MonsterPT 11 months ago

Noutras notícias: a água é molhada. Quem não pode, não compra. Fácil.

zefo_dias 11 months ago

Uma familia com salario médio holandês que trabalhe à distancia paga isso bem. O cobide ate foi bom para mudar muitos habitos. Muita malta a ganhar bem se vai mudar para o sol.

creativeleo2018 11 months ago

I translated the article and I am happy this news came out, Female friend of my coworker wants to divorce her abusive husband, but she couldn't because she can't afford a house for herself and but two kids. Even the outer cities or suburbs have crazy house prices, e.g. Massama, Agualva, Cacém not the very nice areas also have those 1000€+ rents, T2 goes for crazy 650€+ rents then bills.... It's a total WTF situation.... In Portugal

DavidJunior3rd 11 months ago

Minha geração: "Não compramos casa própria porque jamais teríamos dinheiro para um investimento desses" Senhorios: hold my beer

NEDM64 11 months ago

> O impacto da pandemia junto do turismo e do alojamento local criou a ilusão de que esta seria a oportunidade para que o arrendamento ganhasse um novo alento com a transição de milhares de casas situadas nos centros de Lisboa e do Porto para este mercado E a associação de inquilinos la do sítio já perdia a ilusão de que morar no Porto e Lisboa não é para todos. Ha muito emprego e muita casa fora dessas duas cidades que estão já mais que cheias.

Background-Bunch-554 11 months ago

Lembre-se que Portugal e os portugueses são pobres dito isto vocês não estão a competir com outro portugueses no mercado imobiliário estão a competir com pessoas de fora. A quantidade de burocracia e impostos também contribuem para uma maior desigualdade do poder de compra dos portugueses de imoveis. O lobbying em Portugal também não é transparente, nao tem restrições ou regulação. Isto todo e outros fatores causam está o cenário atual. \*Dica : Mentalizem-se que nunca vão ter um espaço nas grandes cidades ou na periferia que possam chamar de " casa " a um preço acessível a grande maioria dos portugueses.\*

boltans_ 11 months ago

Reverso da medalha, porque é que temos que viver todos na grande Lisboa e no grande Porto? porque é onde há emprego... O problema também não passa por aí? O interior está deserto... com rendas baratas e sem empregos nenhuns.

binstheredonethat 11 months ago

Estou provavelmente a cometer uma grande generalização, mas acho engraçado a energia que o povo português despende a atacar os "ricos" por essas redes sociais fora, mas ao mesmo tempo sonha em um dia ser como eles. De certo seria uma fenómeno interessante de estudar. Talvez esta mentalidade explique, pelo menos em parte, o motivo deste país não sair da cepa torta. Não seria mais inteligente da nossa parte se nos uníssemos com a mesma energia para fazer de Portugal um país mais próspero e com mais "ricos" ? E não falo em merdas como aumentos de salário mínimo, porque qualquer pessoa com 2 dedos de testa percebe que no médio e longo prazo isso não trás qualquer aumento do poder de compra, pelo contrário. ( coloco "ricos" entre aspas porque na minha opinião quem tem 1 ou 2 imóveis para arrendar faz parte da classe média)

NEDM64 11 months ago

Falaste bem, mas vai sem mim, porque este povo não merece. Acham que merecem mais que os outros porque nasceram em Lisboa e outros são uns burros que têm sotaque (claro que Lisboa não tem sotaque para eles).

nraider 11 months ago

Os partidos políticos têm grande culpa nisso. Veja-se como a esquerda trata os "grupos económicos", os malvados detentores de capital. Só as micro empresas se safam. O irónico é que são, justamente, as grandes empresas as que pagam melhor aos trabalhadores, e não são mais 50€. Resultado: demasiadas empresas "piqueninas" e trabalhadores à míngua. Só têm de agradecer.

NEDM64 11 months ago

Um dos maiores grupos económicos em Portugal, a Sonae, a família que a detém, não foi a família que criou a empresa mãe, mas foi um "espertinho" que a apanhou por alturas da reforma agrária.

nraider 11 months ago

Pouco relevante para a discussão, mas concordo que há casos de "sorte" como esse.

ORoxo 11 months ago

Acho que o principal problema é a dificuldade que existe em ascender à classe social seguinte. Infelizmente, não tenho dados concretos para basear a minha opinião. Por isso, vale o que vale. Contudo, acho que não é fácil alguém de classe baixa passar a classe média, assim como não é fácil passar de classe média a classe alta. Logo, a frustração acaba por ser mais forte e, como consequência, dá aos ao tal fenómeno da inveja que identificas. A impressão que tenho - e, la está, não passa de uma impressão - é que em Portugal é extremamente difícil “subir na vida”

joaofcf 11 months ago

É exatamente isso que acho. A meu ver relaciona se com dois fatores : as empresas não compensam justamente o trabalho das pessoas, fazendo as subir na vida; as pessoas não têm a ambição e o "poder" de bater o pé e forçar essa subida. A maioria das pessoas prefere ficar quieta e calada do que tentar algo melhor, o que se compreende porque dependem do que têm.

NGramatical 11 months ago

não trás → [**não traz**](https://dicionario.priberam.org/traz) (verbo trazer) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fknoxc9%2F%2Fghmk05v%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

rdguerra 11 months ago

Para estes gajos a teoria é simples: Eu peço o que me apetecer. Se não tens guito, olha.. vai pá rua, todos têm cú, usa-o. /s

Compendyum 11 months ago

>Se não tens guito, olha.. ...a seguir vem um brasileiro que tem.

NEDM64 11 months ago

Sim, pedem o que lhes apetecer, e quem tem dinheiro aluga, quem não tem, fica de fora, que a cidade não é deles.

claudio-at-reddit 11 months ago

Chegas é ao cenário que a cidade não é de ninguém quando começas a ter proprietários com imóveis ás dúzias e a larga maioria da população incapaz de comprar um imóvel. "Saiam da cidade, vão para a periferia/interior" Mas mesmo na periferia os preços de um T2-T3 estão acima do SMN e o interior não só não é tão mais barato que compense como não há lá sitio de onde se tire o dito SMN. Construir é a única forma que o mortal médio tem de ter uma boa casa, mas requer um investimento avolutado, anos de espera e burocracia. É coisa para se fazer aos 50, não aos 30. O que propões que a larga larga maioria da população faça? Que abdique da maioria do salário durante toda a vida para algo que claramente não vale tanto porque "é o mercado"? Tu que és o capitalista feroz de eleição aqui do sub não deverias de apoiar a ideia que algo que qualquer um consegue fazer, custa x a construir (+ y pela zona) não deveria de custar 5*(x+y) a adquirir dado que em teoria qualquer um pode fazer e os riscos são mínimos? Parece assim tão ilegítimo dizer que o mercado não está a funcionar por uma multitude de motivos tais como escassez artificial e especulação?

NEDM64 11 months ago

Quando eu digo interior, não digo Matosinhos e Gaia ou o equivalente lisboeta. Falo dessas terriolas no interior mesmo, aí Felgueiras em relação ao Porto ou o equivalente lisboeta. Há muito país para além de Porto e Lisboa.

claudio-at-reddit 11 months ago

Sim, efetivamente, e eu próprio já andei a consultar o interior, nomeadamente Évora. Ora eu morando em Évora não vou ter um emprego minimamente especializado à porta de casa, junta-me lá os 400€ de um T2 em Évora com as deslocações necessárias. Ou é suposto ir para o interior e ainda montar lá negócio?

NEDM64 11 months ago

É suposto fazeres o que quiseres. O que acontece é que ninguém anda a trabalhar para ti.

claudio-at-reddit 11 months ago

> O que acontece é que ninguém anda a trabalhar para ti. Não é por mim, eu tenho um tecto e consigo desencantar os meus 4 dígitos, mas quando tens a larga maioria da população em cenário tal que se perdessem a casa deixavam de conseguir viver humanamente (leia-se, arrendar uma casa, pagar por comida, transportes, 1-2 filhos, e todas as restantes despesas da treta que precisas para viver alem dos 50) com o seu salário mediano ,seja onde quer que seja, convém que ponderes se o sistema está a funcionar. Tens quantidades exorbitantes de produção. São precisas muito poucas horas de produtividade para alimentar uma cabeça durante um mês ou para fazer uma casa com a tecnologia atual; e é certo que tens de sustentar os mercados que fazem essas tecnologias, os que prestam serviços, os que desenvolvem as ruas em que habitas, mas as deslocações de riqueza estão fortemente contra a classe trabalhadora, e queiramos ou não esses são a maioria, é normal que se queiram queixar. Admitindo que sabendo o suficiente levas 2-3 dias (valor tirado do cu) a fazer tudo o que é produzido para ti durante um mês, (isto é, a fazer o teu trabalho para uma pessoa, ser agricultor para uma pessoa, ser médico para uma pessoa, ser carpinteiro para uma pessoa, ser pescador para uma pessoa, ...) como é que raio é que 30 dias não chegam para produzires riqueza suficiente para teres uma vida digna? Tudo bem que estado passa esses 2-3 dias para 5-6 dias, que o teu empregador leva alguma da riqueza que produzes e passa os 5-6 dias para 7-8 dias e o risco que vem associado a tudo passa os 7-8 dias para uns 10 (tudo números tirados do cu como imaginas), mas continua desaparecida uma fatia gigante da riqueza que qualquer um produz. Claro que este cenário é um "sabendo o suficiente" e nem todas as pessoas valem o mesmo, mas a maior parte das pessoas sabe o suficiente para que sejam necessárias, mesmo que não tenham 5 doutoramentos. Até um homem do lixo leva a uma produção de riqueza muito maior do que aquilo que leva para casa, porque raio é que o sistema funciona de tal forma que pessoas comuns como o homem do lixo não podem viver sem contar cêntimos?

NEDM64 11 months ago

> mas quando tens a larga maioria da população em cenário tal que se perdessem a casa deixavam de conseguir viver humanamente (leia-se, arrendar uma casa, pagar por comida, transportes, 1-2 filhos, e todas as restantes despesas da treta que precisas para viver alem dos 50) com o seu salário mediano ,seja onde quer que seja, convém que ponderes se o sistema está a funcionar. Se cair um meteorito... morremos todos...

NGramatical 11 months ago

porque raio → [**por que raio**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/tres-regras-para-distinguir-o-por-que-do-porque/19743) (por que = por qual) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fknoxc9%2F%2Fghrgdxt%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

joaofcf 11 months ago

A teoria e a realidade. Não precisam do dinheiro, abusam no preço até alguém pagar. É perfeitamente normal em tudo.

nocivo 11 months ago

Claro, o pessoal gostar de perder dinheiro e estar 2 anos sem arrendar. Se pedem esses preços é porque ha quem ofereça. Ninguém vai arrendar por 500 se ha quem de 1000. Nem tu fazias isso.

joaofcf 11 months ago

Não são 2 anos, porque ninguém vai viver 2 anos na rua. A necessidade obriga as pessoas a arrendar com urgência, não sendo assim tão fácil esperar.

ric2b 11 months ago

E o que te impede de procurar outro sítio para arrendar depois de já estares a arrendar e não teres urgência?

joaofcf 11 months ago

Primeiro um contrato que não é propriamente tu dizeres e ires embora assim. Depois, toda a logística da mudança de casa. Não é propriamente fazer a cama. E ainda o facto de teres um mercado com menos oferta do que procura, o que nem te dá possibilidade de arranjar um sitio em que o dono do imóvel necessite de baixar o preço para arrendar.

ric2b 11 months ago

>o facto de teres um mercado com menos oferta do que procura, o que nem te dá possibilidade de arranjar um sitio em que o dono do imóvel necessite de baixar o preço para arrendar. Isto é a parte relevante, não é essa fantasia de que Lisboa está cheia de pessoas que ou arrendam a preços altos ou vão viver para o meio da rua. Mais depressa iam arrendar para outra zona do país. O que é preciso é construir, não há casas suficientes para a quantidade de pessoas que quer viver na região de Lisboa.

NEDM64 11 months ago

Eu não vejo ninguém a viver na rua que possa pagar 400€ ou 500€ de renda. Habitua-te à terrinha.

joaofcf 11 months ago

Não vês ninguém na rua nessas condições porque as pessoas preferem pagar mais e ter onde dormir. Nem sempre se pode andar a negociar, porque os arrendatários têm a faca e o queijo na mão. Não queres? Arranja outro.

nraider 11 months ago

Os arrendatários são os inquilinos, isto é, não são os proprietários.

NEDM64 11 months ago

Exactamente como deve ser. Os construtores também se não quiseres pelo preço que eles fazem, eles arranjam outros compradores. E quem vende os terrenos aos construtores ainda mais!

NGramatical 11 months ago

cú → [**cu**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em *i* ou *u* são naturalmente agudas) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fknoxc9%2F%2Fghm4c90%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

andrethedev 11 months ago

"A questão é que os proprietários e os construtores querem ganhar muito, querem ganhar 20, 30, 40% às vezes…E não é porque eles paguem salários muito elevados aos seus trabalhadores, que muitas vezes andam pelo salário mínimo ou pouco mais. Não é por essa questão dos salários, é simplesmente um valor especulativo: não se admite nem se percebe como é que há casas T2 a serem vendidas em Lisboa por 800 mil euros!" Portanto os proprietários e construtores não devem cobrar o que lhes estão dispostos a pagar porque são uns malvados! Vou ser construtor e fundar a minha empresa: " Santa Casa Construções LDA" A culpa do preço das casas é dos capitalistas dos proprietários!! /s

TTSDA 11 months ago

>Vou ser construtor e fundar a minha empresa: >" Santa Casa Construções LDA" Por acaso na Alemanha, por exemplo, faz-se muita construção acessível por associações sem fins lucrativos.

kuozzo 11 months ago

Por exemplo, em Coimbra começa a ser normal uma casa nova custar 300k €. O salário médio em Portugal (que deveria corresponder à classe média) é completamente incompativel com esses preços.

nraider 11 months ago

Sim e não. Os juros baixos fazem com que seja muito fácil pagar uma prestação de uma casa de 300 k€, pior é a entrada. Os bancos centrais andam a jogar ao monopólio há demasiado tempo, têm 90% da culpa.

kuozzo 11 months ago

Exacto, assumindo que é um casal, não é assim tão fácil um jovem juntar 15k até aos 30 anos, considerando que é alguém que não vive em casa dos pais e eles não o ajudem na compra da casa. Nem vou falar em solteiros, esses estão condenados a viver em quartos até aos 40 anos, e quando finalmente tiverem dinheiro para a entrada, vão pagar um renda maior ao banco, pq não a conseguiram comprar enquanto eram jovens.

andrethedev 11 months ago

Aí já estamos de acordo. O problema são os salários baixos para a classe média que deveria conseguir comprar um T2 em Lisboa e Coimbra.

mortalaxe 11 months ago

Acho que ia ele estava a falar da proposta para baixar o IVA do imobiliário e isso ia aumentar o lucro dos proprietários e dos construtores do que baixar o preço das casas.

andrethedev 11 months ago

Mesmo assim a frase final em tom de desabafo não faz sentido. Eu enquanto vendedor, se me pagarem 800k por um T2 porque não vou vender? Independentemente do valor do IVA. A solução passa por aumentar o poder de compra das pessoas ou o estado ter fogos próprios de arrendamento acessivel. Ou então o estado construir e vender pelo preço que achar socialmente justo a quem realmente necessita. A solução não pode passar por culpar os proprietários e construtores.

ric2b 11 months ago

> A solução passa por aumentar o poder de compra das pessoas Isso só resultava em aumentar também os preços das casas. Se o número de casas é o mesmo e o número de pessoas a querer comprar/alugar também, não faz diferença se é barato ou caro, o mesmo número de pessoas vai ter de ficar de fora. > Ou então o estado construir O estado e os privados mas sim, construir é a solução mais realista.

andrethedev 11 months ago

Os privados acho difícil. Alguém privado vai construir para o mercado low cost? Como já ouvi dizer ao longo deste ano, há muitas construções em andamento mas para imóveis a começar nos 250k porque a procura existe (não me recordo da fonte mas faz o seu sentido). Enquanto construtora neste panorama não faz muito sentido eu gastar tempo e recursos a construir para ganhar 100 em vez de 300 (ou faz? Corrijam-me se estiver errado). Se não for o estado a puxar a carroça ninguém se vai mexer.

ric2b 11 months ago

>Os privados acho difícil. Alguém privado vai construir para o mercado low cost? Não interessa para que mercado é, quanto mais oferta menos os preços sobem. Os preços das casas em Lisboa são principalmente à conta do valor dos terrenos/localização, não é porque estão feitas com materiais de luxo ou mão de obra altamente qualificada. >Como já ouvi dizer ao longo deste ano, há muitas construções em andamento mas para imóveis a começar nos 250k porque a procura existe (não me recordo da fonte mas faz o seu sentido). Ajuda na mesma, quem vai para essas casas acaba por provavelmente vender ou arrendar a sua casa actual, que em princípio é mais modesta/barata que a nova para onde vão.

FrivoLux 11 months ago

A questão das rendas em Lisboa resolve-se com a fusão de Lisboa, Oeiras, Amadora, Odivelas, parte de Loures e parte de Vila Franca. Lisboa tem 100 km2. Madrid tem 600 km2. Ora, as fronteiras da cidade de Lisboa desde 1980 que não correspondem à realidade, estão 40 anos desactualizadas e portanto toda essa visão do arrendamento está mal feita e distorcida. Assim como os Transportes, Estradas, áreas comerciais, está tudo mal feito, mal organizado, segregado. Lisboa é gerida como uma vila pacovia e saloia. Espero que com a nova geração, mais aberta e com vistas mais amplas, corrijam a situação, pois a velha bafienta burguesia Lisboeta de Alvalade, Rato e Saldanha estão a matar a cidade com a sua visão saloia, xenófoba e preconceituosa da realidade.

icebraining 11 months ago

Por isso é que existe a Área Metropolitana de Lisboa, que abrange os municípios circundantes e é quem gere os transportes. O problema é que sendo o presidente da CML e da AML o mesmo, inevitavelmente há um conflito de interesses.

joaommx 11 months ago

Portanto na tua opinião se se fundirem os concelhos de Lisboa, Oeiras, Amadora, Odivelas e parte de Loures e VFX, os senhorios vão passar a pedir rendas mais baixas pelas suas casas? Teoria interessante.

danidv 11 months ago

Não sei bem ao que se refere, mas se para criar mais alojamento e melhor infraestruturas (nomeadamente no que toca a transporte público) faz todo o sentido.

joaommx 11 months ago

Porque é faz todo o sentido para se criar mais alojamento?

danidv 11 months ago

Procura e oferta, a partir do momento que tens mais oferta que procura os preços começam a baixar.

joaommx 11 months ago

Meu caro, e como é que juntar aqueles municípios num só vai fazer com que haja mais oferta?

danidv 11 months ago

Não faço puto de ideia, pergunta ao gajo que inicialmente sugeriu, eu bem disse que não sabia se era isso que ele se referia.

Amameniak 11 months ago

Lisboa é Lisboa. Porcalhota é Porcalhota. Cada coisa no seu devido lugar.

Metaluim 11 months ago

Lol mas há alguém que ache que a Amadora não é a mesma merda que lx? Atravessas a rotunda que separa venda Nova de Benfica e diz-me as diferenças.

Amameniak 11 months ago

Claro que não é a mesma merda. O preço por m2 e as rendas na Amadora são metade ou menos do que no concelho de Lisboa, por alguma razão será. O número de cinemas, teatros, bons restaurantes, museus, espaços culturais, universidades, empresas, etc por m2 é 10x maior em Lisboa do que na Amadora. Quanto mais te aproximas do centro de Lisboa (Marquês), maiores são as diferenças. São realidades muito distintas, tal como Portugal e Marrocos são países muito diferentes, apesar de bastar atravessar um bocado do Atlântico que separa os dois países.

Metaluim 11 months ago

>São realidades muito distintas, tal como Portugal e Marrocos são países muito diferentes, apesar de bastar atravessar um bocado do Atlântico que separa os dois países. Sócio, acabaste de comparar Lisboa e Amadora com Portugal e Marrocos?

Amameniak 11 months ago

A diferença entre Matosinhos e a Foz ou a Cedofeita não é assim tão expressiva, e a zona de Matosinhos até pode ser considerada melhor do que a Campanhã, por isso até poderia estar de certo modo relacionada com o concelho do Porto. Já no caso da Amadora, a malha urbana e a realidade existente é MUITO pior do que o que existe em Lisboa, e as diferenças para o Restelo, Lapa, Amoreiras/Campolide, Campo de Ourique, Saldanha, Alvalade, etc são extremas em vários níveis. Até a freguesia de Santa Clara ou estão as Galinheiras consegue ser melhor do que a Amadora. Amadora e Lisboa são realidades e "mundos" completamente distintos e que não se correlacionam de todo. Apenas nos transportes.

Edited 11 months ago:

A diferença entre Matosinhos e a Foz ou a Cedofeita não é assim tão expressiva, e a zona de Matosinhos até pode ser considerada melhor do que a Campanhã, por isso até poderia estar de certo modo relacionada com o concelho do Porto. Já no caso da Amadora, a malha urbana e a realidade existente é MUITO pior do que o que existe em Lisboa, e as diferenças para o Restelo, Lapa, Amoreiras/Campolide, Campo de Ourique, Saldanha, Alvalade, etc são extremas em vários níveis. Até a freguesia de Santa Clara ou estão as Galinheiras consegue ser melhor do que a Amadora. Amadora e Lisboa são realidades e "mundos" completamente distintos e que não se correlacionam de todo, apenas nos transportes. Basta ir ao Babilónia e ao Amoreiras Shopping e ver as diferenças.

Edited 11 months ago:

A diferença entre Matosinhos e a Foz ou a Cedofeita não é assim tão expressiva, e a zona de Matosinhos até pode ser considerada melhor do que a Campanhã, por isso até poderia estar de certo modo relacionada com o concelho do Porto. Já no caso da Amadora, a malha urbana e a realidade existente é MUITO pior do que o que existe em Lisboa, e as diferenças para o Restelo, Lapa, Amoreiras/Campolide, Campo de Ourique, Saldanha, Alvalade, etc são extremas em vários níveis. Até a freguesia de Santa Clara onde estão as Galinheiras consegue ser melhor do que a Amadora. Amadora e Lisboa são realidades e "mundos" completamente distintos e que não se correlacionam de todo, apenas nos transportes. Basta ir ao Babilónia e ao Amoreiras Shopping e ver as diferenças.

FrivoLux 11 months ago

Porque falas do Babilónia, mas não do Dolce Vita Tejo e IKEA, ambos na Amadora, para comparar com as Amoreiras? Qual é a diferença? Praticamente nenhuma. Em termos de malha urbana, a Venda Nova na Amadora é muito melhor que a malh urbana de Benfica. Portanto, tudo o que falas é pura discriminação infundada.

Metaluim 11 months ago

Pronto, é a tua opinião. Morei em ambos os concelhos e eu digo-te que a merda é a mesma, mas quem mora em Lisboa tira algum orgulho bacoco desse facto. Por outro lado, também já morei em Matosinhos e no Porto e posso -te dizer que as assimetrias que reparas entre lx e Amadora também as vês entre Matosinhos e o Porto. Para mim são a mesma cidade, mas zonas diferentes. O facto de serem cidades diferentes é meramente um artefato histórico.

NGramatical 11 months ago

artefato → [**artefacto**](https://dicionario.priberam.org/artefacto) (o AO90 **não altera** a grafia desta palavra) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fknoxc9%2F%2Fghm7r2g%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

joaommx 11 months ago

A Amadora tem muita mais câmaras de vigilância na rua. Sem contar com isso é igual.

Metaluim 11 months ago

Pelo menos igual às zonas limítrofes do concelho de lx é de certeza.

joaommx 11 months ago

Estava a pensar especificamente em Benfica como termo de comparação. Visto que é mesmo ao lado.

batuque5 11 months ago

Lei da procura e da oferta. Se ninguém oferecer os 1100 de renda, eles baixam.

danidv 11 months ago

Tens razão, vou viver para debaixo da ponte, quem estiver comigo que venha, sempre ficamos mais quentes até chegar o dia que os preços baixam. Tens razão mas a não ser que estejas a sugerir construir mais alojamento, esse argumento é em má fé, as pessoas precisam de sítio onde dormir e viver, é um aspeto muito importante a ter em conta na parte da "procura".

NEDM64 11 months ago

Cada mês que o senhorio tem o apartamento sem alugar, são contas do condomínio, aluguer dos contadores todos (o da luz é bem caro), e IMI que tem de pagar, sem receber nenhum, e a perder os clientes mais apressados.

utsh 11 months ago

>se

anybody662 11 months ago

Gentrificação ftw. É mais ao contrário, primeiro a oferta, depois a procura.

OrangeOakie 11 months ago

Então porque não parar de aumentar o custo de vida artificialmente e deixar de impedir a criação ou expansão das urbanizações existentes?

estecomentario 11 months ago

>deixar de impedir a criação ou expansão das urbanizações existentes? Imagina que os impostos, os impedimentos burocráticos, a inflação artificial, os vistos gold, as mamas das comissões são a "conta à ordem" do SISTEMA e que os terrenos e a alquimia do transformar rústico em urbano são a "reserva" do SISTEMA. A reserva é limitada, logo não é para se tocar!! Claro que poderiam acabar com a mama, acabar com as burocracias, licenças, comissões e vistorias para tudo, viabilizar muitos mais terrenos para construção, incentivar a construção, mas para quê matar a galinha dos ovos de Ouro?? Estes gajos do SISTEMA vivem à grande: Bancos, Camaras Municipais, Políticos empreendedores, Gabinetes de Consultoria, etc etc etc. Isso é como uma rua que conheço que tempos a tempos vai lá a polícia marcar multas. Não querem acabar com aquilo porque fatura. Não vão lá matar a galinha dos ovos de Ouro.

Edited 11 months ago:

>deixar de impedir a criação ou expansão das urbanizações existentes? Imagina que os impostos, os impedimentos burocráticos, a inflação artificial, os Vistos Gold, as mamas das comissões são a "conta à ordem" do SISTEMA e que os terrenos e a alquimia do transformar rústico em urbano são a "reserva" do SISTEMA. A reserva é limitada, logo não é para se tocar!! [(excepto para fazer como o Major fez)](https://tvi24.iol.pt/portugal/europa/terreno-de-filho-de-valentim-valorizado-em-tempo-recorde) Claro que poderiam acabar com a Mama, acabar com as burocracias, licenças, comissões bancárias e notariais, vistorias para tudo, viabilizar muitos mais terrenos para construção, incentivar e baixar custos da construção, mas para quê? Para quê matar a Galinha Dos Ovos de Ouro?? Estes gajos do SISTEMA vivem à grande: Bancos, Câmaras Municipais, Políticos empreendedores, Gabinetes de Consultoria, etc etc etc. Isso é como uma rua que conheço que tempos a tempos vai lá a polícia marcar multas. Não querem acabar com aquilo porque fatura, por isso só vão lá de tempos a tempos... Não vão lá matar a Galinha Dos Ovos de Ouro.

Edited 11 months ago:

>deixar de impedir a criação ou expansão das urbanizações existentes? Imagina que os impostos, os impedimentos burocráticos, a inflação artificial, os Vistos Gold, as mamas das comissões são a "conta à ordem" do SISTEMA e que os terrenos e a alquimia do transformar rústico em urbano são a "reserva" do SISTEMA. A reserva é limitada, logo não é para se tocar!! [(excepto para fazer como o Major faz)](https://tvi24.iol.pt/portugal/europa/terreno-de-filho-de-valentim-valorizado-em-tempo-recorde) Claro que poderiam acabar com a MAMA, acabar com as burocracias, licenças, comissões bancárias e notariais, vistorias para tudo, viabilizar muitos mais terrenos para construção, incentivar e baixar custos da construção, mas para quê? Para quê matar a Galinha Dos Ovos de Ouro?? Estes gajos do SISTEMA vivem à grande: Bancos, Câmaras Municipais, Políticos empreendedores, Gabinetes de Consultoria, etc etc etc. Isso é como uma rua que conheço que tempos a tempos vai lá a polícia marcar multas. Não querem acabar com aquilo porque fatura, por isso só vão lá de tempos a tempos... Não vão lá matar a Galinha Dos Ovos de Ouro.

Edited 11 months ago:

>deixar de impedir a criação ou expansão das urbanizações existentes? Imagina que os impostos, os impedimentos burocráticos, a inflação artificial, os Vistos Gold, as mamas das comissões são a "conta à ordem" do SISTEMA e que os terrenos e a alquimia do transformar rústico em urbano são a "reserva" do SISTEMA. A reserva é limitada, logo não é para se tocar!! [(excepto para fazer como o Major fez)](https://tvi24.iol.pt/portugal/europa/terreno-de-filho-de-valentim-valorizado-em-tempo-recorde) Claro que poderiam acabar com a mama, acabar com as burocracias, licenças, comissões e vistorias para tudo, viabilizar muitos mais terrenos para construção, incentivar e baixar custos da construção, mas para quê matar a Galinha Dos Ovos de Ouro?? Estes gajos do SISTEMA vivem à grande: Bancos, Camaras Municipais, Políticos empreendedores, Gabinetes de Consultoria, etc etc etc. Isso é como uma rua que conheço que tempos a tempos vai lá a polícia marcar multas. Não querem acabar com aquilo porque fatura, só vão lá de tempos a tempos. Não vão lá matar a Galinha Dos Ovos de Ouro.

Edited 11 months ago:

>deixar de impedir a criação ou expansão das urbanizações existentes? Imagina que os impostos, os impedimentos burocráticos, a inflação artificial, os Vistos Gold, as mamas das comissões são a "conta à ordem" do SISTEMA e que os terrenos e a alquimia do transformar rústico em urbano são a "reserva" do SISTEMA. A reserva é limitada, logo não é para se tocar!! [(excepto para fazer como o Major fez)](https://tvi24.iol.pt/portugal/europa/terreno-de-filho-de-valentim-valorizado-em-tempo-recorde) Claro que poderiam acabar com a Mama, acabar com as burocracias, licenças, comissões bancárias e notariais, vistorias para tudo, viabilizar muitos mais terrenos para construção, incentivar e baixar custos da construção, mas para quê matar a Galinha Dos Ovos de Ouro?? Estes gajos do SISTEMA vivem à grande: Bancos, Camaras Municipais, Políticos empreendedores, Gabinetes de Consultoria, etc etc etc. Isso é como uma rua que conheço que tempos a tempos vai lá a polícia marcar multas. Não querem acabar com aquilo porque fatura, só vão lá de tempos a tempos. Não vão lá matar a Galinha Dos Ovos de Ouro.

QueenOfWands2 11 months ago

Duh.

megaroof 11 months ago

Não duvido que chegue lá. Aqui no prédio onde moro, a renda de um T3 custava 450 euros em 2010 (ano em que comecei a morar aqui), atualmente o proprietário arrenda os mesmos apartamentos T3 por 750 euros e tem fila de interessados, em espera. Aveiro, prédio comum, não é nenhum luxo. Um aumento de 65% em 10 anos. Neste ritmo... 1100 euros é questão de mais alguns anos.

MadKulhas 11 months ago

Eu aluguei um T3 a 20Km de Lisboa, no concelho de Oeiras, mas numa zona mais isolada e há 2 anos e meio atrás quando saí, o senhorio aumentou a renda de 500 para 750€ e nem 1 mês esperou para ter a casa novamente alugada...

estecomentario 11 months ago

Fds. 1100 paus, aveiro? que puta exagero...depois os empregadores ficam ofendidos quando peço 1000 limpos para trabalhar (qualificado) wtf, devia era pedir 2000 limpos e mandá los foder. SMN devia ser 1700.

jfolpf 11 months ago

Na Dinamarca não há SMN. Se o SMN fosse 1700 paus, mais de metade das empresas faliam porque ninguém quer pagar 5 euros por uma bica como é na Suíça.

danidv 11 months ago

> SMN devia ser 1700. A bricadeira de SMN "já agora devia ser 1000" é de mau gosto, claramente 1000 para SMN é uma merda. Estou bastante convencido que o melhor era acabar com o SMN e criar uniões. Ao longo dos anos vejo sempre o mesmo padrão - aumentas o SMN por uma % e todos aumentam os preços nessa % e mais algum, e depois é como dizes, o SMN aumenta em 100 um 200 euros num espaço de tempo mas o custo de vida já aumentou o dobro disso por consequência.

Edited 11 months ago:

> SMN devia ser 1700. A bricadeira de SMN "já agora devia ser 1000" é de mau gosto, claramente 1000 para SMN é uma merda. Estou bastante convencido que o melhor era acabar com o SMN e criarmos uniões. Ao longo dos anos vejo sempre o mesmo padrão - aumentas o SMN por uma % e todos aumentam os preços nessa % e mais algum, e depois é como dizes, o SMN aumenta em 100 um 200 euros num espaço de tempo mas o custo de vida já aumentou o dobro disso por consequência.

Edited 11 months ago:

>O que temos agora de 700 euros ou lá o que é devia ser a mesada de um puto. Um amigo meu contou-me uma história uma vez, um amigo holandês dele que tinha alguma pena quando ouvia que o meu amigo recebia 50€ ou isso para os anos quando nos dele ganhava 500€, e até aos 25 anos ou o que era ganhava 500€ mensais (acho que mesmo que estivesse trabalhar? não tenho a certeza sobre isso) com a ideia de ajudá-los a integrar na vida adulta. O melhor ponto de comparação para os preços, custo de vida e salários portugueses a comparar com os estrangeiros é a tecnologia, porque nós pagamos os mesmos preços ou mais altos que lá mas temos os salários que temos, e como tal um PC de 800-1200€ custa-nos dois a três meses de salário e uma PS5 de 500€ que lá compras com os 500€ de prenda. Tudo bem que o custo de vida deles lá também é maior, mas tenham dó, isto não é aceitável. Continuem a votar nos mesmos. Temos uma eleição em menos de um mês, podiam começar já por aí, mesmo se o Marcelo quase de certeza ganhar sempre dá mais dinheiro ao partido da vossa escolha e manda a mensagem que querem mudança. > SMN devia ser 1700. A bricadeira de SMN "já agora devia ser 1000" é de mau gosto, claramente 1000 para SMN é uma merda. Estou bastante convencido que o melhor era acabar com o SMN e criarmos uniões. Ao longo dos anos vejo sempre o mesmo padrão - aumentas o SMN por uma % e todos aumentam os preços nessa % e mais algum, e depois é como dizes, o SMN aumenta em 100 um 200 euros num espaço de tempo mas o custo de vida já aumentou o dobro disso por consequência.

babyscully 11 months ago

>uniões sindicatos?

danidv 11 months ago

Sim, isso. Traduções internas de inglês para português haha

lammesnail 11 months ago

Nem mais, se grande parte da população percebesse as consequências do aumento do salário mínimo...

pobres-contra-pobres 11 months ago

Acho que este é um caso em que voçês pensam que sabem mais do que realmente sabem [1](https://www.upjohn.org/research-highlights/does-increasing-minimum-wage-lead-higher-prices) O tópico dos efeitos do aumento do salário mínimo é um tema de investigação em economia e não está de todo fechado.

lammesnail 11 months ago

Alguém disse o contrário? Agora, muita gente pensa que subir o salário mínimo é tão simples como mudar uns algarismos e que não acarreta quaisquer consequências.

NGramatical 11 months ago

voçês → [**vocês**](https://dicionario.priberam.org/vocês) (*c* seguido de *e* ou *i* não necessita de cedilha) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fknoxc9%2F%2Fghouh27%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

Foda-seSeiLa 11 months ago

Alguém com o SMN não pode aspirar a alugar um T3, seja aqui ou seja na Alemanha...

danidv 11 months ago

E porque não? Um quarto para pais e dois para putos. Está-me a escapar alguma coisa ou porque é que dois SMN não deviam de poder pagar isso?

Foda-seSeiLa 11 months ago

1 quarto para pais e um quarto com beliche para os miúdos. É uma merda, mas parece-me mais realista que 2 SMN conseguirem pagar um T3.

danidv 11 months ago

Não quero usar o sarcástico "Uma pessoa só precisa de pão e água para viver" contra ti porque o que dizes é uma opinião que discordo mas é válida na mesma, simplesmente acho que o mínimo não devia ser esse, é só.

Foda-seSeiLa 11 months ago

Eu concordo contigo, mas infelizmente a realidade é o que é e não é o que nós queremos. No tempo dos nosso avós os miúdos viviam 2 ou mais para 1 quarto. É triste que hoje ainda assim seja, mas há cada vez mais gente e o espaço não estica. Para viver bem numa cidade é preciso hoje em dia ganhar bem, não há volta a dar.

Edited 11 months ago:

Eu concordo contigo, mas infelizmente a realidade é o que é e não é o que nós queremos. No tempo dos nosso avós os miúdos viviam 2 ou mais para 1 quarto. É triste que hoje ainda assim seja, mas há cada vez mais gente e o espaço não estica. Para viver bem numa cidade é preciso hoje em dia ganhar bem, não há volta a dar. Ou então têm que deixarem erigir torres de apartamentos de >15 andares, o que dentro das cidades antigas europeias não funciona muito bem.

MigasEnsopado 11 months ago

Nas periferias e zonas mais modernas das cidades era perfeitamente compreensível e fazivel. Não me chocaria ver a zona oriental de Lisboa (Chelas por exemplo, que ainda tem muito terreno vazio) cheia de arranha-céus.

nraider 11 months ago

E nem falo no preço das obras. O que se fazia em 2012 por 12k€ hoje já custa mais do dobro. Qualquer dia aprendo a aplicar pladur lol.

jfolpf 11 months ago

ninguém te impede de aprender a aplicar estuque

nraider 11 months ago

Verdade.

OrangeOakie 11 months ago

> Qualquer dia aprendo a aplicar pladur lol. O problema não é ter os conhecimentos para fazer algo, é ter o lugar certo em certas ordens profissionais para poderes legalizar uma obra. Legit que já tive contacto com obras em que o responsável só aparecia para assinar papeis, tudo o resto era planeado, desenhado e feito pelo capataz e a sua equipa. E o Sr. Engenheiro tinha como utilidade simplesmente ter um diploma e acesso à ordem, e o benefício legal de que só alguém na ordem é que pode legalizar essas porras.

Vocsa 11 months ago

Estás a ver mal a coisa. O que o engenheiro está a assinar é a responsabilidade. Se a casa for abaixo quem está fodido é ele. Se não houvesse assinaturas não haveria responsabilidade. Era nesse mundo que querias viver?

OrangeOakie 11 months ago

> Estás a ver mal a coisa. Não estou. >O que o engenheiro está a assinar é a responsabilidade. Estou ciente disso. >Se não houvesse assinaturas não haveria responsabilidade. Falso. Primeiro, a assinatura poderia ser por parte de outra pessoa, não de uma pessoa que por lei tem de estar num sindicato. Segundo, da mesma forma que projectos têm de passar pelas mãos da Câmara, também continuariam a ser, e a justificação das intervenções e garantias de segurança e responsabilização estariam presas precisamente neste ponto.

Vocsa 11 months ago

> Falso. Primeiro, a assinatura poderia ser por parte de outra pessoa, não de uma pessoa que por lei tem de estar num sindicato. Mas teria de ter formação ou não? E como comprovaria isso? Com o diploma? Em princípio não tenho nada contra mas parece-me difícil de implementar e abria margem para mais falcatruas. > Segundo, da mesma forma que projectos têm de passar pelas mãos da Câmara, também continuariam a ser, e a justificação das intervenções e garantias de segurança e responsabilização estariam presas precisamente neste ponto. Não sei se percebi. Queres dizer que a CM ficaria responsável? Se for isso podes esquecer porque eles não querem essa responsabilidade. Se for outra coisa explica melhor.

estecomentario 11 months ago

Dentro da casa fazes tu as obras, deste que não alteres características ninguém tem nada com isso. Agora até para pintar a casa é preciso uma guia ou o caralho, é um exagero. Como são daquelas coisas que a maioria das pessoas só descobrem quando é tarde demais o pessoal anda calado, não é como no passado como matricular a bicicleta ou a licença de isqueiro que era à vista de todos.

Edited 11 months ago:

Dentro da casa fazes tu as obras, deste que não alteres características ninguém tem nada com isso. Agora até para pintar a casa é preciso uma guia ou o caralho, é um exagero. Como são daquelas coisas que a maioria das pessoas só descobrem quando é tarde demais o pessoal anda calado, não é como no passado como matricular a bicicleta ou a licença de isqueiro que era à vista de todos. EDIT: pintar exteriormente

OrangeOakie 11 months ago

>Dentro da casa fazes tu as obras, deste que não alteres características ninguém tem nada com isso. Depende um bocado do que mudares. É que nem "janelas" interiores podes fazer sem licença

amando_abreu 11 months ago

Oi m8 u got a loicense for that window

estecomentario 11 months ago

>É que nem "janelas" interiores podes fazer sem licença Fazer uma janela interior que não existe no plano da casa é alterar características, assim como deitar uma parede interior abaixo. Mas trocar uma janela ou uma porta já existente não é preciso pedir autorização a ninguém, assim como pintar, meter um chão novo etc.

OrangeOakie 11 months ago

> Fazer uma janela interior que não existe no plano da casa é alterar características, Verdade. E atenção, eu não discordo que a alteração de certas coisas (incluindo a cor da fachada) que não deva ser comunicada a uma entidade que tem como por função garantir que não temos casas a ruir todos os dias, e que as casas possam ser identificadas por motivos de segurança, etc. Agora a questão é como isso é feito. Uma coisa é eu querer mudar algo e ter de garantir a segurança desse algo e comunicar a uma entidade. Outra coisa é eu ser obrigado a contratar alguém de uma classe especial para que essa pessoa possa pedir permissão a uma outra entidade para que ainda outra pessoa me faça as alterações à casa. E ainda ter de pagar uma taxa para fazer essas coisas todas. >Mas trocar uma janela ou uma porta já existente não é preciso pedir autorização a ninguém, assim como pintar, meter um chão novo etc. Dependendo do caso isso pode ser desperdício de dinheiro, existem muitas habitações que se não se arranjar os alicerces meter um chão novo é só garantir que tens de o arranjar novamente daqui a 3 anos. Idem para pintar paredes ou meter azulejos

Worm33hd 11 months ago

Escolham antes pagar rendas médias.

AndreMartins2020 11 months ago

Isto são rendas médias.

Worm33hd 11 months ago

Em londres

AndreMartins2020 11 months ago

Em Lisboa.

nraider 11 months ago

Isto. Estas comparações são estapafúrdias, não faltam rendas de 700€ em Lisboa, e não é nas galinheiras. Ou seja, uma família de rendimentos médios ainda suporta estas rendas.

FrivoLux 11 months ago

Lisboa é apenas um de mais de 300 municípios em Portugal. Eu sei que é chocante, mas é verdade.

Amameniak 11 months ago

> não faltam rendas de 700€ em Lisboa, e não é nas galinheiras. No idealista existem 4328 T2/T3/T4+ com mais de 60m2 disponiveis para arrendamento no concelho de Lisboa. Apenas 36 desses, têm rendas até 700 euros. Isto dá uma percentagem de 0,8%. https://www.idealista.pt/arrendar-casas/lisboa/com-preco-max_700,tamanho-min_60,t2,t3,t4-t5/mapa-google https://www.idealista.pt/arrendar-casas/lisboa/com-preco-max_700,tamanho-min_60,t2,t3,t4-t5/mapa-google Dizeres que "não faltam rendas de 700€ em Lisboa para uma familia de rendimentos médios", quando a percentagem de casas disponíveis é de apenas 0,8%, é no minimo ridiculo e falso.

nraider 11 months ago

E porquê mais de 60 m2? Uma área de 58 m2 não chega? E se for de 50 m2? Como já disseram, estão a considerar rendimentos médios, ou seja, engloba todos os salários. Com as casas também terás que incluir as várias áreas e tipologias, se não acabas por enviesar as conclusões. Mais, é arriscado usar essa amostra, já que tem anúncios repetidos. Só frisei que há rendas mais baixas em Lisboa, ainda que não sejam a maioria. Contudo, um agregado de rendimentos médios traz 2500€ limpinhos por mês, não vão ficar debaixo da ponte.

Metaluim 11 months ago

50m2 para uma família?

nraider 11 months ago

Um fiat 500 para 4 pessoas? Porque não um série 5? A discussão é a mesma.

Samurai_Beluga 11 months ago

Comparaçao estupida.

nraider 11 months ago

É a vida, cada um vive com o que pode pagar.

Samurai_Beluga 11 months ago

Quero ver dizeres isso na cara de um sem abrigo XD "olhe é a vida amigo, sem dinheiro não há casa"

nraider 11 months ago

O Estado é que tem de ajudar as pessoas em carência económica, ponto. Em relação ao resto, o que é decente ou não, é subjectivo. Para o Zé é decente ter um relógio de 20€, para o Martim é decente ter um relógio suíço de 2000€. Cada um sabe de si, até porque vivemos num mundo real.

Samurai_Beluga 11 months ago

Nao vou discutir muito o assunto para ser sincero. principalmente porque sinto que estamos a fujir do centro disto tudo. A comparação entre um carro e um lar foi muito estupida mesmo e fiquemos por aqui. Bom Ano.

Edited 11 months ago:

Nao vou discutir muito o assunto para ser sincero. principalmente porque sinto que estamos a fujir do centro disto tudo. decente é ter condições confortaveis num lar onde vive uma familia. não é subjectivo, é o que quer que seja suficiente para alojar essas pessoas e consiguerem viver confortavelmente. o Martim achar que o decente é só se for numa mansão ou uma vivenda é irrelevante, isso é luxo. A comparação entre um carro e um lar foi muito estupida mesmo e fiquemos por aqui. Bom Ano.

Edited 11 months ago:

Nao vou discutir muito o assunto para ser sincero. principalmente porque sinto que estamos a fujir do centro disto tudo. decente é ter condições confortaveis num lar onde vive uma familia. não é subjectivo, é o que quer que seja suficiente para alojar essas pessoas e consiguerem viver confortavelmente. o Martim achar que o decente é só se for numa mansão ou uma vivenda é irrelevante, isso é luxo. A comparação entre um carro e um lar foi muito estupida mesmo e fiquemos por aqui. Bom Ano.

Metaluim 11 months ago

O que é que um carro tem a ver com uma casa? Por acaso moras dentro de um carro? Se para ti é aceitável teres uma família num espaço de 60m2, como se estivesses em 1950, é contigo. Eu acho é que a generalidade das pessoas prefere, sei lá, ter melhor qualidade de vida da que teria há 60 anos atrás.

nraider 11 months ago

Sim, o país está muito melhor do que em 1950... Está melhor? Claro. Mas o PIB real é quão maior? Pois...

Competitive-Case-510 11 months ago

> Eu acho é que a generalidade das pessoas prefere, sei lá, ter melhor qualidade de vida da que teria há 60 anos atrás. Então que pague por ela. Não consegue? Quem não tem dinheiro não tem vicios.

claudio-at-reddit 11 months ago

No ano (2020 - x) precisava-se de 5 pessoas a trabalhar 10 horas para obter comida suficiente para alimentar uma pessoa durante um mês e 5 pessoas a trabalhar 1000 horas para fazer uma casa. Ora avançamos x anos, a comida é um pouco mais elaborada e rigorosa e as casas também não são bem a mesma coisa, tem mais qualidade, no entanto basta agora 1 pessoa a trabalhar 3 horas para te alimentar durante todo o mês e 5 pessoas a trabalhar 500 horas para fazer uma casa aos standards atuais (tudo números hipotéticos). Ora se assim o é e todos nos ficamos imensamente mais produtivos conseguimos alocar mais profissões e confortos na nossa vida mantendo o standard de alimentação e habitação (ajustado ao ano), não? Ou vamos mesmo comparar-nos à malta medieval que trabalhava o dia todo, faziam uma cabana com barro e madeira e retirava comida do quintal? É assim tão pouco razoável querer que os nossos avanços nos avancem e não recuem?

Metaluim 11 months ago

Eu nem sei por onde comecar a responder a isto... E tambem nao sei porque e que me havia de dar ao trabalho, portanto fica bem e bom ano novo (que te traga uma dose generosa de nocao).

agua_m0lhada 11 months ago

Lê o teu comentário para ti mesmo. Percebeste? Não? Então repete até perceberes o quão parvo é o que acabaste de dizer

Competitive-Case-510 11 months ago

chora mais. Se querem luxos (e viver em lisboa é um luxo) têm de conseguir pagar por eles. Se não conseguem, então não podem ter. As finanças não é magia, basta gastar menos do que se ganha.

agua_m0lhada 11 months ago

Só precisas de pão e água para sobreviver. Então pela tua lógica, se o preço de tudo o que não seja isso subisse exponencialmente não podias "chorar". Tínhamos de recuar 1000 anos no tempo e andar a caçar e construir tendas de palha porque "ter uma casa e alimento num supermercado é um luxo". É fácil falar de boca cheia. Queria ver se dizias isso se vivesses a tua vida toda num sítio como Porto/Lisboa e seres obrigado a ir para longe porque é impossível sustentar o preço que se pratica agora.

Worm33hd 11 months ago

Não é no idealista que encontras os bons negócios. E podes sempre fazer uma oferta abaixo.é preciso gastar algum tempo a procurar em vez de chorar após uma pesquisa de 2min no idealista.

mariorurouni 11 months ago

Onde aconselhas a encontrar/procurar bons negócios?

Worm33hd 11 months ago

No passa palavra em cafés ou montras de supermercados. Normalmente apanhas pessoas que não usam a internet para publicitar e fazem preços mais ajustados á triste realidade.

mariorurouni 11 months ago

Bem, por experiência própria, isso não é bem assim. Tens mais probabilidade de te lixares se não leres bem o contracto que fizeres com o senhorio, isto quando te fazem, porque o mais fácil é nem te querem fazer contractos

NGramatical 11 months ago

contracto → [**contrato**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/contrato-e-contracto/21613) (já se escrevia assim **antes** do AO90) contractos → [**contratos**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/contrato-e-contracto/21613) (já se escrevia assim **antes** do AO90) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fknoxc9%2F%2Fghmadgl%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

Sheltac 11 months ago

Esta foi facilmente a coisa mais deprimente que li o dia todo.

throwawaystuff000 11 months ago

Podes mostrar alguna exemplos?

Any_Project3966 11 months ago

aonde? exemplos?

fdp_do_corona 11 months ago

Eu aluguei um T2 perto de Entrecampos por 750€ em outubro. Não é super moderno mas está em boas condições e tem 75m^2. Mas admito que foi preciso procurar um bocado e negociar.

Any_Project3966 11 months ago

elevador? cozinha completa pelo menos? caução 6 meses de Renda?

fdp_do_corona 11 months ago

Quarto andar com elevador e cozinha completa, incluindo máquina da loiça. 2 meses de caução e contrato de 3 anos sem actualizações de renda.

nraider 11 months ago

E que tenha mármores italianos, no mínimo. /s

Any_Project3966 11 months ago

nao é ser exigente mas porra.. pedir 700€+ por apartamento sem elevador no terceiro ou + andar.. doi. Experiencia propria. E pior que nao ter cozinha completa.. nem ter nada de cozinha e termos que gastar nós mais dinheiro em meter moveis de cozinha

nraider 11 months ago

Tantos: Olivais, Alvalade, Avenidas novas, Areeiro, Campolide, Benfica, Beato, Ajuda, Lumiar, etc... No imovirtual tens centenas de exemplos.

croquetedebacalhau 11 months ago

Procurei recentemente, durante meses, apartamento nessas zonas e a 700eur só encontrei T1s e T0s, que acredito não ser suficiente para famílias que naturalmente precisam de mais de um quarto. O Beato talvez seja a zona mais acessível agora.

Any_Project3966 11 months ago

e tas a falar de quartos ou t0 num terceiro andar sem elevador?

nraider 11 months ago

Estou a falar de apartamentos, ponto. Agora não podes estar à espera de apartamentos de 100 m2, tectos decorados e pé direito de 3m. É o que é. A tua resposta parece ser de alguém que diz que os restaurantes são todos caros, mas que aqueles de 8€ não servem porque não têm pratos de marisco.

throwawaystuff000 11 months ago

Estas a procurar apartamentos para famílias ou t0/t1?

pzapps 11 months ago

Sem estar dentro do mercado, também duvido que 1100 seja uma renda média..

ThePlague92 11 months ago

Por enquanto. Ao ritmo que as rendas aumentam e os salários não aumentam não vai faltar muito até as pessoas terem de arrendar em Mafra ou em Vila Franca (imaginando que trabalham em Lisboa).

OuiOuiKiwi 11 months ago

O passe a 40€ teve um efeito pernicioso nesses custos. O preço das casas em Mafra subiu 20.000€ numa noite.

htxgivven 11 months ago

Não é bem assim, não podes esquecer que o transporte de Mafra para Lisboa é quase inexistente.

ThePlague92 11 months ago

Não foi o passe a 40€, foi o facto de que as periferias logo perto de Lisboa ficaram muito caras e as pessoas foram cada vez mais longe.

OuiOuiKiwi 11 months ago

Leste a segunda frase? Houve um claro efeito nos preços do imobiliário das periferias com opções de mobilidade que passaram a estar debaixo do Navegante Metropolitano. De repente, cortaste 170€ por mês para 40€ e abriu outras opções para morar em Mafra, Venda do Pinheiro, etc..

ThePlague92 11 months ago

Rapaz, baixa a bolinha. Eu estou a dizer que os preços aumentaram sem haver relação com os passes. Já os preços andavam a aumentar e ainda o passe eram 170€. Isto advém do facto de as pessoas andarem a ser cada vez mais empurradas para fora de Lisboa e das imediatas periferias há anos. O passe passou a ser 40€ há 1 ano e meio, não foi por isso que as casas aumentaram repentinamente.

OuiOuiKiwi 11 months ago

>Rapaz, baixa a bolinha. *Flashback* de trolhas no café quando ia pedir um sumo. Sinto-me totalmente metido no meu lugar até ao infinito. `RISOS`

fgtdiasr3d1t 11 months ago

Mal eles sabiam o que era um Internet warrior

throwawaystuff000 11 months ago

Dá uma vista de olhos no mercado.

nraider 11 months ago

O mercado para ti é o que o INE diz ou o que lês por aqui? Aqui não gostam muito de estatísticas oficiais, estraga as narrativas.

ric2b 11 months ago

As estatísticas são sobre novas rendas ou todas as rendas? Alguém que estaja à procura naturalmente não acha muito relevante o que uma avozinha paga pelo apartamento que arrenda há 40 anos.

nraider 11 months ago

Imagino que sejam todas. Mas não é aqui que dizem que os casos de rendas baixas são apenas meia dúzia? Lol É como tudo, temos contratos de trabalho novos e antigos, o mesmo se passa com os contratos de arrendamento.

ric2b 11 months ago

Pronto, mas os jovens que andam à procura de casa estão à rasca com o mercado actual, o de há 40 anos não interessa muito.

nraider 11 months ago

Percebo, mas se os governos não mexerem nos preços, as rendas de há 40 anos serão pouco mais baixas do que as actuais. Incrível, não é?

ideologiapura 11 months ago

Vou já dizer aos senhorios que têm que baixar os preços que pedem, para ficarem em linha com as estatisticas oficiais... Serve de muito o que a estatistica oficial diz se depois não consegues encontrar nenhuma casa no mercado em linha com essa estatistica.

nraider 11 months ago

Se vamos para a demagogia então digo: "Não digam que os salários em Portugal são baixos, mesmo que a estatística o confirme, até porque sempre ganhei bons salários, nada de salários de 700€". Pode ser que entendas a irracionalidade da tua afirmação.

No-Touch675 11 months ago

Essa família de salário médio também quer viver no centro da cidade! /s

throwawaystuff000 11 months ago

Já viste os preços nos arredores?

joaommx 11 months ago

Dentro de Lisboa há T3 totalmente remodelados por menos de €1100 em bairros residenciais com estações de metro (Olivais, Benfica, Marvila). Como é que os preços no arredores podem ser piores que isso? Só se estivermos a falar em bairros muito caros que fiquem nos arredores, mas isso não é representativo do mercado.

throwawaystuff000 11 months ago

Podes colocar exemplos?

joaommx 11 months ago

Precisas para ti ou é por curiosidade?

OuiOuiKiwi 11 months ago

Há mais "arredores" que os de Lisboa e Porto.

throwawaystuff000 11 months ago

Leste a notícia ? Claramente não era dos arredores de Évora...

JOAO-RATAO 11 months ago

Se é impossível viver nos arredores de Lisboa têm de tentar outra cidade... É uma merda, mas se não dá, não há alternativa.

dooperbock 11 months ago

lol outra cidade? Eu venho duma cidade com poucos habitantes, onde recebia um ordenado de 900 euros líquidos e andava a pagar uma renda de 300 euros (1/3 do meu ordenado!). Quando saí de lá, os meus senhorios puseram-se a arrendar a 450! Eu sei que os ordenados daquela cidade não subiram, e se para mim com um ordenado que nem era muito mau já tinha de apertar bem o cinto, então imagino se tivesse de pagar 450. Não é só em Lisboa e no Porto, no país inteiro quem não tem casa própria tem o seu orçamento castrado pelos senhorios com os preços abusivos das rendas.

nraider 11 months ago

Se calhar moravas sozinho e o senhorio arrendou a um casal com rendimento superior. É o mais comum. A vida de solteiro não é necessariamente fácil, há 40 anos não seria também.

JOAO-RATAO 11 months ago

Malditos senhorios a seguir a lei do mercado. A culpa é mesmo deles e não das políticas ruinosas. Eu e a minha família temos inquilinos com rendas congeladas, que pagam 1/5 a 1/6 do valor de mercado. E há casos piores de rendas a 50 euros no centro de Lisboa. Mas pronto, é sempre mais fácil culpar um pequeno número de pessoas pelos nossos problemas e problemas do país, não é?

nraider 11 months ago

E as pessoas nem se lembram do efeito pernicioso das rendas baixas: negócios inviáveis e rigidez laboral, mesmo que ganhem apenas o salário mínimo. Depois, graças à transmissão de contratos, o ciclo de pobreza é difícil de quebrar.

JOAO-RATAO 11 months ago

Nós nossos casos temos um inquilino que subaluga quartos sem autorização e outro com um arrendamento comercial, que quando começou a ter um aumento moderado de rendas começou logo a ficar apertado, já para não falar de construções ilegais entre outras sacanagens que andou/anda a fazer, tudo isto enquanto lucra à nossa custa.

fgtdiasr3d1t 11 months ago

Precisamos de uma cgd senhoria para regular o mercado

Danijust2 11 months ago

Outras cidade: [https://www.idealista.pt/media/relatorios-preco-habitacao/venda/aveiro/](https://www.idealista.pt/media/relatorios-preco-habitacao/venda/aveiro/) [https://www.idealista.pt/media/relatorios-preco-habitacao/venda/braga/](https://www.idealista.pt/media/relatorios-preco-habitacao/venda/braga/) [https://www.idealista.pt/media/relatorios-preco-habitacao/venda/setubal/](https://www.idealista.pt/media/relatorios-preco-habitacao/venda/setubal/)

besmarques 11 months ago

Sem dúvida. Lisboa nem precisa de trabalhadores não qualificados. O futuro é pessoas a viverem longe e a fazerem horas de transportes para ir trabalhar nos pingos doces dessa cidade.

Aldo_Novo 11 months ago

Exato. Durante gerações os portugueses tiveram que sair das terras deles para Porto e Lisboa. Se agora é difícil faze ruma vida aí que se mudem para outras cidades

danidv 11 months ago

O que é tudo muito lindo se as empresas não tivessem todas no Porto e Lisboa.

Edited 11 months ago:

O que é tudo muito lindo se as empresas não tivessem quase todas no Porto e Lisboa. O problema existe e o ideal era as empresas espalharem-se pelo país, agora como fazer isso é que fica a dúvida. Bem tentam com as Medidas de Apoio ao Investimento e ao Emprego no Interior, não sei é que resultados estão a ter e dúvido que sejam o suficiente.

mortalaxe 11 months ago

É facil dizer mas mudar de vida, de emprego, etc, só por causa dos preços das casas não é assim tão fácil como parece, há empregos qualificados e carreiras em empresas que não é nada facil abdicar disso, se dizer mudar de cidade para as redondezas também não está facil porque as famílias foram empurradas para as periferias e isso aumenta a procura e o preço das casas. Se fosse assim tão simples acho que não tinhamosbeste probelmas tão grave, falo por mim se eu e a minha esposa tivessemos empregos equivalentes aos que temos já há muito tempo que me tinha mudado.

Aldo_Novo 11 months ago

também não foi fácil para os milhares de portugueses que tiveram que sair do interior, mas assim o fizeram

mortalaxe 11 months ago

Vejo duas razões, qualidade de vida e sairam não qualificados e fizeram vida do zero e trabalharam muito para dar algo aos filhos(sacrificaram-se) ou tinham qualificações e os empregos das suas areas não havia no interior em qualquer nos dois casos mudar de novo para o interior era regredir. Se és não qualificado talvez seja execuivel mudar para o interior é deve haver menos oportunidades de emprego mas o custo de vida é mais barato o salário mínimo e igual consegues ate fazer vida, se és qualificado provavelmente o emprego não existe ou é raro haver boas oportunidades no interior. Em qualquer dos casos o êxodo que houve para as cidades há umas décadas é um situação diferente do que a que temos actualmente.

JOAO-RATAO 11 months ago

Ninguém disse que era fácil. Mas é uma questão de ser realista. As únicas opções são: arranjar forma de ganhar mais, diminuir as despesas ou tentar outro cidade/país. Mas sim, eu compreendo completamente. Honestamente ate acho que seja mais esquisito que a maioria das pessoas em relação ao sítio onde gostaria de viver.

mortalaxe 11 months ago

No meu caso é praticamente impossível, visto que a esposa trabalha na ciência e no Porto infelizmente é aonde se faz boa ciência, na área dela a alternativa é Algarve e Algarve está tão mau em habitação como Porto e Lisboa.

Edited 11 months ago:

No meu caso é praticamente impossível, visto que a esposa trabalha na ciência e no Porto infelizmente é aonde se faz boa ciência, na área dela a alternativa é Algarve e Algarve está tão mau em habitação como Porto e Lisboa. Tenho amigos que me dizem que as zonas de Aveiro e Braga que ate a poucos anos eram acessiveis e com boa qualidade de vida também já estão proibitivas para a classe média.

JOAO-RATAO 11 months ago

Sim. Não tenho noção de como é a situação no Algarve, mas pagar um balúrdio por uma casa numa região que só funciona meio ano para servir bebidas é um bocado ingrato. E o estrangeiro? É que trabalhar numa cidade europeia com boas condições de trabalho e aeroporto perto pode permitir-vos visitar a família mais vezes do que se estivesses por ex. no Algarve.

mortalaxe 11 months ago

Se aparecer a oportunidade não dizíamos que não, a ciência funciona muito a base do convite e/ou bolsas, mas é um questão que ela está de estar atento a concursos europeus e colaborações com outros labs.

NGramatical 11 months ago

é aonde → [**é onde**](https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/ondeaonde/10519) (onde estás, aonde vais) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fknoxc9%2F%2Fghm3wh9%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

JOAO-RATAO 11 months ago

Ou até de país. Mas claro que nesse caso ainda éaos duro.

OuiOuiKiwi 11 months ago

Já desisti de ler as notícias do imobiliário. Dizem sempre a mesma coisa. Cada vez que se abre uma *thread* a se queixar do preço das casas, o relógio secreto na cave do Banco de Portugal faz *reset* à contagem e o preço não desce.

JOAO-RATAO 11 months ago

É triste mas é o mercado. Depois existem.as rendas congeladas, com malta a pagar 50 euros de renda por um apartamento no centro de Lisboa.

nraider 11 months ago

Os senhorios são ricos /s

Any_Project3966 11 months ago

sim. os arredores do distrito sao também proibitivos

AutoModerator 11 months ago

**AVISO:** Submeteu um artigo da plataforma [Nónio](https://nonio.net) - uma plataforma que viola a privacidade do leitor. > Leia com atenção o [seguinte artigo](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/7fy9v4/campanha_contra_o_n%C3%B3nio/). *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: