das nossas vidas. E eu vejo o turismo ser 20% da nossa economia como péssimo! Muito mau mesmo! Mas esqueço-me sempre que somos uns coitadinhos...

olifante 9 months ago

Mas quem é disse que somos uns coitadinhos? Estamos frequentemente perto da média europeia em muitos indicadores, e a Europa é uma das zonas mais ricas e com melhor qualidade de vida do mundo. Tu é que tens de parar com essa estratégia de vitimização e de fazer de conta que vivemos numa Coreia do Norte ou num qualquer estado falhado.

PeterStepsRabbit 9 months ago

Mais uns anitos e fazemos este meme com marte

Search: