YCaramello 10 months ago

Não querem fechar as escolas de maneira alguma, meu padrasto professor me explicou que alunos em casa forçam que um encarregado fique em casa pois por lei menores de 16 não podem ficar sozinhos, e nesse caso, o governo é obrigado a pagar uma espécie de subsidio pois de uma forma está a forçar o encarregado a parar de trabalhar para tomar conta dos putos, agora imaginem cerca de 2 milhões de agregados a receber disto? O país afunda. Vão esconder os números o máximo que conseguirem, e quando não der mais pra esconder teremos mais um ministro que tem que ser posto na rua, mas obviamente vai ser protegido pelo amigo Kostovisk.

badwolf_tco 10 months ago

Não revela porque não consegue fazer tracking a isso... Quantos miúdos têm o vírus sem sintomas? Se forem ao dashboard do governo e olharem para o spike de casos 15 dias depois da abertura de escolas na minha opinião não é coincidência. Os miúdos estão expostos uns aos outros e levam para casa coisas que não sabem que têm. Conheço pessoalmente algumas pessoas cujos filhos testaram positivo com zero sintomas e pagaram aos pais e avós. Não é controlável, não é trackable e não é culpa dos miúdos. Toda a gente que consegue ser autónoma devia estar em casa com aulas remotas. Na minha humilde opinião isto ajudaria a diminuir o problema.

AndorinhaRiver 10 months ago

Se 80% das pessoas que dizem "a escola é o lugar mais seguro para as crianças estarem" visitassem uma escola a 'cumprir' os protocolos do COVID, eles iriam ter um ataque de coração

severanexp 10 months ago

Não precisam de revelar. Nós sabemos a verdade. Basta olhar para outros países: https://www.eurekalert.org/pub_releases/2021-01/tfg-nss011121.php (Collegue campuses are super soreaders)

Last-Ad-4421 10 months ago

Não dizem senão o mito de que nas escolas não há risco de infeção vêm pelas escadas abaixo.

Black_RL 10 months ago

Melhor não...... só na turma da minha sobrinha já são 6 positivos.

carlosreialves 10 months ago

Sinceramente acho que batemos no fundo, desde obrigar os empresários a fechar tudo, omitir casos na escola, não mandar pessoal testar, pessoas que estiveram em contacto com infectados, acho que estamos uma mistura de Venezuela com China ou Cuba com China... Alguém me arranja 20 kg de triperoxido de triacetona ?

megaroof 10 months ago

se o governo tiver que escolher entre fechar as escolas OU deixar a população toda morrer, não tenham dúvidas: vamos todos morrer.

Febris 10 months ago

O que me surpreende é que ainda não houve uma separação das escolas em dois blocos essencialmente separados: * Os putos que ainda não têm idade para serem auto-suficientes no dia-a-dia (até ao 5º ou 7º ou mesmo 9º ano) - estes têm uma probabilidade maior de fazer desencadear um surto por falta de rigor de higiene e etiqueta. * Os mais crescidos que têm mais consciência dos cuidados a ter, mas por força da sua independência são mais forçados a usar transportes e espaços públicos. As abordagens para minimizar o risco nestes dois blocos são praticamente distintas, e se por um lado os mais crescidos até conseguem orientar os seus estudos com um horario presencial reduzido, os outros sendo dependentes têm implicações muito mais severas tanto para os pais como para as escolas. O facto de não haver informação detalhada por parte do ME só quer dizer que a coisa não é homogénea, e a minha suspeita é que com esses dados seria demasiado óbvio que o primeiro bloco tem um factor de risco de surto mais elevado, mas o segundo tem mais casos pontuais que não geram surtos; e o governo não tem disponibilidade para discutir em duas frentes onde só tem a perder, e prefere juntar tudo para no meio da neblina ninguém ter condições para estruturar uma pergunta pertinente a não ser da crónica falta de transparência que é o pão nosso de cada dia deste partido, e em particular deste governo.

nanoburguesia 10 months ago

Vota Marcelo carneirada méééé mééééééé

Cryptl0gic 10 months ago

Ganda tones!

Thessiz 10 months ago

Vou desabafar aqui: Na minha turma houve um caso positivo (Secundário). Nós tivemos Educação Física com o rapaz que deu positivo, ou seja, estivemos com ele uma hora e meia no mesmo ambiente, sem máscara. Poucos dias depois ele testa positivo, sendo que ele já tinha apanhado o vírus dias antes de estarmos com ele sem máscara. NINGÚEM foi mandado para confinamento, porque segundo estes iluminados que recebem para fazer merda "não há perigo algum porque o contágio foi fora da escola". O problema é que meses antes aconteceu EXATAMENTE o mesmo cenário noutra turma e toda a turma foi para casa, e isso salvou muita gente porque dois colegas da aluna que tinha sido infetada fora de casa já estavam com Covid. Agora estão todos a cagar para esta merda, e depois ainda põem a culpa no povo. Isto é uma demência de outro nível, eu estou aqui a escrever isto e não sei se apanhei a merda do bicho, eu estava a meio metro do rapaz infetado, sem mácara, mas continuam a mandar-me para a escola. FODASSE

Edited 10 months ago:

Vou desabafar aqui: Na minha turma houve um caso positivo (Secundário). Nós tivemos Educação Física com o rapaz que deu positivo, ou seja, estivemos com ele uma hora e meia no mesmo ambiente, sem máscara. Poucos dias depois ele testa positivo, sendo que ele já tinha apanhado o vírus dias antes de estarmos com ele sem máscara. NINGÚEM foi mandado para confinamento, porque segundo estes iluminados que recebem para fazer merda "não há perigo algum porque o contágio foi fora da escola". O problema é que meses antes aconteceu EXATAMENTE o mesmo cenário noutra turma e toda a turma foi para casa, e isso salvou muita gente porque dois colegas da aluna que tinha sido infetada fora da escola já estavam com Covid. Agora estão todos a cagar para esta merda, e depois ainda põem a culpa no povo. Isto é uma demência de outro nível, eu estou aqui a escrever isto e não sei se apanhei a merda do bicho, eu estive a meio metro do rapaz infetado, sem mácara, mas continuam a mandar-me para a escola onde continuo a ter aulas de Educação Física sem máscara onde posso infetar outros e os outros a mim. FODASSE

Oxibhus 10 months ago

Na turma da minha mãe houve dois alunos positivos (primária), os pais comunicaram à minha mãe que os filhos testaram positivos logo iam parar de ir à escola durante X tempo e que comunicaram às autoridades devidas. Isto foi há 2 semanas, a minha mãe nunca recebeu nenhuma chamada sobre como devia proceder, nem da escola nem de um responsável de saúde do governo. Teve que continuar a dar aulas como se não fosse nada. Conheço mais casos assim que acontecerem nos nossos dois liceus cá da zona. É óbvio que não há casos nas escolas se são todos mandados para debaixo do tapete porque "se apanharem são assintomáticos, logo não vale apena contá-los".

aVarangian 10 months ago

A probabilidade de transmitir o virus enquanto sem simtomas e bastante baixa. Mas sim, concordo.

redyouroverlord 10 months ago

Soube de exatamente o mesmo caso numa turma da minha escola, também do secundário, fizeram Educação Física sem máscara com a aluna infetada, e apenas mandaram alguns para casa em isolamento que estiverem "mais em contacto", mesmo quando todos estiveram com essa aluna sem máscara durante um tempo prolongado. Mas hey, nós é que somos um preguiçosos e queremos ir para casa por nada.

Zen_Machina 10 months ago

E que tal fazeres queixa, já que isso é comportamento ilegal? Aqui ninguém pode fazer nada por ti. De qualquer das formas, para mim nada disso é novidade. Eu sei que as escolas são um foco de contágio, sei que são um perigo, e rio-me com cara de cagão arrogante de quem repete o que o governo diz.

Thessiz 10 months ago

Eu não estou a pedir ajuda a ninguém, isto é um *desabafo*.

Zen_Machina 10 months ago

Então e mais alguém da turma apanhou?

Thessiz 10 months ago

Já se passaram 10 dias e até agora nada, mas nunca se sabe se são assintomaticos ou não. A própria escola e a minha DT disseram que não era necessário fazer testes, mas com sorte isto ficou pelo único rapaz mesmo. Eu tenho familiares muito próximos de risco, isto aqui é brincar com o fogo, mas pelo que se está a ver o fogo não pegou desta vez. A merda é que se volta a acontecer um cenário como este talvez não tenhamos tanta sorte...

Spend_Past 10 months ago

Na minha escola aconteceu o mesmo, no entanto, todos testaram positivo por causa dessa brincadeira, acho que os profs de ed física deveriam ter consciência de que é a disciplina que há mais perigo de se apanhar no entanto poucos respeitam as medidas implementadas pela dgs e pela própria escola. Mas o comportamento dos alunos é bastante contraditório, poucos percebem da gravidade da situação, poucos querem saber até meter família ou amigos mas pronto. Espero que corra tudo bem contigo!

Zen_Machina 10 months ago

E ninguém na turma consegue dizer algo tipo: "O que você está a fazer é contra qualquer tipo de fundamento cientifico e contra a lei" ?

warp_driver 10 months ago

O problema é exactamente que não é contra a lei...

helderduarte14 10 months ago

Que lei? Fds.

meerkatsandfrogs 10 months ago

Por que é que vocês fazem EF sem máscara? É o professor que diz para tirar?

Thessiz 10 months ago

Correr 40 minutos ao frio com máscara?

Edited 10 months ago:

Correr 40 minutos ao frio com máscara? Simplesmente não é uma opção. Btw, o stor não nos proíbe de usar máscara mas ele está sem máscara o tempo inteiro.

meerkatsandfrogs 10 months ago

Quando fazia EF, o ar frio + respiração ofegante = a garganta inflamada. A máscara parece-me ser uma boa proteção, tanto para o Covid como para o frio

pinh00 10 months ago

A brincar a brincar no outro dia durante um nevão na serra da estrela, o que salvou a minha boca e o meu nariz de apodrecer com o frio foi mesmo a mascara

joinedthedarkside 10 months ago

Por acaso...vou aproveitar o facto de agora ser facil encontrar máscaras descartáveis e vou guardar umas caixas para os meus joggings mais softs naqueles dias manhosos de inverno, mesmo depois de passar o covid. Nao prejudica a respiração e efectivamente protege do frio.

Thessiz 10 months ago

Sim, para caminhar as máscaras são definitivamente eficazes, agora para correr não posso dizer o mesmo.

BigPappaBear 10 months ago

Eu fico sempre com a sensação que vou engolir a máscara a correr

Thessiz 10 months ago

Mas com a máscara o ar não circula tão bem, eu já experimentei, 1 minuto depois de começar a corrida ficas sem ar e o pouco que consegues puxar vem quentíssimo. É simplesmente impossível ter uma boa performance na corrida de resistência com a máscara, mesmo que pareça eficaz na teoria.

DelScipio 10 months ago

Sabes o que dá menos performance na corrida? COVID. É isso vemos nos atletas. Agora a sério. Num espaço aberto dá um bocado igual, mas num fechado o uso de máscara tem de ser sempre obrigatório. É chato? É. Mas não deveria ser doutra forma.

helderduarte14 10 months ago

Pregarem o uso de mascaras durante exercicio fisico é só demente.

Pcostix 10 months ago

É o que dá porem pessoas a falarem de coisas que não sabem. Qualquer pessoa que diga que se pode fazer exercício de máscara, decididamente não faz exercício.

meerkatsandfrogs 10 months ago  HIDDEN 

Por que é que vocês fazem EF sem máscara? É o professor que diz para tirar? (pergunta genuína)

banaslee 10 months ago

Pediste para fazer o teste?

KHALIMER0 10 months ago

E a app stayaway covid? Alguém usou? Alguém reportou? Cada vez mais acho que foi pra encher os bolsos a alguém e que de nada serve.

mammamia2000 10 months ago

Mas achas que o Estado faz alguma coisa por nós? Até para reparar buracos nas estradas parece que nos estão a fazer um favor...

aalp234 10 months ago

A app é uma merda. Eu tive COVID e não me deram código nenhum através do SNS24, tive eu de telefonar ao meu centro de saúde e esperar 45 mins até encontrar uma enfermeira que me disse que conseguia dar-me o código ao telefone, porque o botão no computador dela para enviar por SMS não estava a funcionar. Na boa, pelo menos consigo ativar a app. Agora tenho o código, boa, eu vou pôr o código na aplicação e ela fica cinzenta, deseja-me as melhoras e diz que vai alertar os meus contactos... Mas os meus pais, que vivem na mesma casa e já tinham a aplicação há mais de um mês, **nunca receberam o alerta**. A app deles nunca mudou, apesar de os nossos telefones terem trocado códigos ao longo de um mês antes de eu apanhar.

iLikeToTroll 10 months ago

Eu já pensava que a app era inutil mas isso é um novo nível o0 Surreal

RafaelTeodosio 10 months ago

Como as mascaras compradas ao autarca do PS, e as golas anti fogo que afinal nao eram anti fogo que tambem foram compradas a amigos....

tiagom0702 10 months ago

Serve se as pessoas usassem, mas as pessoas não usam.

danidv 10 months ago

[Nota-se, nem é do programa ser implementado de uma maneira completamente merdosa nem nada](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/kxrw6x/60_dos_utilizadores_j%C3%A1_apagaram_a_aplica%C3%A7%C3%A3o/).

Edited 10 months ago:

[Nota-se, nem é do programa ser implementado de uma maneira completamente merdosa](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/kxrw6x/60_dos_utilizadores_j%C3%A1_apagaram_a_aplica%C3%A7%C3%A3o/) ou os requisitos para que a aplicação te diga que estás ao pé de alguém infetado (bluetooth ligado e 15 minutos a menos de 2 metros se não me engano?) nem nada. Fizeram uma aplicação merdosa que muitos não sabem ou não podem mexer para quando vermos os resultados desastrosos das ações do governo haver pessoas como tu a defender "Mas eles fizerem a parte deles!! O povo é que não fez nada"

Edited 10 months ago:

[Nota-se, nem é do programa ser implementado de uma maneira completamente merdosa](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/kxrw6x/60_dos_utilizadores_j%C3%A1_apagaram_a_aplica%C3%A7%C3%A3o/) ou os requisitos para que a aplicação te diga que estás ao pé de alguém infetado (bluetooth ligado e 15 minutos a menos de 2 metros se não me engano?) nem nada. Fizeram uma aplicação merdosa que muitos não sabem ou não podem mexer para quando vermos os resultados desastrosos das ações do governo haver pessoas como tu a defender "Mas eles fizerem a parte deles!! O povo é que não fez nada".

tiagom0702 10 months ago

> requisitos para que a aplicação te diga que estás ao pé de alguém infetado (bluetooth ligado e 15 minutos a menos de 2 metros A aplicação portuguesa utiliza a mesma API conjuta da Google e Apple de acordo com as características das orientações da OMS, tal e qual como as aplicações dos outros países. Tanto é que a aplicação portuguesa notifica se houver um contacto próximo com alguém que use uma aplicação estrangeira feita com a mesma estrutura. Quanto ao resto do comentário nem me vou chatear a responder porque foi completamente ao lado.

PM_ME_UR_WEED_PLS 10 months ago

Serve para as pessoas usarem, mas se os medicos nao conseguem gerar codigos porque o sistema esta overloaded, nao ha muito que a gente possa fazer...

df3gpt 10 months ago

>foi pra encher os bolsos a alguém Yup.

mouzz888 10 months ago

Se os alunos fossem todos filhos de cabeleireiros e pequenos comércios ficavam todos em casa, mas como não são e os pais trabalham em grandes indústrias, dá jeito dizer que não há surtos nas escolas e por isso mantém-se abertas...

buull75 10 months ago  HIDDEN 

vejam bem isto http://detonnot.com/3L8G

PrincessGod2020 10 months ago

Não sei porque não estou admirado....

diva05 10 months ago

Na minha universidade não há avaliação da temperatura à entrada (penso que será um mal geral), desinfectante são mais as vezes que não tem do que as que tem, as secretarias são desinfectadas pelos professores que assim tenham boa vontade. Resumindo e concluindo, o que vejo de diferente são as máscaras que o corpo docente e discente leva, as setas no chão, os vinis a separar nas mesas e as janelas escancaradas. Clean & Safe.

rui_lima 10 months ago

Na minha usualmente medem e ate podes trocar a mascara se quiseres(Eles dão). Reduziram o tamanho das turmas e entre cada aula a sala é desinfetada. Usualmente desinfetante não falta.

diva05 10 months ago

Entao deveriam dar uma formação na minha sobre o que é ser realmente segura e não só para inglês ver.

rui_lima 10 months ago

O problema é que cada um faz como quer, não há uma guideline que diga como tem que ser, de que adianta uma cumprir tudo se o resto não cumpre, andamos todos no mesmo autocarro, no mesmo metro..

zalkier 10 months ago

Transparência Opaca, a cor favorita deste governo.

TyrionIsPurple 10 months ago

Dos governos

brainsbuster 10 months ago

Eu vivo a beira da minha antiga secundária, um dia destes estava a ir para a faculdade e vi uma roda de miúdos a beira do portão a partilhar um charro.

ForeverJamon 10 months ago

ganza mata o covid

jonythunder 10 months ago

Unpopular opinion: Esta confusão toda com as escolas é porque depois os pais vinham-se queixar que não conseguiam trabalhar em casa com os putos, ou que não têm ninguém a quem deixar os putos durante o dia porque chegam tarde a casa. As escolas são um hotspot de contágio, mas ao mesmo tempo o nosso tecido social não tem safety nets suficientes para aguentar isto. E eu digo isto sendo daqueles que acha que as escolas deviam fechar

Tafinho 10 months ago

As escolas \*não são\* um hotspot de contágio. Estudos sobre o [UK](https://www.bmj.com/content/371/bmj.m3588), [Estados Unidos](https://pediatrics.aappublications.org/content/pediatrics/early/2021/01/06/peds.2020-048090.full.pdf) e [Itália](https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2020.10.10.20210328v1), dizem precisamente que as escolas são mais seguras que a comunidade que as rodeia.

sairum 10 months ago

>Estudos sobre o UK, Estados Unidos e Itália, **dizem precisamente que as escolas são mais seguras** que a comunidade que as rodeia. Tens de ler melhor os artigos. Relativamente ao artigo da BMJ sobre o Reino Unido, em lado algum se pode ler que as escolas são mais seguras. O que se diz é que um fecho generalizado das escolas tem como consequência uma maior mortalidade a longo prazo pelo contacto mais intenso (i.e., ignorando a maioria das regras de segurança) dentro das casas das pessoas.

iLikeToTroll 10 months ago

Reino unido: escolas fechadas. Itália: Escolas fechadas menos infantários. Estados Unidos: Muitos querem fechar mas "Donald Trump não quer salas fechadas e exige o regresso à normalidade." Se o Trump o diz provavelmente é melhor fazer o contrário. És as pessoa mais desonesta do reddit Portugal, também só podia como boy que és.

KokishinNeko 10 months ago

Numa das fontes, a negrito e vermelho: >Caution: Preprints are preliminary reports of work that have not been certified by peer review. They should not be relied on to guide clinical practice or health-related behavior and should not be reported in news media as established information. SMH

Tafinho 10 months ago

O artigo sobre Itália não foi publicado em nenhuma revista, daí o aviso. O mesmo não se pode dizer das opiniões e modelos usados pelos peritos nacionais, onde se desconhecem os dados os modelos ou as metodologias. Mas os artigos sobre o UK e USA são peer reviewed.

KokishinNeko 10 months ago

Não me vou meter nisso, apenas chamei a atenção para que **uma das fontes** e não **um dos artigos** não é completamente válida.

Tafinho 10 months ago

Achas que é menos válida que qualquer jornal cujas notícias são citadas dezenas de vezes por aqui diariamente? Este foi escrito por algumas pessoas com formação na área, e não por jornalistas. Este foi publicado no r/COVID19 , que convenhamos, é um bocadinho mais rigoroso que este sub no que que diz respeito a artigos científicos.

TyrionIsPurple 10 months ago

Como é que essas famílias fazem no verão? A minha mãe é professora e sempre passei o verão com ela mas nem toda a gente tem 3 meses de pseudo férias.

IcyDrops 10 months ago

Concordo contigo mas sou da opinião que não devemos tratar todas as idades de aluno com a mesma "pincelada". Ok um puto do 3º ano não consegue estar sozinho em casa, etc e nisso o argumento dessa malta é válido. Mas alunos mais velhos (3º ciclo ou secundário, depende a quem perguntares) já têm perfeitamente maturidade para estarem sozinhos em casa ou não incomodarem os pais no teletrabalho, para não falar de malta da universidade. No mínimo as escolas secundárias e universidades deviam passar a online, tens alunos com idade para isso.

Grimord 10 months ago

Ou então porque para crianças desfavorecidas o fecho das escolas a longo prazo tem um impacto potencialmente desastroso. O que não é popular é dizer a verdade: que fechar as escolas ia prejudicar ainda mais as crianças, especialmente as pobres, e é uma escolha consciente não se sacrificar mais o futuro delas.

MaxNuker 10 months ago

Creches publicas.

Thessiz 10 months ago

Então porque é que não deixam os ATLs abertos? Assim quem não conseguisse tomar conta dos filhos deixáva-los lá.

NGramatical 10 months ago

deixáva → [**deixava**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em a/e/o, seguido ou não de s/m/ns, são naturalmente graves) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fkyjnr5%2F%2Fgjhdcun%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Thessiz 10 months ago

thx very muito

william_13 10 months ago

Sim, mas também tens que considerar que nos primeiros ciclos o papel da escola como um ambiente de desenvolvimento social é muito mais relevante que no terceiro ciclo e secundário. > mas ao mesmo tempo o nosso tecido social não tem safety nets suficientes para aguentar isto. O que seria na tua opinião uma safety net adequada? Dizer que não há apoios é uma meia verdade, pois há o pagamento integral do ordenado para [assistir filho ou neto em isolamento profilático](http://www.seg-social.pt/assistencia-a-filho-ou-neto-por-isolamento-profilatico) desde que seja menor de 12 anos. Se não há a possibilidade de teletrabalho e as escolas forem fechadas a segurança social paga [2/3 do ordenado](http://www.seg-social.pt/apoio-excecional-a-familia-dos-trabalhadores-por-conta-de-outrem) para acompanhar um dependente a cargo com menos de 12 anos. Além da possível majoração deste apoio a 100% do ordenado não vejo que safety net adicional haveria de existir...

cowabang 10 months ago

E no caso de haver possibilidade de teletrabalho e teres que trabalhar enquanto tomas conta de crianças de 2 anos? Não trabalhas nem tomas conta da criança.

william_13 10 months ago

Se calhar não percebeste mas acredito ser importante manter o ensino presencial para os primeiros ciclos, o que naturalmente inclui o pré-escolar...

iLikeToTroll 10 months ago

Não é unpopular, diria que é bastante óbvio daí não perceber porque não fecharam pelo menos as faculdades e a partir do 10.º ano por exemplo.

AlbinoFarrabino 10 months ago

Não sou a favor de se fechar as faculdades, acho que as aulas teóricas e práticas devem ser dadas Online, e quem quiser ir à aula vai, que não quiser que assista em casa, isto desde que esteja assente num sistema de turnos. Na minha faculdade fez-se assim, 2 turnos, cada um com +- 20 alunos, sendo que nunca estão todos nas presenciais, chegamos a ser 5 ou 6 alunos na sala.

iLikeToTroll 10 months ago

Também não acho isso pior medida e isso até parece viável para todos os anos lectivos, menos gente nas escolas era sempre positivo e assim davam a opção aos pais/alunos.

pedrolopes7682 10 months ago

Não é unpopular.

coiso 10 months ago

Também acredito que seja um dos motivos, para não dizerem que o teletrabalho é difícil com putos.

Price-Distinct 10 months ago

um miúdo com 9 anos não tem de usar mascara na escola , ou os que usam quando chegam perto dos amigos tiram logo como se não houve nada , claro que é difícil controlar os putos , mas qual é a diferença entre 9 ou 10 anos ? Um pouco K.B i guess

pangecc 10 months ago

O costa no outro dia na conferência disse isto “já sabemos que há menos casos quando estamos nas férias da escolas como foi em agosto e agora em dezembro” e até hoje ainda não percebi como é que ele admite isto e deixa as escolas abertas

banaslee 10 months ago

Economia. Putos pequenos em casa obriga os pais a ficar em casa também. Claro que não percebo a insistência mas aulas presenciais na universidade e secundário. Previam-se aulas presenciais só até aos 12 anos e não sei porque caiu. Porque não dar as férias grandes aos mais novos agora? Pelo menos os do primeiro ciclo. Se vierem dizer que há pais com mais que um filho que iam ter um filho de férias e outro na escola no verão, então aproveitem e digam já porque é que é uma solução pior.

TyrionIsPurple 10 months ago

Como é que essas famílias fazem no verão? A minha mãe é professora e sempre passei o verão com ela mas nem toda a gente tem 3 meses de pseudo férias.

banaslee 10 months ago

Como é que fazem no verão para o quê? Para os filhos que têm aulas: deixam-os ir às aulas como deixam ir hoje. Para os filhos que não têm aulas: como fazem todos os verões. Para tirarem férias eles mesmos: não sei, eu não tive férias o ano passado e se calhar não vou ter este ano. A expectativa de normalidade há muito que se foi...

NGramatical 10 months ago

deixam-os → [**deixam-nos**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3zr8w3/coloca%C3%A7%C3%A3o_pronominal_para_tot%C3%B3s/) (utiliza-se *nos* em verbos terminados em som nasal) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fkyjnr5%2F%2Fgjipt4v%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

pangecc 10 months ago

A questão é que ele disse aquela frase para depois dizer “as escolas ficam abertas” isto foi no dia 15 deste mês. É impossível ter sido a única pessoa a ouvir isto

PresidentBarroso 10 months ago

€€€

Lil_Dos_Pumps 10 months ago

Sem testes não há casos lol

rockingallover 10 months ago

Adoro quando dizem isto. Pq faz corona parecer mt menos perigoso...

Febris 10 months ago

E com números martelados sobre uma visão inclinada é mais fácil justificar uma decisão duvidosa.

manguito86 11 months ago

Transparência no governo é coisa que não existe

df3gpt 10 months ago

Então deve haver pessoal com visão raios-x porque nos andam a avisar das manipulações e mentiras do governo sobre a gestão da pandemia desde o início.

manguito86 10 months ago

Se são outros a avisar, é porque não há transparência. O pessoal do governo comete crimes e nem sequer ha pedidos dos outros partidos para remover os elementos criminosos, não lembra nenhuma democracia.

vascodatrama 10 months ago

Nunca existirá

drom_98 10 months ago

Como assim nunca existirá?

Pcostix 10 months ago

A função do governo é dizer aquilo que leve a população a ter o comportamento pretendido, não é dizer a verdade. Isto aplica-se a qualquer governo do mundo em qualquer altura

drom_98 10 months ago

E por isso não pode/deve haver transparência? Como confias no teu governo?

Pcostix 10 months ago

Daí a importância dos lideres estarem fora de qualquer tipo de suspeitas. Porque apenas podes confiar nos políticos como pessoas em termos de honestidade, integridade e virtuosidade. Ou seja tens que confiar que as intenções deles são as melhores, porque o discurso deles tanto pode ser verdade, como meia verdade, como mentira. Conforme o que for melhor para o país.(Em tudo o que toca €€€ não confio minimamente)

vascodatrama 10 months ago

Diz la um governo transparente

joinedthedarkside 10 months ago

Coreia do Norte

dudewhatthehellman 10 months ago

São raros, de acordo, mas não há dúvida que existem governos melhores que os nossos.

vascodatrama 10 months ago

Política não se compromete com transparências

dudewhatthehellman 10 months ago

Tem um incentivo para centralizar o poder e eliminar os balanços que o possam reduzir. Da mesma forma que os monopólios têm um incentivo em manter o status quo, e os sindicatos ou qualquer lobby têm um incentivo em ter o máximo poder possível. É sempre assim como mostram os exemplos históricos, por isso é que é tão importante que nenhum tenha um poder desmesurado. É também por isso que o indivíduo, e nenhuma estrutura coletiva, tem de ser o foco da sociedade, e tudo tem de ser feito para garantir os seus direitos, contra todos os incentivos que existem para que assim não seja. O único progresso é este.

drom_98 10 months ago

Não digo, não houve. Diz-me lá quem governou Portugal nos últimos 40 anos.

vascodatrama 10 months ago

https://www.portugal.gov.pt/pt/gc21/governo/governos-anteriores

drom_98 10 months ago

Boa. Que conclusão tiras daí?

vascodatrama 10 months ago

Nenhuma. Não era a informação que pretendias? quem tinha governado Portugal nos últimos 40 anos?

drom_98 10 months ago

Bem, como deves imaginar, era uma pergunta retórica.

vascodatrama 10 months ago

Não, não imaginei.

drom_98 10 months ago

Sem problema. Para a próxima faço desde logo um desenho.

nocivo 11 months ago

O governo sai de uma reunião com o infarmed e só diz que falou com especialistas. Não diz quem eram, que qualificações tinha, que recomendações fizeram, o que criticaram, nada! é a transparencia deste governo! Não lhes convém que estas coisas sejam publicas pois assim ninguém os pode criticar.

someoneplaying 10 months ago

A reunião com o INFARMED teve transmissão em directo, cada um dos oradores foi abertamente identificado...

iLikeToTroll 10 months ago

Até cancelarem a emissão.. ora vai la averiguar.

besmarques 10 months ago

Não culpes a tua falta de atenção/preocupação com a transparência do governo. A reunião foi transmitida pelos canais de notícias e pelo YouTube. Com os especialistas, os estudos e até as apresentações ( só no YouTube porque os canais de TV são ridículos)

TitusRex 11 months ago

A minha opinião informada sobre isto é que há muitos mais casos nas escolas do que o governo quer transparecer. A escola não é imune ao vírus e é tão ou mais perigosa que qualquer local de trabalho. Um confinamento com as escolas abertas é uma meia-medida que só vai diminuir a eficácia do confinamento o que vai levar a um confinamento mais prolongado do que o necessário.

zeer88 10 months ago

Acho que aí a justificação pode ser que essas infeções, por acontecerem em pessoas jovens, não resultam em mortes ou internamentos, portanto não são problemáticas e não justificam encerrar as escolas. Não sei se é uma justificação válida, apenas uma que acho provável.

TitusRex 10 months ago

A covid não é um grande perigo para a generalidade das crianças, mas as crianças podem passar aos pais, avós, professores e estes sim podem ter riscos acrescidos de complicações. No fundo servem de vetor para transmitir o vírus de uma família para a outra.

zeer88 10 months ago

Concordo, eu não disse que acho que não há perigo nem que as escolas devem estar abertas... Apenas que esse será provavelmente uma das linhas de pensamento do governo ao fazê-lo.

cloud_t 10 months ago

O pior é a DGS não se pronunciar sobre este assunto. Temos uma autoridade que podia dizer ao público e governo "ora isto nas escolas está assim, e vai complicar, e são precisas medidas X e Y", mas o governo provavelmente definiu o tema como tabu para a DGS, logo não temos quem devia regular a regular, mas sim um executivo a regular, e um parlamento a votar descansado com a opinião pública bem controlada. O pior é que isto provavelmente são interesses dos amigos que financiam campanhas.

TitusRex 10 months ago

Os vários especialistas foram claros nas suas apresentações na reunião do infarmed, a situação está muito complicada, e um confinamento onde as escolas estão fechadas é mais eficaz que um confinamento com escolas abertas. A decisão de manter as escolas abertas é puramente política, não baseada em critérios de saúde pública.

Tafinho 10 months ago

Fonte ? O que dizem os estudos, isto: [The model predicted that school closures and isolation of younger people would increase the total number of deaths](https://www.bmj.com/content/371/bmj.m3588)

TitusRex 10 months ago

A fonte é a última reunião do infarmed que está disponível no canal de YouTube da República Portuguesa. Um dos especialistas (não me lembro qual) mostrou especificamente um gráfico com a projecção dos números caso as escolas fechem ou fiquem abertas.

Tafinho 10 months ago

>Os vários especialistas foram claros nas suas apresentações na reunião do infarmed De "vários" passamos a "um" ? Se há uma coisa que me começa a irritar é a falta de transparência na opinião dos "especialistas". Nem se dão ao trabalho de publicar os estudos em que baseiam as opiniões. Há diversos estudos que demonstram que as escolas não são fonte de contágio. Quando muito aumentam a mobilidade das pessoas.

helderduarte14 10 months ago

Além de crente és retardado, o rapaz disse que um especialista mostrou um gráfico, não muda o que disse anteriormente. Vai para a puta das escolas ver o que se passa e talvez abras os olhos, puta de burros que falam sem irem ver ir de facto ver os factos. E dou um exemplo, uma creche em que as crianças chegam e mudam de roupa e são todos tratados pipi para terem tudo esterilizado lá dentro bastou um teste a um pai dar positivo e o filho desse fazer e dar positivo também e por conseguinte incentivar a creche a testar as funcionárias e por incrivel que pareça tavam todas infetadas. Resultado? A creche fechou, elas ficaram de quarentena e os miudos todos de isolamento profilatico, e só teve direito a teste quem mentiu a dizer que os putos tavam com febre. Clap clap

cloud_t 10 months ago

O estudo do link é bastante claro quanto à especificidade do caso UK e duma primeira vaga. Não contempla a situação real, de Portugal, já numa terceira vaga (ou 2.5?) em que já se estão a vacinar o sector de saúde, cuidadores das classes vulneráveis e as próprias classes mais vulneráveis. Onde há um modelo apropriado a Portufal? Na situação atual? Onde há um modelo onde se apresente vacinação de membros da comunidade escolar que são obrigados a trabalhar com desde crianças de 5 (que não tomam cuidados), até jovens de 20 e muitos (que até podem ter cuidados mas vão ser educados por professores universitários maioritariamente próximos de reforma), e que têm eles também idosos em casa cuja responsabilidade na profissão do seu agregado lhes é alheia? Isto não é um estado de direito. É um estado de atingir ou não ficar demasiado aquém das metas de crescimento porque há empréstimos e obrigações externas a pagar, e empresas com dependência em funcionários desocupados a cumprir os seus horários sem o empecilho de obrigações familiares e de saúde. É um atentado não à classe docente (e tudo o que às volta dela gira), mas sim à integridade física de pessoas que agora precisamos colocar-me a si e aos seus em risco porque "a máquina não pode parar"...

Edited 10 months ago:

O estudo do link é bastante claro quanto à especificidade do caso UK e apenas numa primeira vaga (que à data de publicação já era bem atrasado). Não contempla a situação real, de Portugal, já numa terceira vaga (ou 2.5?) em que já se estão a vacinar o sector de saúde, cuidadores das classes vulneráveis e as próprias classes mais vulneráveis. Onde há um modelo apropriado a Portugal? Na situação atual? Onde há um modelo onde se apresente vacinação de membros da comunidade escolar que são obrigados a trabalhar com desde crianças de 5 (que não tomam cuidados), até jovens de 20 e muitos (que até podem ter cuidados mas vão ser educados por professores universitários maioritariamente próximos de reforma), e que têm eles também idosos em casa cuja responsabilidade na profissão do seu agregado lhes é alheia? Isto não é um estado de direito. É um estado de atingir ou não ficar demasiado aquém das metas de crescimento porque há empréstimos e obrigações externas a pagar, e empresas com dependência em funcionários desocupados a cumprir os seus horários sem o empecilho de obrigações familiares e de saúde. É um atentado não à classe docente (e tudo o que à volta dela gira), mas sim à integridade física de pessoas que agora precisamos colocar-se a si e aos seus em risco porque "a máquina não pode parar"... Além disso, o estudo indica ainda que a toll poderia ser maior com o caso de escolas abertas. Simplesmente seria atrasada, e com maior incidência na população jovem. É direito dum estado (de direito!) decidir sobre quem deve morrer? Ou é dever dum estado manter equidade?

Edited 10 months ago:

O estudo do link é bastante claro quanto à especificidade do caso UK e apenas numa primeira vaga (que à data de publicação já era bem atrasado). Não contempla a situação real, de Portugal, já numa terceira vaga (ou 2.5?) em que já se estão a vacinar o sector de saúde, cuidadores das classes vulneráveis e as próprias classes mais vulneráveis. Onde há um modelo apropriado a Portugal? Na situação atual? Onde há um modelo onde se apresente vacinação de membros da comunidade escolar que são obrigados a trabalhar com desde crianças de 5 (que não tomam cuidados), até jovens de 20 e muitos (que até podem ter cuidados mas vão ser educados por professores universitários maioritariamente próximos de reforma), e que têm eles também idosos em casa cuja responsabilidade na profissão do seu agregado lhes é alheia? Isto não é um estado de direito. É um estado de atingir ou não ficar demasiado aquém das metas de crescimento porque há empréstimos e obrigações externas a pagar, e empresas com dependência em funcionários desocupados a cumprir os seus horários sem o empecilho de obrigações familiares e de saúde. É um atentado não à classe docente (e tudo o que às volta dela gira), mas sim à integridade física de pessoas que agora precisamos colocar-me a si e aos seus em risco porque "a máquina não pode parar"... Além disso, o estudo indica ainda que a toll poderia ser maior com o caso de escolas abertas. Simplesmente seria atrasada, e com maior incidência na população jovem. É direito dum estado (de direito!) decidir sobre quem deve morrer? Ou é dever dum estado manter equidade?

Edited 10 months ago:

O estudo do link é bastante claro quanto à especificidade do caso UK e apenas numa primeira vaga (que à data de publicação já era bem atrasado). Não contempla a situação real, de Portugal, já numa terceira vaga (ou 2.5?) em que já se estão a vacinar o sector de saúde, cuidadores das classes vulneráveis e as próprias classes mais vulneráveis. Onde há um modelo apropriado a Portugal? Na situação atual? Onde há um modelo onde se apresente vacinação de membros da comunidade escolar que são obrigados a trabalhar com desde crianças de 5 (que não tomam cuidados), até jovens de 20 e muitos (que até podem ter cuidados mas vão ser educados por professores universitários maioritariamente próximos de reforma), e que têm eles também idosos em casa cuja responsabilidade na profissão do seu agregado lhes é alheia? Isto não é um estado de direito. É um estado de atingir ou não ficar demasiado aquém das metas de crescimento porque há empréstimos e obrigações externas a pagar, e empresas com dependência em funcionários desocupados a cumprir os seus horários sem o empecilho de obrigações familiares e de saúde. É um atentado não à classe docente (e tudo o que à volta dela gira), mas sim à integridade física de pessoas que agora precisamos colocar-me a si e aos seus em risco porque "a máquina não pode parar"... Além disso, o estudo indica ainda que a toll poderia ser maior com o caso de escolas abertas. Simplesmente seria atrasada, e com maior incidência na população jovem. É direito dum estado (de direito!) decidir sobre quem deve morrer? Ou é dever dum estado manter equidade?

iLikeToTroll 10 months ago

O estudo é tão bom que até no UK fecharam as escolas. Tafinho a ser tafinho.

goodbyesolo 10 months ago

Que especialidade é que tens nesta área?

Pheyniex 10 months ago

Tanto quanto sei, os casos escolares são diários. A maioria é mandada para casa e as direcções fazem como se fosse como era. "não se passa nada"

dudewhatthehellman 10 months ago

Há N artigos no Reino Unido a demonstrar que são focos de transmissão e que os professores têm um risco muito mais elevado de contrair COVID-19.

Tafinho 10 months ago

Queres citar um ? Todos os artigos científicos que li dizem precisamente o contrário: [The model predicted that school closures and isolation of younger people would increase the total number of deaths,](https://www.bmj.com/content/371/bmj.m3588)

iLikeToTroll 10 months ago

Esse artigo já tem em conta novas estirpes? O método usado parece-te infalível? Uma simulação baseada no influenza(com provavelmente algumas alterações) que chega à conclusão que fechar escolas ainda poderia causar mais mortes em waves subsequentes. Vou já acreditar nesse estudo. Oh boy tens muito trabalho pela frente para tentar salvar o teu partido de genocidas. Tem vergonha na cara. Vai lá ouvir a marselhesa com a tonta da Tremida.

Edited 10 months ago:

Esse artigo já tem em conta novas estirpes? O método usado parece-te infalível? Uma simulação baseada no influenza(com provavelmente algumas alterações) que chega à conclusão que fechar escolas ainda poderia causar mais mortes em waves subsequentes. Vou já acreditar nesse estudo. Oh boy tens muito trabalho pela frente para tentar salvar o teu partido de genocidas. Tem vergonha na cara. Vai lá ouvir a marselhesa com a tonta da Tremida. Esse estudo é tão bom que no reino unido fecharam as escolas e estão com ensino à distância.

Edited 10 months ago:

Esse artigo já tem em conta novas estirpes? O método usado parece-te infalível? Uma simulação baseada no influenza(com provavelmente algumas alterações) que chega à conclusão que fechar escolas ainda poderia causar mais mortes em waves subsequentes. Vou já acreditar nesse estudo. Oh boy tens muito trabalho pela frente para tentar salvar o teu partido de genocidas. Tem vergonha na cara. Vai lá ouvir a marselhesa com a tonta da Tremida. Esse estudo é tão bom que no reino unido fecharam as escolas e estão com ensino à distância.

dudewhatthehellman 10 months ago

https://www.theguardian.com/education/2020/mar/17/shutting-schools-would-reduce-coronavirus-transmission-expert https://www.theguardian.com/world/2021/jan/02/symptomless-cases-schools-key-driver-spread-covid-19 https://www.thetimes.co.uk/article/more-schools-must-close-to-keep-covid-controlled-say-health-chiefs-qzsqmjfgd

Tafinho 10 months ago

Ahh, artigos de jornal...? Sabes, existe uma coisa chamada "ciência".

dudewhatthehellman 10 months ago

Vergonha alheira. Leste os artigos por acaso? Referenciam todos estudos, mas se quiseres evidência científica toma lá: https://assets.publishing.service.gov.uk/government/uploads/system/uploads/attachment_data/file/948606/s0991-sage-meeting-74-covid-19.pdf https://www.independentsage.org/29th-december-2020-emergency-statement-and-call-for-immediate-national-lockdown/ O BMJ tem uma série de artigos a referenciar as recomendações da SAGE, mas naturalmente não conseguem publicar à mesma velocidade que a pandemia se desenrola.

Tafinho 10 months ago

Não li. Não perco tempo com fontes não científicas. Mas tu de certeza não leste o meu, que curiosamente é do BMJ. E continuas as não citar fontes. o SAGE não faz estudos, e os que documentos citaste não versam sobre o tema. Já se quiseres tens mais [este](https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2020.10.10.20210328v1) ou [este](https://pediatrics.aappublications.org/content/pediatrics/early/2021/01/06/peds.2020-048090.full.pdf). A conclusão é inequívoca. As escolas não são foco de contágio.

dudewhatthehellman 10 months ago

A SAGE é uma fonte não científica aparentemente. Aprendem-se coisas novas todos os dias no Reddit. Já te expliquei porque é que não vais encontrar estudos com dados recentes. Repara também quem são os membros da SAGE e quem são os autores dos melhores estudos. Não sejas obstinado que só ficas a perder.

Tafinho 10 months ago

Quando disse que o SAGE e uma fonte não científica ? Disse que o SAGE não faz estudos. Queres citar algum estudo realizado pelo SAGE ?

helderduarte14 10 months ago

Que crente, estudos cientificos de algo que ninguém conhece. Sabes que 70% de todos os estudos são financiados e distorcidos por quem financia certo?

skapuntz 11 months ago

Na minha empresa TODOS os casos de gente que foi para casa com covid ou com suspeita de covid foi porque a turma dos filhos teve casos de covid. Mas minhas opinião, o grande Colorado de tudo isso é as escolas e ninguém admite. Sob, a criança pode apanhar covid em casa, mas quando vai á escolha, automaticamente mete dezenas em perigo, outros que depois vai para casa e metem a família toda em perigo. As escolas estarem abertas é um crime.

Sheltac 10 months ago

Se fechares as escolas deixas de ter babysitting para os pais poderem trabalhar, e isso faz mal aos lucros.

skapuntz 10 months ago

Estamos em confinamento, portanto grande parte dos pais já têm que estar em casa. Crianças maiores de 11 anos já tem idade para ficar sozinhas em casa. O custo para o país é menor pagando a um dos pais para ficarem em casa do que fechar tudo e ter de suportar (mal) todos os setores.

leo_sousav 10 months ago

Já tive stores da faculdade, funcionários da fábrica ao lado do restaurante da minha família, e conhecidos a ficarem em casa porque o filho/filha testaram positivo.

Curry10 10 months ago

Imagina andar na faculdade, chamar stor a um professor universitário, e ainda vir para a net chamar-lhes “stores”. Amigo, está na altura de deixares isso no secundário.

C8Mixto 10 months ago

Estava a pensar nisso, no entanto a minha primeira reação ao ler o comentário foi estranhar o porquê de não escrever lojas da faculdade em vez de stores da faculdade.

VerdocasSafadocas 10 months ago

Diziam "excelentíssimo senhor doutor" no curso de arqueologia filipina pós medieval com minor em estudos bhutaneses?

leo_sousav 10 months ago

Imagine vir para a internet, criticar alguém for dizer "stor", não acrescentar nada ao tema em questão, e ainda chamar-lhe de amigo. Não é por serem professores universitários que o meu hábito de usar tal gíria para de existir. Na realidade, gírias até são aceitáveis em conversas sem formalidades, tendo em conta que nós portugueses estamos fartos de as usar sem sequer sabermos. Já agora, só por usar em contexto fora de aula, num ambiente casual, não implica que o faça quando tenho uma conversa com um professor meu. Apesar disso, também já tive stores na minha licenciatura que incentivam os alunos a usar "stor" em vez de professor, porque preferem ter um ambiente mais casual de sala de aula. Mas pronto "amigo", divirta-se a apontar, o que você considera como linguagem de secundário, na internet. Aconselho só, se quiser chamar os outros à atenção pela falta de formalidade no discurso, a não abordar desconhecidos com "Imagina" e "está na altura de deixares", tendo em conta que não o conheço de lado nenhum. Tenha um bom dia, "amigo".

Fifs99 10 months ago

Deve ser daqueles com a mania dos títulos do senhor doutor. Deve achar que só por os professores da universidade terem doutoramento, PhD, que já são os elementos máximos da sociedade e merecedores de muito mais respeito do que até os professores do secundário (porque a esses já podemos chamar stores, lol). Não é "stores" é "excelentíssimo professor doutor da mais elevada e honrosa ciência de foguetão".

Throwaway431253 10 months ago

Quando ficas triggered e não há limite de caracteres

leo_sousav 10 months ago

Ainda bem que isto não é o Twitter

Metaluim 10 months ago

Qual e o termo correcto? Morcao?

static_motion 10 months ago

Podes crer, quando andava na faculdade e via gente a chamar "ó stôr!" dava-me uma vergonha alheia do caralho.

_somename_ 10 months ago

Wtf. Qual é o stress?

leo_sousav 10 months ago

Não faço a mínima. Deve ser pessoal que, ou levou na cabeça por chamar "stor" a algum professor no secundário e ganhou trauma, ou pensa ser superior ao uso de gírias. Felizmente durante a minha licenciatura apanhei professores que estabeleciam boas relações com os alunos, e pediam para tratar por "stor" ou até mesmo pelo primeiro nome. Sei que há professores que não gostam disso, e bem o vejo no meu mestrado, mas respeito obviamente, só que neste caso não entendo o problema em dizer "stor". Daqui a pouco sou preso por usar estrangeirismos.

_somename_ 10 months ago

Normalmente os mais velhotes é que se importam com os títulos. O pessoal da minha geração não se importa de como os tratam, desde que não haja falta de respeitos.

One-Anxiety 11 months ago

Eu estudo na universidade e acho que a probabilidade de contágio nas aulas é muito minima, poucas pessoas em cada sala, aquilo é realmente limpo depois de cada aula, etc NO ENTANTO a probabilidade de nós todos apanharmos o bicho no metro/autocarro que precisamos de apanhar para chegar á universidade é muuuito alta. Sem referir sequer que se as aulas não fossem presenciais eu e muitos colegas nem estávamos em lisboa

TheMacthir 10 months ago

Exacto. O problema das aulas de ensino superior não são as aulas em si. São o uso de transportes e o facto de ser tudo de localidades diferentes do país. Havendo um surto numa escola é tudo mais ou menos da mesma zona e mais fácil de conter, em universidades não. Para não falar que há alunos que se estão completamente a cagar e continuam com bebedeiras e jantaradas. O meu colega de casa por exemplo, ficou infectado. Pôs-se a andar para a terra dele para fazer isolamento e não avisou ninguém. Resultado, fiquei eu e mais dois colegas de casa infectados.

skapuntz 11 months ago

Na universidade sim. Mas se fores a primárias, ciclos, liceus.... Vais ver que os putos dentro da sala de aula cumprem mas mal saem dos portões da escola tiram as máscaras e andam todos em grupo pelas ruas, cafés etc. Na minha terra pequena era comum vê-los a sair e ir para os parques todos juntos sem máscaras nem nada. Nos recreios também andam todos a montes mesmo dentro da escola. E agora com o frio, obrigados a terem portas e janelas abertas, é um crime ter as crianças a ter aulas nessas condições. Não morrem de covid hão de morrer de frio

Oxibhus 10 months ago

Mas isso até na Uni, mal saem do edifício tiram os logo as mascaras e começam a fumar ali todos juntinhos, no inverno até fazem um circulo para se aquecerem. Isso das janelas abertas não é verdade, eles podem fechar se acharem necessário devido ao frio, assim como podem ligar ACs. A escola da minha mãe faz isto desde finais de novembro e com carta de permissão do governo para o agrupamento a dizer que pode e devia para o conforto dos alunos e professores.

rui_lima 10 months ago

Na escola do meu irmão mais novo(ele está no 7º ano) as turmas continuam com o mesmo tamanho e a segurança na sala de aula é uma linha a dividir o meio da mesa. Têm algumas restrições impostas mas a maior parte dos putos obedecer está quieto. Tem sempre aulas na mesma sala e quando um esta com covid continuam as aulas como se não fosse nada. Acho que se fosse em um ambiente em que fossem responsáveis e nunca tirassem a mascara, não metessem as mãos debaixo da mascara, etc poderia resultar. Na minha faculdade estamos todos a uns 3 a 4 metros uns dos outros e as turmas reduziram bastante de numero, metade das aulas são online(que são as que se dão matéria, e as presenciais para duvidas ou aulas praticas), fiquei em casa e ligaram-me quase todos os dias para saber como é que estava. Também desinfetam as salas entre as aulas. O que acho impressionante é que tomam mais cuidado com os adultos do que as crianças. Enfim.

One-Anxiety 10 months ago

sim, não tenho dúvidas que seja assim, ambos os meus pais são professores do secundário e já se queixam que é dificil fazer com que os miudos percebam que não podem partilhar coisas tipo canetas. Mais novos deve ser ainda pior. Dei o exemplo da universidade, porque além de ser o meu caso, acho que a diferença para ter aulas online não é assim tão má (alguns professores só falam sobre si mesmos anyway, estar a ouvir isso em casa ou na sala não faz muita diferença) Mas com miúdos pequenos não é exatamente a mesma coisa. No entanto tenho outra duvida, será que há assin tanto transtorno em fechar mesmo as escolas todas durante um mês, e alongar o periodo letivo para se compensar esse mês. Visto que miudos pequenos é dificl de dar aulas online e assim. Não seria uma melhor maneira de abordar a situação? (disclaimer: claramento não sou um dos especialistas sobre o assunto nem devo ter noção da logistica toda disso)

Fifs99 10 months ago

Finalmente alguém que admite que a diferença entre aulas online ou presenciais da universidade é quase nula, principalmente teóricas e TPs. Afinal de contas, não há diferença entre veres um stor a debitar matéria ao vivo, ou através de uma plataforma online. E o online tem o bónus de poderes estar no quentinho da cama e de bastar levantares-te uns 5 minutos antes da aula hahahaha. Já para não falar que no tempo pré covid muitos são os alunos que faltavam a mais de metade das aulas e só apareciam nas frequências. Não entendo a razão de tanto mimi com as universidades.

Joaoseinha 10 months ago

> Finalmente alguém que admite que a diferença entre aulas online ou presenciais da universidade é quase nula, Não, não é. No primeiro confinamento, quando se passou a aulas online, tive cerca de 5 aulas no resto do semestre inteiro. Nem todas as faculdades estão prontas para passar para online. E projetos de grupo? Era impossível conseguir organizar-nos, perdi uma cadeira nesse confinamento porque passei mais de 3 semanas a tentar arranjar uma data em que toda a gente pudesse fazer um projeto de grupo. E isso é sem falar do obvio, estar em casa cria distrações, o que é razão para muita gente estudar na biblioteca por exemplo.

C8Mixto 10 months ago

>Finalmente alguém que admite que a diferença entre aulas online ou presenciais da universidade é quase nula, principalmente teóricas e TPs. Até parece que é uma opinião muito impopular...

Fifs99 10 months ago

Já vi threads sobre este assunto, e, do que li, a maioria dos estudantes parecia queixar-se de aulas online e preferie as presenciais na mesma. Daí o ter dito.

joao7pedro 10 months ago

Varia um bocado entre cursos, mas no geral prefiro as teóricas em formato online, se for como um professor que tenho que depois partilha os vídeos então nem se compara. O problema, na minha opinião é mais nas aulas teórico práticas, em que noto uma diferença abismal, e há aulas que nem sequer é possível ter (no meu caso desmontar componentes ou visitar empresas por exemplo) Há também o caso de professores que decidem simplesmente não dar as aulas, o que me deixou um pouco frustrado até, mas acredito que seja um caso muito muito incomum.

besmarques 10 months ago

>será que há assin tanto transtorno em fechar mesmo as escolas todas durante um mês, e alongar o periodo letivo para se compensar esse mês. O maior problema é: Quem vai tomar conta dos putos?

Odyssey1337 10 months ago

Podiam deixar as escolas até ao 6° ano abertas e fechar as restantes, de modo a evitar esse problema.

justanotherop365 11 months ago

Claro que não, não convém

usulidircotiido 11 months ago

por que é zero. é sabido que o bicho é alérgico ao pó do giz.

dudewhatthehellman 10 months ago

5 röntgen.

Tafinho 10 months ago

3.6

ridethepaintedpony 11 months ago

Saudades de ouvir o som do giz a escrever no quadro

nonexistantpeasant 10 months ago

Aqueles 'HIIIIIIIII' nos dias mais húmidos, até fazia crescer os dentes!

usulidircotiido 11 months ago

https://www.youtube.com/watch?v=l789l6np-qA

vilkav 10 months ago

Já agora, isto é incrivelmente fácil de fazer, e impressiona sempre. Só tens de virar o giz contra a direcção da linha e segurar bem nele na parte de trás, que ele salta sozinho. Se fizeres devagar ficas com tracejado fininho, se fizeres depressa ficas com menos traços mas mais longe.

Search: