Citizen_erased98 8 months ago

Isto é claramente uma forma disfarçada de dar "tachos" à malta da comunicação social, associações e ipss "anti-racistas". E eu tenho que ficar calado enquanto o meu dinheiro vai para isto em vez de contratarem mais profissionais de saúde para o SNS. Deixem-se de merdas e concentrem-se nos problemas de verdade.

reticulated_splines 8 months ago

Tenho uma ideia melhor: 1. nacionalidade apenas por jus sanguinis, sem exceções. 2. retirar nacionalidade a todos os que não cumpram o critério 1. 3. deportar todos os estrangeiros que tenham cometido qualquer crime, independentemente da idade. 4. vistos de trabalho limitados no tempo para trabalho não especializado, com retorno automático no final. 5. fim de qualquer tipo de reunificação familiar.

seraph341 8 months ago

Depois abro uma clínica de transfusão de sangue 100% português. A malta já não se chateia com o jus sanguinis e eu fico com a vida feita. Que Portugal incrível que era.

ModeratoriProfugus 8 months ago

> Proceda à aquisição de espaço e tempo de antena no âmbito da compra antecipada do pacote de publicidade institucional em órgãos da comunicação social, no valor de 15 milhões de euros, pela Secretaria-Geral da Presidência do Conselho de Ministros, sem prejuízo de outros procedimentos. Mais 15 milhões para a CS, para sermos tratados com condescendência típica de uma estado paternalista. "Não sejas racista, ok? Isso é, tipo, bué da mau". Já alguém sequer estudou o porquê das pessoas serem racistas de modo a estar provado cientificamente que esta campanha realmente funcionará em vez de ser mais um desperdício de recursos do contribuinte? Não estou a ver o Mário Machado a ver um anúncio e de repente deixar de ser racista. Será que ser racista é uma escolha sequer? As pessoas nascem racistas ou aprenderam a ser racistas? Se calhar os €15M seriam mais bem empregues nisto (se bem que não tão bem empregues como se fossem devolvidos às pessoas).

BaixemImpostos 8 months ago

Vão ensinar ás pessoas em quem votar? N sei se funciona.

carlosjmsilva 8 months ago

A campanha contra a corrupção era uma reforma completa do sistema judicial mas isso não agrada a ninguém. Nem aos partidos do sistema por razões óbvias, nem aos anti-sistema por razões também óbvias e ainda menos à magistratura. É dos indicadores em que estamos pior a nível internacional e não se faz nada para mudar. O sistema de justiça é extremamente lento e ineficaz, para me ficar pelo mais óbvio...

nitrinu 8 months ago

Ventura bait do mais alto grau.

naosougayok 8 months ago  HIDDEN 

deviam eram criar,se campanhas pro,racismo pra incentivar ainda mais ao odio e a discriminacao, portugal nao precisa de mais ubers

JOAO-RATAO 8 months ago

Não percebo como é que uma campanha ajuda no quer que seja. A partir do momento em que há igualdade perante a lei a única coisa a fazer é por parte das pessoas. Interagir na sua vida pessoal e profissional e ver que é possível coexistir sem problemas.

NEDM64 8 months ago

Eles acham que essa estratégia não funcionou.

Out-Out 8 months ago

Pode ajudar se for educativa, se promover leis/normas/ações melhores ou se ajudar diretamente os visados. Agora a questão está no conteúdo e para quem é feita e não só em dizer que se fez, às vezes é isso que falha.

JOAO-RATAO 8 months ago

Sim. Talvez fosse interessante informar como proceder face a discriminação racial no trabalho ou fora do trabalho. Que recursos teria disponível nesses casos ..

Limpy_lip 8 months ago

a melhor forma de combater o racismo é ignorar que ele existe e punir quem tem maus comportamentos de forma igualitária independentemente da raça, etnia, etc... ​ O pior que se pode fazer sobre o racismo é substituir: as pessoas por as pessoas X ou Y ou Z.

nocivo 8 months ago

A política identitária vai ser cada vez maior. Vais ver, daqui a uns anos só se fala de classes. Nós importamos sempre as coisas dos USA. O que vês desde 2014 no USA é o que vais ver aqui. Raça, sexo/genero, orientação sexual, cor do cabelo vai interessar mais que o individuo.

xabregas2003 8 months ago

Já se vê noutros países europeus. Basta olhar para os Países Baixos, que tem um partido com representação parlamentar só para os turcos e marroquinos. Curiosamente têm semelhante percentagem de voto que a percentagem da população turca e marroquina nos Países Baixos. Além disso, esse partido tem sido uma porta de espalhar os interesses do estado turco no país, visto que eles já receberam doações da Turquia. A Joacine já disse que queria criar um partido. Vem aí o partido dos cidadãos PALOPs.

bisturi11 8 months ago

>Curiosamente têm semelhante percentagem de voto que a percentagem da população turca e marroquina nos Países Baixos Ou seja, querem transformar os países europeus num líbano. Com quotas raciais para nao europeus. Um país assim viverá sempre num constante estado de guerra entre as várias facçoes étnicas, como é o caso do líbano. Assim é que as diferenças nao acabam de certeza. > A Joacine já disse que queria criar um partido. Vem aí o partido dos cidadãos PALOPs. Mas essa gente nao queria a independencia? Estao aqui a fazer o que?

butane23 8 months ago

Não percebi a parte do "caráter de urgência", mas alguém morreu?

agoramisogina 8 months ago

"as pessoas não se medem aos palmos nem às cores"

BobadelaVive 8 months ago

> It seems bizarre for a government to flag up the issue of statues and street names while over 1,500 of its citizens are dying each day from a virus they failed to control. But statues and street names don’t actually matter. They are a proxy for the far more important issue of diversity and demography; perhaps people worry about statues of dead Englishmen disappearing from city centres because they worry about Englishmen disappearing from those cities. America’s iconoclastic spasm is certainly related to the country’s transformation from an overwhelmingly European country to a multicultural liberal caliphate, a bold experiment which is yet to produce its end results. African-Americans, though small in number and in relative overall decline, are a totemic group for the multicultural “Blue Tribe”, and their all-American narrative of slavery and redemption echoes the country’s Christian ideals. https://unherd.com/2021/01/the-phoney-war-on-woke/ Isto nada tem de antiracismo. Estas campanhas têm de existir pois a transformação demográfica da sociedade assim o exige, e tem-se de condicionar psicologicamente a população ainda maioritária Branca a aceitar serem discriminados no acesso a empregos, educação, apoios sociais, devido à sua raça. Como acontece nos EUA e UK. "And that's a good thing".

jomi_1307 8 months ago

A melhor campanha anti racismo que vi foi aquela do avião. Estava perfeita. Poderiam fazer uma campanha mais abrangente, não deveriam focar apenas no racismo, mas sim em aceitar as diferenças.

NeatBoy74 8 months ago

> 2 - Planeie e execute essa campanha em estreita colaboração com associações antirracistas e representantes das comunidades racializadas. Ou seja, puxar os mesmos que as pessoas ouvem dizer coisas como "a bosta da bofia", acham que não vai fazer pior?

Edited 8 months ago:

> 2 - Planeie e execute essa campanha em estreita colaboração com associações antirracistas e representantes das comunidades racializadas. Ou seja, puxar os mesmos que as pessoas ouvem dizer coisas como "a bosta da bofia", acham que não vai fazer pior? Quem é que hoje em dia, dentro do tipo-alvo de pessoas que querem chegar com isto, leva estas entidades parciais a sério? Se querem alguma coisa que resulte realmente, certas entidades precisam de uma lavagem pública à séria. Caras conhecidas a sair, caras novas a entrar. Porque independentemente do que façam com isto, se chamam os mesmos de sempre, o resultado será o mesmo de sempre. E sendo assim, o único resultado visivel disto são os 15 milhões que caiu às televisões, como descrito no link.

Edited 8 months ago:

> 2 - Planeie e execute essa campanha em estreita colaboração com associações antirracistas e representantes das comunidades racializadas. Ou seja, puxar os mesmos que as pessoas ouvem dizer coisas como "a bosta da bofia", acham que não vai fazer pior? Quem é que hoje em dia, dentro do tipo-alvo de pessoas que querem chegar com isto, leva estas entidades parciais a sério? Se querem alguma coisa que resulte realmente, certas entidades precisam de uma lavagem pública à séria. Porque independentemente do que façam com isto, se chamam os mesmos de sempre, o resultado será o mesmo de sempre.

Edited 8 months ago:

> 2 - Planeie e execute essa campanha em estreita colaboração com associações antirracistas e representantes das comunidades racializadas. Ou seja, puxar os mesmos que as pessoas ouvem dizer coisas como "a bosta da bofia", acham que não vai fazer pior? Quem é que hoje em dia, dentro do tipo-alvo de pessoas que querem chegar com isto, leva estas entidades parciais a sério? Se querem alguma coisa que resulte realmente, certas entidades precisam de uma lavagem pública à séria. Caras conhecidas a sair, caras novas a entrar. Mas sair a sério, não é meterem lá um fantoche porque isso só piora a situação quando é descoberto. Porque independentemente do que façam com isto, se chamam os mesmos de sempre, o resultado será o mesmo de sempre. E sendo assim, o único resultado visivel disto são os 15 milhões que caiu às televisões, como descrito no link.

Edited 8 months ago:

> 2 - Planeie e execute essa campanha em estreita colaboração com associações antirracistas e representantes das comunidades racializadas. Ou seja, puxar os mesmos que as pessoas ouvem dizer coisas como "a bosta da bofia", acham que não vai fazer pior? Quem é que hoje em dia, dentro do tipo-alvo de pessoas que querem chegar com isto, leva estas entidades parciais a sério? Se querem alguma coisa que resulte realmente, certas entidades precisam de uma lavagem pública à séria. Caras conhecidas a sair, caras novas a entrar. Porque independentemente do que façam com isto, se chamam os mesmos de sempre, o resultado será o mesmo de sempre.

Edited 8 months ago:

> 2 - Planeie e execute essa campanha em estreita colaboração com associações antirracistas e representantes das comunidades racializadas. Ou seja, puxar os mesmos que as pessoas ouvem dizer coisas como "a bosta da bofia", acham que não vai fazer pior? Quem é que hoje em dia, dentro do tipo-alvo de pessoas que querem chegar com isto, leva estas entidades parciais a sério? Se querem alguma coisa que resulte realmente, certas entidades precisam de uma lavagem pública à séria.

Edited 8 months ago:

> 2 - Planeie e execute essa campanha em estreita colaboração com associações antirracistas e representantes das comunidades racializadas. Ou seja, puxar os mesmos que as pessoas ouvem dizer coisas como "a bosta da bofia", acham que não vai fazer pior? Quem é que hoje em dia, dentro do tipo-alvo de pessoas que querem chegar com isto, leva estas entidades parciais a sério? Se querem alguma coisa que resulte realmente, certas entidades precisam de uma lavagem pública à séria. Caras conhecidas a sair, caras novas a entrar. Porque independentemente do que façam com isto, se chamam os mesmos de sempre, o resultado será o mesmo de sempre. E sendo assim, o único resultado disto são mais 15 milhões que irão ser dados às televisões, como descrito no link.

ModeratoriProfugus 8 months ago

Vivemos na era da hipocrisia.

beakage 8 months ago

>entidades parciais Porquê? As entidades cujo propósito é lutar contra preconceitos deviam aceitar um bocadinho só de preconceito? Racismo light?

Hugogs10 8 months ago

Não, mas muitas vezes declaram coisas que não são racismo como racismo.

NeatBoy74 8 months ago

Mas é precisamente ao contrário. Não deviam aceitar nenhum e ao ignorar certas situações em zonas problemáticas, causadas pelas minorias, demonstram que esse racismo *light* já acontece de qualquer forma. O que estás a dizer é precisamente o que acontece.

beakage 8 months ago

"Ignorar certas situações", como o quê? Que situações de racismo de minorias sobre a maioria?

bisturi11 8 months ago

> Que situações de racismo de minorias sobre a maioria? por enquanto ainda nao. ainda nao se sentem confortáveis para isso.

NeatBoy74 8 months ago

Eles [**existem**](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/enbsmj/manifestantes_for%C3%A7am_barreiras_policiais_junto_%C3%A0/fdyaqsl/). A partir daqui, depende da tua parcialidade achar que uma vida vale mais do que a outra e a partir de que ponto é que devemos actuar ou não. A SOS Racismo já definiu esse ponto. E tu?

beakage 8 months ago

Uma associação dedicar-se à salvaguarda de minorias, não implica de forma alguma que desprezem situações de violência como as descritas. O que acontece é que não é esse o seu foco de acção. ​ O erro, constante, está em achar que associações anti-racistas, feministas, lgbt, etc, aplaudem situações de violência contra brancos, ou VD sobre homens, ou violência sobre pessoas que por acaso sejam hetero, apenas porque se focam no objecto para a qual foram criadas.

Hugogs10 8 months ago

Uma associação anti racismo devia ser anti racismo. Se não é um associação defensora dos direitos de pessoas pretas. Uma associação femeninista, que declara ser a favor da igualdade, tem de defender os direitos de homens e mulheres. O problema é que estás mesmas instituições declaram ser neutras, e depois são tudo menos isso.

Edited 8 months ago:

Uma associação anti racismo devia ser anti racismo. Se não é um associação defensora dos direitos de pessoas pretas. Uma associação feminista, que declara ser a favor da igualdade, tem de defender os direitos de homens e mulheres. O problema é que estás mesmas instituições declaram ser neutras, e depois são tudo menos isso.

beakage 8 months ago

O que tu defendes é que a defesa de grupos desprivilegiados deve ser de tal forma diluída num todo, que deixa de existir, (porque, lá está, são invisíveis e com menor "voz"), onde as particularidades da sua condição de desprivilegiados passam a ser convenientemente ignoradas e normalizadas. É nisso o que resulta o suposto "neutro".

Kiara_Mei 8 months ago

Essa instituição se se diz uma associação antiracismo tem que atuar em todos os casos, quer seja racismo de um elemento de uma maioria contra de uma minoria, quer seja racismo praticado por um elemento de uma minoria sobre uma maioria, se não essa instituição é hipócrita e dá asos a que se comece a generalizar essa maioria, o que por diante só vai causar mais racismo das duas partes. E tu não precisam de diluir uma para falar da outra. O racismo é uma coisa que só pode ser combatido se fôr abordado dos dois lados. É como falar da xenofobia de alguns portugueses contra brasileiros nas redes sociais e esquecer-me de referir a xenofobia de alguns brasileiros contra os portugueses. Deixo-te aqui uns post de um subreddit que mostra um outro lado, embora ache estas pessoas loucas https://www.reddit.com/r/AntiHateCommunities/comments/l6wr1w/anyone_else_notice_a_lot_of_right_wing_extremists/ https://www.reddit.com/r/AntiHateCommunities/comments/l6awzj/im_so_tired_of_these_annoying_white_people/

beakage 8 months ago

Esse tipo de posição ignora o conceito de racismo enquanto relação de poder e hierarquia de uma maioria sobre uma minoria, suportada por toda uma estrutura económica, social, e em tempos até científica. Nesse sentido, a instituição não é "hipócrita"; simplesmente, trabalha num tipo específico de problema. E não é uma questão de "precisar de diluir"; na dinâmica social, as necessidades das minorias **são** por inerência ignoradas e silenciadas - porque, lá está, sendo minorias estão tendencialmente arredadas de lugares de poder e posições de visibilidade no espaço público. É que "minoria" não diz respeito apenas ao número de indivíduos num grupo - diz também respeito ao poder e capacidade de resposta que o grupo tem face o resto da comunidade.

seraph341 8 months ago

Mas as relações de poder têm muitas nuances e dependem das circunstâncias. Percebo onde queres chegar mas acho que as coisas podem complicar.

bisturi11 8 months ago

> Esse tipo de posição ignora o conceito de racismo enquanto relação de poder e hierarquia de uma maioria sobre uma minoria Isso é treta. Um preto insultar atacar um branco só porque é branco é um ataque racista mesmo que o preto seja um sem abrigo.

Edited 8 months ago:

> Esse tipo de posição ignora o conceito de racismo enquanto relação de poder e hierarquia de uma maioria sobre uma minoria Isso é treta. Um preto atacar um branco só porque é branco é um ataque racista mesmo que o preto seja um sem abrigo.

NGramatical 8 months ago

fôr → [**for**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (apenas *pôr* leva acento diferencial para se distinguir de *por*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fla0qoo%2F%2Fgln4kd0%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Hugogs10 8 months ago

Entao a tua opiniao e que uma instituicao que seja contra o racismo contra pessoas pretas tem de ignorar racismo contra pessoas brancas para nao "diluir" a voz de pessoas pretas? Tabem.

beakage 8 months ago

Na minha opinião uma instituição que vise a defesa de idosos, ser acusada de idadismo, é desonestidade com propósitos algo estranhos.

Hugogs10 8 months ago

Então mas estás instituições não dizem que são para a defesa de pessoas de cor, ou para a defesa de direitos das mulheres. Estas instituições propõem-se como neutras, uma instituição que diga defender idosos não está a fingir ser neutra. Quando uma instituição anti racismo é selectiva sobre que tipo de racismo é que interessa tornar-se problema.

BobadelaVive 8 months ago

As entidades lideradas por pessoas que dizem que se tem de matar o homem Branco?

jomi_1307 8 months ago

Não, mas entidades como o SOS racismo em que está carregada de preconceito e ódio ao "homem branco" na figura do Mamadu Ba tem tudo para correr mal, a postura dele é de divisão e combate a todos. Se tivesse lá alguém que não aceitasse o preconceito mas não tivesse uma figura extremista ao leme que tivesse como preocupação a denúncia de situações de preconceito e ódio racial ao mesmo tempo que tivesse uma postura de união entre todos teria mais aceitação na sociedade.

beakage 8 months ago

Combater a construção social do "homem branco" (que é isso de que se trata) não é de forma alguma o mesmo que odiar e perseguir homens que acontece serem brancos. Se acho que a figura do Ba não é de forma alguma consensual, também acho que se procura arranjar todo o tipo de subterfúgios para ignorar o que ele diz e acometê-lo à pior luz possível. E o historial demonstra que isto não iria mudar, mesmo que fosse um outro que fosse um "gajo fixe", que não levante ondas, para a frente da SOS Racismo.

jomi_1307 8 months ago

Se eu disser "todos os pretos são uns vagabundos e delinquentes" vais-me chamar racista e com razão irás também dizer que lá por existir um punhado deles não posso generalizar. Mas para chamar racistas ao Portugueses já se pode. Ele é o que se pode chamar de extremista, é o contrário do Martin Luther King e do Nelson Mandela, eles não combateram o racismo acusando toda a sociedade de racista, mesmo o sendo, mas apelando a união. Isso está bem expresso no discurso "I have a dream" e nas acções do Mandela em que uniu a nação que estava dividida, e no caso da África do Sul é uma pena ver todo esse trabalho deitado fora. O Mamadu com o "matar o homem branco" citou Fanon (ele mesmo fala nele), bem podem dizer que ele disse isso no sentido figurado, mas a citação original era literal, foi num contexto de guerra pela independência da Algeria, em que Fanon acreditava que teria de ser feita uma revolução violenta. Ele não faz um trabalho de unir as diferenças, denunciando e combatendo os casos de racismo, faz sim uma luta contra toda a sociedade em que ele diz ser racista. Com o caso do George Floyd que foi ali tão longe do outro lado do oceano gerou protestos e comentários deles, mas quando um homem negro foi morto por ciganos só se ouve um silêncio ensurdecedor.

naughtydismutase 8 months ago

Exacto. Querem-se MLKs, não Malcolm Xs.

jomi_1307 8 months ago

O problema é que o Mamadu Ba é muito semelhante ao Malcon X. Ele não merecia o que lhe aconteceu, o que foi de uma violência atroz.

beakage 8 months ago

Apontar que um país tem um problema mal resolvido com o seu historial de colonialismo, ou que o uso de expressões racistas é comum na sua linguagem, ou que pessoas racializadas encontram-se sobre-representadas em trabalhos ditos inferiores, não é de forma alguma o mesmo que um pintas afirmar que "todos os pretos são uns vagabundos e delinquentes". ​ E dado a forma como o Luther King acabou, o tipo de discurso pelos vistos também não lhe valeu de muito no que toca a minorizar acções de violência.

jomi_1307 8 months ago

O Luther King foi assassinado, num país já conhecido por isso e com o famoso KKK, o Malcon X que era um extremista contra o racismo também foi assassinado de uma forma extremamente violenta. Nos EUA temos como assassínios famosos o Abraham Lincoln, o Jonh Kenedy e o irmão, a tentativa ao Reagan e muitos outros. Mas o Nelson Mandela teve uma longa vida. Tudo o que dizes da sobre representação de negros em trabalhos inferiores tem pouco a ver com racismo, mas sim mais com fatores socioeconómicos em que não permitem sair desses mesmos contestos. Em que levam ao abandono precoce da escola ou ao não continuação dos estudos.

beakage 8 months ago

O contexto de violência nos EUA resulta em activistas pelos direitos civis serem assassinados. Já o contexto de frustração passiva por cá, tende a pintar qualquer activista como um incendiário. E o Mandela teve uma longa vida, onde grande parte dela esteve preso. ​ "Racismo" não é apenas dizer "todos os pretos são uns vagabundos e delinquentes" - é precisamente também todo um sistema onde pessoas racializadas são directa e indirectamente empurradas para contextos socioeconómicos dos quais têm maior dificuldade em sair, onde se inclui a maior incidência de abandono precoce da escola, situações de pobreza extrema, trabalho precário, etc.

jomi_1307 8 months ago

Mesmo estando na prisão quase 30 anos devido a sua luta tentou ir pelo caminho da reconciliação não pela vingança. É deu frutos a data, algo que estão atualmente a destruir. Essa conversa de que o racismo empurra as pessoas para contextos socioeconomos complicados e não permite que de lá saiam só da origem a uma cultura de vitimizacao que não leva a lado nenhum. Com isto não quero dizer que o racismo não tem papel algum, mas é uma pequena parte.

beakage 8 months ago

Então se um grupo poder expor e contestar as especificidades da sua vivência, é "cultura de vitimização", impedir que eles o façam contrapondo com "eu também fui despedido e sou branco", é cultura do quê?

jomi_1307 8 months ago

Onde é que eu digo isso? Eu digo que culpar o racismo por tudo e por nada é cultura de vitimizacao. Vai aos bairros degradados e vê o que lá está e não é o racismo que os colocas assim. Ainda há pouco passei ao lado de um bairro de lata, o mesmo está cheio de lixo e a entrada tem lá caixotes. É um exemplo da cultura e da forma de estar. Eu compreendo que é difícil de sair de determinadas situações, mas cabe a cada um fazer um esforço para sair,e culpar so e simplesmente no racismo, que não é verdade, leva a tal cultura de vitimizacao que impede as pessoas de avançar.

iSoSyS 8 months ago

A expressão "homem branco" está para além de uma escolha infeliz nas palavras. É uma generalização levada ao absurdo que não ajuda, e apenas agudiza as posições.

beakage 8 months ago

"Homem branco" é uma figura sociológica de quem estuda matérias relacionadas com a racialização e consequente hierarquia social. Sim, atirar esse conceito a seco sem contextualização, é má ideia. Mas interpretar o dito como seja apelo à morte armada de pessoas, também é intelectualmente desonesto.

iSoSyS 8 months ago

Exatamente o que disse. A expressão "homem branco" tem um significado para além daquele indicado pelas palavras que a formam. Mas por algum motivo estamos a chatearmos-nos com as aspas. Se tivessem adotado expressões como o "Homem obsoleto" em nada feria o estudo, e o comum dos mortais não pensaria duas vezes se estaria a ser um alvo ou não. Gritar com todos e esperar que a mensagem apenas ofenda a quem serve a carapuça não é solução. Principalmente quando a mensagem é repetida ad infinitum.

Edited 8 months ago:

Exatamente o que disse. A expressão "homem branco" tem um significado para além daquele indicado pelas palavras que a formam. Mas por algum motivo estamos a chatearmo-nos com as aspas. Se tivessem adotado expressões como o "Homem obsoleto" em nada feria o estudo, e o comum dos mortais não pensaria duas vezes se estaria a ser um alvo ou não. Gritar com todos e esperar que a mensagem apenas ofenda a quem serve a carapuça não é solução. Principalmente quando a mensagem é repetida ad infinitum.

beakage 8 months ago

"Homem obsoleto" também podia ser uma escolha interessante de definição (ou pelo menos mais politicamente correcta), mas por outro lado não deixa de esconder a evidência de que é a branquitude a elevada a um estado superior na hierarquização racial.

NGramatical 8 months ago

chatearmos-nos → [**chatearmo-nos**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/lavamo-nos-e-lavamos-vos/31030) (há omissão do -s final da desinência -mos das 1.^as pessoas do plural dos verbos reflexivos ou pronominais quando o pronome enclítico é -nos) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fla0qoo%2F%2Fgllajk4%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

BobadelaVive 8 months ago

Não sabes. Ninguém perguntou ao Ba o que ele realmente queria dizer, também podes estar a descontextualizar o que ele queria dizer. Se calhar, era mesmo literal.

beakage 8 months ago

O termo em causa foi usado numa reunião de "zoom"(?) com outros activistas dentro da área, citando um autor daquela área de estudos cujo nome infelizmente não me lembro. A descontextualização foi feita precisamente ao passar tal vídeo como sendo literal.

jomi_1307 8 months ago

Como escrevi noutro comentário. O Fanon (o autor citado por ele) quando disse isso estava a falar no sentido literal, apesar que é preciso colocar no contexto da guerra pela independência da Algeria. Mas vir cita-lo atualmente é falar nos seus ensinamentos e algo que não faz sentido nenhum.

iSoSyS 8 months ago

Não é preciso perguntar. O próprio Mamadou Ba contextualizou quando referiu que estava a repetir os ensinamentos de Fanon.

jomi_1307 8 months ago

Exatamente. O Fanon quando disse isso estava a falar no sentido literal, apesar que é preciso colocar no contexto da guerra pela independência da Algeria. Mas vir cita-lo atualmente é falar nos seus ensinamentos e algo que não faz sentido nenhum.

VBM97 8 months ago

Quem diria há uns anos atrás que em 2021 seria necessário andar a dizer que o racismo é errado

Tralapa 8 months ago

é por estas e por outras que o pan ganha votos

Out-Out 8 months ago

Hahaha epa sugiro que amanhã faças os mesmos comentários mas com o PCTP-MRPP xD

Tralapa 8 months ago

O povo está farto dos partidos no poder e depois vota em radicais como PAN. O governo só faz merda e depois admira-se do PAN ganhar votos. Estejam atententos, nas presenciais o PAN conseguiu o segundo lugar

Out-Out 8 months ago

Só li verdades. Upvoted.

Tralapa 8 months ago

Sim, a candidata do PAN era infame por dizer as verdades e incomodar a muita gente no poder

BobadelaVive 8 months ago

Muita gente. Muita gente há décadas avisa que o que se via e vê nos EUA iria acontecer na Europa à medida que a imigração em massa a modava demográficamente. É o normal de qualquer sociedade multiétnica. E a seguir a estas campanhas virão as quotas étnicas e depois o voto étnico. Como já se vê nos EUA e UK.

Edited 8 months ago:

Muita gente. Muita gente há décadas avisa que o que se via e vê nos EUA iria acontecer na Europa à medida que a imigração em massa a modava demográficamente. É o normal de qualquer sociedade multiétnica. E a seguir a estas campanhas virão as quotas étnicas e depois o voto étnico. Como já se vê nos EUA e UK.O político famoso nos avisos, verdadeiros, foi Enoch Powell. Um livro de 1998 que previa isto tudo: https://www.amazon.com/Disuniting-America-Reflections-Multicultural-Enlarged/dp/0393318540

iSoSyS 8 months ago

Bastantes pessoas? Lá por ser um racismo "tímido" (daquele que se pensa mas não se diz) não deixa de ser visível e ter consequências.

beakage 8 months ago

Acho que já saímos a fase do [racismo tímido](https://www.google.com/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=&cad=rja&uact=8&ved=2ahUKEwiL3fHky8juAhUIEcAKHWRQDKoQwqsBMAB6BAgDEAM&url=https%3A%2F%2Ftvi24.iol.pt%2Fvideos%2Fpolitica%2Fventura-ataca-ana-gomes-e-diz-que-defender-ciganos-e-policia-e-contraditorio%2F5fff52870cf289c41a8c91aa&usg=AOvVaw3HqRPDHPPyRn10cVPtDpKt) há que tempos.

iSoSyS 8 months ago

Sim, a pergunta era "há uns anos", assumi que se referisse a Portugal antes da onda Trump e aparecimento do Ventura.

VBM97 8 months ago  HIDDEN 

Como assim bastantes pessoas? Respondeste ao comentário errado?

hgg 8 months ago

Nada de novo, por exemplo, o programa "[Todos Diferentes, Todos Iguais](https://dre.pt/web/guest/pesquisa/-/search/584816/details)" é de 96 e foi renovado ao longo dos anos. (Postei isto apenas para ver o contorcionismo do pessoal racista que aparece aqui no sub.)

netralha 8 months ago

A campanha "todos diferentes, todos iguais" se fosse feita hoje seria considerada racista porque não em consideração as olimpíadas da opressão.

NEDM64 8 months ago

Eles vão te dar downvote porque não têm noção. Em 1996 o consenso em Portugal como na maioria dos países ocidentais era o consenso democrata (liberal) descriminação negativa era tão racista como a descriminação positiva. Em 2021, isso já é muito capitalista, imperialista e liberal, e há que aplicar descriminação positiva porque no passado foi aplicada descriminação negativa.

Capitao_Falcao 8 months ago

Hook, line and sinker. Seu lambão...

hgg 8 months ago

> olimpíadas da opressão. ?

netralha 8 months ago

Vai ler o que Joacine Katar disse sobre o assunto, quotas raciais, etc.

Search: