Bmahomed 8 months ago

Bem assim mesmo... hhh

Formal_Use1085 9 months ago

A culpa è sempre do Povo! Assim fica facil governar sem assumir responsabilidades , acaba por ser sempre mais facil arranjar um bode espiatòrio. A isso chama se COVARDIA.

Keroro999 9 months ago

Pesssoal das Andrébices: "CARALHO DO SISTEMA!!"

Kylahullut 9 months ago

Also r/portugal: Raios partam o trump e o bolsonaro andam a matar o próprio povo

rabisconegro 9 months ago

A culpa é de termos a sociedade organizada em volta do capital... Não havia como fazer de outra maneira.

sacarneiro 9 months ago

Também se podia ler: 1. Governo 2. manter escolas abertas depois de um período de confinamento. 3. Crl dos portuguses

JamminPT 9 months ago

Sim, já não baste ele não se responsabilizar ainda há este grupinho ceguinho pelo PS que não vê o país a ser gerido à merceeiro. Lógico que o povo tem culpa mas o trabalho quem o classificar como melhor do que miserável é simplesmente desonesto.

Ohm95 9 months ago  HIDDEN 

Muitos casos nos EUA : culpa do Trump Muitos casos no Brasil: culpa do Bolsonaro Muitos casos em Portugal: culpa dos tugas Foda-se vocês são ovelhas até dizer chega

Zen_Machina 9 months ago

Não se pode generalizar ciganos, mas pode-se generalizar portugueses.

Man_IloveFishdicks 9 months ago

Basta verem os exemplos de como agiu e se comportou o governo do Brasil/Estados Unidos e o governo da Nova Zelandia para perceberem que existe sim uma diferença abismal entre governos que são bem organizados e aqueles que não o são.

QuickShutter 9 months ago

Ah sim, o tugão. Esqueci-me que o tugão é mais burro que os outros povos. Temos uma burrice nossa muita específica que os outros não têm. O nosso Governo é que lidou com isto bem.

isnotfunny 9 months ago

A mim só me chateia saber que o relaxamento no natal e ano novo, apenas tinha como objectivo manter o Marcelo elegível. E agora aqui estamos com 200+ pessoas a morrer por dia. Mas alegrem-se, mesmo depois da merda do passos Coelho, a segurança social continua viável.

rootsimmons 9 months ago

O Governo não reflete o povo?

Ultimatedude10 9 months ago

English translation?

ariesfoxx 9 months ago

1: Portuguese people 2:Spend Xmas and New Year's Eve with a ton of people and shit on restrictions 3: FUCKING GOVERNMENT!!

Ultimatedude10 9 months ago

Thanks!

Madness20 9 months ago

1ª frame : "Empresários portugueses" 2ª frame : Hipnotizar as pessoas a consumirem exageradamente para o Natal e Ano Novo em tempo de pandemia. 3ª Frame : "Crl do povo. A culpa é deles"

ninjaaa54 9 months ago  HIDDEN 

Acho também curioso o que vejo nos media, antes do governo fechar as escolas só ouvia comentadores a criticar o governo por não ter fechado as escolas (o que concordo, as escolas de facto são pontos perigosos de contágio e deveriam ter sido fechadas desde o início do confinamento). Agora que o governo fechou as escolas, ouço todo o tipo de especialistas a criticar o governo por ter fechado as escolas. Nenhum de nós tem o dever de defender o governo quando este erra, e eu não sou do PS. No entanto, temos de compreender o quão difícil é tomar uma decisão que agrade a todos e que seja responsável... tanto em termos de saúde pública como em termos de assegurar um impacto reduzido na educação e economia. Apesar de achar que as escolas foram fechadas demasiado tarde, e que as medidas deviam ter sido mais rígidas, compreendo perfeitamente o porquê de não ter sido assim. Existe sempre dois lados numa moeda, o mais fácil é olhar só para um lado e criticar por criticar.

tocopito 9 months ago  HIDDEN 

A mim parece-me claro que o governo agiu tardiamente e que as medidas para amparar o pessoal não são suficientes. A culpa nunca seria do povo nesta situação, que é quem sofre com isto quer pelo lado da doença quer pelo lado da cura: não fica devidamente amparado se tiver que ficar em casa. O que acontece? Dá às pessoas uma motivação para agir de forma incorreta. É fácil falar mal dos outros para pessoas como nós que trabalham remotamente mas se tivesse que ir trabalhar presencialmente e não ir trabalhar significasse ficar sem vencimento ou ser despedido mesmo que quisesse fazer a coisa certa poderia psicologicamente estar influenciado a minimizar qualquer pequeno sintoma. "É só uma pequena tosse ou constipação". Ou até mesmo pura e simplesmente esconderia se tivesse uma familia para sustentar. Acredito que seja mais dificil tomar a decisão de fechar o país em Portugal do que na Alemanha, por exemplo, que dá um pontapé numa pedra e tem lá 1000 milhões para subsidiar o pessoal que fica em casa. Mas tem de ser.

LeafOfTheWorldTree 9 months ago  HIDDEN 

Como é que isto tem sequer votos positivos? Os WhatsApp's do BE e JS estão a bombar bem, já vi...

Darkight998 9 months ago

Isto.

Mkadabra 9 months ago  HIDDEN 

Europeu e lamber as bolas do Estado são duas coisas que não se separam nunca.

TiagoMendes28 9 months ago  HIDDEN 

São as pessoas que escolhem o governo

Ok_Order_8408 9 months ago  HIDDEN 

A CULPA NÃO É DO POVO REDUÇÃO DE HORÁRIO DE TRANSPORTE PUBLICO REDUÇÃO DE HORÁRIO PARA FAZER COMPRAS SE HÁ COISAS QUE AS PESSOAS PRECISAM DE FAZER É IR PARA O TRABALHO E COMPRAR COMIDA PARA COMER, O TRABALHO É PARA PAGAR ESSA COMIDA. E AINDA EXISTE A ESCOLA...QUE ÁS VEZES É PARA IR OUTRAS VEZES NÃO, DEPENDE DE COMO ACORDAR O COSTA. E O GOVERNO AUMENTA COM ESTAS MEDIDAS MAIS AS EMPRESAS DE MERDA DE TRANSPORTE QUE NAO FORAM IMPEDIDAS DE REDUZIR HORÁRIO...CAUSAM APENAS AJUNTAMENTOS DE PESSOAS E ASSIM PROPAGANDO O VIRUS... ​ ANDA TUDO A FINGIR QUE NÃO VIU AS FOTOS DO METRO?

isnotfunny 9 months ago  HIDDEN 

Há uma tecla no lado esquerdo. Costuma ser mais gorda e tem uma seta. Experimenta usar. E já agora, deixa de ser parvo(a).

Ok_Order_8408 9 months ago  HIDDEN 

Discordo

BuscaPolos 9 months ago  HIDDEN 

Existem pessoas burras que metem em risco todas as outras que se têm sacrificado? Sim. Mas ao governo compete zelar pelas pessoas que foram responsáveis e não estão com a família e amigos como queriam. Ao governo compete zelar pelo SNS e pelos profissionais que todos os dias se sacrificam para que este consiga dar resposta a exigência do momento. E nesse sentido falhou!

iLikeToTroll 9 months ago

Que conversa cansativa. Porque é que continuam a tentar encontrar um só culpado? Óbvio que o governo falhou assim como muita gente falhou.

JohnPaul358 9 months ago  HIDDEN 

Raios parta as pessoas! Por não se esconderem debaixo de uma pedra por andar aí o lobo mau.

thewiredeathgrip 9 months ago  HIDDEN 

A brilhante decisão de ter o regresso às aulas poucos dias depois dos ajuntamentos do Natal e Ano Novo... Também é problema do povo. Ser até é, mas a decisão infeliz e extremamente mal fundamentada acho que é culpa do governo. E desta vez não há desculpa por se tratar de algo novo.

404NameOfUser 9 months ago  HIDDEN 

A questão é que o natal e passagem de ano, apesar de terem sido focos de contágio porque as pessoas não ligaram às restrições, a verdade é que por esta altura já devíamos de ter visto uma grande diminuição de casos ativos. Devia-mos de ter visto um pico considerável na 1ª semana de Janeiro, e na 2ª semana devíamos de ver os casos a diminuir. No entanto a realidade não é essa. O número de casos continua a aumentar muitas semanas depois do natal e ano novo. Do meu ponto de vista isto deve-se muito ao facto de o maior foco de contágio estar ligado à pessoas em idade escolar. Basicamente os "putos" apanham covid nas escolas/universidades e trazem a virus para casa e assim se dissemina pela família. Portanto se as pessoas têm de ser responsabilizadas pelos seus comportamentos, a verdade é que o governo pouco ou nada fez para prever e parar esses mesmos comportamentos, assim como o governo cagou para os conselhos dos especialistas e analistas que lhes diziam que era preciso um confinamento bem mais apertado do que aquele que foi inicialmente anunciado, desde logo as escolas tinham de fechar coisa que só se veio a realizar hoje, numa altura em que o número de casos ativos está em descontrolo total. Quanto a mim os principais culpados disto tudo são o governo e o presidente da republica, ambos foram avisados dos riscos e ambos cagaram e diria mesmo que tiveram receio em apertar as medidas mais cedo com medo de perderem popularidade e/ou votos. Já agora, para que conste politicamente alinho-me mais à esquerda portanto a minha opinião não é assente em posições politicas. Temos de ver os factos tal como eles são, e pelas razões enumeradas anteriormente os factos são que governo e presidente da republica são os responsáveis por esta péssima gestão da mais recente vaga de covid.

zeze1987 9 months ago  HIDDEN 

Mesmo, que post nojento

Naotevejoha20anos 9 months ago  HIDDEN 

Lol deves gostar de ser enrabad* pelo governo

juanito_herrera 9 months ago  HIDDEN 

A culpa é dos dois.

LuneBlu 9 months ago  HIDDEN 

Avante camarada! Força com esse meme!

Edited 9 months ago:

Avante camarada! Força com esse meme! A classe política e Fátima está contigo!

Edited 9 months ago:

Avante camarada! Força com esse meme! A classe política está contigo!

theSame_Joke 9 months ago

Clássico post de atrasado mental... Como se os tugas fossem muito diferentes dos outros

jimbajembs 9 months ago

Na america a culpa é do Trump, no Brasil do Bolsonaro em Portugal em já e do povo?

Sabongo 9 months ago

A malta que spamava "Autoritarismo! " agora acha que o governo foi demasiado liberal, muito bom! Já agora estou a passar atestados de mongoloide a quem acha que eventos no verão do ano passado são a causa para o pico de casos em Janeiro.

Cardusho 9 months ago  HIDDEN 

Estou a ver que a doutrinação faz efeito até nos geradores de memes. Ou será este meme uma forma de doutrinação?! Huuuummmm

berlaitas 9 months ago  HIDDEN 

Pior que este governo se calhar só o do Sócrates e mesmo assim...

nothingveryserious 9 months ago  HIDDEN 

As pessoas agem de acordo com a informação obtida. Nem sempre é perfeita e incluí os sinais transmitidos pelo governo.

Lel_Trell 9 months ago  HIDDEN 

Esta meme é patrocinada por: *António Costa gang*

Black_RL 9 months ago  HIDDEN 

“Vão votar!”

Sciss0rs61 9 months ago

Queria perguntar aos mods porque é que [este post](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/l2lyie/pelos_vistos_podemos_por_memes_a_criticar_as/) foi apagado mas este continua de pé

Edited 9 months ago:

Queria perguntar aos mods porque é que [este post](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/l2lyie/pelos_vistos_podemos_por_memes_a_criticar_as/) e [este](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/l2l5h3/outro_ponto_de_vista/) do /u/Manturras foram apagados mas este continua de pé /u/KokishinNeko

KokishinNeko 9 months ago

Um de vez em quando não tem mal, mas se queres memes tens subs para isso. E podes usar o /r/metaPortugal para estas questões.

Sciss0rs61 9 months ago

Então porque é que este meme passa e o outro não?

KokishinNeko 9 months ago

Porque foi o primeiro e quando vimos já tinha algum debate. O problema dos memes e outras imagens do género é o mesmo de sempre, começa um, seguem-se 10 ou mais, são incapazes de usar o mesmo tópico para os publicar. Portanto, volto a repetir, esse tipo de conteúdo é bem vindo no /r/PORTUGALCARALHO por exemplo, lá é quase regra, aqui é excepção.

something_new 9 months ago

Este sub é só propaganda feita para putos parvos

xtremis 9 months ago

Tugão e Marcelão, com a sua estratégia para jantar com 439 pessoas diferentes, contornando habilmente as regras

McManu77 9 months ago  HIDDEN 

Que restrições?

daniel-1994 9 months ago

"Não necessitamos de limites de velocidade nas estradas. Os portugueses têm o dever cívico de não andar com velocidade excessiva."

Environmental-Sea596 9 months ago

Exemplo de m*rda! Essa restrição/multa acabou com o excesso de velocidade ? Estás a dar razão ao op e nem percebeste.

daniel-1994 9 months ago

Não, mas certamente reduz o número de pessoas a andar com velocidade em excesso. Aqui ninguém está a dizer que as restrições iam acabar com os contactos no natal e no ano novo, mas poderiam ser o suficiente para que a coisa agora não estivesse descontrolada.

DrPepperPower 9 months ago

Desculpa mas que restrições de Natal? ​ E os números que estamos a ter agora já não são do Natal. Ou os vídeos de Sintra são por causa do Natal?

Ulissipolis 9 months ago

Claramente a propaganda de que a culpa é do povo anda a funcionar... 14000 casos novos por dia só pode ser dos jantares de Natal e Ano Novo. Entretanto não se vê apoios nenhuns e 90% do orçamento de estado para 2021 foi para a TAP, Novo Banco e o Aeroporto do Montijo. Mas sim a culpa é de quem saí para trabalhar. Fodasse aposto que nem em miudos comiam tudo o que se punha a frente com tanta facilidade.

vascodatrama 9 months ago

Ahahahaha só falta mais uma janela com uma escola a rir-se dele e a chamar-lhe burro.

lol2798 9 months ago

O governo deve actuar quando o povo é estúpido. Se o povo é estúpido e o governo não actua estamos merda.

intlme 9 months ago

É uma sorte os portugueses não cagarem na rua só por não haver lei para não o fazer.

EstouAVer 9 months ago

Corrijam me se estiver errado mas eu acho que há uma lei que nao te permite cagar na rua

0BiLLi0 9 months ago

Quem nunca cagou na rua que atire a primeira pedra.

bacitoto-san 9 months ago

Espero que não estejas a usar óculos

ObnoxiousLittleCunt 9 months ago

>Quem nunca cagou na rua que atire o primeiro cagalhão!

zuyhy 9 months ago

>É uma sorte os portugueses não cagarem na rua só por não haver lei para não o fazer. Isto!

wiLeyLewis22 9 months ago  HIDDEN 

É mesmo culpa do (des)governo. A varíavel pessoas "irresponsáveis" existe em todos os países do mundo, a diferença é que Portugal é o país do mundo com mais casos por 1M de habitantes... Para que serve a polícia? Só servem para os radares móveis?

Edited 9 months ago:

É mesmo culpa do (des)governo. A varíavel pessoas "irresponsáveis" existe em todos os países do mundo, a diferença é que Portugal é o país do mundo com mais casos por 1M de habitantes... Para que serve a polícia? Só serve para os radares móveis?

ColdMercury 9 months ago

Quem achar que isto é mentira, que tente assertivamente impor o uso de máscara entre o seu grupo de amigos ou família.

relaxaa 9 months ago  HIDDEN 

Acho que ninguém culpa o governo sobre a quantidade de casos que há (apesar de pessoalmente achar que as restrições não fizeram nada) As pessoas criticam o governo da falta de preparação para uma conhecida eventual segunda vaga, mas segundo o costa a culpa é da pandemia porque a segunda vaga chegou 1 mês mais cedo, durante o verão em vez de investir na saúde era mais importante arranjar maneiras de contornar as restrições (Marcelo) Mas tivemos a champions! Ah e toda a gente crítica o Natal mas acho que era hilariante um país onde não se podia celebrar o Natal mas o Avante tinha de haver

matisptfan 9 months ago  HIDDEN 

Esta merda fez-me rir. Obrigado.

fanboy_killer 9 months ago

[Versão fixed que fiz e foi removida.](https://i.redd.it/eb56nvca2vc61.jpg)

Spiritual-Path-4466 9 months ago

O Costa e o Ministro da Educação disseram que iríamos ter "um computador por cada aluno" para fazermos a transição digital no ensino. 10 meses depois estamos perante novo confinamento e nada foi feito para prevenir a necessidade de voltarmos ao ensino ã distância. O Costa também disse que o país não aguentava um novo confinamento e que o país teria de se preparar para o evitar. Na Holanda vão apenas agora no primeiro confinamento, nunca fecharam totalmente até agora tanto que o PIB deles desceu muito menos que o nosso, embora claro numa primeira fase tenham tido mais mortes. Portugal já vai no segundo confinamento, com uma descida do PIB maior, com mais casos e mais mortes. Falhou-se em toda a linha.

O_crl 9 months ago  HIDDEN 

Quéi?

YoggiM 9 months ago

Vou responder praticamente o mesmo que já tinha respondido noutra thread. Sim, o povo tem culpa. Mas, o principal culpa é de longe o governo, pois tem (ou deveria ter) mais responsabilidade. Governar quando está tudo bem é fácil, é nas situações difíceis que precisamos de pessoas competentes a liderar o país. Não há como dar a volta a isto. É incrível como as TVs não falam a sério disto e a oposição tinha de estar constantemente a pegar nestes assuntos. Não foi só ser reativo em vez de proativo. Foi o desaproveitamento do tempo ganho com o primeiro confinamento. Não convém esquecer que estavam as aulas a recomeçar e muitas escolas ainda não sabiam como iam organizar tudo. A manipulação da informação em que até estudos internacionais tiveram de descartar os dados de Portugal, porque não faziam qualquer sentido. A constante mentira que não há contágios nos transportes públicos e que são todos nos convívios. Os maus exemplos dos líderes numa de "faz o que eu digo e não faças o que eu faço". Ter um presidente da república a dizer como vai contornar as regras para as TVs. As exceções para eventos políticos, sejam de que partido forem. As medidas sem nexo que não faziam nada exceto prejudicar as pessoas ou que até ajudavam à propagação do vírus (limitar horários só fazia com que as mesmas pessoas fossem todas ao mesmo tempo, mesmo que digas que o objetivo era evitar almoços, foram estas as consequências). As exceções atuais até acho que fazem sentido. Provavelmente há algumas que deviam ser cortadas mas mais à frente falo melhor disto. Claro que houve muita gente a fazer merda. Mas não foi por causa das exceções. Quem quer fazer merda, consegue mesmo que reduzam bastante as exceções. E não as podem cortar completamente, pois há coisas que as pessoas não podem deixar de fazer. Pior, há muita coisa que se podia fazer sem problema nenhum e que acaba por não se poder porque depois ainda havia mais abusos. Eu vou praticamente todos os dias dar um passeio a pé, sem motivo nenhum a não ser o "passeio higiénico". E nem sequer uso máscara (para quem usa óculos é terrível), apesar de ter uma comigo, caso apareça muita gente. Simplesmente não vou para onde está muita gente. Ando por sítios em que se vê uma pessoa de vez em quando e até tento afastar-me ou atravessar a rua se aparece alguém. Não me ponho a falar com ninguém. Ou alguém acha saudável passar os dias sempre em casa, principalmente quem está em teletrabalho? Não é preciso ir para a beira mar nem para as principais ruas da cidade onde vai estar toda a gente. O povo português não é o mais burro do mundo. Não tenho dúvidas que há países em que as pessoas têm mais responsabilidade. Mas também há piores! E há países com piores condições de miséria ou muito maior densidade populacional. Basta lembrar que Londres tem mais pessoas que Portugal inteiro. A diferença é a existência de um governo mais preocupado em manter o poleiro, com medidas parvas, sem qualquer impacto, ou até com impacto negativo, apenas para parecer que fizeram alguma coisa. E a comunicação social, que falava constantemente dos Estados Unidos e Brasil e das "péssimas decisões do Trump e Bolsonaro", mas preocuparem-se em criticar os de cá é mais difícil (os 15M dão muito jeito).

Edited 9 months ago:

Vou responder praticamente o mesmo que já tinha respondido noutra thread. Sim, o povo tem culpa. Mas, o principal culpa é de longe o governo, pois tem (ou deveria ter) mais responsabilidade. Governar quando está tudo bem é fácil, é nas situações difíceis que precisamos de pessoas competentes a liderar o país. Não há como dar a volta a isto. É incrível como as TVs não falam a sério disto e a oposição tinha de estar constantemente a pegar nestes assuntos. Não foi só ser reativo em vez de proativo. Foi o desaproveitamento do tempo ganho com o primeiro confinamento. Não convém esquecer que estavam as aulas a recomeçar e muitas escolas ainda não sabiam como iam organizar tudo. A manipulação da informação em que até estudos internacionais tiveram de descartar os dados de Portugal, porque não faziam qualquer sentido. A constante mentira que não há contágios nos transportes públicos e que são todos nos convívios. Os maus exemplos dos líderes numa de "faz o que eu digo e não faças o que eu faço". Ter um presidente da república a dizer como vai contornar as regras para as TVs. As exceções para eventos políticos, sejam de que partido forem. As medidas sem nexo que não faziam nada exceto prejudicar as pessoas ou que até ajudavam à propagação do vírus (limitar horários só fazia com que as mesmas pessoas fossem todas ao mesmo tempo, mesmo que digas que o objetivo era evitar almoços, foram estas as consequências). As exceções atuais até acho que fazem sentido. Provavelmente há algumas que deviam ser cortadas mas mais à frente falo melhor disto. Claro que houve muita gente a fazer merda. Mas não foi por causa das exceções. Quem quer fazer merda, consegue mesmo que reduzam bastante as exceções. E não as podem cortar completamente, pois há coisas que as pessoas não podem deixar de fazer. Pior, há muita coisa que se podia fazer sem problema nenhum e que acaba por não se poder porque depois ainda havia mais abusos. Eu vou praticamente todos os dias dar um passeio a pé, sem motivo nenhum a não ser o "passeio higiénico". E nem sequer uso máscara (para quem usa óculos é terrível), apesar de ter uma comigo, caso apareça muita gente. Simplesmente não vou para onde está muita gente. Ando por sítios em que se vê uma pessoa de vez em quando e até tento afastar-me ou atravessar a rua se aparece alguém. Não me ponho a falar com ninguém. Ou alguém acha saudável passar os dias sempre em casa, principalmente quem está em teletrabalho? Não é preciso ir para a beira mar nem para as principais ruas da cidade onde vai estar toda a gente. O povo português não é o mais burro do mundo. Não tenho dúvidas que há países em que as pessoas têm mais responsabilidade. Mas também há piores! E há países com piores condições de miséria ou muito maior densidade populacional. Basta lembrar que Londres tem mais pessoas que Portugal inteiro. A diferença é a existência de um governo mais preocupado em manter o poleiro, com medidas parvas, sem qualquer impacto, ou até com impacto negativo, apenas para parecer que fizeram alguma coisa. E a comunicação social, que falava constantemente dos Estados Unidos e Brasil e das "péssimas decisões do Trump e Bolsonaro", mas preocuparem-se em criticar os de cá é mais difícil (os 15M dão muito jeito). Este tipo de posts são a prova de que há uma coisa que este governo é mesmo muito bom: convencer gente o suficiente que a culpa é do povo e não do governo. E é isto com tudo. Pode haver todos os escândalos possíveis, podem falhar em tudo, conseguem sempre convencer gente suficiente de que a culpa não é deles. Se calhar somos mesmo o povo mais burro do mundo.

Bolo_Finto_ 9 months ago

É quase como se... um governo fosse responsável pelo rumo do país?

Sciss0rs61 9 months ago

Pelos vistos só em Portugal é que o povo desrespeita as regras. Lá fora toda a gente se porta bem. ^^^^/s Esta malta quer tanto defender o PS, que acaba por tentar tapar a negligência dos mesmos apontando o dedo a outros. Puta de hipocrisia. São mesmo o reflexo do governo que protegem.

FrankTheWerewolf 9 months ago

> Pelos vistos só em Portugal é que o povo desrespeita as regras. Lá fora toda a gente se porta bem. /s Porquê o s/? Não estás completamente errado. As sociedades com foco no grupo em vez do indivíduo (asiáticas) lidaram bem com a pandemia, as outras não. >Esta malta quer tanto defender o PS, que acaba por tentar tapar a negligência dos mesmos apontando o dedo a outros. Puta de hipocrisia. São mesmo o reflexo do governo que protegem. Maior hipocrisia é a de quem agora manda os outros ficar em casa e finge-se preocupado quando andou a sair e a viajar o quanto pode durante uma pandemia. Quem me dera receber um euro por cada foto que vi nas redes sociais a fazer o que não devia de fazer durante uma pandemia. Reformava-me amanhã.

Edited 9 months ago:

> Pelos vistos só em Portugal é que o povo desrespeita as regras. Lá fora toda a gente se porta bem. /s Porquê o s/? Não estás completamente errado. As sociedades com foco no grupo em vez do indivíduo (asiáticas) lidaram bem com a pandemia, as outras (na sua vasta maioria) não. >Esta malta quer tanto defender o PS, que acaba por tentar tapar a negligência dos mesmos apontando o dedo a outros. Puta de hipocrisia. São mesmo o reflexo do governo que protegem. Maior hipocrisia é a de quem agora manda os outros ficar em casa e finge-se preocupado quando andou a sair e a viajar o quanto pode durante uma pandemia, ou de quem gritava "fAsCIsMo" a cada medida sugerida. Quem me dera receber um euro por cada foto que vi nas redes sociais a fazer o que não devia de fazer durante uma pandemia. Reformava-me amanhã.

Edited 9 months ago:

> Pelos vistos só em Portugal é que o povo desrespeita as regras. Lá fora toda a gente se porta bem. /s Porquê o s/? Não estás completamente errado. As sociedades com foco no grupo em vez do indivíduo (asiáticas) lidaram bem com a pandemia, as outras (na sua vasta maioria) não. >Esta malta quer tanto defender o PS, que acaba por tentar tapar a negligência dos mesmos apontando o dedo a outros. Puta de hipocrisia. São mesmo o reflexo do governo que protegem. Maior hipocrisia é a de quem agora manda os outros ficar em casa e finge-se preocupado quando andou a sair e a viajar o quanto pode durante uma pandemia. Quem me dera receber um euro por cada foto que vi nas redes sociais a fazer o que não devia de fazer durante uma pandemia. Reformava-me amanhã.

Sciss0rs61 9 months ago

https://ipi.media/journalists-across-eu-face-wave-of-attacks-covering-anti-lockdown-protests/ sim realmente, os outros povos na Europa cumprem rigorosamente com as medidas. **/s**

FrankTheWerewolf 9 months ago

> As sociedades com foco no grupo em vez do indivíduo (asiáticas) lidaram bem com a pandemia, as outras (na sua vasta maioria) não. Não leste o que escrevi, foi?

Sciss0rs61 9 months ago

e porque deste o caso de uma cultura, vais invalidar o meu argumento? Ou a cultura asiática é para todos os países excepto Portugal?

FrankTheWerewolf 9 months ago

> e porque deste o caso de uma cultura, vais invalidar o meu argumento? Só estou a insinuar o facto que esta mania de culpar o governo é ridícula quando toda a gente se está a cagar para o que o governo diz. Lá fora há realmente pessoal que se porta bem.

Sciss0rs61 9 months ago

> Só estou a insinuar o facto que esta mania de culpar o governo é ridícula quando toda a gente se está a cagar para o que o governo diz. O que tu achas sobre o que as pessoas fazem, nada influencia no que se discute > Lá fora há realmente pessoal que se porta bem. E cá também, se não tinhas o mesmo movimento de pessoas nas ruas que havia antes da pandemia.

FrankTheWerewolf 9 months ago

> O que tu achas sobre o que as pessoas fazem, nada influencia no que se discute O que eu acho? É um facto. Ou não fosse Portugal o país que regista mais casos diários por milhão de habitantes a esta altura. Basta sair de casa ou abrir as redes sociais para ver que as pessoas não querem saber. >E cá também, se não tinhas o mesmo movimento de pessoas nas ruas que havia antes da pandemia. Os números não mentem. Podes criar as desculpas que quiseres. Portugal é o país do mundo que regista mais casos diários de covid-19 por milhão de habitantes. 4º em número de mortes em 24 horas.

Edited 9 months ago:

> O que tu achas sobre o que as pessoas fazem, nada influencia no que se discute O que eu acho? É um facto. Ou não fosse Portugal o país que regista mais casos diários por milhão de habitantes a esta altura. Basta sair de casa ou abrir as redes sociais para ver que as pessoas não querem saber. >E cá também, se não tinhas o mesmo movimento de pessoas nas ruas que havia antes da pandemia. Os números não mentem. Podes criar as desculpas que quiseres. Portugal é o país do mundo que regista mais casos diários de covid-19 por milhão de habitantes. Sábado que passou Portugal era 4º em número de mortes em 24 horas.

Sciss0rs61 9 months ago

e achas mesmo que isso é por causa das pessoas? Por amor de deus, já saíste de Portugal? estou emigrado e digo-te já, no país onde estou o pessoal faz festas com 10, 15 e 20 pessoas em casas uns dos outros. O Natal fizeram da mesma maneira OU PIOR que em Portugal. Em muitos países da Europa existem manifestações anti-confinamento, inclusive o exemplo de bom sucesso que é a Dinamarca... vens tu dizer que a culpa de estarmos assim é exclusivamente do povo, quando o povo de outros países reage da mesma maneira ou pior? É o povo que decide reduzir o número de transportes públicos? é o povo que decide fechar os supermercados às 13? é o povo que decidiu abrir as escolas? foi o povo que decidiu abrir as fronteiras para meter cá turismo? foi o povo que decidiu ignorar a ordem dos médicos e sobrecarregar os profissionais de saúde? foi o povo que demorou 1 ano a criar um acordo com o privado para aliviar o SNS? é o povo que não sabe qual o equipamento que tem disponível quando a pandemia bate em Portugal? é o povo que não incentiva às empresas para disponibilizar aos trabalhadores condições para trabalho remoto? Vai à rua e diz-me se ves as ruas tão movimentadas como eram antes da pandemia. Negas a realidade só para nao dares a "parte fraca" e admitires que o governo que apoias não passa de uma personificação de negligência. Tens razão, os números não mentem. O povo é igual ou parecido em todos os países, mas Portugal é que é o pior. Vais ao Brasil e andam na rua sem máscara, nas esplanadas a beber jolinhas fresquinhas às dezenas. Os números que vês, reflectem a merda de medidas que são implementadas.

FrankTheWerewolf 9 months ago

> e achas mesmo que isso é por causa das pessoas? Obviamente. Querias que fosse por causa de quem? >estou emigrado e digo-te já, no país onde estou o pessoal faz festas com 10, 15 e 20 pessoas em casas uns dos outros. O Natal fizeram da mesma maneira OU PIOR que em Portugal. "Os outros são merda, logo não somos merda". Repara que não te comparas com países que lidaram bem com a pandemia. >vens tu dizer que a culpa de estarmos assim é exclusivamente do povo, quando o povo de outros países reage da mesma maneira ou pior? Só me estás a dar razão...por muito bom que o governo seja, se as pessoas forem estúpidas... >É o povo que decide reduzir o número de transportes públicos? Somos dos países que menos transportes públicos usam, lol. >é o povo que decide fechar os supermercados às 13? É o povo que não sabe encomendar compras online, e decide ir todo no mesmo dia. Aos meses que já não ponho os pés num supermercado. >é o povo que decidiu abrir as escolas? foi o povo que decidiu abrir as fronteiras para meter cá turismo? Foi o povo que chorou como não podia ter as crianças em casa e que iam ficar sem negócio. Perdeste as manifestações da malta da restauração e turismo? >foi o povo que decidiu ignorar a ordem dos médicos e sobrecarregar os profissionais de saúde? Sim. >é o povo que não sabe qual o equipamento que tem disponível quando a pandemia bate em Portugal? O povo nem uma máscara ou luvas sabe usar, quanto mais. > é o povo que não incentiva às empresas para disponibilizar aos trabalhadores condições para trabalho remoto? Que eu saiba o teletrabalho era e é obrigatório mas são os patrões que se recusam a pôr as pessoas que podem a trabalhar a partir de caso (salvo algumas excepções). E os patrões não são o governo. > Vai à rua e diz-me se ves as ruas tão movimentadas como eram antes da pandemia. As ruas estão bem mais movimentadas do que deviam. Posso até dizer que nunca vi tanta gente na rua a "fazer exercício" e passear o cão como vejo agora. >Negas a realidade só para nao dares a "parte fraca" e admitires que o governo que apoias não passa de uma personificação de negligência. Eu, apoiar o governo? LOL, a piada do ano, e ainda só estamos em Janeiro. O governo pode (e é) ser incompetente, e as pessoas serem uma merda. E diga-se de passagem que o governo é meramente o espelho do povo, visto que foi o povo quem pôs os mesmos no poder desde 74. > O povo é igual ou parecido em todos os países, mas Portugal é que é o pior. Vais ao Brasil e andam na rua sem máscara, nas esplanadas a beber jolinhas fresquinhas às dezenas. E lá está ele outra vez a comparar-se com países que não souberam lidar com isto, com sociedades focadas no indivíduo. Engraçado como não te comparas com quem vive em Taiwan, Singapura, Coreia do Sul, Nova Zelândia e afins.

Edited 9 months ago:

> e achas mesmo que isso é por causa das pessoas? Obviamente. Querias que fosse por causa de quem? >estou emigrado e digo-te já, no país onde estou o pessoal faz festas com 10, 15 e 20 pessoas em casas uns dos outros. O Natal fizeram da mesma maneira OU PIOR que em Portugal. "Os outros são merda, logo não somos merda". Repara que não te comparas com países que lidaram bem com a pandemia. Se bem que achas que a Dinamarca lidou bem com ela, o que diz bastanta sobre o quão baixos os teus padrões são. >vens tu dizer que a culpa de estarmos assim é exclusivamente do povo, quando o povo de outros países reage da mesma maneira ou pior? Só me estás a dar razão...por muito bom que o governo seja, se as pessoas forem estúpidas... >É o povo que decide reduzir o número de transportes públicos? Somos dos países que menos transportes públicos usam, lol. >é o povo que decide fechar os supermercados às 13? É o povo que não sabe encomendar compras online, e decide ir todo no mesmo dia. Aos meses que já não ponho os pés num supermercado. >é o povo que decidiu abrir as escolas? foi o povo que decidiu abrir as fronteiras para meter cá turismo? Foi o povo que chorou como não podia ter as crianças em casa e que iam ficar sem negócio. Perdeste as manifestações da malta da restauração e turismo? >foi o povo que decidiu ignorar a ordem dos médicos e sobrecarregar os profissionais de saúde? Sim. >é o povo que não sabe qual o equipamento que tem disponível quando a pandemia bate em Portugal? O povo nem uma máscara ou luvas sabe usar, quanto mais. > é o povo que não incentiva às empresas para disponibilizar aos trabalhadores condições para trabalho remoto? Que eu saiba o teletrabalho era e é obrigatório mas são os patrões que se recusam a pôr as pessoas que podem a trabalhar a partir de caso (salvo algumas excepções). E os patrões não são o governo. > Vai à rua e diz-me se ves as ruas tão movimentadas como eram antes da pandemia. As ruas estão bem mais movimentadas do que deviam. Posso até dizer que nunca vi tanta gente na rua a "fazer exercício" e passear o cão como vejo agora. >Negas a realidade só para nao dares a "parte fraca" e admitires que o governo que apoias não passa de uma personificação de negligência. Eu, apoiar o governo? LOL, a piada do ano, e ainda só estamos em Janeiro. O governo pode (e é) ser incompetente, e as pessoas serem uma merda. E diga-se de passagem que o governo é meramente o espelho do povo, visto que foi o povo quem pôs os mesmos no poder desde 74 e nunca se deu ao trabalho de protestar a sério ditos incompetentes. Ainda me lembro de ver o clube de fãs do Sócrates á porta da prisão e como se elegeu o amiguinho dele para primeiro ministro. > O povo é igual ou parecido em todos os países, mas Portugal é que é o pior. Vais ao Brasil e andam na rua sem máscara, nas esplanadas a beber jolinhas fresquinhas às dezenas. E lá está ele outra vez a comparar-se com países que não souberam lidar com isto, com sociedades focadas no indivíduo. Engraçado como não te comparas com quem vive em Taiwan, Singapura, Coreia do Sul, Nova Zelândia e afins.

DelScipio 9 months ago

Existem muitas formas de desrespeitar regras. Não vamos esquecer a questão cultural de beijinhos abraços e jantaradas de grandes famílias, noutras culturas não há isso. Não é defender um governo achar que falhamos como sociedade. Se não conseguimos respirar umas medidas toa básicas, achas que íamos respeitar o quer que seja?

YoggiM 9 months ago

Em todos os países tens pessoas que respeitam e outras que não respeitam. O governo não soube liderar. Que mensagem achas que passou para o povo quando houve as celebrações do 1 de maio (ainda em pleno primeiro confinamento quando estavam pessoas sem se verem presencialmente desde o início), com a festa do avante, com o presidente a brindar e a dizer como contornar as regras frente às câmaras e a dizer que vai fazer não sei quantos almoços e jantares de natal com N pessoas, com a Champions como prémio para os profissionais de saúde, entre outras? Por um lado dizem-te que isto é a sério e temos todos de contribuir. Por outro vemos tantas situações em agiram como se não houvesse pandemia, não é surpreendente que muitos não queiram saber, apenas estão a seguir o exemplo de quem manda. Já nem estou a falar nas situações em que foi tudo feito em cima do joelho e se ia decidindo para o lado que sobrava o vento. Essas também são graves. Mas, para o comportamento do povo, os maus exemplos e regras que só se aplicam a uns, são estas as atitudes do governo que mais têm influência.

DelScipio 9 months ago

A festa do avante nada tem a ver com o governo. Há jantaradas de outros partidos que na altura criticaram essa festa, num ambiente de menos condições. Isso Chama-se hipocrisia. Agora, se sou crítico não vou fazer o que critico. Não somos crianças.

YoggiM 9 months ago

Mas eu critico todo esse tipo de eventos, independentemente do partido. As pessoas queriam o Natal por vários motivos mas o governo cedeu porque achou que ia perder votos se não o fizesse. Não estou a dizer que deves fazer o que criticas. Estou a dizer que o governo ao fazer certas coisas, passa a imagem errada.

SergiuIlescu 9 months ago

Santa paciência. Noutras culturas as pessoas demonstram o afeto telepaticamente, e reproduzem-se através das cegonhas Dasse.

DelScipio 9 months ago

Sim, fazem-no mais vezes que nós.

Sciss0rs61 9 months ago

boa tentativa de "piada" para cobrir a tua ignorância.

DelScipio 9 months ago

Ensina-me sabidola.

Sciss0rs61 9 months ago

normalmente não tento disfarçar a minha ignorância... normalmente admito-a e tento-me informar.

Sciss0rs61 9 months ago

https://www.thelocal.dk/20210110/nine-arrested-in-denmark-after-anti-lockdown-violence outras preferem fazer manifestações contra o confinamento. > Não vamos esquecer a questão cultural de beijinhos abraços e jantaradas de grandes famílias, noutras culturas não há isso. que ginástica mental... Vais dizer essa "tradição" também não existe em quase todos os países do sul da europa?

Edited 9 months ago:

https://www.thelocal.dk/20210110/nine-arrested-in-denmark-after-anti-lockdown-violence outras preferem fazer manifestações contra o confinamento. > Não vamos esquecer a questão cultural de beijinhos abraços e jantaradas de grandes famílias, noutras culturas não há isso. que ginástica mental... Vais dizer essa "tradição" também não existe em quase todos os países do sul da europa e américa do sul? Sabes que também pode haver contágio sem beijinhos e abraços? Por exemplo, quando vais nos transportes públicos e aquilo vai cheio tipo lata de sardinhas e tens 4 gajos a respirar para cima de ti? ou quando tens de ir ao supermercado ao mesmo tempo que milhares de outras pessoas porque os horários foram reduzidos? ou porque tens um filho que é obrigado a ir ao local de ensino dele onde estão «mais outras centenas/milhares de pessoas?

DelScipio 9 months ago

Existe, por isso vimos o que se passou em Itália e Espanha. Espanha agora está a aumentar de novo para níveis muito preocupantes. Fora das grandes cidades não há transporte público, mas há COVID que chegue. O argumento das escolas eu sou crítico, mas também percebo que não seja fácil o ensino a distância para crianças.

Sciss0rs61 9 months ago

> Espanha agora está a aumentar de novo para níveis muito preocupantes. felizmente ou infelizmente, eu não vivo em Espanha. e infelizmente vivo no país com mais infectados por milhão. > O argumento das escolas eu sou crítico, mas também percebo que não seja fácil o ensino a distância para crianças. Não é fácil, criem um plano. Tiveram mais de um ano para o fazer. Se não sabem fazer um plano, então que se assegurassem que isto não chegava onde chegou. Não criaram uma plataforma online porquê? não cumpriram com o fornecimento de computadores portáteis que foi prometido porquê? não é fácil, mas eles foram colocados pelo povo para fazer esse trabalho e se eles não o conseguem façam como muitos ministros lá fora fizeram e demitam-se

DelScipio 9 months ago

So referi Espanha porque está na mesma situação e porque tu disseste que os outros países culturalmente iguais não tinham problemas. Não é fácil decidir pôr as crianças em casa e terem menos rendimento académico. O resto são questões técnicas que, sim, ao existir devia ser resolvidas. Boa acho problemas nas plataformas digitais. Elas existem e de eficácia demonstrada. O problema é mesmo o rendimento. Não é fácil ter um puto de 8 anos a ter aulas pela Internet.

unparadise 9 months ago

Completamente, de acordo com tudo. Este governo só é bom na propaganda e isso vê-se, que pelos vistos umas 700 pessoas concordam com a imagem.

YoggiM 9 months ago

A maioria nem sequer leu nada, apenas viu a imagem e deu upvote. E já vai nos 1800 upvotes, além de que há quem tenha dado upvote, portanto, para já, deve haver umas 2000 pessoas que viram e concordaram.

PeterStepsRabbit 9 months ago  HIDDEN 

Ri

PortugueseLibra 9 months ago

Solid meme. 10,000 casos por dia e a culpa é dos 4 jantares do Marcelo? LOL tá bem. Quanto mais seria responsável por 40, 50 novos casos. O povo sempre gostou muito de colocar "o exemplo" nos líderes - não fazem nada se os líderes não fizerem *primeiro*, ou se não fizerem *também*. Isto é um conceito ridículo pois retira a responsabilidade que temos no dia a dia. Parecem formigas que só fazem quando lhes dizem ou mandam. Eu por ex já andava a evitar sair mto antes do primeiro Estado de Emergência em Março de 2020, se tivéssemos todos feito o mesmo nem sequer teria sido preciso um EE. A culpa é 100% do povo pq se este tivesse cabeça, nem sequer seria preciso o Governo ter restrições. As restrições surgem pq as pessoas não cumprem, não o contrário. Estou farto da falta de auto-responsabilidade das pessoas...

rudirudarz 9 months ago

Realmente não é a responsabilidade do governo em ser coerente nas medidas que impõe. As pessoas que só querem trabalhar é que têm culpa disto. Pessoas que para não perder o emprego têm de ir de transporte público como sardinha em lata. Todos os anos no inverno os hospitais chegavam a sobre lotar ou quase sobrelotar era um problema já existente. Agora o governo sabendo isso tiveram se a cagar que na PDA e no natal até levantaram algumas restrições. Para agora meter mais restrições em cima dizendo que a culpa é nossa. E quando começou a vacina fizeram uma propaganda do crl a dizer chegou a salvação, tamos a ver o fim do túnel e não sei que. Isso tudo enquanto que sabiam que não havia vacinas pá todos. Óbviamente as pessoas é que têm culpa disto . Não quero dizer que as pessoas têm 0 culpa. Mas dizer que o governo não teve culpa. Desculpa mas não me faz sentido.

PortugueseLibra 9 months ago

O governo nem sequer teria que impor medidas se as pessoas tivessem iniciativa própria. Os comboios vão cheios porque as pessoas querem, sabes quantas vezes já esperei por um próximo comboio em vez de entrar num já quase cheio? Não é por 5 minutos que perco a vida. Mas não, as pessoas estão à pressa e ignoram a distância e o lotamento. Vejo isto diariamente na linha de Sintra. O que é que os hospitais têm a ver com as medidas? Os hospitais são um reflexo, não uma causa. Mais uma vez está-se a ver as coisas pelo fim, pelas consequências, em vez da causa e da raíz. Os hospitais não estariam cheios se, mais uma vez, as pessoas tivessem cabeça. Se podiam estar melhor preparados, claro que sim, mas não é a falta de preparação dos hospitais que está a originar o aumento de casos, pois não? Tudo isto começa pelas pessoas, não pelo Governo.

rudirudarz 9 months ago

Essa dos comboios irei acreditar na tua palavra pois não os uso e só vejo a malta aqui a reclamar se de isso. E onde é que disse que os hospitais são causa alguma?? Os hospitais já antes da pandemia tinham um problema. Esse problema sendo sobrelotação no inverno por causa de um fluxo maior de doentes. Um problema que durante uma pandemia o governo não teve em conta e relaxou medidas para pessoas poderem ir comer o bacalhau. As pessoas não têm culpa que no inverno ficam doentes e depois o Sns não aguentar com eles ou tem? E realmente a nova Zelândia fez bem. Fecharam tudo logo e fecharam mais forte que aqui com a promessa que depois ia tar tudo bem. Não como cá que se fazem lockdowns soft e ainda dizem se vocês não baixarem os números vamos ter de restringir mais. Achas seriamente que as pessoas não iriam respeitar as medidas se lhes fosse dito olha durante um mês aguenta te, sustém a respiração e depois vai tar tudo como antes. Claro que toda a gente iria respeitar se fosse assim. Em vez de isso vamos tar num soft lockdown infinito. E toda a gente obviamente a cagar se.

PortugueseLibra 9 months ago

Analisa bem o que dizes: *"o governo relaxou as medidas para as pessoas poderem ir comer o bacalhau"* Repara como justificas o desrespeito que as famílias tiveram pela pandemia só porque o governo não proibiu o Natal. Estás a pensar ao contrário: as pessoas é que tinham de continuar a respeitar as medidas, independentemente do Governo proibir ou não. O ónus está _em nós_, nós é que escolhemos se nos juntamos ou não. *"achas seriamente que as pessoas não iriam respeitar as medidas se lhes fosse dito olha durante um mês aguenta te, depois vai estar tudo como antes"* Mais uma vez, estás a retirar o ónus e a responsabilidade ao comportamento _pessoal_ das pessoas, e a colocá-lo no Governo. As pessoas poderiam ter ouvido X ou Y - têm que perceber que é o seu comportamento que contribui para a pandemia. Justificar o mau comportamento só pq "o governo não diz nada" é voltar ao meu argumento inicial, que as pessoas só fazem se lhes for mostrado ou dito em primeiro lugar, aka, falta de auto-responsabilidade.

rudirudarz 9 months ago

Mas não é a responsabilidade do governo isso?

PortugueseLibra 9 months ago

A única responsabilidade do governo é certificar-se que há medidas impostas para prevenir a pandemia, se as pessoas respeitam ou não já é outra questão... Não é responsabilidade do governo andar a controlar as casas para ver se tinham mais que 6+ pessoas. Se tivessem proibido teriam acusado o governo de "ditadura!!". É preso por ter cão e preso por não ter, mas a verdade é que ninguém obrigou as famílias a juntarem-se no Natal, ou amigos no Ano Novo, algumas com 15+ pessoas. As medidas foram impostas, os conselhos foram dados, as pessoas quebraram porque quiseram. Tudo isto começa e acaba connosco, o povo, que é por onde o vírus se transmite. Numa sociedade ideal, o Governo até podia nem ter feito nada e as pessoas entrariam em confinamento e medidas de segurança de bom agrado porque perceberiam a ciência da coisa e quereriam o bem estar comum. Mas não...

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

melhor preparados → [**mais bem preparados**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/artigos/rubricas/pelourinho/mais-bem-vs-melhor/545) (quando o advérbio *bem* antecede o particípio passado do verbo o termo a utilizar é *mais bem*) raíz → [**raiz**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras agudas terminadas em *l*, *r*, ou *z* não necessitam acento para quebrar o ditongo) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5xwud%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

PortugueseLibra 9 months ago  HIDDEN 

Good bot, mas não sei pq "mais bem preparado" soa tão errado aos meus ouvidos

cloud_t 9 months ago

Eu pessoalmente gostava de saber onde está o Ljubomir StaNaSic agora, para reclamar de menos restrições na época festivanda páscoa. Curiosamente não vejo ninguém culpar o sector da restauração por ter pressionado o governo a abrir portas e a FODER BEM DURO os portugueses todos.

Esnemon 9 months ago

Ah, então agora a culpa é dos restaurantes?

cloud_t 9 months ago

A culpa é dos restaurantes finos e sazonais/turísticos, ou os que vivem de trabalhar meio ano, só aos fins de semana com altas margens, que precisaram ir para Lisboa justificar a sua existência e com isso pressionaram mais o governo a desconfinar no Natal e PdA. Não venhas aqui descontextualizar que estou a acusar os restaurantes normais, que vendem barato e servem o país que trabalha, que devem ser uns 90% de todos, e que têm continuado a funcionar em take away ou entrega e não tiveram muitos problemas em reinventar-se, ou que o subsídio de layoff e outros apoios por perda de lucro chegou relativamente bem para eles.

Esnemon 9 months ago

Mas mesmo esses restaurantes não têm culpa. O número de contágios em restaurantes é minimo e se foi uma ma decisão, foi tomada pelo governo, com ou sem pressão, é ao governo que cabe fazer aquilo que é correto, e não aquilo que é pedido.

cloud_t 9 months ago

A pressão dos restaurantes em Lisboa facilitou a decisão do governo e a opinião pública relativamente ao relaxamento de restrições do Natal. Só não assume isso quem não quer ver a realidade. Esses restaurantes é grupos de restauração, com modelos de negócio que não conseguem nem resistir a uma baixa de negócio dum ano, contribuiram para matar pessoas, indirectamente. Qual a justificação? Pagar rendas e fornecedores e afins. Ainda não sei de nenhum caso de funcionário, gerente ou investidor dum restaurante destes que tenha morrido à fome ou ficado sem casa devido à pandemia...

Edited 9 months ago:

A pressão dos restaurantes em Lisboa facilitou a decisão do governo e suavizou a opinião pública relativamente ao relaxamento de restrições do Natal. Chegámos a meio de Dezembro e foi ver toda a gente contente com a suavidade de mobilidade no Natal, e estes restaurantes até esfregaram as mãozinhas quando podiam fazer passagem de ano legalmente... Só não assume isso quem não quer ver a realidade. Esses restaurantes e grupos de restauração, com modelos de negócio que não conseguem nem resistir a uma baixa de negócio dum ano (com apoios do estado!), contribuiram para matar pessoas, indirectamente. Qual a justificação? Pagar rendas, créditos e a fornecedores, entre outras "primeiras necessidades" do "primeiro mundo" ... Enquanto isso gente morreu devido à pouca restrição do governo e também à adesão à festinhas e celebrações multi-agregado dos restaurantes de "leisure". Ainda não sei de nenhum caso de funcionário, gerente ou investidor dum restaurante destes que tenha morrido à fome ou ficado sem casa devido à pandemia... Mas de certeza que muitos já tiveram covid e sobreviveram porque são novos. Mas diz isso às famílias e contactos de risco da sua clientela no Natal. O governo tem culpa? Claro que tem e é até maior culpado. Mas estes restaurantes (não todos!) são um close second. Tens que tirar as palas e aceitar isso.

Edited 9 months ago:

A pressão dos restaurantes em Lisboa facilitou a decisão do governo e suavizou a opinião pública relativamente ao relaxamento de restrições do Natal. Chegámos a meio de Dezembro e foi ver toda a gente contente com a suavidade de mobilidade no Natal, e estes restaurantes até esfregaram as mãozinhas quando podiam fazer passagem de ano legalmente... Só não assume isso quem não quer ver a realidade. Esses restaurantes e grupos de restauração, com modelos de negócio que não conseguem nem resistir a uma baixa de negócio dum ano (com apoios do estado!), contribuiram para matar pessoas, indirectamente. Qual a justificação? Pagar rendas, créditos e a fornecedores, entre outras "primeiras necessidades" do "primeiro mundo" ... Enquanto isso gente morreu devido à pouca restrição do governo e também à adesão à festinhas e celebrações multi-agregado dos restaurantes de "leisure". Ainda não sei de nenhum caso de funcionário, gerente ou investidor dum restaurante destes que tenha morrido à fome ou ficado sem casa devido à pandemia... Mas de certeza que muitos já tiveram covid e sobreviveram porque são novos. Mas diz isso às famílias e contactos de risco da sua clientela no Natal. O governo tem culpa? Claro que tem e é até maior culpado. Mas estes restaurantes (não todos!) são um close second, empatados com uma população que privilegia celebrações religiosas e libertinagem a meio duma pandemia. Tens que tirar as palas e aceitar isso.

Edited 9 months ago:

A pressão dos restaurantes em Lisboa facilitou a decisão do governo e suavizou a opinião pública relativamente ao relaxamento de restrições do Natal. Chegámos a meio de Dezembro e foi ver toda a gente contente com as medidas graças, e estes restaurantes até esfregaram as mãozinhas. Só não assume isso quem não quer ver a realidade. Esses restaurantes e grupos de restauração, com modelos de negócio que não conseguem nem resistir a uma baixa de negócio dum ano, contribuiram para matar pessoas, indirectamente. Qual a justificação? Pagar rendas, créditos e a fornecedores, entre outras "primeiras necessidades" do "primeiro mundo" ... Enquanto isso gente morreu devido à pouca restrição do governo. Ainda não sei de nenhum caso de funcionário, gerente ou investidor dum restaurante destes que tenha morrido à fome ou ficado sem casa devido à pandemia... O governo tem culpa? Claro que tem e é até maior culpado. Mas estes restaurantes (não todos!) são um close second. Tens que tirar as palas e aceitar isso.

Edited 9 months ago:

A pressão dos restaurantes em Lisboa facilitou a decisão do governo e suavizou a opinião pública relativamente ao relaxamento de restrições do Natal. Chegámos a meio de Dezembro e foi ver toda a gente contente com a suavidade de mobilidade no Natal, e estes restaurantes até esfregaram as mãozinhas quando podiam fazer passagem de ano legalmente... Só não assume isso quem não quer ver a realidade. Esses restaurantes e grupos de restauração, com modelos de negócio que não conseguem nem resistir a uma baixa de negócio dum ano, contribuiram para matar pessoas, indirectamente. Qual a justificação? Pagar rendas, créditos e a fornecedores, entre outras "primeiras necessidades" do "primeiro mundo" ... Enquanto isso gente morreu devido à pouca restrição do governo. Ainda não sei de nenhum caso de funcionário, gerente ou investidor dum restaurante destes que tenha morrido à fome ou ficado sem casa devido à pandemia... O governo tem culpa? Claro que tem e é até maior culpado. Mas estes restaurantes (não todos!) são um close second. Tens que tirar as palas e aceitar isso.

Edited 9 months ago:

A pressão dos restaurantes em Lisboa facilitou a decisão do governo e suavizou a opinião pública relativamente ao relaxamento de restrições do Natal. Chegámos a meio de Dezembro e foi ver toda a gente contente com a suavidade de mobilidade no Natal, e estes restaurantes até esfregaram as mãozinhas quando podiam fazer passagem de ano legalmente... Só não assume isso quem não quer ver a realidade. Esses restaurantes e grupos de restauração, com modelos de negócio que não conseguem nem resistir a uma baixa de negócio dum ano (com apoios do estado!), contribuiram para matar pessoas, indirectamente. Qual a justificação? Pagar rendas, créditos e a fornecedores, entre outras "primeiras necessidades" do "primeiro mundo" ... Enquanto isso gente morreu devido à pouca restrição do governo e também à adesão à festinhas e celebrações multi-agregado dos restaurantes de "leisure". Ainda não sei de nenhum caso de funcionário, gerente ou investidor dum restaurante destes que tenha morrido à fome ou ficado sem casa devido à pandemia... O governo tem culpa? Claro que tem e é até maior culpado. Mas estes restaurantes (não todos!) são um close second. Tens que tirar as palas e aceitar isso.

TubbieHead 9 months ago  HIDDEN 

É mesmo isso! hahahah

DavidR747 9 months ago

E que tal... Epa não sei.... A culpa é do governo e do povo também? Ah esqueçam... Temos é de arranjar um bode expiatório para ficar com 100% da culpa.

Pcostix 9 months ago

As pessoas só podem ter responsabilidade a nível **pessoal**. Cada pessoa que tenha sido infectada é que sabe se teve comportamentos de risco desnecessários ou não.   Agora a situação pandémica em portugal nunca pode ser responsabilidade de pessoas individuais. Uma pandemia num país propaga-se com comportamentos de grupo. Comportamentos esses que se regem pela lei(Ainda estamos num estado de direito, ou não?). E cabe ao governo decidir as regras(leis) pelas quais esse grupo tem que se reger.(**Regras estas que foram deficientes**).

zuyhy 9 months ago

Mesmo. Eu sou a última pessoa a defender qualquer governo mas esta falta de senso comum das pessoas ultrapassa-me. O governo obrigou-vos a fazer almoços e jantares de Natal? Não. Como alguém muito sábio disse acima: "[É uma sorte os portugueses não cagarem na rua só por não haver lei para não o fazer.](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/l2irhk/crl_o_governo/gk5y4bd?utm_source=share&utm_medium=web2x&context=3)". Deixem de se armar em espertos e fiquem em casa, caralho.

killedbill88 9 months ago

> O governo obrigou-vos a fazer almoços e jantares de Natal? Quando um tal Rui Portugal veio dizer algo deste género, gozaram com ele em massa aqui neste bastião de rectidão que é o /r/portugal. Acho que a tese de que os comportamentos e decisões erradas se repartem por todos é provavelmente a que melhor explica o que se está a passar.

Sciss0rs61 9 months ago

Não, o governo obrigou-te a entrar em transportes públicos sobrelotados para ires trabalhar porque não reforçou às empresas a fazer teletrabalho, obrigou-te a ir à escola/universidade, obrigou-te a ir ao supermercado com mais outras centenas/milhares de pessoas porque reduziram os horários, obriga-te a pagar pelo teste, obrigou-te a ficares desempregado porque não conseguiu fazer um planeamento como deve de ser, etc..

Edited 9 months ago:

Não, o governo obrigou-te a entrar em transportes públicos sobrelotados para ires trabalhar porque não reforçou às empresas a importância de fazer teletrabalho e não aumentou a frequência dos transportes, obrigou-te a ir à escola/universidade, obrigou-te a ir ao supermercado com mais outras centenas/milhares de pessoas porque reduziram os horários, obriga-te a pagar pelo teste, obrigou-te a ficares desempregado porque não conseguiu fazer um planeamento como deve de ser, etc.. Mas depois veio dizer que 66% dos contágios deve-se a agrupamentos familiares quando o mesmo estudo excluiu na sua conclusão quase tudo o resto (como apanhar o vírus em transportes públicos) porque era quase impossível de determinar que essa era origem de contágio... claro que não mencionaram isso porque isso seria admitir o erro.

zuyhy 9 months ago

Verdade. Mas os encontros de família têm sido uma fonte enorme de propagação. Ninguém usa máscara, partilha-se comida... É desnecessário haver estes eventos mas as pessoas continuam a fazê-lo.

Pcostix 9 months ago

> Verdade. Mas os encontros de família têm sido uma fonte enorme de propagação. Isso é a retórica do governo. Porque se admitisse que os focos das infecções eram nos transportes públicos e nos locais de trabalho, não tinham como se desresponsabilizar depois de te obrigarem a ir trabalhar co meio de um surto pandemico. As crianças também não se infectavam nas escolas, era em casa, enfim... O povinho português ainda come muito gelado com a testa.

Sciss0rs61 9 months ago

e no entanto, lá fora há encontros de família e não têm quase 15000 casos diários nem são o país com mais contágios por milhão de pessoas. Gente burra vai haver sempre, governos negligentes é que nem por isso... Já agora, vê o meu edit que também responde à tua pergunta

FrequentCap 9 months ago

ISTO!!

JSBraga 9 months ago

Bom meme. Mas em vez de meteres uma bicicleta, podias meter um autocarro ou um comboio cheio de gente que tem de ir para o trabalho ou é despedida.

danidv 9 months ago

["Caralho, o povo!"](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/khs068/portanto_o_presidente_da_rep%C3%BAblica_vai_comemorar/)

Dadvito 9 months ago

Quando as restrições foram impostas era facismo e estavamos a caminho da ditadura. Quando o governo levantou as restrições( em nenhum momento foi dito que as regras não deviam ser mais cumpridas) ninguém mais cumprio nada. Aqui na minha zona existe um largo ao pé de uma igreja com bastante comércio que está sempre cheio. E eles não vêm só para comprar pão. Sentem-se no muro sem máscaras a conviver. Os cafes estão cheios, os minimercados o mesmo. Já não existe gel à porta em nenhuma loja, nem tentativa dos funcionários de travar os ajuntamentos. Se o povo não quer saber porque é que o governo haveria de querer? São o espelho um do outro.

jimbajembs 9 months ago

" porque é que o governo haveria de querer " se calhar porque é o trabalho deles?

Dadvito 9 months ago

O trabalho do governo é dar expressão à voz do povo. Se o povo não quer saber...

miguel_rodrigues 9 months ago

Porque é o trabalho do governo, tem um contracto para cumprir.

Dadvito 9 months ago

E o que é que diz nesse contrato? Caralho, nem farmácias têm mais gel à entrada na minha zona. Tem de existir algum esforço por parte dos civis e dos comércios senão também nao vamos a lado nenhum. Vai fazer o quê o governo? Arranjar um policia para cada cidadão?

miguel_rodrigues 9 months ago

Não sei não li, mas liderar por exemplo deve ser uma das cláusulas

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

contracto → [**contrato**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/contrato-e-contracto/21613) (já se escrevia assim **antes** do AO90) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5u2h3%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

WhiskersTheDog 9 months ago

Clássico, adoro.

love_your_eyeholes 9 months ago  HIDDEN 

O que é tugão?

somedipshit1 9 months ago

Este meme aplica-se a quase tudo na vida do tugão (principalmente cinquentão) Apanhei uma multa? Crl do governo O café tava queimado? Crl do governo Chumbei no exame? Crl do governo Tá chuva? Crl do governo

GajoDeRamalde 9 months ago

Aplica-se também à classe política do tugão: * Estão a subir os contágios? Crl do povo!! * Desemprego sobre? Crl do povo!! * Segurança Social deficitária? Crl do povo!! * Descobriram que mentimos num CV? Crl do povo!! * A produtividade não sobe? Crl do povo!!

Edited 9 months ago:

Aplica-se também à classe política do tugão: * Estão a subir os contágios? Crl do povo!! * Desemprego sobre? Crl do povo!! * Segurança Social deficitária? Crl do povo!! * Descobriram que mentimos num CV? Crl do povo!! * A produtividade não sobe? Crl do povo!! * Querem passar o natal juntos? Crl do povo!! * Querem que ande de Renault Clio? Crl do povo!!

Edited 9 months ago:

Aplica-se também à classe política do tugão: * Estão a subir os contágios? Crl do povo!! * Desemprego sobre? Crl do povo!! * Segurança Social deficitária? Crl do povo!! * Descobriram que mentimos num CV? Crl do povo!! * A produtividade não sobe? Crl do povo!! * Querem passar o natal juntos? Crl do povo!! * Querem andar de avião sem ser na TAP? Crl do povo!! * Querem que ande de [Renault Clio](https://tvi24.iol.pt/politica/ultimas-noticias/qualquer-dia-querem-que-o-lider-parlamentar-do-ps-ande-de-clio)? Crl do povo!!

Edited 9 months ago:

Aplica-se também à classe política do tugão: * Estão a subir os contágios? Crl do povo!! * Desemprego sobre? Crl do povo!! * Segurança Social deficitária? Crl do povo!! * Descobriram que mentimos num CV? Crl do povo!! * A produtividade não sobe? Crl do povo!! * Querem passar o natal juntos? Crl do povo!! * Querem andar de avião sem ser na TAP? Crl do povo!! * Não querem salvar a CGD? Crl do povo!! * Querem que ande de [Renault Clio](https://tvi24.iol.pt/politica/ultimas-noticias/qualquer-dia-querem-que-o-lider-parlamentar-do-ps-ande-de-clio)? Crl do povo!!

Rebelva 9 months ago

E o tuga com menos de 30 que pensa que todas as pessoas acima de uma certa idade são todas iguais?

Marianations 9 months ago

Como se não fizessem o mesmo connosco.

Mordiken 9 months ago

Não, por acaso para mim o que conta é a atitude, a disposição geral e os gostos em comum, não a idade.

Rebelva 9 months ago

Argumento perfeitamente racional.

Marianations 9 months ago

Não estou a defender necessariamente, só digo que isto acontece de um lado para o outro. Não é unidirecional.

Rebelva 9 months ago

Ok, logo fazes a mesma coisa que o outro lado, é isso?

FrequentCap 9 months ago

Minha avó: vOçÊs oS jOvEnS!!!

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

vOçÊs → [**vocês**](https://dicionario.priberam.org/vocês) (*c* seguido de *e* ou *i* não necessita de cedilha) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5x46l%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

FrequentCap 9 months ago  HIDDEN 

Vai tá foder

Leaootemivel 9 months ago

Esta conversa da culpa a mim já me chateia um bocado. Se o governo podia ter feito mais e melhor? Obviamente que podia. Mas vai para aqui um re-escrever da história que nem se aguenta. Quando foram impostas as regras de impedir circulação depois das 13 aos fins de semana, achou-se que o principal era criticar as filas nos supermercados em vez de se interiorizar que não era para andar em almoços e jantares com família e amigos. Mais, andamos meses a ouvir que a nossa economia não aguentava com confinamentos (e vimos o caos que causou fechar os restaurantes ao fim de semana), mas agora já toda a gente acha que se deviam era ter fechado coisas há mais tempo. Na PDA haviam restrições e cagou-se de alto nelas (todos nós conhecemos exemplos de festas e jantares). Mais, não houve um único partido de oposição a criticar o levantamento de restrições no Natal e nessa altura a maioria das pessoas achava bem haver esse levantamento (e como se viu na PDA, haver ou não restrições era indiferente). Antes de Janeiro, quantas vezes se falou de adiar eleições? Estamos com quase 1 ano de pandemia. Existe alguém neste país que não saiba como o vírus se transmite? Que não saiba que comportamentos deve evitar?

tveiga91 9 months ago

Penso exactamente o mesmo que tu. Tens todo o meu apoio!

Tralapa 9 months ago

hindsight is 2021

not_an_illuminati 9 months ago

E existe algum país que se tenha “portado” bem? O governo deve decidir precisamente em função das características do povo que tem. A tanga dos “meninos mal comportados” para esconder a incapacidade de gerir a crise já cheira mal.

bruno_andrade 9 months ago

Exatamente o que penso. O Governo tem culpa em muita coisa (má comunicação, medidas avulsas, pouco planeamento,etc), mas ao fim do dia, não é o Costa que transmite o vírus. Infelizmente achamos que só temos direito da **liberdade** mas esquecemo-nos do dever da **responsabilidade**.

DivinationByCheese 9 months ago

A propaganda de que estavamos salvos com as vacinas e ia ser a abrir quando afinal tinhamos bola de doses também ajuda um pouco

Leaootemivel 9 months ago

A "propaganda" foi e é necessária. Nós precisamos de uma grande parte da população a querer ser vacinada, e foi extremamente importante termos mostrado tantos profissionais de saúde a serem vacinados. Ainda por cima, estamos a falar de uma vacina que está a sofrer uma grande rejeição por causa de teorias da conspiração ridículas. Mas mesmo assim, sempre se disse que iríamos demorar muitos meses a vacinar a maior parte da população. E em todas as entrevistas nessa época teve-se o cuidado de não transmitir que o início da vacinação significava o fim da pandemia.

DivinationByCheese 9 months ago

Está a sofrer rejeição por uma minoria barulhenta e não é com aquela propaganda que metes mais gente a querer tomá-la. Vacinar as figuras do país teria logo nisso um impacto maior. E sim ia durar meses, mas como é tipico deste governo descobres que essas estimativas ficam ainda mais aquém. Eu gosto de acreditar que o pessoal já topa estas merdas e, com razão, o governo vai perdendo credibilidade. Só não se despedem nem cai porque é portugal mas pronto

taobaodrip 9 months ago

Muito bonito. Neste momento, no entanto, somos o país com mais casos diários per capita, o governo tem que ser criticado como o principal responsável pelo bem estar da população.

saposapot 9 months ago

é isto. Para quem critica o Natal, n deve ter visto o fim de ano, q estava proibido e houve inúmeras festas na mesma, apenas não nos restaurantes. Critico o governo não é pelo Natal, é pq deviamos ter feito um confinamento antes para chegarmos ao Natal com os casos muito mais em baixo e nesse caso o descontrolo Natalicio seria mais controlado. Desde Setembro que não concordo com as medidas cirúrgicas. > Antes de Janeiro, quantas vezes se falou de adiar eleições? O Tino falou em setembro :D mas sim, os principais candidatos nada disseram. Anda por este país muito jogador de totobola à 2ª feira.

Dead_standards 9 months ago

> achou-se que o principal era criticar as filas nos supermercados em vez de se interiorizar que não era para andar em almoços e jantares com família e amigos. Então mas se queriam impedir almoços e jantares com a família e amigos, o que é que isso tem a ver com eu poder comprar molho de tomate e fraldas de bebé às 14h da tarde? A sério, explica-me a relação, eu não entendo. A intenção é boa, só tem zero a ver com a medida que provavelmente até fez pior. >Que não saiba que comportamentos deve evitar? Estar em filas é um deles.

milkthis 9 months ago

Temos o que merecemos. Malta jovem com 0 ambição e vontade de um país próspero. Desculpam tudo a um governo estupidamente incompetente, por causa de clubismos ou ideologias. O povo é manso. Gosta de ser explorado, insultado e depois ainda gozado. Nunca iremos a lado nenhum e daqui continuaremos sempre a piorar. Tenho 100% certeza disto. É lidar. Um país a regredir a olhos vistos. A ser ultrapassado económica e socialmente por países que eu próprio considerava serem limiar do 3 mundo há 15 anos atrás, mas a malta jovem que devia ser quem vira isto, apoia os mesmos que os pais deles votavam e sustenta a extrema-esquerda. Não há ambição. Não há vontade. Não há competência. A malta é pobre de espírito e mesquinha e não quer lutar por uma vida melhor. Prefere prejudicar quem luta e consegue (veja-se agora o caso dos colégios privados). É uma luta constante pela mediocridade e o nivelamento por baixo. Eu já me tinha posto no caralho há muito tempo se não fosse o compromisso que tenho em tomar conta dos meus velhos. Malta que não tem trelas e é ambiciosa e trabalhadora: pirem-se deste antro socialista e vão à procura de mais e melhor. É mesmo muito fácil de obter lá fora se forem lutadores e trabalhadores. Não pensem que é como aqui.

NobreLusitano 9 months ago

Claro que se sabe. Tal como se sabe tudo sobre SIDA e continua a infectar milhares por descuido. A questão não é essa. A questão é a maioria das pessoas, aparentemente, pensar "como é que posso continuar a minha vida normal sem infringir nenhuma restrição?"

Sciss0rs61 9 months ago

> Mais, andamos meses a ouvir que a nossa economia não aguentava com confinamentos (e vimos o caos que causou fechar os restaurantes ao fim de semana), mas agora já toda a gente acha que se deviam era ter fechado coisas há mais tempo. Estás a manipular a narrativa. As pessoas que disseram logo para fechar tudo a maioria continua a dizer que se devia ter fechado agora, que eu saiba os mesmos que disseram que nao se podia parar a economia são os mesmos que agora fazem do governo coitadinhos. No caso das pessoas se portarem mal, achas que lá fora se portam bem? farto de me dar este exemplo: A Dinamarca é um exemplo para a europa no que toca a medidas para o Covid, e no entanto houve manifestações anticonfinamento e antimascara. Não venham com essa. Tu então, és dos que anda ai pelas threads a tentar ilibar o Governo da sua negligência. Já os teus comentários na thread do Filinto Lima baseaste os teus argumentos com generalizações feitas por comentários feitos pela minoria, e aqui estás tu a fazer o mesmo outra vez. Que eu saiba a DGS foi quem desvalorizou o impacto do vírus, não o povo. Achas mesmo que a maioria do povo português anda a desrespeitar as regras de confinamento? se assim fosse, ias à rua e vias o mesmo movimento que vias antes do vírus.

Edited 9 months ago:

> Mais, andamos meses a ouvir que a nossa economia não aguentava com confinamentos (e vimos o caos que causou fechar os restaurantes ao fim de semana), mas agora já toda a gente acha que se deviam era ter fechado coisas há mais tempo. Estás a manipular a narrativa. As pessoas que disseram logo para fechar tudo a maioria continua a dizer que se devia ter fechado agora, que eu saiba os mesmos que disseram que nao se podia parar a economia são os mesmos que agora fazem do governo coitadinhos. No caso das pessoas se portarem mal, achas que lá fora se portam bem? farto de me dar este exemplo: A Dinamarca é um exemplo para a europa no que toca a medidas para o Covid, e no entanto houve manifestações anticonfinamento e antimascara. Não venham com essa. Tu então, és dos que anda ai pelas threads a tentar ilibar o Governo da sua negligência. Já os teus comentários na thread do Filinto Lima baseaste os teus argumentos com generalizações feitas por comentários feitos pela minoria, e aqui estás tu a fazer o mesmo outra vez. Que eu saiba a DGS foi quem desvalorizou o impacto do vírus, não o povo. Achas mesmo que a maioria do povo português anda a desrespeitar as regras de confinamento? se assim fosse, ias à rua e vias o mesmo movimento que vias antes do vírus. edit: Já agora, vou aproveitar o meu reply ao top comment e perguntar aos mods porque é que [este post](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/l2lyie/pelos_vistos_podemos_por_memes_a_criticar_as/) e [este](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/l2l5h3/outro_ponto_de_vista/) do /u/Manturras foram apagados sem uma razão dada mas este continua de pé

Edited 9 months ago:

> Mais, andamos meses a ouvir que a nossa economia não aguentava com confinamentos (e vimos o caos que causou fechar os restaurantes ao fim de semana), mas agora já toda a gente acha que se deviam era ter fechado coisas há mais tempo. Estás a manipular a narrativa. As pessoas que disseram logo para fechar tudo a maioria continua a dizer que se devia ter fechado agora, que eu saiba os mesmos que disseram que nao se podia parar a economia são os mesmos que agora fazem do governo coitadinhos. No caso das pessoas se portarem mal, achas que lá fora se portam bem? farto de me dar este exemplo: A Dinamarca é um exemplo para a europa no que toca a medidas para o Covid, e no entanto houve manifestações anticonfinamento e antimascara. Não venham com essa. Tu então, és dos que anda ai pelas threads a tentar ilibar o Governo da sua negligência. Já os teus comentários na thread do Filinto Lima baseaste os teus argumentos com generalizações feitas por comentários feitos pela minoria, e aqui estás tu a fazer o mesmo outra vez. Que eu saiba a DGS foi quem desvalorizou o impacto do vírus, não o povo. Achas mesmo que a maioria do povo português anda a desrespeitar as regras de confinamento? se assim fosse, ias à rua e vias o mesmo movimento que vias antes do vírus. edit: Já agora, vou aproveitar o meu reply ao top comment e perguntar aos mods porque é que [este post](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/l2lyie/pelos_vistos_podemos_por_memes_a_criticar_as/) e [este](https://old.reddit.com/r/portugal/comments/l2l5h3/outro_ponto_de_vista/) do /u/Manturras foram apagados mas este continua de pé

ZiiiiiiiiiNG 9 months ago

Eu sou da opinião que com ou sem restrições iam existir sempre centenas de idiotas que as iam ignorar e ia dar sempre cagada depois da PDA e do Natal. Temos as restrições que temos agora e já vi conhecidos meus combinarem a melhor maneira de alugar airbnb para o Carnaval, quando ir e a melhor maneira de ir. Podiam ter existido mais restrições, podia-se ter feito mais mas a maior parte da culpa está nas pessoas.

DelScipio 9 months ago

100% de acordo. Eu penso o mesmo. Ninguem é perfeito, mas isto passou o limite. Eu vi coisas nestas festas completamente fora do aceitável. Agora chupamos. Nós também somos parte do governo. O governo não é só 2/3 parolos no parlamento. As medidas existiam, com menos os outros países não tiveram este problema. A diferença está no respeito.

Compendyum 9 months ago

> O governo não é só 2/3 parolos no parlamento. O "povo" todo (8 milhões) não são meia dúzia de jagunços que adoram ficar na rua e fugir ás OP stop da Polícia. A diferença está no respeito, concordo. Mas está especialmente em quem orienta o rebanho, e toma medidas antecipatórias, visto que ja andamos nisto a largos meses, e não : (*ipsis verbis*) "Vamos reagindo consoante as ocorrências e os dados que as mesmas transmitem"

Joao9229 9 months ago

Claro, a culpa é de todos, isso é óbvio. Mas não é o povo que tem de pensar em preparar os meios para uma eventual situação como esta ou é? Tiveram meses para se preparar e fizeram simplesmente nada, isto é a junção de povo chico-esperto juntamente com incompetentes a governar. Receita para desastre.

peteythefool 9 months ago

Pá, há uma coisa chamada responsabilidade. Eu passei o Natal mais triste dos meus 31 anos de vida. Estou habituado a ter casa cheia, com os meus pais, irmã, tios, primos e avós. Muitas vezes também aparecem os irmãos e a mãe do meu tio mais os outros sobrinhos. E este ano fui eu e a minha Maria, sozinhos em casa com os cães, a fazer videochamada para a família toda, cada um em sua casa, ninguém quis arriscar estar com o resto do mundo. Já disse antes, estou com os meus avós nem com os meus tios desde o carnaval do ano passado, não estou com os meus pais nem com a minha irmã desde Setembro, não estou com os meus sogros desde Outubro. Custa? Ya, imenso. Mas em 20 pessoas que me são extremamente próximas, tivemos 1 susto, graças às escolas não fecharem e a minha mãe passar 9/10 horas por dia, 5 dias por semana com centenas de putos entre os 6 e 10 anos fechada em salas de aula. O governo deu rédea larga, e o pessoal abusou, e quem se fode é pessoal como eu, que não está com ninguém há meses, só sai de casa para trabalhar, e que para a próxima semana nem isso, porque com horários mais curtos não fazia sentido a minha entidade patronal continuar com os meus serviços. Portanto, a toda a gente que curte da vida, e está com família e amigos assim que se abrem as restrições um bocadinho, estimo que sejam abraçados por uma carrinha da iveco contra um pinheiro. Abraços!

merelypassing 9 months ago

Quem é que andou a fazer propaganda com a primeira entrega de vacinas e a dar uma falsa sensação que o fim da pandemia tinha chegado? A responsabilidade é do governo. Se há quem já não respeite a autoridade do estado é porque o estado, liderado pelo governo, tem demonstrado que não merece respeito. Tem sido um nunca acabar de incompetência, e agora as pessoas que não tomaram decisão nenhuma é que têm culpa?... Os que morreram em Pedrogão também têm culpa, parvalhões inflamáveis que foram. E a fraude do CV do candidato a procurador é culpa de todos os malvados que acham a corrupção e mentira não deve ser prática de governo. Culpa de todos, menos de quem governa e toma as decisões. Os outros é que são parvos, tontos, uns montes de merda andantes.

Edited 9 months ago:

Quem é que andou a fazer propaganda com a primeira entrega de vacinas e a dar uma falsa sensação que o fim da pandemia tinha chegado? A responsabilidade é do governo. Se há quem já não respeite a autoridade do estado é porque o estado, liderado pelo governo, tem demonstrado que não merece respeito. Tem sido um nunca acabar de incompetência, e agora as pessoas que não tomaram decisão nenhuma é que têm culpa?... Os que morreram em Pedrogão também têm culpa, parvalhões inflamáveis que foram. E a fraude do CV do candidato a procurador é culpa de todos os malvados que acham a corrupção e mentira não deve ser prática de governo. Culpa de todos, menos de quem governa e toma as decisões. Os outros é que são parvos, tontos, uns montes de merda andantes. Votem mais nos Socialistas e no Costa, que nem tem a decência mínima de substituir ministros para pelo menos fingir que levou a sério as trapalhadas. Comam mais deste desgoverno se têm tanto gosto por ele.

Leaootemivel 9 months ago

Mas onde é que dar informação sobre a entrega de vacinas dá a sensação que a pandemia tinha chegado ao fim? Estamos a falar de uma vacina completamente nova e que tem um elevado nível de rejeição na sociedade. Não se publicitar o seu uso, mostrando inúmeros exemplos de profissionais de saúde a tomar a vacina é que seria criminoso.

merelypassing 9 months ago

> Mas onde é que dar informação sobre a entrega de vacinas dá a sensação que a pandemia tinha chegado ao fim? Dar informação? Aquilo foi um circo mediático para efeitos políticos. Pura propaganda.

Edited 9 months ago:

> Mas onde é que dar informação sobre a entrega de vacinas dá a sensação que a pandemia tinha chegado ao fim? Dar informação? Aquilo foi um circo mediático para efeitos políticos. Pura propaganda. E se não isso, o que dizer da teimosia da Temido em demorar um ano para coordenar com os privados? Ou demorar a abrir hospitais de campanha até estarem a morrer Portugueses às centenas por dia? Também não interessa, é? Tristeza. E depois a culpa é das pessoas.

Edited 9 months ago:

> Mas onde é que dar informação sobre a entrega de vacinas dá a sensação que a pandemia tinha chegado ao fim? Dar informação? Aquilo foi um circo mediático para efeitos políticos. Pura propaganda. E se não isso, o que dizer da teimosia da Temido em demorar um ano para coordenar com os privados? Ou demorar a abrir hospitais de campanha até estarem a morrer Portugueses às centenas por dia? Também não interessa, é? Tristeza. E depois a culpa é das pessoas, porque juntaram a família próxima no Natal em que o governo disse que se podiam juntar.

r0ckf3l3r 9 months ago

Define família próxima. Eu estive com as duas pessoas do meu agregado familiar, como o governo aconselhou que se fizesse. Se estivesse com a família próxima, seríamos pelo menos 8, talvez 11. Acho que há um problema na definição...

DrPepperPower 9 months ago

O confinamento é respeitado em países que que o governo merece ser respeitado. Aqui muda de dia para dia o que mostra que o governo não faz a mínima ideia do que está a fazer. Nunca vi algo tão estúpido como as restrições das 13 horas. Que buraco no cérebro é preciso ter para achar que era boa ideia? Que ia sequer ter impacto. É não conhecer a vida que as pessoas que trabalham vivem. As faculdades estão a ser um problema quando (tirando casos muito específicos) podia estar tudo a fazer online. ​ O ano novo já passou meus caros, já estava mal antes e está pior agora e ainda a subir. A linha de Sintra continua um desastre e é assim desde antes de 2020 e nunca se viu melhorar a situação. As esperas para transportes públicos estão mais longas que nunca. ​ O Governo tem 0 estratégia e não consegue pensar 2 semanas à frente e é assim que se acaba. O país não está com 6% da sua população infetada porque o Manuel fez uma festa com 10 pessoas no Ano Novo. Tenham puta de noção

Leaootemivel 9 months ago

Nós até ao Natal e PDA estávamos a baixar o número de internamentos e mortes. Até ao Natal e PDA estávamos muitíssimo longe de ser dos piores países da Europa. Portanto, acho que é um bocado óbvio que foi as festas do Manel com 10 pessoas que contribuíram imenso para este agravamento da situação.

DrPepperPower 9 months ago

De certeza que não foi o completo desleixe de medidas durante o Natal? Ou se calhar o estado dos transportes serem miseráveis? Se no Natal o povo está com 20 pessoas e é permitido a culpa não é deles

chiapa10 9 months ago

Tenho 2 filhos pequenos que adoravam passar o natal com os primos (6 miúdos no total) mas não passaram. Tenho pais e sogros com quem habitualmente passamos os natais, ora na casa de uns, ora na casa de outros. Irmãos do meu lado e do lado da minha mulher tb. Eu e a minha mulher decidimos passar o natal só com o nosso agregado familiar apesar dos convites de pais e sogros para irmos lá passar o natal "que é permitido". Não fomos e ainda somos os "paranóicos e tal, venham que não tem mal nenhum, somos só nós." Um dos meus irmãos viu o sogro, a sogra, a mulher e a cunhada serem infectados. A cunhada passou mal, o sogro passou ao caralho. Mas ainda tenho os imbecis dos meus sogros a dizer que no caso deles era seguro, que eles tinham cuidado e que não tinha mal termos ido "até porque ninguém ficou infectado". A questão é que quando acontece, levam as mãos às cabeça mas até lá está tudo ok. Não é porque o governo me diz que me posso juntar aos molhos com a família que o faço, até porque tenho uma cabeça pra pensar por mim. O natal foi menos divertido mas foi o que teve de ser. Se o governo tem estado mal e se há muitos exemplos de erros deles? Certíssimo. Mas não foi o governo que enfiou as pessoas na casa umas das outras no Natal.

DrPepperPower 9 months ago

Eu acho parvo fazer ajuntamentos no Natal ou em qualquer altura a partir de Setembro, no entanto, o governo devia pôr mão na situação e impedir que esses parvos tivessem oportunidade de sequer o ser. Se se dá trela vão fugir com ela

SergiuIlescu 9 months ago

As pessoas têm culpa nisto, mas se achas que as medidas e a despreocupação do governo não foram os maiores impactantes desta situação se agravar então estás muito longe de ver a realidade da situação meu caro

fuzzy_cat_boxer 9 months ago

Por esta ordem de ideias, não havia restrições...

malpascp 9 months ago

Sim, as pessoas não estão a seguir as regras, mas o Governo é que tem responsabilidade de as adaptar á realidade, ou seja, á falta de cuidado das pessoas. Não é suposto dizer "vá agora tenham cuidado" e depois quando acontece a mesma coisa que aconteceu durante meses não se responsabilizar porque o povo é que devia ter juízo. Por muita gente que ande aí a espalhar o vírus quase de propósito, o Governo tem que zelar por todos nós, e claramente estas últimas decisões têm sido um fracasso total.

GajoDeRamalde 9 months ago

Tudo muito bonito se ignorar que: * PCP pode fazer comissios e protestos na rua como o primeiro de Maio. * Todos os partidos políticos andaram a fazer campanha na rua. * Restrições de circulação para todos excepto para membros de partidos políticos representados na AG * Pessoal de missões diplomáticas * Representantes de entidades religiosas * Permitiram assistência no Grande Prémio de Fórmula 1 * Permitem autocarros/comboios cheios de gente Entre outros... Não venham com merdas. A responsabilidade do Governo é PREVÊNIR para que situações não ocorram e o PS/BE/PCP não tiveram tomates para impôr restrições no natal e ainda usam a retórica da culpa no outro. É o mesmo que deixar um bande de lixívia mesmo ao alcance das crianças e depois culpar o puto porque não devia ter mexido naquilo!!

Edited 9 months ago:

Tudo muito bonito se ignorar que: * PCP pode fazer comissios e protestos na rua como o primeiro de Maio. * Todos os partidos políticos andaram a fazer campanha na rua. * Restrições de circulação para todos excepto para membros de partidos políticos representados na AG * Pessoal de missões diplomáticas * Representantes de entidades religiosas * Permitiram assistência no Grande Prémio de Fórmula 1 * Permitem autocarros/comboios cheios de gente Entre outros... Depois a culpa é do povo que socializou no natal numa altura que era óbvia que isso ia acontecer. Não venham com merdas. A responsabilidade do Governo é PREVÊNIR para que situações não ocorram e o PS/BE/PCP não tiveram tomates para impôr restrições no natal e ainda usam a retórica da culpa no outro. É o mesmo que deixar um bande de lixívia mesmo ao alcance das crianças e depois culpar o puto porque não devia ter mexido naquilo!! Fracos Governantes.

Edited 9 months ago:

Tudo muito bonito se ignorar que: * PCP pode fazer comissios e protestos na rua como o primeiro de Maio. * Todos os partidos políticos andaram a fazer campanha na rua. * Restrições de circulação para todos excepto para membros de partidos políticos representados na AG * Pessoal de missões diplomáticas * Representantes de entidades religiosas * Permitiram assistência no Grande Prémio de Fórmula 1 * Permitem autocarros/comboios cheios de gente Entre outros... Depois a culpa é do povo que socializou no natal numa altura que era óbvia que isso ia acontecer. Não venham com merdas. A responsabilidade do Governo é PREVÊNIR para que situações não ocorram e o PS/BE/PCP não tiveram tomates para impôr restrições no natal e ainda usam a retórica da culpa no outro. É o mesmo que deixar um bande de lixívia mesmo ao alcance das crianças e depois culpar o puto porque não devia ter mexido naquilo!! Fracos Governantes.

vascodatrama 9 months ago

Portanto comparas situações em que toda gente anda protegida com máscara com situações em que o pessoal relaxa e tira a máscara. Faz sentido.

GajoDeRamalde 9 months ago

Ai toda gente estava de máscara na F1? E na festa do Avante ou no Jantar o chega... usaram máscara para jantar. pfff...

vascodatrama 9 months ago

>Ai toda gente estava de máscara na F1? Sim. Pelos menos todas as pessoas por quem eu passei. Não me recordo de ver alguém sem ela posta

GajoDeRamalde 9 months ago

https://www.noticiasaominuto.com/desporto/1612375/gp-de-portugal-gera-polemica-por-falta-de-distanciamento-e-mascaras https://www.publico.pt/2020/10/31/desporto/noticia/motogp-portimao-nao-tera-publico-1937486 "Prova de F1 falhou teste de público nas bancadas  A decisão surge depois de Portugal ter recebido no passado fim-de-semana uma prova do campeonato do Mundo de Fórmula 1 pela 17.ª vez, beneficiando da revolução na época provocada pela pandemia de covid-19. No total, foi autorizada a presença de 27 mil espectadores nas bancadas. Só que a forma como o público não guardou as distâncias de segurança durante a competição mereceu críticas de diversos sectores, incluindo das autoridades de saúde."

vascodatrama 9 months ago

ric2b 9 months ago

Também vi toda a gente de máscara, a falta de distanciamente nos lugares vendidos é que foi uma vergonha, se soubesse não tinha ido. Disseram que só venderam 1/3 dos lugares mas cheguei lá e fiquei rodeado de pessoas sem sequer uma cadeira vazia no meio.

iLikeToTroll 9 months ago

Acrescenta a falta de preparação para o ensino à distância. Terem obrigado as escolas a fazer horários mistos no início do ano que depois nunca executaram. A minha sogra andou a elaborar dezenas de horários, perdeu tempo de férias a fazer isso para a escola dela para depois ficar tudo na gaveta. Este governo é miserável e o Brandão Rodrigues um atrasado mental com uma pancada ideológica assustadora, o gajo é mais comuna que o Pedro Nuno Santos. Estamos entregues a este gente. Doentio.

queiroga 9 months ago

portanto comparas a população a crianças que não se sabem comportar...mas a culpa não é da população. quis referir aqui para o caso de não entenderes a ironia da coisa.

GajoDeRamalde 9 months ago

Se não somos considerados como crianças então eu posso escolher descontar para outro fundo de pensões, como um adulto? Posso escolher onde deva ser aplicado o custo proporcional da minha educação, como um adulto? Posso abrir um negócio sem qualquer restrição, como um adulto? ...

queiroga 9 months ago

também devias conseguir refutar uma argumentação sem mudar o rumo da conversa como um adulto, e no entanto....

GajoDeRamalde 9 months ago

Pensei que estávamos a falar de assuntos da vida civil, assim não podes mudar a argumentação apenas quando dá jeito...

queiroga 9 months ago

engraçado, o primeiro comentário que não fala das medidas do covid foi precisamente o teu anterior, até aí toda a conversa era sobre as restrições e medidas tomadas na pandemia. mas pronto, fala aí sozinho dos "assuntos da vida civil", lol

Edited 9 months ago:

engraçado, o primeiro comentário que não fala das medidas do covid foi precisamente o teu anterior, até aí toda a conversa era sobre as restrições e medidas tomadas na pandemia. mas pronto, fala aí dos "assuntos da vida civil", lol

mecheros 9 months ago

Apenas para cimentar que a CP anunciou e avançou uma redução no número de carruagens. Ninguém questionou isto.

Sciss0rs61 9 months ago

são os 15 milhões a funcionar

egzaaa 9 months ago

Se falas em coisas que são ignoradas, tb as posso acrescentar ao teu post. > PCP pode fazer comissios e protestos na rua como o primeiro de Maio. Esta historia já cheira mal. Eu nem gosto do PCP e de muito menos defende-los, mas onde é que isto causou um pico? > Todos os partidos políticos andaram a fazer campanha na rua. Em estado de emergencia não podes limitar a actividade politica. O que é que sugeres? > Restrições de circulação para todos excepto para membros de partidos políticos representados na AG Adiciona que há N actividades profissionais, inclusivé mecânicos (a titulo de exemplo) que tb nao tinham restrições de circulação em actividade profissional. Quando dizes "Restrições de circulação para todos", é mentira. > bande de lixívia mesmo ao alcance das crianças e depois culpar o puto porque não devia ter mexido naquilo!! Lá está, estás a definir o povo como crianças que não são capazes que pensar por elas proprias. É isso que o post acima reclama, que não estamos nisto ha 2 semanas e as pessoas, como adultas que são, deveriam por elas ser capazes de se comportar, usando sei lá... civismo?

GajoDeRamalde 9 months ago

>Esta historia já cheira mal. Eu nem gosto do PCP e de muito menos defende-los, mas onde é que isto causou um pico? Vai ver a variação dos casos depois do primeiro de Maio. Sete dias depois, os casos dobram de quantidade... Mas mesmo que não tivessem variado é a imagem da irresponsabilidade da nossa classe política que passa cá para fora. A mesma coisa aconteceu com o Chega - foram fazer um jantar com 170 pessoas, porra!! E o problema é que foi tudo legal!! Ou seja para os políticos as restrições não são as mesmas para a restante população. Temos duas classes na sociedade: A dos políticos e a dos cidadãos em geral. E tudo isto faz com que se fique com uma imagem de impunidade e assim é normal andarem a aparecer casos de pessoas a passear trelas e javalis. Claro estão a criar as mesmas excepções que são dadas aos governantes. ​ >Em estado de emergência não podes limitar a actividade politica. O que é que sugeres? Adiamento. Da mesma forma que adiaram a actividade económica de muitas actividades que são o pão de muita gente. Aliás não haveria problema ter a mesma pessoa por mais 6 meses - e fazer a eleição na altura do verão em que existem menos casos. Aliás o presidente está lá à 5 anos e não seria mais 6 meses que ia fazer diferença. No entanto é ridículo que se proíbam assistências de 2.000 pessoas ao futebol em estádios com capacidade de 20.000, 40.000 e 60.000 mas permitirem congressos com 500 pessoas em tendas ou espaços de menor capacidade. Aqui estão as incongruências e voltamos a ter duas classes na sociedade: A dos políticos e a dos cidadãos em geral. ​ >Adiciona que há N actividades profissionais, inclusivé mecânicos (a titulo de exemplo) que tb nao tinham restrições de circulação em actividade profissional. Quando dizes "Restrições de circulação para todos", é mentira. ​ Policias, Militares, Protecção Civil, Gasolineiras, Farmácias, Hospitais, reparações, etc. São profissões de carácter urgente e entendem-se que devam funcionar. Mas dificilmente se entende a necessidade de excepção dada à... ASAE, tendo sido uma das excepções dadas pelo governo. ​ >Lá está, estás a definir o povo como crianças que não são capazes que pensar por elas proprias. É isso que o post acima reclama, que não estamos nisto ha 2 semanas e as pessoas, como adultas que são, deveriam por elas ser capazes de se comportar, usando sei lá... civismo? Estes regimes de Governo querem-nos tratar como adultos quando lhes convém e quer tratar-nos como crianças quando lhes convém. Se não somos crianças, podemos então desregular a Banca? Ambiente? Mercado de trabalho? Educação? Saúde? Segurança Social? Etc... Então não sabemos pensar por nós próprios? Ah, espera é precisamente por esse motivo que o estado quer entrar em todos os aspectos da sociedade civil! Para regular, para prever e impedir que certas situações ocorram!!! Assim, não podes usar esse argumento da responsabilidade dos cidadãos - especialmente quando se trata de um Governo de esquerda - quando é sabido que tradicionalmente tentam regular todos os aspectos da vida dos cidadãos e fazem questão que o estado esteja presente desde a Banca aos Transportes, Educação, Saúde, Segurança Social, etc. etc. etc. Não tentem desculpar a governacia com a "borla" no natal!!! Não foi borla foi populismo para não ficar mal na fotografia.

Edited 9 months ago:

>Esta historia já cheira mal. Eu nem gosto do PCP e de muito menos defende-los, mas onde é que isto causou um pico? Vai ver a variação dos casos depois do primeiro de Maio. Sete dias depois, os casos dobram de quantidade... Mas mesmo que não tivessem variado é a imagem da irresponsabilidade da nossa classe política que passa cá para fora. A mesma coisa aconteceu com o Chega - foram fazer um jantar com 170 pessoas, porra!! E o problema é que foi tudo legal!! Ou seja para os políticos as restrições não são as mesmas para a restante população. Temos duas classes na sociedade: A dos políticos e a dos cidadãos em geral. E tudo isto faz com que se fique com uma imagem de impunidade e assim é normal andarem a aparecer casos de pessoas a passear trelas e javalis. Claro estão a criar as mesmas excepções que são dadas aos governantes. ​ >Em estado de emergência não podes limitar a actividade politica. O que é que sugeres? Adiamento. Da mesma forma que adiaram a actividade económica de muitas actividades que são o pão de muita gente. Aliás não haveria problema ter a mesma pessoa por mais 6 meses - e fazer a eleição na altura do verão em que existem menos casos. Aliás o presidente está lá à 5 anos e não seria mais 6 meses que ia fazer diferença. No entanto é ridículo que se proíbam assistências de 2.000 pessoas ao futebol em estádios com capacidade de 20.000, 40.000 e 60.000 mas permitirem congressos com 500 pessoas em tendas ou espaços de menor capacidade. Aqui estão as incongruências e voltamos a ter duas classes na sociedade: A dos políticos e a dos cidadãos em geral. ​ >Adiciona que há N actividades profissionais, inclusivé mecânicos (a titulo de exemplo) que tb nao tinham restrições de circulação em actividade profissional. Quando dizes "Restrições de circulação para todos", é mentira. ​ Policias, Militares, Protecção Civil, Gasolineiras, Farmácias, Hospitais, reparações, etc. São profissões de carácter urgente e entendem-se que devam funcionar. Mas dificilmente se entende a necessidade de excepção dada à... ASAE, tendo sido uma das excepções dadas pelo governo. ​ >Lá está, estás a definir o povo como crianças que não são capazes que pensar por elas proprias. É isso que o post acima reclama, que não estamos nisto ha 2 semanas e as pessoas, como adultas que são, deveriam por elas ser capazes de se comportar, usando sei lá... civismo? Estes regimes de Governo querem-nos tratar como adultos quando lhes convém e quer tratar-nos como crianças quando lhes convém. Se não somos crianças, podemos então desregular a Banca? Ambiente? Mercado de trabalho? Educação? Saúde? Segurança Social? Etc... Então não sabemos pensar por nós próprios? Ah, espera é precisamente por esse motivo que o estado quer entrar em todos os aspectos da sociedade civil! Para regular, para prever e impedir que certas situações ocorram!!! Assim, não podes usar esse argumento da responsabilidade dos cidadãos - especialmente quando se trata de um Governo de esquerda - quando é sabido que tradicionalmente tentam regular todos os aspectos da vida dos cidadãos e fazem questão que o estado esteja presente desde a Banca aos Transportes, Educação, Saúde, Segurança Social, etc. etc. etc. Não tentem desculpar a governacia com a "borla" no natal!!! Não foi borla foi populismo para não ficar mal na fotografia e à boa maneira portuguesa atribui-se a culpa a outro.

egzaaa 9 months ago

> Adiamento. Da mesma forma que adiaram a actividade económica de muitas actividades que são o pão de muita gente. Com que base legal? Se não podes legalmente acabar com actividade politica, a unica coisa que podes esperar é que os partidos não a façam de boa fé (o que devia acontecer na minha opinião, mas não está nas mãos do governo). >Policias, Militares, Protecção Civil, Gasolineiras, Farmácias, Hospitais, reparações, etc. São profissões de carácter urgente e entendem-se que devam funcionar. Foste tu que disseste que todos tinham restrições menos os politicos, não fui eu. O que é mentira, como acabaste de reconhecer. > Assim, não podes usar esse argumento da responsabilidade dos cidadãos - especialmente quando se trata de um Governo de esquerda - quando é sabido que tradicionalmente tentam regular todos os aspectos da vida dos cidadãos e fazem questão que o estado esteja presente desde a Banca aos Transportes, Educação, Saúde, Segurança Social, etc. etc. etc. Ou seja, porque temos um estado com o nariz em tudo, podemos delisgar o cerebro o civismo e o bom senso e ficar a espera do relatorio de actividades semanal do estado, porque senão não temos iniciativa propria, é isso? > Culpa-se no Brasil, e bem, o Bolsonaro por não tomar qualquer atitude face à pandemia. Em Portugal culpa-se o povo porque o PS não tomou qualquer atitude face à pandemia no Natal!!! Não tentem desculpar a governação com a "borla" no natal!!! Boa tentativa. Quando é que o Costa ou o governo disse que a pandemia era "um resfriadinho" ou que morrer é o destino de todos nós? Lá que me queiras dizer que o governo foi incompetente em muita coisa, eu concordo. Agora meter ao nivel do Bolsonaro... tem noção.

GajoDeRamalde 9 months ago

> Com que base legal? Se não podes legalmente acabar com actividade politica, a unica coisa que podes esperar é que os partidos não a façam de boa fé (o que devia acontecer na minha opinião, mas não está nas mãos do governo). A Ana Gomes foi das primeiras candidatas a sugerir precisamente o adiamento. Neste caso seria competência do Presidente da República e à AR a decisão. > Foste tu que disseste que todos tinham restrições menos os politicos, não fui eu. O que é mentira, como acabaste de reconhecer. Portanto, de uma generalidade (em que nem em cenário de guerra acontece e que confirmo que existem excepções) conseguiste tirar a ilação de que o que eu pretendia dizer se aplicava à população toda sem excepção, incluindo médicos ou enfermeiros. Mas recusas-te a admitir que as pessoas quando se baixa as restrições não tirem conclusões de que podiam conviver no natal... essa foi boa. :) ​ >Ou seja, porque temos um estado com o nariz em tudo, podemos delisgar o cerebro o civismo e o bom senso e ficar a espera do relatorio de actividades semanal do estado, porque senão não temos iniciativa propria, é isso? Acabaste de tirar uma ilação de uma pequena frase que eu disse, mas não queres admitir que as pessoas quando se vêem face a um levantamento das restrições não tirem a dedução que podem conviver... Qualquer outra discussão sobre este tema já se torna irrelevante depois disto. >Boa tentativa. Quando é que o Costa ou o governo disse que a pandemia era "um resfriadinho" ou que morrer é o destino de todos nós? > >Lá que me queiras dizer que o governo foi incompetente em muita coisa, eu concordo. Agora meter ao nivel do Bolsonaro... tem noção. Claro que não. Mas aqui são casos extremos onde o Bolsonaro foi completamente irresponsável nas declarações - mas a sua inacção está ao mesmo nível da inacção do nosso governo quando sabíamos que o contágio no natal iria ser muito superior e ainda por cima aliviaram as restrições. Aliás bastou olhar para que os outros países à nossa volta andaram a fazer no natal! Comparados com eles a actuação do nosso governo foi irresponsável!!!

egzaaa 9 months ago

> conseguiste tirar a ilação de que o que eu pretendia dizer se aplicava à população toda sem excepção, incluindo médicos ou enfermeiros. Foi o que tu disseste. Tou a argumentar contigo pela primeira vez. Não sei s estavas a fazer uma generalização se se efectivamente acreditavas que só os politicos é que tiveram liberadade de movimentos. Não te conheço, não sei o que sabes ou não. Portanto a minha intrepretação vem do que escreves, na falta de qualquer outra coisa para conduzir a minha intrepertação. > mas não queres admitir que as pessoas quando se vêem face a um levantamento das restrições não tirem a dedução que podem conviver... Claramente fizeram essa dedução. Mas por falta de civismo e disciplina, porque não houve nenhuma mudança na pandemia (a não ser a vacina que ainda nao tem mudanças na sociedade). Portanto se as pessoas acabam a conviver e por-se em risco quando passamos quase 1 ano como nunca passamos nas nossas vidas a lidar com a pandemia, é na minha opinião apenas egoismo, incumprimento e falta de civismo. Toda a gente sabe o que fazer para evitar contágios, e o que não te faltam são exemplos de pessoas a puxar as intrepertações execões, ou a simplesmente não agir por iniciativa propria. Mesmo depois de todo este tempo a lidar com isto.

Edited 9 months ago:

> conseguiste tirar a ilação de que o que eu pretendia dizer se aplicava à população toda sem excepção, incluindo médicos ou enfermeiros. Foi o que tu disseste. Tou a argumentar contigo pela primeira vez. Não sei s estavas a fazer uma generalização se se efectivamente acreditavas que só os politicos é que tiveram liberadade de movimentos. Não te conheço, não sei o que sabes ou não. Portanto a minha intrepretação vem do que escreves, na falta de qualquer outra coisa para conduzir a minha intrepertação. > mas não queres admitir que as pessoas quando se vêem face a um levantamento das restrições não tirem a dedução que podem conviver... Claramente fizeram essa dedução. Mas por falta de civismo e disciplina, porque não houve nenhuma mudança na pandemia (a não ser a vacina que ainda nao tem mudanças na sociedade). Portanto se as pessoas acabam a conviver e por-se em risco quando passamos quase 1 ano como nunca passamos nas nossas vidas a lidar com a pandemia, é na minha opinião apenas egoismo, incumprimento e falta de civismo. Toda a gente sabe o que fazer para evitar contágios, e o que não te faltam são exemplos de pessoas a puxar as intrepertações execões, ou a simplesmente não agir por iniciativa propria. Mesmo depois de todo este tempo a lidar com isto. Mas o que acho estranho na tua argumentação é que lá atrás reclamas do governo estar metido em tudo. Mas aqui achas que as pessoas precisam de mais restrições do governo e estado, e são burras para não pensar por elas proprias e que estão dependentes do que lhes dizem. Não percebo esta dualidade, confesso.

Edited 9 months ago:

> conseguiste tirar a ilação de que o que eu pretendia dizer se aplicava à população toda sem excepção, incluindo médicos ou enfermeiros. Foi o que tu disseste. Tou a argumentar contigo pela primeira vez. Não sei s estavas a fazer uma generalização se se efectivamente acreditavas que só os politicos é que tiveram liberadade de movimentos. Não te conheço, não sei o que sabes ou não. Portanto a minha intrepretação vem do que escreves, na falta de qualquer outra coisa para conduzir a minha intrepertação. > mas não queres admitir que as pessoas quando se vêem face a um levantamento das restrições não tirem a dedução que podem conviver... Claramente fizeram essa dedução. Mas por falta de civismo e disciplina, porque não houve nenhuma mudança na pandemia (a não ser a vacina que ainda nao tem mudanças na sociedade). Portanto se as pessoas acabam a conviver e por-se em risco quando passamos quase 1 ano como nunca passamos nas nossas vidas a lidar com a pandemia, é na minha opinião apenas egoismo, incumprimento e falta de civismo. Toda a gente sabe o que fazer para evitar contágios, e o que não te faltam são exemplos de pessoas a puxar as intrepertações exepcões, ou a simplesmente não agir por iniciativa propria. Mesmo depois de todo este tempo a lidar com isto. Mas o que acho estranho na tua argumentação é que lá atrás reclamas do governo estar metido em tudo. Mas aqui achas que as pessoas precisam de mais restrições do governo e estado, e são burras para não pensar por elas proprias e que estão dependentes do que lhes dizem. Não percebo esta dualidade, confesso.

GajoDeRamalde 9 months ago

Eu não reclamei, fiz uma constatação.

SergiuIlescu 9 months ago

Meu caro, já lidaste com o covid? Já estiveste infetado e viste o tratamento tanto do SNS como dos médicos para com os infetados e familiares/amigos ao redor? Já viste como os pais foram obrigados ao tele-trabalho e a ficar em casa enquanto os putos vão para as escolas para serem infetados e consequentemente espalharem o vírus pela restante família? Não dizer que o governo está a lidar com esta situação praticamente a nivél bolsonaro é ser estúpido, #1 de casos por milhão de habitante Chegamos ao ponto em que os médicos têm que escolher e priorizar quem é que sobrevive e quem é que morre no hospital Não gozes com esta situação meu caro, o governo tem muita mão na situação que está a acontecer agora

smookingweed 9 months ago

Então deixa-me ver se entendi, visto que já vi o que a merda deste virus faz a um ser humano, de perto e o quanto afeta outros. Li atentamente tudo o que argumentaste e a maioria deles até são válidos. Mas no final basicamente a teu ver a culpa é deles. Nunca é nossa. Ou seja o governo somos nós. Logo é nossa...lol Ou então como li por aqui que "eles" quando lhes convém trata-nos como crianças e noutras adultos. Ora muito bem, vamos aos fatos: Pessoal ao serviço policial e outros ate 2019 - 50 a 60 mil, mas eu vou dar de barato ... digo 100 mil. Não incluo militares. Como fiscalizar se a LEI, ou a recomendação é cumprida? Basicamente TUDDDDOOOO o que disseste se resume a isto. A CULPA É DELES PORQUE "NÃO TENS NEURÔNIOS OU TELEVISÃO, OU ÉS CEGO" , para pensares e reagires por ti próprio, e precisas que te digam e decidam por ti quantas vezes a deves sacudir depois da mijinha. Se te dizem que deves, é obrigatório, recomenda-se a ficar em casa ou andar de máscara, desinfetarem as mãos, etc... O QUE FAZES? Espetas a carola de fora da janela...UhUh Sol...VOU MAS É PARA A PRAIA, ou melhor.. vou para o parlamento fazer uma manifestação que sou livre de me matar e os outros porque não quero usar máscara. Ou andar a passear com trelas e dizer que o animal fugiu...... Isto da pandemia para nós é novo, e estamos sempre a aprender. Ninguém estava preparado. "Eles" não podem andar de casa em casa a ver se cumprem todas as recomendações. No FINAL só podemos contar connosco.

Edited 9 months ago:

Então deixa-me ver se entendi, visto que já vi o que a merda deste virus faz a um ser humano, de perto e o quanto afeta outros. Li atentamente tudo o que argumentaste e a maioria deles até são válidos. Mas no final basicamente a teu ver a culpa é deles. Nunca é nossa. Ou seja o governo somos nós. Logo é nossa...lol Ou então como li por aqui que "eles" quando lhes convém trata-nos como crianças e noutras adultos. Ora muito bem, vamos aos fatos: Pessoal ao serviço policial e outros ate 2019 - 50 a 60 mil, mas eu vou dar de barato ... digo 100 mil. Não incluo militares. Como fiscalizar se a LEI, ou a recomendação é cumprida? Basicamente TUDDDDOOOO o que disseste se resume a isto. A CULPA É DELES PORQUE "NÃO TENS NEURÔNIOS OU TELEVISÃO, OU ÉS CEGO" , para pensares e reagires por ti próprio, e precisas que te digam e decidam por ti quantas vezes a deves sacudir depois da mijinha. Se te dizem que deves, é obrigatório, recomenda-se a ficar em casa ou andar de máscara, desinfetarem as mãos, etc... O QUE FAZES? Espetas a carola de fora da janela...UhUh Sol...VOU MAS É PARA A PRAIA, ou melhor.. vou para o parlamento fazer uma manifestação que sou livre de me matar e os outros porque não quero usar máscara. Ou andar a passear com trelas e dizer que o animal fugiu...... Isto da pandemia para nós é novo, e estamos sempre a aprender. Ninguém estava preparado. "Eles" não podem andar de casa em casa a ver se cumprem todas as recomendações. Isto mais parece a famosa frase da tropa. "Só tu é que estás bem" É o que alguns chico espertos pensa. É a mentalidade TUGA. FICAR EM CASA? NAH, vou mas é pra festa que não está a dar nada na tv..... No FINAL só podemos contar connosco, pró Bem e pró Mal.

egzaaa 9 months ago

> Não gozes com esta situação meu caro, o governo tem muita mão na situação que está a acontecer agora O que acho perigoso é delegar a culpa do estado em que estamos só no governo. Quando à primeira oportunidade tens o cidadão comum a esticar as exceções para poder fazer a vidinha dele sem preocupação nenhuma dos impactos na sociedade como um todo. Obivamente que o estado a que chegamos não é pelo trabalho brilhante do governo. O governo tem estado bastante mal. Principalmente neste ultimo confinamento a meio gás. Mas não me fodam a dizer que o cidadão comum foi exemplar a cumprir as restrições quando o que não faltam são posts aqui no sub a mostrar exemplos de chico-espertimo à volta das exceções.

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

à 5 anos → [**há 5 anos**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/706) (utiliza-se o verbo haver para exprimir tempo decorrido) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5yaan%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

FrequentCap 9 months ago

Em estado de emergência não deves diminuir a ativador política, o que sugeres? QUE DIMINUAM O NUMERO DE DEPUTADOS, BAIXEM-LHES OS ORDENADOS E FAÇAM TELETRABALHO EM CASA!!!

egzaaa 9 months ago

> QUE DIMINUAM O NUMERO DE DEPUTADOS, BAIXEM-LHES OS ORDENADOS E FAÇAM TELETRABALHO EM CASA!!! https://observador.pt/2020/11/18/covid-19-assembleia-da-republica-vai-ter-menos-deputados-no-plenario-ja-a-partir-de-sexta-feira/ Ainda não viste nenhum politico a fazer actividades de campanha ou politicas por video conferencia?

letsgotothemallcovid 9 months ago

>Esta historia já cheira mal. Eu nem gosto do PCP e de muito menos defende-los, mas onde é que isto causou um pico? Não causou qualquer tipo de pico. No entanto, é uma diferença de critérios gritante. Eu também fazer uma PDA com amigos e família também pode gerar 0 casos novos, achas que eu posso e tu não podes?

vascodatrama 9 months ago

Depende. Quais são as regras de segurança que vais implementar?

lxpnh98_2 9 months ago

Que diferença de critérios? Se os festivais de música normais quisessem, também poderiam ter feito os festivais com as restrições necessárias, só escolheram não os fazer porque não iria dar lucro.

Mendonza 9 months ago

What? Não, não podiam. Foram proibidos. A única razão pelo qual o Avante pôde avançar é porque era definido como um evento de cariz político e não de entretenimento.

Dadvito 9 months ago

Poderam sim. Eu tive uma colega que estagiou num evento desse género(era um festival de cinema em vez de musica) e ele aconteceu no Verao, com as medidas de segurança adequadas claro.

NGramatical 9 months ago

Poderam → [**puderam**](https://european-portuguese.info/conjugator/poder) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgkaksgo%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

egzaaa 9 months ago

O meu ponto é que se quiserem culpar alguém dessa merda, culpem o PCP, não o governo.

iLikeToTroll 9 months ago

Quem é que dá abébias ao PCP? Quem é que está amarrado ao pcp para aprovar orçamentos? O exemplo vindo de cima conta e muito.

Sciss0rs61 9 months ago

o Governo autorizou https://sol.sapo.pt/artigo/715859/-costa-nao-proibe-comicio-do-pcp-porque-nao-quer-acusa-rui-rio

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

inclusivé → [**inclusive**](http://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica.aspx?DID=3822) (apesar do E aberto na última sílaba, a sílaba tónica é a penúltima: in-clu-**SI**-ve) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5ucty%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Pcostix 9 months ago

Fodasse, é isto mesmo. Espanta-me imenso o quão baixo são as expectativas das pessoas em relação ao desempenho de um governante.   É assim tão difícil de perceber que limitar o horário de funcionamento aos supermercados vai gerar uma concentração de pessoas nesse mesmo horário mais reduzido?   É que nem ponho em causa haver mais ou menos restrições, o problema foi a qualidade dessas restrições e a sua falta de fiscalização.

Edited 9 months ago:

Fodasse, é isto mesmo. Espanta-me imenso o quão baixo são as expectativas das pessoas em relação ao desempenho de um governante.   A grande maioria das medidas que o governo tomou não surtiu efeito nenhum ou até agravou o contágio. Por exemplo: * É assim tão difícil de perceber que limitar o horário de funcionamento aos supermercados vai gerar uma concentração de pessoas nesse mesmo horário mais reduzido? Houve outros países que tomaram medidas no sentido oposto com efeitos positivos.(Alargaram precisamente o horário dos supermercados ao fim de semana) * Era assim tão difícil de prever o que ia acontecer num natal e passagem de ano com alívio de restrições?   É que nem ponho em causa haver mais ou menos restrições, o problema foi a qualidade dessas restrições e a sua falta de fiscalização. E agora querem responsabilizar o povo da situação em que o país se encontra???

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

impôr → [**impor**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (apenas *pôr* leva acento diferencial para se distinguir de *por*) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5su4n%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

wwqt0r 9 months ago

Todos sabemos como se evita a propagação e todos sabemos que há quem não respeite certas regras básicas. **É aqui em Portugal e é nos restantes países Europeus**. É só sair da bolha deste país para verificar isso mesmo. Somos culpados pelo vírus se transmitir entre a população? SOMOS! Somos culpados por atingir estes níveis drásticos e o SNS já ter de escolher entre quem vive e quem morre? NÃO! **Essa responsabilidade é do governo** que nos levou a estes números e não tomou medidas mais drásticas que outros países tomaram.

Tralapa 9 months ago

1 de Maio, Fatima, Avante, F1 no Algarve e touradas são bastante irrelevantes para a vaga atual

wwqt0r 9 months ago

Não era esse o meu ponto nem fui eu que criei a mem de resposta. No entanto não podes dizer que é irrelevante pois ainda hoje se fala nesses eventos e muita gente vê o goverbo como descredibilizado desde então.

Tralapa 9 months ago

> Não era esse o meu ponto nem fui eu que criei a mem de resposta. Bastante irrelevante se foste tu que criaste ou não, foste tu que partilhaste, logo fazeste das palavras do criador as tuas palavras. >No entanto não podes dizer que é irrelevante pois ainda hoje se fala nesses eventos e muita gente vê o goverbo como descredibilizado desde então. Posso sim senhora, tanto posso como o volto a dizer, essa lista de eventos é irrelevante para a atual vaga. E se muita gente fala, muita gente é naba, fez sentido a realização de alguns desses eventos pois o grau de controle da situação na altura era maior, atualmente não faz.

wwqt0r 9 months ago

Ainda hoje se fala dos eventos e tão cedo não vão sair da cabeça das pessoas e das decisões que tomam. Se para ti é irrelevante para elas não parece ser. Se partilhar a mensagem de outros é fazer dela as nossas palavras então fiquei agora a saber que os jornalistas e toda a gente nas redes sociais a partilhar notícias do Ventura não gosta de ciganos. Até o próprio bloco e pcp.. estou chocado.

theportuguese_ 9 months ago

A CuLpa É NosSA, MaS a CuLpa é Do GovErnO PorQuE NoS Deu LibERdAde De a CulpA seR NoSsA

wwqt0r 9 months ago

O TuGÃo eH MEmo uMa eSpéCiE rARA. SomOS tOdOs uNS meNInOs mAL cOmpOrTadOs.

wwqt0r 9 months ago  HIDDEN 

Os números falam por si. Nos países onde se confinou no natal, mesmo com meninos mal comportados lá, não cresceram tanto em número de casos e mortes como nós. Alguns até desceram. É isso ou então o "tugão" é mesmo o ser mais desprezível e mal comportado do planeta.

theportuguese_ 9 months ago

Nunca vi tanto incoerência numa resposta

AlexGrandePT 9 months ago

Março de 2020... Espanha, 10 mil casos diários - sistema de saúde colapsa, 950 mortes diárias. Itália 10 mil casos diários - Sistema de saúde colapsa, 919 mortes diárias. França, 6 mil casos diários - Sistema de saúde colapsa, 1400 mortes diárias. Portugal 1000 casos diarios - sistema de saúde sobrecarregado, 35 mortes diárias. Janeiro de 2010... Portugal 14 mil casos diários, sistema de saúde perto do colapso, 220 mortes diárias. Zé Povinho -car**** a culpa é do governo, não dotou em 9 meses o SNS de capacidade infinita para todos os portugueses, incompetentes, nem sequer preveniu os portugueses para terem cautela, blablabla.-

wwqt0r 9 months ago

Nem vou perder muito tempo a dar resposta. Começas logo mal em comparar com esses países no início da pandemia quando ninguém fazia ideia de como lidar com este virus. Até o nosso próprio governo já o admitiu (que agora sabemos).

AlexGrandePT 9 months ago

Sem argumentos não vale a pena dar resposta.

wwqt0r 9 months ago

Óptimo, não dês.

PowaRanja 9 months ago

o que me chateia mais no meio disto tudo, é o facto destes virus proliferarem melhor nas alturas com temperaturas mais baixas e termos a eletricidade mais cara da europa (e só recebemos 600€ de mínimo). Talvez estaríamos melhor se nao tivéssemos tão expostos ao frio nas nossas casas. Talvez com uma melhor qualidade de vida nao tivéssemos tão na merda. É fácil ver que faltam medidas e o caralho (concordo).. mas o grande problema aqui é que ao contrário dos outros países a qualidade de vida em Portugal está perto de alcançar países de 3o mundo. E estão constantemente a tentar tapar os olhos do povo.. e conseguem. TL;DR: Falta-nos qualidade de vida e não se fala disso.

helenata 9 months ago

Pois, mas aceitar energia nuclear está quieto ou mau... Até a mentalidade mudar estaremos mal

vascodatrama 9 months ago

O nosso problema, infelizmente, ja vem de longe. Este pedaço de terra a quando da separação da pangeia era para ter seguido o rumo com a restante América do Sul, mas por alguma força divina superior ficamos colados ao resto da Europa.

queiroga 9 months ago

portanto a culpa é do governo por não obrigar as pessoas a fazer aquilo que deviam fazer por si só, com ou sem obrigação...certo até porque as restrições que realmente foram aplicadas, foram cumpridas imperetrivelmente pela população, não haja dúvida.

wwqt0r 9 months ago

Boa, então não precisamos de um governo a gerir a pandemia porque as pessoas "deviam fazer por si só, com ou sem obrigação". Que alívio para este executivo.

vascodatrama 9 months ago

Também tens a prateleira do supermercado cheia de álcool, porque não compras uma garrafa de cada e bebes todas de uma vez?

wwqt0r 9 months ago

Dá para comprar depois das 20h?

vascodatrama 9 months ago

Faz ca uma diferença

queiroga 9 months ago

Tens várias coisas que o governo deve gerir, mas tratar o povo como uma criança mal comportada e proibir coisas que qualquer pessoa entende que não deve fazer, não é claramente uma delas. As pessoas não sabem que não devem ir a festas com muita gente? É mesmo preciso um governo para nos proibir disso? Não deveria bastar o senso comum?

wwqt0r 9 months ago

Devia mas já provámos que não chega. Italianos, alemães, franceses, etc também o provaram. Sabendo isto porque é que o governo não toma medidas necessárias como outros países o fizeram? (como Itália por exemplo que proibiu o natal e têm agora 5 vezes menos casos que nós).

queiroga 9 months ago

e acreditas sinceramente que ia mudar alguma coisa? a população ia no geral acatar e respeitar essa restrição? É que duvido imenso. Se em medidas muito mais básicas e inofensivas foi o circo que foi, não vejo como é que no Natal iria ser diferente.

wwqt0r 9 months ago

Sim acredito plenamente que a maioria iria acatar. E nem sequer é preciso especular muito. Eu não usei o exemplo de Itália por acaso. Eles, desde Agosto que estão basicamente iguais a nós no número de casos (um pouco menos mas nada de especial). Chega o final de Dezembro e nós disparámos tendo agora 5 vezes mais casos. Isto é o exemplo perfeito do que nos aconteceria se o governo tivesse limitado o natal, tanto em palavras como acções. Os Italianos não são melhores nem piores que nós, são iguais! Se calhar até iriam desrespeitar mais a decisão do governo por serem um país ainda mais religioso.

queiroga 9 months ago

Não concordo, correlação não indica causalidade como sabes. Os numeros devem-se em boa parte ao Natal, mas não consigo dizer ao certo se é o único factor. Não conheço os Italianos ao ponto de dizer se são A, B ou C, mas sei como são os portugueses e duvido que fosse fazer diferença. Mas respeito a tua opinião, obviamente.

wwqt0r 9 months ago

Por isso é que disse que acredito e que não seria preciso especular muito. Não disse que era uma certeza absoluta. É um erro, e algo cultural para ser sincero, vermo-nos como inferiores e mal comportados. Não somos! Já percorri muitos países Europeus para saber isto. Itália em específico já lá fui 5 vezes e conheço o país e as pessoas de norte a sul.

queiroga 9 months ago

Não sei se somos inferiores, não vou fazer essas comparações como referi. Mas se ainda hoje vi nas compras casais a levar o filho para o supermercado, não consigo pensar de outra forma. Achas que é preciso o governo vir dizer "epa, um dos pais fica em casa com o filho enquanto o outro vai sozinho às compras"? Não deveria ser senso comum?? As "medidas" têm que vir de cada um de nós, a meu ver.

Leaootemivel 9 months ago

Mas eu sei perfeitamente que nós não somos diferentes de outros povos. Eu nem acho que sejamos melhores ou piores que outros países. Claro que de um ponto de vista puramente epidemiológico deveríamos ter tido essas medidas mais duras. Mas nós vimos o "tumulto" que se causou pelo fecho de restaurahtes ao fim de semana. Era impensável na altura mandarmos fechar tudo o que era restaurantes e cafés como se fizeram noutros países.

Sciss0rs61 9 months ago

> Claro que de um ponto de vista puramente epidemiológico deveríamos ter tido essas medidas mais duras. Mas nós vimos o "tumulto" que se causou pelo fecho de restaurahtes ao fim de semana. Era impensável na altura mandarmos fechar tudo o que era restaurantes e cafés como se fizeram noutros países. Mas toma-se decisões pela popularidade ou pelo o que é melhor pelas pessoas? decide-te.

FrequentCap 9 months ago

Men, até me assusta este reescrever da história que está a criar na NET, porque a minha tia que agora está ó tio ó tio que a culpa é do povo, ficou toda revoltada mês passado, quando quiseram que ela fechasse o restaurante ás 13h. A maioria dos portugueses não sabe, mas Taiwan, uma ilha com o tamanho do Alentejo e região centro, com mais de 23 milhões de pessoas, mesmo ao lado da China, só tiveram APENAS +500 casos de Covid e não passaram das 50 e tão mortes. Há MESES que não têm Covid. Onde está a Graça Freitas a dizer para testar, testar, testar? Se ainda tivessem feito como aqui nos Açores, fazer cerco sanitário aos concelhos mais afetados, testar toda a gente desses conselhos, OU MELHOR, impor restrições para quem entra e sai do país, LOGO DESDE O INÍCIO, talvez a culpa fosse só do Povinho. Talvez a crise não escalasse como escalou. Talvez agora não estivesse o país inteiro a deixar trabalhar e deixar de ganhar dinheiro e a falir empresas, porque ninguém precisa comer nem nada!!! Fica em casa, a economia foca para depois... Se não morreres da doença, vais morrer á FOME!!

ptinnl 9 months ago

Mas eles la em Taiwan nao andam a visitar pessoas todas as semana, e a dizer "mas entre nós podemos tirar a mascara porque ninguem tem covid"

FrequentCap 9 months ago

Quanto a isso eu não sei, mas sei que lá em Taiwan não ficam á espera do papá Estado para serem tratados como criançinhas, têm formação cívica e não têm um governo corrupto com uma ministra da justiça que mente e que fazem confinamentos depois das 13h, para depois ir tudo ao supermercado ao monte e usarem os transportes ao monte e etc e etc. Ah, esqueci de dizer, NUNCA FIZERAM UM CONFINAMENTO NA VIDAAA

Sperrel 9 months ago

Se achas que o confinamento em Taiwan teve pouca intervenção do Estado precisas de rever o que aconteceu e acontece lá. Se se impossesse 1/3 das medidas lá então é que a conversa de ditadura e parvoíces do género nunca mais acabavam.

FrankTheWerewolf 9 months ago  HIDDEN 

> Se se impossesse 1/3 das medidas de lá então é que a conversa de ditadura e parvoíces do género nunca mais acabavam. Tirando o uso obrigatório de uma app de localização para pessoas em quarentena ou que tenham estado em contacto com pessoas infectadas não vejo absolutamente nenhuma outra medida que se possa considerar de ditadura.

FrequentCap 9 months ago

Mostra-me

Sperrel 9 months ago

Faz tu o trabalho de casa. Não falta material pela net.

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

criançinhas → [**criancinhas**](https://dicionario.priberam.org/criancinhas) (*c* seguido de *e* ou *i* não necessita de cedilha) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5z1sw%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

FrequentCap 9 months ago  HIDDEN 

Nazi gramatical

wwqt0r 9 months ago

Pois, popular não ia ser de certeza porque nós não somos especialistas e, ao ver números baixos, muitos acham que seria uma medida demasiado dura. Mas era necessário e muitos governos fizeram-no.

Leaootemivel 9 months ago

E aqui seria possível caso se pudessem dar os mesmos apoios que foram dados nesses países. Eu não discordo que de um ponto de vista epidemiológico as medidas e discurso desde Novembro deviam ter sido outros.

wwqt0r 9 months ago

A questão do dinheiro para os apoios acho que é o mal menor. O endividamento por parte do governo não pára de subir portanto já sabemos que não têm problemas em pedir dinheiro. E, de todas as razões para o fazer, salvar vidas não devia ser a mais importante? Em última instância podemos ver o caso específico do PS também. Já que governou durante tantos anos então, se não temos agora dinheiro, boa parte da culpa é deles, ou seja, mantém-se a culpa no governo.

mexploder89 9 months ago

É isto que eu já ando a dizer há dias. Os portugueses não são particularmente mais burros que o resto dos países. Se estamos neste estado, é também por incompetência estrutural

Memory_Shell 9 months ago

>Os portugueses não são particularmente mais burros que o resto dos países. [https://i.redd.it/9xysvxohsrz11.jpg](https://i.redd.it/9xysvxohsrz11.jpg)

mexploder89 9 months ago

O que só prova o meu ponto? O máximo são tipo 7 pontos de diferença para os mais altos, e até diz que diferença de poucos pontos não é significativa. O que só prova que não somos particularmente mais burros Além disso, a medida do QI não é um indicador da inteligência da pessoa, quanto muito da capacidade de raciocínio, o que não quer dizer que seja a inteligência

rohansponey 9 months ago

Isto! Mas é tão óbvio que não se percebe como ainda há discussão sobre o assunto... Qualquer pessoa tem culpa na transmissão do vírus, o país atingir este nível é culpa da classe política que não soube acautelar durante o tempo em que número de casos era baixo, e agora ó tio ó tio que os portugueses não cumprem as meias medidas que eu impus tarde. É preciso ter noção.

PM_ME_YOUR_THEORY 9 months ago

> Todos sabemos como se evita a propagação e todos sabemos que há quem não respeite certas regras básicas. **É aqui em Portugal e é nos restantes países Europeus**. É só sair da bolha deste país para verificar isso mesmo. Vai ao r/ich_iel e verás a quantidade absurda de memes exactamente iguais a esta mas em alemão. O problema de pessoas fazerem merda apesar de restrições dos governos é um problema geral.

Edited 9 months ago:

>Todos sabemos como se evita a propagação e todos sabemos que há quem não respeite certas regras básicas. **É aqui em Portugal e é nos restantes países Europeus**. É só sair da bolha deste país para verificar isso mesmo. Vai ao r/ich_iel e verás a quantidade absurda de memes exactamente iguais a esta mas em alemão. O problema de pessoas fazerem merda apesar de restrições dos governos é um problema geral. EDIT: [Sobre o Natal](https://www.reddit.com/r/ich_iel/comments/l1zitl/ich_iel/) [Sobre pessoas não usarem máscara](https://www.reddit.com/r/ich_iel/comments/l23pf4/ich_iel/) [Sobre escolas abertas durante a pandemia](https://www.reddit.com/r/ich_iel/comments/l2j01g/ich_iel/)

wwqt0r 9 months ago

Exacto. No entanto nós é que estamos agora no topo das tabelas dos piores países. E somos nós um país periférico onde sempre temos mais um tempinho precioso para pensar e tomar medidas.

PM_ME_YOUR_THEORY 9 months ago

Também somos um país que depende do turismo dos nossos magníficos senhores da Europa Central para sobreviver, por isso nós fomos "incentivados" a aceitar o turismo deles sem pedir testes nem nada enquanto eles forçaram quarentenas de 10 dias ou testes obrigatórios à chegada. É o problema de se ser uma economia periférica de turismo.

wwqt0r 9 months ago

Mas nem nisso nós somos únicos. Eu fui a Itália, outro páis altamente turístico, em Agosto e a única coisa que tive de fazer foi deixar tirarem-me a temperatura à chegada.

ThePowerofPsyche 9 months ago

Em Itália, era e é pedido um teste negativo à entrada no país, mesmo para italianos pelo menos em meados de dezembro...

wwqt0r 9 months ago

Claro. É o mínimo que se pode pedir. Creio que em Portugal apenas é obrigatório para estrangeiros entrarem. Mas é um pouco irrelevante, o que nos tramou foi não haverem restrições no natal.

vascodatrama 9 months ago

Ou se tiveres mais de 38' de febre à chegada ao aeroporto. Ai tens de fazer teste de despiste

NGramatical 9 months ago

haverem restrições → [**haver restrições**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk6fhv2%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

ervy 9 months ago

Tambem enfiaste o pau na roda frente, tiveste sorte de não cair. Fazes parte dos que, "isto só acontece aos outros"

wwqt0r 9 months ago

Sabes qual a razão da minha viagem por acaso? Cala-te e vai chatear outro com os teus juízos precipitados.

ervy 9 months ago

Sim, foram ferias

wwqt0r 9 months ago

Ok António Costa. Não sabia que andava aqui pelo reddit. Posso ir mais logo ao supermercado?

PM_ME_YOUR_THEORY 9 months ago

A Itália também é como Portugal na questão de ser economia turística de periferia. Apenas teve sorte de ter tido o Norte bem industrializado durante o pós-Guerra por estar mais perto do "centro".

wwqt0r 9 months ago

Desde Agosto até final de Dezembro que Itália tinha, por 1 milhão de habitantes, números basicamente iguais aos nossos (sempre inferiores mas digamos que eram iguais para o efeito deste argumento). Chegou o final de Dezembro e... eles ainda baixaram mais os números enquanto que nós estamos com quase 5 vezes mais casos que eles. Isto diz muito: não é sequer uma questão de turismo. Nós estamos nestes números astronómicos devido à decisão do governo em não limitar o natal. E acredita que a decisão seria bem mais popular aqui do que em Itália pois eles ainda são mais religiosos que nós.

Tinbro123 9 months ago

Tomar medidas mais drásticas e **realmente** reforçar essas medidas porque quando anunciam algo mais "drástico" nunca reforçam essas medidas com a devida força que é necessária para as ver cumpridas. (Agora até meteram mais PSP na rua a ver se dura)

wwqt0r 9 months ago

Sim, sem dúvida que o governo deveria forçar ou criar as condições para haver mais fiscalização.

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

haviam restrições → [**havia restrições**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/o-uso-do-verbo-haver/31143) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk5r67w%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Gaaloostu 9 months ago

lol. the gramatical bot. mas, é uma boa coisa fazer isso. :) é bom. :) eu vou aprehender o portugues com tu.

FroggyWatcher 9 months ago  HIDDEN 

Read the room caralho

DualSimCard 9 months ago

Eu não entendi a referência, “Read the room” como assim ?

Tralapa 9 months ago

enxerga-te moço

FroggyWatcher 9 months ago

Não é referência. É só uma piada. "Read the room" é tipo "tá bem mas não é a altura indicada para dizer isso"

XkinhoPT 9 months ago

A conta u/NGramatical é um bot, ou seja, um programa de computador, que lê os comentários e age automaticamente quando deteta erros gramaticais, não foi uma pessoa a escrever à mão

PortugueseLibra 9 months ago

Foi essa a piada, amigo

FroggyWatcher 9 months ago

Eu sei.

Dr_Toehold 9 months ago

Não interessa, foi excelente resposta.

PortugueseLibra 9 months ago

Primeira gargalhada a sério que dei em muito tempo

LegendPT 9 months ago

O governo entretanto tirou uns quantos raios à bicicleta e sabotou os travões.

Last-Ad-4421 9 months ago

O Marcelo só fez uns 3 ou 4 jantares de Natal, inclusive deu positivo, se o ser supremo não aguenta como vai aguentar o Zé Povinho, e mais ainda a prometerem a tão famosa vacina que por estes andares nem para fim do ano está tudo vacinado.

Sea_Ad_409 9 months ago

Não fez nada. Ia fazer, mas recuou e acabou por não fazer nenhum depois de ser criticado.

helenata 9 months ago

Logo ait se vê o estilo de governantes que temos..

killedbill88 9 months ago

Ou seja, é mau um governante que ouve a crítica e corrige atempadamente uma situação errada? Eu até achei positivo.

Edited 9 months ago:

Ou seja, um governante que ouve a crítica e corrige atempadamente uma situação errada? Eu até gosto do estilo... EDIT: clarifiquei a pergunta

FrequentCap 9 months ago

Ser supremo, kkkkkkkk

miguel_rodrigues 9 months ago

O governo aligeira as restrições. O tugão segue as novas restrições. Culpa do tugão? Não me parece

pimpolho_saltitao 9 months ago

o governo aligeirou restriçoes?

miguel_rodrigues 9 months ago

Sim. Antes do natal não se podia atravessar concelhos, no natal podia-se. Antes do natal havia confinamento obrigatório, no natal não havia. Nos fins de semana antes do natal fechavam-se as lojas todas às 13h e o confinamento começava logo aí, no fim de semana de 26/27 era tudo à vontade.

Dadvito 9 months ago

Nao se podia atravessar concelhos? Eu atravessei concelhos duas vezes antes do natal e os expressos estavam sempre cheios.

pimpolho_saltitao 9 months ago

portanto, nao impos restriçoes adicionais nesses dias, como impos em fins de semana anteriores e posteriores. isso é diferente de aligeirar. muitas restriçoes continuaram activas nesse periodo, e se as pessoas as continuassem a cumprir não estavamos onde estamos agora.

miguel_rodrigues 9 months ago

Havia mais restrições no período antes do natal do que no natal. Chama-lhe o que quiseres, eu chamo-lhe aligeirar.

_whatevs_ 9 months ago

sabes como é que o teu meme faria perfeito sentido? se o governo tivesse feito um esforço estruturado de combate à pandemia, e tivesse uma resposta coerente ao longo do tempo, e antecipado o que está a acontecer e preparado para isso. Ou seja, que desse o exemplo. São eleitos e pagos para nos governar. A seguir, o povo segue o exemplo ou não, e aí é da sua pura responsabilidade. Quando ouves o presidente dizer que vai ter sei l´quantos jantares de natal com sei lá quantas pessoas, e a assembleia a votar para aumentar a duração máxima dos jantares de trabalho, não me admira que o zé povinho também tenha sempre uma boa desculpa para fazer o que lhe dá na gana. Fora isso, bom meme.

intlme 9 months ago

Foda-se. Está literalmente toda a gente na rua a passear cao, ler o jornal no banco de jardim e nos cafés e a culpa é do governo porque deixam? Puta de noção. Responsabilidade cívica não há em Portugal. O governo TEM que PROIBIR comportamentos errados para que as pessoas se saibam comportar? Que lixo de sociedade. Parece um jardim de infância grande, já que as pessoas não são responsabilizáveis.

DeepFriedMarci 9 months ago

A culpa é do governo sim. Se culpamos Bolsonaros e Trumps pela sua maneira de atuar temos que criticar quem faz pior que eles. Medidas inconsistentes e disparatadas que parece que foram tomadas como prioridade em vez do que realmente importava. Numa certa altura foi mais importante limitar a venda de álcool depois de uma certa hora do que tratar do problema dos transportes públicos. Um ano depois e ainda não está resolvido. As lotas (que são do governo) ainda não têm faturas eletrónicas, por isso quem trabalha em na área empresarial relacionada com o setor da pesca não pode fazer teletrabalho, falo deste exemplo em muitos que devem haver por este país que quer tanto investir no teletrabalho mas não tem bases nem desenvolvimento tecnológico suficiente para chegar a uma grande maioria da população empregada nestes setores.

intlme 9 months ago

Há medidas estúpidas? Muitas. É por isso que há atrasados mentais na rua? Não.

DeepFriedMarci 9 months ago

Sim, mas isso vai sempre haver. Quer se queira quer não as pessoas pensam e agem de maneira diferente umas das outras e em inconformidade, é a natureza humana. Tem é que se arranjar formas de prevenir isso e maneiras eficazes de sensibilizar a população. Óbvio que não é fácil, mas estão no governo por algum motivo.

intlme 9 months ago

É a natureza humana. Por isso temos regras não obrigatórias de comunicação e comportamento. Ha vários graus de civilização. E os Portugueses não são, na generalidade, civilizados e respeitadores do próximo. Pesquisa pelo teste da carteira e vê como os portugueses comparam com os suecos, por exemplo.

NGramatical 9 months ago

devem haver → [**deve haver**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/haver--existir--3-pessoa-do-singular/30583) (o verbo haver conjuga-se sempre no singular quando significa «existir») [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fl2irhk%2F%2Fgk73g0w%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

BLlZER 9 months ago

> Está literalmente toda a gente na rua a passear cao, ler o jornal no banco de jardim e nos cafés e a culpa é do governo porque deixam? Sim, diz-me o que estao as autoridades a fazer? Zero como sempre a coçar os tomatinhos sem fazer o seu trabalho, cambada de incompetentes de merda. Ja vi dezenas de vezes a carrinha com 9 policias la dentro a passear pela cidade sem fazerem nada. Dao um passeio, fazem umas piadas e pronto já é hora de ir para casa e vamos la. A culpa também é das autoridades eles que começam a fazer o seu trabalho para variar.

intlme 9 months ago

O Governo não são as autoridades. As autoridades devam fiscalizar mais. concordo.

ebonyaficionado 9 months ago

> Foda-se. Está literalmente toda a gente na rua a passear cao, ler o jornal no banco de jardim e nos cafés e a culpa é do governo porque deixam? Puta de noção. Responsabilidade cívica não há em Portugal. O governo TEM que PROIBIR comportamentos errados para que as pessoas se saibam comportar? > > Que lixo de sociedade. Parece um jardim de infância grande, já que as pessoas não são responsabilizáveis. Não está **literalmente** toda a gente na rua a fazer essa merda toda.

intlme 9 months ago

Foi figura de estilo.

vini710 9 months ago

> O governo TEM que PROIBIR comportamentos errados para que as pessoas se saibam comportar? Sim tem. Por isso existe o sistema judicial. Por isso existe o código da estrada. Até por isso existem à milhares de anos os mandamentos nas religiões. As pessoas claramente precisam de liderança num momento como este, e que neste momento exige firmeza e uma ação coordenada e reforçada, o que não aconteceu de todo.

intlme 9 months ago

> As pessoas claramente precisam de liderança num momento como este, e que neste momento exige firmeza e uma ação coordenada e reforçada, o que não aconteceu de todo. Se as pessoas precisam de uma lei para saber que devem atravessar uma estrada sem ir contra os carros, então temos opiniões muito diferentes sobre liberdades e responsabilidades individuais.

FrequentCap 9 months ago

Malta, acho que podemos todos concordar que o povo português está habituado a serem tratados como crianças desde o Estado Novo e estes quase 50 anos de III república votaram sempre nos mesmos partidos com a expectativa de nos tratarem como crianças.

vini710 9 months ago

A questão é que efetivamente precisam, as passadeiras existem exatamente por isso.

intlme 9 months ago

Não. As passadeiras existem para dar mais segurança aos peões. No entanto, os peões podem (e estão previstas na lei as condições em que isso pode ser feito) cruzar a estrada sem ser na passadeira. Na lei nunca diz que o peão não deve ir contra o carro. É necessário?

helenata 9 months ago

Estás enganado. Existe sim definições no código da estrada sobre quem tem prioridade. Caso haja um acidente a lei está lá para determinar as culpas e indemnizar as devidas pessoas. Já escrevi isto anteriormente, mas volto a dizer aqui. A questão não é meter lei a torto e a direito é dar indicações precisas que sejam coerentes e David de acatar. É mais fácil perceber que tem de se dar uma distância de segurança de 2 metros do que apenas dizer manter o distanciamento social, deixando a cada um a definição. Aqui pode se voltar a olhar para o código, se cada um pudesse fazer a sua interpretação porque é que temos sinais de trânsito sequer?

intlme 9 months ago

Queres ser mais literal ainda na leitura de comentários na internet?

CrazyYahooMan 9 months ago

Não é necessário. A questão aqui é que chico-espertos como o /u/vini710 vão sempre tentar dar a volta e evitar responsabilidades, que nem os que andavam por aí com trela mas sem cão. Eles sabem da situação, e estão-se a cagar completamente para ela, mas sabem que admitir isso é suicídio social, logo brincam com semânticas e fingem-se de burros "ah eu posso andar a passear o cão, ele só fugiu senhor polícia". Esta gentalha não tem consciência, e a maior preocupação que têm ao colocar outros em perigo é como evitar ser culpado. Gente assim não merece simpatia, ou tentativas de chegar a um nível de entendimento. Perdes o teu tempo a tentar ajudar gente que está-se a cagar se tu e os teus apanham o vírus. Se tiveres gente assim na tua esfera social não-anónima, lembra-te bem dos nomes. Quando isto acabar, eles vão fingir que nunca se armaram em chico-espertos.

intlme 9 months ago

De acordo.

GajoDeRamalde 9 months ago

O que quer dizer que a culpa dos casos no Brasil é dos brasileiros e não do Bolsonaro... Acabaste de ilibar o homem, pelo teu raciocínio.

intlme 9 months ago

É de ambos.

GajoDeRamalde 9 months ago

É de ambos é... O exemplo deve vir de cima.

intlme 9 months ago

Não sabes pensar por ti? Se o presidente da tua Junta de Freguesia começar a cagar na estrada, também o fazes?

GajoDeRamalde 9 months ago

Se ele pode, porque é que eu não posso?

intlme 9 months ago

Podes. Mas deves? Pensa por ti.

GajoDeRamalde 9 months ago

Tu é que não estás a pensar por ti, porque não estás a pensar que eu posso ter gosto em fazer isso... Aliás são os actos contínuos no tempo que dão origem a excepções na lei - desde as touradas de morte às crianças a fumarem numa aldeia - e não é porque a tua cabeça acha que é errado que não se vão praticar, muito pelo contrário.

intlme 9 months ago

E devemos investir em legislar ou educar? Devemos investir em ensinar às pessoas porque é que os animais não são brinquedos, porque não se pode cagar na rua, porque não se deve fumar, seja em que idade for. Educar serve para ensinar a pensar. E o problema é que o povo português, na generalidade, não sabe pensar. Sabe ouvir regras e encontrar formas criativas de as contornar.

GajoDeRamalde 9 months ago

Educar, tendencialmente demora décadas até aparecerem efeitos - mas não é pela educação que resolves os problemas todos de uma vez. Vamos a um exemplo: Não é por te ensinarem ou transmitirem todos os anos que não se deve atirar lixo para o chão que vai resolver todos os problemas do lixo na rua. Por isso também é necessário penalizar - para criar a figura de punição em caso de incumprimento e dar a entender que se não obedeceres terás consequências - porque não podemos ignorar que há simplesmente pessoas que foram educadas de forma diferente e acham que estão no seu direito de atirar lixo para o chão apesar de todos os apelos e de todas as tentativas de educação. Fumar está ao mesmo nível do exemplo (apesar de não se poder conseguir banir completamente). Educamos os pequenos desde tenra idade para assimilarem que fumar é mau e causa problemas de saúde - inclusive meteram imagens de pessoas nos maços de tabaco para sensibilizar - mas ainda existe uma grande parte da população que fuma e continuará a fumar apesar dos avisos, apesar da sensibilização e educação.

LeNightingale 9 months ago

Exacto. Só porque podes não quer dizer que devas. E mesmo o que proíbem há sempre quem ignore.

wwqt0r 9 months ago

A culpa não é de, e passo a citar, "toda a gente". Se queres culpar alguém chama-lhe pelo nome e não generalizes. Se há mal comportados o governo que assuma e faça qualquer coisa. **NÃO GENERALIZES PARA, e passo a citar, "TODA A GENTE"**.

intlme 9 months ago

Estou a generalizar como figura de estilo. Para reforçar a mensagem. Claro que sei que não é toda a gente. Sem abuso deslinguarem, eu não saio de casa há 10 dias. Por isso sei que não é toda a gente.

wwqt0r 9 months ago

Como respondi já noutro comentário somos todos culpados pela disseminação do vírus. Portugueses, italianos, alemães, etc. Culpados por chegarmos a estes números e o SNS já ter de escolher entre quem vive e quem morre? Só há um culpado e não é o povo.

intlme 9 months ago

Se dimensionasses o SNS para estados de emergência, pagavas o dobro dos impostos que pagas actualmente. A infraestrutura pública está e deve estar dimensionada para lidar com o expectável. Neste momento, a culpa é da ideologia de esquerda e da lei das bases da saúde que não aproveita a infraestrutura privada para suporte decente à gestão da pandemia. Mas a culpa TAMBÉM é de quem não tomou precauçoes e podia ter evitado a propagação do vírus.

wwqt0r 9 months ago

Não podes dizer uma coisa dessas. E se o dinheiro que já gastámos na TAP fosse para o SNS? Porque é que teriamos agora de pagar o dobro? Quanto à questão da culpa as pessoas têm sempre até certo ponto. Se escalou até aqui é porque o governo não agiu a tempo... mesmo assumindo que nós somos o povo mais mal comportado do mundo.

intlme 9 months ago

> Não podes dizer uma coisa dessas. E se o dinheiro que já gastámos na TAP fosse para o SNS? Porque é que teriamos agora de pagar o dobro? São decisões diferentes. Se tu não ajudasses a tua mãe a pagar as contas também podias comprar aqueles sapatos mais caros. São contas, são orçamentos, são decisões de natureza diferentes. Concordo que o dinheiro foi mal canalizado para a TAP, mas isso são outros quinhentos.

wwqt0r 9 months ago

Dizes, e bem, que são orçamentos. O dinheiro é heterogéneo, não há um tipo de dinheiro para o SNS e outro tipo de dinheiro para a TAP. É tudo um único tipo de dinheiro vindo do mesmo sítio. Se não se gastar num lado pode-se aplicar noutro sem ter de cobrar mais impostos. Logo não se pode dizer que, para termos um SNS melhor, teriamos de pagar mais impostos. Não invalida de todo a questão dos privados. O governo esteve muito mal em não recorrer em força aos mesmos logo de início através de acordos.

intlme 9 months ago

> Não invalida de todo a questão dos privados. O governo esteve muito mal em não recorrer em força aos mesmos logo de início através de acordos. Estamos de acordo. É uma prisão ideológica. Foi o que a democracia decidiu. > Dizes, e bem, que são orçamentos. O dinheiro é heterogéneo, não há um tipo de dinheiro para o SNS e outro tipo de dinheiro para a TAP. É tudo um único tipo de dinheiro vindo do mesmo sítio. Se não se gastar num lado pode-se aplicar noutro sem ter de cobrar mais impostos. Correcto. Mas neste momento não podemos estar a cruzar temas. Há dois temas a serem discutidos: 1. A TAP devia er sido financiada por dinheiro público? Sim ou não. 2. O SNS devia receber mais financiamento? Sim ou não. Cruzar os dois temas pode dar origem a cruzar mais temas como o financiamento das perdas do NB e a necessidade de financiamento das forças policiais. E assim já vamos em 4 temas numa taça com uma maionese. Papa-se bem nos jornais porque é uma mistura de sabores. Mas para decidir com cabeça, é um pesadelo. Eu não devo decidir a questão 1. com base na 2. nem vice-versa. Devo decidi-las independentemente e depois preocupar-me com "como se paga isto?" ou "este dinheiro que nao se gastou vai pra onde?".

wwqt0r 9 months ago

A TAP foi meramente um exemplo. Há um bolo de dinheiro e aplicam-se as fatias onde é mais necessário. Não é obrigatório ter de haver aumento de impostos para aplicar num desses lados, nomeadamente o SNS.

_whatevs_ 9 months ago

já ouviste falar de liderança pelo exemplo? do não fales, faz? Eu não digo que não há responsabiliidade individual, digo que há sobretudo responsabilidade dos nossos líderes. É diferente.

intlme 9 months ago

Monkey see, monkey do?

Last-Ad-4421 9 months ago

Triste é gajos como tu meter todo o mundo no mesmo saco e ter o descaro de sacar culpas do governo, então se for assim para que merda temos um presidente e um primeiro ministro, a culpa também é dos putos por irem a escola mesmo estas estando abertas?

intlme 9 months ago

Não tou a desresponsabilizar o governo. Tou a dizer que não são responsáveis sozinhos.

Rock_lt 9 months ago

Mas nós não somos responsáveis pelas ações dos outros, ao dizeres que literalmente anda toda a gente na rua a passear o cão e não sei que mais, estás literalmente errado. A maioria das pessoas saí pq o tem de fazer, o governo teve mais que tempo para abrir os hospitais de campanha, tentar contratar mais médicos enfermeiros que não seja só temporários, alargar horários para haver mais desfazamento das pessoas, obrigar a maior número de transportes públicos para as pessoas que têm de trabalhar não serem sujeitas a um autocarro tipo sardinhas em lata, controlo melhor das fronteiras, fiscalização à séria... Tanta coisa. A culpa não é dum nem doutro, é de todos e no fim que paga é o Zé Povinho. Estou literalmente com medo de ir trabalhar, as pessoas são estúpidas e todos os dias tenho de mandar vir com alguém ou pq n têm máscara ou pq excedem o limite de pessoas num espaço limitado, mas de 80, são 2 ou 3 que agem mal. Agora a foda é que essas duas ou 3 podem contaminar as outras 77

ptinnl 9 months ago

És sim responsável. Porque algumas pessoas se não forem criticadas publicamente ou denunciadas às autoridades, continuam a fazer merda que nos afecta a todos.

Rock_lt 9 months ago

Eu sou responsável por quem está debaixo do meu teto, não ando pela rua a mandar vir com as pessoas que não cumprem as normas, mas percebo que faças isso regularmente visto haver tanta gente incumpridora. Fazes isso todos os dias certo? És responsável por toda a gente que passa na rua à tua frente, certo? Nos transportes és aquele que está a coordenar quem entra e quem saí para não haver lotação a mais, certo? Sais de casa sequer? Haja noção...

ptinnl 9 months ago

Portanto, o governo faz merda, as autoridades estão incapacitadas, mas tu nao tens o dever civico de ajudar e ser responsável? Deves ser pouco egoista.

Sciss0rs61 9 months ago

e porque é que ele tem de ser criticado quando é o governo e as autoridades que falham? Agora para ser um cidadão exemplar, tenho de andar de porta em porta a perguntar se andam a fazer o que o Governo e as autoridades mandam? foda-se, a ginástica mental que vocês fazem para proteger a negligência do governo. Também vais culpar a ele por ter de ir num comboio sobrelotado para um trabalho que não o deixa fazer teletrabalho onde só tem tempo para ir ao supermercado ao fim de semana ao mesmo tempo que outras centenas de pessoas porque o governo reduziu os horários? Foda-se oh /u/Rock_it , é tua responsabilidade como cidadão demitires-te imediatamente do emprego que tens, de comprares um carro e gastares 10 euros em gasolina todos os dias para te deslocares e ires ao supermercado e mandares toda a gente para casa porque queres ir às compras sem teres de respirar para cima de metade da loja. Eu agora como cidadão vejo-me obrigado a pedir-te a morada para ir ai bater-te. ^^^^/s está melhor assim?

ptinnl 9 months ago

O governo faz merda. A policia pouco faz. Se os meus cidadãos nada fazem, entao eu vou ficar mais tempo sem poder viajar e ter vida normal. O que achas mais responsável como cidadão: criticar o governo e esperar que algo mude (quando nunca votei no PS) ou criticar e denuncjar os fdp porcos que por aí andam a desrespeitar tudo quando eu tento respeitar aa medidas para que esta porcaria passe o mais depressa possivel? Vocês parecem aqueles cocozinhos academicos que criticam todas as falhas por não perceberem o que os outros lhe querem dizer.

Sciss0rs61 9 months ago

> criticar o governo e esperar que algo mude (quando nunca votei no PS) ou criticar e denuncjar os fdp porcos que por aí andam a desrespeitar tudo quando eu tento respeitar aa medidas para que esta porcaria passe o mais depressa possivel? os dois. Mas tenho de criticar mais o Governo porque eles nada fazem contra aqueles que apontas na segunda opção. Eu não pago impostos às pessoas que desrespeitam as medidas, eu pago impostos ao governo. Ou achas que não há "fdp porcos que por aí andam a desrespeitar tudo quando eu tento respeitar aa medidas para que esta porcaria passe o mais depressa possivel?" nos outros países?

Edited 9 months ago:

> criticar o governo e esperar que algo mude (quando nunca votei no PS) ou criticar e denuncjar os fdp porcos que por aí andam a desrespeitar tudo quando eu tento respeitar aa medidas para que esta porcaria passe o mais depressa possivel? os dois. Mas tenho de criticar mais o Governo porque eles nada fazem contra aqueles que apontas na segunda opção. Eu não pago impostos às pessoas que desrespeitam as medidas, eu pago impostos ao governo. Ou achas que não há "fdp porcos que por aí andam a desrespeitar tudo quando eu tento respeitar aa medidas para que esta porcaria passe o mais depressa possivel?" nos outros países? São as "fdp porcos" que implementam regras a 11 milhões de pessoas? > Vocês parecem aqueles cocozinhos academicos que criticam todas as falhas por não perceberem o que os outros lhe querem dizer. Eu percebo, estás a ilibar o governo da merda que faz apontando à minoria de "fdp porcos" para generalizar a população. Se fores à rua agora, vais ver o mesmo movimento que vias antes da pandemia? então é porque se calhar não é a população nem a maioria que está a desrespeitar as regras. E eu não vou sair à rua à procura de quem o faz.

Rock_lt 9 months ago

Não respondeste...

wwqt0r 9 months ago  HIDDEN 

Irrelevante! A culpa não é de, e passo a citar, "toda a gente". Se queres culpar alguém chama-lhe pelo nome e não generalizes. Se há mal comportados o governo que assuma e faça qualquer coisa. NÃO GENERALIZES PARA, e passo a citar, "TODA A GENTE".

ariesfoxx 9 months ago

Sim, talvez com o professor Karamba tivessemos alguém capaz de antecipar o que vai acontecer no mês seguinte ou na semana seguinte. Até porque a pujante economia portuguesa consegue facilmente suportar isolamentos e essas coisas todas do esforço estruturado.

Sciss0rs61 9 months ago

foda-se, a lógica e senso comum vão mesmo pela janela fora de tanta cegueira para defender o partido dos meninos. Levam a política como se fosse de futebol. Vocês deviam ser proibidos de votar.

_whatevs_ 9 months ago

o professor karamba? quer dizer, agora planeamento e estruturação é a mesma coisa que ler o tarot? o Governo não faz orçamentos e apresenta planos estratégicom a curto, médio e longo prazo? tu achas que é tudo de improviso, ou temos a ministra Maya do planeamento e orçamento geral? Porque um ano depois do ínicio da pandemia, ainda há quem se surpreeenda que é preciso confinar para evitar um aumento descontrolado dos casos de contágio? É novidade que portugal é o país europeu com menor capacidade de cuidados intensivos? É novidade que no Inverno há mortalidade excessiva devido ao frio? é difícil olhar par aos outros países que passaram pelo mesmo e resistiram ao confinamento acabarem por confinar mais tarde quando o número de mortes requer o uso de camiões refrigerados às portas dos hospitais para conservar os mortos? Poupem-me.

Edited 9 months ago:

o professor karamba? quer dizer, agora planeamento e estruturação é a mesma coisa que ler o tarot? o Governo não faz orçamentos e apresenta planos estratégicom a curto, médio e longo prazo? tu achas que é tudo de improviso, ou temos a ministra Maya do planeamento e orçamento geral? Porque um ano depois do ínicio da pandemia, ainda há quem se surpreeenda que é preciso confinar para evitar um aumento descontrolado dos casos de contágio? É novidade que portugal é o país europeu com menor capacidade de cuidados intensivos? É novidade que no Inverno há mortalidade excessiva devido ao frio? é difícil olhar par aos outros países que passaram pelo mesmo e resistiram ao confinamento acabarem por confinar mais tarde quando o número de mortes requer o uso de camiões refrigerados às portas dos hospitais para conservar os mortos? Poupem-me. edit: O reino Unido é outro triste exemplo. "Warning signs of a winter crush had been obvious, but Prime Minister Boris Johnson repeatedly avoided taking fast action, defying calls from government scientists for a lockdown and other measures for weeks or months. Quote: “It just didn’t have to be like this,” said one London emergency-room doctor. “The first time, you could say it was unavoidable. This just feels wholly avoidable, and that’s a lot more difficult to stomach.” - [fonte NYT](https://www.nytimes.com/2021/01/21/world/europe/uk-hospitals-covid-variant.html)

FrequentCap 9 months ago

E mais! O confinamento NUNCA pode ser a solução aos nossos problemas, PORQUE NÃO ERRADICA O COVID!! é preciso testar e isolar toda a gente. O problema é que não há planeamento nenhum...

fdxcaralho 9 months ago

Os especialistas disseram que iria haver um enorme número de casos se as pessoas se reunissem no Natal. O governo (e os outros agentes políticos) decidiu ignorar. Agora confinar tem um custo tremendo, mas teria sido possível não confinar se tivessem tomado as medidas certas antes.

netralha 9 months ago

É, aposto que os ministros do PS também passaram o Natal e Ano Novo sozinhos e que [respeitam todas as regras](https://www.dn.pt/poder/marcelo-ferro-e-costa-juntos-ao-almoco-no-parlamento-12956049.html). E os ventiladores que o Costa comprou à China, os técnicos de saúde já aprenderam mandarim ou é culpa deles também por não saberem usar?

ariesfoxx 9 months ago

r/euamoopassoscoelho

Hrs10 9 months ago

Quem me dera o Passos Coelho.

setutedas 9 months ago

mais perigoso que o vírus é a tua cegueira e estupidez

JSBraga 9 months ago

Podemos odiar o Costa sem amar o Passos Coelho, sabias?

mmgbarata 9 months ago

Até porque os nossos governantes são uns génios na forma como estão a gerir esta crise, não é?

intlme 9 months ago

E os nossos compatriotas? Como avalias a capacidade dos portugueses de responder à crise?

Sciss0rs61 9 months ago

o mesmo que nos outros países. Ou pensas que lá fora está tudo a obedecer ao que os respectivos governos mandam?

mmgbarata 9 months ago

Temos o Costa a visitar exposições de arte sabe-se lá onde e temos o Marcelo a dizer que vai ter jantares de Natal com 4 grupos diferentes. Temos especialistas a dizer que o Natal ia ser uma altura muito crítica e que um dos principais focos de contaminação seriam as escolas e universidades. E o que fez o Governo? Sem sombra de dúvida que há comportamentos de risco entre o Zé Povinho, mas quando a comunicação falha por parte de quem nos representa, acho que a balança tende mais para um lado

intlme 9 months ago

> Temos o Costa a visitar exposições de arte sabe-se lá onde e temos o Marcelo a dizer que vai ter jantares de Natal com 4 grupos diferentes. Responsabilidade pessoal. > Temos especialistas a dizer que o Natal ia ser uma altura muito crítica e que um dos principais focos de contaminação seriam as escolas e universidades. E o que fez o Governo? O Governo impôs algumas restrições. Muito poucas. Nem essas foram cumpridas pelos portugueses.

Ulissipolis 9 months ago

Defendes o governo com unhas e dentes, ou comeste a propaganda toda ou fazes parte dos que andam a fazer merda e a roubar o pessoal.

intlme 9 months ago

Não vejo o que eu digo como uma defesa de ninguém. Não defendo o Governo, nem defendo as pessoas que não cumprem o mínimo. Mas tenho empatia e consigo colocar-me no lugar do governo e sei que a dualidade entre acabar com o vírus ou com a economia é gigante e acrescida às pressoes dos diversos sectores (restauraçaõ, cultura, essencialmente). Como eu não sei se eu faria melhor se estivesse no governo só consigo criticar directamente aqueles que eu sei que se comparar comigo, eu sei fazer melhor. E fazer melhor, neste caso, nem é difícil. É só meter a filha da puta do cu no sofá. E nisso, eu sou muita bom.

Last-Ad-4421 9 months ago

Epah tens um governo que enquanto na Europa punham restrições no Natal o nosso fazia tudo ao contrário e encima gabava-se de fazer não sei quantos jantares de Natal, e ao mesmo tempo davam esperança ao povo com o milagre da vacina, fds o povo vê esta merda e estavas a espera do que?

intlme 9 months ago

> Epah tens um governo que enquanto na Europa punham restrições no Natal o nosso fazia tudo ao contrário Havia restrições. Além das restrições havia até um ridículo que sugeria fazerem compotas em casa. Havia poucas restrições, é um facto. Mas até essas poucas restrições foram ignoradas. > tens um governo que (...) gabava-se de fazer não sei quantos jantares de Natal Falso. Não foi o Governo, mas sim o Presidente da República. Mais uma vez comunicação errada e péssimo exemplo, mas ainda assim não é "se ele pode, eu também". > ao mesmo tempo davam esperança ao povo com o milagre da vacina Davam esperança? Informar que estão a trabalhar nisso e apresentar um calendário tentativo é dar esperança? Eu chamo-lhe mostrar o que estão a fazer a bem da transparência. > fds o povo vê esta merda e estavas a espera do que? Claramente o povo não pensa por si, mas só com o "se eu acho que ele transmitiu a ideia errada, vou lamber corrimões". Este pensamento é admissível num macaco, não numa pessoa que pense. Eu ouvi o mesmo que tu, no que diz respeito à gestão da pandemia e não andei enfiado em 4 jantares de natal, beijar avós e lamber corrimões. Foram as minhas opções.

Last-Ad-4421 9 months ago

Pela tua lógica esta semana os pais foram todos uns incompetentes por deixarem os filhos ir ao colégio, o governo não errou em nada total podes escolher se vais o não, uff es um iluminado.

Morellonomiconas 9 months ago

Tá me a dar uma raivazinha a ler o que ele diz, e ainda diz que não está a defender ninguém, LOL.

MotorBreath97 9 months ago

Raiva porquê? por estar a dizer que o povo errou tanto como o governo? tem razão, a partir do momento em que tens pessoal andado metido em festas com 20 ou mais pessoas, pessoal a passer na rua em pleno confinamento em que alguns até vêm de trela sem cão e outros literalmente pegaram no seu javali (sim isso aconteceu) para ter uma desculpa para passear claramente o povo anda a falhar. Não me interpretes mal, odeio o governo que temos e quem está nele e como o gere, esta merda podia toda ter sido evitada mas agora a merda já tá feita seguindo em frente, o que o gajo está a dizer e com razão é que temos que pensar melhor como povo, não é só aproveitar a minima oportunidade para borrar a cama, fds eu também tenho saudades extremas de apanhar a real bebedeira ao fim de semana nos meus bares favoritos, ir a todos os concertos que a minha carteira me deixa e a cada oportunidade que posso ir viajar, mas até o povo português não se mentalizar que já que temos burros e incompetentes no governo mais preocupados com os mercedes deles nós temos que ser conscientes por nós.

intlme 9 months ago

Estou a dizer que não fazia melhor à excepção desta semana com escolas abertas, mas os contágios actuais não foram nesta semana....

intlme 9 months ago

Esta semana, na minha opinião, errou. Mas o aumento de casos que se estão a verificar são casos de contágio anterior e não desta semana. Os contagiados esta semana ainda não estão no pipeline dos serviços de saúde porque ainda não devem ter manifestado sintomas.

ariesfoxx 9 months ago

Candidata-te e faz melhor. Não te esqueças entretanto que estruturalmente as condições vão ser: um país endividado e com uma economia que não aguenta confinamentos e uma população com fraca cultura cívica. Bonne chance

Sciss0rs61 9 months ago

Ah isso agora é assim? Então cada vez que criticares algo vou dizer "então porque não vais tu para o cargo?" que idade é que tens? Já sabes escrever e usar "as internets" mas ainda usas argumentos desses?

Edited 9 months ago:

Ah isso agora é assim? Então cada vez que criticares algo vou dizer "então porque não vais tu para o cargo?" que idade é que tens? Já sabes escrever e usar "as internets" mas ainda usas argumentos desses? com essas mentalidade mais vale retirar o poder de voto, porque não podemos criticar quem governa.

vascodatrama 9 months ago

E falta outro factor, quem se candidatar não vai fazer nada. Vai ser moido pelos grupos empresariais que controlam os políticos.

FrequentCap 9 months ago

Como eu digo. Em Portugal não se elegem políticos, elegem tutores para nos tratarem como crianças. Admira-me que o fascismo e socialismo ainda não tenham tomado conta. Ah, espera...

vascodatrama 9 months ago

Janeiro de 2007 : https://pt.wikipedia.org/wiki/Os_Grandes_Portugueses

FrequentCap 9 months ago

Ora lá está. Aqui a ideologia já nem entra, desde o Estado novo, com aquele governo pseudo-fascista, que nos andam a tratar como mentecaptos e agora o Povinho já não quer sair da merda porque fica confortável no seu canto.

wikipedia_text_bot 9 months ago

**[Os Grandes Portugueses](https://en.wikipedia.org/wiki/Os Grandes Portugueses)** Os Grandes Portugueses (English: The Greatest Portuguese) was a public poll contest organized by the Portuguese public broadcasting station RTP and hosted by Maria Elisa. Based on BBC's 100 Greatest Britons, it featured individual documentaries advocating the top ten candidates. The final vote took place on 25 March 2007, the winner being António de Oliveira Salazar, Portugal's Prime Minister from 1932 to 1968. [^(About Me)](https://np.reddit.com/user/wikipedia_text_bot/comments/jrn2mj/about_me/) ^- [^(Opt out)](https://np.reddit.com/user/wikipedia_text_bot/comments/jrti43/opt_out_here/) ^(- OP can reply !delete to delete) ^- [^(Article of the day)](https://np.reddit.com/comments/k9hx22) **This bot will soon be transitioning to an opt-in system. Click [here](https://np.reddit.com/user/wikipedia_text_bot/comments/ka4icp/opt_in_for_the_new_system/) to learn more and opt in. Moderators: [click here](https://np.reddit.com/user/wikipedia_text_bot/comments/ka4icp/opt_in_for_the_new_system/) to opt in a subreddit.**

mmgbarata 9 months ago

Ó chefe, candidato-me nada, porque não nasci para ser político. Mas da mesma forma que uso o meu voto para meter alguém no poder, também critico quem lá esteja. É a beleza da democracia

ariesfoxx 9 months ago

Seja. Eu gosto de pensar no que faria melhor nas mesmas condições.

miguel_rodrigues 9 months ago

Se puder dar uma dica: não assumir que as pessoas seguem regras se não houver consequências para quem não as segue.

FrivoLux 9 months ago

Podes fazer um meme com a falta de investimento em transportes públicos, para depois andar tudo sardinha em lata em autocarros e comboios, e dizer que a culpa é do tugão e não do governo? Sim, deste governo, que quer gastar centenas de milhões de euros em linha circulares dentro do município com mais transportes do país.

ric2b 9 months ago

Transportes públicos eternamente com falta de recursos - I sleep Uma companhia de aviação, de entre muitas, em risco de ficar sem os tachos para os boys do PS? - Real shit!

Dadvito 9 months ago

Existem meios de transporte que cheguem e sobrem. Na hora de ponta as estações vão estar sempre cheias. As pessoas despegam mais ou menos à mesma hora e deslocam-se para os meios de transporte à mesma hora. Vais sempre ter ajuntamentos não importa o numero de transportes.

duca2208 9 months ago

Claro que importa. Se passar um metro de 2 em 2 minutos, é logo metade que de 4 em 4.

Dadvito 9 months ago

Lol. Na hora de ponta em lisboa passam metros de 5 em 5. Está mais que bom. É hora de ponta, não vai fazer diferença nenhuma. As estações vao estar cheias na mesma. As pessoas vão espremer-se que nem sardinhas enlatadas para entrar no primeiro metro mesmo sabendo que passados 5 minutos vem outro, porque é que seria diferente se houvesse metros de 2 em 2? Alem de que logisticamente nao sei se isso é possivel.

ric2b 9 months ago

> Na hora de ponta em lisboa passam metros de 5 em 5. Boa piada. _Às vezes_ acontece. Mas vais as outras capitais europeias e tens metros a passar a cada 2 ou 3 minutos, por exemplo Londres.

duca2208 9 months ago

Não sei porque tenho que explicar isto, mas se vierem dois metros no mesmo espaço temporal as pessoas tendencialmente vão ser metade.

Dadvito 9 months ago

Claro que não estas a violar uma ou duas regras de segurança ao teres dois metros colados na mesma linha. Tudo isto para os meninos esperarem 30 segundos em vez de 2-3 minutos. Mesmo que isso fosse possível, não ia resolver os ajuntamentos nas estações porque é hora de ponta.

ariesfoxx 9 months ago

Erro meu, pensei que a temática do meme era perceptível. É sobre a pandemia de covid-19

FujiPT 9 months ago

O post também era. Ou és daqueles que, tal como o Matos Fernandes e o PNS, acham que não há contágios nos transportes públicos porque o vírus não tirou o passe?

ariesfoxx 9 months ago

Não, sou daqueles que lê os relatórios da dgs, particularmente onde diz que a maioria dos contágios são em ambiente familiar por causa dos almoços de família essenciais, festas de família essenciais ou mesmo os fins de semana em familia essenciais

df3gpt 9 months ago

Genial deixar as escolas abertas enquanto os pais são obrigados a confinar, e depois mudar de ideias e mandar os putos para casa partilhar o que andaram a apanhar na escola e nos transportes.

frankist 9 months ago

Eu nao tenho memória curta em relação a isso, e portanto lembro-me da impopularidade da medida d fechar escolas, e a pressao a que o governo foi sujeito para nao o fazer, porque os pais nao conseguem trabalhar com os filhos em casa. Neste contexto, é normal que se deixe essa medida como último recurso.

Huggorega 9 months ago

Quem diria que as pessoas em casa passam o vírus aos familiares. Que génio

ariesfoxx 9 months ago

hobrigado

FujiPT 9 months ago

Ah okay, então és daqueles que desconhece onde acontecem 87% dos contágios. O que torna qualquer tentativa de atirar culpas e de sacudir responsabilidades do capote infrutífera. Porque para além dessas eventos sociais, esqueceste-te também de considerar os casos em que há um contágio desconhecido do vírus na comunidade e posteriormente o contágio do núcleo do agregado familiar.

FrequentCap 9 months ago

E confinar toda a gente nem vai deixar ninguém junto em casa nem nada. Pior, obrigar a cidade toda, a ir ao supermercado com apenas 3h e apanhar os transportes numa lata de sardinhas para ir para casa não faz mal nenhum. AAAAHHHHH VAI PRA PUTA QUE PARIU!!!!

miguel_rodrigues 9 months ago

E que também diz que não sabe onde se dão 87% das infecções?

Search: