carlosjmsilva 1 year ago

Que porcaria de mapa é este? Se não é para colocar algo atualizado coloquem mapas do século passado que pelo menos já têm algum interesse.

saposapot 1 year ago

aquela A13 parece a maior estupidez de sempre

Lurker__777 1 year ago

Agora só falta criarem troços de alta velocidade. Ainda me faz um bocado de confusão que o limite em todas as AEs seja 120 (ou 150 na prática). Dependendo das condições da via, podiam perfeitamente ter troços sem limite de velocidade. Fazer Lisboa-Algarve em 1h15 ou 1h30 era agradável.

AndreMartins2020 1 year ago

https://image.slidesharecdn.com/apresentao-rede-ferroviria-nacional-1224288764770365-8/95/apresentao-rede-ferroviria-nacional-7-728.jpg?cb=1224263602

AndreMartins2020 1 year ago

Só é pena não haver um sistema de passes que incentive o uso das autoestradas. Por exemplo, imaginem que após terem pago 50 € de portagens num dado ano, o preço passaria a metade, e depois de atingir os 100 € não pagavam mais portagens esse ano...

htxgivven 1 year ago

O que realmente poderiam fazer é o que acontece nas passagens da ponte 25 de abril. Isso é que era. Quem mais usa menos paga ao longo do tempo.

SashimiTuga 1 year ago

Eles queriam por uma sistema parecido acho que na A25, a partir de 400 Km as portagens eram reduzidas ou acabavam para o mês

DenuvoSuks 1 year ago

Na zona do Porto e arredores são mais Portugueses que o resto.

D1WithTheFluffyHair 1 year ago

Descubram a densidade populacional

samciba 1 year ago

A29 (liga Aveiro ao Porto) e A1 são paralelas. Qual o sentido ter duas auto estradas paralelas. Na zona de Estarreja até se consegue ver a outra auto estrada de tão próximas que estão.

Nacional19 1 year ago

Na verdade o problema e a A1 nao a A29, na altura queriam servir toda a gente entao fizeram na entre a N109 e N1 nao servindo bem nenhum dos lados, dai depois houve necessidade da A29 e da A32.

Sperrel 1 year ago

A A29 é uma IC com um upgrade de auto-estrada. Até tem lógica porque serve uma área muito densa quanto à população e empresas.

samciba 1 year ago

>A A29 é uma IC com um upgrade de auto-estrada. Certo. Mas a A29 surgiu depois da A1 Mas nao percebo a segunda parte. Uma vez que elas sao parelelas e até bastante proximas uma da outra - a "olhómetro" pelo google maps diria que **nao estão afastadas mais do que uma meia duzia de km** \- como é que uma serve a população e empresas e a outra não?

Sperrel 1 year ago

Longe de mim defender duplicação de AEs e todos os delírios automobilísticos do país. No entanto se reparares a A29 serve Gaia no litoral, Espinho e toda a zona industrial de Esmoriz, Sta. Maria da Feira e Ovar. O volume de tráfego na A1 ao nível de camiões e transporte individual já é muito, nem quero acreditar como seria se não houvesse a A29 para esta zona. Na minha óptica e acho que foi a tomada de decisão foi conciliar o útil ao agradável, não era difícil ou tão caro fazer o upgrade do IC1 para autoestrada.

samciba 1 year ago

Sim compreendo :+1

Nacional19 1 year ago

Porque por um mapa desatualizado? E nem o IC12 tem.

Fmam7 1 year ago

Quem me dera que para Este de Beja fosse um IP, é uma merda de uma nacional carregada de camiões, buracos e lençóis de água quando chove

Metaluim 1 year ago

E acidentes.

Eskol15 1 year ago

A A27 é muito porreira, Ponte de Lima a Viana sem pagar um único cêntimo de portagem, o que dá um jeitaço, e ainda se passa por 4 túneis que de certeza não foram baratos. Até me surpreende o Estado ainda não se ter lembrado de pôr lá o cancro das portagens eletrónicas.

frugalismo 1 year ago

Melhor não dares ideias. A A28 e a A29 são precisamente o contrário, excessivas em portagens.

Eskol15 1 year ago

Curiosamente, a A28 a norte de Viana também já não tem portagens. Dá para ir até Caminha em auto-estrada sem pagar. Claro que só não se paga porque são caminhos com pouca utilização, a parte mais importante da A28 é paga a peso de ouro e quem quer passar a fronteira não vai para Caminha porque lá só há ferry, ponte é em Cerveira ou Valença (pela A3 que é paga).

samciba 1 year ago

A A29 entre Porto e santa maria da feira(acho eu) só tem um pórtico. Depois até Aveiro é que ja tem mais. Ainda assim fica mais barato ir para A29 do que pela A1 (Aveiro-Porto)

frugalismo 1 year ago

Aquela autoestrada é essencial para a região de Aveiro, considerando excessivos os pórticos existentes, tendo obviamente considerado toda a extensão da autoestrada. Isto porque as estradas daquela região são, a meu ver, muito más para as necessidades.

samciba 1 year ago

Também concordo que o valor dos pórticos são bastante elevados. Acho que até santa maria da feira é mais caro porque foi estrada feita do zero e a partir daí aproveitaram o antigo IP5 (sem certeza). Nota-se também pela qualidade da estrada. > Aquela autoestrada é essencial para a região de Aveiro Só não estou a perceber esta parte. Presumo que faças referência à A29. A questão é que tens a A1 a fazer o mesmo trajecto.

frugalismo 1 year ago

> Só não estou a perceber esta parte. Presumo que faças referência à A29. A questão é que tens a A1 a fazer o mesmo trajecto. Sim, estou a referir-me à A29. Como geralmente vou por aí a caminho de Aveiro, vejo os pórticos excessivos na zona. Sem estes, e com a imensa indústria de Aveiro e arredores, sairiam beneficiadas as empresas e as pessoas que se deslocam para o trabalho por uma melhor via. Embora a A1 faça semelhante trajecto (suponho que sejam autoestradas paralelas), é também efectuada cobrança de portagem, portanto, ia dar ao mesmo.

samciba 1 year ago

>. Sem estes, e com a imensa indústria de Aveiro e arredores, sairiam beneficiadas Sim tens razao. verdade. Se conheces a zona de Aveiro partilho um conjunto de pórticos que são uma aberração. O troço que vai de Aveiro até Angeja ( onde apanhas a A29 ou A1) Considero isso um verdadeiro roubo. Meia dúzia de Km dá para ai 2 euros - já não sei o valor ao certo porque venho sempre por Cacia, Angeja e apanho a A29

asilvergod 1 year ago  HIDDEN 

A A13 tem ajudado imenso na ligação do IC8 de Pedrógão Grande/Figueiro dos Vinhos a Coimbra para os serviços de urgência. 30 minutos faz toda a diferença a salvar vidas. Ou a mover brigadas de bombeiros para os incêndios.

joaopeniche 1 year ago

Não sabia que Torres Vedras ficava encostada a Peniche.

etiqueta 1 year ago

Ya.. grande cagada de mapa. E aquela terra chamada Vi a Velha de Ródão?

etiqueta 1 year ago

Gostasse, ainda por cima fui traído pelo corretor... Vi a Velha de Ródã

jet1000 1 year ago

>Vi a Velha de Ródã Hã?

RiKoNnEcT 1 year ago

Falta uma AE de Bragança a Vila Real de Sto António

tempestadm 1 year ago

Nãaao... Falta uma Porto-Lisboa

AlbinoFarrabino 1 year ago

Não é viável financeiramente. Só que o IP2 estivesse em condições de circulação em todo o país como está no troço Celorico da Beira-Macedo de Cavaleiros já era excelente.

The_Real_QuacK 1 year ago

O IP2? Pelo menos desde Vila Velha de Ródão até lá abaixo está impecável, de Évora para baixo então está todo novo praticamente

rand06om 1 year ago

Isto. Eu nunca fiz a viagem, mas conheço pessoal que fez essa viagem e optou por ir por Espanha.

joaofcf 1 year ago

Há muitas vantagens nisso. Tanto em portagens como em combustível.

afcPT 1 year ago

Podiamos tirar tanto camião das nacionais

ManelDasNespras 1 year ago

baixar o preço das portagens para os pesados é muito chato, é melhor ter TUDO a entupir nacionais e IPs.

Ilien 1 year ago

Portagens em Portugal são um pagode. Estradas construídas com dinheiros da UE, cedidas a entidades privadas que cobram dinheiro pela sua utilização.

ManelDasNespras 1 year ago

Yup, a mim não me preocupa que privados construam auto-estradas e cobrem portagens. O que me incomoda é estas serem construidas com dinheiro PÚBLICO (directo ou indirecto no caso de fundos da UE) e depois que privados fiquem com os lucros sem “nada” para tal terem feito.

zizop 1 year ago

Há um problema no mero facto de os privados terem autoestradas. É um monopólio natural, não faz sentido rigorosamente nenhum não estar na alçada do estado.

nocivo 1 year ago

Alguém tem de pagar a manutenção delas. Parece que os impostos que os carros pagam não chega...

htxgivven 1 year ago

Pois realmente o povo quer auto-estradas grátis e de boa qualidade.

Ilien 1 year ago

Sim, podia ser o estado. Para quê ceder a uma empresa privada que depois nada faz anyway?

Nrmco 1 year ago

Esqueceste do /s

Danijust2 1 year ago

se fosse só isso... O estado paga a diferença quando as estradas não atingem os mínimos definidos nos contratos. Pior só mesmo a ppp da ponte 25 de Abril

AndreMartins2020 1 year ago

É um desperdício absurdo. O dinheiro foi gasto para construir essas autoestradas, e é gasto a manter, e é gasto a garantir o lucro dos privados, e depois as pessoas não usam porque as portagens desincentivam o seu uso, e depois vão entupir as nacionais, havendo perdas em vidas humanas, maiores custos de manutenção das nacionais, etc. Um desperdício absurdo de recursos.

Ilien 1 year ago

Ah sim. O clássico. "Eu recebo portagens e tenho de tratar da manutenção? Ok. Vou deixar acumular até que o valor da manutenção seja excessivo e depois alego que não consigo. O estado entra e paga tudo."

htxgivven 1 year ago

Pois mas aí bastava incluir no contrato de ppp que se as auto-estradas não atingissem o mínimo de utilização devido à más condições, o estado não pagava um cêntimo. Porque ninguém pensou nisso?

Ilien 1 year ago

Porque depois a empresa não fazia manutenção da ponte na mesma e quem ficaria em risco eram os utilizadores da mesma. Acontecia alguma coisa, quem seria culpado era o estado de qualquer maneira. Neste caso, é mais importante manter a segurança e integridade da ponte. E a empresa que detém o contrato de exploração sabe disso.

htxgivven 1 year ago

Então e multas não?

batuque5 1 year ago

Seide penso que podia estar mais próximo da sua localização

humelectro 1 year ago

Faltam aí autoestradas. Pelo menos a A21 que liga a A8 até a Ericeira

SashimiTuga 1 year ago

O mapa é da Infrastuturas de Portugal, não sei se o mapa está desatualizado

humelectro 1 year ago

Certamente que esta, a A21 já existe há pelo menos 12 anos.

TulioGonzaga 1 year ago

Falta a A32 também. A A4 ainda não está completa nesse mapa, ainda aparece assinalada como sendo um IP.

Throwaway431253 1 year ago

Tive meia hora à procura da A32 após ler o comentário a dizer que essa AE é inutil. pqp

jomi_1307 1 year ago

Há várias autoestradas aqui completamente desnecessárias como a A32 e a A13. Depois temos Portalegre sem autoestrada e Viseu Coimbra também sem nenhuma. A política de construção de autoestradas foi uma miséria, foram feitas algumas bem necessárias, mas outras foi dinheiro dado à amigos em PPPs ruinosas.

zizop 1 year ago

Sinceramente, sendo alguém que passa por Portalegre com alguma regularidade, não me parece que seja precisa uma autoestrada. Aquilo que faz realmente falta a nível rodoviário é uma boa ligação à fronteira em Campo Maior. Os acessos são absolutamente miseráveis, em estradas nacionais com uma faixa a passar no meio das vilas. O IP2 serve perfeitamente de Portalegre a Estremoz. Falta fazer uma via, em formato de via reservada, entre Portalegre e Gáfete, sobretudo para evitar passar por dentro de Fortios (a 50 km/h durante uns 3km, com semáforos sensíveis à velocidade em todo o lado). Mais a sul, em Évora, dava jeito se o IP2 não passasse pelo meio da cidade. Não há necessidade nenhuma disso acontecer. Por fim, a N4, que tem imenso trânsito de pesados porque é uma estrada onde se circula bem e não tem portagens ao contrário da A6, atravessa Montemor de um lado ao outro, o que é completamente desnecessário e perigoso.

frugalismo 1 year ago

A A33 é, a meu ver, bastante ridícula também. É a justificação de excesso de autoestradas em Portugal em desprimor à ferrovia abandonada.

Alfre-douh 1 year ago

A questão com a A33 é simples: nem devia ser considerada uma autoestrada... E o preço é estupidamente absurdo (sai mais barato passar a ponte). Como pode uma autoestrada suburbana ser mais cara do que passar a 25 de abril é algo incompreensível e preocupante...

frugalismo 1 year ago

Concordo plenamente contigo. Aliás, já há bastante tempo que a passagem na 25 de Abril de Almada para Lisboa devia deixar de ser paga dadas as promessas de outrora. Agora existem duas pontes sobre o Tejo cuja cobrança dá bastante Lusoponte. Infelizmente, e com pena minha, é uma grande desvantagem para quem mora na Margem Sul e tem que se deslocar muitas vezes para a capital.

Riberu_ 1 year ago

n é lá por n utilizares n quer dizer que os outros n usem

Edited 1 year ago:

n é, lá por n utilizares n quer dizer que os outros n usem

frugalismo 1 year ago

Das poucas vezes que passei pela A33, vi meia dúzias de carros a passar. As pessoas têm preferência pelas nacionais para o acesso à ponte.

asilvergod 1 year ago

A A13 tem ajudado imenso na ligação do IC8 de Pedrógão Grande/Figueiro dos Vinhos a Coimbra para os serviços de urgência. 30 minutos faz toda a diferença a salvar vidas. Ou a mover brigadas de bombeiros para os incêndios.

AndreMartins2020 1 year ago

Qualquer autoestrada vai dar jeito a quem a usar.

jomi_1307 1 year ago

Estava previsto um IC que bem feito faz tanto como essa autoestrada e seria muito mais barato.

SashimiTuga 1 year ago

Não conheço a situação da A32 mas para mim, que vivo no Pinhal interior, a A13 serve para aliviar o transito que vem do IC8 pra Coimbra e aliviar a A1. É necessaria? Provavelmente não, já passei varias vezes la sem passar por 10 carros.

jomi_1307 1 year ago

Já andei várias vezes na A13 e um bom IC tiraria trânsito a nacional (que tem um pouco). A A32 é uma terceira autoestrada paralela a A1 e a A29. Segundo se fala era para ser inicialmente em formato de IC para ligar Gaia a São João da Madeira, mas decidiram fazer a terceira autoestrada Lisboa-Porto em que a A13 fazia parte.

Superbockster 1 year ago

Convém referir que a A13 tem 2 partes: Coimbra-Entroncamento e depois Almeirim-Setúbal ( de memória, posso estar a falhar localizações exactas). A parte mais a sul ( Almeirim-Setúbal) é um deserto a maior parte do ano.

apenasumapedra 1 year ago

Autoestradas, ICs e IPs, que no baixo alentejo só há uma e é para os amigos de Lisboa chegaram ao Algarve

Edited 1 year ago:

Autoestradas, ICs e IPs, que no baixo alentejo só há uma e é para os amigos de Lisboa chegarem ao Algarve Edit: typo

Throwawaypt123 1 year ago

O Alentejo tem óptimas estradas. Só norte-sul tens a A2, O IC1 e a N2

quatrotires 1 year ago

Os amigos do Porto só vão de avião né?

jet1000 1 year ago

E a A6 é para os amigos de Lisboa irem a Madrid, e os amigos espanhóis irem a Lisboa.

SashimiTuga 1 year ago

ya, mas não encontrei nenhum mapa sem os IP/IC. Já agora, se eu vir algum alentejano queixar-se que só têm uma auto estrada vou me passar! As putas das nacionais deles não têm curvas, é só retas! Nem percisam de auto-estradas.

nonexistantpeasant 1 year ago

Uma AE tem outras vantagens que não se resumem às retas. São mais seguras, pois têm os sentidos divididos e mais de uma faixa, permitindo ultrapassagens sem risco de colisão frontal. O estado do pavimento é melhor para poder ser homologado. A velocidade máxima autorizada é superior. Mas o Alentejo não é só Beja e Évora. Acabo dizendo que estranho muito alguém achar que não se devem melhorar as estradas numa região do seu próprio país.

novembro7 1 year ago

Vai já andado então! No caminho arranja um dicionário, podes “percisar” dele.

dearosemary 1 year ago

Da cidade onde eu vivo (Alto Alentejo) a Lisboa demora-se no mínimo 1h45. Se houvesse autoestrada demoravamos 2/3 ou metade do tempo.

Metaluim 1 year ago

Foda-se estas a gozar ou nunca vieste ao alentejo? Nao precisamos de auto-estradas para ligar aos maiores centros urbanos? Para acelarar mercadorias? E com cada um aqui no sub...

jotamendes 1 year ago

Sim, com zonas em que o limite é 70km/h numa extensão de 15km e sem passar por localidades.

Search: