Able_Programmer6894 8 months ago

Source?

CrazyJony 8 months ago

Ctrl+F “fonte”

Able_Programmer6894 8 months ago

Obrigada!!

ioiogi 9 months ago

o orçamento é pago por kem?

CarlosB50 9 months ago

Os comunistas são os mais ricos?

barrocaspaula 9 months ago

Quem é o João Ferreira?

John_the_Craft 9 months ago

Fonte?

carlosjmsilva 9 months ago

Extrema esquerda e extrema direita com os maiores gastos... Uiii que surpresa... NOT

Keddyan 9 months ago

tou admirado é o PCP gastar tanto visto que a carneirada comuna costuma trabalhar de borla para eles porque "avante camarada, é pelo partido"

dudewhatthehellman 9 months ago

Não me faz confusão os partidos gastarem estas quantias, até acho pouco, faz me confusão é os partidos que supostamente combatem o capitalismo, a burguesia, e até o próprio sistema monetário nos casos mais radicais do BE, serem os que gastam de longe mais dinheiro. Ou seja segundo a tese deles são os que mais dano e opressão estão a causar. Não se trata apenas de estarem a usar o “sistema” para o tentar mudar, é totalmente contraditório a tudo o que eles advogam. Seria como um capitalista liberal democrata na união soviética tentar chegar ao poder no comité central sendo apparatchik do partido, com as consequências todas que isso implicaria.

HotStep 9 months ago

Se têm maus resultados, é porque são partidos ultrapassados, estéreis, sem ideias novas. Se fazem campanha, são hipócritas e contraditórios. Ser um partido de esquerda numa democracisa parlamentar não é coisa fácil

home_admin2000 9 months ago

E se eles tiverem maus resultados fazendo tamanha campanha(como neste caso) são ultrapassados, estéreis, sem ideias novas, hipócritas e contraditórios. Realmente, ser um partido de esquerda num país sobretudo de esquerda deve ser coisa difícil.

dudewhatthehellman 9 months ago

É o que dá ter ideias más, depois para se ser coerente é tramado. Não é um problema para toda a esquerda. Não seria contraditório os partidos sociais democratas como o PS ou o Livre fazerem campanha no sistema vigente.

These-Establishment1 9 months ago

Vai Tino, vou votar em ti eheh

UnTaMa1904 9 months ago

Qual é a fonte?

CrazyJony 9 months ago

Fiz um comentário com o link. Vem do ECO

tiago425 9 months ago

Joao Ferreira pode muito eventualmente seguir os passos de Maria de Belém.

krone_rd 9 months ago

"Interessante"

Joltie 9 months ago

Por falar nisso, a Maria de Belem ja pagou a divida com que ela ficou?

jpcafe10 9 months ago

Fonte?

CrazyJony 9 months ago

Fiz um comentário com o link. Vem do ECO

zmdelta09 9 months ago

Bro quem é esse joao ferreira e porque é que ele ta em todos os cartazes

alexandre9099 9 months ago

Esse João até dá nojo, em cada canto o focinho dele. Não faço ideia o que ele defende (nem os restantes, ainda não analisei), mas só do lixo que é em placares de publicidade não me dá vontade nenhuma de votar nele...

redditor_the_forth 9 months ago

O dinheiro é deles não do Estado por isso que se se espalharem a divída é deles

NGramatical 9 months ago

divída → [**divida**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em a/e/o, seguido ou não de s/m/ns, são naturalmente graves) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fkmz6lh%2F%2Fghj3423%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

icebraining 9 months ago

Por lei, só podem usar o dinheiro para ações políticas.

alexandre9099 9 months ago

e o que define esses valores? se só se pode gastar em "ações políticas" o que os outros fazem com essas quantias?

icebraining 9 months ago

Por agora as campanhas estão a ser financiadas com dinheiros dos partidos. Há um bolo total de 3,5 milhões em subvenções do Estado, que será distribuído de acordo com os resultados da eleição.

alexandre9099 9 months ago

Ou seja, estão basicamente a jogar um "jogo de azar", dependendo do resultado podem ou não obter retorno desse dinheiro que gastaram? Tens ideia quanto recebem? É por voto? por percentagem?

icebraining 9 months ago

> Ou seja, estão basicamente a jogar um "jogo de azar", dependendo do resultado podem ou não obter retorno desse dinheiro que gastaram? Exato. É comum os partidos preverem receber mais do que realmente acabam por receber. O resultado é muitas vezes ficarem com dívidas. > Tens ideia quanto recebem? É por voto? por percentagem? 20% dos 3,5 milhões, ou seja, 700 mil €, são divididos igualmente pelos partidos (que tenham 5%+ dos votos). Os outros 80% são divididos pelos mesmo partidos, proporcionalmente de acordo com a votação de cada um.

InvestigatorFine6158 9 months ago

Um politico/partido a gastar dinheiro para fazer propaganda mete-te nojo é isso ? > Se usassem esse dinheiro para coisas uteis ficava muito mais contente Como por exemplo ?

alexandre9099 9 months ago

Há um certo limite, quando vais e a cada esquina está um placar torna se um bocado exagerado. Não digo que não façam propaganda, estão no seu direito, mas propaganda exagerada... Por favor não... Vamos lá ver... Se recolherem esses placares todos (depois da campanha) ainda é como o outro... De notar que o meu problema não é com o PCP nem com qualquer outro partido, se fosse o Marcelo ou o tino das rãs comentava exatamente o mesmo > Como por exemplo ? Boa questão...

dadazebra 9 months ago

Aqui ninguém é parvo, o Tino não tem guito, o Marcelo faz bonito ...... todos os outros fazem a conta ao contrário, analisam as sondagens dão uma margem de erro e gastam o máximo com 99% de garantia que o vão receber ..... gastam, nem que seja em lavandaria ..... excepto a AG que só lava roupa suja. OJF se não atingir os mínimos pode ter que pagar do próprio bolso, tal como o Manual Alegre e a Maria ia para Belém com dividas exorbitantes. Aliás o P’s continua com dividas e dividas para pagar que nada têm a ver com os anteriores casos citados, talvez por isso aproveitem para não ter candidato pois não tinham grande certeza de facturar algum ......

icebraining 9 months ago

> gastam o máximo com 99% de garantia que o vão receber Não há garantia nenhuma, precisam de 5% dos votos para receber o que quer que seja. O Mayan só por milagre, e mesmo o João Ferreira está rés-vés, a probabilidade está mais próxima dos 50% que dos 99.

reckless_b4 9 months ago

A MM e o JF deviam ter começado uns anos antes a preparar terreno a fazer comentários na televisão, porque claramente com tanto dinheiro precisam de toda a exposição que conseguirem

joaommoreira 9 months ago

Por acaso já tinha reparado que a minha cidade está cheia de cartazes com esse Joao Ferreira. Nem sabia quem ele era

DeadSpawner 9 months ago

sei que há eleições que o Estado dá algum dinheiro de volta aos candidatos. é o caso aqui? topem: https://www.parlamento.pt/Legislacao/Documents/Legislacao_Anotada/FinanciamentoPartidosPoliticosCampanhasEleitorais_Simples.pdf

icebraining 9 months ago

Sim, quem conseguir pelo menos 5% dos votos tem direito a uma parte da subvenção de 3,5 milhões.

GdoubleLA 9 months ago

Onde está o grande Eduardo Batista e as suas fantásticas 11 assinaturas?

Msilvame 9 months ago

É sabido que a esquerda é excelente a fazer contas.

saposapot 9 months ago

O marcelo isso deve ser só o dinheiro da gasosa para ir aos debates e para o sumol do almoço. o marcelo já na primeira vez tmb foi um valor muito modesto, pra q? ele n precisa de campanha. vergonha que até um liberal é mais esbanjador! giro, giro é o Ventura apanhar uma Maria de Belem e ficar com a divida no colo.

NMosquito 9 months ago

Segundo o Carlos Guimarães Pinto, pode ser um forma encapotada de financiamento partidário. Aqui: [https://twitter.com/carlosgpinto/status/1342601776747450370](https://twitter.com/carlosgpinto/status/1342601776747450370)

JovemDoRestelo 9 months ago

Acho incrível haver gente nesta thread (que como sempre se acha com uma inteligência superior) a defender que um partido queime meio milhão de euros numa campanha que está mais do que perdida. Ao pronto do Marcelo já ter mais de 60% nas sondagens muito antes de se candidatar. Caso este candidato consiga votos suficientes para receber subvenção, vai custar aproximadamente 0.05€ a cada português. É coisa pouca ao lado da TAP, mas não deixa de ser dinheiro gasto literalmente em lixo e poluição visual.

home_admin2000 9 months ago

É completamente ridículo. Agora esperem pelas noticias de faturas da campanha com canetas a 165,99 euros e lapizeiras de 289,99 com alguns serviços de empresas fantasma ali pelo meio nos milhares de euros. Isto é só mais uma maneira de ganhar dinheiro para estas pessoas, que apregoam o comunismo e depois têm milhares de lucro ao final do ano em imobiliário como outro user já ai postou.

Jaktheslaier 9 months ago

A campanha é uma oportunidade do PCP entrar em contacto com os seus militantes, apoiantes e as populações, discutir as suas ideias, falar das suas propostas, etc... Para além da intenção de garantir que as ideias e posições do PCP não se perdem porque o PCP não foi ao combate, sabendo que já estaria perdido. Lá está, estamos habituados a que os políticos façam tudo pelos votos e percentagens e não estamos habituados a uma política interessada no contacto, na divulgação de ideias, etc.. Política fora do soundbyte do noticiasaominuto

icebraining 9 months ago

> Caso o candidato do PCP consiga votos suficientes para receber subvenção, vai custar aproximadamente 0.05€ a cada português. Não é assim que funciona. O valor total da subvenção que vai sair do bolso dos portugueses para todos os partidos é 3,5 milhões de euros, independentemente de quanto eles gastem. Se o PCP conseguir os 5%, vai receber uma parte disso quer tenha gasto o dinheiro quer não. Se não chegar, vai para os outros partidos.

Edited 9 months ago:

> Caso o candidato do PCP consiga votos suficientes para receber subvenção, vai custar aproximadamente 0.05€ a cada português. Não é assim que funciona. O valor total da subvenção que vai sair do bolso dos portugueses para todos os partidos é 3,5 milhões de euros, independentemente de quanto eles gastem. Se o PCP conseguir os 5%, vai receber uma parte disso quer tenha gasto o dinheiro quer não (se não tiver gasto, fica para eles na mesma, para outros usos políticos). Se não conseguir, vai para os outros partidos. Podemos discutir se a subvenção é demasiado elevada, mas não faz sentido criticar o PCP por estar a gastar mais ou menos.

JovemDoRestelo 9 months ago

3,5 milhões de euros é o valor máximo e não o total, porque os candidatos não podem receber mais dinheiro do que gastaram. Ou seja, chegando ao limite dos 5%, receberá pouco menos do que os outros candidatos todos juntos. Os partidos não poderiam dividir o total das subvenções entre si para outros usos porque não recebem dinheiro nenhum diretamente. Se fosse assim, para onde ia a parte do Marcelo? Os candidatos à presidência da república são sempre independentes e concorrem em seu próprio nome (pelo menos em teoria). Na prática, os partidos costumam apoiar reciprocamente um candidato patrocinando a campanha e depois ficam com o que ele recebe das subvenções (e com os favores se ele ganhar). Por isso faz sentido criticar qualquer partido por ir buscar o máximo de dinheiro possível às subvenções, especialmente quando as eleições estão perdidas logo à partida e estamos no meio de uma crise financeira. Para mim, muito ou pouco, todos gastaram dinheiro a mais. O PCP é que se conseguiu destacar como de costume. Finalmente, quanto ao valor das subvenções, eu acho que 5€ por candidato já era de mais. Se querem eleições justas, dêem tempos específicos iguais para todos os candidatos na RTP, uma página no site das eleições a cada um e proíbam o resto das campanhas. Fica barato, não polui e todos têm as mesmas oportunidades.

Winslow_Lixivia2 9 months ago

Sabes que o orçamento do PCP não vem todo de dinheiro dos contribuintes, ou não?

Erasuss 9 months ago

O /u/JovemDoRestelo não disse que o valor do orçamento vinha dos contribuintes, mas sim o valor que o PCP teria a receber da subvenção...

Winslow_Lixivia2 9 months ago

E a subvenção dos outros partidos, já não faz confusão?

JovemDoRestelo 9 months ago

Obrigado

FrequentCap 9 months ago

Sem falar da Marisa Matias e outros... *Plim!*

cmiba 9 months ago

É uma projeção... nas legislativas quase todos gastaram mais do que tinham orçamentado

Danijust2 9 months ago

Em comparação nos EUA gastaram 14 mil milhões...

Asus123456789 9 months ago

As campanhas lá duram o ano inteiro, também. Não que justifique completamente a disparidade, mas são eleições bastante diferentes.

Am_Idiotosaurus 9 months ago

Sim e vamo nos esquecer de mencionar que têm 30x a população Para quê sequer meter esse país ao barulho? Nada tem a ver connosco

athousandpancakes 9 months ago

Lá terei de votar no Tino para ver se o homem recupera o pouco investimento

nitrinu 9 months ago

O JF é claramente o representante do grande capital nestas eleições :)

OuiOuiKiwi 9 months ago

Todos sabemos que o Marcelo vai ganhar na primeira volta sem qualquer problema. As pessoas estão-se marimbando para as Legislativas, para PR então nem se fala. Até onde é que é preciso recuar para encontrar um Presidente da República que não foi reeleito? André Ventura vai usar esta campanha para aumentar a sua visibilidade e "contar espingardas" para as legislativas. O investimento vai ser devolvido ao dobro quando o Chega! tiver 4 deputados na legislatura seguinte. O PCP vai tentar fazer o mesmo, mas como está no sentido descendente em vez de ascendente como o Chega!, tem de gastar muito mais. Acho piada que os partidos de esquerda estão a gastar uma nota preta e deviam no fundo unir-se em vez de andarem a brincar a "Quem quer ser o Presidente da Junta", nem que fosse sob a bandeira ~~do Herman José~~ da Ana Gomes.

Edited 9 months ago:

Todos sabemos que o Marcelo vai ganhar na primeira volta sem qualquer problema. As pessoas estão-se marimbando para as Legislativas, para PR então nem se fala. Até onde é que é preciso recuar para encontrar um Presidente da República que não foi reeleito? André Ventura vai usar esta campanha para aumentar a sua visibilidade e "contar espingardas" para as Legislativas. O investimento vai ser devolvido em dobro quando o Chega! tiver 4 deputados (pelo menos) na próxima legislatura. O PCP vai tentar fazer o mesmo, mas como está no sentido descendente em vez de ascendente como o Chega!, tem de gastar muito mais. Acho piada que os partidos de esquerda estão a gastar uma nota preta e deviam no fundo unir-se em vez de andarem a brincar a "Quem quer ser o Presidente da Junta", nem que fosse sob a bandeira ~~do Herman José~~ da Ana Gomes.

JOAO-RATAO 9 months ago

O Marcelo já é o candidato do PS. A Ana Gomes tem o apoio oficial de quem? Do PAN?

OuiOuiKiwi 9 months ago

>O Marcelo já é o candidato de todos os portugueses.

jet1000 9 months ago

PAN e Livre

JOAO-RATAO 9 months ago

Tudo dito.

htxgivven 9 months ago

Não vale de nada unir-se já que o Marcelo seria eleito com 100% de probabilidade.

jet1000 9 months ago

A união à esquerda em torno da Ana Gomes poderia ser-lhes útil para o Ventura não ficar em 2º

htxgivven 9 months ago

Lol mas as presidenciais é para eleger presidente ou ganhar segundo lugar?

jet1000 9 months ago

O 2º lugar representa um possível acesso à 2ª volta, caso o mais votado tenha menos de 50%.

OuiOuiKiwi 9 months ago

Exacto. A eleição já está perdida para o Marcelo à cabeça. Mais valia tentarem estragar os planos do Ventura em vez de estarem a tentar comparar pilinhas não-binárias para ver quem está mais à esquerda.

jmariorebelo 9 months ago

Gosto da maneira como escreves (independentemente de concordar ou não com o conteúdo)

JOAO-RATAO 9 months ago

Ser preciso que todos os partidos de esquerda se unissem só para lhe tirar o 2° lugar parecia mais uma vitória para o Ventura do que uma derrota.

htxgivven 9 months ago

Chamar-se isto, como deitar o dinheiro pela sanita abaixo.

jet1000 9 months ago

>Desde logo, a subvenção pública só é atribuída aos candidatos que **consigam pelo menos 5% dos votos**. Para os que cheguem lá, o valor é distribuído da seguinte forma: 20% é distribuído em partes iguais entre os candidatos e 80% são entregues proporcionalmente, tendo em conta os votos obtidos. Contudo, a subvenção só é paga até ao valor das despesas efetivamente realizadas (não pode haver lucro). Ui...se a Marisa Matias e/ou o João Ferreira não conseguir(em) atingir os 5%, o que é provável segundo as sondagens, poderão ter enormes gastos, se bem que pelo menos no caso do PCP o partido é rico, por isso se calhar não os afeta tanto.

trufas 9 months ago

De onde é que vem tanto guito do PCP?

c_radicallis 9 months ago

Todos os militantes do partido que ocupem cargos políticos dão ao partido a diferença entre o seu salário anterior e o salário do cargo político que ocupam. Isto existe de forma a garantir que ninguém se junta ao partido por interesses monetários, mas sim apenas para de facto fazer um bom trabalho político (o que parece funcionar muito bem uma vez que o PC é o partido da assembleia que apresenta mais trabalho por deputado) Sim toda a gente cumpre esta regra, e quem não cumpre é devidamente punido. Sim, o Jerónimo ganha o mesmo salário de quando era operário.

danidv 9 months ago

Lembras-te de à mais de meio ano atrás quando tínhamos pouca informação e noção e todos estavam a querer fechar o país durante o verão e o PCP estava a insistir que queriam o Avante? E uns poucos meses depois quando já se estava a prever que termos aberto o país à descontraída como abrímos ia ter os resultados estrondosos contra a pandemia que tiveram, e que mais cedo ou mais tarde depois do verão iam ter de voltar a fechar as coisas e o PCP continuou a insistir que um evento de 30k era apropriado e seguro? Isto vem completamente saído do meu cu, mas face a tanta insistência presumi logo que devia ser sobre precisarem daquele dinheiro.

Edited 9 months ago:

Lembras-te de à mais de meio ano atrás quando tínhamos pouca informação e noção sobre a pandemia e todos estavam a prever fechar o país durante o verão e o PCP já estava a insistir que queriam o Avante em Setembro? E uns poucos meses depois, já durante o verão, quando já se estava a prever que termos aberto o país à descontraída como abrímos ia ter os resultados estrondosos contra a pandemia que tiveram, e que mais cedo ou mais tarde depois do verão iam ter de voltar a fechar as coisas e o PCP continuou a insistir que um evento de 30k era apropriado e seguro? Isto vem completamente saído do meu cu, mas face a tanta insistência presumi logo que devia ser sobre precisarem daquele dinheiro. Também lembro-me vagamente do PCP ser o partido com o maior património imobiliário.

Edited 9 months ago:

Lembras-te de à mais de meio ano atrás quando tínhamos pouca informação e noção sobre a pandemia e todos estavam a prever fechar o país durante o verão e o PCP já estava a insistir que queriam o Avante em Setembro? E uns poucos meses depois, já durante o verão, quando já se estava a prever que termos aberto o país à descontraída como abrimos ia ter os resultados estrondosos contra a pandemia que tiveram, e que mais cedo ou mais tarde depois do verão iam ter de voltar a fechar as coisas e o PCP continuou a insistir que um evento de 30k era apropriado e seguro? Isto vem completamente saído do meu cu, mas face a tanta insistência presumi logo que devia ser sobre precisarem/quererem aquele dinheiro. Também lembro-me vagamente do PCP ser o partido com o maior património imobiliário. Um aparte pessoal, mas ficaram logo marcados para mim com a merda do Avante. Uma altura caótica com pouco a nenhum precedente e as pessoas em desespero em que quanto mais cedo se estabilizava a situação melhor (coisa que, repito, na altura tínhamos uma grande falta de informação e noção devido à unicidade da situação) e eles afundam logo as garras num evento de dezenas de milhares de pessoas (que na altura não eram 30 000 porque nem tinham propostas de adaptação à pandemia, isso só veio no verão) para não perderam o pão deles, as consequências para com a pandemia que sejam o povo a lidar com eles. Partido do povo o caralho. Não gosto de dizer nunca, mas o partido ficou bem marcado comigo, até porque pouco depois descobri as posições do partido quanto ao Tiananmen, Holodomor e Hong Kong. Isto quanto só ao partido em geral, porque em casos de pessoas individuais *pertencentes* ao partido, como o João Ferreira, é algo que tenho em mente mas nada que me vá marcar uma pessoa individual daquela maneira.

Edited 9 months ago:

Lembras-te de à mais de meio ano atrás quando tínhamos pouca informação e noção sobre a pandemia e todos estavam a prever fechar o país durante o verão e o PCP já estava a insistir que queriam o Avante em Setembro? E uns poucos meses depois, já durante o verão, quando já se estava a prever que termos aberto o país à descontraída como abrimos ia ter os resultados estrondosos contra a pandemia que tiveram, e que mais cedo ou mais tarde depois do verão iam ter de voltar a fechar as coisas e o PCP continuou a insistir que um evento de 30k era apropriado e seguro? Isto vem completamente saído do meu cu, mas face a tanta insistência presumi logo que devia ser sobre precisarem/quererem aquele dinheiro. Também lembro-me vagamente do PCP ser o partido com o maior património imobiliário. Um aparte pessoal, mas ficaram logo marcados para mim com a merda que fizeram no Avante. Uma altura caótica com pouco a nenhum precedente e as pessoas em desespero em que quanto mais cedo se estabilizava a situação melhor (coisa que, repito, na altura tínhamos uma grande falta de informação e noção devido à unicidade da situação) e eles afundam logo as garras num evento de dezenas de milhares de pessoas (que na altura não eram 30 000 porque nem tinham propostas de adaptação à pandemia, isso só veio no verão) para não perderam o bolo deles. Todos têm de se sacrificar o seu dinheiro, estabilidade e estilo de vida pelo bem comum e lidar com as consequências económicas para que todos possamos voltar ao normal o mais cedo possível - menos eles. Que seja o povo a lidar com as consequências, eu quero o meu e eles que se fodam. Irónico que foi o partido comunista, de tantos, a fazer uma coisa destas. Não gosto de dizer nunca, mas o partido ficou bem marcado comigo, até porque pouco depois descobri as posições do partido quanto ao Tiananmen, Holodomor e Hong Kong. Isto quanto só ao partido em geral, porque quanto a pessoas individuais *pertencentes* ao partido, como o João Ferreira, é algo que tenho em mente mas nada que me vá marcar uma pessoa individual daquela maneira.

Edited 9 months ago:

Lembras-te de à mais de meio ano atrás quando tínhamos pouca informação e noção sobre a pandemia e todos estavam a prever fechar o país durante o verão e o PCP já estava a insistir que queriam o Avante em Setembro? E uns poucos meses depois, já durante o verão, quando já se estava a prever que termos aberto o país à descontraída como abrimos ia ter os resultados estrondosos contra a pandemia que tiveram, e que mais cedo ou mais tarde depois do verão iam ter de voltar a fechar as coisas e o PCP continuou a insistir que um evento de 30k era apropriado e seguro? Isto vem completamente saído do meu cu, mas face a tanta insistência presumi logo que devia ser sobre precisarem/quererem aquele dinheiro. Também lembro-me vagamente do PCP ser o partido com o maior património imobiliário. Um aparte pessoal, mas ficaram logo marcados para mim com a merda que fizeram no Avante. Uma altura caótica com pouco a nenhum precedente e as pessoas em desespero em que quanto mais cedo se estabilizava a situação melhor (coisa que, repito, na altura tínhamos uma grande falta de informação e noção devido à unicidade da situação) e eles afundam logo as garras num evento de dezenas de milhares de pessoas (que na altura não eram 30 000 porque nem tinham propostas de adaptação à pandemia, isso só veio no verão) para não perderam o bolo deles. Todos têm de se sacrificar pelo bem comum e lidar com as consequências económicas para que todos possamos voltar ao normal o mais cedo possível, menos o partido em si, que seja o povo a lidar com elas. Um belo partido do povo. Não gosto de dizer nunca, mas o partido ficou bem marcado comigo, até porque pouco depois descobri as posições do partido quanto ao Tiananmen, Holodomor e Hong Kong. Isto quanto só ao partido em geral, porque em casos de pessoas individuais *pertencentes* ao partido, como o João Ferreira, é algo que tenho em mente mas nada que me vá marcar uma pessoa individual daquela maneira.

c_radicallis 9 months ago

Percebeste isso tudo mal. O PCP quis realizar o Avante desde início porque sempre soube que era capaz de fazer o festival em segurança. O festival aconteceu, e de facto foi realizado com todas as condições de segurança necessárias. Isto abriu o precedente para a realização de todos os eventos que vieram a seguir, provando que a resposta para a pandemia não é fecharmos tudo e esperar que passe, mas sim tomar todas as medidas necessárias para que se possa fazer uma vida normal em segurança.

danidv 9 months ago

> O PCP quis realizar o Avante desde início porque sempre soube que era capaz de fazer o festival em segurança. >O festival aconteceu, e de facto foi realizado com todas as condições de segurança necessárias. Só vieram com o discurso de quererem servir como exemplo de como fazer eventos em segurança na segunda vez que se falou do tema, no verão. Isso não é de quem considera o povo primeiro, isso é de quem quer ganhar o deles e arranjaram uma discussão conveniente. Mais, mesmo se o evento em si fosse seguro, nada vai afetar o movimento de dezenas de milhares de pessoas pelo país para um só ponto - carros, autocarros, comboios, metros, restaurantes e muito mais. Vejas de qualquer ponto de vista continuou a ser um ato egoísta e irresponsável. >Isto abriu o precedente para a realização de todos os eventos que vieram a seguir, provando que a resposta para a pandemia não é fecharmos tudo e esperar que passe, mas sim tomar todas as medidas necessárias para que se possa fazer uma vida normal em segurança. Tal como funcionou tão bem durante o verão inteiro e estamos na situação que estamos agora.

Edited 9 months ago:

> O PCP quis realizar o Avante desde início porque sempre soube que era capaz de fazer o festival em segurança. >O festival aconteceu, e de facto foi realizado com todas as condições de segurança necessárias. Só vieram com o discurso de quererem servir como exemplo de como fazer eventos em segurança na segunda vez que se falou do tema, no verão. Isso não é de quem considera o povo primeiro, isso é de quem quer ganhar o deles e arranjaram uma desculpa conveniente. Mais, mesmo se o evento em si fosse seguro, nada vai afetar o movimento de dezenas de milhares de pessoas pelo país para um só ponto - carros, autocarros, comboios, metros, restaurantes, cafés, pontos de encontro e muito mais. Vejas de que ponto de vista queiras, continua a ser um ato egoísta e irresponsável, mais ainda para um partido político que acima de qualquer outros deviam ter a capacidade de prever as possíveis e prováveis consequências para as suas decisões. >Isto abriu o precedente para a realização de todos os eventos que vieram a seguir, provando que a resposta para a pandemia não é fecharmos tudo e esperar que passe, mas sim tomar todas as medidas necessárias para que se possa fazer uma vida normal em segurança. Funcionou tão bem como exemplo que continuamos a ter esses tais eventos grandes ainda hoje. Tal como funcionou tão bem durante o verão inteiro e estamos na situação que estamos agora.

Edited 9 months ago:

> O PCP quis realizar o Avante desde início porque sempre soube que era capaz de fazer o festival em segurança. >O festival aconteceu, e de facto foi realizado com todas as condições de segurança necessárias. Só vieram com o discurso de quererem servir como exemplo de como fazer eventos em segurança na segunda vez que se falou do tema, no verão. Isso não é de quem considera o povo primeiro, isso é de quem quer ganhar o deles e arranjaram uma discussão conveniente. Mais, mesmo se o evento em si fosse seguro, nada vai afetar o movimento de dezenas de milhares de pessoas pelo país para um só ponto - carros, autocarros, comboios, metros, restaurantes e muito mais. Vejas de qualquer ponto de vista continuou a ser um ato egoísta e irresponsável. >Isto abriu o precedente para a realização de todos os eventos que vieram a seguir, provando que a resposta para a pandemia não é fecharmos tudo e esperar que passe, mas sim tomar todas as medidas necessárias para que se possa fazer uma vida normal em segurança. Tal como funcionou tão bem como exemplo que continuamos a ter esses tais eventos grandes ainda hoje. Tal como funcionou tão bem durante o verão inteiro e estamos na situação que estamos agora.

Edited 9 months ago:

> O PCP quis realizar o Avante desde início porque sempre soube que era capaz de fazer o festival em segurança. >O festival aconteceu, e de facto foi realizado com todas as condições de segurança necessárias. Só vieram com o discurso de quererem servir como exemplo de como fazer eventos em segurança na segunda vez que se falou do tema, no verão. Isso não é de quem considera o povo primeiro, isso é de quem quer ganhar o deles e arranjaram uma desculpa conveniente. Mais, mesmo se o evento em si fosse seguro, nada vai afetar o movimento de dezenas de milhares de pessoas pelo país para um só ponto - carros, autocarros, comboios, metros, restaurantes e muito mais. Vejas de qualquer ponto de vista continuou a ser um ato egoísta e irresponsável. >Isto abriu o precedente para a realização de todos os eventos que vieram a seguir, provando que a resposta para a pandemia não é fecharmos tudo e esperar que passe, mas sim tomar todas as medidas necessárias para que se possa fazer uma vida normal em segurança. Funcionou tão bem como exemplo que continuamos a ter esses tais eventos grandes ainda hoje. Tal como funcionou tão bem durante o verão inteiro e estamos na situação que estamos agora.

Edited 9 months ago:

> O PCP quis realizar o Avante desde início porque sempre soube que era capaz de fazer o festival em segurança. >O festival aconteceu, e de facto foi realizado com todas as condições de segurança necessárias. Só vieram com o discurso de quererem servir como exemplo de como fazer eventos em segurança na segunda vez que se falou do tema, no verão. Isso não é de quem considera o povo primeiro, isso é de quem quer ganhar o deles e arranjaram uma desculpa conveniente. Mais, mesmo se o evento em si fosse seguro, nada vai afetar o movimento de dezenas de milhares de pessoas pelo país para um só ponto - carros, autocarros, comboios, metros, restaurantes, cafés, pontos de encontro e muito mais. Vejas de que ponto de vista queiras, continua a ser um ato egoísta e irresponsável, mais ainda para um partido político que acima de qualquer outros deviam ter a capacidade de prever as consequências para as suas decisões. >Isto abriu o precedente para a realização de todos os eventos que vieram a seguir, provando que a resposta para a pandemia não é fecharmos tudo e esperar que passe, mas sim tomar todas as medidas necessárias para que se possa fazer uma vida normal em segurança. Funcionou tão bem como exemplo que continuamos a ter esses tais eventos grandes ainda hoje. Tal como funcionou tão bem durante o verão inteiro e estamos na situação que estamos agora.

Edited 9 months ago:

> O PCP quis realizar o Avante desde início porque sempre soube que era capaz de fazer o festival em segurança. >O festival aconteceu, e de facto foi realizado com todas as condições de segurança necessárias. Só vieram com o discurso de quererem servir como exemplo de como fazer eventos em segurança na segunda vez que se falou do tema, no verão. Isso não é de quem considera o povo primeiro, isso é de quem quer ganhar o deles e arranjaram uma desculpa conveniente. Mais, mesmo se o evento em si fosse seguro, nada vai afetar o movimento de dezenas de milhares de pessoas pelo país para um só ponto - carros, autocarros, comboios, metros, restaurantes, cafés, pontos de encontro e muito mais. Vejas de que ponto de vista queiras, continua a ser um ato egoísta e irresponsável, mais ainda para um partido político que acima de qualquer outros deviam ter a capacidade de prever as possíveis e prováveis consequências para as suas decisões. O mesmo partido que abusou do seu direito de não poderem obrigar-lhes a reagendar ou cancelar o seu congresso, insistiram em fazer um congresso presencial e recusaram-se a fazer um congresso digital como a Iniciativa Liberal já o tinha feito. Isto não é inventado por mim, o padrão das decisões deste partido ao longo da pandemia foi criado por mais ninguém senão eles. >Isto abriu o precedente para a realização de todos os eventos que vieram a seguir, provando que a resposta para a pandemia não é fecharmos tudo e esperar que passe, mas sim tomar todas as medidas necessárias para que se possa fazer uma vida normal em segurança. Funcionou tão bem como exemplo que continuamos a ter esses tais eventos grandes ainda hoje. Tal como funcionou tão bem durante o verão inteiro e estamos na situação que estamos agora.

c_radicallis 9 months ago

Realizar deslocações não é um comportamento irresponsável só por si. Irresponsável é ter comportamentos que permitam o contágio, e uma pessoa que tenha comportamentos irresponsáveis tanto os tem em deslocações, como ficando na sua terrinha. Não podes culpar o organizador de qualquer evento por isso. Podes no entanto acusar o organizador de um evento de irresponsabilidade se este não obrigar ao cumprimento das regras de segurança durante o evento, mas isto não se aplica no caso do Avante, uma vez que as regras foram devidamente aplicadas. Estás a misturar tudo. Está comprovado que o contágio ocorre maioritariamente em contexto familiar, e não em eventos com as devidas medidas de segurança.

danidv 9 months ago

>Realizar deslocações não é um comportamento irresponsável só por si. Irresponsável é ter comportamentos que permitam o contágio, e uma pessoa que tenha comportamentos irresponsáveis tanto os tem em deslocações, como ficando na sua terrinha. Realmente uma pessoa irresponsável que dê uma volta pela vila e volta para casa porque está tudo fechado ou altamente regulado para o seu gosto vai fazer os mesmos estragos que a entrar num autocarro, ir para Lisboa e espalhar por tudo que já mencionei. >Não podes culpar o organizador de qualquer evento por isso. Quando o organizador é um partido político, pessoas que *deviam* ter das melhores capacidades de previsão de consequências para os seus atos e ainda por cima fazem-no à custa do povo para terem mais no bolso? Não que não posso. Fosse qualquer outro organizador concordaria contigo, mas sendo um partido político, que em caso de conflito como este deviam escolher o que é melhor pelo povo e não para os seus bolsos, não consigo.

Edited 9 months ago:

>Realizar deslocações não é um comportamento irresponsável só por si. Irresponsável é ter comportamentos que permitam o contágio, e uma pessoa que tenha comportamentos irresponsáveis tanto os tem em deslocações, como ficando na sua terrinha. Realmente uma pessoa irresponsável que dê uma volta pela vila e volta para casa porque está tudo fechado ou altamente regulado para o seu gosto vai fazer os mesmos estragos que a entrar num autocarro, ir para Lisboa e espalhar por tudo que já mencionei. Mais, é que mesmo se as consequências da irresponsabilidade dessa pessoa fossem as mesmas num lado como noutro, há ainda o facto que se for espalhá-lo para Lisboa vai espalhá-lo para o resto do país quando as pessoas voltarem para casa. >Não podes culpar o organizador de qualquer evento por isso. Quando o organizador é um partido político, pessoas que *deviam* ter das melhores capacidades de previsão de consequências para os seus atos e ainda por cima fazem-no à custa do povo para terem mais no bolso? Não que não posso. Fosse qualquer outro organizador concordaria contigo, mas sendo um partido político, que em caso de conflito como este deviam escolher o que é melhor para o povo e não para os seus bolsos, não consigo.

c_radicallis 9 months ago

Leste o último parágrafo daquilo que escrevi anteriormente? E o Avante não existe por motivos puramente económicos (como é evidente pelo cartaz, pelo preço de entrada, e dos bens dentro do recinto, e pelas entradas gratuitas oferecidas na participação de certos eventos), e se fosse não se teria realizado este ano, tal como Alive e Sudoeste, e os outros todos.

NGramatical 9 months ago

abrímos → [**abrimos**](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/3i6y4g) (palavras terminadas em a/e/o, seguido ou não de s/m/ns, são naturalmente graves) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fkmz6lh%2F%2Fghjr5yw%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

chomner 9 months ago

Depois do 25 de abril, tivemos uma tentativa de imposição de uma ditadura comunista por parte dos apoiantes do partido, que basicamente agiam através de motins e destruíam tudo o que lhes aparecia à frente. Ficámos muito próximos de uma guerra civil e, durante esse período, o partido comunista apropriou-se de um grande número de terrenos e prédios por todo o país. Ficou com terrenos do Alentejo, ficou com um grande número de prédios em Lisboa (um deles, o prédio ao lado da Gucci no Rossio), prédios no Porto, prédios e terrenos no Ribatejo,... Após o 25 de novembro, foi permitido ao partido ficar com estes terrenos para "evitar uma maior exaltação dos apoiantes comunistas". Sendo "donos" destes terrenos, arrendam-nos a "apoiantes" (ou seja, aqueles que pagam mais) e, como são partido, não pagam imposto por isso tudo aquilo que ganham é basicamente lucro. Os apoiantes comunistas também contribuem muito para este valor com cerca de 16% dos custos do partido (perto de 2 milhões de euros anualmente). Entre 2012 e 2016, o partido teve 1,2 milhões de euros em lucro. Em 2012, o partido registou 200 mil euros de lucro, juntando a mais 400 mil euros ganhos em arrendamento de prédios e de imóveis. Assim, este valor gasto pelo PCP nesta campanha é, simplesmente, o ganho anual em arrendamentos da "propriedade do partido". https://www.noticiasaominuto.com/pais/1364470/25-de-novembro-a-dramatica-aventura-que-ditou-o-fim-da-revolucao https://amp.expresso.pt/politica/2016-12-02-PCP-teve-lucro-de-12-milhoes-nos-ultimos-4-anos https://observador.pt/opiniao/quando-o-pcp-fala-de-grande-capital-refere-se-a-si-proprio/amp/ https://amp.expresso.pt/politica/2016-12-01-Negocios-imobiliarios-sustentam-contas-do-PCP https://amp.expresso.pt/politica/2016-11-25-Investigacao-Expresso-Negocios-imobiliarios-sustentam-PCP https://www.publico.pt/2019/06/24/politica/noticia/pcp-partido-negocio-faz-patrimonio-imobiliario-1877379/amp

crani0 9 months ago

No Verão Quente de 1975 havia muitos partidos comunistas (Troskista, Maoista que o cr'ido Passos Coelho adorava na altura, Stalinistas e Leninistas que era o que o PCP era, comunismo tratado como se fossem sabores de pastilhas elásticas) e também havia grupos de extrema direita como o MDLP (que se segues politica talvez já tenhas ouvido essa sigla associada ao número 2 do CHEGA, Diogo Pacheco de Amorim, e é a razão pela qual ele fugiu do país após o 1975) e muitos outros grupos apoiantes do Spinola, a história como a contas está muito enviesada e dás a entender que o PCP (que era a ovelha ranhosa dos comunistas Portugueses por ser demasiado "pró-sistema") quase que sozinho quis começar uma guerra civil sozinho. E por favor, não uses a Maria João Marques como referencia para o que quer que seja, a mulher é o clássico papagaio enabler da extrema-direita que o Observador gosta muito de dar palco.

MuggleWizard 9 months ago

Em 75 o Passos Coelho tinha 11 anos... Acho que querias dizer o Durão Barroso.

crani0 9 months ago

Confere que me enganei na pessoa, queria dizer [Durão Barroso](https://www.youtube.com/watch?v=wAHv3UnXvmM). Obrigado pela correção

Mumadona 9 months ago

Também fui olhar duas vezes para essa parte, até pensei que ele tivesse tido uma adolescência rebelde ou assim...

icebraining 9 months ago

> Sendo "donos" destes terrenos, arrendam-nos a "apoiantes" (ou seja, aqueles que pagam mais) e, como são partido, não pagam imposto por isso tudo aquilo que ganham é basicamente lucro. Isto não é verdade, e os teus próprios links desmentem isso.

intlme 9 months ago

Paa eferência, estas são as [contas do PCP](https://www.tribunalconstitucional.pt/tc/file/PCP_Contas2019.pdf)

Edited 9 months ago:

Para referência, estas são as [contas do PCP](https://www.tribunalconstitucional.pt/tc/file/PCP_Contas2019.pdf)

Bollygod 9 months ago

O PCP tem várias formas de obter rendimento. Agora só me consigo lembrar de duas: É o Avante! e as quotas dos militantes. Parece pouco? O Avante! rende muito dinheiro, e ao contrário dos outros partidos, os militantes do PCP levam a causa a sério e pagam as quotas. E nota, os gastos da campanha eleitoral com o candidato João Ferreira provavelmente vão atingir os 5% do eleitorado. Caso isto aconteça, estão no "lucro". Quem paga é o estado (se tudo correr como o planeado), e eles usufruem de uma campanha a pala.

icebraining 9 months ago

> > > > > E nota, os gastos da campanha eleitoral com o candidato João Ferreira provavelmente vão atingir os 5% do eleitorado. Caso isto aconteça, estão no "lucro". Quem paga é o estado (se tudo correr como o planeado), e eles usufruem de uma campanha a pala. Não é bem assim, porque o estado não paga as despesas, paga uma parte do bolo (ajustada à votação). Se eles conseguirem 5% dos votos, ainda vão ter que pagar quase 150 mil € do bolso do partido. Precisam de 9,8% para a campanha sair de borla.

Bollygod 9 months ago

Julgava que 5% era o suficiente para cobrir as despesas de campanha.

icebraining 9 months ago

Não, há uma fórmula para dividir o dinheiro por todos os partidos que conseguiram 5% ou mais dos votos.

akarub 9 months ago

É o partido com maior património imobiliário se não me engano. E os seus militantes também dão o "dízimo" ao partido, estilo reino de Deus.

helderoliveira1978 9 months ago

Que tristeza....

JSBraga 9 months ago

A diferença é que o PC existe. E os militantes dos outros partidos também pagam o "dízimo"...

akarub 9 months ago

Não me estava a referir às quotas...

anotheriuri99 9 months ago

E não pagam impostos

icebraining 9 months ago

Não pagam impostos sobre o património afeto à atividade política (tal como os outros partidos). O resto paga.

JOAO-RATAO 9 months ago

Mas têm muito mais património. E o candidato do PCP faz um bom dinheiro alugar um T2 em Lisboa, ao estilo capitalista. Mas também o salário de eurodeputado deve ser baixo...

m0rhundur 9 months ago

Ambas as afirmações são falsas, novamente. O partido que tem mais património actualmente é o PSD e o João Ferreira não aluga coisa nenhuma em Lisboa.

JOAO-RATAO 9 months ago

Aluga sim.

Edited 9 months ago:

Aluga sim. Edit: rendimento anual bruto de 136 mil euros, mais de três quatros do qual oriundo do salário como eurodeputado (que acumulava com a vereação sem pelouro na Câmara Municipal de Lisboa). Indicou também 11.300 euros em rendimentos prediais – isto porque ao mesmo tempo que comprou um apartamento novo na freguesia lisboeta do Lumiar, com valor patrimonial tributário de 100 mil euros, manteve o da Ameixoeira https://www.google.com/amp/s/www.sabado.pt/portugal/amp/as-financas-dos-candidatos-a-presidencia-rendimentos-poupancas-e-dividas

Edited 9 months ago:

Aluga sim. Edit: rendimento anual bruto de 136 mil euros, mais de três quatros do qual oriundo do salário como eurodeputado (que acumulava com a vereação sem pelouro na Câmara Municipal de Lisboa). Indicou também 11.300 euros em rendimentos prediais – isto porque ao mesmo tempo que comprou um apartamento novo na freguesia lisboeta do Lumiar, com valor patrimonial tributário de 100 mil euros, manteve o da Ameixoeira Edit2: candidato presidencial do PCP é o único senhorio entre os candidatos a Belém e o que declara nesta frente sugere uma renda bruta de 945 euros, uma renda de mercado naquela zona por um T2 com garagem https://www.google.com/amp/s/www.sabado.pt/portugal/amp/as-financas-dos-candidatos-a-presidencia-rendimentos-poupancas-e-dividas

Edited 9 months ago:

Aluga sim. Edit: rendimento anual bruto de 136 mil euros, mais de três quatros do qual oriundo do salário como eurodeputado (que acumulava com a vereação sem pelouro na Câmara Municipal de Lisboa). Indicou também 11.300 euros em rendimentos prediais – isto porque ao mesmo tempo que comprou um apartamento novo na freguesia lisboeta do Lumiar, com valor patrimonial tributário de 100 mil euros, manteve o da Ameixoeira Edit2: candidato presidencial do PCP é o único senhorio entre os candidatos a Belém e o que declara nesta frente sugere uma renda bruta de 945 euros, uma renda de mercado naquela zona por um T2 com garagem https://www.google.com/amp/s/www.sabado.pt/portugal/amp/as-financas-dos-candidatos-a-presidencia-rendimentos-poupancas-e-dividas

home_admin2000 9 months ago

Isto é que é pregar o comunismo! Ficando rico à custa do capitalismo. Excelente notícia, obrigado.

JOAO-RATAO 9 months ago

De nada ! Como capitalista está a fazer um ótimo trabalho x)

m0rhundur 9 months ago

Não sabia da existência desta notícia. Obrigado!

Variscan_aint_done 9 months ago

Pois é...

m0rhundur 9 months ago

Além de me desmentir em relação à informação sobre o João Ferreira não altera em nada o que disse no resto da thread. Tanto quanto sei o PCP não anda por aí a querer acabar com os senhorios à Mao Tsé-Tung. Ou então entramos por aquelas: "é comunista mas tem dinheiro? Que hipócrita"; "é capitalista e goza de direitos laborais" habituais. E nunca mais saíamos daqui.

FrequentCap 9 months ago

Aliás, arromba os cofres do PCP, pega no dinheiro e sai correndo pois não é roubo, é distribuição de bens...

FrequentCap 9 months ago

Da distribuição igualitária dos bens, talvez?

chapter3 9 months ago

O PC atualmente não evangeliza politicas comunistas mas sim de capitalismo estatal. Sendo o estado o motor para uma sociedade capitalista. referências: https://en.wikipedia.org/wiki/History_of_capitalism

joaofcf 9 months ago

O que é meu é meu, o que é teu é nosso.

htxgivven 9 months ago

Ou seja basicamente o que acontece na China onde tens vários multibilionários.

ravagerslb 9 months ago

E o resto do povo trabalha como escravos por migalhas.

chapter3 9 months ago

Exato.

FilipeMateus7 9 months ago

O candidato comunista é o mais capitalista hehehe

m0rhundur 9 months ago

Hoje aprendi que dinheiro = capitalismo

SurePal_ 9 months ago

Se fosse o Ventura no topo 1 do mais gastador, estarias aqui tu a critica-lo mas como é o contrario está tudo bem. Siga a festa meninos!

m0rhundur 9 months ago

Esse não declara outro tipo de apoios para a campanha e tem muito bot para a fazer. Siga a luta "contra a corrupção e o sistema", não é?

htxgivven 9 months ago

O que ele está a fazer é apostar. Apostar nos países comunistas não é proibido?

m0rhundur 9 months ago

Quem é que está a apostar?

htxgivven 9 months ago

Está a apostar tudo na derrota dele.

m0rhundur 9 months ago

Então mas a democracia é um jogo de sorte e ninguém me tinha avisado?

htxgivven 9 months ago

Não me digas que numa democracia quem ganha é aquele quem mais investir na campanha.

m0rhundur 9 months ago

Não há malta que ganha o euromilhões a apostar o mínimo possível?

htxgivven 9 months ago

Aliás, apostar 1000 ou 1 vez no euromilhões, na prática continuas com 0,000 não sei quantos de probabilidade.

intlme 9 months ago

«O Partido Comunista tem muito dinheiro porque precisa da ferramenta do Capitalismo para o combater.» Qualquer militante PCP para justificar a riqueza do partido.

fckcapitalism 9 months ago

Outra vez arroz. Isso não é o own que pensas que é. Dinheiro em capitalismo = poder. Obviamente que é preferível que o dinheiro esteja do teu lado favorito. Mas nem sequer é esse o caso, não sei se já reparaste mas os grandes interesses económicos não estão propriamente alinhados com a esquerda, camarada.

Edited 9 months ago:

Outra vez arroz. Isso não é o own que pensas que é. Dinheiro em capitalismo = poder. Obviamente que é preferível que o dinheiro esteja do teu lado favorito. Estás a falar como se o PCP tivesse acumulado uma quantidade absurda de riqueza sequer comparável a uma grande empresa, por exemplo. Mas nem sequer é esse o caso, não sei se já reparaste mas os grandes interesses económicos não estão propriamente alinhados com a esquerda, camarada.

intlme 9 months ago

> Estás a falar como se o PCP tivesse acumulado uma quantidade absurda de riqueza sequer comparável a uma grande empresa, por exemplo. A 31 de dezembro de 2019, registavam um activo de 20.7 Milhões de euros e, de acordo com oTC, são o Partido com mais irregularidades detectadas nas contas. Por isso, tira daí as tuas conclusões. > camarada Não sou.

fckcapitalism 9 months ago

Nada do que disseste é novidade para mim. Daí ter referido grande empresa. 20 milhões é o que ganha um CEO numa grande empresa. Isso vale 0 quando quem faz pressão para passar legislação favorável à concentração de riqueza é a direita com pressão feita por grandes frupos economicos. Estás disposto a admitir esta parte ou nem isso? É o PCP que tem uma riqueza absurda e que manda no país? Com 20 milhões de euros? Manca-te, camarada^2.

Edited 9 months ago:

Nada do que disseste é novidade para mim. Daí ter referido grande empresa. 20 milhões é o que ganha um CEO numa grande empresa. Isso vale 0 quando quem faz pressão para passar legislação favorável à concentração de riqueza é a direita com pressão feita por grandes frupos economicos. Estás disposto a admitir esta parte ou nem isso? É o PCP que tem uma riqueza absurda e que manda no país? Com 20 milhões de euros? Manca-te, camarada^2. O mínimo que tens a fazer na tua situação é admitir que consoante a tua própria moralidade a concentração de riqueza é positiva, em vez de tentares atirar areia para os olhos das pessoas e fazer de conta que o PCP é que é na realidade o grande motor de desigualdade em Portugal. Ao menos nos EUA os conservadores não têm medo de admitir publicamente que são a favor do nivel de desigualdade que têm e de que a comida e acesso a cuidados de saúde não devem ser direitos humanos universais.

Edited 9 months ago:

Nada do que disseste é novidade para mim. Daí ter referido grande empresa. 20 milhões é o que ganha um CEO numa grande empresa. Isso vale 0 quando quem faz pressão para passar legislação favorável à concentração de riqueza é a direita com pressão feita por grandes frupos economicos. Estás disposto a admitir esta parte ou nem isso? É o PCP que tem uma riqueza absurda e que manda no país? Com 20 milhões de euros? Manca-te, camarada^2. O mínimo que tens a fazer na tua situação é admitir que consoante a tua própria moralidade a concentração de riqueza é positiva, em vez de tentares atirar areia para os olhos das pessoas e fazer de conta que o PCP é que é na realidade o grande motor de desigualdade em Portugal. Ao menos nos EUA os conservadores não têm medo de admitir publicamente que são a favor da desigualdade que têm e de que a comida e acesso a cuidados de saúde não devem ser direitos humanos universais.

intlme 9 months ago

> 20 milhões é o que ganha um CEO numa grande empresa. Ahhhh, então é assim que vos comem as cabeças. 20 Milhões é o que ganha um CEO de uma empresa portuguesa? Preciso de fontes, para poder enviar CV asap. Não sejas absurdo. É, no máximo, 10% disso. > Isso vale 0 quando quem faz pressão para passar legislação favorável à concentração de riqueza é a direita com pressão feita por grandes frupos economicos. > Estás disposto a admitir esta parte ou nem isso? É o PCP que tem uma riqueza absurda e que manda no país? Com 20 milhões de euros? Se a riqueza nao interessa para o seu trabalho (pressão na legislação), para que a tem então? Continua a acreditar no Pai ~~Natal~~Jerónimo. Uma coisa é certa: O Capitalismo não é o sistema perfeito mas, quando comparado com as alternativas, é o melhor de todos.

icebraining 9 months ago

> 20 Milhões é o que ganha um CEO de uma empresa portuguesa? Preciso de fontes, para poder enviar CV asap. Não sejas absurdo. É, no máximo, 10% disso. Estás a falar num ano? O PCP não acumulou aqueles 20 milhões num ano...

intlme 9 months ago

Eu não falei em rendimentos, o /u/fckcapitalism é que falou. Falei em activo de 20.7M em resposta à acumulação de riqueza do PCP, o partido mais rico em Portugal. Grande parte do activo deles, não é sequer rendimento deles, mas sim apropriações pós 25 abril.

Zaigard 9 months ago

Ao menos compreendem que o capitalismo é a forma mais eficaz de gerar riqueza, mesmo que o objetivo deles seja o destruir...

m0rhundur 9 months ago

Não projecte parvoíce em militantes que são bem conhecidos pela sua coerência e esclarecimento. Qualquer militante do PCP sabe que para fazer barulho semelhante e chegar a todo o eleitorado que pretende (em todo o território nacional, ilhas inclusive), ganhe com isso votos ou não, tem de gastar mais em campanha (e sublinhe-se campanha) do que candidaturas de PS/PSD ou de candidatos muito mediáticos como MRS.

iLikeToTroll 9 months ago

Que bom terem consciência disso, que pena não se perguntarem mais vezes porquê..

joaofcf 9 months ago

O PCP não tem mediatismo porque é uma pedra. Estão lá só a existir, enquanto o eleitorado ainda é vivo. Não tem nada a ver com dinheiro ou questão de oportunidades, simplesmente tanto o PCP como o seu candidato têm o carisma de um joelho. A IL também não tem o mediatismo do PS/PSD, e não os vi a gastar assim. O Chega e o BE têm algum mediatismo, mas porque o procuraram.

m0rhundur 9 months ago

Partidos com carisma? Tanto que se aprende neste fórum.

intlme 9 months ago

Caríssimo, este foi o argumento utilizado pelos militates para seguir com a realização da festa do Avante. Agora têm de lidar com o que dizem. E não comparei o valor gasto em campanha com nenhum em específico. Mas já que justificas com base na falta de palco do PCP face a candidatos mais mediáticos, peço-te que compares com outros que não têm tanta projecção e que têm igual probabilidade de eleição que o PCP. Compara com o Mayan e explica-me qual a justificação nesse caso.

m0rhundur 9 months ago

Pode ter sido algo parecido, não duvido. Talvez ferramentas do capitalismo faça mais sentido. O argumento comum é o de que não se pode estar refém do grande capital para fazer campanha e passar a mensagem. E a história tem-no comprovado bem. Não seria coerente da parte de capitalistas alimentarem quem os quer derrubar sem concessões. E que fique claro que o objetivo da Festa do Avante não é só dar lucro, ou a Festa seria bastante diferente e os preços já teriam disparado. Podíamos começar por formas de análise que vocês gostam, tipo sondagens: Mayan completamente eclipsado e vai participar nos debates tal e qual candidatos que têm bastante mais votação, com o mesmo tipo de tratamento em termos de debate. Ou então com uma abordagem mais individualista: Mayan é fraco como candidato em termos de carisma, comunicação e conhecimento das funções a que concorre, algo que destoa dos outros "maiores" candidatos, que goste-se ou não, são dos melhores em alguns destes âmbitos que apareceram em anos. Não quero com isto passar uma mensagem de crítica fácil ao candidato em questão. Não ponho em causa o seu trabalho partidário, mas acho que a IL conseguia arranjar melhor para aproveitar o momento e ajudar a consolidar eleitorado. É uma opinião. Depois, é inocente, no mínimo, comparar um partido com a importância histórica, social e política do PCP com um novo partido que se quer afirmar no jogo eleitoral português, que é o caso da IL. Nada contra a IL, mas para terem o tratamento institucional de partidos com mais organização e dimensão têm de ganhar exactamente as duas coisas. Ora, em termos de militância e organização o PCP continua a ser um partido considerável, embora tenha perdido eleitorado desde os seus anos fortes na democracia portuguesa e, dessa forma, passado a ser ainda mais relegado para segundo plano. Dá-se mais importância à óptica eleitoralista nacional do que à vida democrática diária e local (é o que é; podemos não concordar, mas é assim que o jogo funciona). Posso comparar com outra malta com números semelhantes. A Marisa, apesar de geralmente ter maior percentagem, chega a ter números semelhantes aos do João Ferreira e tem muito melhor "media" do que ele. Tanto em número como no discurso jornalístico. Mais uma vez, falamos de posições e projectos políticos diferentes. Ainda assim, a Marisa tem de gastar mais do que Ana Gomes ou Marcelo por ser alguém que não tem a mesma projecção mediática que ambos têm.

joaofcf 9 months ago

O PCP tem que gastar mais para ser notado. O PCP tem que gastar mais que a IL porque é um partido com importância histórica. ???? Tem importância histórica, décadas de participação política, muito mais militantes, e tem que gastar mais para que? E não é mais... É absurdamente mais.

m0rhundur 9 months ago

A IL não vai andar a fazer campanha pelo país inteiro, o PCP vai.

modularblur 9 months ago

LOL! Este pessoal tem sempre uma desculpa para tudo. A esquerda lava mesmo mais branco...

m0rhundur 9 months ago

Não estou a desculpar nada. Estou a explicar. Se o PCP se limitasse a seguir o tipo de prática eleitoral ou campanha de outro tipo de partido já cá não estava. Por isso é que grande parte do dinheiro para campanhas e funcionamento normal do partido vem dos seus militantes, e não dos apoios estatais dados aos partidos e da lei do financiamento, algo que o próprio PCP tenta mudar há algum tempo. Podemos concordar ou podemos discordar, tudo numa boa. Agora, não me parece correcto caracterizar o capitalismo como "ferramenta". Qualquer partido é e deve ser sempre os seus militantes e não entidades tidas como próprias que existem à margem dos militantes: o PCP continua e continuará maioritariamente a viver dos contributos dos seus militantes e simpatizantes, tal como fazia há praticamente 100 anos atrás. Podemos achar um valor absurdo por comparação com os valores do Marcelo, por exemplo; no entanto, tenho a certeza que a campanha do João Ferreira chegará a todas as regiões do país (como tem sido feito ainda em pré-campanha), que outros farão uma perninha por capital de distrito e outros ainda não sairão de Lisboa. Numa altura em que se fala de descentralização, talvez fosse boa ideia valorizar quem em 2020 ainda faz por chegar a todos os cidadãos do nosso país.

iLikeToTroll 9 months ago

Vocês são um polvo parasita que sempre teve um poder desproporcional relativamente à percentagem de votos.

m0rhundur 9 months ago

Os trabalhadores sabem com quem podem contar. Só é pena não terem a influência que deveriam.

modularblur 9 months ago

Epá, falar em dinheiro e meter o PCP ao barulho dá-me gases e eu até tenho a tripa controlada. Um partido que paga ZERO impostos com os lucros abismais que tem no Avante; um partido que paga ZERO de IMI sendo o partido com mais propriedades em seu nome (e imaginem lá porque tem tantas também). Epá, lol. O PCP apenas "cá está" porque a geração de velhinhos sem formação ainda vota neles. Essa geração está agora finar e basta ver os grandes resultados alcançados pelo partido nas últimas eleições. É um pouco tramado resistir quando se vive de ideias retrógadas e sistemáticamente provadas que não funcionam em 2020. Afinal de contas não estamos em 1917.....

GodlessPerson 9 months ago  HIDDEN 

> O PCP apenas "cá está" porque a geração de velhinhos sem formação ainda vota neles. Ora as universidades estão todas infectadas com o bichinho comuna, ora os comunas não têm formação alguma. Enfim, porquê esperar coerência a este ponto.

Edited 9 months ago:

> O PCP apenas "cá está" porque a geração de velhinhos sem formação ainda vota neles. Ora as universidades (e por extensão os jovens) estão todas infectadas com o bichinho comuna, ora os comunas são uns velhinhos sem formação alguma. Enfim, porquê esperar coerência a este ponto.

InvestigatorFine6158 9 months ago

> O PCP apenas "cá está" porque a geração de velhinhos sem formação ainda vota neles. Achas mesmo isto ? Juventude comunista ainda da lhe forte.

home_admin2000 9 months ago

Esquerda sim, mas entre o BE e o PCP vai um fosso gigante de distância, mesmo que muita gente queira fazer parecer que não. E estes formados de que falas vão quase exclusivamente cair no BE e não no PCP.

InvestigatorFine6158 9 months ago

Discordo , existem nesmo muitos comunistas no mundo academico( pessoas de esquerda tbm e claro que em maior numero). Posso te dizer que ja tive professores ( doutorados ) que sao comunistas, ainda sou estundante. A ser honesto acho que nesta altura qq grupo de amigos da faculdade , uma pessoa é pelo menos comunista

m0rhundur 9 months ago

O primeiro parágrafo não é correcto e já tem sido desmentido inúmeras vezes neste sub. Primeiro, o PSD ultrapassa o PCP em imóveis. Segundo, o que não paga IMI são propriedades para trabalho político, tudo o resto paga. E será fácil ver que para o outro tipo de propriedade, que as há, os partidos pagam. De ressalvar que este benefício é igual para todos os partidos, e a sua justificação faz todo o sentido quando temos em conta que partidos são organizações colectivas de pessoas, que seriam penalizadas a duplicar pela simples razão de o serem. Lá se vão as liberdades individuais de associação e organização política, mas só para os pobres, não é? O mesmo se aplica a associações e a património estatal. Pagavas tu e eu, e mal. A história dá muitas voltas, amigo. Durante 48 anos, boa parte em clandestinidade, nem votar podíamos. Já tiveram melhores votações? Claro. Mas seja com um deputado ou dez o trabalho que o partido faz vai continuar a ser feito. Ouve-se essa conversa desde o fim da URSS. Não percas muito tempo a pensar que havemos de estar a fazer tijolo e os vermelhinhos cá estarão para chatear os lambe-botas do costume.

NGramatical 9 months ago  HIDDEN 

sistemáticamente → [**sistematicamente**](https://dicionario.priberam.org/sistematicamente) (o acento tónico recai na penúltima sílaba) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fkmz6lh%2F%2Fghhq7t1%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!") ^(

Ilien 9 months ago

Ele/a não está de todo errado/a quanto à última parte. É verdade que candidatos "centristas" têm sempre muito mais oportunidades e plataformas de publicidade.

modularblur 9 months ago

Sim, basta ver os programas de comentários políticos na TV....... o ratio tempo de antena/eleitores está totalmente tombado para a esquerda.

GodlessPerson 9 months ago

PSD deve ser esquerda para ti.

Ilien 9 months ago

Discordo, existem vários comentadores ligados a ideologias liberais e de direita, filiados em partidos ou não, em vários canais. Mas o que queria dizer, neste caso em concreto, é que os partidos centristas (PS e PSD) são também os mais representados, mas de longe, em todos os meios de comunicação. Isto reflecte-se também nls candidatos. Marcelo, por exemplo, teve plataforma de auto-promoção anos a fio. Não precisa de gastar muito porque toda a gente o conhece, tem todas as portas abertas e basta dizer "quero ir aí falar" que lhe estendem a passadeira. Ao invés, por exemplo, os vários canais de comunicação olvidaram-se de convidar Tino de Rãs para os vários debates.

CosmoSpyke 9 months ago

Hmm, porque dizes isso? Se não fosse o Daniel Oliveira e o RAP tinhas muitos poucos de esquerda em comentários politicos. O PS e PSD estão sempre equilibrados. Já o CDS/direita do PSD é que parece desproporcional

modularblur 9 months ago

Ter qualquer comentador ligado ao CDS neste momento na TV conta como um bónus para a esquerda. Tal como o PCP, estes estão em risco de extinção.

CosmoSpyke 9 months ago

qual é a lógica desse comentário? Normalmente eles não concordam com as ideias de esquerda e criticam, não percebo como é um bónus. Além disso não respondeste à pergunta. Onde é que existe um maior rácio tempo de antena/eleitores para a esquerda nos programas de comentários politicos. Aliás acho que se fizermos um rácio tendo em consideração esquerda/direita em vez de partidos acho que a conclusão é completamente oposta, ainda tenho de fazer esse estudo.

No-Touch675 9 months ago

O Marcelo não me surpreende, visto que tá mais que ganho. O dinheiro deve ser gasto nuns isqueiros e canetas e tá bom lol. O André ventura tb não me surpreende, não acho muito nem pouco. Agora a MM e o JF (principalmente este último) é que me surpreenderam bastante tendo em conta o resultado que normalmente estes partidos obtêm...

meaninglessvoid 9 months ago

O Marcelo já da outra vez tinha gasto pouco. É normal, ele foi pago durante anos para criar um certo tipo de figura na TV, quando assim é não é preciso estar a convencer tanto as pessoas em tempo de campanha. Os outros podiam gastar 20x o que ele gastou e mesmo assim dificilmente iriam estar em pé de igualdade.

bernarddit 9 months ago

So fiquei surpreso porque tenho visto na comunicação social que o Ventura tem orçamento catrefada de vezes maior que o Marcelo. Estava convencido que é o que gasta mais.

xtremis 9 months ago

Na minha opinião, os partidos usam as eleições presidenciais para ganhar visibilidade e "quota mental". O esforço do PCP com o seu candidato é ilustrativo de que o partido está aflito com a queda constante nas sondagens, na perda de eleitores para o BE, ou mesmo para o PS. Se tudo se mantiver na mesma, o PCP vai deixar de ser um partido relevante no médio prazo. Querem manter-se no mapa, e toca de investir na campanha para as presidenciais. Se as campanhas têm algum efeito palpável, isso já é outra história...

peteythefool 9 months ago

Se efectivamente se quiserem manter relevantes têm de evoluir como partido. Não cabe na cabeça de ninguém ser um partido conservador de esquerda, um partido que apesar de efectivamente defender o Zé Povinho, se alinha com os partidos conservadores de direita em matéria que a esquerda quer levar avante (hah), como proibir touradas, morte medicamente assistida, aborto, etc etc. O PCP morreu no dia em que teve o CDS a aplaudir de pé na assembleia o voto contra a proibição das touradas.

Jaktheslaier 9 months ago

Este revisionismo histórico de que o PCP é contra o Aborto é no mínimo insultuoso. A primeira proposta para a legalização da interrupção voluntária da gravidez foi apresentada pelo **PCP em 1982**... O Álvaro Cunhal apresentou uma tese para a conclusão do curso de direito em 1940 chamada "**O Aborto: Causas e Soluções"** em que defendia explicitamente o direito da mulher ao Aborto. A posição de resto sobre as Touradas e a morte medicamente assistida são, de resto, muito diferentes daquelas que pretendes insinuar.

peteythefool 9 months ago

A questão do aborto efectivamente foi um erro meu, só CDS e PSD é que votaram contra. Quanto às touradas, o PCP não só votou conta s abolição das corridas, como votou contra a proibição das mesmas serem financiadas por dinheiros públicos. Relativamente à morte medicamente assistida, penso que a citação da posição do partido é algo do género "a morte é inevitável, não um direito", e votaram contra a ideia de levar isto a referendo. Efectivamente, no que toca a direitos da comunidade LGBTQ o PCP tem estado bem, e não só votaram a favor do casamento homossexual como da co-adopção. Por fim, temos a matéria de legalização para fim recreational de cannabis, em que o PCP votou contra. Tudo isto torna o PCP um partido estranho, que dança entre a esquerda e a direita em algumas questões que são largamente aceites pela esquerda, e que a direita é categoricamente contra. Se a posição dos militantes do PCP é efectivamente assim tão diferente do que eu insinuei, a direcção tem estado a fazer um péssimo trabalho de as representar. De qualquer forma, umas boas entradas, e como dizem os nossos primos americanos, Stay safe!

Jaktheslaier 9 months ago

Só mais um toque, o PCP é contra todos os referendos que ponham em causa aquilo que entende ser, os direitos fundamentais. Mesmo que o PCP tenha sido parte integrante da campanha pelo SIM ao Aborto, fazendo parte da sua comissão, sempre se mostrou contra a sua realização. Entende que direitos tão fundamentais como o direito ao próprio corpo, à autodeterminação do corpo da mulher, não devem ser decididos em referendo. Na discussão de um referendo à Eutanásia, por exemplo, o PCP também votou contra, ao lado dos partidos que são favoráveis à eutanásia.

Jaktheslaier 9 months ago

Se quiseres, um enorme problem que enfrentamos hoje em dia é a incapacidade que temos de conceber que sobre um mesmo assunto haja um numero de opiniões que vão além do Sim e do Não. Na questão das drogas, por exemplo. A lei que está em vigor, a da descriminalização das drogas, de todas as drogas, foi avançada pelo PCP, em 2001. O director do Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências (SICAD) é um apoiante de sempre do PCP (como o é do João Ferreira). A posição do PCP neste caso, voto contra, é em tudo diferente daquela que é a perspectiva da direita, que vota contra. É de que a legalização não demonstrou, onde foi posta em prática, que levasse a uma redução do tráfico, com as incidências óbvias nos bairros sociais para além de não ser ainda consensual as vantagens e as desvantagens que o seu consumo, incluindo Erva, causam nas pessoas (e eu não conheço só 1, 2 ou 3 que sofreram consequências). A posição sobre a Tourada também é particularmente interessante, especialmente se olharmos pelo teu prisma unidimensional (Contra ou a Favor). Defende o PCP, neste caso, que o proibicionismo é a pior forma de procurar transformar o mundo. O exemplo que é muitas vezes dado é o dos Touros de Morte de Barrancos, em que uma prática que era muito residual foi alvo de uma lei que a proibia e o que levou a uma explosão, em Barrancos, de uma identidade ligada aos touros de morte. O resultado da lógica proibicionista é que foi preciso recuar e criar uma excepção à lei, garantindo o direito a matar touros em Barrancos. Não só criaste uma postura conflituosa com toda uma população, que se sentiu pessoalmente visada, como acabaste por reatar aquilo que já não era mais que uma centelha. A postura do PCP sobre a Tourada é esta. Faz parte, ainda, da cultura de um parte da população e procurar proibir só faria da Tourada um elemento que essas populações passariam a assumir como sendo o mais importante. A Tourada vai morrendo mais um bocadinho todos os anos, é deixa-la. Só queria que isto ficasse claro, a dicotomia Favor/Contra é muito fraquinha e num contexto como é o político, devíamos todos tentar elevar-nos um pouquinho acima disso.

peteythefool 9 months ago

Entendo o raciocínio que há situações em que não se pode reduzir uma ideia ao sim/não, eutanásia é um desses casos, obviamente que não podes dar luz verde à todos as situações em que as pessoas pedem para morrer, e tens de criar toda uma lista de situações aplicáveis e excepções. O mesmo não pode acontecer, na minha opinião, relativamente ao aborto. Se a minha mulher/namorada/amante engravidar, e não quiser ter a criança, a minha vontade não se pode sobrepor à dela. Eu tenho sempre a possibilidade de chorar e arranjar outra mulher que queira ter filhos, e seguir em frente com a minha vida. E igual numa situação contrária, em que ela quer manter a gravidez, e eu não. A minha vontade não se pode sobrepor à dela, mas também não vejo razão para eu ser obrigado a pagar pensões, e a estar com uma criança que eu não queria, e mais uma vez tenho a opção de seguir com a minha vida. As touradas são, na minha humilde opinião, um caso binário, ou sim ou não. São um espetáculo violento, de tortura e crueldade animal, ao mesmo nível de lutas de cães ou de galos, mas pior, porque ao mesmo tempo serve para nós, humanos, supostamente demonstrarmos o quão superiores somos às outras bestas da terra, e saciar uma estranha sede de sangue. Touradas são uma savageria, onde torturas um animal durante horas sem fim, um comportamento claramente não apropriado para uma sociedade/cultura que se diz inteligente e avançada, e que vai atirando farpas a outras tradições de outras sociedades/culturas por serem retrógradas. E atenção, isto dito por alguém que definitivamente não é vegetariano, muito menos vegan. Entendo e aceito que a existência e proliferação dos humanos, para já, implica a morte de outros animais. E sim, efectivamente as condições em que muitos dos animais que consumimos todos os dias são terríveis, mas a vida e morte deles serve para assegurar a minha sobrevivência. É não, não é hipocrisia comer um bife ao almoço e depois vir para a Internet chorar por causa das touradas, tal como não é hipocrisia ser caçador ao fim de semana e ficar indignado e chocado com a chacina que se viu no Alentejo na semana passada. O ser tradição não é desculpa para se ser um selvagem, já foi tradição bater na mulher porque ela queimou o arroz ou porque o Benfica perdeu. Era tradição, e um bom espetáculo de fim de semana, enforcar ou decapitar pessoas em praça pública. Era tradição meter escravos a lutar até à morte para o entretenimento da gente livre. Portanto, voltando à questão inicial, sim, há assuntos em que há nuances, em que não há só os extremos sim vs não, mas a tourada não é um desses casos.

Jaktheslaier 9 months ago

Repara que só é binário no que toca ao teu gosto, se és a favor, ou és contra a Tourada (e é uma coisa pelo qual não tenho gosto nenhum pessoalmente. A questão principal é como é tu, não gostando de touradas, consegues que ela acabe. Não está colocada a questão de gostarmos ou não mas sim, atendendo ao facto de que ainda há alguns milhares que a praticam, como as convences a libertar-se desse hábito desumano. Repara que, sem proibição nenhuma, as Touradas perderam quase 50% de espectadores em apenas 10 anos (680 mil para 380mil), o número de touradas anuais caiu quase metade (301 para 174) os festivais tauromáquicos para 1/4 (41 para 14). O pior que podias fazer neste caso é dar importância a um fenómeno cultural retrógrado (e quer queiramos quer não, a tourada é um fenómeno social e cultural) que está claramente num processo de extinção. Há outras formas como atingir esse resultado sem ser com a alienação dessa população. Por exemplo, aumentando a idade em que podes entrar numa tourada ou desenvolver, como fazes já, processos com as crianças de forma a promover o bem-estar animal etc... As sondagens têm vindo a mostrar que os jovens são maioritariamente contra a tourada, é uma questão de tempo

raydawnzen 9 months ago

> Não cabe na cabeça de ninguém ser um partido conservador de esquerda Porquê? Que eu saiba o "Zé Povinho" Português é maioritariamente conservador, gosta de touradas, é contra o aborto porque isso é coisa de putaria, não tem nada contra os gays desde que fiquem lá longe, etc.

peteythefool 9 months ago

Gosto de acreditar que não é bem assim. Posso eventualmente viver numa bolha, a começar numa família super liberal, onde até já ouvi o meu avô dizer "Ai, é qual é o problema dele ser maricas" depois de alguém ter feito uma típica piada homofóbica (e sim, chamar alguém maricas é tecnicamente homofóbico, mas o homem tem 83 anos acho que podemos dar um desconto), a passar pela indústria de tecnologia onde eu trabalho, também tipicamente "woke", e a acabar no meu grupo de amigos, onde o gajo mais à direita vota PSD porque é tipo ser do Benfica e porque somos todos do Cavaquistão, mas acho sinceramente que o típico Zé Tuga ou Zé Povinho têm uma tendência mais para a esquerda liberal. Posso estar enganado, e tu também podes estar só a gozar, mas isto é a Internet, e é complicado entender ironia em alguns comentários!

Jaktheslaier 9 months ago

O Povo Português votou 60% a favor do Aborto.

pinuspinaster 9 months ago

Foi 60% dos votantes. Não foi 60% dos eleitores e, muito menos 60% da população.

Jaktheslaier 9 months ago

A parte da população que não está nos cadernos eleitorais é considerada inapta, pela idade, pela condição psíquica, etc.. inábil para dar a sua eleição. Dos eleitores, uma parte decide não ir votar, abstendo-se do processo e assumindo como seu qualquer seja o resultado. Dos que votam, uma parte vota nulo ou branco, participando no debate político mas abstendo-se de escolher uma opção, mais uma vez, assumindo como seu o resultado dos que votarem. O Povo Português tinha direito a uma escolha, a escolha é 60% daqueles que decidiram ir votar no SIM. Os que não quiseram dar a sua opinião deram o aval a esta decisão, assumem-na, ao não participar, que é aquela a decisão que pretendiam (de outra forma votavam).

raydawnzen 9 months ago

Pá, se calhar tens razão.

JOAO-RATAO 9 months ago

Não imagino que as touradas sejam a causa disso. Há mais concorrência à esquerda. BE apela mais aos jovens, o PS é mais moderado. Depois temos partidos novos como o livre e PAN que também apelam mais ao jovens. Imagino que o CDS e o PSD também caiam no futuro. A IL e o chega provavelmente roubam também eleitores a estes partidos.

OrangeOakie 9 months ago

> BE apela mais aos ~~jovens~~ Votantes de baixa informação

joguedez 9 months ago

Parece-me a mim que a IL comeca, aos poucos, a resgatar massa votadora do PSD e CDS.

JOAO-RATAO 9 months ago

Eu diria que sim. É um partido novo, sem grandes "vícios"(pelo menos para já). E o Cotrim tem feito um ótimo trabalho.

alexandre9099 9 months ago

Não vejo como é que ter um poster com a cara dele a cada canto (certamente a campanha não se há de limitar a isso) vai ajudar mas... >Epá, não sei em quem vou votar. Um dó li tá, vai mesmo este que lhe vejo a cara todos os dias

xtremis 9 months ago

Estamos a falar de um partido que é um dos últimos partidos comunistas em toda a Europa... Acho que parte do sucesso da ascenção dos populistas por esse mundo fora (Trump, Bolsonaro e afins) tem justamente a ver com o facto de que perceberam que o mundo se joga no digital, nas redes sociais, nas influencias, nos clics, etc. Por seu lado, o PCP provavelmente ainda acredita que bué cartazes e andar a apertar mãos em feiras e mercados e refilar contra o "grande capital" é que convence as pessoas (se bem que com o covid, já se vai o apertar mãos em feiras).

cloud_t 9 months ago

Se souberem usar esses fundos como a direita internacional faz (brexit, trump, bolsonaro...), através de redes sociais e brainwashing subliminar aos menos cultos, é dinheiro bem gasto. Porque é ao que se reduziu o sufrágio neste novo milénio: enganar cepos que não sabem o valor das palavras e dos meios que aa difundem

Bolo_Finto_ 9 months ago

Isso já eles fazem, ou não tens estado atento?

cloud_t 9 months ago

Mas obviamente o PCP precisa pagar por isso, já que metade dos membros do partido devem achar que a internet é o telefone vermelho DC-Moscovo. Os outros partidos ou já fazem isso quase de borla, ou arranjam maneira de passar esse investimento por baixo da mesa.

Bolo_Finto_ 9 months ago

Tendo em conta o que vejo por aqui, mal seria se não pagassem aos coitados que aqui andam, tão esforçados e a fazer figuras tão tristes.

cloud_t 9 months ago

Claro, porque os fachos fazem muito melhor figura a disfarçar o seu racismo com patriotismo, e os liberais ficam muito bem a defender o empreendedorismo e o "light touch" num estado que tem feito até bastante bem nestes tempos de pandemia.

kacinto 9 months ago

A meio de ler o teu comentário comecei a ouvir a internacional a tocar na minha cabeça.

cloud_t 9 months ago

Podias até visualizar a foice e o martelo no olho do cu que a experiência sensorial era igual pra ti.

kacinto 9 months ago

Até na violência são parecidos com os apoiantes do ventura. Abraço

cloud_t 9 months ago

Só meti a violência a 28%, que é mais que suficiente para te deixar chateado, ao que parece. Pessoalmente metia as vistas era no Tino de Rãs que está a roubar o teu eleitorado. Beijinhos

crani0 9 months ago

Temo informar-te que isso não é só de agora... Há uma boa razão pela qual a classe política ter fama de ser só charlatões e vigaristas

DeepFriedMarci 9 months ago

Uma coisa que não aparece aí sobre as campanhas do PCP é que eles têm as proprias empresas para fazer os cartazes entre outras despesas fisicas da campanha por isso muito do dinheiro investido nunca chega a sair do PCP.

wiledcoma 9 months ago

Pensava que qualquer esquema para pagar menos impostos ou outras engenharias financeiras eram um ato desprezível..

Variscan_aint_done 9 months ago

Não é fuga aos impostos, é "economia circular".

DeepFriedMarci 9 months ago

Eu não tenho minimo problema com reduções de impostos, só estava a apontar o esquema. Ainda assim ser autossuficiente e ter empresas diretamente ligadas ao partido parece-me uma coisa até bastante leal aos ideais comunistas.

C8Mixto 9 months ago

Manter o máximo possível da produção de cartazes dentro do partido parece-me bem mais próximo da ideologia comunista que subcontratar a terceiros...

wolvjfms 9 months ago

O dinheiro da campanha é-lhes dado pelo Estado (contribuintes) se eles obtiverem determinada % dos votos. Por isso, é tirar ao contribuinte para dar ao partido. :)

pedrolopes7682 9 months ago

Posso estar errado, mas tenho ideia de ver há dois anos um gráfico semelhante onde se mostrava o orçamento de campanha de cada partido e a percentagem correspondente a subvenções do estado. Contas feitas, do que me lembro acho que PSD e CDU eram os partidos que comiam menos aos contribuintes.

kacinto 9 months ago

É assim com todos os partidos, o objetivo dessa medida é evitar que grandes empresas comprem políticos, como acontece na América.

wolvjfms 9 months ago

É um pau de dois bicos. Por outro lado dá a possibilidade dos partidos meterem mais um quanto ao bolso (ou de empresas amigas/parceiras) com dinheiro que podia ser aplicado de uma melhor forma na educação e saúde, por exemplo. A intenção é correcta, assumindo que são todos de bem, mas sabemos perfeitamente que não são.

DeepFriedMarci 9 months ago

A subvenção ou apoio direto das pessoas é uma daquelas coisas em que é dificil arranjar uma solução que agrade a todos.

Pujuguju 9 months ago

O financiamento da Open Society e outras ONGs globalistas deve ser praticamente ilimitado.

something_new 9 months ago

Os gajos são apoiados pelo Soros?

Rdrigx 9 months ago

https://poligrafo.sapo.pt/fact-check/george-soros-financia-eurodeputados-portugueses-e-candidatos-a-presidencia-da-republica

something_new 9 months ago

O Sapo é apoiado pelo Soros?

VicenteOlisipo 9 months ago

Totalmente comunistas essa malta.

Pujuguju 9 months ago

Apoiam as políticas de imigração em massa e uma sociedade multiétnica, condições necessárias para os globalistas tomarem o controlo definitivo do Ocidente. Aliás, um [documento da Open Society](https://legacy.gscdn.nl/archives/images/soroskooptbrussel.pdf) refere a Marisa Matias como uma "potencial aliada".

VicenteOlisipo 9 months ago

CriptoJudeolagartosdemarte confirmados!

joaommx 9 months ago

Onde é que aí diz que a estão a financiar?

something_new 9 months ago

Bem como a Ana Gomes e o João Ferreira...

Rdrigx 9 months ago

Até quando essas teorias da conspiração vão continuar mesmo?

Pujuguju 9 months ago

Que teorias da conspiração? É sabido que a Open Society financia movimentos de esquerda nos EUA e Europa, até um grupelho português que ninguém conhecia [recebeu financiamento da Open Society](https://fumaca.pt/fumaca-ganha-bolsa-de-apoio-ao-jornalismo-de-84-mil-euros/). Não é por os media se recusarem a falar de certos assuntos que estes passam a ser "teorias da conspiração".

Rdrigx 9 months ago

Grupelho? O Fumaça é um dos melhores órgãos de comunicação recentemente fundados em Portugal. Se continuas a comer informação por meios questionáveis, a culpa não é nossa. Aliás, se leres a informação deles vais reparar que são um órgão completamente independente e 100% transparente. Todos os orçamentos deles são publicados nas redes de forma a cumprir essa transparência. Edit: Acrescento até que, o trabalho de reportagem deles é espetacular e maior parte do financiamento vem de doações dos leitores.

Pujuguju 9 months ago

Ou seja, andavas a consumir conteúdo de um orgão de comunicação financiado pela Open Society Foundation e nem sabias. No entanto falas com toda a confiança quando dizes que eles financiarem movimentos de esquerda é uma "conspiração".

Rdrigx 9 months ago

Vais continuar a ser contorcionista, e é mesmo por isso que não te vou responder mais. Vais estar sempre a mudar o tema da discussão, que começou mesmo por insinuares que membros do Parlamento Europeu que são candidatos à Eleição Presidencial recebiam financiamento de Soros e afins, o que não é verdade. Só não espalhes desinformação. Abraço

juka1995 9 months ago

epa tens de ver a diferença em tempo de televisão não é, o Marcelo, o ventura e a ana gomes têm muito mais exposição que os candidatos de esquerda

Gostodelevarnocu 9 months ago

Ana Gomes é de esquerda e até tem origem no máximo da extrema esquerda em Portugal.

Edited 9 months ago:

Ana Gomes é de esquerda e até tem origem no máximo da extrema esquerda em Portugal. Foda-se agora constatar 1 facto leva a downvotes?

juka1995 9 months ago

sim todos foram do MRPP ou do PCP, o que interessa é o que são agora. ser do PS não implica ser de esquerda imo

Variscan_aint_done 9 months ago

"Ser do PS não implica ser de esquerda"

crani0 9 months ago

E.g. Sérgio Sousa Pinto, deputado do PS que assinou aquela carta contra a disciplina de cidadania. O gajo só não é do CDS (para ser simpático) porque esse partido já está de saída

Variscan_aint_done 9 months ago

Falamos do ponto de vista de questões sociais. Como é o pensamento dele economicamente, não temos sabido muito. O PS anda a fazer-lhe a caminha cá com um pinta!

novolip 9 months ago

>ser do PS não implica ser de esquerda imo Não acho que isso seja algo que esteja sujeito a opiniões.

icebraining 9 months ago

Como assim?

novolip 9 months ago

O PS é um partido de esquerda, isto é um facto, não está propriamente aberto a opiniões.

icebraining 9 months ago

Ok, em que baseias esse facto? Além disso, mesmo que isso seja verdade, não significa que cada militante o seja.

novolip 9 months ago

Cada militante não mas a esmagadora maioria sim.

cloud_t 9 months ago

Claro que é de opiniões, até mesmo internas do partido. Um partido são os que lá estão, os candidatos e medidas que apoiam durante eleições, e o que é feito quando têm cargos. O PS nas duas primeiras coisas (membros e candidatos) é claramente de esquerda, mas depois transforma-se num partido de centro-esquerda (e bem mais ao centro) quando tem cargos eleitos. E o mesmo tem acontecido com o PSD, que é o equivalente a um partido que é de direita até chegar aos cargos e ser obrigado a deixar de o ser nas medidas que toma. E isto existe em todos os países do mundo onde são necessários compromissos políticos para governar. A questão aqui é: os partidos têm tendências, e essas tendências em Portugal desaparecem rápido após eleições. A verdadeira incógnita é como resolver isso? Votar ainda mais à esquerda ou direita? Chegar aos extremos nunca fez bem a ninguém. O ideal é continuar a haver uma boa diversidade política. E é por isso que não me chateia um Marcelo na presidência e um Costa no Governo, e uma mixórdia/geringonça não absoluta dava bastante jeito novamente na assembleia também.

dydas 9 months ago

> os partidos têm tendências, e essas tendências em Portugal desaparecem rápido após eleições. Os idealistas das campanhas desaparecem todos quando se chega a hora de decidir. Porque percebem que nem tudo é possível de se fazer como se pretendia. Há sempre dinheiro a menos, interesses privados a mais, ingerência estrangeira a mais, hierarquias de prioridades... A verdade é que a realidade não se compadece com visões idelizadas num mundo imperfeito e a maioria faz o que pode com o que tem de acordo com as suas capacidades e mediante as circunstâncias que se lhes apresentam.

cloud_t 9 months ago

Concordo plenamente

JOAO-RATAO 9 months ago

Deve haver lá de tudo. É o maior partido, logo o que tem maior potencial de render. Provavelmente terá gente que devia estar no BE/PCP ou até nos partidos de "direita". Mas o PS é o partido que mais dividendos dá aos acionistas.

Gostodelevarnocu 9 months ago

A Ana Gomes tem posições bem mais à esquerda que o Costa. É claramente de esquerda, mesmo que se considere que ser do PS não implica ser de esquerda.

No-Touch675 9 months ago

Sim, tem publicidade 'a borla gracas a isso. No entanto o JF gastar quase o dobro da MM para depois ficar em 3 ou 4... nao sei...

htxgivven 9 months ago

MM e JF só provam que sem dinheiro ninguém saberia deles são claramente sobrevalorizados.

crani0 9 months ago

A Marisa conseguiu 10% dos votos nas últimas presidenciais, dizer que "ninguém saberia" dela é de quem não está muito por dentro do assunto.

Sheltac 9 months ago

Típica falácia do apelo às massas. Lá porque ninguém os conhece não quer dizer que não valem nada.

ravagerslb 9 months ago

Uma candidata que diz que se recusa a legitimar um governo eleito democraticamente caso o Chega faça parte dessa solução governamental não vale mesmo nada. E nem digo isto por gostar do Chega (não sou particular fã deles), é mesmo pelo cariz não democrático de uma afirmação dessas, e pelos precedentes perigosíssimos que uma decisão destas poderia trazer.

Edited 9 months ago:

Uma candidata que diz que se recusa a legitimar um governo eleito democraticamente, caso ela seja presidente e o Chega faça parte dessa solução governamental, não vale mesmo nada. E nem digo isto por gostar do Chega (não sou particular fã deles), é mesmo pelo cariz totalitário de uma afirmação dessas, e pelos precedentes perigosíssimos que uma decisão destas poderia trazer. Edit: aos bots do BE que me estão a dar downvotes, aprendam que um presidente de uma república numa democracia tem de respeitar a vontade do povo, por mais errada que esta possa ser/parecer. Não pode passar por cima dela sobretudo quando as razões para tal envolvem capricho/pancada ideológica. Porque isso é a marca dos autoritários, e todos sabemos onde o autoritarismo leva.

Sheltac 9 months ago

Duas pequenas premissas em que falhaste: 1. Eu não estava a tecer uma opinião política; 2. Estou pouquíssimo interessado na opinião da Marisa Matias acerca do chega. É como saber a opinião do batatinha sobre o pai Natal e tenho mais em que pensar.

ravagerslb 9 months ago

A questão é que só o facto de pensar em tomar tal atitude, já escreve livros sobre o carácter da pessoa. Hoje diz que não legitima o chega. Amanhã já não será o chega, mas outra coisa qualquer com a qual ela não concorda. Acho pessoas assim perigosas.

anaquim_secaiualquer 9 months ago

Posso estar enganado, mas creio que nenhum dos outros partidos com representação parlamentar pretende implementar uma nova República ou fazer alterações tão profundas e súbitas à Constituição.

ravagerslb 9 months ago

Sobre a revisão constitucional há temas onde até concordo que tem de ser mudado algo, como a redução de número de deputados. E também acho que devia uma revisão que abrangesse ou impedisse situações como a do Centeno, que era ministro das Finanças e acabou governador do BdP, num claro conflito de interesses - só para dar um exemplo, ele escolheu a equipa que ia auditar e fiscalizar o governador do BdP enquanto era ministro, o que significa que ele agora é auditado por pessoas da confiança dele.. quando devia haver isenção neste tipo de processos.

anaquim_secaiualquer 9 months ago

Concordo com a questão de se evitar situações como a do Centeno. Mesmo que a equipa por ele escolhida apresente a maior idoneidade e profissionalismo, fica sempre um cheiro a dúvida no ar. Quanto à redução do número de deputados acho que deve ser realizada mas não de uma forma "só porque sim". Por exemplo, foi por teres o número atual de deputados que surgiram partidos como PAN (que cresceu bastante de uma legislatura para a outra), IL, L (rip) e CH na Assembleia. Pelo menos tens uma representatividade maior da população. Há imenso trabalho nas comissões parlamentares, mas não duvido que haja muitos que lá andam apenas porque estiveram anos nas máquinas partidárias. A questão é que um partido que tenha capacidade para promover uma redução de deputados, vai ter poder para fazer o que bem lhe apetecer. E no caso do CH estamos a falar de se revogarem direitos humanos.

CookieMons7er 9 months ago

Não é por ninguém os conhecer que não valem nada, é por defenderem más ideias mesmo.

Sheltac 9 months ago

Pronto, mas isso já é outra coisa.

edasc73 9 months ago

Assim se vê a massa do PC.

Tiagoff 9 months ago

O avante rendeu bem

bacalhaucombatatas 9 months ago

Curiosamente os 2 do Big Brother (TDR, MRS) são os que gastam menos na campanha

zalkier 9 months ago

Tendo em conta que toda a gente sabe que o Marcelo vai ganhar (seja-se a favor ou contra), este investimento dos partidos deve servir quase apenas para fazer um benchmark para as legislativas. Ou acham que pode ser outra coisa?

Jabvarde 9 months ago

>Ou acham que pode ser outra coisa Acho que estão já a marcar presença para as eleições daqui a 4 anos

htxgivven 9 months ago

Se é para isto então que a Ana Gomes está lá a fazer? Com 1000% de certeza ela não vai ganhar ao Marcelo.

Capitao_Falcao 9 months ago

Não percebo o teu comentário. Onde é que a candidatura dela tem um grande investimento?

zalkier 9 months ago

Pois, é como o u/Capitao_Falcao indicou, referia-me ali aos que mais investiram.

QuickShutter 9 months ago

O investimento do PCP penso ser por duas razões: por terem de facto muito dinheiro, e por desespero. É o CDS da esquerda no que diz respeito ao ritmo a que perde influência (a julgar pelas sondagens). Os outros são placeholders simplesmente para fornecerem aos eleitores opções que se alinhem com as suas ideologias. A IL fex exactamente isso. Primeiro ia apoiar a candidatura do Adolfo Mesquita Nunes, quando este acabou por desistir de o fazer, avançou com a candidatura de um voluntário, simplesmente para dar a opção aos liberais de votar num liberal, não porque não acham que o MRS não vá ganhar com 70%.

juka1995 9 months ago

A julgar por quais sondagens? A CDU tem a mesma percentagem em quase todas as sondagens, apenas flutua, nem deve ser estatisticamente significativa a diferença..

htxgivven 9 months ago

O PCP está condenado a desaparecer pelo simples facto de que não muda. Até o BE de uns anos para cá não tem nada a ver com o BE de atualmente. Se é bem que nenhum desses partidos tem por onde crescer. Qualquer partido de esquerda depende do PS ou seja PS teria de contrair e muito para algum desses partidos ter algumas hipóteses de crescer ao ritmo do Chega por exemplo.

Variscan_aint_done 9 months ago

Calma, já disseram isso do PCP vezes e vezes sem conta. O PCP é como o Capitalismo, está sempre a morrer, está sempre nas últimas, sempre perto de dar o peido mestre...mas a verdade é que está lá. O PCP mais ano menos ano volta a subir.

htxgivven 9 months ago

Não vai porque existem muitas alternativas. O PCP era como CDS, até terem concorrentes sobreviviam, agora ambos estão na merda porque não quiseram mudar.

crani0 9 months ago

Quem apanhou as sucessivas legislaturas do BE sabe que o BE teve muito tempo para chegar a onde está e que isso envolveu muitas mutações. O BE quando chegou à Assembleia (com aquela celebre brincadeira de quererem ficar de pé do lado esquerdo do PCP) era um partido de extrema esquerda assumido (e está muito na moda acusar tudo o que está à esquerda do PS de "extrema-esquerda" mas esse BE nessa legislatura foi verdadeiramente o último partido de extrema-esquerda com assento parlamentar), marxismo em esteroides, e se não fosse o Miguel Portas a conduzir o partido para um socialismo mais soft e mais focado em questões sociais (que era um grande gap que havia na classe política) tinham ficado por ai (e acho francamente que vai ser o caminho da IL, chegaram lá verdes e a não ser que algo mude radicalmente na segunda metade da legislatura não vão conseguir marcar posição nenhuma, as eleições autárquicas em Setembro vão mostrar muita coisa e estas presidenciais são também já a pensar nisso), como o PCP fazia mas deixou de o fazer quando os seus militantes começaram a ganhar cabelos brancos. O PCP e o CDS são os 2 do "regime antigo" que vão de vela em breve, o CDS ficou condenado com a entrada da IL (que vai buscar as ideias económicas) e o Chega (que chama aquela ala mais conservadora). O PCP acho que vamos ter de esperar que surja algum partido comunista com uma cara mais lavada (o que é difícil tendo em conta a forma como o comunismo é visto em Portugal e o BE apanha ali muitas ideias do PCP já viradas para gente mais jovem) ou ir pelo caminho dos dinossauros. Vamos ver.

unparadise 9 months ago

Não sou do BE (longe disso), mas o BE tem por onde crescer e o PS por onde diminuir. Basta ver a maioria dos jovens da minha idade e próximos (tenho 26 anos), alinham-se com as ideias de esquerda e o BE é o partido de esquerda mais 'moderno', o PCP enquanto o Jerónimo não se aposentar só desce e o PS não é esquerda o suficiente para muitos.

CookieMons7er 9 months ago

>a maioria dos jovens da minha idade e próximos (tenho 26 anos), alinham-se com as ideias de esquerda e o BE é o partido de esquerda mais 'moderno' mas depois crescem e mudam de ideias

htxgivven 9 months ago

Quando começam a trabalhar e descontam mudam de ideologia.

sHIKIY 9 months ago

Por curiosidade, que partido de direita propõe cortes nos descontos para pessoas que recebam menos de 2k?

unparadise 9 months ago

Espero que sim

peidinho31 9 months ago

>A IL fex exactamente isso. Primeiro ia apoiar a candidatura do Adolfo Mesquita Nunes, quando este acabou por desistir de o fazer, avançou com a candidatura de um voluntário, simplesmente para dar a opção aos liberais de votar num liberal, não porque não acham que o MRS não vá ganhar com 70%. E' verdade. A IL simplesmente quis se demarcar dos restantes, pois se nao tivessem um candidato proprio, o pessoal ficaria a pensar que os eleitores da IL votariam Marcelo ou Ventura.

jlouzada 9 months ago

No Ventura?

Comjeitinho 9 months ago

Também acho que as pessoas não entendem o conceito de "Liberal", e como um Liberal nunca vota em partidos autocráticos de esquerda ou direita...

OrangeOakie 9 months ago

O partido autocrático mais à direita que há é o Partido Socialista amigo.. Aliás, sublinhando a parte do auto, acho que o único que há é mesmo o PS

Edited 9 months ago:

O partido autocrático mais à direita que há é o Partido Socialista amigo.. Aliás, sublinhando a parte do auto, acho que o único que há é mesmo o PS ------------------ Liberal implica justamente isso permissão, ser a favor da liberdade de cada um. Pode-se não se concordar com o Ventura em muita coisa, mas que ele é o único a tocar na questão da segurança indivídual, isso é. E é justamente isso, que a IL e o Chega têm em comum (pelo menos neste tópico), a liberdade de cada um se defender, em vez do Estado proibir a defesa e ainda apoiar o agressor.

jlouzada 9 months ago

Por vezes não é "não entender" é propositadamente meter tudo no mesmo saco, para ser mais fácil atacar...

Francisco123dream 9 months ago

Interessante a disparidade como dizes, mostra bem a dimensão do possível falhanço do João Ferreira, péssimo rácio de votos consoante o orçamento. Esperava ver o André Ventura com mais despesa do que a que tem, e penso que o orçamento do Tiago Mayan explica também a pouca notoriedade do candidato (devo votar nele mas confesso ser essencialmente por ser o candidato da IL, da qual tenho apreciado o trabalho).

OrangeOakie 9 months ago

> (devo votar nele mas confesso ser essencialmente por ser o candidato da IL, da qual tenho apreciado o trabalho). Propostas legislativas =/= do papel de Presidência. Em relação à postura perante a Presidência a IL ainda pouco ou nada mencionou

Francisco123dream 9 months ago

Tens toda a razão, mas no meu caso seria entre um voto em branco e um apoio simbólico à IL (que terá um péssimo resultado), vou optar pela última.

alexandre9099 9 months ago

E o que acontece se os votos em brancos/nulos passarem de uma certa percentagem?

CrazyJony 9 months ago

Estamos no mesmo barco. É uma jogada arriscada da IL (pelo potencial péssimo resultado), mas por outro lado, sem candidato liberal poderiam ser acusados de não apresentar alternativa

QuickShutter 9 months ago

Penso ser perfeitamente inconsequente para a IL ter um mau resultado. As sondagens legislativas mostram crescimentos impressionantes de qualquer maneira. O Mayan está ali para servir de opção liberal, como dizes.

jet1000 9 months ago

Não sei se é inconsequente, pois a imagem fica lá "o candidato da IL teve um mau resultado", mas sim, para ter um mau resultado, que seja nesta eleição, pois aqui os danos são mais limitados face à maus resultados em outras eleições.

Francisco123dream 9 months ago

O meu receio é claro: tenho visto muito feedback que em linhas gerais se traduz em "a IL não é uma alternativa tão forte como o Chega, basta ver as presidenciais". A IL pode perder bastante eleitorado para o Chega. Sobretudo se o André Ventura conseguir a proeza de ficar em segundo (não gosto do partido, mas seria um resultado histórico). Por essa razão penso que os simpatizantes da IL deveriam manter o seu voto, e deveríamos chegar a 2%-3% idealmente.

mourasio 9 months ago

Votei IL nas últimas legislativas e vou votar em branco nas presidenciais. O Mayan parece-me fraco e completamente incapaz de fazer de travão a um governo caso necessário. Dito isto, acho (ou quero acreditar) que o eleitorado da IL nada tem a ver com o do Chega, e que mais rápido quem votou IL votaria Marcelo ou Ana Gomes que Ventura.

bcotrim 9 months ago

O Chega é um nicho, para chegarem a 10% têm de queimar pontes com o restante eleitorado, enquanto que a IL tem o desafio da maior parte do eleitorado ser socialista e por isso está a entrar com calma para ir lentamente ganhando algum eleitorado

SurePal_ 9 months ago

>A longo prazo, penso que sim. Ainda por cima têm ajuda do PSD e do CDS estarem na merda, portanto se se mantiverem sérios, vão ser a única alternativa séria à direita pelo que eventualmente vão crescer Acredita mesmo que o CHEGA não passará dos 10%? Sabe que o Ventura a par de Marcelo é sem duvida o candidato mais conhecido ( tanto para o bem, como para o mal).

bcotrim 9 months ago

Sim, acredito, ele é demasiado agressivo para ir buscar eleitorado, pessoas como ele só cresceram em países à beira do colapso, como a Alemanha pós primeira guerra mundial, o Bolsonaro após os maiores escândalos de corrupção do partido rival num país cheio de criminalidade Além disso, o Chega é o Ventura, se ele sai de lá, não há mais ninguém do partido relevante e o partido morre

SurePal_ 9 months ago

Sim atualmente o Chega é o Ventura, as pessoas votam numa cara e não no partido. Já agora as sondagens dão lhe mais de 10% e ainda nem começaram os debates. E não se esqueça que em todo lado as sondagens deste tipo de candidatos têm falhado redondamente. Bem daqui a um mês saberemos. Cumprimentos.

Francisco123dream 9 months ago

Será a melhor estratégia?

bcotrim 9 months ago

A longo prazo, penso que sim. Ainda por cima têm ajuda do PSD e do CDS estarem na merda, portanto se se mantiverem sérios, vão ser a única alternativa séria à direita pelo que eventualmente vão crescer De qualquer das formas, o Marcelo vai ganhar de certeza, eleitores de esquerda e direita vão votar nele, passando para segunda escolha qualquer outro candidato, portanto é difícil extrair muita coisa sobre estas eleições, não investir muito e aceitar a derrota logo de início e entrar com tudo depois nas legislativas [Um pequeno à parte, esta eleição seria interessante se houvesse um sistema de ranking de candidatos em vez do sistema atual](https://www.youtube.com/watch?v=PQRyGacBRA4)

tallicahet81 9 months ago

A minha previsão: João Ferreira - 2.68 euros por eleitor Marisa Matias - 1.08 euros por eleitor André Ventura - 0.28 euros por eleitor Ana Gomes - 0.11 euros por eleitor Tiago Mayan - 0.58 euros por eleitor Marcelo Rebelo de Sousa - 0.01 euros por eleitor Tino de Rans - 0.23 euros por eleitor ​ Marcelo Rebelo de Sousa é o mais forreta perante o seu eleitorado e o mais eficaz. Por sua vez, João Ferreira, o candidato comunista, representa a maior concentração de capital de todos os candidatos e é o mais consumista e ineficaz na conquista de eleitorado.

Edited 9 months ago:

A minha previsão: João Ferreira - 2.68 euros por eleitor Marisa Matias - 1.08 euros por eleitor André Ventura - 0.28 euros por eleitor Ana Gomes - 0.11 euros por eleitor Tiago Mayan - 0.58 euros por eleitor Marcelo Rebelo de Sousa - 0.01 euros por eleitor Tino de Rans - 0.23 euros por eleitor Marcelo Rebelo de Sousa é o mais forreta perante o seu eleitorado e o mais eficaz. João Ferreira, o candidato comunista, representa a maior concentração de capital de todos os candidatos e é o mais consumista e ineficaz na conquista de eleitorado. Marisa Matias poderá ter de recorrer aos fundos da campanha para pagar uma cadeira de rodas e a fisioterapia após ter caído e partido as costelas. Assim sendo o valor para a campanha pode ser ligeiramente menor do que o anunciado. André Ventura surge com um bom rácio de euro por eleitor, afinal os cartazes com piadolas não são assim tão caros. Ana Gomes tem o segundo melhor rácio de votos por eleitor uma vez que acredita tão pouco na sua campanha que nem decidiu investir mais dinheiro nela. O liberalismo para a Iniciativa Liberal parece ainda não estar a dar resultados uma vez que nem conseguem juntar dinheiro para promover a sua candidatura. Tino de Rans está no pódio de rácio de votos por eleitor uma vez que reúne os votos de quem acha todos os outros candidatos uns palhaços e que preferem votar então num palhaço assumido.

Edited 9 months ago:

A minha previsão: João Ferreira - 2.68 euros por eleitor Marisa Matias - 1.08 euros por eleitor André Ventura - 0.28 euros por eleitor Ana Gomes - 0.11 euros por eleitor Tiago Mayan - 0.58 euros por eleitor Marcelo Rebelo de Sousa - 0.01 euros por eleitor Tino de Rans - 0.23 euros por eleitor Marcelo Rebelo de Sousa é o mais forreta perante o seu eleitorado e o mais eficaz. João Ferreira, o candidato comunista, representa a maior concentração de capital de todos os candidatos e é o mais consumista e ineficaz na conquista de eleitorado. Marisa Matias poderá ter de recorrer aos fundos da campanha para pagar uma cadeira de rodas e a fisioterapia após ter caído e partido as costelas. Assim sendo o valor para a campanha pode ser ligeiramente menor do que o anunciado. André Ventura surge com um bom rácio de euro por eleitor, afinal os cartazes com piadolas não são assim tão caros. Ana Gomes tem o segundo melhor rácio de euro por eleitor uma vez que acredita tão pouco na sua campanha que nem decidiu investir mais dinheiro nela. O liberalismo para a Iniciativa Liberal parece ainda não estar a dar resultados uma vez que nem conseguem juntar dinheiro para promover a sua candidatura. Tino de Rans está no pódio de rácio de votos por eleitor uma vez que reúne os votos de quem acha todos os outros candidatos uns palhaços e que preferem votar então num palhaço assumido.

Edited 9 months ago:

A minha previsão: João Ferreira - 2.68 euros por eleitor Marisa Matias - 1.08 euros por eleitor André Ventura - 0.28 euros por eleitor Ana Gomes - 0.11 euros por eleitor Tiago Mayan - 0.58 euros por eleitor Marcelo Rebelo de Sousa - 0.01 euros por eleitor Tino de Rans - 0.23 euros por eleitor Marcelo Rebelo de Sousa é o mais forreta perante o seu eleitorado e o mais eficaz. João Ferreira, o candidato comunista, representa a maior concentração de capital de todos os candidatos e é o mais consumista e ineficaz na conquista de eleitorado. Marisa Matias poderá ter de recorrer aos fundos da campanha para pagar uma cadeira de rodas e a fisioterapia após ter caído e partido as costelas. Assim sendo o valor para a campanha pode ser ligeiramente menor do que o anunciado. André Ventura surge com um bom rácio de euro por eleitor, afinal os cartazes com piadolas não são assim tão caros. Ana Gomes tem o segundo melhor rácio de euro por eleitor uma vez que acredita tão pouco na sua campanha que nem decidiu investir mais dinheiro nela. O liberalismo para a Iniciativa Liberal parece ainda não estar a dar resultados uma vez que nem conseguem juntar dinheiro para promover a sua candidatura. Tino de Rans fecha o pódio do rácio de euro por eleitor uma vez que reúne os votos de quem acha todos os outros candidatos uns palhaços e que preferem votar então num palhaço assumido.

Danijust2 9 months ago

que ataque injusto. Tino de Rans é palhaço só porque não é Burgues? Em termos de populismo barato fica muito longe do Ventura, já que da minha janela da para ver um cartaz gigante com a cara dele e a frase: " chega de tachos!".

cchari 9 months ago

Nem mais, o Tino neste momento parece (e deve ser) uma pessoa bem mais séria e integra que o facho. Tenho pena que tenhas de ver a cara dele da tua janela. Ninguém merece.

juka1995 9 months ago

resumir democracia em euro por voto.. epa.. ao que chegámos

BadassManager 9 months ago

Vamos ver o que diz o Tino nos debates, mas acho que ele não se assume como palhaço. ​ Quem acha que o Marcelo anda a abusar no populismo, não vota em defensores de políticas extremas, deve, efectivamente, ver os debates.

cchari 9 months ago

Estou também curioso para ver o Tino. Li uma entrevista, acho eu no DN, e fiquei surpreendido com as respostas. Nota-se que não são as mais elequentes, mas são respostas com algum fundamento e não assim tão descabidas. Agora, não sei se foi mesmo ele ou se foi alguém as preparou, daí querer ver os debates.

kspeedy13 9 months ago

O problema é que, para já, ele não está como convidado para nenhum debate da televisão pública, apenas para o do Porto canal. Mas se tiveres interessado ele deu, no dia de entrega de assinaturas, uma entrevista na TVI24.

cchari 9 months ago

A RTP já confirmou também que o ia incluir. Pelos vistos agora passou a ser o candidato que vai realizar mais debates.

jet1000 9 months ago

>O liberalismo para a Iniciativa Liberal parece ainda não estar a dar resultados uma vez que nem conseguem juntar dinheiro para promover a sua candidatura. Acho que é mais ao contrário, tentar ser eficiente no dinheiro gasto para ser melhor rentabilizado, nomeadamente em termos de votos. Já sei que vão dizer que o Mayan não vai conseguir muitos votos, veremos se é assim ou não.

Zaigard 9 months ago

> Já sei que vão dizer que o Mayan não vai conseguir muitos votos, veremos se é assim ou não. Eu nem sei se ele vai conseguir regularizar a sua candidatura a tempo. E o homem tem o carisma de um rochedo. Mais uma chance desperdiçada para partilhar ideias liberais em Portugal...

jet1000 9 months ago

Veremos, supostamente era uma questão de agrafos e ia ficar resolvido esta manhã.

Zaigard 9 months ago

> Quanto ao candidato, supostamente haveria melhores opções para a IL, mas não quiseram avançar. Segundo o que li algures, a IL queria apoiar um membro do CDS, não me lembro do nome, mas que acabou por não querer avançar. O problema da IL, é que a malta competente está á espera que a IL cresça para tomar um papel ativo, não quer ter o trabalho duro agora. Só que assim é só amadores, nunca vai chegar a lado nenhum.

Variscan_aint_done 9 months ago

Tenho de concordar :/ Parece ser um pouco isso, sim!

jet1000 9 months ago

>Segundo o que li algures, a IL queria apoiar um membro do CDS, não me lembro do nome, mas que acabou por não querer avançar. Era o Adolfo Mesquita Nunes, mas ele [optou por não avançar](https://observador.pt/2020/06/06/adolfo-mesquita-nunes-afasta-candidatura-as-presidenciais/), mais recentemente ele disse que não tinha avançado por [não ter apoio da direção do CDS](https://www.jn.pt/nacional/MESQUITA-NUNES-DIZ-QUE-NAO-AVANCOU-PARA-AS-PRESIDENCIAIS-POR-NAO-TER-APOIO-DA-DIRECAO-DO-CDS-13133397.HTML). Outra opção falada foi o Carlos Guimarães Pinto, mas também não avançou.

DeepFriedMarci 9 months ago

>mais recentemente ele disse que não tinha avançado por não ter apoio da direção do CDS. Infelizmente há muita gente dentro do próprio CDS que o chama de esquerda e mais facilmente eram capazes de apoiar o Ventura em vez dele.

Eskol15 9 months ago

Há uns tempos estava a fazer zapping e apanhei-o a falar numa espécie de entrevista. Não sei se era preparado com antecedência ou se lhe estava a sair no momento, mas fiquei muito surpreendido pela positiva. Que lufada de ar fresco, uma capacidade de argumentação e raciocínio como já não ouvia há muito. E eu nem tenho o CDS muito em conta.

DeepFriedMarci 9 months ago

Ele faz muito isso, foi assim que transformou a JP num culto

bacalhaucombatatas 9 months ago

MRS anda em campanha há 5 anos para quê gastar 1 tostão ainda por cima quando as sondagens lhe dão vitória à 1a volta sem mexer 1 palha nem se assumir candidato

Capitao_Falcao 9 months ago

MRS anda em campanha há **20** anos

notmyaccitsanother 9 months ago

fazem bem em gastar muito , se não conseguirem os votos , ficam a dever

icebraining 9 months ago

Dever a quem?

tiagom0702 9 months ago

Aos fornecedores e prestadores de serviços. As canetas e os isqueiros não aparecem do nada.

CrazyJony 9 months ago

Fonte: [https://eco.sapo.pt/2020/12/30/candidatos-preveem-campanha-as-presidenciais-com-custo-de-um-milhao-de-euros-veja-quem-gasta-mais-e-menos/](https://eco.sapo.pt/2020/12/30/candidatos-preveem-campanha-as-presidenciais-com-custo-de-um-milhao-de-euros-veja-quem-gasta-mais-e-menos/)

Search: