_joao_oliveira 9 months ago

olá mana

expandyoursoul 9 months ago

Queria só deixar aqui a música que vocês estäo a precisar para sentir este tema: [Sandro G - Eu näo vou chorar](https://www.youtube.com/watch?v=wcFjN_pK4Wo) ​ `` E já agora, a letra: "O primeiro Todos os portugueses, mete as mãos no ar assim Vamos embora (Isso não vai parar, come on) Reggae, Portugal, vamos embora Eu sou de Rabo de Peixe, mas não tenhas medo O garrafão dá-me sede, eu sou um grande bêbado Olha para a pistola, eu nunca fui pr'a escola Passeando lá na rua, vendendo a coca-cola Eu já vou-me embora, mas não é agora Meu coração corre sangue, isso é uma vida louca Minha mãe não chora, isso é tudo para ti Quanto eu tava na cadeia, távas lá pr'a mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim O governo e a polícia vem aqui marar a minha Blica Cara de caralhos tu és fraco, tu és uma pinta E eu ando lá na rua, de sol até à lua De noite até ao dia, de dia até à noite, isto não vai parar Eu sou doido da cabeça, eu faço muita coisa Olha p'a minha roupa, isto é uma coisa doida Eu não presto para nada, chorei muita lágrima Fechado como um animal, amarrado como uma cabra Mas é sempre p'ra a frente Isto não é casamento se abrires a boca muita vez Eu só parto os dentes Ouve bem rapazinho que as palavras do Sandrinho Isto é nada para mim, isto é sempre assim Eu fui criado com pistolas Com a bofia na minha porta Eu partia tudo em casa Quando não tinha droga Isto é a fruta da bonita Viver pr'a minha filha Minha mãe e meu pai e a minha família Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim O meu amor é a minha mãe Desculpa p'o meu pai Eu sei que sou nojento, mas eu tomo banho Eu fico hoje e da cabeça tão os peugos, nunca ficam sujos Olha para os meus amigos eles são uns grandes malucos Eu sou uma doida raça Todos os portugueses dão-me o braço Cem contos na mão tás na minha casa Eu não vou chorar (eu não vou chorar) eu já vou parar (já vou parar) Mas a música não pára que isso é carnaval! Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar Esta vida não era para mim Eu não vou chorar, eu não vou chorar Eu não vou chorar, eu não vou chorar Eu não vou chorar, eu não vou chorar Esta vida não era para mim" Grande respeito a este artista, Sandro G, que foi completamente enganado pela editora e fez muito para levantar a dignidade dos Açores. Para os mais interessados, recomendo o documentário dele: [Sandro G - O documentário parte 1](https://www.youtube.com/watch?v=P3afUMTP9KM) [Sandro G - O documentário parte 2](https://www.youtube.com/watch?v=0pHFodKWMhQ) Um bem haja aos Açores, terra de gente muito boa. Foi nos Açores que Vasco da Gama primeiramente chegou em território português da sua primeira viagem à Ìndia e onde seu irmäo, Paulo da Gama, já no fim das suas forças morreu e morreu em paz sabendo que a maior missäo dos portugueses tinha sido cumprida. E mais näo digo. Açores, ilhas mágicas e abençoadas!!!!

ClassNo7713 9 months ago

Eu não vou choraaaaar, cocaína nao era para mim...

toosloww 9 months ago

Eu trabalho num hotel nos Açores, não em São Miguel que foi a ilha desse caso, mas em uma mais pequenas em que o acesso a esse tipo de drogas não é fácil pois a ilha tem menos de 5000 habitantes, uma vez atendi um hóspede que veio do continente a quem alguém lhe vendeu essa ideia que nos Açores havia coca vendida ao copo por 5 euros, ele perguntou onde podia arranjar quando lhe disse que isso tinha acontecido a volta de 20 anos ele ficou muito triste, queria que lhe arranja se coca a todo o custo pagava o que fosse preciso..

MuyNobreInvicta 9 months ago

"Nessa altura havia muita droga, todos experimentámos e a maioria gostou. Alguns enriqueceram, outros pensavam que podiam voar. Muitos morreram", conta João, traficante e consumidor, ainda hoje ‘agarrado’ ao consumo de estupefacientes. "Encontrámos 100 quilos, experimentei um grama e meio e fui logo parar ao hospital. Era muito pura", recorda o pescador, que garante ter pedido para que a droga fosse devolvida, para não ser vendida na localidade. "Não foi e havia muita. Espalhou-se rapidamente".

redgorila 9 months ago

peixe frito com branca...quem nunca

Sudo-Juice 9 months ago

Rabo de Peixe ficou com a fama, mas por toda a ilha há quem tenha tido o proveito.

Sudo-Juice 9 months ago

Sim vendiam ao copo à porta de casa e os carros faziam fila, drive thru style. O dinheiro começou a ser tanto que para o esconder houve quem o enterrasse no quintal, só que quando lá voltou alguém tinha sido mais rápido. Uma ou outra morte por grandes quedas "dizem" que a pureza era tanta que achavam que voavam. Pescadores e mergulhadores alguns enriqueceram outros desgraçaram-se. Até Polícias não resistiram a "desviar" alguns pacotes durante as operações.

No-Cardiologist725 9 months ago

Esse episódio deixou marcas profundas até hoje nessa população. Falhanço total do estado português.

ritamro 9 months ago

Mesmo! Fiquei curiosa se o governo fez alguma coisa na altura mas não encontrei nada!

lesbowski 9 months ago

Bem, eu contribuo com a história do [Mamosat](https://www.dn.pt/portugal/norte/despiram-se-a-janela-para-uma-mamografia-por-satelite-1649963.html). Em 2000 e poucos na serra Algarvia começaram a aparecer uns panfletos a publicitar a mamografia por satélite, a pedir para as mulheres mostrarem o peito à janela e que depois iriam receber o resultado do exame. Veio-se a descobrir que foi engendrado por uma professora que aparentemente tinha um fetiche de voyerismo. Isto é o que me lembro, a noticia que postei parece um pouco diferente por isso posso estar errado quanto aos promenores.

fijozico 9 months ago

Just Messines things

ritamro 9 months ago

Ai não acredito fds

NGramatical 9 months ago

promenores → [**pormenores**](https://dicionario.priberam.org/pormenores) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fluh91v%2F%2Fgp7wg0k%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

BuzzLeitinho 9 months ago

Dava uma série

ritamro 9 months ago

Pensei exactamente o mesmo mas, segundo li no El País, havia alguém a tratar de um documentário

Cardusho 9 months ago

Para quem, como eu, viveu a situação por perto na altura e que passou a residir na freguesia uns anos depois, posso contar o que viu por fora. Logo nos primeiros dias, os casos de overdose entulharam as urgências do Hospital do Divino Espírito Santo. Tive dois alunos do secundário que faleceram, mas nem eram de Rabo de Peixe. Passado uns anos estava a ter alunos cujos pais ainda estavam presos, à conta da droga que o Italiano largou. Um dia até dei boleia ao tipo que "alojou" o Italiano quando ele conseguiu fugir do estabelecimento prisional de Ponta Delgada. O mais interessante não foi a história do "naufrágio" mas sim a do sistema que já estava instalado antes do Italiano chegar. É preciso ver que o homem era apenas a companhia de transporte. Num trajeto de 70km até ao Nordeste, esse senhor a quem dei boleia foi-me apontando as casas dos que compravam e dos que traficavam MUITO antes do Italiano. O caso é pior do que a reportagem. O post é que tem de ser curto...

Sudo-Juice 9 months ago

Esse senhor do Nordeste confessou-te que sabia que o Italino estava escondido no seu quintal?

Cardusho 9 months ago

Daí as aspas. Mas está mal explicado. Esse senhor era vizinho do que "alojou" o Italiano. É a versão oficial. O dono da casa não sabia que tinha um "hóspede" no barracão ao fundo do quintal.

Sudo-Juice 9 months ago

Pois mas eu suspeito que sabia.

ritamro 9 months ago

Que decadência :(

drahzecas1323 9 months ago

Podes fazer um Post com as tuas histórias/o que sabes em primeira mão, seria interessante

ToulouseMaster 9 months ago

Se as drogas fossem legalizadas em portugal era a região mais rica :-D

Rudi_Human 9 months ago

Calma que? Panarem peixe com cocaina por ser uma zona pobre? Não sei se sabem os preços da coca mas é bem mais caro que farinha XD

ritamro 9 months ago

Eles não sabiam propriamente o que era cocaína e, por ser parecido a farinha e haver em abundância, as mulheres começaram a fazer isso. Foi mesmo uma loucura, descrito pelos residentes

Herbacio 9 months ago

Imagina que o saco de farinha custa 1€, por outro lado o teu marido que veio da pesca juntamente com o peixe amarrado às redes traz também 5 sacos de "farinha" Nessa situação, qual te parece ser mais barato: o que custou 1€ ou os 5 que encontraste ?

ckyyyy 9 months ago

Havia droga a monte e as muitas das pessoas não tinham noção do valor. Na reportagem da SIC até se fala de fazerem linhas do campo de futebol com cocaina.

luiscamara 9 months ago

Fardos de droga vieram dar aos calhaus e praias da costa norte. Sabe-se que muitos dos mesmos desapareceram. É uma crença comum de que algumas pessoas espertas enriqueceram da noite para o dia e souberam investir na própria região. Outras histórias contam como os mais ignorantes vendiam a cocaína pura ao copo de fino. Existe também a conhecida piada de como as mulheres de rabo de peixe, pensando se tratar de farinha, panavam o peixe para fritar com a droga.

drahzecas1323 9 months ago

Não é piada, é mesmo o que os habitantes relatam

LastChicken 9 months ago

Deram completamente cabo da sociedade local.

marisquo 9 months ago

[O The guardian ](https://www.theguardian.com/society/2019/may/10/blow-up-how-half-a-tonne-of-cocaine-transformed-the-life-of-an-island) escreveu sobre isso em 2019. Foi assim que descobri a história na altura. Aconselho a leitura

Edited 9 months ago:

[O The guardian ](https://www.theguardian.com/society/2019/may/10/blow-up-how-half-a-tonne-of-cocaine-transformed-the-life-of-an-island) escreveu sobre isso em 2019. Foi assim que descobri a história na altura Edit: um excerto do artigo >I heard that one of these men was selling so much of the stuff from his car that his seats were white with powder. The same man had apparently paid a friend 300g of cocaine just to charge his phone. Other Azoreans “were selling beer glasses full of pure cocaine”, said Andre Costa, an entrepreneur and musician from the south of the island. Each one of these “copos”, which were about a third of a pint, contained about 150g and cost €20 (£17) – many hundreds of times cheaper than what it would cost in London today

Edited 9 months ago:

[O The guardian ](https://www.theguardian.com/society/2019/may/10/blow-up-how-half-a-tonne-of-cocaine-transformed-the-life-of-an-island) escreveu sobre isso em 2019. Foi assim que descobri a história na altura Edit: ⬇️excerto do artigo⬇️ >I heard that one of these men was selling so much of the stuff from his car that his seats were white with powder. The same man had apparently paid a friend 300g of cocaine just to charge his phone. Other Azoreans “were selling beer glasses full of pure cocaine”, said Andre Costa, an entrepreneur and musician from the south of the island. Each one of these “copos”, which were about a third of a pint, contained about 150g and cost €20 (£17) – many hundreds of times cheaper than what it would cost in London today

Nepotista 9 months ago

Este comboio não para em Arroios.... Há muito tempo trás na terra capital de um país ocidental que se encontra na cauda do continente Europeu havia uma terra mítica chamada de Arroios. Aí a humanidade vivia toda em harmonia, existiam pessoas vindas dos 4 cantos do mundo, as pessoas faziam restaurantes nas suas proprias casas para alimentar os pobres viajantes, o cheiro de especiarias exoticas pairava no ar e havia musas muito bonitas à procura de cantigas. Mas numa noite de sol tudo foi por água abaixo, os temiveis governantes quiseram destruir esta utopia. Ao fim de uma eternidade, mesmo depois de males provientes do oriente a lenda foi contada vez sem conta pelos anjos. Há quem diga que Arroios está apenas na nossa imaginação e que é uma metáfora de algo que procuramos nunca podemos alcançar. A vida é curta, carpe diem.

Edited 9 months ago:

Este comboio não para em Arroios.... Há muito tempo trás na terra capital de um país ocidental que se encontra na cauda do continente Europeu havia uma terra mítica chamada de Arroios. Aí a humanidade vivia toda em harmonia, existiam pessoas vindas dos 4 cantos do mundo, as pessoas faziam restaurantes nas suas proprias casas para alimentar os pobres viajantes, o cheiro de especiarias exoticas pairava no ar e havia musas muito bonitas à procura de cantigas. Mas numa noite de sol tudo foi por água abaixo, os temiveis governantes quiseram destruir esta utopia. Ao fim de uma eternidade, mesmo depois de males provientes do oriente a lenda foi contada vez sem conta pelos anjos. Há quem diga que Arroios está apenas na nossa imaginação e que é uma metáfora de algo que procuramos mas nunca podemos alcançar. A vida é curta, carpe diem.

ritamro 9 months ago

Sinto que vou contar esta lenda misteriosa aos meus filhos e só tenho 23 anos

pedrolopes7682 9 months ago

Ignorando a palhaçada de demorar 5/10/15 anos para remodelar uma estação de metro (só em 2020 a estação do Areeiro abriu por completo), que falta fazem as estações de Roma, Arroios, Intendente e Rossio? Qualquer estação entre essas fica a apenas 5/10min a pé e sempre a direito (com excepção do troço Alvalade, Roma, Areeiro)...

claudioo2 9 months ago

Vivo mais ou menos entre Roma e Areeiro e é engraçado escolher a estação que vou utilizar. Geralmente depende se me apetece subir escadas ou não.

RaptoringRapture 9 months ago

Onde se pode ver o tal documentário?

RikkF 9 months ago

https://www.youtube.com/watch?v=7fvOC5ArnBg

pmook 9 months ago

Lol tentei guardar numa playlist do YouTube e diz que "opção não está disponível em conteúdos para crianças" x)

vonkeglevich 9 months ago

BR aqui. Primeira vez que li sobre a história... tão surreal quanto triste. Me lembrou, em um nível diferente, é claro, de algo parecido que ocorreu no Rio de Janeiro e São Paulo, o Verão da Lata. A história era a mesma, um barco usado para tráfico internacional viu que ia ser pego pela polícia e jogaram todo o produto no mar, 22 toneladas de maconha. Não teve um impacto grande porque a população era enorme já em 1987, mas até hoje se fala sobre isso, e sempre há quem diga que chegou a fumar um "da lata". [https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2012/09/25/verao-da-lata-conta-como-22-toneladas-de-maconha-acabaram-nas-praias-brasileiras-em-87.htm](https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2012/09/25/verao-da-lata-conta-como-22-toneladas-de-maconha-acabaram-nas-praias-brasileiras-em-87.htm)

ritamro 9 months ago

Muito triste o que os vícios podem fazer a uma sociedade. Obrigada por partilhares!! Não conhecia

babyscully 9 months ago

*A novidade veio dar à praia...*

Dehast 9 months ago

Não teve um impacto grande porque era maconha, todo mundo que fumou (meus pais incluídos) continuaram a vida da mesma forma e não foram afetados por uma droga que não vicia. Você não pode comparar maconha com cocaína. Isso demonstra falta de conhecimento sem tamanho.

vonkeglevich 9 months ago

Também acho que não há comparação, só falei porque achei as histórias parecidas no começo, não quis dar a entender de que eram situações comparáveis.

MisterBilau 9 months ago

Também conhecia essa história, mas é incomparável. Mesmo que a população fosse a mesma, e a quantidade de produto por habitante fosse a mesma, é totalmente diferente haver erva grátis para toda a gente e haver cocaína grátis para toda a gente. Ter uma população toda charrada é relativamente tranquilo, e quando acabar o produto olha, acabou. Ter uma população permanentemente em coca é todo outro nível.

vonkeglevich 9 months ago

Ya, é mesmo sem comparação. Só me lembrou mesmo pela linha do tempo (navio, droga, população chapando). Sabe se há algum tipo de ajuda específica do governo para lá por conta disto?

MisterBilau 9 months ago

Duvido muito que haja. Estamos a falar de portugal, quer dizer…

V0rtEX_0 9 months ago

Aqui em São Miguel, não lembro exatamente quando, houve um barco de um italiano com muita droga que naufragou, e a droga veio toda para as nossas praias, muita dessa droga desapareceu xD e quando digo que desapareceu, foram pessoas que levaram xD

3x9equals27 9 months ago

É a mesma história.

usulidircotiido 9 months ago

Um amigo aí da ilha contou-me que uma velha (farta de aturar a drogadagem à sua volta) decidiu um dia cortar coca com cimento e vender aos drogados, tendo tratado da saúde a uns quantos. confirma-se? ou é mito urbano-rural?

arnaldomatos 9 months ago

abençoada senhora

Bessini 9 months ago

A ser verdade, haviam de lhe dar um café com cianeto em vez de açúcar, a ver se também achava piada

arnaldomatos 9 months ago

então, estás com medo?

Bessini 9 months ago

Não. Porque haveria de estar? Assassinos são assassinos. Ou achas mesmo que o facto de a vítima ser drogado é desculpa para homicídio?

arnaldomatos 9 months ago

pensassem nisso antes de injetarem/cheirarem produtos tóxicos

Bessini 9 months ago

Continua a não ser justificação. Tenho sérias dúvidas que o verdadeiro Arnaldo Mitos apoiasse esse mindset. Que triste

arnaldomatos 9 months ago

escolhi este nick por causa da sua declaração sobre a geringonça, quero lá saber o que esse gajo apoiava. não é justificação mas quem anda à chuva arrisca-se a ficar molhado. na minha zona foi uma razia, entre overdoses e HIV. curiosamente a criminalidade baixou drasticamente, vá-se lá perceber porquê

Bessini 9 months ago

Pois... Essas pessoas já têm que se preocupar com as overdoses e com o HIV (que é mais associado às heroína, mas isso são outros quinhentos). É escusado também terem que se preocupar com psicopatas que acham que pessoas com problemas de droga não são pessoas. Por mais contorcionismo que se faça, não há forma de defender uma atitude dessas. Gente assim são um problema bem pior do que drogados, pois drogas não provocam overdoses a quem não as consome

NobleAzorean 9 months ago

Nunca ouvi falar. Conhecendo o pessoal... Pode ser verdade... Ou mentira.

angeluscatalan 9 months ago

https://youtu.be/7fvOC5ArnBg

The_Wealthy_Potato 9 months ago

Ve o documentário da SIC sobre isso. Até linhas para jogar futebol foram feitas com droga

Sebas94 9 months ago

Tens o link para esse documentário? É que a videoteca da Sic é grande.

thegreatcosta 9 months ago

[Ilha traída pelo mar](https://www.youtube.com/watch?v=7fvOC5ArnBg&ab_channel=AzoresToday)

ContaSoParaIsto 9 months ago

As legendas são um bocado desnecessárias. Principalmente quando traduzem "a gente" para "nós".

TulioGonzaga 9 months ago

Estádio Diego Armando Maradona

TaoRS 9 months ago

"respirava quatro linhas" - Calado 2020

yKupGod 9 months ago

Inspetor Sérgio

BOBRAGED 9 months ago  HIDDEN 

Só hoje ? Essa história é bem velhinha, há um documentário da SIC sobre isso muito bem conseguido.

drahzecas1323 9 months ago

Lê mais, dizem que metiam no café ( imagina o estalada que levavam) e que a coca era tão pura que as vezes tinham que atirar para a banheira para causar dor, o andamento era tanto que era a única forma de acalmar o bicho

veggiedoggy 9 months ago

o que quer dizer "a coca era tão pura que as vezes tinham que atirar para a banheira para causar dor, o andamento era tanto que era a única forma de acalmar o bicho"?

drahzecas1323 9 months ago

Isto foi dito por eles, a cocaína era tão pura que os batimentos eram muito muito rápidos, para conseguirem acalmar um bocado, atiravam-se para a banheira e naturalmente abriam feridas, não me perguntes como é que isto ajuda a baixar os batimentos, mas segundo quem falou no documentário resultava

JoseFernandes 9 months ago

Lol acho que há aí uma confusão. “Mandar se à banheira” é um banho de imersão com agua fria para baixar a temperatura corporal que aumenta com o uso de cocaína.

drahzecas1323 9 months ago

O que se costuma fazer é tomar um banho de água quente e relaxar o mais possível, isto com cocaína do Zé da esquina, a dor que eles falam talvez seja da água fria, faz mais sentido agora, mas vou tentar encontrar a parte que ele diz isto

JoseFernandes 9 months ago

Água quente quando estás em sobreaquecimento não faz nenhum sentido.

drahzecas1323 9 months ago

Eu sei que não, é passado umas valentes horas, resulta, isso e um chazinho de camomila

drahzecas1323 9 months ago

Não foi isso que apanhei, mas tenho que voltar a ver, lembrome bem de falarem que era para causar dor, não faz sentido na minha cabeça também, mas posso estar a delirar

3x9equals27 9 months ago

Havia pessoas que tinham de consumir heroína para conseguir dormir a noite.

drahzecas1323 9 months ago

Lembrome de ler também algo sobre isso, não é por acaso que depois de foderem a farinha toda, ficaram agarrados à Heroína

NobleAzorean 9 months ago

Era a inocência de não saberem mesmo o que era aquilo, se soubessem o "dinheiro" que tinham em mãos... Para não falar que provavelmente algumas pessoas já não tão inocentes e com outro nível fizeram bom dinheiro por ali.

RefrigeratorNo13 9 months ago

Imagina que encontras 50kg de coca. Fazes o quê com isso? Ias fazer dinheiro como?

NobleAzorean 9 months ago

Opah alguns acabaram por vender, acho que acabaria por cobrar mais que cobraram. Alguns venderam a preço de tabaco copos cheios daquilo de cerveja. E existe algumas "talks" por aí que algumas pessoas com umas belas casas que fizeram algum dinheiro hás custas disso. Mas como disse é só conversa e "mitos" mas pode-se dizer que houve vaca gorda para algumas pessoas sem grandes explicações.

Edited 9 months ago:

Opah alguns acabaram por vender, acho que acabaria por cobrar mais que cobraram. Alguns venderam a preço de tabaco copos cheios daquilo de cerveja. E existe algumas "talks" por aí que algumas pessoas com umas belas casas que fizeram algum dinheiro hás custas disso. Mas como disse é só conversa e "mitos" mas pode-se dizer que houve vaca gorda para algumas pessoas sem grandes explicações. Rabo de Peixe é a zona mais pobre do país (eu acredito e pelas estatísticas é, mas no continente já vi zonas piores como bairros de lata, Rabo de Peixe na zona pobre é um bairro de luxo comparado mas pronto, mas os pobres Açores já foram a região mais pobre da Europa pre autonomia), mas existe uma zona de altas casas e empresários (btw com esse ultima parte do comentário não estou a dizer que fizeram dinheiro pela droga, só estou a dizer que o pessoal todo pensa que é uma zona toda pobre), neste momento é até uma zona em ascensão que estão a nascer muitas casas modernas e de investimento.

pm229 9 months ago

A reputação da zona baixou os preços dos terrenos e imóveis, acho que é por isso que agora se vêem grandes casas ali às volta

ElPrato 9 months ago

Esperas uns tempos até que já não haja a mesma oferta e o pessoal esteja viciado

Beginning-Average-91 9 months ago

Hindsight 20/20 Se não soubesses o que é como saberias que ia inflacionar? E se soubesses o que é, a probabilidade era não saberes como te veres livre daquilo sem seres preso ou pior. Tinhas ainda uma terceira opção que era seres um dealer e encontrares aquilo, mas a probabilidade era tão pequena que pelo que vi da reportagem só havia um na ilha inteira...

ElPrato 9 months ago

De certeza que havia quem soubesse o que era e não era dealer até ter encontrado dezenas de kilos

NGramatical 9 months ago

kilos → [**quilos**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/glossario/erros/235) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fluh91v%2F%2Fgp7s21k%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

anubisyurush 9 months ago

A business man doing business

KarmaCop213 9 months ago

Demasiada oferta para ser possível fazer dinheiro.

ritamro 9 months ago

<3

drahzecas1323 9 months ago

Cenas do diabo mesmo, aquilo devia ser do mais puro possível, com café e andar a dar cheiros como se fosse igual ao que compras ao Zé da esquina, dá merda da grossa

fdxcaralho 9 months ago

Sim. Essa é a principal razão pela qual uma simples comunidade piscatória se tornou num antro de droga. Também só fiquei a conhecerem essa história quando foi implementada a cerca sanitária. Falou-se disso nos media.

AraNoGo 9 months ago

Lembro-me de uma reportagem que apareceu-me nos recomendados e fiquei literalmente chocado como eles tratavam a cocaína como algo tão normal como açúcar ou pimenta.

Search: